Você está na página 1de 16

UM OLHAR SOCIOLÓGICO

O que é isso?
1.O “menino
selvagem”
de
Aveyron.
UM OLHAR SOCIOLÓGICO

Jean Étienne
Esquirol
(1772-1840)
UM OLHAR SOCIOLÓGICO

Philippe
Pinel
(1745-1826)
UM OLHAR SOCIOLÓGICO

Os dois médicos franceses


afirmavam que o menino
selvagem sofria de idiotia,
e essa seria a causa do
abandono da criança.
UM OLHAR SOCIOLÓGICO

Jean-
Marie
Gaspard
Itard
7
UM OLHAR SOCIOLÓGICO

Itard acreditava que a


situação de abandono e
afastamento da civilização
explicava o comportamento
diferente do menino.
UM OLHAR SOCIOLÓGICO

Formulou a hipótese de que a maior parte


das deficiências intelectuais e sociais não é
inata, mas tem sua origem na falta de
socialização do indivíduo considerado
deficiente, na falta de comunicação com
seus semelhantes, especialmente de
comunicação verbal.
UM OLHAR SOCIOLÓGICO

Itard, aproximando-se de uma


visão sociológica, concluiu que o
isolamento social prejudica a
sociabilidade do indivíduo... a
sociabilidade é o que torna
possível a vida em sociedade.
UM OLHAR SOCIOLÓGICO

O caso do menino selvagem


de Aveyron mostra que o
ser humano é um animal
social por excelência, como
afirmava o filósofo grego
Aristóteles.
RELAÇÕES SOCIAIS

As relações entre os seres


humanos, isto é, as relações
sociais, constituem a base
da sociedade.
RELAÇÕES SOCIAIS

“(...) Por “relação” social entendemos o comportamento


reciprocamente referido quanto a seu conteúdo de
sentido por uma pluralidade de agentes e que se orienta
por essa referência. A relação social consiste, portanto,
completa e exclusivamente na probabilidade de que se
aja socialmente numa forma indicável (pelo sentido), não
importando, por enquanto, em que se baseia essa
probabilidade (...).

(WEBER, Max. Economia e Sociedade. p. 16-7)


OBJETO DE ESTUDO DA
SOCIOLOGIA
Em última análise, a sociologia quer exatamente
entender as interações entre os homens. É destas
interações que surgem as ficções de formações sociais
mais ou menos grandes que, como massas, grupos ou
forças coletivas abstratas, dominam a nossa vida
social, constituindo o objeto principal da sociologia no
seu sentido mais estrito (família, escola, infância,
escravidão, casamento, fenômenos religiosos,
mobilidade social, estudos sobre estratificação e a
composição da classe social, relações de trabalho,
relações de poder e dominação, partidos políticos,
ideologias etc.)
MAS... AFINAL, O QUE É A
SOCIEDADE?
A peculiaridade da perspectiva sociológica se torna
clara depois de algumas reflexões sobre o significado
do termo “sociedade”.

Sociedade às vezes designa um determinado grupo de


pessoas (como em “Sociedade Protetora dos
Animais”), às vezes somente as pessoas cercadas de
grande prestígio e privilégio (como em “as senhoras
da sociedade de Boston”).
MAS... AFINAL, O QUE É A SOCIEDADE?
“Por ora, diremos que sociedade é todo grupo de pessoas que
vivem e trabalham juntas durante um período de tempo
suficientemente longo para se organizarem e para se
considerarem como formando uma unidade social, com
limites bem definidos”.
(LINTON, Ralph. O homem: uma introdução à antropologia. p.
107.)

“Quando um agregado qualquer tiver reduzido a cooperação


de seus membros a padrões habituais e voluntários, e
desenvolvido consciência de grupo, terá de ser classificado
como sociedade”.
(LINTON, Ralph. O homem: uma introdução à antropologia. p.
110.)