Você está na página 1de 6

SUMÁRIO

Introdução.................................................................................. 2

I. O que é Oração ........................................................................ 2


1. Definição. .............................................................................................. 2
2. Fundamentos da oração. ...................................................................... 2

I. Tipos de Oração ....................................................................... 2


1. A oração de adoração e ação de graças ................................................ 3
2. A oração de pedido (ou súplica) ........................................................... 3
3. A Oração de Confissão .......................................................................... 4
4. A oração de intercessão ........................................................................ 4
5. A oração de concordância (oração corporativa) .................................. 4
6. A oração da fé: ...................................................................................... 4
7. A oração de consagração: ..................................................................... 4
8. Orar no Espirito: .................................................................................. 4
9. Clamor: Proferir, implorar, bradar em alta voz ................................... 4

II. Cultivando o habito de Orar ................................................... 5


1. Orar cotidianamente. ........................................................................... 5
2. Sem interferências. ............................................................................... 5

Conclusão ................................................................................... 5
1. Vivendo a graça da oração verdadeira ................................................. 5
2. Aplicação Pessoal ................................................................................. 6

1
Mateus 6.9-13. É impossível não divisar, nas Sagradas
Escrituras e na prática da Igreja, uma
9 - Portanto, vós orareis assim: Pai teologia da oração. O que vem a ser, porém,
nosso, que estás nos céus, santificado seja esse exercício que nos introduz nos
o teu nome. 10 - Venha o teu Reino. Seja pavilhões do amor divino?
feita a tua vontade, tanto na terra como no
céu. 11 - O pão nosso de cada dia dá-nos 1. Definição.
hoje. 12 - Perdoa-nos as nossas dívidas,
assim como nós perdoamos aos nossos Oração é o ato pelo qual o crente,
devedores. 13 - E não nos induzas à através da fé em Cristo Jesus e mediante a
tentação, mas livra-nos do mal; porque ação intercessora do Espírito Santo,
teu é o Reino, e o poder, e a glória, para aproxima-se de Deus com o propósito de
sempre. Amém! adorá-lo, render-lhe ações de graça,
interceder pelos salvos e pelos não-salvos,
INTRODUÇÃO e apresentar-lhe as petições de acordo com
a sua suprema e inquestionável vontade (Jo
A oração move o coração de Deus de 15.16; Rm 8.26; 1 Ts 5.18; 1 Jo 5.14; 1 Sm
tal forma, que O leva a operar o impossível 12.23).
na vida do crente. O termo oração,
significa "invocar, pedir ou suplicar 2. Fundamentos da oração.
a uma divindade".
A doutrina bíblica da oração tem os
No Antigo e Novo Testamento, a seus fundamentos:
oração é o supremo recurso usado
pelo povo de Deus para suplicar, a) Nos ensinos da Bíblia;
agradecer, adorar, pedir, interceder b) Na necessidade de o homem buscar a
e bendizer ao único e verdadeiro Deus;
Senhor. Tão variados são os contextos e c) Na experiência dos homens e mulheres
motivos pelos quais o crente ora, que a que porfiaram em desejar a presença
Bíblia emprega diversos vocábulos para de Deus;
descrever o diálogo da alma com Deus. d) E na convicção de que Ele é bom para
nos atender as petições.
Como está a nossa vida de oração?
Cultivamo-la diariamente? Ou já nos I. TIPOS DE ORAÇÃO
conformamos com o presente século? O pai
da Reforma Protestante, Martinho Lutero, Existem vários tipos de oração na
declarou certa vez que, quanto mais Bíblia. A oração não precisa ser sempre
ocupado, mais se dedicava a falar com o igual; podemos orar de muitas maneiras
Salvador. para Deus. Orar é falar com Deus.

I. O QUE É ORAÇÃO Assim como temos muitas conversas


diferentes com nossos amigos, também
A oração distingue os discípulos do fazemos muitas orações diferentes,
Nazareno como a mais singular e excelente dependendo do contexto. A primeira
comunidade de clamor da história (At 1.14). distinção que podemos fazer é entre a

2
oração certa e a oração errada. A oração Em Filipenses 4:5: ação de graças. "...sejam
errada é aquela que não está de conhecidas, diante de Deus, as vossas
acordo com a vontade de Deus. petições, pela oração e pela súplica, com
Existem alguns tipos de oração que são ações de graças." Muitos exemplos de
sempre errados: orações de ação de graça podem ser
encontrados nos Salmos.
a) Oração de chantagem – não
podemos exigir coisas de Deus, fazendo Temos muitas razões para louvar e
chantagem, porque Ele não nos deve agradecer a Deus. É muito
nada; devemos orar com humildade. importante lembrar de tudo que
b) Oração contrária - é quando alguém Deus é e fez por nós. O louvor é uma
ora pedindo que algo mau aconteça forma de expressar gratidão. Através da
com alguém. A Bíblia não fala sobre oração de louvor e gratidão, encontramos
oração contrária, mas fala sobre alegria em Deus (Salmos 9:1-2).
maldição, que é a mesma coisa. Não
devemos desejar o mal de alguém. 2. A oração de pedido (ou
Deus ama cada pessoa, mesmo quem é súplica)
ruim conosco (Tiago 3:9-10).
c) Oração mentirosa – Deus sabe Devemos apresentar os nossos
quando estamos mentindo, não O pedidos a Deus. Filipenses 4:6 ensina:
podemos enganar; devemos ser sempre "Não andeis ansiosos de coisa
honestos com Deus. alguma; em tudo, porém, sejam
conhecidas, diante de Deus, as
A Bíblia revela muitos tipos de vossas petições, pela oração e pela
orações e emprega uma variedade de súplica, com ações de graças."
palavras para descrever a prática.
Parte de ganhar a batalha espiritual
Por exemplo, 1 Timóteo 2:1 diz: deve ser "com toda oração e súplica, orando
"Antes de tudo, pois, exorto que se em todo tempo no Espírito e para isto
use a prática de súplicas, orações, vigiando com toda perseverança e súplica
intercessões, ações de graças, em por todos os santos" (Efésios 6:18).
favor de todos os homens." Dependemos de Deus para tudo. Por isso,
quando precisamos de alguma coisa,
Aqui, todas as quatro principais devemos pedir a Deus (Filipenses 4:6).
palavras gregas usadas para a oração são Podemos pedir:
mencionadas em um versículo.
a) Sustento – para que Deus forneça
1. A oração de adoração e aquilo que precisamos na hora certa;
ação de graças mesmo nas horas mais difíceis, Deus
ajuda a nos sustentar – Mateus 6:11.
A diferença é que a adoração se b) Sabedoria – para entender o que é
concentra em quem Deus é, certo e errado e como agir – Tiago 1:5.
enquanto que ação de graças c) Orientação – para saber que caminho
concentra-se no que Deus tem feito. seguir; Deus pode responder a essa

3
oração de muitas formas - descubra A oração junto com outros crentes é
aqui: Deus ainda fala hoje? muito poderosa! Deus gosta de ver a
d) Sonhos – para que Ele nos ajude a igreja unida (Atos dos Apóstolos 4:31). A
alcançá-los – Provérbios 16:3. oração em grupo acontece quando todos
oram juntos pela mesma situação ou um
Podemos fazer muitos outros ora e os outros todos concordam.
pedidos a Deus além desses. Em tudo
devemos primeiro pedir que seja feita a 6. A oração da fé:
vontade de Deus (Mateus 6:10).
Tiago 5:15 diz: "E a oração da fé
3. A Oração de Confissão salvará o enfermo, e o Senhor o levantará."
Neste contexto, a oração é feita com fé por
É muito importante confessar os alguém que está doente, pedindo que Deus
pecados a Deus, pedindo perdão. Deus o cure. Quando oramos, devemos crer no
sempre perdoa quem se arrepende (1 João poder e na bondade de Deus (Marcos 9:23).
1:9). A oração de confissão liberta do peso
do pecado. 7. A oração de consagração:

4. A oração de intercessão Às vezes, a oração é um


momento de nos reservar para
Orar por outras pessoas faz parte de seguir a vontade de Deus. Jesus fez
ser cristão (Efésios 6:18). Outras pessoas uma oração a noite antes da Sua
precisam de nossas orações por: salvação, crucificação: "Adiantando-se um pouco,
cura, libertação, soluções, ajuda, sustento, prostrou-se sobre o seu rosto, orando e
força... Deus ouve nossas orações e dizendo: Meu Pai, se possível, passe de
ajuda as pessoas por quem oramos. mim este cálice! Todavia, não seja como eu
Recebemos a instrução de fazer intercessão quero, e sim como tu queres" (Mateus
"em favor de todos os homens" em 1 26:39).
Timóteo 2:1. Jesus serve como o nosso
exemplo neste sentido. O capítulo 8. Orar no Espirito:
completo de João 17 é a oração de Jesus a
favor dos Seus discípulos e todos os A Bíblia também fala de orar no
crentes. Espírito (1 Coríntios 14:14-15) e de orações
quando somos incapazes de pensar em
5. A oração de concordância palavras adequadas (Romanos 8:26-27).
(oração corporativa) Naqueles tempos, o próprio Espírito
intercede por nós.
Após a ascensão de Jesus, os
discípulos "perseveravam unânimes em 9. Clamor: Proferir,
oração" (Atos 1:14). Mais tarde, depois de implorar, bradar em alta
Pentecostes, a Igreja primitiva voz
"perseverou" na doutrina dos apóstolos e
na comunhão (At 2:42). O seu exemplo nos Podemos deduzir que isto quer dizer
encoraja a orar com outras pessoas. pedido com desespero, com angustia, com

4
tristeza (Êxodo 2:23 / Salmo 34:6). Clamar dava graças, diante do seu Deus,
é orar regado com lágrimas e com como também antes costumava
intensidade de alma de espírito é se fazer" (Dn 6.10).
derramar aos pés do SENHOR (I Samuel
1:10 / Marcos 5:33 / Jonas 3:8 / Hebreus Aliás, esta é a recomendação que nos
5:7(Jesus)) Orar é conversar com Deus e faz o Senhor Jesus: "Mas tu, quando orares,
deve ser feito sem cessar (1 Tessalonicenses entra no teu aposento e, fechando a tua
5:16-18). À medida que crescemos no nosso porta, ora a teu Pai, que vê o que está
amor por Jesus Cristo, naturalmente oculto; e teu Pai, que vê o que está oculto,
desejaremos falar com Ele. te recompensará" (Mt 6.6). Tem você um
lugar e uma hora para a oração? Quando
II. CULTIVANDO O HABITO estiver falando com o Pai Celeste,
DE ORAR não admita interferências: desligue o
telefone, o celular, o computador;
John Bunyan, autor de O Peregrino, enfim, desligue o mundo à sua volta.
um dos maiores clássicos da literatura Nada é mais importante do que a audiência
evangélica, faz-nos uma séria observação: que você marcou com o Pai Celeste.
"Jamais serás um cristão, se não
fores uma pessoa de oração". Todavia, CONCLUSÃO
de que forma poderemos nós cultivar a
prática da oração? Sem oração, jamais haveremos de
mover a mão de Deus para que haja
1. Orar cotidianamente. sobrenaturalmente, no mundo, por
intermédio de seu povo. Tem você
Quantas vezes devemos nós orar por cultivado a oração? É chegado o momento
dia? Fizéssemos a pergunta a Bunyan, de buscarmos, ainda mais, a presença de
responder-nos-ia: "Ore continuamente". Deus (Is 55.6).
Aliás, esta é a recomendação das Sagradas
Escrituras aos que desejam vencer o 1. Vivendo a graça da oração
mundo, e chegar ao regaço do Salvador verdadeira
Amado (1 Ts 5.17). Daniel orava três vezes
ao dia (Dn 6.10). Orar não é um monólogo,
através do qual você fala o tempo
2. Sem interferências. todo, sem haver quem lhe responda.
É mais apropriado definir como diálogo,
Procurava Daniel falar com o Senhor através do qual você fala com Deus e, ao
livremente, longe do atribulado cotidiano mesmo tempo, ouve-lhe a voz.
de Babilônia: "Daniel, pois, quando
soube que a escritura estava Certa vez, o pastor Antônio
assinada, entrou em sua casa (ora, Gilberto definiu a oração como 'uma
havia no seu quarto janelas abertas via de mão dupla, mediante a qual, de
da banda de Jerusalém), e três vezes um lado, com sua carga de súplicas,
no dia se punha de joelhos, e orava, e você vai ao encontro de Deus, e de
outro, Ele vem ao seu encontro com

5
respostas'. Isto significa afirmar que Getsêmani, em agonia, "orava mais
nossas orações, sem nenhuma sombra de intensamente" (22.44).
dúvida, são objetos do cuidado especial do
Pai, que sempre se dispõe a respondê-las, Jesus, portanto, estava em
embora haja ocasiões em que não constante comunhão com o Pai
compreendemos (ou não aceitamos) a através da oração. Ora, se o próprio
forma como nos responde [...]. Cristo perseverou em oração, como alguns
de seus filhos modernos negam-se a seguir-
Mas o que é a oração, senão o lhe o piedoso exemplo?
oxigênio da alma que mantém o vigor
da vida espiritual? É óbvio que orar Perseveremos em oração!
exige disciplina, porém jamais deve Sigamos o nobre exemplo de nosso
constituir-se em rotina Senhor Jesus Cristo.
desagradável, da qual, enquanto nos
é possível, fugimos. Procura apresentar-te a Deus
aprovado, como obreiro que não tem de
Orar não é uma sucessão de palavras que se envergonhar, que maneja bem a
ao vento. Não é simplesmente ferir os palavra da verdade. (2Tm 2.15).
joelhos de tanto ficarmos ajoelhados e
apresentá-los como troféu de nossa
pretensa espiritualidade.

Orar é perceber com clareza,


entre milhões de alaridos, o cicio que
identifica a doce voz do supremo
pastor [...]". (COUTO, G. A transparência
da vida cristã. RJ: CPAD, 2001, pp.
162,164.)

2. Aplicação Pessoal

Jesus orava constantemente.


Ele perseverou em oração durante
todo o seu ministério terreno. O
Evangelho de Lucas descreve, mais do que
os outros, a devoção pessoal de Jesus na
oração.

Antes de escolher os apóstolos,


Ele "passou a noite em oração"
(6.12); quando interrogou os discípulos
acerca de sua identidade, Jesus estava
"orando em particular" (9.18); antes de
ensinar a oração do "Pai nosso", o Mestre
estava "orando num certo lugar" (11.1) e, no