P. 1
ORAÇÕES SUBORDINADAS e ADJETIVAS

ORAÇÕES SUBORDINADAS e ADJETIVAS

|Views: 1.629|Likes:
Publicado porFernanda Barroso

More info:

Published by: Fernanda Barroso on Sep 07, 2012
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOC, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

05/21/2013

pdf

text

original

ORAÇÕES SUBORDINADAS ADJETIVAS ___________________________________________________________ Caderno de Exercícios Diga se a Oração Adjetiva é Restritiva ou Explicativa: 01 - Duro é o sofrimento que nasce

do vício. 02 - A água, que é incolor, é indispensável. 03 - Comprei um papagaio que fala muito. 04 - Deus, que é o pai de todos, sabia da luta que ele tivera. 05 - As pessoas que fingem não são dignas de confiança. 06 - Há coisas que nos comovem. 07 - O vulcão, que parecia extinto, voltou a dar sinal de vida. 08 - É teu tudo quanto aqui existe. 09 - Os bois da região, que contraíram febre aftosa, serão examinados. 10 - O livro que li é muito bom. 11 - A Lua, que é satélite da terra, inspirou muitos poetas. 12 - A neve, que é fria, provocou a morte da vegetação. 13 - Infeliz é o homem que não age honestamente. 14 - Os homens que tem seu preço são fáceis de corromper. 15 - Os idosos, que gostam de dançar, se divertiram muito. 16 - O professor indicou os livros que deviam ser lidos. 17- Conhece a casa onde moro? 18 - Espinhosa é a estrada por onde passamos. 19 - João, que era bom aluno, está desempregado. 20 – Todos adoram espelhos que se deformam. GABARITO 01 - Duro é o sofrimento que nasce do vício. Restritiva. 02 - A água, que é incolor, é indispensável. Explicativa. 03 - Comprei um papagaio que fala muito. Restritiva. 04 - Deus, que é o pai de todos, sabia da luta que ele tivera. Explicativa. 05 - As pessoas que fingem não são dignas de confiança. Restritiva. 06 - Há coisas que nos comovem. Restritiva. 07 - O vulcão, que parecia extinto, voltou a vida. Explicativa. 08 - É teu tudo quanto aqui existe. Restritiva. 09 - Os bois, que contraíram febre aftosa, serão examinados. Exp. 10 - O livro que li é muito bom. Restritiva. 11 - A Lua, que é satélite da terra, inspirou muitos poetas. Explicativa. 12 - A neve, que é fria, provocou a morte da vegetação. Explicativa. 13 - Infeliz é o homem que não age honestamente. Restritiva. 14 - Os homens que tem seu preço são fáceis de corromper. Restritiva. 15 - Os idosos, que gostam de dançar, se divertiram muito. Explicativa. 16 - O professor indicou os livros que deviam ser lidos. Restritiva. 17 - Conhece a casa onde moro? Restritiva. 18 - Espinhosa é a estrada por onde passamos. Restritiva. 19 - João, que era bom aluno, está desempregado. Explicativa. 20 – Todos adoram espelhos que se deformam. Restritiva.

1. (FCMSCSP) A palavra se é conjunção subordinativa integrante (por introduzir oração subordinada substantiva objetiva direta) em qual dedas orações seguintes?

a) Ele se morria de ciúmes pelo patrão. b) A Federação arroga-se o direito de cancelar o jogo. c) O aluno fez-se passar por doutor. d) Precisa-se de pedreiros. e) Não sei se o vinho está bom. 2. (FCE-SP) "Os homens sempre se esquecem de que somos todos mortais." A oração destacada é: a) substantiva completiva nominal b) substantiva objetiva indireta c) substantiva predicativa d) substantiva objetiva direta e) substantiva subjetiva 3. (FEI-SP) "Estou seguro de que a sabedoria dos legisladores saberá encontrar meios para realizar semelhante medida." A oração em destaque é substantiva: a) objetiva indireta b) completiva nominal c) objetiva direta d) subjetiva e) apositiva 4. (UCMG) Há oração subordinada substantiva apositiva em: a) Na rua perguntou-lhe em tom misterioso: onde poderemos falar à vontade? b) Ninguém reparou em Olívia: todos andavam como pasmados. c) As estrelas que vemos parecem grandes olhos curiosos. d) Em verdade, eu tinha fama e era visto valsista emérito: não admira que ela me preferisse. e) Sempre desejava a mesma coisa: que a sua presença fosse notada. 5. (UFMG) Na frase "Maria do Carmo tinha a certeza de que estava para ser mãe", a oração em destaque é: a) subordinada substantiva objetiva indireta b) subordinada substantiva completiva nominal c) subordinada substantiva predicativa d) coordenada sindética conclusiva e) coordenada sindética explicativa 6. (UFPA) Qual o período em que há oração subordinada substantiva predicativa? a) Meu desejo é que você passe nos exames vestibulares. b) Sou favorável a que o aprovem. c) Desejo-te isto: que sejas feliz. d) O aluno que estuda consegue superar as dificuldades do vestibular. e) Lembre-se de que tudo passa neste mundo. 7. (FESP) "Lembro-me de que ele só usava camisas brancas." A oração em destaque é: a) substantiva completiva nominal

b) substantiva objetiva indireta c) substantiva predicativa d) substantiva subjetiva e) n.d.a. 8. (PUCSP) Nos trechos: "... não é possível que a notícia da morte me deixasse alguma tranqüilidade, alívio, e um ou dois minutos de prazer" e "Digo-vos que as lágrimas eram verdadeiras", a palavra "que" está introduzindo, respectivamente, orações: a) subordinada substantiva subjetiva - subordinada substantiva objetiva indireta b) subordinada substantiva objetiva direta - subordinada substantiva objetiva direta c) subordinada substantiva subjetiva - subordinada substantiva subjetiva d) subordinada substantiva completiva nominal - subordinada adjetiva explicativa e) subordinada adjetiva explicativa - subordinada substantiva predicativa 9. (PUCSP) "As cunhas tinham ensinado para ele que o sagüi-açu não era sagüim não, chamava elevador e era uma máquina." Em relação à oração não destacada, as orações em destaque são, respectivamente: a) subordinada substantiva objetiva direta - coordenada assindética - coordenada sindética aditiva b) subordinada adjetiva restritiva - coordenada assindética - coordenada sindética aditiva c) subordinada substantiva objetiva direta - subordinada substantiva objetiva direta coordenada sindética aditiva d) subordinada substantiva objetiva direta - subordinada substantiva objetiva direta subordinada substantiva objetiva direta e) subordinada substantiva subjetiva - coordenada assindética - coordenada sindética aditiva 10. (F. Tibiriçá-SP) No período "Todos tinham certeza de que seriam aprovados", a oração destacada é: a) substantiva objetiva indireta b) substantiva completiva nominal c) substantiva apositiva d) substantiva subjetiva e) n.d.a. 11. (UFSCar-SP) Marque a opção que contém oração subordinada substantiva completiva nominal. a) "Tanto eu como Pascoal tínhamos medo de que o patrão topasse Pedro Barqueiro nas ruas da cidade." b) "Era preciso que ninguém desconfiasse do nosso conluio para prendermos o Pedro Barqueiro." c) "Para encurtar a história, patrãozinho, achamos Pedro Barqueiro no rancho, que só tinha três divisões: a sala, o quarto dele e a cozinha." d) "Quando chegamos, Pedro estava no terreiro debulhando milho, que havia colhido em sua rocinha, ali perto." e) "Pascoal me fez um sinalzinho, eu dei a volta e entrei pela porta do fundo para agarrar o Barqueiro pelas costas."

12. (F. Objetivo-SP) No período: "É necessário que todos se esforcem", a oração destacada é: a) substantiva objetiva direta b) substantiva objetiva indireta c) substantiva completiva nominal d) substantiva subjetiva e) substantiva predicativa 13. (F. Objetivo-SP) "A verdade é que a gente não sabia nada..." Classifica-se a segunda oração como: a) subordinada substantiva objetiva direta b) subordinada adverbial conformativa c) subordinada substantiva objetiva indireta d) subordinada substantiva predicativa e) subordinada substantiva apositiva GABARITO 1 - E 2 - B 3 - B 4 - E 5 - B 6 - A 7 - B 8 - A 9 - D 10 - B 11 - A 12 - D 13 – D

1. Na frase “E quando Larissa se agita, é para desobedecer ao pai ou à mãe.”, temos como incorreta: a) Período composto por subordinação, coordenado pela conjunção e ao anterior. b) Oração subordinada adverbial temporal: ... “quando Larissa se agita”. c) Oração subordinada adverbial final reduzida de infinitivo : para desobedecer ao pai ou à mãe. d) Oração principal : é. e) O período é composto por coordenação. 2) Em relação a orações coordenadas é correto afirmar: a) Sempre possui uma conjunção ligando uma a outra; b) Nunca possui conjunções, apenas vírgula separando uma das outras; c) Não possui sentido próprio, logo necessita de outra oração para ter sentido. d) São orações independentes, tem sentido próprio. 3) Classifique a oração a seguir: “Pedro não trabalhava, nem estudava.” a) É uma oração coordenada assindética; b) É uma oração coordenada sindética alternativa; c) É uma oração coordenada sindética aditiva; 4) Na oração “PEDRO NÃO JOGA E NEM ASSISTE”, temos a presença de uma oração coordenada que pode ser classificada em: a) Coordenada assindética; b) Coordenada assindética aditiva; c) Coordenada sindética alternativa; d) Coordenada sindética aditiva.

5) Sobre as orações subordinadas é correto afirmar: a) São classificadas em substantivas – adjetivas – adverbiais; b) São orações que em suas estruturas sempre necessitará de vírgula para ligar uma oração a outra; c) São orações que nunca precisam de sujeito. d) São orações que utilizamos separadamente do texto, para ensinar nossos alunos. 6) Em um período composto por subordinação, a oração que não possui sujeito na oração principal, dentro das orações subordinadas substantivas, será classificada como: a) Oração subordinada substantiva predicativa; b) Oração subordinada substantiva apositiva; c) Oração subordinada subjetiva; d) Oração subordinada objetiva direta. 7. Observe os versos seguintes: Fica decretado que o homem não precisará nunca mais duvidar do homem. Com relação à morfossintaxe desse período, a segunda oração, de acordo com a norma culta da língua, é classificada como: a) subordinada adjetiva restritiva. b) subordinada substantiva completiva nominal. c) subordinada adverbial causal. d) subordinada substantiva objetiva direta. e) subordinada substantiva subjetiva. 8. Há exemplo de oração subordinada em: a) Empreeender significa acreditar na capacidade pessoal de iniciativa e de superação de obstáculos. b) A escola introduziu em seu currículo uma série de medidas para o alcance de seus propósitos. c) Entre os bons momentos da coleção figura uma série de fotografias de Robert Doisneau que registram o cotidiano das fábricas. d) Não se importa com o dano, mas exige a ilicitude da conduta. e) Ele é defensor de posições severas em relação às operadoras de planos e seguros de saúde e sustenta sua utilização de maneira ampla em ambas as modalidades, individual e coletiva. 9. “Voa, coração, que ele não deve demorar”, a oração destacada é corretamente classificada como: a) Coordenada concessiva. b) Subordinada adverbial temporal. c) Coordenada explicativa. d) Subordinada substantiva objetiva direta. e) Coordenada consecutiva. 10. No trecho abaixo, as orações introduzidas pelos termos grifados são classificadas, em relação às imediatamente anteriores, como: “Não há dúvida de que precisaremos curtir mais o dia a dia, mas nunca à custa de nossos filhos...”

a) Oração subordinada substantiva objetiva indireta e coordenada sindética adversativa; b) Oração subordinada adjetiva restritiva e coordenada sindética explicativa; c) Oração subordinada adverbial conformativa e subordinada adverbial concessiva; d) Oração subordinada substantiva completiva nominal e coordenada sindética adversativa; e) Oração subordinada adjetiva restritiva e subordinada adverbial concessiva. Gabarito dos Exercícios de Orações Coordenadas e Subordinadas: 1.E 2.D 3.C 4.D 5.A 6.C 7.E 8.C 9.C 10.D CLASSIFIQUE AS ORAÇÕES SUBLINHADAS: 1-Todos querem o mesmo destino: que atinjamos a felicidade. 2-O bom é que você não desconfia nunca. 3-Não veio nem telefonou. 4-Meu consolo era que o trabalho estava no fim. 5-Ivo tinha esquecido de que sua proposta não agradara. 6-A estrada era perigosa, entretanto todos queriam visitá-la. 7-Alencar estava esperançoso de que tudo se resolveria. 8- A nova máquina necessitava de que os funcionários supervisionassem mais o trabalho. 9-Ora chama pela mãe, ora procura o pai. 10-Estou com receio de que não ocorra o jogo. 11-Temo que Marcos saia ferido. 12-Esse garoto não estuda nem trabalha. 13-É necessário que façamos nossos deveres. 14-Todos desejamos que seu futuroseja brilhante. 15-Argumentou durante duas horas, mas não convenceu. 16-Penso que eles viajarão amanhã cedo. 17-Falta carne no mercado, portanto conheça a comida vegetariana. 18-Nesse particular, você tem razão, contudo não me convenceu. 19-A babá ora acariciava o neném, ora beliscava-o. 20-Paulo José observa que o anti-heroísmo é uma característica forte dos personagens da cultura latino-americana. 21-Vivia zombando de todos; logo, não merecia complacência. 22-É difícil que ele venha. 23-Conseguiu a aprovação, pois estudou como nunca fizera antes. 24-Sabemos que eles estudam muito. 25-Sua falha trágica é a dificuldade de ser maleável em relação à realidade. 26-Foi afirmado que você subornou o guarda. 27-É possível fracassar. 28-Não só reclamava da escola, mas também atazanava os colegas. 29-Amaral não sabia comorealizar o sorteio. 30-Vou sair, que aqui está muito abafado. 31-Lembro-me de que tu me amavas. 32-Convém que não saias da classe. 33-Ele caminhava apressadamente, pois estava atrasado. 34-Estude, ou não sairá nesse sábado. 35-Estive à sua procura, mas não o encontrei. 36-Convém que façamos nossos deveres. 37-Informamos que os alunos sairão pela porta dos fundos. 38-Sempre foi muito estudioso, no entanto não se adaptava à nova escola.

39-Pedi que saíssem da sala. 40-Todo político que é honesto é capaz de causar revoluções administrativas. 41-Faça tudo o que quiser fazer, porém seja consciente de seus atos. 42-O garoto que era risonho tornou-se um garoto sisudo. 43-Todo aluno que é estudioso é digno de aprovação. 44-Tenho necessidade de que me elogiem. 45-Sabe-se que a situação econômico-financeira ainda vai ficar pior. 46-Simão não era rico nem pobre. 47-Estude, ou não sairá nesse sábado. 48-A verdade é que nunca nos satisfazemos com nossas posses. 49-Não acredito no médico do qual me falaste há pouco. 50-Responda se conhece o novo time do Flamengo. 51-Olha como tudo terminou bem! 52-A juventude atual ora reclama ora atrapalha. 53-O homem, que é um ser racional, tem perdido suas características mais preciosas. 54-A opinião de que Luís desistirá do estudo é conclusão precipitada. 55-O jovem obedeceu a todos que lhe são superiores. 56-Importa estudar continuamente. 57-A garota com quem simpatizei está à sua procura. 58-Londrina,que é aterceira cidade da região Sul do país, está muito bem cuidada. 59-O mal é você ficar de braços cruzados. 60-Ocerto é que Sérgio não se casará. 61-Estudou como nunca fizera antes, por isso conseguiu a aprovação. 62-Adilson foi ao trabalho a pé e voltou de automóvel. 63-O inverno suíço de 1987, que foi muito rigoroso, matou 100 pessoas. 64-O Vasco é o melhor time do Brasil hoje em dia, por isso está na final do campeonato. 65-Estou com esperança de que ele saia vitorioso. 66-O relógio é de ouro; não enferruja, pois. 67-Sua instrução foi única: estudar sempre. 68-Pedi-lhe um favor: que me chamasse às sete horas. 69-Estudou não somente Português, como também Geografia. 70-O professor cujas orientações não são diretivas tem conseguido resultados assustadores nos últimos tempos. 71-O lírio, que é branco, já não é símbolo de candura. 72-A falácia é que para ficar rico é preciso ficar pobre. 73-O acidente obstou a que chegássemos mais cedo. 74-Tenho medo de que ele não resista ao interrogatório. 75-O relógio não enferruja, pois é de ouro. 76-Cláudia não gostou das provocações e insinuações. GABARITO: 1-Oração Subordinada Substantiva Apositiva 2-Oração Subordinada Substantiva Predicativa 3-Oração Coordenada Sindética Aditiva 4-Oração Subordinada Substantiva Predicativa 5-Oração Subordinada Substantiva Objetiva Indireta 6-Oração Coordenada Sindética Adversativa 7-Oração Subordinada Substantiva Completiva Nominal 8-Oração Subordinada Substantiva Objetiva Indireta 9-Oração Coordenada Sindética Alternativa 10-Oração Subordinada Substantiva Completiva Nominal

11-Oração Subordinada Substantiva Objetiva Direta 12-Oração Coordenada Sindética Aditiva 13-Oração Subordinada Substantiva Subjetiva 14-Oração Subordinada Substantiva Objetiva Direta 15-Oração Coordenada Sindética Adversativa 16-Oração Subordinada Substantiva Objetiva Direta 17-Oração Coordenada Sindética Conclusiva 18-Oração Coordenada Sindética Adversativa 19-Oração Coordenada Sindética Alternativa 20-Oração Subordinada Substantiva Objetiva Direta 21-Oração Coordenada Sindética Conclusiva 22-Oração Subordinada Substantiva Subjetiva 23-Oração Coordenada Sindética Explicativa 24-Oração Subordinada Substantiva Objetiva Direta 25-Oração Subordinada Substantiva Predicativa 26-Oração Subordinada Substantiva Subjetiva 27-Oração Subordinada Substantiva Subjetiva 28-Oração Coordenada Sindética Aditiva 29-Oração Subordinada Substantiva Objetiva Direta 30-Oração Coordenada Sindética Explicativa 31-Oração Subordinada Substantiva Objetiva Indireta 32-Oração Subordinada Substantiva Subjetiva 33-Oração Coordenada Sindética Explicativa 34-Oração Coordenada Sindética Alternativa 35-Oração Coordenada Sindética Adversativa 36-Oração Subordinada Substantiva Subjetiva 37-Oração Subordinada Substantiva Objetiva Direta 38-Oração Coordenada Sindética Adversativa 39-Oração Subordinada Substantiva Objetiva Direta 40-Oração Subordinada Adjetiva Restritiva 41-Oração Coordenada Sindética Adversativa 42-Oração Subordinada Adjetiva Restritiva 43-Oração Subordinada Adjetiva Restritiva 44-Oração Subordinada Substantiva Completiva Nominal 45-Oração Subordinada Substantiva Subjetiva 46-Oração Coordenada Sindética Aditiva 47-Oração Coordenada Sindética Alternativa 48-Oração Subordinada Substantiva Predicativa 49-Oração Subordinada Adjetiva Restritiva 50-Oração Subordinada Substantiva Objetiva Direta 51-Oração Subordinada Substantiva Objetiva Direta 52-Oração Coordenada Sindética Alternativa 53-Oração Subordinada Adjetiva Explicativa 54-Oração Subordinada Adjetiva Restritiva 55-Oração Subordinada Substantiva Objetiva Indireta 56-Oração Subordinada Substantiva Subjetiva 57-Oração Subordinada Adjetiva Restritiva 58-Oração Subordinada Adjetiva Explicativa 59-Oração Subordinada Substantiva Predicativa 60-Oração Subordinada Substantiva Predicativa 61-Oração Coordenada Sindética Conclusiva 62-Oração Coordenada Sindética Aditiva 63-Oração Subordinada Adjetiva Explicativa 64-Oração Coordenada Sindética Conclusiva

65-Oração Subordinada Substantiva Completiva Nominal 66-Oração Coordenada Sindética Conclusiva 67-Oração Subordinada Substantiva Apositiva 68-Oração Subordinada Substantiva Apositiva 69-Oração Coordenada Sindética Aditiva 70-Oração Subordinada Adjetiva Restritiva 71-Oração Subordinada Adjetiva Explicativa 72-Oração Subordinada Substantiva Predicativa/Oração Subordinada Substantiva Subjetiva 73-Oração Subordinada Substantiva Objetiva Indireta 74-Oração Subordinada Substantiva Completiva Nominal 75-Oração Coordenada Sindética Explicativa 76-Oração Subordinada Substantiva Objetiva Indireta

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->