Você está na página 1de 5

ALIMENTAÇÃO

Ração extrusada

É muito o importante que seja feita a escolha de marcas de confiança. Não queira economizar
neste sentido porque uma alimentação ruim pode levar sua ave a ter problemas de saúde e
futuramente o custo de um tratamento será maior do que a “economia” na ração.
Considere os seguintes aspectos:

 Escolha marcas de qualidade e que tenham boa procedência. Algumas marcas sugeridas:
Megazoo, Nutrópica, Bambito, Reino das Aves, etc.
 Verifique a validade e examine se a ração não tem bolor ou qualquer outra anormalidade;
 Dê preferência para as marcas que não utilizam corantes, ou seja, prefira as com coloração
natural, pois são mais saudáveis.

Sementes

O mesmo se aplica as sementes, muitas vezes procuramos economizar e comprar sementes sem
nem ao menos procurar por marca. Mas muitas vezes a “economia” que achamos que estamos
fazendo no futuro sai bem mais caro.

Considere os seguintes aspectos:

 Prefira as sementes embaladas, sementes vendidas a granel podem estar contaminadas


também, pois em muitos locais o armazenamento não é feito de forma adequada.
 As sementes de girassol costumam ser as preferidas das calopsitas, mas esta semente é a que
possui maior quantidade de gordura, por isso, não é recomendado que se ofereça
regularmente.
 Observação: A semente de girassol poderá ser trocada por semente de abobora (excelente
vermífugo)

Alimentos que devem ser oferecidos cozidos para sua calopsita

 Batata doce, Inhame, Abóbora e Batata Baroa (Mandioquinha);

 Ovo/farinhada: este alimento é rico em proteína e não pode ser oferecido regularmente. A
recomendação seria 1x a cada 7 dias de forma geral, mas quando sua ave está: em muda de
pena; casal está procriando e/ou alimentos filhotes ou em época de muito frio, o ovo poderá ser
oferecido mais vezes por um certo período. Se quiser oferecer o ovo misturado a algum outro
alimento como: cenoura raladinha, beterraba, brócolis e etc, elas adoram também.

Poderá ser também oferecida farinhada. Sendo a base de ovos, ela é uma opção diferente do
próprio ovo, mas a regra da frequência passa a ser de 2 a 3 vezes na semana.
 Milho: o milho ou alimentos à base de milho (pipoca ou quirela) podem ser oferecidos até 2
vezes na semana, mas tenha o cuidado de alternar estes alimentos para que não seja oferecido
em excesso. Como servir o milho: muito bem limpo e lavado, servir pré-cozido.
A pipoca deve ser oferecida sem óleo e sem sal!

 Arroz integral/Arroz 7 grãos cozido (sem óleo e sem sal): A recomendação seria 1x na
semana, mas quando o casal está alimentando os filhotes, o arroz pode ser oferecido mais vezes
por um certo período.

Alimentos que devem ser oferecidos cru para sua calopsita

 Couve  Cenoura  Berinjela


 Abobrinha  Beterraba  Maxixe
 Brócolis  Couve flor  Hortelã
 Pepino  Quiabo  Vagem
 Jiló  Pimenta dedo de moça  Pepino
 Espinafre  Pimentão

Frutas

Podem ser oferecidas junto aos legumes, experimente oferecer:


 Maçã (Sem casca e sem  Pera  Laranja/Tangerina:
sementes)  Goiaba oferecer 1x na semana
 Mamão (com as sementes)  Coco (sem excesso por (sem casca e sem
 Banana (pode ser com a causa da gordura) sementes), ótima fonte de
casca)  Morango (somente vitamina C.
 Melancia orgânico).  Maracujá (pode ser servido
 Kiwi  Uva (Sem as sementes) com aa extrusada)

Grãos

Oferecer cozido somente em água:

 Canjica branca/amarela
 Grão de bico
 Canjiquinha/Quirela/Xerem de milho, fina: cozinha somente por 5 min. Escorrer e servir.
 Ervilha partida
 Lentilha

ALIMENTOS PROIBIDOS

É costume as pessoas acharem que Calopsitas podem comer de tudo e exatamente por isso
acabam oferecendo alimentos que se forem ingeridos em grandes quantidades, podem até matar
o seu pássaro de estimação. As calopsitas são bem curiosas e normalmente experimentam
qualquer comida que seus donos oferecem, exatamente por isso devemos tomar muito cuidado e
atenção com sua alimentação. Os alimentos citados abaixo não podem ser oferecidos por não
serem adequados e serem tóxicos para aves.
Abaixo listamos alguns alimentos que não devem ser oferecidos as calopsitas por serem
tóxicos e inadequados para o organismo das aves:

 Alface mucosas do estômago e do  Refrigerantes


 Açafrão intestino)  Sementes como Avelã
 Abacate  Cogumelos  Noz e etc (são altamente
 Cereja  Cebola gordurosas)
 Figo  Cebolinha  Queijo branco (alimentos
 Pêssego  Ervilha e Milho em lata derivados de leite não são
 Caroço de ameixa  Feijão de fava próprios para as aves, são
 Arroz branco  Fermentados (Pão, bolo, intolerantes ao organismo
cozido (mesmo que em biscoitos em geral e etc) delas, que não possuem
pouca quantidade)  Macarrão (qualquer tipo, uma enzima necessária
 Biscoito (Oferecer seja cru ou cozido) para digerir o leite.
somente o próprio para elas  Salsinha Portanto, queijo branco,
– Biscottini Pet)  Tomate além de desnecessário,
 Pão  Álcool não é uma solução muito
 Acelga  Leite adequada.)
 Agrião (em grande  Café
quantidade pode irritar as  Chocolates e Doces

Banho

Deixe uma banheira a disposição, sempre nos dias quentes.

Quando o banho for oferecido à sua ave, a água deve ser filtrada, deve estar em temperatura
natural/ambiente e fora de corrente de ar. Não seria necessário informar que água quente pode
machucar a ave. Água morna ou gelada, e corrente de vento, pode fazer a ave adoecer.
O recipiente com água não deve ter mais de 2 dedos de água e jamais passe qualquer produto
em sua ave, como shampoos, perfumes e etc. as aves possuem um óleo impermeabilizante
natural em suas penas, que as protegem e auxiliam de diversas formas, não queira passar nada e
esfregar sua calopsita.

Cálcio (osso de siba/ossiba)

Oferecer em época de muda ou reprodução. Fornecer o osso natural. Evitar aqueles redondos
vendidos em pet shops pois possuem gesso na composição. Evitar também os que contém areia.

Muda

Geralmente ocorre 2x ao ano. A primeira muda do filhote deverá acontecer entre 4 e 6 meses de
idade.
Sono

O ideal é que elas devam dormir pelo menos 12 hs por dia, de preferência entre 18hs e 06hs.

Cuidados durante o Frio

Com a chegada do outono já podemos perceber mudanças no clima na maior parte do Brasil. Em
algumas regiões onde faz calor a maior parte do ano, o frio chegou de forma brusca e pegou
muitos de surpresa. As aves, assim como nós, que não estão acostumadas com temperaturas tão
baixas sofrem com essas mudanças e sim, elas sentem frio.

No geral, as penas atuam como excelente proteção contra o frio e mantêm a temperatura da ave,
mas não a protegem contra outros fatores que podem prejudicar sua saúde, como: vento,
mudanças bruscas no clima e aumento da umidade. Em situações assim, a ave acaba
sofrendo muito desgaste para manter o calor corporal.

O mais importante e também mais simples é cobrir a gaiola, pode ser com uma manta
(cuidado com fios soltos ou bolinhas de pano que elas possam bicar e engolir), cobertor ou
capas. Principalmente a noite, a gaiola deve ficar coberta com apenas uma abertura na
parte de baixo para as aves não ficarem sufocadas. Durante o dia você pode deixar a gaiola
parcialmente coberta, por exemplo, a parte de trás da gaiola que fica virada para a parede (se
este for o seu caso) ou também os lados.

Sol e calor
Mesmo no inverno, as aves precisam tomar sol. Nos dias em que estiver um pouco mais quente e
SEM VENTO, as gaiolas podem ir para fora e tomar banho de sol. Lembrando da importância de
deixar alguma sombra no caso da ave ter abrigo caso queira se esconder do sol direto.
Calopsitas lutinos/albinos NÃO devem tomar sol diretamente.

Tinta de parede / reboco


Não permita que sua calopsita picote, roa e coma reboco, cimento e tintas de parede. O reboco,
assim como o cimento, podem fazer sua ave engasgar ou mesmo acumular no estômago estes
materiais, acabando em cirurgia para retirada deles ou até em morte por intoxicação. Já com as
tintas de parede não é diferente, em sua composição há chumbo, um metal altamente tóxico que
mata sua ave sem você nem desconfiar pelo o que foi. Caso queira pintar a gaiola de sua
calopsita, utilizar SOMENTE tinta epóxi!

Plantas Tóxicas:
Agora vamos conhecer algumas plantas que devem ser mantidas longe das nossas calopsitas:
Lantana, Narciso, Comigo Ninguém pode, Copo de leite, Azálea, Violetas, Costela de Adão,
Espirradeira, Orelha de elefante, Olho de cabra, Margaridas, Allamanda, Mamona, Pinhão,
(entre outras).
Existem mais plantas tóxicas do que não tóxicas, então na dúvida, nunca permita que sua
calopsita bique alguma planta.

LEMBRE-SE

Aves como qualquer animal precisam de atendimento médico. Se você adquiriu uma calopsita ou
qualquer outra ave, é sua obrigação e responsabilidade dar o suporte necessário para que
ela viva bem e feliz.
Caso na sua cidade ou região não tenha veterinário especializado, leve-a ao veterinário mais
próximo. O veterinário é sempre a pessoa mais indicada para cuidar e salvar a vida de seu
pet!

Referencia:

http://universodascalopsitas.com.br