Você está na página 1de 5

Fonte 2V á 50V 5A

06/07/2011 (atualizado 06/06/2012)

O projeto a seguir se trata de um artigo de uma revista espanhola, traduzimos e adaptamos (virtuatec) ele para o
deleite de nossos leitores, pois se trata de um excelente artigo (comentários de época e termos não referentes ao
circuito foram ocultados e ou assimilados na interpretação).

Correções:

FONTE DE ALIMENTAÇÃO 2 A 50 VOLTS POR 3 AMPERES

Este kit por conter um integrado de alta qualidade, pode ajustar tensões entre 2 e 50 volts, no entanto através do
potenciômetro de controle de corrente pode-se ajustar a demanda de corrente para a carga, sem que a fonte atue sua
proteção de sobre corrente.

Seu excelente desempenho e rendimento o fazem de uma ótima fonte para laboratório e bancada de reparos na
eletrônica.
Não conseguimos identificar o autor das fotos e projetos, mas temos o endereço
"http://www.forosdeelectronica.com" a qual utilizamos as fotos como exemplo ilustrativo.

CARACTERISTICAS TÉCNICAS DO CIRCUITO

1- Voltagem DC de saída ajustável de 2v a 26V volts com potenciômetro de ajuste de tensão de 5K (ou 3,7 á 50V
com potenciômetro de ajuste de tensão de 10K)

2- Intensidade de corrente de saída controlada 0,5 a 3 amperes.

3- O circuito de proteção é de sobre corrente, capta a tensão sobre o resistor “shunt” de 0,25 Ohms e compara com
a tensão ajustada no potenciômetro da corrente de saída ajustada, uma vez a tensão sobre o resistor shunt for maior
o circuito derrubara a corrente na base dos transistores reguladores e assim protegendo a carga.

4- Ao ligar a fonte o led de proteção estará acionado, deverá se pressionado o botão reset para que a fonte libere a
tensão de saída.

5- Para ligar cargas de alto consumo, primeiro conectar o que se deseja alimentar com a fonte (carga) e pressionar
o botão de reset para que arme a fonte.
No momento do acionamento da proteção o led indicador de curto e sobre carga acenderá indicando que a carga
teve um consumo maior do que foi demandado pelo ajuste de corrente, e para restabelecer o funcionamento da fonte
será preciso pressionar o botão de reset.

Este circuito também atua na prevenção de curtos circuitos acidentais e também anulando a corrente e tensão de
saída, novamente será necessário atuar sobre o botão de “reset” para restabelecer o funcionamento da fonte.

RESUMO DA FINALIZAÇÃO DA MONTAGEM

A lista de componentes;

Q3, Q4, Q5 e Q6 = C9015 / Q2 = B507 / Q1 = 2SD711

DEMAIS VALORES ESTÃO EXPRESSOS NO DIAGRAMA E NO TEXTO EXPLICATIVO DA MONTAGEM.

1- Revise toda a montagem atrás de curtos, componentes invertidos ou outros que podem colocar seu
funcionamento em risco.

2- O transformador a ser usado para se ter o máximo de tensão de saída é de 36 volts AC, não recomendamos o
uso de tensões inferiores a 24 volts.

3- A comprovação de atuação de corrente se dá colocando o potenciômetro de ajuste de corrente no mínimo e o de


tensão em 10 volts, após um breve curto circuito nos bornes de saída o led indicador de sobre carga deverá
permanecer aceso indicando que a proteção atuou.

4- O projeto original trás apenas um transistor 2SD711 para a versão de 3 amperes e dobrando esta potencia para 5
amperes com a utilização de outro transistor de potencia em paralelo.
O dissipador deverá suportar uma potencia de 250W caso utilize como a versão de 5A (pois 50V x 5A = 250W) ou
utilizar um dissipador menos com ventilação forçada.

Atualizamos essas características para os seguintes substitutos;

2SD711 = 2N3055, 2SC5200 (transistor apartir de 60 volts de trabalho, 15 amperes e hfe de 20 a 50).

2SB507 = BD242C, TIP42C

2SC9015 = BC327

Os diodos zeners indicados caso seja utilizado o máximo de tensão de entrada e saída, será uma boa opção utilizar
os de 1W.

Uma alternativa para se conserguir uma tensão minima abaixo de 3V é colocar uma chave em série com um resistor
de 10K e colocar em paralelo com o potenciômetro de 10K, de controle de tensão.

Assim com a:

- Chave fechada: 2,3V á 26V (minimo e máximo da tensão de saída)

- Chave aberta: 3,7 á 50V (minimo e máximo da tensão de saída)

Atenção ao fabricante do Circuito integrado regulador, o projeto original utiliza LC723, podendo ser utilizado
qualquer fabricante, porém os resutados serão diferentes entre eles, para as tensões mínimas e máximas.

Nesse caso pode-se trabalhoar, no potenciômetro de ajuste de tensão, em um valor de 5K á 20K, para que se tenha
uma tensão máxima de saída, porém a tensão mínima poderá ser da ordem de 2V á 9V.

Montamos duas unidades com uma tensão DC de 50V por 5A, aonde utilizadas em série formam uma fonte
ajustável de 100V por 5A.

A estabilidade do ajuste é muito bom e a proteção atua muito rápido e evita acidentes na bancada.
Compra da placa pronta:

http://virtuatec.com.br/products/placa-para-montar-fonte-ajustavel-2v-a-50v-5a-com-lm723.html

Placa para montar fonte ajustável 2V á 50V 5A com LM723

Preço:
R$ 19.80
Código:
PFALM723