Você está na página 1de 19

THM

~~helib(Qs an EurocopterGompany

12 -SISTEMA ELÉTRICO
12.1. - Circuito de geração de corrente contínua 12.2.2 - Componentes do circuito de geração de corrente
12.1.1 - Apresentação geral alternada
12.1.2 - Componentes do circuito de geração de corrente 12.2.3 - Funcionamento do circuito de geração de corrente
contínua alternada
12.1.3 - Funcionamento do circuito de geração de corrente 12.2.4 - Distribuição de corrente alternada
contínua 12.3 - Caixa de interconexões
12.1.4 - Distribuição de corrente contínua 12.3.1 - Generalidades
12.2 - Circuito de geração de corrente alternada monofásica 12.3.2 - Caixas 10,,1e 12,,1
12.2.1 Generalidades 12.3.3 - Caixas 40a e 41a

12.1- CIRCUITODE GERAÇÃODE CORRENTECONTíNUA28.5 V DC


12.1.1. APRESENTAÇÃO GERAL
CIRCUITO 2
(1) PRINCíPIO GERAL DA DUPLA GERAÇÃO E CIRCUITO1 ---- ~ --...
DUPLAALIMENTAÇÃO ~

5HõOBv ~ ~~ ~
Dois geradores (gerador 1 e gerador 2) alimentam, a par- t / i
tir de duas barras principais (1 e 2) dois circuitos de
-
" U3
~~(W I rD\ iI I ~rlj;\
rtW\

+
tT l(Sí"v'51

;+
(1 2)
u Ilzaçao e . 9~Íj0 f&\"Nc,,' 6 BARR S DISTRIB IÇÃO
Nas. barras de distribuição estão ligados os seguintes 1. ~ I
equipamentos: -t'- I I -r-
. U1 : equipamentos alimentados pelo circuito 1 I I BARRA 1 ~
. U2 : equipamentos alimentados pelo circuito 2 t
. U1 + 2: equipamentos com dupla alimentação I

. U3 : equipamentos não essenciais


GERADOR
2
Os equipamentos com dupla alimentação são os
equipamentos essenciais (indispensáveisà segurança do
vôo). Os equipamentos com alimentação simples são
aqueles considerados secundários.

ISTO IMPLICA: . Em caso de pane de uma geração, a


geração restante é capaz de alimentar
os 2 circuitos de utilização (U1 e U2).
. Em caso de curto-circuito perma- (Ú2
nente em uma barra, perde-se ape-
~AT
nas os equipamentos secundários
desta barra. Observe que os equipa-
mentos essenciais, com dupla gera-
ção, permanecem alimentados.

Alguns equipamentos considerados essenciais quanto à I

segurança (exemplo: extintor de incêndio) têm dupla


alimentação a partir dos circuitos 1 ou 2 e da bateria (barra
direta da bateria). Portanto, tais equipamentos continuam
a serem alimentados em caso de pane total das duas i
Cl
gerações.
GERADOR
N3
IGE~I 2

Este documento é propriedade da HEUBRAS. Ele não pode ser transmitido a terceiros nem reproduzido sem a autorização prévia por escrito da

HELlBRAS e seu conteúdo não pode serdivulgado.@HEUBRAS2004. 12.1


~/1 THM
~ +helibrQs sn tlJn>copter Compeny

12.1.1 - CIRCUITO DE GERAÇÃO DE CORRENTE CONTíNUA -APRESENTAÇÃO GERAL


~on~ ~

(2) ASFONTESDEGERAÇÃO
A alimentação dos circuitos de bordo por corrente contínua
rj//j ~ 01
é assegurada por:
- dois arranque-geradoresG1 - G2 (um por motor) quando
os motores estão funcionando.
- uma bateria ou fonte externa quando os motores estão
parados. Isto permite dar a partida nos motores e realizar
ensaios elétricos e testes com os motores parados.

PRINCIPAISCARACTERíSTICAS

.GERADOR: Tensão regulada: 28,5 V


Corrente nominal: 160A
. BATERIA: Tensão: 24V
Capacidade: 43 Ah

(3) DISPOSiÇÃO GERAL: GERAÇÕES E COMPONENTES DE ACOPLAMENTO

Equipamentos não Equipamentos "Direto


essenciais da barra 1 da bateria" Equipamentos não
essenciais da barra 2
"esquerda"

~
Equipamentos do

cirou;/o 1 I1U6n1o1 I
Ir .. BAT'" "dire,"-"

1\ LI ~~~ 23P
U ~~J I j17P :I ~
PP9 PP8
.:~
<1 15P 14P l j18P
1 -'-M-
!Ir --I

é
. A bateria está ligada às barras PP8 e PP9 através de 2 OBSERVAÇÃO:
~
relés (16P - 17P) - Quando a fonte externa estiver conectada, os relés da
. Os geradores G1 e G2 são ligados em paralelo nas bateria e os conjuntores-disjuntores estarão abertos
barras principais através de um conjuntor-disjuntor (14P - (funçã!) automática que isola os geradores da fonte
15P) e através dos relés da bateria (16P - 17P) externa).
. A fonte externa (23P) alimenta as duas barras principais O relé "inter-barras", geralmente aberto, se fecha
após o fechamento do relé (18P) e do relé "inter-barras" automaticamente nas seguintes configurações:
(19P). . alimentação por fonte externa,
. Os relés não essenciais (44P - 45P) estão normalmente . disjunção de um gerador,
fechados, desde que as barras principais PP8 e PP9 . abertura acidental de um relé da "bateria"',
estejam alimentadas.

N3
Estedocumentoé propriedadeda HEUBRAS. Elenão podeser transmitidoa terceirosnem reproduzidosem a autorizaçãopréviaporescritoda
122 HELlBRASe seu conteúdonãopodeser divulgado.@HEUBRAS2OO4.
THM
~helib(Qs sn EurocopterGompsny

12.1.1 - CIRCUITO DE GERAÇÃO DE CORRENTE CONTíNUA - APRESENTAÇÃO GERAL


(Cont.)
(4) OS COMANDOS
O piloto dispõe de 6 chaves e um botão "rearme de
emergência":
- 1 & 2 - Chaves "BATI. 1" (1) e "BAT. 2" (2) que comandam
o fechamento dos relés de bateria 16P e 17P. Duas posições: 7
ON (ligado) e OFF (desligado).
- 3 & 4 - Chaves "GEN 1 (4) e "GEN 2" (3) que comandam o
fechamento dos conjuntores-disjuntores 14P e 15P. Três
posições: ON (ligado) - OFF (desligado) - RESET
A posição "rearme", instável, permite reexcitar o gerador em
caso de uma pane momentânea.
- 5 CHAVE GERAL - Duas posições: ON (ligada) e OFF
(desligada). Desligada, corta-se a alimentação dos relés
(rearme)".
~
{ ti .

- I
.BAT
(
-t
2

da bateria e desexcita os 2 geradores. Esta é a configuração


elétrica no momento de um "acidente": tudo é cortado, com
excessão dos equipamentos ligados à barra "direto da
bateria" (PP7).
- 6 Botão REARME DE EMERGÊNCIA (6) - comum aos 2
geradores, permite rearmar em emergência os 2 geradores
em caso de perda total da corrente de rearme normal (pane
da bateria e desexcitação dos 2 geradores).
- 7 Chave "SHED BUS" (7) - Duas posições: NORM (normal)
e SHED (não essencial). Na posição SHED, corta a
alimentação dos relés não essenciais 44P e 45P. Estes
permitem, no caso de uma perda total dos geradores, de
economizar a corrente da bateria, mantendo alimentados
10
somente os equipamentos essenciais ao vôo.

NOTA. O fechamento do relé de fonte externa (18P) é


energizado ao conectar a fonte externa na tomada (23P) SH€'O.OO$ 1 BAT.TEMP
t'lELB (t:>11"C)
(chaves "BAT" ligadas). I

.2
..
(5) OS CONTROLES
BATI 3
- LUZES DE ALARME (2) (3) (4) (5)
BAT,SW1 U .

U BAT.$W2
ElATU
t
. ...

Advertem o piloto que o relé da bateria ou o conjuntor-disjuntor t BAn2


correspondente está aberto ou se abriu. A partir da
1~-
configuração normal em vôo, quando todas as luzes estão
apagadas, o acendimento de uma luz de alarme indica, ~ --liPT ;.
44P~
~- ,
23Ft
então, uma pane.
- LUZ "SHED BUS" (10) .p,
~1'P _16P~
: a i
:"T'Ã:
.

.t
if1_I
v
11.

Esta luz se acende quando o piloto desliga a chave SHED


BUS e os dois relés 44P e 45P estão abertos. 5 .! 15ft 14P l ~8P

- LUZ "BUS CPL" (6) 14---!'t


1 t\-~
Seu acendimento indica o fechamento do relé inter-barras.
Configuração de acendimento: GENJ .; au$CPl.
M6AA
. alimentação por fonte externa,

. \!0 ~~.,
. disjunção de um gerador,
abertura acidental de um relé da bateria.

- LUZ DE ALARME TEMPERATURA DA BATERIA(1)


'- GEN2
..... "./
GEMi 1
Esta luz se acende quando a temperatura da bateria 9""
ultrapassar 71°C. O piloto deve, então, isolar a bateria eXT
1
(chaves "BAT" na posição desligada).
- CONTROLEDA TENSÃO DAS GERAÇÕESE DA CORRENTE
DOS GERADORES
Um voltímetro (9) e um amperímetro (8) associados a um , \
.8
seletor de leitura (7) permitem ler:
. a tensão dos geradores, da bateria e da fonte externa,
. a corrente dos geradores.
t§::J t~~ 9
A
'\

N3
Este documento é propriedade da HELlBRAS. Ele não pode ser transmitido a terceiros nem reproduzido sem a autorização prévia por escrito da
HELlBRAS e seu conteúdo não pode ser divulgado,@HEUBRAS2OO4. 12.3
THM
~helib(Qs an Eurocopte!' Gompaoy

12.1.1 - CIRCUITO DE GERAÇÃO DE CORRENTE CONTíNUA - APRESENTAÇÃO GERAL


(Cont.) , '

(6) FUNÇÕES AUTOMÁTICAS


' BAT

. PROTEÇÃO EM ALIMENTAÇÃO "FONTE EXTERNA"


-Isolamento dos geradores: quando a fonte externa está
conectada, dois relés auxiliares de fonte externa (20P - ,I
-
"
""
~-
.
!
! .
t I
' .."

21P) cortama alimentaçãodos relés da bateria(16P -:::: ~t1P PP716P "

~~
17P)e dosconjuntores-disjuntores
(14P- 15P)efecham ~
,~,
t í'
,
'

o circuito do reléinter-barras (19P). PP9 ~ PP8


- Proteçãocontra sobretensão:se a tensão da fonte 19~
externa ultrapassar31.5V,o cartão de proteção(82P)corta ,
" 5P '
"
,

~, " " 14P t-


o circuito de alimentação do relé de fonte externa e dos
I
.-M
, ,
, L !..M.
,
,
.

relésauxiliares. 1 rqr~_rT~

. CONJUNÇÃO-DISJUNÇÃODOS GERADORES ]:eAT


- A conjunção dos geradores à sua barra de distribuição é L
efetuado quando a tensão do gerador ultrapassaem 0.5V
a tensão da bateria. /J.J,.
t'uGi:N
- A disjunção se produz quando uma corrente de retorno (G ') ( G 1
"'~' ~_i")
compreendida entre 9 e 22 A circula no sentido "bateria- CONJUNÇÃO DISJUNÇÃO
gerador".
VGEN V8A.TI =>0.5 V 9A<If\<nA

fBAT=l
~=..~ 'j
~
;
. REGULAGEM DA TENSÃO E PROTEÇÃO CONTRA
SOBRETENSÃO , 1- 23P
Cada gerador é comandado por um regulador de tensão ", ~ ~ ~ltA
..r~
!
(28P - 29P) que age sobre o circuito de excitação do :3: 45. I ~ 111'
_16'
gerador e sobre a alimentação do conjuntor-disjuntor.
Principais funções: ' .II~19t3:
PPI
,. PPtl
14P
~, 1SP
- Regulagem da tensão em 28,5 V :!:0,5 por variação da -/1\
corrente de excitação;
,

,
IS'
I !'\ .
- Proteção do circuito contra sobretensões (corte da ,

excitação do gerador e da alimentação do conjuntor- ,

.~ ..
disjuntor para U > 32 V);
- Conjunçãoem paralelodos2 geradores,pelaequalização
da corrente de saída em :!:10 %. Os dois reguladores são a.
. ";k'T1~~ ,

ligados através de um circuito de equalizaçãoque detecta


as diferenças de corrente entre os geradores.
excitação
\
129.\
equalização
28. .~
N3

Este documentoé propriedadeda HELIBRAS.Ele nãopodesertransm~idoa terceirosnem reproduzidosem a autorizaçãopréviapor escritoda


HELIBRASe seu conteúdonãopodeser divulgado.@HEUBRAS2OO4.
12.4
THM
""r- helibrQS
60 Eurooopler GolJ1'fJny

12.1.1 -CIRCUITODE GERAÇÃODE CORRENTECONTíNUA-APRESENTAÇÃO GERAL


(Cont. )

. o curto-circ
PROTEÇÃOCONTRACURTO-CIRCUITOSNAS BAR-
RAS PRINCIPAIS
Em caso de curto-circuito, produz-se uma sub-tensão
geral detectada por um relé (38P ou 39P) associado a
ocorreu aqUI
o

,
ufto ~ '..

'1- 13.1>
um cartão impresso de proteção (40P ou 41P) que vai
isolar o curto-circuito. :3 otlA ".- ' ..
Por exemplo, se o curto-circuito ocorre na barra PP9, o ... ;-., ~11'_'6':;) rr4J
~
. ~
.

' pp
dispositivo de proteção reage da seguinte forma: ..

- evita o fechamento do relé inter-barras (19P), ~


. FtP9!
~ ,!li.
19~ 14P
.
'18P
- corta a alimentação do relé da bateria (17P),
- corta a excitação do gerador 1.
.rt
1
.-J -M-1= 1'\-
;pro
.6. rL..~T"

L .
.
.

Ou seja, isola o curto-circuito das barras PP7 e PP8. A . 41teçao!


P 'j 4OP!
. ."
...10..

bateria e o gerador 2 permanecem disponíveis para ,~~ ~~


alimentar os sistemas da aeronave.
~) - 39P

proteção proteção
3BP

circuito 1 circuito 2

BAT

.PROTEÇÃOCONTRACURTO-CIRCUITONO "CABO"
DO GERADOR "16P. :. '

!
O conjuntor-disjuntor e o cartão impresso de proteção
do respectivo circuito reagem em caso de curto-circuito.
::;:.
.

.
..
.
1113' :) :F :3
. . ,
.."'-,-:6m
44P

u.
.
.. 23P

Por exemplo, se ocorre um curto-circuito no "cabo" do ~ PP'a'~1


gerador 1: 151" 1'!'p~ 14P I ~P
- a tensão do G1 cai, .,;,1.
-M- ' . " cartã -ode ' (;,rtã~d~!
l
- ~-Ilol.
- o conjuntor-disjuntor 15P,percorrido por uma corrente ,- 1". .. ..

~
I proteção
. proteção!
de retorno, se abre, acionando o fechamento do relé in- . ~ 41P. 4OP ,
:::~~ ..~'~...
ter-barras (19P), ':'f' .~. ...~ ' ~,
~~ ~~ I
- o cartão impresso de proteção 41P corta a excitação G1'.. 391> 38P ,
do gerador 1:
~ .. O curto-clrculro .
O gerador 1 é isolado e perde a excitação. ocorreu aqui
O gerador 2 alimenta os circuitos 1 e 2.

.PROTEÇÃOCONTRACURTO-CIRCUITONO "CABO"
DA BATERIA ~~!!. UP

.~rr~
Se ocorre um curto-circuito no "cabo" da bateria, ela é
;J
;j~~1]'-'-:6';); li

"*;9-,- ~
isolada automaticamente: ..
- o fusível (F), instalado no negativo da bateria, rompe- ", . pp *
se, ,I 19~ 14P
~."'BP
- os relésde detecção (38P- 39P) comandam a abertura
dos 2 relésda bateria (16P-17P) e evitam o fechamento
do relé inter-barras (19P).
1EP
/ ~\ ...
!'\ ê

Perde-se a bateria, mas os dois geradores alimentarão


~ ... ...\1 A
normalmente as duas barras.
39P
3~~ ~
N3
Este documento é propriedade da HELlBRAS. Ele não pode ser transmitido a terceiros nem reproduzido sem a autorização prévia por escrito da
HEUBRAS e seu conteúdo não pode ser divulgado.@HELlBRAS2OO4. 12.5
( ( ( c ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( c ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( c ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( .c ( (\
(
THM ~~( ( (
~helib(Qs
.,',,"'.-,",,"""

12.1.2. CIRCUITO DE GERAÇÃO DE CORRENTECONTíNUA

Os componentes com números ímpares pertencem à geração


esquerda (circuito 1); os componentes com números pares
-... -...
pertencem à geração direita (circuito 2). Os componentes
comuns (exemplo: bateria, fonte externa) não seguem esta
regra.

14P-15P - Conjuntor-disjuntor
16P-17P - Relé de bateria
18P - Relé de fonte extema
19P- Relé inter-barras
20P-21 P - Relé auxiliar de fonte extema
22P -Bateria
23P - Fonte extema
24P-25P - Relé inversor «arranque-gerador» (ver capítulo
«Instalação dos motores)
26P-27P - Filtro anti-parasita
28P-29P - Regulador de tensão
m30P - Arranque-gerador
m31 P - A"anque-gerador
32P-33P - Shunt do amperímetro
38P-39P - Relé de detecção dos curto-circuitos
4OP-41P - Cartão impresso de proteção contra curto-
circuitos
44P-45P - Relés não essenciais
49P-50P - Chave de comando do relé da bateria
51 P-52P - Chave de comando do gerador (3 posições: OFF
(desligado) - ON (ligado)'- RESET(rearme))
53P - Chave geral
6OP - Fusível da bateria
82P - Cartão impresso de proteção contra sobre-
tensão da fonte extema
-
104P Rearme de emergência
-
114P Chave SHED (barra não essencial)
-
PP7 Barra direta da bateira
PP8 - Barra principal «Geração 2»
PP9- Barra principal «Geração 1»
-
A Amperímetro
V - Voltímetro
1Oa Seletor de leitura do voltímetro e do amperímetro

~ Comparador de tensão
lI] Temporizadorde fechamento do refé

Na
EstedQcum,otoépropOedadedaHEUBRAS. 8eoOopode""Uansmffidoa ","""" o"", "'prod"""",,,m aauto- p"',iepote",,"oda
HEUBRAS e seu conte""" 000 pode ""d""gado." HEUBRAS 2004. 12.7/8
THM
~ helibrQs
00 ElJ",_ter Gompany

12.1.2. COMPONENTES DO CIRCUITO DE GERAÇÃO DE CORRENTE CONTíNUA (Cont.)

(1) COMANDOS E CONTROLES

GEN.1 I BUS.CPLI Gr;N. 2 I

BAT SW11 SHED-BUS


I
i
I BATSW21

I
I
I
I

/
/
I

8
\
6 4

1 - Chave de comando do gerador 1


-
2 Chave geral
3 - Chave de comando do gerador 2
4 - Chave de comando das "barras-não essenciais 1 e 2"
5 - Chave de comando do relé 2 da bateria
6 - Seletor de leitura do voltímetro e do amperímetro
7 - Chave de comando do relé 1da bateria
8 - R,earme de emergência dos geradores
9 - Voltímetro
10 -Amperímetro 100%= 160ampéres

N3
Este documento é propriedade da HELlBRAS. Ele não pode ser transmitido a terceiros nem reproduzido sem a autorização prévia por escrito da
HELIBRAS e seu conteúdo não pode ser divulgado.@)HELIBRAS2OO4. 12.9
~ THM
~helib(Qs on Euroccpter 00"., "

12.1.2. COMPONENTES DO CIRCUITO DE GERAÇÃO DE CORRENTE CONTíNUA (Cont.)


(2) LOCALIZAÇÃO
DOSCOMPONENTES
1- Arranque-gerador(m30P-m31P)
2 - Duto de ventilação do ventilador
3 - Filtro anti-parasita (26P - 27P)
....
4 - Relé inversor "arranque-gerador"(24P -25P)
5 - Regulador de tensão (28P - 29P)
6 - Armário elétrico (porta na posição aberta)
7 - Bateria (22P)
8 - Caixa elétrica 1°c (reagrupa a maioria dos
componentes de geração) ;I
9 - Tomada de fonte externa (23P)

1 I
- 2

,
l
, .oi,1 '::
" - 'J

f
..
.t'
/
/
I
~r. &6A Gf;'('O (;1C()
.f.f (";"f.,
.}-- 'I~"", 1) fL- j'()
r
>-
I
.'~
~ ~..r

--
3! /;
.~ / V
/'~' ~~-)
8~ '~.-I

,
~

'.

"
\~
1
i
"
"'-.........
8 6 5
N3
Estedocumento é propriedadeda HELIBRAS.Se nãopodeser transmitidoa terceirosnem reproduzidosem a autorizaçãopréviapor escritoda
HEUBRAS e seu conteúdonãopodeser divulgado.@HEUBRAS2OO4.
f 12.10! '-
'-../ THM
' /
-,Ç helibrQs flO Eurocop<cr [;ompl>ny
"-/

' /
12.1.2. COMPONENTES DO CIRCUITO DE GERAÇÃO DE CORRENTE CONTíNUA (Cont.)
v CAIXA ELÉTRICA -1°c

----- 1 6
'----

"-../

\-./

\.J 19 7
'-
'-../

\.J
1 1
\.J

'-'

\.J

v
'-...-

v
\-.-'
17 9 8
.'-...-

\.J
1 - Fusíveis 11 - Cartão impresso 1 com diodos (43P)
'-./ 2 - Relé de fonte externa (18P) 12 - Relé 1 de detecção de curto-circuitos (39P)
'--' 3 - Disjuntores 13 - Cartão impresso 2 de proteção contra curto-
4 - Relé 2 da bateria (16P) circuitos (40P)
'-"
5 - Relé inter-barras (19P) 14 - Cartão impresso 2 com diodos (42P)
~ 6 - Relé 1 da bateria (17P) 15 - Cartãoimpresso de proteção contra
v 7 - Relé não essencial "BARRA 1"(45P) sobre tensão da fonte externa (82P)

'--'
8 - Relé auxiliar de fonte externa 1 (21 P) 16 - Relé 2 de detecção de curto-circuitos (38P)
9 - Conjuntor-disjuntor 1 (15P) 17 - Conjuntor-disjuntor2 (14P)
'-./ 10 - Cartão impresso 1 de proteção contra curto- 18 - Relé 2 auxiliar de fonte externa (20P)
'-'
circuitos (41P) 19 - Relé não essencial "BARRA 2" (44P)

v
'-
'-
'-./
.
'-
'-.J
.
..

'-./
'-../

\ /

\.J

v
\.J
N3
\.J
Este documento é propriedade da HELlBRAS. Ele não pode ser transmitido a terceiros nem reproduzido sem a autorização prévia por escrito da
'-...-
HELlBRAS e seu conteúdo não pode ser divulgado.@HELIBRAS2004. 12.11
THM
~helib(Qs on Eu",captor Comp<lny

12.1.2. CIRCUITO DE GERAÇÃO DE CORRENTE CONTíNUA (Cont.)

(3) CARACTERíSTICAS DOS PRINCIPAISCOMPONENTES


BATERIA " )
- Bateria alcalina de níquel-cádmio: REGULADOR DE TENSÃ~ iY1&1Ili .
- Tensão 24 V O regulador estático assegura as seguintes funções:
- Capacidade 43Ah - Regulagem da tensão em 28.5. V:!: 0.5 V (regulável
- Número de elementos 20 através do potenciômetro).
- Proteção contra sobretensão (corta a excitação do
A bateria está instalada sobre um suporte que, ajustado
gerador quando a tensão é superior a 32 V).
em freqüência, melhora o nível vibratório da aeronave - Equalização de corrente entre os 2 geradores em +/-
(utiliza-se o peso da bateria para anular as vibrações). 10% .
- Interdição de conjunção do gerador em caso de inversão
ARRANQUE-GERADOR de polaridade.
- Gerador "shunt" com enrolamentoem "série" com o - Corte a distância (chave geral).
arranque. - Rearme do gerador.
- Tensãonominal 30 V - Interdição de equalização durante a partida.
- Correntenominal 160A - Manutenção da corrente de partida por desexcitação
- Potêncianominal 4.8 kW progressiva.
- Sobrecargadurante2 min 200A
- Sobrecarga durante 15 s 250 A

CONJUNTOR-DISJUNTOR
- Conjunção para UGER 0.5V > UBAT
- Disjunção com corrente de retorno compreendida entre
ge22A
- Corrente nominal 220 A
-Sobrecarga durante 10 min 400 A

N3

Estedocumentoé propriedadeda HELlBRAS. Elenão podeser transmitidoa terceirosnem reproduzidosem a autorizaçãopréviaporescritoda


HELlBRASe seu conteúdonãopodeser divulgado.@HEUBRAS2OO4.
12.12
c c ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( c ( ( ( ( ( \ ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( c ( ( c c ( ( ( ( c ( " ( ( (
""' ,
THM
~r helibrQs
~"""""'NC__,
I;~Ê>
~' .

'I

-
12.1.3. FUNCIONAMENTO DO CIRCUITO DE
GERAÇÃO DE CORRENTE CONTíNUA t'"
....
.....
A seguir, as principais configurações funcionais:
- alimentação por fonte externa,
- alimentação por bateria,
- alimentação por geradores,
- proteção contra curto-circuito.
A função «partida» será tratada no capítulo 13 (Instalação dos
motores)
(1) ALIMENTAÇÃO POR FONTE EXTERNA

-
CTUTr.O '
BA. T t~ .:a CrMn ~

j; Ji
'

U .
'
5OP U ,.

t ":1.. .

," ...""
t
M'~' ! .
n

., I Up
45,.;:i: ::;=111"11."::;=«~~ <I)
.
~
, ,/
~
I
,.
J 151'
19~
.

I ~18"
e="-cPt,,p\
_: 141'~ .
'"-'.,
1
.1'\,. ri
.1 ., \'.
"~o .' . /',1 f

('s
",," 1')\\ ~~ !!2"~,/
i (G.li~
\. l

~.~' an'18 8 ft(Nj


1 ""-'

CONFIGURAÇÃO DO CIRCUITO
. Ao conectar a fonte externa através de 23P provoca-se o
fechamento dos relés auxiliares 20P 21 P. O fechamento -
destes relés impede a energização dos relés da bateria 16P -
.
17P e dos conjuntores-disjuntores
Ao se ligar as chaves « bateria» 49P 50P provoca o
fechamento do relé de fonte externa 18P, o fechamento do
14P - 15P.
-
relé interbarras 19P, e o fechamento dos relés não essenciais

.
44P - 45P.
A duas barras PP8 e PP9 são alimentadas.
. Todas as luzes se acendem
BUS).
. O seletor 1Oa do voltímetro em «EXT »; o voltímetro indica a
tensão da fonte externa.
(exceto a BAT- TEMP - SHED

",",1.
~r;-~[1 . 1"1- '
J
rn Comparador de tensão

OBSERVAÇÕES [fi Temporizador do fechamento do relé


1) Em configuração «alimentação por fonte externa», a bateria
e os geradores são isolados: PRIORIDADE PARA A FONTE
automaticamente a alimentação por fonte externa quando a - Alimentação por fonte externa Observar que em configuração «alimentação por fonte
tensão desta última ultrapassar 31.5V. -Verificações e testes antes da partida dos motores externa», não importa a posição das chaves dos geradores
EXTERNA.
- Partida dos motores «<ligados»ou «desligados»).
4) A configuração de alimentação por fonte externa é a
2) «Chave geral» 53P não tem efeito sobre a alimentação por
fonte externa. Se necessário, para isolar a fonte externa, é configuração normal dos testes em solo e da partida dos - Desconexão da fonte externa
motores (quando se dispõe de uma fonte externa). O
, preciso desligar as duas chaves da bateria.
procedimento é o seguinte:
- Conjunção automática dos geradores (a aeronave estará,
3) O cartão de proteção contra sobretensão 82P corta então, eletricamente autônoma e pronta para o vôo).
\ N3
Este
do""'_'_daHEUBRAS,'" nãopode""""","'a"""'rosn"" ..p""""~o"'" a""""'eçio P"""po"""moda
HElIBRASe seu oonteúdonãopodese'dWgado. CHEUBRAS2004. 12.13/14
,I
ri
( ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( c ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( (
THM ~rhelib(Qs ~-
'" ,.~"""". C"C..""

-
-
~- -
12.1.3. FUNCIONAMENTODO CIRCUITO DE GERAÇÃO :- -. N_T.
DE CORRENTECONTíNUA (CONT.) 1M
M
CT,BATT.I
.
T'BATT
,... . -"'tN"
"'
Jjf'. .
BAR ,',', 'o
--
.
C'T.BATT.

~V, DEL.B
....
Mo. .....
1m
".
.. ..
(2) ALIMENTAÇÃO
PORBATERIA .. . .

-- ,... "r! "Ill't .

MT J;wj 'I~ Lr--'


J-
C=':--.
~~~_.~
~~-~l-d
!!l .. ..
~=r.I~~ -'~~.P'!~. ~& ~

v..f.2Wl" . A t
~8
C'lEIiII.TT 1

8
. . .
. \IiJ.
41Jf' BATI CUATU
tA

", \.1' ~/ .r;"i


l
WD :' '.

tS4"
1911'
~' 110111"
~ ml'
"F

~~~~~~~ 6etu9 8 I3fNJ


CONFIGURAÇÃO DO CIRCUITO
Ligando simultaneamente as duas chaves ..Bateria.. 49P -
50P, tem-se a seguinte seqüência:
- Os relés de bateria 16P - 17P se fecham: as barras PP8 e
PP9 são alimentadas pela bateria e as duas luzes ..BAT SW»
se apagam.,
- Os relés não essenciais 44P . 45P se fecham e a luz ..SHED
BUS» se apaga.
- Os relés de detecção de curto.circuito 38P - 39P são
energizados (após a temporização T de 150 m sego e para
um limite de tensão S > 15V) e permanecerão energizados,
monitorando a tensão da bateria (detecção de curto-circuito).
As duas luzes ..GEN.. se acendem.
Com o seletor 10 a do voltímetro na posição "BAT', pode-se
ler a tensão da bateria.

OBSERVAÇÕES
1) Os circuitos de energização dos relés da bateria 16P - 17P -'I'
fazem massa em dois pontos: através dos conjuntores-
disjuntores 14P- 15Pdesenergizados(em repouso)e através lI! Comparador de tensão
dos relés 38P - 39P energizados (em trabalho). [l] Temporizadordo fechamento do relé dos relés de bateria.
Durantea partida,um terceiromassaé encontradopelos relés 6) Observar que, em configuração "alimentação por
RL4 dos cartões impressos 40P - 41 P. Os. relés RL4 têm a subtensão na outra barra e impede o fechamento do segundo 5) A configuraçãode alimentaçãopor bateriaé a configuração bateria»nãoimportaa posiçãodas chavesdos geradores
função de anular os dispositivosde proteçãocontra os curto- relé (ver a seguir ..Curto-circuito na barra principal»). normal dos testes em solo e da partida dos motores (na
(..ligadas»ou ..desligadas»).
circuitos durante a fase de partida. 3) O relé inter.barras 19P é energizado através do contato ausência de fonte externa). O procedimento padrão é o
seguinte:
2) As chaves da bateria 49P - 50P devem ser ligadas ..repouso.. dos relés de bateria. A abertura acidental de um
- Alimentação por bateria
simultaneamente. Se apenas uma das chaves é ligada, apenas relé de bateria provoca o fechamento do relé inter-barras: a
. Este caso de pane é levado em consideração somente
um relé se fecha e somente uma barra é alimentada. O luz ..BAT» correspondente e a luz ..BUS CPL» se acendem.' - Verificações e testes antes da partida dos motores
quando os dois geradores estão alimentando o circuito.
dispositivo de proteção contra curto-circuitos detecta uma 4) Quando a chave geral53P é desligada, provoca a abertura
N3
- Conjunção automática dos geradores.

EstedocLmentoé"""'""""'" daHEUBRAS,Eleoãopodese,'en""itidoa te",,'",,"om _""""sem """- ""'~po'ascritoda


HEUBRASe seu"",teúdooãopodeserd;"ulgado,OHEUBRAS2OCI4- 12.15/16
( ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( <. ~ ( ( <. \. ( ( <. ( ( \ ( ( ( ( ( ( ( <. <. ( \ l l <.
THM
~rhelib(Qs
"',",."",,"' ""..,.,,"
~
12.1.3.

~ -
.BAR
FUNCIONAMENTO DO CIRCUITO DE GERAÇÃO CT. BATT.I
T' BATT "
~'ili,

!L
,','.,"
"'
//IIT;
DE CORRENTE CONTíNUA (CONT.) ... ... "" , , ,

....
.... "'" "'., :nP!
(3) ALIMENTAÇÃOPELOSGERADORES- CONJUNÇÃO
,
DO PRIMEIROGERADOR
--- ~~i'" ,
,

"'" -
,

"11--0 .: 0-1.'

A... ...~
8...r~' ;AA;~
(T1Ji.,H' & -] C1 e,on 2
O
g
~
491' ~J BAT'
'\,
\1
I

1/8
.,
~
w>::J: 23~

'" ,,~ ~!~i


-. -M
lIIP

,~' -' fiiJIiGCi'l


...,
M ~ I
;:;.;

,.' ~,

~ GEN.a
"\ "\.<1" g
\ 'ô9'""'~a
M /'"
/
rJ ~
" l, :,~])
~ 'OiillIl\I~
"
,,

HIPÓTESE:

Na partida, o circuito está na configuração «alimenação por


bateria»; o motor 1 está funcionando; as chaves dos geradores
51 P - 52P estão ligadas; o gerador 1, acionado pelo motor, atinge
a tensão de conjunção.

CONFIGURAÇÃO DO SISTEMA
Quando a tensão nos terminais do gerador ultrapassar em 0.5V a
tensão da bateria, o conjuntor.disjuntor 15P se fecha (a corrente
de comando é aplicada ao terminal «INT" doconjuntor.disjuntor).
O gerador 1 alimenta então a barra PP9 e a sua corrente de
excitação é controlada pelo regulador de tensão 29P.

O fechamento do conjuntor-disjuntor 15P comanda o fechamento


do relé inter-barras 19P. A partir do contato auxiliar de 15P, em
trabalho, o circuito do relé inter.barras se fecha através:
- das chaves da bateria 49P - 50P

- dos relés 38p.39P OBSERVAÇÕES:


1) A conjunção dos geradores ocorre com um regime do motor
- do contat!? auxiliar do segundo conjuntor.disjuntor 14P.
inferior à marcha lenta, o que possibilita, em baixos regimes,
aproveitar uma parte da potência dos geradores.
0 Comparador de tensão
O gerador 1 alimenta as barras PP8 e PP9. 2) Assim que o gerador é acoplado, a bateria torna-se m Temporizador de fechamento do relé
As luzes GEN 2 (gerador 2) e BUS CPL (inter-barras) estão «equipamento" (consumidor de corrente) e a partida do segundo
acesas. motor se faz com a corrente do gerador acoplado.
3) Em caso de partida dos motores com fonte externa, os dois

-
Com o seletor 100: na posição «GEN 1", pode-se ler a corrente
do gerador no amperímetro e sua tensão no voltímetro. geradores são acoplados assim que a fonte externa for
desconectada. N3
Este doe""e"," ép",p"e."ctedaHElIBRAS, Ele"ão poeta"",","""""'ete,,,,'ros "em "'"' a_",ação"""a"",e"""" da
HEUBRASeseuoonteúdo"ão
poeta
""d'"~ado.OHEUBRAS2004. 12.17/18
( ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( ( (, ( ( ( ( ( c " ( \ ( l l
THM ~~

c
~r """'"'""f""""""""
helibrQs

12.1.3. FUNCIONAMENTO DO CIRCUITO DE GERAÇÃO "'"


fH

DE CORRENTE CONTíNUA (CONT.) H.


"'"

n
(4) ALIMENTAÇÃO DOSGERADORES: CONJUNÇÃO DO
SEGUNDOGERADOR

'I ,
W &,
,.... Jt

I .......- -
.
.
~.". ,... .I~"i
I ...,...,.. :
1_1..i.,.
;,.'
,

~
~~,
:- : .~:.:;.
1-:
~ ..
J.. J

HIPÓTESE:

O gerador 1 está acoplado e alimenta as barras PP8 e PP9


(relé inter.barras «fechado»). O motor 2 está funcionando. O
gerador 2 atinge a tensão de conjunção (chave do gerador 2
ligada).

CONFIGURAÇÃO DO CIRCUITO
Quando a ténsão do gerador 2 ultrapassa em 0.5 V a tensão
.-
do gerador 1, o conjuntor-disjuntor 14P se fecha (ver
Observação 1).
O fechamento do conjuntor-disjuntor 14P corta, pela posição
«trabalho» de seu contato auxiliar, o circuito de alimentação
do relé inter-barras 19P que se abre.
Os dois geradores são acoplados em paralelo pelos relés de
bateria 16P-17P.
i\f- '"
Todas as luzes se apagam.
O voltímetro indica os mesmos valores de tensão quando o
seletor está posicionado em GEN1, GEN2 ou BATI (tensão
comum desde que os geradores estejam acoplados).
O amperímetro indica a corrente de cada gerador quando o I
seletor está posicionado em GEN1 ou GEN2.

2) Como circuitode comandodo relé inter-barrasse fechando abre quando a corrente de retorno (barra -o> gerador) estiver ill Comparador de tensão
OBSERVAÇÕES:
1) A diferença de tensão que permite a conjunção do segundo
através da posição «repouso»do contato auxiliar dos
conjuntores-disjuntores e pela posição «repouso»de um
entre 9 e 22A.
4) O circuito de equalização detecta qualquer corrente que
m Temporizador de fechamento do relé

gerador é obtida automaticamente pelo circuito de equalização contato auxiliar dos relés da bateria, basta que um relé de circule entre os terminais E dos 2 reguladores e modifica a
que associa os 2 reguladores (terminal E de cada regulador). bateria ou que um conjuntor se abra para energizar o relé tensão dos geradores de forma a assegurar sua conjunção
inter-barras. Assim, qualquer acendimento da luz BATI ou para as correntes iguais (aproximadamente:!: 10 %).
Este circuito tende a equalizar as correntes dos geradores,
GEN é acompanhadapelo acendimento da luz BUS CPL (in- 5) Condições de desexcitação dos geradores: ver a página
reduzindo a tensão do gerador com maior corrente e
ter-barras).
aumentando a tensão do gerador com menor corrente (que seguinte.
será acoplado). 3) Emcaso de pane de um gerador, o conjuntor-disjuntor se
N3
Estedoe"""""é""","""adedaHEUBRAS.EIe",Opoda"""",,,",_ate"""ros"am ,a_",maa""- p"'~"",ascrttoda
HELIBRASa
""'000'_"'" poda""d","~ado.OHEUBRAS2OII4- 12.19/20
THM

~helib(Qs "" ElJrooo{!t.~ Gompnny

12.1.3. FUNCIONAMENTO DO CIRCUITO DE GERAÇÃO DE CORRENTE CONTíNUA (CONT.)

(5) ALIMENTAÇÃO PELOS GERADORES: DESEXCITAÇÃOE REARME

(desexcitação)
r -- '...,
:~
"

I
.

I
I
:I
:F.-
: l t
!~L
.
.J

--
.l-
~."
Negativo do terminal
fT
\I.!

~-~-j l "

..I
I
I
:'!DP

CHAVE GERAL

H do regulador
F, I
Negativo do terminal
H para rearme

~"P
r
- ~
,
21P

r
- ST:RT !
(rearme)

~
"" "
~- tO4P
REGULADOR

m:31P o circuito está representado na


REARMEDE
EMERGÊNCIA configuração"rearmenormal".

Sem abordar o funcionamento relativamentecomplexo do


reguladorde tensão, é preciso saber que um relé biestável
(contato C), instalado no circuito de excitação do gerador, REARME NORMAL
corta este circuito automaticamente:
_" Se o gerador é desexcitado em conseqüência de uma
R - m caso de sobretensão do gerador,
\\: J em caso de curto-circuito no cabo do gerador ou em
pane momentânea, o piloto pode reexcitá-Io colocando,
momentaneamente, a chave de comando na posição
, umabarraprincipal. "RESET" (R).
(~ desexcitação também pode ser voluntária: Este procedimento alimenta o terminal G do regulador e
\:<:.yção do piloto na "Chave geral". coloca o terminal H ao massa: o contato C se fecha e
permanece fechado se a pane que provocou a
desexcitação tiver desaparecido.
CONDiÇÕES DE DESEXCITAÇÃO
. Sobretensão: Se a tensão aplicada ao terminal F do
regulador for superior a 32V, o contato C desarma. REARME DE EMERGÊNCIA
. Curto-circuito: No caso de um curto-circuito,o relé RL3 Em' caso de perda da bateria e acionamento da chave
do cartão de proteção passa para a posição "trabalho": o geral, a reexcitação dos geradores é possível através do
terminal J do regulador é alimentado, o terminal H perde botão rearme 104P. O rearme de cada gerador é enviado
seu massa: o contato C desarma. ao circuito de excitação, a tensão aumenta e é aplicada
ao terminal V, que arma o relé biestável em posição nor-
. Chave geral: Quando desliga-se a CHAVE GERAL, o mal.
terminal H do regulador perde seu massa e o contato C
desarma.

N3
Este documentoé propriedadeda HELlBRAS, Ele nãopodeser transmitidoa terceirosnem reproduzidosem a autorizaçãopréviapor escritoda
HELlBRASe seu conteúdonão podeser divulgado,@HEUBRAS2OO4. 12.21/22
" " " " " " " " , " " , " " " " " " '. , '. " " " , " , " " " ,
THM
~.helib(Qs """"""t"..'~""r.",

12.1.3. FUNCIONAMENTO DO CIRCUITO DE


GERAÇÃO DE CORRENTE CONTíNUA (CONT.) -- l CT. BA TT. 1
t
--
(6) CURTO-CIRCUITONA BARRA DE DISTRIBUiÇÃOPRINCIPAL

.1a FASE :ISOLAMENTO DA BARRA EM CURTO.CIRCUITO

ii
I
HIPÓTESE t
Ocorrência de curto-circuito na barra 1"1"9(o mesmo ocorre
para um curto.circuito na barra 1"1"8,o funcionamento é \
simétrico).

CONFIGURAÇÃO DO CIRCUITO
Inicialmente, o circu~o está normal: bateria e geradores ligados
ao circuito, relé inter-barras 191" aberto, relés 381" 391" -
energizados, relés RL2 - RL3 - RL4 dos cartões impressos
-
401" 41 I" em posição repouso.
O curto-circuito provoca uma sub-tensão geral do circuito.
Quando a tensão cai abaixo de 15 V (valor de regulagem do
sensor de baixa tenão S dos relés 381" e 391",esses relés se
desenergizam:
. os dois relés de bateria 161" . 171" se abrem: corte de seu
massa por um contato «repouso» dos relés 381" 391"; -
-o relé inter-barras 191" não pode mais ser energizado
(repouso): corte de sua linha de alimentação pelo segundo
contato «repouso» dos relés 381".391". OBSERVAÇÕES
1) Na primeira fase, a abertura automática do circuito evita
m Comparador de tensão
A BARRA 1"1"9, ONDE OCORREU
ESTÁ ISOLADA.
O CURTO-CIRCUITO,
alimentar o curto-circuito através de todas as gerações. lI] Temporizador de fechamento do relé

2) Após a abertura, a tensão na barra 1"1"9se aproxima de


APENAS O GERADOR 1 ALIMENTA O CURTO.CIRCUITO.
zero, enquanto a tensão de 1"1"8está normal. É esta difrença
A TENSÃO NA BARRA 1"1"8VOLTA AO SEU VALOR NOMI- que permitirá determinar qual é a barra em curto-circuito e
NAL (28.5V). desexcitar o gerador correspondente.

N3
Estedoc""e"lo' "'- daHEUBRAS.
E1e"OOpode",",""",,_a te,...'",s"emreprod"'kIo"'",ee""_"',~po'OSC~OM
HEUBRASe"" oonteúdo"OO pode""d""gado.OHEUBRAS2CIO4- 1223/24
THM
~ helibros
*. """"'f'" r",',~o;,

12.1.3. FUNCIONAMENTO DO CIRCUITO DE GERAÇÃO


DE CORRENTE CONTíNUA (CONT.) -- -I'ft
(6) CURTO-CIRCUITONA BARRA DE DISTRIBUiÇÃO PRINCIPAL

. 2a FASE: DESEXCITAÇÃO DO GERADOR QUE


ALIMENTA A BARRA EM CURTO-CIRCUITO

CONFIGURAÇÃO DO CIRCUITO
Após a abertura dos relés de bateria, a tensão da barra PP9
onde ocorreu o curto-circuito cai próximo a zero, enquanto a
tensão na barra PP8 volta a 28.5V.
O relé 38P energiza desde que a tensão em PP8 aumente e
ultrapasse 15V: o relé de bateria 16P se fecha.
O relé RL2 do cartão impresso de proteção 41 P compara as
tensões das barras PP8 e PP9. Como a diferença de tensão
é superior a 12V (regulagem do sensor S do relé), o relé RL2
se fecha após uma temporização de 40 ms. O fechamento de
RL2 provoca:
- a perda definitiva do massa do relé 39P, o que confirma a
interdição de fechamento do relé inter-barras 19P e o do relé
da bateria 17P. .--
_.Q ' ....
- o fechamento do relé RL3 que faz massa através de um
contato «trabalho» de RL2. ~--f-- f '~ ~~1~~~.v
Com o relé RL3 energizado: cl...J 1\
f l td ' ' i

-
-
o terminal J do regulador 29P é alimentado,
o terminal H do regulador é isolado de seu massa, provocando
a desexcitação do gerador 1 e provocando a abertura do
~
tu'
",:'
~ I '". !<-
U -
conjuntor-disjuntor 15P, cujo terminal INT não é mais - a luz da barra não essencial «SHED BUS» permanece ,.
alimentado. apagada.
Perdeu-se o gerador 1 e os equipamentos com alimentação
conjuntor-disjuntor estiver aberto (caso de alimentação por fonte
extema com os motores funcionando) o relé RL2 não se fechará
(PP8 e PP9 têm a mesma tensão) e o relé RL3 que vai comparar
rn Comparador de tensão

RESULTADOS simples das barras 4a B e C, assim como as barras não


as tensões do gerador que alimenta o curto-circuito e as barras
[]] Temporizador de fechamento do relé
essenciais 4a A e 5a J.
Após a neutralização do curto-circuito na barra PP9: principais. Quando a tensão das barras ultrapassar em 12V a
OBSERVAÇÕES: tensão do gerador, o limite de tensão do sensor do diodo Zener
- a barra PP8 é alimentada pelo gerador 2,
- a bateria está ligada à barra PP8, 1) O circuito também é protegido contra curto-circuitos nos «z"é ultrapassado e RL3, achando através deste diodo um
- a barra PP9 não é mais alimentada, «cabos do gerador e da bateria (ver o parágrafo 12.1 .1). retorno para o cabo, se fecha: o gerador é desexcitado.
- o relé 45P passa para a posição «repouso», 2) Em caso de curto-circuito no cabo do gerador, se o
N3
Estedoc<.men'o' p"'pOedadedaHEUBRAS.
Be "0 podese,"""""- ate"",=.em ..""",~kJoseme- p"vlapo"""""'da
HELlBRAS e $O' coa'e""'.ão pode so'dNulgado. O HEUllAAS2004. 1225/26
THM
~helib(Qs or, Eu"""",'... Oompany

12.1.4. DISTRIBUiÇÃO DE CORRENTE CONTíNUA

(1) PRINCíPIO

A partir das barras principais da geração, os cabos ""'U«OS de i


protegidos por um fusível "F" alimentam as barras de
distribuição onde estão ligados os circuitos de utilização
utilização (
protegidos por um disjuntor "CB", Barra de
As barras de distribuição e seus disjuntores estão distribuição ~
localizados nas barras de distribuição instaladas no con- Cabo de
sole; a tripulação tem fácil acesso aos disjuntores. alimentação
Barra principal \ F
(geração) l

(2) BARRAS DE DISTRIBUiÇÃO

BAT
'1"---
I 4;;--'"1
! 11
i «,. !.-. '""~ .

m 100P
12P

PP1
r+.
! J I HiP)
7P ....... ,j
,
S:!p
1BP~
I

,op
~
-+-
1ft.

:f
. .

.
23.

-flt-
I
.. 1:5P
-.

@ DEL8

Quando a chave "SHED-BUS" está na posição "SHED", recolocar a chave "SHED-BUS" em "NORM".
os equipamentos não essenciais são imediatamente Estes equipamentos não essenciais serão novamente
cortados, sem afetar a segurança da aeronave. alimentados pela bateria.
O piloto pode então desligar individualmente as chaves
dos equipamentos que são dispensáveis durante o vôo e
N3
Este documentoé propriedadeda HElIBRAS. Ele nãopodeser transmitidoa terceirosnem reproduzidosem a autorizaçãopréviapor escritoda
HElIBRAS e seu conteúdonão podeser divulgado,@HELIBRAS2OO4. 12.27
THM
~helib(Qs oro Euro""Ptor Company

12.1.4. DISTRIBUiÇÃO DE CORRENTE CONTíNUA (Cont.)

A caixa 37 a aloja os diodos de potência necessários aos A caixa 36a permite:


equipamentos com dupla alimentação. - A dupla alimentação 28 V1 +2 (baixa potência) de
comando externo dos equipamentos.
EQUIPAMENTOS - A alimentação das luzes de sinalização NORMAUDIM
(atenuado) com simples ou dupla alimentação.
- O teste das luzes de alarme.

.::. - ~- .Equipament(ls
rJ.:.
Detectares /'
.. fio-(
de sinalização \'"

,I
0.8.

--I:> ~TESTE í

~~.~~~L )
C)lfAl1JP -~.,?i
,
+ 14'\' +2\RV

,
4a

! 1 at.&1uld.
,=-~---

O painel5a é o "DIRETO BATERIA" (D.B.), o 28 Volts "NÃO


ESSENCIAL" (1 SHED) e a corrente alternada.

O painel.4a aloja as barras esquerda e direita 28 volts.


Barras "ESSENCIAL" (1.N.SHED) e (2.N.SHED) e "NÃO
ESSENCIAL" (1.SHED) e (2.SHED).

Os painéis 4a e 5a utilizam disjuntores térmicos para proteger as diferentes instalações básicas e opcionais. Estes
disjuntores são acessíveis em vôo pelo piloto. Além disso, os disjuntores possuem, na parte superior, uma inscrição
própria do equipamento protegido. Considerados como essenciais, eles são iluminados.
N3
Estedocumentoé propriedadeda HELlBRAS. Elenão podeser transmtlidoa terceirosnem reproduzidosem a autorizaçãopréviapor escritoda
HELlBRASe seu conteúdonãopodeser divulgado.@HEUBRAS2OO4.
12.28