Você está na página 1de 2

CURSO PROGRESSÃO NITERÓI TURMA : 1º ANO PROF.

: EMILSON MOREIRA

EXPONENCIAL 12. A soma das raízes da equação 4Ñ® ¢ - 9 . 2Ñ + 2 = 0 é


a) -2
1. Resolva a equação b) -1
2Ñ = 128 c) 0
d) 1
2. Calcule x de modo que se obtenha 10£Ñ -¥ = 1
13. A solução da equação 3Ñ®¢ - 3Ñ®£ = - 54 é
3. Determine uma das soluções da equação a) -2
b) -1
c) 0
d) 2
4. Determinar o valor de x na equação 5Ñ®¢ + 5Ñ + 5Ñ-¢ = 775.

14. Se (x, y) é a solução do sistema


5. O valor de x, que satisfaz a equação

ý3Ñ®¢ = 1
2£Ñ®¢ - 3.2Ñ®£ = 32, é:
þ
ÿ(1/9)Ñ + 2Ò = 25
6. Seja uma função f definida como mostra a função a seguir

então, a diferença (y - x) é igual a


a) 2 b) 3 c) 4 d) 5
. Determine os valores de x tais que f(x) seja menor do que 8.
15. Se
7. O conjunto-solução da equação (0,25)£Ñ = Ë32 é ý2Ñ = 8Ò®¢
a) { -5/8 } b) { 5/8 } c) { 1/2 } d) { - 5/4 } þ
ÿ9Ò = 3Ñ-ª , então x e y são os possíveis valores reais de t tais que:
8. Quantas raízes reais possui a equação: 2Ñ = x + 4?
a) nenhuma a) t£ - 27 t + 126 = 0 b) t£ + 27 t + 126 = 0
b) uma c) t£ - 21 t - 126 = 0 d) t£ + 21 t - 126 = 0
c) duas e) t£ - 26 t - 27 = 0
d) três
16. Se 2Ñ . 3Ò-¢ = 18Ò/2, então x . y é:
9. Seja f(x) = 2£Ñ®¢. Se a e b são tais que f(a) = 4f(b), pode-se afirmar a) 0 b) -1 c) 2 d) -3 e) 1
que:
a) a + b = 2 17. Uma das soluções da equação
b) a + b = 1
c) a - b = 3
d) a - b = 2 é:
e) a - b = 1 a) x = 1
b) x = 0
10. Dado o sistema: c) x = Ë2
d) x = -2
ý2Ñ = 8Ò®¢ e) x = 3
þ 18. O número real que é raiz da equação
ÿ9Ò = 3Ñ-ª
5 Ñ ® £ + 5 Ñ - ¢ + 5 Ñ ® ¢ + 5 Ñ = 780
pode-se dizer que x + y é igual a:
a) 18 é:
b) - 21 a) 1 b) 2 c) 3 d) 4 e) 5
c) 27
d) 3 19. Dada a equação 2¤Ñ - £ . 8Ñ ® ¢ = 4Ñ - ¢, podemos afirmar que sua
e) - 9 solução é um número:
11. A solução da equação 27£Ñ - ¢ = (3Ë3)Ñ é um elemento de: a) natural.
a) {x ; - 2 < x < - 1} b) maior que 1.
b) {x ; - 1 < x < 0} c) de módulo maior do que 1.
c) {x ; 0 < x < 1} d) par.
d) {x ; 1 < x < 2} e) de módulo menor do que 1.
e) {x ; x > 2}

MATEMÁTICA
20. O produto das raízes da equação 3Ñ + 1/(3Ñ) = (4Ë3)/3 é 25. Sabendo que (1/3)Ñ-¢ = 27, o valor de 12-x£ é
a) - 3 a) -3 b) 2 c) 3 d) 8 e) 16
b) - 1/4
c) - 1/3 26. Assinale o conjunto-solução da inequação (1/2)Ñ-¤ ´ 1/4.
d) 1 a) ] -¶, 5] b) [4, + ¶[ c) [5, +¶[ d) {x Æ |R | x ´ -5}
e) (4Ë3)/3
27. O conjunto solução, em IR, da inequação 3Ñ-¤>(1/9)Ñ®¤ é
21. O valor de x que satisfaz a equação 2¥Ñ - 6(2£Ñ) = 16 é tal que: a) {x Æ IR | x > - 3 } b) {x Æ IR | 0 < x < 1}
a) 1 < x ´ 2 c) {x Æ IR | x > 1} d) {x Æ IR | x < 1}
b) 2 < x ´ 3 e) {x Æ IR | x > - 1}
c) 3 < x ´ 4
d) 4 < x ´ 5 28. O conjunto solução da inequação

22. Suponha que a equação

é
seja válida para todo número real x, em que a, b, e c são números reais. a) ¹ b) (-1, 1) c) (0, +¶) d) (-¶, 0) e) IR
Então, a soma a + b + c é igual a
a) 5/3 b) 17/3 c) 28/3 d) 12 GABARITO

23. No plano cartesiano abaixo, estão representados o gráfico da função 1. x = 7


y=2Ñ, os números a, b, c e suas imagens. 2. x = 2
3. x = 1 ou x = -1
4. 03
5. 03
6. -6 < x < 1
7. [A]
8. [C]
9. [E]
10. [C]
11. [C]
12. [B]
Observando-se a figura, pode-se concluir que, em função de a, os
13. [D]
valores de b e c são, respectivamente:
14. [D]
a) a/2 e 4a b) a - 1 e a + 2 c) 2a e a/4 d) a + 1 e a - 2
15. [A]
16. [C]
17. [A]
24.
18. [B]
19. [E]
20. [B]
21. [A]
22. [C]
23. [D]
24. [E]
25. [D]
26. [C]
27. [E]
28. [A]
Estude sempre e muito.

A figura mostra um esboço do gráfico da função y = aÑ + b, com a, b Æ Pense nisso...


IR, a > 0, a · 1 e b · 0. Então, o valor de a£ - b£ é "...E nunca considerem seu estudo como uma obrigação, mas sim como
a) -3
b) -1 uma oportunidade invejável de aprender, sobre a influência
c) 0 libertadora da beleza no domínio do espírito, para seu prazer pessoal
d) 1
e para o proveito da comunidade à qual pertencerá o seu trabalho
e) 3
futuro." Albert Einstein