Você está na página 1de 9

10 factos e curiosidades sobre o

Planeta Vênus

Vênus é o segundo planeta mais próximo ao Sol e o segundo objeto mais


brilhante no céu noturno, atrás apenas da lua. Por isso os romanos o
nomearam em homenagem à sua deusa do amor e da beleza.

Ele foi o único planeta do Sistema Solar que recebeu o nome de uma figura
feminina, fazendo com que fosse naturalmente associado ao amor, à
feminilidade e ao romance ao longo da história.

Devido às muitas semelhanças com nosso planeta, Vênus também é


considerado um planeta irmão da Terra, mas apesar disso, ele tem
características únicas e impressionantes.

1 . O perfil de Vênus
 Diâmetro: 12,104 km;
 Massa: 4,87 x 10 ^ 24 kg (81,5% do tamanho da Terra);
 Luas: nenhuma;
 Distância Órbita: 108.209.475 km;
 Período de órbita: 225 dias;
 Temperatura de superfície: 462 ° C;
 Primeiro registro: século XVII a.C.

2. Ele é considerado o planeta gêmeo da Terra


Vênus e a Terra possuem uma diferença de diâmetro de apenas 650 km

Vênus é o planeta mais parecido com a Terra do nosso Sistema Solar. Os dois
corpos são quase do mesmo tamanho e a composição de Vênus é
basicamente igual ao do nosso planeta. A órbita de Vênus também é a mais
próxima da Terra do que qualquer outro planeta do sistema solar.

Ambos os planetas têm superfícies relativamente novas, e têm atmosferas


densas com nuvens. No entanto, as nuvens de Vênus são feitas principalmente
de ácido sulfúrico, e os ventos passam por elas em velocidades super rápidas
que podem chegar a 724 km/h. Esses ventos venusianos são mais rápidos que
o tornado mais veloz da Terra.

Outro ponto bem diferente é sua pressão atmosférica, que é 92 vezes mais
forte que a da Terra. Isso significa que qualquer asteroide pequeno que entra
na atmosfera de Vênus é esmagado pela imensa pressão.

Ou seja, se tivéssemos que definir quem é o gêmeo bom e o mau, não temos
dúvida que a Terra seria o mocinho, né?

3. Um dia em Vênus dura mais que um ano no


planeta
Vênus leva menos tempo para orbitar o sol do que completar seu próprio eixo

Vênus leva aproximadamente 243 dias terrestres para completar uma única
rotação, fazendo com que um dia em Vênus seja mais longo do que em
qualquer outro planeta. Mas o que é ainda mais impressionante é quando
comparamos o dia de Vênus com seu ano.

O planeta leva cerca de 225 dias terrestres para orbitar o sol, ou seja, um ano
em Vênus é quase 19 dias terrestres menor do que um único dia lá.

4. Vênus é o planeta mais quente de todo o


Sistema Solar
As temperaturas na superfície de Vênus chegam à 470 graus Celsius

As densas nuvens de ácido sulfúrico em torno de Vênus tornam impossível ver


sua superfície de fora de sua atmosfera. Mas depois que o mapeamento de
rádio foi desenvolvido na década de 1960, os cientistas foram capazes de
observar e medir as temperaturas extremas deste planeta.

Como a maior parte de sua atmosfera é feita de dióxido de carbono, um grande


efeito estufa aquece a superfície de Vênus, fazendo com que as temperaturas
lá cheguem à 470 graus Celsius. Esse calor é suficiente para derreter chumbo.

5. Mas acredita-se que Vênus já teve água


Superfície de Vênus pode ter sido um paraíso tropical em algum momento

Há bilhões de anos, o clima de Vênus poderia ter sido semelhante ao da Terra.

Cientistas acreditam que Vênus já possuiu grandes quantidades de água ou


oceanos. No entanto, devido às altas temperaturas produzidas pelo efeito
estufa extremo, esta água evaporou há muito tempo, deixando a superfície do
modo que é atualmente: quente e hostil para sustentar a vida.

6. O planeta mais brilhante do céu


Vênus é o planeta mais brilhante do céu

Vênus não chega nem perto de ser o maior planeta do Sistema Solar, mas sua
proximidade com a Terra faz com que para nós ele seja o mais brilhante dos
planetas no céu. A Lua é o único objeto natural que é mais brilhante que ele.

Devido ao seu brilho intenso, Vênus foi nomeado em homenagem à deusa


romana do amor e da beleza. Ele também era referido como “brilhante rainha
do céu” pelos babilônios em 1581.

Para você ter uma ideia, Vênus aparece tão brilhante que um piloto a bordo de
um voo da Air Canada em 2011 confundiu o planeta com uma aeronave que se
aproximava.

O piloto realizou um mergulho de emergência para evitar uma colisão no ar, e


só depois os investigadores determinaram que a outra nave na verdade era
Vênus, que ainda estava a milhões de quilômetros de distância.

Saiba como os planetas do Sistema Solar receberam seus nomes.

7. Vênus tem sido alvo de observação por


milênios
Ao longo da história, Vênus tem sido um dos corpos celestes mais estudados e
admirados sobre o nosso céu. Os primeiros registros do planeta datam de 1600
a.C., feitos pelos antigos babilônios.

Vênus é por vezes referida como a "estrela da manhã" e "estrela da tarde". Isso
porque civilizações antigas acreditavam que Vênus era de fato duas estrelas
distintas aparecendo no céu. O matemático grego Pitágoras foi o primeiro a
descobrir que essas estrelas mais brilhantes no céu da manhã e da noite eram
de fato o mesmo objeto, Vênus.

Antes dessa descoberta, essas “estrelas distintas” eram conhecidas com


Phosphorus e Hesperus pelos gregos, e Lúcifer e Vesper pelos romanos.

8. Ele tem uma rotação diferente dos outros


planetas
A maioria dos outros planetas gira em seu eixo no sentido anti-horário, no
entanto Vênus, assim como Urano, gira no sentido horário.

Isto é conhecido como rotação retrógrada e pode ter sido causado por uma
colisão com um asteroide ou outro objeto, fazendo com que o planeta mudasse
seu caminho rotacional.
Além disso, Vênus não inclina seu eixo, o que significa que também não há
estações neste planeta.

9. Vênus tem a maior concentração de vulcões


do Sistema Solar

Há mais vulcões em Vênus do que em qualquer outro planeta do sistema solar.


Os astrônomos conhecem mais de 1.600 vulcões em sua superfície, e
provavelmente há muitos mais, que são pequenos demais para serem vistos.

Os cientistas acreditam que a maioria deles está inativo, embora alguns ainda
podem estar em atividade.

10. Ele poderia ser mais fácil de colonizar do que


Marte
Projeto HAVOC e sua cidade flutuante

É estranho imaginar que poderíamos colonizar um planeta com uma atmosfera


tão inóspita quanto Vênus, não é? E ainda mais dizer que seria mais fácil de
colonizá-lo do que Marte. Mas muitos cientistas acreditam nessa teoria!

Estudos na NASA afirmam que a atmosfera 50 quilômetros acima o solo de


Vênus poderia ser adequada para humanos. Para isso, foram criados projetos
de cidades flutuantes para o planeta.

Além disso, características como a proximidade com a Terra, gravidade


parecida e proximidade com o sol fazem com que ele seja um bom candidato
para a colonização humana.