Você está na página 1de 2

Compete ao STF, processar e julgar Compete ao STJ, processar e julgar

ORIGINARIAMENTE: ORIGINARIAMENTE:
NAS INFRAÇÕES PENAIS COMUNS, NAS INFRAÇÕES PENAIS COMUNS,
o P.R., Vice-P.R., membros CN, PGR, seus os Governadores dos Estados e do DF,
próprios Ministros.
e NAS INFRAÇÕES PENAIS COMUNS E NOS DE e NAS INFRAÇÕES PENAIS COMUNS E NOS DE
RESPONSABILIDADE, RESPONSABILIDADE,
Os ME e os Comandantes da MEA, os desembargadores dos TE’s e do DF, os membros
ressalvado o disposto no art. 52, I, os membros dos dos TCE’s e do DF, os dos TRF’s, dos TRE’s e do

Tribunais SUPERIORES , os do TCU e os Chefes TRT’s, os membros dos Conselhos ou TCM e os do


de Missão Diplomática de caráter permanente. MPU que oficiem perante Tribunais;

HABEAS CORPUS: HABEAS CORPUS:


sendo paciente qualquer das pessoas referidas quando o coator ou paciente for qualquer das
pessoas mencionadas na alínea "a"(todos acima), ou
nas alíneas anteriores; quando o coator for Tribunal
quando o coator for:
SUPERIOR; quando o coator ou o paciente for:
 autoridade ou funcionário cujos atos estejam  Tribunal sujeito à sua jurisdição,
sujeitos diretamente à jurisdição do STF,  ME ou Comandante da MEA,
 ou se trate de crime sujeito à mesma jurisdição
ressalvada a competência da Justiça Eleitoral;
em uma única instância;

MANDADO DE SEGURANÇA E HABEAS DATA MANDADO DE SEGURANÇA E HABEAS DATA


CONTRA ATOS: CONTRA ATOS:
PR, das Mesas da CD e do SF, do TCU, do ME, dos Comandantes da MEA ou do próprio
PGR e do próprio STF
Tribunal;
CONFLITOS DE COMPETÊNCIA: CONFLITOS DE COMPETÊNCIA:
entre o SUPERIOR Tribunal de Justiça e quaisquer entre quaisquer Tribunais, ressalvado o disposto

Tribunais, entre Tribunais SUPERIORES , ou entre no art. 102, I, "o", bem como entre Tribunal e juízes
estes e qualquer outro Tribunal; a ele não vinculados e entre juízes vinculados a
Tribunais diversos;
MANDADO DE INJUNÇÃO: MANDADO DE INJUNÇÃO:
quando a elaboração da norma regulamentadora for quando a elaboração da norma regulamentadora for
atribuição: PR, do CN, da CD, do SF, das Mesas atribuição: órgão, entidade ou autoridade
de uma dessas Casas Legislativas, do TCU, de um dos federal, da administração direta ou indireta, excetuados
os casos de competência do STF e dos órgãos da
Tribunais SUPERIORES , ou do próprio STF; Justiça Militar, da Justiça Eleitoral, da Justiça do
Trabalho e da Justiça Federal;
CAUSAS E CONFLITOS: CONFLITOS DE ATRIBUIÇÕES:
entre a U e os E, a U e o DF, ou entre uns e outros, entre autoridades administrativas e
inclusive as respectivas entidades da administração judiciárias da União, ou entre autoridades
indireta;
judiciárias de um Estado e administrativas de outro ou do
DF, ou entre as deste e da União;

LITÍGIO entre Estado Estrangeiro ou Organismo a homologação de sentenças estrangeiras e


a concessão de “exequatur” às cartas
Internacional e a U, o E, o DF ou T;
rogatórias;
a revisão criminal e a ação rescisória de seus julgados;
a reclamação para a preservação de sua competência e garantia da autoridade de suas decisões;

Compete ao STF, processar e julgar Compete ao STJ, processar e julgar


RECURSO ORDINÁRIO: RECURSO ORDINÁRIO:
HC, HD, MS, MI - decididos em única instância HC - decididos em única ou última instância pelos

pelos Tribunais SUPERIORES, se denegatória a TRF’s ou pelos TE’s, do DF e T., quando a decisão
for denegatória;
decisão;
MS - decididos em única instância pelos TRF’s ou
o CRIME POLÍTICO;
pelos TE’s, do DF e T., quando denegatória a decisão;

as CAUSAS em que forem partes Estado


Estrangeiro ou Organismo Internacional, de um lado, e,
do outro, Município1 ou pessoa residente ou domiciliada
no País;

TRIBUNAIS

Compete ao STF, processar e julgar Compete ao STJ, processar e julgar


RECURSO EXTRAORDINÁRIO: RECURSO ESPECIAL:
 as causas decididas em única ou última instância,  as causas decididas, em única ou última instância,
quando a decisão recorrida: pelos TRF’s ou pelos TE’s, do DF e T., quando a
 contrariar dispositivo desta Constituição; decisão recorrida:

 declarar a inconstitucionalidade de  contrariar tratado ou lei federal, ou negar-lhes


vigência;
tratado ou lei federal;
 julgar válida lei ou ato de governo local  julgar válido ato de governo local contestado
contestado em face desta Constituição; em face de lei federal;
 der a lei federal interpretação divergente da que
 julgar válida lei local contestada em face de lei
lhe haja atribuído outro tribunal.
federal.
TRIBUNAIS

Compete ao STF, processar e julgar ORIGINARIAMENTE:


ADI de lei ou ato normativo federal ou estadual e a ADC de lei ou ato normativo federal;

o pedido de medida cautelar das ADI;

as ações contra o CNJ e contra o CNMP;

a extradição solicitada por Estado estrangeiro;

as ações contra o CNJ e contra o CNMP;

a extradição solicitada por Estado estrangeiro;

a execução de sentença nas causas de sua competência originária, facultada a delegação de atribuições
para a prática de atos processuais;
a ação em que todos os membros da magistratura sejam direta ou indiretamente interessados,2 e aquela
em que + da metade dos membros do Tribunal de origem estejam IMPEDIDOS ou sejam direta ou
indiretamente interessados;3

1 Compete aos Juízes Federais processar e julgar.


2
Juízes
3
Desembargadores