Você está na página 1de 6

11 expressões do nosso cotidiano

que pareceriam loucura no


passado
Gabriel Francisco Ribeiro
Do UOL, em São Paulo 13/08/2017 04h00

m n   H J Imprimir F Comunicar erro

Getty Images/iStockphoto

Novas tecnologias viram expressões na boca de brasileiros

"Dá um Google". "Manda um Whats". "Joga no Waze". Que atire a primeira pedra
quem não usou pelo menos uma dessas expressões no dia a dia. O mundo da
tecnologia é um prato cheio para a criação de frases que pareceriam loucura se
disséssemos no passado. E olha que não são poucos os exemplos.

O fenômeno, para linguistas, é a prova concreta de que a língua não é permanente


e está em constante mudança. A tecnologia, como a cultura pop, é um dos
exemplos mais claros de como o que falamos está em mudança ininterrupta.

U São exemplos que mostram como as línguas são


produtivas. Não pode achar que uma língua não
vai mudar nunca, vai mudar sempre. Seja para
extinguir coisas velhas ou criar novas coisas. É um
mecanismo para vermos que não podemos regular
a língua. Isso é uma questão de produtividade da
língua"
Maria Helena de Moura Neves, professora de linguística da Unesp de
Araraquara

Os casos exemplificados do mundo tecnológico são, segundo Maria Helena, um


jogo utilizando uma metáfora ou metonímia, com auxílio de um verbo de suporte
(dar, jogar, etc). A metáfora é uma figura de linguagem que tem a ver com
comparação. A metonímia é uma troca de um termo por outro em uma relação de
proximidade.

Como a tecnologia está em constante evolução, o que nós dizemos também muda
constantemente. Por isso, alguns termos podem ficar ultrapassados e serem
substituídos por outros – o termo GPS, por exemplo, é muitas vezes usado como
sinônimo de Waze. Essas expressões ainda podem circular em diferentes níveis da
sociedade. Ah, e não, não é errado usar tais expressões.
"Não tem nada a ver com errado. É uma coisa que é criada. Às vezes é um grupo
só que utiliza isso, às vezes esse grupo se amplia e vira coisa de toda a sociedade.
Até que chegue um tempo que não é mais tecnologia nova e vai caducando",
explica Maria Helena.

O UOL Tecnologia separou abaixo 11 exemplos de expressões bastante usadas


atualmente e que têm a ver com o mundo tecnológico. Se você se lembrar de
outras, escreva nos comentários.

11 expressões com raízes na tecnologia

Foto: Damein Meyer / AFP "Dá um Google"


Essa é uma das mais antigas e
populares. Atualmente, "dar um
Google" surge quando nos perguntam
alguma coisa e também não sabemos
a resposta. Seja dicionário ou qualquer
outra pesquisa, dar um Google é a
solução sempre.

Compartilhe

Reprodução "Manda um Whats" (ou "vem de


Zap")
Está certo que bastante gente ainda
usa "manda uma mensagem", mas
cada vez mais "manda um Whats" vem
substituindo isso. O popular aplicativo
de mensagens usado por praticamente
todo brasileiro que tem celular virou
sinônimo de mensagem no
smartphone. O mesmo vale para a
expressão da zoeira "vem de Zap" ou
até "me chama no Whats".

Compartilhe

Divulgação "Joga no Waze"


O ?joga no Waze? ou "põe no Waze"
veio para substituir o "coloca no GPS".
Isso porque o aplicativo que mostra em
tempo real o trânsito das cidades e
sugere outras rotas ganhou tamanha
popularidade no Brasil que virou
sinônimo de navegação com
automóvel.

Compartilhe
Divulgação "Esses dois deram match"
Tudo bem que match é uma palavra da
língua inglesa já usada neste sentido
por lá, mas no Brasil nunca teve muito
por que usar ela. Até a chegada do
aplicativo de encontros Tinder. Quando
dois casais se curtem no app, aparece
a frase "It?s a match". Os mais jovens
já adotaram isso para o dia a dia e,
quando um casal dá certo, dizem "deu
match".

Compartilhe

Reprodução/Twitter "Vai virar meme"


Se alguém faz alguma coisa
embaraçosa ou passa vergonha de
algum jeito, tem boas chances de ouvir
a frase "vai virar meme". Ainda mais no
Brasil, onde a internet virou o reino da
zoeira e dos memes - essas imagens
com frases engraçadas ou montagens
que viralizam rapidamente.

Compartilhe

iStock "Posta no Face"


Imagine você dizendo isso há 10 anos.
Não faria sentido, né? Agora, quando
alguém tira uma foto com outra
pessoa, há duas maneiras de reagir a
isso: pedir para enviar por mensagem
ou, o que tem se tornado cada vez
mais popular, já falar "posta no
Facebook e me marca". Afinal, esse é
cada vez mais o destino das fotos
mesmo, né?

Compartilhe

Getty Images "Essa aí é foto de perfil"


Taí uma expressão que pode
configurar uma metáfora. Quando uma
pessoa tira uma foto extremamente
bonita, é comum outros elogiarem
através da seguinte frase: "nossa, essa
aí é foto de perfil!". Isso quer dizer que
a imagem é tão bonita e que a pessoa
está tão bem que vale até virar a foto
do perfil do usuário em redes sociais,
onde colocamos a foto que mais nos
agrada. Impressionante como dizemos
essas coisas sem nem perceber.

Compartilhe

Getty Images/iStockphoto "Stalkeia o perfil dele(a)"


Mais uma vez: imagine esta frase há
uns bons anos atrás. Não faria
nenhum sentido. Primeiro que stalkear
talvez não significasse nada para os
brasileiros e segundo porque não
existiria perfil algum para ser
stalkeado. Esse hábito começou com
Orkut, a primeira rede social no
formato que conhecemos hoje. E fala
sério: quem aí nunca stalkeou (ou
espiou) o perfil alheio?

Compartilhe

Getty Images "Tem na Netflix?"


Com cada vez mais usuários no Brasil,
a Netflix virou a referência quando o
assunto é filmes e seriados. Sempre
que alguém vem recomendar uma
série nova ou um filme para outra
pessoa, a resposta é normalmente
uma pergunta: "tem na Netflix?". A
queridinha dos serviços de stream
agora é a base para muitos decidirem
o que vão assistir.

Compartilhe

Reprodução "Vê na Wikipedia"


Basicamente é o mesmo contexto do
Google, mas a Wikipedia já é grande o
suficiente para ter seu próprio termo.
Em vez da enciclopédia (ou "da
Barsa", que os mais novinhos nem
devem imaginar o que é), agora tudo o
que queremos saber está na
Wikipedia. A página é queridinha entre
estudantes e também entre quem não
estuda mais, além de estar sempre
presente no topo das buscas do
Google.

Compartilhe

iStock "Para a galera do 3G"


Essa expressão é muito comum no
ambiente digital, principalmente no
Facebook. Ela pode ser vista em
comentários de links em que um
usuário dá um "spoiler" do que o link
se trata. "Para a galera do 3G" significa
uma forma de ajudar quem está
usando os dados móveis do celular na
rua a economizar, mesmo que seja
pouco.

Compartilhe

Veja também

É mais seguro usar os sites ou apps dos bancos


para fazer transações?

Minha senha já foi roubada? Site divulga 306 milhões de


combinações vazadas
Não faça como nossos deputados: proteja celular
com película anti-espião

Golpe que promete hackear WhatsApp do amigo


pega 220 mil brasileiros

Quem são os culpados pelo spam que atormenta


o seu e-mail?

© 1996-2017 UOL - O melhor conteúdo. Todos os direitos reservados. Hospedagem: UOL Host