Você está na página 1de 24

Prof: Darcilius

Introdução à NR6

Alunos: Antonio Freitas


Adilio Lira
Maciel
Maria Sthefany
Gillys Larry
NR-6: EQUIPAMENTOS
DE PROTEÇÃO
INDIVIDUAL (EPI)
Índice dos assuntos
1. Definição
2. Obrigações do empregador, quanto ao E P I
3. Obrigações do empregado quanto ao E P I
4. Obrigações do fabricante e do importador de EPI
5. Certificado de Aprovação (CA) de EPI
6. Proteção Respiratória
7. Tipos Peças Faciais Filtrantes (PFF)
8. Tipos de máscaras
9. Tipos de reação pulmonar
EQUIPAMENTOS DE PROTEÇÃO

 EPI: todo dispositivo ou produto, de uso


individual utilizado pelo trabalhador,
destinado à proteção de riscos suscetíveis de
ameaçar a segurança e a saúde no trabalho.
 EPC: todo dispositivo ou produto, destinado à
proteção coletiva de riscos suscetíveis de
ameaçar a segurança e a saúde no trabalho.
EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO
INDIVIDUAL NR – 06

A Empresa é obrigada a fornecer aos empregados,


gratuitamente, E P I adequado ao risco e em
perfeito estado de conservação e funcionamento,
nas seguintes circunstâncias:
EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO
INDIVIDUAL NR 6

Sempre que as medidas de proteção coletiva


forem tecnicamente inviáveis ou não
oferecerem completa proteção contra os riscos
de acidentes do trabalho e/ou de doenças
profissionais e do trabalho;

Enquanto as medidas de proteção coletiva


estiverem sendo implantadas;

Para atender a situações de emergência;


EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO
INDIVIDUAL NR 6
Obrigações do empregador, quanto ao E P I

 Adquirir o tipo adequado ao risco de cada


atividade;
Fornecer ao empregado somente E P I
aprovado pelo Ministério do Trabalho;
Orientar e treinar o trabalhador sobre seu
uso adequado, guarda e conservação;
EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO
INDIVIDUAL NR 6

 Tornar obrigatório o seu uso;


 Substituí-lo imediatamente quando
danificado ou extraviado;
 Responsabilizar-se pela sua higienização e
manutenção periódica;
 Comunicar ao Ministério do Trabalho
qualquer irregularidade observada no E P I
adquirido;
EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO
INDIVIDUAL NR – 06

Obrigações do empregado quanto ao E P I

 Usá-lo apenas para a finalidade a que se


destina;
Responsabilizar-se por sua guarda e
conservação;
Comunicar ao empregador qualquer
alteração que o torne impróprio para uso;
Obrigações do fabricante e do
importador:

cadastrar-se junto ao órgão nacional competente em


matéria de segurança e saúde no trabalho;
 solicitar a emissão e renovação do CA quando vencido
o prazo de validade estipulado pelo órgão competente
 requerer novo CA quando houver alteração das
especificações do equipamento aprovado;
 responsabilizar-se pela manutenção da qualidade do
EPI
comercializar ou colocar à venda somente o EPI,
portador de CA;
 comercializar o EPI com instruções técnicas no idioma
nacional.
EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO
COLETIVA - E P C

O controle do risco pode ser feito na


fonte ou trajetória;

É utilizado para proteger de forma


abrangente as pessoas.
O que é o Certificado de Aprovação
(CA) de EPI?
De extrema importância dentro das empresas, o Certificado de
Aprovação é um documento que o Ministério do Trabalho e Emprego
expede para garantir a qualidade e funcionalidade de um
determinado equipamento de proteção individual – EPI.

Além disso, o item 6.9.3 da norma regulamentadora NR6,


estabelece que todo EPI deve apresentar em caracteres inapagáveis,
o nome comercial da empresa que o fabrica, o lote de fabricação e o
número do CA. No caso de EPI’s importados, o nome da empresa
importadora, o lote de fabricação e o número do CA.

http://portalfat.mte.gov.br/programas-e-acoes-2/programa-de-protecao-do-emprego-ppe/perguntas-
frequentes/equipamentos-de-protecao-individual/
Onde consultar a validade de um Certificado de Aprovação – CA?

A consulta de Certificado de Aprovação – CA encontra-se disponível no sítio


do Ministério do Trabalho e Previdência Social – MTPS na internet no
link: http://caepi.mte.gov.br/internet/ConsultaCAInternet.aspx

Onde posso imprimir o Certificado de Aprovação – CA de um Equipamento de


Proteção Individual – EPI?

Ao se consultar o Certificado de Aprovação – CA, na internet, no endereço:


http://caepi.mte.gov.br/internet/ConsultaCAInternet.aspx, basta clicar no botão
“Visualizar CA”, que o sistema abrirá o documento em formato PDF.

Qual o prazo de validade de um Certificado de Aprovação – CA?

De acordo com a Norma Regulamentadora nº 6 (NR 6):


6.9.1 Para fins de comercialização o CA concedido aos EPI terá validade:
a) de 5 (cinco) anos, para aqueles equipamentos com laudos de ensaio que não
tenham sua conformidade avaliada no âmbito do SINMETRO;
Quais equipamentos devem possuir Certificado de Aprovação – CA?

A Norma Regulamentadora nº 6 (NR 6) define o que é Equipamento de Proteção


Individual – EPI, e o Anexo I dessa norma elenca todos as proteções que são
consideradas. Os equipamentos ali listados, portanto, devem possuir Certificado
de Aprovação – CA para serem comercializados e utilizados como EPI.
Portanto, cuidado com a qualidade dos EPIs

EPI com rasgo, queimadura, buraco,


Bolhas, manchas por ação de químicos e
corte, devem ser substituídos imediatamente
Proteção Respiratória

Tem a finalidade de filtrar o ar ambiente


poluído, tornando-o adequado à respiração ou
permitir o suprimento de “ar respirável” às
pessoas;
QUANDO USAR PFF1, PFF2, MÁSCARAS E OUTROS
EPIS?

Trabalhadores que desenvolvem suas atividades laborais em espaços


confinados, locais onde a inalação de poeira, fumo, névoa, gases, vapores ou
outros contaminadores existam devem usar Equipamentos de Proteção
Individual próprios para proteger as vias respiratórias.
A Norma Regulamentadora 6 (NR6) determina quais EPIs devem ser usados.
Os EPIs destinados à proteção respiratória são respiradores, máscaras ou
roupas. Dentre vários, descubra qual é o melhor para proteger as suas vias
respiratórias.
Fonte: http://zanel.com.br/blog/guia-de-protecao-respiratoria-quando-usar-mascaras-e-outros-epis/
Peças Faciais Filtrantes (PFF)
Peças Faciais Filtrantes (PFF) correspondem aos
respiradores. A classificação P1, P2, P3 são filtros
mecânicos e referem-se à capacidade de retenção do
agente contaminante.

PFF1: peça semifacial filtrante que protege as vias


respiratórias contra poeiras e névoas.

PFF2: peça semifacial filtrante contra poeiras, névoas e


fumos.

PFF3: peça para proteção contra partículas tóxicas finas e


radionuclídeos.
Tipos de máscaras

Semi facial - Proteção contra


poeiras, névoas, fumos e
radionuclídeos / contra vapores
orgânicos ou gases ácidos; indicada
quando os agentes não atingem os
olhos do usuário, cobrindo o nariz e
a boca;
Facial total – Proteção contra
partículas (poeiras, névoas,
fumos e radionuclídeos) e gases
emanados de produtos
químicos; possui filtro cartucho
cobrem o
nariz, a boca e os olhos.
Facial autônoma - Proteção
em atmosferas com
concentração imediatamente
perigosas à vida e à saúde e
em ambientes confinados;
possui suprimento próprio de
ar respirável, através de
cilindros cobrindo o nariz, a
boca e os olhos;
Tipos de reação pulmonar parenquimatosa
(Green FHY. Pathology of Occupational Lung Disease 1998)

• Pneumoconiose não fibrogênica • Metais inertes (ferro,cromo)


• Fibrose pulmonar nodular • Sílica, carvão mineral
• Fibrose pulmonar progressiva • Sílica, carvão mineral
• Proteinose alveolar difusa • Sílica
• Granulomatose • Berílio, alumínio
• Pneumonia intersticial de células • Cobalto
gigantes
• Pneumonite de hipersensibilidade • Poeiras orgânicas(enzimas)
• Pneumonite química • Fumos de solda