Você está na página 1de 2

CANTARIA – “Um registro de beleza e

habilidade.”
2º SEMESTRE DE 2009

O que é Cantaria?

Por definição, a Cantaria é entendida por pedra lavrada ou simplesmente aparelhada em formas geométricas para construção de edifícios e, em gera l, para
qualquer construção. As rochas são cortadas segundo as regras da estereotomia, esta definida como “a arte de dividir e cortar com rigor os materiais de
construção”, a fim de serem aplicadas às diferentes partes do edifício, como constituição das paredes, etc. “Um registro de beleza e habilidade humana,
materializados na mais simples, rústica e, ao mesmo tempo, nobre das matérias-primas: a pedra.”

Início da Oficina na UFOP:

O Projeto Oficina de Cantaria vem, desde 2002, resgatando a arte da cantaria na cidade de Ouro Preto, extinta em meados do século XIX e retomada pelo mestre
de obras José Raimundo Pereira, falecido em 2006, sendo considerado como o último mestre canteiro da região. A oficina ensina a arte a jovens e crianças e
funciona como um atelier-escola para restauração e manutenção do patrimônio histórico e também para criação de novas peças, como forma de expressão
artística.

“Pesquisa, Educação e Arte da Cantaria”

Projeto de extensão da Universidade Federal de Ouro Preto (Ufop) desenvolvido com a participação de docentes e discentes.
O trabalho tem por objetivo:
• melhorar o desempenho escolar de crianças de escolas de Ouro Preto, auxiliando nas tarefas escolares e apresentando novos conceitos dos conteúdos já vistos
na escola;
• facilitar o acesso à informação através da informática e incentivo a leitura;
• apresentar-lhes a arte da cantaria, para que possam ter cada vez mais contato com o ofício, tornando-se desde bons multiplicadores da história desta arte;
• desenvolver nas crianças a capacidade de reconhecer e valorizar o patrimônio material e imaterial de Ouro Preto;
• completar a formação do aluno de graduação da UFOP, oferecendo oportunidade de atuar junto à sociedade.
“Nossa idéia com o projeto é aproximar a comunidade ouro-pretana da história da
cidade e da arte da cantaria, pois as pessoas passam todos os dias ao lado de lindas obras e não conhecem sua história. Queremos que a população veja a
cidade com um outro olhar”, Carlos A. Pereira.

ÀS ESCOLAS QUE DESEJAM PARTICIPAR:

Agradecemos a participação das escolas no projeto de 2008 e viemos convidá-las para o Projeto que se inicia em Agosto de 2009. Cada escola deverá indicar
três alunos da quarta série do ensino primário e, junto às crianças escolhidas pedimos às professoras que nos envie uma avaliação escrita, com informações
necessárias para melhor trabalharmos com em particular com cada um. As aulas ocorrem duas vezes por semana que são oferecidas no turno da manhã (8:00hrs
às 10:00hrs) e da tarde (14:00hrs e 16:00hrs). As crianças que participam do projeto ganham vale-transporte durante a semana para locomoverem-se até o
Campus e assistirem as aulas.

Pais e professores:
Devemos ressaltar o quanto é importante que vocês acompanhem o andamento do curso, estejam presentes nas reuniões.
Já esta marcada a data da primeira reunião a qual deverão comparecer ou enviar um representante ao Departamento de Eng. de Minas UFOP, os pais de cada
aluno.

____/ ____/____ Às 8:00 horas da manhã.

Data Aula
18/08/2009 Aula Inaugural
10/09/2009 Visita*
08/10/2009 Visita*
13/10/2009 Festa – dia
crianças
15/10/2009 Recesso
29/10/2009 Visita*
19/11/2009 Visita*
03/12/2009 Término - Entrega
dos certificados
Cronograma sujeito a
alterações.

Contato: Carlos A. Pereira


pereira@demin.ufop.br
clarissapaula@gmail.com
cantaria@demin.ufop.br
Universidade Federal de Ouro Preto, Departamento de Eng. de Minas
Campus Morro do Cruzeiro
35400-000 - Ouro Preto - Minas Gerais