Você está na página 1de 4

I

Leia com atenção o texto seguinte:

Em Agosto, chegou a Vig, vindo da Noruega, um cargueiro inglês que se chamava


Angus e seguia parar o Sul. O capitão era um homem de barba ruiva e aspecto terrível
que navegara até aos mares da China. Foi no “Angus” que Hans fugiu de Vig, alistado
como grumete.

Navegaram primeiro com bom tempo e o veleiro corria esticado no vento. Unido ao
balanço, Hans, enquanto lavava o convés, polia os metais ou enrolava os cabos,
aspirava a veemência da vasta respiração marítima. Os seus ouvidos escutavam a força
viva do navio que galgando o onda reencontrava o equilíbrio sobre o desequilíbrio das
águas.

Depois atravessaram as tempestades da Biscaia. Ali a vaga media dez metros e a água
tornara-se espessa, pesada e brutal em seu cinzento metálico. Todas as madeiras
gemiam como se fossem despedaçar-se e sentia-se a tensão dos cabos repuxados. As
ondas varriam o convés e o navio, ora erguido na crista da vaga ora caindo
pesadamente, parecia a cada instante tocar o seu ponto de ruptura e
desmantelamento. Mas Hans sentia a elasticidade do barco, a sua precisão de extremo
a extremo e o equilíbrio que, entre vaga, não se rompia. Mais tarde os navios de Hans
nunca naufragaram.

Sophia de Mello Breyner, ”Saga”in

Histórias da Terra e do Mar, Texto Editora

1.O excerto, embora contendo referência a duas personagens, apenas se centra numa
delas.

1.1. Identifique essas duas personagens.


_______________________________________________________________________
_______________________________________________________________________

1.2. Explique como se torna evidente a centralidade de uma delas.

_______________________________________________________________________
_______________________________________________________________________
_______________________________________________________________________

2. Atente na afirmação: “ Foi no “Angus” que Hans fugiu de Vig alistado como
grumete.”

2.1. Dê conta das várias acções da personagem que, enumeradas pelo narrador,
deixem perceber o cumprimento por parte de Hans das suas funções enquanto
grumete.

_______________________________________________________________________
_______________________________________________________________________

3. Várias são as expressões que organizam no tempo a acção narrada.

3.1. Faça o seu levantamento.

_______________________________________________________________________
_______________________________________________________________________
_______________________________________________________________________
_______________________________________________________________________
_______________________________________________________________________
_______________________________________________________________________
____________________________________________________________________

3.2. Explique a sua finalidade na narrativa.

_______________________________________________________________________
_______________________________________________________________________
_______________________________________________________________________
_______________________________________________________________________
_______________________________________________________________________

3.3. Verifique se algum dos provérbios que se seguem conserva essa ideia:

a) Depois da tempestade vem a bonança.

b) Não há bem que sempre dure nem mal que sempre se ature.

c) Quem semeia ventos , colhe tempestades.

_______________________________________________________________________
_______________________________________________________________________

4. Neste texto, o narrador deixa perceber o seu conhecimento absoluto da história


narrada.

4.1. Justifique, a partir de uma passagem textual, a afirmação feita.

_______________________________________________________________________
_______________________________________________________________________

4.2. Classifique, então, esse narrador quanto à presença e quanto á focalização.

_______________________________________________________________________
_______________________________________________________________________
_______________________________________________________________________

5. No excerto apresentado predomina a descrição sobre a narração.

5.1.Coloque pela respectiva ordem (1-4) os pormenores descritos:

 A agitação marítima. 

 A resistência do barco . 

 As acções da personagem principal. 

 A serenidade marítima. 
 5.2. Complete o quadro, dando conta dos recursos linguísticos que concorrem
para a ideia de uma navegação difícil.

Recursos Passagens textuais


Expressivos

Expressividade dos
verbos

“ as madeiras gemiam”

Enumeração

Adjectivação
expressiva

5.2.1.Seleccione, de entre as expressões que se seguem, aquela(s) que cria(m)


visualismo:

a)”tornara-se espessa, pesada, brutal, em cinzento metálico”

b)”as madeiras gemiam como se fossem despedaçar-se”

c) “ora erguido na crista da vaga ora caindo pesadamente”

d) “sentia a elasticidade do barco”

II
Refira- se ao estilo de escrita da autora Sophia de Mello Breyner Andresen, baseando-
se nos contos que leu e estudou .”A Saga”

_______________________________________________________________________
_______________________________________________________________________
_______________________________________________________________________
_______________________________________________________________________
_______________________________________________________________________
_______________________________________________________________________
_______________________________________________________________________
_______________________________________________________________________
_______________________________________________________________________
_______________________________________________________________________