Você está na página 1de 2

PRODUÇÃO

Gravando Backing Vocals


Existem várias
maneiras de se gravar
backing vocals. Isso
depende de vários
T alvez a técnica mais utilizada seja a
de colocar o backing vocal para
cantar no mesmo microfone em
que foi gravado o vocal principal. Muitas
vezes é o próprio vocalista que faz as do-
mente o mesmo timbre, tende a ficar meio
artificial. Caso você só tenha um microfo-
ne e um preamp, peça ao vocalista para
mudar a entonação, cantar em falsete,
mudar a distância que está do microfo-
fatores, como número
bras. Bem, essa com certeza é a técnica ne, etc... A variação de timbragem fará
de vocalistas, o tipo
mais fácil, mas não é a mais interessante. as dobras de uma mesma pessoa soar um
do efeito que se quer
Se você não tiver ninguém para fazer o pouco mais como um coro, afinal em um
ou até mesmo gosto coro além do próprio vocalista, não há coro de verdade, ninguém tem exata-
pessoal no estilo da muito para onde correr. Apenas coloque mente a mesma voz.
gravação. o cantor um pouco mais distante do mi- Se você estiver gravando mais de
crofone do que ele estava para gravar a uma pessoa para fazer o coro, você tam-
voz principal. Pode-se também tirar o bém pode usar só um microfone (especi-
anti-puff (aquela telinha redonda) da almente no caso de você só ter um). Se
frente do microfone e play-rec... Se você o seu microfone tiver mudança de pa-
tiver a opção, coloque o seu microfone drão, na cápsula, experimente usar a
condensador de cápsula grande. Se você posição OMNI, que normalmente é
tiver mais de um, escolha o mais brilhan- indicada pela figura de um círculo. Esta

Se você estiver gravando mais de uma pessoa


para fazer o coro, você também pode usar
só um microfone. Se o seu microfone tiver
mudança de padrão, na cápsula,
experimente usar a posição OMNI

te (normalmente, os microfones mais no- posição deixa um som mais natural e não
vos tem um som mais brilhante). A meu privilegia nenhum dos cantores. Se o seu
ver, a única vantagem de se montar um microfone só tiver o padrão cardióide,
backing vocal através da gravação de normalmente indicado pela figura de
várias trilhas individuais é a possibilidade um coração, deixe os cantores o mais
de se poder passar um auto-tune no caso próximos possível, ombro a ombro, por-
do vocalista não ter cantado 100% afina- que quanto mais estiverem deslocados
do. Outra dica é tentar obter um som di- do eixo central do microfone, menos
ferente em cada dobra. Neste caso, po- clareza e presença e definição o som
deria se trocar de microfone ou de preamp terá. Por exemplo, se forem três canto-
Ricardo Mendes é produtor musical, formado (ou os dois) para que cada trilha tivesse res, o do centro terá a voz mais presente.
pelo Guitar Institute of Technology, autor do uma coloração diferente de timbragem. Neste caso peça para ele se afastar um
método Guitarra - Harmonia, Técnica e Dá um trabalhinho, mas vale a pena. A pouco em relação aos outros dois que
Improvisação, e professor da EM&T. dobra, se feita muitas vezes com exata- estão nas pontas.

32 www.backstage.com.br
PRODUÇÃO

Mas ao usar um microfone no pa- cantores em frente aos dois lados do mi- de em frente ao maestro de modo que
drão omnidirecional, dois cuidados de- crofone com a figura de 8 (o side) e o ele fique atrás do padrão cardióide. Ou-
vem ser tomados: como o padrão omni terceiro cantor em frente ao microfone tra solução, caso você tenha um par de
capta o som de todas as direções, evite com a figura cardióide (o middle) ligei- microfones iguais, seria colocar na mes-
colocar o microfone muito perto de ramente deslocado para a esquerda. Na ma posição do microfone cardióide úni-
qualquer parede, janela, rebatedor ou hora que você for dobrar o canal, colo- co, dois microfones fazendo o middle-
qualquer superfície onde o som possa que o cantor do centro, agora, ligeira- side, utilizando o mesmo processo na gra-
bater e voltar. Isso causaria um efeito mente deslocado para a direita. Desta vação de coro com três cantores.
indesejável chamado comb-filtering maneira você irá equilibrar a sua ima- Se não existir um maestro, ou o maes-
que são as reflexões da parede interfe- gem estéreo e ainda deixará o centro li- tro também estiver cantando junto com
rindo no som direto causando certos berado para a voz principal. Isso vai aju- o coro, pode se tentar outra técnica alter-
cancelamentos de fase ou somatórios dar a definir a voz principal no meio de nativa: se você só tiver um microfone,
de ressonâncias que alteram drastica- um coro com seis vozes (três de cada coloque-o no padrão omni e faça um cír-
mente o timbre. A posição ideal seria dobra). Você ainda pode pedir para os culo em volta do microfone. A vantagem
no centro da sala, o mais distante possí- cantores das laterais inverterem as suas deste método é que os cantores têm o
vel de qualquer parede. A outra coisa costume de tirar um lado do headphone
a se tomar cuidado é o ruído ambiente para se escutarem melhor e obter uma
ou o próprio som da sala. Essa ambiên- melhor afinação. Neste caso, por estarem
cia pode ser boa em uma ou duas tri-
A posição ideal seria mais próximos, os vocalistas se escutam
lhas de voz, mas o somatório dessa no centro da sala, o melhor uns aos outros e se afinam melhor
ambiência em várias trilhas pode causar mais distante possível como coro. E também todos se enxergam
um som que embola até a sonoridade da de qualquer parede. A no caso de algum dos cantores estar co-
música em uma mixagem. Quanto mais outra coisa a se tomar mandando as inflexões e tempos de du-
próximo do microfone o cantor estiver, cuidado é o ruído ração das frases. A única desvantagem
menor será este efeito. ambiente ou o deste método é se os vocalistas tiverem
No caso de dois cantores, a melhor que olhar para um maestro que não está
próprio som da sala
solução é colocar o microfone na posição cantando no grupo.
de “8”, um cantor de frente para o outro. Se você tiver dois microfones iguais,
É claro que se eles estiverem cantando pode tentar um método mais sofisticado.
vozes diferentes, você tem que prestar posições. Isso também dará um maior Coloque dois microfones no padrão de fi-
atenção no equilíbrio entre eles. No caso efeito de realismo no coro, pois os tim- gura 8 com o desvio de 90 graus, um em
de estarem cantando em uníssono, pres- bres de voz também estarão distribuídos relação ao outro no centro do círculo. Se
te atenção para ver se uma voz não está no estéreo. Um bom critério para se es- você tiver vários microfones iguais, pode
mais presente que a outra. Neste caso, colher o que vai para o meio ou para as tentar uma técnica mais sofisticada ainda:
peça para um dos cantores se aproximar pontas, é o cantor que tiver a voz mais use quatro microfones no padrão cardióide
ou se afastar. diferente em relação ao vocalista princi- deslocados em 90 graus, um em relação ao
No caso de três cantores, como já foi pal, pois apesar de não estar no meio outro, e coloque, por exemplo, dois canto-
dito acima, existe o problema de o junto com a voz principal, estará em um res em frente a cada microfone, isso irá te
vocalista do meio ficar com um timbre lugar bem próximo na imagem estéreo. dar o controle individual do equilíbrio das
mais definido do que os outros dois pelo Outra possibilidade é o caso de você vozes nos faders da mesa (ou do software)
fato de estar no eixo central do microfo- gravar um coro com várias vozes, tipo Repare que se você tiver à disposição
ne. Para evitar isso, pode-se usar a téc- seis, oito, dez ou doze vozes. Eu sugiro rebatedores, eles podem ser colocados para
nica de middle-side. Coloque um mi- duas técnicas. A primeira situação é se dar um maior isolamento entre os canais.
crofone no padrão cardióide apontando houver um maestro regendo o coro. Nes- Abraços e até a próxima.
para a frente e o outro com a figura de 8 te caso o coro estará provavelmente em
e-mail para esta coluna:
apontando para os lados em relação ao uma posição de semicírculo. Uma boa
primeiro microfone. Coloque os dois solução é colocar um microfone cardiói-
backstage@backstage.com.br

34 www.backstage.com.br