Você está na página 1de 23

E-book Planejamento Tributário PME

\\ E-book: Planejamento Tributário ao Alcance de Todos

Sumário
1 – Introdução 2

2 – O que é Planejamento Tributário 3

3 – Como fazer Planejamento Tributário 4

4 – Profissional Autônomo 11

5 – Enquadramento Tributário 13

6 – Como funcionam os Impostos 16

7 - Como um contador pode te ajudar 20

| http://capitalsocial.cnt.br | /CapitalSocial @capitalsocial 1


\\ E-book: Plajenamento Tributário ao Alcance de Todos

Introdução
Nem é preciso falar que escolher bem o regime tributário pode ser a chave de sucesso da
empresa, tanto é, que mais de 50% das páginas visitadas em nosso site está ligada a este tema.

Também pudera, essa escolha se acertada, possibilita evitar problemas com o Fisco e ainda
fazer a empresa economizar um bom dinheiro.

Tendo isto em vista, resolvemos lançar este Ebook, com informações para o Planejamento
Tributário e principalmente, com as diferenças entre todos os regimes de tributação da
Legislação Brasileira.

Este Guia não pretende de forma nenhuma substituir a necessidade da consulta a um Contador,
pelo contrário, esperamos que estas informações sirvam para cada vez mais aproximar o
empreendedor desse profissional e garantir uma discussão de alto nível, afinal, estamos falando
da sua Empresa.

Espero que aproveite as informações e estou à disposição para esclarecimento e comentários


adicionais.
Boa
Atenciosamente
Regina Fernandes de Miranda
Leitura!
| http://capitalsocial.cnt.br | /CapitalSocial @capitalsocial 2
\\ E-book: Plajenamento Tributário ao Alcance de Todos

O que é Planejamento Tributário


O Planejamento Tributário é uma forma impostos e criaram áreas para o estudo de
legal e licita para se pagar menos impostos. impacto e redução de tributos.

Ao longo do tempo, o nosso sistema Hoje em dia, o Planejamento Tributário


tributário se tornou algo bastante é uma necessidade de todos, e pode ser
complexo, principalmente pelas iniciativas aplicado a empresas de qualquer tamanho,
de se reduzir encargos para determinados seja ela Micro Empresa ou um Profissional
setores e segmentos, e pela criação de Liberal, que embora não seja uma empresa
impostos específicos. é equiparado à pessoa jurídica.

Com toda essa complexidade, as O Planejamento Tributário é uma ótima


empresas perceberam que existiam oportunidade para a Empresa ampliar sua
oportunidades para otimizar o que se paga lucratividade e ser mais competitiva.
de | http://capitalsocial.cnt.br | /CapitalSocial @capitalsocial 3
\\ E-book: Plajenamento Tributário ao Alcance de Todos

Como fazer Planejamento Tributário

1
Levante
2
Avalie a
3
Conheça os
Informações Sociedade Tributos

4 Busque
desnecessários. Portanto, o melhor
5
Uma decisão precipitada pode acarretar recolhimentos de impostos
Verifique Simule
a fazer é procurar a consultoria
de um bom contador. Esse profissional é o aliado para ajudar a
6
Incentivos
identificar qual estrutura é ideal para que sua empresa se
Ajuda Muito
desenvolva e cresça com sucesso!

| http://capitalsocial.cnt.br | /CapitalSocial @capitalsocial 4


\\ E-book: Plajenamento Tributário ao Alcance de Todos

1
1# Levantar Informações sobre a Operação

Conhecer bem a operação da Empresa é o primeiro passo, levante

Levante os Balanços Patrimoniais e as Demonstrações de Resultados com o seu


contador, se você não tiver esses documentos é importante obter
Informações
informações e uma previsão futura para os seguintes itens:

Receita Bruta (Faturamento);


Custos;
Despesas Operacionais;
Despesas com Empregados, e;
Margem de Lucro.

Esses itens são básicos, sem eles qualquer análise será prejudicada.

| http://capitalsocial.cnt.br | /CapitalSocial @capitalsocial 5


\\ E-book: Plajenamento Tributário ao Alcance de Todos

2
2# Avalie a Situação Societária da Empresa

Alguns tipos de enquadramento tributários vão depender da

Avalie a estrutura Societária da empresa.

Sociedade
Faça um levantamento da empresa e de seus sócios, verifique se
eles possuem outras empresas e sociedade com outras pessoas,
verifique também a nacionalidade dos outros sócios se houver.

Fazer um diagrama societário para todas as empresas poderá


ajudar.

| http://capitalsocial.cnt.br | /CapitalSocial @capitalsocial 6


\\ E-book: Plajenamento Tributário ao Alcance de Todos

3
3# Conheça os enquadramentos tributários

Nesta etapa é importante conhecer todos os enquadramentos

Conheça os tributários que são possíveis a empresa escolher, verifique detalhes


sobre eles e analise se interferem nos negócios.
Tributos
Essa dica é de ouro, pois, muitas vezes a conta faz sentido, traz
economia, mas prejudica os negócios. Quer um exemplo? Atacadistas
que optam pelo Lucro Presumido evitam comprar de Industrias do
Simples Nacional, devido as limitações de receber créditos fiscais.

| http://capitalsocial.cnt.br | /CapitalSocial @capitalsocial 7


\\ E-book: Plajenamento Tributário ao Alcance de Todos

4
4# Verifique se há outros incentivos

Vamos falar neste documento muito de enquadramento tributário,

Verifique pois é a principal forma de planejamento, mas não podemos nos


esquecer dos outros incentivos.
Incentivos
É importante verificar outros incentivos disponíveis,
principalmente os regionais, como Leis de Incentivo e Isenção
Tributária.

Entre as Leis de Incentivo a mais importante é a Lei Rouanet que


incentiva a Cultura, mas existem diversas outras. Outro exemplo é em
São Paulo onde empresas do Simples Nacional ou Não Contribuintes de
ICMS recebem créditos da Nota Fiscal Paulista assim como as Pessoas
Físicas. Esse incentivo pode render um bom dinheiro.

| http://capitalsocial.cnt.br | /CapitalSocial @capitalsocial 8


\\ E-book: Plajenamento Tributário ao Alcance de Todos

5
5# Busque ajuda especializada

Busque ajuda especializada, isso contribuirá com verificação dos

Busque pontos a serem considerados, e principalmente ajudará na Simulação


e Analise do pagamento de impostos.
Ajuda
Lembre-se: as regras tributárias brasileiras são complexas, toda
ajuda especializada fará toda a diferença em uma tomada de decisão,
que neste caso não poderá ser revertida facilmente.

| http://capitalsocial.cnt.br | /CapitalSocial @capitalsocial 9


\\ E-book: Plajenamento Tributário ao Alcance de Todos

6
6# Simule, Simule e Simule

De posse de todas as informações e com a ajuda especializada,

Simule simule os impostos em cada regime e incentivo. Se possível, faça


simulação de cenários, pois muitas vezes a diferença entre uma opção
Muito
pode mudar se você tiver um lucro menor, ou mais gastos com
funcionários por exemplo.

Para ser mais preciso na sua escolha, considere eventuais gastos


operacionais adicionais de acordo com a escolha, como por exemplo,
manter uma empresa no Lucro Real exigirá maior controle da empresa
e isso pode resultar em mais despesas operacionais.

| http://capitalsocial.cnt.br | /CapitalSocial @capitalsocial 10


\\ E-book: Plajenamento Tributário ao Alcance de Todos

Profissional Autônomo
Um profissional autônomo é aquele que Vamos fazer um exercício simples abaixo.
atua como pessoa física com prestação de
serviços por conta própria, assumindo os Fisioterapeuta autônoma, Faturamento de
riscos da atividade e sem vínculo com R$ 8.000,00 ao mês;
alguma empresa.
Pessoa Física
A tributação desse profissional é pela tabela R$ 8.000,00 X 27,5% = R$ 2.000,00
de IR de Pessoa Física, que possui alíquotas R$ 2.000,00 X 12 meses = R$ 26.400,00
progressivas que vão de 7,5% a 27,5%. Pessoa Jurídica
R$ 8.000,00 X 16,93% = R$ 1.354,40
Como todos sabem, essas tabelas estão há R$ 1.354,40 X 12 meses = R$ 16.252,80
muito tempo defasadas e a atuação como Economia no Ano = R$ 10.147,20.
empresa poderá gerar uma boa economia.
| http://capitalsocial.cnt.br | /CapitalSocial @capitalsocial 11
\\ E-book: Plajenamento Tributário ao Alcance de Todos

Economia

Veja só, atuando como empresa houve uma economia de impostos


de R$ 10.147,20. Um baita 13º salário, não?

Isso demonstra que é possível uma grande economia fazendo o


planejamento correto. No exemplo acima, o enquadramento da
atividade econômica no Simples Nacional ficou na Tabela VI, que é
de maior alíquota, portanto, dependendo do enquadramento os
valores de economia serão ainda maiores.

Dúvidas na Abertura de Empresas? Baixe o Ebook


Passo a Passo - Da Abertura ao Sucesso de sua Empresa

| http://capitalsocial.cnt.br | /CapitalSocial @capitalsocial 12


\\ E-book: Plajenamento Tributário ao Alcance de Todos

ENQUADRAMENTO TRIBUTÁRIO

1
SIMPLES
2
LUCRO
3
LUCRO
NACIONAL PRESUMIDO REAL

Uma decisão precipitada pode acarretar recolhimentos de impostos


desnecessários. Portanto, o melhor a fazer é procurar a consultoria
de um bom contador. Esse profissional é o aliado para ajudar a
identificar qual estrutura é ideal para que sua empresa se
desenvolva e cresça com sucesso!

| http://capitalsocial.cnt.br | /CapitalSocial @capitalsocial 13


\\ E-book: Plajenamento Tributário ao Alcance de Todos

1 Simples
Nacional 2 Lucro
Presumido 3 Lucro
Real

Regime criado em 2006 Para as empresas que Algumas empresas são


para simplificar o adotarem o regime do obrigadas a optar pelo
pagamento de tributos. Lucro Presumido, o regime de Lucro Real
Imposto de Renda (IRPJ) por causa da atividade
Reúne todos os tributos e a Contribuição Social que exercem (como
em uma única guia sobre o Lucro (CSL) têm instituições financeiras)
denominada Documento por base uma margem ou por possuírem
de Arrecadação do de lucro pré-fixada pela receita bruta superior a
Simples Nacional (DAS). lei. R$ 78 milhões.

Pode ser enquadrado se Assim, mesmo que a Empresas que adotam o


sua empresa for: empresa tenha obtido Lucro Real devem
uma margem de lucro manter ótimos controles
- Microempresa (ME) maior, a tributação gerenciais, pois, o
com receita bruta recairá apenas sobre a cálculo dos impostos
anual igual ou menor margem pré-fixada. são apurados de acordo
que R$ 360 mil e, com a apuração
As margens podem ser contábil/fiscal.
- Pequena Empresa (PE) de 8%, 16% ou 32%
com receita bruta dependendo do ramo de Se a sua margem de
anual entre R$ 360 mil atividade da empresa. lucro é pequena, este
e R$ 3,6 milhões. regime pode ser o ideal.

| http://capitalsocial.cnt.br | /CapitalSocial @capitalsocial 14


\\ E-book: Plajenamento Tributário ao Alcance de Todos

MEI - Microempreendedor
Se o faturamento anual for de até R$ 81 mil Não há separação entre os bens do
e o empreendedor não possuir sócios, o empreendedor e os da empresa. Se contrair
registro como MEI é o enquadramento mais alguma dívida pessoal, o patrimônio dos
econômico. negócios também pode responder por ela,
caso não seja paga. Em compensação, o
O MEI tem Cadastro Nacional de Pessoas pagamento de tributos é fixo em R$ 50,90
Jurídicas (CNPJ), facilitando a abertura de mensais, para comércio ou indústria, ou R$
uma conta bancária, o pedido de linhas de 54,90, para prestação de serviços. Neste
crédito empresariais e a emissão de Nota valor estão incluídas as obrigações com a
Fiscal eletrônica ou avulsa. Também Previdência Social, ICMS e ISS.
permite registro de um funcionário com
carteira assinada.

| http://capitalsocial.cnt.br | /CapitalSocial @capitalsocial 15


\\ E-book: Plajenamento Tributário ao Alcance de Todos

COMO FUNCIONAM OS IMPOSTOS


Federais Estaduais Municipais

• Imposto sobre a renda das • Imposto sobre a circulação de • Imposto sobre Serviços de
Pessoas Jurídicas (“IRPJ”). mercadorias e Serviços (“ICMS”) Qualquer Natureza (“ISS”)
• Contribuição Social sobre o
Lucro Líquido (“CSLL”). • Imposto sobre a Propriedade • Imposto sobre a Transmissão de
• Contribuição para o Programa de veículo automotor (“IPVA”) Bens Imóveis (“ITBI”)
de Integração Social (“PIS”).
• Contribuição para • Imposto sobre a Transmissão • Imposto sobre a Propriedade
Financiamento da Seguridade causa mortis e doações Territorial Urbana (“IPTU”)
Social (“COFINS”). (“ITCMD”)
• Contribuições Sociais devidas
ao Instituto Nacional da
Uma
Seguridade Social decisão precipitada pode acarretar recolhimentos de impostos
(“INSS”).
• Imposto sobredesnecessários.
Produtos Portanto, o melhor a fazer é procurar a consultoria
industrializadosde um bom contador. Esse profissional é o aliado para ajudar a
(“IPI”).
identificar
• Imposto de importação qual estrutura é ideal para que sua empresa se
(“II”).
desenvolva e cresça com sucesso!

| http://capitalsocial.cnt.br | /CapitalSocial @capitalsocial 16


\\ E-book: Plajenamento Tributário ao Alcance de Todos

1 IRPJ
2 CSLL
3 PIS

Imposto de Renda Pessoa Contribuição Social Programa de Integração


Jurídica Sobre o Lucro Líquido Social

Quem Paga: Todas Quem Paga: Todas Quem Paga: Todas


Empresas Empresas Empresas

Simples: Alíquota sobre a Simples: Alíquota sobre Simples: Alíquota sobre


receita, variável por a receita, variável por a receita, variável por
tabela. tabela. tabela.

Lucro Real: Alíquota de Lucro Real: Alíquota de Lucro Real: Alíquota de


15% do lucro apurado. 9% da base de cálculo 1,65% sobre o valor
ajustada fiscalmente. adicionado (Receita –
Lucro Presumido: Custo).
Alíquota de 15% do lucro Lucro Presumido:
presumido. O lucro Alíquota de 9% da base Lucro Presumido:
presumido vai de 1,6% a de cálculo presumido Alíquota de 0,65% da
32% de acordo com o que vai de 12% a 32% de Receita Bruta.
ramo da empresa. acordo com o ramo da
empresa.

| http://capitalsocial.cnt.br | /CapitalSocial @capitalsocial 17


\\ E-book: Plajenamento Tributário ao Alcance de Todos

4 COFINS
5 INSS
6 FGTS

Contribuição para o Instituto Nacional de Fundo de Garantia do


Financiamento da Seguridade Social Tempo de Serviço
Seguridade Social
Quem Paga: Todas Quem Paga: Todas
Quem Paga: Todas Empresas Empresas
Empresas
Simples: Alíquota sobre Simples: Alíquota de 8%
Simples: Alíquota sobre a a receita, variável por sobre a remuneração
receita, variável por tabela. dos empregados.
tabela.
Lucro Real: Alíquota de Lucro Real: Alíquota de
Lucro Real: Alíquota de 20% da folha de 8% sobre a remuneração
7,6% sobre o valor pagamento. dos empregados.
adicionado (Receita –
Custo). Lucro Presumido: Lucro Presumido:
Alíquota de 20% da Alíquota de 8% sobre a
Lucro Presumido: folha de pagamento. remuneração dos
Alíquota de 3% da Receita empregados.
Bruta. * Alguns setores
desonerados pagam uma
alíquota sobre a Receita
Bruta

| http://capitalsocial.cnt.br | /CapitalSocial @capitalsocial 18


\\ E-book: Plajenamento Tributário ao Alcance de Todos

7 ICMS
8 IPI
9 ISS

Imposto Sobre Circulação Imposto Sobre Produtos Imposto sobre Serviços


de Mercadorias e Serviços Industrializados

Quem Paga: Empresas Quem Paga: Indústrias, Quem Paga:


que vendem mercadorias Importadores, Prestadores de Serviços
e determinados serviços Atacadistas e
de transporte e equivalentes. Simples: Alíquota sobre
comunicação. a receita, variável por
Simples: Alíquota sobre tabela.
Simples: Alíquota sobre a a receita, variável por
receita, variável por tabela. Outros: Alíquota de 2%
tabela. a 5% do preço do
Outros: Alíquota de 0% Serviço.
Outros: Alíquota de 7% a a 300% do preço de
25% no mesmo estado e venda.
de 4% a 12% para
operações interestaduais.

* Atenção ao ICMS pois


cada estado cobra de
forma diferente além da
substituição tributária.

| http://capitalsocial.cnt.br | /CapitalSocial @capitalsocial 19


\\ E-book: Plajenamento Tributário ao Alcance de Todos

Como um contador pode te ajudar


Além de conhecer a legislação tributária Dados contábeis confiáveis são o ponto de
detalhadamente para encontrar formas partida para uma boa análise das
legais de diminuição de tributos, é essencial possibilidades tributárias de uma empresa.
que o empreendedor mantenha seus
indicadores contábeis rigorosamente Planejar as operações da sua empresa para
atualizados. diminuir o recolhimento de tributos é
fundamental para economizar recursos tão
Por isso, para a realização de um importantes para novos investimentos. Para
planejamento tributário eficaz e dentro da assegurar que o planejamento tributário de
lei, é importante que o empresário conte seu empreendimento esteja de acordo tanto
com o auxílio de um profissional com a legislação, quanto adequado à
contabilista. situação da sua empresa, conte com o
auxílio de especialistas!
| http://capitalsocial.cnt.br | /CapitalSocial @capitalsocial 20
\\ E-book: Plajenamento Tributário ao Alcance de Todos

SIGA A GENTE CONTATO


Email
contato@capitalsocial.cnt.br
Site
https://capitalsocial.cnt.br
Telefone: 11 3432-9793
Telefone: 11 4149-1703

UNIDADE - SP UNIDADE - EMBU

R. Fradique Coutinho, 50 - 3º andar R. Regente Feijó, 54 - Jd Independência

| http://capitalsocial.cnt.br | /CapitalSocial @capitalsocial 21


\\ E-book:
Ebook: Passo
Plajenamento
a Passo, da
Tributário
Aberturaaoa Alcance
Consolidação
de Todos
de sua Empresa

Somos uma organização especializada na prestação de serviços de contabilidade, composta por pessoas que
têm paixão em atender e que gostam de inovar. Acreditamos que a excelência é uma jornada continua que
envolve boas práticas e pessoas.
Nossa atuação junto ao cliente é “ímpar”, buscamos entender a sua necessidade para garantir o
fornecimento de um serviço de qualidade, especializado no apoio à gestão.

Para nós, os serviços e informações contábeis têm a finalidade de:


• Informar sobre os eventos ocorridos;
• Apresentar a situação econômica-financeira da empresa e;
• Ser instrumento auxiliar no processo de planejamento e tomada de decisão.

Logo, é mais que gerador de impostos e guarda livro; não se limitam a atos burocráticos ou à área tributária.
Possuímos infraestrutura de apoio que garante a tranquilidade ideal e necessária para que os esforços e
preocupações dos nossos clientes sejam centrados em sua atividade fim, sem que você tenha que pagar a
mais por isso.

Para conferir o material educativo,


Acompanhe o nosso blog: https://www.capitalsocial.cnt.br/blog/
Acesse os eBooks https://www.capitalsocial.cnt.br/materiais-educativos

| http://capitalsocial.cnt.br | /CapitalSocial @capitalsocial 22