EDIÇÃO ESPECIAL

“12 Perguntas a…”
Laura Camarão

Moita, 7 de Junho de 2011 – 3ª Edição (Distribuição Grátis)

&

Inserir texto aqui inserir texto aqui

Francisco Carromeu

O Sonhos&Bocas teve o grande prazer de entrevistar, para esta 3ª edição especial, a professora Laura Camarão e o professor Francisco Carromeu, com 6 perguntas aliciantes a cada um deles.

Cerimónia de Prémios PORDATA Palestra: Açores – Ilhas de Natureza mágica! Nesta Palestra tivemos a oportunidade de conhecer melhor estas ilhas. Nesta edição, convidamos-te a entrar neste mundo mágico! A feira de Projectos deste ano veio em grande! As origens e objectivos estão aqui. Temos fotos e curiosidades postadas no blog do S&B! O grupo de alunos da turma 12º D1 foi à cerimónia de entrega de prémios PORDATA, a base de dados de Portugal. Recebeu menção honrosa pelo vídeo apresentado: PORDATA-te!

Visita o Nosso Blogue!

Índice:
Eutanásia: Crime/Libertação?……….……………..Pág. 3 Notas de Ingresso...…….................................……..Pág. 4 PORDATA……………………………..…………….. Feira de Projectos XIV…………………..………… Pág. 5 Pág. 6

http://sonhosebocas.blogspot.com/
É com muito orgulho que o grupo de Área de Projecto do 12ºD1 anuncia o nascimento do novo Blogue para o jornal Sonhos&Bocas! Aqui serão postadas
Pág.s notícias

Ilhas dos Açores: Palestra……………………..……. Pág. 7 “6 Perguntas a Francisco Carromeu”………..…. Pág.8/9 “ 6 Perguntas a Laura Camarão”..................... Pág. 9/10 Textos & Poemas Escolares ………….……..…. Pág. 11-13 Filmes & Estreias…………………………….………... Pág. 14 Verdadeiro ou Falso?……………………...…..…....Pág. 15 Doe Livros - Iniciativa.............................................Pág.16

extra

e

exclusivas, que vos manterá a par do vosso universo escolar na secundária da moita.
Pág.s

Visita-nos e lá poderás ter acesso a: - Entrevistas gravadas exclusivas a professores e/ou alunos; - Extras do jornal Sonhos&Bocas; - Novidades em torno do que se passa na tua escola; - E muito mais!

Pág.s

Ficha Técnica:
Equipa redactorial: David Nicolau; Luís Relvas; Luísa Amieiro; Priscila Azenha – 12º D1 Alunos Colaboradores: Marisa Fortes 12ºD1; Miguel Martins Reis, 10º D1; Raquel Carreira Filipe 10º P1; Érica Medina, 11º A3 Professoras Colaboradoras: Helena Brissos; Ilda Afonso; Ibérica Martins Ano Lectivo: 2010/2011

3

4

5

6

7

8

9

10

TEXTOS & POEMAS ESCOLARES
A palavra “felicidade” já virou cliché há muito tempo. A primeira resposta quando alguém nos pergunta o que queremos da vida é “ser feliz”. Mas será que já parámos para pensar em como obter a tão sonhada felicidade? A princípio, bastaria ter saúde, amor e dinheiro para sermos felizes mas, por vezes, os nossos desejos são mais complexos. Todos temos uma visão diferente do que é a felicidade. Para uns, felicidade é estar no meio de uma festa e dançar, para outros é estar só e viver só, e para outros poderá ser apenas apreciar o nascer ou pôr-do-sol. Alguns podem-na encontrar numa reunião familiar ou apenas numa brincadeira com os amigos, outros encontrarão-na ao estar sozinho com o seu amor, ou mesmo a fazer compras ou ganhar dinheiro. Na minha opinião, a felicidade está sempre ao nosso lado durante toda a nossa vida e não é muito difícil alcança-la já que todos nós temos os mais variados momentos de felicidade. No fundo, durante toda a nossa vida, procuramos obter este sentimento que tantos desejam. A felicidade é o que cada um sente ao sentir-se completo. Luís Relvas 12ºD1

“Felicidade”

Amizades, família e amigos É tudo o que se pode desejar, Desejos de tudo o que posso tornar possível Pelas minhas ambições lutar. É fazer rir que nos quer bem, É saber encontrar alegria na alegria dos outros. A beleza da felicidade está na sua simplicidade: Esta não tem pressa, nós porém, É que estamos sempre apressados. É preservar o ontem É viver o hoje e esperar pelo amanhã. A felicidade é partilhar dois mundos diferentes Numa fria manhã.

David Nicolau 12ºD1

11

A Vida
É acordar, A Vida é Pérola preciosa, A Vida é uma beldade, A Vida é pessoa bondosa, A Vida tem uma certa vaidade.

Ser feliz é...
É ver o sol brilhar, É amar e deixar-se amar, É partilhar e deixar-se ajudar,

A Vida é universal E dá que falar. Por vezes agimos mal E deixamo-la escapar.

É completar sem criticar, É as pessoas que ama terem defeitos e mesmo assim, achá-los perfeitos, É a solidariedade feita com vontade, É ter sonhos para realizar

A Vida está cheia de fantasias Com as quais podemos sonhar. Cheia de lindas melodias Como se a pode recusar?

e pode-los concretizar, É no lugar da destruição plantar a recuperação; É o sorriso de uma criança que nos encanta, É a maneira mais suave de se preocupar

A Vida é uma dádiva Que é atribuída aleatoriamente. Todos nós a temos Talvez seja por isso que lhe chamam presente.

na intensa capacidade de amar, É saber perdoar mesmo que nos voltem a magoar, A felicidade vê-se num olhar num sorriso que não há-se acabar, É perceber que cada momento

Miguel Martins Reis, 10º D1

deve ser vivido a seu tempo

Marisa Fortes 12ºD1 Nº11

Crónica

Portugal, é a hora!
São 20h, é a hora do jantar. Liga-se a televisão, ouvem se as noticias e a família cala-se. De repente, ouve-se alguém a gritar: “não vamos chegar a lado nenhum, isto assim não anda para a frente!”. E a história repete-se em várias casas, com várias famílias, mas, até hoje, nenhuma dessas palavras tirou Portugal da situação em que se encontra. Há famílias numerosas, bastante numerosas a ganhar apenas o ordenado mínimo, e por vezes, nem isso! E o incrível é que esse (muito) pouco dinheiro tem que chegar para sustentar sete ou oito pessoas. A meu ver, acho muito bem que as pessoas se manifestem, que reajam. Mas questiono-vos, será suficiente? Ó minha gente, isto não valerá de nada, se não lutarmos! Portugal mudou com o 25 de Abril. O povo achou que era a forma correcta de encarar as coisas e afinal, foi ao fundo! Nós, o povo, o “lixo” de Portugal, já fomos vendidos a quase meio mundo. Os que governam não percebem que para Portugal crescer, o povo também tem que crescer! Por isso, temos que avançar, temos que nos unir! Não podemos ser apenas Lisboa, Porto, Faro, … temos que ser Portugal! Portugal não pode continuar a cair! Só temos duas opções: desistir ou ir ao fundo, ou então lutar. Então, lutemos!

DESABAFO
Por vezes, fazemos coisas erradas, mas quando damos por elas, já é tarde demais. Com isso, aprendi a aceitar as diferenças, aprendi a perdoar (mesmo que me custe muito), aprendi a ser amiga do meu inimigo e aprendi a usar a inteligência, em vez da força. Às vezes sinto-me perdida neste mundo, vejo montes de ruas sem fim. Vejo-me sozinha num lugar onde a cor não existe. Onde posso deixar as minhas mágoas e lágrimas, sem que ninguém veja e levantar-me novamente com força? Deixando cair lágrimas de alegria, e dando cada passo olhando em frente, poderei fazer fluir alguma cor. Raquel Carreira Filipe 10º P1 -

13

14

VERDADEIRO
OU

FALSO?

1. Existem mais de mil vírus diferentes, que podem provocar uma constipação. Verdadeiro ○ Falso ○

5. Um litro de água quente é mais pesado do que um litro de água fria. Verdadeiro ○ Falso ○

2. Para os incas, o casamento só é válido quando os noivos ofereciam, um ao outro, as sandálias que usavam no decorrer da cerimónia. Verdadeiro ○ Falso ○

6. Cerca de 80% da superfície da Austrália é composta por desertos. Verdadeiro ○ Falso ○

3. Há répteis que vivem no Pólo Sul. Verdadeiro ○ Falso ○ 7. O sabor picante dos pimentos aparece, quando estão quentes ou são aquecidos. Os pimentos crus não são picantes. Verdadeiro ○ 4. Uma lâmpada de 75 watts dá mais luz que três lâmpadas de 25 watts. Verdadeiro ○ Falso ○ 8. Os olhos do Homem não crescem. Os teus olhos estão iguais ao dia em que nasceste. Verdadeiro ○ Falso ○ Falso ○

Soluções: 12345678-

F V F V V F V V

15

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful