Você está na página 1de 18

PROVA INTEGRADA – TIPO A – 1ª SÉRIE-EM - 2º BIMESTRE/2017

CORPO DE BOMBEIROS MILITAR DO DISTRITO FEDERAL


CENTRO DE ORIENTAÇÃO E SUPERVISÃO DO ENSINO ASSISTENCIAL
COLÉGIO MILITAR DOM PEDRO II

PROVA
CADERNO - MUNDO TIPO - A

Aluno (a): __________________________1ª Série ____ Data: 03/06/2017

LEIA COM ATENÇÃO AS INSTRUÇÕES ABAIXO:

1 Esta Prova Integrada tem o valor de cinco pontos para as seguintes áreas: Artes (Visuais e Música), Língua Espanhola e
Língua Inglesa. E tem o valor de três pontos para as seguintes áreas: Biologia, Filosofia, Física, Geografia, História,
Matemática, Língua Portuguesa, Química e Redação (em caderno à parte);
2 Observe atentamente o TIPO de sua prova: A ou B, para correto preenchimento do cartão resposta;
3 Caso esta prova esteja incompleta ou tenha qualquer defeito, solicite outra ao fiscal de sala;
4 Este caderno contém itens dos tipos A (questões de 1 a 80 e valem 0,025), do tipo B (questões de 98 a 100 e valem 0,067) e
do tipo C (questões 81 a 97 e valem 0,047);
5 O cartão de respostas deve ser preenchido apenas com caneta esferográfica de tinta preta;
6 Nos itens do tipo A, deve-se marcar no cartão de respostas o campo designado com o código C, caso julgue o item CERTO; ou
o campo designado com o código E, caso julgue o item ERRADO;
7 Nos itens do tipo B, marque o algarismo das CENTENAS na linha C; o algarismo das DEZENAS na linha D e o algarismo das
UNIDADES na linha U. Os algarismos das CENTENAS e das DEZENAS devem ser marcados, mesmo que sejam iguais a zero;
8 Os itens do tipo C são de múltipla escolha e possuem APENAS UMA ÚNICA alternativa a ser marcada em campo apropriado;
9 Durante o horário de prova os únicos materiais que o (a) aluno (a) pode ter em sua carteira são: lápis, caneta e borracha. Não é
permitido o empréstimo de tais materiais e é vedado o uso de corretores, estojos e similares;
10 Durante a prova, não se comunique com outros alunos, nem se levante sem autorização do fiscal de sala;
11 O fardamento deve estar de acordo com as normas vigentes da escola. Não é permitido manter japona ou agasalho sobre a
mesa, carteira, cadeira ou sobre as pernas;
12 A prova será recolhida e receberá ZERO no caso de:
 O (a) aluno (a) usar cadernos, livros ou anotações em qualquer meio para auxiliá-lo a responder a prova ou ter consigo
quaisquer desses materiais (essas situações podem ser confirmadas pelo fiscal no momento ou posteriormente pelo
sistema de monitoramento);
 O (a) aluno (a) PORTAR qualquer aparelho eletrônico durante o horário de prova (esse aparelho deve ficar desligado
dentro da mochila escolar do (a) aluno (a));
 O (a) aluno (a) danificar, adulterar ou rasgar a prova, antes, durante ou depois de sua aplicação.
13 A duração da prova é de 5h (cinco horas), já incluído o tempo para o preenchimento do cartão de respostas e da Folha de
Texto Definitivo de Redação;
14 Não é permitida a circulação dos alunos dentro da sala;
15 Todos esses itens se aplicam durante o horário de aplicação da prova, inclusive nas saídas dos alunos para beber água ou para
uso do banheiro;
16 A desobediência a qualquer uma das determinações constantes nestas instruções poderá implicar em anulação de questões ou
da sua prova como um todo;
17 A saída de sala, SEM este caderno de questões, só será permitida após 3h do inicio desta prova;
18 A saída da sala, COM este caderno de questões, só será permitida após 4h do início desta prova.

AGENDA:
I. 03/06 (sábado) – Divulgação do Gabarito Provisório no site do CMDP II, a partir das 14h;
II. 03/06 (sábado) a 05/06 (segunda-feira) – Recebimento dos recursos da PI, somente pelo site do CMDP II. Os recursos
serão aceitos até às 18h do dia 05/06 (segunda-feira);
III. 13/06 (terça-feira) – Divulgação do Gabarito Definitivo no site do CMDP II a partir das 15h.

~-1-~
COLÉGIO MILITAR DOM PEDRO II É PERMITIDA A REPRODUÇÃO DESTE MATERIAL APENAS PARA FINS DIDÁTICOS, DESDE QUE CITADA A FONTE. 03/06/02017
PROVA INTEGRADA – TIPO A – 1ª SÉRIE-EM - 2º BIMESTRE/2017

TEXTO 1 8) The verbs from the text talk, appear, and, need are
all regular verbs.
HOLLYWOOD - ITS LIFE AND TIMES 9) O último parágrafo do TEXTO 1 afirma que estamos
vivendo a era de uma cultura global que, por bem ou
At the start of the 20th century, a new city was por mal, beneficia a indústria cinematográfica. Pode-
beginning to grow on some flat land near the sea in se afirmar corretamente que tais benefícios decorrem,
southern California; its name was Los Angeles - the em grande medida, de uma intersubjetividade
name of the old Spanish mission that had been there (crenças compartilhadas) que une a comunidade
5 for many years. humana.
At the same time, a new industry was just being
born; the cinema. In America, they talked of "motion TEXTO 2
pictures", but this soon became shortened to "movies".
The movie-makers found what they needed a few VIK MUNIZ CONVIERTE LA BASURA EN ARTE
10 miles outside Los Angeles; and before long, large new
studios were being built in an area called Hollywood, at
the foot of some small dry hills.
Movies quickly became very popular, particularly
after "talkies" first appeared in 1925. Nevertheless,
15 movies were expensive to make, and film companies
needed money - lots of it. For this reason, Hollywood
rapidly became dominated by a small number of big
companies such as MGM, 20th Century Fox, Warner
Bros. and Paramount.
20 Since then, the big companies have had their ups
and downs, but most of them are still there. Some old
names have disappeared, but some new ones have
appeared, companies like Walt Disney and Steven
Spielberg's company Amblin.
25 We now live in the age of global culture. Hollywood
did not invent this culture - but for better or for worse, it
has become one of the most powerful elements in it.
Like it or not, we all now live on planet Hollywood. Una de las partes más llamativas del arte de Vik
Muniz es la selección de materiales a la hora de crear
(Com adaptações. Fonte: <http://linguapress.com/intermediate/hollywood-
world.ht>. Acesso em 3 abril 2017) sus obras de arte. No tiene nada que ver con la
mayoría de los artistas que se centran en acuarelas,
Com base no TEXTO 1, julgue os itens de 01 a 09. 5 pinceles, oleos, cerámica y cosas así. El prefiere
reciclar a la hora de crear y usar un elemento muy
1) Los Angeles and the Hollywood movie company abundante y común: la basura.
(cinema) started at the same time. Es así como este artista brasileño usa desde latas
2) Movies weren’t so popular because they were very oxidadas, ruedas desinfladas, botellas vacías o tapas
expensive to make. 10 de recipientes para crear sus imágenes que son tan
3) Movies is an abbreviation of motion pictures. realistas y perfectas que a veces hacen que nos
4) Hollywood is a few miles out of Los Angeles, where olvidemos del origen de sus materiales. No nos damos
the movie companies were built. cuenta de que es basura lo que hay en sus
5) Steven Spielberg is a famous Hollywood director, he creaciones.
started his company Amblin at the same time of MGM,
(Com adaptações. Fonte: Anech. Disponível em: <www.ecologiablog.com>.)
Warner Bros. and others.
6) The words: mission, popular, companies, age and
planet are all true cognates. Basado en el TEXTO 2 y en la imagen, Juzgue los ítems a
7) The sentences taken from the text “a new city was seguir.
beginning to grow” and “In America they talked of
10) Quien observa una obra de Muniz fácilmente se
motion pictures”, are both in the simple past tense.
despista en cuanto al material usado.

~-2-~
COLÉGIO MILITAR DOM PEDRO II É PERMITIDA A REPRODUÇÃO DESTE MATERIAL APENAS PARA FINS DIDÁTICOS, DESDE QUE CITADA A FONTE. 03/06/02017
PROVA INTEGRADA – TIPO A – 1ª SÉRIE-EM - 2º BIMESTRE/2017

11) En “ lo que hay en sus creaciones” ( L. 13 y 14), la temer ainda mesmo depois de ocorrido o fato, não
palabra subrayada es la forma impersonal del verbo 35 podendo por isso esperar qualquer amparo.
haber.
12) La obra del artista plástico Vik Muniz es abstracta. (Com adaptações. Fonte: Maquiavel, N. O Príncipe.)

13) En el texto, el término “sus” ( L.3) se refiere a Vik


Muniz.
14) El arte de Vik Muniz está basado en los desechos de Com base no TEXTO 3, julgue os itens de 18 a 26.
la sociedad.
15) El taller de Muniz debe estar lleno de acuarelas, 18) Na linha 1, há duas ocorrências do termo “um”. No
pinceles, pintura a oleo, papel, madera y tejidos primeiro caso, trata-se de um artigo, pois está
especiales. delimitando o sentido de um substantivo.
16) El vocablo del ( l.1) en el texto, también se puede 19) O pronome demonstrativo “Destes” (de+estes), na
escribir de el sin alterar la semántica ni la gramática. linha 3, está retomando “potentados estrangeiros”, na
17) La expresión “a veces” (l.11) puede ser sustituída mesma linha, exercendo sua função anafórica.
por la expresión “en ocasiones”, sin alterar el 20) O TEXTO 3 possui como função predominante da
sentido del texto. linguagem a referencial, pois a intenção do emissor é
falar objetivamente sobre o contexto real. É a
linguagem de caráter informativo.
TEXTO 3 21) Na linha 10, “qualquer” é pronome substantivo, pois
ocupa o lugar que caberia a esta classe gramatical, e
[...] um príncipe deve ter dois temores: um de ordem é classificado como indefinido, pois se refere à
interna, de parte de seus súditos, o outro de natureza terceira pessoa.
externa, de parte dos potentados estrangeiros. Destes 22) Em “Um dos mais poderosos remédios de que um
se defende com boas armas e bons amigos; e sempre príncipe pode dispor contra as conspirações...” (l. 16
5 que tenha boas armas terá bons amigos. A situação a 18), temos um pronome relativo.
interna, desde que ainda não perturbada por uma 23) Segundo Maquiavel, sempre que o príncipe tiver boas
conspiração, estará segura sempre que esteja armas, também terá bons amigos. Tal afirmativa
estabilizada a externa; mesmo quando esta se agite, se evidencia a tão famosa compreensão maquiavélica
o príncipe organizou-se e viveu como eu já disse, de que os fins justificam os meios, isto é, para a
10 desde que não desanime, resistirá a qualquer impacto, manutenção do próprio poder, o príncipe pode utilizar
[...] de qualquer meio, mesmo da violência, se necessário
Mas, a respeito dos súditos, quando os negócios for.
externos não se agitam, deve-se temer que conspirem 24) Nas linhas 25 a 28 do TEXTO 3, Maquiavel deixa
secretamente, contra o que o príncipe se assegura claro que o príncipe deve ser uma pessoa sem
15 firmemente fugindo de ser odiado ou desprezado e escrúpulos, cujas ações, por mais que afetem
mantendo o povo com ele satisfeito; [...] Um dos mais negativamente os seus súditos, devem ter
poderosos remédios de que um príncipe pode dispor caracteristicamente a busca pela manutenção do
contra as conspirações é não ser odiado pela maioria, próprio poder.
porque sempre, quem conjura, pensa com a morte do 25) Onde se estabelecem relações de poder entre
20 príncipe satisfazer o povo, mas, quando considera que humanos e/ou entre grupos humanos, as forças
com isso irá ofendê-lo, não se anima a tomar políticas passam a influenciar as ações dos
semelhante partido, mesmo porque as dificuldades com governantes, cujas decisões podem ser, fortemente,
que os conspiradores têm de se defrontar são infinitas. pautadas na moral individual de quem ocupa o poder
Para reduzir o assunto a termos breves, digo que do (política normativa da Grécia antiga e o absolutismo
25 lado do conspirador não existe senão medo, ciúme, monárquico, por exemplo). Maquiavel, ao contrário
suspeita de castigo que o atordoa; mas, do lado do dessa concepção, propõe que a política tenha
príncipe, existe a majestade do principado, as leis, as autonomia, desvinculando-se de normas a priori, da
barreiras dos amigos e do Estado que o defendem; moral religiosa e de morais individuais. Para tanto, a
consequentemente, somada a tais fatores a política deve primar pela realização dos interesses
30 benevolência popular, é impossível exista alguém tão coletivos.
temerário que venha a conspirar. Isso porque,
geralmente, onde um conspirador teme antes da
execução do mal, se tiver o povo por inimigo, deve

~-3-~
COLÉGIO MILITAR DOM PEDRO II É PERMITIDA A REPRODUÇÃO DESTE MATERIAL APENAS PARA FINS DIDÁTICOS, DESDE QUE CITADA A FONTE. 03/06/02017
PROVA INTEGRADA – TIPO A – 1ª SÉRIE-EM - 2º BIMESTRE/2017

26) As recomendações que Maquiavel propõe aos balanceamento dessas equações confirmam as Leis
príncipes estão atreladas a dois princípios que são Ponderais.
primordiais para a execução de um bom governo: a 29) O conceito de número de massa é igual ao conceito
virtù e a fortuna. O primeiro diz respeito a capacidade de massa atômica.
de perceber o jogo político que se estabelece nas 30) Os isótopos de um mesmo elemento químico
relações de poder de todos os níveis próximos ao apresentam o mesmo número de prótons no núcleo e
governante, permitindo agir com convicção para a diferentes quantidades de nêutrons.
manutenção do seu próprio poder; o segundo, diz 31) O número de massa de um átomo corresponde à
respeito a percepção da ocasião oportuna para agir soma entre o número de prótons e o número de
sem oportunismos, o que exige do príncipe precaução nêutrons contidos no núcleo. Dessa forma, é correto
política. afirmar que o número de massa não possui uma
TEXTO 4 unidade de medida.
32) Os isótopos são átomos de um mesmo elemento
NOS OMBROS DE GIGANTES MÁGICOS químico que possuem igual número de massa.
Carlos Haag 33) A unidade de massa atômica corresponde a um doze
avos da massa do isótopo do carbono-12.
A partir de questões alquímicas, iniciou-se a 34) Na linha 7, a preposição está ligando o termo
discussão sobre a necessidade de uma ciência “imprensa” ao termo “gradativo”.
universal, em cujo centro estava a preocupação com a 35) Na linha 5, há um verbo no infinitivo pessoal.
capacidade de reproduzir um dado experimento, em se 36) O TEXTO 4 cita algumas expressões como “ciência
5 estabelecerem parâmetros científicos, um meio do universal”, “parâmetros científicos” e “circulação de
caminho entre aspectos místicos e ciência. “O informações”. Tais expressões se relacionam a um
desenvolvimento gradativo da imprensa, que permitiu a processo histórico de ampliação das crenças
maior circulação de informações, e as trocas entre os compartilhadas (intersubjetividade) que permitiram
que haviam, tradicionalmente, guardado informações que mais pessoas cooperassem politicamente para
10 sigilosas, extraídas da antiga literatura e portadoras de um fim e/ou para a ampliação de uma determinada
seus vestígios, foi um fator de peso para o nascimento cultura. A ciência não escapa a esse processo; e se
da nova ciência química”. “Em troca das buscas hoje vários cientistas de diferentes culturas cooperam
obsessivas por materiais lendários, o laboratório para o desenvolvimento científico, é porque eles
acabou garantindo marcadores excelentes para os compartilham determinadas crenças acerca de como
15 progressos de análise e síntese. Acima de tudo, se dá o processo de construção do conhecimento
pensava-se garantir através deles uma expressão científico.
material e visível para o estudo dos princípios ou bases TEXTO 5
elementares que, de outra forma, pareciam
inatingíveis”. Foram necessários mais de dois séculos AMOR É UM FOGO QUE ARDE SEM SE VER
20 para que o velho laboratório do alquimista se Luís Vaz de Camões (Sonetos)
transformasse no do químico, com seus padrões
modernos. Tempos em que a ciência tentava não Amor é um fogo que arde sem se ver;
mancar e parte da religião queria enxergar. É ferida que dói, e não se sente;
(Com adaptações. Fonte: disponível em: É um contentamento descontente;
<http://revistapesquisa.fapesp.br/2012/08/22/nos-ombros-de-gigantes-
m%C3%A1gicos/>.) É dor que desatina sem doer.

Com base no TEXTO 4, julgue os itens de 27 a 36. É um não querer mais que bem querer;
É um andar solitário entre a gente;
27) A Química é uma ciência que valoriza a prática É nunca contentar-se e contente;
experimental. Foi a partir de experimentos científicos É um cuidar que ganha em se perder;
que se chegou ao atual conceito de elemento,
completamente diferente da noção alquímica. Para a É querer estar preso por vontade;
Química, um elemento químico pode ser considerado É servir a quem vence, o vencedor;
como o conjunto de átomos de um mesmo número É ter com quem nos mata, lealdade.
atômico.
28) Diferente dos alquimistas, os químicos descrevem as Mas como causar pode seu favor
transformações da matéria através das equações Nos corações humanos amizade,
químicas. Apesar disso, nem sempre o Se tão contrário a si é o mesmo Amor?
~-4-~
COLÉGIO MILITAR DOM PEDRO II É PERMITIDA A REPRODUÇÃO DESTE MATERIAL APENAS PARA FINS DIDÁTICOS, DESDE QUE CITADA A FONTE. 03/06/02017
PROVA INTEGRADA – TIPO A – 1ª SÉRIE-EM - 2º BIMESTRE/2017

Com base no TEXTO 5, julgue os itens a seguir. 40) O efeito de cores aplicadas na FIGURA 2 acentuam a
profundidade entre personagens e fundo.
37) A repetição do verbo “ser” no início dos versos é um
recurso estilístico denominado anáfora.
38) O poema em questão é um soneto, cuja estrutura FIGURA 3
poética é constituída de quatro estrofes, sendo as
duas primeiras quadras e as outras tercetos.
39) O advérbio “tão” (V.14) está intensificando o
significado do adjetivo “contrário”.

FIGURA 1

(Fonte: disponível em: <http://brasilescola.uol.com.br/geografia/estruturas-


geologicas-terra.htm>.)

A Boba, 1916, óleo sobre tela – Anita Malfatti.

FIGURA 2
41) A preocupação com o naturalismo e o realismo são
valores que se enquadram nas propostas de pinturas
modernistas como A Boba – FIGURA 3 – de Anita
Malfatti.
42) Na FIGURA 3 a boba é uma senhora que se estiver
na menopausa o seu período fisiológico natural
ocorrerá a última menstruação. Nesse espaço de
tempo estão sendo encerrados os ciclos menstruais e
ovulatórios. O início da menopausa só pode ser
considerado após um ano do último fluxo menstrual,
uma vez que, durante esse intervalo, a mulher ainda
pode, ocasionalmente, menstruar.

O Fuzilamento de 03 de maio, 1814, óleo sobre tela –


Francisco Goya.

~-5-~
COLÉGIO MILITAR DOM PEDRO II É PERMITIDA A REPRODUÇÃO DESTE MATERIAL APENAS PARA FINS DIDÁTICOS, DESDE QUE CITADA A FONTE. 03/06/02017
PROVA INTEGRADA – TIPO A – 1ª SÉRIE-EM - 2º BIMESTRE/2017

FIGURA 4 44) Analisando a FIGURA 5. O fundo disposto em linhas


onduladas e curvas sugere profundidade espacial e
destaca os elementos compositivos em terceiro plano.

FIGURA 6

Composição VIII, 1923, óleo sobre tela – Wassily Kandinsky.

Grupo Arte Favela, Releitura do Abaporu de Tarsila do FIGURA 7


Amaral, 2006, Grafite.

43) A obra Releitura do Abaporu – FIGURA 4 – foi


fielmente constituida por personagem e cenário
tipicos da realidade brasileira.

FIGURA 5

Composição VII, 1913, óleo sobre tela – Wassily Kandinsky

45) Na pintura de Kandinsky – FIGURA 7 – os contrastes


de direção das linhas eliminam a presença de
Dinamismo.

46) A teoria da “tectônica de placas”, comprovada por


meio das correntes de convecção, explica fenômenos
como terremotos, vulcões, tsunamis. Segundo essa
A Santa Ceia, 1497, técnica mista de têmpera e óleo sobre teoria, a crosta terrestre apresenta-se fragmentada
gesso e reboco – Leonardo da Vinci.
em placas que deslizam sobre o magma do interior da
Terra e chocam-se em alguns pontos da crosta.

~-6-~
COLÉGIO MILITAR DOM PEDRO II É PERMITIDA A REPRODUÇÃO DESTE MATERIAL APENAS PARA FINS DIDÁTICOS, DESDE QUE CITADA A FONTE. 03/06/02017
PROVA INTEGRADA – TIPO A – 1ª SÉRIE-EM - 2º BIMESTRE/2017

47) A Cordilheira dos Andes resulta do movimento de dedicados aos mitos mais conhecidos, revelando
convergência de duas placas tectônicas, a placa de paganismo.
Nazca (placa continental) e Placa Sul-americana 54) No auge do Império Romano do Oriente ocorreu o
(continental). Como as duas placas possuem governo de Justiniano. Ele adotou uma política
relativamente a mesma densidade, ocorre o choque e expansionista e elaborou uma obra jurídica baseada
soerguimento de montanhas, que resultam não só da no direito romano. As partes que compunham o
deformação das rochas, mas também de atividade Código de Justiniano eram: “Código”, “Digesto”,
vulcânica associada a subducção. “Institutas” e “Novelas”, que influenciou diretamente o
48) A superfície da Terra passa por uma variedade de sistema de leis de muitos Estados modernos,
processos que vão alterando e modelando inclusive do Brasil.
continuamente. Podemos afirmar que alguns agentes 55) No Império Bizantino a questão iconoclasta, dividiu a
internos ou endógenos que alteram o relevo são o sociedade e aprofundou as divergências entre as
intemperismo químico, físico e a erosão. Dessa forma duas sedes das Igrejas Católicas. O desfecho veio
as rochas são decompostas ou degradadas e com a divisão que ficou conhecida como Cisma do
posteriormente ocorre o transporte desses Oriente.
sedimentos para áreas mais baixas e planas. 56) Segundo Celso Taveira, doutor em história bizantina
49) Entre os fatores que determinam o clima, o mais e professor da Universidade Federal de Ouro Preto, o
evidente é a latitude, ângulo formado pela distância governo de Justiniano teria ajudado a espalhar a
de um ponto da superfície terrestre em relação à linha primeira epidemia de peste bubônica na Europa, onde
do Equador. Nas zonas intertropicais, situadas entre 40% da população de toda a área mediterrânea teria
os trópicos de Câncer e de Capricórnio, a incidência sido dizimada por volta do ano 600.
solar não oscila muito, consequentemente, não há 57) O governo bizantino era caracterizado como
diferenças térmicas significativas ao longo do ano. despótico e teocrático e seu imperador era conhecido
50) O clima equatorial diferencia-se dos demais por como basileu.
apresentar duas estações bem marcantes: verão 58) O ciclo reprodutivo dos gatos é bem diferente do ciclo
úmido e inverno seco. Sua área de abrangência é de reprodução dos humanos.
bastante extensa, ocorrendo principalmente no A gata entra em cio, pela primeira vez, entre os cinco
interior do Brasil, em regiões como o Distrito Federal. e os sete meses de idade, altura em que pode ser
Suas temperaturas, quase sempre elevadas, oscilam fecundada por vários machos e que, portanto, se
pouco, pois a duração dos dias e noites não varia encontra sexualmente amadurecida. Contudo o cio
muito ao longo do ano. destes animais não tem um período específico,
51) Nas regiões densamente florestadas, como a podendo variar. Em climas temperados, as gatas,
Amazônia, o calor provoca a transpiração das geralmente, entrem em cio na Primavera, podendo
plantas, que, associada à evaporação de água, dá durar dias ou semanas. Caso não exista fecundação
origem a evapotranspiração. Nessas áreas predomina da fêmea, pouco tempo depois, é iniciado um novo
o clima equatorial ou tropical úmido, com chuvas cio.
abundantes o ano todo. De modo geral, ocorrem as 59) Um dos preceitos básicos da evolução é a
chamadas chuvas de convecção, isto é, oriundas do capacidade de reprodução de um ser. Mas ao longo
ciclo da água. dos anos, 97% das aves perderam o pênis. Tal fato
intriga demais os cientistas, afinal isso parece
Sobrevivendo à queda do Império Romano do Ocidente, o dificultar a reprodução. Além disso, as aves possuem
Império Bizantino durou até 1453, quando foi conquistado outras características que as tornam bem diferentes,
pelos turcos otomanos. Com base no contexto, Julgue os como a ausência de dentes e inexistência de anus.
itens de 52 a 57. 60) O conceito de que a mulher ou homem deve eliminar
todos os seus pelos para ter relações sexuais é
52) O principal elemento da identidade bizantina era a extremamente errôneo e surge de uma falsa moral de
sua religião oficial, expressa pelo catolicismo que é “nojento” ter pelos na vagina ou pênis, e que
ortodoxo, sob a liderança do patriarca. seu parceiro ou parceira irá achar desagradável
53) Na Idade Média, Bizâncio era um importante centro encontrar tal “surpresa”, quando, na real, devemos é
comercial e político. Merecem destaques seus feitos nos sentir bem com nós mesmos.
culturais, mostrando senso estético apurado e uso
das riquezas existentes no Império. Na sua
arquitetura, a igreja de Santa Sofia destacou-se pela
imitação que fazia dos templos gregos, com altares
~-7-~
COLÉGIO MILITAR DOM PEDRO II É PERMITIDA A REPRODUÇÃO DESTE MATERIAL APENAS PARA FINS DIDÁTICOS, DESDE QUE CITADA A FONTE. 03/06/02017
PROVA INTEGRADA – TIPO A – 1ª SÉRIE-EM - 2º BIMESTRE/2017

61) O Priapismo trata-se da ereção involuntária dolorosa De acordo com as análises das músicas: As Quatro
e persistente do pênis, associado ou não ao estímulo Estações de Antonio Vivaldi, I Ching com o grupo UAKTI e
sexual. Os episódios dessa afecção ocorrem mais Las Muchachas de Copacabana de Chico Buarque. Julgue
comumente no período noturno, apresentando os itens de 64 a 67.
duração bastante variável (de minutos a horas),
podendo ocorrer por vários dias, semanas ou meses. 64) As Quatro Estações de Antonio Vivaldi foi composta
Existem alguns fatores que podem induzir a esses na estrutura de uma sinfonia, apresenta quatro
episódios, como o ato sexual, masturbação e a movimentos, é para orquestra e solista, o instrumento
ingestão de bebidas alcoólicas, medicamentos ou solista é o violoncelo que faz diálogos musicais com a
drogas, todavia, o fator precipitante mais frequente é orquestra.
a ereção noturna espontânea. 65) O grupo UAKTI compôs, I Ching, músicas baseadas
62) A ereção feminina é necessária para um processo no oráculo chinês, utilizaram na composição materiais
natural no desenrolar das preliminares, evolução e sonoros diversificados combinando com instrumentos
explosão das sensações orgásticas. Aliás, o processo musicais convencionais, variando os timbres, mistura
de lubrificação feminina depende da ereção feminina sons eletrônicos com sucatas entre outros.
onde as partes que se localizam na vulva circulando-a 66) Las Muchachas de Copacabana traz um contexto de
são massas de tecido erétil que se assemelham ao conflito das prostitutas, situação do cotidiano dentro
pênis. do prostíbulo e a realidade fora deste. Chico utiliza
63) Observe o procedimento cirúrgico abaixo: nesta canção um ritmo rápido e instrumentos como:
percussão, piano, violão e saxofone.
67) Chico Buarque, em Las Muchachas de Copacabana,
compõe esta música na textura polifônica criando
diálogos musicais entre as vozes.
68) Para que um corpo assuma um estado de repouso,
ele precisa estar submetido à ausência de forças.
69) Se você aplica uma força em um corpo a fim de
empurrá-lo sobre uma superfície, pelo Princípio da
Ação e Reação, este corpo também aplica uma força
sobre você. No entanto, você permanece em repouso
e apenas o corpo se desloca sobre a superfície. Isso
ocorre porque a força que você aplica sobre o corpo é
maior do que a força que ele aplica sobre você.
70) Pelo Princípio da Inércia, um corpo permanecerá em
repouso ou em movimento retilíneo uniformemente
Fonte: http://www.saudedica.com.br/fimose-causas-sintomas-e-tratamentos/ variado, se nenhuma força for exercida sobre ele.
71) Quanto maior a inércia de um corpo, maior a
facilidade em alterar seu estado de movimento ou
De acordo com nossas discussões essa região que repouso.
está sendo retirada na cirurgia acumula esmegma, e 72) Um astronauta com massa de 80 kg faz uma viagem
também pode ocorrer a dificuldade e retenção ao espacial até Marte. Enquanto estava aqui na Terra,
urinar. Geralmente como resultado traz infecções considerando a aceleração da gravidade como
secundárias ou infecções do trato urinário. Pode 2
gTerra = 10 m/s , pode-se concluir que sua força peso
desenvolver a inflamação da glande e dor valia 800 N. Já ao chegar em Marte, admitindo o
generalizada, especialmente com a relação sexual. valor da aceleração da gravidade local como
Se o prepúcio não retrai apenas durante a ereção, 2
gMarte = 3,7 m/s , conclui-se que sua massa será de
mas pode ser removido manualmente sem dor ou a aproximadamente 296 kg.
resistência não é um caso de fimose. 73) A normal é a força exercida pela superfície sobre um
corpo, podendo ser interpretada como a resistência
da superfície em sofrer deformação devido ao peso
do corpo.

~-8-~
COLÉGIO MILITAR DOM PEDRO II É PERMITIDA A REPRODUÇÃO DESTE MATERIAL APENAS PARA FINS DIDÁTICOS, DESDE QUE CITADA A FONTE. 03/06/02017
PROVA INTEGRADA – TIPO A – 1ª SÉRIE-EM - 2º BIMESTRE/2017

79) Os coeficientes da equação que determinam esta


parábola são
80) Em 8 segundos, o móvel percorreu uma distância
inferior a 8 m.

CÁLCULOS

O gráfico acima ilustra a velocidade escalar de um ciclista,


em função do tempo, ao pedalar uma bicicleta. Com base
no gráfico julgue os itens de 74 a 76.

74) No intervalo de tempo entre 0 e 4, o gráfico apresenta


característica crescente, e entre 4 e 20 decrescente,
isto significa que no primeiro intervalo o coeficiente
denominado e no segundo intervalo
75) A lei que descreve a função decrescente do gráfico é
( )
76) A lei que descreve a função crescente possui
coeficiente linear igual a 2.

Considerando o gráfico acima, que ilustra o deslocamento


retilíneo de um móvel em função do tempo, julgue os itens
de 77 a 80.

77) Do tempo inicial, ou seja, , até o tempo de


segundos, o gráfico apresenta uma reta crescente,
o que significa que seu coeficiente angular é menor
que 0.
78) A lei da função que exprime a reta crescente é

~-9-~
COLÉGIO MILITAR DOM PEDRO II É PERMITIDA A REPRODUÇÃO DESTE MATERIAL APENAS PARA FINS DIDÁTICOS, DESDE QUE CITADA A FONTE. 03/06/02017
PROVA INTEGRADA – TIPO A – 1ª SÉRIE-EM - 2º BIMESTRE/2017

81) Complete the sentences below with the appropriate 84) O boro (B) é um elemento químico cujos átomos
pronoun. podem ser utilizados na composição de detergentes,
na ignição de materiais explosivos, na produção de
Please give ______ soda. fibra de vidro, na indústria aeroespacial, na
composição de produtos antissépticos e fungicidas. A
Neuza and Geruzia send ______ a letter every month.
massa atômica do boro (10,8 u) é dada pela média
Elvira cooks fish for ______ every day. ponderada de seus dois únicos isótopos.
Can you show ______ the trains? Considerando que a ocorrência do isótopo B-10 é de
20% e do seu outro isótopo é de 80% assinale a
alternativa abaixo que apresenta corretamente a
a) I – him – them – we massa atômica desse outro isótopo.
b) I – he – they – we
c) Me – him – them – us a) 14.
d) Me – he – them – us b) 13.
c) 12.
d) 11.
82) El término “basura” es traducida al portugués por:
85) Um determinado átomo X possui 12 prótons e número
a) esgoto de massa igual 30. Sabendo que um outro átomo
b) lixeira denominado Y possui número atômico igual a 35 e o
c) entulho dobro de nêutrons de X, assinale a alternativa abaixo
d) lixo que indica o número de massa de Y.

a) 90
83) A partir da análise da FIGURA 01 e dos b) 88
conhecimentos adquiridos ao longo do bimestre, c) 71
assinale a ÚNICA alternativa CORRETA: d) 68

a) Os dobramentos modernos são resultado da 86) No ano 395, o imperador Teodósio decidiu pela
divergência entre duas placas tectônicas. Nesse divisão política do império em duas partes: o Império
caso ocorre a subducção, quando a placa menos Romano do Ocidente, com a capital em Milão e
densa mergulha sob a mais densa, ocasionando a Império Romano do Oriente, com a capital em
deformação das rochas da crosta continental. Constantinopla. Sendo assim, qual é o nome atual da
b) Os crátons são estruturas geológicas recentes que antiga região conhecida como Constantinopla?
sofrem ação direta do tectonismo e vulcanismo, o
que caracteriza sua instabilidade. Sua composição
a) Grécia
é em grande parte formada por rochas b) Roma
sedimentares. c) Istambul
c) As bacias sedimentares são resultado da d) Bizâncio
convergência entre placas tectônicas. Nesse caso
ocorre o extravasamento do magma do interior da 87) Analisando a FIGURA 5 do artista Leonardo da Vinci,
Terra formando as chamadas dorsais, que se marque a ÚNICA questão INCORRETA:
estendem principalmente ao longo do oceano
Atlântico. a) A obra foi construída através da harmonia de
d) A Cordilheira dos Andes é um exemplo de linhas curvas e verticais gerando equilíbrio
dobramento moderno, um gigantesco paredão
homogêneo.
rochoso paralelo ao litoral do Pacífico, da b) A obra de Leonardo da Vinci demonstra influência
Venezuela até o Chile. Nesse caso ocorre a da Escola Renascentista na construção da pintura.
convergência da Placa da Nazca (oceânica) com a c) O tratamento humanista da imagem denuncia o
Placa Sul-americana (continental). academicismo de Leonardo da Vinci.
d) A sútil curvatura dos corpos de algumas
personagens produz composição dinâmica.

~ - 10 - ~
COLÉGIO MILITAR DOM PEDRO II É PERMITIDA A REPRODUÇÃO DESTE MATERIAL APENAS PARA FINS DIDÁTICOS, DESDE QUE CITADA A FONTE. 03/06/02017
PROVA INTEGRADA – TIPO A – 1ª SÉRIE-EM - 2º BIMESTRE/2017

88) Sabendo-se que numa cadela o cariótipo normal é 92) Maquiavel, em sua obra O Príncipe, afirma que “são
2n = 78, quantos cromossomos podemos esperar muito menores as dificuldades para manter os
encontrar, respectivamente numa ovogônia, num estados hereditários e habituados ao sangue de seu
glóbulo polar, num ovócito primário e num óvulo príncipe do que aqueles novos; pois basta apenas
desse animal? não preterir a ordem de seus antepassados e
contemporizar os acidentes de percurso; de forma
a) 78, 39, 39, 78. que, se esse príncipe tem capacidade normal, há de
b) 39, 39, 78, 78. se manter sempre em seu estado, se não houver uma
c) 78, 78, 39, 39. força extraordinária que dele o prive; e, mesmo
d) 78, 39, 78, 39. privado, por mais sinistro que seja o usurpador, acaba
por reconquistá-lo.” Acerca desse trecho é
89) Vivaldi ordenou a obra As Quatro Estações de forma CORRETO afirmar que.
simétrica, cada uma das partes ou “estações” é
sempre em três movimentos e Primavera inicia com: a) Maquiavel prefere desenvolver uma teoria política
acerca dos principados do que acerca de estados
a) um movimento lento e em seguida continua com republicanos em razão da dificuldade de se
dois rápidos. justificar o poder de quem o exerce em uma
b) um movimento rápido, a seguir um lento e logo república, ao passo que, nos principados, o poder
após outro rápido. sempre será hereditário.
c) dois movimentos rápidos e finaliza com um lento. b) Nesse trecho, Maquiavel não trata diretamente da
d) um movimento moderado, depois um lento e legitimidade do poder do príncipe, mas da
termina com um rápido. estabilidade política que os estados hereditários
tendem a possuir. Entretanto, ao citar que os
90) Com base no TEXTO 5, nas suas estruturas estados hereditários estão habituados ao sangue
linguísticas e nas características do Classicismo, de seu príncipe, indica como se dá a legitimidade
marque a ÚNICA alternativa INCORRETA. do poder nesse cenário político, via
reconhecimento dos súditos sobre quem deve
a) No terceiro verso, encontramos um paradoxo, exercer o poder.
quando duas ideias contraditórias se fundem em c) O usurpador do poder do príncipe não possui
uma nova ideia. legitimidade para o governo, a menos que
b) No verso 12, o termo “como” classifica-se promova uma ampla discussão com os súditos
morfologicamente como advérbio interrogativo. sobre os melhores caminhos (econômicos,
c) Em “É dor que desatina sem doer” (v. 4), o políticos e sociais) que pretende traçar com o
pronome relativo “que” retoma o substantivo “dor”. apoio de todas as representações políticas da
d) A repetição de “É”, no início de alguns versos, sociedade.
caracteriza-se como uma gradação, figura de d) Maquiavel sugere contemporizar com os acidentes
linguagem que reforça uma mesma ideia. de percurso, insinuando que os súditos devem ser
condescendentes (flexíveis, tolerantes) com as
91) Marque a ÚNICA alternativa CORRETA em relação loucuras políticas que os príncipes,
ao TEXTO 5, às características do Classicismo e ao frequentemente, cometem durante o seu reinado.
poeta Camões. O que pode, em parte, retirar a legitimidade do
poder do príncipe e de sua descendência.
a) A produção literária camoniana restringe-se à
composição lírica. 93) Duas forças concorrentes de módulo 3 N e 5 N são
b) O poema em questão, mesmo tendo sido escrito aplicadas em um corpo de massa igual a 2 kg.
o
no Classicismo, é considerado um texto do Sabendo que as forças estão dispostas a 60 uma da
Trovadorismo. outra, pode-se afirmar que o módulo da aceleração
c) “Os Lusíadas” tratam da viagem de Vasco da adquirida por esse corpo será de:
Gama às Índias, porém o herói do poema é o povo (Dados: sen 60º= 0,87 e cos 60º= 0,5
português.
2
d) Uma das figuras de linguagem utilizadas por a) 1 m/s
2
Camões, no TEXTO 5, é a antítese, em que há a b) 3,5 m/s
2
mistura de sentidos. c) 4 m/s
2
d) 7,5 m/s
~ - 11 - ~
COLÉGIO MILITAR DOM PEDRO II É PERMITIDA A REPRODUÇÃO DESTE MATERIAL APENAS PARA FINS DIDÁTICOS, DESDE QUE CITADA A FONTE. 03/06/02017
PROVA INTEGRADA – TIPO A – 1ª SÉRIE-EM - 2º BIMESTRE/2017

94) O peso de um corpo é uma grandeza física: 97) O gráfico mostra a trajetória de uma pedra atirada
para cima, obliquamente em relação à horizontal:
a) cuja unidade de medida, no Sistema Internacional
de Unidades, é o quilograma.
b) cujo módulo representa a intensidade da força de
reação de apoio.
c) cujo módulo representa a quantidade de matéria
contida nesse corpo.
d) cujo módulo é o produto entre a massa desse
corpo e a aceleração da gravidade local.

95) Seja uma função quadrática definida por


( ) , cujo esboço do gráfico é dado a
seguir. Os valores nos eixos Ox e Oy indicam,
respectivamente, as distâncias, em metro, percorridas pela
pedra na horizontal e na vertical (altura). Sabendo que
essa trajetória é parabólica, a altura máxima atingida pela
pedra é:

a) 16.
b) 20.
c) 25.
d) 100.

CÁLCULOS

Podemos afirmar que

a)
b)
c)
d)

96) Sabendo que a equação ( )


admite uma única solução real, determine o valor do
parâmetro real k.

a)
b) .
c)
d)

~ - 12 - ~
COLÉGIO MILITAR DOM PEDRO II É PERMITIDA A REPRODUÇÃO DESTE MATERIAL APENAS PARA FINS DIDÁTICOS, DESDE QUE CITADA A FONTE. 03/06/02017
PROVA INTEGRADA – TIPO A – 1ª SÉRIE-EM - 2º BIMESTRE/2017

98) A bomba atômica lançada sobre Hiroshima utilizou a 99) Um automóvel, com massa de 1200 kg, tem
235
fissão do isótopo U. A abundância deste isótopo no velocidade de 72 km/h quando os freios são
elemento urânio natural é de apenas 0,7% contra acionados, gerando uma desaceleração constante e
238
99,3% do isótopo U, que não é físsil (% em fazendo com que o carro pare em 10 s. Determine o
átomos). Para a separação deles, é primeiramente módulo da força aplicada ao carro pelos freios, em
obtido o gás UF4 a partir de UO2‚ sólido, o que se dá newtons, e divida o resultado por 10 para marcação
pela transformação: no cartão de respostas.

UO2(s) + HF(g)  UF4(s) + H2O(g)


CÁLCULOS
Faça o balanceamento da reação química descrita acima e
considere, para efeito de marcação da folha de resposta, a
soma dos coeficientes estequiométricos encontrados que
correspondam aos menores valores inteiros.

CÁLCULOS

~ - 13 - ~
COLÉGIO MILITAR DOM PEDRO II É PERMITIDA A REPRODUÇÃO DESTE MATERIAL APENAS PARA FINS DIDÁTICOS, DESDE QUE CITADA A FONTE. 03/06/02017
PROVA INTEGRADA – TIPO A – 1ª SÉRIE-EM - 2º BIMESTRE/2017

100) Uma pesquisa constatou que o uso de drogas ilícitas


começa por volta dos 11 anos de idade, quase
sempre por meio de solventes e maconha. Dos 132
jovens que preencheram o questionário dessa
pesquisa, 102 afirmaram ter usado drogas em algum
momento da vida. No caso dos 92 que consumiram
solventes, a estreia foi motivada, principalmente, por
curiosidade e influência de amigos. Os compostos
mais utilizados foram tíner, cola de sapateiro, lança-
perfume, benzina, loló e esmalte. Como o solvente é
um produto barato e pouco rentável, ele não é um
item comum no “cardápio” dos traficantes. Os
usuários menores de idade, quando não compram
produtos legalizados como acetona e esmalte,
contam com a cumplicidade de comerciantes de
madeireiras, lojas de tintas e materiais de construção.

Jovens que evaporam. In: Revista Darcy: nº 7, ago.-set./2011 (com


adaptações).

Considere que os 132 jovens citados na pesquisa


tenham participado, durante 21 dias, de um curso para
ajudar pessoas a não usar drogas. Considere, ainda, que
a quantidade de jovens presentes no dia x seja expressa
por ( ) – , em que . Nessa
situação, qual a quantidade de jovens ausentes no dia de
maior frequência.

CÁLCULOS

~ - 14 - ~
COLÉGIO MILITAR DOM PEDRO II É PERMITIDA A REPRODUÇÃO DESTE MATERIAL APENAS PARA FINS DIDÁTICOS, DESDE QUE CITADA A FONTE. 03/06/02017
PROVA INTEGRADA – TIPO A – 1ª SÉRIE-EM - 2º BIMESTRE/2017

~ - 15 - ~
COLÉGIO MILITAR DOM PEDRO II É PERMITIDA A REPRODUÇÃO DESTE MATERIAL APENAS PARA FINS DIDÁTICOS, DESDE QUE CITADA A FONTE. 03/06/02017
PROVA INTEGRADA – TIPO A – 1ª SÉRIE-EM - 2º BIMESTRE/2017

CADERNO DE REDAÇÃO EM LÍNGUA PORTUGUESA

A partir da leitura dos textos motivadores seguintes e com base nos conhecimentos construídos ao longo
de sua formação, redija uma crônica narrativa não literária, na modalidade escrita formal da língua
portuguesa, sobre o seguinte tema: Brasil Plural: para falar de intolerância.* Selecione, organize e
relacione, de forma coerente e coesa, informações que possam contribuir para a reflexão acerca do fato
cotidiano observado.

TEXTO 1 TEXTO 3

QUAL O PREÇO DA INTOLERÂNCIA? O Brasil é visto e reconhecido como um lugar


pacífico, com um povo tolerante. Mas a internet vem
Certa vez, Geovani Vicente Ferreira, 33 anos, ajudando a derrubar esse mito de que nós brasileiros
tomou um táxi e indicou o lugar para onde desejava somos tolerantes às diferenças. Um estudo realizado
ir. Lá chegando, foi informado de que a corrida entre os meses de abril e junho pelo Comunica Que
custara R$ 4,64. Geovani pagou somente R$ 4,60, Muda, plataforma digital da agência nova/sb,
mas o taxista exigiu os quatro centavos que faltavam. monitorou a internet e encontrou dez tipos principais
Geovani entregou uma moeda de cinco centavos e de intolerâncias. No total, foram analisadas 393.284
passou a exigir seu troco: exatamente um centavo. O menções feitas por internautas de todo o país no
taxista disse que não tinha uma moeda desse valor e Facebook, Twitter e Instagram e também em páginas
que não iria dar o troco. Os ânimos foram ficando de blogs e comentários de sites da internet.
acirrados, até que o passageiro desistiu do seu troco Expressões como cabelo ruim, gordo, vagabundo,
e saiu com raiva do táxi, batendo a porta com toda retardado mental, boiola, mal-amada, golpista, velho
força. O taxista não se conteve e deu um tiro, e nega predominam as nuvens de palavras
matando o passageiro. encontradas em posts que revelam todo tipo de
(Adaptado. Disponível em: intransigência ao outro, em relação a aparência,
<http://formacao.cancaonova.com/atualidade/comportamento/o- classes sociais, deficiências, homofobia, misoginia,
preco-da-intolerancia/>. Acesso em 25 maio 2017.) política, idade, raça, religião e xenofobia.
(Adaptado. Fonte: Disponível em: <
http://www.folhadedourados.com.br/noticias/brasil-mundo/estudo-
TEXTO 2 mostra-raio-x-da-intolerancia-nas-redes-sociais-do-brasil>. Acesso
em 25 maio 2017.)

PROJETO DE LEI N.º 7.582, DE 2014


TEXTO 4
Art. 04 Constituem crimes de intolerância,
quando não configuram crime mais grave, aqueles
intolerância, substantivo feminino – [...] 3. Atitude
praticados por preconceito ou discriminação em razão
agressiva ou repressora para com as diferenças de
de classe e origem social, condição de migrante,
outrem relativamente a etnia, crença, opinião, modo
refugiado ou deslocado interno, orientação sexual,
de vida etc. (intolerância religiosa/ideológica).
identidade e expressão de gênero, idade, religião, (Adaptado. Fonte: Disponível em:
situação de rua e deficiência, [...]. <http://www.aulete.com.br/intolerância>. Acesso em: 25 maio
(Adaptado. Disponível em: 2017.)
<http://www.camara.gov.br/sileg/integras/1257473.pdf>. Acesso em
25 maio 2017.)
TEXTO 5

(Fonte: Disponível em: <http://www.seuguara.com.br/2014/02/intolerancia-cartoon-do-andre-dahmer.html>. Acesso 25 maio 2017.)


* Tema do projeto Jovem Senador – 2017.
PROVA INTEGRADA – TIPO A – 1ª SÉRIE-EM - 2º BIMESTRE/2017

LEIA ATENTAMENTE AS INSTRUÇÕES SEGUINTES:


a) Não copie passagens dos fragmentos apresentados nem dê título a sua redação, a qual deverá ter entre 20 e 25 linhas;
b) Expresse-se com vocabulário apropriado e estruturas linguísticas adequadas à norma culta escrita;
c) Procure utilizar os conhecimentos construídos e as reflexões feitas ao longo de sua formação escolar para realizar a redação, inter-
relacionando fatos, ideias e argumentos;
d) Escreva com letra legível (a redação que não puder ser lida receberá nota zero);
e) Utilize caneta esferográfica azul ou preta na folha de texto definitivo de redação;
f) Identifique a sua folha de texto definitivo de redação com seu nome e turma.
 Receberá nota zero, em qualquer das situações expressas a seguir:
 Tiver até dezenove linhas escritas, sendo considerada “insuficiente”;
 Fugir ao tema ou não atender ao gênero textual solicitado;
 Apresentar texto deliberadamente desconectado com o tema proposto.
 A redação vale até três pontos.

RASCUNHO
1.

2.

3.

4.

5.

6.

7.

8.

9.

10.

11.

12.

13.

14.

15.

16.

17.

18.

19.

20.

21.

22.

23.

24.

25.
PROVA INTEGRADA – TIPO A – 1ª SÉRIE-EM - 2º BIMESTRE/2017