PODER JUDICIÁRIO DO ESTADO DO PARÁ

TJ/PA - DIÁRIO DA JUSTIÇA - Edição nº 4651/2010 - Terça-Feira, 14 de Setembro de 2010
PRESIDENTE Des. RÔMULO JOSÉ FERREIRA NUNES VICE-PRESIDENTE Desª. RAIMUNDA DO CARMO GOMES NORONHA CORREGEDORA DA REGIÃO METROPOLITANA DE BELÉM Desª. ELIANA RITA DAHER ABUFAIAD CORREGEDORA DO INTERIOR Desª. MARIA RITA LIMA XAVIER

CONSELHO DA MAGISTRATURA
Des. RÔMULO JOSÉ FERREIRA NUNES Desª. RAIMUNDA DO CARMO GOMES NORONHA Desª. ELIANA RITA DAHER ABUFAIAD Desª. MARIA RITA LIMA XAVIER Desª. MARIA DE NAZARÉ SILVA GOUVEIA DOS SANTOS Desª. DAHIL PARAENSE DE SOUZA

DESEMBARGADORES
ALBANIRA LOBATO BEMERGUY MARIA HELENA D'ALMEIDA FERREIRA MILTON AUGUSTO DE BRITO NOBRE RAIMUNDA DO CARMO GOMES NORONHA RÔMULO JOSÉ FERREIRA NUNES LUZIA NADJA GUIMARÃES NASCIMENTO JOÃO JOSÉ DA SILVA MAROJA VÂNIA VALENTE DO COUTO FORTES BITAR CUNHA RAIMUNDO HOLANDA REIS MARIA RITA LIMA XAVIER ELIANA RITA DAHER ABUFAIAD BRIGIDA GONÇALVES DOS SANTOS VÂNIA LÚCIA CARVALHO DA SILVEIRA CONSTANTINO AUGUSTO GUERREIRO MARIA DE NAZARÉ SILVA GOUVEIA DOS SANTOS
CÂMARAS CÍVEIS REUNIDAS Plenário das Câmaras Cíveis Reunidas Sessões às terças-feiras Desembargadora Raimunda do Carmo Gomes Noronha (Presidente) Desembargadora Maria Helena D'Almeida Ferreira Desembargadora Luzia Nadja Guimarães Nascimento Desembargador Constantino Augusto Guerreiro Desembargador Ricardo Ferreira Nunes Desembargador Leonardo de Noronha Tavares Desembargadora Marneide Trindade Pereira Merabet Desembargador Cláudio Augusto Montalvão das Neves Desembargadora Maria do Carmo Araújo e Silva Desembargadora Célia Regina de Lima Pinheiro Desembargadora Maria de Nazaré Saavedra Guimarães Desembargadora Dahil Paraense de Souza Desembargador Leonam Gondim da Cruz Júnior Desembargadora Diracy Nunes Alves Desembargadora Gleide Pereira de Moura Desembargador José Maria Teixeira do Rosário Desembargadora Helena Percila de Azevedo Dornelles Juíza Convocada - Dra. Elena Farag 1ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Plenário das Câmaras Isoladas I Sessões às segundas-feiras Desembargadora Maria Helena D'Almeida Ferreira (Presidente) Desembargador Leonardo de Noronha Tavares Desembargadora Marneide Trindade Pereira Merabet Desembargadora Gleide Pereira de Moura 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Plenário das Câmaras Isoladas II Sessões às segundas-feiras Desembargador Cláudio Augusto Montalvão das Neves (Presidente) Desembargadora Célia Regina de Lima Pinheiro Desembargadora Helena Percila de Azevedo Dornelles 3ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Plenário das Câmaras Isoladas II Sessões às quintas-feiras Desembargadora Dahil Paraense de Souza Desembargador Leonam Gondim da Cruz Júnior (Presidente) Desembargador José Maria Teixeira do Rosário 4ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Plenário das Câmaras Isoladas I Sessões às segundas-feiras Desembargador Ricardo Ferreira Nunes Desembargadora Maria do Carmo Araújo e Silva (Presidente) Desembargadora Maria de Nazaré Saavedra Guimarães Juíza Convocada - Dra. Elena Farag

RICARDO FERREIRA NUNES LEONARDO DE NORONHA TAVARES MARNEIDE TRINDADE PEREIRA MERABET CLÁUDIO AUGUSTO MONTALVÃO DAS NEVES MARIA DO CARMO ARAÚJO E SILVA CÉLIA REGINA DE LIMA PINHEIRO MARIA DE NAZARÉ SAAVEDRA GUIMARÃES DAHIL PARAENSE DE SOUZA LEONAM GONDIM DA CRUZ JÚNIOR DIRACY NUNES ALVES RONALDO MARQUES VALLE GLEIDE PEREIRA DE MOURA JOSÉ MARIA TEIXEIRA DO ROSÁRIO HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELLES
5ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Plenário das Câmaras Isoladas I Sessões às quintas-feiras Desembargadora Luzia Nadja Guimarães Nascimento Desembargador Constantino Augusto Guerreiro (Presidente) Desembargadora Diracy Nunes Alves CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS Plenário das Câmaras Criminais Reunidas Sessões às segundas-feiras Desembargadora Raimunda do Carmo Gomes Noronha (Presidente) Desembargadora Albanira Lobato Bemerguy Desembargador Milton Augusto de Brito Nobre Desembargador João José da Silva Maroja Desembargadora Vânia Valente do Couto Fortes Bitar Cunha Desembargador Raimundo Holanda Reis Desembargadora Brigida Gonçalves dos Santos Desembargadora Vânia Lúcia Carvalho da Silveira Desembargadora Maria de Nazaré Silva Gouveia dos Santos Desembargador Ronaldo Marques Valle Juíza Convocada Nadja Nara Cobra Meda 1ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Plenário das Câmaras Isoladas I Sessões às terças-feiras Desembargador Milton Augusto de Brito Nobre Desembargadora Brigida Gonçalves dos Santos Desembargadora Vânia Lúcia Carvalho da Silveira (Presidente) Juíza Convocada Nadja Nara Cobra Meda 2ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Plenário das Câmaras Isoladas II Sessões às terças-feiras Desembargadora Albanira Lobato Bemerguy (Presidente) Desembargadora Vânia Valente do Couto Fortes Bitar Cunha Desembargador Ronaldo Marques Valle 3ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Plenário das Câmaras Isoladas I Sessões às quintas-feiras Desembargador João José da Silva Maroja Desembargador Raimundo Holanda Reis (Presidente) Desembargadora Maria de Nazaré Silva Gouveia dos Santos

1

TJ/PA - DIÁRIO DA JUSTIÇA - Edição nº 4651/2010 - Terça-Feira, 14 de Setembro de 2010

SUMÁRIO
PRESIDÊNCIA .......................................................................................................................................................................................................... 4 VICE-PRESIDÊNCIA ............................................................................................................................................................................................... 27 CORREGEDORIA DO INTERIOR .......................................................................................................................................................................... 40 SECRETARIA JUDICIÁRIA ..................................................................................................................................................................................... 41 SECRETARIA DAS CÂMARAS CÍVEIS REUNIDAS .............................................................................................................................................. 42 SECRETARIA DAS CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS ....................................................................................................................................... 47 SECRETARIA DA 1ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA ................................................................................................................................................... 57 SECRETARIA DA 3ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA ................................................................................................................................................... 62 SECRETARIA DA 5ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA ................................................................................................................................................... 64 TURMA RECURSAL DOS JUIZADOS ESPECIAIS ................................................................................................................................................66 COORDENADORIA DOS JUIZADOS ESPECIAIS ................................................................................................................................................. 77 SECRETARIA DA 1ª VARA DO JUIZADO ESPECIAL DE RELAÇÕES DE CONSUMO ...................................................................................77 SECRETARIA DA 2ª VARA DO JUIZADO ESPECIAL CÍVEL ............................................................................................................................ 87 SECRETARIA DA 7ª VARA DO JUIZADO ESPECIAL CÍVEL ............................................................................................................................ 92 SECRETARIA DA 2ª VARA DO JUIZADO ESPECIAL CRIMINAL ..................................................................................................................... 98 SECRETARIA DA 4ª VARA DO JUIZADO ESPECIAL CRIMINAL ................................................................................................................... 102 DIVISÃO DE REGISTRO DE ACÓRDÃOS E JURISPRUDÊNCIA .......................................................................................................................113 CEJAI (COMISSÃO ESTADUAL JUDICIÁRIA DE ADOÇÃO INTERNACIONAL) ................................................................................................ 119 FÓRUM CÍVEL ...................................................................................................................................................................................................... 120 SECRETARIA DA 1ª VARA CÍVEL DA CAPITAL ............................................................................................................................................. 120 SECRETARIA DA 2ª VARA CÍVEL DA CAPITAL ............................................................................................................................................. 127 SECRETARIA DA 4ª VARA CÍVEL DA CAPITAL ............................................................................................................................................. 128 SECRETARIA DA 5ª VARA CÍVEL DA CAPITAL ............................................................................................................................................. 139 SECRETARIA DA 6ª VARA CÍVEL DA CAPITAL ............................................................................................................................................. 147 SECRETARIA DA 8ª VARA CÍVEL DA CAPITAL ............................................................................................................................................. 151 SECRETARIA DA 11ª VARA CÍVEL DA CAPITAL ............................................................................................................................................154 SECRETARIA DA 12ª VARA CÍVEL DA CAPITAL ........................................................................................................................................... 157 SECRETARIA DA 1ª VARA DE FAMÍLIA DA CAPITAL .................................................................................................................................... 159 SECRETARIA DA 7ª VARA DE FAMÍLIA DA CAPITAL .................................................................................................................................... 166 SECRETARIA DA 1ª VARA DE FAZENDA DA CAPITAL ................................................................................................................................. 170 SECRETARIA DA 3ª VARA DE FAZENDA DA CAPITAL ................................................................................................................................. 173 FÓRUM CRIMINAL ............................................................................................................................................................................................... 197 SECRETARIA DA 3ª VARA PENAL DA CAPITAL ............................................................................................................................................ 197 SECRETARIA DA 8ª VARA PENAL DA CAPITAL ............................................................................................................................................ 201 SECRETARIA DA 9ª VARA PENAL DA CAPITAL ............................................................................................................................................ 227 SECRETARIA DA 10ª VARA PENAL DA CAPITAL .......................................................................................................................................... 243 SECRETARIA DA 1ª VARA DE JUIZADO DE VIOLÊNCIA DOMÉSTICA E FAMILIAR CONTRA A MULHER ............................................... 244 FÓRUM DE ANANINDEUA ................................................................................................................................................................................... 249 SECRETARIA DA 1ª VARA CÍVEL DE ANANINDEUA .................................................................................................................................... 249 SECRETARIA DA 2ª VARA CÍVEL DE ANANINDEUA .................................................................................................................................... 260 SECRETARIA DA 4ª VARA CÍVEL DE ANANINDEUA .................................................................................................................................... 270 SECRETARIA DA 8ª VARA CÍVEL DE ANANINDEUA .................................................................................................................................... 271 SECRETARIA DA 6ª VARA PENAL DE ANANINDEUA ................................................................................................................................... 272 SECRETARIA DA 9ª VARA PENAL DE ANANINDEUA ................................................................................................................................... 273 FÓRUM DE MARITUBA ........................................................................................................................................................................................ 278 SECRETARIA DA 1ª VARA CÍVEL E PENAL DE MARITUBA ......................................................................................................................... 278 GABINETE DA 1ª VARA CÍVEL E PENAL DE MARITUBA .............................................................................................................................. 279 COMARCA DA CAPITAL - EDITAIS ......................................................................................................................................................................284 JUSTIÇA MILITAR DO ESTADO ........................................................................................................................................................................... 286 COMARCA DE MARABÁ ...................................................................................................................................................................................... 287 SECRETARIA DA 1ª VARA CÍVEL DE MARABÁ ............................................................................................................................................. 287 SECRETARIA DA 2ª VARA CÍVEL DE MARABÁ ............................................................................................................................................. 288 COMARCA DE SANTARÉM ..................................................................................................................................................................................289 SECRETARIA DA 2º VARA CÍVEL DE SANTARÉM ........................................................................................................................................ 289 SECRETARIA DO JUIZADO DE VIOLÊNCIA DOMÉSTICA DE SANTARÉM ................................................................................................. 292 COMARCA DE ALTAMIRA .................................................................................................................................................................................... 299 SECRETARIA DA 2º VARA CÍVEL DE ALTAMIRA ........................................................................................................................................... 299 SECRETARIA DA 4º VARA CÍVEL DE ALTAMIRA ........................................................................................................................................... 301 COMARCA DE TUCURUÍ ..................................................................................................................................................................................... 304 SECRETARIA DA 2ª VARA CÍVEL DE TUCURUÍ ............................................................................................................................................ 304 SECRETARIA DA 3ª VARA PENAL DE TUCURUÍ .......................................................................................................................................... 307 COMARCA DE CASTANHAL ................................................................................................................................................................................ 315 SECRETARIA DA 1º VARA CÍVEL DE CASTANHAL ....................................................................................................................................... 315 SECRETARIA DA 2º VARA CÍVEL DE CASTANHAL ....................................................................................................................................... 322 SECRETARIA DA 3º VARA CRIMINAL DE CASTANHAL ................................................................................................................................ 324 SECRETARIA DA 4º VARA CRIMINAL DE CASTANHAL ................................................................................................................................ 330 SECRETARIA DA 5º VARA CÍVEL DE CASTANHAL ....................................................................................................................................... 348 SECRETARIA DA VARA AGRÁRIA DE CASTANHAL ..................................................................................................................................... 355 COMARCA DE BARCARENA ............................................................................................................................................................................... 365 SECRETARIA DA 2ª VARA CÍVEL DE BARCARENA ...................................................................................................................................... 365 COMARCA DE SANTA MARIA DO PARÁ ............................................................................................................................................................ 366 2

TJ/PA - DIÁRIO DA JUSTIÇA - Edição nº 4651/2010 - Terça-Feira, 14 de Setembro de 2010
VARA UNICA DE SANTA MARIA DO PARÁ .................................................................................................................................................... 366 COMARCA DE PARAUAPEBAS ........................................................................................................................................................................... 367 SECRETARIA DA 2ª VARA CÍVEL DE PARAUAPEBAS ..................................................................................................................................367 SECRETARIA DA 4ª VARA CÍVEL DE PARAUAPEBAS ..................................................................................................................................369 COMARCA DE ITAITUBA ..................................................................................................................................................................................... 398 SECRETARIA DA 3º VARA CRIMINAL DE ITAITUBA ..................................................................................................................................... 398 COMARCA DE RURÓPOLIS ................................................................................................................................................................................ 406 SECRETARIA DA COMARCA DE RURÓPOLIS .............................................................................................................................................. 406 COMARCA DE DOM ELISEU ............................................................................................................................................................................... 434 SECRETARIA DA VARA ÚNICA DE DOM ELISEU ......................................................................................................................................... 434 COMARCA DE PACAJÁ ........................................................................................................................................................................................436 SECRETARIA DA VARA UNICA DE PACAJÁ .................................................................................................................................................. 436 COMARCA DE RONDON DO PARÁ .................................................................................................................................................................... 456 SECRETARIA DA VARA ÚNICA DE RONDON DO PARÁ ............................................................................................................................... 456 COMARCA DE OURÉM ........................................................................................................................................................................................ 459 VARA ÚNICA DA COMARCA DE OURÉM .......................................................................................................................................................459 COMARCA DE CAPANEMA ................................................................................................................................................................................. 461 SECRETARIA DA 1ª VA RA DE CAPANEMA ...................................................................................................................................................461 COMARCA DE MONTE ALEGRE ......................................................................................................................................................................... 465 VARA ÚNICA DE MONTE ALEGRE ................................................................................................................................................................. 465 COMARCA DE GOIANÉSIA DO PARÁ ................................................................................................................................................................ 470 VARA ÚNICA DE GOIANÉSIA DO PARÁ ......................................................................................................................................................... 470 COMARCA DE SANTO ANTÔNIO DO TAUÁ ....................................................................................................................................................... 472 VARA ÚNICA DE SANTO ANTÔNIO DO TAUÁ ............................................................................................................................................... 472 COMARCA DE MOJÚ ........................................................................................................................................................................................... 473 SECRETARIA DA VARA UNICA DE MOJÚ ..................................................................................................................................................... 473 COMARACA DE ACARÁ ...................................................................................................................................................................................... 476 SECRETARIA DA VARA UNICA DE ACARÁ ................................................................................................................................................... 476 COMARCA DE CONCEIÇÃO DO ARAGUAIA ..................................................................................................................................................... 479 SECRETARIA DA 2ª VARA DE CONCEIÇÃO DO ARAGUAIA ........................................................................................................................ 479 COMARCA DE GURUPA ...................................................................................................................................................................................... 486 SECRETARIA DA VARA UNICA DE GURUPA ................................................................................................................................................ 486 COMARCA DE MELGAÇO ................................................................................................................................................................................... 489 SECRETARIA DA COMARCA DE MELGAÇO ................................................................................................................................................. 489 COMARCA DE TUCUMÃ ...................................................................................................................................................................................... 492 VARA ÚNICA DA COMARCA DE TUCUMÃ .....................................................................................................................................................492 COMARCA DE SANTANA DO ARAGUAIA .......................................................................................................................................................... 493 SECRETARIA DA COMARCA DE SANTANA DO ARAGUAIA ........................................................................................................................ 493

3

TJ/PA - DIÁRIO DA JUSTIÇA - Edição nº 4651/2010 - Terça-Feira, 14 de Setembro de 2010

PRESIDÊNCIA
RESOLUÇÃO N° 015/2010-GP. ( Republicada por Retificação)

Dispõe sobre a implantação do sistema de priorização de obras no âmbito do Poder Judiciário do Estado do Pará.

O EGRÉGIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO PARÁ, por deliberação de seu Tribunal Pleno, no exercício das atribuições que lhe são conferidas pelo art. 49, XXXIV, do Regimento Interno, em sessão hoje realizada, e,

CONSIDERANDO, a autonomia administrativa e financeira prevista no artigo 154 a Constituição Estadual;

CONSIDERANDO o disposto na Resolução nº 114/2010 do Conselho Nacional de Justiça sobre o planejamento, a execução e o monitoramento de obras no Poder Judiciário;

CONSIDERANDO o art. 35 da citada Resolução nº 114/2010, que determina a edição, pelos tribunais, de normas complementares para disciplinar a implantação do sistema de priorização de obras;

CONSIDERANDO o estabelecido na Resolução nº 104/2010 do Conselho Nacional de Justiça, que dispõe sobre medidas para reforçar a segurança dos prédios dos órgãos jurisdicionais;

RESOLVE:

Art. 1º O Sistema de Avaliação e Priorização de Obras deste Tribunal obedecerá ao disposto nesta Resolução.

Parágrafo único. Nos termos do disposto no inciso I do art. 6º da Lei nº 8.666/93, obra é toda construção, reforma, fabricação, recuperação ou ampliação, realizada por execução direta ou indireta.

Art. 2º O desenvolvimento do Sistema de Avaliação e Priorização de Obras será realizado por meio de inspeção predial, que consiste na análise isolada ou combinada das condições técnicas, de uso e de manutenção da edificação, a qual deverá ser realizada apenas por engenheiros e arquitetos devidamente registrados no Conselho Regional de Engenharia e Arquitetura (CREA), dentro das respectivas atribuições profissionais.

Art. 3º O Sistema de Avaliação e Priorização de Obras, que tem por objetivo definir a indicação do grau de prioridade, será consubstanciado nas planilhas e nos comentários sobre avaliação dos itens constantes nos Anexos I e II, os quais contêm os critérios de pontuação e de ponderação agrupados da seguinte forma:

§ 1º Planilha 1: critério para avaliação, por pontuação, da estrutura física do imóvel ocupado, levando em consideração:

I - a cobertura II - as instalações elétricas; III - as instalações hidráulicas; IV - os acabamentos (piso, parede, teto, fachada, esquadrias, entre outros); V - a segurança (grades, gradil, alarme, prevenção e combate a incêndio e congêneres); VI - a funcionalidade (setorização e articulação dos espaços); VII - as condições de ergonomia, higiene e salubridade; VIII - a localização e interligação com os meios de transporte públicos; IX - a acessibilidade aos portadores de necessidades especiais; X- as instalações de telecomunicações XI - a potencialidade de patologias da edificação (em função de sua idade e/ou do estado de conservação);

§ 2º Planilha 2: critério para avaliação, por pontuação, da adequação do imóvel à prestação jurisdicional, levando em consideração:

4

TJ/PA - DIÁRIO DA JUSTIÇA - Edição nº 4651/2010 - Terça-Feira, 14 de Setembro de 2010
I - a política estratégica do Tribunal de Justiça de substituição do uso de imóveis locados ou cedidos por próprios, com ênfase na adequação à prestação jurisdicional; II - a política estratégica do Tribunal de Justiça de concentração ou dispersão de sua estrutura física; III - a disponibilidade do espaço atual em relação aos referenciais de área indicados pelo Conselho Nacional de Justiça; IV - a demanda da população atendida; § 3º O movimento processual ao longo dos anos, o desenvolvimento econômico social da região e as possíveis alterações da estrutura administrativa do Tribunal serão contemplados no Índice de Carência de Varas deste Tribunal (ICV-TJPA), que por sua vez influenciará na análise da disponibilidade do espaço atual, conforme prescrito no inciso III supra especificado.

§ 4º A pontuação atribuída à adoção de novas tecnologias está contemplada na avaliação dos parâmetros estabelecidos para a Planilha 1.

Art. 4º As notas pertinentes a Planilha 1 serão atribuídas, após inspeção predial, na forma percentual, de 0% a 100% em cada subitem, objetivando determinar o estado de conservação da edificação, conforme avaliação pré-definida nos Anexos I e II.

§ 1º Na hipótese de o subitem não ser tecnicamente necessário para a edificação, o mesmo será classificado como "Não se aplica" (NA), não receberá nota percentual e não influenciará na média do item respectivo.

§ 2º As notas serão atribuídas pelo avaliador a cada subitem da Planilha 1, e o resultado final, obtido por meio de média aritmética.

§ 3º Na hipótese de haver mais de uma edificação na mesma Comarca, a nota final da Planilha 1 será calculada a partir da inspeção predial do edifício sede da Comarca, exceto para aqueles que possuírem Varas Cíveis e Criminais em edifícios distintos, cuja nota final será obtida através da média aritmética da Planilha 1 de cada um dos prédios.

Art. 5º A Planilha 2 apresenta os coeficientes relativos à adequação da prestação jurisdicional, sendo atribuída maior pontuação às situações consideradas agravantes pelos incisos II, III e IV.

§ 1º Para avaliação do inciso I será observado se o imóvel destinado à prestação jurisdicional é próprio, cedido ou locado.

§ 2º Para avaliação do inciso II será verificado o número de edificações utilizadas para abrigar a Justiça local. Quanto maior o número de prédios, maior será a pontuação em razão dos custos operacionais e transtornos para os servidores, magistrados e jurisdicionados.

§ 3º Para avaliação da pontuação atribuída ao inciso III, será apurada a razão entre a área atual da edificação, a área ideal das varas instaladas e a área potencial conforme a indicação de expansão do ICV-TJPA. As áreas ideais estão previstas na tabela 2 da Resolução nº 114/2010 do CNJ, sendo que, quanto maior for a diferença entre as áreas, maior a pontuação obtida.

§ 4º Para o caso de reformas de prédios atualmente utilizados pelo Poder Judiciário, poderão ser adotadas áreas menores que as indicadas pela Resolução nº 114/2010 do CNJ, constantes no Anexo II.

§ 5º Para a avaliação do inciso IV será considerada a demanda da população atendida pela respectiva Comarca.

§ 6º O resultado da Planilha 2 será obtido pela multiplicação entre os coeficientes obtidos para os incisos II, III e IV.

Art. 6º A nota final de cada Comarca será obtida através da aplicação de uma fórmula que considera a nota dada para Avaliação do Imóvel Atual (Planilha 1) e a Adequação do Imóvel à Prestação Jurisdicional (Planilha 2).

Art. 7°. Esta Resolução entra em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário.

Plenário Des. "Oswaldo Pojucan Tavares", aos oito dias do mês de setembro do ano de dois mil e dez. Desembargador RÔMULO JOSÉ FERREIRA NUNES Presidente

Desembargadora RAIMUNDA DO CARMO GOMES NORONHA 5

TJ/PA - DIÁRIO DA JUSTIÇA - Edição nº 4651/2010 - Terça-Feira, 14 de Setembro de 2010
Vice - Presidente

Desembargadora ELIANA RITA DAHER ABUFAIAD Corregedora da Região Metropolitana de Belém

Desembargadora MARIA RITA LIMA XAVIER Corregedor de Justiça das Comarcas do Interior

Desembargadora ALBANIRA LOBATO BEMERGUY

Desembargadora LUZIA NADJA GUIMARÃES NASCIMENTO

Desembargador RAIMUNDO HOLANDA REIS

Desembargadora VÃNIA LÚCIA CARVALHO DA SILVEIRA

Desembargadora MARIA DE NAZARÉ SILVA G. DOS SANTOS

Desembargador LEONARDO DE NORONHA TAVARES

Desembargador CLÁUDIO AUGUSTO MONTALVÃO DAS NEVES

Desembargadora MARIA DO CARMO ARAÚJO SILVA

Desembargadora MARIA DE NAZARÉ SAAVEDRA GUIMARÃES

Desembargador DAHIL PARAENSE DE SOUZA

Desembargador LEONAM GODIM DA CRUZ JUNIOR

Desembargadora DIRACY NUNES ALVES

Desembargador RONALDO MARQUES VALLE

Desembargador JOSÉ MARIA TEIXEIRA DO ROSÁRIO

Desembargadora HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELLES

6

TJ/PA - DIÁRIO DA JUSTIÇA - Edição nº 4651/2010 - Terça-Feira, 14 de Setembro de 2010

ANEXO I

CRITÉRIOS PARA PRIORIZAÇÃO DE OBRAS

INTRODUÇÃO O presente trabalho consiste na apresentação dos critérios utilizados pelo Departamento de Engenharia, Arquitetura e Manutenção (DEAM) na avaliação das condições da estrutura física das diversas comarcas do Estado.

OBJETIVO Com este trabalho espera-se chegar a um diagnóstico comparado da situação de todas as comarcas através de um sistema de pontuação, através do qual seja possível o estabelecimento de uma ordem de prioridades de obras por necessidade de intervenções. Esta lista deverá refletir a real necessidade de realização de intervenções na estrutura física nas diversas comarcas do Estado.

METODOLOGIA Para avaliar a situação da comarca, em termos de estrutura física, vários fatores foram considerados entre aqueles que são potencialmente capazes de influenciar na continuidade e na qualidade da prestação jurisdicional, caso se encontrem situação de não conformidade. O sistema é composto por duas planilhas: na primeira (1 - Avaliação do imóvel atual) se atribuem notas, na forma de pontos percentuais, a diversos elementos constitutivos da edificação principal do fórum, conforme os critérios detalhados mais adiante; na segunda (2 - Alguns critérios da Adequação do Imóvel à prestação jurisdicional denominados como Fatores agravantes) foram reunidos alguns fatores que aferem como os elementos físicos pontuados na primeira tabela podem se agravar em função das condições da comarca como um todo, incluindo os demais prédios utilizados e as varas a serem instaladas, segundo o Índice de Carência de Varas. O resultado da planilha 1 é obtido pela média das notas de cada um dos elementos considerados. O resultado da planilha 2 é obtido pela multiplicação entre os coeficientes obtidos para cada fator. A nota final é o resultado da multiplicação da nota obtida na planilha 1 pela nota obtida na planilha

2. PLANILHAS DE AVALIAÇÃO

A 1 2 3 4 5 6 7 8 9

AVALIAÇÃO DO IMÓVEL ATUAL Cobertura Instalações elétricas Instalações hidráulicas Acabamentos Segurança Funcionalidade Acessibilidade Telecomunicações Idade do imóvel

B 1 1.1 1.2 1.3 2 2.1 3 3.1

FATORES AGRAVANTES Coeficiente de disponibilidade de espaço Área da edificação Área ideal conforme varas instaladas Área ideal conforme Lei de Org. Judiciária Coeficiente de dispersão da estrutura física Nº de prédios ocupados Coeficiente de população atendida Entrância da comarca

EXPLICAÇÃO DETALHADA DAS PLANILHAS PLANILHA 1: AVALIAÇÃO ATUAL DO IMÓVEL PLANILHA 2: FATORES AGRAVANTES

7

TJ/PA - DIÁRIO DA JUSTIÇA - Edição nº 4651/2010 - Terça-Feira, 14 de Setembro de 2010
O diagnóstico da edificação principal da comarca é condição necessária, mas não suficiente para se determinar o grau de risco da interrrupção da prestação jurisdicional a que a comarca está exposta sob a ótica da estrutura física. Alguns fatores agravantes ou atenuantes da situação podem transcender ao escopo da análise dos elementos construídos e, por isso mesmo, deverão ser considerados à parte. Três pressupostos constituem a base do raciocínio para o agravamento do grau de necessidade da comarca em relação a espaço físico: Disponibilidade de espaço: o espaço necessário à adequada prestação jurisdicional está disponível não somente no edifício do fórum, mas também em imóveis cedidos ou alugados e devidamente adaptados para esse fim. Para tanto é necessário considerar a área destes imóveis no somatório de áreas disponíveis na comarca. Na consideração da área necessária, o atendimento às varas criadas segundo o Índice de Carência de Varas (ICV) é essencial para avaliação de qual a área necessária ao pleno atendimento de demanda da população e para a adequada distribuição processual aos magistrados; A razão entre a área atual das edificações ocupadas pelo Judiciário e a área padrão adotada pelo TJPA para o número de varas atuais da comarca e o número de varas determinadas no Índice de Carência de Varas vigente determinará o COEFICIENTE DE DISPONIBILIDADE DE ESPAÇO. Dispersão da estrutura física: quanto maior o número de prédios utilizados para abrigar as atividades da Justiça local, maiores são os custos operacionais e transtornos para os servidores, Magistrados e para os jurisdicionados. A razão entre o número de unidades prediais da Justiça na comarca e o número ideal (01) constitui o COEFICIENTE DE DISPERSÃO DA ESTRUTURA FÍSICA. Foi estabelecido que, para cada imóvel ocupado além do fórum, o coeficiente de dispersão sofreria um decréscimo de 15%. No caso de apenas um imóvel ocupado, o coeficiente tem o valor igual a 1,00. Entrância da comarca: quanto maior a população atendida pela jurisdição daquela comarca, maiores serão os danos e maior será o número de pessoas prejudicadas por uma eventual interrupção da prestação jurisdicional. Por uma questão de objetividade e grau de precisão optou-se pelo agrupamento das comarcas em 03 grupos de população, segundo o critério adotado pela legislação vigente em 1ª, 2ª e 3ª (especial) entrâncias e não pela contagem específica da população de cada comarca. Considerou se para a 1ª entrância o coeficiente 1,00, para a 2ª o coeficiente 0,90 e para a 3ª entrância o coeficiente 0,80.

NOTA FINAL - SITUAÇÃO DA COMARCA A nota final da comarca é a resultante da aplicação de uma fórmula que considera a nota dada para AVALIAÇÃO DO IMÓVEL ATUAL e para FATORES AGRAVANTES. Desta forma é possível estabelecer o grau de influência das variáveis na continuidade da prestação jurisdicional que é o objetivo precípuo do Poder Judiciário.

ANEXO II - FICHA DE VISTORIA E AVALIAÇÃO

COBERTURA INSTALAÇÕES ELÉTRICAS INSTALAÇÕES HIDRÁULICAS ACABAMENTOS SEGURANÇA FUNCIONALIDADE ACESSIBILIDADE TELECOMUNICAÇÕES IDADE DO IMÓVEL

FICHA DE VISTORIA Comarca: SISTEMA DE COBERTURA 1 CALHAS 1.1 Material empregado 1.2 Estado de conservação 1.3 Estanqueidade 2 2.1 2.2 3 3.1 3.2 4 4.1 4.2 RUFOS Qualidade do material Estado de conservação CHAPINS Qualidade do material Estado de conservação ACESSO Facilidade e segurança de acesso à cobertura Acesso à totalidade do pavimento

Data: 0% 20% 40% 60% 80% 100% NOTA

0%

20%

40%

60%

80%

100%

NOTA

0%

20%

40%

60%

80%

100%

NOTA

0%

20%

40%

60%

80%

100%

NOTA

8

TJ/PA - DIÁRIO DA JUSTIÇA - Edição nº 4651/2010 - Terça-Feira, 14 de Setembro de 2010

5 5.1 5.2 5.3 5.4

COBERTURA Desempenho - isolamento térmico Desempenho - resistência mecânica Estrutura do telhado Estado de conservação dos materiais Avaliador:

0%

20%

40%

60%

80%

100%

NOTA

NOTA FINAL

OBSERVAÇÕES: 1. A NOTA final deverá ser calculada como média aritmética das notas atribuídas a cada item 2. Ver comentários de preenchimento no verso 3. Na ausência de parâmetros mais objetivos de avaliação deve-se considerar o seguinte critério para atribuição de notas: A . A nota 0% retrata a situação crítica em que entende-se que há comprometimento geral do sistema e para o que devem ser tomadas medidas com urgência de atendimento; a nota 20% representa um estado ruim, para o que deva ser dada preferência no atendimento; a nota 40% representa um estado regular do sistema em que o mesmo deva ser alvo de planejamento de intervenções; a nota 60% representa a situação em que o vistoriador entende que o estado geral é satisfatório, necessitando apenas de intervenções pontuais; 80% representa um estado muito bom, sem necessidade de intervenção, apesar da constatação de falhas leves; 100% é a total ausência de falhas. B. Conceito das notas: 0%-péssimo; 20%-ruim; 40%-regular; 60%-bom; 80%-muito bom; 100%-excelente C. No caso de ocorrência de notas com valores intermediários aos anteriores (10, 30, 50, 70, 90%), resultantes da aplicação de fórmulas, o vistoriador poderá optar pelos valores imediatamente acima ou abaixo, em função de juízo próprio sobre o tema avaliado.

COMENTÁRIOS SOBRE A AVALIAÇÃO DOS ITENS

1. CALHAS 1.1. As calhas em leito impermeabilizado à base de jateamento de poliuréia, argamassa polimérica ou mantas asfálticas representam o padrão de qualidade ideal (nota 100%). As calhas em chapas galvanizadas (nota 60%) são mais propensas a corrosão e deformações. 1.2. Deve-se observar a existência de corrosão, deformações, fissuras, desgaste, entre outros problemas que prejudiquem o desempenho do sistema. 1.3. Deve ser verificada a ocorrência de vazamento ou infiltrações no pavimento inferior, acompanhadas ou não de manchas ou mofos. (Para cada indício de vazamento deve-se subtrair 20% da nota) 2. RUFOS 2. 1. Caso o telhado seja de fibrocimento, deve-se empregar rufos premoldados de fibrocimento conjugados com contra-rufos em chapa de alumínio (nota 100%); se forem em chapa galvanizada a nota deverá ser de 60%. 2.2. Deve-se observar a ocorrência de corrosão, empenamento, deformações nas chapas e desprendimento da proteção mecânica de das mantas asfálticas nas impermeabilizações, embutimento nas alvenarias e outros que garantam a vedação das frestas. 3. CHAPINS 3. 1. Os chapins de melhor qualidade são aqueles executados em pré-moldados de concreto ou pedras (nota 100%). As chapas galvanizadas (nota 60%) são mais propensas a corrosão e deformações. 3.2. Verificar a ocorrência de corrosão, deformação, trincas e fissuras; o assentamento de pedras com argamassas pobres, sem balanço ou com balanço subdimensionado em ambos os lados, sem friso na parte inferior, rejuntamentos muito largos podem comprometer o desempenho do sistema. Verificar se existem manchas nas platibandas advindas da ação da chuva sobre a poeira acumulada. Os sulcos dos pré-moldados ou dobras das chapas devem ser suficientemente dimensionados para evitar o retorno da água para a parede e estar a uma distância de no mínimo 2 cm do plano vertical. (deve-se subtrair 20% para cada falha construtiva constatada) 4. ACESSO 4.1. A solução de acesso aos pavimentos de cobertura para manutenção de caixas d'água, dos equipamentos de ar-condicionado e do telhado através de alçapões, escadas de marinheiros ou passarelas representam risco de acidentes e dificuldade de execução de serviços. Entende-se como ideal a existência de escada interna, segura, com no mínimo 90cm, dotadas de corrimãos e de uso restrito; (100% para acesso interno seguro, feito através de escada fixa, dotada de corrimãos; 80% para acesso por escada fixa, mas com deficiências de segurança; 60% para acesso interno com escada móvel através de alçapão; 40% para acesso externos através de escadas de marinheiro protegidas; 20% para acesso externo inseguros; 0% para acesso externo perigoso, através de escada móvel) 4.2. Deve-se avaliar a facilidade de se percorrer toda a extensão da cobertura para manutenção e vistorias periódicas, com largura líquida dos leitos de calha com pelo menos 50cm, sem pontas cortantes de telhas ou obstáculos transversais significativos; 5. COBERTURA 5.1. Nos casos da existência de telhas deve-se verificar se são compostas por materiais isolantes, como o poliuretano e, no caso de terraços impermeabilizados, a brita, a argila expandida e o poliestireno. Telhas de fibrocimento ou de chapa metálica não apresentam um bom desempenho, considerando apenas o material. (telhas sanduíche sobre laje de concreto ou laje imperm. com camada de poliestireno e brita = 100%; telha cerâmica sobre laje = 80%, sobre forro = 60%; telha de fibrocimento 8mm sobre laje = 60%, sobre forro = 40%; telhas de fibrocimento 6mm ou de chapa de aço simples sobre laje= 40%, sobre forro = 20%; telhas cerâmicas, de aço simples ou de fibrocimento sem forro = 0%)

9

comando e eficiência SPDA Malha captação e aterramento 0% 20% 40% 60% 80% 100% NOTA 0% 20% 40% 60% 80% 100% NOTA 0% 20% 40% 60% 80% 100% NOTA 0% 20% 40% 60% 80% 100% NOTA 0% 20% 40% 60% 80% 100% NOTA 0% 20% 40% 60% 80% 100% NOTA 0% 20% 40% 60% 80% 100% NOTA Avaliador: Data: OBSERVAÇÕES: 1. a predominância ou outras razões pertinentes e aplicáveis ao item avaliado. ENTRADA DE ENERGIA 10 .3 5 5. na telhas sanduíche deve-se verificar a deterioração do poliuretano e a corrosão do aço.DIÁRIO DA JUSTIÇA . A nota 0% retrata a situação crítica em que entende-se que há comprometimento geral do sistema e para o que devem ser tomadas medidas com urgência de atendimento.caminhamento e material Estado de conservação CONDUTOS Estado de conservação. fibrocimento acima de 8mm = 80%. nas lajes impermeabilizadas deve-se averiguar o estado da proteção mecânica.1 INSTALAÇÕES ELÉTRICAS ENTRADA DE ENERGIA Atendimento à demanda de carga Estado conservação materiais e equipamentos QUADROS DE DISTRIBUIÇÃO Atendimento à demanda Montagem e organização Estado de conservação CIRCUITOS Dispositivos de proteção nos quadros Conformidade dos pontos de tomadas CONDUTORES Conformidade .3 3 3.2 4. a nota 40% representa um estado regular do sistema em que o mesmo deva ser alvo de planejamento de intervenções. No caso de obtenção de notas com valores intermediários aos anteriores (10. 100%-excelente C . O excesso de fissuração pode provocar a sua deterioração e a exposição indevida da manta. Deve ser verificado o estado de conservação da estrutura. considerando a tendência. para o que deva ser dada preferência no atendimento. seja a ocorrência de cupins nas madeiras ou seja a corrosão nas estruturas metálicas. 60%-bom. telhas cerâmicas = 60%.1 4. 90%).1 3. 30. 80% representa um estado muito bom. telha de fibrocimento 6mm = 20%) 5. a nota 20% representa um estado ruim. Conceito das notas: 0%-péssimo. 20%-ruim. deve-se observar principalmente as quebras e trincas. telhas de chapa única de aço = 40%. Nos telhados em telhas cerâmicas e de fibrocimento. 50. sem necessidade de intervenção.1 6. apesar da constatação de falhas leves.1 1.2 7 7.3. se a cobertura for de laje impermeabiliza.índice de iluminância Conformidade . Na ausência de parâmetros mais objetivos de avaliação deve-se considerar o seguinte critério para atribuição de notas: A .Terça-Feira. a seu critério. resultantes da aplicação de fórmulas. o vistoriador poderá optar pelos valores imediatamente acima ou abaixo.2. a nota 60% representa a situação em que o vistoriador entende que o estado geral é satisfatório.2 4 4. 5.1 6 6.dimensionamento Conformidade . As telhas galvanizadas de chapa única. necessitando apenas de intervenções pontuais.2 2 2. 100% é a total ausência de falhas. as telhas cerâmicas são acometidas ainda de desagregação do material e mofo. atribuir a nota 100% para este item. 70. tipo e utilização ILUMINAÇÃO Conformidade . (Terraços impermeabilizados e telhas sanduíches = 100%. cerâmicas ou de fibrocimento de 6mm apresentam baixa resistência e quebram/amassam com facilidade durante os trabalhos de manutenção ou chuvas de granizo.Edição nº 4651/2010 . COMENTÁRIOS SOBRE A AVALIAÇÃO DOS ITENS 1. A NOTA final deverá ser calculada como média aritmética das notas atribuídas a cada item 2.TJ/PA . B . 14 de Setembro de 2010 5. 40%-regular. Ver comentários de preenchimento no verso 3. FICHA DE VISTORIA Comarca: 1 1. As de fibrocimento com mais de 8mm são razoavelmente resistentes. 80%-muito bom.4.2 2.1 2.

Caso observe quaisquer avarias que não seja nos quadros.Todos os cabos isolados em PVC. Como serão verificados vários quadros. Todas as bitolas compatíveis com as proteções (nota=100%).2 1. Como serão verificados condutores de vários quadros de distribuição. Reduzir 10% da nota para cada incompatibilidade de bitolas com as proteções. CONDUTORES 4. Compreende-se avarias nos materiais e/ ou equipamentos: ferrugens. 5.Materiais e/ou equipamentos sem avarias (nota=100%). uni ou multipolares flexíveis (nota=100%). 1. O vistoriador poderá arbitrar valores para mais ou para menos nas notas sugeridas acima em função do grau da avaria e da importância do material/ equipamento para o sistema.QUADROS DE DISTRIBUIÇÃO 2.Eletrodutos. Compreende-se compatibilidade entre condutores e dispositivo de proteção a capacidade de atuação do dispositivo em sobrecarga ou curto-circuito sem danificar ou comprometer a vida útil do cabo. Compreende-se por avarias leves danos nos condutores que não causam interrupção no isolamento com o meio externo.DIÁRIO DA JUSTIÇA . CONDUTOS 5.Os índices de iluminância deverão ser de pelo menos 500 lux em cada estação de trabalho. 3. o pior caso. SPDA 7. 4.Espelho de proteção. As medições deverão ser executadas com a edificação em pleno funcionamento.3 INSTALAÇÕES HIDRÁULICAS RESERVATÓRIO DE ÁGUA Qualidade do material empregado Estado de conservação e qualidade executiva Dimensionamento 0% 20% 40% 60% 80% 100% NOTA 11 .1 .3 . Reduzir 10% da nota para cada avaria. funcionamento comprometido.TJ/PA . eletrocalhas e canaletas (nota=100%). 6. cabos organizados. Fusíveis (nota=0%). Em função do grau de risco proveniente da incompatibilidade a nota sugerida acima poderá ser agravada. O vistoriador poderá arbitrar valores para mais ou para menos nas notas sugeridas acima em função da utilização de vários tipos de luminárias da edificação. Reduzir 10% para cada percurso de cabos com ausência de condutos ou de tampa da canaleta e avarias. Tomadas 2P+T padrão antigo (nota=80%). barramentos de fases. assessor e secretaria. Disjuntores padrão IEC e com proteção residual (IDR ou DDR) (nota=100%). O vistoriador poderá arbitrar valores para mais ou para menos nas notas sugeridas acima em função do grau da avaria.2 . Disjuntores IEC e sem proteção residual (nota=80%).Medição da corrente elétrica nominal (In) geral da edificação até 70% da capacidade de In do dispositivo de proteção geral (nota=100%). 4. 3. a nota será a média dos percentuais de cada quadro. danos na pintura.1 . etc. medição acima de 90% do In (nota=0%). deformações. a nota será a média dos percentuais de cada quadro. As medições deverão ser executadas em 01 estação de trabalho na sala do juiz. Para ausência de barra de terra. medição até 90% do In dispositivo (nota=40%). As medições deverão ser executadas com a edificação em pleno funcionamento. Apenas mangueiras (nota=40%). Como serão verificados circuitos de vários quadros. entre outros.1 1. Reduzir 5% em cada avaria.2 . reduzir 10% na nota.2 . Reduzir 10% da nota em cada avaria. Luminárias sem refletores (nota=40%). a critério do vistoriador. defeitos. neutro e terra.Ausência de avarias nos condutores (nota=100%). Tomadas sem pino terra (nota=0%). reduzir 20%. Medir preferencialmente a estação de trabalho mais distante da iluminação natural (janelas. a nota será a média dos percentuais de cada quadro. Como serão verificados condutores de vários quadros de distribuição. As medições deverão ser realizadas com luxímetro aferido e as medidas executadas no plano de trabalho. principalmente os aparelhos de ar condicionado. Reduzir 10% para ausência de cada item acima. Considera-se percurso 01 trecho de até 5 metros. audiência. O vistoriador poderá arbitrar valores para mais ou para menos nas notas sugeridas acima em função da variabilidade de tomadas encontradas na edificação. 1. esquadrias. Medição da In geral do quadro até 70% da capacidade de In do dispositivo de proteção geral do quadro (nota=100%). elaborar a média dos 04 percentuais. O vistoriador poderá arbitrar valores para mais ou para menos nas notas sugeridas acima em função dos inúmeros percursos observados. deverá ser considerado. 14 de Setembro de 2010 1. Caso houver vários dispositivos de proteção no mesmo quadro. Luminária (tipo calha) com refletor em chapa branca (nota=80%).2 -Tomadas 2P+T padrão brasileiro NBR 14136 (nota=100%). Para a nota final. Ausência de malha de captação (nota=0%). FICHA DE VISTORIA Comarca: 1 1. Fios rígidos isolados em PVC (nota=80%). anomalias.Edição nº 4651/2010 . Disjuntores padrão NEMA (nota=40%). 1. Outros tipos de isolamento em cabos ou fios (nota=0%).Terça-Feira. para efeito de avaliação. Misto (nota=80%).Luminárias com refletor de alto brilho (nota=100%). 4. 7. ILUMINAÇÃO 6. identificação dos circuitos e ausência de avarias (nota=100%). Acima ou igual 500 lux (nota=100%). principalmente os aparelhos de ar condicionado. O vistoriador poderá arbitrar valores para mais ou para menos nas notas sugeridas acima em função do grau da avaria. medição até 90% do In dispositivo (nota=40%). 2.1 . a nota será a média dos percentuais de cada quadro.1. medição até 80% do In dispositivo (nota=80%).Gaiola de Faraday e barra principal de equipotencialização (BEP) (nota=100%). Captor Franklin e BEP (nota=60%).).1 . vazamentos. Ausência de luminárias c/ lâmpada fluorescente compacta (nota=20%) e c/ lâmpada incandescente (nota=0%). 6. A cada 100 lux a menos. a nota será a média dos percentuais de cada quadro. Como serão verificados vários quadros de distribuição. medição até 80% do In dispositivo (nota=80%). a nota será a média dos percentuais de cada quadro. diferentemente das avarias graves. 2. reduzir o percentual global da mesma forma. Reduzir 20% na ausência de BEP. CIRCUITOS 3. portas de vidro.2 . Como serão verificados condutores de vários quadros de distribuição. medição acima de 90% do In dispositivo (nota=0%).

resultantes da aplicação de fórmulas.1 2. 1. 1. 100%-excelente C . assim como as conexões e registros de saídas das prumadas e de drenagem das caixas. As caixas de polietileno devem estar tampadas e protegidas das intempéries através de telhados e/ou alvenarias. 50. os dutos galvanizados estão sujeitos a oxidação (nota=40%).1 4. A nota 0% retrata a situação crítica em que entende-se que há comprometimento geral do sistema e para o que devem ser tomadas medidas com urgência de atendimento. polietileno e fibrocimento. RESERVATÓRIO DE ÁGUA 1. as caixas de inspeção e passagem de esgoto devem ser de concreto ou pré-fabricadas de Polietileno de Alta Densidade.1 Qualidade do material e estado de conservação 5. não ressecados. deverá ser subtraída uma nota de 20% para as seguintes falhas executivas: tubulação externa não protegida. 4. considerando a tendência. nos barriletes. Conceito das notas: 0%-péssimo. a nota 40% representa um estado regular do sistema em que o mesmo deva ser alvo de planejamento de intervenções. a nota 20% representa um estado ruim. caixas de fibrocimento (60%). em ambas. As caixas devem ter volume na proporção de 05 litros para cada m² de construção.2 REDE DE DISTRIBUIÇÃO DE ÁGUA FRIA Qualidade do material empregado Estado de conservação e qualidade executiva REDE DE ESGOTO SANITÁRIO Qualidade do material empregado Estado de conservação e qualidade executiva REDE DE ÁGUA PLUVIAL Dimensões e materiais Estado de conservação e qualidade executiva 0% 20% 40% 60% 80% 100% NOTA 0% 20% 40% 60% 80% 100% NOTA 0% 20% 40% 60% 80% 100% NOTA 5 EQUIPAMENTOS E ACESSÓRIOS 5. os tubos devem estar isentos de fissuras e não ressecados. a seu critério.1. além de não oxidados. impermeabilizada com argamassa polimérica (80%). sujeiras incrustadas na parte interna. as caixas de concreto devem possuir cobrimento de concreto suficiente para não expor a armadura de aço. Os dutos devem ser de PVC (100%). quando forem de aço galvanizado.3. ausência de registro para cada unidade sanitária. 90%). 40%-regular. toda instalação sanitária deve contar com uma caixa sifonada (subtrair 10% para cada patologia verificada). REDE DE DISTRIBUIÇÃO DE ÁGUA FRIA 2.2. caixa de concreto moldada in locu. 3. 20%-ruim. os dutos galvanizados estão sujeitos a oxidação (nota=40%).2 Sustentabilidade Avaliador: 0% 20% 40% 60% 80% 100% NOTA Data: OBSERVAÇÕES: 1.DIÁRIO DA JUSTIÇA . coluna de distribuição sem ventilação. 2. Caixas de polietileno (100%). etc. Os dutos devem ser de PVC (100%).2 3 3. devem possuir alçapões de acesso de manutenção em dimensões mínimas 60x60cm. a parte interna deve possuir impermeabilização através de cristalização do concreto (argamassas poliméricas). os dutos galvanizados estão sujeitos a oxidação (nota=40%). o número mínimo de caixas deve ser de 02. 60%-bom. quando forem de aço galvanizado. REDE DE ESGOTO SANITÁRIO 3.Edição nº 4651/2010 . No caso de obtenção de notas com valores intermediários aos anteriores (10. as de fibrocimento devem estar apoiadas em leito plano ou em travessas de madeira ou alvenaria. COMENTÁRIOS SOBRE A AVALIAÇÃO DOS ITENS 1. 70. as caixas de inspeção devem ser instaladas em cada mudança de direção ou a cada 25m de rede.2. Deverá ser subtraída uma nota de 10% para o uso de dimensões inferiores a 100mm. a nota 60% representa a situação em que o vistoriador entende que o estado geral é satisfatório. o barrilete deve ter altura livre de pelo menos 150cm (subtrair 10% para cada falha executiva encontrada). 3.TJ/PA . para o que deva ser dada preferência no atendimento. B . ramal de ligação ao equipamento sanitário executado com material rígido. as furações só podem ser feitas nos anéis de reforço especialmente indicados pelo fabricante.1. Ver comentários de preenchimento no verso 3. 80% representa um estado muito bom. Na ausência de parâmetros mais objetivos de avaliação deve-se considerar o seguinte critério para atribuição de notas: A . 30. Os tubos devem estar isentos de fissuras.2 4 4. O hidrômetro deve se encontrar íntegro em seus componentes e conexões. REDE DE ÁGUA PLUVIAL 4. além de não oxidados. falta de tampa. apesar da constatação de falhas leves.1 3. as bóias reguladoras de entrada devem estar em perfeito estado de funcionamento e conservação. 12 . 14 de Setembro de 2010 2 2. A NOTA final deverá ser calculada como média aritmética das notas atribuídas a cada item 2. o vistoriador poderá optar pelos valores imediatamente acima ou abaixo. 80%-muito bom. devem estar ainda com o fundo totalmente apoiado em leito plano. hidrômetro de difícil acesso. necessitando apenas de intervenções pontuais. Deve-se verificar a existência de trincas. as caixas de inspeção não devem apresentar acúmulo excessivo que prejudique o escoamento. 100% é a total ausência de falhas.1. sem necessidade de intervenção. Os dutos devem ser de PVC (100%). 1.2. a predominância ou outras razões pertinentes e aplicáveis ao item avaliado. 2.Terça-Feira. vazamentos.

carpetes aplicados apenas nas salas (40%). o vistoriador poderá optar pelos valores imediatamente acima ou abaixo. a nota 40% representa um estado regular do sistema em que o mesmo deva ser alvo de planejamento de intervenções. a seu critério.5 Vidros Avaliador: 0% 20% 40% 60% 80% 100% NOTA Data: OBSERVAÇÕES: 1. COMENTÁRIOS SOBRE A AVALIAÇÃO DOS ITENS 1.4 Funcionamento das partes móveis 5.3 Projeto. subtrair 10% para cada irregularidade. 14 de Setembro de 2010 4. deve ser verificada a existência de vazamentos ou entupimentos. Na ausência de parâmetros mais objetivos de avaliação deve-se considerar o seguinte critério para atribuição de notas: A .2 2 2. carpete também nas circulações = 20%.2.2 4 4. No caso de obtenção de notas com valores intermediários aos anteriores (10. PAREDES 13 . a nota 20% representa um estado ruim. necessitando apenas de intervenções pontuais. resultantes da aplicação de fórmulas. As louças devem se apresentar sem manchas. 50. placas vinílicas (80%). Cerâmicas PEI-5. saboneteira e espelho.2.Terça-Feira.2 SISTEMA DE ACABAMENTOS PISOS Qualidade do material empregado Estado de conservação e qualidade executiva PAREDES Qualidade do material empregado Estado de conservação e qualidade executiva TETOS Qualidade do material empregado Estado de conservação e qualidade executiva RODAPÉS Qualidade do material empregado Estado de conservação e qualidade executiva 0% 20% 40% 60% 80% 100% NOTA 0% 20% 40% 60% 80% 100% NOTA 0% 20% 40% 60% 80% 100% NOTA 0% 20% 40% 60% 80% 100% NOTA 5 ESQUADRIAS 5. Devem existir caixas de inspeção para cada tubo de queda. PISOS 1. 5. para o que deva ser dada preferência no atendimento. considerando a tendência. a nota 60% representa a situação em que o vistoriador entende que o estado geral é satisfatório. desgaste. Ver comentários de preenchimento no verso 3. Os tubos devem estar isentos de fissuras. 40%-regular. deformações. juntas com dimensões e material adequado. 60%-bom. nivelamento. porcelanatos e marmorites para todos os ambientes constituem um padrão ideal = 100%. 100%-excelente C . EQUIPAMENTOS E ACESSÓRIOS 5. 90%). O assentamento deve possuir alinhamento.1. as torneiras devem ser em aço inox ou cromadas e de fácil acionamento (subtrair 10% na nota para cada irregularidade).DIÁRIO DA JUSTIÇA . (subtrair 20% na nota pela inexistência de cada um dos itens enumerados) FICHA DE VISTORIA Comarca: 1 1. quebras ou fissuras. B .1 Qualidade do material empregado 5. não ressecados. 80% representa um estado muito bom.Edição nº 4651/2010 . deve ser verificada a presença de vazamentos que resultem em desperdícios de água.2.1 4. tacos de madeira (60%). entre outros problemas que prejudiquem o desempenho do sistema. apesar da constatação de falhas leves. Deve-se observar a existência de desplacamentos. 80%-muito bom. além de não oxidados. 2. os vasos devem ser do tipo caixa acoplada ou com controle de fluxo. os boxes devem ser separados através de divisórias e portas com trancas. Conceito das notas: 0%-péssimo. os vasos devem possuir tampas em perfeito estado de uso. 100% é a total ausência de falhas.2 Estado de conservação do material 5. esquadro. quando forem de aço galvanizado.TJ/PA .1. a predominância ou outras razões pertinentes e aplicáveis ao item avaliado. As torneiras devem possuir sistema de fechamento automático e arejadores de fluxo.2 3 3. granitos. no caso de válvula de descarga.1 2. A NOTA final deverá ser calculada como média aritmética das notas atribuídas a cada item 2. 30. quebras. 5. 1.1 1.1 3. todas as instalações devem contar com papeleira. 20%-ruim. ergonomia e forma construtiva 5. 70. A nota 0% retrata a situação crítica em que entende-se que há comprometimento geral do sistema e para o que devem ser tomadas medidas com urgência de atendimento. sem necessidade de intervenção.

14 de Setembro de 2010 2. Subtrair pontos pela ocorrência de corrosão. 5.2. Tintas acrílicas de cores claras são as ideais para as salas e circulações. o vidro temperado também é admissível.3 SISTEMAS DE SEGURANÇA SEGURANÇA CONTRA INCÊNDIO Documentação oficial Rotas: desobstrução e sinalização Detecção e alarme: funcionamento dos equipam.3 1. 2. Combate: funcionamento dos equipamentos SEGURANÇA FÍSICA Sistemas passivos construídos Sistemas ativos de detecção de invasão Sistemas ativos de monitoramento 0% 20% 40% 60% 80% 100% NOTA 0% 20% 40% 60% 80% 100% NOTA Data: Avaliador: OBSERVAÇÕES: 1.TJ/PA . O material ideal é o alumínio e o tubo de aço revestido com PVC (100%). bolor. onde a flexibilidade não é fundamental. os topos das pedras devem ser polidos (retirar 10% para cada falha executiva) 5.2. o aço pintado é suscetível à corrosão e as madeiras.4. Deve-se observar a existência de desplacamentos do reboco. TETOS 3. o rodapé de madeira é adequado. o uso de peças cerâmicas ou porcelanatos recortados comprometem a boa estética (subtrair 20%).1. Na ausência de parâmetros mais objetivos de avaliação deve-se considerar o seguinte critério para atribuição de notas: 14 . desbotamento da cor entre outros problemas que prejudiquem o desempenho do sistema. tintas acrílicas de cores claras são as ideais. de cor igual ao conjunto das esquadrias da edificação. No caso de forros.3.1. considerando ideal o forros em lã de rocha ou fibra mineral com NRC acima de 0. os materiais ideais a serem empregados são as pedras (granito ou mármore. trincas. 3. Deve-se subtrair pontos para a ocorrência de desplacamentos do reboco. os rodapés de madeiras devem ser aparafusados e as cabeças dos parafusos devem estar tapadas. com a facilidade de manutenção requerida.10m. no caso do uso de forros. desgaste da pintura. as esquadrias de correr devem deslizar com suavidade. 5. Verificar se a quantidade de área translúcida e ventilada corresponde a pelo menos 50% da área da esquadria. para as circulações especificamente deve-se verificar a existência de faixa de pintura com tinta esmalte sintético brilhante para facilidade de limpeza. 3. FICHA DE VISTORIA Comarca: 1 1. Deve-se subtrair pontos pela existência de cupins. principalmente nas circulações. para o caso de forros em gesso deve-se verificar ainda a existência de juntas de dilatação junto às paredes. devem ser dotadas de roldanas e possuir guias para garantia da perfeição do movimento. ESQUADRIAS 5. manchas. os banheiros e copas devem possuir revestimentos impermeáveis até o teto. trincas. Os vidros devem se apresentar planos.DIÁRIO DA JUSTIÇA . desgaste e desbotamento da cor entre outros problemas que prejudiquem o desempenho do sistema. manchas.2 1.Terça-Feira.4 2 2. Ver comentários de preenchimento no verso 3. verificar o alinhamento e nivelamento da estrutura. eles devem ser removíveis para acesso às instalações. 4. A NOTA final deverá ser calculada como média aritmética das notas atribuídas a cada item 2. suas propriedades acústicas devem ser verificadas. o ferro cantoneira possui baixa resistência mecânica (40%). desgaste e desbotamento da cor entre outros problemas que prejudiquem o desempenho do sistema.Edição nº 4651/2010 . 5.1 2.1 1. a forma de abertura dos painéis deve ser funcional e os mecanismos de abertura devem ficar a uma altura máxima de 2.2. 4. se assentados com massa de vidraceiro deverá ser subtraída uma nota de 40% . a linha adotada deve ter bitolas compatíveis com os vãos .5. devem ser temperados ou laminados no caso de esquadrias com peitoril abaixo de 90cm. degradação por cupins. ao ataque de cupins (60%). Nos locais onde os pisos forem de cerâmica. empenamentos.8 (nota = 100%). empenamento e deformação (retirar 20% para cada patologia crônica) 5. manchas. bolor. sem travamentos intermediários por desalinhamento ou irregularidades dos trilhos. porém não apresenta boa estanqueidade (80%). Subtrair pontos também pelo desalinhamento com a alvenaria e desnivelamento com os pisos. porcelanato ou pedra.1. os forros de gesso devem receber nota 80% pela falta de flexibilidade.2 2. sem riscos ou manchas.2. o encaixe nos perfis deve ser por meio de guarnições de EPDM. de acordo com o piso) em comprimento mínimo de 1m. para piso vinílicos ou em tacos de madeira. trincas. RODAPÉS 4. seja azulejo ou laminado melamínico. exceto em banheiros. as pedras devem estar parcialmente embutidas nas alvenarias para esconder as argamassas de assentamento. as esquadrias tipo max-ar devem abrir até o ângulo de 90º para limpeza. Os materiais devem ser compatíveis com o tipo de uso do local. os fechos devem permitir o trancamento da parte móvel e seu acionamento deve ser feito através de alavanca.1. desgaste.25mm para janelas e 42mm para portas. O acionamento das esquadrias deve ser suave e sem ruídos.

Terça-Feira. 2. 20%-ruim. Sem AVCB e sem projeto aprovado . 30. verificar o funcionamento e estado das mangueiras dos hidrantes (subtrair 20% para cada irregularidade). 40%-regular. 100% é a total ausência de falhas.DIÁRIO DA JUSTIÇA .1.nota 60%. sem projeto aprovado . sem necessidade de intervenção. 1.4. incluindo discagem automática para os números de segurança.programa de necessidades Conformidade . 80% representa um estado muito bom. Verificar a utilização de escadas como área de trabalho.nota 0%. com AVCB. 90%). 3. o vistoriador poderá optar pelos valores imediatamente acima ou abaixo. Verificar a existência e a data de validade dos extintores. ausência de sinalização da rota de saída de emergência.2.3.3. Os documentos obrigatórios na posse da administração da comarca são AVCB (Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros) com data não expirada e projeto aprovado pelo CB (nota = 100%). da sala de objetos apreendidos e na cela do réu (subtrair 20% para cada irregularidade).2. a nota 60% representa a situação em que o vistoriador entende que o estado geral é satisfatório. 80%-muito bom. Verificar a existência e o funcionamento do sistema de alarme sonoro (obrigatório) e cerca elétrica (facultativo). resultantes da aplicação de fórmulas.40m.2 Conforto térmico 4.Verificar a existência e o funcionamento de portal detector (obrigatório) de metais e sistema de CFTV (facultativo).1 Iluminação e ventilação naturais (janelas) 4. a predominância ou outras razões pertinentes e aplicáveis ao item avaliado. verificar se se encontram em funcionamento (subtrair 20% para cada irregularidade). No caso de obtenção de notas com valores intermediários aos anteriores (10. no caso do alarme. 1.2. 2.nota 20%. SEGURANÇA CONTRA INCÊNDIO 1.Edição nº 4651/2010 .2 2. 70.1 1. portas com sentido de abertura inverso ao sentido da fuga.3 3 3.3 Conforto acústico 4. considerando a tendência. necessitando apenas de intervenções pontuais.TJ/PA . 60%-bom.1 2. deverá ser atribuída nota em função do estado de conservação e do funcionamento pleno do sistema. B . FUNCIONALIDADE PROGRAMA DE NECESSIDADES Conformidade . Conceito das notas: 0%-péssimo. 50. FICHA DE VISTORIA Comarca: 1 1. gradil e muros externos em altura mínima de 2.dimensionamento SETORIZAÇÃO Localização das atividades Audiência/Gabinete Localização atividades Órgãos externos Localização atividade Tribunal do júri CIRCULAÇÃO Facilidade de deslocamento Dimensionamento 0% 20% 40% 60% 80% 100% NOTA 0% 20% 40% 60% 80% 100% NOTA 0% 20% 40% 60% 80% 100% NOTA 4 ERGONOMIA 4. subtrair 20% para cada irregularidade que comprometa a eficácia do sistema. A NOTA final deverá ser calculada como média aritmética das notas atribuídas a cada item 2.4 Mobiliário Avaliador: 0% 20% 40% 60% 80% 100% NOTA Data: OBSERVAÇÕES: 1. Ver comentários de preenchimento no verso 15 .2 2 2. móveis obstruindo acesso a hidrante e a extintor. Verificar se os equipamento de detecção e alarme previstos em projeto encontram-se integralmente executados (se não nota=0%). COMENTÁRIOS SOBRE A AVALIAÇÃO DOS ITENS 1. grades nas portas da sala de armas. com AVCB vencido e com projeto aprovado . portas corta-fogo inexistentes ou permanentemente abertas.nota 80%. Verificar a existência de grades nas janelas do 1º pavimento (vãos menores que 15cm). a nota 20% representa um estado ruim. ausência de luz de emergência (subtrair 20% para cada irregularidade) 1. 2. a seu critério. 14 de Setembro de 2010 A . 100%-excelente C .1.nota 40%. com AVCB vencido e sem projeto . apesar da constatação de falhas leves. A nota 0% retrata a situação crítica em que entende-se que há comprometimento geral do sistema e para o que devem ser tomadas medidas com urgência de atendimento. para o que deva ser dada preferência no atendimento.1. sem AVCB e com projeto aprovado . SEGURANÇA FÍSICA 2. a nota 40% representa um estado regular do sistema em que o mesmo deva ser alvo de planejamento de intervenções.

a nota 20% representa um estado ruim. a nota 60% representa a situação em que o vistoriador entende que o estado geral é satisfatório. 14 de Setembro de 2010 3. B . o vistoriador poderá optar pelos valores imediatamente acima ou abaixo. 100% é a total ausência de falhas. sem necessidade de intervenção. 60%-bom. A nota 0% retrata a situação crítica em que entende-se que há comprometimento geral do sistema e para o que devem ser tomadas medidas com urgência de atendimento. considerando a tendência. a seu critério. 90%). 70. 80% representa um estado muito bom. 100%-excelente C .Edição nº 4651/2010 . resultantes da aplicação de fórmulas. No caso de obtenção de notas com valores intermediários aos anteriores (10.TJ/PA . a nota 40% representa um estado regular do sistema em que o mesmo deva ser alvo de planejamento de intervenções. 50. Na ausência de parâmetros mais objetivos de avaliação deve-se considerar o seguinte critério para atribuição de notas: A . para o que deva ser dada preferência no atendimento. 20%-ruim. 16 . apesar da constatação de falhas leves. 80%-muito bom.Terça-Feira. necessitando apenas de intervenções pontuais. Conceito das notas: 0%-péssimo. 40%-regular. 30. a predominância ou outras razões pertinentes e aplicáveis ao item avaliado.DIÁRIO DA JUSTIÇA .

O conjunto de gabinete/audiência deve se situar em local mais reservado. a nota será obtida pela aplicação da média ponderada de ocorrência dos dois casos. gabinetes e audiências. poliestireno.2 1.acesso aos demais pavimentos Conformidade dos desníveis de soleiras 0% 20% 40% 60% 80% 100% NOTA 17 . MP e OAB. A nota atribuída deverá ser obtida pela média dos valores aferidos nas circulações do prédio. 20% pela descontinuidade de escadas e elevadores e 20% pela não concentração da circulação vertical (escada + elevador). deve ser creditada uma nota de 20% para o uso de forro de lã mineral ou lã de rocha e 20% para o uso de carpetes no piso. considerar a média das áreas encontradas para as secretarias. próximo ao acesso principal. deverá ser subtraída uma nota de 20% para a localização da edificação nas proximidades de fontes externas de ruído intenso. cela para réu. A localização ideal para os espaços destinados a órgãos externos (OAB. Defensoria.2. a nota deverá ser de 60%. podendo chegar ao mínimo de 1. para o caso de mobiliário padrão antigo. 2. 2.30m. 4. no mínimo. separando-se circulações principais e secundárias.DIÁRIO DA JUSTIÇA .2. para fóruns com 01 vara. deverá ser subtraída uma nota de 20% nos casos de mobiliário em estado de conservação ruim.1 1. FICHA DE VISTORIA Comarca: 1 1. TRE) deve ser em local mais público.50m nas circulações secundárias. nota 20%. PROGRAMA DE NECESSIDADES 1.). considerando sua importância na prestação jurisdicional (subtrair 60% para falta de secretaria. subtrair nota para cada espaço em falta. subtrair 5%.1. nota 40%. divididos com drywall. Devese subtrair mais 20% nas notas atribuídas na forma anterior para edificações sem laje (sistema telha/forro) ou para laje sem proteção térmica (telha.2. Deverá ser subtraída uma nota de 20% pela verificação de sinuosidades na circulação.3. gabinete do Juiz (mín. em função do excesso de barulho e fluxo de pessoas. A existência de escadas ou elevadores que não atingem todos os pavimentos numa mesma prumada vertical é motivo de confusão de fluxo.1. ruas em aclive acentuado. A localização ideal do Salão do Júri é no 1º pavimento. Deve-se subtrair 5% para cada 10cm a menos nas larguras mínimas. Todos os espaços deverão possuir janelas com área mínima de 10% da área do piso. deve ser de fácil e amplo acesso por ser área de concentração de atendimento ao público. o espaço para arquivo permanente não deve ser avaliado. Atribuir a nota 0% para os casos de larguras inferiores a 1.nota final = 84% (arredond=80%). sem ar-condicionado para magistrado. 3. Comarcas localizadas na região Sul: sem ar-condicionado nas secretarias e com ar-concionado para magistrado. Verificar somente os espaços destinados a secretaria (mín. 14 de Setembro de 2010 COMENTÁRIOS SOBRE A AVALIAÇÃO DOS ITENS 1. entre outros. 20% para falta de gabinete de juiz. não imediatamente próximo ao fluxo de entrada para preservação da segurança e privacidade do magistrado. 4.20m. subtrair também 10% para a não separação de banheiros para público e servidores. SETORIZAÇÃO 2. Os fóruns atendidos por sistema de ar-condicionado central receberá nota 100%. nota 80%. no caso de fóruns com mais de uma vara. A nota máxima será atribuída mediante a presença de mobiliário "novo padrão TJMG" em todos os espaços (nota 100%). divididos com divisória até o teto. 2. nota 60%. independente do tipo de mobiliário. ERGONOMIA 4.1. Exemplo: 40% dos espaços com mobiliário antigo em bom estado de conservação (nota 60%) e 60% dos espaços com mobiliário novo em bom estado (100%) .1. A concentração das circulações verticais (escada + elevador) é desejável.TJ/PA . como avenidas de grande fluxo. No caso de ocorrência simultânea dos dois tipos de mobiliário. sem ar-condicionado para magistrado. nota 60%.20m.20m²). descontar 20% para cada desconformidade. com acesso independente do fórum para não interferir nas atividades rotineiras devido ao barulho e fluxo de pessoas e para preservar a segurança da edificação em caso de funcionamento em horário fora do expediente. 3. subtrair 10% para a ausência de sala para todos os demais itens do programa. para então aplicar a subtração de 20% para cada área inferior ao mínimo. Verificar se a edificação possui todos os espaços do programa de necessidades de um Fórum (consultar a Administração).3 ACESSIBILIDADE DESNÍVEIS Conformidade .60m²). 40% para falta de salas de audiência. linhas de trens. Em hipótese alguma a circulação deverá ser inferior a 1.Edição nº 4651/2010 .Terça-Feira. Comarcas fora da região sul: sem ar-condicionado nas secretarias e com ar-condicionado para magistrado. etc. divididos com drywall com miolo de fibra de vidro ou alvenaria de 15cm.50m de largura. 2. Ao mesmo tempo. 4. nota 40%. Espaços distintos e contíguos divididos apenas com divisórias baixas. A facilidade de deslocamento deve ser medida pela existência de deslocamentos ortogonais e ausência de formas sinuosas. CIRCULAÇÃO 3. 15m²) e audiência (mín. 4. para a falta de Defensoria.10m e parapeito não superior a 1. ter as alavancas de acionamento numa altura inferior a 2. 1. as janelas deverão permitir a abertura de pelo menos 50% da área do vão. subtrair 20% para cada espaço com área inferior ao mínimo exigido.acesso ao interior da edificação Conformidade . nota 80%. salão do júri. MP. de modo a interferir minimamente nas atividades jurisdicionais do TJMG. As circulações principais devem ter. separadamente.3. nota 0%.2.4.

2.dimensões Conformidade . Salas de Audiência.3 4 4. 18 . descontinuidades.DIÁRIO DA JUSTIÇA .equipamentos Conformidade . 80% representa um estado muito bom. desníveis com rampas com inclinação<10% e >8. desníveis superiores a 1. Banheiros. 50. a seu critério. A NOTA final deverá ser calculada como média aritmética das notas atribuídas a cada item.nota 100%.nota 80%.5cm vencidos através de rampa de concordância na proporção 2:1 . através de rampa desconforme . para o que deva ser dada preferência no atendimento. descascamento das pinturas e falhas de fixação (subtrair 10% para cada falha) 3.nota=40%. 90%). 100%-excelente C.1.nota 0%. não oxidáveis. retirar 20% para cada item desconforme.nota 40%. afastamento da parede=4cm.nota=0%. 20%-ruim. Ver comentários de preenchimento no Verso 3. COMENTÁRIOS SOBRE A AVALIAÇÃO DOS ITENS 1.nota=0%. resultantes da aplicação de fórmulas. apesar da constatação de falhas leves. B .70m com sentido de abertura da porta para fora (nota=100%).quantidade e localização SINALIZAÇÃO TÁTIL Conformidade .3. No caso de obtenção de notas com valores intermediários aos anteriores (10. desníveis superiores a 3cm sem rampas .1 4.nota 100%. através de rampa acessível .2 3. através de rampas de concordância desconformes . sem rampas . 2. verificar a ocorrência de oxidação.1 5. desnível interno/externo com rampas acessíveis ou plataformas . sem risco de ocorrência de farpas ou falhas que possam produzir ferimentos. madeira envernizada ou pintada (60%).5cm e inferiores a 3cm sem rampas de concordância . Secretarias e Gabinetes dos Juízes com soleiras com desníveis máximos de 0.nota 60%. Conceito das notas: 0%-péssimo. Acessos principais.parâmetros norma Materiais e qualidade executiva 0% 20% 40% 60% 80% 100% NOTA 0% 20% 40% 60% 80% 100% NOTA 0% 20% 40% 60% 80% 100% NOTA 0% 20% 40% 60% 80% 100% NOTA 6 VAGAS ESTACIONAMENTO 6. 14 de Setembro de 2010 2 2. desníveis superiores a 50cm sem rampas .1 Conformidade . considerando a tendência. a predominância ou outras razões pertinentes e aplicáveis ao item avaliado. Na ausência de parâmetros mais objetivos de avaliação deve-se considerar o seguinte critério para atribuição de notas: A .2 Facilidade de acesso Avaliador: 0% 20% 40% 60% 80% 100% NOTA Data: OBSERVAÇÕES: 1. a nota 40% representa um estado regular do sistema em que o mesmo deva ser alvo de planejamento de intervenções. A nota 0% retrata a situação crítica em que entende-se que há comprometimento geral do sistema e para o que devem ser tomadas medidas com urgência de atendimento.2 GUARDA-CORPO/CORRIMÃOS Conformidade .33% . 2. a nota 20% representa um estado ruim.nota=100%. A nota deverá ser verificada pela média aritmética das respectivas notas. Acesso a todos os pavimentos através de elevador acessível . o vistoriador poderá optar pelos valores imediatamente acima ou abaixo. INSTALAÇÕES SANITÁRIAS 3.nota=20%. Características ideais dos corrimãos para rampas e escadas: altura = 92cm e outro a 70cm (este último é opcional para escadas) .5cm ou com desníveis de até 1.nota 20%.1.1. altura dos guarda-corpos = 105cm.33 e 10% devem ter a nota subtraída em 10%.TJ/PA . GUARDA-CORPO / CORRIMÃOS 2. a nota 60% representa a situação em que o vistoriador entende que o estado geral é satisfatório.5cm. rampas com inclinação entre 8. sem necessidade de intervenção.nota=60%. necessitando apenas de intervenções pontuais.parâmetros norma 6.50 por 1. 80%-muito bom. 30. Rampas acessíveis são aquelas com inclinação inferior a 8. Os tubos devem ser de materiais lisos. desníveis inferiores a 50cm. 70. diâmetro entre 3 e 4.33%. rampas com inclinação superior a 10% = rampas desconformes.Terça-Feira. subtrair 20% para cada pavimento não acessível 1. 60%-bom. 1.2 5 5. 100% é a total ausência de falhas. extremidade recurvada.parâmetros norma Materiais e estado de conservação INSTALAÇÕES SANITÁRIAS Conformidade . inexistência de rampas ou elevadores .1 3.2. desníveis de até 1cm sem rampas de concordância .nota=60%. o ideal é o aço inoxidável (100%). avaliar cada instalação sanitária separadamente.Edição nº 4651/2010 .parâmetros norma Material e estado de conservação BALCÕES-GUICHÊS Conformidade . deve ser subtraída a nota de 20% para cada desconformidade. 2. DESNÍVEIS 1. aço galvanizado pintado com tinta esmalte brilhante (80%).2 3 3. através de rampa até 10% . A dimensão mínima é de 1. 40%-regular.1 2.

0 vagas. localização próxima à circulação principal.1 TELECOMUNICAÇÕES ARMÁRIO DE TELECOM (RACK) Estrutura física SALA TÉCNICA (CPD E TELECOM) Acessibilidade ao rack e aos equipamentos Utilização exclusiva do espaço Condições climáticas DISTRIBUIÇÃO DE PONTOS Organização e performance de rede CONDUTOS Estado de conservação.2 2. verificar o uso de cor contrastante. pintura do piso com o símbolo internacional de deficiente em azul e branco. BALCÕES-GUICHÊS 5.0m (subtrair 20% para cada desconformidade) 5. de 11 a 100 veículos . 40%-regular. 02 unidades por pavimento para construções após 2004 e 01 unidade por pavimento para construções anteriores a 2004. 5. apesar da constatação de falhas leves. verificar o uso de piso tátil direcional do passeio à porta de acesso principal.2 5 5. avaliar cada instalação sanitária separadamente.2m de largura pintada em faixas diagonais na cor amarela. 80%-muito bom. da superfície das saliências e o descolamento das bordas. através de rota acessível.Edição nº 4651/2010 . 60%-bom. subtrair 20% da nota para cada patologia. necessitando apenas de intervenções pontuais. 80% representa um estado muito bom.5m.1 2. a nota 60% representa a situação em que o vistoriador entende que o estado geral é satisfatório. a nota 40% representa um estado regular do sistema em que o mesmo deva ser alvo de planejamento de intervenções. Guichês com acabamento em pedra em perfeito estado ou mobiliário padrão TJMG = 100%. Verificar a existência de barras de apoio próximas ao vaso (L=80cm. movimentação por falta de fixação e falhas de acabamento. Conceito das notas: 0%-péssimo. h=75cm).TJ/PA .1%. guichês junto às circulações só serão admitidos somente quando sua largura for superior a 2.1 7 7. B .5X4. FICHA DE VISTORIA Comarca: 1 1. A nota 0% retrata a situação crítica em que entende-se que há comprometimento geral do sistema e para o que devem ser tomadas medidas com urgência de atendimento.3 3 3. 6. balanço livre de 30cm e largura útil de 90cm.2. (subtrair 20% para cada desconformidade) 6. A localização da vaga deve ser aquela que permita o acesso mais fácil ao interior da edificação. servidores e rack 0% 20% 40% 60% 80% 100% NOTA 0% 20% 40% 60% 80% 100% NOTA 0% 20% 40% 60% 80% 100% NOTA 0% 20% 40% 60% 80% 100% NOTA 0% 20% 40% 60% 80% 100% NOTA 0% 20% 40% 60% 80% 100% NOTA 0% 20% 40% 60% 80% Data: 100% NOTA Avaliador: OBSERVAÇÕES: 1.DIÁRIO DA JUSTIÇA . VAGAS DE ESTACIONAMENTO 6. 4.1 4 4.1.Terça-Feira. Ver comentários de preenchimento no verso 3. rampas e a obstáculos de percurso. pinos isolados assentados com cola ou parafuso (80%). para o que deva ser dada preferência no atendimento. 4. 14 de Setembro de 2010 3. sem necessidade de intervenção. A nota deverá ser verificada pela média aritmética das respectivas notas 3. faixa adicional de 1.3. entrada independente da instalação normal (nota=100%).2.1 vaga. guichês de divisória = 80%. As vagas devem apresentar as seguintes características: dimensões de 2. Na ausência de parâmetros mais objetivos de avaliação deve-se considerar o seguinte critério para atribuição de notas: A . em todo o perímetro do lavatório e em ambos os lados da porta (h=90. Verificar o emprego de piso tátil de alerta junto ao início e fim das escadas.2. A NOTA final deverá ser calculada como média aritmética das notas atribuídas a cada item 2.1 5. Verificar o tipo de material: materiais cerâmicos assentado com argamassa é o ideal (100%). 20%-ruim. verificar a ocorrência de patologias como desgaste da cor. L=40). 100% é a total ausência de falhas.1. Guichês ou balcões de atendimento público devem possuir altura entre 75 e 90cm. subtrair 20% pela existência de patologias como descolamento. retirar 20% para cada item desconforme. borracha colada (60%).2 6 6. .1.2.1 2 2. 100%-excelente 19 . acima de 100 . tipo e utilização PONTOS TERMINAIS Identificação e conectorização Utilização para voz e dados PONTO TERMINAÇÃO DE REDE (PTR) E/OU DG Organização e estado de conservação PROTEÇÃO PTR/DG. SINALIZAÇÃO TÁTIL 4. proporção de vagas: estacionamentos para até 10 veículos . subtrair 20% da nota para cada desconformidade. subtrair 20% para cada desconformidade. a nota 20% representa um estado ruim.

Reduzir 10% para cada ponto com qualquer anomalia. o ponto interliga diretamente ao equipamento através de tomada macho RJ-45 (nota=20%).Pontos identificados com tomada fêmea RJ-45 (nota=100%). 2. 30. 5. Reduzir 10% para quaisquer restrições de acesso. PONTOS TERMINAIS 5. patch-cords (cores distintas p/ voz e dados).Todos os pontos em perfeito estado de conservação. Se houver menos que 50% de módulos de proteção para o total de pares de entrada. Reduzir 10% da nota para ausência de quaisquer itens acima. anéis guias. O vistoriador poderá arbitrar valores para mais ou para menos nas notas sugeridas acima em função do grau da avaria e da importância do material/equipamento para o sistema. blocos para interligação dos cabos. 7. CONDUTOS 4. reduzir 20%. braçadeiras. SALA TÉCNICA (CPD E TELECOM) 2.1 .3 . O vistoriador poderá arbitrar valores para mais ou para menos nas notas sugeridas acima em função dos inúmeros percursos observados.3 .2 . PONTO TERMINAÇÃO DE REDE (PTR) E/OU DG 6. pelo menos 03 unidades reservas(nota=100%).Todos os pontos de telecomunicações se originam do rack (nota=100%).Edição nº 4651/2010 . e sem quaisquer avarias (nota=100%).DIÁRIO DA JUSTIÇA .1 .1 . 70. 50. vazamentos. conectorizados e preparados para utilização (nota=100%). Ausência de climatização (nota=0%). resultantes da aplicação de fórmulas. tabela de distribuição de pontos fixada na porta relacionando o ponto ao local instalado. Reduzir 10% para ausência de quaisquer itens acima.Área exclusiva para equipamentos de telecomunicações (nota=100%). Área utilizada também como depósito de materiais (nota=40%).Acesso às faces do rack e aos equipamentos (nota=100%). funcionamento comprometido. 2. 5.1 .Eletrodutos.Módulos de proteção em BLP's (blocos protegidos) para os pares de entrada no PTR/DG. eletrocalhas e canaletas (nota=100%). Na ausência de uma das proteções acima. COMENTÁRIOS SOBRE A AVALIAÇÃO DOS ITENS 1. a seu critério.Sala de CPD climatizada com ar condicionado exclusivo (nota=100%). danos na pintura. ventiladores. Apenas mangueiras (nota=40%).2 . 4. DISTRIBUIÇÃO DE PONTOS 3. No caso de obtenção de notas com valores intermediários aos anteriores (10.Rack organizado c/ identificação das portas em cores distintas p/ voz e dados e c/ os números dos pontos. Apenas para sistema de dados (nota=60%). Reduzir 10% para cada percurso de cabos com ausência de condutos ou de tampa da canaleta e avarias.Terça-Feira. Reduzir 10% para quaisquer switchs ou hubs instalados nas salas distintas ao CPD ou sala de Telecom. 6. entre outros. Misto (nota=80%).1 . 5.TJ/PA . considerando a tendência. Considera-se percurso 01 trecho de até 5 metros. 2.1 . a predominância ou outras razões pertinentes e aplicáveis ao item avaliado. Ponto c/ tomada fêmea RJ-45. 14 de Setembro de 2010 C . PROTEÇÃO 7.1 . porém sem identificação (nota=60%). ARMÁRIO DE TELECOMUNICAÇÕES (RACK) 1. deformações. o vistoriador poderá optar pelos valores imediatamente acima ou abaixo. patch-panels e bandejas fixados na estrutura. Compreendem-se avarias nos materiais e/ou equipamentos: ferrugens. Não há tomada fêmea.PTR/DG organizado com a identificação dos pontos. guias de cabos.Pontos RJ-45 utilizados para distribuição de voz e dados (nota=100%). 3. defeitos. anomalias. Ar condicionado atende ao CPD e à outras salas simultaneamente (nota=80%). 90%). 20 . supressores de surto instalados para servidores e rack e ainda aterramento da carcaça do rack (nota=100%). considerar ausência deste item.

leis e regulamentações específicas.1 3. além da experiência do corpo deste departamento de engenharia.5 30 3 10 37.5 4.8 20 10 51. valores esses alcançados através de normas.4 4.c. ITEM AMBIENTE ÁREA (m²) mínimo 15 15 15 45 20 1.c. Deve-se buscar a relação de 5 a 7.) OAB (com ou sem w. Nota-2 : A largura mínima adotada para circulação de público deverá ser de 2 metros. reconhecendo a impossibilidade de prever as particularidades de cada local. desde que em casos específicos e devidamente justificados.3 3. mesmo assim.) TOTAL : Composição Gabinete de Desembargador Gabinete do Desembargador Sanitário Privativo do Desembargador Assessoria do Desembargo Recepção TOTAL : Composição da(s) Vara(s) Comum(ns) Gabinete do Juiz Sanitário Privativo do Juiz Assessoria da Magistratura Audiência Secretaria do Juízo Espera Arquivo Provisório Deve-se buscar a relação de 5 a 7. 4 4.8 5 15 20 20 20 15 10 160.5 30 3 10 37.4 3.5 m² por funcionário.DIÁRIO DA JUSTIÇA .9 TOTAL : Composição da(s) Vara(s) Especializada(s) Gabinete do Juiz Sanitário Privativo do Juiz Assessoria da Magistratura Audiência Secretaria do Juízo Secretaria de Execução Secretaria de do Conhecimento Espera Arquivo Provisório 76.) Promotoria Pública (com ou sem w. fica permitida a utilização de áreas fora dos limites estipulados. REFORMA E/OU REORGANIZAÇÃO E AMPLIAÇÃO DE ESPAÇOS PARA FÓRUM DO INTERIOR / CAPITAL DO ESTADO 1 1.TJ/PA .5 m² por funcionário.7 4.8 10 1.5 45 20 15 PROGRAMA DE NECESSIDADES E DIMENSIONAMENTO DE ÁREAS PARA PROJETOS DE CONSTRUÇÃO.c. Somente deverá ser incluída a área para arquivo no programa de necessidades do Fórum caso inexista arquivo geral para a respectiva Região Judiciária. 14 de Setembro de 2010 ANEXO III PROGRAMA DE NECESSIDADES E DIMENSIONAMENTO DE ÁREAS PARA PROJETOS DE CONSTRUÇÃO.2 2.10 Recepção Setor Psicossocial 15 20 21 .3 2. Nota-3 : Os valores apresentados nesta planilha são parâmetros a serem adotados em projetos de reforma e/ou reorganização de fóruns do interior e da região metropolitana do estado.5 3.Terça-Feira.2 1.1 1.5 m² por funcionário. Área estimada por assessor.5 20 95.5 m² por funcionário. plataformas e elevadores).2 3.3 4. rampas.3 2 2. Deve-se buscar a relação de 5 a 7.8 4.8 10 1.1 2.1 4.7 Áreas de representação das Instituições parceiras Defensoria Pública (com ou sem w.5 45 45 45 20 15 Área estimada por assessor. 4.6 3.6 4. Deve-se buscar a relação de 5 a 7.Edição nº 4651/2010 . Somente deverá ser incluída a área para arquivo no programa de necessidades do Fórum caso inexista arquivo geral para a respectiva Região Judiciária.4 3 3.5 m² por funcionário. REFORMA E/OU REORGANIZAÇÃO E AMPLIAÇÃO DE ESPAÇOS DIVISÃO DE PROJETOS Assunto Aplicação Notas: Nota-1 : Não constam nesta planilha as áreas de circulações verticais (escadas.8 5 15 20 15 10 OBSERVAÇÕES máximo 35 35 35 105 35 3 37.2 4. Deve-se buscar a relação de 5 a 7.

7 9.00 10 15 25. 6.8 1.2 Áreas de Apoio a(s) Vara(s) Protocolo e Distribuição Sala dos Oficiais / Central de Mandados 166. tipo prumada.00 22 . 5. Somente deverá ser incluída a área onde houver Vara da Infância e Juventude . Deve-se buscar a relação de 5 a 7.5 m² por funcionário.80 10 10 1.TJ/PA .Informal 6.4 Sala denominada SECRETA de SALA Área estimada para 2 salas de testemunhas. 11 TOTAL : Área(s) do(s) Juizado(s) Especial(ais) .8 20 35. cada uma com w.3 8.11 4.2 Central de Mandados TOTAL : Áreas de Custódia Custódia do menor/adolescente infrator com célula feminina e célula masculina (separadas).Ato de Proteção TOTAL : 5 5.50 20 15 3 3 3 12 12 7 7.10 9.1 9.Terça-Feira. 8 8.11 9. cela masculina e cela feminina (separadas) TOTAL : Áreas do Tribunal do Júri Salão do Júri Sala de reunião do Conselho de Sentença Instalação Sanitária para o Conselho de Sentença Sala das testemunhas 01 e 02 (02 salas.00 15 20 35. deve ser previsto 1 box e 1 lavatório para cada 300m² ou fração de área útil. Deve-se buscar a relação de 5 a 7.2 8.Edição nº 4651/2010 .8 2.5 20 188.8 1.2 Caixa d'água e cisterna 5 10 no caso de 2 andares prever 1 espaço p/ pavt.55 2.3 6 6.1 7.00 80 12 1.00 150 16 2.5 12 12 12 3.5 1. Deve-se buscar a relação de 2.8 18 111.6 111. 9 9. a não ser que a demanda do Fórum justifique a criação de sala exclusiva para a central de mandados.8 5 5 335.80 1.5 m² por funcionário.5 1. Escolher localização central da edificação.8 9. Área estimada para 3 boxes de atendimento individualizado.c. Não computar as áreas se os elementos estiverem na projeção da edificação.6 3.00 15 Ambiente existente apenas em comarca sede de pólo.2 9. sendo no mínimo 1 box e 1 lavatório para público (por gênero) e para funcionário (por gênero) Idem Idem Idem 10.6 9..5 a 5 m² por oficial.3 9.12 10 10.5 15 20 Deve-se buscar a relação de 5 a 7.'s.50 13. 14 de Setembro de 2010 4.5 m² por funcionário.1 5.DIÁRIO DA JUSTIÇA .c.13 Sala Psicossocial (técnicas) Sala de atendimento individualizado (3 box) Brinquedoteca 15 15 5 30 20 15 Deve-se buscar a relação de 5 a 7. Custódia Provisória: plantão da guarda com w.20 3 Para o cálculo da quantitativo de w.12 4. Os oficiais de justiça deverão funcionar em conjunto com a central de mandados.9 9. ) TOTAL : Áreas administrativas e serviços diversos Hall de entrada com espera Secretaria administrativa Almoxarifado DML Área de Serviço Copa (c/ 1 balcão p/ refeição) Sanitário masculino para público 10 15.5 8 1.00 5 20 55. Cada cela com bacia turca terá de 3 a 5 m².5 9.5m² por funcionário.1 Sanitário feminino para público Sanitário masculino para Funcionário Sanitário feminino para Funcionário Sanitário masculino para PNE Sanitário feminino para PNE TOTAL : Áreas técnicas Informática (espaço p/ equipamentos ativos) 1.1 8.c.4 9.2 Cada célula com bacia turca terá de 3 a 5 m² .1 Sala de Objetos Apreendidos (incluindo armas) TOTAL : Áreas Opcionais Central de Guias (UNAJ) 15 25.55 44.

Wagner Soares da Costa. Juiz Titular da 2ª Vara da Comarca de Barcarena. respondendo pelo 3º Juizado Especial Cível de Ananindeua. Juíza Titular da 3ª Vara de Família e Juíza Eleitoral da 76ª Zona. CONSIDERANDO as férias da Exma. 09 de setembro de 2010. 09 de setembro de 2010.2 12. sendo que a sala de audiência e o gabinete do juiz serão os mesmos da vara comum. para responder. para responder. Sra. Juíza Titular da 9ª Vara da Comarca de Santarém. PORTARIA Nº2123/2010-GP. Sr.3 12. nos dias 13 e 21 de setembro do corrente ano. Belém. ficando dispensado o Dr. Dra. sem prejuízo de sua jurisdição. pela 9ª Vara da referida Comarca. Sr. 09 de setembro de 2010. sem prejuízo de sua jurisdição pela 2ª Vara Criminal. Juíza Substituta do Estado do Pará.Informal 20 45 Caso não existam recursos financeiros para estrutura independente de JE.5 m² por funcionário. Juiz Titular da 7ª Vara Criminal. CONSIDERANDO o exposto no expediente nº 2010001047600 pela referida magistrada. poderá ser considerada no prédimensionamento do Fórum somente a área da Secretaria do JEl. DESIGNAR o Exmo. 09 de setembro de 2010. Juiz Substituto do Estado do Pará. CONSIDERANDO as férias da Exma. pelo 3º Juizado Especial Cível de Ananindeua.DIÁRIO DA JUSTIÇA . PORTARIA Nº2121/2010-GP. CONSIDERANDO a Portaria 2099/10. DESIGNAR o Exmo. Luciana Maciel Ramos. Sr. Maria Laudelina da Rocha Barata Oliveira. que designou o Exmo. pelo Juizado Especial Criminal da FIT. para participar do Mutirão Carcerário no período de 15/09 a 15/10/10. a partir do dia 15 de setembro do corrente ano. Belém. Sr. Dr. RESOLVE: PORTARIA Nº2118/2010-GP. a partir do dia 15 de setembro do corrente ano. respondendo pela 1ª Vara da Comarca de Barcarena.8 45 45 30 3 37. sem prejuízo de sua designação anterior. Sra. Caio Marco Berardo. Juíza Titular do 3º Juizado Especial Criminal de Ananindeua. DESIGNAR o Exmo. LUIZ ERNANE FERREIRA RIBEIRO MALATO. Belém. no período de 13/09 a 12/10/10.5 24 139. pela 1ª Vara da Comarca de Barcarena. até o retorno do Dr. até o retorno do Dr. para participar do Mutirão Carcerário no período de 15/09 a 15/10/10. DESIGNAR a Exma.Terça-Feira. que designou o Exmo. Belém. a partir do dia 13 de setembro do corrente ano. Sr. Caio Marco Berardo. 14 de Setembro de 2010 11. DESIGNAR o Exmo. O Excelentíssimo Senhor Desembargador RÔMULO JOSÉ FERREIRA NUNES.TJ/PA .5 Secretaria da vara JE Gabinete do Juiz JE Instalação Sanitária do Juiz JE Audiência do JE Setor de Conciliação TOTAL : *Republicada por Retificação 20 20 10 1.8 15 18 64. Juiz Substituto do Estado do Pará. Deve-se buscar a relação de 5 a 7. para responder.Edição nº 4651/2010 . TOTAL : 12. CONSIDERANDO a solicitação formalizada por meio do expediente nº 2010001044988 pela Exma. Josineide Gadelha Pamplona Medeiros. Belém. JOÃO RONALDO CORRÊA MÁRTIRES. Juiz Substituto do Estado do Pará. Wagner Soares da Costa. Sra. RÔMULO NOGUEIRA BRITO. PORTARIA Nº2122/2010-GP.1 12. etc.4 12. até o retorno da Dra. sem prejuízo de sua jurisdição. que designou a Exma. até o retorno da Dra. 09 de setembro de 2010. Juiz Titular da 6ª Vara da Comarca de Santarém. CONSIDERANDO a Portaria 2099/10. pela 3ª Vara de Família. JOÃO LOURENÇO MAIA SILVA. Sra. ficando dispensada a Dra. Fernanda de Azevedo Lucena. Juíza Titular da 9ª Vara da Comarca de Santarém.5 Área estimada para 2 boxes de atendimento. respondendo pela 2ª Vara Criminal. CONSIDERANDO a Portaria 2099/10. CONSIDERANDO o exposto no expediente nº 2010001047600 pela referida magistrada. Sr. a partir do dia 13 de setembro do corrente ano. 09 de setembro de 2010. PORTARIA Nº2119/2010-GP. para participar do Mutirão Carcerário no período de 15/09 a 15/10/10.5 m² por funcionário. DESIGNAR o Exmo. para responder. EUCILA MAUÉS CORRÊA. Presidente do Tribunal de Justiça do Estado do Pará. Gerson Marra Gomes. Juiz Substituto do Estado do Pará. Belém. PORTARIA Nº2120/2010-GP. sem prejuízo de suas funções no Juizado Especial do Consumidor e na Vara de Violência Doméstica e Familiar de Santarém. para responder.1 Secretaria do JE . 23 . Dr. Luciana Maciel Ramos. Fernanda de Azevedo Lucena. ALEXANDRE JOSÉ CHAVES TRINDADE. Deve-se buscar a relação de 5 a 7. Luciana Maciel Ramos. para responder. sem prejuízo de sua jurisdição. no período de 13/09 a 12/10/10. Dr. Sr. até o retorno da titular. Sra. a partir do dia 15 de setembro do corrente ano. no uso de suas atribuições legais.

PORTARIA Nº2127/2010-GP. Sra. RAFAEL GREHS. DESIGNAR a Exma. Juiz Titular da 2ª Vara da Comarca de Abaetetuba. CONSIDERANDO a licença solicitada por meio do expediente nº 2010001048608 pela Exma. Jaires Taves Barreto. Belém. Sra. respondendo pela Vara Agrária e Vara de Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher da Comarca de Altamira. sem prejuízo de suas designações anteriores. prevista para o dia 12/09/10. VALDEÍSE MARIA REIS BASTOS.Edição nº 4651/2010 . Juíza Substituta do Estado do Pará. 09 de setembro de 2010. para responder. até o retorno do Dr. de 09 a 11/09/10. sem prejuízo de sua jurisdição e designação anterior. Belém. Juiz Substituto 24 . para responder. Belém. a partir do dia 10 de setembro do corrente ano. para responder. a partir do dia 15 de setembro do corrente ano. ALEXANDRE HIROSHI ARAKAKI. 09 de setembro de 2010. PORTARIA Nº2126/2010-GP. Belém. em exercício na Comarca de Juruti. Sr. Sr. HORÁCIO DE MIRANDA LOBATO NETO. CANDYCE BRASIL PARANHOS. para participar do Mutirão Carcerário no período de 15/09 a 15/10/10. Sra. a partir do dia 15 de setembro do corrente ano. PORTARIA Nº2129/2010-GP. até o retorno da titular. Juiz Substituto do Estado do Pará. Dr. Edna Maria de Moura Palha. CONSIDERANDO a solicitação formalizada por meio do expediente nº 2010001048665 pela Exma. 09 de setembro de 2010. para responder. Sr. para responder. CONSIDERANDO a posse da Exma. a partir do dia 09 de setembro do corrente ano. a partir do dia 12 de setembro do corrente ano. Juíza Titular da 2ª Vara da Comarca de Parauapebas. CONSIDERANDO a Portaria 2099/10. para responder. para participar do Mutirão Carcerário no período de 15/09 a 15/10/10. CONSIDERANDO a Portaria 2099/10. PORTARIA Nº2125/2010-GP. prevista para 12/09/10. Sra. para responder pela 1ª Vara de Castanhal. pela Vara Agrária e Vara de Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher da Comarca de Altamira. DESIGNAR o Exmo. CONSIDERANDO a Portaria 2099/10. PORTARIA Nº2131/2010-GP. CARLOS MÁRCIO DE MELO QUEIROZ. Juíza Titular da Comarca de Santarém Novo. 09 de setembro de 2010. ANÚZIA DIAS DA COSTA. Sra. até o retorno do Dr. Sra. para participar do Fórum Fundiário nos dia 10 e 11/09/10. DESIGNAR o Exmo. sem prejuízo de sua jurisdição e designação anterior. Belém. respondendo pelo 1º Juizado Especial Cível e 1º Juizado Especial Criminal de Ananindeua. Eline Salgado Vieira. Sr. LUIZA VIEIRA SÁ DE FIGUEIREDO. até ulterior deliberação. DESIGNAR o Exmo. Sra. que designou o Exmo. Belém. 09 de setembro de 2010. Sr. Juiz Substituto do Estado do Pará. até o retorno do Dr. Juiz Titular da 3ª Vara da Comarca de Abaetetuba. Juíza promovida para a 4ª Vara da Comarca de Ananindeua. para responder. até ulterior deliberação. Dr. DESIGNAR o Exmo. CONSIDERANDO a solicitação formalizada por meio do expediente nº 2010001048649 pelo Exmo. DESIGNAR a Exma. que designou a Exma. Juiz que responde pelo Juizado Especial Cível e Criminal de Abaetetuba. Belém. Belém. Sra. Dr. Deomar Alexandre de Pinho Barroso. Deomar Alexandre de Pinho Barroso. a partir do dia 09 de setembro do corrente ano. Márcio Teixeira Bittencourt. Sr. Maria Augusta Freitas da Cunha. Juíza Substituta do Estado do Pará. LUANNA KARISSA ARAÚJO LOPES. Sr. Deomar Alexandre de Pinho Barroso. Juíza Titular da 2ª Vara da Comarca de Tucuruí. sem prejuízo de sua jurisdição pelo Juizado Especial Cível e Criminal da Comarca de Abaetetuba. PORTARIA Nº2132/2010-GP. Juíza Substituta do Estado do Pará. Belém. Dr. para o período de 08 a 10/09/10. Sra. DESIGNAR a Exma. pela Comarca de Juruti. a partir do dia 15 de setembro do corrente ano. PORTARIA Nº2133/2010-GP. Juíza Substituta do Estado do Pará. PORTARIA Nº2130/2010-GP. pela 2ª Vara da Comarca de Tucuruí. Sra. DESIGNAR a Exma. que designou o Exmo. para participar do Mutirão Carcerário no período de 15/09 a 15/10/10.DIÁRIO DA JUSTIÇA . Sr. WANDER LUIZ BERNARDO. sem prejuízo de suas designações anteriores. pela 3ª Vara da Comarca de Abaetetuba. Juíza Substituta do Estado do Pará. sem prejuízo de sua jurisdição. Valdeíse Maria Reis Bastos. Juiz Substituto do Estado do Pará. a partir do dia 15 de setembro do corrente ano. 14 de Setembro de 2010 PORTARIA Nº2124/2010-GP. Valdeíse Maria Reis Bastos. sem prejuízo de suas designações anteriores. Jaires Taves Barreto. para participação no Fórum Fundiário. CONSIDERANDO a Portaria 2099/10. 09 de setembro de 2010. até o retorno do Dr. Dra. pelo 1º Juizado Especial Cível e 1º Juizado Especial Criminal de Ananindeua. Juiz Titular da Comarca de Faro.Terça-Feira. Juiz Titular da 2ª Vara da Comarca de Altamira.TJ/PA . até o retorno da Dra. 09 de setembro de 2010. pela 1ª Vara da Comarca de Santarém. para responder. Emília de Nazareth Parente e Silva de Medeiros. PORTARIA Nº2128/2010-GP. 09 de setembro de 2010. CONSIDERANDO a Portaria 2099/10. a partir do dia 15 de setembro do corrente ano. que designou o Exmo. Belém. para participar do Mutirão Carcerário no período de 15/09 a 15/10/10. Deomar Alexandre de Pinho Barroso. 09 de setembro de 2010. Sr. sem prejuízo de sua designação anterior. Sra. DESIGNAR a Exma. Emília de Nazareth Parente e Silva de Medeiros. DESIGNAR o Exmo. CONSIDERANDO a posse da Exma. Juíza Titular da 4ª Vara da Comarca de Ananindeua. pela Comarca de Santarém Novo. Juíza da 1ª Vara de Castanhal removida para a 4ª Vara da Comarca de Ananindeua. até o retorno da titular. Márcio Teixeira Bittencourt. que designou a Exma. 09 de setembro de 2010. para participar do Mutirão Carcerário no período de 15/09 a 15/10/10.

Auxiliar Judiciário. para exercer o Cargo em Comissão de Assessor de Juiz. a partir do dia 13 de setembro do corrente ano.TJ/PA . a partir do dia 10 e setembro do corrente ano. Belém. 25 . Sr. de acordo com o art. lotada na Comarca de Óbidos.NOMEAR a bacharela THAÍS SOUZA BARROSO. inciso II. CONSIDERANDO a solicitação formalizada por meio do expediente nº 2010001049345 pelo Exmo. PORTARIA Nº2149/2010-GP Belém. Belém. da Constituição Federal. a servidora THAÍS SOUZA BARROSO. 54. 08 de setembro de 2010. sem prejuízo de suas designações anteriores. Dra. REF-CJS-2. matrícula nº 7200. Sr. contando com o tempo de 23 (vinte e três) anos e 07 (sete) meses de serviço prestado até 30/10/2009.GP. Sra. 10 de setembro de 2010.GP. Comarca da Capital. pela 3ª Vara da Comarca de Ananindeua. no cargo de Atendente Judiciário. pela 3ª Vara do Tribunal do Júri. COLOCAR o servidor HELTON SCYLLAS MAGALHÃES DE LIMA. PORTARIA Nº2137/2010-GP. PORTARIA Nº2139/2010-GP. para responder. ambos da Lei Complementar n° 39/02. 10 de setembro de 2010. 09 de setembro de 2010. Juiz Titular da 3ª Vara do Tribunal do Júri. À DISPOSIÇÃO do Fórum Cível da Comarca da Capital. até ulterior deliberação. a partir do dia 15 de setembro do corrente ano. matrícula nº 15008. 2° e 5° da Lei n° 10. Sra. DESIGNAR a Exma. matricula n. PORTARIA Nº2148/2010-GP Belém. DESIGNAR o Exmo. 55. III.Edição nº 4651/2010 . 13 de setembro de 2010. PORTARIA Nº2144/2010-GP. Oficial de Justiça Avaliador. PORTARIA Nº2142/2010 . CONSIDERANDO o expediente protocolizado neste Tribunal sob o nº 2010001047643. junto ao Gabinete do Juízo da Vara de Execução das Penas e Medidas Alternativas. PORTARIA Nº2145/2010 .EXONERAR. DESIGNAR como Diretora do Fórum da Comarca de Castanhal. até ulterior deliberação. Juíza Titular da 1ª Vara de Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher. incisos I. sem prejuízo de sua jurisdição.Terça-Feira. APOSENTAR voluntariamente com proventos calculados de acordo com o Artigo 1°. ARIELSON RIBEIRO LIMA. DESIGNAR o Exmo. até ulterior deliberação. 13 de setembro de 2010. para responder. CONSIDERANDO o expediente protocolizado neste Tribunal sob o nº 2010001047643. pela 2ª Vara da Comarca de Parauapebas. de acordo com o Artigo 40. Belém. alínea "b". com data retroativa ao dia 08 de setembro do corrente ano. Comarca da Capital. com redação dada pela Emenda Constitucional n° 041/03. Dra. lotada na Comarca da Capital. Belém. matrícula nº 39586. §§ 1°. HELOÍSA HELENA DA SILVA GATO. À DISPOSIÇÃO da Corregedoria de Justiça da Região Metropolitana de Belém. §1º. para auxiliar. PORTARIA Nº2147/2010-GP Belém. lotado na Corregedoria de Justiça da Região Metropolitana de Belém. sem prejuízo de sua jurisdição. arts. no art. REF-CJS-2. PORTARIA Nº2143/2010-GP. Cláudio Henrique Lopes Rendeiro. COLOCAR a servidora SELMA DO SOCORRO LOPES PEDROSA. alíneas "a" e "b" e inciso II da Emenda Constitucional n° 20/98. I. CONSIDERANDO o expediente protocolizado neste Tribunal sob o nº 2010001046282. Belém. II. §1º. APOSENTAR voluntariamente com proventos integrais a servidora ANTONIA RODRIGUES VIANA. junto ao Gabinete do Juízo da 3ª Vara do Tribunal do Júri. Sr. §1°. Belém. ROSA DE FÁTIMA NAVEGANTES DE OLIVEIRA.º 86-8. até ulterior deliberação. para responder. a pedido.887 de 18/06/2004. a 9ª Vara da Comarca de Ananindeua. 22. 14 de Setembro de 2010 do Estado do Pará. a contar de 24/08/2010. 10 de setembro de 2010. Juíza Titular da 3ª Vara da referida Comarca. Juiz Substituto do Estado do Pará. no cargo de Analista Judiciário. no dia 14 de setembro do corrente ano. MARCUS ALAN DE MELO GOMES. 8°. de 13 a 15 de setembro do corrente ano. contando com o tempo de 34 (trinta e quatro) anos e 05 (cinco) meses de serviço prestado até 30/08/2010. Belém. II. incisos I. a servidora MARIA GENILDA FERREIRA PIMENTEL. a Exma.GP. lotada na Secretaria do Fórum Cível da Comarca da Capital. sem prejuízo de sua designação anterior. 10 de setembro de 2010. Juiz Titular da 9ª Vara Criminal. pela 2ª Vara de Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher. ANTONIO FERNANDO DE CARVALHO VILAR. II. 3° da Emenda Constitucional n° 41/03 e no art. alíneas "a" e "b" c/c art. I. 13 de setembro de 2010.DIÁRIO DA JUSTIÇA . do Cargo em Comissão de Assessor de Juiz. PORTARIA Nº2146/2010 . a contar de 24/08/2010. matricula nº 1597-0. c/c os Artigos 36-A e 36-B da Lei Complementar n° 39/02. sem prejuízo de sua designação anterior. Sr. para responder. 08 de setembro de 2010. Juiz Substituto do Estado do Pará. DESIGNAR o Exmo. inciso III. até o retorno da titular. Dr.

Edição nº 4651/2010 . 14 de Setembro de 2010 26 .Terça-Feira.TJ/PA .DIÁRIO DA JUSTIÇA .

012136-7 Prevento: Relator(a): RAIMUNDO HOLANDA REIS Distribuição: 31/08/2010 Situação: REDISTRIBUIDO Ação: Habeas Corpus CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS Impetrante: Raimundo Hermogenes Da Silva E Souza .3.014949-2 Prevento: Relator(a): ELENA FARAG .014939-3 Prevento: Relator(a): RAIMUNDO HOLANDA REIS Distribuição: 31/08/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Habeas Corpus CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS Impetrante: Yolanda Suely Santos De Moraes .014966-6 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 31/08/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Agravo de Instrumento 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Agravante: Municipio De Ponta De Pedras . da S. M.014954-1 Prevento: Relator(a): RAIMUNDO HOLANDA REIS Distribuição: 31/08/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Correição Parcial 3ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Requerente: Ministerio Publico Do Estado Do Para Requerido: Juiza De Direito Da 2ª Vara Do Juizado De Viol Dom E Fam Contra A Mulher Da Capi Indiciado: Carlos Diniz Moraes Dos Santos Vitima: M. E.3.014948-4 Prevento: 2001.Me (Advogado: Marcio Augusto Moura De Moraes E Outros) Impetrado: Secretario De Fazenda Do Estado Do Para PROCESSO: 2010.014950-9 Prevento: Relator(a): NADJA NARA COBRA MEDA .3. PROCESSO: 2010. (Advogado: Rysoleide Sousa Rosi .Adv.3.Administradora De Consorcios (Advogado: Raimundo Barbosa Costa) Apelado: Constantino Augusto Guerreiro (Advogado: Kamille Kelly Vasconcelos Guerreiro e Advogado: Karla Karime Vasconcelos Guerreiro) PROCESSO: 2010.3.Adv Paciente: Jose Mario Pinheiro De Morais Vitima: B. C. dos S.014960-8 Prevento: Relator(a): MARIA DE NAZARE SILVA GOUVEIA DOS SANTOS Distribuição: 31/08/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Habeas Corpus CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS Impetrante: Diego Leao Castelo Branco . PROCESSO: 2010. P.Prefeitura Municipal 27 .3.3.Vulgo Tapuia Vitima: Manoel Lopes e Elvis Amorim Promotor(A): Luiz Marcio Teixeira Cypriano PROCESSO: 2010. S. PROCESSO: 2010.JUIZA CONVOCADA Distribuição: 31/08/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 1ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Apelante: E. R.Adv. de M.014945-0 Prevento: Relator(a): MARIA DE NAZARE SILVA GOUVEIA DOS SANTOS Distribuição: 31/08/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Habeas Corpus CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS Impetrante: Omar Sare .3.3. e Mauricio Correa Soares Da Mota . PROCESSO: 2010.31/08/2010 PROCESSO: 2008. Estado) Agravado: Tim Celular S/A (Advogado: Carlos Roberto Siqueira Castro e Advogado: Cassio Chaves Cunha E Outros) PROCESSO: 2010.014958-3 Prevento: Relator(a): DIRACY NUNES ALVES Distribuição: 31/08/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Agravo de Instrumento 5ª CAMARA CIVEL ISOLADA Agravante: Tim Celular S/A (Advogado: Cassio Chaves Cunha. E.JUIZA CONVOCADA Distribuição: 31/08/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Habeas Corpus CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS Impetrante: Ana Paula B De Carvalho .Adv Paciente: Jose Roberto Dos Santos Costa e Claiton Neves De Souza Vitima: O.3.3.Adv. do P.009330-4 Prevento: Relator(a): RONALDO MARQUES VALLE Distribuição: 31/08/2010 Situação: REDISTRIBUIDO Ação: RECURSO PENAL EM SENTIDO ESTRITO 2ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Recorrente: Ministerio Publico Recorrido: Maria De Nazare Lima De Souza .014936-9 Prevento: Relator(a): NADJA NARA COBRA MEDA .3. Jorge Melem Souza .3. Paciente: Luis Nunes Gomes Vitima: A.3. PROCESSO: 2010. Paciente: Gleyvison Willyan Monteiro Vidal PROCESSO: 2010.3.3.) Apelado: A Justica Publica Vitima: R.JUIZA CONVOCADA Distribuição: 31/08/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Mandado de Segurança CÂMARAS CÍVEIS REUNIDAS Impetrante: Manoel Lucival Da Silva Oliveira (Advogado: Nazare Cristina Mendonca Vieira) Impetrado: Secretario De Administracao Do Estado Do Para PROCESSO: 2010. e Mauricio Correa Soares Da Mota . B. F.014955-9 Prevento: Relator(a): RAIMUNDO HOLANDA REIS Distribuição: 31/08/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Habeas Corpus CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS Impetrante: Diego Leao Castelo Branco . Pub.014944-2 Prevento: Relator(a): ELENA FARAG . V.3.3. PROCESSO: 2010. A. PROCESSO: 2010.3.JUIZA CONVOCADA Distribuição: 31/08/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Agravo de Instrumento 4ª CAMARA CIVEL ISOLADA Agravante: Eduardo Barbosa De Souza e Anacleide Pereira Barbosa (Advogado: Edilane Andrade Da Costa e Advogado: Ana Karina Tuma Melo E Outros) Agravado: Nilo Lourenco De Oliveira e Maria Feliciana Silva De Oliveira (Advogado: Carlos Fernando Guiotti E Outro e Advogado: Vanduir Jose De Lima) PROCESSO: 2010.Adv.Adv Paciente: Paulo Deivid Monteiro Munier Vitima: O. 14 de Setembro de 2010 VICE-PRESIDÊNCIA RESENHA DE DISTRIBUIÇÃO . PROCESSO: 2010.014952-5 Prevento: Relator(a): ALBANIRA LOBATO BEMERGUY Distribuição: 31/08/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Habeas Corpus CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS Impetrante: Delcio Jose Cohen Silva . Paciente: Andrei Mauricio Da Silva Batista PROCESSO: 2010.JUIZA CONVOCADA Distribuição: 31/08/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Habeas Corpus CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS Impetrante: Marco Antonio Gomes De Carvalho .014957-5 Prevento: Relator(a): DAHIL PARAENSE DE SOUZA Distribuição: 31/08/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Mandado de Segurança CÂMARAS CÍVEIS REUNIDAS Impetrante: Edilson Simao Da Silva . E.014937-7 Prevento: Relator(a): ALBANIRA LOBATO BEMERGUY Distribuição: 31/08/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Habeas Corpus CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS Impetrante: Marco Antonio Gomes De Carvalho .Adv.Adv Paciente: Luan Gomes Goncalves e Raimundo Reis Souza Vitima: P. Paciente: Juscelmo Cabral Vitima: R. M.014941-8 Prevento: Relator(a): NADJA NARA COBRA MEDA .Proc.Edição nº 4651/2010 .Adv. dos S.TJ/PA . do E.3. PROCESSO: 2010. Q.Def.3.014942-6 Prevento: Relator(a): MARIA DO CARMO ARAUJO E SILVA Distribuição: 31/08/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Agravo de Instrumento 4ª CAMARA CIVEL ISOLADA Agravante: Estado Do Para (Advogado: Carla N.014410-3 Prevento: Relator(a): LUZIA NADJA GUIMARAES NASCIMENTO Distribuição: 31/08/2010 Situação: REDISTRIBUIDO Ação: Apelação 5ª CAMARA CIVEL ISOLADA Apelante: Caixa Consorcios S/A .Adv Paciente: Walmilson Oliveira Cravo Vitima: L.DIÁRIO DA JUSTIÇA .001107-9 Relator(a): MARIA HELENA DE ALMEIDA FERREIRA Distribuição: 31/08/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Agravo de Instrumento 1ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Agravante: Marinaldo Silva Dos Santos (Advogado: Telma Lucia Borba Pinheiro E Outros) Agravado: Maria Eunice Ferreira Da Rocha (Advogado: Claudio Augusto De Azevedo Meira E Outros) PROCESSO: 2010.Terça-Feira. Advogado: Antonio Oliveira Da Silva Junior e Advogado: Maria Graciema Falcao De Almeida E Silva E Outros) Agravado: Serprol Servicos E Projetos Florestais Ltda (Advogado: Moises Norberto Coracini E Outro e Advogado: Alexandre Cesar Del Grossi) PROCESSO: 2010.

014991-3 Prevento: Relator(a): NADJA NARA COBRA MEDA .Adv. PROCESSO: 2010.3. PROCESSO: 2010.3. Publico) Apelado: A Justica Publica Vitima: F.014997-1 Prevento: Relator(a): DIRACY NUNES ALVES Distribuição: 31/08/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 5ª CAMARA CIVEL ISOLADA Apelante: Amerika Shop Ltda (Advogado: Adriana De Oliveira Silva Castro E Outros) Apelado: Bandeirantes S/A .3.Arrendamento Mercantil (Advogado: Ivanildo Rodrigues Da Gama Junior E Outro) 28 .Ana Julia Carepa PROCESSO: 2010. 14 de Setembro de 2010 (Advogado: Inocencio Martires Coelho Junior e Advogado: Amanda Lima Figueiredo E Outros) Agravado: Maria Ferreira Furtado (Advogado: Anderson Serrao Pinto .3.Def. de S.014993-9 Prevento: Relator(a): LEONARDO DE NORONHA TAVARES Distribuição: 31/08/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Agravo de Instrumento 1ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Agravante: Godinho Auto Pecas E Servicos Ltda (Advogado: Alexandre Rufino De Albuquerque) Agravado: Meller & Meller Comercio De Intermediacao De Veiculos Ltda PROCESSO: 2010. e S.014994-7 Prevento: Relator(a): DAHIL PARAENSE DE SOUZA Distribuição: 31/08/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Agravo de Instrumento 3ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Agravante: Estado Do Para (Advogado: Rafael Felgueiras Rolo .3.3.Eletronorte (Advogado: Adrielly Canto Da Silva E Outros) PROCESSO: 2010.JUIZA CONVOCADA Distribuição: 31/08/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 4ª CAMARA CIVEL ISOLADA Apelante: Marilene Alcina Rezende Da Costa.3. E. A. PROCESSO: 2010. R.014968-2 Prevento: Relator(a): MARIA DE NAZARE SILVA GOUVEIA DOS SANTOS Distribuição: 31/08/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Recurso em Sentido Estrito 3ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Recorrente: Paulo Sergio Alves Da Silva (Advogado: Fernando Valentim De Souza Jr) Recorrido: Justica Publica Vitima: G. R.3. (Advogado: Maria Celia Nena Sales Pinheiro e Advogado: Naiany Silva Borges E Outros) Agravado: A. L.Edição nº 4651/2010 .JUIZA CONVOCADA Distribuição: 31/08/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 1ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Apelante: Jocicley Dos Santos Pinto (Advogado: Washington Jose Duarte Da Silva) Apelado: A Justica Publica Vitima: O. M. A. Promotor(A): Gilberto Lins De Souza Filho PROCESSO: 2010.007557-5 Relator(a): DIRACY NUNES ALVES Distribuição: 31/08/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Agravo de Instrumento 5ª CAMARA CIVEL ISOLADA Agravante: Estado Do Para (Advogado: Joao Olegario Palacios .TJ/PA .Socipe (Advogado: Fabio Guy Lucas Moreira E Outros) Agravado: Centrais Eletricas Do Norte Do Brasil S/A .Def Pub) Agravado: Everaldo De Freitas Lobato (Advogado: Helena Benzecry De Almeida E Outros) PROCESSO: 2010.014989-8 Prevento: Relator(a): DESEMBARGADOR PLANTONISTA Distribuição: 31/08/2010 Situação: REDISTRIBUIDO Ação: Mandado de Segurança TRIBUNAL PLENO Impetrante: Adriana Carla Magno Barbosa (Advogado: Claudilene Souza Maia) Impetrado: Governadora Do Estado Do Para .Terça-Feira.3. PROCESSO: 2010.014970-7 Prevento: Relator(a): JOSE MARIA TEIXEIRA DO ROSARIO Distribuição: 31/08/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Agravo de Instrumento 3ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Agravante: Banco Da Amazonia S/A (Advogado: Luiz Paulo Santos Alvares E Outros) Agravado: Taigy Romeu Capelari (Advogado: Moises Norberto Coracini E Outros) PROCESSO: 2010.3.3. PROCESSO: 2010.3. P. PROCESSO: 2010.014990-5 Prevento: 2008. M.JUIZA CONVOCADA Distribuição: 31/08/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Habeas Corpus CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS Impetrante: Fabio Monteiro Gomes . M.3.014988-0 Prevento: Relator(a): MARIA DE NAZARE SAAVEDRA GUIMARAES Distribuição: 31/08/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Agravo de Instrumento 4ª CAMARA CIVEL ISOLADA Agravante: Francenilda Bittencourt Sena (Advogado: Andrea Barreto Ricarte De Oliveira Farias .) PROCESSO: 2010. de M.014979-9 Prevento: Relator(a): ALBANIRA LOBATO BEMERGUY Distribuição: 31/08/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 2ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Apelante/Apelado: Noelia Paranatinga Dos Santos (Advogado: Celso Luiz Furtado) Apelado/ Apelante: A Justica Publica Vitima: O.3.) Apelado: A Justica Publica Vitima: S.014987-2 Prevento: 2009.3.Proc. M.3. Pub.014986-4 Prevento: Relator(a): MARIA DE NAZARE SILVA GOUVEIA DOS SANTOS Distribuição: 31/08/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 3ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Apelante: Deuzimar Rodrigues De Sousa / Deuzimar Rodrigues De Souza (Advogado: Edernilson Nascimento Barroso . Estado) Agravado: Ministerio Publico Do Estado Do Para Promotor(A): Ney Tapajos Ferreira Franco PROCESSO: 2010.014967-4 Prevento: Relator(a): LEONARDO DE NORONHA TAVARES Distribuição: 31/08/2010 Situação: REDISTRIBUIDO Ação: Correição Parcial 1ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Requerente: Tubocon .014983-0 Prevento: Relator(a): RAIMUNDO HOLANDA REIS Distribuição: 31/08/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 3ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Apelante: Raimundo Santos Borba (Advogado: Raimundo Oeiras Freire . PROCESSO: 2010.014974-9 Prevento: Relator(a): NADJA NARA COBRA MEDA .Tubos E Artefatos De Cimento Ltda (Advogado: Edison Messias De Almeida E Outros) Requerido: Juiza De Direito Da 3ª Vara Civel Da Capital Interessado: Banco Da Amazonia S/A (Advogado: Atila Alcir Pina Monteiro E Outros) PROCESSO: 2010. de G.3.3. PROCESSO: 2010.002727-0 Relator(a): MARIA DO CARMO ARAUJO E SILVA Distribuição: 31/08/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Agravo de Instrumento 4ª CAMARA CIVEL ISOLADA Agravante: Cooperativa Da Industria Pecuaria Do Estado Do Para Ltda .Proc.014969-0 Prevento: Relator(a): NADJA NARA COBRA MEDA .010362-0 Relator(a): LUZIA NADJA GUIMARAES NASCIMENTO Distribuição: 31/08/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Agravo de Instrumento 5ª CAMARA CIVEL ISOLADA Agravante: E. Pub. L. de S. e A.3. F. e S. C.Def. Luiz Paulo Costa Leite e Janderson Barbosa Leite (Advogado: Floriana Dos Santos Ataide) Apelado: Majurie Martins Menezes (Advogado: Maria Regina Da Silva Arruda E Outros) PROCESSO: 2010.DIÁRIO DA JUSTIÇA . M.3.Def.3.JUIZA CONVOCADA Distribuição: 31/08/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Recurso em Sentido Estrito 1ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Recorrente: Jocivan Prata Da Silva (Advogado: Joselma De Sousa Maciel) Recorrido: A Justica Publica Vitima: G.3.014992-1 Prevento: Relator(a): ELENA FARAG . E.3. M. Paciente: Carlos Alberto Antonio De Sousa / Carlos Alberto Antonio De Souza Vitima: E.014978-1 Prevento: 2010. de A. K.014996-3 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 31/08/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Agravo de Instrumento 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Agravante: Industria Yossam Ltda (Advogado: Nelson Pinto E Outro) Agravado: Cerealista E Empacotadora Oriente Ltda e Oriente Transporte Ltda (Advogado: Otacilio Negreiros Neto) PROCESSO: 2010.014973-1 Prevento: Relator(a): LEONAM GONDIM DA CRUZ JUNIOR Distribuição: 31/08/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Agravo de Instrumento 3ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Agravante: Viacao Perpetuo Socorro Ltda (Advogado: Martha Henriques Moreira Santos e Advogado: Frederico Coelho De Souza E Outros) Agravado: Municipio De Belem PROCESSO: 2010. Estado) Agravado: Ministerio Publico Do Estado Do Para Interessado: G.

Em Liquidacao Extrajudicial (Advogado: Suzana Correa Araujo E Outros) Apelado: Maria Eunice Nemer Barros (Advogado: Sostenes Alves De Souza Junior E Outros) PROCESSO: 2010.000692-6 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: APELACAO CIVEL . M. (Advogado: Joao Pontes Rocha Filho E Outros) Agravante: J.Def.3.Igeprev) Sentenciado / Apelado: Maria Maia Da Silva (Advogado: Marcos Marques De Oliveira E Outros) PROCESSO: 2009.Igeprev (Advogado: Alexandre Ferreira Azevedo . da S. Para .E Outros) Sentenciado / Apelado: Pacgel .Uniao De Bancos Brasileiros S/A (Advogado: Maura Poliana Silva Ribeiro) PROCESSO: 2008. D.Reproducoes Moveis E Papelaria Ltda.010280-8 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: APELACAO CIVEL 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Apelante: Vivo S/A (Advogado: Aline Souza Serra E Outros) Apelado: Silva & Costa Servicos Em Manutencao Em Aparelhos De Video Gama Ltda (Advogado: Jose Olavo Salgado Marques E Outros) PROCESSO: 2009.3.DIÁRIO DA JUSTIÇA . (Advogado: Jose Otavio Nunes Monteiro) e J.3.3.014999-7 Prevento: Relator(a): JOSE MARIA TEIXEIRA DO ROSARIO Distribuição: 31/08/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Agravo de Instrumento 3ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Representante: C.REEXAME SENTENCA 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Sentenciante: Juizo De Direito Da 2ª Vara De Fazenda Da Capital Sentenciado / Apelante: Instituto De Gestao Previdenciaria Do Est.015002-7 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 31/08/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Apelante: J Miralha Pereira (Otica Nacional) (Advogado: Roberto Tamer Xerfan Junior E Outros) Apelado: Associacao Dos Cabos E Soldados Da Policia Militar Do Estado Do Para (Advogado: Felix Silveira Gazel E Outros) PROCESSO: 2010. da S.) PROCESSO: 2004. C. Para (Advogado: Teuly Souza Da Fonseca Rocha) Embargado: Estado Do Para (Advogado: Caio De Azevedo Trindade . 14 de Setembro de 2010 PROCESSO: 2010.015004-3 Prevento: Relator(a): LEONAM GONDIM DA CRUZ JUNIOR Distribuição: 31/08/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 3ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Apelante: R.014998-9 Prevento: Relator(a): MARIA DO CARMO ARAUJO E SILVA Distribuição: 31/08/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 4ª CAMARA CIVEL ISOLADA Apelante: Peculio Uniao Previdencia Privada (Advogado: Michele Da Silva Magalhaes E Outros) e Banco Matone S/A.Departamento De Transito Do Estado/Pa (Advogado: Arquise Jose Figueira De Melo Proc. PROCESSO: 2008.3.001219-8 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: APELACAO CIVEL 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Apelante: Fazenda Publica Estadual (Advogado: Antonio Paulo Moraes Das Chagas) Apelado: Cisa Trading S/A (Advogado: Fernando De Moraes Vaz) PROCESSO: 2008.3. (Advogado: Fernando Ricardo Cabral Wanzeller E Outro e Advogado: Abraham Assayag) Agravado: I.004277-7 Prevento: Relator(a): JOSE MARIA TEIXEIRA DO ROSARIO Distribuição: 02/09/2010 Situação: REDISTRIBUIDO Ação: Embargos Infringentes TRIBUNAL PLENO Embargante: Associacao Dos Defensores Publicos Do Est. (Advogado: Daisy Mendes Goncalves .Terça-Feira.001577-1 Prevento: Relator(a): RONALDO MARQUES VALLE Distribuição: 01/09/2010 Situação: REDISTRIBUIDO Ação: APELACAO PENAL 2ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Apelante: S. C. da S.009914-6 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: APELACAO CIVEL 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Apelante: Dft Servicos Imobiliarios Ltda (Advogado: Lia Daniella Lauria) Apelado: Fox Video Ltda (Advogado: Caio De Azevedo Trindade E Outros) PROCESSO: 2008.01/09/2010 A 03/09/2010 PROCESSO: 2002.3.3.000137-2 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: APELACAO CIVEL . F. Est.Proc. Autarq.015001-9 Prevento: Relator(a): LEONARDO DE NORONHA TAVARES Distribuição: 31/08/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 1ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Apelante: Santos Seguradora S/A .3.010218-9 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: APELACAO CIVEL 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Apelante: Hercules Nascimento Negrao e Francilene Machado Barreto Da Silva (Advogado: Karen Pontes Richardson E Outros) Apelado: Regional Comercial Importacao E Exportacao Ltda (Advogado: Fabio Braga De Oliveira Bentes E Outros) PROCESSO: 2008. Total de Processos: 45 RESENHA DE DISTRIBUIÇÃO . S. Carmem Lucia Machado.3.010044-8 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: APELACAO CIVEL 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Apelante: Industria E Comercio De Conservas Alvemart.000229-8 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: APELACAO CIVEL .001914-4 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: APELACAO CIVEL 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Apelante: Frederico Max Maia Ferreira Junior (Advogado: Elves De Freitas) Apelado: Unibanco .3.3. PROCESSO: 2010. de C.REEXAME SENTENCA 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Sentenciante: Juizo De Direito Da 8ª Vara Civel 29 .Edição nº 4651/2010 . Autarq. (Advogado: Fernando Augusto Braga Oliveira E Outros) Apelado: Alaide Palha Nunes (Advogado: Gilson Angelo Mota Figueira E Outro) PROCESSO: 2010. Lourenca Martins Viana e Elizabeth Martins Sauma (Advogado: Luciane Silva Teles De Barros E Outros) Apelado: Banco Do Brasil (Advogado: Roberto Bruno Alves Pedrosa E Outros) PROCESSO: 2008. A. Publica) Apelado: A Justica Publica Promotor(A): Roberto Joaquim Da Silva Filho PROCESSO: 2007. P.3.009583-9 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: APELACAO CIVEL 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Apelante: Judith Bastos De Medeiros (Advogado: Edgard Mario De Medeiros Junior E Outros) Apelado: Condominio Residencial Lago Azul (Advogado: Pedro Miguel Larcher Das Neves Felix-Alves E Outros e Advogado: Gilberto Sousa Correa) PROCESSO: 2008.3.Proc.009049-1 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: APELACAO CIVEL 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Apelante: Bradesco Vida E Previdencia S/A (Advogado: Ivanildo Rodrigues Da Gama Junior) Apelado: Erivan Sena Vasconcelos (Advogado: Giselia Domingas Ramalho Gomes De Souza) PROCESSO: 2008.3.3.3.3.REEXAME SENTENCA 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Sentenciante: Juizo De Direito Da 21ª Vara Civel Da Comarca De Belem Sentenciado / Apelante: Detran .3.TJ/PA . (Advogado: Julio De Souza Carneiro) Apelado: A Justica Publica Promotor(A): Helena Maria Oliveira Muniz PROCESSO: 2008.004444-2 Prevento: Relator(a): RONALDO MARQUES VALLE Distribuição: 01/09/2010 Situação: REDISTRIBUIDO Ação: APELACAO PENAL 2ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Apelante: M. D. D. .

Autarq. Estado) PROCESSO: 2009.Proc.008222-3 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Apelante: Luis Sergio Da Silva Brito.001572-9 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: APELACAO CIVEL 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Apelante: Waldir De Souza Miranda e G.3.3.REEXAME SENTENCA 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Sentenciante: Juizo De Direito Da 1ª Vara Civel Da Comarca De Conceicao Do Araguaia Sentenciado / Apelante: Estado Do Para (Advogado: Afonso Carlos Paulo De Oliveira Junior .007662-2 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação / Reexame Necessário 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Sentenciante: Juizo De Direito Da 1ª Vara Da Comarca De Conceicao Do Araguia Sentenciado / Apelante: Estado Do Para (Advogado: Henrique Nobre Reis . Neylton Benicio De Oliveira e Rildo Jose Fonseca Lima (Advogado: Dalila Gianni Dias E Outro) PROCESSO: 2009.002165-1 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: APELACAO CIVEL 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Apelante: Empresa Brasileira De Distribuicao Ltda. Estado) Sentenciado / Apelado: Agnaldo Sousa De Oliveira (Advogado: Luiz Alberto Lima De Almeida Junior . Estado) Sentenciado / Apelado: Marco Clistenes Gomes De Araujo.3. Igeprev) Sentenciado / Apelado: Maria Lucia Bezerra Dos Santos (Advogado: Regiane Furtado Lisboa) PROCESSO: 2009.3.Proc. Raimundo Ribeiro Da Silva e Paulo Sergio Cunha Ferreira E Outros (Advogado: Josue Dutra De Moraes) Apelado: Municipio De Augusto Correa (Advogado: Cibele Guimaraes Pessoa .) Apelado: Orlandina Do Rosario Aleixo PROCESSO: 2009.Igeprev (Advogado: Simone Ferreira Lobao .3.) PROCESSO: 2009.Adv.3.Comandante Geral Da Policia Militar (Advogado: Soraya Fernandes Da Silva Leitao . T.001397-1 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: APELACAO CIVEL 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Apelante: Lucivaldo Chagas Figueiredo Santos (Advogado: Maria Soares Palheta Santos E Outros) Apelado: Estado Do Para .3.TJ/PA .Ampep (Advogado: Ademar Kato E Outros) PROCESSO: 2009.002746-9 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: APELACAO CIVEL .Edição nº 4651/2010 .003129-6 Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação / Reexame Necessário 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Sentenciante: Juizo De Direito Da 2ª Vara De Fazenda Da Capital Sentenciado / Apelante: Municipio De Belem (Advogado: Gustavo Azevedo Rola) Sentenciado / Apelado: Balbino Oliveira Maciel (Advogado: Alex Andrey Lourenco Soares E Outros) PROCESSO: 2009.002841-9 Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: APELACAO CIVEL .Proc. Munic. C. Estado) Sentenciado / Apelado: Andracy Falconeri Rebelo Boy (Advogado: Lilian Do Socorro De Sena Monteiro) e Claudio Cesar Ferreira Sousa (Advogado: Lilian Do Socorro De Sena Monteiro) PROCESSO: 2009.001275-9 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: APELACAO CIVEL 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Representado: Construtora Queiroz Galvao S/A (Advogado: Paulo Roberto Roque Antonio Khouri E Outros) Apelante: Ferreira Franco Engenharia Ltda (Advogado: Jorge Umberto Machado De Morais) Apelado: Consorcio Construtor Br-163 PROCESSO: 2009.006007-1 Prevento: 2008.Terça-Feira.3.Adv.Associacao Dos Servidores Do Fisco Do Estado Do Para (Advogado: Roland Raad Massoud E Outros) PROCESSO: 2009.3.3.Procuradoria Geral De Ju (Advogado: Ana Cristina Soares .Proc.3.) Sentenciado / Apelado: Julieta Salomao Mufarrej PROCESSO: 2009.) PROCESSO: 2009.3. 14 de Setembro de 2010 De Santarem Sentenciado / Apelante: Estado Do Para (Advogado: Henrique Nobre Reis .Detran-Pa (Advogado: Jorge De Nazare Afonso E Outros) PROCESSO: 2009.3.3.007013-7 Prevento: 2004. F.006722-5 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Apelante: Maria Do Amparo Aleixo Do Nascimento (Advogado: Joao Veloso De Carvalho .007950-1 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação / Reexame Necessário 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Sentenciante: Juizo De Direito Da 1ª Vara De Fazenda Da Capital Sentenciado / Apelante: Estado Do Para . Servicos Imobiliarios E Engenharia Ltda PROCESSO: 2009. Miranda (Advogado: Fernando Vasconcelos Moreira De Castro Neto E Outros) Apelado: D.3.3.001052-1 Prevento: 2007.3.008529-3 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Reexame Necessário 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Sentenciante: Juizo De Direito Da 2ª Vara De Fazenda Da Capital 30 .Proc.Adv.003103-0 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: REEXAME DE SENTENCA 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Sentenciante: Juizo De Direito Da Comarca De Salvaterra Sentenciado: Walter Evandro Vaz Do Nascimento (Advogado: Sabato Giovani Megale Rossetti E Outros) e Presidente Da Camara Municipal De Salvaterra (Advogado: Elizeu Mendes Figueira E Outro) PROCESSO: 2009.Proc.3.DIÁRIO DA JUSTIÇA .001312-9 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: APELACAO CIVEL . (Advogado: Samara Chaar Lima E Outros) Apelado: Departamento De Transito Do Estado Do Para .REEXAME SENTENCA 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Sentenciante: Juizo De Direito Da 2ª Vara De Fazenda Da Capital Sentenciado / Apelante: Estado Do Para (Advogado: Alexandre Augusto Lobato Bello .005876-2 Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Apelante: Joseane Alves Pereira De Carvalho (Advogado: Augusto De Jesus Dos Santos Reis) Apelado: Metropolitan Life Seguros E Previdencia Privada S/A (Advogado: Max Aguiar Jardim E Outros) PROCESSO: 2009. De Estado) Sentenciado / Apelado: Associacao Do Ministerio Publico Do Estado Do Para .) Sentenciado / Apelado: Jose Lealdo Dos Anjos (Advogado: Fabio Da Luz Baia E Outros) PROCESSO: 2009.3.Ministerio Publico Do Estado Do Para .000898-0 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: APELACAO CIVEL 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Apelante: Gilza Figueiredo Silva (Advogado: Afonso Arinos De Almeida Lins Filho E Outros) Apelado: Asfepa .Proc.007789-4 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação / Reexame Necessário 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Sentenciante: Juizo De Direito Da 4º Vara De Fazenda Da Capital Sentenciado / Apelante: Municipio De Belem (Advogado: Brenda Queiroz Jatene .3.REEXAME SENTENCA 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Sentenciante: Juizo De Direito Da 14ª Vara Civel Da Capital Sentenciado / Apelante: Instituto De Gestao Previdenciaria Do Estado Do Para .3.Proc.002108-1 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: APELACAO CIVEL 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Apelante: Aparecida Augusta De Lima (Advogado: Joaquim Gonzaga Neto E Outros) Apelado: Amarildo Paulino Da Silva (Advogado: Aldo Jose Pereira) PROCESSO: 2009.

De Oliveira Junior .3.3.3.009863-4 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação / Reexame Necessário 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Sentenciante: Juizo De Direito Da 8ª Vara Civel Da Comarca De Santarem Sentenciado / Apelado/Apelante: Estado Do Para (Advogado: Afonso C.Sefin/Pmb) Sentenciado / Apelado: Geraldo Martins E Outros PROCESSO: 2009. 20010141872-3 PROCESSO: 2009.Proc.Proc. Muncipal .008580-5 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação / Reexame Necessário 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Sentenciante: Juizo De Direito Da 4ª Vara Da Fazenda Publica Da Capital Sentenciado / Apelante: Municipio De Belem (Advogado: Adriana Passos Ferreira . Jur.DIÁRIO DA JUSTIÇA . De Castros PROCESSO: 2009.011166-8 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Reexame Necessário 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Sentenciante: Juizo De Direito Da 4ª Vara De Fazenda Da Capital Sentenciado: Municipio De Belem (Advogado: Karitas Lorena Rodrigues De Medeiros . Municipal) e Salim Nestor PROCESSO: 2009.Proc. G.Proc.3. Fonseca Cia PROCESSO: 2009.Proc.010900-1 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Reexame Necessário 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Sentenciante: Juizo De Direito Da 21ª Vara Civel Da Capital Sentenciado: Benedito Cardoso Da Silva (Advogado: Luiz Gerffeson Cardoso Quaresma) e Companhia De Transportes Do Municipio De BelemCtbel PROCESSO: 2009.Edição nº 4651/2010 .3.Sefin/Pmb) Sentenciado / Apelado: Joao Farias PROCESSO: 2009.010834-2 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação / Reexame Necessário 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Sentenciante: Juizo De Direito Da 4ª Vara Da Fazenda Publica Da Capital Sentenciado / Apelante: Municipio De Belem (Advogado: Evandro Antunes Costa .Sefin/Pmb) Sentenciado / Apelado: J.3. Jur.010109-9 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Reexame Necessário 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Sentenciante: Juizo De Direito Da Comarca De Chaves Sentenciado: Ubiratan De Almeida Barbosa (Advogado: Inocencio Martires Coelho Junior E Outros) e Presidente Da Camara Municipal De Chaves PROCESSO: 2009.008848-7 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Apelante/Apelado: Banco Fiat S/A (Advogado: Vanessa Santos Lamarao E Outros) Apelado/Apelante: Suely Paraense Vidal (Advogado: Sostenes Alves De Souza Junior) PROCESSO: 2009.Sefin/Pmb) Sentenciado / Apelado: J.Proc. Estado) Sentenciado / Apelante/ Apelado: Abilio Costa Rodrigues (Advogado: Anderson De Oliveira Sampaio E Outros) PROCESSO: 2009. Jur.Municipal .3.Terça-Feira. Comandante Geral Da Policia Militar e Estado Do Para (Advogado: Lorena De Paula Da Silva Rego .011613-9 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Apelante: Municipio De Belem (Advogado: Brenda Queiroz Jatene .010451-4 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação / Reexame Necessário 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Sentenciante: Juizo De Direito Da 1ª Vara Civel Da Comarca De Castanhal Sentenciado / Apelante: Municipio De Castanhal . Muncipal .3. P.3.) e Violeta Lobato PROCESSO: 2009. Adilson Barbosa Da Silva (Advogado: Paulo Sergio De Lima Pinheiro).Proc. Jur. Muncipal .3. Estado) Sentenciado / Apelado: Antonio Paulo Rodrigues e Maria Suely Barros Paiva (Advogado: Luzivaldo Costa De Carvalho) 31 .009274-3 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação / Reexame Necessário 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Sentenciante: Juizo De Direito Da 8ª Vara Civel Da Comarca De Santarem Sentenciado / Apelante: Estado Do Para (Advogado: Afonso Carlos P.Proc.) Sentenciado / Apelado: Weverton Freitas Silva (Advogado: Wagney Fabricio Azevedo Lages E Outros) PROCESSO: 2009.Prefeitura Municipal De Castanhal (Advogado: Emidio Jose Rebelo) Sentenciado / Apelado: Mariza Industria E Comercio Da Amazonia Ltda (Advogado: Gilzely Medeiros De Brito) PROCESSO: 2009.Proc.3. De Oliveira Junior .010430-8 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Reexame Necessário 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Sentenciante: Juizo De Direito Da 2ª Vara De Fazenda Da Capital Sentenciado: Clarissa Simas Pereira (Advogado: Rafael Wilson Do Nascimento Vasconcelos E Outro) e Centro De Pericias Cientificas Renato Chaves PROCESSO: 2009.Proc. Jur.3.Proc.3. 14 de Setembro de 2010 Sentenciado: Charles Da Cruz Rodrigues De Lima.Jurid.3. Munic. Estado) PROCESSO: 2009.011061-0 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Reexame Necessário 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Sentenciante: Juizo De Direito Da 4ª Vara De Fazenda Da Capital Sentenciado: Municipio De Belem (Advogado: Evandro Antunes Costa . Est.Comandante Do Corpo De Bombeiros (Advogado: Zunilde Lira De Oliveira .3.TJ/PA .010862-3 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação / Reexame Necessário 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Sentenciante: Juizo De Direito Da 4ª Vara Da Fazenda Publica Da Capital Sentenciado / Apelante: Municipio De Belem (Advogado: Evandro Antunes Costa .3.011133-7 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação / Reexame Necessário 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Sentenciante: Juizo De Direito Da 4ª Vara De Fazenda Da Capital Sentenciado / Apelante: Municipio De Belem (Advogado: Jober Nunes De Freitas . Charles Raimundo Garcia Branco.Proc.009037-5 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação / Reexame Necessário 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Sentenciante: Juizo De Direito Da 4ª Vara Da Fazenda Publica Da Capital Sentenciado / Apelante: Municipio De Belem (Advogado: Vera Araujo .Proc. Municipal) Sentenciado / Apelado: Fernando Franca De Mendonca E Outros PROCESSO: 2009. Fiscal) Sentenciado / Apelado: Distribuidora Bartira Ltda PROCESSO: 2009.009940-0 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação / Reexame Necessário 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Sentenciante: Juizo De Direito Da 4ª Vara Da Fazenda Publica Da Capital Sentenciado / Apelante: Municipio De Belem (Advogado: Evandro Antunes Costa .Proc.) Apelado: Iolanda Belem Santos . Eliezer De Araujo Silva E Outros. Mun.3.011730-1 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação / Reexame Necessário 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Sentenciante: Juizo De Direito Da 3ª Vara De Fazenda Da Capital Sentenciado / Apelante: Estado Do Para .

3.3. dos S.011675-6 Prevento: Relator(a): ALBANIRA LOBATO BEMERGUY Distribuição: 02/09/2010 Situação: REDISTRIBUIDO Ação: Habeas Corpus CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS Impetrante: Luciano Dos Santos .Def Pub Paciente: Sidney Patrick Souza Pinheiro.Celpa (Advogado: Raul Luiz Ferraz Filho e Advogado: Antonio Carlos Guidoni Filho E Outros) Agravado: Ministerio Publico Estadual Promotor(A): Renata Fonseca De Campos PROCESSO: 2010. Nº 20071052522-9 PROCESSO: 2009. R. e Lui Alexandre Feitosa Sanches .Proc. Estado) e Companhia De Saneamento Do Para . R. E.JUIZA CONVOCADA Distribuição: 02/09/2010 Situação: REDISTRIBUIDO Ação: Habeas Corpus CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS Impetrante: Roberio Abdon Doliveira .) Sentenciado / Apelado: Cinemas E T Palacio S/A .011551-8 Prevento: Relator(a): RAIMUNDO HOLANDA REIS Distribuição: 01/09/2010 Situação: REDISTRIBUIDO Ação: Habeas Corpus CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS Impetrante: Rosa Maria Da Silva Raiol .3.012817-6 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação / Reexame Necessário 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Sentenciante: Juizo De Direito Da 4ª Vara De Fazenda Da Capital Sentenciado / Apelante: Municipio De Belem (Advogado: Marina Rocha Pontes De Sousa .3.010725-0 Prevento: Relator(a): RONALDO MARQUES VALLE Distribuição: 02/09/2010 Situação: REDISTRIBUIDO Ação: Habeas Corpus CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS Impetrante: Luiz Alberto Lima De Almeida Junior . da S. Munic.3. Olga De Campos Khayat.016467-5 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Reexame Necessário 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Sentenciante: Juizo De Direito Da 4ª Vara De Fazenda Da Capital Sentenciado: Municipio De Belem (Advogado: Vera Araujo .3. Estado) Agravado: Maria Jose Sarges Martins (Advogado: Bruno Silva Nunes De Moraes .3.Adv. L.Cosanpa (Advogado: Huascar Joao De Lemos Angelim Junior E Outros) Promotor(A): Jorge Delano Da Silva PROCESSO: 2010.009871-4 Prevento: Relator(a): MARNEIDE TRINDADE PEREIRA MERABET Distribuição: 02/09/2010 Situação: REDISTRIBUIDO Ação: Petição TRIBUNAL PLENO Requerente: C.3.Proc. David Goncalves Dos Santos e Jose Rodrigo Da Silva Miranda Vitima: B. Municipal . (Advogado: Adriana Carla Magno Barbosa) Requerido: C.000787-6 Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Reexame Necessário 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Sentenciante: Juizo De Direito Da 1ª Vara De Fazenda Da Capital Sentenciado: Instituto De Gestao Previdenciaria Do Estado Do Para .Adv. S.3. B.012252-4 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação / Reexame Necessário 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Sentenciante: Juizo De Direito Da 4ª Vara De Fazenda Da Capital Sentenciado / Apelante: Municipio De Belem (Advogado: Marcia Dos Santos Antunes .Def. PROCESSO: 2010.005115-0 Prevento: Relator(a): JOSE MARIA TEIXEIRA DO ROSARIO Distribuição: 02/09/2010 Situação: REDISTRIBUIDO Ação: Agravo de Instrumento 3ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Agravante: Centrais Eletricas Do Para S/A . Zenaide De Freitas Pinheiro.Proc. PROCESSO: 2010. PROCESSO: 2010. 14 de Setembro de 2010 PROCESSO: 2009.3.Proc. S.011226-7 Prevento: Relator(a): RONALDO MARQUES VALLE Distribuição: 01/09/2010 Situação: REDISTRIBUIDO Ação: Habeas Corpus CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS Impetrante: Andre Luyz Da Silveira Marques .012212-8 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Apelante: Municipio De Belem (Advogado: Evandro Antunes Costa . Munic. P.3.Proc.007768-5 Prevento: Relator(a): JOSE MARIA TEIXEIRA DO ROSARIO Distribuição: 02/09/2010 Situação: REDISTRIBUIDO Ação: Agravo de Instrumento 3ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Agravante: Estado Do Para (Advogado: Jose Augusto Freire Figueiredo . M.009698-2 Prevento: 1999.Adv.004936-6 Relator(a): ELIANA RITA DAHER ABUFAIAD Distribuição: 02/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 4ª CAMARA CIVEL ISOLADA Apelante: Banco Da Amazonia S/A (Advogado: Marcos Antonio Dos Santos Vieira E Outros) Apelado: Maria Dalva Amaral De Castro (Advogado: Naide Maria De Sousa Silva E Outra) PROCESSO: 2009. Paciente: Rubens Gomes Oliveira / Rubem Gomes De Oliveira PROCESSO: 2010. M.Proc. Paciente: Edinaldo De Jesus Almeida Ramos Vitima: O Estado 32 . Paciente: Daniel Costa De Souza Vitima: E. S. Igeprev).Adv. PROCESSO: 2010. Pub.3.Adv.001395-2 Prevento: 2001. E.3.Igeprev (Advogado: Alexandre Ferreira Azevedo . L.Adv.010190-5 Prevento: Relator(a): NADJA NARA COBRA MEDA .DIÁRIO DA JUSTIÇA .3. Regina Coeli Alves Teixeira.015272-9 Prevento: 2007. da F. -.) Interessado: V. Paciente: Valdeir Da Silva Nascimento PROCESSO: 2010.010285-4 Prevento: Relator(a): NADJA NARA COBRA MEDA .004423-2 Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Agravo de Instrumento 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Agravante: Armando De Souza Pessoa e Marlene Batista Pessoa (Advogado: Antonia Izabel Ozorio E Outro) Agravado: Construtora Villa Del Rey S/A (Advogado: Roberto Tamer Xerfan Junior) PROCESSO: 2009. M.Proc. C.3. C.) Apelado: Luiza Conceicao Franco Portal PROCESSO: 2009. (Advogado: Jonismar Alves Barbosa) PROCESSO: 2010.Adv.006745-4 Prevento: Relator(a): JOSE MARIA TEIXEIRA DO ROSARIO Distribuição: 02/09/2010 Situação: REDISTRIBUIDO Ação: Agravo de Instrumento 3ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Agravante: Ministerio Publico Estadual Agravado: Estado Do Para (Advogado: Afonso Carlos Paulo De Oliveira Junior . Municipal) e Alcir Meira Geneciano Luz PROCESSO: 2010.3.Sefim-Pmb) Sentenciado / Apelado: Espolio De Raimundo Bandeira Mendes PROCESSO: 2009.3. Paciente: Edimilson Ferreira Lima Oliveira Vitima: J. Paciente: Josiel Ferreira Dos Santos Vitima: O.TJ/PA . Jur.3.3.013889-4 Prevento: 2008.Adv.3. Paciente: Maxwell Cordeiro Moreira e Franklin Cordeiro Moreira Vitima: O. Celia Maria De Souza Dias.000108-0 Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Apelante/Apelado: Banco Bradesco S/A E Outros (Advogado: Ana Nizete Fontes Vieira Rodrigues E Outros e Advogado: Jose Edgard Da Cunha Bueno Filho) Apelado/Apelante: Antonio Jose De Mattos Neto e Antonio Jose De Mattos S/C .011090-6 Prevento: Relator(a): RAIMUNDO HOLANDA REIS Distribuição: 02/09/2010 Situação: REDISTRIBUIDO Ação: Habeas Corpus CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS Impetrante: Joselia Amorim Lima .3.JUIZA CONVOCADA Distribuição: 02/09/2010 Situação: REDISTRIBUIDO Ação: Habeas Corpus CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS Impetrante: Andreia Barbosa De Oliveira .Edição nº 4651/2010 .Terça-Feira.3.Advogados Associados (Advogado: Lucileia Rodrigues Fayal E Outros) PROCESSO: 2010.Proc. PROCESSO: 2010. Luzia De Carvalho Barata Pereira e Maria Perpetua Fontoura Amanajas E Outras (Advogado: Gustavo Tavares Paes E Outros) PROCESSO: 2010. PROCESSO: 2010.011394-2 Prevento: Relator(a): ALBANIRA LOBATO BEMERGUY Distribuição: 02/09/2010 Situação: REDISTRIBUIDO Ação: Habeas Corpus CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS Impetrante: Ney Goncalves De Mendonca Junior .3.3. de J.

Em Recuperacao Judicial e Maria Elza Virguini Scandian (Advogado: Cassio De Carvalho Lobao e Advogado: Aldo Correa Maranhao Sobrinho) Agravado: Banco Da Amazonia S.JUIZA CONVOCADA Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Agravo de Instrumento 4ª CAMARA CIVEL ISOLADA Agravante: Sacha Epstein Fainstein (Advogado: Mark Imbiriba De Castro E Outros) Agravado: Texas Veiculos Ltda (Advogado: Antonio Claudio Pinto Flores E Outros) PROCESSO: 2010.Academia De Policia Civil Do Estado Do Para .015006-9 Prevento: Relator(a): DAHIL PARAENSE DE SOUZA Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 3ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Apelante: Elias Monteiro Da Silva.3. Maria Odineia Martins Da Costa. N.Terça-Feira.Acadepol (Advogado: Mahira Guedes Paiva .3. PROCESSO: 2010.3. Leonel Figueiredo Cavalcante .012587-2 Prevento: 2010. e S.3. Novopiso S/A .DIÁRIO DA JUSTIÇA .015016-8 Prevento: Relator(a): DIRACY NUNES ALVES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 5ª CAMARA CIVEL ISOLADA Apelante: R. J. PROCESSO: 2010.015009-3 Prevento: Relator(a): MARIA DE NAZARE SAAVEDRA GUIMARAES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 4ª CAMARA CIVEL ISOLADA Apelante: Maria Martins Da Costa. 14 de Setembro de 2010 PROCESSO: 2010.3. (Advogado: Carlos Balbino Torres Potiguar E Outros) Agravado: V.Adv. R. e J.Fundacao Rede De Previdencia (Advogado: Jose Alexandre Cancela Lisboa Cohen E Outros) PROCESSO: 2010. Laminit Ltda .Em Recuperacao Judicial.015010-0 Prevento: Relator(a): JOSE MARIA TEIXEIRA DO ROSARIO Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 3ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Apelante: Mauro Batista De Castro Menezes (Advogado: Andre Beckmann De Castro Menezes) Apelado: Luiz Dias Lopes (Advogado: Antonio Miranda Da Fonseca E Outros) PROCESSO: 2010. Iolanda Kuster Bermudes.018182-7 Relator(a): MARIA DE NAZARE SAAVEDRA GUIMARAES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Agravo de Instrumento 4ª CAMARA CIVEL ISOLADA Agravante: Centrais Eletricas Do Para S/A (Advogado: Fernando De Sousa Cunha Filho E Outros) Agravado: Municipalidade De Sao Sebastiao Da Boa Vista (Advogado: Gilson Carvalho Quaresma E Outros) PROCESSO: 2010. Jayme Scandian. B. J. (Advogado: Carlos Alberto Guedes Ferro E Silva Eoutras) Agravante: A. e E.011861-1 Prevento: Relator(a): RONALDO MARQUES VALLE Distribuição: 02/09/2010 Situação: REDISTRIBUIDO Ação: Habeas Corpus CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS Impetrante: Ildemar Campos Freitas .008853-3 Relator(a): RICARDO FERREIRA NUNES Distribuição: 02/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Cautelar Inominada 4ª CAMARA CIVEL ISOLADA Requerente: Manoel Afonso Resende Da Costa (Advogado: Jose Celio Santos Lima) Requerido: Margarida Maria Da Fonseca PROCESSO: 2010.Edição nº 4651/2010 . Madescan Export Ltda . F.3. Paciente: Joao Pedro Reis Monteiro PROCESSO: 2010. de M. Michela Jacome Gomes Lima e Jandex De Souza Neves Vitima: O. C. e V. C. Warny Guilherme Ribeiro Pereira. da S.3.Em Recuperacao Judicial. I. PROCESSO: 2010.3. e C.3. R.3.A (Advogado: Chiara De Sousa Costa E Outros) PROCESSO: 2010.3. e S. Kerber Bomm E Outro) PROCESSO: 2010. e S. E.015018-4 Prevento: Relator(a): LUZIA NADJA GUIMARAES NASCIMENTO Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Agravo de Instrumento 5ª CAMARA CIVEL ISOLADA Agravante: Sul America Companhia Nacional De Seguros (Advogado: Gabrielle Martins Silva Maues e Advogado: Renato Tadeu Rondina Mandaliti E Outros) Agravado: Elves De Freitas (Advogado: Gelmorys Santos Da Silva E Outros) PROCESSO: 2010.015025-9 Prevento: Relator(a): MARIA DO CARMO ARAUJO E SILVA Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 4ª CAMARA CIVEL ISOLADA Apelante: Caixa Seguradora S/A (Advogado: Alexei Batista Costa E Outro) Apelado: Maria Odete Santiago Braga (Advogado: Rosomiro Arrais e Advogado: Fabio Luis Ferreira Mourao E Outros) e Adair Nascimento De Oliveira (Advogado: Jose Orlando Gomes) 33 . Vald Cordeiro Da Costa e Iranir De Paula Costa E Outros (Advogado: Altair Da Silva Pimenta) Apelado: Iza Pereira Negrao Magno (Advogado: Antonio Paulo Da Costa Vale) PROCESSO: 2010.Adv Paciente: Washington Luiz Dias Lima.Lomas Pneus (Advogado: Christian J.3.TJ/PA .015017-6 Prevento: Relator(a): LEONAM GONDIM DA CRUZ JUNIOR Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Agravo de Instrumento 3ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Agravante: Banco Volkswagen S/A (Advogado: Adriana Oliveira Silva Castro e Advogado: Elias Pinto De Almeida E Outros) Agravado: Admar Iracy Ferreira Da Silva PROCESSO: 2010.014082-0 Prevento: Relator(a): LEONAM GONDIM DA CRUZ JUNIOR Distribuição: 02/09/2010 Situação: REDISTRIBUIDO Ação: Agravo de Instrumento 3ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Agravante: Paulo Scandian.011787-9 Prevento: Relator(a): ALBANIRA LOBATO BEMERGUY Distribuição: 02/09/2010 Situação: REDISTRIBUIDO Ação: Habeas Corpus CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS Impetrante: Antonia Izabel Ozorio . PROCESSO: 2010. N. Pneus Comercio Importacao E Exportacao Ltda (Advogado: Leonam Gondim Da Cruz E Outros) Apelado: D.Ana Julia Carepa PROCESSO: 2010.014989-8 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 02/09/2010 Situação: REDISTRIBUIDO Ação: Mandado de Segurança TRIBUNAL PLENO Impetrante: Adriana Carla Magno Barbosa (Advogado: Claudilene Souza Maia) Impetrado: Governadora Do Estado Do Para .Laminas E Compensados .3.3.Proc Estado) Agravado: Simone De Paula Soriano De Mello Alves Souza (Advogado: Milton Alencar Vieira E Outros) PROCESSO: 2010.3. Milanez Me . F. Raimundo Da Silva Neves e Joao Miguel Costa Da Silva E Outros (Advogado: Ricardo Bonasser De Sa E Outros) Apelado: Redeprevi . B.Adv Paciente: Diego Gomes Da Silva Vitima: L. F.012155-7 Prevento: Relator(a): MARIA DE NAZARE SILVA GOUVEIA DOS SANTOS Distribuição: 02/09/2010 Situação: REDISTRIBUIDO Ação: Habeas Corpus CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS Impetrante: Francelino Da Silva Pinto Neto E Outros .013588-9 Prevento: 2009. C.015011-8 Prevento: Relator(a): ELENA FARAG . S.013624-1 Prevento: Relator(a): LUZIA NADJA GUIMARAES NASCIMENTO Distribuição: 01/09/2010 Situação: REDISTRIBUIDO Ação: Agravo de Instrumento 5ª CAMARA CIVEL ISOLADA Representante: M.3.3.Adv Paciente: Rosineia De Sousa Oliveira Vitima: N. J.015024-1 Prevento: Relator(a): MARIA DE NAZARE SAAVEDRA GUIMARAES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Agravo de Instrumento 4ª CAMARA CIVEL ISOLADA Agravante: Estado Do Para .015007-7 Prevento: Relator(a): MARIA DO CARMO ARAUJO E SILVA Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Exceção de Suspeição CÂMARAS CÍVEIS REUNIDAS Excipiente: Tim Celular S/A (Advogado: Hisashi Kataoka e Advogado: Fabio Korenblum E Outros) Excepto: Dr.3.Engenharia De Revestimento . Carlos Roberto Gomes.012028-6 Prevento: Relator(a): MARIA DE NAZARE SILVA GOUVEIA DOS SANTOS Distribuição: 02/09/2010 Situação: REDISTRIBUIDO Ação: Habeas Corpus CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS Impetrante: Marcelo Romeu De Moraes Dantas E Outro .3.3.3.Juiz De Direito PROCESSO: 2010.

3.Adv.3. da S. Pub. B.JUIZA CONVOCADA Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 1ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Apelante: Adilson Divino Schimidt (Advogado: Flavio Vicente Guimaraes E Outros) Apelado: Justica Publica Vitima: R. Paciente: Joab Serique Cota / Joabe Serique Cota Vitima: J.3.Def.3. PROCESSO: 2010. A. A. T.015026-7 Prevento: Relator(a): ALBANIRA LOBATO BEMERGUY Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 2ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Apelante: G.) Vitima: A.Terça-Feira. de S.3.3. C.Def. Paciente: E. M. de J.015059-8 Prevento: Relator(a): MARIA DE NAZARE SILVA GOUVEIA DOS SANTOS Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 3ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Apelante: Ministerio Publico Estadual Apelado: Joao Carlos Da Silva (Advogado: Dyego Azevedo Maia . Elaine Regina Reis Mousinho Coelho e Jose Estelio Quadros Risuenho (Advogado: Fabricio Miranda Sizo E Outros) PROCESSO: 2010. O.015057-2 Prevento: Relator(a): NADJA NARA COBRA MEDA . P.013483-1 Relator(a): JOSE MARIA TEIXEIRA DO ROSARIO Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Agravo de Instrumento 3ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Agravante: Madeireira Sol Nascente Industria E Comercio Ltda (Advogado: Leonidas Goncalves De Alcantara E Outro) Agravado: Michel Haber Neto e Gustavo Haber Filho (Advogado: Isaac Ramiro Bentes E Outros) PROCESSO: 2010.Def.Def.3. PROCESSO: 2010. G.3. Pub.015040-7 Prevento: Relator(a): MARIA DE NAZARE SILVA GOUVEIA DOS SANTOS Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Habeas Corpus CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS Impetrante: Lorena Brito Amoras . PROCESSO: 2010. A. F. F. e O. de S.015062-1 Prevento: Relator(a): ALBANIRA LOBATO BEMERGUY Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Habeas Corpus CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS Impetrante: Lilian Do Socorro De Sena Monteiro .3.3. N.Def. M. -. B.JUIZA CONVOCADA Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Agravo de Instrumento 4ª CAMARA CIVEL ISOLADA Representante: S. Paciente: A.004230-0 Relator(a): LEONARDO DE NORONHA TAVARES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Agravo de Instrumento 4ª CAMARA CIVEL ISOLADA Agravante: Adelana Mara Guimaraes Valente (Advogado: Wilson Luiz Goncalves Lisboa) Agravado: Banco Da Amazonia S/A (Advogado: Marcos Antonio Dos Santos Vieira E Outros) e Ximenes & Ximenes Ltda (Advogado: Michelle Caroline Mileo Goncalves) PROCESSO: 2010. PROCESSO: 2010. J.Adv e Jose Augusto Dias Da Silva . P.3. J. PROCESSO: 2010. da S. Paciente: Jorge Justino Marques Abadessa Junior PROCESSO: 2010. e E.015039-0 Prevento: Relator(a): ALBANIRA LOBATO BEMERGUY Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Habeas Corpus CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS Impetrante: Marcos Bahia Begot .015033-2 Prevento: 2010.TJ/PA . Carlos Antonio Mousinho Coelho. de O.Edição nº 4651/2010 .015037-4 Prevento: Relator(a): ALBANIRA LOBATO BEMERGUY Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Habeas Corpus CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS Impetrante: Marcos Bahia Begot . -. C. da S.015054-8 Prevento: Relator(a): RAIMUNDO HOLANDA REIS Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 3ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Apelante: Roberto Lima Dos Santos (Advogado: Marcia Regina Belem Pereira .Adv.3. PROCESSO: 2010..3.015032-4 Prevento: Relator(a): DAHIL PARAENSE DE SOUZA Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Agravo de Instrumento 3ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Agravante: Vera Lucia Assuncao Chaves (Advogado: Jacirene Maria Facanha Da Costa E Outros) Agravado: Tatiana Dos Santos Barbosa (Advogado: Susana Hoyos Reboucas . Flavio Luiz Lopes. de O.015066-3 Prevento: Relator(a): ALBANIRA LOBATO BEMERGUY Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Recurso em Sentido Estrito 2ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Recorrente: Ministerio Publico Estadual Recorrido: Manoel De Jesus Farias De Souza.3. M. S.JUIZA CONVOCADA Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 4ª CAMARA CIVEL ISOLADA Apelante: Mercantil Novo Mundo Ltda e Antonio Audizio Freire De Sa (Advogado: Jader Nilson Da Luz Dias E Outros) Apelado: Jose Maria Costa (Advogado: Domingas Ferreira Vieira) PROCESSO: 2010.015030-8 Prevento: Relator(a): ALBANIRA LOBATO BEMERGUY Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 2ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Apelante/Apelado: Ministerio Publico Estadual Apelado/Apelante: Andre Mota Teixeira (Advogado: Dyego Azevedo Maia .015067-1 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Mandado de Segurança CÂMARAS CÍVEIS REUNIDAS Impetrante: Edda Moreira Lima De Sena (Advogado: Joel De Souza Rodrigues) Impetrado: Presidente Da Banca Examinadora Do Concurso Publico C-133 e Secretario De Estado De Administracao 34 .015047-3 Prevento: Relator(a): RONALDO MARQUES VALLE Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Habeas Corpus CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS Impetrante: Agenor Dinelly Ribeiro .015056-4 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Apelante: Banco Da Amazonia S/A (Advogado: Ana Margarida Godinho E Outros) Apelado: Benave Avicola Ltda. E. Armando Pantoja De Souza e Roseane De Souza Barreto / Rosiane De Souza Barreto Vitima: D. N. B. Vitima: L. PROCESSO: 2010. (Advogado: Lucia Valena Barroso Pereira Carneiro) Agravante: J.015028-3 Prevento: 2009. Paciente: A.3. de S. Ana Cristina Cunha Mousinho Coelho.Adv. (Advogado: Raimundo Wilson Fialho Da Rocha Costa . O. de O.Adv. A. E.015065-5 Prevento: Relator(a): NADJA NARA COBRA MEDA .) Vitima: O. PROCESSO: 2010. PROCESSO: 2010. Publica) Apelado: A Justica Publica Vitima: O.3. Vitima: A.3. PROCESSO: 2010. (Advogado: Thadeu De Jesus E Silva E Outros) Agravado: L. A.JUIZA CONVOCADA Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Habeas Corpus CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS Impetrante: Saymon Luiz Carneiro Alves . PROCESSO: 2010. Pub. e O. Vitima: L.3.3.Adv.Adv. 14 de Setembro de 2010 PROCESSO: 2010. S. da S. G. M.3. P.015027-5 Prevento: Relator(a): MARIA DO CARMO ARAUJO E SILVA Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Mandado de Segurança CÂMARAS CÍVEIS REUNIDAS Impetrante: Mauro Cesar De Araujo Prata (Advogado: Rosane Baglioli Dammski E Outros) Impetrado: Secretario De Estado De Administracao PROCESSO: 2010.) Apelado: A Justica Publica Vitima: C. e O. M. PROCESSO: 2010. C. Paciente: M.015060-5 Prevento: Relator(a): ELENA FARAG . PROCESSO: 2010.3.DIÁRIO DA JUSTIÇA . D. da S.3.015038-2 Prevento: Relator(a): RAIMUNDO HOLANDA REIS Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 3ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Apelante: Luiz Carlos Da Costa Filho (Advogado: Juvencio Jose De Arruda Neto) Apelado: A Justica Publica Vitima: M.015043-1 Prevento: Relator(a): ELENA FARAG . da C. 2. Publica) PROCESSO: 2010.3.

Def.DIÁRIO DA JUSTIÇA . C.015109-1 Prevento: Relator(a): NADJA NARA COBRA MEDA .015082-9 Prevento: Relator(a): MARIA DO CARMO ARAUJO E SILVA Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 4ª CAMARA CIVEL ISOLADA Representante: F.Previ (Advogado: Pedro Aurelio De Mattos Goncalves E Outros) Apelado: Maria Do Carmo Alves Santana e Nelio Viana Santana PROCESSO: 2010.3. PROCESSO: 2010. Agravante: J. S.3.3. de M. M.3.015107-5 Prevento: Relator(a): NADJA NARA COBRA MEDA .3. 14 de Setembro de 2010 PROCESSO: 2010. PROCESSO: 2010.015104-1 Prevento: Relator(a): LEONARDO DE NORONHA TAVARES Distribuição: 02/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Agravo de Instrumento 1ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Agravante: Industria Grafica Brasileira Ltda (Advogado: Rodrigo Daniel Felix Da Silva. C. B. C. PROCESSO: 2010.Def.015097-8 Prevento: Relator(a): DAHIL PARAENSE DE SOUZA Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Reexame Necessário 3ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Sentenciante: Juizo De Direito Da 6ª Vara De Fazenda Da Capital Sentenciado: Lucia Rodrigues Lobo (Advogado: Ruth Lena De Almeida Medeiros) e Estado Do Para (Advogado: Rogerio Arthur Friza Chaves .015068-9 Prevento: Relator(a): LEONARDO DE NORONHA TAVARES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 1ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Apelante: Edna Cristina De Souza Miranda E Silva (Advogado: Adailson Jose De Santana E Outros) Apelado: Estado Do Para . PROCESSO: 2010.Curador Especial) Apelante: R. B.Capaf (Advogado: Rodolfo Meira Roessing E Outros) Apelado: Daniel Araujo Carvalho (Advogado: Jose Maria Vieira Junior e Advogado: Paulo Sergio Weyl De Albuquerque Costa) PROCESSO: 2010.015087-9 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Apelante: Caixa De Previdencia Dos Funcionarios Do Banco Do Brasil .015080-3 Prevento: Relator(a): DIRACY NUNES ALVES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 5ª CAMARA CIVEL ISOLADA Apelante: Caixa De Previdencia E Assistencia Aos Funcionarios Do Basa . D. Procter & Gamble Higiene E Cosmeticos Ltda e Procter & Gamble Industrial E Comercial Ltda (Advogado: Reynaldo Andrade Da Silveira.Adv Paciente: Gerlande Braz Conceicao Diniz Vitima: B. Glaucenildo Dos Santos Silva e Francenildo De Sousa Magalhaes (Advogado: Antenor Rodrigues Lavor Filho) Apelado: A Justica Publica Vitima: F. M. Pub. Pub.Edição nº 4651/2010 .015081-1 Prevento: Relator(a): MARIA DE NAZARE SILVA GOUVEIA DOS SANTOS Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 3ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Apelante: Rui Dos Santos Monteiro (Advogado: Joselma De Sousa Maciel) Apelado: A Justica Publica Vitima: C.015074-6 Prevento: Relator(a): RAIMUNDO HOLANDA REIS Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 3ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Apelante: Djacir Ferreira De Souza (Advogado: Elza Dinita Fernandes Benevides . PROCESSO: 2010.015071-2 Prevento: Relator(a): ALBANIRA LOBATO BEMERGUY Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 2ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Apelante: Manuel Neto Sousa Marques / Manoel Neto Sousa Marques. (Advogado: Roberto Santos Araujo .Def Pub) Apelado: E. M. e O. do S.3. do M.Proc. S. Advogado: Aloisio Masson e Advogado: Flavio Augusto Antunes E Outros) Agravado: Banco Do Estado Do Para S/A . R.015102-5 Prevento: Relator(a): JOSE MARIA TEIXEIRA DO ROSARIO Distribuição: 02/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 3ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Apelante: Maria Vitoria Paracampo Borges / Maria Vitoria Souza Paracampo (Advogado: Joao Frederick Marcal E Maciel E Outros) Apelado: Ewerson Jesus Lobato Borges (Advogado: Antonio Jose De Mattos Neto E Outras) PROCESSO: 2010. do S. Estado) PROCESSO: 2010. de A.015106-7 Prevento: Relator(a): RONALDO MARQUES VALLE Distribuição: 02/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 2ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Apelante: Wanderson De Oliveira Pereira e Vanderson Negrao Da Cruz (Advogado: Arnoldo Peres .Secretaria De Estado De Educacao . A. Pub. L. S. Pub.Proc.3. L. C.015085-3 Prevento: Relator(a): LEONARDO DE NORONHA TAVARES Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 1ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Apelante: Maria Denise Gouveia Gabriel (Advogado: Jose Celio Santos Lima E Outros) Apelado: Banco Bradesco S/A (Advogado: Jose Edgard Da Cunha Bueno Filho E Outros) PROCESSO: 2010. M. (Advogado: Wanderley Jose Marra Da Silva) Agravado: N. C.3. L. PROCESSO: 2010. de C. e R.) Apelado: A Justica Publica Vitima: F. J.Def.015069-7 Prevento: Relator(a): RONALDO MARQUES VALLE Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 2ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Apelante: Valdir Jose De Almeida e Jose Gustavo Barbosa Dos Santos (Advogado: Oscar Damasceno Filho) Apelado: A Justica Publica Vitima: O. G.3.Terça-Feira.3. PROCESSO: 2010.3. Estado) PROCESSO: 2010. PROCESSO: 2010.015073-8 Prevento: Relator(a): LEONAM GONDIM DA CRUZ JUNIOR Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 3ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Apelante: Ivete Terezinha Pavan (Advogado: Bethania Do Socorro Guimaraes Bastos E Outros) Apelado: Sudameris Arrendamento Mercantil S/A (Advogado: Adelmira Carneiro Maia S/C) PROCESSO: 2010.015103-3 Prevento: Relator(a): DIRACY NUNES ALVES Distribuição: 02/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Agravo de Instrumento 5ª CAMARA CIVEL ISOLADA Representante: S. G.015112-4 Prevento: Relator(a): LUZIA NADJA GUIMARAES NASCIMENTO Distribuição: 02/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação / Reexame Necessário 5ª CAMARA CIVEL ISOLADA Sentenciante: Juizo De Direito Da Comarca De Vigia De Nazare Sentenciado / Apelante: Prefeitura Municipal De Vigia (Advogado: Adriana Barros Norat) Sentenciado / Apelado: Eliete Do Rosario Monteiro Cordeiro (Advogado: Marilsa Lina Martins Alves) 35 .. Advogado: Karine Moura Pinheiro E Outros e Advogado: Bruna De Guapindaia Braga) PROCESSO: 2010. M. (Advogado: Rosemary Dos Reis Silva . PROCESSO: 2010.015072-0 Prevento: Relator(a): DAHIL PARAENSE DE SOUZA Distribuição: 01/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 3ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Apelante: Pinto Soares & Cia Ltda (Advogado: Manoel Marques Da Silva Neto E Outros) Apelado: Procter & Gamble Do Brasil S/A.3.) Apelado: A Justica Publica Vitima: A.3.JUIZA CONVOCADA Distribuição: 02/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Habeas Corpus CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS Impetrante: Amadeu Pinheiro Correa Filho E Outra .3.3.3.3. M.Seduc (Advogado: Silvana Elza Peixoto Rodrigues . S.TJ/PA . E. L.) Apelado: A Justica Publica Vitima: G. C.3. A.3. C.JUIZA CONVOCADA Distribuição: 02/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 1ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Apelante: Carlos Alberto Nascimento Cabral Junior (Advogado: Manuel Figueiredo Neto . de S.015111-6 Prevento: Relator(a): ALBANIRA LOBATO BEMERGUY Distribuição: 02/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 2ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Apelante: Joao Batista Vieira Da Silva (Advogado: Arnoldo Peres .) Apelado: A Justica Publica Vitima: J. PROCESSO: 2010.3.Banpara (Advogado: Roberta Oliveira Moreira E Outros) PROCESSO: 2010.Def. e M.

3. F.3.015141-3 Prevento: 2010.3. F. da V.3. R.015147-1 Prevento: Relator(a): ALBANIRA LOBATO BEMERGUY Distribuição: 02/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 2ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Apelante: Joelson Marinho De Souza (Advogado: Manuel Figueiredo Neto . S. (Advogado: Adriana De Oliveira Silva Castro E Outros) Agravado: L.3.3. L. S.3.015124-9 Prevento: Relator(a): MARIA DE NAZARE SAAVEDRA GUIMARAES Distribuição: 02/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 4ª CAMARA CIVEL ISOLADA Apelante: Carlos Roberto Soares e Maria Jose Da Silva Soares (Advogado: Marcia Diany Matos De Aguiar E Outro) Apelado: Companhia Vale Do Rio Doce .Adv. PROCESSO: 2010. (Advogado: Kaue Osorio Arouck E Outros) Agravado: B.3.Adv. Margarete Monteiro Barbosa.Terça-Feira. Estado) Agravado: Ibv . T.JUIZA CONVOCADA Distribuição: 02/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 4ª CAMARA CIVEL ISOLADA Apelante: Banco Bradesco S/A (Advogado: Jose Edgard Da Cunha Bueno Filho E Outros) Apelado: Maria Da Conceicao De Sousa Costa (Advogado: Clebia De Sousa Costa) PROCESSO: 2010. da C.3.Instituto Brasileiro Veicular (Advogado: Diogo Rodrigues Ferreira E Outros) PROCESSO: 2010. dos S.Semec (Advogado: Irlana Rita De Carvalho Chaves Rodrigues . Maria Lucia Lima De Melo. dos S. PROCESSO: 2010. do S. de M.Def Pub) Vitima: F.015143-9 Prevento: 2010.Secretaria Municipal De Educacao .015135-6 Prevento: Relator(a): LEONARDO DE NORONHA TAVARES Distribuição: 02/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Agravo de Instrumento 1ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Agravante: Estado Do Para (Advogado: Afonso Carlos Paulo De Oliveira Junior Proc. L.M. O.3.Me e Distribuidora De Laticinios Do Para Ltda . Fernandes & Cia Ltda . PROCESSO: 2010. Paciente: Andrei Mauricio Da Silva Batista Vitima: O. G. Vitima: C.) Apelado: A Justica Publica Vitima: S. 14 de Setembro de 2010 PROCESSO: 2010.015118-2 Prevento: Relator(a): ALBANIRA LOBATO BEMERGUY Distribuição: 02/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Habeas Corpus CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS Impetrante: Marco Antonio Gomes De Carvalho . R.015133-0 Prevento: Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 02/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Agravo de Instrumento 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Agravante: Municipio De Belem . C.3.015137-2 Prevento: Relator(a): LUZIA NADJA GUIMARAES NASCIMENTO Distribuição: 02/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 5ª CAMARA CIVEL ISOLADA Apelante: Investprev. P. (Advogado: Gustavo Freire Da Fonseca E Outros) Agravado: L. da C. M.Cvrd / Vale S/A (Advogado: Joseane Maria Da Silva e Advogado: Isabel Pereira Cruz E Outros) e Docenorte Esporte Clube (Advogado: Pedro Bentes Pinheiro Neto E Outros) PROCESSO: 2010.Seguros E Previdencia S/A (Advogado: Carlos Ferro E Outros) Apelado: Maria Das Gracas Ribeiro Alves (Advogado: Marilsa Lina Martins Alves) PROCESSO: 2010.3.Edição nº 4651/2010 .Def.3. e Julio De Oliveira Bastos . A. F.015125-7 Prevento: Relator(a): RAIMUNDO HOLANDA REIS Distribuição: 02/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Habeas Corpus CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS Impetrante: Antonio Marcos Parnaiba Crispim .015130-6 Prevento: Relator(a): MARIA DO CARMO ARAUJO E SILVA Distribuição: 02/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Agravo de Instrumento 4ª CAMARA CIVEL ISOLADA Agravante: Estado Do Para (Advogado: Rafael Felgueiras Rolo .3. Darci Formigosa Siqueira.015136-4 Prevento: Relator(a): MARIA DE NAZARE SILVA GOUVEIA DOS SANTOS Distribuição: 02/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Habeas Corpus CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS Impetrante: Welber Costa Baima . F. (Advogado: Antonio Carlos Silva Pantoja E Outro) PROCESSO: 2010. Eduardo Gomes Dos Santos e Oricelia Cavalero (Advogado: Solange Maria Alves Mota Santos) PROCESSO: 2010.3.010860-4 Relator(a): DIRACY NUNES ALVES Distribuição: 02/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Agravo de Instrumento 5ª CAMARA CIVEL ISOLADA Agravante: Danone Ltda. C.3. Maria Vanda Teixeira Da Silva.015142-1 Prevento: Relator(a): MARIA DE NAZARE SILVA GOUVEIA DOS SANTOS Distribuição: 02/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 3ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Apelante: R. Maria De Fatima Pantoja Trindade.015140-5 Prevento: Relator(a): DAHIL PARAENSE DE SOUZA Distribuição: 02/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Agravo de Instrumento 3ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Agravante: C.015114-0 Prevento: Relator(a): RAIMUNDO HOLANDA REIS Distribuição: 02/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 3ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Apelante: Luiz Roberto Ferreira Mendes (Advogado: Regina Paula Passos Gama . PROCESSO: 2010. (Advogado: Claudio Roberto Vasconcelos Affonso) Agravante: M. N.JUIZA CONVOCADA Distribuição: 02/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 1ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Apelante: Ministerio Publico Estadual Apelado: Francisco Da Silva . Maria Jose Moraes Miranda.) Apelado: A Justica Publica Vitima: M. N. O.DIÁRIO DA JUSTIÇA .015123-1 Prevento: Relator(a): ELENA FARAG .015128-1 Prevento: Relator(a): DIRACY NUNES ALVES Distribuição: 02/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Agravo de Instrumento 5ª CAMARA CIVEL ISOLADA Agravante: A. 36 .3.Def. J. Leticia Helena Dos Prazeres Guimaraes.000670-5 Relator(a): MARNEIDE TRINDADE PEREIRA MERABET Distribuição: 02/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Agravo de Instrumento 1ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Apelante: Condominio Residencial Alter Do Chao (Advogado: Thiago Costa Lopes E Outros) Apelado: Carlos Alberto Salomao De Souza (Advogado: Jose Maria Castro Castilho) PROCESSO: 2010. P. F.015145-5 Prevento: Relator(a): NADJA NARA COBRA MEDA . N. (Advogado: Meire Costa Vasconcelos E Outros) Agravado: C. Pub. R.3. V.Proc Municipal) Agravado: Claudia Nazare Gomes De Souza.3.3.015126-5 Prevento: Relator(a): LEONAM GONDIM DA CRUZ JUNIOR Distribuição: 02/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Agravo de Instrumento 3ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Agravante: Telemar Norte Leste S/A (Advogado: Camila Cristina Souza Dos Santos E Outros) Agravado: Josias Gomes Rabello (Advogado: Paulo Boaventura Maia Medeiros) PROCESSO: 2010. Alacid Da Veiga Farias.014230-5 Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 02/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Agravo de Instrumento 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Representante: F.3. Pub.3. PROCESSO: 2010.Proc.015146-3 Prevento: Relator(a): RONALDO MARQUES VALLE Distribuição: 02/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 2ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Apelante: Franco Nero Ribeiro Cavalcante (Advogado: Silvio Antonio Damasceno Dos Santos E Outro) Apelado: A Justica Publica Vitima: G. F.Epp (Advogado: Armando Grello Cabral E Outros) PROCESSO: 2010.TJ/PA . Maria Do Socorro De Souza Ramos.Nego Franca (Advogado: Dyego Azevedo Maia . R. Paciente: G.015122-3 Prevento: 2006.Adv. E. Luciana Suely Dias Ferreira. Estado) Agravado: Dinair De Araujo Carvalho (Advogado: Evaldo Tavares Dos Santos E Outro) PROCESSO: 2010. (Advogado: Oscar Damasceno Filho) Apelado: A Justica Publica Vitima: S. PROCESSO: 2010. M. de R.Adv Paciente: Carlos Eduardo Barbosa Pereira Vitima: A. PROCESSO: 2010. PROCESSO: 2010. PROCESSO: 2010. C.3. L. Delcemira Sarmanho Carvalho.

J. Maria Jose Campelo Costa.Def. Pub. E. E.015160-3 Prevento: Relator(a): ALBANIRA LOBATO BEMERGUY Distribuição: 02/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Ação Penal . E.009863-1 Relator(a): RAIMUNDO HOLANDA REIS Distribuição: 02/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Petição TRIBUNAL PLENO Requerente: Ministerio Publico Do Estado Do Para Requerido: Carlos Lamarck Magno Barbosa Vitima: C. da S. PROCESSO: 2010.3. C.015157-0 Prevento: Relator(a): NADJA NARA COBRA MEDA .Edição nº 4651/2010 .) Apelado: A Justica Publica Vitima: T.3.3.015163-7 Prevento: Relator(a): MARIA DE NAZARE SILVA GOUVEIA DOS SANTOS Distribuição: 02/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 3ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Apelante: Maria Erinalda Oliveira Diogenes (Advogado: Jose Roberto Mello Pismel) Apelado: A Justica Publica Vitima: C. 14 de Setembro de 2010 PROCESSO: 2010. C.015150-4 Prevento: Relator(a): RAIMUNDO HOLANDA REIS Distribuição: 02/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 3ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Apelante: Anselmo Alves Mendes (Advogado: Eduardo Andre De Aguiar Lopes . L. PROCESSO: 2010. da S. Paciente: Francisco Sodre De Oliveira Vitima: O. C.) Apelado: A Justica Publica Vitima: D. L. PROCESSO: 2010.JUIZA CONVOCADA Distribuição: 02/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 1ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Apelante: Ministerio Publico Estadual Apelado: Roseane Almeida Monte Serrate Vitima: D. P. K. S.015180-1 Prevento: Relator(a): MARNEIDE TRINDADE PEREIRA MERABET Distribuição: 02/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 1ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Representante: Jose Maurice Sonny (Advogado: Denilson Reis De Oeiras) Apelante: D. M. Gomes) Apelado: A Justica Publica Vitima: A. de A.3. PROCESSO: 2010.015178-6 Prevento: Relator(a): MARIA DO CARMO ARAUJO E SILVA Distribuição: 02/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 4ª CAMARA CIVEL ISOLADA Apelante: Loteria Mina Da Sorte Ltda (Advogado: Alberto Ferreira De Carvalho) Apelado: Caixa Seguradora S/A (Advogado: Raimundo Barbosa Costa E Outros) PROCESSO: 2010. da S.Def. Pinto De Almeida E Outros) PROCESSO: 2010.DIÁRIO DA JUSTIÇA .015156-2 Prevento: Relator(a): RONALDO MARQUES VALLE Distribuição: 02/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 2ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Apelante: Dione Belmiro Dos Santos (Advogado: Julio De Masi .015153-8 Prevento: 2010. e O. M. PROCESSO: 2010.015155-4 Prevento: Relator(a): ELENA FARAG . M. PROCESSO: 2010. PROCESSO: 2010. S.015158-8 Prevento: Relator(a): ALBANIRA LOBATO BEMERGUY Distribuição: 02/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 2ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Apelante: Leandro Natalino De Paiva Monteiro (Advogado: Flavia Christina Maranhao C. Emerson Jose Da Silva e Elias Jose Silva Sobrinho PROCESSO: 2010. PROCESSO: 2010.015154-6 Prevento: Relator(a): RAIMUNDO HOLANDA REIS Distribuição: 02/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Recurso em Sentido Estrito 3ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Recorrente: Eriomar Malta Correia (Advogado: Vladimir Juarez Melo Batista) Recorrido: A Justica Publica Vitima: A. e P. do V.JUIZA CONVOCADA Distribuição: 02/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 4ª CAMARA CIVEL ISOLADA Apelante: Sul America . E.Def Pub) Apelado: A Justica Publica Vitima: O.3.Aetna Seguros E Previdencia S/A (Advogado: Marcelo Meira Mattos E Outros) Apelado: Algecy Terra Da Silva (Advogado: Mary Lucia Do Carmo Xavier Cohen E Outros) PROCESSO: 2010. PROCESSO: 2010.Celpa (Advogado: Carla Miriam F.Def. Pub.) Apelado: A Justica Publica Vitima: A.3.3. PROCESSO: 2010.3. de S.3.3.3. PROCESSO: 2010. Maria Da Conceicao Correia Lima e Rosangela De Araujo Silva E Outros (Advogado: Fernando Vale Correa Junior) Apelado: Centrais Eletricas Do Para S/A . M.Adv.015169-5 Prevento: Relator(a): RONALDO MARQUES VALLE Distribuição: 02/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 2ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Apelante: Anderson Patrick Dos Santos Rodrigues e Max Dos Santos Rodrigues (Advogado: Maria Do Socorro P. de S.015170-2 Prevento: Relator(a): JOSE MARIA TEIXEIRA DO ROSARIO Distribuição: 02/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 3ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Apelante: Irene Gomes Moraes.3.Procedimento Ordinário CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS Autor: Ministerio Publico Do Estado Do Para Réu: Marlene Correa Martins .Def. Pub.3. F. da C.Terça-Feira. e O. Ana Cristina Miranda Dos Santos. S.JUIZA CONVOCADA Distribuição: 02/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 1ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Apelante: Messias Alves De Oliveira (Advogado: Rogerio Siqueira .015172-8 Prevento: Relator(a): NADJA NARA COBRA MEDA .015173-6 Prevento: Relator(a): RAIMUNDO HOLANDA REIS Distribuição: 02/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 3ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Apelante: Edilson Braga Da Silva (Advogado: Wellyda Carla Rosa Barcelos .3. C. PROCESSO: 2010. E.Prefeita Municipal De Sao Joao Do Araguaia (Advogado: Arcelino Ferreira Correa E Outros) Vitima: S. PROCESSO: 2010.Defensor Publico) Apelado: A Justica Publica Vitima: L. P. do S. M. de S.TJ/PA .015149-7 Prevento: Relator(a): RAIMUNDO HOLANDA REIS Distribuição: 02/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Habeas Corpus CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS Impetrante: Michell Durans .015174-4 Prevento: Relator(a): ALBANIRA LOBATO BEMERGUY Distribuição: 02/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 2ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Apelante: Sebastiao Cosmo Da Cruz (Advogado: Altair Kuhn) Apelado: A Justica Publica Vitima: D.3. Pub.3.3. Procurador(A) De Justiça: Marco Antonio Ferreira Das Neves PROCESSO: 2010.3.015161-1 Prevento: Relator(a): RAIMUNDO HOLANDA REIS Distribuição: 02/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 3ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Apelante: Bruno Dos Santos Braga (Advogado: Bruno Silva Nunes De Moraes .) Apelado: A Justica Publica Vitima: J. M.015152-0 Prevento: Relator(a): MARIA DE NAZARE SILVA GOUVEIA DOS SANTOS Distribuição: 02/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 3ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Apelante: Jose Raimundo Dias Da Costa (Advogado: Paulo Masaharu Nagahama) Apelado: A Justica Publica Vitima: O.015159-6 Prevento: Relator(a): DAHIL PARAENSE DE SOUZA Distribuição: 02/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 3ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Apelante: Banco Do Brasil S/A (Advogado: Roseana Dos Santos Rodrigues E Rodrigues E Outros) Apelado: Cerealho Comercio Cereais E Hortifrutigranjeiros Ltda. Apelado: Associacao Dos Moradores Do Bairro Novo Brasil (Advogado: Nelson Marzullo Maia E Outros) 37 . da S.3. Amorim . S.3. PROCESSO: 2010.3.3.015171-0 Prevento: Relator(a): MARIA DE NAZARE SAAVEDRA GUIMARAES Distribuição: 02/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 4ª CAMARA CIVEL ISOLADA Apelante: Companhia Excelsior De Seguros S/A (Advogado: Carlos Eduardo Neri Maltez Santana e Advogado: Manuelle Lins Cavalcanti Braga) Apelado: Salvador Martins Dos Santos e Maria Rita Cardoso Dos Santos (Advogado: Carlos Alberto Caetano E Outros) PROCESSO: 2010.

Def Pub Paciente: Claudio Jose De Souza E Silva PROCESSO: 2010.3. PROCESSO: 2010.3. 14 de Setembro de 2010 PROCESSO: 2010. Everaldo Araujo Da Silva.3. de C. PROCESSO: 2010.015208-1 Prevento: 2010. 38 .JUIZA CONVOCADA Distribuição: 03/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 1ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Apelante: Carlos Resplandes Pompeu (Advogado: Odilon Vieira Neto E Outro) Apelado: A Justica Publica Vitima: L.Adv. e V. PROCESSO: 2010. dos S. Sidney Fortunato Da Silva e Milton Camara Da Silva E Outros (Advogado: Carlos Giovani Carvalho E Outros) PROCESSO: 2010. L.JUIZA CONVOCADA Distribuição: 03/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Habeas Corpus CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS Impetrante: Jose Lindomar A.015205-7 Prevento: Relator(a): MARIA DE NAZARE SAAVEDRA GUIMARAES Distribuição: 03/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Agravo de Instrumento 4ª CAMARA CIVEL ISOLADA Agravante: Rui Guilherme Carvalho De Aquino (Advogado: Sostenes Alves De Souza Junior E Outros) Agravado: Otavio Bittencourt Pires e Maria De Lourdes Magno Pires (Advogado: Talisman Secundino De Moraes Senior E Outros) PROCESSO: 2010.000634-1 Relator(a): MARNEIDE TRINDADE PEREIRA MERABET Distribuição: 03/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 1ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Apelante: Hugo Telmo Rodrigues Montenegro (Advogado: Andrey De Sa E Outros) Apelado: Espolio De Joaquim Da Silva (Advogado: Maria De Lourdes Da Silva Pinto) PROCESSO: 2010. PROCESSO: 2010.3.015184-3 Prevento: Relator(a): RONALDO MARQUES VALLE Distribuição: 03/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 2ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Apelante: Waldivino Do Espirito Santo Pinheiro E Pinheiro (Advogado: Carlos Figueiredo E Outro) e Israel Da Gama Soares / Israel Gama Soares (Advogado: Carlos Jose Marques Duarte) Apelado: A Justica Publica Vitima: C.Adv Paciente: Josias Mescouto Pereira PROCESSO: 2010. P.Def Pub Paciente: Luciana Batista Dos Santos PROCESSO: 2010. Paciente: Cleverson Ribas Pereira Vitima: V. da S. e E.Proc Do Estado) Agravado: Dinizia Trading Importacao E Exportacao Ltda (Advogado: Anna Carolina Novaes Pessoa) PROCESSO: 2010.3.015195-0 Prevento: Relator(a): RONALDO MARQUES VALLE Distribuição: 03/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Habeas Corpus CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS Impetrante: Sergio Bahia Baptista . Durango Kid Almeida Borges e Vitorino Costa Castro (Advogado: Carlos Giovani Carvalho E Outros) PROCESSO: 2010. R.Def. C.3.3.015197-6 Prevento: Relator(a): RAIMUNDO HOLANDA REIS Distribuição: 03/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Habeas Corpus CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS Impetrante: Carmem Elizabeth Aragao Addario Haber . PROCESSO: 2010.3. e G. Pub. S. Estado) Agravado: Adailton Valente Rabelo.015204-9 Prevento: Relator(a): RAIMUNDO HOLANDA REIS Distribuição: 03/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 3ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Apelante: Ministerio Publico Do Estado Do Para Apelado: Carlos Leonardo Rodrigues Martins (Advogado: Helio Chaves Lameira) Vitima: O. Sampaio.Edição nº 4651/2010 .3. F. Paciente: Oscar Alfredo Dos Santos Correa Vitima: J.3. D. C. E.3. Pub. R. e O.3. A.015209-9 Prevento: Relator(a): MARIA DE NAZARE SILVA GOUVEIA DOS SANTOS Distribuição: 03/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 3ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Apelante: Bazar Amorim / Bezeliel Amorim Vieira (Advogado: Edernilson Do Nascimento Barroso . PROCESSO: 2010. L.3.015183-5 Prevento: Relator(a): MARIA DE NAZARE SILVA GOUVEIA DOS SANTOS Distribuição: 03/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 3ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Apelante: Paulo Sergio Furtado E Branco (Advogado: Vladimir Koenig . Estado) Agravado: Nubia Patricia Da Cruz Brilhante e Maurileno Raimundo Oliveira Tavares (Advogado: Jose Wilson Da Silva Cruz) PROCESSO: 2010.015198-4 Prevento: Relator(a): ALBANIRA LOBATO BEMERGUY Distribuição: 03/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 2ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Apelante: Ministerio Publico Do Estado Do Para Apelado: Diones Da Silva Cruz / Dhones Da Silva Cruz (Advogado: Carlos Henrique Harper Cox . S.015187-7 Prevento: Relator(a): ELENA FARAG .015207-3 Prevento: 2006.015189-3 Prevento: Relator(a): LUZIA NADJA GUIMARAES NASCIMENTO Distribuição: 03/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Agravo de Instrumento 5ª CAMARA CIVEL ISOLADA Agravante: Estado Do Para (Advogado: Gustavo Da Silva Lynch Proc.3.3.015193-4 Prevento: Relator(a): NADJA NARA COBRA MEDA .Def. PROCESSO: 2010.015188-5 Prevento: Relator(a): DAHIL PARAENSE DE SOUZA Distribuição: 03/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Agravo de Instrumento 3ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Agravante: Estado Do Para (Advogado: Gustavo Lynch .JUIZA CONVOCADA Distribuição: 03/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Agravo de Instrumento 4ª CAMARA CIVEL ISOLADA Agravante: Estado Do Para (Advogado: Gustavo Da Silva Lynch .Adv.015203-1 Prevento: Relator(a): MARIA DE NAZARE SILVA GOUVEIA DOS SANTOS Distribuição: 03/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Habeas Corpus CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS Impetrante: Manuel Figueredo Neto .3.3. L. R.) Apelado: A Justica Publica Vitima: J.015186-9 Prevento: Relator(a): MARIA DE NAZARE SILVA GOUVEIA DOS SANTOS Distribuição: 03/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Habeas Corpus CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS Impetrante: Claudionir Farias . S. PROCESSO: 2010. S. T.3.Def.Proc. A. M.015182-7 Prevento: Relator(a): NADJA NARA COBRA MEDA . Luzimiro Ramos Ferreira.Proc Do Estado) Agravado: Francisco Cilomar Freitas Veigas.3.Adv Paciente: A.015200-7 Prevento: Relator(a): ALBANIRA LOBATO BEMERGUY Distribuição: 03/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Habeas Corpus CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS Impetrante: Ewerton Freitas Trindade . A.TJ/PA .) Apelado: A Justica Publica Vitima: D.3.013986-5 Relator(a): HELENA PERCILA DE AZEVEDO DORNELES Distribuição: 03/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Agravo de Instrumento 2ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Agravante: Maria De Jesus Vasconcelos Mendonca (Advogado: Ricardo Bonasser De Sa) Agravado: Sintese Engenharia Ltda (Advogado: Fernando Augusto Braga Oliveira) PROCESSO: 2010.3. de F. Benedito Sousa Dos Santos. G.3. Pub.015190-0 Prevento: Relator(a): JOSE MARIA TEIXEIRA DO ROSARIO Distribuição: 03/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Agravo de Instrumento 3ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Agravante: Estado Do Para (Advogado: Gustavo Lynch .015191-8 Prevento: Relator(a): MARIA DO CARMO ARAUJO E SILVA Distribuição: 03/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Agravo de Instrumento 4ª CAMARA CIVEL ISOLADA Agravante: Estado Do Para (Advogado: Gustavo Lynch .DIÁRIO DA JUSTIÇA . Arleudo Pessoa Rabelo. dos R.) Vitima: N. Edinaldo Xavier Bezerra. M.Proc Do Estado) Agravado: Luiz Claudio Da Silva Coelho (Advogado: Jose Wilson Da Silva Cruz) PROCESSO: 2010.Terça-Feira. Vitima: T. da C.

Procedimento Ordinário TRIBUNAL PLENO Querelante: Joao Augusto De Oliveira Junior .015226-3 Prevento: Relator(a): MARNEIDE TRINDADE PEREIRA MERABET Distribuição: 03/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Agravo de Instrumento 1ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Agravante: Fabiano Richard (Advogado: Moises Norberto Coracini E Outros) Agravado: Vereneide Antunes Cordeiro De Godoi (Advogado: Germaine Tillwitz e Advogado: Shirley Vasconcelos Almeida) PROCESSO: 2010. PROCESSO: 2010. (Advogado: Wilton Walter Morais Dolzanis) Apelado: A Justica Publica Vitima: E. E.JUIZA CONVOCADA Distribuição: 03/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 1ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Apelante: Rangel Cardoso Dos Santos (Advogado: Fabio Jose Da Silva Lima) Apelado: A Justica Publica Vitima: O.015222-1 Prevento: Relator(a): LEONARDO DE NORONHA TAVARES Distribuição: 03/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Agravo de Instrumento 1ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Agravante: Raimundo Brasil Teixeira (Advogado: Jacques Coelho De Araujo Neto) Agravado: Banco Santander Brasil S/A . PROCESSO: 2010.3. E. PROCESSO: 2010. N. S. S. S. da C. PROCESSO: 2010.015216-4 Prevento: Relator(a): NADJA NARA COBRA MEDA . da S. T. P.TJ/PA .015223-9 Prevento: Relator(a): NADJA NARA COBRA MEDA .015217-2 Prevento: Relator(a): RONALDO MARQUES VALLE Distribuição: 03/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Habeas Corpus CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS Impetrante: Cora Belem Vieira De Oliveira Belem Paciente: Reginaldo Soares Leitao PROCESSO: 2010.Def.Def. e O. e O.A (Advogado: Bruno Simoes De Carvalho.Banco Abn Anro Real S/A (Advogado: Acacio Fernandes Roboredo) PROCESSO: 2010.015219-8 Prevento: Relator(a): MARIA DE NAZARE SILVA GOUVEIA DOS SANTOS Distribuição: 03/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Recurso em Sentido Estrito 3ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Recorrente: Silas Da Silva Soares (Advogado: Joenice Silva Almeida) Recorrido: A Justica Publica Vitima: V. PROCESSO: 2010.Def. dos S. PROCESSO: 2010. G.015215-6 Prevento: Relator(a): RONALDO MARQUES VALLE Distribuição: 03/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 2ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Apelante: Ministerio Publico Estadual Apelado: Marcio Roberto Albuquerque Dos Anjos (Advogado: Wellyda Carla Rosa Barcelos . Advogado: Priscila Da Paz Nascimento E Outros e Advogado: Leonardo Miguel Saad E Outros) Agravado: Marcus Vinicius Costa Solino (Advogado: Cassio De Carvalho Lobao) PROCESSO: 2010.Juiz (Advogado: Jose Cavalcante De Alencar Junior) Querelado: Jose Adaumir Arruda Da Silva . Publico) Apelado: A Justica Publica Vitima: V. PROCESSO: 2010.JUIZA CONVOCADA Distribuição: 03/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Recurso em Sentido Estrito 1ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Recorrente: Salmir Martins Da Costa (Advogado: Vandir Prado Silva E Outro) Recorrido: A Justica Publica Vitima: M.3.3.3. Advogado: Pedro Muxfeldt Palm Benet. M. Pub. P.015227-1 Prevento: Relator(a): ALBANIRA LOBATO BEMERGUY Distribuição: 03/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Conflito de Jurisdição TRIBUNAL PLENO Suscitante: Juizo Da Vara De Crimes Contra Criancas E Adolescentes e Ministerio Publico Do Estado Do Para Suscitado: Juizo Da 1ª Vara Penal De Icoaraci Interessado: Francisco Cardoso Brito (Advogado: Jose Arnaldo De Sousa Gama) Vitima: P.3.3.3.3.015218-0 Prevento: Relator(a): ALBANIRA LOBATO BEMERGUY Distribuição: 03/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 2ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Apelante: A.Edição nº 4651/2010 . PROCESSO: 2010. Total de Processos: 203 39 .3.3. 14 de Setembro de 2010 PROCESSO: 2010.003843-5 Relator(a): DIRACY NUNES ALVES Distribuição: 03/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Agravo de Instrumento 5ª CAMARA CIVEL ISOLADA Agravante: Banco Prosper S.3. de S.015221-3 Prevento: Relator(a): RONALDO MARQUES VALLE Distribuição: 03/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Recurso em Sentido Estrito 2ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Recorrente: Ministerio Publico Do Estado Do Para Recorrido: Francisco Domingos Leite De Souza Vitima: M.DIÁRIO DA JUSTIÇA .015212-2 Prevento: Relator(a): ALBANIRA LOBATO BEMERGUY Distribuição: 03/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Ação Penal .015225-5 Prevento: 2006.3.) Vitima: R. G. D. R.3. de N.Terça-Feira. Pub.3.015224-7 Prevento: Relator(a): RAIMUNDO HOLANDA REIS Distribuição: 03/09/2010 Situação: DISTRIBUIDO Ação: Apelação 3ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA Apelante: Diego De Sousa Amorim (Advogado: Edernilson Do Nascimento Barros .

no qual o requerente figura como réu. concluo. I.Delegado de Polícia Civil Requerido : Alan Rodrigo Campos Meirelles Decisão: No entanto. § 3º da Resolução nº 30 do CNJ.000213-5.7. motivo por que.. nos termos do art. 19. Belém. ato da magistrada que possa se constituir em infração administrativa. devendo referido rito ser seguido pelo Juiz. processo n.006032-7. 10 de setembro de 2010.719/2008. P. Por não vislumbrar nos fatos imputados na representação. Remeta-se cópia da presente decisão ao Corregedor Nacional de Justiça. Autos de Procedimento de Apuração Preliminar nº 032/2010-CJCI Representante: Juízo da 17ª Vara Especializada Criminal da Seção Judiciária da Bahia Representado: Juízo de Direito da Comarca de Tomé-Açu Decisão : (.. da Constituição Federal. 10 de setembro de 2010 03 . LXXVIII (acrescido pela EC nº 45/2004). 002067-8 Requerente : Luis Carlos Pereira Barbosa . nos termos do art. incumbe ultimar a marcha processual.. 04 .R. 01 .Edição nº 4651/2010 .Processo nº 2010.7.TJ/PA . 30 de agosto de 2010. determino àquele Juízo. 14 de Setembro de 2010 CORREGEDORIA DO INTERIOR Resenha n. em comento.) Isto posto. 10 de setembro de 2010. debates e julgamento do procedimento comum ordinário. ao Juiz de Direito da Comarca de Almeirim. Belém. Belém. § 3º da Resolução nº 30 do CNJ.DIÁRIO DA JUSTIÇA . "a todos. acolho o Relatório do Juiz Auxiliar e determino o ARQUIVAMENTO do presente Procedimento de Apuração Preliminar.) Isto posto.Terça-Feira.. no âmbito judicial e administrativo. concluo.R. Por não vislumbrar nos fatos imputados na representação.º 2007. P. § 3º da Resolução nº 30 do CNJ.(REPUBLICADA POR INCORREÇÃO) Pedido de Providências.º 097/2010-CJCI. concluo. Belém. I. (REPUBLICADA POR INCORREÇÃO) 02 .. 40 . e C. que envide os necessários esforços para concluir o feito. I. 5º. Remeta-se cópia da presente decisão ao Corregedor Nacional de Justiça.) Isto posto. no que diz respeito à realização de audiência única de instrução.R. no que diz respeito. são assegurados a razoável duração do processo e os meios que garantam a celeridade de sua tramitação". ato da magistrada que possa se constituir em infração administrativa. ato da magistrada que possa se constituir em infração administrativa. pois.7. 19.. Autos de Procedimento de Apuração Preliminar nº 026/2010-CJCI Representante: José Williams da Silva Representado: Juízo de Direito da Comarca de Tomé-Açu Decisão : (.006137-5 Autos de Procedimento de Apuração Preliminar nº 033/2010-CJCI Representante: Lucilene da Silva Tavares Representado: Juízo de Direito da Comarca de Tomé-Açu Decisão : (.005058-4. além da observância ao que dispõe o novo rito processual. 19.Processo nº 2010. mais especificamente. implementado por meio da Lei nº 11. e C. e C. Belém. acolho o Relatório do Juiz Auxiliar e determino o ARQUIVAMENTO do presente Procedimento de Apuração Preliminar. 13 de setembro de 2010 . Remeta-se cópia da presente decisão ao Corregedor Nacional de Justiça. em que pese a argumentação expendida alhures.Processo nº 2010. aos autos de processo crime nº 2006. nos termos do art.2. art. Por não vislumbrar nos fatos imputados na representação.7. À Secretaria desta Corregedoria de Justiça para as providências cabíveis. acolho o Relatório do Juiz Auxiliar e determino o ARQUIVAMENTO do presente Procedimento de Apuração Preliminar. P.

015399-8 Ação: Mandado de Segurança Em 10/09/2010 .13/09/2010 Secretaria: SECRETARIA JUDICIÁRIA PROCESSO: 2008. manifeste-se o impetrado.. Intime-se.Terça-Feira. Governador do Estado do Pará .Relatora.002789-4 Ação: Mandado de Segurança Em 13/09/2010 . indefiro a presente petição inicial e extingo o processo sem resolução de mérito. do Estado do Pará: Margarida Maria R. Gleide Pereira de Moura .DIÁRIO DA JUSTIÇA .) 41 . RESENHA .Despacho:"(.Relator(a): MARIA DE NAZARE SAAVEDRA GUIMARAES Impetrante: José Guilherme Bentes Capeloni (Advogados: Brenda da Silva Assis Araújo e outros) Impetrada: Exma. apresentar contrarrazões ao recurso no prazo legal.Relator(a): MARIA DO CARMO ARAÚJO E SILVA .Impetrado: Exmo.Embargado: Sebastião Marques de Souza (Defensora Pública: Leiliana Soares Lima) . Belém (PA). Publique-se. " (..) Ante o exposto e na forma da fundamentação acima expendida. Sr. 10 de setembro de 2010.Impetrante: Antônio Regis Macedo (Adv: Bruno Regis Bandeira Ferreira Macedo) ..3." RESENHA . querendo. Sra.005440-5 . Tatilla Passos Brito). Ferreira de Carvalho) .(..Edição nº 4651/2010 . Governadora do Estado do Pará. do valor correspondente à atualização do valor de precatório já pago.) Intime-se o embargado para.Embargante: Estado do Pará (Proc..Em 08/09/2010 .. Registre-se. 14 de Setembro de 2010 SECRETARIA JUDICIÁRIA RESENHA .3.Relator(a): Des(a).Litisconsorte: Estado do Pará (Procuradora do Estado: Dra. EMBARGOS DE DECLARAÇÃO EM MANDADO DE SEGURANÇA . (a) MARIA DE NAZARÉ SAAVEDRA GUIMARÃES Desembargadora . por meio de precatório suplementar.REF.13/09/2010 Secretaria: SECRETARIA JUDICIÁRIA PROCESSO: 2010. Considerando o pedido de pagamento. por ausência de direito líquido e certo a ser amparado pela via mandamental.13/09/2010 Secretaria: SECRETARIA JUDICIÁRIA PROCESSO: 2000.TJ/PA .3.

PARA QUE CUMPRA INTEGRALMENTE O ACÓRDÃO Nº 68.00 (HUM MIL REAIS). De Estado) Réu: Antonio Souza Trevea (Advogado: Thadeu De Jesus E Silva E Outros) O Secretário das Câmaras Cíveis Reunidas faz público que se encontra nesta Secretaria. 493 do CPC. para apresentação das contrarrazões. Belém. bem como a informação de que o impetrado não vem pagando referidas vantagens aos impetrantes MILTON MARTINS DE OLIVEIRA e VANDA LEILA DE SOUZA NUNES. 124. para cumprimento do disposto no art. Belém.002194-3 Ação: ACAO RESCISORIA Em 13/09/2010 . 144.que assegurou a vantagem pleiteada pelos requerentes . QUE DETERMINOU PAGAMENTO DE ADICIONAL DE EDUCAÇÃO ESPECIAL AOS IMPETRANTES. para que cumprisse de imediato a decisão.Relator(a): GLEIDE PEREIRA DE MOURA Autor: Iran Jose Dos Reis Lima (Advogado: Marcus Vinicius Costa Solino E Outro) Réu: Maria Celeste Da Cruz Adriao E Outra (Advogado: Marcio Arrais) Considerando a ausência de razões finais na presente ação. CONCEDENDO-LHE O PRAZO DE 30(TRINTA) DIAS PARA A ADOÇÃO DAS PROVIDÊNCIAS NECESSÁRIAS. Desa.05. Gleide Pereira de Moura Relatora 42 .Estado) GABINETE DA DESEMBARGADORA GLEIDE PEREIRA DE MOURA SECRETARIA DAS CÂMARAS CÍVEIS REUNIDAS MANDADO DE SEGURANÇA . Belém.002548-3 Ação: ACAO RESCISORIA Em 13/09/2010 . PROCESSO: 2006.Relator(a): PRESIDENCIA P/ JUIZO DE ADMISSIBILIDADE Autor: Estado Do Para (Advogado: Sergio Oliva Reis . para cumprimento do disposto no art.994. 13 de setembro de 2010. Nº 2006.000902-2 Ação: ACAO RESCISORIA Em 13/09/2010 . DETERMINO SEJA OFICIADO NOVAMENTE À AUTORIDADE IMPETRADA. interposto pelo Estado do Pará. SOB PENA DE PAGAMENTO DE MULTA DIÁRIA DE R$ 1. o que não foi implementado.001872-6 Ação: MANDADO DE SEGURANCA Em 13/09/2010 .Proc. Após. 14 de Setembro de 2010 SECRETARIA DAS CÂMARAS CÍVEIS REUNIDAS RESENHA .PROC. Após.Terça-Feira.000. para julgamento. retornem os autos conclusos.2010.Edição nº 4651/2010 .Relator(a): GLEIDE PEREIRA DE MOURA Autor: Christiane Soares Vilaca (Advogado: Walmir Moura Brelaz e Advogado: Danielle Souza De Azevedo) Réu: Municipio De Ananindeua (Advogado: Ariel Froes De Couto) Considerando a ausência de razões finais na presente ação.TJ/PA . 13 de setembro de 2010. Desembargadora GLEIDE PEREIRA DE MOURA Relatora PROCESSO: 2006.3.3.DIÁRIO DA JUSTIÇA . segundo petição de fl.ter transitado definitivamente em julgado. sendo agravado Antonio de Souza Trevea. retornem os autos conclusos.Relator(a): GLEIDE PEREIRA DE MOURA Impetrante: Heliane Nery Fidalgo E Outros (Advogado: Armando Soutello Cordeiro E Outra) Impetrado: Secretario Executivo De Administracao Do Estado Litisconsorte: Estado Do Para (Advogado: Jose Rubens Barreiros De Leao-Proc. Gleide Pereira de Moura Relatora PROCESSO: 2006. chamo o processo à ordem. o Agravo de Instrumento ao Colendo STJ.13/09/2010 Secretaria: SECRETARIA CÂMARAS CÍVEIS REUNIDAS PROCESSO: 2002.3.3. para julgamento.3. conforme certidão de fl. Desa.001872-6 IMPETRANTES: HELIANE NERY FIDALGO E OUTROS ADVOGADO: ARMANDO SOUTELLO CORDEIRO E OUTRA IMPETRADO : SECRETÁRIO DE ADMINISTRAÇÃO DO ESTADO DO PARÁ RELATORA: DESEMBARGADORA GLEIDE PEREIRA DE MOURA Considerando que a decisão concessiva da segurança . 13 de setembro de 2010. chamo o processo à ordem. já tendo sido inclusive oficiado ao mesmo em 04. 493 do CPC.

ou a complete. para julgamento.008464-1 Ação: Ação Rescisória Em 13/09/2010 .Terça-Feira.013679-6 Ação: Ação Rescisória Em 09/09/2010 .Relator(a): RICARDO FERREIRA NUNES Autor: Luiz Alberto Garcia Reggiardo (Advogado: Jose Celio Santos Lima E Outros) Réu: Celso Sabino De Oliveira e Fabiana Pereira Sabino De Oliveira Defiro os benefícios da Justiça gratuita. 485. sendo agravada Ruth Daisy Capistrano de Souza. do Código de Processo Civil. Desa. Estado) O Secretário das Câmaras Cíveis Reunidas faz público que se encontra nesta Secretaria. LEONARDO DE NORONHA TAVARES PROCESSUAL CIVIL .Edição nº 4651/2010 . retornem os autos conclusos. Após.DEPÓSITO PRÉVIO . De Castro Moura. chamo o processo à ordem. 488. o juiz indeferirá a petição inicial. Citem-se os requeridos. DO CPC PETIÇÃO INICIAL INDEFERIDA .3. II . Belém. De Castro Moura. E Outros) Considerando a ausência de razões finais na presente ação.Relator(a): PRESIDENCIA P/ JUIZO DE ADMISSIBILIDADE Impetrante: Ruth Daisy Capistrano De Souza (Advogado: Jose Raimundo Costa Da Silva E Outros) Impetrado: Secretaria Executiva De Educacao Do Estado Do Para Litisconsorte: Estado Do Para (Advogado: Simone Santana Fernandez De Bastos . para apresentação das contrarrazões. retornem os autos conclusos. II.COMÉRCIO E INDÚSTRIA DE MADEIRAS LTDA RÉU: ESPÓLIO DE TEREZA PINHO BARBOSA RELATOR: DES. 13 de setembro de 2010 DESA. 13 de stembro de 2010. interposto pelo Estado do Pará.DETERMINAÇÃO JUDICIAL NÃO CUMPRIDA . 493 do CPC. 35. querendo. Após. 14 de Setembro de 2010 PROCESSO: 2008. o Agravo de Instrumento ao Colendo STJ.3. PROCESSO: 2010.002936-7 Ação: Ação Rescisória Em 13/09/2010 . Se o autor não cumprir a diligência. I .Exordial da ação rescisória indeferida. 282 e 283. V e IX. 295 DO CPC.Proc. ou que apresenta defeitos e irregularidades capazes de dificultar o julgamento de mérito.ART. in verbis: 43 .Relator(a): GLEIDE PEREIRA DE MOURA Autor: Isabel Souza Da Costa (Advogado: Andrea Simone De Moura Paiva) Réu: Maria Jose Da Consolacao Freitas (Advogado: Marcos M.005676-2 Ação: Ação Rescisória Em 02/09/2010 . Belém. (. para cumprimento do disposto no art.TJ/PA . para julgamento.3. responder aos termos da ação.(Advogado: Ildemar Campos Freitas) Réu: Patricia Lena Conceicao De Almeida (Advogado: Raimundo Kulkamp e Advogado: Jose Olavo Salgado Marques) Considerando a ausência de razões finais na presente ação.AÇÃO RESCISÓRIA .Comércio e Indústria de Madeiras Ltda em face do Espólio de Tereza Pinho Barbosa. Jr E Outra) e Acacio Da Graca Santos (Advogado: Marcos M. no prazo de 10 (dez) dias. Parágrafo único.Relator(a): GLEIDE PEREIRA DE MOURA Autor: Jose Maria Olascuaga De Almeida .Relator(a): LEONARDO DE NORONHA TAVARES Autor: Cimal Comercio E Industria De Madeiras Ltda (Advogado: Waldir Da Silveira Vianna) Réu: Espolio De Tereza Pinho Barbosa SECRETARIA DAS CÂMARAS CÍVEIS REUNIDAS COMARCA DE BELÉM/PA AÇÃO RESCISÓRIA N° 20103013679-6 AUTOR: CIMAL . determinará que o autor a emende. Jr.DIÁRIO DA JUSTIÇA ..ART. GLEIDE PEREIRA DE MOURA Relatora PROCESSO: 2009. À fl. a teor do artigo 491. determinei que o autor emendasse a exordial. para. 493 do CPC. Jorge B. no prazo de 30 (trinta) dias. para cumprimento do disposto no art. com as cautelas legais. do CPC por Cimal . DECISÃOMONOCRÁTICA Trata-se de ação rescisória com pedido liminar ajuizada com fundamento no permissivo legal do art. PROCESSO: 2010. Jorge B. GLEIDE PEREIRA DE MOURA Relatora PROCESSO: 2009.Verificando o juiz que a petição inicial não preenche os requisitos exigidos nos arts. chamo o processo à ordem.3.014546-9 Ação: Mandado de Segurança Em 13/09/2010 .).3.

TJ/PA - DIÁRIO DA JUSTIÇA - Edição nº 4651/2010 - Terça-Feira, 14 de Setembro de 2010
"Trata-se de ação rescisória com pedido liminar ajuizada com fundamento no permissivo legal do art. 485, V e IX, do CPC por Cimal - Comércio e Indústria de Madeiras Ltda em face do Espólio de Tereza Pinho Barbosa. Emende a inicial, na forma do art. 282 c/c art. 283 do CPC, para que seja acostado o contrato social e sua última alteração para se verificar se o outorgante à fl. 22 detém poderes na qualidade de sócio. No mesmo sentido que seja instruída com todos os documentos indispensáveis à propositura da ação (tanto colacionados na consignatória quanto na ação de despejo e outros ao interesse do autor), especialmente com a finalidade de se verificar o valor atualizado conferido à causa na origem. Em seguida, efetive o depósito previsto no art. 488, II, do CPC, devidamente atualizado. Por fim que seja adequado o pedido em conformidade com o que determina o art. 488, I, do CPC, tudo sob pena de indeferimento da inicial. Após, conclusos." Peticionou o autor (fls. 38/39) acostando a emenda à exordial e documentos (fls. 40/100). À fl. 101 foi lavrada a seguinte certidão pelo Secretário em exercício das Câmaras Cíveis Reunidas, in verbis: "CERTIFICO, em virtude das atribuições que me são conferidas por lei, que, compulsando os autos de AÇÃO RESCISÓRIA (Processo nº. 2010.3.013679-6) em que figuram como Autora CIMAL COMÉRCIO E INDÚSTRIA DE MADEIRAS LTDA e, como Réu, ESPÓLIO DE TEREZA PINHO BARBOSA constatei que, até a presente data, não foi efetivado o depósito exigido pelo art. 488, II, do Código de Processo Civil, tendo a Autora procedido, somente, à complementação das custas iniciais da ação em comento (fls. 99/100). O referido é verdade e dou fé. Belém (PA), 02 de setembro de 2010. Bel. DAVID JACOB BASTOS, Secretário das Câmaras Cíveis Reunidas, em exercício." É o relatório. Decido. No caso dos autos em razão da relutância do autor em não cumprir a determinação judicial de emendar correta e devidamente a exordial, o indeferimento da petição inicial e a extinção do processo é medida que se impõe. A petição inicial deve preencher os requisitos exigidos pelo art. 282 do CPC, ou seja, o juiz ou tribunal a que é dirigida; os nomes, prenomes, estado civil, profissão; domicílio e residência do autor e do réu; o fato e os fundamentos jurídicos do pedido; o pedido com as suas especificações; o valor da causa; as provas com o que o autor pretende demonstrar a verdade dos fatos alegados e o requerimento para a citação do réu. Com relação à ação rescisória, urge ressaltar que somente as sentenças de mérito são passíveis de desconstituição por meio desta ação autônoma de impugnação. E a toda evidência, a expressão 'sentença' encontra sua interpretação/leitura em sua modalidade ampla, devendo ser incluída, também, todas as decisões com efetiva carga jurisdicional e de mérito. Assim e por consequência, deve ser incluído o acórdão, a decisão monocrática proferida pelo Relator na forma do art. 557 do CPC e até mesmo a decisão interlocutória. Os requisitos exigidos pelo Código de Processo Civil são necessários para que, efetivamente, haja a perfeita individualização do pedido. Assim determina o art. 284 do CPC, in verbis: "Art. 284 - Verificando o juiz que a petição inicial não preenche os requisitos exigidos nos arts. 282 e 283, ou que apresenta defeitos e irregularidades capazes de dificultar o julgamento de mérito, determinará que o autor a emende, ou a complete, no prazo de 10 (dez) dias. Parágrafo único. Se o autor não cumprir a diligência, o juiz indeferirá a petição inicial." A exordial deve ser indeferida nas hipóteses previstas no art. 295 do CPC, devendo ser condicionado o seu indeferimento ao prévio diálogo com o demandante, na forma do art. 284 do mesmo diploma. Sobre este tema já se pronunciou o Superior Tribunal de Justiça: "1. Petição Inicial. A petição inicial da ação rescisória tem de obedecer aos requisitos gerais dos art. 282 e 283, CPC, além de ter de atender aos requisitos específicos do art. 488, CPC. Se a petição inicial se ressente de defeito sanável, a parte tem direito subjetivo à emenda da petição inicial, sendo vedado ao juiz indeferi-la sem prévio diálogo com o demandante (STJ, 3ª Turma, REsp nº 846.227/MT, Rel. Min. Nancy Andrighi, DJ de 18/06/2003. Vale dizer: viola o art. 284, CPC, a decisão judicial que indefere desde logo a petição inicial, sem possibilitar ao demandante a sua emenda." Quanto à tecnicidade inerente ao procedimento rescisório, além dos requisitos exigidos pelos arts. 282 e 284, urge à estrita observância do que determina o art. 488 e seguintes do CPC: "Art. 488. A petição inicial será elaborada com observância dos requisitos essenciais do art. 282, devendo o autor: (...) II - depositar a importância de 5% (cinco por cento) sobre o valor da causa, a título de multa, caso a ação seja, por unanimidade de votos, declarada inadmissível, ou improcedente. Parágrafo único. Não se aplica o disposto no no II à União, ao Estado, ao Município e ao Ministério Público." (grifei) Ora, apesar de devidamente intimada o autor não foi diligente em cumprir efetivamente as determinações judiciais, eis que não recolheu os valores devidos a título do depósito da importância de 5% sobre o valor conferido à causa. Mormente quando devidamente certificado pelo Secretário da Câmara. Ademais, valor este sem a devida comprovação fática de sua realidade em primeiro grau de jurisdição. E considerando que ainda não ocorreu a efetivação do ato citatório é perfeitamente possível o indeferimento da exordial neste momento processual. Nesse sentido assim vem entendendo o Superior Tribunal de Justiça: "PROCESSUAL CIVIL. AÇÃO RESCISÓRIA. CUMULAÇÃO DE PEDIDOS. ART. 488, I, DO CPC. OBRIGATORIEDADE. A cumulação dos pedidos do iudicium rescindens e do iudicium rescissorium, prevista no art. 488, I, do CPC, ressalvados os casos em que não é cabível (como, por exemplo, os de ação rescisória proposta com fulcro nos incisos II ou IV do art. 485 do CPC), é obrigatória, não se podendo

44

TJ/PA - DIÁRIO DA JUSTIÇA - Edição nº 4651/2010 - Terça-Feira, 14 de Setembro de 2010
considerar como implícito o pedido de novo julgamento, tendo em vista que o caput daquele dispositivo dispõe, expressamente, que o autor deve formular ambos os requerimentos na inicial. Recurso conhecido e provido. (STJ, REsp nº 386410/RS, Relator Ministro Felix Fischer, Quinta Turma, DJ de 14/04/2004)." Assim, tenho como não atendida à determinação judicial de emenda da exordial para que sejam observados os requisitos previstos no art. 282 c/c art. 485, I, todos do Código de Processo Civil. Em face de todo o exposto, INDEFIRO a petição inicial, nos termos do art. 295, inciso VI, do Código de Processo Civil. Logo, JULGO EXTINTO o feito, sem resolução de mérito, nos termos do art. 267, inciso I, do mesmo codex. Autorizo o autor, caso queira, a desentranhar os documentos que instruíram a inicial mediante o respectivo translado. Destaco a desnecessidade de intimação pessoal da parte para a extinção do feito sem resolução de mérito, com base em decisão já apreciada pelo Superior Tribunal de Justiça - REsp nº 703.998/RJ, sob a relatoria do Ministro Luiz Fux, DJ de 24/10/2005. Custas na forma da lei. Belém (PA), de setembro de 2010.

LEONARDO DE NORONHA TAVARES RELATOR

PROCESSO: 2010.3.014913-7 Ação: Ação Rescisória Em 08/09/2010 - Relator(a): LEONARDO DE NORONHA TAVARES Autor: Jose Ribamar Tavares (Advogado: Samuel Borges Cruz) Réu: Antonio Maria Franco Costa (Advogado: Israel Barbosa) SECRETARIA DAS CÂMARAS CÍVEIS REUNIDAS COMARCA DE BELÉM/PA AÇÃO RESCISÓRIA N° 20103014913-7 AUTOR: JOSÉ RIBAMAR TAVARES RÉU: ANTÔNIO MARIA FRANCO COSTA RELATOR: DES. LEONARDO DE NORONHA TAVARES DECISÃO Trata-se de ação rescisória com pedido liminar ajuizada com fundamento no art. 485 do CPC por José Ribamar Tavares em face de Antônio Maria Franco Costa. Emende a inicial, na forma do art. 282 c/c art. 283 do CPC, para que seja alterado o valor conferido à causa em detrimento do bem da vida perseguido, mormente quando já foi instaurado a fase do cumprimento de sentença na origem. Nesse sentido assim vem ensinando o Professor Daniel Amorim Neves, Ed. Método, 2009, p.681: "No tocante ao valor da causa, entendo que se deva analisar no caso concreto o valor econômico do bem da vida perseguido pelo autor da ação rescisória, não existindo uma vinculação necessária entre o valor da causa do processo originário e o da ação rescisória." Nesse sentido é o que vem decidindo o Superior Tribunal de Justiça: REsp nº 913.751/DF, DJ de 04/10/2007. Após, efetive e complemente o depósito previsto no art. 488, II, do CPC, devidamente atualizado. Após, conclusos. Belém (PA), 08 de setembro de 2010. LEONARDO DE NORONHA TAVARES RELATOR

PROCESSO: 2010.3.015352-6 Ação: Mandado de Segurança Em 09/09/2010 - Relator(a): LEONARDO DE NORONHA TAVARES Impetrante: Edilson Maximo Da Silva (Advogado: Rosane Baglioli Dammski E Outros) Impetrado: Secretario De Estado De Administracao SECRETARIA DAS CÂMARAS CÍVEIS REUNIDAS COMARCA DE BELÉM/PA MANDADO DE SEGURANÇA N° 20103015352-6 IMPETRANTE: EDILSON MÁXIMO DA SILVA AUTORIDADE APONTADA COMO COATORA: SECRETÁRIO DE ESTADO DE ADMINISTRAÇÃO DO ESTADO DO PARÁ RELATOR: DES. LEONARDO DE NORONHA TAVARES DECISÃO

45

TJ/PA - DIÁRIO DA JUSTIÇA - Edição nº 4651/2010 - Terça-Feira, 14 de Setembro de 2010
EDILSON MÁXIMO DA SILVA impetrou mandado de segurança com pedido de liminar, em que apontou como autoridade coatora o Excelentíssimo Secretário de Administração do Estado do Pará. Sustentou que é policial militar e que foi transferido para o interior do Estado do Pará, por vários períodos intercalados, de 1982 a 2002. Totalizando 17 anos, 07 meses e 02 dias. Aduziu que possui direito à incorporação do adicional de interiorização no valor de 100% (cem por cento), na forma da Lei Estadual nº 5652/91 e que estão presentes tanto o fumus boni iuris e o periculum in mora. Pugnou pelo deferimento do pedido liminar e no mérito, a concessão da segurança. Requereu os benefícios da Lei nº 1060/50. Acostou documentos (fls. 14/19). É o relatório. DECIDO. Defiro a gratuidade de justiça requerida. É cediço que para a concessão de medida excepcional, são indispensáveis à presença dos requisitos legais, quais sejam: o fumus boni juris e o periculum in mora. Assim dispõe o art. 7°, § 2º, da Nova Lei do Mandado de segurança n° 12.016/09, in verbis: "Art. 7o - Ao despachar a inicial, o juiz ordenará: (...) § 2o Não será concedida medida liminar que tenha por objeto a compensação de créditos tributários, a entrega de mercadorias e bens provenientes do exterior, a reclassificação ou equiparação de servidores públicos e a concessão de aumento ou a extensão de vantagens ou pagamento de qualquer natureza." Em sede de cognição sumária, no caso dos autos verifica-se que não se encontra presente a fumaça do bom direito, na medida em que o deferimento do pedido excepcional implicará, imperiosamente, na concessão de aumento, extensão de vantagens ou pagamentos de qualquer natureza. Ante o exposto, indefiro o pedido excepcional. Venham às informações da autoridade apontada como coatora. Cite-se o Estado do Pará para compor à lide na qualidade de litisconsorte passivo necessário. Prestadas as devidas informações, encaminhem-se os presentes autos ao Ministério Público. Belém (PA), 09 de setembro de 2010. LEONARDO DE NORONHA TAVARES RELATOR

46

TJ/PA - DIÁRIO DA JUSTIÇA - Edição nº 4651/2010 - Terça-Feira, 14 de Setembro de 2010

SECRETARIA DAS CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS
O Secretário das Câmaras Criminais Reunidas, em exercício, Alexandre Augusto da Fonseca Mendes, faz público as decisões exaradas nos seguintes feitos (parte final): 1 - PROCESSO Nº 2010.3.015195-0 ; HABEAS CORPUS - Impetrante: Sergio Bahia Baptista- Paciente: Josias Mescouto Pereiral- Relator(a) Desembargador(a): Ronaldo Marques Valle- Despacho: "Anoto que os elementos acostados aos autos pelo impetrante não permitem a convicção de que estão presentes os requisitos do fumus boni juris e do periculum in mora, razão pela qual indefiro a liminar." 2 - PROCESSO Nº 2010.3.013379-2 ; HABEAS CORPUS - Impetrante: Dorivaldo de Almeida Belém- Paciente: Rosivane Rufino Santa BrígidaRelator(a) Desembargador(a): Raimundo Holanda Reis- Despacho: "Tendo em vista as informações prestadas pela autoridade coatora, não vislumbro, no presente momento, os pressupostos cautelares autorizadores da concessão liminar da ordem de habeas corpus, razão pela qual indefiro o pedido." 3 - PROCESSO Nº 2010.3.014194-3 ; HABEAS CORPUS - Impetrante: Marco Antonio Gomes de Carvalho Paciente: Osmar de Sousa Nascimento Junior- Relator(a) Desembargador(a): Raimundo Holanda Reis- Despacho: "Tendo em vista as informações prestadas pela autoridade coatora, não vislumbro, no presente momento, os pressupostos cautelares autorizadores da concessão liminar da ordem de habeas corpus, razão pela qual indefiro o pedido." 4 - PROCESSO Nº 2010.3.014449-2 ; HABEAS CORPUS - Impetrante: Pedro Hamilton de Oliveira Nery- Paciente: Denilza Viana Paes- Relator(a) Desembargador(a): Raimundo Holanda Reis- Despacho: "Tendo em vista as informações prestadas pela autoridade coatora, não vislumbro, no presente momento, os pressupostos cautelares autorizadores da concessão liminar da ordem de habeas corpus, razão pela qual indefiro o pedido." 5 - PROCESSO Nº 2010.3.014463-2 ; HABEAS CORPUS - Impetrante: Paulo Roberto Silva Avelar- Paciente: Adelson da Vera Cruz- Relator(a) Desembargador(a): Raimundo Holanda Reis- Despacho: "Tendo em vista as informações prestadas pela autoridade coatora, não vislumbro, no presente momento, os pressupostos cautelares autorizadores da concessão liminar da ordem de habeas corpus, razão pela qual indefiro o pedido." 6 - PROCESSO Nº 2010.3.012437-9 ; HABEAS CORPUS - Impetrante: Dorivaldo de Almeida Belém- Paciente: Telma do Socorro Rosa da Silva- Relator(a) Desembargador(a): Raimundo Holanda Reis- Despacho: "Tendo em vista as informações prestadas pela autoridade coatora, não vislumbro, no presente momento, os pressupostos cautelares autorizadores da concessão liminar da ordem de habeas corpus, razão pela qual indefiro o pedido." Belém, 14 de setembro de 2010, Alexandre Augusto da Fonseca Mendes, Secretário das Câmaras Criminais Reunidas, em exercício. 3ª SESSÃO EXTRAORDINÁRIA DAS CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS, REALIZADA EM 10 DE SETEMBRO DE 2010, SOB A PRESIDÊNCIA DA EXCELENTÍSSIMA SENHORA DESEMBARGADORA RAIMUNDA DO CARMO GOMES NORONHA. Aos dez dias do mês de setembro do ano de dois mil e dez, nesta Cidade de Belém, capital do Estado do Pará, na respectiva Sala de Reuniões do Edifício-Sede do Tribunal de Justiça do Estado do Pará , às 09h05min, a Excelentíssima Senhora Desembargadora Raimunda do Carmo Gomes Noronha, Presidente das Câmaras Criminais Reunidas, declarou aberta a 3ª Sessão Extraordinária das Câmaras Criminais Reunidas, com a presença dos Exmos. Srs. Des es . Albanira Lobato Bemerguy, Raimundo Holanda Reis, Maria de Nazaré Silva Gouveia dos Santos e Ronaldo Marques Valle, da Exma. Sra. Juíza Convocada Nadja Nara Cobra Meda, da Exma. Sra. Desª. Helena Percila de Azevedo Dornelles, da Exma. Sra. Juíza Convocada Elena Farag, as duas últimas especialmente convocadas para compor o quorum de julgamento, do Exmo. Sr. representante do Ministério Público, Dr. Cláudio Bezerra de Melo, e do Secretário das Câmaras Criminais Reunidas, em exercício, Dr. Alexandre Augusto da Fonseca Mendes. Ausências justificadas dos Exmos. Srs. Des es . João José da Silva Maroja (viagem a serviço do TRE/PA), Vania Fortes Bitar (férias), Brígida Gonçalves dos Santos (férias) e Vânia Lúcia Carvalho da Silveira (férias). Após lida e aprovada a Ata da Sessão anterior, a Exma. Sra. Desª. Presidente deu início aos trabalhos na seguinte ordem: JULGAMENTOS EXTRAPAUTA 01-HABEAS CORPUS LIBERATÓRIO COM PEDIDO DE LIMINAR - 20103013593-8 Comarca de Origem: BELÉM Impetrante(s): Def. Púb. Mônica Palheta Furtado Belém Dias Paciente(s): Iranildo Souza Borges Impetrado: Juiz(a) de Direito da 1ª Vara de Inquéritos Policiais e Medidas Cautelares da Comarca da Capital Procuradora de Justiça: Dra. Dulcelinda Lobato Pantoja Relator(a): Des(a). RAIMUNDO HOLANDA REIS À unanimidade, as Egrégias Câmaras julgaram prejudicado o pedido, em razão do paciente já ter sido colocado em liberdade. 02-HABEAS CORPUS LIBERATÓRIO COM PEDIDO DE LIMINAR - 20103011119-4 Comarca de Origem: ABAETETUBA Impetrante(s): Adv. Ângelo José Lobato Rodrigues Paciente(s): Jorge Inahian Arnoud Rodrigues da Silva Impetrado: Juiz(a) de Direito da 3ª Vara Penal da Comarca de Abaetetuba Procuradora de Justiça: Dra. Ester de Moraes Neves de Outeiro Relator(a): Des(a). RAIMUNDO HOLANDA REIS À unanimidade, as Egrégias Câmaras conheceram parcialmente da impetração do habeas corpus e, nessa parte, denegaram a ordem. 03-CORREIÇÃO PARCIAL - 20063001688-7 Comarca de Origem: BELÉM Requerente(s): Ministério Público do Estado do Pará (Promotora de Justiça Evangelina Alencar Farah)

47

TJ/PA - DIÁRIO DA JUSTIÇA - Edição nº 4651/2010 - Terça-Feira, 14 de Setembro de 2010
Requerido(s): Juízo de Direito da Vara de Execuções Penais da Comarca da Capital Réu(s): Hermógenes Jurandir da Silva Filho Procuradora de Justiça: Dra. Mariza Machado da Silva Lima Rela tor(a): Des(a). RONALDO MARQUES VALLE À unanimidade, as Egrégias Câmaras julgaram prejudicado o pedido correicional. 04-EMBARGOS DE DECLARAÇÃO COM EFEITOS INFRINGENTES - 20093001048-0 Comarca de Origem: BELÉM Embargante(s): Bárbara Meira Anijar Sampaio, representada por Aline Ferreira Meira (Adv. Rodolfo Meira Roessing) Embargado(s): Justiça Pública (V. Acórdão nº 87.078, das Câmaras Criminais Reunidas, publicado no Diário da Justiça de 03.05.2010) Procuradora de Justiça: Dra. Ester de Moraes Neves de Outeiro Relator(a): Des(a). RONALDO MARQUES VALLE À unanimidade, as Egrégias Câmaras não conheceram dos embargos opostos, em razão de terem sido ajuizados intempestivamente. JULGAMENTOS PAUTADOS 01-HABEAS CORPUS LIBERATÓRIO COM PEDIDO DE LIMINAR - 20103011259-8 Comarca de Origem: BELÉM Impetrante(s): Adv. Rômulo de Souza Dias Paciente(s): Bruno Alex Souza de Oliveira Impetrado: Juiz(a) de Direito da 9ª Vara Penal da Comarca da Capital Procurador de Justiça: Dr. Luiz Cesar Tavares Bibas Rela tor(a): Des(a). JOÃO JOSÉ DA SILVA MAROJA ADIADO em razão da ausência justificada do Exmo. Des. Relator. 02-HABEAS CORPUS LIBERATÓRIO COM PEDIDO DE LIMINAR - 20103010319-1 Comarca de Origem: BELÉM Impetrante(s): Adv. Sérgio Sena Gonçalves Paciente(s): Marcelo Augusto Teixeira Pacheco Impetrado: Juiz(a) de Direito da 1ª Vara Penal de Inquéritos Policiais e Medidas Cautelares da Comarca da Capital Procuradora de Justiça: Dra. Ester de Moraes Neves de Outeiro Rela tor(a): Juiz(a) Convocado(a) NADJA NARA COBRA MEDA ADIADO a pedido da Exma. Juíza Convocada Relatora, para cumprimento de diligências. 03-HABEAS CORPUS LIBERATÓRIO COM PEDIDO DE LIMINAR - 20103013604-3 Comarca de Origem: IGARAPÉ-AÇU Impetrante(s): Adv. Francisco Caetano Miléo Paciente(s): Renato Barros Rambo Impetrado: Juiz(a) de Direito da Comarca de Igarapé-Açu Procurador de Justiça: Rela tor(a): Des(a). MARIA DE NAZARÉ SILVA GOUVEIA DOS SANTOS À unanimidade, as Egrégias Câmaras julgaram prejudicado o pedido, em razão do paciente já ter sido colocado em liberdade. 04-HABEAS CORPUS LIBERATÓRIO - 20103013589-7 Comarca de Origem: URUARÁ Impetrante(s): Antônio Valdiney Cardoso Rodrigues Paciente(s): Antônio Valdiney Cardoso Rodrigues Impetrado: Juiz(a) de Direito da Comarca de Uruará Procurador de Justiça: Rela tor(a): Des(a). MARIA DE NAZARÉ SILVA GOUVEIA DOS SANTOS À unanimidade, as Egrégias Câmaras julgaram prejudicado o pedido, em razão do paciente já ter sido colocado em liberdade. 05-HABEAS CORPUS LIBERATÓRIO COM PEDIDO DE LIMINAR - 20103011610-2 Comarca de Origem: MARITUBA

48

TJ/PA - DIÁRIO DA JUSTIÇA - Edição nº 4651/2010 - Terça-Feira, 14 de Setembro de 2010
Impetrante(s): Adv. Marcos Bahia Begot Paciente(s): Adriano de Oliveira Brito Impetrado: Juiz(a) de Direito da 2ª Vara Cível e Penal da Comarca de Marituba Procuradora de Justiça: Dra. Dulcelinda Lobato Pantoja Rela tor(a): Des(a). RONALDO MARQUES VALLE À unanimidade, as Egrégias Câmaras julgaram prejudicado o pedido, em razão do paciente já ter sido colocado em liberdade. 06-HABEAS CORPUS PREVENTIVO COM PEDIDO DE LIMINAR - 20103009096-8 Comarca de Origem: BELÉM Impetrante(s): Adv. Maurílio Eugênio dos Santos Moura e Edison Messias de Almeida Paciente(s): Eujácio Ferreira de Almeida Impetrado: Juiz(a) de Direito da 5ª Vara de Família da Comarca da Capital Promotor(a) de Justiça Convocado(a): Dr. Hezedequias Mesquita da Costa Rela tor(a): Des(a). RONALDO MARQUES VALLE À unanimidade, as Egrégias Câmaras homologaram a desistência requerida. 07-MEDIDA CAUTELAR CRIMINAL - 20103011152-4 Comarca de Origem: PARAUAPEBAS Requerente(s): Alessandro Camilo de Lima (Advs. Flávia Christina Maranhão Campos Gomes e Rosa Keilla Sousa de Souza) Requerido(s): Juiz(a) de Direito da 3ª Vara Penal da Comarca de Parauapebas Procuradora de Justiça: Dra. Mariza Machado da Silva Lima Rela tor(a): Des(a). RONALDO MARQUES VALLE À unanimidade, as Egrégias Câmaras julgaram prejudicado o pedido, em razão da perda do objeto. 08-HABEAS CORPUS LIBERATÓRIO COM PEDIDO DE LIMINAR - 20103014178-7 Comarca de Origem: BELÉM Impetrante(s): Advs. Osvaldo Serrão e Valério Saavedra Paciente(s): Antônio Carlos Vilaça Impetrado: Juiz(a) de Direito da Vara de Crimes contra Crianças e Adolescentes da Comarca da Capital Procurador de Justiça: Dr. Cláudio Bezerra de Melo Rela tor(a): Des(a). RAIMUNDO HOLANDA REIS Obs 1 : Houve manifestação do Exmo. Procurador de Justiça, Dr. Cláudio Bezerra de Melo. Obs 2 : Houve sustentação oral. À unanimidade, as Egrégias Câmaras concederam a ordem. 09-HABEAS CORPUS LIBERATÓRIO COM PEDIDO DE LIMINAR - 20103009921-7 Comarca de Origem: BELÉM Impetrante(s): Adv. Omar Adamil Saré Paciente(s): Rosivam Moraes de Almeida ou Rosevan Moraes de Almeida Impetrado: Juiz(a) de Direito da 2ª Vara Penal Distrital de Icoaraci Procuradora de Justiça: Dra. Mariza Machado da Silva Lima Rela tor(a): Juiz(a) Convocado(a) NADJA NARA COBRA MEDA Obs: Houve sustentação oral. ADIADO em razão de vista à Exma. Desª. Albanira Lobato Bemerguy. Antes do deferimento do pedido de vista, a Exma. Juíza Convocada Nadja Nara Cobra Meda (Relatora) e o Exmo. Des. Raimundo Holanda Reis votaram pela denegação da ordem e a Exma. Desª. Maria de Nazaré Silva Gouveia dos Santos, pela concessão da ordem. 10-HABEAS CORPUS PREVENTIVO COM PEDIDO DE LIMINAR - 20103012682-0 Comarca de Origem: SALINÓPOLIS Impetrante(s): Adv. Carlos Olavo Meschede da Silveira Paciente(s): Antônio Rogério Pereira de Oliveira Impetrado: Juiz(a) de Direito da Comarca de Salinópolis Procurador de Justiça: Dr. Adélio Mendes dos Santos

49

TJ/PA - DIÁRIO DA JUSTIÇA - Edição nº 4651/2010 - Terça-Feira, 14 de Setembro de 2010
Rela tor(a): Juiz(a) Convocado(a) NADJA NARA COBRA MEDA Liminar concedida Obs: Houve sustentação oral realizada pelo advogado Clodomir Araújo Júnior (OAB/PA nº 10.686), com instrumento procuratório apresentado em sessão. À unanimidade, as Egrégias Câmaras concederam a ordem, confirmando a liminar anteriormente deferida. 11-HABEAS CORPUS PARA TRANCAMENTO DE AÇÃO PENAL - 20103005350-2 Comarca de Origem: BELÉM Impetrante(s): Adv. Mário Barros Neto Paciente(s): Rosana Brandão, Abrahão Bendahan, Arminda Moraes e Antônio Ferreira Impetrado: 2ª Turma Recursal Cível e Criminal dos Juizados Especiais da Comarca da Capital Procuradora de Justiça: Dra. Ester de Moraes Neves de Outeiro Rela tor(a): Juiz(a) Convocado(a) NADJA NARA COBRA MEDA Obs: Houve sustentação oral. Por maioria de votos, as Egrégias Câmaras não conheceram da impetração do habeas corpus, vencido o Exmo. Des. Raimundo Holanda Reis, que conhecia da impetração do writ e, no mérito, determinava a devolução do processo à Turma Recursal ora inquinada coatora, para que, por sua vez, retornasse o feito ao juízo de 1ª instância, que decidiria sobre o recebimento ou não da peça acusatória. Obs: Após o julgamento deste feito, às 11h04min, a sessão foi suspensa, para lanche dos Desembargadores, sendo reiniciada às 11h34min. 12-HABEAS CORPUS PREVENTIVO COM PEDIDO DE LIMINAR - 20103008624-8 Comarca de Origem: BELÉM Impetrante(s): Advs. Alessandra Araújo Tavares e Haroldo Guilherme Pinheiro da Silva Paciente(s): Licurgo Nunes Bastos Júnior Impetrado: Juiz(a) de Direito da 6ª Vara de Família da Comarca da Capital Procuradora de Justiça: Dra. Edna Guilhermina Santos dos Santos Rela tor(a): Des(a). RONALDO MARQUES VALLE Com o voto de desempate da Exma. Desª. Raimunda do Carmo Gomes Noronha (Presidente), as Egrégias Câmaras concederam a ordem, vencidos o Exmo. Des. Ronaldo Marques Valle (Relator) e as Exmas. Juízas Convocadas Nadja Nara Cobra Meda e Elena Farag, ficando designado o Exmo. Des. Raimundo Holanda Reis para proceder à lavratura do respectivo acórdão. Neste feito, a Exma. Desª. Albanira Lobato Bemerguy absteve-se de votar, em razão de não ter assistido à leitura do relatório. 13- HABEAS CORPUS LIBERATÓRIO COM PEDIDO DE LIMINAR - 20103011034-4 Comarca de Origem: ANANINDEUA Impetrante(s): Adv. Dorivaldo de Almeida Belém Paciente(s): José Eudes Coutinho Costa Impetrado: Juiz(a) de Direito da 9ª Vara Penal da Comarca de Ananindeua Procuradora de Justiça: Dra. Edna Guilhermina Santos dos Santos Rela tor(a): Des(a). ALBANIRA LOBATO BEMERGUY À unanimidade, as Egrégias Câmaras denegaram a ordem. Neste feito, consta nos autos declaração de suspeição firmada pela Exma. Juíza Convocada Nadja Nara Cobra Meda. 14- HABEAS CORPUS LIBERATÓRIO COM PEDIDO DE LIMINAR - 20103011803-3 Comarca de Origem: BELÉM Impetrante(s): Def. Púb. Fábio Pires Namekata Paciente(s): Diego Nazareno Antunes Conceição Impetrado: Juiz(a) de Direito da 2ª Vara Penal da Comarca da Capital Procuradora de Justiça: Dra. Edna Guilhermina Santos dos Santos Rela tor(a): Des(a). ALBANIRA LOBATO BEMERGUY À unanimidade, as Egrégias Câmaras denegaram a ordem. 15-HABEAS CORPUS PARA TRANCAMENTO DE AÇÃO PENAL COM PEDIDO DE LIMINAR - 20103001716-0 Comarca de Origem: BELÉM Impetrante(s): Advs. Thiago Ramos do Nascimento e João Constantino Tork Paciente(s): Eduardo Nunes Andrade e Clívia Santana da Silva Impetrado: Juiz(a) de Direito da 8ª Vara Penal da Comarca da Capital

50

TJ/PA - DIÁRIO DA JUSTIÇA - Edição nº 4651/2010 - Terça-Feira, 14 de Setembro de 2010
Procurador de Justiça: Dr. Geraldo Magela Pinto de Souza Rela tor(a): Juiz(a) Convocado(a) NADJA NARA COBRA MEDA À unanimidade, as Egrégias Câmaras rejeitaram o agravo regimental interposto e, no mérito, denegaram a ordem. 16-HABEAS CORPUS LIBERATÓRIO COM PEDIDO DE LIMINAR - 20103012430-3 Comarca de Origem: BELÉM Impetrante(s): Adv. Yone Rosely Francês Lopes Paciente(s): Anderson de Souza Farias Impetrado: Juiz(a) de Direito da 2ª Vara Penal da Comarca da Capital Procurador de Justiça: Dr. Ricardo Albuquerque da Silva Rela tor(a): Des(a). RAIMUNDO HOLANDA REIS À unanimidade, as Egrégias Câmaras não conheceram da impetração do habeas corpus . 17-HABEAS CORPUS PARA DECLARAÇÃO DE ILICITUDE DE PROVA E NULIDADE DA RECONSTITUIÇÃO DO CRIME COM PEDIDO DE LIMINAR - 20103011678-0 Comarca de Origem: ACARÁ Impetrante(s): Adv. Marcus Vinícius Nascimento Almeida Paciente(s): Anderson Cruz da Silva Impetrado: Juiz(a) de Direito da Comarca de Acará Procuradora de Justiça: Dra. Ester de Moraes Neves de Outeiro Rela tor(a): Des(a). RAIMUNDO HOLANDA REIS À unanimidade, as Egrégias Câmaras denegaram a ordem. 18-HABEAS CORPUS LIBERATÓRIO COM PEDIDO DE LIMINAR - 20103011514-6 Comarca de Origem: ABAETETUBA Impetrante(s): Def. Púb. Eduardo André de Aguiar Lopes Paciente(s): Samuel Moraes Cavalcante Impetrado: Juiz(a) de Direito da 3ª Vara Penal da Comarca de Abaetetuba Procurador de Justiça: Dr. Ricardo Albuquerque da Silva Rela tor(a): Des(a). MARIA DE NAZARÉ SILVA GOUVEIA DOS SANTOS À unanimidade, as Egrégias Câmaras denegaram a ordem. 19-HABEAS CORPUS LIBERATÓRIO COM PEDIDO DE LIMINAR - 20103011936-2 Comarca de Origem: SALINÓPOLIS Impetrante(s): Advs. Marilda Cantal e Ana Cláudia Godinho Rodrigues Paciente(s): Carlos André Carvalho Aquino Impetrado: Juiz(a) de Direito da Comarca de Salinópolis Procuradora de Justiça: Dra. Mariza Machado da Silva Lima Rela tor(a): Des(a). MARIA DE NAZARÉ SILVA GOUVEIA DOS SANTOS À unanimidade, as Egrégias Câmaras não conheceram da impetração do habeas corpus . 20-HABEAS CORPUS LIBERATÓRIO COM PEDIDO DE LIMINAR - 20103011500-5 Comarca de Origem: SANTARÉM Impetrante(s): Adv. Ney Gonçalves de Mendonça Júnior Paciente(s): Myrys Luana Rodrigues Farias Impetrado: Juiz(a) de Direito da 6ª Vara Penal da Comarca de Santarém Procurador de Justiça: Dr. Luiz Cesar Tavares Bibas Rela tor(a): Des(a). RONALDO MARQUES VALLE À unanimidade, as Egrégias Câmaras não conheceram da impetração do habeas corpus , por se tratar de mera reiteração de pedido anteriormente formulado. 21-HABEAS CORPUS LIBERATÓRIO COM PEDIDO DE LIMINAR - 20103010328-2 Comarca de Origem: BELÉM Impetrante(s): Adv. Edir de Sousa Briglia

51

TJ/PA - DIÁRIO DA JUSTIÇA - Edição nº 4651/2010 - Terça-Feira, 14 de Setembro de 2010
Paciente(s): Eduardo da Silva Santos Impetrado: Juiz(a) de Direito da 11ª Vara Penal da Comarca da Capital Procurador de Justiça: Dr. Francisco Barbosa de Oliveira Rela tor(a): Juiz(a) Convocado(a) NADJA NARA COBRA MEDA À unanimidade, as Egrégias Câmaras denegaram a ordem. 22- HABEAS CORPUS LIBERATÓRIO COM PEDIDO DE LIMINAR - 20103012506-2 Comarca de Origem: BELÉM Impetrante(s): Adv. Carlos Souza Gonçalves Neto Paciente(s): Cleiton Baía Ferreira Impetrado: Juiz(a) de Direito da 1ª Vara de Inquéritos Policiais e Medidas Cautelares da Comarca da Capital Procuradora de Justiça: Dra. Dulcelinda Lobato Pantoja Rela tor(a): Juiz(a) Convocado(a) NADJA NARA COBRA MEDA Liminar concedida Por maioria de votos, vencidos a Exma. Juíza Convocada Nadja Nara Cobra Meda (Relatora) e o Exmo. Des. Raimundo Holanda Reis, as Egrégias Câmaras denegaram a ordem, cassando-se, por conseguinte, a liminar anteriormente deferida, ficando designada a Exma. Desª. Maria de Nazaré Silva Gouveia dos Santos para proceder à lavratura do respectivo acórdão. 23-HABEAS CORPUS PREVENTIVO COM PEDIDO DE LIMINAR - 20103003770-4 Comarca de Origem: BELÉM Impetrante(s): Adv. Elianici Gonçalves Gama Paciente(s): Laércio Vicente Aureliano Impetrado: Juiz(a) de Direito da Vara de Entorpecentes e Combate às Organizações Criminosas da Comarca da Capital Procuradora de Justiça: Dra. Mariza Machado da Silva Lima Rela tor(a): Juiz(a) Convocado(a) NADJA NARA COBRA MEDA À unanimidade, as Egrégias Câmaras denegaram a ordem. 24-HABEAS CORPUS LIBERATÓRIO COM PEDIDO DE LIMINAR - 20103005447-7 Comarca de Origem: BELÉM Impetrante(s): Def. Púb. Giane de Andrade Bubola Lima Paciente(s): Raimundo Nazareno de Souza Guimarães ou Marcelo Pinheiro da Silva Impetrado: Juiz(a) de Direito da Vara de Execuções Penais da Região Metropolitana de Belém Procurador de Justiça: Dr. Francisco Barbosa de Oliveira Rela tor(a): Juiz(a) Convocado(a) NADJA NARA COBRA MEDA À unanimidade, as Egrégias Câmaras denegaram a ordem. 25-HABEAS CORPUS LIBERATÓRIO COM PEDIDO DE LIMINAR - 20103001316-8 Comarca de Origem: BELÉM Impetrante(s): Adv. Marlon Farias Pereira Paciente(s): João Paulo Medeiros Gonçalves Impetrado: Juiz(a) de Direito da 8ª Vara Penal da Comarca da Capital Procuradora de Justiça: Dra. Edna Guilhermina Santos dos Santos Rela tor(a): Juiz(a) Convocado(a) NADJA NARA COBRA MEDA À unanimidade, as Egrégias Câmaras denegaram a ordem. 26-HABEAS CORPUS PREVENTIVO COM PEDIDO DE LIMINAR - 20103008500-0 Comarca de Origem: BELÉM Impetrante(s): Def. Púb. Keila Carvalho de Albuquerque V. Oliveira Paciente(s): P. H. L. da S. Impetrado: Juiz(a) de Direito da 2ª Vara da Infância e da Juventude da Comarca da Capital Procurador de Justiça: Dr. Cláudio Bezerra de Melo Rela tor(a): Juiz(a) Convocado(a) NADJA NARA COBRA MEDA Obs: Houve manifestação do Exmo. Procurador de Justiça, Dr. Cláudio Bezerra de Melo.

52

27-HABEAS CORPUS LIBERATÓRIO COM PEDIDO DE LIMINAR . Mariza Machado da Silva Lima Rela tor(a): Juiz(a) Convocado(a) NADJA NARA COBRA MEDA À unanimidade. 28-HABEAS CORPUS PREVENTIVO .TJ/PA . Milene Moreira Castro Paciente(s): Bruno Guilherme Gonzaga Impetrado: Juiz(a) de Direito da 3ª Vara Penal da Comarca de Tucuruí Procuradora de Justiça: Dra.20103012711-7 Comarca de Origem: TUCURUÍ Impetrante(s): Def. as Egrégias Câmaras denegaram a ordem. Albanira Lobato Bemerguy. nos autos do Processo nº 2009. relativa à sentença absolutória prolatada pelo Juízo de Direito da 3ª Vara Penal da Comarca de Tucuruí. 14 de Setembro de 2010 À unanimidade. Francisco Barbosa de Oliveira Rela tor(a): Juiz(a) Convocado(a) NADJA NARA COBRA MEDA À unanimidade. as Egrégias Câmaras denegaram a ordem. 30-HABEAS CORPUS LIBERATÓRIO COM PEDIDO DE LIMINAR . Walmir Irineu Júnior Paciente(s): João Paulo da Costa Pinheiro Impetrado: Juiz(a) de Direito da 2ª Vara Penal Distrital de Icoaraci Procurador de Justiça: Dr. Marcos Antônio Ferreira das Neves Rela tor(a): Juiz(a) Convocado(a) NADJA NARA COBRA MEDA À unanimidade.20103010148-4 Comarca de Origem: CASTANHAL Impetrante(s): Adv. 29-HABEAS CORPUS LIBERATÓRIO COM PEDIDO DE LIMINAR . consta nos autos declaração de impedimento firmada pela Exma.20103011328-1 Comarca de Origem: ALTAMIRA Impetrante(s): Def.Edição nº 4651/2010 . Marcelo Pereira Paciente(s): Andraci Ferreira Pereira Impetrado: Juiz(a) de Direito da 3ª Vara Penal da Comarca de Castanhal Procurador de Justiça: Dr. Francisco Barbosa de Oliveira Rela tor(a): Juiz(a) Convocado(a) NADJA NARA COBRA MEDA À unanimidade. 32-HABEAS CORPUS LIBERATÓRIO E DECLARATÓRIO DE NULIDADE COM PEDIDO DE LIMINAR . as Egrégias Câmaras concederam a ordem.20103009015-8 Comarca de Origem: BELÉM Impetrante(s): Adv. Reinaldo Martins Júnior Paciente(s): José Gabriel dos Santos Impetrado: Juiz(a) de Direito da Vara do Juizado de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher da Comarca da Altamira 53 .20103009604-9 Comarca de Origem: CASTANHAL Impetrante(s): Adv. Púb.Terça-Feira. Neste feito.814. as Egrégias Câmaras concederam a ordem. Marcelo Pereira Paciente(s): Aura Celeste Santana Cardoso Impetrado: Juiz(a) de Direito da 3ª Vara Penal da Comarca de Castanhal Procurador de Justiça: Dr.0061. Desª. para desobrigar o paciente da assinatura mensal do livro de frequência na Comarca de Marabá. as Egrégias Câmaras denegaram a ordem.DIÁRIO DA JUSTIÇA . as Egrégias Câmaras denegaram a ordem. Púb. Marcos Bahia Begot Paciente(s): Fabrício Garcia da Luz Impetrado: Juiz(a) de Direito da 1ª Vara Cível e Penal da Comarca de Marituba Procuradora de Justiça: Dra. 31-HABEAS CORPUS LIBERATÓRIO COM PEDIDO DE LIMINAR . onde reside.20103010287-0 Comarca de Origem: MARITUBA Impetrante(s): Adv. Ester de Moraes Neves de Outeiro Rela tor(a): Juiz(a) Convocado(a) NADJA NARA COBRA MEDA À unanimidade.

14 de Setembro de 2010 Procuradora de Justiça: Dra. Maria Auxiliadora Hatchwell de Almeida. Procurador de Justiça. as Egrégias Câmaras denegaram a ordem.20103009661-9 Comarca de Origem: BELÉM Impetrante(s): Adv.Terça-Feira.DIÁRIO DA JUSTIÇA . por se tratar de mera reiteração de pedido anteriormente formulado.Edição nº 4651/2010 . 34-HABEAS CORPUS PARA TRANCAMENTO DE AÇÃO PENAL COM PEDIDO DE LIMINAR . as Egrégias Câmaras concederam a ordem. Cláudio Bezerra de Melo. as Egrégias Câmaras denegaram a ordem. À unanimidade. Ester de Moraes Neves de Outeiro Rela tor(a): Juiz(a) Convocado(a) NADJA NARA COBRA MEDA À unanimidade.TJ/PA . Haim Elie Hatchwell de Almeida e Salum Américo Pinto Hatchwell de Almeida Impetrado: Juiz(a) de Direito da Vara de Crimes contra a Ordem Tributária da Comarca da Capital Procurador de Justiça: Dr. Luiz Cesar Tavares Bibas Rela tor(a): Juiz(a) Convocado(a) NADJA NARA COBRA MEDA À unanimidade.20103012985-8 54 .20103013356-0 Comarca de Origem: BELÉM Impetrante(s): Adv. Mariza Machado da Silva Lima Rela tor(a): Juiz(a) Convocado(a) NADJA NARA COBRA MEDA À unanimidade. Adélio Mendes dos Santos Rela tor(a): Juiz(a) Convocado(a) NADJA NARA COBRA MEDA Obs: Houve manifestação do Exmo. 36-HABEAS CORPUS LIBERATÓRIO COM PEDIDO DE LIMINAR . Cláudio Bezerra de Melo. as Egrégias Câmaras não conheceram da impetração do habeas corpus . 35-HABEAS CORPUS LIBERATÓRIO . as Egrégias Câmaras denegaram a ordem. Álvaro Augusto de Paula Vilhena Paciente(s): Diogo Amorim de Castro Impetrado: Juiz(a) de Direito da 1ª Vara de Inquéritos Policiais e Medidas Cautelares da Comarca da Capital Procuradora de Justiça: Dra.20103013425-3 Comarca de Origem: BELÉM Impetrante(s): Def. Breno Luz de Moraes Paciente(s): Pedro da Costa Craveiro Impetrado: Juiz(a) de Direito da 9ª Vara Penal da Comarca da Capital Procurador de Justiça: Dr. Púb. Dr. Ivanilda Nazaré Moraes Gomes Paciente(s): Eduardo Alan da Costa e Silva Impetrado: Juiz(a) de Direito da 1ª Vara de Inquéritos Policiais e Medidas Cautelares da Comarca da Capital Procuradora de Justiça: Dra. as Egrégias Câmaras denegaram a ordem.20103012986-6 Comarca de Origem: MOCAJUBA Impetrante(s): Adv. Dr.20103001796-2 Comarca de Origem: BELÉM Impetrante(s): Def. Púb. 33-HABEAS CORPUS PARA TRANCAMENTO DE AÇÃO PENAL COM PEDIDO DE LIMINAR . Marcelo Romeu de Moraes Dantas Paciente(s): Ana Maria Hatchwell de Almeida. Venino Tourão Pantoja Júnior Paciente(s): Rojedson Gomes Figueiredo Impetrado: Juiz(a) de Direito da Comarca de Mocajuba Procuradora de Justiça: Dra. Ester de Moraes Neves de Outeiro Rela tor(a): Juiz(a) Convocado(a) NADJA NARA COBRA MEDA Obs: Houve manifestação do Exmo. Procurador de Justiça. Mariza Machado da Silva Lima Rela tor(a): Juiz(a) Convocado(a) NADJA NARA COBRA MEDA À unanimidade. 37-HABEAS CORPUS LIBERATÓRIO COM PEDIDO DE LIMINAR . 38-HABEAS CORPUS LIBERATÓRIO COM PEDIDO DE LIMINAR . À unanimidade.

À unanimidade. 42-HABEAS CORPUS LIBERATÓRIO COM PEDIDO DE LIMINAR .20103011617-8 Comarca de Origem: JURUTI Impetrante(s): Adv.20103011463-5 Comarca de Origem: BELÉM Impetrante(s): Adv. em razão do paciente já ter sido colocado em liberdade. À unanimidade. 41-HABEAS CORPUS LIBERATÓRIO COM PEDIDO DE LIMINAR . 39-HABEAS CORPUS LIBERATÓRIO COM PEDIDO DE LIMINAR . À unanimidade. 14 de Setembro de 2010 Comarca de Origem: LIMOEIRO DO AJURU Impetrante(s): Adv. Mariza Machado da Silva Lima Rela tor(a): Juiz(a) Convocado(a) NADJA NARA COBRA MEDA Obs: Feito anunciado extrapauta.20103013196-0 Comarca de Origem: CAMETÁ Impetrante(s): Adv.20103010190-5 Comarca de Origem: ANAJÁS Impetrante(s): Advs. Luiz Cesar Tavares Bibas Rela tor(a): Juiz(a) Convocado(a) NADJA NARA COBRA MEDA À unanimidade. em razão do paciente já ter sido colocado em liberdade. Robério Abdon D'Oliveira e Lui Alexandre Feitosa Sanches Paciente(s): Rubens Gomes Oliveira Impetrado: Juiz(a) de Direito da Comarca de Anajás Procuradora de Justiça: Dra.20103012372-7 Comarca de Origem: IRITUIA Impetrante(s): Adv. 40-HABEAS CORPUS LIBERATÓRIO COM PEDIDO DE LIMINAR . as Egrégias Câmaras julgaram prejudicado o pedido.TJ/PA . Raimundo Pereira Cavalcante Paciente(s): Marcelo Santos de Freitas Impetrado: Juiz(a) de Direito da Vara de Entorpecentes e Combate às Organizações Criminosas da Comarca da Capital Procurador de Justiça: Dr. Cláudio Araújo Furtado Paciente(s): Carlos Antônio de Sousa Martins Impetrado: Juiz(a) de Direito da Comarca de Juruti 55 .Edição nº 4651/2010 . Venino Tourão Pantoja Júnior Paciente(s): Rinaldo Lopes Castilho Impetrado: Juiz(a) de Direito da Comarca de Limoeiro do Ajuru Procurador de Justiça: Dr. as Egrégias Câmaras julgaram prejudicado o pedido. Francione Costa de França Paciente(s): Regino Carvalho Lopes Impetrado: Juiz(a) de Direito da Comarca de Irituia Procurador de Justiça: Dr. Venino Tourão Pantoja Júnior Paciente(s): Jurandyr Duarte Fayal Júnior Impetrado: Juiz(a) de Direito da 2ª Vara da Comarca de Cametá Procurador de Justiça: Rela tor(a): Juiz(a) Convocado(a) NADJA NARA COBRA MEDA Obs: Feito anunciado extrapauta. ao final da sessão.Terça-Feira. ao final da sessão. ao final da sessão.DIÁRIO DA JUSTIÇA . 43-HABEAS CORPUS LIBERATÓRIO COM PEDIDO DE LIMINAR . as Egrégias Câmaras homologaram a desistência requerida. Cláudio Bezerra de Melo Rela tor(a): Juiz(a) Convocado(a) NADJA NARA COBRA MEDA Obs: Feito anunciado extrapauta. as Egrégias Câmaras denegaram a ordem. as Egrégias Câmaras denegaram a ordem. Ricardo Albuquerque da Silva Rela tor(a): Juiz(a) Convocado(a) NADJA NARA COBRA MEDA À unanimidade.

Eu.DIÁRIO DA JUSTIÇA . RAIMUNDA DO CARMO GOMES NORONHA. Desª. Desª. Raimunda do Carmo Gomes Noronha (Presidente) agradeceu a colaboração da Exma. 56 .TJ/PA . Antes de declarar o término dos trabalhos. Juíza Convocada Elena Farag para a composição do quorum de julgamento. Desª. ao final da sessão. ressaltando a presteza e a boa vontade com que as ilustres magistradas sempre atenderam às convocações das Egrégias Câmaras. em razão de já ter sido prolatada sentença condenatória pelo juízo a quo . E nada mais havendo a tratar. lavrei a presente ATA. em exercício. foi encerrada a Sessão às 14h23min. a Exma. Secretário das Câmaras Criminais Reunidas. as Egrégias Câmaras julgaram prejudicado o pedido. À unanimidade. Ester de Moraes Neves de Outeiro Rela tor(a): Juiz(a) Convocado(a) NADJA NARA COBRA MEDA Obs: Feito anunciado extrapauta. Presidente das Câmaras Criminais Reunidas.Edição nº 4651/2010 . que vai devidamente assinada pela douta Presidência. Helena Percila de Azevedo Dornelles e da Exma.Terça-Feira. 14 de Setembro de 2010 Procuradora de Justiça: Dra. (a) ALEXANDRE AUGUSTO DA FONSECA MENDES.

PROCESSO: 2010. PROCESSO: 2007. Por outra banda.3.Banco Da Amazonia S/A (Advogado: Daniel Solum Franco E Outros) Apelado: Jardins & Parques Servicos E Comercio De Planta Ltda. F. determinando que os autos.003091-9 Ação: APELACAO CIVEL . N. razão pela qual o recurso perdeu seu objeto. 557. Portanto. Na hipótese.DIÁRIO DA JUSTIÇA . 557 do CPC. determino o retorno dos autos á Secretaria da 1ª Câmara Cível Isolada.). C. a existência da inclusão do seu nome junto ao SERASA.Relator(a): GLEIDE PEREIRA DE MOURA Apelante: Fernando Brito De Jesus.3. em face da ausência de prova cabal. nos termos do art. dê-se baixa.13/09/2010 PROCESSO: 2007. remetendo-se os autos à origem.Terça-Feira.005470-1 Ação: Apelação Em 08/09/2010 . durante toda a instrução processual em momento algum trouxe a baila. diante de simples argumento relatado na prefacial.. certamente não é possível afirmar com absoluta certeza de que realmente existe o mencionado restritivo. Desta forma. N. não demonstra se oriundo da dívida contraída em função dos títulos extrajudiciais "cheques". Dina Maria Da Silva Costa e Alciene Maria Paixao De Brito (Advogado: Josue Dutra De Moraes) Apelado: Municipio De Augusto Correa (Advogado: Cibele Guimaraes Pessoa) Parte Final: Deste modo.REEXAME SENTENCA Em 13/09/2010 . consoante se verifica ao compulsar dos autos. para manifestação. pelo fato de não encontrar qualquer documento que tenha o condão de provar a autoria do pedido de inclusão do nome da empresa requerente juntos aos órgãos de restrição de crédito. com fundamento no art.Relator(a): GLEIDE PEREIRA DE MOURA Apelante: Basa .756/98.004478-8 Ação: APELACAO CIVEL Em 13/09/2010 . Após as formalidades legais. fica impossível avaliar o pedido postulando. R. com fundamento na redação dada pela Lei n.Relator(a): LEONARDO DE NORONHA TAVARES Apelante: Pro-Teger Fomento Comercial Ltda (Advogado: Janine Silva Ribeiro Da Cunha) Apelado: Oliveira Petroleo Ltda (Advogado: Jose Mauro Porto Mesquita) Parte Final: No caso em tela.º 9. após a observação das formalidades legais.3.003828-1 Ação: Agravo de Instrumento Em 13/09/2010 . eis que. PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO PARÁ 57 . de O. PROCESSO: 2009. Observadas as formalidades legais. obedecendo ao princípio do contraditório. T. haja vista que não está demonstrado cabalmente a ocorrência dos fatos declinados.Relator(a): GLEIDE PEREIRA DE MOURA Sentenciante: Juizo De Direito Da 14ª Vara Civel Da Comarca De Belem Sentenciado / Apelante: Estado Do Para Sentenciado / Apelado: Roni Cleiber Oliveira Alves (Advogado: Janio Souza Nascimento E Outros) Procurador(A): Francisco Edson Lopes Da Rocha Junior Procurador(A) De Justiça: Edna Guilhermina Santos Dos Santos "Trata-se de Embargos de Declaração opostos por ESTADO DO PARÁ com efeito modificativo (. eis que superada a questão guerreada. tenho por julgar prejudicado o presente agravo de instrumento. Nesse contexto. se de fato ocorreu o restritivo. por entender que o recurso interposto carece de regularidade formal. (Advogado: Carlos Alexandre Teixeira Reis Vasques) Agravante: T. ou seja. PROCESSO: 2010.3. remetam-se os autos ao primeiro grau. Luiz Claudio Ribeiro Reis. SPC. T." PROCESSO: 2007.008787-9 Ação: APELACAO CIVEL Em 13/09/2010 . para o devido arquivamento. caput. sejam remetidos ao Primeiro grau. conforme mencionado alhures repito: in casu. com sustentáculo no parecer Ministerial.Relator(a): GLEIDE PEREIRA DE MOURA Agravante: Elys Coeli Damasceno De Oliveira (Advogado: Maria Eli Fonseca Benzecry e Advogado: Camilo Cassiano Rangel Canto) Agravado: Emiko Morimitsu (Advogado: Cristovina Pinheiro De Macedo) Parte Final: Sendo assim. afiguram-se. 14 de Setembro de 2010 SECRETARIA DA 1ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA RESENHA DE DESPACHOS E DECISÕES MONOCRÁTICAS . motivo pelo qual. impossível saber se o mesmo adveio da dívida em exame e sua ligação com títulos extrajudicial objeto da demanda. Parte Final: Assim sendo. portanto. Entendo que mesmo em caso de sua possível existência. Arquive-se.3. objeto da presente demanda. julgo prejudicado o presente agravo. ante a perda do objeto deste recurso.TJ/PA . L. não merece prosperar o pleito. colocandose um término ao procedimento recursal. (Advogado: Alan Mota Noronha E Outros) Parte Final: Pelo exposto. após o trânsito em julgado desta.3.Relator(a): GLEIDE PEREIRA DE MOURA Representante: M. que autoriza o julgamento singular neste caso. nego seguimento ao recurso e determino que. verifica-se que estão ausentes os pressupostos de constituição e de desenvolvimento válido e regular para a apreciação do pedido. do Código de Processo Civil. negolhe seguimento.. CADIN e CCF. para o devido arquivamento. quedou-se inerte o requerente em demonstrar a ocorrência do restritivo que pretende obstar.Edição nº 4651/2010 . (Advogado: Wilson Lindbergh Silva E Outra) Agravado: M. vez que o fato alegado não guarda a necessária verossimilhança com os argumentos declinados. Valdik Bezerra Da Costa. vazias as argumentações expendidas. a fim de que seja intimada a parte contrária.008617-3 Ação: Agravo de Instrumento Em 13/09/2010 .

realizada em 13 de setembro de 2010. 05 . Sra. sendo fixada multa de 1% (um por cento) sobre o valor da condenação ao embargante.004634-1). nº 88. Desa. Marneide Trindade Pereira Merabet.COMARCA DE BELÉM (2009. F. Fabiana da Silva Barrozo e Outros) Relator: Des. Marneide Merabet. Sílvia Eloisa Bechara Sodré) Embargado: O v. Gleide Pereira de Moura. Gleide Pereira de Moura e Leonam Gondim da Cruz Junior (especialmente convocado para compor "quorum"). Gleide Pereira de Moura. Marneide Trindade Pereira Merabet. Leonardo de Noronha Tavares.3. 02 . Ester Cristina Carmelengo P. nos termos do voto do Des. nº 86. Leonardo de Noronha Tavares. conheceram e negaram provimento aos embargos opostos. 06 . 14 de Setembro de 2010 ATA DE SESSÃO 19ª Sessão Ordinária da 1ª Câmara Cível Isolada. Ailton Francelino de Souza.TJ/PA . Maria Tércia Ávila Bastos dos Santos. Marneide Merabet. Sr. Miraldo Junior Vilela Marques). e Edinalva de Souza Ferreira .001131-0). Marneide Merabet.3. Embargante: Estado do Pará (procuradora: Ana Cristina Soares) Embargado: O v.COMARCA DE BELÉM (2010.COMARCA DE BELÉM (2009. Desa. 03 . Desa. nº 88.381 e José Adalvanio Santos.. Leonardo de Noronha Tavares Turma Julgadora: Des. Bruno Guimarães Medeiros Garcia e Outros) Relator: Des. Ausência Justificada: Desa. 35 do CPC. Desa.EMBARGOS DE DECLARAÇÃO EM AGRAVO DE INSTRUMENTO . Gleide Pereira de Moura. Desa.Edição nº 4651/2010 . nº 86. Julgamento presidido pela Desa. Ac. não conheceram dos embargos opostos. F.EMBARGOS DE DECLARAÇÃO EM AGRAVO DE INSTRUMENTO .Terça-Feira. Ac. Secretário: Dr.COMARCA DE NOVO REPARTIMENTO (2010.IGEPREV (procuradora: Simone Ferreira Lobão) Embargado: O v. nos termos do voto do Des. Decisão: À unanimidade de votos.000839-4). Marneide Trindade Pereira Merabet. Gleide Pereira de Moura. Desa. por litigância de má fé. Relator. Jares de Andrade Fernandes. Marneide Trindade Pereira Merabet. Desa. conheceram e negaram provimento aos embargos opostos. Decisão: À unanimidade de votos. Relator. Julgamento presidido pela Desa. 04 . de S.3.EMBARGOS DE DECLARAÇÃO EM AGRAVO DE INSTRUMENTO . Sessão iniciada às 09:50 h. Leonardo de Noronha Tavares. de S. Desa.COMARCA DE REDENÇÃO (1999. A. Leonardo de Noronha Tavares.003481-0) Embargante: Instituto de Gestão Previdenciária do Estado do Pará . Gleide Pereira de Moura.3.representante (adv. Raimundo Nonato da Silva.EMBARGOS DE DECLARAÇÃO EM APELAÇÃO CÍVEL/REEXAME DE SENTENÇA . Desembargador Leonardo de Noronha Tavares. nos termos do voto do Des. Julgamento presidido pela Desa. Leonardo de Noronha Tavares Turma Julgadora: Des. J. Embargante: D. Embargante: Instituto de Gestão Previdenciária do Estado do Pará . Embargante: Banco do Brasil S/A (adv. Márcio Augusto Moura de Moraes e Outros) Relator: Des.3. Maria Helena d'Almeida Ferreira (em gozo de férias) Representante do Ministério Público: Dra. Desa.EMBARGOS DE DECLARAÇÃO EM AGRAVO DE INSTRUMENTO .981 e Pedro Carneiro de Sousa Filho (adv.946 e Eliel da Conceição Raiol (adv. Leonardo de Noronha Tavares Turma Julgadora: Des. Ac. Ac. Siliprandi) Embargado: O v.EMBARGOS DE DECLARAÇÃO EM APELAÇÃO CÍVEL . Marneide Trindade Pereira Merabet. Giovanni Mesquita Pantoja e Outros) Relator: Des. Relator: Des.932 e Adilson Mário da Cunha (adv. José Olinto Miranda Vasconcelos e Otávio Augusto Vieira Marques e Outros (adv. Leonardo de Noronha Tavares. Srs. Marneide Merabet.006612-4).698 e LAMINIT S/A . Marneide Merabet. com base no art.Lâminas e Compensados (adv. Decisão: À unanimidade de votos. Presentes as Exmos. nº 82. JULGAMENTOS . Relator. Desa. Julgamento presidido pela Desa. Julgamento presidido pela Exma.EXTRA-PAUTA 01 . Leonardo de Noronha Tavares Turma Julgadora: Des. Desa. embargos conhecidos e parcialmente providos nos termos do voto do Des. 58 . Decisão: À unanimidade de votos. Marneide Trindade Pereira Merabet. Decisão: À unanimidade de votos. Leonardo de Noronha Tavares Turma Julgadora: Des. conheceram e negaram provimento aos embargos opostos. Desembargadores Leonardo de Noronha Tavares. Pedro Carneiro de Sousa Filho) e Miraldo Junior Vilela Marques (adv. Relator.012911-6). sob a presidência do Exmo.DIÁRIO DA JUSTIÇA .3.COMARCA DE BELÉM (2009.IGEPREV (procurador: Vagner Andrei Teixeira Lima) Embargado: O v.

Marneide Trindade Pereira Merabet Decisão: Adiado a pedido da Desa.APELAÇÃO CÍVEL . Leonardo Maroja e Outros) Embargado: O v. 04 . Maria Helena D'Almeida Ferreira.nº 88. Maria da Conceição de Mattos Sousa Revisor: Des. Corina de Maria Carvalho Frade) Revisor: Des. Maria Helena de Almeida Ferreira Relatora: Desa.COMARCA DE BELÉM (2008.COMARCA DE BELÉM (2010. Relator.Edição nº 4651/2010 . Krishina Day Carrilho Bentes Lobato Ribeiro) Relator: Des.AGRAVO DE INSTRUMENTO .APELAÇÃO CÍVEL . Julgamento presidido pela Desa. 05 . dos S. Juducial (adv. Leonardo de Noronha Tavares. Abraão Lincoln Souza Baleeiro e Outra) Procuradora de Justiça: Dra.Prefeitura Municipal e FUMBEL (procuradora: Regina Márcia de C.3. Gleide Pereira de Moura Decisão: Suspenso o julgamento em razão do pedido de vista formulado pela Exma. Relatora.TJ/PA . Revisora. Julgamento presidido pela Desa. nos termos do voto do Des. Relatora. Relatora pelo provimento parcial do recurso. Relator. nos termos do voto do Des.COMARCA DE BELÉM (2008. Marneide Merabet. Maria Helena de Almeida Ferreira Decisão: Adiado pela ausência justificada da Desa. 03 .COMARCA DE BELÉM (2006. Leonardo de Noronha Tavares. Gleide Pereira de Moura Decisão: Adiado. Gleide Pereira de Moura. Maurim Lameira Vergolino e Outros) Apelado: Corina de Maria Carvalho Frade (adv.Adm.COMARCA DE BELÉM (2009. Desa. Antônio Ferreira Magalhães e Outros) Procuradora de Justiça: Dra. R. Desa. Desa. Leonardo de Noronha Tavares Turma Julgadora: Des. JULGAMENTOS PAUTADOS 01 .APELAÇÃO CÍVEL .006110-5) Apelante: Ademar Carneiro Nonato e Outros (adv. Desa. (adv.COMARCA DE SANTA MARIA DO PARÁ (2010.348 e Ruth Ribas de Farias Steiner e Pedro Mauricio Steiner (adv. Ac. Luiz Cláudio Affonso Miranda) Relator: Des.EMBARGOS DE DECLARAÇÃO EM AGRAVO DE INSTRUMENTO . (adv. Marneide Merabet.3. César de Barros Coelho Sarmento) Apelado/Apelante: Ana Leila Maia Nara e Maria do Socorro Guimarães (adv. Leila Maria Marques de Moraes Revisor: Des. Desa.Terça-Feira. Gleide Pereira de Moura.APELAÇÃO CÍVEL .009893-2) Sentenciante: Juízo de Direito da 3ª Vara de Fazenda da Capital Sentenciado / Apelante: Estado do Pará (procuradora: Caroline Teixeira da Silva Profeti) Sentenciado / Apelado: Euclides de Freitas Filho (adv. Olinda Maria de Campos Tavares Revisora: Desa. Sra.001812-9) Apelante: E. já tendo se manifestado a Desa. Decisão: À unanimidade de votos. Maria Helena de Almeida Ferreira Decisão: Adiado pela ausência justificada da Desa. Francisco Caetano Miléo e Outros) Agravado: Ministério Público do Estado do Pará (promotor: Wilson Gaia Farias) 59 .3.000908-4). Maria da Graça Azevedo da Silva Revisora: Desa. 14 de Setembro de 2010 Embargante: Ilka Faria Steiner (adv.3.COMARCA DE DOM ELISEU (2009. Marneide Trindade Pereira Merabet. Adiado pela ausência justificada da Desa. Leonardo de Noronha Tavares Relatora: Desa. 07 . Marneide Trindade Pereira Merabet. 02 . Ione Arrais Oliveira e Outros) Embargado: O v.APELAÇÃO CÍVEL/REEXAME DE SENTENÇA . Leonardo de Noronha Tavares Turma Julgadora: Des. conheceram e negaram provimento aos embargos opostos.DIÁRIO DA JUSTIÇA . Leonardo de Noronha Tavares Relatora: Desa. A.337 e Expresso Beira Dão Ltda (massa Falida) e Kay Dione Carrilho Bentes Donis Romero . nº 88.IMEP (adv.3. Moisés Norberto Coracini) Apelado: C. C. 06 . Embargante: Expresso Beira Dão Ltda (adv. Branco) Procuradora de Justiça: Dra.Unidade de Santa Maria do Pará (adv. Wellington Farias Machado) Apelado: Município de Belém . Ac.011440-7) Apelante: Soterra Construtora e Imobiliária Ltda (adv. Cláudio Augusto Montalvão das Neves Relatora: Desa. conheceram e negaram provimento aos embargos opostos.3.003702-7) Agravante: Hospital da Ordem Terceira .3. dos S. Gleide Pereira de Moura Relatora: Desa. Em Causa Própria) Procuradora de Justiça: Dra. Decisão: À unanimidade de votos. Relatora.003864-8) Apelado: Estado do Pará (procuradora: Marcelene Dias da Paz Veloso) Apelante/Apelado: Instituto de Metrologia do Estado do Pará .

3. Alessandra Del Castilo Pinheiro e Outro) Procuradora de Justiça: Dra. Desa.013759-6) Agravante: Município de Belém (procuradora: Edillene Brito Rodrigues) Agravado: Payssandu Sport Club Relator: Des.COMARCA DE BELÉM (2009. Desa.APELAÇÃO CÍVEL/REEXAME DE SENTENÇA .3. Marneide Trindade Pereira Merabet. nos termos do voto do Des. Leonardo de Noronha Tavares.AGRAVO DE INSTRUMENTO .Edição nº 4651/2010 . de A. por declarar-se suspeita.COMARCA DE BELÉM (2010.COMARCA DE BELÉM (2010. conhecido e improvido nos termos do voto do Des. Manoel Santino Nascimento Junior Relator: Des. 10 .COMARCA DE BELÉM (2010.AGRAVO DE INSTRUMENTO . Desa. Desa. Ricardo de Sousa Barboza e Outros) Apelado: J.000713-7) Agravantea: José Antônio da Silva Araújo (adv.3. Não votou.COMARCA DE BELÉM (2010. Gleide Pereira de Moura. Marneide Trindade Pereira Merabet. Decisão: À unanimidade de votos. Leonardo de Noronha Tavares.COMARCA DE ALTAMIRA (2009. Marneide Trindade Pereira Merabet. Julgamento presidido pela Desa. Leonardo de Noronha Tavares Relatora: Desa.3. Gleide Pereira de Moura.APELAÇÃO CÍVEL . Marneide Merabet. Relator. Desa. Maria de Nazaré Pinheiro Corrêa e Outros) Procurador de Justiça: Dr. M. Marneide Trindade Pereira Merabet. Relatora. Vitor Borges) e Euclênio Arruda de Sousa (adv. Decisão: A unanimidade de votos. nos termos do voto do Des. Marneide Trindade Pereira Merabet. Marneide Merabet. Desa.AGRAVO DE INSTRUMENTO . Leonam Gondim da Cruz Junior . Decisão: A unanimidade de votos. Decisão: A unanimidade de votos. Relator. não conheceram do recurso por incabível na espécie. 14 de Setembro de 2010 Procuradora de Justiça: Dra. Leonardo de Noronha Tavares Turma Julgadora: Des. Leonardo de Noronha Tavares Relatora: Desa.013741-3) Agravante: Município de Belém (procuradora: Vera Lúcia Freitas de Araújo) Agravado: Elizabeth Abrunhosa Beltrão Relator: Des.013714-0) Agravante: Município de Belém (procurador: Edillene Brito Rodrigues) Agravado: Bealígia dos Santos Baima Relator: Des. Maria Tércia Ávila Bastos dos Santos Relatora: Desa.COMARCA DE AURORA DO PARÁ (2010. Leonardo de Noronha Tavares. 12 . Maria Helena de Almeida Ferreira Decisão: Adiado pela ausência justificada da Desa. Relator. Leonardo de Noronha Tavares Turma Julgadora: Des. Relatora.DIÁRIO DA JUSTIÇA . Representante: Aguinar Lima de Almeida (adv. (adv. 13 . Leonardo de Noronha Tavares Turma Julgadora: Des. Leonardo de Noronha Tavares.AGRAVO DE INSTRUMENTO . Relatora. Julgamento presidido pela Desa. Leonardo de Noronha Tavares Turma Julgadora: Des. Julgamento presidido pela Desa. Marneide Merabet.3.013701-7) Agravante: Município de Belém (procuradora: Marina Rocha Pontes de Sousa) Agravado: Waldemir Rocha Franco Relator: Des. Decisão: A unanimidade de votos.FUMBEL (procurador: Gustavo Azevedo Rola) Sentenciado / Apelado: Marlene Conceição Cardoso Bermejo (adv. não conheceram do recurso por incabível na espécie. Josélio Furtado Lustosa e Outra) Agravado: Márcio Ricardo Borges da Silva (adv. 07 . nos termos do voto do Des. Leonardo de Noronha Tavares. Maria Helena de Almeida Ferreira Decisão: Adiado pela ausência justificada da Desa. não conheceram do recurso por incabível na espécie. Relator. Desa. Geraldo Coelho Rodrigues) Revisor: Des. Maria Helena de Almeida Ferreira Decisão: Adiado pela ausência justificada da Desa. 09 . 60 .3.3.014689-7) Apelante: Delphos Serviços Técnicos Ltda.TJ/PA . 08 . Relator. Marneide Merabet. nos termos do voto do Des. a Desa. Gleide Pereira de Moura. Des. Marneide Merabet. 11 . não conheceram do recurso por incabível na espécie. Gleide Pereira de Moura.006622-7) Sentenciante: Juízo de Direito da 1ª Vara de Fazenda da Capital Sentenciado / Apelante: Fundação Cultural do Município de Belém . Desa. Desa. Leonardo de Noronha Tavares Turma Julgadora: Des.AGRAVO DE INSTRUMENTO . Julgamento presidido pela Desa. Olinda Maria de Campos Tavares Revisor: Des.Terça-Feira. Gleide Pereira de Moura. Julgamento presidido pela Desa.

Marneide Trindade Pereira Merabet.TJ/PA . Desembargador LEONARDO DE NORONHA TAVARES. nada mais houvesse. Leonardo de Noronha Tavares Turma Julgadora: Des. JARES DE ANDRADE FERNANDES. E como. Relator. Desa.Terça-Feira. Gleide Pereira de Moura . em exercício.Edição nº 4651/2010 . foi encerrada a Sessão às 10:25 horas. que subscrevi. Desa. lavrando eu. Marneide Merabet. Decisão: A unanimidade de votos. nos termos do voto do Des. 14 de Setembro de 2010 14 . a presente Ata. Julgamento presidido pela Desa. Lima Relator: Des.AGRAVO DE INSTRUMENTO . Presidente 61 . não conheceram do recurso por incabível na espécie.013729-9) Agravante: Município de Belém (procurador: Rafael Mota de Queiroz) Agravado: José Maria V. Leonardo de Noronha Tavares.DIÁRIO DA JUSTIÇA . Secretário da 1ª Câmara Cível Isolada.COMARCA DE BELÉM (2010.3.

PROCESSO: 2007.Relator(a): LEONAM GONDIM DA CRUZ JUNIOR Apelante: Fazenda Publica Estadual (Victor Andre Teixeira Lima . conheço dos embargos. (Advogado: Flavio Suarte Passos Fernandes E Outro) Apelado: C. mantendo a sentença em seus demais termos. 14 de Setembro de 2010 SECRETARIA DA 3ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA RESENHA . com fulcro no art. M.3. RAIMUNDA DO CARMO GOMES NORONHA. Publique-se. Publique-se.Estado) Apelado: Roberto Miranda Mufarrej E Outros (Advogado: Teuly Souza Da Fonseca Rocha) Decisão Monocrática .Celpa (Advogado: Laffayette Bentes Da Costa Nunes E Outros) Apelado: Maria Campelo De Sousa (Advogado: Jose Raimundo Costa Da Silva E Outros) 62 . PROCESSO: 2005.005367-1 Ação: APELACAO CIVEL Em 08/09/2010 . Cumpra-se PROCESSO: 2006. de S. caput.Relator(a): LEONAM GONDIM DA CRUZ JUNIOR Apelante: Fazenda Publica Estadual (Victor Andre Teixeira Lima . para oferecimento das contra-razões.Relator(a): LEONAM GONDIM DA CRUZ JUNIOR Apelante: H. Procurador(A) De Justiça: Maria Tércia Ávila Bastos Dos Santos Decisão . conheço do recurso. face sua intempestividade. PROCESSO: 2008. Decisão Monocrática . Estado) Apelado: Crbs S/A.DIÁRIO DA JUSTIÇA . do CPC. Belém.010859-1 Ação: APELACAO CIVEL Em 05/08/2010 . Estado) Apelado: C.Def.000091-2 Ação: APELACAO CIVEL Em 09/09/2010 .3. 557 do CPC. nego seguimento ao recurso. interposto por ESTADO DO PARÁ.003846-7 Ação: APELACAO CIVEL Em 02/09/2010 .Proc.Proc.006166-9 Ação: Apelação Em 03/09/2010 .3.Instituto De Previdencia E Assistencia Do Estado Do Para (Maria Do Perpetuo Socorro Nascimento Passos . PROCESSO: 2008.Parte final: Ante o exposto. conheço do recurso e nego-lhe provimento para confirmar a decisão recorrida em todos os seus termos.003837-6 Ação: APELACAO CIVEL Em 02/09/2010 . porém os rejeito.3.Terça-Feira.Parte final: Pelo exposto. dando-lhe parcial provimento. Est.3.Relator(a): PRESIDENCIA P/ JUIZO DE ADMISSIBILIDADE Apelante: Estado Do Para (Victor Andre Teixeira Lima .3. A.3. Publique-se.3. de forma a manter a sentença impugnada nos termos originais.Parte final: Diante de todo o exposto. face sua intempestividade. 557. 557. do CPC. 557 do CPC. 557 do CPC.3. Vice-Presidente do TJE/PA.Parte final: Ante o exposto. Municpal) Apelado: Maria Benedita Dourado Soares (Alcides Alexandre Ferreira Da Silva . caput.Edição nº 4651/2010 .Proc. de S. Estado) Apelado: Distribuidora Guajara Ltda.Relator(a): LEONAM GONDIM DA CRUZ JUNIOR Apelante: Ipasep .) Decisão Monocrática .Parte final: Pelo exposto. Decisão Monocrática . Publique-se.3. Publique-se e Intime-se. do CPC.) Procurador(A) De Justiça: Maria Da Conceição De Mattos Sousa INTERPOSIÇÃO DE RECURSO EXTRAORDINÁRIO . PROCESSO: 2007. conheço do recurso e dou-lhe parcial provimento apenas para reformar a sentença quanto a fixação dos honorários advocatícios de sucumbência.004846-6 Ação: APELACAO CIVEL Em 08/09/2010 . Autarq. P. Desa. Decisão Monocrática . Publique-se e intimem-se. nego seguimento ao recurso por ser manifestamente inadmissível. PROCESSO: 2008. cpaut.Relator(a): LEONAM GONDIM DA CRUZ JUNIOR Apelante: Fazenda Publica Estadual (Antonio Paulo Moraes Das Chagas . face sua intempestividade. com base no art.14/09/2010 Secretaria: SECRETARIA 3ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA PROCESSO: 2004.Relator(a): LEONAM GONDIM DA CRUZ JUNIOR Apelante: Estado Do Para (Fabio Guy Lucas Moreira-Proc. 557.000699-4 Ação: APELACAO CIVEL Em 09/09/2010 . PROCESSO: 2008.3. B. Publique-se. salvo no que concerne à condenação da Fazenda Pública ao pagamento das custas que deve ser excluída da decisão.Relator(a): PRESIDENCIA P/ JUIZO DE ADMISSIBILIDADE Apelante: Centrais Eletricas Do Para S/A .Proc. PROCESSO: 2008.Parte final: Ante o exposto.Faço público a quem interessar possa que encontra-se nesta Secretaria Recurso Extraordinário. com base no artigo 15 da lei nº 5. para apresentação de contra-razões. nego seguimento ao recurso por ser manifestamente inadmissível. com base no art.Relator(a): PRESIDENCIA P/ JUIZO DE ADMISSIBILIDADE Agravante: Kevin Joseph John O Driscoll (Advogado: Jorge Mauro Oliveira De Medeiros) Agravado: Raymundo Correa De Almeida Neto (Advogado: Elias Daibes) INTERPOSIÇÃO DE AGRAVO PARA O STJ . eis que inexiste qualquer obscuridade a ser sanada.Proc.Relator(a): LEONAM GONDIM DA CRUZ JUNIOR Apelante: Municipio De Belem (Vera Araujo .Proc. com poderes delegados. (Advogado: Nailde Do Carmo Lobo) Decisão Monocrática .Relator(a): PRESIDENCIA P/ JUIZO DE ADMISSIBILIDADE Apelante: Zuila Mara Santana De Campos (Advogado: Armando Soutello Cordeiro) Apelado: Estado Do Para (Alexandre Augusto Lobato Bello .001902-1 Ação: AGRAVO DE INSTRUMENTO Em 30/06/2010 .TJ/PA .Parte final: Pelo exposto. Estado) Apelado: Comercial Brasileira De Manutencao Ltda. PROCESSO: 2008.3. com base no art. em razão de o advogado que patrocinou a causa estar impedido por atuar como desembargador neste tribunal.005655-0 Ação: APELACAO CIVEL Em 02/09/2010 . E Outros) Apelado: Haydee De Aquino Ripardo (Advogado: Regiane Furtado Lisboa) Decisão Monocrática . Pub.Faço público a quem interessar possa que encontra-se nesta Secretaria o Agravo de Instrumento ao STJ interposto por KEVIN JOSEPH O'DRISCOLL.738/93 e firme no art. Publique-se. nego seguimento ao recurso por ser manifestamente inadmissível. PROCESSO: 2008.Relator(a): JOSE MARIA TEIXEIRA DO ROSARIO Apelante: Uepa Universidade Do Estado Do Pará (Advogado: Roberto Mendes Ferreira E Outra) Apelado: Cybelle Salvador Miranda (Advogado: Leonam Gondim Cruz Júnior E Outros) Procurador(A) De Justiça: Olinda Maria De Campos Tavares Despacho: Intime-se a parte para constituir novo defensor no prazo de 15 dias. 23 de agosto de 2010. Jur. Comercial Brasileira De Manutenção Ltda.Parte final: Pelo exposto.003539-8 Ação: APELACAO CIVEL Em 02/09/2010 . com fulcro no art.Proc.008078-1 Ação: APELACAO CIVEL Em 23/08/2010 .

PROCESSO: 2010. Intime-se. Mauro Augusto Santos Neves e Aracy Farias Ribeiro (Advogado: Ronaldo Tavares Carrera) Decisão Monocrática . encaminhem-se os autos ao juízo a quo.014973-1 Ação: Agravo de Instrumento Em 08/09/2010 .011566-7 Ação: Agravo de Instrumento Em 02/09/2010 . Após o trânsito em julgado. Vice-Presidente do TJE/PA. Joao Barbosa De Lima Filho. PROCESSO: 2010.3.012375-1 Ação: Agravo de Instrumento Em 02/09/2010 . NÃO CONHEÇO DO RECURSO por ser extemporâneo. por não vislumbrar presente uma de suas hipóteses de cabimento.Igeprev (Adriana Moreira Rocha Bohadana . em exercício. em razão de sua intempestividade. Transitada em julgado. Belém. para oferecimento das contra-razões.3.3.Parte final: Ante o exposto. apresentar manifestação. CONVERTO O PRESENTE AGRAVO DE INSTRUMENTO EM AGRAVO RETIDO.Relator(a): LEONAM GONDIM DA CRUZ JUNIOR Apelante: Joao Batista Dos Santos Pereira (Advogado: Eldely Da Silva Hubner) Apelado: Marcia Cristina Pompeu Da Silva (Advogado: Maxiely Scaramussa Bergamin E Outros) INTERPOSIÇÃO DE RECURSO ESPECIAL . 14 de Setembro de 2010 Decisão . inciso III. no prazo de 10 (dez) dias. CONVERTO O PRESENTE AGRAVO DE INSTRUMENTO EM AGRAVO RETIDO.Parte final: Ante o exposto.3..Edição nº 4651/2010 . faça a remessa destes autos ao Juízo da causa. Após o trânsito em julgado. Sebastiao Souza Da Costa. 63 . Celso Alves Mota Neto e Jose Cardoso De Souza (Advogado: Jose Firmino Gomes) Decisão Monocrática .DIÁRIO DA JUSTIÇA .3. 05 de agosto de 2010.3. após as contra-razões ao recurso. nego seguimento ao recurso especial. NÃO CONHEÇO DO RECURSO DE AGRAVO DE INSTRUMENTO intentado por Esporte Clube Santana.Relator(a): JOSE MARIA TEIXEIRA DO ROSARIO Agravante: Antonio David Peixoto Pinheiro (Advogado: Adailson Jose De Santana E Outros) Agravado: Daniel Travassos Da Rosa Costa (Advogados: Manasses Alves Da Rocha E Outros e Jose Roberto Tuma Nicolau Junior) Despacho: Considerando a petição e juntada de novos documentos apresentados (fls.014153-9 Ação: Agravo de Instrumento Em 24/08/2010 . PROCESSO: 2010. (.011749-9 Ação: Agravo de Instrumento Em 08/09/2010 . indefiro o efeito suspensivo pleiteado. nos termos do artigo 527.013270-2 Ação: Agravo de Instrumento Em 18/08/2010 . Intimem-se os agravados.Faço público a quem interessar possa que se encontra nesta Secretaria o Recurso Especial interposto por JOÃO BATISTA DOS SANTOS PEREIRA.) Publique-se. querendo. NÃO CONHEÇO DO AGRAVO INTERNO interposto.3. no prazo de 10(dez) dias.Parte final: Deste modo. determino a intimação do agravante para. PROCESSO: 2010. encaminhem-se os autos ao juízo a quo. por não vislumbrar presente uma de suas hipóteses de cabimento. PROCESSO: 2009.Parte final: Isto posto. Após o trânsito em julgado.) Publique-se..3. inciso III.Terça-Feira. até deliberação posterior. (.Inventariante (Advogados: Marcia Andrea Celso Da Silva e Mauro Mendes Da Silva) Agravante: Ana Lucia Oliveira Goncalves. apresentem contra-razões ao recurso. qual seja: a existência de lesão grave e de difícil reparação.TJ/PA ..Parte final: Ante o exposto. para que. para sobrestar a determinação da sentença de despejo. PROCESSO: 2010. razão pela qual conheço do agravo e nego-lhe provimento.Relator(a): LEONAM GONDIM DA CRUZ JUNIOR Agravante: Viação Perpetuo Socorro Ltda (Advogados: Martha Henriques Moreira Santos e Frederico Coelho De Souza E Outros) Agravado: Municipio De Belem Decisão Monocrática .Proc Estado) Agravado: Rafael Mota Pontes. Mauricio Guedes Cardoso Junior.3.. MARIA HELENA D'ALMEIDA FERREIRA.Parte final: Diante do exposto. 220/224) pelo agravado. pelos fundamentos acima. caso queiram.012456-9 Ação: Agravo de Instrumento Em 02/09/2010 .Relator(a): JOSE MARIA TEIXEIRA DO ROSARIO Agravante: Esporte Clube Santana (Advogado: Jose De Matos Rezende Neto) Agravado: Ministerio Publico Do Estado Do Para Promotor(A): Gerson Daniel Silva Da Silveira Decisão Monocrática . por ser incabível à espécie.Relator(a): JOSE MARIA TEIXEIRA DO ROSARIO Agravante: Municipio De Moju (Andre Ramy Pereira Bassalo E Outros) Agravado: Joao Martins Cardoso Filho (Advogado: Kamilla Freitas Oliveira Da Silva E Outros) Decisão . PROCESSO: 2010.010159-4 Ação: Apelação Em 19/08/2010 .Parte final: Diante do exposto.012434-5 Ação: Agravo de Instrumento Em 02/09/2010 .Relator(a): DAHIL PARAENSE DE SOUZA Representante: Marilena Lehmann Pimentel . qual seja: a existência de lesão grave e de difícil reparação. nos termos do artigo 527.Relator(a): JOSE MARIA TEIXEIRA DO ROSARIO Agravante: Concessionaria Renault Du Nort (Advogado: Amiraldo Soares Filho E Outros) Agravado: Josivaldo Beckman Siqueira (Advogado: Merylene V Carvalho A Ericeira) Decisão Monocrática . PROCESSO: 2010. encaminhem-se os autos ao juízo a quo. Desa. Após o trânsito em julgado. Oficie-se ao MM. Juízo a quo solicitando que preste informações.Relator(a): JOSE MARIA TEIXEIRA DO ROSARIO Agravante: Estado Do Para (Sergio Oliva Reis . PROCESSO: 2010. Publique-se. Leonor Oliveira Goncalves e Viuva Byron Goncalves E Cia Ltda (Advogado: Thiago Carlos De Souza Dias) Agravado: Espolio De Agostinho Menezes Monteiro e Espolio De Julieta Miranda Monteiro Decisão .Parte final: Ante o exposto. estando a decisão agravada em conformidade com a orientação do Superior Tribunal de Justiça e desta Corte Estadual. Wando Leao Da Rocha.Relator(a): JOSE MARIA TEIXEIRA DO ROSARIO Agravante: Instituto De Gestao Previdenciaria Do Estado Do Para . Intimem-se. remetam-se os autos ao juiz da causa.Proc Autarquico) Agravado: Alfredo Ferreira Da Costa. de plano constato que não há como dar seguimento a este recurso.

3.003562-5 Ação: Apelação Em 09/09/2010 . inclusive para fins de prequestionamento e condeno a embargante a multa de 1% (hum por cento) sobre o valor atualizado da causa por se mostrarem os embargos manifestadamente protelatórios.014978-1 Ação: Agravo de Instrumento Em 10/09/2010 .V do CPC. este Relator já havia dado provimento ao recurso e determinado o seu prosseguimento no juízo "a quo".. 4-PROCESSO: 2010. (. no prazo normal prevista no art. determinando a redução dos alimentos devidos à agravada para o valor correspondente a 06 (seis) salários mínimos. no prazo normal prevista no art. Determino que seja procedida a intimação editalícia da apelante com prazo de 30 dias para que se manifeste sobre o permanência de seu interesse no julgamento do presente recurso. (Advogado: Wanderley Jose Marra Da Silva) Agravado: N. 527.Edição nº 4651/2010 . considerando que. 2-PROCESSO: 2010.557. 3-PROCESSO: 2010. dos S.Proc. Após o trânsito em julgado. (. (. determino o arquivamento do presente apelo.011594-8 Ação: Agravo de Instrumento Em 10/09/2010 . Agravante: J. Estado) Apelado: Valmir Da Silva Moraes (Advogado: Marcia Do Socorro Rodrigues De Miranda) Procurador(A) De Justiça: Sérgio Tibúrcio Dos Santos Silva. ambos do CPC. sendo-lhe facultado juntar cópias das peças que entender necessárias nos termos do art. e S.013249-7 Ação: Agravo de Instrumento Em 09/09/2010 .. do S. e diante da maciça jurisprudência deste Tribunal e violação de súmula do STF. Maria Rita Da Silva e Maria Regina Furtado De Souza. (Advogado: Alvaro Roque Siliprandi E Outros).. 4-PROCESSO: 2010.. parágrafo único do CPC. (Advogado: Meire Costa Vasconcelos E Outros) Agravado: C. (. K.015128-1 Ação: Agravo de Instrumento Em 10/09/2010 .3. SECRETARIA DA 5ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Resenha de Despachos para Publicar em 14/09/2010..3.3. Antes de manifestar-me sobre o pedido de efeito suspensivo . 5º. entendo que deve ser formado o contraditório com a oitiva da parte agravada. M. torno sem efeito a decisão de fls. S. (Advogado: Maria Celia Nena Sales Pinheiro e Advogado: Naiany Silva Borges E Outros) Agravado: A. pelo exposto. mantendo a concessão da segurança por outros fundamentos. quais sejam. decido monocraticamente.. antes do protocolo da petição em exame.. conheço do recurso e nego-lhe provimento. 2-PROCESSO: 2010.Relator(a): LUZIA NADJA GUIMARAES NASCIMENTO Apelante: Estado Do Para (Advogado: Joao Drummond Martins . IV do CPC. B.Relator(a): LUZIA NADJA GUIMARAES NASCIMENTO Agravante: Petroleo Brasileiro S/A . 1-PROCESSO: 2010. 557 do CPC. 3-PROCESSO: 2010.000695-7 Ação: Apelação Em 10/09/2010 . admito seguimento ao recurso.)Isto posto. "caput".3. à ampla defesa e ao contraditório.3..)Assim. Requisitem-se as informações ao juízo prolator da decisão agravada.3.)ASSIM. ASSIM.)Desse modo.014316-3 Ação: Apelação Em 09/09/2010 . 1-PROCESSO: 2010. com fundamento no art. (. bem como as súmulas 20 e 21 do STF. 557. NEGO SEGUIMENTO ao presente Agravo Regimental. M. e S.Relator(a): CONSTANTINO AUGUSTO GUERREIRO Agravante: Camara Municipal De Ipixuna Do Para (Advogado: Ana Marilea Ribeiro Do Nascimento E Outra) Agravado: Jose Orlando Freire. M.Relator(a): LUZIA NADJA GUIMARAES NASCIMENTO Agravante: E. ferindo o art. deferindo parcialmente a tutela antecipada pretendida.DIÁRIO DA JUSTIÇA .. 527.. 5-PROCESSO: 2010. entendo que deve ser formado o contraditório com a oitiva da parte agravada. 527.Relator(a): CONSTANTINO AUGUSTO GUERREIRO Apelante: Abraao Nascimento Bezerra De Oliveira (Advogado: Roberta Helena Medeiros Mesquita Fernandes) Apelado: Banco Do Brasil S/A (Advogado: Ana Margarida Silva Loureiro Godinho E Outros).501. º Antes de manifestar-me sobre o pedido de efeito suspensivo. 14 de Setembro de 2010 SECRETARIA DA 5ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA SECRETARIA DA 5ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA Resenha de Despachos para Publicar em 14/09/2010.. do CPC. face a ausência de interesse processual. voltem-me os autos conclusos. O. sendo-lhe facultado juntar cópias das peças que entender necessárias nos termos do art.V do CPC. (. ante a sua manifesta inadmissibilidade. a ofensa ao devido processo legal. 50/52. "ex vi" do art. ex vi artigo 538.Petrobras (Advogado: Danielle Nunes Valle E Outros) Agravado: Lopes Filho Engenharia Ltda (Advogado: Antonio Luiz Bueno Barbosa E Outros).015103-3 Ação: Agravo de Instrumento Em 03/09/2010 . Lopes Mota (Advogado: Pedro Carneiro De Sousa Filho E Outro) Apelado: Irmaos Silva Ltda. de M. 527. nos termos do art.Relator(a): DIRACY NUNES ALVES Agravante: A. IV do CPC.TJ/PA . M. c/c art. M.)Por todo o exposto. "caput". 64 .Terça-Feira.3. S. ao Ministério Público. considerando restar prejudicado. LV. pelo CONHECIMENTO e PARCIAL PROVIMENTO da apelação para reconhecer o julgamento equivocado do juízo a quo. Publique-se e intime-se.Relator(a): CONSTANTINO AUGUSTO GUERREIRO Apelante: Safra Leasing Arrendamento Mercantil S/A (Advogado: Joao Brasil De Castro E Outros) Apelado: Samuel Da Silva Marques. reconsidero a decisão de fls.009625-5 Ação: Apelação Em 09/09/2010 . do S.Relator(a): DIRACY NUNES ALVES Representante: S. J. da CF. Intime-se a parte adversa para oferecer contrarrazões.3. Dê-se ciência desta decisão ao juízo da 1ª Vara de Família da Capital. em razão da desistência apresentada pelo recorrente.. R. Requisitem-se as informações ao juízo prolator da decisão agravada.665/666 e CONCEDO ao apelante os benefícios da justiça gratuita.)ASSIM. Após.Relator(a): DIRACY NUNES ALVES Apelante: J.

. P. dá-se provimento monocrático à apelação para desconstituir a sentença e determinar o prosseguimento do processo no 1º grau.Edição nº 4651/2010 .Relator(a): LUZIA NADJA GUIMARAES NASCIMENTO Apelante: Banco Finasa S/A (Advogado: Joao Brasil De Castro E Outros) Apelado: Clebson Dos Anjos Farias.I.TJ/PA . e forte no art.R.3. 14 de Setembro de 2010 5-PROCESSO: 2010.)Ante os fundamentos acima expostos. (. 557.DIÁRIO DA JUSTIÇA .014762-8 Ação: Apelação Em 08/09/2010 . §1º-A do CPC..Terça-Feira. 65 .C.

NOS TERMOS DO VOTO DA RELATORA.Recurso Cível n.Recurso Cível n. NOS TERMOS DO VOTO DA RELATORA. ACÓRDÃO Nº 12.Recorrente: Banco do Brasil S/A. 4.Recorrente: Leal & Santos Ltda . NEGOU PROVIMENTO AO RECURSO.º 2009902428-9-Consumidor. POR UNANIMIDADE. nos autos do processo nº 2010900204-0. 14 de Setembro de 2010 TURMA RECURSAL DOS JUIZADOS ESPECIAIS A Secretaria Geral das Turmas Recursais: 1.717/10 -DECISÃO: A 2ª TURMA RECURSAL. POR UNANIMIDADE. Ubirajara Bentes de Souza Filho)-Relatora: Juíza Antonieta Maria Ferrari Miléo. Secretária: Mayssa Maia. (Adv.Recurso Cível n. NOS TERMOS DO VOTO DA RELATORA. Chedid Abdulmassih)-Recorrida: Silvia Maria de Souza Levy. (Adv. Wagner Murilo de Castro Colares)-Relatora: Juíza Antonieta Maria Ferrari Miléo.º 2009902582-2-Santarém. NEGOU PROVIMENTO AO RECURSO.716/10 -DECISÃO: A 2ª TURMA RECURSAL. ACÓRDÃO Nº 12. Manuelle Lins Cavalcanti Braga.Recurso Cível n. Mario Luciano de Barros Fima)-Relatora: Juíza Antonieta Maria Ferrari Miléo. (Adv. DEU PROVIMENTO AO RECURSO.Recurso Cível n. ACÓRDÃO Nº 12.Recorrente: Ednalva Dantas Barroso. Ellen Monteiro Khan)-Relatora: Juíza Antonieta Maria Ferrari Miléo. POR UNANIMIDADE. Arnaldo Henriques Andrade da Silva)-Recorrida: Márcia Pereira Maciel. Edilane Andrade da Costa)-Recorrido: Paulo André Gaby Bogea. NEGOU PROVIMENTO AO RECURSO. POR UNANIMIDADE. Fabio Augusto Hage Soares)-Recorrida: Vera Lucia Maia Coelho. contrarrazões ao Agravo de Instrumento no Recurso Extraordinário interposto por Manoel das Graças Carneiro dos Santos (Adv. Marcelo Araujo Santos)-Relatora: Juíza Antonieta Maria Ferrari Miléo. (Adv.719/10 -DECISÃO: A 2ª TURMA RECURSAL.Recurso Cível n. Rosana Lucia de Canelas Bastos e Eliane dos Santos Figueiredo. ACÓRDÃO Nº 12. Alessandro dos Santos Costa). (Adv. 5.TJ/PA . POR UNANIMIDADE. (Adv.711/10 -DECISÃO: A 2ª TURMA RECURSAL. Ricardo de Almeida Rosa)-Relatora: Juíza Antonieta Maria Ferrari Miléo. (Adv.Intima o agravado Bradesco Seguros S/A (Adv.º 2009902778-6-Jurunas.BANPARÁ. Marcelo Pereira Maciel)-Relatora: Juíza Antonieta Maria Ferrari Miléo. POR UNANIMIDADE.º 2009902569-9-Santarém. ACÓRDÃO Nº 12. (Adv. ACÓRDÃO Nº 12.)-Recorrido: Nonato Adriego Lopes da Silva.Recorrente: Joana Gomes Maués. NOS TERMOS DO VOTO DA RELATORA. POR UNANIMIDADE. Gabrielle Martins Silva Maués)-Recorrido: Banco Itaucard S/A. NOS TERMOS DO VOTO DA RELATORA.Recorrente: City Press Prestação de Serviços Ltda. (Adv. 3.Recorrente: VRG Linhas Aéreas S/A. (Adv. ACÓRDÃO Nº 12.Recurso Cível n.715/10 -DECISÃO: A 2ª TURMA RECURSAL.Terça-Feira. NEGOU PROVIMENTO AO RECURSO.Recorrente: Bradesco Seguros S/A.O Boticário.º 2009902897-2-Trânsito. NOS TERMOS DO VOTO DA RELATORA.712/10 -DECISÃO: A 2ª TURMA RECURSAL. Presentes as Juízas Antonieta Maria Ferrari Miléo (Presidente). (Adv. (Adv. 7. (Adv. 8.Recorrente: Nokia do Brasil Tecnologia LTDA. Início: 15:10 Término: 18:30 1.DIÁRIO DA JUSTIÇA . Tiago de Andrade Cardoso)-Recorrida: Katia Eziderio Lima.º 2009902682-1-Consumidor. NOS TERMOS DO VOTO DA RELATORA. NOS TERMOS DO VOTO DA RELATORA.Edição nº 4651/2010 .718/10 -DECISÃO: A 2ª TURMA RECURSAL.713/10 -DECISÃO: A 2ª TURMA RECURSAL. Manuelle Lins Cavalcanti Braga) a apresentar. NOS TERMOS DO VOTO DA RELATORA. (Adv. 6.Recorrente: Gabriela Fonseca.º 2009902358-4-Marabá. ACÓRDÃO Nº 12. (Adv. NÃO CONHECEU O RECURSO. ACÓRDÃO Nº 12. Ata de julgamento-1ª sessão ordinária/2010 da 2ª Turma Recursal Provisória realizada no dia 26/08/2010 (5ª-feira) no Plenário Desembargador Nelson Amorim. (Adv. NEGOU PROVIMENTO AO RECURSO.714/10 -DECISÃO: A 2ª TURMA RECURSAL. (Adv. (Adv. POR UNANIMIDADE. Carla Renata Moreira Pereira Nascimento)Recorrida: Patrícia de Castro Dourado. 9. Mauricio de Jesus Nunes da Silva)-Relatora: Juíza Antonieta Maria Ferrari Miléo. 2.Recurso Cível n. NEGOU PROVIMENTO AO RECURSO.Recurso Cível n. no prazo legal. Marcilio Marcelo Leão Santos)-Recorrido: Banco do Estado do Pará S/A . DEU PROVIMENTO AO RECURSO.º 2009902771-3-Consumidor. 66 . POR UNANIMIDADE. Alessandro dos Santos Costa)-Relatora: Juíza Rosana Lucia de Canelas Bastos.º 2009902352-0-Cesupa.

(Adv.Recurso Cível n. 14.º 2009902884-7-Trânsito. (Adv.Recorrente: Vagner Sartório Menegardo. NOS TERMOS DO VOTO DA RELATORA. ACÓRDÃO Nº 12. Ingryd Oliveira Santos)-Recorrido: Banco do Brasil S/A. POR UNANIMIDADE. ACÓRDÃO Nº 12.722/10 -DECISÃO: A 2ª TURMA RECURSAL. (Adv. POR UNANIMIDADE.Recurso Cível n. (Adv.729/10 -DECISÃO: A 2ª TURMA RECURSAL. ACÓRDÃO Nº 12.Recurso Cível n. DEU PARCIAL PROVIMENTO AO RECURSO.º 2009902910-4-Trânsito. (Adv. Carlos Thadeu Matos Auad Junior)-Recorrida: Maria Izabel da Fonseca Lopes. POR UNANIMIDADE. (Adv.º 2009902835-6-Trânsito.DIÁRIO DA JUSTIÇA .Edição nº 4651/2010 .Recorrente: Raimundo Ivanildo Neves Morais. NOS TERMOS DO VOTO DA RELATORA. Miguel Karton Cambraia dos Santos)-Relatora: Juíza Eliane dos Santos Figueiredo. (Adv.Recorrente: Bradesco Seguros S/A. (Adv. Aldanerys Matos Amaral)-Relatora: Juíza Rosana Lucia de Canelas Bastos. Marcus Fontel)-Recorridos: Elizabeth Russo Rodrigues e Antonio Carlos Dias Alves.Recurso Cível n.723/10 -DECISÃO: A 2ª TURMA RECURSAL.Recorrente: Bradesco Seguros S/A. José Eduardo Andrade Diniz)-Relatora: Juíza Eliane dos Santos Figueiredo. POR UNANIMIDADE. DEU PARCIAL PROVIMENTO AO RECURSO. (Adv.Recorrente: Itaú Seguros S/A. 18. 15. ACÓRDÃO Nº 12. (Adv. Manuelle Lins Cavalcanti Braga)-Recorrido: Francisco da Silva Oliveira. Chedid Georges Abdulmassih)-Recorrida: Solange Meneses Sá dos Santos. Manuelle Lins Cavalcanti Braga)-Recorrido: Antonio Carlos de Sousa Nascimento.º 2009902937-3-Trânsito.º 2009902190-6-Consumidor. NOS TERMOS DO VOTO DA RELATORA. ACÓRDÃO Nº 12. Manuelle Lins Cavalcanti Braga)-Recorrido: Josiney da Silva Nascimento. (Adv.724/10 -DECISÃO: A 2ª TURMA RECURSAL.Recurso Cível n. (Adv. NOS TERMOS DO VOTO DA RELATORA. Diorgeo Diovanny Mendes Silva)-Recorrido: Bradesco Seguros S/A.Recurso Cível n. DEU PROVIMENTO AO RECURSO. (Adv. NOS TERMOS DO VOTO DA RELATORA. Marcus Nascimento do Couto)-Relatora: Juíza Eliane dos Santos Figueiredo. DEU PROVIMENTO AO RECURSO.726/10 -DECISÃO: A 2ª TURMA RECURSAL. ACÓRDÃO Nº 12.Recurso Cível n. NEGOU PROVIMENTO AO RECURSO. POR UNANIMIDADE.Recorrente: VRG Linhas Aéreas S/A. Alessandro dos Santos Costa)-Relatora: Juíza Rosana Lucia de Canelas Bastos.TJ/PA .º 2009902184-4-Consumidor. DEU PROVIMENTO AO RECURSO. Sonia Mara Mandrick)-Relatora: Juíza Eliane dos Santos Figueiredo. NOS TERMOS DO VOTO DA RELATORA. 12. NEGOU PROVIMENTO AO RECURSO. ADIADO A PEDIDO DA RELATORA. POR UNANIMIDADE.º 2009902924-8-Trânsito. (Adv. (Adv. NOS TERMOS DO VOTO DA RELATORA. (Adv. ACÓRDÃO Nº 12. (Adv.Recorrente: Salão Senador Lemos Ltda. (Adv. DEU PARCIAL PROVIMENTO AO RECURSO.º 2009902854-3-Trânsito.Recurso Cível n.720/10 -DECISÃO: A 2ª TURMA RECURSAL.º 2009901990-0-Medicilândia. Alessandro dos Santos Costa)-Relatora: Juíza Rosana Lucia de Canelas Bastos.Recurso Cível n. 67 .721/10 -DECISÃO: A 2ª TURMA RECURSAL. Ivanildo Rodrigues da Gama Junior)-Relatora: Juíza Rosana Lucia de Canelas Bastos. Manuelle Lins Cavalcanti Braga)-Recorrido: Antenor Alves Magalhães.Recorrente: Itaú Seguros S/A. Manuelle Lins Cavalcanti Braga)-Recorrido: Rubens de Aguiar e Souza.Recurso Cível n.Recorrente: Bradesco Seguros S/A. 17. POR UNANIMIDADE. Aldanerys Matos Amaral)-Relatora: Juíza Rosana Lucia de Canelas Bastos. 13. 20. Aldanerys Matos Amaral)-Relatora: Juíza Rosana Lucia de Canelas Bastos.Recorrente: Bradesco Seguros S/A. Reinaldo Martins Junior)-Relatora: Juíza Rosana Lucia de Canelas Bastos. (Adv.728/10 -DECISÃO: A 2ª TURMA RECURSAL.Terça-Feira. 14 de Setembro de 2010 10. (Adv. ACÓRDÃO Nº 12. NOS TERMOS DO VOTO DA RELATORA.Recorrente: Editora Globo S/A.Recurso Cível n. NÃO CONHECEU O RECURSO. Manuelle Lins Cavalcanti Braga)-Recorrida: Elida Freitas Pereira. NOS TERMOS DO VOTO DA RELATORA. 19. (Adv. NOS TERMOS DO VOTO DA RELATORA.º 2009902843-6-Trânsito. POR UNANIMIDADE.º 2009901983-9-Unama. 11. POR UNANIMIDADE.727/10 -DECISÃO: A 2ª TURMA RECURSAL. ACÓRDÃO Nº 12. (Adv. ACÓRDÃO Nº 12. DEU PARCIAL PROVIMENTO AO RECURSO. 16. POR UNANIMIDADE.725/10 -DECISÃO: A 2ª TURMA RECURSAL.

Andrea Carla Marques)-Recorrida: Wanessa Elaine Gomes de Lima. DEU PROVIMENTO AO RECURSO.Recorrente: Nilo Sergio Mendes Vasconcelos. (Adv.Recorrente: Condomínio do Edifício Ismael Nery.º 2009902673-2-Unama. Sr. Presente o Bel. 24. Maria da Consolação Rabello Albuquerque)-Relatora: Juíza Eliane dos Santos Figueiredo.E (Adv.º 2009902305-7-Trânsito.Recurso Cível n. ACÓRDÃO Nº 12. Sras. NOS TERMOS DO VOTO DA RELATORA.734/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL. (Adv. 23. (Adv. 26. 22. Presentes as Exmas.º 2009901438-9-Santarem. não constituído)-Relatora: Juíza Eliane dos Santos Figueiredo. NOS TERMOS DO VOTO DO RELATOR.º 2009901444-1-Santarém. Marcos Vinicius Eiró do Nascimento)Recorrido: Real Veículos Ltda.TJ/PA .736/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL.Recorrente: Lider Supermercados e Magazine Ltda.Recurso Cível n. Eliezer Francisco da Silva Cabral)-Relatora: Juíza Eliane dos Santos Figueiredo. Waldomiro Fernandes dos Santos Filho)-Recorrida: Leonice Nascimento Amador dos Santos.Recorrente: Maria Graciete Marques de Moraes (Adv. Presidência do Exmo. A PEDIDO DO ADVOGADO DO RECORRENTE.730/10 -DECISÃO: A 2ª TURMA RECURSAL. realizada em 31/08/10 (3ª-Feira).Recurso Cível n.DIÁRIO DA JUSTIÇA . Ellen Monteiro Khan)-Recorrido: José Ribamar Ferreira dos Santos Junior. Isis Sadeck)-Recorrido: Milton Martins de Oliveira Junior. POR UNANIMIDADE.732/10 -DECISÃO: A 2ª TURMA RECURSAL.º 2009901898-3-Trânsito. em causa própria)-Relatora: Juíza Eliane dos Santos Figueiredo. NEGOU PROVIMENTO AO RECURSO. 3.Recurso Cível n. Juiz Ricardo Salame Guimarães. Início: 15:10h Término: 20:40h. (Adv.º 2009902203-0-Consumidor. Afonso Melo Silva)-Relatora: Juíza Eliane dos Santos Figueiredo. (Adv. 14 de Setembro de 2010 21. (Adv. POR UNANIMIDADE.Edição nº 4651/2010 .º 2009901387-1-Trânsito.M Barbosa da Silva . 2.Agravo de Instrumento ao STF-Processo nº 001. Juízas Ana Patrícia Nunes Alves Fernandes e Rosana Lúcia de Canelas Bastos (convocada) .731/10 -DECISÃO: A 2ª TURMA RECURSAL. NOS TERMOS DO VOTO DO RELATOR. Pedro Bentes Pinheiro Filho)Agravado: Harley Souza Santos (Adv. DEU PARCIAL PROVIMENTO AO RECURSO.Recorrente: E. NOS TERMOS DO VOTO DA RELATORA. (Adv. 25. Giovanna Litz Carneiro do Valle)-Relator: Juiz Ricardo Salame Guimarães ACÓRDÃO Nº 12. NEGOU PROVIMENTO AO RECURSO. POR UNANIMIDADE. (Adv.Recurso Cível n. A PEDIDO DA RELATORA.M. Isis Krishina Rezende Sadeck)-Relatora: Juíza Eliane dos Santos Figueiredo.Terça-Feira.Recorrente: Alcir Martins de Andrade (Adv. (Adv.Agravo de Instrumento ao STF-Processo nº 2009902759-9-Agravante: Computer Store Comércio Ltda. Adriano Marques Ramoa) Termo de remessa de agravo de instrumento ao STF: 1. Gleidson Gonçalves Pantoja)-Agravado: Afonso Ludgero Sampaio Lima (Adv.2009901748-3 (PROJUDI)-Agravante: Unimed Belém Cooperativa de Trabalho Médico (Adv.Recorrente: Karla Heloise de Souza Mendonça. Raquel Flórida Riker Pinheiro)-Recorrido: Simões e Duarte Ltda.º 2009902291-4-Jurunas. João Brito de Moraes Filho)-Recorrido: Alex Almeida do Espírito Santo (Adv.Recurso Cível n. POR UNANIMIDADE. ADIADO.Recorrente: Financeira Itaú CBD S/A.Recorrente: Rita Conceição de Alcantara Trindade. (Adv. NOS TERMOS DO VOTO DA RELATORA. NEGOU PROVIMENTO AO RECURSO. no Plenário Desembargador Nelson Amorim. 1.Recurso Cível n. (Adv. ACÓRDÃO Nº 12. Gustavo Pastor Pinheiro)-Recorrido: David Alexandre Favacho da Luz. ADIADO.º 2009902209-4-Jurunas.Recurso Cível n. ACÓRDÃO Nº 12. (Terry Tenner Feleol Marques) -Relator: Juiz Ricardo Salame Guimarães ACÓRDÃO Nº 12. Francinaldo Fernandes de Oliveira) 1ª sessão ordinária da 1ª Turma Recursal Provisória.Juliann Lennon Lima Aleixo)-Relator: Juiz Ricardo Salame Guimarães ACÓRDÃO Nº 12. POR UNANIMIDADE. (Adv. POR UNANIMIDADE. NEGOU PROVIMENTO AO RECURSO. Fabrício Machado.Recurso Cível n. (Adv. (Adv. Leidiana Marques da Costa)-Recorrido: Paulo Rafael Abdon Morais.733/10 -DECISÃO: A 2ª TURMA RECURSAL. POR UNANIMIDADE.735/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL. NOS TERMOS DO VOTO DA RELATORA. Termo de remessa de agravo de instrumento ao STF: 1. DEU PARCIAL PROVIMENTO AO RECURSO. ACÓRDÃO Nº 12. NOS TERMOS DO VOTO DO RELATOR. 68 .

Armando Algaranhar Gonçalves)-Recorrido: Manoel Nazareno Barros de Oliveira (Adv. Patrick Lima de Mattos)-Recorrido: João Carlos da Silva Costa (Adv. NOS TERMOS DO VOTO DO RELATOR.DIÁRIO DA JUSTIÇA . José Maria da Gama Maia)-Relator: Juiz Ricardo Salame Guimarães.Pio e CIA.744/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL.Recurso Cível n.º 2009901306-8-Redenção. 8. ACÓRDÃO Nº 12. NEGOU PROVIMENTO AO RECURSO.º 2009901329-1-Cesupa. 6. POR UNANIMIDADE.Recurso Cível n.Recorrente: Leles e Silva Ltda . Rodrigo Oliveira Santana)-Relator: Juiz Ricardo Salame Guimarães. (Adv. Pensões e Montepios-Beneficente (Adv. DEU PROVIMENTO AO RECURSO. ACÓRDÃO Nº 12.Recurso Cível n.Recurso Cível n. NEGOU PROVIMENTO AO RECURSO. NOS TERMOS DO VOTO DO RELATOR. NEGOU PROVIMENTO AO RECURSO. Antônia Fabiana Monteiro Costa)-Relator: Juiz Ricardo Salame Guimarães. NEGOU PROVIMENTO AO RECURSO.Edição nº 4651/2010 . (Adv. POR UNANIMIDADE. POR UNANIMIDADE.Caixa de Pecúlios.743/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL. DEU PARCIAL PROVIMENTO AO RECURSO.Recorrentes: Antonio Sergio Melo Silva Junior e Neuza Antonio Barros de Oliveira. 14. NOS TERMOS DO VOTO DO RELATOR. NOS TERMOS DO VOTO DO RELATOR. NEGOU PROVIMENTO AO RECURSO.Recurso Cível n.º 2009901554-8-Consumidor.Recorrente: Paulo Sergio dos Santos Melo.Recorrente:Maria das Graças Ribeiro da Silva (Adv. Angelo Brazil da Silva)-Recorrida: Capemi . NEGOU PROVIMENTO AO RECURSO. 69 . Andre Ramy Pereira Bassalo e Flávio dos Santos Melo)-Relator: Juiz Ricardo Salame Guimarães ACÓRDÃO Nº 12.º 2009901547-7-Trânsito. ACÓRDÃO Nº 12.737/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL.º 2009901584-2-Faci. Kátia Tereza de Carvalho Penha e Mariana Sá Vale Serra Alves)-Recorrido: Carlos Andre Melone (Adv.Terça-Feira. Roberta Oliveira Moreira)-Relator: Juiz Ricardo Salame Guimarães. Aline Serra) e J.742/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL. Arthur Dias de Arruda)-Relator: Juiz Ricardo Salame Guimarães. ACÓRDÃO Nº 12. POR UNANIMIDADE.Recorrente: Max Edivaldo Vieira de Menezes (Adv. Marcelo Farias Mendanha)-Relator: Juiz Ricardo Salame Guimarães. NOS TERMOS DO VOTO DO RELATOR.Recurso Cível n. 14 de Setembro de 2010 4.Recurso Cível n.Recorrentes: VIVO S/A (Adv.S Alcolumbre Tobelem .Recurso Cível n. NEGOU PROVIMENTO AOS RECURSOS.º 2009901560-0-Consumidor.739/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL.Recorrente: João dos Santos Lobato (Adv.Recurso Cível n. 12. NEGOU PROVIMENTO AO RECURSO. Diogo Diniz Ferreira de Carvalho)-Recorrido: Banco do Estado do Pará S/A. NOS TERMOS DO VOTO DO RELATOR. ACÓRDÃO Nº 12.Recorrente: M. ACÓRDÃO Nº 12. POR UNANIMIDADE. 9.741/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL.º 2009901320-0-Unama.S Gomes Facunde-ME (Eletromil) (Adv.Perfil Calçados. Hiran Leão Duarte e Eliete Santana Matos)-Recorrida: Albertina Vieira da Silva (Adv. ACÓRDÃO Nº 12. 5.º 2009901572-6-Consumidor.Recorrente: F. 7. Raimundo José de Paulo Moraes Athayde)Recorrida:Maria do Socorro Larangeira de Moura (Adv.TJ/PA .ME (Adv.º 2009901646-7-Consumidor. POR UNANIMIDADE.Recurso Cível n. DEU PROVIMENTO AO RECURSO. POR UNANIMIDADE.745/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL. 10.Recurso Cível n.746/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL. (Adv. POR UNANIMIDADE.747/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL. Alberto Ferreira de Carvalho)-Relator: Juiz Ricardo Salame Guimarães. (Adv. NOS TERMOS DO VOTO DO RELATOR. NOS TERMOS DO VOTO DO RELATOR. Nubia Varao)-Recorrida: Sthefani Charlie Rodrigues. ACÓRDÃO Nº 12. PARA JULGAR IMPROCEDENTE O PEDIDO CONTRAPOSTO. Wilson Pantoja Machado)-Recorrido: Daniel Berg Souza de Oliveira (Adv.º 2009901312-0-Redenção.Recorrente: OI TNL PCS S/A (Adv. 11. Ltda. NOS TERMOS DO VOTO DO RELATOR. Núbia Varão. (Adv. João Olegário Palácios) -Relator: Juiz Ricardo Salame Guimarães. Augusto Lobato Potiguar)-Recorrido: Luzinete Pureza Gonçalves (Adv. POR UNANIMIDADE.740/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL. POR UNANIMIDADE. Claudio Ferreira da Silva)-Recorrido: Banco do Estado do Pará S/A.738/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL.Recorrente: Consorcio Nacional Volkswagen Ltda (Adv. NOS TERMOS DO VOTO DO RELATOR. NOS TERMOS DO VOTO DO RELATOR. Conceição Ainda Pereira Barbosa)-Relator: Juiz Ricardo Salame Guimarães.º 2009901578-0-Santa Barbara. POR UNANIMIDADE. ACÓRDÃO Nº 12. 13. Gilberto Sousa Correa) -Relator: Juiz Ricardo Salame Guimarães. ACÓRDÃO Nº 12. (Adv. (Adv.

ACÓRDÃO Nº 12.DIÁRIO DA JUSTIÇA .Recurso Cível n.Recurso Cível n.º2009901796-6-Consumidor.º 2009901809-0-Cesupa.Recorrente: Vanilda Vieira Viana (Adv. Bruna Cavalcante Sirayama)Recorrido: MercadoLivre. POR UNANIMIDADE.º 2009901748-4-Cidade Nova VIII. NOS TERMOS DO VOTO DO RELATOR.º 2009901741-1-Cesupa. NEGOU PROVIMENTO AOS RECURSOS. NÃO CONHECEU O RECURSO DE AGNALDO ALVES DE OLIVEIRA. AINDA.Recurso Cível n. 22. E.756/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL.755/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL.753/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL.790/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL. ACÓRDÃO Nº 12. ACÓRDÃO Nº 12. NOS TERMOS DO VOTO DO RELATOR.750/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL. DEU PROVIMENTO AO RECURSO. Andréa Souza de Albuquerque)-Recorrido: João da Costa Monteiro.º 2009901529-9-Trânsito.Recorrentes: VRG Linha Aéreas S/A e Gol Linhas Aéreas Inteligentes S/A (Adv.Recurso Cível n. DEU PARCIAL PROVIMENTO AO RECURSO DE JOSÉ CLÉBIO DA SILVA.Recurso Cível n. POR UNANIMIDADE.Recorrente: Editora Globo S/A (Adv. Nelson Montalvão das Neves)-Relator: Juiz Ricardo Salame Guimarães-Relatora p/acórdão: Juíza Ana Patrícia Nunes Alves Fernandes.º 2009901523-5-Trânsito.º 2009901511-9-Altamira.º 2009901782-2-Santarém. NOS TERMOS DO VOTO DO RELATOR.Recorrente: Edna Fátima Ferreira Torres (Adv.º 2009901488-9-Unama.Recorrente: TAM Linhas Aereas S/A (Adv.752/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL. POR MAIORIA.749/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL. ACÓRDÃO Nº 12. 16.748/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL. NEGOU PROVIMENTO AO RECURSO. Maria Stela Campos da Silva)-Relator: Juiz Ricardo Salame Guimarães. 24. POR UNANIMIDADE. 21. NOS TERMOS DO VOTO DO RELATOR. ACÓRDÃO Nº 12.Recurso Cível n.º 2009901728-8-Central. Wilton Moreira Filho)-Recorrida: Simone Cristina Juca Vilar Caiado (Adv. Estella Bursztejn)-Recorrida: Maria José Martins Santa Rosa. 70 .Recurso Cível n. ACÓRDÃO Nº 12. POR UNANIMIDADE. 23. NEGOU PROVIMENTO AO RECURSO.Recorrente: Luciana Alves da Silva e Silva (Adv. NEGOU PROVIMENTO AO RECURSO. 18.Recorrente: Pedro Thaumaturgo Soriano de Mello Filho (Adv. (Adv. 20.TJ/PA . VENCIDO O RELATOR ORIGINAL QUE NEGAVA PROVIMENTO AO RECURSO. Helder Ferreira Lucidos) e TAP AIR Portugal (Adv. NEGOU PROVIMENTO AO RECURSO. NOS TERMOS DO VOTO DO RELATOR. (Adv.751/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL. POR UNANIMIDADE. POR UNANIMIDADE. ACÓRDÃO Nº 12. POR UNANIMIDADE. NOS TERMOS DO VOTO DO RELATOR.Credicard (Adv. NOS TERMOS DO VOTO DO RELATOR. NEGOU PROVIMENTO AO RECURSO. Israel Barbosa) e Agnaldo Alves de Oliveira (Adv.Edição nº 4651/2010 . ACÓRDÃO Nº 12. DEU PARCIAL PROVIMENTO AO RECURSO. Noriko Alves Shimon)-Recorrida: Maria do Perpétuo Socorro Herênio Melo (Adv. Chedid Georges Abdulmassih)-Recorridos: Roberto Batista Ramos e Jaqueline Souza Maciel (Adv. NOS TERMOS DO VOTO DO RELATOR. Idenilza Regina Siqueira Rufino)-Relator: Juiz Ricardo Salame Guimarães. NOS TERMOS DO VOTO DO RELATOR. Ana Patrícia Comesanha Pereira)-Recorridos: Os mesmos-Relator: Juiz Ricardo Salame Guimarães. 17. Angelo Marcelo Curbani)-Recorrida: Editora Salvat do Brasil (Adv. POR UNANIMIDADE.Terça-Feira. Gilzely Medeiros de Brito e Camile Melo Nunes)Recorrida: Flávia Andrea Figueiredo Chaves (Adv. ACÓRDÃO Nº 12. Renato da Silva Neves e José Alírio Palheta Alves)-Relator: Juiz Ricardo Salame Guimarães. NOS TERMOS DO VOTO DA RELATORA P/ACÓRDÃO.Recorrentes: José Clébio da Silva (Adv. Lindalva Alves de Souza Rillo)-Relator: Juiz Ricardo Salame Guimarães. 19. ACÓRDÃO Nº 12.Recurso Cível n.754/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL. Daniel Lima Cardoso)-Relator: Juiz Ricardo Salame Guimarães. POR UNANIMIDADE. Arlindo de Jesus Silva Costa)-Recorrida: Maraguaci de Matos Moreira (Adv. Afonso de Melo Silva)-Relator: Juiz Ricardo Salame Guimarães.Recurso Cível n. NEGOU PROVIMENTO AOS RECURSOS. Marcus Alexandre Fontel de Oliveira) e Banco Citicard S/A . Solano de Camargo e Eduardo Luiz Brock) -Relator: Juiz Ricardo Salame Guimarães.Recurso Cível n.Com Atividades de Internet (Adv. 14 de Setembro de 2010 15.Recorrentes: Vale Verde Viagens e Turismo Ltda (Adv. POR UNANIMIDADE. Ricardo Nasser Sefer) -Relator: Juiz Ricardo Salame Guimarães.Recorrente: Erasmo Bezerra Lima Filho (Adv.

33.Recurso Cível n. POR UNANIMIDADE.º 2009902693-8-Consumidor. POR UNANIMIDADE.Terça-Feira. Ingryd Oliveira dos Santos)-Relatora: Juíza Ana Patrícia Nunes Alves Fernandes. Neusa Cristina Nobre dos S.Recurso Cível n. Francisco Brasil Monteiro Filho)-Recorrida: Banco Bradesco S/A (Adv.Recorrente: Cícero Anastácio Prado das Neves (Adv. Rosana Calderaro Alvares)-Relatora: Juíza Ana Patrícia Nunes Alves Fernandes. 30. Públ. 71 .Recorrente: HSBC Bank Brasil S/A. ACÓRDÃO Nº 12.Recurso Cível n. NEGOU PROVIMENTO AO RECURSO. ACÓRDÃO Nº 12. (Adv. (Adv. (Def. NOS TERMOS DO VOTO DO RELATOR.º 2009902763-3-Consumidor.º 2009902657-2-Trânsito. 26. NOS TERMOS DO VOTO DO RELATOR. 31.765/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL.CELPA. (Adv.Recorrente: Marco Aurélio Barbosa de Matos. (Adv. NOS TERMOS DO VOTO DA RELATORA.º 2009901885-8-Ananindeua. 27. ACÓRDÃO Nº 12. (Adv. (Adv.º 2009901897-4-Trânsito. Cleber Saraiva dos Santos)-Recorrido: Eric Dias Sobrinho (Adv. José Maria Rodrigues Alves Junior)-Relator: Juiz Ricardo Salame Guimarães. Diana Silveira de Brito)-Recorrido: Raimunda Santos Da Silva. (Adv. 29. Francisco Lindolfo Coelho dos Santos)-Relator: Juiz Ricardo Salame Guimarães. POR UNANIMIDADE. Leonardo Amaral Pinheiro da Silva)Recorrido: Herculano Monteiro Junior. Leonardo Amaral Pinheiro da Silva)Recorrida: Maria de Nazaré Macedo Couto.º 2009901853-6-Afuá.Recorrente: Hapvida Assistência Médica Ltda. 32. NOS TERMOS DO VOTO DA RELATORA. POR UNANIMIDADE.Recurso Cível n. 35.766/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL. (Adv. Severino Antonio Alves)-Relatora: Juíza Ana Patrícia Nunes Alves Fernandes. Fabrício Bentes Carvalho)-Recorrido: Mauricio Henrique Garcia Ribeiro. Pereira)-Recorrida: Rosiene da Silva Lobo (Adv. POR UNANIMIDADE.Recorrente: Centrais Elétricas do Pará S/A .761/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL.Recurso Cível n.º 2009901477-2-Cesupa. ACÓRDÃO Nº 12. POR UNANIMIDADE.Recorrente: Banco do Brasil S/A. Rafaela Cristina Bergh Pereira)Recorrida: Denize Maria Moscoso Pereira.Edição nº 4651/2010 .º 2009902669-8-Medicilândia. ACÓRDÃO Nº 12.º 2009902675-0-Consumidor.Recorrente: Banco GE Capital S/A (Adv. 34. POR UNANIMIDADE. NOS TERMOS DO VOTO DA RELATORA.757/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL. NOS TERMOS DO VOTO DO RELATOR.Recorrente: Marcel Bruno Araújo Martins. ACÓRDÃO Nº 12. (Adv. NÃO CONHECEU O RECURSO. NEGOU PROVIMENTO AO RECURSO. (Adv. NEGOU PROVIMENTO AO RECURSO. Monique Teles de Menezes Macêdo Chaves)Recorrida: Rogéria Fiorin Arruda. ACÓRDÃO Nº 12.758/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL. (Adv.DIÁRIO DA JUSTIÇA .º 2009902663-4-Trânsito.760/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL. ACÓRDÃO Nº 12. NEGOU PROVIMENTO AO RECURSO. Gilberto Alves de Araújo)-Relatora: Juíza Ana Patrícia Nunes Alves Fernandes. POR UNANIMIDADE.Kelly Lobo) -Relator: Juiz Ricardo Salame Guimarães.763/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL. POR UNANIMIDADE. DEU PARCIAL PROVIMENTO AO RECURSO. NOS TERMOS DO VOTO DA RELATORA. 14 de Setembro de 2010 25.Recurso Cível n.Recorrente: Telemar Norte Leste S/A (Adv. DEU PARCIAL PROVIMENTO AO RECURSO. Márcio Dias)-Recorrida: Edna Massae Fujiyama da Fontoura.762/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL. POR UNANIMIDADE.767/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL.Mark Imbiriba de Castro) -Relator: Juiz Ricardo Salame Guimarães.Recurso Cível n. José da Silva Saldanha)-Relatora: Juíza Ana Patrícia Nunes Alves Fernandes. Idelfonso Pantoja da Silva Junior) -Relator: Juiz Ricardo Salame Guimarães. NOS TERMOS DO VOTO DA RELATORA. Roberto Tamer Xerfan Junior)-Relatora: Juíza Ana Patrícia Nunes Alves Fernandes. NOS TERMOS DO VOTO DO RELATOR. ACÓRDÃO Nº 12. (Adv. NEGOU PROVIMENTO AO RECURSO.Recurso Cível n.Recorrente: Hapvida Assistência Médica Ltda. ACÓRDÃO Nº 12. ACÓRDÃO Nº 12. POR UNANIMIDADE. NOS TERMOS DO VOTO DA RELATORA.Recurso Cível n. Sonia Mara Mandrick)-Recorrida: Elvira Woicek Tavares (Adv. NEGOU PROVIMENTO AO RECURSO.Recurso Cível n.764/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL.TJ/PA . (Adv.Recorrente: Transnorte Ltda (Adv.759/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL.Recurso Cível n.º 2009901867-0-Santarém. 28. NEGOU PROVIMENTO AO RECURSO. NEGOU PROVIMENTO AO RECURSO. NOS TERMOS DO VOTO DO RELATOR.

769/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL. 38. Marly Ferreira das Chagas)-Relatora: Juíza Ana Patrícia Nunes Alves Fernandes. 37.Recorrente: Maria de Assis Olive.Recorrente: Banco Itaucard S/A.º 2009902574-2-Santarém. Paulo Roberto Braga de Oliveira Bentes)-Recorrido: Luiz Fredson Barbosa de Souza. ACÓRDÃO Nº 12. POR UNANIMIDADE.768/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL.º 2009902363-7-Marabá.TJ/PA . ACÓRDÃO Nº 12. NEGOU PROVIMENTO AO RECURSO.772/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL.Terça-Feira. NEGOU PROVIMENTO AO RECURSO.775/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL. Camila Cristina Souza dos Santos)-Relatora: Juíza Ana Patrícia Nunes Alves Fernandes. ACÓRDÃO Nº 12.Recurso Cível n.Recurso Cível n.Recurso Cível n. (Adv. NOS TERMOS DO VOTO DA RELATORA. 42.Recurso Cível n. POR UNANIMIDADE. (Adv. POR UNANIMIDADE. NEGOU PROVIMENTO AO RECURSO. (Em causa própria)-Recorrida: Telemar Norte Leste S/A.º 2009902392-2-Consumidor. . Jaqueline Pina Barra)-Recorrido: Michel Trindade Gemaque. (Adv. NOS TERMOS DO VOTO DA RELATORA. NEGOU PROVIMENTO AO RECURSO. 45.Recorrente: Gerson Brito da Rocha.º 2009902522-4-Consumidor.Recorrente: Auto Escola Sena. NEGOU PROVIMENTO AO RECURSO.º 2009902560-8-Itaituba.DIÁRIO DA JUSTIÇA . ACÓRDÃO Nº 12.770/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL.Edição nº 4651/2010 . (Adv. Neusa Cristina Nobre Pereira)-Recorrida: Darlling Ribeiro Lira. Mário Sandro Campos Rodrigues)-Relatora: Juíza Ana Patrícia Nunes Alves Fernandes. DEU PROVIMENTO AO RECURSO. NEGOU PROVIMENTO AO RECURSO.Recurso Cível n. ACÓRDÃO Nº 12. 72 . POR UNANIMIDADE. ACÓRDÃO Nº 12.º 2009902546-6-Trânsito. (Adv. (Adv. ACÓRDÃO Nº 12. POR UNANIMIDADE. (Adv. 14 de Setembro de 2010 36. POR UNANIMIDADE.Recurso Cível n. NOS TERMOS DO VOTO DA RELATORA.Recurso Cível n. (Adv. NEGOU PROVIMENTO AOS RECURSOS. Pedro Bentes Pinheiro Filho)-Relatora: Juíza Ana Patrícia Nunes Alves Fernandes. 39.Recurso Cível n. André Luiz Chini)-Relatora: Juíza Ana Patrícia Nunes Alves Fernandes.Recurso Cível n. (Adv. Roland Raad Massoud) e Mauro Marcelo Ferreira Cavalcante. 40.771/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL. ACÓRDÃO Nº 12. POR UNANIMIDADE. (Adv.º 2009902183-5-Consumidor. (Adv.Recorrente: Amazônia Celular S/A. ACÓRDÃO Nº 12. POR UNANIMIDADE. 46. NOS TERMOS DO VOTO DA RELATORA. NOS TERMOS DO VOTO DA RELATORA. NOS TERMOS DO VOTO DA RELATORA.º 2009902681-2-Consumidor.Recorrente: Expresso Itaituba Ltda.º 2009902516-2-Consumidor. NOS TERMOS DO VOTO DA RELATORA. Hélio Antônio Machado)-Recorrida: Selma Alves da Silva. (Adv. Caio de Azevedo Trindade)-Relatora: Juíza Ana Patrícia Nunes Alves Fernandes. Evaldo Tavares dos Santos)-Relatora: Juíza Ana Patrícia Nunes Alves Fernandes. NOS TERMOS DO VOTO DA RELATORA. 44. POR UNANIMIDADE.Recurso Cível n. (Adv.776/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL. ACÓRDÃO Nº 12. Renata Maria dos Santos Shiozawa)-Recorrido: Odilton Cleber Siqueira de Amaral.773/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL. Allan Augusto Lemos Dias)-Recorrida: Amazônia Celular S/A.Recurso Cível n. Wilson Ney Cruz dos Santos)-Relatora: Juíza Ana Patrícia Nunes Alves Fernandes.º 2009902357-5-Marabá. George Antonio Machado)-Recorrida: Centrais Elétricas do Pará S/A .º 2009902568-0-Santarém. ACÓRDÃO Nº 12. Sérgio Antonio Silva Mello)-Relatora: Juíza Ana Patrícia Nunes Alves Fernandes. Francimar Bentes Gomes)-Recorrido: Pablo Amaral da Silva.ME. (Adv.774/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL. (Adv. 43.Recorrente: Tam Linhas Aéreas S/A. Francisco de Assis Santos Gonçalves)-Relatora: Juíza Ana Patrícia Nunes Alves Fernandes. POR UNANIMIDADE. 41.CELPA. (Adv.Recorrente: Eudson dos Santos Patrício.Recorrente: Cabrera e Mingote Ltda. NEGOU PROVIMENTO AO RECURSO. (Adv.Recorrente: Telemar Norte Leste S/A. DEU PARCIAL PROVIMENTO AO RECURSO. NOS TERMOS DO VOTO DA RELATORA. (Adv. NOS TERMOS DO VOTO DA RELATORA. NOS TERMOS DO VOTO DA RELATORA. (Adv.-Relatora: Juíza Ana Patrícia Nunes Alves Fernandes.778/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL.777/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL. POR UNANIMIDADE. Pollyana de Souza Macedo)-Recorrida: Izaura de Nazaré Souza dos Santos. (Adv.Recorrentes: Tecnologia Bancária S/A. Maria Rosa Marinho Ferreira)-Recorridos: Os mesmos. DEU PROVIMENTO AO RECURSO. (Adv.

NOS TERMOS DO VOTO DA RELATORA.Recorrente: Banco do Brasil S/A.Recurso Cível n.Recurso Cível n. POR UNANIMIDADE. ACÓRDÃO Nº 12. POR UNANIMIDADE.DIÁRIO DA JUSTIÇA . ACÓRDÃO Nº 12.Recorrente: Telemar Norte Leste S/A.788/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL. Celia Elígia Braga)-Relatora: Juíza Ana Patrícia Nunes Alves Fernandes. (Adv. (Adv. POR UNANIMIDADE. ACÓRDÃO Nº 12. Norma Maria Cardoso Martins)-Recorrida: Ponte Irmão e Cia. 57.º 2009902404-7-Consumidor. Marcelo Farias Mendanha)-Relatora: Juíza Ana Patrícia Nunes Alves Fernandes. NEGOU PROVIMENTO AO RECURSO.Recurso Cível n. ACÓRDÃO Nº 12. POR UNANIMIDADE.Recorrente: Maria de Fátima Pinheiro Lima.Recorrente: Centrais Elétricas do Pará S/A . (Adv.779/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL. 52. NOS TERMOS DO VOTO DA RELATORA. 54. Ellen Monteiro Kahn)-Recorrido: Geraldo Magela Pinto de Souza.º 2009902422-5-Consumidor. (Adv. (Adv. (Adv. ACÓRDÃO Nº 12. NOS TERMOS DO VOTO DA RELATORA. (Adv. não constituído)-Relatora: Juíza Ana Patrícia Nunes Alves Fernandes. POR UNANIMIDADE.787/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL. (Adv. Bruna de Guapindaia Braga)-Recorrida: Carla de Antonaza Silva e Silva.Terça-Feira.Edição nº 4651/2010 .º2009902440-3-Consumidor.781/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL. NEGOU PROVIMENTO AO RECURSO. (Adv.784/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL. (Adv.º 2009902471-6-Icoaraci. ACÓRDÃO Nº 12. (Adv. (Adv.Recurso Cível n.º 2009902465-4-Novo Progresso.DFA. (Adv. Claudia Miralha Pingarilho)Recorrida: Distribuidora Fortaleza de Alimentos Ltda .782/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL. (Adv. Joaquim Neves das Chagas)-Relatora: Juíza Ana Patrícia Nunes Alves Fernandes. NEGOU PROVIMENTO AO RECURSO. POR UNANIMIDADE. Ltda.TJ/PA .780/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL. DEU PARCIAL PROVIMENTO AO RECURSO. 56. POR UNANIMIDADE. ACÓRDÃO Nº 12. POR UNANIMIDADE. Abner Serique do Nascimento)-Relatora: Juíza Ana Patrícia Nunes Alves Fernandes.Recorrente: Francisco de Assis Paniagua da Silva Junior. Maria Júlia Alves)-Relatora: Juíza Ana Patrícia Nunes Alves Fernandes. DEU PROVIMENTO AO RECURSO. POR UNANIMIDADE. Jéssika Simonelly Andrade Sousa)-Recorrido: Haroldo Humberto Santana Gonçalves. 73 . 55. Danilo Nascimento Lima)-Recorrida: Carmen do Socorro Felipe de Freitas.783/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL. (Adv. NEGOU PROVIMENTO AO RECURSO. ACÓRDÃO Nº 12.Recurso Cível n. (Adv. NEGOU PROVIMENTO AO RECURSO.Recurso Cível n.Recurso Cível n. Lizandra de Matos Pantoja Galvão)-Recorrido: Luiz Cassol.789/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL.Recurso Cível n. Carlos Rogério Lobato de Araújo)-Recorrida: Rosana Ribeiro Alves. POR UNANIMIDADE.Recorrente: Centrais Elétricas do Pará S/A .785/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL.Recorrente: Banco Itaú de Cartões S/A.º 2009902416-3-Consumidor. ACÓRDÃO Nº 12. Antonio Carlos Cruz Gaia)-Relatora: Juíza Ana Patrícia Nunes Alves Fernandes. (Adv.º 2009902540-2-Central. Barbara Monique Barbosa)-Relatora: Juíza Ana Patrícia Nunes Alves Fernandes. ACÓRDÃO Nº 12. 48. NOS TERMOS DO VOTO DA RELATORA. E NO MÉRITO.º 2009902509-1-Castanhal.Recorrente: Marcos Antonio Viana Almeida. NOS TERMOS DO VOTO DA RELATORA.786/10 -DECISÃO: A 1ª TURMA RECURSAL.º 2009902490-3-Redenção.Recurso Cível n. ACÓRDÃO Nº 12. 49.Recorrente: Unimed de Belém Cooperativa de Trabalho Médico. (Adv. Pedro Bentes Pinheiro Filho)Recorrida: Sandra Ribeiro Milhomem. (Adv. DEU PARCIAL PROVIMENTO AO RECURSO. JULGAR IMPROCEDENTE O PEDIDO. Roseana Rodrigues)-Recorrida: Mari Angela Sobrinho de Sousa.Recorrente: Vivo S/A. Jamil Gama Souza)-Relatora: Juíza Ana Patrícia Nunes Alves Fernandes. NOS TERMOS DO VOTO DA RELATORA. Antonio José de Mattos Neto)-Relatora: Juíza Ana Patrícia Nunes Alves Fernandes. 51. NEGOU PROVIMENTO AO RECURSO. (Adv. NEGOU PROVIMENTO AO RECURSO. Izaias Faria Borges)-Recorrido: Odivair Neves Sobrinho. 14 de Setembro de 2010 47.º 2009902496-7-Central. NOS TERMOS DO VOTO DA RELATORA. NOS TERMOS DO VOTO DA RELATORA. Kallil Jorge Nascimento Ferreira)-Relatora: Juíza Ana Patrícia Nunes Alves Fernandes.Recorrente: Evandro Pantoja Batista.CELPA. 53. PARA AFASTAR A PRESCRIÇÃO.Recurso Cível n. NOS TERMOS DO VOTO DA RELATORA. (Adv.CELPA. POR UNANIMIDADE. NOS TERMOS DO VOTO DA RELATORA. NOS TERMOS DO VOTO DA RELATORA.Recurso Cível n. NEGOU PROVIMENTO AO RECURSO.º 2009902483-2-Redenção. 50. (Adv.

(Adv. Albyno Francisco Arrais Cruz)-Relatora: Juíza Kátia Parente Sena.S de Andrade)-Relatora: Juíza Kátia Parente Sena. Michel Ferro e Silva)-Relatora: Juíza Kátia Parente Sena. 69.º 2009902337-9-Cidade Nova VIII.º 2009902036-3-Cesupa. Filipe Barbosa Erichsen)-Relatora: Juíza Kátia Parente Sena. 68.Terça-Feira.Recorrente: Alanir Carlos Santos de Oliveira.Recorrente: Maria Christina Chaves Cabral.Recurso Cível n. (Adv. Mario Sandro Campos Rodrigues)-Relatora: Juíza Kátia Parente Sena. 62. (Adv. JULGAMENTO ADIADO EM RAZÃO DA AUSÊNCIA JUSTIFICADA DA RELATORA.Recurso Cível n. (Adv. Pedro Bentes Pinheiro Filho)-Recorrida: Cleide Silva de Carvalho. (Adv. 63.º 2009902044-3-Central. (Def. Não constituído)-Relatora: Juíza Kátia Parente Sena. Mario Bezerra Feitosa)-Relatora: Juíza Kátia Parente Sena.º 2009902301-1-Central. Francisco Caetano Miléo)-Recorrida: Maiane Andrade Lopes.º 2009902343-1-Cidade Nova VIII. JULGAMENTO ADIADO EM RAZÃO DA AUSÊNCIA JUSTIFICADA DA RELATORA. Maria Inácia Lobato Ferreira)-Recorrida: Elisabete Valente de Jesus. 67.Recorrente: Raimundo Anselmo Santos Costa. Nilza Maria Paes da Cruz)-Relatora: Juíza Kátia Parente Sena. Soter Oliveira Sarquis)-Recorrida: Luzanira Ramos de Oliveira. Manoel José Monteiro Siqueira)-Recorrido: Edir Oliveira da Silva. JULGAMENTO ADIADO EM RAZÃO DA AUSÊNCIA JUSTIFICADA DA RELATORA. 14 de Setembro de 2010 58. Wagner Mauricio de Abreu Silva)-Relatora: Juíza Kátia Parente Sena.Recurso Cível n.Recurso Cível n. (Adv.Recurso Cível n.Recurso Cível n. 70.DIÁRIO DA JUSTIÇA . Aline Takashima)-Relatora: Juíza Kátia Parente Sena. (Adv. Eduardo Luiz Brock e Solano de Camargo)-Recorrido: Luiz Gonzaga de Sousa Costa. (Adv.º 2009901845-6-Santarém. JULGAMENTO ADIADO EM RAZÃO DA AUSÊNCIA JUSTIFICADA DA RELATORA. Pedro Bentes Pinheiro Filho)-Recorrida: Maria Teodora Pinheiro de Sousa.Recorrente: Magazine Liliani S/A.Mesquita Transportes Aéreos Ltda. Otavio José de Vasconcelos Faria)-Recorrido: Condomínio do Residencial Jardim Verde.Recorrente: Raimunda dos Santos Saldanha Wariss.º 2009902139-9-Consumidor.º 2009901838-5-Santarém. JULGAMENTO ADIADO EM RAZÃO DA AUSÊNCIA JUSTIFICADA DA RELATORA. (Adv. (Adv. Mark Imbiriba de Castro)-Recorrida: Milena Miranda Ribeiro Pereira. (Adv. Arthur V. JULGAMENTO ADIADO EM RAZÃO DA AUSÊNCIA JUSTIFICADA DA RELATORA. 66.Edição nº 4651/2010 . Ingryd Oliveira dos Santos)-Relatora: Juíza Kátia Parente Sena. Públ.Companhia Global do Varejo.Recorrente: META . JULGAMENTO ADIADO EM RAZÃO DA AUSÊNCIA JUSTIFICADA DA RELATORA. Marcelo Lameira Vergolino)-Recorrido: Condomínio do Edifício Ajuru. (Adv.Recorrente: Telemar Norte Leste S/A. 61.Recurso Cível n. (Adv. Douglas Mota Dourado)-Recorrido: Sebastian Lima dos Santos.Recurso Cível n. 65. JULGAMENTO ADIADO EM RAZÃO DA AUSÊNCIA JUSTIFICADA DA RELATORA.Recurso Cível n. (Adv. (Adv. (Adv.TJ/PA . (Adv. (Adv.Recorrente: Banco GE Capital S/A.º 2009901831-2-Jurunas.Recurso Cível n.º 2009902065-8-Santarém. Jorge Manuel Tavares Ferreira Mendes)-Relatora: Juíza Kátia Parente Sena.Recurso Cível n. (Adv. (Adv.Recurso Cível n. (Adv.Recorrente: B2W . JULGAMENTO ADIADO EM RAZÃO DA AUSÊNCIA JUSTIFICADA DA RELATORA.Recorrente: Sila da Silva Conceição. (Adv.Recorrente: Telemar Norte Leste S/A. (Adv. Arcelino Ferreira Corrêa)-Relatora: Juíza Kátia Parente Sena. JULGAMENTO ADIADO EM RAZÃO DA AUSÊNCIA JUSTIFICADA DA RELATORA. 64.º 2009902295-0-Castanhal.º 2009902316-4-Trânsito. Rodrigo Mendes Dias)-Recorrida: Célia Cristina Pereira. 59. JULGAMENTO ADIADO EM RAZÃO DA AUSÊNCIA JUSTIFICADA DA RELATORA. (Adv.Recorrente: Edina Maria Silva Setubal.º 2009902288-9-Central. JULGAMENTO ADIADO EM RAZÃO DA AUSÊNCIA JUSTIFICADA DA RELATORA.Recurso Cível n. Ana Nilce Souza Nascimento)-Recorrido: Raimundo Evangelino Pinto Azevedo. (Adv. JULGAMENTO ADIADO EM RAZÃO DA AUSÊNCIA JUSTIFICADA DA RELATORA. 74 .Recorrente: Telemar Norte Leste S/A. 60.

Recorrente: Banco Itaucard S/A. Floris Vania Pereira Barbosa)-Relatora: Juíza Kátia Parente Sena. 83. 77. Carlos Augusto de Paiva Ledo)-Relatora: Juíza Kátia Parente Sena. (Adv. (Adv. JULGAMENTO ADIADO EM RAZÃO DA AUSÊNCIA JUSTIFICADA DA RELATORA. Thayane Ferreira M. JULGAMENTO ADIADO EM RAZÃO DA AUSÊNCIA JUSTIFICADA DA RELATORA.CELPA. (Adv. (Adv.Recurso Cível n. JULGAMENTO ADIADO EM RAZÃO DA AUSÊNCIA JUSTIFICADA DA RELATORA.Recurso Cível n. 80. Aline Souza Serra)-Relatora: Juíza Kátia Parente Sena.Recorrente: Jorgyvan Braga Lima. 14 de Setembro de 2010 71.º 2009901982-0-Unama.Recorrente: João Batista dos Santos Teixeira.Recorrente: Amazônia Celular S/A. Rodrigo Mendes Dias)-Relatora: Juíza Kátia Parente Sena.º 2009902208-5-Ananindeua. (Adv.Recurso Cível n. (Adv.Recorrente: Adair Santa Brigida Barros. Ione Arrais de Castro e Renato Tadeu Rondina Mandaliti)-Relatora: Juíza Kátia Parente Sena. Arnaldo Henriques Andrade da Silva)Recorrida: Elita Lima Pereira. Reinaldo Tertulino Ribeiro)-Recorrida: Telemar Norte Leste S/A.º 2009902196-0-Consumidor. 78.CELPA. 72. JULGAMENTO ADIADO EM RAZÃO DA AUSÊNCIA JUSTIFICADA DA RELATORA. (Adv.Recurso Cível n.A (Adv. Kauê Osório Arouck)-Recorrido: Manoel do Nascimento Monteiro. JULGAMENTO ADIADO EM RAZÃO DA AUSÊNCIA JUSTIFICADA DA RELATORA.BASA. (Adv. JULGAMENTO ADIADO EM RAZÃO DA AUSÊNCIA JUSTIFICADA DA RELATORA. (Adv. (Adv. (Adv.Edição nº 4651/2010 . das Chagas)-Relatora: Juíza Kátia Parente Sena. (Adv.º 2009901989-3-Marabá.Recurso Cível n.Recorrente: Telemar Norte Leste S/A. 79.DIÁRIO DA JUSTIÇA . Marcelo Coutinho da Silveira)-Recorrido: Aparecido Romualdo Bezerra. JULGAMENTO ADIADO EM RAZÃO DA AUSÊNCIA JUSTIFICADA DA RELATORA.Recurso Cível n. (Adv. JULGAMENTO ADIADO EM RAZÃO DA AUSÊNCIA JUSTIFICADA DA RELATORA. JULGAMENTO ADIADO EM RAZÃO DA AUSÊNCIA JUSTIFICADA DA RELATORA.º 2009902202-1-Consumidor. Luivan Oliveira Lopes)-Relatora: Juíza Kátia Parente Sena. JULGAMENTO ADIADO EM RAZÃO DA AUSÊNCIA JUSTIFICADA DA RELATORA. Orlando Antonio Machado Fonseca)-Recorrida: Claudia Cristina Benevenuto.Recorrente: Barata Transportes Ltda.º 2009902227-2-Santarém. Lizandra de Matos Pantoja Galvão)Recorridos: Euceli Cassia de Oliveira e Edinelmar Pereira Albarado. Ellen Monteiro Khan e Pollyana Macedo)-Recorrida: Maria José da Silva Costa dos Santos. 82. Emanuel Euler Penha Ferreira)-Relatora: Juíza Kátia Parente Sena. Claudio de Souza Miralha Pingarilho) e Bradesco Seguros S. JULGAMENTO ADIADO EM RAZÃO DA AUSÊNCIA JUSTIFICADA DA RELATORA.Recurso Cível n.º 2009902189-9-Consumidor.TJ/PA . 75 . Antonio Gama Junior)-Relatora: Juíza Kátia Parente Sena. Marcelo de Oliveira Castro Rodrigues Vidinha)-Relatora: Juíza Kátia Parente Sena.º 2009901976-8-Marituba. (Adv.º 2009901995-5-Jurunas. 81. (Adv.º 2009902177-3-Central.Recurso Cível n. Lizandra de Matos Pantoja Galvão)Recorrida: Mariluci Linhares de Sousa.Recurso Cível n. Selma Maria Lopes)-Recorrido: Pedro Paulo dos Santos Teixeira.Recurso Cível n. 73. Célia Nascimento)-Recorrida: Sandra Helena Carneiro Barroso.Recorrente: Banco da Amazônia S/A . Roberta Mello de Magalhães Sousa)-Relatora: Juíza Kátia Parente Sena. Conceição Ainda Barbosa)-Relatora: Juíza Kátia Parente Sena. (Adv. 75.Recorrente: Centrais Elétricas do Pará S-A . (Adv. (Adv.Recorrente: Centrais Elétricas do Pará S/A .º 2009902282-5-Santarém. (Adv. (Adv.Recorrente: Unimed de Belém Cooperativa de Trabalho Médico. Vania Maria Azevedo Portela)-Relatora: Juíza Kátia Parente Sena. (Adv. (Adv. (Adv. Eliene Alves da Silva Santos)-Recorrido: Fernando Sena Simões. 76.º 2009902214-7-Consumidor.Recurso Cível n.Terça-Feira.Recorrente: Francisco Armando Moreira. JULGAMENTO ADIADO EM RAZÃO DA AUSÊNCIA JUSTIFICADA DA RELATORA.Recurso Cível n.Recurso Cível n. Helder Ferreira Lucidos)-Recorrida: Raimunda Maria de Sousa Oliveira. Renato Cesar Vieira da Silva)-Recorrida: Telemar Norte Leste S/A. (Adv. 74. (Adv. (Adv.Recorrente: Marco Antônio Corrêa Fonseca.º 2009902159-5-Santa Izabel. JULGAMENTO ADIADO EM RAZÃO DA AUSÊNCIA JUSTIFICADA DA RELATORA.

(Adv. D. A. (Adv. Samir Abfadill Toutenge Junior)-Recorrido: Carlos Alberto Silva Santos. 86.Recurso Cível n. Renato Cesar Vieira da Silva)Recorrida: Telemar Norte Leste S/A.Recurso Cível n. Aldanerys Matos Amaral)-Relatora: Juíza Kátia Parente Sena. 76 . 85. JULGAMENTO ADIADO EM RAZÃO DA AUSÊNCIA JUSTIFICADA DA RELATORA. 87. 14 de Setembro de 2010 84.Recorrente: Antonino da Silva Reis Filho. Leno Almeida Gonçalves)-Recorrido: Rogério Paiva de Lima. JULGAMENTO ADIADO EM RAZÃO DA AUSÊNCIA JUSTIFICADA DA RELATORA.Recorrente: Lourenço Ferreira da Silva. Filipe Barbosa Erichsen)-Relatora: Juíza Kátia Parente Sena. (Adv.TJ/PA . JULGAMENTO ADIADO EM RAZÃO DA AUSÊNCIA JUSTIFICADA DA RELATORA.Terça-Feira.DIÁRIO DA JUSTIÇA .Recorrente: M.Recorrente: Simoni Tiribaxi de Araújo Gonçalves.º 2009901470-9-Trânsito. JULGAMENTO ADIADO EM RAZÃO DA AUSÊNCIA JUSTIFICADA DA RELATORA. (Adv.Recurso Cível n. Serviços Ltda. (Adv.º 2009902246-9-Trânsito.Edição nº 4651/2010 .º 2009902276-3-Trânsito. Hugo Moreira Moutinho)-Relatora: Juíza Kátia Parente Sena. (Adv. (Adv.º 2009902252-1-Consumidor. Thatiana Nakashima)-Relatora: Juíza Kátia Parente Sena. (Adv. Marely Marvão)-Recorrida: Siria da Silva Cardoso.Recurso Cível n.

A. 31 de maio de 2010. 51. da Lei dos Juizados Especiais.. da Lei n° 9. 51. 267. etc. (.. registre-se e intimem-se. Carolina Cerqueira de Mirada Juíza de Direito Substituta Processo nº 2009. Advogado(a): Manuelle Lins Cavalcanti Braga . Belém.002763-9 Reclamante: Waldineia Melo Dias e Outros Advogado(a): Bernardino Lobato Greco . da Lei n. combinado com o art..TJ/PA . (.. 14 de Setembro de 2010 COORDENADORIA DOS JUIZADOS ESPECIAIS SECRETARIA DA 1ª VARA DO JUIZADO ESPECIAL DE RELAÇÕES DE CONSUMO Processo nº 2007. registre-se e intime-se. dê-se baixa nos autos e arquivem-se.Edição nº 4651/2010 .028 SENTENÇA TIPO B Vistos. em virtude da gratuidade do primeiro grau de jurisdição nos Juizados Especiais (arts.1.OAB/PA 13. inciso IV. despesas processuais e honorários de sucumbência. Publique-se.) ANTE O EXPOSTO. Publique-se. Deixo de condenar o autor nas custas processuais.) ISTO POSTO. extingo o feito sem julgamento de mérito.271 Reclamado(a): Plano de Saúde da Sociedade São Braz Advogado(a): Gustavo Freire da Fonseca . extingo o presente processo sem resolução de mérito.OAB/PA 12. 18 de setembro de 2009. por reconhecer a incompetência deste Juizado Especial para conhecer da lide. Isento as partes de custas.099/1995. etc. dê-se baixa e arquivem-se. em decorrência da menoridade da parte autora. CORNÉLIO JOSÉ HOLANDA Juiz de Direito respondendo Processo nº 2005.º 9099/95). 54 e 55.034 SENTENÇA TIPO A Vistos. Belém.1. Autorizo o levantamento de documentos juntados aos autos. Após o trânsito em julgado.724 e Marcella Regina gruppi Rodrigues . de tudo certificado.001482-4 Reclamante: Otávio Augusto da Silva Sampaio Melo 77 . Torno sem efeito a audiência una anteriormente designada. nos termos do art.OAB/PA 12.1.OAB/PA 8. inciso I. Após certificado o trânsito em julgado. nos termos dos art.002880-3 Reclamante: Osmar dos Santos Advogado: Eden Augusto Anselmo de Lima .982 Requerido(a): Unibanco Aig Seguros S.Terça-Feira.DIÁRIO DA JUSTIÇA . do Código de Processo Civil. considerando o pedido de justiça gratuita.OAB/PA 12.

Pelo cumprimento das exigências formais para sua admissibilidade. rejeito os presentes embargos. da Lei n.OAB/PA 800 Reclamado(a): Tim Celular SENTENÇA TIPO A Vistos etc.OAB/PA 10.º 9099/95). 475-J. da Lei n° 9. recebo os embargos de declaração de fl.729 Embargado(a): Marco Antônio Cunha Dantas Advogado(a): Francisco Antônio Teixeira Santos . findo o qual deverá o débito ser atualizado com a incidência de pena de multa de 10%.Edição nº 4651/2010 .C Belém.003423-9 Embargante: F.000. todavia deixo de acolhê-los diante da constatação de inexistência de omissão.A. no importe de R$ 1. parecendo que quer rediscutir matéria já decidida nesta instância. Intimem-se. em virtude da gratuidade do primeiro grau de jurisdição nos Juizados Especiais (arts. JULGO PARCIALMENTE PROCEDENTES OS PEDIDOS para indeferir o pedido de restituição do valor do produto e condenar a ré TIM CELULAR S.789 DECISÃO INTERLOCUTÓRIA Vistos etc. nos termos do art.R. 23 de junho de 2010. Registre-se. através de depósito judicial junto ao BANPARÁ. aguarde-se o prazo de quinze dias para cumprimento voluntário da sentença.TJ/PA ..I.099/95. Certificado o trânsito em julgado. Isento as partes de custas.1. mantendo o provimento exarado em todos os seus termos pelos seus próprios fundamentos. 52. 23 de julho de 2010. no prazo de quinze dias.OAB/PA 14..DIÁRIO DA JUSTIÇA . CAROLINA CERQUEIRA DE MIRANDA Juíza de Direito Substituta Processo nº 2007. sendo desnecessária qualquer intimação para cumprimento.605 Reclamado(a): Rede Celpa S. P. Advogado(a): Bruna de Guapindaia Braga .00 (mil reais).000257-4 Reclamante: Dilermando Guedes Cabral Júnior Advogado(a): Lívia Flávia Silva da Silva .OAB/PA 7. (. devendo o inconformismo ser veiculado pelo meio idôneo. a teor do disposto no art. sendo certo que a decisão embargada está fundamentada no princípio de fungibilidade. Pio & Cia Ltda.813 78 . Carolina Cerqueira de Miranda Juíza de Direito Substituta Processo nº 2006. 54 e 55.1.OAB/PA 12. Publique-se. Belém. inciso IV. corrigido monetariamente pelo INPC a partir desta data e acrescido de juros moratórios de 1% ao mês a partir da citação.Terça-Feira. 51/53.) Por todo exposto. a pagar ao autor OTÁVIO AUGUSTO DA SILVA SAMPAIO MELO indenização pelos danos morais sofridos. do CPC. Advogado(a): Augusto Lobato Potiguar . Por assim ser. obscuridade ou contradição na decisão embargada. 14 de Setembro de 2010 Advogado(a): João Rogério Rodrigues .A. despesas processuais e honorários de sucumbência.

000278-8 Reclamante: Djalma de Alcantara Gonçalves Chaves Advogado(a): Rafael Chaves Bezerra . nos termos do art. despesas processuais e honorários de sucumbência. julgo PARCIALMENTE PROCEDENTES OS PEDIDOS AUTORAIS. Advogado(a): Carlos André da Fonseca Gomes .337 Reclamado: Banco do Estado do Pará S. do CPC. Publique-se.A. nos termos do art. ante a gratuidade do primeiro grau de jurisdição nos Juizados Especiais (arts. 54 e 55. 269.003543-3 Reclamante: Dirce Maria Leite da Cunha Advogado(a): José Célio Santos Lima . inciso I. JULGO IMPROCEDENTES OS PEDIDOS quanto aos Planos Collor I e II. CAROLINA CERQUEIRA DE MIRANDA Juíza de Direito Substituta Processo nº 2008.501 SENTENÇA TIPO A Ante o exposto.42 (mil quinhentos e vinte e cinco reais e quarenta e dois centavos) cobrado pela requerida CENTRAIS ELÉTRICAS DO PARÁ S/A . Carolina Cerqueira de Miranda Juíza de Direito Substituta Processo nº 2009. indeferindo o pedido de danos morais. inciso I. Com esta decisão. Lei 9. 54 e 55. da Lei n. Isento as partes de custas. despesas processuais e honorários de sucumbência.º 9099/95). inciso I do CPC. em virtude da gratuidade do primeiro grau de jurisdição nos Juizados Especiais (arts.1.1. Isento as partes de custas. 79 . do Código de Processo Civil. para.OAB/PA 9. 269. Belém. apurada em relação à Unidade Consumidora nº 468630. inciso IV. nos termos do art. em virtude da gratuidade do primeiro grau de jurisdição nos Juizados Especiais (arts.Edição nº 4651/2010 .099/95). 269. referente à diferença de consumo de energia. inciso I. 54 e 55. extinguindo o feito com resolução de mérito. nos termos dos art.Terça-Feira. registre-se e intimem-se. 269.OAB/PA 12.OAB/PA 6. dê-se baixa e arquive-se. despesas e honorários. declarar a inexistência do débito de R$ 1. 14 de Setembro de 2010 SENTENÇA TIPO A Ante o exposto. P. Belém. nos termos do artigo 269. Isento as partes de custas.258 Reclamado(a): Banco Bradesco S.525.º 9099/95). da Lei n.DIÁRIO DA JUSTIÇA . 19 de julho de 2010. Julgo IMPROCEDENTE O PEDIDO CONTRAPOSTO. extinguindo o feito com resolução de mérito. Reconheço a prescrição quanto aos percentuais relativos aos Planos Bresser e Verão.TJ/PA . Após o trânsito em julgado. do CPC. Advogado(a): George Silva Viana Araújo . julgo extinto o processo com resolução do mérito.354 SENTENÇA TIPO A Ante o exposto. Publique-se. extinguindo o feito com resolução de mérito.A. extinguindo o feito.I. 08 de julho de 2010. registre-se e intimem-se.R. JULGO IMPROCEDENTES OS PEDIDOS .REDE CELPA. do CPC.OAB/PA 14.

JULGO IMPROCEDENTES OS PEDIDOS. Isento as partes de custas.º 9099/95). registre-se e intimem-se. 54 e 55. extinguindo o processo com resolução de mérito.203 Reclamado(a): Importadora de Ferragens S. em virtude da gratuidade do primeiro grau de jurisdição nos Juizados Especiais (arts. CPC. 269. Publique-se.1.695 SENTENÇA TIPO A ISTO POSTO.A Advogado(a): Gabriela Resque Neves .OAB/PA 9.OAB/PA 10. JULGO IMPROCEDENTES OS PEDIDOS.Banpará Advogado(a): Thais Cardoso Coimbra Profeti .458 SENTENÇA TIPO A Ante o exposto.TJ/PA . extinguindo o feito com resolução de mérito. dê-se baixa e arquive-se. da Lei n. 269.1.DIÁRIO DA JUSTIÇA . CAROLINA CERQUEIRA DE MIRANDA Juíza de Direito Substituta respondendo pela 1ª Vara do Juizado do Consumidor Processo nº 2009.001628-4 Reclamante: Narda Margareth Carvalho Gomes de Souza Advogado(a): Nestor Ferreira Filho . 14 de Setembro de 2010 Belém.256 Reclamado(a): banco Finasa S. 28 de junho de 2010.Terça-Feira. da Lei n.OAB/PA 8. Advogado(a): Natália Vieira Lourenço .000161-5 Reclamante: Nilson Soilet Carminati Reclamado(a): Telemar Norte Leste 80 .OAB/PA 14. Belém.A.Edição nº 4651/2010 . I. Isento as partes de custas. inciso I.337 Reclamado(a): Banco do Estado do Pará . Publique-se. 16 de abril de 2010.1. nos termos do art. despesas processuais e honorários de sucumbência. em virtude da gratuidade do primeiro grau de jurisdição nos Juizados Especiais (arts. CAROLINA CERQUEIRA DE MIRANDA Juíza de Direito Substituta auxiliando no Mutirão da 1ª Vara do Juizado do Consumidor Processo nº 2009.º 9099/95). 11 de maio de 2010. Carolina Cerqueira de Miranda Juíza de Direito Substituta Processo nº 2009. nos termos do art. registre-se e intimem-se. do CPC. 54 e 55. Após o trânsito em julgado.OAB/PA 15.000296-0 Reclamante: Djalma Gonçalves Chaves Advogado(a): Rafael Chaves Bezerra . Belém. despesas processuais e honorários de sucumbência.

Publique-se.OAB/PA 10. Belém. 57/66. Já tendo havido comprovação nos autos de cumprimento da transação.) ANTE O EXPOSTO.544 Reclamado(a): Editora Globo S/A Advogado(a): Ana Cristina Ferro Martins . (. 111/112. da Lei dos Juizados Especiais. inciso I. 269. etc.095 SENTENÇA TIPO B Vistos. nos termos do art. etc. registre-se e intimem-se. III. Condeno o autor em custas processuais.079 e Denis Machado Melo . 01 de fevereiro de 2010.Edição nº 4651/2010 . 51. retificando a sentença e mérito de fls. Advogado(a): Alexandre Rocha Martins .DIÁRIO DA JUSTIÇA . extingo o presente processo sem resolução de mérito. CONHEÇO DOS EMBARGOS DE DECLARAÇÃO E JULGO-OS PROCEDENTES..OAB/PA 14.OAB/PA 8. alterando o dispositivo da sentença para. tendo sido comprovado o seu cumprimento às fls. do CPC. dê-se baixa nos autos e arquivem-se.) ISTO POSTO.. rejeitando a prescrição reconhecida na sentença guerreada. dê-se baixa e arquivem-se. (. HOMOLOGO.512 SENTENÇA TIPO C ANTE O EXPOSTO.1. para todos os fins de direito. CAROLINA CERQUEIRA DE MIRANDA Juíza de Direito Substituta em execício na 1ª Vara do Juizado Especial do Consumidor Processo nº 2006. 13 de abril de 2010. combinado com o art. 14 de Setembro de 2010 Advogado(a): Arnaldo Abreu Pereira . no mérito do feito.. o acordo firmado entre as partes. Publique-se.982 Requerido(a): Unibanco Aig Seguros S.. Revogo a tutela concedida às fls. carreado aos autos às fls.OAB/PA 14. JULGAR IMPROCEDENTE O PEDIDO do 81 . 109/110. Belém/PA.OAB/PA 12.TJ/PA . do Código de Processo Civil.307 DECISÃO EM EMBARGOS DE DECLARAÇÃO Vistos.A. registre-se e intimem-se. nos termos do art.002170-7 Requerente: José Maria dos Santos Oliveira Advogado: Eden Augusto Anselmo de Lima .12/15. para reconhecer que o direito do autor de pleitear a indenização não se encontra prescrito. Após certificado o trânsito em julgado. NEWTON CARNEIRO PRIMO Juiz de Direito respondendo Processo nº 2006.003535-2 Reclamante: Justino Amaral de Souza Advogado(a): Diana Irene Moura Taketomi .OAB/PA 12.1. 267.Terça-Feira.

Advogado(a): Leonardo Amaral Pinheiro da Silva . dê-se baixa nos autos e arquivem-se. Belém-PA.002251-4 Reclamante: Joseane do Socorro Lobato Santana Advogado(a): Janete Maria Costa de Jesus .OAB/PA 4.815 Reclamado(a): Hapvida Assistência Médica Ltda. do CPC. Publique-se. 14 de Setembro de 2010 autor. HOMOLOGO.OAB/PA 5..TJ/PA . do art. inciso I.A SENTENÇA TIPO A Vistos etc. (. o acordo firmado entre as partes. inciso II. por reconhecer que a indenização pleiteada já fora paga. despesas processuais e honorários de sucumbência. dê-se baixa e arquive-se. dê-se baixa e arquive-se.Edição nº 4651/2010 . 18 de agosto de 2010. nos termos do art.OAB/PA 9.º 9099/95. III. do CPC. registre-se. 269. para todos os fins de direito.581 e José Augusto da Silva Adrião .º 9099/95). em virtude da gratuidade do primeiro grau de jurisdição nos Juizados Especiais (arts. via postal. e c do § 3º. Após o trânsito em julgado. da Lei n.00 (quatrocentos e sessenta e cinco reais). Publique-se. Publique-se. nos termos do art. e arrimado no art. restando claro que o pedido é indevido.. Findo o prazo com o pagamento. nos termos dos art. do Código de Processo Civil. registre-se e intimem-se.) ISTO POSTO. b. para fins de execução. extinguindo o feito com resolução de mérito. Isento as partes de custas. 54 e 55. 82 . 20. julgo IMPROCEDENTES OS PEDIDOS. Em seguida intime-se o autor para pagamento das custas no prazo de dez dias.) ANTE O EXPOSTO.Terça-Feira. combinado com o art.1. Belém. 269.378 Reclamado(a): Banco Rural S. levando-se em conta os parâmetros das alíneas a. intimem-se. da Lei n. Inexistindo pagamento.. inciso I. condeno-o ao pagamento das custas processuais e honorários advocatícios. 17.. registre-se e intimem-se. 05 de maio de 20089 NEWTON CARNEIRO PRIMO Juiz de Direito Substituto Processo nº 2007. reconheço a litigância de má-fé do autor.OAB/PA 8. do Código de Processo Civil. 30 de junho de 2009. Belém. CORNÉLIO JOSÉ HOLANDA Juiz de Direito Auxiliar Processo nº 2006. Ante a comprovação de cumprimento do acordo.DIÁRIO DA JUSTIÇA .001903-3 Reclamante: Joel Santana da Silva Advogado(a): Angelo Brazil da Silva . Após o trânsito em julgado. 55. extraia-se certidão e remeta-se à Procuradoria do Estado. 269. extinguindo o feito com resolução de mérito. fixo em R$ 465.1. (.699 SENTENÇA TIPO B Vistos etc. do Código de Processo Civil. remetam-se os autos à UNAJ para cálculo das custas processuais. os quais.

para isso.OAB/PA 14.DIÁRIO DA JUSTIÇA .000003-5 Reclamante: Vera Lúcia Ferreira Corrêa de Melo Advogado(a): Verena Grace Corrêa de Melo . no intuito de efetuar o levantamento do bem aqui depositado.OAB/PA 11.1.1. no prazo de 10 dias. 13/09/2010 .Cooperativa de Trabalho Médico Advogado(a): Filipe Barbosa Erichsen .508 Reclamado: FACI . 86/87.OAB/PA 15. Carolina Cerqueira de Miranda.814 83 .Sociedade Educacional Ideal INTIMAÇÃO INTIME-SE O(A) ADVOGADO(A) DA PARTE RECLAMANTE para que compareça a esta secretaria. Processo nº 2006. Juíza de Direito Respondendo pela 1ª Vara do Juizado Especial das Relações de Consumo . Belém(PA).733-A INTIMAÇÃO INTIME-SE A PARTE RECLAMADA.757 Reclamado(a): Unimed Belém .Edição nº 4651/2010 . 19 de maio de 2010.003238-2 Reclamante: Ana Rosa Silva da Costa Reclamado(a): Banco Citicard S/A Advogado(a): José Edgard da Cunha Bueno Filho.TJ/PA . Belém(PA). Dra. ATRAVÉS DE SEUS ADVOGADO(A)S para comparecer a esta secretaria no intuito de agendar a confecção de alvará autorizando o levantamento do valor devido. CAROLINA CERQUEIRA DE MIRANDA Juíza de Direito Substituta Processo nº 1998.1.001341-4 Reclamante: Allan Lincoln Nascimento Pereira Advogado(a): João Luis Brasil Batista Rolim de Castro .1. Processo nº 2007. para se manifestar sobre a petição de fls.OAB/PA 14.Terça-Feira. CUMPRA-SE. CUMPRA-SE.045 Reclamado(a): Volkswagen Leasing S/A DESPACHO À parte autora. Belém. 13/09/2010. 14 de Setembro de 2010 CAROLINA CERQUEIRA DE MIRANDA JUÍZA DE DIREITO SUBSTITUTA Processo nº 2006. pessoa com poderes específicos para o ato. Juíza de Direito da 1ª Vara do Juizado Especial das Relações de Consumo. Carolina Cerqueira de Miranda.002640-0 Reclamante: Adriane Maria Raiol Soares Advogado(a): Alina Pinheiro Sampaio . nomeando. Dra.OAB/PA 10.

126/128. Intimem-se as requeridas para cumprirem voluntariamente a decisão. no prazo de 10 (dez) dias.372 Reclamado(a): Sony Ericsson Mobile Communications do Brasil Ltda. Advogado(a): Karina Raquel Serruya . Belém.OAB/PA 14. Belém. 14 de Setembro de 2010 DESPACHO 1. CAROLINA CERQUEIRA DE MIRANDA Juíza de Direito Substituta 84 . 2. 26 de agosto de 2010.DIÁRIO DA JUSTIÇA .1. contra-razoe os embargos de declaração. sobre a qual não houve recurso. no prazo de 15 (quinze) dias.OAB/PA 15.Edição nº 4651/2010 . intimemse a requerida BANCO ITAUCARD S/A.TJ/PA . 123. À Secretaria para fazer as anotações devidas na capa dos autos.OAB/PA 11. querendo. CAROLINA CERQUEIRA DE MIRANDA Juíza de Direito Substituta Processo nº 2008. sob pena de bloqueio.Terça-Feira. considerando a petição de fl.001280-2 Reclamante: Antônio de Pádua Klautau de Araújo Gomes Advogado(a): Adriana Barros Norat . Belém-PA.324 Reclamado(a): TNL PCS S/A Advogado: Douglas Mota Dourado .002932-9 Reclamante: Aelson Francelino de Souza Advogado(a): Aline de Fátima Martins da Costa . intime-se a parte contrária para que. 21 de julho de 2010. CAROLINA CERQUEIRA DE MIRANDA Juíza de Direito Substituta Processo nº 2009. Cumpra-se.637 DESPACHO Considerando-se a alegação de descumprimento da obrigação de fazer à fl. a fim de que se manifeste sobre referida petição. no prazo de 15 (quinze) dias. 31 de agosto de 2010.A. 130.1. Ante a possibilidade de efeito infringente à decisão embargada.OAB/PA 13.091 Reclamado(a): Banco Itaucard S. em 5 dias. DESPACHO Manifeste-se a parte autora sobre as alegações e documentos de fls.

593 Reclamado: Lojas Riachuelo S/A INTIMAÇÃO INTIME-SE O(A) ADVOGADO(A) DA PARTE RECLAMANTE para que compareça a esta secretaria. no intuito de efetuar o levantamento do bem aqui depositado.004 DESPACHO Considerando-se que a parte requerida reconhece o não cumprimento do acordo da forma como pactuada. Belém. 122. nos termos do despacho de fl. sob pena de pagamento de multa diária de R$500. Cumpra-se.OAB/SP 77. Carolina Cerqueira de Miranda. 58.OAB/PA 11. Belém. CAROLINA CERQUEIRA DE MIRANDA Juíza de Direito Substituta Processo nº 2005.Terça-Feira.002592-4 Reclamante: Adimilson Ferreira da Silva Advogado(a): Bruno Yoheiji Kono Ramos .OAB/PA 13. determino a expedição de mandado de busca e apreensão. 8 de junho de 2010. 2. CAROLINA CERQUEIRA DE MIRANDA Juíza de Direito Substituta Processo nº 2005. desta forma.1.DIÁRIO DA JUSTIÇA .001077-7 85 .1. a ser revertida em favor do autor.00.000. Intime-se. Processo nº 2008.OAB/PA 4. CUMPRA-SE.Cumpra-se. Dra.Edição nº 4651/2010 .Viação Aérea São Paulo Advogado(a): Alexandre Tajra .753 Reclamado(a): Vasp .1.TJ/PA .000174-1 Reclamante: Antônio Salazar Magalhães Almeida Advogado(a): Luciel da Costa Caxiado .624 DESPACHO 1. bem como que o autor manifesta necessidade de instalação do transformador objeto do acordo. 26 de agosto de 2010. ordeno à requerida o cumprimento do acordo de fl. 13/09/2010.00 até R$10. Juíza de Direito da 1ª Vara do Juizado Especial das Relações de Consumo.1. face às atividades desempenhadas no local. a obrigação na habilitação de crédito junto à massa falida. Belém(PA).Considerando que a obrigação contida na sentença é de entregar coisa certa.003346-1 Reclamante: José Soares Sobrinho Reclamado(a): Rede Celpa Advogado(a): Diana Maria Bezerra Vilhena . e que o bem a ser restituído não é de propriedade da empresa executada. não interferindo. 14 de Setembro de 2010 Processo nº 2006. concedendo o prazo máximo de 8 dias.

CAROLINA CERQUEIRA DE MIRANDA Juíza de Direito Substituta 86 . "Entendimento contrário implicaria atribuir à decisão proferida pelo STJ na reclamação a eficácia específica de desconstituir os títulos executivos judiciais já formados. contados da ciência. O entendimento foi firmado pela Segunda Seção do STJ. ministra Nancy Andrighi. ou de dar aos juízos de origem o poder de fazê-lo. não havendo controvérsia a ser discutida. ressaltou a relatora. pela parte da decisão impugnada.Terça-Feira. devendo a secretaria providenciar a atualização dos cálculos. não deve ser estendida ao presente processo.TJ/PA . em julgamento de medida cautelar envolvendo uma ação. para que o juizado especial reapreciasse a matéria. do que não se cogita" . 4. ter aberta essa via processual. pelo que o deferimento de liminar para suspensão dos feitos. de devolução de quantias pagas por consorciado que abandonou o plano de consórcio ainda em andamento. as Turmas Recursais conformem suas decisões ao que ficar estabelecido no Tribunal Superior. já transitada em julgado. a relatora da ação. ressaltou que a referida resolução nunca pretendeu dar à reclamação uma exorbitante eficácia de ação rescisória 'sui gereris'. por unanimidade.392 DESPACHO 1. fixando-lhe o prazo de quinze dias. após julgada a reclamação. se a causa já foi julgada. da Resolução12/2009 do Superior Tribunal de Justiça (STJ) . a idéia que norteou a resolução é a de que a suspensão dos processos em trâmite perante os juizados estaduais permita que. Belém. indefinidamente.DIÁRIO DA JUSTIÇA . face ao trânsito em julgado definitivo. a supracitada resolução limitou sua apresentação no tempo.Assim sendo. já que não haveria a oportunidade. para evitar que se possa. não há qualquer sentido em estender a ordem de suspensão de processos às causas já julgadas.Indefiro o pedido de fls.OAB/PA 11.Edição nº 4651/2010 .grifei 2. 796/797. Segundo a ministra. Em seu voto.Após. 2º. Portanto.OAB/PA 11. em razão da petição da requerida de fls. 800/801. pela Min. nessa hipótese. 14 de Setembro de 2010 Reclamante: Alexandre Valente Calandrini de Azevedo Advogado(a): Reinaldo Tertulino Ribeiro . Nancy Andrighi. intime-se a requerida para pagamento voluntário.que disciplinou o ajuizamento de reclamações para impugnação de decisões dos juizados especiais estaduais contrárias à jurisprudência consolidada no STJ não atinge os processos com decisões já transitadas em julgado perante os juizados de origem. com base na média da assinatura dos últimos 12 meses. nos seguintes termos: "A suspensão liminar disposta no art. Assim. prossiga-se com a execução do julgado. pois a suspensão. 485 do CPC. independentemente de preparo". não desempenharia papel algum. em razão de que os presentes autos já transitaram em julgado. "Tanto é que. ainda que pendente de execução judicial. com eficácia erga omnes e hipótese de cabimento mais ampla que a prevista pelo art.Cumpra-se.639 Reclamado(a): Telemar Norte Leste S/A Advogado(a): Greice Cecim Carvalho Gomes . no futuro. a suspensão do processo não estará apta a cumprir esse objetivo. 3. I. 25 de maio de 2010.

conforme súmula 54. Rel. é a data em que foi estabelecido o valor reparatório..) Vistos etc.1. TANIA BATISTELLO. No que se refere aos juros moratórios. estes fluem a partir do evento danoso. 14 de Setembro de 2010 SECRETARIA DA 2ª VARA DO JUIZADO ESPECIAL CÍVEL PROCESSO 20071000247-5 (1357/07) RECLAMANTE: EDILSON MARIA RODRIGUES GOMES ADVOGADA: EDNA MARIA SODRÉ D?ARAÚJO OAB/PA 5246 RECLAMADA: MARIANA ALBUQUERQUE TAVARES ADVOGADO: VENINO TOURÃO PANTOJA JÚNIOR OAB/PA 11505 SENTENÇA(.Edição nº 4651/2010 . O embargado devidamente intimado não se manifestou." 87 .CENTRO EMPRESARIAL BOLONHA ADVOGADA: LUCIANA MARIA MALCHER MEIRA NEVES OAB/PA 10. com a devida correção a partir da citação. é a data do evento danoso.I. deve ser atribuída interpretação sistemática. interpôs os presentes EMBARGOS DE DECLARAÇÃO COM EFEITOS MODIFICATIVOS aduzindo.099/95. em parte. Sem custas e honorários. 3ª Turma do STJ. dispõe: " A correção monetária do valor da indenização do dano moral incide desde a data do arbitramento. e condeno a requerida a pagar ao autor o equivalente a R$1200." Portanto. INTERPRETAÇÃO SISTEMÁTICA DO PEDIDO. unânime. haja vista que a Súmula nº 362. Belém.. FUNDAMENTAÇÃO DEFICIENTE. 25. JULGAMENTO FORA DO PEDIDO. omissão ou contradição nas razões recursais enseja o não conhecimento do recurso especial. da análise da petição inicial.TJ/PA . no dano moral.2009. que a sentença apontou termo inicial da correção e dos juros de maneira contraditória. PA.) Intimem-se a Reclamante a manifestar-se sobre pedido de (fls. 55 da Lei nº 9. estando incluso os lucros cessantes. em caso de responsabilidade extracontratual.. INDENIZAÇÃO. Ao pedido inicial. j. 11) dos autos.. Nancy Andrighi.P.08. DANOS MATERIAIS E MORAIS. como no caso destes autos.748 RECLAMADO: FERNANDO ANTONIO SOUZA BEMERGUI DESPACHO(. 19 de agosto de 2010.. Confira-se a jurisprudência: " STJ-243169) PROCESSUAL CIVIL. tratando-se de indenização por danos morais. Conheço dos presentes embargos porque preenchidos seus pressupostos.2009). PROC Nº.. (Recurso Especial nº 907350/PR (2006/0266220-5). TERMO INICIAL. também do Superior Tribunal de Justiça. haja vista que deveriam ser contados da data da sentença e não da forma como fora lançada. RECURSO ESPECIAL. a título de reparação pelos danos materiais.00 (Hum mil e duzentos reais). Belém. DJe 09. Assiste razão ao Embargante. Recurso especial não provido. em síntese.DIÁRIO DA JUSTIÇA . consoante o art. e por tudo o que consta nos autos. 2006. EMBARGOS DECLARATÓRIOS. INOCORRÊNCIA. Juíza de Direito da 2ª Vara do JEC da Capital. em que o reclamado solicita a extinção da presente ação com resolução de mérito.R.325 SENTENÇA(. nos termos da referida súmula.09. JUROS DE MORA. do Superior Tribunal de Justiça.) PELO EXPOSTO. 29 de agosto de 2008 RUBILENE SILVA ROSÁRIO Juíza de Direito do Juizado Cível da FACI Em Exercício PROCESSO 20091000365-3 (320/09) RECLAMANTE: COND. Não há julgamento fora do pedido se. A embargante PONTE IRMÃO E CIA LTDA .Terça-Feira. A ausência de expressa indicação de obscuridade.001153-4 (343/06) EMBARGANTE: PONTE IRMÃO E CIA LTDA ADVOGADA: MIRZA GUARANI DE SOUZA OAB/PA 13150 EMBARGADO: FABRICIANO DE SOUZA RODRIGUES ADVOGADO: MÁRCIO DE SIQUEIRA ARRAIS OAB/PA 12. Cumpra-se. é possível extrair o pedido de dano material. JULGO PARCIALMENTE PROCEDENTE o pedido de indenização formalizado pelo requerente. o marco inicial da correção monetária. O termo inicial para incidência dos juros de mora.

R. PROCESSO 200610011063 EXEQUENTE: MESSODY BEMERGUY MELLO ADVOGADA: ANA MARIA CUNHA DE MELLO OAB/PA 3009 EXECUTADO: ROSALINA DUARTE FAYAL FERREIRA DESPACHO(. TANIA BATISTELLO Juíza de Direito Titular da 2ª Vara do JEC. PROCESSO 200710002011 (571/07) RECLAMANTE: BENEDITA LUVINDA DA SILVA ALMEIDA RECLAMADO: BRADESCO SEGUROS S/A ADVOGADO: JOSÉ EDGARD DA CUNHA BUENO FILHO OAB/PA 15733-A DESPACHO(. R. Juíza da 2ª Vara do JEc.. 28 de julho de 2010. PA.) R. Belém. (34). expeça-se Mandado de Penhora e Avaliação. 8º da lei 9.. TANIA BATISTELLO Juíza de Direito da 2a Vara do JEC PROCESSO 200710001568 (406/07) EXEQUENTE: JOANA NONATA DA CONCEIÇÃO ADVOGADO: AUGUSTO CESAR FERREIRA OAB/PA 7935 EXECUTADO: EDSON CONCEIÇÃO ALMEIDA Despacho. PA. conforme requerido. 10 de agosto de 2010. 14 de Setembro de 2010 Ante o exposto. Cumpra-se.) Intime-se o exeqüente para manifestar-se sobre os bens penhorados às fls. Belém.TJ/PA . Juíza de Direito da 2ª Vara do JEC 88 . Intime-se. Após arquivem-se. 26 de agosto de 2010. nos termos da fundamentação. com vistas a proceder o bloqueio on line.. Intime-se. PA. Intime-se. vez que o processo foi sentenciado com fundamento no art. no prazo de 10 (dez) dias. diante da impossibilidade de tramitação da presente ação neste juizado em face da menoridade dos reclamantes. Cumpra-se. h. 02 de agosto de 2010 TANIA BATISTELLO Juíza de Direito da 2ª Vara do JEC. TANIA BATISTELLO. 19 de agosto de 2010. PA.DIÁRIO DA JUSTIÇA . Belém. lhe dou provimento apenas para determinar que a incidência da correção monetária seja contada a partir da data da sentença .Terça-Feira. Caso não seja informado..h. Defiro o pedido de desarquivamento para a extração de cópias. Publique-se. Belém.Edição nº 4651/2010 . Intime-se. SEGURADORA ADVOGADO: IVANILDO RODRIGUES DA GAMA JR OAB/PA 8525 DESPACHO.099/95. Belém. Indefiro o pedido d e desarquivamento dos autos.h. Intime-se o exeqüente para que informe o número do CPF do executado. TANIA BATISTELLO.PA. conheço dos presentes embargos de declaração e. PROCESSO 200710000696-4 (206/07) RECLAMANTE: ALLAN VICTOR PINHEIRO RIBEIRO e ENZO HENRIQUE PINHEIRO RECLAMADA: SUL AMÉRICA CIA.

20091000036-0 (018/09) RECLAMANTE: TAIS FERNANDA SILVA MARTINS ADVOGADO: JOÃO ASSUNÇÃO DOS SANTOS OAB/PA 4614 89 . Após a expedição do alvará.) Vistos etc. 27 de agosto de 2010. que o processo encontra-se parado por inércia das partes. Homologo por sentença para que produza seus jurídicos e legais efeitos o acordo firmado entre as partes às (fls. Cumpra-se. Cumpra-se.20051000445-7 EXEQÜENTE: JOSÉ MAURÍCIO DO CARMO FILHO ADVOGADA: ELIETE DE SOUZA COLARES OAB/PA 3847 EXECUTADA: TEREZA DE SANTA BRIGIDA E OUTRAS ADVOGADA: MARCELY C. Publique-se.. Belém.. Intime-se. do Código de Processo Civil. 27 de agosto de 2010. Juíza de Direito da 2a Vara do JEC PROCESSO 20071001311-7 1023/07) RECLAMANTE: COOPERATIVA MISTA UNIÃO DOS CONSUMIDORES DO BRASIL ... TANIA BATISTELLO. PA. TANIA BATISTELLO Juíza de Direito da 2ª Vara do JEC. Belém.52) dos autos. Tendo em vista que o valor bloqueado já foi transferido para a conta única do BANPARÁ. sem resolução de mérito.Terça-Feira. PROCESSO 200710006881 (164/07) RECLAMANTE: PERSONAL TOUR VIAGENS E TURISMO LTDA-ME ADVOGADA: GISELLE ALINE DE AQUINO CABEÇA OAB/PA 7. arquive-se os autos.. Desta forma e com fundamento no art.) Vistos etc. no prazo de dez (dez) dias. h. TANIA BATISTELLO. expeça-se alvará em favor da reclamada TEREZA DE SANTA BRIGIDA LEÃO.Edição nº 4651/2010 . Após conclusos.) Rh.) R. Intime-se a Reclamante sobre a proposta de acordo de (fls. 9/10) dos autos. Intime-se o exeqüente para que informe o numero do CPF do executado. 05 de agosto de 2010. julgo extinto o processo. PROCESSO 20071001199-7 (1277/07) EXEQUENTE: COND. TANIA BATISTELLO. 87) dos autos. Registre-se. Caso não seja informado.PA. no prazo de 10 (dez) dias. PA. Publique-se.. Juíza de Direito da 2ª Vara do JEC da Capital.426 RECLAMADO: EDUARDO AFONSO S.EDF. Defiro o pedido da autora de (fls. Rh. BAENA BRAGA MARÇAL OAB/PA 12822 SENTENÇA(. Extingue-se o processo. PA. DE ANDRADE DESPACHO. NASSAR ADVOGADA: IVELISE DO CARMO NEVES OAB/PA 3511 EXECUTADA: MARGARIDA MARIA SALES DE VASCONCELOS DESPACHO(. Belém.. com vistas a proceder o bloqueio on line. Juíza de Direito da 2ª Vara do Juizado Especial Cível. sob pena de extinção do processo.DIÁRIO DA JUSTIÇA . Verifica-se as (fls. II e III do CPC. 27 de agosto de 2010. expeça-se Mandado de Penhora e Avaliação. inciso III. 26 de agosto de 2010. Intime-se. 267.. anotando-se nos registros. Após arquivem-se os autos. Belém. PA. Belém. 269. Juíza de Direito Titular da 2ª Vara do JEC. TANIA BATISTELLO. Em conseqüência. 31) dos autos.UNICON ADVOGADO: ARY LIMA CAVALCANTI OAB/PA 8757 RECLAMADA: DORALICE FRANCO DESPACHO(. Registre-se. com as cautelas legais. nos termos do art. Processo: 0003. 14 de Setembro de 2010 PROCESSO 20071000717-8 (366/07) RECLAMANTE: WALQUIR GOMES ADVOGADO: MANOEL AROUCHA SOARES OAB/PA 7744 RECLAMADA: MARIA JACIRA DOS SANTOS VILLAÇA-ME SENTENÇA (. arquivem-se os autos dando-se baixa nos registros.TJ/PA .

Registre-se. PROCESSO 200710012367 (082/07) RECLAMANTE: COND.) Pelo exposto e considerando o mais que dos autos consta. tendo em vista que as sentenças nos juizados devem ser líquidas. Vistos etc.000 (três mil reais) . Belém. Intimese. a contar desta data. Belém. os autos deverão ser arquivados na forma do art. Publique-se. 54 e 55. da Lei 9.. julgo parcialmente procedente o pedido. PROCESSO 20091000629-3 (569/09) RECLAMANTE: CELSO MATIAS DE ARAÚJO GLÁUCIO ADVOGADA: ANNY KARLA OLIVEIRA DA SILVA OAB/PA 14. Posto isto. Decorrido o prazo recursal. Vistos. a teor do disposto no art. arquivem-se os autos. Assim. PA. a contar da data de vencimento de cada parcela até o efetivo pagamento. Indefiro o pedido de inclusão das taxas vincendas no curso desta ação. a teor do disposto no art. 14 de Setembro de 2010 RECLAMADA: HOSPITAL LAYR MAIA ADVOGADO: LEONARDO AMARAL PINHEIRO DA SILVA OAB/PA 8699 SENTENÇA(.44/45) protocolada pela Reclamante. Anote-se como sentença tipo "A". 52. PROCESSO 200510012591 RECLAMANTE: COND.099/95. PA.. Registre-se.00 (trezentos e setenta e quatro reais e quarenta e cinco centavos) corrigido monetariamente pelo INPC e juros de mora de 1% ao mês. Decorrido o prazo recursal.099/95. a título de indenização por danos morais. Lei 9.EDF. nos termos do art.DIÁRIO DA JUSTIÇA . PA. Publique-se. correrão os prazos independentemente de intimação contra o revel que não tenha patrono nos autos. Belém. nos termos do art. 26 de agosto de 2010. 54 e 55. para condenar o(a) reclamado(a) a pagar o valor de R$ 8. dando-se baixa nos registros. O Reclamante através de seu advogado requereu a desistência do processo conforme (fls. Registre-se. TANIA BATISTELLO. TANIA BATISTELLO. julgo parcialmente procedente os pedidos e condeno a Ré a pagar a Autora à importância de R$ 41. 12) dos autos. até o efetivo pagamento. do Código de Processo Civil. 475-J. Intime-se. Belém. CPC. dando-se baixa no registro.560. findo o qual deverá o débito ser atualizado com a incidência de pena de multa de 10%. Registre-se.611 RECLAMADO: PEDRO PAULO DA SILVA LIRA SENTENÇA. Publique-se. 68) dos autos. 26 de julho de 2010. Juíza de Direito Titular da 2ª Vara do JEC. Belém. § 5º. Homologo por sentença para que produza seus jurídicos e legais efeitos o acordo firmado entre as partes e conforme petição de (fls. inciso III. do CPC. a partir da publicação de cada ato decisório. 475-J.EDF.Edição nº 4651/2010 .?) Posto isto. sendo desnecessária qualquer intimação para cumprimento. Em conseqüência.099/95. julgo extinto o processo sem julgamento do mérito com fundamento no art. TANIA BATISTELLO. da Lei 9. Nos termos do art. O Reclamante através de seu advogado requereu a desistência do processo conforme (fls. Sem custas e honorários no primeiro grau de jurisdição. nos termos da fundamentação. 27 de agosto de 2010.099/95. 475-J. PROCESSO 200910013694 RECLAMANTE: JARBAS VASCONCELOS DO CARMO ADVOGADO: RICARDO BONASSER DE SÁ OAB/PA 11.. do CPC. nos termos do art. 322. CELESTE GAMA DE MIRANDA ADVOGADO: MANOEL VERA CRUZ DOS SANTOS OAB/PA 7873 RECLAMADO: FREDERICO RODRIGUES DA COSTA SENTENÇA. 18 de agosto de 2010.. IV. Certificado o trânsito em julgado. III do CPC. CPC. corrigidos monetariamente pelo INPC e com juros simples de 1% ao mês. Publique-se. 16 de agosto de 2010. PROFESSORA AGRIPINA MATOS ADVOGADA: CRISTOVINA PINHEIRO MACEDO OAB/PA 5949 RECLAMADO: OSÓRIO SALES PEREIRA SENTENÇA(. IV. aguarde-se o prazo de quinze dias para cumprimento voluntário da sentença. Intime-se. Juíza de Direito da 2ª Vara do JEC da Capital. 475-J. PALÁCIO REAL SENTENÇA(. Juíza de Direito da 2ª Vara do Juizado Especial Cível.)Vistos. Publique-se. Registre-se. 267. PA. julgo extinto o processo com resolução do mérito com fundamento no art. Juíza de Direito da 2ª Vara do JEC da Capital. Cumprida a obrigação ou decorrido o prazo de seis meses sem pedido de execução. VIII do CPC. os autos deverão ser arquivados na forma do art. nos termos do art.TJ/PA .27 (quarenta e um reais e vinte e sete centavos) a título de ressarcimento de despesas e mais R$ 3. 52. nos termos do art. TANIA BATISTELLO.EDF.Terça-Feira. julgo extinto o processo. TANIA BATISTELLO. 90 .676 RECLAMADO: COND. arquivem-se os autos. aguarde-se o prazo de quinze dias para cumprimento voluntário da sentença. Sem custas e honorários no primeiro grau de jurisdição. certificado o trânsito em julgado. § 5º. Intime-se. 269. Lei 9. PA. Em face do cumprimento do acordo arquivem-se os autos dando-se baixa nos registros. Cumprida a obrigação ou decorrido o prazo de seis meses sem pedido de execução. Intime-se. Posto isto. sendo desnecessária qualquer intimação para cumprimento. findo o qual deverá o débito ser atualizado com a incidência de pena de multa de 10%. 269. do Código de Processo Civil. Juíza de Direito Titular da 2ª Vara do JEC.

099/95. na qual certifica que deixou de proceder a remoção do bem penhorado tendo em vista que o exeqüente não providenciou o transporte para o cumprimento do mandado. CAROLINA ADVOGADO: ALBYNO FRANCISCO ARRAIS CRUZ OAB/PA 12.TJ/PA . a teor do disposto no art. Belém. Intimese.DIÁRIO DA JUSTIÇA . sendo desnecessária qualquer intimação para cumprimento. Lei 9. julgo procedente o pedido e condeno a reclamada a pagar a autora a quantia de R$ 10.00 (dez mil reais) a título de indenização por danos morais. da Lei 9. findo o qual deverá o valor da condenação ser atualizado com a incidência de pena de multa de 10%. dando-se baixa nos registros. os autos deverão ser arquivados na forma do art.099/95. IV. que deverá ser corrigida monetariamente pelo INPC e com juros simples de 1% ao mês. a título de ressarcimento com repetição de indébito que deve ser corrigido monetariamente pelo INPC/IBGE e incidir juros de mora de 1% (um por cento) ao mês. art. TANIA BATISTELLO. 55. certificado o trânsito em julgado. despesas processuais e honorários de sucumbência. ainda.700.. 475-J. em virtude da gratuidade do primeiro grau de jurisdição nos Juizados Especiais (art. Certificado o trânsito em julgado. 52. TANIA BATISTELLO. 14 de Setembro de 2010 PROCESSO 20031000037-4 (410/03) EXEQUENTE: COND.00 (dezessete mil e noventa e quatro reais) . mais o valor de R$ 1. a importância de R$ 17. Oficial de Justiça de fls (66).) Posto isto.00 (cinco mil e setecentos reais) .Edição nº 4651/2010 . 54 e 55. Cumprida a obrigação ou decorrido o prazo de seis meses sem pedido de execução. perfazendo.. 52. nos termos do art. sendo desnecessária qualquer intimação para cumprimento. do CPC.EDF. CPC. Lei 9.394. IV. a título de liquidação da multa diária pelo descumprimento da decisão judicial que concedeu a tutela antecipada.099/95. § 5º. PROCESSO 200910005881 (533/09) RECLAMANTE: JOANA EMÍLIA LOUREIRA XERFAN-FORMALIGHT ADVOGADA: AMANDA LOUREIRO XERFAN OAB/PA 14160 RECLAMADA: SADIA S/A ADVOGADO: ALAN GOMES MOREIRA OAB/PA 15582 SENTENÇA(. Intime-se o exeqüente no prazo de dez (10) dias para se manifestar ainda tem interesse no prosseguimento da ação. Sem custas e honorários no primeiro grau de jurisdição. 91 . Manifeste-se o exeqüente sobre a certidão do Sr. 54. Publique-se. 25 de agosto de 2010.00 (mil trezentos e noventa e quatro reais) . Isento as partes de custas.000. o total da condenação. PA. sob pena de arquivamento. aguarde-se o prazo de quinze dias para cumprimento voluntário da sentença. a contar de 02/02/2009 (data do desembolso) e. a quantia de R$ 5. 475-J. Juíza de Direito da 2ª Vara do JEC. Belém.. a contar de 21/11/2008 (data da inclusão indevida do nome da autora na SERASA). Assim.600 EXECUTADO: CÉLIO CLÁUDIO DE QUEIROZ LOBATO DESPACHO. 20 de julho de 2010. nos termos do art. aguarde-se o prazo de quinze dias para cumprimento voluntário da sentença.099/95).Terça-Feira. PA. a teor do disposto no art. 475-J. Juíza de Direito da 2ª Vara do JEC da Capital. Registre-se. do Código de Processo Civil. findo o qual deverá o débito ser atualizado com a incidência de pena de multa de 10%. Lei 9.094. nos termos do art.

Cumpra-se. CARMEN OLIVEIRA DE CASTRO CARVALHO Juíza de Direito da 7ª Vara do JECível de Belém 92 . 14 de Setembro de 2010 SECRETARIA DA 7ª VARA DO JUIZADO ESPECIAL CÍVEL Processo: 2009. 38 da Lei 9. 792. verifica-se que o executado apresentou duas propostas para pagamento da dívida. suspendo a execução pelo prazo concedido pela credora. uma às fls. R . 35. I. presumir-se-á cumprida a obrigação. 2 . Compulsando os autos. em face de CELSO DA SILVA MONTELO. Em caso de inadimplemento. ou seja: o pagamento da dívida em três parcelas fixas no valor de R$ 500. P. a 2ª em 05 de novembro de 2010 e a 3ª em 06 de dezembro de 2010 conforme se infere de sua petição de fls.OAB/PA 3555 Executado: CELSO DA SILVA MONTELO Advogado do executado: Dr.TJ/PA .099/95): Trata-se de ação de execução de título extrajudicial movida por OFICINA SANÇÃO LTDA.Dispositivo: Ante o exposto. parágrafo único do Código de Processo Civil. Belém.OAB/PA 9620 DECISÃO 1 .00 (quinhentos reais) cada.1000656-6 Exequente: OFICINA SANÇAO LTDA Advogado do exequente: Dr. Dorivaldo de Almeida Belém . 36. Intime-se o executado para efetuar o pagamento na conta bancária indicada pela exequente às fls.DIÁRIO DA JUSTIÇA .Breve resumo dos fatos e fundamentação (art. José Lindomar A Sampaio .Edição nº 4651/2010 . pelo que deverá o processo retornar em conclusão para a fins de extinção da execução. 39. Decorrido o prazo concedido sem manifestação das partes.Terça-Feira. a fase executória prosseguirá em seus ulteriores de direito conforme estabelece o art. sendo que a credora aceitou a de fls.35 e outra às fls. 08 de setembro de 2010. com vencimento para o dia 05 de outubro de 2010. 39.

Edição nº 4651/2010 . entende-se que diz respeito à forte aparência de verdade do alegado. diz respeito a qualquer meio de prova. Por prova inequívoca entende-se a que independe de prova pericial ou oral. aproxime o magistrado do juízo de probabilidade e verdade. placa NLR 3686. A tutela antecipada é instituto processual regulado pelo art. Paredes . conceda a antecipação dos efeitos da tutela requerida pela autora em seu pedido inicial. bem como ordem para que o réu seja compelido a pagar as multas. responsabilizando-se por multas e encargos referente ao veículo.052-87). junto à empresa BV Financeira. no convencimento do juízo. Cotejando-se os pedidos de antecipação com os elementos de prova trazidos ao Juízo. inclusive os havidos durante o trâmite do processo. fundado receio de dano irreparável ou de difícil reparação ou o manifesto propósito protelatório do réu. Art. O juiz poderá. que o Juízo determine oficie o DETRAN/GO a fim de que os pontos decorrentes das multas atribuídas ao veículo sejam creditados na Carteira de Habilitação do reclamado. e demonstre de forma cabal a justeza da pretensão. capaz de influir.226 Reclamado: José Alderindo da Paes Marinho DECISÃO 1 . 17). existindo prova inequívoca.TJ/PA . consulta de multas. 18). constata-se que a autora não conseguiu demonstrar a verossimilhança das alegações formuladas na inicial. o qual exige a observância de requisitos para sua concessão os quais devem ser demonstrados pelo pleiteante. a verossimilhança da alegação. se convença da verossimilhança da alegação e: I . conforme abaixo melhor se detalha: A autora alega que cedera ao reclamado os direitos que detinha relativos ao contrato de financiamento que entabulara com BV Financeira. Quanto à verossimilhança da alegação. Requereu.OAB/SP 220.Terça-Feira. contrato entabulado entre a reclamante e a sociedade empresária que efetuou a operação financeira (fls. fato que remete o processo à fase cognitiva legalmente prevista. Sustenta que o demandado se comprometera a pagar as parcelas do financiamento e efetuar a transferência do veículo para o seu nome junto aos Órgãos administrativos do trânsito. bem como das multas e pontos da carteira de habilitação. No que concerne ao pedido antecipatório referente a transferência do bem para o nome do demandado junto aos órgãos administrativos do trânsito. de tal modo que o juiz. Marcus D. a saber: a prova inequívoca. antecipar. causando-lhe danos materiais e morais.1000939-3 Reclamante: ANDRELLE NELISSA ALVES DE LIMA Advogado do exequente: Dr.207. Em outras palavras. impostos.099/95): Trata-se de ação de obrigação de fazer movida por ANDRELLE NELISSA ALVES DE LIMA (CPF: 661. correspondência enviada à autora pela instituição financiadora (fls. taxas e demais encargos atribuídos ao veículo. 273. 14 de Setembro de 2010 Processo: 2010. Contudo. possui mais um agravante que inviabiliza a concessão da 93 . impostos e taxas sobre o veículo realizada junto ao DETRAN/GO (fls. cor cinza Scandium. 19/20). em geral documental. referente ao veículo FIAT Strada FIRE. facultando-se ao demandado a apresentação de sua defesa conforme determina a Constituição Federal. 21/27). mas deixou de cumprir com as obrigações assumidas. Chassi 9BD27833MA7205213. 273 do Código de Processo Civil. ou II .haja fundado receio de dano irreparável ou de difícil reparação. A autora requereu a antecipação dos efeitos da tutela final solicitando ordem judicial que obrigue o reclamado a promover a transferência do financiamento do veículo FIAT Strada Fire CE Flex. total ou parcialmente. positivamente. que embora no âmbito de cognição sumária. 38 da Lei 9.Breve resumo dos fatos e fundamentação (art. e associada à prova robusta.DIÁRIO DA JUSTIÇA . o qual está gravado com o ônus da Alienação Fiduciária em favor da financeira. ao deparar-se com a plausibilidade da veracidade dos fundamentos de fato e de direito alegados pelo reclamante. modelo 2010.fique caracterizado o abuso de direito de defesa ou o manifesto propósito protelatório do réu. a requerimento da parte. ainda em sede de antecipação de tutela. Placa NLR 3686. ano 2009. desde que. não apresentou qualquer documentação que vincule o reclamado ao ajuste verbal alegado. O conjunto probatório trazido aos autos com a inicial compõe-se de: nota fiscal do automóvel financiado (fls. e pague em dia as parcelas do financiamento do automóvel junto à instituição financeira. os efeitos da tutela pretendida no pedido inicial. em face de JOSÉ ALDERINDO DA PAES MARINHO. Chassi 9BD27833MA7205213.

OAB/PA 13. 2 . sem isso. Brunna do Nascimento Costa .Edição nº 4651/2010 .TJ/PA . I. 01 de setembro de 2010 CARMEN OLIVEIRA DE CASTRO CARVALHO Juíza de Direito da 7ª Vara do JECível de Belém Processo: 2010.OAB/PA 11.OAB/PA 12610.Terça-Feira.DIÁRIO DA JUSTIÇA . Milton Souza Figueiredo Junior . Dr.OAB/PA 12. 94 .OAB/PA 12. Dr. às 09 horas. Ederson Gomes Almeida . com a cessão de direitos supostamente entabulada. Frederico Guterres Figueiredo . P. Intime-se a reclamante e cite-se o reclamado.831 Reclamado: Samuel Nystron de Almeida Brito SENTENÇA : 1 . 38 da Lei 9. OS PEDIDOS ANTECIPATÓRIOS formulados na inicial e designo audiência de conciliação para o dia 27/10/2010. ficando desde logo determinada a realização da diligência por Oficial de Justiça caso reste frustrada a citação postal. Dr. Belém.1000120-8 Reclamante:CONDOMÍNIO RESIDENCIAL MAGALHÃES BARATA Advogado do exequente: Dr. Georgia Queiroz Pereira . R.Breve resumo dos fatos e fundamentação (art. Dra. 14 de Setembro de 2010 tutela pretendida que é a absoluta ausência de demonstração de que o agente financeiro anuíra. INDEFIRO. Benjamin Hamoy Junior .701.OAB/PA 14.Dispositivo: Ante o exposto. previamente ou posteriormente.320. Cumpra-se. do Código de Processo Civil. 273.099/95): Trata-se de ação de cobrança de taxas condominiais movida por CONDOMÍNIO RESIDENCIAL MAGALHÃES BARATA em face de SAMUEL NYSTRON DE ALMEIDA BRITO.com fulcrono art. NO MOMENTO.036 e Dra. a transferência administrativa de titularidade não pode ser efetuada.576.

1000057-4 Reclamante: JOSÉ NAZARENO ALVES ESPINDOLA Advogado do autor: Dr. que execução será extinta quando o credor renunciar ao crédito. enviando cópia autenticada da certidão emitida. Cumpra-se. oficie-se à Secretaria Executiva da Fazenda Estadual para fins de inscrição do devedor na dívida ativa do Estado. A Lei Federal nº. nos termos do art. requerendo seu arquivamento. arquivem-se os autos. em faz de execução.OAB/PA 1551 SENTENÇA: 1 .182/1998. intime-o a realizar o pagamento das referidas custas em 30 (trinta) dias. avaliado pelo senhor Oficial de Justiça em R$ 700.Terça-Feira. 5. Carlos Nadson de Azevedo da Silva . com as informações elencadas no art. nos termos do Decreto supra mencionado. O Código de Processo Civil é utilizado subsidiariamente à Lei Federal nº. 38 da Lei 9.099/1995 é clara ao dizer em seu art.Dispositivo: Ante o exposto. 2 . condenando o autor ao pagamento das custas processuais. caput e §2º do mesmo diploma legal. 794. Decorrido o prazo sem a comprovação do pagamento. verifica-se que após o cumprimento das determinações do despacho de fls. CARMEN OLIVEIRA DE CASTRO CARVALHO Juíza de Direito da 7ª Vara do JECível de Belém Processo: 2001. 39-verso).Breve resumo dos fatos e fundamentação (art.204/2002. Tem-se que o condomínio autor estava devidamente intimado e ciente do dia e horário da realização da audiência conciliação (fls. 139 pelo senhor oficial de Justiça. se for o caso. 43. determino que a Secretaria desta Vara emita certidão do valor das custas processuais devidas nestes autos. Tem-se que após a concretização dos atos legais para levar a êxito a transferência de propriedade do automóvel.DIÁRIO DA JUSTIÇA . foram lavrados e entregues o auto e a carta de adjudicação ao exequente (fls. determino que a Secretaria providencie junto à UNAJ . I. Belém. P. Após.OAB/PA 3104 Reclamado: João Luiz Silva e Souza e Lana de Nazaré Gomes da Silva Advogado do Reclamado Joao Luiz: Dra Maria Divoney Carneiro Ledo . informando não ter mais interesse na adjudicação dos bens relacionados no item 05 do despacho de fls. que regulamenta a Lei 6. R . EXTINGO O PROCESSO SEM JULGAMENTO DO MÉRITO. conforme noticia a Secretaria às fls. Após. inciso I.TJ/PA . 3º e incisos do Decreto Estadual nº. inciso III. Transitada em julgado.099/95. 9. 03 de setembro de 2010. que o processo será extinto sem resolução do mérito quando o autor deixar de comparecer a qualquer audiência do processo. conforme noticia o conciliador às fls. da Lei Federal nº.099/95): Trata-se de ação de ressarcimento movida por JOSÉ NAZARENO ALVES ESPÍNDOLA em face de JOÃO LUIZ SILVA E SOUZA. 9. 95 . 153. o credor renunciou ao crédito remanescente. inciso I. 9. 154. verifica-se que na realização da sessão conciliatória não compareceu nenhuma das partes. Cumpridas as determinações. com fundamento no art. 51.Unidade de Arrecadação Judiciária o valor das custas a que fora condenado o reclamante. Compulsando os autos. e o silêncio dos litigantes quanto às partes que lhes cabiam. 139.00 (setecentos reais). 155/156). 51. 14 de Setembro de 2010 Compulsando os autos. contudo não se fez presente à realização da sessão.Edição nº 4651/2010 .099/1995 na jurisdição dos Juizados Especiais e estabelece em seu art. tendo o exequente se manifestado quanto ao despacho de fls. 51. nem no prosseguimento do feito.

Intime-se. 1. DECLARO EXTINTA A EXECUÇÃO. que regulamenta a Lei 6. e o cumprimento das determinações. Belém. 02 de setembro de 2010. inciso III. 03 de setembro de 2010.OAB/PA 12. enviando cópia autenticada da certidão emitida. Fuad da Silva Pereira . Armando Soutello Cordeiro . Cumpra-se. I. §4º. intime-se o devedor a realizar o pagamento das referidas custas em 30 (trinta) dias.TJ/PA .291 Reclamado: Espólio de Agnaldo Pereira da Silva DESPACHO : 01 .1000135-3 Reclamante: CONDOMÍNIO DO EDIFÍCIO KYSSIA Advogado do autor: Dr. 47/49). Após o trânsito em julgado.182/1998. 02 . determino que a Secretaria desta Vara emita certidão do valor das custas processuais devidas nestes autos. do Código de Processo Civil.Unidade de Arrecadação Judiciária o valor das custas a que fora condenado o executado no acórdão nº.OAB/PA 2151 e Dra. com as informações elencadas no art.110/03 (fls. com fundamento no art. 5. Determino que a Secretaria providencie junto à UNAJ . 794.Intime-se o exequente para realizar. nos termos do Decreto supra mencionado. 659. mediante o auto de penhora. Após. Belém.DIÁRIO DA JUSTIÇA . arquivem-se os autos. CARMEN OLIVEIRA DE CASTRO CARVALHO Juíza de Direito da 7ª Vara do JECível de Belém Processo: 2006. do Código de Processo Civil. Decorrido o prazo sem a comprovação do pagamento. nos termos do art. juntando aos autos a comprovação. Após. se for o caso. P.Terça-Feira. Cumpra-se.Edição nº 4651/2010 . oficie-se à Secretaria Executiva da Fazenda Estadual para fins de inscrição do devedor na dívida ativa do Estado.Dispositivo: Ante o exposto.OAB/PA 9658 Reclamado: Neyleno dos Santos Silva Advogado do reclamado: Dr. R . CARMEN OLIVEIRA DE CASTRO CARVALHO Juíza de Direito da 7ª Vara do JECível de Belém 96 . a averbação da constrição junto ao ofício imobiliário para a presunção absoluta de conhecimento por terceiros. Camila Correa Teixeira .204/2002. 3º e incisos do Decreto Estadual nº. 14 de Setembro de 2010 2 . bem como informar ao Juízo se deseja adjudicar o bem sob constrição judicial no prazo de 10 (dez) dias.

Daniel Augusto Bezerra de Castilho . Jaime Carneiro Costa . Hedy Elinne Moreira Ribeiro . Belém. 14 de Setembro de 2010 Processo: 2007. Dr. apresente a via original da avença entabulada entre as partes com firma reconhecida ou compareçam as partes. Marcelo Araújo Santos . Dr.Considerando que a minuta de transação apresentada para fins de homologação está em cópia simples e que no pedido de homologação não consta a assinatura do devedor ou seu advogado com poderes para transigir.OAB/PA 7855. Cumpra-se.TJ/PA . Dr.Edição nº 4651/2010 .Intime-se. CARMEN OLIVEIRA DE CASTRO CARVALHO Juíza de Direito da 7ª Vara do JECível de Belém 97 .DIÁRIO DA JUSTIÇA . dra Aline Nunes de Souza . para efetuar a ratificação na presença do Diretor de Secretaria.635. José de Oliveira Luz Neto . determino que o requerente. no prazo de 05(cinco) dias. Paulo Ronaldo Monte de Mendonça Albuquerque .OAB/PA 7562 DESPACHO: 01 . Fernando Vale Correa Jr .OAB/PA 13. 02 .1000014-8 Reclamante: SOCIEDADE GREEN VILLE RESIDENCE Advogado da autora: Dr. sob pena de indeferimento do pedido de homologação.378.OAB/PA 10889.OAB/PA 8553 Reclamado: Kleverton Antunes Firmino Gomes Advogados do reclamado: Dra.OAB/PA 15.Terça-Feira.426. Dr.OAB/PA 7605 e Dr. em secretaria.OAB/PA 14. 03 de setembro de 2010.

PROCESSO: 2010.2. Não comparecendo.E. PROCESSO: 2009. Denunciado: Ana Paula Costa Dos Santos Audiencia de Instrução e Julgamento redesignada para o dia 06 de dezembro de 2010 às 09:30 horas. ATO ORDINATÓRIO Com base no Provimento nº 006/2006 da Corregedoria Geral do T. 09 de setembro de 2010. C.054912-3 Ação: Tco/Ameaca em 09/09/2010 Autor: Antonio Marcos Morais Ferreira Vítima: M. 03 de setembro de 2010.em exercício. de S.044895-8 Ação: Lesoes Corporais em 09/09/2010 Vítima: L. voltem-me os autos conclusos. PROCESSO: 2010. pelo prazo de seis (06) meses. Belém. P.032443-4 Ação: Tco/Ameaca em 02/09/2010 Autor: Adimilson Coutinho Pinheiro Vítima: N.C. Belém. R.. M.2.058823-8 Ação: Tco.058783-4 Ação: Tco/Ameaca em 03/09/2010 Autor: Maria Regina De Oliveira Nogueira Vítima: W. A. Denunciado: Elionete Pinto Emiliano (Adv. Belém. ATO ORDINATÓRIO Com base no Provimento nº 006/2006 da Corregedoria Geral do T. fica designada Audiência Preliminar para o dia 06/12/ 2010 às 09:30 horas.2. Observacao: Tco Tombo N.. em exercício. fica designada Audiência Preliminar para o dia 01/12/ 2010 às 09:30 horas.Difamacao em 03/09/2010 Autor: Vera Lucia Gadelha Silva Vítima: J. 02 de setembro de 2010.054947-0 Ação: T. voltem-me os autos conclusos. Rosecler Monteiro Batista. Belém. Eliana Pacheco de Oliveira Côrtes Juiza da 2ª Vara do Juizado Especial Criminal. P.h. Belém. publicado no Diário da Justiça do dia 10/10/2006: Nesta data faço remessa destes autos à Secretaria do Ministério Público para manifestação. Belém. voltem-me os autos conclusos. e W.2. 03 de setembro de 2010.J. fica designada Audiência Preliminar para o dia 06/12/ 2010 às 09:30 horas. 03 de setembro de 2010.054872-9 Ação: T. S. PROCESSO: 2010.2.029927-3 Ação: Tco/Ameaca em 02/09/2010 Autor: Walter Silva Junior Vítima: T.E.2. M. de A.2. E. Belém. 02 de setembro de 2010. Denunciado: Allan Augusto Pereira De Azevedo.J. PROCESSO: 2009. Não comparecendo.J. E. Belém.O/Outros em 09/09/2010 Autor: Osenete Batista Da Silva Carvalho Vítima: R. PROCESSO: 2010.J.DIÁRIO DA JUSTIÇA . PROCESSO: 2010. C. E.J. Observacao: Tco Tombo N. Belém. PROCESSO: 2010. 03 de setembro de 2010. 10/20100001921 ATO ORDINATÓRIO Com base no Provimento nº 006/2006 da Corregedoria Geral do T. Eliana Pacheco de Oliveira Côrtes Juíza da 2ª Vara do Juizado Especial Criminal. fica designada Audiência Preliminar para o dia 06/12/ 2010 às 09:30 horas. em Exercício PROCESSO: 2010. 98 . G. ATO ORDINATÓRIO Com base no Provimento nº 006/2006 da Corregedoria Geral do T. H.J.. 14 de Setembro de 2010 SECRETARIA DA 2ª VARA DO JUIZADO ESPECIAL CRIMINAL RESENHA: 03/09/2010 A 10/09/2010 . S. R. PROCESSO: 2010..TJ/PA . ROBERTA VASCONCELOS DA CUNHA) e Carlos Alpheu Melo Rodrigues Junior R. R. Aguarde-se em cartório a Queixa-Crime da parte ofendida. S. M. 09 de setembro de 2010. P. Belém.058791-7 Ação: Tco/Desacato em 03/09/2010 Autor: Jonatas De Araujo Alves e Isvaldo Da Cruz Ribeiro Vítima: G.2.2.019430-8 Ação: Tco/Ameaca em 09/09/2010 Autor: Tatiane Santos De Araujo Vítima: F. Roberto Lobato Soares e Rosinaldo Lobato Soares Audiencia redesignada para o dia 06/12/2010 às 09:30 horas PROCESSO: 2010. Em 09/09/2010.J. da C.E.E. fica designada Audiência Preliminar para o dia 06/12/ 2010 às 09:30 horas. ATO ORDINATÓRIO Com base no Provimento nº 006/2006 da Corregedoria Geral do T. 02 de setembro de 2010.Edição nº 4651/2010 . fica designada Audiência Preliminar para o dia 02/12/ 2010 às 09:30 horas.O/Outros em 09/09/2010 Vítima: O..E. N. 09 de setembro de 2010.025177-8 Ação: Tco/Ameaca em 02/09/2010 Autor: Eliane Lopes Balieiro Vítima: N. em exercício.. Aguardese em cartório a Representação da parte ofendida. Belém. DA 2ª VARA DO JUIZADO ESPECIAL CRIMINAL . PROCESSO: 2010.hoje.011765-0 Ação: Tco//Lesao Corporal em 02/09/2010 Vítima: D. Aguarde-se em cartório a Representação da parte ofendida. ATO ORDINATÓRIO Com base no Provimento nº006/2006 da Corregedoria Geral do TJE.2. M. José Arthur Rosa Pereira Secretário da 2ª Vara do Juizado Especial Criminal. A. C.C.O/Outros em 09/09/2010 Autor: Johnny Anndrews Lima Moraes e Jackson Junior Lima Moraes Vítima: O. dos S.Juiz(a): Eliana Pacheco de Oliveira Cortes PROCESSO: 2007. R. cientes as partes. de O.SEC. dos S. J.2. fica designada Audiência Preliminar para o dia 02/12/ 2010 às 09:30 horas.10/20100002203 ATO ORDINATÓRIO Com base no Provimento nº 006/2006 da Corregedoria Geral do T.E.C. dos S.2. pelo prazo de 06 (seis) meses. Elina Pacheco de Oliveira Côrtes Juiza da 2ª Vara do Juizado Especial Criminal.E. Não comparecendo. L.2. R. 09 de setembro de 2010. ATO ORDINATÓRIO Com base no Provimento nº 006/2006 da Corregedoria Geral do T.. B.Terça-Feira. Eliana Pacheco de Oliveira Côrtes Juiza da 2ª Vara do Juizado Especial Criminal. Junte-se.058817-1 Ação: Tco/Vias De Fato em 03/09/2010 Autor: Romero Vasco Da Silva Marques Vítima: P.026081-3 Ação: T.h. PROCESSO: 2010. C. em exercício. D. pelo prazo de seis (06) meses. G.2.

O/Outros em 10/09/2010 Vítima: O. 61 do CPP. E. do CPB. M. por falta de justa causa para prosseguir nos ulteriores de direito.058834-5 Ação: T. 10/09/2010 Dra. determino o arquivamento dos autos após cumpridas as formalidades legais.E. Belém. ATO ORDINATÓRIO Com base no Provimento nº006/2006 da Corregedoria Geral do TJE. 03 de setembro de 2010. etc.I.057335-4 Ação: Tco/Ameaca em 10/09/2010 Autor: Fernando Cardoso Da Costa Vítima: L. 103 e 107.2. 10 de setembro de 2010. Dra. Belém. Acolho o parecer Ministerial.R. e E. Inácia Salgado Frias Juíza da 2ª Vara do Juizado Especial Criminal PROCESSO: 2010.TJ/PA . ARQUIVAMENTO Vistos. Portanto.O/Outros em 03/09/2010 Autor: Paulo Henrique Marinho De Souza Vítima: J. F. acolho o parecer Ministerial. 10/09/2010 Dra.Juiz(a): Inacia Nazare Salgado Frias PROCESSO: 2005.058845-2 Ação: T. Belém. Belém.057004-5 Ação: Tco/Desacato em 10/09/2010 Autor: Fabio De Deus Silva Vítima: E. operado a decadência do direito de queixa. Belém. A.. para manifestação. P. R. Inácia Salgado Frias Juíza da Vara do 2º Juizado Especial Criminal PROCESSO: 2008. arquive-se a presente Queixa-Crime. P. assim. e até a presente data. P. pelo prazo de seis (06) meses.H. Autor: ANA MARIA FRAZÃO DA ROSA Vitima: ANA CLAUDIA PASTANA DOS SANTOS Capitulação: Art. C. L. Da leitura dos autos.059028-3 Ação: Tco//Lesao Corporal em 10/09/2010 Autor: Messias Silva De Almeida Vítima: A. P. Não comparecendo. Acolho o parecer Ministerial. N.2009). Tendo em vista a Resolução nº 04/2008-GP de 27/02/2008. determinando o Arquivamento dos presentes autos com as cautelas de estilo. Inácia Salgado Frias Juíza da 2ª Vara do Juizado Especial Criminal PROCESSO: 2010.I. SENTENÇA Vistos. R. Autoridade Policial: Lenoir Alves Campos Da Cunha Autor(a): AILTON SILVA GAMA E PEDRO CORDEIRO DINIZ Vítima: LUCIVALDO NAHUM LOBATO Capitulação Penal: Art. Aguarde-se em cartório a Queixa-Crime da parte ofendida.H. de M. Belém. C. com fundamento no artigo 28 do CPP. 28 DA LEI 11. publicado no Diário da Justiça do dia 10/10/2006: Nesta data faço remessa destes autos à Secretaria do Ministério Público para manifestação.2. Inácia salgado Frias Juiza da 2ª Vara do Juizado Especial Criminal 99 . do S. Remetam-se os autos à Secretaria do Ministério Público. em exercício. 147 DO C. R. tendo.2. P. C. e Determino o encaminhamento do presente TCO à Secretaria do Fórum Criminal para fins de redistribuição ao Juízo competente.C. no endreço de fls. SILVA COSTA) R. JHONES BRAGA DOS SANTOS. para conclusão do Laudo de Lesão Corporal.h. 10/09/2010 Dra. observa-se que o crime de dano ocorreu no dia 19 de agosto de 2009.041078-1 Ação: Tco/Entorpecente em 10/09/2010 Vítima: O. determinando o Arquivamento dos presentes autos com as cautelas de estilo. Inácia Salgado Frias Juíza da 2ª Vara do Juizado Especial Criminal PROCESSO: 2010.I. Belém. com fundamento nos arts. 163. P. 10 de setembro de 2010.007392-4 Ação: Tco/Ameaca em 10/09/2010 Autor: Joao Martins Carvalho e Marcilene Magalhaes Do Carmo Nascimento Vítima: O.P. dos S. 41 do CPP. L. Não comparecendo.C. G. IV do CPB. Belém. PROCESSO: 2010. V. neste Juízo. PROCESSO: 2010.R. G.2. e J. Injuria em 03/09/2010 Autor: Rosa Maria Ribeiro Cardoso Vítima: V. C. para que tome ciência da necessidade de enviar o laudo médico assistente ao CPC "Renato Chaves". para declarar a extinção da punibilidade do(a) autor(a) do fato. Inácia Salgado Frias Juíza da 2ª Vara do Juizado Especial Criminal PROCESSO: 2010. Declaro a Incompetência do Juízo em Razão do Lugar. cumpridas as formalidades legais e feitas as comunicações necessárias.R.DIÁRIO DA JUSTIÇA . José Arthur Rosa Pereira Secretário da 2ª Vara do Juizado Especial Criminal. voltem-me os autos conclusos. Eliana Pacheco de Oliveira Côrtes Juíza da 2ª Vara do Juizado Especial Criminal. R.2. não houve ajuizamento de queixa-crime (10. 331 DO CPB SENTENÇA Vistos. Chamar o autor do fato. S.09. 14 de Setembro de 2010 PROCESSO: 2010. N.B. H. em conformidade com o art. ELIAS E.013708-5 Ação: Tco/Ameaca em 10/09/2010 Autor: Ana Maria Frazao Da Rosa Vítima: A. etc. Autor: FABIO DE DEUS SILVA Vítima: O ESTADO Capitulação Penal: ART. Considerando que o(a) autor(a) do fato cumpriu integralmente o acordo homologado em audiência preliminar.2. 03 de setembro de 2010. Denunciado: Jhones Braga Dos Santos (Adv.Terça-Feira. publicado no Diário da Justiça do dia 10/10/2006: Nesta data faço remessa destes autos à Secretaria do Ministério Público para manifestação. S. 03 de setembro de 2010. PROCESSO: 2010.R.O/Outros em 03/09/2010 Autor: Andre Jose Mendes De Oliveira e Carlos Humberto Dos Santos E Santos Vítima: R.2. G. ATO ORDINATÓRIO Com base no Provimento nº006/2006 da Corregedoria Geral do TJE. C. caput. fica designada Audiência Preliminar para o dia 07/12/ 2010 às 09:30 horas. F. pela Decadência. da F. dos S. E.058837-9 Ação: Tco. Aguarde-se em cartório a Representação da parte ofendida. com fundamento no artigo 28 do CPP.2. em Exercício . Denunciado: Daniel Da Encarnacao Souza Autor: DANIEL DA ENCARNAÇÃO SOUZA Vítima: O ESTADO Capitulação Penal: ART.2. Inácia Salgado Frias Juíza da 2ª Vara do Juizado Especial Criminal PROCESSO: 2009. 10 de setembro de 2010 Dra. que dispõe sobre a Jurisdição e Renomeação das Varas de Juizados Especiais.Edição nº 4651/2010 . da C.2.H. pois faltam os requisitos indispensáveis constantes no art.J.C. voltem-me os autos conclusos. 10 de setembro de 2010 Dra. Belém. dos S. 10 de setembro de 2010. ATO ORDINATÓRIO Com base no Provimento nº 006/2006 da Corregedoria Geral do T. F.343/06 SENTENÇA Vistos.I. etc.2.95 dos autos. P. Dra. pelo prazo de 06 (seis) meses. Belém. 10 de setembro de 2010. Inácia Salgado Frias Juíza da 2ª Vara do Juizado Especial Criminal PROCESSO: 2009.031772-2 Ação: T. Belém. Belém.2.029321-4 Ação: Outras em 10/09/2010 Indiciado: Diego Leite Dos Santos e Marcelo Rodrigues De Oliveira Vítima: L. e L. etc.077388-2 Ação: Crime De Danos em 10/09/2010 Indiciado: Ailton Silva Gama e Pedro Cordeiro Diniz Vítima: L. Diante o exposto.

ATO ORDINATÓRIO Com base no Provimento nº006/2006 da Corregedoria Geral do TJE.O/Outros em 10/09/2010 Autor: Walber Vaz Soares Vítima: C. Inácia salgado Frias Juiza da 2ª Vara do Juizado Especial Criminal PROCESSO: 2010.h. R. Inácia salgado Frias Juiza da 2ª Vara do Juizado Especial Criminal PROCESSO: 2010. Não comparecendo.059042-3 Ação: Tco/Pertu. Belém.059263-5 Ação: Tco/Pertu. R.h. voltem-me os autos conclusos.059124-9 Ação: Tco/Ameaca em 10/09/2010 Autor: Jair Nazareno Da Silva Da Costa Vítima: M. publicado no Diário da Justiça do dia 10/10/2006: Nesta data faço remessa destes autos à Secretaria do Ministério Público para manifestação.2.2. Inácia salgado Frias Juiza da 2ª Vara do Juizado Especial Criminal PROCESSO: 2010. 100 .2. F. voltem-me os autos conclusos. ATO ORDINATÓRIO Com base no Provimento nº006/2006 da Corregedoria Geral do TJE. publicado no Diário da Justiça do dia 10/10/2006: Nesta data faço remessa destes autos à Secretaria do Ministério Público para manifestação. 10 de setembro de 2010. E. R. Belém. pelo prazo de seis (06) meses. Aguarde-se em cartório a Representação da parte ofendida.059127-3 Ação: Tco//Lesao Corporal em 10/09/2010 Autor: Eliane Trindade De Lima Vítima: O.h. voltem-me os autos conclusos.2. Inácia salgado Frias Juiza da 2ª Vara do Juizado Especial Criminal PROCESSO: 2010.059121-5 Ação: Tco//Lesao Corporal em 10/09/2010 Autor: Raimundo Nonato Araujo Pires Vítima: L. C. de L. 10 de setembro de 2010.h.2. 14 de Setembro de 2010 PROCESSO: 2010. Não comparecendo. 10 de setembro de 2010. Inácia salgado Frias Juiza da 2ª Vara do Juizado Especial Criminal PROCESSO: 2010. F. P.059095-2 Ação: Tco/Ameaca em 10/09/2010 Autor: Bruna Patricia Lacerda Teixeira Vítima: V. Belém. 10 de setembro de 2010.h.O/Outros em 10/09/2010 Autor: Santana Pinheiro De Moraes Vítima: L. T. publicado no Diário da Justiça do dia 10/10/2006: Nesta data faço remessa destes autos à Secretaria do Ministério Público para manifestação. R. PROCESSO: 2010. Aguarde-se em cartório a Representação da parte ofendida. R. R.2.C. 10 de setembro de 2010. 10 de setembro de 2010. 10 de setembro de 2010. voltem-me os autos conclusos. pelo prazo de seis (06) meses.059117-4 Ação: Tco//Lesao Corporal em 10/09/2010 Autor: Onei Neres Da Cruz Vítima: E. Belém. C. 10 de setembro de 2010. R. de M. Aguarde-se em cartório a Representação da parte ofendida. Aguarde-se em cartório a Representação da parte ofendida. Aguarde-se em cartório a Representação da parte ofendida. publicado no Diário da Justiça do dia 10/10/2006: Nesta data faço remessa destes autos à Secretaria do Ministério Público para manifestação. PROCESSO: 2010. pelo prazo de seis (06) meses. C.059068-9 Ação: T. ATO ORDINATÓRIO Com base no Provimento nº006/2006 da Corregedoria Geral do TJE. Belém. pelo prazo de seis (06) meses. Belém. S. pelo prazo de seis (06) meses. Não comparecendo.2. R. de C.2.Da Tranqui em 10/09/2010 Autor: Jamerson Jose Nascimento De Carvalho Vítima: R. publicado no Diário da Justiça do dia 10/10/2006: Nesta data faço remessa destes autos à Secretaria do Ministério Público para manifestação. voltem-me os autos conclusos.2. R.TJ/PA . 10 de setembro de 2010. PROCESSO: 2010. ATO ORDINATÓRIO Com base no Provimento nº006/2006 da Corregedoria Geral do TJE. dos S.059130-6 Ação: Tco/Pertu. 10 de setembro de 2010. P. Belém. do S. publicado no Diário da Justiça do dia 10/10/2006: Nesta data faço remessa destes autos à Secretaria do Ministério Público para manifestação. Aguarde-se em cartório a Representação da parte ofendida. ATO ORDINATÓRIO Com base no Provimento nº006/2006 da Corregedoria Geral do TJE. Não comparecendo.059084-5 Ação: Tco//Lesao Corporal em 10/09/2010 Autor: Augusto Lopes Martins Vítima: S. da C. Belém. 10 de setembro de 2010. F. Não comparecendo.Terça-Feira. B. Belém. C. PROCESSO: 2010. R. pelo prazo de seis (06) meses. ATO ORDINATÓRIO Com base no Provimento nº006/2006 da Corregedoria Geral do TJE.h.2. Belém.059133-0 Ação: Tco/Vias De Fato em 10/09/2010 Autor: Moises Adriano Parisi Noguchi Vítima: J.DIÁRIO DA JUSTIÇA . voltem-me os autos conclusos.Da Tranqui em 10/09/2010 Autor: Paulo Ferreira Souza Vítima: N. 10 de setembro de 2010.2. A. PROCESSO: 2010. Belém.059260-1 Ação: Tco/Vias De Fato em 10/09/2010 Autor: Luciano Rodrigues Da Silva Vítima: T. da S. pelo prazo de seis (06) meses.2. pelo prazo de seis (06) meses. Belém. voltem-me os autos conclusos.059101-7 Ação: T.2.h. Não comparecendo.C.Da Tranqui em 10/09/2010 Autor: Fernando Jose Purificacao Brito Vítima: R.2. C. Inácia salgado Frias Juiza da 2ª Vara do Juizado Especial Criminal PROCESSO: 2010. Inácia salgado Frias Juiza da 2ª Vara do Juizado Especial Criminal PROCESSO: 2010. Belém. Não comparecendo. 10 de setembro de 2010. de A. Aguarde-se em cartório a Representação da parte ofendida.Edição nº 4651/2010 . Aguarde-se em cartório a Representação da parte ofendida. S. N. A. Inácia salgado Frias Juiza da 2ª Vara do Juizado Especial Criminal PROCESSO: 2010. N. Não comparecendo.059077-0 Ação: Tco/Desacato em 10/09/2010 Autor: Marco Antonio Braga Martins e Regina Celia Da Silva Braga Vítima: E. B. R. Belém. voltem-me os autos conclusos. 10 de setembro de 2010.h.

2. 10 de setembro de 2010. S. publicado no Diário da Justiça do dia 10/10/2006: Nesta data faço remessa destes autos à Secretaria do Ministério Público para manifestação. A. S. C.Terça-Feira.2. de M. 10 de setembro de 2010. e E. de J.DIÁRIO DA JUSTIÇA . e E.Edição nº 4651/2010 .. A.059269-3 Ação: T. 14 de Setembro de 2010 PROCESSO: 2010. C. A.O/Outros em 10/09/2010 Autor: Andre Luis Da Paixao Correa Vítima: E. ATO ORDINATÓRIO Com base no Provimento nº006/2006 da Corregedoria Geral do TJE.C. PROCESSO: 2010. V. B.. Belém. da P.TJ/PA . 101 .059266-9 Ação: T. de M. Belém. M. ATO ORDINATÓRIO Com base no Provimento nº006/2006 da Corregedoria Geral do TJE. D. Belém..2.059272-6 Ação: Tco/Atos Obscenos em 10/09/2010 Autor: Marlon Quaresma Freitas Vítima: A. C. publicado no Diário da Justiça do dia 10/10/2006: Nesta data faço remessa destes autos à Secretaria do Ministério Público para manifestação.C. ATO ORDINATÓRIO Com base no Provimento nº006/2006 da Corregedoria Geral do TJE. C. E. 10 de setembro de 2010.O/Outros em 10/09/2010 Autor: Kleberton Freitas Monteiro Vítima: E. PROCESSO: 2010. publicado no Diário da Justiça do dia 10/10/2006: Nesta data faço remessa destes autos à Secretaria do Ministério Público para manifestação. C.

h Acolho a manifestação do Ministério Público às fls. hei por bem DETERMINAR o ARQUIVAMENTO dos presentes autos.Edição nº 4651/2010 . 52/53). 06) e dentro do prazo legal (art. advertindo-as de que.2. Trata-se de pedido do Ministério Público de arquivamento dos presentes autos. Promotor: 1ª Promotoria De Justica Do Tribunal Do Juri . Joana Dos Santos De Aquino e Marivaldo Reis Batista Vítima: A. para que especifiquem em que consistiu o desacato proferido por ERALDO BARROS DE LIMA. Int.TJ/PA . III) Quando for o caso. 18 do CPP.2.Juiz(a): RICARDO SALAME GUIMARAES Querelante: Gisele Do Socorro Rabelo Costa Cardoso (Adv.060161-2 Ação: T. Int. RICARDO SALAME GUIMARÃES Juiz de Direito Titular da 4ª Vara de Juizado Especial Criminal PROCESSO: 2009. RICARDO SALAME GUIMARÃES Juiz de Direito Titular da 4ª Vara de Juizado Especial Criminal PROCESSO: 2009. Intime-se a vítima para que compareça à audiência designada. Cumpra-se. Belém. EDINALDO CASTRO MUNIZ e JARLEY MACEDO DE OLIVEIRA.C. tendo em vista que deveria ter sido juntado nos autos do Proc. 01 de setembro de 2010.2.Juiz(a): RICARDO SALAME GUIMARAES Autor: Carlos Antonio Pinto Machado Vítima: R.O/Outros em 02/09/2010 . arquivem-se. 26v.Juiz(a): RICARDO SALAME GUIMARAES Autor: Eraldo Barros De Oliveira Vítima: F. R.2.Mp/Pa Defensor: Defensoria Publica R. Passo a decidir: Analisando o que consta no presente feito e as razões invocadas pelo Órgão Ministerial às fls. Intimemse. na sua falta. Int. RICARDO SALAME GUIMARÃES.H Considerando o retorno dos autos da Delegacia de origem com a diligência requerida pelo Ministério Público devidamente cumprida. da F.Terça-Feira. Após.049000-7 Ação: Tco//Lesao Corporal em 03/09/2010 . Após as necessárias anotações e comunicações. mudaram de endereço e não comunicaram este Juizado.às 10h00min. bem como endereço e telefone do oftalmologista indicado para posterior encaminhamento da vítima. ser-lhe-á nomeado Defensor Público. 53/56. R.Juiz(a): RICARDO SALAME GUIMARAES Autor: Elza Maria Almeida Da Silva. conforme fls.2. Intime-se as quereladas. junte-se aos autos a manifestação concernente aos presentes autos devendo a fl. no dia 25. 14 de Setembro de 2010 SECRETARIA DA 4ª VARA DO JUIZADO ESPECIAL CRIMINAL RESENHA: 02/09/2010 A 10/09/2010 Secretaria: SEC. ressalvada a possibilidade de desarquivamento. para determinar que a Secretaria designe nova data e hora para realização de audiência preliminar. constando-se do mandado que deverão comparecer. Belém. bem como informar no prazo de 10 (dez) dias novo endereço das quereladas.10. VI) Cientifique-se o Ministério Público. designo o dia 17/01/2011. L.2. O. 02 de setembro de 2010. para realização de Audiência Preliminar. RICARDO SALAME GUIMARÃES Juiz de Direito Titular da 4ª Vara de Juizado Especial Criminal PROCESSO: 2008. Desta forma. 03 de setembro de 2010. 006/2006. IV) Junte-se aos autos Certidão de Antecedentes Criminais do(s) autor(es) do fato. ser-lhe(s)á nomeado Defensor Dativo. 02 de setembro de 2010. R. 08 de setembro de 2010. Acolho a manifestação do Ministério Público às fls. vítima e seu representante legal.055751-9 Ação: Crime C/Pessoa em 02/09/2010 . J. Belém. 132 foi juntada por equívoco. RICARDO SALAME GUIMARÃES Juiz de Direito Titular da 4ª Vara de Juizado Especial Criminal PROCESSO: 2009.2. 132 ser desentranhada para posterior juntada ao respectivo processo. DECISÃO Vistos. K. RICARDO SALAME GUIMARÃES Juiz de Direito Titular da 4ª Vara de Juizado Especial Criminal PROCESSO: 2008. R. 28 do CPP. 03 de setembro de 2010.099/95 (fl. sob o fundamento de que sem a indicação de testemunhas do fato resta impossível adotar quaisquer das medidas repressivas da Lei nº 9.h Compulsando os autos verifica-se que a querelante apresentou queixa-crime de acordo com as formalidades exigidas pelo art. de S.hCompulsando os autos verifica-se que a manifestação de fls.038449-0 Ação: Tco//Lesao Corporal em 02/09/2010 .2008. Belém. Juiz de Direito Titular da 4ª Vara de Juizado Especial Criminal PROCESSO: 2008. JACILENE MONTEIRO RABELO) Querelado: Maura Lucia Martins Cardoso e Maria Aparecida Garces R. Após.2.DIÁRIO DA JUSTIÇA . 02 de setembro de 2010. 02 de setembro de 2010. remetam-se os presentes autos ao órgão Ministerial para os fins de direito. nos termos do art. Cumpra-se. Dê-se ciência ao representante do Ministério Público.023045-2 Ação: Queixa Crime em 08/09/2010 . 52/53.023035-3 Ação: Queixa Crime em 02/09/2010 . tendo em vista que as partes interessadas.063619-9 Ação: Tco//Lesao Corporal em 01/09/2010 . Remetam-se os presentes autos à Delegacia de origem a fim de que sejam reinquiridas as testemunhas WALBER BRILHANTE AMORIM. caso contrário. JACILENE MONTEIRO RABELO) Querelado: Maura Lucia Martins Cardoso e Maria Aparecida Garces CERTIDÃO I) Nos termos da Resolução nº. caso tenham mudado de endereço. conclusos. S. M. oficie-se ao Centro de Perícias Científicas "Renato Chaves" para que forneça o Laudo de Lesão Corporal realizado na(s) vítima(s). 38 do CPP).H Remetam-se os presentes autos à manifestação do(a) Promotor(a) de Justiça vinculado(a) a este Juizado. F.Juiz(a): RICARDO SALAME GUIMARAES Indiciado: Edy Carlos Brito Pereira (Adv.Juiz(a): RICARDO SALAME GUIMARAES Querelante: Angela Maria Maues Ferreira Querelado: Marcos Valerio Valente Dos Santos R. Belém. 44 do Código de Processo Penal (fl. conforme dispõe o art.Juiz(a): RICARDO SALAME GUIMARAES Querelante: Gisele Do Socorro Rabelo Costa Cardoso (Adv. F. 2010. II) Intime(m)-se o(s) autor(es) do fato. HEDY CARLOS SOARES) Vítima: A. etc. Belém. conclusos.Juiz(a): RICARDO SALAME GUIMARAES Autor: Queslei Henrique Costa De Limai e Uildson Fabricio Costa Miranda Vítima: S. advertindo este(s) de que deverá(ão) comparecer à audiência acompanhados de Advogado.023045-2 Ação: Queixa Crime em 03/09/2010 . que requereu o arquivamento dos autos em razão da insuficiência de provas em decorrência da não indicação de testemunhas do fato ocorrido e total impossibilidade de se obter tal informação. necessariamente acompanhadas de advogado. 71/72. 57/58. de O. DA 4ª VARA DO JUIZADO ESPECIAL CRIMINAL PROCESSO: 2007. Belém. Belém. Cumpra-se. P.2. RICARDO SALAME GUIMARÃES Juiz de Direito Titular da 4ª Vara de Juizado Especial Criminal PROCESSO: 2007.h Oficie-se ao Conselho Regional de Medicina do Estado do Pará solicitando a indicação de um dos profissionais descritos às fls. ARNALDO BARROSO FREIRE.035325-1. Elizete Ferreira da Cunha Diretora de Secretaria da 4ª Vara de Juizado Especial Criminal 102 .

QUE somente o autor se envolve em confusões. Dada a palavra à Digna Defensora Pública. 14678. Trata-se de pedido do Ministério Público de arquivamento dos presentes autos. versão ora contestada e pelo grau de afinidade de vítima e testemunha. 185. PASSANDO A PALAVRA PARA O NOBRE PROMOTOR PARA SE MANIFESTAR ACERCA DO ART. Dada a palavra ao nobre Promotor de Justiça. Feito o pregão de praxe às 12h00min.C. DELIBERAÇÃO EM AUDIÊNCIA: "CONSIDERANDO QUE O RÉU INTIMADO PESSOALMENTE.motivo pelo qual este Juízo nomeou a Ilustre Defensora Pública.O/Outros em 02/09/2010 . qual seja a ameaça. QUE o autor ameaçou a vítima de morte. RICARDO SALAME GUIMARÃES Juiz de Direito Titular da 4ª Vara de Juizado Especial Criminal @@PROCESSO: 2009. QUE viu o autor do fato ameaçando a vítima e lhe ofendendo.O/Outros em 09/09/2010 . ABERTA A AUDIÊNCIA: Foi franqueada a palavra à Ilustre Defensora Pública. às 12h00min. CONFORME CERTIDÃO DE FL.046514-0 Ação: Outras em 03/09/2010 .2. QUE o autor ameaçou-lhe verbalmente dizendo que iria matá-lo. Ausente o autor do fato. OU SEJA. QUE não sabe dizer se existe algum vizinho processou o autor do fato pelo mesmo fato ou algo parecido. . 82 compromete o conjunto probatório mínimo para adoção de quaisquer das medidas repressivas da Lei nº 9. Em seguida este Juízo passou a ouvir a vítima JANILSON MARTINS DE ARAÚJO: Dada a palavra ao nobre Promotor de Justiça. filha de Manoel de Castro Gomes e Maria das Graças. QUE só sabe dizer que as pessoas prestaram queixa.2.099/95 (fls. perde a credibilidade necessária. residente e domiciliado à Passagem Novo Horizonte. QUE não sabe dizer se o autor tem algum problema com bebida. B. QUE sabe dizer que o autor bebe. mas que quando o autor pratica os fatos aparente estar embriagado. brasileira. somente sabendo dizer que no passado alguns vizinhos tiveram problemas com a família do autor do fato. já impedira a concessão do benefício do sursis processual. as perguntas respondeu que: QUE presenciou as ameaças. JUIZ DE DIREITO:PROMOTOR DE JUSTIÇA: DEFENSORA PÚBLICA: VÍTIMA: ADVOGADA DA VÍTIMA: TESTEMUNHAS: PROCESSO: 2009.2. QUE o autor do fato ameaçou a sua esposa e filhos. 146 do CPB se processe mediante ação penal pública incondicionada. Belém/PA. RICARDO SALAME GUIMARÃES. DEBILERAÇÃO EM AUDIÊNCIA: "ACOLHO A NOBRE MANIFESTAÇÃO DO PROMOTOR. . Promotor de Justiça. mesmo regularmente intimado conforme certidão de fl. nos termos do artigo 81 da Lei nº. Dada a palavra à Digna Defensora Pública. que a vontade é te pegar e te matar'.Juiz(a): RICARDO SALAME GUIMARAES Autor: Reginaldo Tadeu Dos Santos Cunha Vítima: S.041617-7 Ação: T. nº. QUE não teve problemas com o réu. somado à continuidade delitiva narrada pela vítima. QUE A VÍTIMA REQUEREU QUE FOSSE HABILITADA COMNO ASSISTENTE DE ACUSAÇÃO A SUA REPRESENTANTE LEGAL. sob o fundamento de que a renúncia expressa da vítima às fls. DRA. QUE conhece o autor do fato há muitos anos. etc. pois o fato típico em tese. onde presente se achava o Dr. união estável. QUE viu a casa quebrada da vítima. Belém. razão pela qual o MP deixa de propor a suspensão do processo e requer o prosseguimento do feito". ANA PATRÍCIA TEIXEIRA COELHO LAGES OAB/PA nº. S. Este Juízo nada perguntou. residente e domiciliado à Rua Gaspar Dutra. QUE a ameaça não ocorreu somente nesse dia e que há dois meses o autor do fato tornou a jogar pedras na sua casa. requer a aplicação da suspensão condicional do processo que lhe cabe de direito". e.C. as perguntas respondeu que: QUE sabe dizer que antes o autor tinha problemas com alguns vizinhos. TERMO DE AUDIÊNCIA DE INSTRUÇÃO E JULGAMENTO Aos nove dias do mês de setembro do ano de dois mil e dez. A denúncia não merece prosperar e no caso de seu recebimento. 38. estudante. por 10 minutos para responder a acusação. mas que apenas uma vez o autor aparentava estar embriagado. QUE viu o autor do fato dizer que 'iria espocar a cabeça da vítima'. CÉLIA SYMONE FILOCREÃO. porém pede a inépcia da peça vestibular. vez que lhe falta justa causa para a acusação.TJ/PA . DESSA FORMA. QUE já perdeu até as contas das vezes que a vítima foi ameaçada. QUE sabe dizer que o autor trabalha num supermercado. PRINCIPALEMENTE NO QUE DIZ RESPEITO AO MÉRITO. LUIZ CLÁUDIO PINHO.099/95". solteira. Juiz Titular da 4ª Vara do Juizado Especial Criminal da Capital. SYMONNE FILOCREÃO. a Dra. Dada a palavra à Digna Assistente de Acusação. Belém/PA. as perguntas respondeu que: QUE teve conhecimento das ameaças sofridas pela vítima. ACOLHO OS PEDIDOS DAS PARTES PARA EM CONSEQUENCIA ENCAMINHÁ-LOS AO MINISTÉRIO. QUE não vê o autor do fato como um alcoólatra. as perguntas respondeu que: QUE não possui nenhuma inimizade com o autor. QUE nunca foi ameaçada pelo autor. tendo inclusive agredido um deles. R. QUE os problemas com o autor do fato começaram com este fato. as perguntas respondeu que: QUE já ouviu dizer que antes o autor ameaçou outras pessoas. RG nº. e O. na sala de audiências da 4ª Vara do Juizado Especial Criminal. NÃO COMPARECEU E NEM JUSTIFICOU. nº. 03. mas não sabe dizer se ele foi preso. DESTA FORMA O JUÍZO ADMITE A SUPRA CITADA REPRESENTANTE COMO ASSITENTE DE ACUSAÇÃO. litispendência ou coisa julgada. o Dr. POSTERIORMENTE À ASSISNTENTE DE ACUSAÇÃO E DEFENSORIA PARA MANIFESTAÇÃO NO PRAZO DO CINCO DIAS. Testemunha compromissada na forma da lei e advertida das penas do falso testemunho. as perguntas respondeu que: QUE afirma não ter nenhuma inimizade com o autor do fato. M. tendo em vista que a renúncia expressa da vítima compromente o conjunto probatório mínimo. por si só.Edição nº 4651/2010 . filho de Antonio Balbino Filho e Julia Rufino da Costa. QUE não sabe dizer se as filhas da vítima foram ameaçadas. B. invibializa totalmente a ação penal por absoluta falta de justa causa. analisando o que consta no presente feito e as razões invocadas pelo Órgão Ministerial (fls. narra a acusação que o fato ocorreu de madrugada. M.Juiz(a): RICARDO SALAME GUIMARAES Indiciado: Lucas Fernando Silva Valente e Murilo Dos Santos Pacheco Vítima: R. 40. Em seguida este Juízo passou a ouvir a testemunha 2) DEBORA TORRES GOMES. Dada a palavra ao nobre Promotor de Justiça. Ademais. 103 . QUE O NOBRE PROMOTOR REQUER OS ANTECEDENTES CRIMINAIS DO AUTOR DO FATO E FOI DEFERIDA A JUNTADA AOS AUTOS DA CERTIDÃO DE ANTECEDENTES. DEVENDO SER OUVIDA A VÍTIMA". 5391463 PC/PA. 14678. PORTANTO.099/95. 94). F. motivo pelo qual deixou de ser compromissada. Dada a palavra à Digna Defensora Pública. A. teria sido presenciado por uma cunhada da vítima. as perguntas respondeu que: QUE confirma que o autor ameaçou todos os familiares da vítima. 14 de Setembro de 2010 PROCESSO: 2009. Nada mais havendo foi encerrado o presente termo. E. DESTA FORMA PASSANDO A INSTRUIR OS PRESENTES AUTOS. previsto no art. a extensa folha de antecedentes. QUE lá na rua da casa as pessoas sabem que o autor do fato joga garrafas de cerveja na casas e que uma vez o autor escapou de ser linchado pela população. Curio Utinga. QUE não sabe dizer se o autor do fato tem algum problema de sanidade mental e nem se faz uso de substância entorpecente. RECEBO A DENÚNCIA.h Considerando a senteça de fls. ou seja.Terça-Feira. ANA PATRÍCIA TEIXEIRA COELHO LAGES OAB/PA nº. nesta cidade de Belém. SUCESSIVAMENTE EM ALEGAÇÕES FINAIS". QUE O NOBRE PROMOTOR MANIFESTOU-SE FAVORÁVEL. QUE esta situação é corriqueira. Em seguida este Juízo passou a ouvir a testemunha 1) ANTONIO JOSE DA COSTA BALBINO brasileiro. MANIFETANDO-SE NOS SEGUINTES TERMOS: "Douto Julgador. o qual requereu o arquivamento dos autos. RG nº. DESTA FORMA. CONSIDERANDO AINDA O DIREITO CONSTITUCIONAL AO SILÊNCIA GARANTIDO NA CONSTITUIÇÃO. Dra. M. 9. não restando esclarecido em quais circunstâncias e tampouco em que condições se apresentavam a vítima e o próprio acusado. que quebrou tudo. 02 de setembro de 2010. Curio Utinga. 50/51). 89 DA LEI Nº. "Que a Defesa preliminarmente não observa exceções a serem argüidas. Dada a palavra à Digna Assistente de Acusação. titular da ação penal. 27 e os termos da certidão de fls.INICIALMENTE DESTA FORMA A INSTRUÇÃO PROCESSUAL. Que este Juiz nada perguntou.Juiz(a): RICARDO SALAME GUIMARAES Autor: Edinaldo Araujo Da Rocha Vítima: J. A SUA AUSÊNCIA PODE SER ENGLOBADA COMO EXERCÍCIO DO SUPRA CITADO DIREITO CONSTITUCIONAL. arquivem-se os presentes autos. fulmina de vez tal possibilidade. as perguntas respondeu que: o autor do fato lhe ameaçou verbalmente e não com uma faca. tais como incompetência. Defensora Pública. QUE nunca teve dificuldades com nenhum vizinho e nenhum tipo de desavença com o autor do fato. Passo a decidir: Muito embora o crime de constrangimento legal. para representar o autor do fato. Dada a palavra à Digna Assistente de Acusação. Presente a estagiária GEIZE MARIANA COELHO LINS. constatou-se a presença da vítima devidamente acompanhado de sua Advogada Dra. 9. QUE na sua casa mora pessoa idosa e crianças e como o mesmo trabalha o dia inteiro não tem como fazer a proteção da casa. repositor. 1465368 PC/PA (2ª Via). as perguntas respondeu que: QUE o autor do fato não o procurou para conversar.DIÁRIO DA JUSTIÇA . Tal fato. DELIBERAÇÃO EM AUDIÊNCIA: "OS FATOS ALEGADOS PELA NOBRE DEFENSORA PÚBLICA NÃO SÃO SUFICIENTES PARA ELIDIR A PEÇA ACUSATÓRIA. SOMENTE PODERÁ SER APURADO DURANTE A INSTRUÇÃO PROCESSUAL.042970-8 Ação: T. M. Que a testemunha declarou ser cunhada da vítima. DECISÃO Vistos.

5.010323-4 Ação: T. S. 02 de setembro de 2010. nos termos do art. de S. dos S. Belém.2000. nos termos do art. DECISÃO Vistos.706/2008.Juiz(a): RICARDO SALAME GUIMARAES Autor: Julio Cezar Da Silva Vítima: J. conforme dispõe o art. que requereu o arquivamento dos autos em razão da insuficiência de provas em decorrência da inexistência de testemunhas do fato ocorrido. C. 76). Belém. Belém..Edição nº 4651/2010 .ª Turma. 5.99. conforme dispõe o art. RICARDO SALAME GUIMARÃES Juiz de Direito Titular da 4ª Vara de Juizado Especial Criminal PROCESSO: 2010. etc. conforme previsto na referida Lei. 02 de setembro de 2010. não sendo possível. por total ausência de previsão na Lei 9. não compareceu em Cartório para as providencias de encaminhamento à Vara de Medidas e Penas Alternativas (certidão de fls. DJU 24. M. Ressalte-se que ao autor do fato a única consequência jurídica do não cumprimento da medida é não ser beneficiado pelos próximos 05 (cinco) anos de nova proposta de transação penal. inciso II da Lei nº 9. Compulsando os autos verifica-se que este juízo homologou por sentença a proposta de transação penal ofertada pelo Ministério Público. 76. Publique-se.010353-1 Ação: Tco//Lesao Corporal em 02/09/2010 . Cumpra-se. rel. P.2000.719. Airton Nahum Baia e Egleson Lobato Maia Vítima: V. §4º.02.2. Trata-se de pedido do Ministério Público de arquivamento dos presentes autos. DJU 31. Diretora de Secretaria para cumprir a determinação acima observando os termos do Provimento nº 06/2008CJRMB. todavia o autor do fato. Cumpra-se.C. dê-se vistas ao Ministério Público para manifestar-se acerca do despacho da autoridade policial às fls. p. F. HC 10. O Ministério Público. calibre 765. conforme dispõe o art. 190 e 191. Ministro José Arnaldo da Fonseca. descrito no termo de recebimento de armas (fl. iniciar ou retomar a ação penal em caso de descumprimento da pena imposta na sentença homologatória. e L. O. etc. ressalvada a possibilidade de desarquivamento. R. Após as necessárias anotações e comunicações. 5ª T. Intimem-se. conforme dispõe o art. j.O/Outros em 02/09/2010 . Trata-se de pedido do Ministério Público de arquivamento dos presentes autos. Intimem-se. REsp 191. sob o fundamento de que sem testemunhas do fato resta impossível adotar quaisquer das medidas repressivas da Lei nº 9. Tamires Figueiredo Dos Santos e Lenita Figueiredo Santos Vítima: L.Juiz(a): RICARDO SALAME GUIMARAES Autor: Sergio Ramiles Do Carmo Souza Vítima: C. nos termos do art. nos termos do art. Ministro José Arnaldo da Fonseca. Após as necessárias anotações e comunicações. arquivem-se. acolho a manifestação do Ministério Público. P. 33). 35/37. encaminhem-se ao Comando do Exército para proceder com a destruição da arma ou doação aos órgãos de segurança pública ou às forças armadas. Resp 153. que requereu o arquivamento dos autos em razão da insuficiência de provas em decorrência da inexistência de testemunhas do fato ocorrido. arma de fogo. C. Não desconhece este Magistrado que o Supremo Tribunal Federal reformou os supracitados acórdãos (2ª Turma.951.2.5. assim. Entendimento este da 5ª e 6ª Turma do Superior Tribunal de Justiça (REsp 172. R. arquivem-se. RICARDO SALAME GUIMARÃES Juiz de Direito Titular da 4ª Vara de Juizado Especial Criminal PROCESSO: 2010. Belém. Cumpra-se. M. sob o fundamento de que sem testemunhas do fato resta impossível adotar quaisquer das medidas repressivas da Lei nº 9. Cumpra-se. etc. RICARDO SALAME GUIMARÃES Juiz de Direito Titular da 4ª Vara de Juizado Especial Criminal PROCESSO: 2010. Int. 9. Intime-se. bem como proceder com o lançamento da referida destinação final do bem apreendido no Sistema Nacional de Bens Apreendidos. 14 de Setembro de 2010 consecutivamente.099/95 (fl. DETERMINO o ARQUIVAMENTO dos presentes autos. p. rel. opinou pelo arquivamento dos presentes autos. G. DETERMINO o ARQUIVAMENTO dos presentes autos. 18 do CPP. Passo a decidir: Analisando o que consta no presente feito e as razões invocadas pelo Órgão Ministerial às fls. arquivem-se. 02 de setembro de 2010. para determinar o ARQUIVAMENTO dos presentes autos.006303-2 Ação: Tco//Lesao Corporal em 02/09/2010 . 02 de setembro de 2010.5. HC nº 79. 18 do CPP.572.ª Turma. DETERMINO o ARQUIVAMENTO dos presentes autos. RICARDO SALAME GUIMARÃES Juiz de Direito Titular da 4ª Vara de Juizado Especial Criminal PROCESSO: 2010. Gilson Dipp.TJ/PA . Desta forma. Intimemse. L. rel. p. 18 do CPP. Após as necessárias anotações e comunicações. 58/59. Ministro José Arnaldo da Fonseca.2. de modo que o arquivamento é a solução democrática e constitucional para o caso por aplicação do princípio do in dubiu pro reo (fls. pelos fundamentos acima. qual seja. 28 do CPP.Juiz(a): RICARDO SALAME GUIMARAES Autor: Alairson Nahum Maia. 24). Intimemse. com carregador. Passo a decidir: Analisando o que consta no presente feito e as razões invocadas pelo Órgão Ministerial às fls. da C. remetam-se os presentes autos ao órgão Ministerial para os fins de direito. ressalvada a possibilidade de desarquivamento. 14. 25 da Lei nº 11. Belém.195. tipo pistola.99. 33. DECISÃO Vistos. 18 do CPP.5. J. Vera Lucia Alves Diniz. uma vez que o mérito foi apreciado e homologado por sentença que possui natureza condenatória gerando efeitos de coisa julgada material e formal. Cumpra-se. §2º.009635-6 Ação: Tco//Lesao Corporal em 02/09/2010 . 02 de setembro de 2010.ª Turma. Marco Aurélio).080134-4 Ação: Tco/Ameaca em 02/09/2010 . Min. À Sra. DJU. Elane Alves Diniz e Wilver Jackson Diniz Da Costa Vítima: R. DJU.02. e que já foi elaborado laudo pericial (fl. 58/59). Int. 26/27).2000. em judicioso parecer. 50. Alessandro Da Silva Maia. rel. conforme fls. 18). 02 de setembro de 2010. 28 do CPP. com a devida observância das anotações e comunicações necessárias. Ana Claudia Da Silva Maia. W. 5. etc. a justa causa para propositura da ação penal correlata. ressalvada a possibilidade de desarquivamento.2.99. 28.h Considerando o retorno dos autos da delegacia de origem com a diligência requerida pelo Ministério Público devidamente cumprida. DECISÃO Vistos. RICARDO SALAME GUIMARÃES Juiz de Direito Titular da 4ª Vara de Juizado Especial Criminal PROCESSO: 2009. Nos termos do art. REsp 194. Min. bem como pela total falta de previsão legal impondo qualquer sanção ao descumprimento da medida (fls.004420-6 Ação: Tco/Ameaca em 02/09/2010 . S. 33/39. p.DIÁRIO DA JUSTIÇA .637. Passo a decidir: Analisando o que consta no presente feito e as razões invocadas pelo Órgão Ministerial às fls. tendo em vista que as provas não são suficientes pairando dúvida acerca do fato criminoso.198. Fernando Gonçalves. Belém. da Lei nº. rel. que requereu o arquivamento dos autos em razão da insuficiência de provas indispensáveis à propositura da ação penal correlata. Considerando que existe bem apreendido nos presentes autos. nos termos do art. nos termos do art. nº 5558.Juiz(a): RICARDO SALAME GUIMARAES Autor: Gelson Cley Soares Maia Vítima: E. 28 do CPP. Trata-se de pedido do Ministério Público de arquivamento dos presentes autos. devidamente intimado. A. impedindo o oferecimento de denúncia se descumprida a transação penal.02. Após as necessárias anotações e comunicações. RICARDO SALAME GUIMARÃES Juiz de Direito Titular da 4ª Vara de Juizado Especial Criminal 104 .Juiz(a): RICARDO SALAME GUIMARAES Autor: Laura Da Conceicao De Almeida Girard. Min. A.Terça-Feira. ressalvada a possibilidade de desarquivamento. e E. 53). Filio-me a corrente dos operadores do direito que entendem encerrado o procedimento com a composição penal. rel. 29. de A.099/95 (fl.2. 190. nos termos da Resolução nº 63/2008-CNJ .H Considerando o retorno dos autos da delegacia de origem. arquivem-se. J.099/95. considerando que a decisão homologatória da transação penal transitou em julgado. 03 de setembro de 2010. F. 27.4. portanto.099/95. DECISÃO Vistos. 127). DETERMINO o ARQUIVAMENTO dos presentes autos. 6ª T. 76. 53. Belém. 28 do CPP.2. 75) e não mais interessa a persecução penal.. porém em homenagem ao princípio da legalidade vislumbro que não há como impor qualquer sanção ao autor do fato que não cumpre a transação penal por ausência de previsão legal.Juiz(a): RICARDO SALAME GUIMARAES Autor: Wilson Monteiro Da Costa. RICARDO SALAME GUIMARÃES Juiz de Direito Titular da 4ª Vara de Juizado Especial Criminal PROCESSO: 2010.99. DJU 24. do V.099/95 (fl.

sem necessidade de intimação). abordou a vítima Rafaela da Conceição Pety. Juiz Titular da 4ª Vara do Juizado Especial Criminal da Capital. S. Ausente o autor do fato." Nada mais havendo foi encerrado o presente Termo. que arrima a presente denúncia. RICARDO SALAME GUIMARÃES. a Dra. a Dra. desde já. S. ficando designado o dia 23 DE SETEMBRO DE 2010 ÀS 10H para a realização de nova audiência preliminar. estando incurso nas sanções punitivas do art. o que não foi aceito pelo autor do fato. JUIZ DE DIREITO: PROMOTOR DE JUSTIÇA: DEFENSORA PÚBLICA: VÍTIMAS: PROCESSO: 2010. Vileta. uma vez que alega ser inocente. pede a notificação do destinatário da presente peça para o oferecimento de defesa preliminar e ulteriores de direito. a Dra. na oportunidade. A vítima inconformada com a situação constrangedora a que foi submetida imotivadamente em via pública. De tudo ciente o M. a respectiva condenação. NECESSITA DE INTIMAÇÃO.029055-2 Ação: Tco/Const/Ilegal em 08/09/2010 . SYMONNE FILOCREÃO. R. C.099/95. P. onde ao final espera. Belém.Juiz(a): RICARDO SALAME GUIMARAES Autor: Luana Mariza Farias Lobato Vítima: A. RICARDO SALAME GUIMARÃES. Defensora Pública. vez que estamos em sede de crime formal. Cumpra-se Nada mais havendo foi encerrado o presente Termo. 4) Flanelinha que trabalha próximo ao Armazém (testemunha ocular do fato. A autoria toma forma nos depoimentos de fls.h Considerando os termos da certidão de fls." Ficam. que deflagrou o presente Termo Circunstanciado.P. Para deporem sobre os fatos ora articulados. nesta cidade de Belém. o Nobre Promotor de Justiça requereu a remarcação da audiência. citado às fls. M.2. o Nobre Promotor ofereceu denúncia oral nos seguintes termos: "MMº Juiz. constatou-se a ausência do autor do fato e da vítima. a Dra. ABERTA A AUDIÊNCIA. onde presente se achava o Dr. Denunciado: Jose Maria Santos De Melo TERMO DE AUDIÊNCIA PRELIMINAR Aos oito dias do mês de setembro do ano de dois mil e dez. Como nada localizou. liberou a mesma imediatamente. o promotor de justiça. JUIZ DE DIREITO: PROMOTOR DE JUSTIÇA: DEFENSORA PÚBLICA: 105 . nesta cidade de Belém. DESDE JÁ. Promotor de Justiça. fato este verificado pelo denunciado que acompanhou os passos da vítima. e as conciliadoras/estagiárias do 4º Juizado Especial Criminal da Capital CAROLINA TAVARES CARDOSO e ANA AMÉLIA LANGANKE PEDROSO. VILETA.P. qualificado às fls. LUIZ MÁRCIO TEIXEIRA CYPRIANO. praticou José Maria Santos de Melo o crime de Constrangimento Ilegal. Defensora Pública. Isto posto. na sala de audiências da 4ª Vara do Juizado Especial Criminal.022129-2 Ação: T. Feito o pregão de praxe às 10h50min. testemunha ocular do fato que passava pela via pública no momento da abordagem. da S. e as conciliadoras/estagiárias do 4º Juizado Especial Criminal da Capital CAROLINA TAVARES CARDOSO e ANA AMÉLIA LANGANKE PEDROSO. 14/20100003701 TERMO DE AUDIÊNCIA PRELIMINAR Ao dois dias do mês de setembro do ano de dois mil e dez.Edição nº 4651/2010 . ou de consumação antecipada como chama a doutrina. constatou-se a presença do autor do fato. FICANDO CITADO E NOTIFICADO PARA A DESIGNAÇÃO DA AUDIÊNCIA DE INSTRUÇÃO E JULGAMENTO PARA O DIA 17 DE JANEIRO DE 2011. 01 de setembro de 2010. e J. Em seguido o MMº Juiz passou a proferir DELIBERAÇÃO: "NOS TERMOS DO ART. procurou a delegacia de policia do Marco. SYMONNE FILOCREÃO. na sala de audiências da 4ª Vara do Juizado Especial Criminal.Juiz(a): RICARDO SALAME GUIMARAES Autor: Claudecy Da Silva Costa Vítima: C. Juiz. não citado nos autos.Juiz(a): RICARDO SALAME GUIMARAES Vítima: R. Para a sua surpresa o denunciado investido na função de agente de segurança à mando do gerente de pré-nome Roberto em plena via pública abordou e sem pedir autorização abriu a bolsa da senhora. devendo o autor do fato ser intimado pessoalmente." DELIBERAÇÃO EM AUDIÊNCIA: "DEFIRO O PEDIDO DO NOBRE PROMOTOR.029061-9 Ação: Tco/Ameaca em 02/09/2010 .2. para verificar o que tinha em seu interior. a estagiária de direito da Defensoria Pública JÉSSICA SANTOS MALCHER GILLET. oportunidade que o mesmo negou tal ordem. registrou ocorrência policial. ÀS 10HS15MIN. Promotor de Justiça. se a suspensão do processo não for viável. por sua vez a materialidade se corporifica em todo contesto dos autos. não citado nos autos.Terça-Feira. vem oferecer denúncia contra José Maria Santos de Melo.099/95. bem como da vítima. pelos fatos que passa a expor: No dia 04/04/2010. DEVENDO OS AUTOS AGUARDAR EM CARTÓRIO O FIM DO PRAZO DECADENCIAL. Juiz Titular da 4ª Vara do Juizado Especial Criminal da Capital. localizado na Tv. ABERTA A AUDIÊNCIA. no mesmo dia do fato. às 10h15min. Juiz Titular da 4ª Vara do Juizado Especial Criminal da Capital. presente neste ato. 89 DESTA LEI. não comprando nenhum dos ali oferecidos. Observacao: Tco Tombo N.DIÁRIO DA JUSTIÇA . 21/22.2.Juiz(a): RICARDO SALAME GUIMARAES Autor: Edson Do Rosario Da Costa Vítima: R. o M. que a vítima compromete-se a trazê-lo com a sua cédula de identificação. a Dra. 23 e os comprovantes de depósito às fls. CUMPRA-SE. Promotor de Justiça.TJ/PA . foi dada a palavra ao Nobre Promotor: "MM. Feito o pregão de praxe às 10h50min. através de Oficial de Justiça. ao lado da Delegacia da Mulher. vez que procedia somente a pesquisa. que a vítima compromete-se a trazê-lo sem necessidade de intimação pessoal). 146 do Código Penal. após a sua infeliz abordagem. RICARDO SALAME GUIMARÃES. às 10h30min. FICANDO CIENTE O AUTOR DO FATO QUE PODERÁ TRAZER ATÉ 03 (TRÊS) TESTEMUNHAS. 81 DA SUPRACITADA LEI. S. TODOS OS PRESENTES INTIMADOS. LUIZ MÁRCIO TEIXEIRA CYPRIANO. quando a mesma se retirava do citado comércio. requer que seja aguardado o transcurso do prazo decadencial para a representação da vítima. A. retornou ao citado estabelecimento comercial e indagou ao gerente Roberto porque de ele ter ordenado tal investida. que foi deferido por este Juízo. situação comportamental esta que basta para a materialização do verbo proibitivo. SYMONNE FILOCREÃO. ABERTA A AUDIÊNCIA. por volta das 09:30hs. a estagiária de direito da Defensoria Pública JÉSSICA SANTOS MALCHER GILLET. EM CASO DE RECEBIMENTO DE DENÚNCIA SERÁ DADA A PALAVRA AO MP PARA TOMAR AS PROVIDÊNCIAS SE ACHAR NECESSÁRIO. 04/05). Nada mais havendo. Defensora Pública. DEVENDO SER INTIMADO NO ESTABELECIMENTO COMERCIAL CONHECIDO COMO MEIO A MEIO. JUNTO À DELEGACIA DA MULHER NA TV. nesta cidade de Belém.. às 10h30min.028876-3 Ação: Tco/Ameaca em 02/09/2010 . e as conciliadoras/estagiárias do 4º Juizado Especial Criminal da Capital CAROLINA TAVARES CARDOSO e ANA AMÉLIA LANGANKE PEDROSO. M. constatou-se a presença das vítimas. onde fora momentos antes à procura de ovos de páscoa. onde presente se achava o Dr. conforme preceitua a lei 9. 14 de Setembro de 2010 PROCESSO: 2010. TERMO DE AUDIÊNCIA PRELIMINAR Ao dois dias do mês de setembro do ano de dois mil e dez.2. nesta cidade. foi encerrado o presente termo.C. agente de segurança do estabelecimento Comercial "Armazém Meio a Meio". a Dra. o denunciado. PREVISTO NO ART. arquivem-se os presentes autos. PRISCILA HERONDINA REIS DE SOUZA e WELINGTON SILVA DOS SANTOS. onde presente se achava o Dr. o Nobre Promotor de Justiça propôs a transação penal. 23 dos inclusos autos. os estagiários de direito do Ministério Público ADRIANA DE OLIVEIRA CAMAPUM. 78 DA LEI 9. de S. solicita a notificação pessoal das seguintes pessoas: 1) Rafaela da Conceição Pety (vítima). todos cientes. embora devidamente intimada conforme certidão de fl. 3) Francisco Alan da Silva (transeunte. RICARDO SALAME GUIMARÃES Juiz de Direito Titular da 4ª Vara de Juizado Especial Criminal PROCESSO: 2010. a estagiária de direito da Defensoria Pública JÉSSICA SANTOS MALCHER GILLET. PRISCILA HERONDINA REIS DE SOUZA e WELINGTON SILVA DOS SANTOS. V. FICAM. QUE SOMENTE A 2ª TESTEMUNHA ARROLADA NA DENÚNCIAM DE PRÉ-NOME ROBERTO. na sala de audiências da 4ª Vara do Juizado Especial Criminal. SOMENTE OBSERVANDO-SE. ENTREGUE-SE CÓPIA DA DENÚNCIA AO ACUSADO. 05/06. Rafaela da Conceição. A vítima inconformada com o constrangimento submetido. 2) Roberto "de tal" (gerente do Meio a Meio. JUIZ DE DIREITO: PROMOTOR DE JUSTIÇA: DEFENSORA PÚBLICA: AUTOR DO FATO: VÍTIMA: PROCESSO: 2010. Feito o pregão de praxe às 10h47min. QUANDO NA OPORTUNIDADE SERÃO TOMADAS AS PROVIDÊNCIA PREVISTAS NO ART.O/Outros em 01/09/2010 . Pede Deferimento. os estagiários de direito do Ministério Público ADRIANA DE OLIVEIRA CAMAPUM. da C. LUIZ MÁRCIO TEIXEIRA CYPRIANO. onde. ora em questão. que aguarda o respectivo deferimento. quando. 17 dos autos. Diante do exposto.

029113-8 Ação: T. embora devidamente ciente da presente audiência em anterior audiência preliminar. O. a condução coercitiva da autora do fato Daniela Joyssy Silva de Araújo. Observacao: Tco Tombo N. Ausente a vítima. PARÁGRAFO ÚNICO. DETERMINO O ARQUIVAMENTO DOS PRESENTE AUTOS. Nada mais havendo foi encerrado o presente termo. de S. 80 da Lei 9.2. dos S. Promotor de Justiça. Juiz Titular da 4ª Vara do Juizado Especial Criminal da Capital. ABERTA A AUDIÊNCIA: A vítima renuncia ao direito de representação. 02 de setembro de 2010. embora devidamente notificada da presente audiência em cartório.Juiz(a): RICARDO SALAME GUIMARAES Autor: Raimundo Agostinho De Jesus Oliveira (Adv.Juiz(a): RICARDO SALAME GUIMARAES Autor: Edgar Cleiton Teixeira Dos Santos Vítima: N.TJ/PA . LUIZ MÁRCIO TEIXEIRA CYPRIANO.Juiz(a): RICARDO SALAME GUIMARAES Autor: Roberto Nazareno Melo Lisboa Vítima: S. vendedora da Natura e que o mesmo seria utilizado para o pagamento de uma parcela de aluguel. a Dra. na sala de audiências da 4ª Vara do Juizado Especial Criminal. Feito o pregão de praxe às 11h45min. Feito o pregão de praxe às 12h00min. todos os presentes intimados. ficando. De tudo ciente o M. 2/20100001479 TERMO DE AUDIÊNCIA PRELIMINAR Aos oito dias do mês de setembro do ano de dois mil e dez.O/Outros em 08/09/2010 . Promotor de Justiça. P.Juiz(a): RICARDO SALAME GUIMARAES Autor: Rosa Maria Correa Da Silva Vítima: R. CIENTES OS PRESENTES. D.C. onde presente se achava o Dr. o arquivamento desses autos. quer físicas. Nada mais havendo foi encerrado o presente Termo. na sala de audiências da 4ª Vara do Juizado Especial Criminal.2. Ausente a vítima. DETERMINO O ARQUIVAMENTO DOS AUTOS. a Dra. rogo na forma do art. RICARDO SALAME GUIMARÃES Juiz de Direito Titular da 4ª Vara de Juizado Especial Criminal PROCESSO: 2010. vez que. nesta cidade de Belém. a estagiária de direito da Defensoria Pública JÉSSICA SANTOS MALCHER GILLET. às 10h45min. a Dra. Feito o pregão de praxe às 11h00min. salvo o aparecimento de fatos novos no sentido dissecado. que são menores de 16 anos. Int. às 11h00min. ARQUIVE-SE.Edição nº 4651/2010 . SENTENÇA: SENTENÇA: "VISTOS. por ser de pequena monta o valor apreendido pela autoridade policial.099/95. 247/20100003019 R.Juiz(a): RICARDO SALAME GUIMARAES Autor: Daniella Joyssy Silva De Araujo Vítima: O.P. A. 28 DO C. a Dra.029120-3 Ação: TCO/RECEPTACAO em 08/09/2010 . Defensora Pública. todos cientes. bem como a intimação pessoal da vítima Otaciano Alberto Vidal dos Santos. LUIZ MÁRCIO TEIXEIRA CYPRIANO. 35. Ausente o autor do fato.P. Defensora Pública. O Nobre Promotor manifestou-se favorável. S. Observacao: Tco Tombo N." JUIZ DE DIREITO: PROMOTOR DE JUSTIÇA: AUTORA DO FATO: ADVOGADO DA AUTORA DO FATO: PROCESSO: 2010. RICARDO SALAME GUIMARÃES. e não dividido com sua genitora. onde presente se achava o Dr. PORTANTO.h Dê-se vistas dos autos ao Ministério Público para manifestação acerca da certidão de fl. nesta cidade de Belém. SYMONNE FILOCREÃO. aguarda deferimento. Observacao: Tco Tombo N.029084-1 Ação: T. os estagiários de direito do Ministério Público ADRIANA DE OLIVEIRA CAMAPUM. salvo fatos novos que apontem possibilidade de participação e/ou co-autoria. LUIZ MÁRCIO TEIXEIRA CYPRIANO. às 10h45min. acompanhada de seu advogado Dr.P. Clayton Dawson de Melo Ferreira (OAB/PA 14840). nesta cidade de Belém. Observacao: Tco Tombo N. N. e as conciliadoras/estagiárias do 4º Juizado Especial Criminal da Capital CAROLINA TAVARES CARDOSO e ANA AMÉLIA LANGANKE PEDROSO. que não foi intimada pessoalmente. F. onde presente se achava o Dr. constatou-se a presença do autor do fato. Presente também a vítima. de S. Ana Cláudia da Silva Souza. Promotor de Justiça. dizendo não ter interesse no prosseguimento do feito. de S. L.2.O/Outros em 02/09/2010 . Ausente também a autora do fato. SYMONNE FILOCREÃO.C. conforme termo de fl. 23. L. ABERTA A AUDIÊNCIA. LUIZ MÁRCIO TEIXEIRA CYPRIANO. SENTENÇA: "HOMOLOGO O PRESENTE ACORDO PARA QUE SURTE SEUS EFEITOS JURÍDICOS E NOS TERMOS DO ARTIGO 74. Juiz. e K. não incide a figura esculpida no parágrafo 3 º do artigo 180. e as conciliadoras/ estagiárias do 4º Juizado Especial Criminal da Capital CAROLINA TAVARES CARDOSO e ANA AMÉLIA LANGANKE PEDROSO. DOU POR PUBLICADA EM AUDIÊNCIA. ABERTA A AUDIÊNCIA. constatou-se a presença do Policial Militar Valdo Oeiras Cardel." SENTENÇA: "ACOLHO A MANIFESTAÇÃO DO NOBRE PROMOTOR. RICARDO SALAME GUIMARÃES. JUIZ DE DIREITO: PROMOTOR DE JUSTIÇA: DEFENSORA PÚBLICA: POLICIAL MILITAR: PROCESSO: 2010. Belém. o autor do fato pede desculpas formalmente à vítima. onde presente se achava o Dr. Juiz Titular da 4ª Vara do Juizado Especial Criminal da Capital. N. V." Ficam.. acompanhado de seu advogado Dr. a estagiária de direito da Defensoria Pública JÉSSICA SANTOS MALCHER GILLET. e E. B. Nesta ocasião. 28 do C. o mesmo se compatibiliza com a narrativa espontaneamente prestada pela autora do fato. quer morais contra a vítima. a Dra. e a conciliadora/estagiária do 4º Juizado Especial Criminal da Capital ANA AMÉLIA LANGANKE PEDROSO. desde já designado o dia 22 DE NOVEMBRO DE 2010 ÀS 11H para a realização de nova audiência preliminar. FICA CONSIGNADO QUE O SUPRACITADO ACORDO ACARRETA A RENÚNCIA AO DIREITO REPRESENTAÇÃO. e J." Nada mais havendo foi encerrado o presente termo. Diante do exposto. com base no art. 14 de Setembro de 2010 PROCESSO: 2010. ETC. TERMO DE AUDIÊNCIA PRELIMINAR Aos oito dias do mês de setembro do ano de dois mil e dez.2. que assim manifestou-se: "MM. DA LEI 9. Defensora Pública. 2/20100001433 TERMO DE AUDIÊNCIA PRELIMINAR Aos oito dias do mês de setembro do ano de dois mil e dez. por se tratar de responsabilidade individual.247/20100002892 TERMO DE AUDIÊNCIA PRELIMINAR Ao dois dias do mês de setembro do ano de dois mil e dez.Terça-Feira. ARQUIVE-SE. PRISCILA HERONDINA REIS DE SOUZA e WELINGTON SILVA DOS SANTOS.2. CONSIDERANDO A RENÚNCIA EXPRESSA DA REPRESENTANTE LEGAL DA VÍTIMA AO DIREITO DE REPRESENTAÇÃO. TUDO NOS TERMOS DO ART. o Nobre Promotor de Justiça requereu e este Juízo deferiu.033008-5 Ação: Tco/Ameaca em 08/09/2010 . Quanto á conduta do filho. F.DIÁRIO DA JUSTIÇA . que não foi intimado pessolamente. nesta cidade de Belém. R. UMA VEZ QUE ENCONTRA-SE DEVIDAMENTE FUNDAMENTADO. Juiz Titular da 4ª Vara do Juizado Especial Criminal da Capital. dizendo não ter interesse no prosseguimento do feito. a estagiária de direito da Defensoria Pública JÉSSICA SANTOS MALCHER GILLET.P. ADOTO COMO RELATÓRIO O QUE DOS AUTOS CONSTA. e as conciliadoras/estagiárias do 4º Juizado Especial Criminal da Capital CAROLINA TAVARES CARDOSO e ANA AMÉLIA LANGANKE PEDROSO. de A. JUIZ DE DIREITO: PROMOTOR DE JUSTIÇA: DEFENSORA PÚBLICA: REPRESENTANTE LEGAL DA VÍTIMA: 106 . ABERTA A AUDIÊNCIA: A representante legal da vítima renuncia ao direito de representação. a Dra. constatou-se a presença da autora do fato. As partes resolvem se conciliar nos seguintes termos: O autor do fato compromete-se a não mais importunar ou ameaçar. nem proferir ofensas. na sala de audiências da 4ª Vara do Juizado Especial Criminal. RICARDO SALAME GUIMARÃES. às 10h45min. PORTANTO FALTANDO CONDIÇÃO DE PROCEDIBILIDADE PARA O PROSSEGUIMENTO DO FEITO. Juiz Titular da 4ª Vara do Juizado Especial Criminal da Capital. DESTA FORMA. JUIZ DE DIREITO: PROMOTOR DE JUSTIÇA: DEFENSORA PÚBLICA: AUTOR DO FATO: VÍTIMA: ADVOGADO DA VÍTIMA: PROCESSO: 2010. Neomízio Lobo Nazaré (OAB/PA 2884). o numerário é fruto do seu trabalho como manicure. Sra. constatou-se a presença da representante legal das vítimas. SYMONNE FILOCREÃO. deverá ser apurado no processo próprio. RICARDO SALAME GUIMARÃES. na sala de audiências da 4ª Vara do Juizado Especial Criminal. desde já. DORIVALDO ALMEIDA BELEM) e Marcio Dias Furtado Santos Vítima: R. Promotor de Justiça. desde já. A. a Dra.099/95. O Nobre Promotor manifestou-se favorável. Feito o pregão de praxe às 10h30min.P. foi dada a palavra ao Nobre Promotor de Justiça. Ficam.029105-5 Ação: Tco//Lesao Corporal em 02/09/2010 . ou seja.

nesta cidade de Belém. quando na oportunidade. R. LUIZ MÁRCIO TEIXEIRA CYPRIANO. Leia do Socorro Silva. Morgana De Nazare Virgolino Teixeira. Mirna Cristina Virgolino Teixeira e Margarete Virgolino Teixeira Vítima: T. Promotor de Justiça. C. RICARDO SALAME GUIMARÃES. e as conciliadoras/estagiárias do 4º Juizado Especial Criminal da Capital CAROLINA TAVARES CARDOSO e ANA AMÉLIA LANGANKE PEDROSO. Feito o pregão de praxe às 10h00min.Edição nº 4651/2010 . a Dra. na sala de audiências da 4ª Vara do Juizado Especial Criminal. Juiz Titular da 4ª Vara do Juizado Especial Criminal da Capital. Nada mais havendo. o M. ABERTA A AUDIÊNCIA. a estagiária de direito da Defensoria Pública JÉSSICA SANTOS MALCHER GILLET. nesta cidade de Belém. desde já. Observacao: Tco Tombo N. RICARDO SALAME GUIMARÃES. Mairna Suelen Virgolino Teixeira. C. todos cientes. 03 de setembro de 2010. Defensora Pública. Promotor de Justiça. Juiz. o Nobre Promotor de Justiça requereu a remarcação da audiência. Defensora Pública. Juiz Titular da 4ª Vara do Juizado Especial Criminal da Capital. onde presente se achava o Dr." Ficam. que não foram intimadas pessoalmente. C. todos os presentes intimados. TERMO DE AUDIÊNCIA PRELIMINAR Ao dois dias do mês de setembro do ano de dois mil e dez. Pede Deferimento. desde já. Ausentes as vítimas. de S. Cumpra-se.DIÁRIO DA JUSTIÇA . e K.P. Belém. devidamente acompanhado de seu advogado Dr. na sala de audiências da 4ª Vara do Juizado Especial Criminal. JUIZ DE DIREITO: PROMOTOR DE JUSTIÇA: DEFENSORA PÚBLICA: AUTOR DO FATO: ADVOGADO DO AUTOR DO FATO: REPRESENTANTE DA EMPRESA: @@PROCESSO: 2010. JUIZ DE DIREITO: PROMOTOR DE JUSTIÇA: DEFENSORA PÚBLICA: AUTORAS DO FATO: PROCESSO: 2010. 14 de Setembro de 2010 PROCESSO: 2010.2. foi dada a palavra ao Nobre Promotor: "MM.Juiz(a): RICARDO SALAME GUIMARAES Autor: Renato Da Silva Jardim Vítima: M. Nada mais havendo foi encerrado o presente Termo.h Considerando que já foi designada audiência preliminar nos presentes autos. Dílson José Bastos de Lemos (OAB/PA 9079).034475-5 Ação: Tco//Lesao Corporal em 02/09/2010 . dos S. através de Oficial de Justiça.Terça-Feira. e as conciliadoras/estagiárias do 4º Juizado Especial Criminal da Capital CAROLINA TAVARES CARDOSO e ANA AMÉLIA LANGANKE PEDROSO. S.Juiz(a): RICARDO SALAME GUIMARAES Autor: Marina Adrielle Virgolino Teixeira. Presente também a representante da empresa R B Bringel e Cia LTDA Sra. às 09h45min.034416-9 Ação: Tco//Lesao Corporal em 03/09/2010 . a Dra. aguarde-se em Cartório a realização do referido ato processual.034333-5 Ação: Tco//Lesao Corporal em 08/09/2010 . Feito o pregão de praxe às 10h20min. N. Ficam. TERMO DE AUDIÊNCIA PRELIMINAR 107 . ficando designado o dia 16 DE SETEMBRO DE 2010 ÀS 10H para a realização de nova audiência preliminar.Juiz(a): RICARDO SALAME GUIMARAES Autor: Renato De Almeida Maciel Vítima: W. a estagiária de direito da Defensoria Pública JÉSSICA SANTOS MALCHER GILLET. G. constatou-se a presença do autor do fato." DELIBERAÇÃO EM AUDIÊNCIA: "DEFIRO O PEDIDO DO NOBRE PROMOTOR.2. G. PRISCILA HERONDINA REIS DE SOUZA e WELINGTON SILVA DOS SANTOS. Injuria em 02/09/2010 . 11/20100000568 TERMO DE AUDIÊNCIA PRELIMINAR Aos oito dias do mês de setembro do ano de dois mil e dez.Juiz(a): RICARDO SALAME GUIMARAES Autor: Luriane Braga Borges e Ruth Karla Coelho Monteiro Vítima: L. que não foi pessoalmente intimada. devendo o a vítima ser intimada pessoalmente. a Dra. os estagiários de direito do Ministério Público ADRIANA DE OLIVEIRA CAMAPUM. onde presente se achava o Dr. CUMPRA-SE. LUIZ MÁRCIO TEIXEIRA CYPRIANO. requer que seja aguardado o transcurso do prazo decadencial para a representação das vítimas. SYMONNE FILOCREÃO. SYMONNE FILOCREÃO. foi encerrado o presente termo.2. às 09h45min. DEVENDO OS AUTOS AGUARDAR EM CARTÓRIO O FIM DO PRAZO DECADENCIAL.033079-6 Ação: Tco. constatou-se a presença das autoras do fato. o que foi deferido por este Juízo. C. a Dra.2. Ausente a vítima. RICARDO SALAME GUIMARÃES Juiz de Direito Titular da 4ª Vara de Juizado Especial Criminal @@PROCESSO: 2010.TJ/PA . Mirlena Do Socorro Virgolino Teixeira.

do C.Juiz(a): RICARDO SALAME GUIMARAES Autor: Noeli De Fatima Andrade Da Costa e Norma Sueli Couto De Carvalho Vítima: O. às 10h00min. da S. dizendo não ter mais interesse no prosseguimento do feito. LUIZ MÁRCIO TEIXEIRA CYPRIANO. os estagiários de direito do Ministério Público ADRIANA DE OLIVEIRA CAMAPUM. Promotor de Justiça. DA LEI 9.035233-6 Ação: T." Nada mais havendo foi encerrado o presente termo. na sala de audiências da 4ª Vara do Juizado Especial Criminal. a Dra. Feito o pregão de praxe às 10h40min. RICARDO SALAME GUIMARÃES. TODOS CIENTES. Juiz a proferir SENTENÇA: "HOMOLOGO O PRESENTE ACORDO PARA QUE SURTA SEUS EFEITOS JURÍDICOS E NOS TERMOS DO ARTIGO 74. TERMO DE AUDIÊNCIA PRELIMINAR 108 . As partes resolvem se conciliar nos seguintes termos: As autoras do fato comprometem-se a não mais importunar ou ameaçar. LUIZ MÁRCIO TEIXEIRA CYPRIANO.099/95. nesta cidade de Belém. PARÁGRAFO ÚNICO. SYMONNE FILOCREÃO. Juiz Titular da 4ª Vara do Juizado Especial Criminal da Capital. DETERMINO O ARQUIVAMENTO DOS PRESENTES AUTOS. PARÁGRAFO ÚNICO. M. e as conciliadoras/estagiárias do 4º Juizado Especial Criminal da Capital CAROLINA TAVARES CARDOSO e ANA AMÉLIA LANGANKE PEDROSO. Juiz a proferir SENTENÇA: "HOMOLOGO O PRESENTE ACORDO PARA QUE SURTA SEUS EFEITOS JURÍDICOS E NOS TERMOS DO ARTIGO 74.O/Outros em 08/09/2010 .037491-8 Ação: Tco/Ameaca em 02/09/2010 . quer físicas. PRISCILA HERONDINA REIS DE SOUZA e WELINGTON SILVA DOS SANTOS. a Dra. onde presente se achava o Dr. Promotor de Justiça. Defensora Pública. 14 de Setembro de 2010 Ao dois dias do mês de setembro do ano de dois mil e dez. a Dra. quer morais uma contra a outra. PORTANTO. quer morais contra a vítima. nem proferir ofensas. O Nobre Promotor manifestou-se favorável.C.099/95. ABERTA A AUDIÊNCIA: As partes renunciam ao direito de representação uma contra a outra. quer físicas. Em seguida passou o MM." Nada mais havendo foi encerrado o presente termo. FICAM.2. DESDE JÁ. FICA CONSIGNADO QUE O SUPRACITADO ACORDO ACARRETA A RENÚNCIA AOS DIREITOS DE REPRESENTAÇÃO. FICAM. Feito o pregão de praxe às 10h20min.TJ/PA . Juiz Titular da 4ª Vara do Juizado Especial Criminal da Capital. Em seguida passou o MM. DETERMINO O ARQUIVAMENTO DOS PRESENTES AUTOS. às 10h00min. constatou-se a presença das autoras do fato e da vítima. a estagiária de direito da Defensoria Pública JÉSSICA SANTOS MALCHER GILLET. na sala de audiências da 4ª Vara do Juizado Especial Criminal. DA LEI 9. JUIZ DE DIREITO: PROMOTOR DE JUSTIÇA: DEFENSORA PÚBLICA: VÍTIMA: AUTORAS DO FATO: @@PROCESSO: 2010.2.Juiz(a): RICARDO SALAME GUIMARAES Autor: Carlos Diniz Moraes Dos Santos Vítima: M. onde presente se achava o Dr. dizendo não ter mais interesse no prosseguimento do feito. DESDE JÁ. a estagiária de direito da Defensoria Pública JÉSSICA SANTOS MALCHER GILLET. Defensora Pública. RICARDO SALAME GUIMARÃES. M. constatou-se a presença das autoras do fato/vítimas. JUIZ DE DIREITO: PROMOTOR DE JUSTIÇA: DEFENSORA PÚBLICA: AUTORAS DO FATO/VÍTIMAS: @@PROCESSO: 2010. SYMONNE FILOCREÃO. DESTA FORMA. nesta cidade de Belém. ABERTA A AUDIÊNCIA: a vítima renuncia ao direito de representação contra as autoras do fato. a Dra.Edição nº 4651/2010 . nem proferir ofensas. As partes resolvem se conciliar nos seguintes termos: As autoras do fato/vítimas comprometem-se a não mais importunar ou ameaçar. DESTA FORMA.Terça-Feira.DIÁRIO DA JUSTIÇA . PORTANTO. TERMO DE AUDIÊNCIA PRELIMINAR Aos oito dias do mês de setembro do ano de dois mil e dez. O Nobre Promotor manifestou-se favorável. FICA CONSIGNADO QUE O SUPRACITADO ACORDO ACARRETA A RENÚNCIA AOS DIREITOS DE REPRESENTAÇÃO. e as conciliadoras/estagiárias do 4º Juizado Especial Criminal da Capital CAROLINA TAVARES CARDOSO e ANA AMÉLIA LANGANKE PEDROSO. TODOS CIENTES.

foi encerrado o presente termo. RICARDO SALAME GUIMARÃES. e as conciliadoras/estagiárias do 4º Juizado Especial Criminal da Capital CAROLINA TAVARES CARDOSO e ANA AMÉLIA LANGANKE PEDROSO. os estagiários de direito do Ministério Público ADRIANA DE OLIVEIRA CAMAPUM." Nada mais havendo. Feito o pregão de praxe às 11h40min. Ausente a vítima e sua representante legal. porém presente o seu advogado Dr. 14 de Setembro de 2010 Ao dois dias do mês de setembro do ano de dois mil e dez. constatou-se a presença da vítima.C. quando. conforme se constata à fls. Cumpra-se Nada mais havendo foi encerrado o presente Termo. RICARDO SALAME GUIMARÃES. constatou-se a presença da vítima e de sua representante legal. Feito o pregão de praxe às 11h25min.041017-6 Ação: Tco//Lesao Corporal em 09/09/2010 . através de Oficial de Justiça.Juiz(a): RICARDO SALAME GUIMARAES Autor: Denise Da Silva Goncalves Vítima: L. a estagiária de direito da Defensoria Pública JÉSSICA SANTOS MALCHER GILLET. TERMO DE AUDIÊNCIA PRELIMINAR Aos nove dias do mês de setembro do ano de dois mil e dez. a Dra. ÀS 11H00MIN PARA A PRÓXIMA AUDIÊNCIA PRELIMINAR. F. TODOS CIENTES. nesta cidade de Belém. TERMO DE AUDIÊNCIA PRELIMINAR Aos nove dias do mês de setembro do ano de dois mil e dez. nesta cidade de Belém. PRISCILA HERONDINA REIS DE SOUZA e WELINGTON SILVA DOS SANTOS. em virtude de não ter sido a mesmo que recebeu pessoalmente a intimação enviada via AR. bem como a intimação pessoal da representante legal da vítima. dizendo não ter interesse no prosseguimento do feito. JUIZ DE DIREITO: PROMOTOR DE JUSTIÇA: DEFENSORA PÚBLICA: VÍTIMA: ADVOGADO DO AUTOR DO FATO: @@PROCESSO: 2010.O/Outros em 09/09/2010 . Feito o pregão de praxe às 11h00min. RICARDO SALAME GUIMARÃES.2. NOTIFIQUE-SE O MINISTÉRIO PÚBLICO. SYMONNE FILOCREÃO. ABERTA A AUDIÊNCIA: A representante legal da vítima representa contra o autor do fato. nesta cidade de Belém. SYMONNE FILOCREÃO. o Nobre Promotor de Justiça requereu a remarcação da audiência. Ausente o autor do fato.TJ/PA . APÓS ARQUIVE-SE OS PRESENTES AUTOS. muito embora este tenha sido intimado pessoalmente por oficial de justiça. O autor do fato ser intimado pessoalmente. onde presente se achava o Dr. O Nobre Promotor de Justiça manifestou-se favorável. onde presente se achava o Dr. DESDE JÁ. Promotor de Justiça. onde presente se achava o Dr. na sala de audiências da 4ª Vara do Juizado Especial Criminal. constatou-se a presença da autora do fato. F. na sala de audiências da 4ª Vara do Juizado Especial Criminal. DA LEI 9. Juiz Titular da 4ª Vara do Juizado Especial Criminal da Capital. ABERTA A AUDIÊNCIA. a Dra. onde presente se achava o Dr. ABERTA A AUDIÊNCIA: A vítima aqui presente representa contra o autor do fato. na sala de audiências da 4ª Vara do Juizado Especial Criminal.Juiz(a): RICARDO SALAME GUIMARAES Autor: Regina Lucia Fraga De Oliveira Vítima: J. a Dr. FICA CONSIGNADO QUE O SUPRACITADO ACORDO ACARRETA A RENÚNCIA AOS DIREITOS DE REPRESENTAÇÃO. LUIZ MÁRCIO TEIXEIRA CYPRIANO. a Dra. DESIGNANDO O DIA 03 DE NOVEMBRO DE 2010. FICAM. às 11h25min. G. Em seguida o Membro do Ministério Público requereu e este juízo deferiu a abertura de prazo de 07 dias para a vítima apresentar nome e endereço em cartório de até 03 testemunhas que tenham assistido ao fato.046336-5 Ação: Tco/Ameaca em 09/09/2010 . Em seguida o Juiz passou a proferir DELIBERAÇÃO: "ESTE JUÍZO DEFERE O PEDIDO DO MP. nesta cidade de Belém. Defensora Pública. quer morais contra a vítima.045737-6 Ação: T. às 11h00min. JUIZ DE DIREITO: PROMOTOR DE JUSTIÇA: DEFENSORA PÚBLICA: AUTORA DO FATO: PROCESSO: 2010. e a conciliadora/estagiária do 4º Juizado Especial Criminal da Capital CAROLINA TAVARES CARDOSO. solicitando o prosseguimento do feito. LUIZ CLÁUDIO PINHO. a Dr. Ausente o autor do fato. constatou-se a presença da vítima. quer físicas. dizendo que tem interesse no prosseguimento do feito. TERMO DE AUDIÊNCIA PRELIMINAR Aos nove dias do mês de setembro do ano de dois mil e dez.Juiz(a): RICARDO SALAME GUIMARAES Autor: Adriano Oliveira Da Silva Vítima: N. às 11h00min.2.2. Juiz Titular da 4ª Vara do Juizado Especial Criminal da Capital. e a conciliadora/estagiária do 4º Juizado Especial Criminal da Capital CAROLINA TAVARES CARDOSO. PARÁGRAFO ÚNICO. JUIZ DE DIREITO: PROMOTOR DE JUSTIÇA: DEFENSORA PÚBLICA: REPRESENTANTE LEGAL DA VÍTIMA: 109 . da S.Terça-Feira. bem como da autora do fato. JUIZ DE DIREITO: DEFENSORA PÚBLICA: AUTORA DO FATO: VÍTIMA: PROCESSO: 2010." Nada mais havendo foi encerrado o presente termo. Promotor de Justiça.Edição nº 4651/2010 . LUIZ CLÁUDIO PINHO. Juiz Titular da 4ª Vara do Juizado Especial Criminal da Capital. Defensora Pública e a conciliadora/estagiária do 4º Juizado Especial Criminal da Capital CAROLINA TAVARES CARDOSO. ABERTA A AUDIÊNCIA: a vítima renuncia aos direitos de representação contra a autora do fato. ficando designado o dia 07 DE OUTUBRO DE 2010 ÀS 09H para a realização de nova audiência preliminar. SENTENÇA: "HOMOLOGO O PRESENTE ACORDO PARA QUE SURTA SEUS EFEITOS JURÍDICOS E NOS TERMOS DO ARTIGO 74. SYMONNE FILOCREÃO. conforme se constata à fl. e N. a Dra. F.099/95. RICARDO SALAME GUIMARÃES. às 11h40min. SYMONNE FILOCREÃO. C. Defensora Pública. FICANDO DESDE JÁ A AUTORA DO FATO INTIMADA. 17-18. das V. na oportunidade o advogado do autor do fato aqui presente requereu e este Juízo deferiu a remarcação da audiência. Nada mais havendo foi encerrado o presente termo. José Assunção Marinho dos Santos (OAB/PA 11714). Defensora Pública. na sala de audiências da 4ª Vara do Juizado Especial Criminal. Feito o pregão de praxe às 11h15min. Promotor de Justiça. nem proferir ofensas. 20. Juiz Titular da 4ª Vara do Juizado Especial Criminal da Capital. As partes resolvem se conciliar nos seguintes termos: A autora do fato compromete-se a não mais importunar ou ameaçar. a Dra. de M. R.DIÁRIO DA JUSTIÇA .

DECISÃO Vistos. Compulsando os autos verifica-se que o fato delituoso apurado no presente termo circunstanciado de ocorrência trata-se de violência doméstica e familiar contra mulher. IV) Junte-se aos autos Certidão de Antecedentes Criminais do(s) autor(es) do fato. 5º da Lei nº 11.054465-2 Ação: Tco/Vias De Fato em 02/09/2010 .340/2006. tendo em vista o pedido de medidas protetivas de urgência às fls. Belém. nos termos do art. nos termos do art. F. imediatamente.remetam-se os autos conclusos. 006/2006.2. RICARDO SALAME GUIMARÃES Juiz de Direito Titula da 4ª Vara de Juizado Especial Criminal PROCESSO: 2010.054969-4 Ação: T. Desta forma. B. II) Intime(m)-se o(s) autor(es) do fato. IV) Junte-se aos autos Certidão de Antecedentes Criminais do(s) autor(es) 110 . ser-lhe(s)-á nomeado Defensor Dativo. Belém.2. Notifique-se o Ministério Público.2. Desta forma. 08 de setembro de 2010. do S. DECISÃO Vistos. Compulsando os autos verifica-se que o fato delituoso apurado no presente termo circunstanciado de ocorrência trata-se de violência doméstica e familiar contra mulher. determino a remessa destes autos a uma das Varas de Juizado de Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher. 38 CPP). tendo em vista que o autor do fato é irmão da vítima. III) Quando for o caso. declaro a incompetência deste Juizado Especial Criminal para processar e julgar o presente feito e. tendo em vista que o autor do fato é ex-namorado da vítima. 02 de setembro de 2010. conforme termo de declarações da ofendida e do autor do fato às fls.2. via distribuição. Notifique-se o Ministério Público. advertindo este(s) de que deverá(ão) comparecer à audiência acompanhados de Advogado.Juiz(a): RICARDO SALAME GUIMARAES Autor: Edivanaldo Maia Da Costa Vítima: L.O/Outros em 03/09/2010 . RICARDO SALAME GUIMARÃES Juiz de Direito Titular da 4ª Vara de Juizado Especial Criminal PROCESSO: 2010. declaro a incompetência deste Juizado Especial Criminal para processar e julgar o presente feito e. caso contrário. 5º da Lei nº 11. Após. 08. 147. Após.2.340/2006. conforme termo de declarações da ofendida às fls. 07. Após. da C. inclusive. 08 e 10. o trânsito em julgado desta decisão redistribua-se. 08 de setembro de 2010. RICARDO SALAME GUIMARÃES Juiz de Direito Titular da 4ª Vara de Juizado Especial Criminal PROCESSO: 2010.h Tratando-se de crime de ação penal privada. Elizete Ferreira da Cunha Diretora de Secretaria da 4ª Vara de Juizado Especial Criminal PROCESSO: 2010. CERTIDÃO I) Nos termos da Resolução nº. tendo em vista que o autor do fato é companheiro da vítima.Juiz(a): RICARDO SALAME GUIMARAES Autor: Reginalva Tenorio Pimentel Vítima: S. determino a remessa destes autos a uma das Varas de Juizado de Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher. Desta forma. DECISÃO Vistos.2. Notifique-se o Ministério Público. Belém. F. etc. via distribuição. declaro a incompetência deste Juizado Especial Criminal para processar e julgar o presente feito e. oficie-se ao Centro de Perícias Científicas "Renato Chaves" para que forneça o Laudo de Lesão Corporal realizado na(s) vítima(s).056762-0 Ação: Tco/Pertu. R. 08/10).Difamacao em 02/09/2010 . em consequência. R. P. Compulsando os autos verifica-se que o fato delituoso apurado no presente termo circunstanciado de ocorrência trata-se de violência doméstica e familiar contra mulher.TJ/PA . nos termos do art. S. RICARDO SALAME GUIMARÃES Juiz de Direito Titular da 4ª Vara de Juizado Especial Criminal PROCESSO: 2010. o trânsito em julgado desta decisão redistribuase. Após. RICARDO SALAME GUIMARÃES Juiz de Direito Titular da 4ª Vara de Juizado Especial Criminal PROCESSO: 2010. Belém. aguarde-se em Cartório o ajuizamento da queixa-crime no prazo decadencial (art.340/2006. advertindo este(s) de que deverá(ão) comparecer à audiência acompanhados de Advogado. oficie-se ao Centro de Perícias Científicas "Renato Chaves" para que forneça o Laudo de Lesão Corporal realizado na(s) vítima(s). para realização de Audiência Preliminar. Notifique-se o Ministério Público. dos S. existe petição da Defensoria Pública endereçada a uma das Varas de Juizado de Violência Doméstica (fls. CERTIDÃO I) Nos termos da Resolução nº. determino a remessa destes autos a uma das Varas de Juizado de Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher. 03 de setembro de 2010. etc. RICARDO SALAME GUIMARÃES Juiz de Direito Titular da 4ª Vara de Juizado Especial Criminal PROCESSO: 2010. via distribuição. para realização de Audiência Preliminar. com a brevidade devida.059136-4 Ação: Tco/Entorpecente em 10/09/2010 .054475-1 Ação: Tco. 14 de Setembro de 2010 PROCESSO: 2010. VI) Cientifique-se o Ministério Público. 02 de setembro de 2010.Da Tranqui em 02/09/2010 . Belém. de G.056755-5 Ação: Tco/Vias De Fato em 08/09/2010 .às 09h30min. 07. M. RICARDO SALAME GUIMARÃES Juiz de Direito Titular da 4ª Vara de Juizado Especial Criminal PROCESSO: 2010. em consequência.às 09h00min.Juiz(a): RICARDO SALAME GUIMARAES Autor: Irineu Angelo Dos Reis Filho Vítima: N.h À Senhora Diretora de Secretaria para certificar se houve representação da vítima ou ajuizamento de queixa-crime no prazo legal. 5º da Lei nº 11. etc.C. Após. III) Quando for o caso.Juiz(a): RICARDO SALAME GUIMARAES Autor: Reginaldo De Souza Farias Vítima: R. em consequência.059142-1 Ação: Tco/Ameaca em 10/09/2010 . Belém. 38 CPP). o trânsito em julgado desta decisão redistribua-se. DECISÃO Vistos. 10 de setembro de 2010. 02 de setembro de 2010. designo o dia 06/12/2010. 02 de setembro de 2010. R. tendo em vista o pedido de medidas protetivas de urgência às fls. aguarde-se em Cartório o ajuizamento da queixa-crime no prazo decadencial (art. etc. M. com ou sem manifestação da vítima. Após. P. 006/2006. C.DIÁRIO DA JUSTIÇA . Após. 138 e 139 todos do CPB. Belém. 5º da Lei nº 11. determino a remessa destes autos a uma das Varas de Juizado de Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher.remetam-se os autos conclusos.054487-6 Ação: Tco.Juiz(a): RICARDO SALAME GUIMARAES Autor: Jonny Dos Santos Machado Vítima: A. conforme termo de declaração da ofendida às fls.340/2006. II) Intime(m)-se o(s) autor(es) do fato. Desta forma. em consequência. dos R. caso contrário. via distribuição.2. dos S. com ou sem manifestação da vítima.Juiz(a): RICARDO SALAME GUIMARAES Autor: Mario Lucio Pereira Cardoso Vítima: E.h Tratando-se de crime de ação penal privada. ser-lhe(s)-á nomeado Defensor Dativo. da S. C. S.Edição nº 4651/2010 . Belém. designo o dia 26/01/2011.2.056750-5 Ação: Tco/Vias De Fato em 08/09/2010 . F. Compulsando os autos verifica-se que o fato delituoso apurado no presente termo circunstanciado de ocorrência trata-se de violência doméstica e familiar contra mulher. declaro a incompetência deste Juizado Especial Criminal para processar e julgar o presente feito e. tendo em vista que o autor do fato é ex-companheiro da vítima. S. nos termos do art.Juiz(a): RICARDO SALAME GUIMARAES Autor: Flavio Soares Cariri Lopes Vítima: N.Difamacao em 02/09/2010 .2.Juiz(a): RICARDO SALAME GUIMARAES Autor: Carlos Augusto Miranda Tavares Vítima: P. quanto aos respectivos crimes previstos no art.Terça-Feira. conclusos. 08. o trânsito em julgado desta decisão redistribua-se.Juiz(a): RICARDO SALAME GUIMARAES Autor: Joao Alves Pontes Vítima: O. V.

de L. CERTIDÃO I) Nos termos da Resolução nº. 006/2006. CERTIDÃO I) Nos termos da Resolução nº. III) Quando for o caso. III) Quando for o caso.Juiz(a): RICARDO SALAME GUIMARAES Autor: Raquel Sueli Nobre De Menezes e Deluise Micheline Maia Otto Vítima: O. para realização de Audiência Preliminar. designo o dia 02/02/2011. IV) Junte-se aos autos Certidão de Antecedentes Criminais do(s) autor(es) do fato. oficie-se ao Centro de Perícias Científicas "Renato Chaves" para que forneça o Laudo de Lesão Corporal realizado na(s) vítima(s). 006/2006. M.às 09h00min.às 09h30min.059160-3 Ação: Tco/Ameaca em 10/09/2010 .Edição nº 4651/2010 . CERTIDÃO I) Nos termos da Resolução nº.059254-4 Ação: Tco/Desacato em 10/09/2010 . ser-lhe(s)-á nomeado Defensor Dativo. VI) Cientifique-se o Ministério Público. 10 de setembro de 2010. 006/2006. II) Intime(m)-se o(s) autor(es) do fato.às 09h45min. 10 de setembro de 2010. ser-lhe(s)-á nomeado Defensor Dativo.2.DIÁRIO DA JUSTIÇA . ser-lhe(s)-á nomeado Defensor Dativo. III) Quando for o caso.2. 006/2006.O/Outros em 10/09/2010 . Elizete Ferreira da Cunha Diretora de Secretaria da 4ª Vara de Juizado Especial Criminal PROCESSO: 2010. III) Quando for o caso.059156-2 Ação: Tco/Lesao Resciproca em 10/09/2010 .às 09h15min. II) Intime(m)-se o(s) autor(es) do fato. M. caso contrário. oficie-se ao Centro de Perícias Científicas "Renato Chaves" para que forneça o Laudo de Lesão Corporal realizado na(s) vítima(s). IV) Junte-se aos autos Certidão de Antecedentes Criminais do(s) autor(es) do fato. CERTIDÃO I) Nos termos da Resolução nº. dos S. caso contrário. D. Belém. ser-lhe(s)-á nomeado Defensor Dativo. IV) Junte-se aos autos Certidão de Antecedentes Criminais do(s) autor(es) do fato. ser-lhe(s)-á nomeado Defensor Dativo. caso contrário.2.2. A. para realização de Audiência Preliminar. CERTIDÃO I) Nos termos da Resolução nº. Belém. designo o dia 26/01/2011. Elizete Ferreira da Cunha Diretora de Secretaria da 4ª Vara de Juizado Especial Criminal PROCESSO: 2010. Elizete Ferreira da Cunha Diretora de Secretaria da 4ª Vara de Juizado Especial Criminal PROCESSO: 2010. IV) Junte-se aos autos Certidão de Antecedentes Criminais do(s) autor(es) do fato. CERTIDÃO I) Nos termos da Resolução nº. Belém. III) Quando for o caso.Terça-Feira. CERTIDÃO I) Nos termos da Resolução nº. M. advertindo este(s) de que deverá(ão) comparecer à audiência acompanhados de Advogado. advertindo este(s) de que deverá(ão) comparecer à audiência acompanhados de Advogado.Juiz(a): RICARDO SALAME GUIMARAES Autor: Elivelton Santarem De Lima Vítima: E.2. 10 de setembro de 2010. 14 de Setembro de 2010 do fato. III) Quando for o caso.às 09h00min.2. C.Juiz(a): RICARDO SALAME GUIMARAES Autor: Antonio Pinto Ramos Vítima: D. ser-lhe(s)-á nomeado Defensor Dativo.059152-0 Ação: Tco//Lesao Corporal em 10/09/2010 . Belém. II) Intime(m)-se o(s) autor(es) do fato. 10 de setembro de 2010. caso contrário. IV) Junte-se aos autos Certidão de Antecedentes Criminais do(s) autor(es) do fato. oficie-se ao Centro de Perícias Científicas "Renato Chaves" para que forneça o Laudo de Lesão Corporal realizado na(s) vítima(s). VI) Cientifique-se o Ministério Público.O/Outros em 10/09/2010 . designo o dia 12/01/2011. VI) Cientifique-se o Ministério Público.2. VI) Cientifique-se o Ministério Público.059148-9 Ação: Tco/Lesao Resciproca em 10/09/2010 . ser-lhe(s)-á nomeado Defensor Dativo. VI) Cientifique-se o Ministério Público. Elizete Ferreira da Cunha Diretora de Secretaria da 4ª Vara de Juizado Especial Criminal 111 .às 09h45min. IV) Junte-se aos autos Certidão de Antecedentes Criminais do(s) autor(es) do fato. CERTIDÃO I) Nos termos da Resolução nº. designo o dia 12/01/2011.Juiz(a): RICARDO SALAME GUIMARAES Autor: Maria Da Luz Pantoja Lima Vítima: A.2. advertindo este(s) de que deverá(ão) comparecer à audiência acompanhados de Advogado. oficie-se ao Centro de Perícias Científicas "Renato Chaves" para que forneça o Laudo de Lesão Corporal realizado na(s) vítima(s). VI) Cientifique-se o Ministério Público. II) Intime(m)-se o(s) autor(es) do fato. VI) Cientifique-se o Ministério Público. Elizete Ferreira da Cunha Diretora de Secretaria da 4ª Vara de Juizado Especial Criminal PROCESSO: 2010.C. B. 006/2006. designo o dia 31/01/2011. advertindo este(s) de que deverá(ão) comparecer à audiência acompanhados de Advogado. para realização de Audiência Preliminar. para realização de Audiência Preliminar.Juiz(a): RICARDO SALAME GUIMARAES Autor: Carlos Alberto Meguins Matos Vítima: E. para realização de Audiência Preliminar. VI) Cientifique-se o Ministério Público.C. caso contrário.TJ/PA . II) Intime(m)-se o(s) autor(es) do fato. oficie-se ao Centro de Perícias Científicas "Renato Chaves" para que forneça o Laudo de Lesão Corporal realizado na(s) vítima(s). 006/2006. advertindo este(s) de que deverá(ão) comparecer à audiência acompanhados de Advogado. II) Intime(m)-se o(s) autor(es) do fato.Juiz(a): RICARDO SALAME GUIMARAES Autor: Ivone Mendes De Campos e Katia Silene De Araujo Vítima: O. ser-lhe(s)-á nomeado Defensor Dativo. oficie-se ao Centro de Perícias Científicas "Renato Chaves" para que forneça o Laudo de Lesão Corporal realizado na(s) vítima(s). 006/2006. designo o dia 12/01/2011.Juiz(a): RICARDO SALAME GUIMARAES Autor: Cosme Cordeiro Dos Santos e Daniel Ramoa Farias Vítima: O. VI) Cientifique-se o Ministério Público. caso contrário. II) Intime(m)-se o(s) autor(es) do fato. Elizete Ferreira da Cunha Diretora de Secretaria da 4ª Vara de Juizado Especial Criminal PROCESSO: 2010. para realização de Audiência Preliminar. 10 de setembro de 2010. 10 de setembro de 2010. 10 de setembro de 2010. S.Juiz(a): RICARDO SALAME GUIMARAES Autor: Leonardo Pereira De Sousa e Adson Jagno Lima Da Costa Vítima: S. Belém. designo o dia 12/01/2011. 10 de setembro de 2010.059180-1 Ação: Tco/Ameaca em 10/09/2010 . Elizete Ferreira da Cunha Diretora de Secretaria da 4ª Vara de Juizado Especial Criminal PROCESSO: 2010. II) Intime(m)-se o(s) autor(es) do fato. Belém. Belém. IV) Junte-se aos autos Certidão de Antecedentes Criminais do(s) autor(es) do fato. advertindo este(s) de que deverá(ão) comparecer à audiência acompanhados de Advogado. para realização de Audiência Preliminar. Elizete Ferreira da Cunha Diretora de Secretaria da 4ª Vara de Juizado Especial Criminal PROCESSO: 2010. III) Quando for o caso. Belém. oficie-se ao Centro de Perícias Científicas "Renato Chaves" para que forneça o Laudo de Lesão Corporal realizado na(s) vítima(s). 006/2006. IV) Junte-se aos autos Certidão de Antecedentes Criminais do(s) autor(es) do fato. advertindo este(s) de que deverá(ão) comparecer à audiência acompanhados de Advogado. caso contrário. caso contrário.059226-3 Ação: T.às 10h00min. 10 de setembro de 2010. Elizete Ferreira da Cunha Diretora de Secretaria da 4ª Vara de Juizado Especial Criminal PROCESSO: 2010. III) Quando for o caso.às 09h15min. oficie-se ao Centro de Perícias Científicas "Renato Chaves" para que forneça o Laudo de Lesão Corporal realizado na(s) vítima(s). advertindo este(s) de que deverá(ão) comparecer à audiência acompanhados de Advogado. Belém. para realização de Audiência Preliminar.059248-7 Ação: T. designo o dia 12/01/2011.

DIÁRIO DA JUSTIÇA .TJ/PA . 14 de Setembro de 2010 112 .Terça-Feira.Edição nº 4651/2010 .

Decisão unânime.Data de Julgamento: 13/09/2010 . dos S. Ementa: Habeas Corpus. 20103011678-0 . Perda de objeto.853/89.CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS . Não conhecimento. Edgar de Souza Santos) Impetrado: Secretario de Estado de Administração do Estado do Pará Litisconsorte Passivo Necessário: Instituto Movens Ementa: MANDADO DE SEGURANÇA. DENEGADA.: Mandado de Segurança . 1. pelo impetrado. Ausência de documentos hábeis para a análise.: Habeas Corpus Liberatório com Pedido de Liminar . pelos depoimentos. prestados perante o Judiciário. L.Adv Paciente: Anderson de Souza Farias Procurador(a) de Justiça: Ricardo Albuquerque da Silva Ementa: Habeas corpus liberatório com pedido de liminar.: Habeas Corpus Para Declaração de Ilicitude de Prova e Nulidade da Reconstituição do Crime com Pedido de Liminar . VAGA DESTINADA A CANDIDATA portadora de necessidade especial.PRISÃO PREVENTIVA . Não conhecimento. Paciente: Daniel Costa de Souza Vitima: E.Impetrante: Marcos Vinicius Nascimento de Almeida .Data de Julgamento: 10/09/2010 .Data de Julgamento: 10/09/2010 . em caráter inquisitorial. Violação da ampla defesa e do contraditório. o Juízo a quo. Raimundo Holanda Reis . os termos de depoimento juntados aos autos da ação penal advém de um procedimento ministerial legal e inquisitório.Adv. Ementa: Habeas corpus liberatório com pedido de liminar. Acórdão 90867 . Preliminar de perda de objeto. Improcedência. Ausência de documentos. Ricardo Ferreira Nunes .Proc.Proc.DIÁRIO DA JUSTIÇA . a certeza da autoria. V.Data de Julgamento: 31/08/2010 . Constrangimento ilegal. Os depoimentos retificadores.Def Pub Paciente: Iranildo Souza Borges Procurador(a) de Justiça: D. bem como reconhecimento de sua compatibilidade com as atribuições do cargo. exarado decisão. 20103014178-7 Rec. não havendo. nº. Vitima: M.Proc. do qual são derivações o direito à ampla defesa e ao contraditório.Relator(a): Des(a).Relator(a): Des(a).Rec.Relator(a): Des(a). 20093017368-4 . nº. qualquer obstáculo que a impeça de concorrer à vaga almejada. nº. tem o fito de apurar ameaças às partes e testemunhas. Além do mais. ANTE AOS DEPOIMENTOS PRESTADOS POR VÍTIMAS E TESTEMUNHAS EM JUÍZO .Terça-Feira. respeitada a garantia constitucional no sentido de tratamento diferenciado quanto ao teste a ser desempenhado.Relator(a): Des(a).CÂMARAS CÍVEIS REUNIDAS . pois. 20103012430-3 .Impetrante: Monica Palheta Furtado Belém Dias . Ronaldo Marques Valle . ainda está passível de apuração no decorrer da instrução processual.Me (Adv. Decisão unânime. porém. do S. pois.Impetrante: Yone Rosely Frances Lopes . Paciente: Anderson Cruz da Silva Vitima: R. Writ prejudicado.Comarca: Belém . À UNANIMIDADE. Procurador(a) de Justiça: Ester de Moraes Neves de Outeiro Ementa: Habeas corpus para declaração de ilicitude de prova e nulidade da reconstituição do crime com pedido de liminar.Impetrante: Andre Luyz da Silveira Marques . A falta de comprovação dos requisitos pessoais favoráveis impede a análise do implícito pedido de liberdade provisória. não se conseguiu estabelecer a presença de qualquer fundamento autorizador da constrição processual. Tendo. depois do que foi colhido na audiência. Liberdade provisória concedida pelo Juízo a quo. 113 . C.Impetrante: Renata de Oliveira Cavalcante (Adv. e Valério Saavedra . Em sendo assim. Unânime. Excesso de prazo.Relator(a): Des(a). Ricardo Ferreira Nunes . Denegação.: Habeas Corpus Liberatório com Pedido de Liminar .Comarca: Acará . nº. Ronaldo Marques Valle . 7. Roubo qualificado. R. O habeas corpus não foi instruído com os documentos necessários ao exame da tese de nulidade da reconstituição do crime. sem que isso viole as garantias constitucionais do devido processo legal. não tendo sido. Raimundo Holanda Reis . Ausência de fundamentação. Liberdade provisória concedida pelo Juízo a quo.Adv. ficando sujeito às circunstâncias factuais do processo e. 1. e. considerando a ausência de qualquer fato superveniente a justificar que seja conferida decisão diversa daquela não se conhece da ordem. 3.CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS .CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS . concedendo liberdade provisória ao paciente. EFEITO MODIFICATIVO. É pacífico na jurisprudência pátria que o Parquet é autorizado por lei a proceder investigações policiais. Procurador(a) de Justiça: Cláudio Bezerra de Melo Ementa: CRIMINAL.AUTORIA DUVIDOSA. Nulidade da reconstituição do crime. em tese.Relator(a): Des(a).Data de Julgamento: 31/08/2010 . o excesso de prazo. além do paciente possuir requisitos pessoais para responder ao processo em liberdade.Impetrante: Ney Gonçalves de Mendonça Junior .Rec. o que vem provocando a delonga na marcha processual. mormente quando a própria defesa contribui para o retardamento do feito. 2. que insiste na localização de testemunhas de acusação. à unanimidade.Adv.EXCESSO DE PRAZO.Comarca: Parauapebas . Prova ilícita. OMISSÃO SANADA.: Habeas Corpus Liberatório com Pedido de Liminar . In casu. que por si. Acórdão 90871 . já ensejaria a imediata reparação pela via eleita. Ordem concedida. excluindo. houve violação a princípios básicos e normas legais. Acórdão 90873 .Proc. 20073007321-6 . REJEITADA.Proc.CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS . como a Lei n°. O procedimento investigatório instaurado pelo Ministério Público. pois diligências foram requeridas pelo Promotor de Justiça. pelo que resta impedido o exame do pleito. logicamente. Liberdade provisória.: Habeas Corpus Liberatório com Pedido de Liminar .: Habeas Corpus Liberatório com Pedido de Liminar . que dispõe sobre a integração social das pessoas portadoras de deficiência. P. V. Acórdão 90870 . Processo paralelo à ação penal conduzido pelo Ministério Público.: Mandado de Segurança . Ordem denegada. Concurso Público.Data de Julgamento: 10/09/2010 . sobre os prestados na Polícia. em Juízo. Acórdão 90869 . Houve conhecimento prévio da debilidade da Impetrante. em que os acusados foram ouvidos.CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS .Impetrante: Osvaldo Serrão . Acórdão 90868 .Proc.CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS .Rec. 20103013593-8 . A priori se visualiza a materialidade do delito. à defesa do paciente. não a culpabilidade do paciente.Comarca: Belém .Data de Julgamento: 10/09/2010 . já que o edital do concurso não previu testes de capacitação física específicos para os deficientes classificados. julgada e decidida pelo Tribunal.Proc. até então. pois a deficiência deve ser compatível com as atribuições do cargo. A. NÃO PARTICIPAÇÃO EM PROVA DE CAPACIDADE FÍSICA. Raimundo Holanda Reis . Restando comprovado que o mandamus é mera repetição dos fundamentos utilizados em outra ação mandamental. Condições pessoais favoráveis. o que de fato é. HABEAS CORPUS . Prisão preventiva. Paciente: A. Paciente: Myrys Luana Rodrigues Farias Vitima: O. 14 de Setembro de 2010 DIVISÃO DE REGISTRO DE ACÓRDÃOS E JURISPRUDÊNCIA Acórdão 90866 . 2. debilidade compatível com o cargo. nº. não atribuída. À UNANIMIDADE. restando prejudicada a alegação de inépcia da inicial. Ausência de intimação da defesa para o ato. Raimundo Holanda Reis .Adv. ADMISSIBILIDADE. Walter Felix de Macedo) Impetrado: Secretário de Estado de Fazenda do Pará (Elisio Augusto Velloso Bastos) Ementa: EMBARGOS DE DECLARAÇÃO. RECURSO CONHECIDO E PARCIALMENTE PROVIDO.Relator(a): Des(a). da S. pois esta.Comarca: Belém . resta prejudicada a análise do mérito do mandamus. não havendo por que se falar sobre perda de objeto ou decadência do direito. DELIMITAÇÃO DO VALOR DA CAUSA. devem prevalecer. Tráfico de drogas e associação para o tráfico. nº.016/09. M.Impetrante: Rodrigues e Alho LTDA . com a fuga dos réus e obrigação de expedição de edital para citação.Rec. que foi indeferido no decorrer da tramitação do mandamus pela autoridade coatora. das vítimas e testemunhas de acusação. está configurado. O prazo para a conclusão da instrução criminal não é improrrogável. ou seja. APROVAÇÃO NA PRIMEIRA FASE. SEGURANÇA CONCEDIDA.Proc. Reiteração de pedido.Edição nº 4651/2010 .Adv. regulado pelo princípio da razoabilidade.TJ/PA . 20103011226-7 Rec. 23 da Lei n° 12. nº. Acórdão 90872 . que deve ser rigorosamente apurada na instrução processual. E. Ordem denegada. nesta hipótese.Data de Julgamento: 10/09/2010 . A convocação da Impetrante para a prova de capacidade física deu-se em descompasso com a legalidade.CÂMARAS CÍVEIS REUNIDAS . Preliminar de inépcia da inicial.Comarca: Belém . nº. 20103011500-5 Rec. também. Violação a direito líquido e certo.Comarca: Belém . O Mandamus obedeceu ao prazo de 120 dias determinado pelo art. O Edital do Certame proíbe expressamente recursos contra o resultado final das provas objetivas.Comarca: Santarém .Relator(a): Des(a). inexiste. Procurador(a) de Justiça: Luiz Cesar Tavares Bibas Ementa: Habeas corpus.Rec.

inegavelmente. modificativo ou extintivo dos fatos alegados pela comissão apuradora do PAD. apenas.Prevê o Regime Jurídico Único dos Servidores o prazo de 180 (cento e oitenta) dias. Art. Paulo Henrique Menezes Correa Junior) Impetrado: Governadora do Estado do Pará Ementa: MANDADO DE SEGURANÇA . I . SERVIDOR PÚBLICO.Data de Julgamento: 30/08/2010 .Data de Julgamento: 13/09/2010 . NÃO ACOLHIDA. J. somado ao fato de que. 171 do CP. dentro do número de vagas previstas em edital. contrariedade.Data de Julgamento: 08/09/2010 .Recorrente: Silvio Augusto Sarmanho (Adv. nº. nº. como não restou configurado que o indiciado tenha percebido vantagens patrimoniais com os desvios dos objetos acima mencionados. denotando a falta de diligência do recorrente no cumprimento a contento das ordens judiciais. algumas. Procurador(a) de Justiça (convocada): Maria Célia Filocreão Gonçalves Ementa: Habeas Corpus. haja vista que. mas apenas suspendêlo. nº.Relator(a): Des(a).Comarca: Belém .O candidato aprovado em concurso público.Proc.DIREITO SUBJETIVO PÚBLICO .Data de Julgamento: 31/08/2010 . 02. Israel Barbosa e outros) Recorrido: Decisão da Corregedoria de Justiça das Comarcas do Interior Ementa: RECURSO ADMINISTRATIVO. nº. como Secretário do Juizado Especial. não merece prosperar. direito subjetivo para o candidato aprovado dentro do número de vagas previstas em edital.ora recorrente . Leonardo de Noronha Tavares . IV. nº. a justificativa do recorrente. 20103003304-1 . Art. INFRINGÊNCIA A ALGUNS DEVERES DE OFÍCIO. em contrapartida. não devendo a ordem ser conhecida nesta parte.: Mandado de Segurança .Comarca: Curuca . IVO fato chegou ao conhecimento da Diretoria do Fórum Cível. III. Pedido de revogação de prisão preventiva e trancamento de ação penal. Vânia Lucia Silveira . tornam-se vinculados. II .: Autos de Habeas Corpus Preventivo com Pedido de Liminar . parágrafo único do CP. SANÇÃO MANTIDA. Nizomar Guimarães Carneiro Junior e Ruy Guilherme Amanajas Maués (Adv. I e II c/c art. 0767/DFC/2009. 20103013580-5 . apesar do despacho exarado à fl. VI .As provas colidas no PAD demonstram a prática de infrações administrativas cometida pelo recorrente.Comarca: Ponta de Pedras . NEGADO. Segurança concedida. pois. Sentença penal condenatória. a finalidade da pena administrativa não é somente repressiva.CONSELHO DA MAGISTRATURA . Habeas corpus. a conduta funcional. Ordem parcialmente conhecida e nesta parte denegada. a partir da data em que o fato se tornou conhecido.Proc.Relator(a): Des(a). evidentemente. Omissão. Acórdão 90878 . Posterior decreto preventivo. nº. haja vista que o recorrente cometeu falta grave e o grau de censurabilidade de sua conduta é tido como médio.: Embarcos de Declaração com Efeitos Modificativos . quando tal atraso acarretar prejuízo ao servidor recorrente. Acórdão 90877 . respeitando-se. Improcedência. Decisão unânime. se assim for possível. portanto. PRELIMINAR DE EXCESSO DE PRAZO. Art.Edição nº 4651/2010 . Vânia Lucia Silveira .Adv.Data de Julgamento: 08/09/2010 .Recurso improvido.Proc.CONSELHO DA MAGISTRATURA .CONCURSO PÚBLICO .Impetrante: Napoleão Nicolau da Costa Neto . isto é. foram asseguradas ao acusado . pois. III. o recorrente não demonstrou a existência de fato impeditivo. PRELIMINAR DE ARQUIVAMENTO. 14 de Setembro de 2010 Acórdão 90874 . 107. Ronaldo Marques Valle . 41 do CPP.Comarca: Santa Izabel do Pará .Ao que se vê pelo teor dos autos. II . também. penso que mais uma vez andou bem a decisão recorrida ao não demiti-lo. I.NOMEAÇÃO . Fernando Ricardo Cabral Wanzeller) Recorrido: Decisão da Diretoria do Forum Cível da Comarca de Belém Ementa RECURSO ADMINISTRATIVO. a função terapêutica/pedagógica. Writ prejudicado. Alegação preliminar de extinção da punibilidade por prescrição da pretensão executória. através da publicação da portaria nº.Rec. 288. 2.Data de Julgamento: 13/09/2010 . a nomeação e posse. 062/2008-CJCI ter permanecido na Secretaria da 1ª Vara de Xinguara.Comarca: Belém . que seriam.Proc. possui direito líquido e certo à nomeação.Rec. restou devidamente comprovada. Débito alimentar. logo. PRESCRIÇÃO. Tal comportamento. nº. Impugnação de prisão temporária.Apelante: Rubens Soares Ribeiro da Silva (Adv. Vinicius Domingues Borba) Recorrido: Decisão da Corregedoria de Justiça das Comarcas do Interior Ementa: RECURSO ADMINISTRATIVO.Recorrente: Kelton Silva da Silva (Adv.CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS .CANDIDATOS . além do que seria razoavelmente tolerável. pelo instrumento convocatório. Decisão unânime. o prazo legal de 180 (cento e oitenta) dias V .Recorrente: Marino Ferreira da Cruz (Advs. 157.Rec. 20103011324-9 . Prisão civil. em 12/05/2009.Rec. rejeitam-se os embargos de declaração que.DIÁRIO DA JUSTIÇA . reexaminar o mérito do remédio heróico denegado. Eliana Rita Daher Abufaiad .Rec. para a circunstância da Portaria nº. Acórdão 90879 .Impetrante: Elcio Souza da Silva. a oportunidade de repensar de forma séria a sua conduta. III . dentre as quais. observa-se que. deve a mesma possuir.Proc. PRÁTICA DE INFRAÇÕES DISCIPLINARES DEVIDAMENTE PROVADAS NA INSTRUÇÃO DO RESPECTIVO PROCESSO ADMINISTRATIVO DISCIPLINAR. sem o devido cumprimento. mas.Adv. uma vez que foi garantido ao recorrente o exercício irrestrito da ampla defesa e do contraditório. 114 .Relator(a): Des(a).O excesso de prazo para a conclusão do processo administrativo disciplinar não conduz à sua nulidade.: Autos de Habeas Corpus Liberatório com Pedido de Liminar e Para Trancamento de Ação Penal . MÉRITO. não pretendem buscar aclarar aquela. Não havendo qualquer omissão. mostra-se absolutamente improcedente o argumento de que teria havido violação ao devido processo legal no caso em exame. gerando. 20103007592-8 . há supressão de instância.SEGURANÇA CONCEDIDA. atos discricionários.todas as possibilidade de produção de provas e manifestação sobre as peças anexadas aos autos. Não havendo apreciação de pedido de revogação de prisão preventiva pelo juízo a quo.Relator(a): Des(a). Paciente: Rafael Nunes Ferreira . Paciente: Antonio Ezivaldo Elias da Silva Procurador(a) de Justiça: Cláudio Bezerra de Melo Ementa: Embargos de declaração.TRIBUNAL PLENO .Data de Julgamento: 08/09/2010 . 20103011896-8 .Comarca: Belém .Precedentes do Supremo Tribunal Federal e do Superior Tribunal de Justiça.Quanto ao mérito. A. de acordo com a necessidade do serviço público.: Recurso Administrativo . objeto também de apuração em âmbito penal. RECURSO IMPROVIDO.Terça-Feira.Rec.CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS . REFUTADA.CÂMARAS CRIMINAIS REUNIDAS . da necessidade de a Administração prover determinado número de vagas. 2º.Relator(a): Des(a). Eliana Rita Daher Abufaiad .Impetrante: Jose Maria Coelho da Paz Filho .Rec. determinando-se a abertura do PAD em 28/09/2009. a sua postura era a de cumprir com suas atribuições.Adv. II e art. sendo possível. a princípio. 112. Portanto.: Recurso Administrativo .Comarca: Belém . Acórdão 90881 . S. estando.Relator(a): Des(a).Data de Julgamento: 30/08/2010 . IIVerifica-se o acerto da decisão recorrida. 136 (cento e trinta e seis) dias após o conhecimento dos fatos. encontram-se o zelo na guarda das armas e cestas básicas provenientes de processos. VOTAÇÃO UNÂNIME.: Recurso Administrativo . art. e.Não há qualquer previsão legal que impeça à autoridade responsável pelo PAD apurar os fatos denunciados enquanto o investigado estiver em gozo de qualquer licença. PENA DE SUSPENSÃO POR NOVENTA DIAS.DIREITO LÍQUIDO E CERTO . I e II do CPB. Acórdão 90875 . Paciente: Hildelino Ramos Lino Procurador(a) de Justiça: Edna Guilhermina Santos dos Santos Ementa: Habeas Corpus preventivo. J. Adriana Ribas Melo) Apelado: A Justiça Publica Vitima: S. ambigüidade ou obscuridade na decisão vergastada. acarreta descrédito na população local em relação às atividades do Poder Judiciário. tida como irregular. I .Relator(a): Des(a).Comarca: Belém . confirmadas as declarações que ensejam a responsabilidade do servidor. Art.: Apelação Penal . H.A partir da veiculação. ao contrário. SERVIDOR PÚBLICO.TJ/PA . as juntadas de documentos nos processos ocorreram num significativo interstício temporal. nº. RECURSO IMPROCEDENTE. Efeitos modificativos.1ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA .CONSELHO DA MAGISTRATURA . RECURSO IMPROVIDO. a despeito das dificuldades expostas pelo recorrente para desenvolver seu mister na Secretaria Judicial da Vara de Xinguara. I. apenas.Rec. 157. 20103003352-0 . SANÇÃO MANTIDA. Procurador(a) de Justiça: Ester de Moraes Neves de Outeiro Ementa: Apelação Penal. II. Acórdão 90876 .Relator(a): Des(a). 109. § 2º. 20093014314-0 . oferecendo ao servidor que praticar conduta irregular.Proc. Vânia Lucia Silveira .APROVAÇÃO DENTRO DO NÚMERO DAS VAGAS OFERECIDAS PELA ADMINISTRAÇÃO . Não há que se falar em trancamento de ação penal quando a denúncia descreve fato típico e também quando preenche os requisitos do art. até porque. inclusive. não há como se falar que o processo administrativo em questão não obedeceu às formalidades legais. 1.Proc.Igualmente. não mera expectativa de direito.Outrossim. improcedentes."gugu" Vitima: F.Proc. 20103011466-9 . INOCORRÊNCIA. Acórdão 90880 .Impetrante: Marcos Marques de Oliveira . APLICAÇÃO DE PENA DE SUSPENSÃO POR TRINTA DIAS. Eliana Rita Daher Abufaiad .

Apelante: Justiça Publica Apelado: Raimundo Nonato dos Santos Guimarães (Nilbert Allyson Almeida de Moraes . aplicando a pena de acordo com o sistema trifásico. Insuficiência probatória. de A. A prescrição em relação a pena fixada na sentença condenatória conta-se a partir do trânsito em julgado para a acusação. Publico) Apelado: Justiça Publica Vitima: Bruna Kelly Begot da Silva Procurador(a) de Justiça: Dulcelinda Lobato Pantoja Ementa: Apelação Penal.Relator(a): Des(a).1ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA . deve a diminuição ser feita em sede recursal.: Apelação Penal . 1. Art.Edição nº 4651/2010 . havendo ainda circunstâncias que denotam que a droga seria vendida. deve-se considerar a data do recebimento de denúncia.: Apelação Penal .Proc. Concurso de pessoas. Pena legalmente fixada. A nulidade apontada necessita de manifestação no momento previsto em lei.Data de Julgamento: 31/08/2010 . Decisão unânime.Proc. e as demais fases. Unanimidade.Relator(a): Des(a). Incidência de Preclusão. 20093001125-6 .: Apelação Penal . Absolvição por negativa de autoria.Apelante: A. Mérito.Rec. embora.Def. Art. Desnecessário o exame pericial e a apreensão da arma de fogo para se caracterizar a causa de aumento de pena do emprego de arma. encontra-se dissociada das demais provas dos autos. 59. estabeleceu a pena aplicada a cada condenado e sua quantidade. e. Decisão unânime. situação que caracteriza nulidade insanável por cerceamento de defesa.Data de Julgamento: 31/08/2010 . Art. Edmundo Pinheiro Junior) Apelado: Justiça Publica Vitima: Claudionor Soares Cardoso e outros Procurador(a) de Justiça: Ana Tereza Abucater Ementa: Apelação Penal. apreciando a fundamentação da decisão condenatória. Quando o conjunto de provas produzidas na instrução processual for apto para comprovar a existência dos crimes. Precedentes. 33 da Lei nº. agiu com bom senso. Decisão unânime. Emprego de arma. 20093006529-5 . Sentença penal condenatória.Def. Recurso provido. Precedentes. Acórdão 90882 . Prova testemunhal suficiente para demonstrar a autoria dos recorrentes quanto aos crimes narrados na denúncia. verifica-se que o Juiz sentenciante agiu dentro dos critérios legais definidos no art. 571.: Apelação Penal . houver o transcurso do lapso temporal previsto para a prescrição da pena concretizada a quando da condenação.Rec. incisos I e II do CPB.Comarca: Moju . Mérito.343/1976.Relator(a): Des(a). 20093006115-2 Rec. Ausência de manifestação em momento oportuno. Carta precatória. Alegação de decisão emanada do Tribunal do Júri sob fundamentação extra jurídica. Recurso improvido. R. Acórdão 90886 . Acórdão 90884 . do CPB.Rec. 33.: Apelação Penal .Comarca: Conceição Do Araguaia . Improcedência. no caso. de S.Data de Julgamento: 31/08/2010 . 20093006518-8 . Improcedentes.Proc. Vania Lucia Silveira . Prescrição reconhecida. tenha sustentado versão diferente. Desproporcionalidade. Acórdão 90885 . nº. 214 e 224. Vânia Lucia Silveira . § 2º. § 4º da Lei nº. L.343/2006. Decisão unânime. 20093015253-9 .Relator(a): Des(a).Apelante: Ivanildo Azevedo Palmeiras (Adv. e O. nº. Não há que se falar em desclassificação do crime de tráfico para o de consumo de substâncias entorpecentes. Tráfico ilícito de entorpecentes.DIÁRIO DA JUSTIÇA . Decisão unânime.Relator(a): Des(a). Recurso conhecido e improvido.: Apelação Penal . Precedentes. Art. Havendo duas teses a serem analisadas. Decisão absolutória do Tribunal do Júri. 1. 121. 2. Sentença condenatória. Publica) Apelado: Justiça Publica Vitima: A. Inocorrência.Data de Julgamento: 31/08/2010 . 2. 2. 213. Luiz Renato Jardim Lopes e outros) Apelado: Justiça Publica Vitima: Selma dos Santos Coelho e Sg Fornecimento de Mao de Obra Procurador(a) de Justiça: Ana Tereza Abucater Ementa: Recurso de Apelação Penal. Precedentes. Conjunto probatório suficiente para embasar sentença penal condenatória. § 2º. Vania Lucia Silveira .Rec. Princípio do in dubio pro reo. Absolvição. Recursos improvidos. II do CPB. Preliminar de nulidade. atento às circunstâncias judiciais do art. Exacerbação da pena. as quais se mostram em perfeita consonância com a versão apresentada pela vítima. Prescrição superveniente na modalidade prescrição retroativa. nº.Apelante: Romualdo Cuimar Almeida (Julio de Masi Aguiar . pois ao apreciar as circunstâncias judiciais do art. Se o próprio magistrado sentenciante afirma que está presente a causa de diminuição de pena do art.1ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA . optando o Conselho de Sentença por alguma delas. Art.Proc.Proc. Impugnação da pena aplicada.343/2006. 11. Acórdão 90888 . Autoria e materialidade confirmada pelo conjunto probatório dos autos. Oferecido tempestivamente o rol de testemunhas até o número permitido. bem como o processo de dosimetria da pena. 1. A ausência da argüição faz incidir o instituto processual da preclusão. É irretocável a dosimetria da pena feita pelo magistrado se. § 2º. no exercício discricionário de sua função jurisdicional. Paulo de Tarso de Souza Pereira) Procurador(a) de Justiça: Ana Tereza Abucater Ementa: Apelações Penais. 1. pois foi encontrada grande quantidade de cocaína.Comarca: Cametá . Recurso parcialmente provido. razoabilidade e de acordo com os critérios previstos no Código Penal. com base nos depoimentos das testemunhas inquiridas tanto na fase inquisitiva quanto em juízo. Princípio do livre convencimento motivado. Paulo de Tarso de Souza Pereira) Apelado: Justiça Publica Vitima: O Estado Apelante: Dinilton Paiva Maciel (Adv. Princípio do livre convencimento motivado. mas não diminui a pena aplicada. 2. Procurador(a) de Justiça: Dulcelinda Lobato Pantoja Ementa: Apelação Penal. não tem o juízo o direito de dispensar a oitiva de qualquer uma delas sem a expressa desistência da parte interessada. 14 de Setembro de 2010 § 1º. não há previsão no tipo legal. porém. Art. Sentença penal condenatória. Quando há erro na fixação da pena base na sentença penal condenatória. não havendo qualquer ilegalidade na fixação da pena.Proc. 2. Materialidade e autoria do delito configuradas. Pub) Vitima: V. Decisão unânime. atento às circunstâncias judiciais do art. 115 . Depoimentos da vítima e das testemunhas de acusação não confirmados em juízo. Alegação de decisão contrária à prova dos autos.Proc.1ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA . 180. deve o mesmo ser corrigido em grau de recurso. Materialidade e autoria do delito configurada por laudo de constatação e prova testemunhal. II e IV do CPB.Data de Julgamento: 31/08/2010 . O julgador. Improcedente. Sentença modificada para aplicação da causa de diminuição no patamar mínimo de 1/6. nº. Cerceamento ao direito da acusação em ter formalizadas as provas de seu interesse. (Emilia Benigno Lima . 20093010436-6 . resta extinção a punibilidade.Apelante: Paulo Robson Santos da Silva (Julio de Masi . nº. nº.Comarca: Barcarena . não há que se falar em insuficiência de provas.Rec. nº. Acórdão 90887 . Vania Lucia Silveira . Conjunto de provas analisado e valorado escorreitamente pelo magistrado a quo. Dosimetria da pena. 11. A autoria do delito de receptação resta provada de forma induvidosa. 68.Defensor Publico) e Sidnei Pinheiro Teixeira (Advs. do Código Penal. 33 da Lei nº. Jefferson Massud Alves) Apelado: Justiça Publica Vitima: O Estado Procurador(a) de Justiça: Dulcelinda Lobato Pantoja Ementa: Apelação Penal. no exercício discricionário de sua função jurisdicional. M. caput. Arts. Inexistência de in dubio pro reo. Anulação da sentença penal. Recurso parcialmente provido. bem como de acordo com a confissão do próprio apelante perante a autoridade policial.1ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA . de A. Preliminar rejeitada.1ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA . Acórdão 90883 . do CPB. Recursos improvidos. A pena de multa deve ser anulada quando tiver sido aplicada indevidamente.Comarca: Afuá . 20103000432-3 . Impugnação quanto à suficiência de provas e às penas fixadas contra os recorrentes.Data de Julgamento: 31/08/2010 . Falta de previsão legal no caso. Alegação preclusa. em juízo.Apelante: Evandro Jorge Pereira Penha (Adv. não há que se falar em decisão contrária às provas dos autos. "a" do CPB.Def. Nulidade processual insanável. Vania Lucia Silveira . Vânia Lucia Silveira . Preliminar rejeitada. 1.Relator(a): Des(a).1ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA . Preliminar acolhida. 157. Oitiva de testemunha dispensada pelo juízo a quo. do CPB. 2. O julgador. e S.Relator(a): Des(a). 1. Pena de multa. 59 do CPB. 11. 1. VIII do CPP.1ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA . 1. sendo certo que no caso presente constatase claro cerceamento ao direito da acusação em ter formalizadas as provas de seu interesse. Decisão unânime.Comarca: Ananindeua . se desta data até o trânsito em julgado da sentença penal condenatória. Decisão do Tribunal do Júri com fundamento extra jurídico.TJ/PA . Fragilidade probatória. Autoria e materialidade do crime comprovadas. a qual.Rec. Tráfico ilícito de entorpecentes.Terça-Feira. Art. Procurador(a) de Justiça: Anabela Viana Ementa: Apelação Penal.Apelante: Arlindo Serra dos Santos (Adv.Comarca: Belém . Em se tratando de prescrição retroativa. 157. 59 do CPB.Data de Julgamento: 31/08/2010 .: Apelação Penal . Vânia Lucia Silveira . estabeleceu a pena aplicada e sua quantidade. A.

João Joaquim Martinelli) Apelado: Wanda Maria do Nascimento Ribeiro (Advs. in casu. LEI FEDERAL 9.EXCLUSÃO DAS QUALIFICADORAS DO MOTIVO TORPE E TRAIÇÃO CONSTANTES NA SENTENÇA DE PRONÚNCIA . 318.Proc.Proc. CARÁTER VINCULATIVO DA PROPOSTA .Proc.Fase processual em que prevalece o princípio in dúbio pro societate. Acórdão 90890 . por si só não é óbice ao conhecimento do Apelo. Acórdão 90897 . 20083002018-3 . REALIZADO O NEGÓCIO JURÍDICO EM 28/05/1992. ainda que caracterize praxe desaconselhável. Marcio Murilo Cavalcante de Lima e outros) Apelado: Prefeitura Municipal de Terra Alta (Adv. PRESCRIÇÂO. Waldir Macieira da Costa) Procurador(a) de Justiça: João Gualberto do Santos Silva Ementa: Apelação Cível. evidenciandose. PRAZO DE QUATRO ANOS. IMPLÍCITA INCIDÊNCIA SOBRE O VALOR DO DÉBITO ATÉ A CITAÇÃO E NÃO SOBRE O VALOR DA CAUSA.AUSÊNCIA DE PROVA SUFICIENTE DA POSSE ANTERIOR À DATA DO ALEGADO ESBULHO. Eliete de Souza Colares) Ementa: APELAÇÃO CÍVEL. 20053001430-3 . RELAÇÃO DE CONSUMO DEMONSTRADA . nº. Inteligência do artigo 2º da Lei nº 9. Ricardo Ferreira Nunes .SÚMULA 321 DO STJ. Ricardo Ferreira Nunes . O que se discute nas ações possessórias é a posse e não a propriedade sobre o bem.Comarca: Marabá . PRELIMINAR DE NULIDADE DE SENTENÇA ILÍQUIDA. tendo em vista que o Preparo encontra-se devidamente efetuado e acostado aos autos.Data de Julgamento: 02/09/2010 . resta demonstrado o nexo causal entre o falecimento do filho dos Apelados e o sinistro causado por embarcação segurada pela Apelante. À UNANIMIDADE.3ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA . TERMO INICIAL. a teor do que dispõe a Súmula nº.: Apelação Cível .Data de Julgamento: 30/08/2010 . A falta de pagamento das Custas Finais do Processo. 178. ORIGINAL INTERPOSTO FORA DO PRAZO DE CINCO DIAS. do STJ. OBRIGAÇÃO DE PAGAR OS ALUGUÉIS VENCIDOS E VINCENDOS ATÉ A EFETIVA ENTREGA DAS CHAVES E DEMAIS ENCARGOS LOCATÍCIOS. AUSÊNCIA DE LITIGÂNCIA DE MÁ FÉ. REJEITADA. A Apelante encontra-se vinculada. 585 DO CPC.Proc.3ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA . podendo.Proc. PROCEDIMENTO SUMARIO ADEQUADO. Acórdão 90895 . incumbe ao autor instruir a petição inicial da ação de reintegração possessória com as provas da anterioridade de sua posse. Maria de Nazaré Silva Gouveia dos Santos .Rec. REPAROS NO IMÓVEL.Comarca: Tucurui . Recurso conhecido e improvido. Acórdão 90893 .Relator(a): Des(a). 20093016072-2 . Haroldo Quaresma Castro) Ementa: APELAÇÃO CÍVEL.Comarca: Curuça . o que. Mancipor Oliveira Lopes e outros) Procurador(a) de Justiça: Maria da Conceição da Mattos Sousa Ementa: APELAÇÃO CÍVEL. nº. INTEMPESTIVIDADE RECURSAL. contados da data de interposição via fax. DECISÃO UNÂNIME.As dúvidas devem ser dirimidas pelo Conselho de Sentença . CONHECIMENTO E IMPROVIMENTO DO APELO . RECURSO CONHECIDO E IMPROVIDO. 20063000565-8 .Apelante: Vale S/A (companhia Vale do Rio Doce) (Adv. a fazer o que se obrigou por meio de sua publicidade. Cesar Ramos da Costa) Recorrido: Justiça Publica Vitima: S. 20103006120-8 Rec.DIÁRIO DA JUSTIÇA .Comarca: Santarém . é a que deve fixar o valor a ser pago. 20011000514-2 (Advs. Acórdão 90894 . 128/2005. REQUISITOS DO ART. Ricardo Ferreira Nunes .Edição nº 4651/2010 . INADMISSIBILIDADE. Arlene Mara de Sousa Dias e outros) Ementa: APELAÇÃO CÍVEL.3ª CÂMARA CRIMINAL ISOLADA . O prazo para a apresentação dos originais. 116 .Data de Julgamento: 03/09/2010 . RECURSO CONHECIDO E PARCIALMENTE PROVIDO. RECURSO CONHECIDO E IMPROVIDO. nº. Acórdão 90892 .Data de Julgamento: 30/08/2010 .Apelado: Augusto Cesar Almeida Vasconcelos (AdvS. é de cinco dias contados da recepção do fax.Rec. conforme entendimento da Súmula 321 do STJ. NÃO PREENCHIDOS OS REQUISITOS PREVISTOS NO ART.4ª CAMARA CIVEL ISOLADA . ENTREGA DAS CHAVES. A. AGRAVO RETIDO ANTERIORMENTE INTERPOSTO. RECUSA DO LOCADOR EM RECEBÊ-LAS.Rec. Maria Rita Lima Xavier . DO CC/2002). Procurador(a) de Justiça: Marcos Antonio Ferreira das Neves Ementa: RECURSO PENAL EM SENTIDO ESTRITO . Maura Célia Pereira Arruda) Ementa: APELAÇÃO CÍVEL.3ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA . V. in casu.Relator(a): Des(a). 20103001037-0 . In casu.Apelante: Jonilza Barros Caldas (Advs. Ausência do dever de indenizar DO APELANTE por não ser parte legítima na demanda. UNÂNIME. AUSÊNCIA DE LITIGÂNCIA DE MÁ FÉ. VALOR DO SEGURO. Haroldo Quaresma Castro) e Terezinha Rego Vital (Adv. PRETENSÃO DESCABIDA. Antonio Flavio Pereira Americo e outra) Apelante: Charles Pereira Knaul (Adv.Relator(a): Des(a).Data de Julgamento: 02/09/2010 .UNÂNIME. nº.Data de Julgamento: 03/09/2010 .Rec. QUANDO VIGIA O CÓDIGO CIVIL DE 1916. restou demonstrado.Relator(a): Des(a). § 9º.Terça-Feira. Maria Rita Lima Xavier . nº.: Apelação Cível . nº. decorrente do Seguro. À UNANIMIDADE Cabe ao Juiz decidir acerca da necessidade da prova. Maria Rita Lima Xavier . A Resolução nº.: Apelação Cível .3ª CÂMARA CÍVEL ISOLADA .Data de Julgamento: 03/09/2010 . à unanimidade. 558 DO CPC. Acórdão 90891 . Felix Antonio Costa de Oliveira e ARoberio Abdon Doliveira) Apelado: Custodio Maciel Mendes . INTERPOSIÇÃO DA PETIÇÃO DE RECURSO POR FAC-SÍMILE (FAX). 927. nº.Rede Brasil Amazônia de Televisão LTDA (Adv. não ocorreu.4ª CAMARA CIVEL ISOLADA . "B" DO CCB/1916 (REPRODUZIDO PELO ART. PREENCHIMENTO DO ART.Comarca: Marabá .: Recurso em Sentido Estrito .4ª CAMARA CIVEL ISOLADA . 178.Relator(a): Des(a). Nelson Bordallo Farias.IMPROVIMENTO DO RECURSO. IV DO CPC.IMPOSSIBILIDADE .4ª CAMARA CIVEL ISOLADA . Edilson Baptista de Oliveira Dantas) Apelante: Embratel . HONORÁRIOS ADVOCATÍCIOS. CONFORMIDADE COM O ART. Em se tratando de pedido certo. EMBARGOS À EXECUÇÃO.Rec.Comarca: Belém . o original foi interposto após os 05 (cinco) dias úteis. 275 CPC. Acórdão 90896 .Rec. determinar a realização daquelas que julgar necessárias. da turbação ou do esbulho praticado pelo réu e da data em que ocorreu um ou outro.Relator(a): Des(a).Relator(a): Des(a).TJ/PA .Proc.Comarca: Belém . Pedro Bentes Pinheiro Filho) Apelado: Juarez Nunes (Adv.Proc. 20063007675-8 . Ricardo Ferreira Nunes . CONHECIMENTO E IMPROVIMENTO DO APELO .: Apelação Cível . Irani de Fátima Teixeira Contente e outra) Ementa: APELAÇÃO CÍVEL.UNÂNIME. em vigor na data do sinistro.: Apelação Cível . para formar seu convencimento.Apelado: RBA . nº. CONTRATO DE LOCAÇÃO É TITULO EXIGIVEL. RECURSO CONHECIDO E IMPROVIDO NOS TERMOS DO VOTO. DOCUMENTOS UNILATERAIS. EXTINÇÃO ART.Data de Julgamento: 30/08/2010 . 178. REJEITADO. ILEGITIMIDADE PASSIVA NÃO CONFIGURADA. INADMISSIBILIDADE. Renato Tadeu Rondina Mandaliti e Danilo Alex de Oliveira Peleja) Apelado: Abilio Pereira Vital (Adv.Data de Julgamento: 30/08/2010 . SUCUMBÊNCIA RECÍPROCA. 20073007141-8 . 30 do CDC. À UNANIMIDADE.Proc. 30 DO CDC.: Apelação Cível . por força do art. RECURSO CONHECIDO E IMPROVIDO. CONTRATO DE LOCAÇÃO. AÇÃO MONITÓRIA.Comarca: Belém .800/99.Em observância ao princípio do Juiz natural somente é cabível à exclusão das qualificadoras manifestamente improcedentes . com o que demonstrará a anterioridade de sua posse. Na dicção do artigo 927 do Código de Processo Civil e seus incisos. UNÂNIME. § 9º. DEVE SER APLICADO O PRAZO QUADRIENAL PREVISTO NO ART. PEDIDO DE EFEITO SUSPENSIVO. DO CPC.Apelante: Bradesco Seguros S/A (Advs. NÃO ATENDIDOS . da S.Apelante: Espolio de Raimundo Fernandes de Oliveira e Outra . REJEITADA. Alessandro Puget Oliva) Ementa: APELAÇÃO CÍVEL. (Advs.Proc. ART. PREQUESTIONAMENTO INCABÍVEL. AÇÃO ANULATÓRIA DE NEGÓCIO JURÍDICO.Rec.: Apelação Cível . somente o autor tem interesse recursal em argüir o vício da sentença ilíquida. In casu.: Apelação Cível . a legitimidade desta para figurar no pólo passivo da ação e a respectiva obrigação de pagar o seguro em questão.Empresa Brasileira de Telecomunicações S/A. Decisão mantida. INEXISTÊNCIA DE OMISSÃO DA SENTENÇA. 269.800/1999. 20093016175-4 . REDUÇÃO. DECISÃO MANTIDA. V.Apelante: Fundação Atlântico de Seguridade Social (Adv. "B" DO REFERIDO CODEX. Indiscutível a relação de consumo existente entre as partes. o que.Rec. 20011000514-2 (Advs. Ação de Reintegração de Posse.Comarca: Belém .ART. 14 de Setembro de 2010 Acórdão 90889 . Dorivaldo de Almeida Belém) Apelante: Aldalita Sarmento Pinho (Adv.Apelado: Gilmar Conceição Costa (Adv. sob pena de intempestividade. AUSÊNCIA DE VISTORIA INICIAL E FINAL.Proc.Recorrente: Carlos Jorge da Silva Andrade (Adv. EXCLUSÃO DAS QUALIFICADORAS .Proc.Relator(a): Des(a). RECURSO NÃO CONHECIDO. Maria Rita Lima Xavier . pois. enviados anteriormente por fax. II. nº. ou dispensar as que entender inúteis e protelatórias.Relator(a): Des(a). Preliminar DE insuficiência do Preparo.

Fabio Augusto Queiroz das Neves. Acórdão 90900 . P. À UNANIMIDADE. INCIDÊNCIA.106/08.Proc. há nos autos comprovação pelos Apelantes da existência das Cadernetas de Poupança em nome dos Apelados.Edição nº 4651/2010 . DANO MORAL. A CULPABILIDADE DO APELANTE É INCONTESTÁVEL TENDO EM VISTA O EXAME DE DOSAGEM ALCOÓLICA PRESENTE NOS AUTOS E DEMAIS PROVAS. relatados e discutidos os autos.) Procurador(a) de Justiça: Maria da Graça Azevedo da Silva Ementa: APELAÇÃO CÍVEL. Katarina Roberta Mousinho de Matos Brandao e outra) Ementa: APELAÇÃO CÍVEL. III. PRECEDENTES DO STJ.Def.5ª CAMARA CIVEL ISOLADA . nº. que a Instituição Financeira é parte legítima para figurar no Pólo Passivo de ação de cobrança na qual o Autor visa receber diferenças não depositadas em cadernetas de poupanças. V.Relator(a): Des(a). no regime do Código Civil anterior.Data de Julgamento: 30/08/2010 . frente a inconstitucionalidade dos dispositivos utilizados como fundamento para a exigência do ICMS lançado à época. por unanimidade. devendo-se aplicar a lei nova. já que se discute o valor do principal. Jose Augusto Torres Potiguar e outro) Procurador(a) de Justiça: Manoel Santino Nascimento Junior Ementa: APELAÇÃO CÍVEL. a nova redação dada ao art. INCIDÊNCIA DE ICMS NOS TRANSPORTES AÉREOS DE CARGAS E PESSOAS. Diracy Nunes Alves .Data de Julgamento: 30/08/2010 . DENEGADA. 5. o entendimento de que o legislador procurou igualar as situações.Relator(a): Des(a). Acórdão 90899 . REEXAME NECESSÁRIO. em face do art. acordam os desembargadores que integram a 5ª Câmara Cível Isolada do TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO PARÁ.Rec. RECURSO CONTRÁRIO A jurisprudência dominante. nº. não mais impede a promoção por está sub judice.Proc. nº.Comarca: Ananindeua . MANTIDA A DECISÃO DE PRIMEIRO GRAU PELO REEXAME. C. "d".: Apelação Cível . DE ACORDO COM OS PRINCÍPIOS DA RAZOABILIDADE E PROPORCIONALIDADE.Sentenciante: Juízo de Direito da 3ª Vara Cível da Comarca de Marabá Sentenciado/Apelante: Estado do Para (Susanne Schnoll .Proc. Vistos. PRELIMINAR DE INCOMPETÊNCIA ABSOLUTA. Vistos. 2. Ricardo Ferreira Nunes .250/85. Plano Collor II. REJEITADA.Rec. PRELIMINAR DE NULIDADE DE SENTENÇA.Apelante: F. mantendo a sentença monocrática. Thaisa Cristina Cantoni Manhas e outro) Ementa: APELAÇÃO CÍVEL. 20103003443-7 . da Lei nº. DIREITO Adquirido do poupador . COBRANÇA INDEVIDA. em que são partes as acima indicadas. quando comparado ao art. relatados e discutidos os autos. MANTIDA A DECISÃO DE PRIMEIRO GRAU PELO REEXAME.Rec. AÇÃO DE ALIMENTOS. pela Lei nº. a turma conheceu do recurso e negou-lhe provimento. Acórdão 90902 .Proc.: Apelação Cível/Reexame de Sentença . em decorrência de Plano Collor. MANDADO DE SEGURANÇA.Rec.Proc. Representante: P. não merece prosperar. Diracy Nunes Alves . Ricardo Ferreira Nunes . 20093001837-7 .Apelante: Paulo Gama da Silva (Advs. I DO CÓDIGO PENAL). 14 de Setembro de 2010 Acórdão 90898 . por unanimidade de votos em conhecer e negar provimento ao Agravo Interno. 18.MAIORIA. COMPROVADA IMPOSSIBILIDADE. VOTAÇÃO UNÂNIME. do CC/16.5ª CAMARA CIVEL ISOLADA . em que são partes as acima indicadas.Comarca: Belém .Apelante: Banco Bradesco S/A (Adv. Acórdão 90904 . DECISÃO MONOCRÁTICA QUE CONCEDEU EFEITO SUSPENSIVO À APELAÇÃO EM RAZÃO DE ENTENDER NECESSÁRIA UTILIZAÇÃO DO PODER DE CAUTELA A FIM DE EVITAR QUALQUER DANO AO APELANTE. Edilane Andrade da Costa e outros) Sentenciado: Comandante Geral da Policia Militar do Estado do Para Procurador(a) de Justiça: Maria do Socorro Pamplona Lobato Ementa: APELAÇÃO CÍVEL. Preliminar de Inépcia da Exordial POR AUSÊNCIA DE documentos capazes de provar os fatos alegados. Acórdão 90903 . DENEGADA. acordam os desembargadores que integram a 5ª Câmara Cível Isolada do TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO PARÁ. AUSÊNCIA DO RÉU EM AUDIÊNCIA. a prescrição é vintenária. Nas ações em que são impugnados os critérios de remuneração da caderneta de poupança e são postuladas as respectivas diferenças. CONTA CORRENTE.Proc. REJEITADA. Preliminar de Ilegitimidade Passiva "ad causam". Plano Bresser e Plano Verão. INCONSTITUCIONALIDADE. Diracy Nunes Alves .Proc. consolidando. além do que. CONFIGURAÇÃO. 20093019028-2 . 935 DO CÓDIGO CIVIL E 94. INADMISSIBILIDADE. em que são partes as acima indicadas. Pedro Batista de Lima e outros) Apelado: J. (Ana Maria Valente Ferreira . RECURSO CONHECIDO E NEGADO PROVIMENTO . AGRAVO INTERNO CONHECIDO E IMPROVIDO. Pub. Diracy Nunes Alves . Acórdão 90901 .Proc. Ricardo Ferreira Nunes .Comarca: Belém .Terça-Feira. acordam os desembargadores que integram 117 . 5249/85.TJ/PA . 24.Comarca: Paragominas . ALÉM DA SUA CONDENAÇÃO NO JUÍZO CRIMINAL (ART. Estado) Sentenciado/Apelado: Gilson Dias Bezerra (Advs. Jose Américo Carneiro Carvalho e Eder Macias Primo (Advs.Apelante: Banco do Brasil S/A (Advs.Comarca: Belém . 20093017761-0 Rec.Relator(a): Des(a).Relator(a): Des(a). RECURSO CONHECIDO E PARCIALMENTE PROVIDO . Vistos. Restou decidido pelas Câmaras Cíveis reunidas que a competência para julgar feitos contra o Comandante Geral da Polícia Militar do Estado do Pará é do Juízo monocrático.Proc. POSSIBILIDADE. com base na lei complementar atacada e nos convênios firmados. Roberto Bruno Alves Pedrosa e outros) Apelado: Fabricio dos Reis Brandão (Advs. P. C.: Apelação Cível/Reexame de Sentença . ACIDENTE DE TRÂNSITO.Data de Julgamento: 02/09/2010 .: Apelação Cível . CODIGO DE DEFESA DO CONSUMIDOR. Jose Edgard da Cunha Bueno Filho) Apelado: Roberis dos Santos Nassar. A ação mandamental está devidamente instruída.Relator(a): Des(a). Resta claro o direito do Recorrido de ser promovido. REEXAME NECESSÁRIO.Relator(a): Des(a).Rec. ACOLHIDA PRELIMINAR. a turma conheceu do recurso e deu-lhe parcial provimento nos termos do voto da relatora. BOA FÉ OBJETIVA.Apelante: Antonio Gomes Moreira (Advs. B. acordam os desembargadores que integram a 5ª Câmaras Cível Isolada. O poupador tem direito de receber a remuneração sobre o capital depositado conforme o índice em vigor no início do período aquisitivo. 20093011919-1 . APELAÇÃO CONHECIDA E IMPROVIDA.: Apelação Cível .5ª CAMARA CIVEL ISOLADA . nº. PLANO VERÃO E PLANO COLLOR. composto por correção monetária e juros capitalizados.UNIMIDADE.UNÂNIME. V.4ª CAMARA CIVEL ISOLADA . DECISÃO MANTIDA.: Apelação Cível . INCRIÇÃO EM CADASTRO DE PROTEÇÃO DE CRÉDITO. 20093001353-3 . Estado) Sentenciado/Apelado: Taxi Aereo Kovacs S/A (Advs. CADERNETAS DE POUPANÇA. da Lei nº. fazendo-o com intuito manifestamente protelatório do pagamento da dívida que o complemento da caderneta de poupança representa. JUSTIFICADA. Jackson Carvalho Salustiano e outra) Apelado: Safira Botelho dos Santos (Adv.4ª CAMARA CIVEL ISOLADA . RECURSO CONHECIDO E IMPROVIDO. PAGAMENTO DEVIDO. APELAÇÃO CONHECIDA E IMPROVIDA.4ª CAMARA CIVEL ISOLADA . À UNANIMIDADE A incidência do tributo exigido pelo Apelante. RECURSO CONHECIDO E PROVIDO . O PENSIONAMENTO MENSAL POR MORTE EM 2/3 DO SALÁRIO MÍNIMO DECORRE DA PRESUNÇÃO DE AUXÍLIO DO DE CUJUS NAS FINANÇAS FAMILIARES.: Agravo Interno . 4º. (Advs. pois. Patrícia Anunciação das Chagas) Ementa AGRAVO REGIMENTAL CONVERTIDO EM INTERNO. nº. POLICIAL MILITAR SUB JUDICE. A apelação demonstra-se manifestamente improcedente. In casu.Relator(a): Des(a). da Lei nº. relatados e discutidos os autos. na medida em que investe contra a jurisprudência dominante. relatados e discutidos os autos.DIÁRIO DA JUSTIÇA . nos termos do voto da Desembargadora Relatora. PRESCRIÇÃO VINTENÁRIA. nos termos da fundamentação. São reiteradas as decisões em nossos Tribunais Superiores. 6.5ª CAMARA CIVEL ISOLADA .Comarca: Belém . violar o principio da igualdade. 7.Sentenciante: Juízo de Direito da 14ª Vara Cível da Capital Sentenciado: Delegado da 15ª Região Fiscal do Estado do Para Sentenciado/Apelante: Estado do Para (Fernando Augusto Braga Oliveira . Preliminar de nãoconhecimento do Apelo. O QUANTUM RELATIVO AO DANO MORAL FOI ARBITRADO LEVANDO EM CONSIDERAÇÃO AS POSSIBILIDADES E NECESSIDADES DAS PARTES.Data de Julgamento: 02/09/2010 . MANDADO DE SEGURANÇA. Jacy Siqueira Brasil. Amoras) Ementa: APELAÇÃO CÍVEL. por unanimidade. não se fazendo necessária qualquer dilação probatória.Data de Julgamento: 26/08/2010 . UMA VEZ PREENCHIDOS OS REQUISITOS DO FUMUS BONI IURIS E DO PERICULUM IN MORA. PROMOÇÃO NA CARREIRA. CERCEAMENTO DE DEFESA.Data de Julgamento: 26/08/2010 .Comarca: Marabá .669/04. em que são partes as acima indicadas. nº. PRELIMINAR DE CARÊNCIA DA AÇÃO POR IMPOSSIBILIDADE JURÍDICA DO PEDIDO. I. B.artigo 74. 20103000631-1 Rec. Vistos. Mario Rassi C. João Augusto da Costa Marinho e outros) Apelado: Iron Ferreira Ramires e iene Ramires Teixeira (Adv.Data de Julgamento: 30/08/2010 . nº.

acolhendo a preliminar de nulidade da sentença.Relator(a): Des(a).Data de Julgamento: 02/09/2010 . Vistos. 5. nº.: Apelação Cível .00 COM A COMPENSAÇÃO DOS VALORES RECEBIDOS ANTERIORMENTE. M. Francisco Lobo Duarte Batista) Procurador(a) de Justiça: Ana Lobato Pereira Ementa AGRAVO DE INSTRUMENTO. e J. DIANTE DO PEDIDO EXONERATÓRIO DO ALIMENTANTE. Marcus Vinicius Nascimento de Almeida) Agravado: C.Proc. 20103004922-0 .5ª CAMARA CIVEL ISOLADA . relatados e discutidos os autos. AÇÃO ORDINÁRIA DE RESTITUIÇÃO DE VALORES CUMULADA POR DANO MORAL EM RAZÃO DE INADIMPLEMENTO DE CONTRATO DE COMPRA E VENDA DE IMÓVEL POR CONSTRUTORA. APELAÇÃO CONHECIDA E PROVIDA. nº. RECURSO CONHECIDO E PROVIDO . DANO MORAL NÃO PODE SER DEFERIDO QUANDO OCORREM MEROS ABORRECIMENTOS EM RAZÃO DE NÃO CUMPRIMENTO CONTRATUAL. INVALIDEZ PERMANENTE DEVIDAMENTE COMPROVADA NO MEMBRO INFERIOR ESQUERDO LEVANDO A ATROFIA E PERDA DE 80% DA FLEXÃO DOS JOELHOS.UNÂNIME. DEVE SER RECONHECIDO O DIREITO DE INDENIZAÇÃO A TÍTULO DE DANOS MORAIS AO ADQUIRENTE DO IMÓVEL QUE NÃO RECEBE O BEM ADQUIRIDO POR FALHA DA CONSTRUTORA. em que são partes as acima indicadas. por unanimidade. por maioria. relatados e discutidos os autos. Acórdão 90906 .5ª CAMARA CIVEL ISOLADA .Proc. POSSIBILIDADE. em que são partes as acima indicadas. (Adv. Manuelle Lins Cavalcanti Braga e outros) Apelante: Jose Marivaldo Teixeira Cordeiro (Adv. por unanimidade. Vistos.Relator(a): Des(a). CONHECIDO E PROVIDO. DEVE SER ESTABELECIDO AMPLO CONTRADITÓRIO. 6º DA LICC DEVE SER ANALISADO O FATO DE ACORDO COM A LEGISLAÇÃO VIGENTE NA DATA DE SUA OCORRÊNCIA.Edição nº 4651/2010 . acordam os desembargadores que integram a 5ª Câmara Cível Isolada do TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO PARÁ. da S. S.Rec. Diracy Nunes Alves .Data de Julgamento: 26/08/2010 . STJ. SENTENÇA DE PRIMEIRO GRAU REFORMADA PARCIALMENTE UNÂNIME. acordam os desembargadores que integram a 5ª Câmara Cível Isolada do TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO PARÁ.UNÂNIME. conforme fundamentação da Relatora. relatados e discutidos os autos.: Agravo de Instrumento . PAGAMENTO DO TETO DE R$13. 118 .Rec. PRECEDENTE DO C. a turma conheceu do recurso e negou-lhe provimento para manter a decisão vergastada em todos os seus termos. nº.478/68. 20103011374-4 . Deusdedith Freire Brasil e outros) Ementa: APELAÇÃO CÍVEL.Comarca: Belém . Diorgeo Diovanny Mendes Silva) Ementa: APELAÇÃO CÍVEL. QUE PODE SE DAR: NOS MESMOS AUTOS EM QUE FORAM FIXADOS OS ALIMENTOS.Proc.5ª CAMARA CIVEL ISOLADA . INDENIZAÇÃO NA ESPÉCIE ARBITRADA EM R $10. em que são partes as acima indicadas.Comarca: Belém . APELAÇÃO CÍVEL. (Advs. Diracy Nunes Alves . nos termos do voto da Relatora.Rec. DPVAT. A. a turma conheceu e deu provimento ao recurso para considerar existente o dano moral e o dever de indenizar da apelada.DIÁRIO DA JUSTIÇA . nos termos do voto da Relatora. Jose Augusto Nogueira Sarmento e outros) Apelado: Orlando Maués Construções Ltda. A. Acórdão 90907 . AUSÊNCIA DE MERO DISSABOR DIÁRIO. APLICAÇÃO DO RITO ESPECIAL DA LEI Nº.Terça-Feira. OU POR MEIO DE AÇÃO PRÓPRIA DE EXONERAÇÃO. IMÓVEL CONTRATADO NÃO ENTREGUE. AÇÃO DE EXONERAÇÃO DE ALIMENTOS.000.Data de Julgamento: 02/09/2010 .500. acordam os desembargadores que integram a 5ª Câmara Cível Isolada do TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO PARÁ. nos termos da fundamentação.Agravante: A.00 (DEZ MIL REAIS). B. Diracy Nunes Alves . Vistos. por unanimidade.Comarca: Belém . PERDAS E DANOS EM FUNÇÃO DE CONTRATAÇÃO DE HONORÁRIOS NÃO MERECE PROVIMENTO SEM A COMPROVAÇÃO DA DESPESA EFETUADA E NEM PRESENÇA DO CONTRATO DE HONORÁRIOS.Apelante: Eronides Souza Primo e Eder Macias Primo (Advs. a turma conheceu do recurso e deu-lhe provimento.TJ/PA . Acórdão 90905 . 14 de Setembro de 2010 a 5ª Câmara Cível Isolada do TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO PARÁ. A. da S. CONFORME DISPÕE O ART. (Adv. 20103007073-8 . a turma conheceu do recurso e deu-lhe provimento. da S.Apelado: Bradesco Seguros (Advs.Relator(a): Des(a).: Apelação Cível . HOMENAGEM AOS PRINCÍPIOS DA INSTRUMENTALIDADE E A CELERIDADE PROCESSUAL.

Dr. Roberto Pereira Desa.Processo nº 01/2010. 119 . À unanimidade de votos foi deferido o pedido de Habilitação nos termos do voto da relatora. Após. Sr.. Odete da Silva Carvalho e Dra. 14 de Setembro de 2010 CEJAI (COMISSÃO ESTADUAL JUDICIÁRIA DE ADOÇÃO INTERNACIONAL) COMISSÃO ESTADUAL JUDICIÁRIA DE ADOÇÃO INTERNACIONAL ATA DA 6ª SESSÃO ORDINÁRIA DA COMISSÃO ESTADUAL JUDICIÁRIA DE ADOÇÃO INTERNACIONAL 6ª Sessão Ordinária da CEJAI. realizada no dia 10 de setembro de 2010. Des. Desa. José Maria Teixeira do Rosário. Presentes: Desa. Sra. Em votação.Terça-Feira. Em discussão. agradecendo a presença de todos. Não havendo mais nada a tratar. a Desa. sob a Presidência da Exma. Maria Rita Lima Xavier. Rubilene Silva Rosário) Ausência Justificada: Dr.Advogado: Dr. Eliana Rita Daher Abufaiad. Odete da Silva Carvalho que com a palavra leu o relatório e proferiu o voto. José Manoel Mendes Pedro. Presidente da Comissão Estadual Judiciária de Adoção Internacional. passou-se ao julgamento do seguinte feito: Pedido de Habilitação para Adoção Internacional em que são requerentes: ALBANO GIANLUCA e CONCETTA MICHELINO (Itália) . Requerida: CEJAI/PA . Relatora: Dra. declarou instalada a 6ª Sessão Ordinária da CEJAI-PA.TJ/PA .DIÁRIO DA JUSTIÇA . justificando a ausência do Exmo.Roberto Pereira. havendo número legal.Edição nº 4651/2010 . Dra. Em seguida foi aprovada a ata da sessão anterior. Eliana Rita Daher Abufaiad. Eliana Abufaiad declarou encerrada a presente sessão.

presente o ilustre representante do Ministério Público Dr. PROCESSO: 00200291120108140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 01/09/2010 AUTOR: MARIA JOSE BARBOSA ALBUQUERQUE ADVOGADO SELMA CLARA RODRIGUES RÉU: UNIMED . às 11:00 horas nesta cidade de BelémPará. O Representante do Ministério Público manifesta-se favorável a decisão do juízo.029. para eventual impugnação?. AMILCAR GUIMARÃES. c/c o artigo 1. A responsabilidade da curadora provisória será criminal.47. 25 PROCESSO: 00105015820078140301 Ação: Declaração de Ausência em: 01/09/2010 RÉU: CARLOS ALBERTO SILVESTRE DA SILVA AUTOR: HELENA SILVESTRE DA SILVA ADVOGADO PATRICIA SIMONE DOS SANTOS LIBONATI ADVOGADO ANA CRISTINA LOUCHARD PIRES.COOPERATIVA DE TRABALHO MEDICO LTDA. respondendo por apropriação indébita no caso de descumprimento. Nada mais havendo. Eu. MM JUIZ: Representante do MINISTÉRIO PÚBLICO: ADVOGADO REQUERENTE: PRTENSA CURADORA: ADVOGADO: PROCESSO: 00196021220108140301 Ação: Interdição em: 01/09/2010 INTERDITANDO: MARIA DOS PRAZERES SA AUTOR: MARIA INEZ CASTELO RASSY GARCEZ ADVOGADO MARIA DO P. que ajudou a criar todos os seus irmãos. RASSY TEIXEIRA..TJ/PA . AMILCAR GUIMARÃES DATA: 01/09/2010 HORA:11:30 h TERMO DE AUDIÊNCIA Ao primeiro dia do mês de setembro ano de dois mil e dez (2010). 740.Edição nº 4651/2010 . ambos do Código Civil Brasileiro. que a interditanda mora na casa dos pais da requerente desde seu nascimento.309-5 AÇÃO: CURATELA/ INTERDIÇÃO REQUERENTE: MARIA INEZ CASTELO RASSY GARCEZ ADVOGADO (A): MARIA DO PERPETUO SOCORRO RASSY TEIXEIRA INTERDITANDA: MARIA DOS PRAZERES SÁ REPRESENTANTE DO MINISTÉRIO PÚBLICO: DR.175-7 AÇÃO: CURATELA/ INTERDIÇÃO REQUERENTE: MARIA ESTUMANO CARNEIRO ADVOGADO (A): ELINELSON LUZ SANTANA PARTE INTERESSADA: MARIA ELZA DE MELO ESTUMANO ADVOGADO (A): MARIA DE NAZARÉ DA SILVA PEREIRA INTERDITANDA: LAURIVALDA MELO ESTUMANO REPRESENTANTE DO MINISTÉRIO PÚBLICO: DR. Após. Eu. PROCESSO: 00228611320108140301 Ação: Busca e Apreensão em Alienação Fiduciária em: 01/09/2010 RÉU: ANTIONIO CARLOS DA COSTA AUTOR: BANCO RODOBENS S/A ADVOGADO ALEX DOS SANTOS PONTE ADVOGADO ATENE PATRICIA BRITO DE ASSUNCAO. Nada mais havendo. que entregará metade do beneficio a cuidadora Maria Elza de Melo Estumano. o(a) representante do Ministério Público manifesta-se favorável à curatela definitiva de MARIA DOS PRAZERES SÁ . digitei e subscrevi. Em cumprimento a decisão constante nos autos do agravo de instrumento interposto pelo banco Autor. José Roberto Coimbra realizado o pregão constatou-se a presença das partes. na presença do JUIZ DE DIREITO Dr. que usará o dinheiro para alimentação.13/14 dos autos. às 11:30 horas nesta cidade de Belém-Pará.177 do Código de Processo Civil.DEF. na presença do JUIZ DE DIREITO Dr. item III. PROCESSO N. Aberta a audiência. que declarou ser filha de criação da interditanda. Juiz de Direito considerando o interrogatório do(a) interditando(a) e a oitiva do(a) autor(a) em audiência.1. A curadora provisória tratará da abertura de caderneta de poupança em nome da interditanda e nela depositará os valores que receber da previdência social como pagamento dos benefícios atrasados.SECRETARIA DA 1ª VARA CIVEL DE BELEM PROCESSO: 00266051420108140301 Ação: Reintegração / Manutenção de Posse em: 01/09/2010 AUTOR: BANCO SOFISA S/A ADVOGADO KEILA WIRGINIA MALHEIRO VALE RÉU: WHELHIDA SALES DE OLIVEIRA MORAIS. 14 de Setembro de 2010 FÓRUM CÍVEL SECRETARIA DA 1ª VARA CÍVEL DA CAPITAL RESENHA: 01/09/2010 A 01/09/2010 . com fulcro no artigo 1. lhe comprará os remédios necessários e vestuário.º 2010. lazer. Suspendo o processo executivo. mas a curadora será a requerente Maria Estumano Carneiro. que o único parente vivo da interditanda é uma irmã que mora no Maranhão. Após. digitei e subscrevi. Dada a palavra ao representante do MP. proceda-se a citação do requerido 120 .DIÁRIO DA JUSTIÇA . AMILCAR GUIMARÃES DATA: 01/09/2010 HORA:11:00 h TERMO DE AUDIÊNCIA Ao primeiro dia do mês de setembro ano de dois mil e dez (2010). e demais consumos residências como água e luz. determino seja expedido mandado de busca e apreensão do bem objeto da ação de busca e apreensão. PUBLICO INTERESSADO: RAIMUNDA LINDALVA GONCALVES DO NASCIMENTO INVENTARIANTE: ROSSIARA DE FATIMA NASCIMENTO RAMOS ADVOGADO JOSE PEREIRA MARQUES JUNIOR INVENTARIADO: ROSSOLIESE CLAUDIONOR DO NASCIMENTO INTERESSADO: ROTHERDAM NAZARETH GONCALVES DO NASCIMENTO INTERESSADO: TEREZINHA TAVARES DA SILVA. encerro o presente termo que vai por todos assinado. Roberta Bentes Santana estagiária. JOSE ROBERTO COIMBRA JUIZ: DR. o juízo decidiu o seguinte: a interditanda ficará residindo com a requerente Maria Elza de Melo Estumano. PROCESSO: 00225105620078140301 Ação: Inventário em: 01/09/2010 INTERESSADO: ELDA SORAIA NASCIMENTO MARTINS INTERESSADO: MARIANA DO SOCORRO GONCALVES DO NASCIMENTO INVENTARIANTE: MAYARA SAMARA DA SILVA NASCIMENTO ADVOGADO ALCIDES ALEXANDRE FERREIRA DA SILVA ADVOGADO ALCIDES ALEXANDRE FERREIRA DA SILVA . por sua vez. passou o Juízo a ouvir a interditanda que não foi capaz de responder as perguntas formuladas. O processo já está sentenciado. na sala de audiência. conforme substabelecimento de fls. que a interditanda faz sozinha higiene pessoal e alimentação. Arquivemse os autos.1.Terça-Feira.184 do mesmo Estatuto Processual e todos c/c o artigos 1.M. Expeça-se o alvará como requerido pela inventariante. Requer ainda que seja oficiado ao TRE para cancelamento de seu título eleitoral. Dada a palavra ao Advogado.BASA EMBARGANTE: JORGE TANAKA EMBARGANTE: JORGE TANAKA FLORES E PLANTAS ME EMBARGANTE: MARIA SUELY MIRANDA DE SOUZA TANAKA ADVOGADO EDUARDO ORLANDO CAVALLERO DE FREITAS ADVOGADO PAULO AUGUSTO DE AZEVEDO MEIRA. Diretora. Passou o juízo a ouvir a requerente. este nada perguntou e manifestou nos seguintes termos: ?M. PROCESSO: 00621544920098140301 Ação: Interdição em: 01/09/2010 INTERDITANDO: LAURIVALDA MELO ESTUMANO AUTOR: MARIA ESTUMANO CARNEIRO ADVOGADO ELINELSON LUZ SANTANA. CPC). Em apenso a ação executiva. encerro o presente termo que vai por todos assinado.767 e 1. este nada perguntou. cumpra-se o despacho de fls. Com a outra metade a curadora providenciará um plano de saúde para a interditanda. PROCESSO N. É o parecer que. fica condicionado ao prazo de 05(cinco) dias. Esta curatela é provisória e a secretaria deverá providenciar o termo. bem como o atestado médico de fls. produtos de higiene. S. Aberta a audiência. presente o ilustre representante do Ministério Público Dr. devendo prestar contas mensalmente do que gastar. O beneficio mensal recebido pela interditanda será administrado pela curadora. JOSE ROBERTO COIMBRA JUIZ: DR. Arquivem-se. AMILCAR GUIMARÃES. tendo como sua curadora MARIA INEZ CASTELO RASSY GARCEZ.140. O processo já está sentenciado. que a interditanda conta com 81 anos e mora com a depoente. que ainterditanda não tem bens em seu nome e recebe beneficio de um salário mínimo. Defiro o pedido de justiça gratuita.768. Após. MM JUIZ: Representante do MINISTÉRIO PÚBLICO: REQUERENTE: INTERDITANDA: ADVOGADO: PROCESSO: 00269132620108140301 Ação: Embargos à Execução em: 01/09/2010 EMBARGADO: BANCO DA AMAZONIA S/A . Intime-se o embargado para impugnar os embargos no prazo de 15 (quinze) dias (Art. que a interditanda faz uso de remédio controlado. bem como à Secretaria da Receita Federal e aos Cartórios de Registros Públicos. onde atesta ?que o(a) interditando(a) é portador(a) de necessidades especiais. na sala de audiência. José Roberto Coimbra realizado o pregão constatou-se a presença das partes.artigo 9º. O juízo suspende o feito por 180 (cento e oitenta) dias para melhor avaliação das medidas aqui tomadas. Proceda-se a alteração referente aos advogados da autora. O único patrimônio da interditanda são eventuais benefícios previdenciários cujo pagamento está atrasado.º 2009. arquivem-se.

Belém. Belém.TJ/PA . ADVOGADO CARLOS MAXIMIANO MAFRA DE LAET ADVOGADO IVANILDO RODRIGUES DA GAMA JUNIOR AUTOR: EDGARD MARIO DE MEDEIROS SOBRINHO ADVOGADO JOALENE SOCORRO SOUSA DA CRUZ AUTOR: JESUS DO BONFIM MARIO DE MEDEIROS ADVOGADO JOALENE SOCORRO SOUSA DA CRUZ AUTOR: RUBERTEX COM. ele próprio.DIÁRIO DA JUSTIÇA . 30 de agosto de 2010 Amilcar Guimarães Juiz de Direito 121 .UNIAO DE COM.A. A Sentença denegatória dos Embargos transitou em julgado. DA PIA UNIAO DO PAO STO. Amilcar Guimarães Juiz de Direito PROCESSO: 00154802119998140301 Ação: Embargos à Execução em: 26/08/2010 RÉU: BANCO AMERICA DO SUL S. EXTERIOR LTDA. ADVOGADO ALBERTINI ULTIMO DA ROCHA ATHAYDE ADVOGADO AUGUSTO CESAR DE SOUZA BORGES REQUERIDO: EDSON CLARO MEDEIROS JUNIOR ADVOGADO MARIA REGINA DA SILVA ARRUDA REQUERIDO: KARLA RODRIGUES MEDEIROS.. Expeçam-se novas guias para o recolhimento das custas sobre a emissão da Carta Precatória. 14 de Setembro de 2010 RESENHA: 31/08/2010 A 31/08/2010 . Amilcar Guimarães Juiz de Direito PROCESSO: 00094408819968140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 26/08/2010 AUTOR: BANCO BRASILEIRO COMERCIAL S/A .A ADVOGADO DOUGLAS OLEGARIO SANTOS ADVOGADO HELLEN LORENA PINHEIRO REGO ADVOGADO IARA FERREIRA DE OLIVEIRA ADVOGADO JACQUELINE MONTEIRO FERREIRA BUDKE EXECUTADO: WALDIR FERNANDO ACCARINO GROBEIRO ADVOGADO EDGAR DE SOUZA SANTOS. DE POUPANCA E EMPRESTIMO ADVOGADO ALBERTO DE LIMA FREITAS ADVOGADO CLAUDIA DOCE SILVA COELHO DE SOUZA.DE ALMEIDA E SILVA ADVOGADO ADEMAR KATO ADVOGADO ARTHUR NEVES RAMOS. ADVOGADO: ROLAND RAAD MASSOUD RÉU: UNIEX . Belém.C. Belém. Processo concluído. Arquivem-se. Belém. 25 de agosto de 2010 Amilcar Guimarães Juiz de Direito PROCESSO: 00021029119958140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 25/08/2010 AUTOR: CONDOMINIO DO EDIFICIO STRAUS ADVOGADO OTAVIO AUGUSTO NEVES LEAO SALES RÉU: MANOEL ACACIO O. indicando bens à penhora.BBC ADVOGADO LUIS CARLOS SILVA MENDONCA RÉU: MARLY MONTEIRO DA CUNHA. 25 de agosto de 2010 Amilcar Guimarães Juiz de Direito PROCESSO: 00137895019958140301 Ação: Execução de Título Extrajudicial em: 26/08/2010 RÉU: INTERFRIOS INTERCAMBIO DE FRIOS S/ A ADVOGADO: ORLANDO ANTONIO MACHADO FONSECA AUTOR: TRANSPORTES BRASFRIO LTDA. Arquivem-se. O processo está paralisado desde 1999. Julgo extinto o processo nos termos do art. Viabilizar a Execução. 25 de agosto de 2010 Amilcar Guimarães Juiz de Direito PROCESSO: 00181646319988140301 Ação: Monitória em: 25/08/2010 AUTOR: BANCO DO BRASIL S/A ADVOGADO MARIA DEUSA ANDRADE DA SILVA ADVOGADO: JOSE CELIO SANTOS LIMA RÉU: MARKO DISTRIBUIDORA LTDA RÉU: SONIA MARIA R. LEGAL: DIANA LUCIA DA COSTA AZEVEDO ADVOGADO WALMICK DUARTE MELO RÉU: PIZZA HUT AUTOR: RENATA AZEVEDO REZENDE SOARES. Belém.Terça-Feira.E IND. manifeste-se a parte contrária. 25 de agosto de 2010 Amilcar Guimarães Juiz de Direito PROCESSO: 00193882519928140301 Ação: Execução de Título Extrajudicial em: 25/08/2010 ADVOGADO: ALIN SILVIO AFLALO GARCIA RÉU: ASSOC. Belém. Aguarde-se em Secretaria a decisão do Tribunal. III do CPC. 25 de agosto de 2010 Amilcar Guimarães Juiz de Direito PROCESSO: 00343173920098140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 25/08/2010 REP. Belém.. 25 de agosto de 2010 Amilcar Guimarães Juiz de Direito PROCESSO: 00164911019998140301 Ação: Execução de Título Extrajudicial em: 25/08/2010 RÉU: ADERVAL JOSE DALMASO RÉU: ARNALDO BETZEL AUTOR: BANCO SUDAMERIS BRASIL S. 267. Arquivem-se. Arquivem-se.Edição nº 4651/2010 . Arquivem-se. Cite-se.S/A. DE ALMEIDA E SILVA ADVOGADO ADEMAR KATO ADVOGADO ARTHUR NEVES RAMOS RÉU: MARIA DE FATIMA B. 26 de agosto de 2010 Amilcar Guimarães Juiz de Direito PROCESSO: 00237167420048140301 Ação: Despejo por Falta de Pagamento em: 30/08/2010 REQUERIDO: ALOISIO GUILHERME PINHEIRO DE CARVALHO JUNIOR REQUERENTE: CAMILO GOMES DE ATHAYDE FILHO ADVOGADO MARIA DO SOCORRO BORGES CELSO SA REQUERENTE: CARMEN CELIA ATHAYDE MUBARAC ADVOGADO NORMANDO DO CARMO BORGES. sob pena de extinção. 267.A. Oficie-se como requerido e arquivem-se. Julgo extinto o processo nos termos do art.P. GONCALVES RÉU: SONIVALDO JOSE RODRIGUES GONCALVES. Belém. Belém. Belém. 26 de agosto de 2010 Amilcar Guimarães Juiz de Direito PROCESSO: 00080101819948140301 Ação: Execução de Título Extrajudicial em: 26/08/2010 AUTOR: BANCO ITAU S/A ADVOGADO LEONARDO COIMBRA NUNES ADVOGADO MAURICIO PEREIRA DE LIMA ADVOGADO HIRAN LEAO DUARTE ADVOGADO MAURICIO COIMBRA GUILHERME FERREIRA RÉU: MARIA LUCIA GIRUNDI BELCHIOR. Expeça-se o Alvará requerido. liquidar a Sentença e dar início à Execução.BASA ADVOGADO ANDRE ALBERTO SOUZA SOARES ADVOGADO MARIA ROSA MARINHO FERREIRA ADVOGADO MARIA DEUSA ANDRADE DA SILVA ADVOGADO ARNALDO HENRIQUE ANDRADE DA SILVA RÉU: EQUIPA INDUSTRIA E ARTEFATOS DE MADEIRA LTDA ADVOGADO EDMILSON CAMPOS. 25 de agosto de 2010 Amilcar Guimarães Juiz de Direito PROCESSO: 00200104019938140301 Ação: Embargos à Execução em: 25/08/2010 RÉU: BANCO BANDEIRANTES S/A. Belém. Belém. LOBATO RÉU: JOSE CARVALHO DA CRUZ ADVOGADO: MARIA DA CONCEICAO MENDES. Belém. O credor deve. Arquivem-se. Belém. ADVOGADO CARLOS FERRO AUTOR: CART.DE IMOV. 26 de agosto de 2010. 25 de agosto de 2010 Amilcar Guimarães Juiz de Direito PROCESSO: 00127456619928140301 Ação: Execução de Título Extrajudicial em: 25/08/2010 AUTOR: BANCO DA AMAZONIA S/A . ADVOGADO LUCIANE BRITO DE SOUSA ADVOGADO SAVIO BARRETO LACERDA LIMA.REG.2§OFICIO DE BELEM ADVOGADO NELSON SOUZA. 26 de agosto de 2010 Amilcar Guimarães Juiz de Direito PROCESSO: 00115446519978140301 Ação: Execução de Título Extrajudicial em: 26/08/2010 RÉU: AUGUSTO CESAR NATIVIDADE DE ALMEIDA RÉU: ESPOLIO DE ANSELMO LOPES NETO AUTOR: PETROBRAS DISTRIBUIDORA S/A ADVOGADO NELSON DA SILVA SA ADVOGADO JOSE AUGUSTO FREIRE FIGUEIREDO RÉU: POSTO SANTA RITA LTDA. Arquivem-se. 25 de agosto de 2010 Amilcar Guimarães Juiz de Direito PROCESSO: 00125081119938140301 Ação: Execução de Título Extrajudicial em: 25/08/2010 RÉU: PAULO VIEIRA DE JESUS RÉU: SEBASTIANA RODRIGUES DE JESUS AUTOR: VIVENDA ASSOC.SECRETARIA DA 1ª VARA CIVEL DE BELEM PROCESSO: 00045517120098140301 Ação: Execução de Título Extrajudicial em: 25/08/2010 EXECUTADO: ALBA MARIA CORREA NOGUEIRA GROBERIO ADVOGADO EDGAR DE SOUZA SANTOS EXEQUENTE: BANCO BRADESCO S. 26 de agosto de 2010. Expeça-se Carta Precatória. ANTONIO ADVOGADO: JOSE AUGUSTO FIGUEIREDO AUTOR: NELYCE MARIA PALANKOF RÉU: TELEFESTIVAL E PROMOCOES LTDA. III do C. Belém. 25 de agosto de 2010 Amilcar Guimarães Juiz de Direito PROCESSO: 00049651419948140301 Ação: Inventário em: 25/08/2010 ADVOGADO: ANAIDE MARIA PORTELA FONTOURA AUTOR: ETELVINA ODETE PADRAO VELHO DA CRUZ ADVOGADO: HELENA R. 26 de agosto de 2010 Amilcar Guimarães Juiz de Direito PROCESSO: 00060655119998140301 Ação: Despejo por Falta de Pagamento em: 26/08/2010 AUTOR: BENEDITO RONALDO DE LIMA MARTINS ADVOGADO LUIS CARLOS SILVA MENDONCA RÉU: EDGAR DE LIMA SILVA RÉU: MARIA DO SOCORRO DE ANDRADE SILVA. Belém. Querendo. Certifique-se o trânsito em julgado nos autos da Execução e arquivem-se os autos.

IV do C. Ante ao exposto. Arquivem-se. inc. ARRENDAMENTO MERCANTIL ADVOGADO MICHELLE FERRO. 14 de Setembro de 2010 PROCESSO: 00083169020018140301 Ação: Inventário em: 30/08/2010 INTERESSADO: ALESSANDRA FABIANE DA SILVA JATENE ADVOGADO JOSE HELDER CHAGAS XIMENES ENVOLVIDO: ANTONIA JACILENE COSTA DA SILVA ADVOGADO PAULO JUACI DE ALMEIDA BRITO ADVOGADO NELSON DE ALMEIDA BRITO INVENTARIADO: FRANCISCA OLIVEIRA JANETE ENVOLVIDO: REJANE OLGA DE OLIVEIRA JATENE ADVOGADO ARTHUR CLAUDIO MELLO ADVOGADO JOSE VERAS BARBOSA. Não serão os mirabolantes requerimentos do credor que mudará a situação. 30 de agosto de 2010 Amilcar Guimarães Juiz de Direito PROCESSO: 00106851619988140301 Ação: Tutela e Curatela .BBC ADVOGADO LUIS CARLOS SILVA MENDONCA RÉU: JOSE ROBERTO TUMA NICOLAU ADVOGADO MYCHELLE BRAZ POMPEU BRASIL ADVOGADO CELIA REGINA DO VALE HABER RÉU: NAGIB TUMA ADVOGADO CELIA REGINA DO VALE HABER INTERESSADO: ROSEANE FREITAS NICOLAU ADVOGADO ROBERTA FREITAS NICOLAU. sob pena de extinção da execução. . 269. BARBOSA AUTOR: MARIA REGINA TENORIO LOURENCO INTERDITO: WALDERES BERNARDO LOURENCO. Às vezes é preciso ter um mínimo de inteligência para entender que o Poder Judiciário não faz milagres: se o devedor não tem bens. Expeça-se mandado de busca e apreensão.C. 199. Desentranhese o mandado de citação para cumprimento. § 2º. Ocorreu pela simples e elementar circunstância de que o réu não tem com o que pagar. no prazo de 05 (cinco) dias. por conta do atraso de umas poucas parcelas. 122 . Insistir na execução é brincar de processo. Trata-se de execução de duplicatas que. não justifica a proteção possessória. I. VI do CPC. 269.C. julgo extinto o processo nos termos do art. Na ação de Busca e apreensão. Os títulos executivos foram alcançados pela prescrição. É sempre um fato.Terça-Feira. DEFIRO O PEDIDO DE LIMINAR.L. pessoalmente. intime-se o autor para manifestarse acerca da certidão de fls. Encaminhem-se os autos à Corregedoria para redistribuição por compensação. PROCESSO: 00026847819998140301 Ação: Execução de Título Extrajudicial em: 31/08/2010 ADVOGADO: AFONSO MARCIUS VAZ LOBATO RÉU: MEM SERVICOS TECNICOS LTDA AUTOR: M. Belém. uma violação física da posse do lesado.00.CONST. somadas. 1º. 31 de agosto de 2010 Amilcar Guimarães Juiz de Direito PROCESSO: 00001793020108140301 Ação: Busca e Apreensão em Alienação Fiduciária em: 31/08/2010 RÉU: EDUARDO CUNHA LOPES AUTOR: HSBC BANK BRASIL S/A . O objetivo da busca e apreensão é devolver o bem ao credor fiduciário. 135.CIVIS DA AMAZONIA LTDA. Por essa razão julgo extinto o processo nos termos do art. Cite-se no endereço fornecido pelo autor. julgo extinto o processo nos termos do art. . como no caso. IV do C. para dar prosseguimento ao feito Belém. como conseqüência da quebra de contrato.200. ADVOGADO: EDILSON DE OLIVEIRA DANTAS AUTOR: MANOEL CAETANO RODRIGUES ADVOGADO: MARGARETE VASQUES TEIXEIRA AUTOR: MARIA LUCIA MAIA RODRIGUES ADVOGADO: RENATA MARCELINO RODRIGUES.P.C.Nomeação em: 30/08/2010 ADVOGADO: CONCEICAO AIDA P. 34 dos autos. depositando o bem em mãos do autor. O processo já se arrasta por 11 anos sem que o credor realize seu crédito. conforme requerido na petição de fls.Edição nº 4651/2010 . desaparece para o autor o interesse processual. PROCESSO: 00269446520108140301 Ação: Busca e Apreensão em Alienação Fiduciária em: 31/08/2010 AUTOR: BANCO ITAUCARD S/A ADVOGADO SERGIO RENATO FREITAS DE OLIVEIRA JUNIOR RÉU: MILENE DE NAZARE ARAUJO SILVA.h. não é nem pode ser estabelecido em contrato. A devolução do bem. Arquivem-se. Arquivem-se. PROCESSO: 00260516820108140301 Ação: Reintegração / Manutenção de Posse em: 31/08/2010 RÉU: ALEKSANDER DE CASTRO MEIRELES AUTOR: SANTANDER LEASING S.DIÁRIO DA JUSTIÇA . da Corregedoria de Justiça da Região Metropolitana de Belém. Nenhuma outra tutela pode ser deferida neste processo.P. VARELLA & CIA LTDA ADVOGADO TELMA LUCIA BORBA PINHEIRO ADVOGADO AFONSO MARCIUS VAZ LOBATO ADVOGADO: RAYMUNDO JOAO OLIVEIRA DE MACEDO.BANCO MULTIPLO ADVOGADO PAULO HENRIQUE FERREIRA. 31 foi prolatada em 1998. E INCORPORADORA SAO BRAZ ADVOGADO CARLOS AUGUSTO DE PAIVA LEDO ADVOGADO: MARIA PALHETA SANTOS ADVOGADO: RAIMUNDA DE NAZARE GAMA GARCEZ. O esbulho não é nem pode ser uma ficção jurídica. Quebra de contrato. cite-se o réu para contestar em quinze dias ou requerer a purgação da mora. 267. PROCESSO: 00208161120088140301 Ação: Despejo em: 31/08/2010 AUTOR: IRANILDO BATISTA DE PAIVA ADVOGADO JOSE NEWTON CAMPBELL MOUTINHO RÉU: NADIR AKIM SANTOS ADVOGADO MARCOS VINICIUS EIRO DO NASCIMENTO ADVOGADO HAROLDO GUILHERME PINHEIRO DA SILVA ADVOGADO GUSTAVO AMARAL PINHEIRO DA SILVA. Arquivem-se. Belém. Os direitos creditórios nela reconhecidos estão prescritos. Belém. Isso não ocorreu por negligência de seu advogado ou ineficácia do Poder Judiciário. Belém. A ação já se arrasta por 12 anos e o veículo ou não existe mais ou não tem valor. o objetivo é apreender o veículo alienado fiduciariamente em garantia. Intime-se a parte. Portanto. parágrafo único do CPC. Belém. Proceda-se a penhora do bem indicado pelo credor. alcançam R$ 7. Executada a liminar. Belém. Por causa disso não se pode admitir que haja esbulho como conseqüência exclusiva da inadimplência. 31 de agosto de 2010 Amilcar Guimarães Juiz de Direito PROCESSO: 00341978320018140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 31/08/2010 AUTOR: ANA AMELIA SANTOS RAMOS DE OLIVEIRA ADVOGADO MARIA PALHETA SANTOS RÉU: COIMBRA CONST. 30 de agosto de 2010 Amilcar Guimarães Juiz de Direito PROCESSO: 00049893319968140301 Ação: Execução de Título Extrajudicial em: 30/08/2010 AUTOR: BANCO BRASILEIRO COMERCIAL S/ A. A ação possessória é para proteger a vítima do esbulho ou da turbação. 31 de agosto de 2010 Amilcar Guimarães Juiz de Direito PROCESSO: 00042079719938140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 31/08/2010 ADVOGADO: CAMILLO MONTENEGRO DUARTE RÉU: C.A. a execução está condenada ao fracasso. Arquivem-se. 25 de agosto de 2010 Amilcar Guimarães Juiz de Direito PROCESSO: 00148662420108140301 Ação: Execução de Título Extrajudicial em: 31/08/2010 EXEQUENTE: ELIENE DOS SANTOS EVANGELISTA ADVOGADO RICARDO NASSER SEFER EXECUTADO: GRACIOSILA DE CASSIA VIRGULINO AZEVEDO. 31 de agosto de 2010 Amilcar Guimarães Juiz de Direito PROCESSO: 00078864319988140301 Ação: Busca e Apreensão em Alienação Fiduciária em: 31/08/2010 RÉU: JOSE CARLOS DOS ANJOS MOREIRA ADVOGADO: LUIS CARLOS SILVA MENDONCA AUTOR: NOVATERRA CONSORCIO DE BENS S/C LTDA ADVOGADO LUIS CARLOS SILVA MENDONCA. 30 de agosto de 2010 Amilcar Guimarães Juiz de Direito PROCESSO: 00090585819968140301 Ação: Despejo por Falta de Pagamento em: 31/08/2010 RÉU: CARLOS ALBERTO MOREIRA DA SILVA AUTOR: EDILSON LUIZ CASTRO DE AQUINO ADVOGADO ELIETE DE SOUZA COLARES ADVOGADO: JEFFERSON RODRIGUES ADVOGADO: JOSE DE JESUS MENDES. Em cumprimento ao disposto no art. fixo o prazo de 60 dias para que o credor localize bens que possam EFETIVAMENTE ser vendidos. Se o devedor deixou de pagar as prestações. Belém. Em conseqüência.A. Desde 1996 nenhum ato foi praticado nos autos. o credor pode pedir a resolução do contrato por inadimplemento e a devolução do bem. Belém. Por esta razão. 31 de agosto de 2010 Amilcar Guimarães Juiz de Direito PROCESSO: 00039670219968140301 Ação: Execução de Título Extrajudicial em: 31/08/2010 RÉU: AZURITA SELBMAN AUTOR: BANCO DA AMAZONIA S/A ADVOGADO HUMBERTO LUIZ DE CARVALHO COSTA ADVOGADO JOSE FELIPE DE PAULA BASTOS JUNIOR RÉU: MARA TIMBERS DO BRASIL EXPORTACOES LTDA. Belém. Intimem-se os devedores e inscreva-se a penhora no registro de imóveis. do Provimento nº 006/2006. Por motivo de foro íntimo declaro-me suspeito para atuar no feito com fulcro no Art. Oficie-se a relatora da exceção de suspeição informando sobre que este magistrado declarou a sua suspeição para atuar neste feito. R. 31 de agosto de 2010. como o próprio nome já indica.TJ/PA . A Sentença de fls..

Defiro o prazo de 10 (dez) dias para a juntada dos títulos restantes. interpretar a sentença de duas formas. para que providencie o depósito de R$7. pelo que se operou a preclusão.000.00 (quinze mil reais). promover a justiça. sendo que. digitei e subscrevi. caberia. PROCESSO: 00127274619968140301 Ação: Embargos à Execução em: 31/08/2010 RÉU: BANCO DO BRASIL S/A ADVOGADO: FRANCISCO POMPEU BRASIL FILHO AUTOR: H.007. ai sim se estaria criando entendimento contrário a sentença confirmada pelo TJE/ PA e agredindo a Lei. O que se quer da ação de reintegração de posse é a possibilidade de restituição liminar. Belém.A ADVOGADO ERICA SIMONE DA COSTA RODRIGUES EXECUTADO: ROSANGELA MARIA MIRANDA DE LIMA EXECUTADO: SERRANO COMERCIO DE MAT. O processo já se arrasta por 13 anos sem que a credora receba o que lhe é de direito.100.DEFENSORA PUBLICA. os fins sociais e o bem comum. ao advogado da autora Marcus Vinícius Costa Solino. verifica-se ser inaplicável ao caso. Amilcar Guimarães.000. necessário se faz que seja o processo chamado à ordem para que sejam decididas algumas questões pertinentes. realizado o pregão constatou-se a presença das partes. as regras que regem o nosso direito. Aliás. após sua análise. e é claro. A sentença de fls.. encerro o presente termo que vai por todos assinado.Edição nº 4651/2010 . A maior evidência de que a ação é rescisória e não possessória. de formas antagônicas e que lhe beneficiam em ambos os lados.00 (quatrocentos e oitenta e cinco mil reais).00 contra devedor marceneiro de profissão. o valor que entende correto e justo referente a indenização por danos morais. Arquivem-se. Intime-se a empresa L. Moreira Pires e Cia Ltda. Intime-se.ME. Por conta dessa necessidade tem-se cometido essa vergonhosa impropriedade técnica. José Roberto Coimbra. R$ 485. contradição ou omissão da sentença. MAGAZINE LTDA. Não serão os mirabolantes requerimentos do credor que mudará a situação. integral ou parcial. PROCESSO: 00265214620108140301 Ação: Petição em: 31/08/2010 AUTOR: ANA CLAUDIA SILVA MARINHO ADVOGADO KATIA HELENA COSTEIRA GOMES . O que não é aceitável. Aberta a audiência.74 (sete mil e cem reais e setenta e quatro centavos). Arquivem-se. Televisão. LTDA . sob pena de multa de 10% sobre o valor do debito. Aos trinta e um dias do mês de agosto do ano de dois mil e dez (2010). deve atender aos fins sociais a que ela se dirige e às exigências do bem comum. Os autos foram redistribuídos para este juízo. diga-se de passagem.. porque a posse do contratante é legítima.L. a execução está condenada ao fracasso. nos termos do art. 27/08/1998. é indubitavelmente o valor da ação. Os fatos narrados na petição inicial descrevem um ilícito civil (quebra de contrato) cuja conseqüência é a estabelecida no Parágrafo único do art. sob pena de multa de 10% sobre o valor do debito. conforme determinou a sentença transitada em julgado. e R$7. Desnecessário o pagamento de custas finais por inexistentes. no prazo de 15 (quinze) dias. CTN). defiro o desentranhamento dos documentos acostados na inicial. data esta que foi atribuída pelos exeqüentes e sequer impugnada pela empresa ré. Após. referente ao valor devido a L. Em outras palavras. 31 de agosto de 2010. que isso não tem nada haver com erro material. o valor da condenação que corresponde a R$15. 187/193 possui pontos que. Por outro lado. E OUTROS. obscuridade. 14 de Setembro de 2010 contudo. ou seja. a partir de 11/01/2003 deverá ser de 1%ao mês. Feitas essas considerações. a atual curadora concorda com sua substituição e o juízo. Isso não ocorreu por negligência de seu advogado ou ineficácia do Poder Judiciário. sendo que. estão implícitos no contexto da fundamentação e. presente o ilustre representante do Ministério Público Dr. Moreira Pires e Cia Ltda. o entendimento errôneo de que parte vencedora teria que arcar com o ônus sucumbencial da parte que decaiu na sentença. geladeira e aparelho de som são bens impenhoráveis. até 10/01/2003 deve ser de 0. Nada mais havendo. ao aplicar a Lei. MOREIRA PIRES & CIA LTDA ADVOGADO MARCEL VICTOR GOMES DE ALMEIDA ADVOGADO: LAFAYETTE BENTES DA COSTA NUNES ADVOGADO: MARCIA HELENA DE OLIVEIRA ALVES SERIQUE ADVOGADO: MARCUS VINICIUS SOLINO ADVOGADO: NELSON RIBEIRO DE MAGALHAES E SOUZA. uma vez que a sentença determinou a correção da condenação desde a data do evento. para o caso de não cumprimento emende o autor a inicial para que o objeto da ação seja adequado aos títulos efetivamente apresentados. c) os juros devem incidir a partir da citação que ocorreu em 16/08/2000. excesso no valor cobrado. Trata-se de execução de nota promissória no valor de R$.DIÁRIO DA JUSTIÇA . Com relação a sumula 362 do STJ.TJ/PA . Diretora. também. b) a correção monetária do valor da condenação. legal ou honesto. R$ 15. é questão que está implícita na decisão e deve ser desnudada pelo magistrado quando do requerimento de cumprimento de sentença. Se assim fosse estaríamos diante de um claro enriquecimento sem causa de uns em detrimento de outros. também no prazo de 10 (dez) dias sob pena de indeferimento da inicial.M.C. As vezes é preciso ter um mínimo de inteligência para entender que o Poder Judiciário não faz milagres: se o devedor não tem bens. ensejador da reintegração. E. quer pela jurisprudência dominante. esquecendo-se os que a manuseiam que a ação de rescisão contratual permite a restituição imediata do bem através do instituto da antecipação de tutela. 475 do C.74 (sete mil e cem reais e setenta e quatro centavos) devido ao advogado de Carlos Antônio Xerfan e Cia Ltda.5 ao mês e. ou seja. e isso sequer pode ser entendido como correção de erro material. No caso dos autos entendo estar bem claro que o valor da causa é o da condenação. e isso. é que as partes queiram interpretar uma sentença de duas maneiras. E isso. Diante do exposto. todos do Código de Processo Civil. defeito na mercadoria. não do esbulho. através de seus advogados. devido ao advogado de Antonio Maria Moreira Rodrigues de Souza e R$ R$7. é conseqüência da rescisão do contrato. no prazo de 15 (quinze) dias. declaro a prescrição do título executivo e julgo extinta a execução.Terça-Feira. acolhendo pedido exordial.450. na parte dispositiva. o objetivo econômico perseguido pelo Autor e concedido pelo juízo. quantificou. é que a defesa do réu geralmente envolve matéria eminentemente contratual como pagamento. Nestas circunstancias temos que dos fatos narrados na inicial não decorre logicamente o pedido. através de arbitramento. repisa-se. que é pelo INPC/IBGE. Ora.MOREIRA DE CASTRO NETO AUTOR: L. A secretaria deverá providenciar o termo de compromisso de curatela. A sentença foi bem clara e o que está implícito tem garantida a sua aplicação quer seja pela Lei (CCB. na presença do Dr. não se deve esquecer que o juiz. eis que não se pode modificar sentença acobertada pelo manto da coisa julgada. para que providencie o depósito de R$71. do mesmo artigo.00 (quinze mil reais). pela sua obviedade. com parecer favorável do Ministério Público. sendo esta a razão pela qual a indefiro. DE CONST. 31 de agosto de 2010 Amilcar Guimarães Juiz de Direito PROCESSO: 00072367119978140301 Ação: Execução de Título Extrajudicial em: 31/08/2010 AUTOR: ANA CLAUDIA DA COSTA MAIA ADVOGADO: ANTONIO CARLOS SOUSA FERREIRA RÉU: OSVALDO MACIEL FILHO. muito pelo contrário. justo.74 (sete mil e cem reais e setenta e quatro centavos).B. decido que: a) o valor da ação deve corresponde ao valor da condenação. às 12:00 horas nesta cidade de Belém-Pará. Nenhuma discussão sobre posse e toda discussão sobre o contrato. e não um esbulho possessório. na sala de audiência. Enfim. Insistir na execução é brincar de processo. Ocorreu pela simples e elementar circunstância de que o réu não tem com o que pagar. antes de ser dado o seu regular prosseguimento. por que a posse é contratual e a rescisão não ocorre antes de uma decisão judicial em processo onde se assegure ao inadimplente ampla defesa. CPC. uma vez que se assim não fosse entendido. como pretendem os exeqüentes (cumprimento de sentença). Eu. item II.41 (setenta e um mil e sete reais e quarenta e um centavos). se assim não fosse. Esta decisão Cumpra-se. PROCESSO: 00168798619988140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 31/08/2010 TESTEMUNHA: ANTONIO MARIA MOREIRA RODRIGUES DE SOUZA ADVOGADO NELSON RIBEIRO DE MAGALHAES E SOUZA TESTEMUNHA: CARLOS ANTONIO XERFAN & CIA LTDA ADVOGADO FERNANDO V. a paz social. Arquivem-se. através de seus advogados. 295. Intime-se a Rede Celpa S/A. ou seja. Dessa forma. é conseqüência do dever de restituir as partes ao status quo ante. Belém. estar-se-ia elidindo o próprio escopo da jurisdição. o que se quer dizer é que a sentença.100. também. ou seja. deve ocorrer desde a data do evento. que é a forma de pacificação social através do monopólio da função jurisdicional que pertence ao Judiciário. PROCESSO: 00248287220108140301 Ação: Execução de Título Extrajudicial em: 31/08/2010 EXECUTADO: CATARINO RIBEIRO DE LIMA EXEQUENTE: ITAITUBA INDUSTRIA DE CIMENTOS DO PARA S. não se trata de discussão a respeito de possíveis erros materiais da sentença. (cálculo Anexo) Os valores já depositados pela Rede Celpa S/A devem ser abatidos do cálculo supra.000. defere o pedido. I combinado com o Parágrafo único.100. o bom senso. MOREIRA CASTRO NETO RÉU: CELPA S/A ADVOGADO MARIA DO SOCORRO PATELLO DE MORAES ADVOGADO LAFAYETTE BENTES DA COSTA NUNES ADVOGADO: FERNANDO V. Após o prazo e sem apresentação de recurso. Torno sem efeito o despacho que determinou a intimação das partes a pagar o valor do débito constante do cumprimento de sentença. como já foi dito. MM JUIZ: Representante do MINISTÉRIO PÚBLICO: Atual curadora: Pretensa Curadora: Defensor Público: 123 . etc.

no fórum desta cidade de Belém. Juiz de Direito considerando o interrogatório do(a) interditando(a) e a oitiva do(a) autor(a) em audiência.CREDITO IMOBILIARIO S/A ADVOGADO HELENA ROCHA LOBATO ADVOGADO TELMA LUCIA BORBA PINHEIRO. Diretora.P. O juízo manda que os autos aguardem em secretaria a manifestação das partes interessadas. O membro do MP se manifestou nos seguintes termos: ?M.CELPA ADVOGADO LAFAYETTE BENTES DA COSTA NUNES IMPUGNADO: L. já qualificados. O processo está paralisado desde sua propositura em 1997.TJ/PA . 187/193 possui pontos que. através de arbitramento. CAVALCANTE & CIA LTDA RÉU: MANOEL DOS SANTOS CAVALCANTE JUNIOR. 134/138 dos autos) por certo já não representa a realidade atual do bem. caso o exeqüente concorde com a avaliação apresentada pelo executado (fls. bem como o atestado médico de fls. é indubitavelmente o valor da ação. Dessa forma. Arquivem-se. Juiz de Direito. quantificou. Cumpridas as exigências supra prossiga-se da seguinte forma: Fixo o prazo de 60 (sessenta dias) para a alienação. 09 não é título executivo. Instruíram com documentos. às 11:30 horas nesta cidade de Belém-Pará. O processo está paralisado desde 1999. após sua análise. ARRENDAMENTO MERCANTIL ADVOGADO JOAO BRASIL DE CASTRO. venham conclusos para sentença. ajuizaram ação de embargos de devedor. nos termos do artigo 684. julgo extinto o processo. Passou a ouvir a requerente que declarou ser sobrinha da interditanda. sendo que. Pará.C. Transitado e julgado. José Roberto Coimbra. MM JUIZ: Representante do MINISTÉRIO PÚBLICO: REQUERENTE: INTERDITANDA: ADVOGADA: PROCESSO: 00073078620108140301 Ação: Petição em: 31/08/2010 IMPUGNANTE: CENTRAIS ELETRICAS DO PARA . passou a ouvir a interditanda que não foi capaz de responder ao que lhe foi perguntado. Belém. o numero do processo e o juízo do feito. etc. S. Aos trinta e um dias do mês de agosto do ano dois mil e dez às 11:00 h. 31 de agosto de 2010 Amilcar Guimarães Juiz de Direito PROCESSO: 00008503319998140301 Ação: Execução de Título Extrajudicial em: 31/08/2010 AUTOR: BANCO DA AMAZONIA S/A ADVOGADO ANA LUCIA BARBOSA DA SILVA ADVOGADO ROBERTO BRUNO ALVES PEDROSA RÉU: FREITAS 7 LEMOS LTDA ADVOGADO: JACI MONTEIRO COLARES. Aberta a audiência. julgo extinto o processo nos termos do art. 143/145 dos autos). determino que o exeqüente apresente avaliação de mercado assinado por corretor habilitado. O juízo determinou que os Autores se manifestassem sobre o seu interesse no prosseguimento do feito no prazo de 48 (quarenta e oito) horas. Aberta a audiência. Arquivem-se. A sentença de fls. sob pena de extinção. PROCESSO: 00374670320098140301 Ação: Reintegração / Manutenção de Posse em: 31/08/2010 RÉU: ANDERSON RAFAEL DE OLIVEIRA AUTOR: BFB LEASING S/A. Em outras palavras. MOREIRA PIRES E CIA LTDA ADVOGADO MARCUS VINICIUS COSTA SOLINO. I do CPC. ROSILENE DE SOUZA ARAUJO e outros. acolhendo pedido exordial. com fundamento no art. oferece para terminar a lide. 10 dos autos. antes de ser dado o seu regular prosseguimento.768. Decido. O exeqüente deverá publicar em jornal de grande circulação a alienação do imóvel. Nada mais havendo encerro o presente termo que vai por todos assinado. Expeça-se o Mandado de Citação. para eventual impugnação?. Por outro lado. o valor da condenação que corresponde a R$15. na sala de audiência. MM JUIZ: AUTOR: ADVOGADO: RÉU/PREPOSTO: ADVOGADO: PROCESSO: 00101613019948140301 Ação: Execução de Título Extrajudicial em: 31/08/2010 AUTOR: BANCO DA AMAZONIA SOCIEDADE ANONIMA ADVOGADO ANDRE ALBERTO SOUZA SOARES ADVOGADO KATARINA ROBERTA MOUSINHO DE MATOS BRANDAO ADVOGADO FABRICIO DOS REIS BRANDAO RÉU: WALTER A. 267. Belém. Defiro o pedido do exeqüente de alienação dos bens penhorados por sua própria iniciativa (Art. escrivão em exercício. III do CPC. item III. Por esta razão julgo-o extinto o processo nos termos do art. 14 de Setembro de 2010 PROCESSO: 00065286419998140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 31/08/2010 AUTOR: ANTONIO CARLOS MARTINS PINTO ADVOGADO ADRIANA RIBAS MELO RÉU: FIAT LEASING ARRENDAMENTO MERCANTIL S/A ADVOGADO SILVIA CORREA MORAES ADVOGADO JOAO BRASIL DE CASTRO ADVOGADO ALINE AMANAJAS. Esteve presente à audiência a acadêmica de Direito Giulianna Neves Silva. que são os sobrinhos que complementam a renda da interditanda. 267. Amilcar Guimarães Juiz de Direito PROCESSO: 00021032620068140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 31/08/2010 AUTOR: JOSE AUGUSTO SALOMON CANELAS ADVOGADO CLEANS A BOMFIM RÉU: OI . do CPC. Deliberação: Aguarde-se o prazo de 05(cinco) dias para fins eventual impugnação. arquivem-se.00 (mil reais) em crédito na conta telefônica de qualquer linha móvel. VI do C. necessário se faz que seja o processo chamado à ordem para que sejam decididas algumas questões pertinentes. O valor da avaliação (fls. devendo constar o preço e que se tratar de imóvel penhorado. encerro o presente termo que vai por todos assinado.177 do Código de Processo Civil. AMILCAR GUIMARÃES. É o relatório. Efetuado o pregão de praxe constatou-se a presença da parte ré e a ausência da parte autora. III. c/c o artigo 1. Belém. Analisando os autos verifica-se que estão paralisados por mais de trinta dias sem que os autores promovessem os atos que lhe compete.184 do mesmo Estatuto Processual e todos c/c o artigos 1. bem como à Secretaria da Receita Federal e aos Cartórios de Registros Públicos. 31 de agosto de 2010 Amilcar Guimarães Juiz de Direito PROCESSO: 00023534219978140301 Ação: Execução de Título Extrajudicial em: 31/08/2010 RÉU: CARLOS ALBERTO PAIVA MANESCHY ADVOGADO REYNALDO ANDRADE DA SILVEIRA RÉU: DENISE FRANCO MANESCHY AUTOR: SOCILAR . R$ 1. Julgo-o extinto o processo nos termos do art. onde atesta ?que o(a) interditando(a) é portador(a) de doença. 267. Eu. na parte dispositiva. tendo como seu(sua) curador(a)SILEIDE NAZARE CAMPOS ALVES . Eu.00 (quinze mil reais). não obstante.Edição nº 4651/2010 .TNL PCS S/A ADVOGADO PEDRO BENTES PINHEIRO FILHO ADVOGADO ALESSANDRA LEAO BRAZAO E SILVA ADVOGADO MICHELLE CONDE VIEIRA. Os autos foram redistribuídos para este juízo. 31 de agosto de 2010 Amilcar Guimarães Juiz de Direito PROCESSO: 00111835620038140301 Ação: Embargos de Terceiro em: 31/08/2010 EMBARGADO: BANCO DA AMAZONIA S/A EMBARGANTE: RONALDO DE SOUZA ARAUJO ADVOGADO REGINALDO RAMOS DOS SANTOS EMBARGANTE: ROSEANE DE SOUZA ARAUJO ADVOGADO REGINALDO RAMOS DOS SANTOS EMBARGANTE: ROSILENE DE SOUZA ARAUJO ADVOGADO REGINALDO RAMOS DOS SANTOS.20 o(a) representante do Ministério Público manifesta-se favorável à curatela definitiva de MARIA NAZARE TOUZON ALVES.Terça-Feira. fica condicionado ao prazo de 05(cinco) dias. 683 II do CPC. o valor que entende correto e justo referente a indenização por danos morais. que deverá ser pago a vista. o que se quer dizer é que a sentença. que sua tia é a caçula entre os irmãos e hoje está com 81 anos. o 124 .artigo 9º. nos termos do Art. que a interditanda recebe beneficio previdenciário de um salário mínimo. 25 de agosto de 2010 Amilcar Guimarães Juiz de Direito PROCESSO: 00018678919998140301 Ação: Execução de Título Extrajudicial em: 31/08/2010 AUTOR: BANCO AMERICA DO SUL S/A ADVOGADO CARLOS FERRO ADVOGADO: CARLOS FERRO ADVOGADO: CLEBER SARAIVA DOS SANTOS RÉU: M. III do CPC.M. ambos do Código Civil Brasileiro. Belém. digitei e subscrevi.000. compatível com o CID-10 F. Decorrido o prazo. EMPREENDIMENTOS LTDA E OUTROS ADVOGADO NELSON MONTALVAO DAS NEVES. É o parecer que. Aos trinta e um dias do mês de agosto do ano de dois mil e dez (2010). 685-C do CPC). e isso. A parte ré. não houve possibilidade de acordo em razão da ausência do autor. com fulcro no artigo 1. por sua vez. também. 267. presente o MM. razão pela qual. estão implícitos no contexto da fundamentação e. Sem título executivo não pode haver execução. Belém. Em razão disto. Arquivem-se. Dr. digitei e subscrevi. O documento de fls. Ante ao exposto. na presença do Dr. sem julgamento do mérito. Requer ainda que seja oficiado ao TRE para cancelamento de seu título eleitoral. 26 de agosto de 2010.000.767 e 1. Sem custas. que não tem filhos ou marido. PROCESSO: 00246993820108140301 Ação: Interdição em: 31/08/2010 INTERDITANDO: MARIA DE NAZARE TOUZON ALVES AUTOR: SILEIDE NAZARE CAMPOS ALVES ADVOGADO SONIA HAGE AMARO PINGARILHO. Nada mais havendo. Vistos. pela sua obviedade. O preço mínimo será de 97% (noventa e sete por cento) do valor da avaliação.DIÁRIO DA JUSTIÇA . que a interditanda não tem bens alem dos que herdou de sua irmã. As partes não se manifestaram até a presente data. Amilcar Guimarães. presente o ilustre representante do Ministério Público Dr. realizado o pregão constatou-se a presença das partes. o juízo dispensará nova avaliação.

como já foi dito. Isto posto.5 ao mês e. data esta que foi atribuída pelos exeqüentes e sequer impugnada pela empresa ré. ai sim se estaria criando entendimento contrário a sentença confirmada pelo TJE/PA e agredindo a Lei. no prazo de 15 (quinze) dias.000. O que não é aceitável. a paz social. na parte dispositiva. Moreira Pires e Cia Ltda.74 (sete mil e cem reais e setenta e quatro centavos). através de seus advogados. Assim. ao aplicar a Lei. O valor da ação deve representar o seu conteúdo econômico. obscuridade. E. citese o réu para contestar em quinze dias ou requerer a purgação da mora. Aliás. sendo que. R$ 15. O título executivo é de 1987. as regras que regem o nosso direito. ao advogado da autora Marcus Vinícius Costa Solino. até 10/01/2003 deve ser de 0. para ajustar o valor da causa ao seu conteúdo econômico. Com relação a sumula 362 do STJ. que é pelo INPC/IBGE. é questão que está implícita na decisão e deve ser desnudada pelo magistrado quando do requerimento de cumprimento de sentença.00 (quatrocentos e oitenta e cinco mil reais). Torno sem efeito o despacho que determinou a intimação das partes a pagar o valor do débito constante do cumprimento de sentença. repisa-se. Declaro-o prescrito e julgo extinta a execução. é questão que está implícita na decisão e deve ser desnudada pelo magistrado quando do requerimento de cumprimento de sentença. No caso dos autos entendo estar bem claro que o valor da causa é o da condenação. O que não é aceitável. estar-se-ia elidindo o próprio escopo da jurisdição. e isso sequer pode ser entendido como correção de erro material. R$ 15. com a segunda via do mandado proceda-se à penhora e avaliação. é que as partes queiram interpretar uma sentença de duas maneiras. até 10/01/2003 deve ser de 0.100. quer pela jurisprudência dominante. ai sim se estaria criando entendimento contrário a sentença confirmada pelo TJE/PA e agredindo a Lei. uma vez que a sentença determinou a correção da condenação desde a data do evento. Esta decisão Cumpra-se. No caso dos autos entendo estar bem claro que o valor da causa é o da condenação. quer pela jurisprudência dominante. Se assim fosse estaríamos diante de um claro enriquecimento sem causa de uns em detrimento de outros. R$ 485.00 (quinze mil reais). advertindo-o que no caso de não pagamento será procedida a penhora de tantos bens quantos bastarem para garantir a execução. quantificou. 187/193 possui pontos que. não se deve esquecer que o juiz. através de seus advogados. nos termos do art.100. data esta que foi atribuída pelos exeqüentes e sequer impugnada pela empresa ré. Intime-se a empresa L. Diante do exposto. R$ 485. justo.00 (quinze mil reais). caberia. fica desde já determinado à UNAJ que restitua ao autor o valor das custas pagas indevidamente. 14 de Setembro de 2010 objetivo econômico perseguido pelo Autor e concedido pelo juízo. ADVOGADO RAFAELA CRISTINA BERGH PEREIRA RÉU: YARA CAVALCANTE DAS NEVES. b) a correção monetária do valor da condenação. 27/08/1998. determino que o autor emende a inicial. que isso não tem nada haver com erro material. conforme determinou a sentença transitada em julgado. conforme determinou a sentença transitada em julgado. Enfim. que é a forma de pacificação social através do monopólio da função jurisdicional que pertence ao Judiciário. e não antecipadamente. uma vez que a sentença determinou a correção da condenação desde a data do evento. repisase. decido que: a) o valor da ação deve corresponde ao valor da condenação. para que providencie o depósito de R$71. eis que não se pode modificar sentença acobertada pelo manto da coisa julgada. para que providencie o depósito de R$7. decido que: a) o valor da ação deve corresponde ao valor da condenação. Se assim fosse estaríamos diante de um claro enriquecimento sem causa de uns em detrimento de outros. E isso. E. Com relação a sumula 362 do STJ. o bom senso. se assim não fosse. Dessa forma. R. Os autos foram redistribuídos para este juízo. ou seja. devido ao advogado de Antonio Maria Moreira Rodrigues de Souza e R$ R$7. Na ação de Busca e apreensão. acolhendo pedido exordial. Intime-se a Rede Celpa S/A. sendo que. Cientifique-se que o devedor poderá apresentar embargos no prazo de 15 (quinze) dias (CPC. Ora. Por outro lado. contradição ou omissão da sentença. c) os juros devem incidir a partir da citação que ocorreu em 16/08/2000. para que providencie o depósito de R$71.. b) a correção monetária do valor da condenação. Art.000. e isso sequer pode ser entendido como correção de erro material. justo. e é claro. antes de ser dado o seu regular prosseguimento. os fins sociais e o bem comum. 31 de agosto de 2010 Amilcar Guimarães Juiz de Direito PROCESSO: 00268752220108140301 Ação: Busca e Apreensão em Alienação Fiduciária em: 31/08/2010 AUTOR: BANCO SANTANDER BRASIL S/A ADVOGADO ANA PAULA BARBOSA DA ROCHA RÉU: JOAQUIM HERMANO NEVES. é indubitavelmente o valor da ação. diga-se de passagem.100. Emendada a inicial. deve ocorrer desde a data do evento. é que as partes queiram interpretar uma sentença de duas maneiras. A sentença foi bem clara e o que está implícito tem garantida a sua aplicação quer seja pela Lei (CCB. PROCESSO: 00335718820008140301 Ação: Execução de Título Extrajudicial em: 31/08/2010 AUTOR: TELEPARA S/A. não se trata de discussão a respeito de possíveis erros materiais da sentença. no prazo de 15 (quinze) dias. ou seja. promover a justiça. o objetivo é apreender o veículo alienado fiduciariamente em garantia. CPC.TJ/PA . Moreira Pires e Cia Ltda. através de arbitramento.00 (quatrocentos e oitenta e cinco mil reais). deve atender aos fins sociais a que ela se dirige e às exigências do bem comum. Ora.000. sob pena de multa de 10% sobre o valor do debito. Executada a liminar. E isso. CTN). após sua análise. interpretar a sentença de duas formas. promover a justiça.000. eis que não se pode modificar sentença acobertada pelo manto da coisa julgada.000. uma vez que se assim não fosse entendido. A sentença foi bem clara e o que está implícito tem garantida a sua aplicação quer seja pela Lei (CCB. a partir de 11/01/2003 deverá ser de 1%ao mês.00 (quinze mil reais). Expeça-se mandado de citação. Por outro lado. o valor da condenação que corresponde a R$15. ou seja. que é pelo INPC/IBGE. muito pelo contrário. o entendimento errôneo de que parte vencedora teria que arcar com o ônus sucumbencial da parte que decaiu na sentença. que é a forma de pacificação social através do monopólio da função jurisdicional que pertence ao Judiciário. legal ou honesto. caberia. ou seja. muito pelo contrário. penhora e avaliação. também. 27/08/1998. CTN). o valor que entende correto e justo referente a indenização por danos morais. estão implícitos no contexto da fundamentação e.h. e R$7. diga-se de passagem. Em outras palavras. deve atender aos fins sociais a que ela se dirige e às exigências do bem comum. DEFIRO O PEDIDO DE LIMINAR. ou seja. o entendimento errôneo de que parte vencedora teria que arcar com o ônus sucumbencial da parte que decaiu na sentença.74 (sete mil e cem reais e setenta e quatro centavos) devido ao advogado de Carlos Antônio Xerfan e Cia Ltda. Enfim. Belém. se assim não fosse. ou seja.74 (sete mil e cem reais e setenta e quatro centavos). referente ao valor devido a L.DIÁRIO DA JUSTIÇA . Diante do exposto.41 (setenta e um mil e sete reais e quarenta e um centavos). ou seja. A sentença de fls.5 ao mês e. de formas antagônicas e que lhe beneficiam em ambos os lados. 652 do CPC. (cálculo Anexo) Os valores já depositados pela Rede Celpa S/A devem ser abatidos do cálculo supra.Terça-Feira. sendo que. não se trata de discussão a respeito de possíveis erros materiais da sentença. necessário se faz que seja o processo chamado à ordem para que sejam decididas algumas questões pertinentes. que isso não tem nada haver com erro material. contradição ou omissão da sentença. como o próprio nome já indica. PROCESSO: 00073135620108140301 Ação: Petição em: 31/08/2010 IMPUGNANTE: CENTRAIS ELETRICAS DO PARA . o valor das parcelas vencidas até a data do ajuizamento da ação. pelo que se operou a preclusão. Aliás. como pretendem os exeqüentes (cumprimento de sentença). não se deve esquecer que o juiz.41 (setenta e um mil e sete reais e quarenta e um 125 .007. o que se quer dizer é que a sentença. interpretar a sentença de duas formas. e é claro. ao aplicar a Lei. Cite-se o devedor para pagar a quantia executada em 3 (três) dias. pelo que se operou a preclusão. através de seus advogados. legal ou honesto. também. por conta do atraso de umas poucas parcelas. depositando o bem em mãos do autor. pela sua obviedade. Intime-se a Rede Celpa S/A. o bom senso. uma vez que se assim não fosse entendido. ou seja. 738).CELPA ADVOGADO LAFAYETE BENTES DA COSTA NUNES IMPUGNADO: MARCUS VINICIUS COSTA SOLINO ADVOGADO MARCUS VINICIUS COSTA SOLINO. ou seja. de formas antagônicas e que lhe beneficiam em ambos os lados. como pretendem os exeqüentes (cumprimento de sentença).Edição nº 4651/2010 . obscuridade. também. como já foi dito. a paz social. deve ocorrer desde a data do evento. verifica-se ser inaplicável ao caso. PROCESSO: 00264054420108140301 Ação: Execução de Título Extrajudicial em: 31/08/2010 EXEQUENTE: BANCO DA AMAZONIA S/A BASA ADVOGADO VICTOR HUGO MAGNO E SILVA EXECUTADO: JULIO MARCOS RODRIGUES LOBATO EXECUTADO: JULIO SAMPAIO LOBATO EXECUTADO: MARIA AMELIA RODRIGUES LOBATO. Torno sem efeito o despacho que determinou a intimação das partes a pagar o valor do débito constante do cumprimento de sentença. verifica-se ser inaplicável ao caso. a partir de 11/01/2003 deverá ser de 1%ao mês. sob pena de indeferimento. estar-se-ia elidindo o próprio escopo da jurisdição. os fins sociais e o bem comum. c) os juros devem incidir a partir da citação que ocorreu em 16/08/2000. Transcorrido o prazo sem pagamento.007. e isso. CPC. o objetivo econômico perseguido pelo Autor e concedido pelo juízo. sob pena de multa de 10% sobre o valor do debito. as regras que regem o nosso direito.. Expeça-se mandado de busca e apreensão.

no prazo de 15 (quinze) dias. Intime-se a empresa L. em sua petição de fls. Decido.100. PROCESSO: 00246005320018140301 Ação: Execução de Título Extrajudicial em: 31/08/2010 ADVOGADO: ANTONIO DA SILVA PASSOS AUTOR: BANCO DA AMAZONIA SA ADVOGADO ALEXANDRE GUSTAVO MOURA GUIMARAES ADVOGADO MARCEL LEDA NORONHA MACEDO ADVOGADO MARIA DEUSA ANDRADE DA SILVA ADVOGADO ARNALDO HENRIQUE ANDRADE DA SILVA RÉU: HENRIQUE RODRIGUES DE MIRANDA. R. em 1982. Desentranhem-se os documentos que instruíram a inicial. Ante ao exposto. 267. Isto posto. O Autor. Moreira Pires e Cia Ltda. para que providencie o depósito de R$7. qualquer título executivo está prescrito. P. requereu a extinção do processo. ADVOGADO: ELIETE DE SOUZA COLARES RÉU: LAERCIO DIAS ADVOGADO ELIETE DE SOUZA COLARES ADVOGADO EDGAR DE SOUZA SANTOS. 31 de agosto de 2010 Amilcar Guimarães Juiz de Direito PROCESSO: 00251996020108140301 Ação: Busca e Apreensão em Alienação Fiduciária em: 31/08/2010 AUTOR: AYMORE CREDITO. Desentranhe-se o mandado conforme o requerido. DEFIRO O PEDIDO DE LIMINAR. por conta do atraso de umas poucas parcelas. o objetivo é apreender o veículo alienado fiduciariamente em garantia. inclusive o ocupante do imóvel. sob pena de indeferimento. moveu ação de REINTEGRAÇÃO DE POSSE em desfavor de ANTONIA VIEIRA PIMENTEL.h. para ajustar o valor da causa ao seu conteúdo econômico. visando reintegração do automóvel financiado. o valor das parcelas vencidas até a data do ajuizamento da ação. Moreira Pires e Cia Ltda. PROCESSO: 00032294019938140301 Ação: Execução de Título Extrajudicial em: 31/08/2010 ADVOGADO: ANTONIO JOSE DE MATTOS NETO AUTOR: BANCO BRADESCO S/A. Belém.74 (sete mil e cem reais e setenta e quatro centavos). Belém. Executada a liminar. referente ao valor devido a L..A ADVOGADO JOAO BRASIL DE CASTRO. Vistos. É o relatório. ou seja. do CPC. 14 de Setembro de 2010 centavos).74 (sete mil e cem reais e setenta e quatro centavos) devido ao advogado de Carlos Antônio Xerfan e Cia Ltda. VIII. tendo o Autor requerido o arquivamento do processo face não existir mais interesse no seu prosseguimento.DIÁRIO DA JUSTIÇA .I. O Autor pode a qualquer momento desistir da ação desde que o Réu não tenha sido citado. Assim.TJ/PA . O valor da ação deve representar o seu conteúdo econômico. sob pena de multa de 10% sobre o valor do debito.74 (sete mil e cem reais e setenta e quatro centavos). sob pena de multa de 10% sobre o valor do debito. 55. 31 de agosto de 2010 Amilcar Guimarães Juiz de Direito PROCESSO: 00088912320108140301 Ação: Execução de Título Extrajudicial em: 31/08/2010 EXECUTADO: ANTONIO ERNESTO LISBOA DA SILVA EXEQUENTE: BANCO ABN AMRO REAL S/A ADVOGADO JOAO LUIS BRASIL BATISTA ROLIM DE CASTRO EXECUTADO: MARIA DE NAZARE LINHARES. Esta decisão Cumpra-se. Belém.. (cálculo Anexo) Os valores já depositados pela Rede Celpa S/A devem ser abatidos do cálculo supra. ambas as 11:00 hrs. e R$7. por não ter mais interesse no prosseguimento do feito. Arquivem-se. FINANCIAMENTO E INVESTIMENTO S/A ADVOGADO MICHELLE FERRO RÉU: ELIAS NASCIMENTO MATOS. acolho o pedido e julgo extinto o processo com fundamento no art.Edição nº 4651/2010 . verifica-se que o Réu sequer foi citado. Arquivem-se. PROCESSO: 00091736820108140301 Ação: Reintegração / Manutenção de Posse em: 31/08/2010 RÉU: ANTONIA VIEIRA PIMENTEL AUTOR: BANCO ITAULEASING S.Terça-Feira. Intimemse.100. através de seus advogados. Para a praça. designo os dias: 30/09/2010 e 14/10/2010. 31 de agosto de 2010 Amilcar Guimarães Juiz de Direito 126 . Em razão disto julgo extinto o processo. A inicial veio instruída com documentos pertinentes. CIA ITAULEASING DE ARRENDAMENTO MERCANTIL. devido ao advogado de Antonio Maria Moreira Rodrigues de Souza e R$ R$7. determino que o autor emende a inicial.R. como o próprio nome já indica. Decorridos mais de 28 anos. no prazo de 15 (quinze) dias. etc.100. Sem custas e honorários. Expeça-se mandado de busca e apreensão. depositando o bem em mãos do autor. Emendada a inicial. cite-se o réu para contestar em quinze dias ou requerer a purgação da mora. o autor não providenciou a citação do réu. Desde a propositura da ação. Na ação de Busca e apreensão. Analisando os autos. em virtude do não pagamento das parcelas devidas. ambos qualificados nos autos. ao advogado da autora Marcus Vinícius Costa Solino. e não antecipadamente. fica desde já determinado à UNAJ que restitua ao autor o valor das custas pagas indevidamente.

do provimento 010/2009. faço remessa dos presentes autos à UNAJ para elaboração da conta de custas finais pendentes. AUGUSTO EXECUTADO: JOSE PALMAS BRAGADO EXECUTADO: LUZIANE MARY DINELY BRAGADO EXEQUENTE: PETROBRAS DISTRIBUIDORA S/A ADVOGADO JULIANA FRANCO TENAN ADVOGADO IONE ARRAIS OLIVEIRA ADVOGADO FERNANDO AUGUSTO BRAGA OLIVEIRA ADVOGADO LUISE ARRAIS PAIVA RODRIGUES. do provimento 010/2009. 1º. faço remessa dos presentes autos à UNAJ para elaboração da conta de custas finais pendentes. Maria do Socorro Belfort de Souza Diretora de Secretaria PROCESSO: 00109031419998140301 Ação: Execução de Título Extrajudicial em: 03/09/2010 AUTOR: COLEGIO GENTIL BITTENCOURT RÉU: JORGE LUIZ MALCHER DE QUEIROZ ADVOGADO: KLEVERSON GOMES ROCHA RÉU: ROSA MARIA FAVACHO DOS SANTOS. I. faço remessa dos presentes autos à UNAJ para elaboração da conta de custas finais pendentes. Belém 03/09 /2010. DESPACHO ORDINATÓRIO Nos moldes do art. faço remessa dos presentes autos à UNAJ para elaboração da conta de custas finais pendentes. Belém 03/09 /2010. 1º. DESPACHO ORDINATÓRIO Nos moldes do art. faço remessa dos presentes autos à UNAJ para elaboração da conta de custas finais pendentes. I. 1º. faço remessa dos presentes autos à UNAJ para elaboração da conta de custas finais pendentes.BANCO MULTIPLO ADVOGADO MARCIO ANDRE AFFONSO MIRANDA ADVOGADO ROSANA LUCIA COSTA OLIVEIRA. I.Terça-Feira. faço remessa dos presentes autos à UNAJ para elaboração da conta de custas finais pendentes. do provimento 010/2009. 1º. DESPACHO ORDINATÓRIO Nos moldes do art. 1º. Maria do Socorro Belfort de Souza Diretora de Secretaria PROCESSO: 00154961719988140301 Ação: Execução de Título Extrajudicial em: 03/09/2010 AUTOR: COLEGIO GENTIL BITTENCOURT RÉU: ISAIAS FERNANDES ROQUE DA SILVA ADVOGADO: KLEVERSON GOMES ROCHA. do provimento 010/2009. DESPACHO ORDINATÓRIO Nos moldes do art. DESPACHO ORDINATÓRIO Nos moldes do art. Maria do Socorro Belfort de Souza Diretora de Secretaria PROCESSO: 00000747020108140301 Ação: Busca e Apreensão em Alienação Fiduciária em: 03/09/2010 AUTOR: BANCO FINASA BMC S/ A ADVOGADO ANA CLAUDIA GRAIM MENDONCA SANTOS RÉU: GUILHERME ROBERTO CAVALEIRO. Maria do Socorro Belfort de Souza Diretora de Secretaria PROCESSO: 00136296119998140301 Ação: Execução de Título Extrajudicial em: 03/09/2010 RÉU: BEATRIZ DE NAZARE MENEZES GUERREIRO AUTOR: COLEGIO GENTIL BITTENCOURT ADVOGADO: KLEVERSON GOMES ROCHA RÉU: MARIA DAS DORES MENEZES GUERREIRO. I. Maria do Socorro Belfort de Souza Diretora de Secretaria PROCESSO: 00212737520098140301 Ação: Execução de Título Extrajudicial em: 03/09/2010 EXECUTADO: ICOARACY PESCADOS E EXPORTACAO LTDA ADVOGADO DANIELLE MONTEIRO F. DESPACHO ORDINATÓRIO Nos moldes do art. DESPACHO ORDINATÓRIO Nos moldes do art. 1º. faço remessa dos presentes autos à UNAJ para elaboração da conta de custas finais pendentes. DESPACHO ORDINATÓRIO Nos moldes do art. Maria do Socorro Belfort de Souza Diretora de Secretaria PROCESSO: 00309918220098140301 Ação: Reintegração / Manutenção de Posse em: 03/09/2010 AUTOR: BFB LEASING S/A. I. Belém 03/09 /2010. do provimento 010/2009. do provimento 010/2009. Maria do Socorro Belfort de Souza Diretora de Secretaria PROCESSO: 00018543619988140301 Ação: Execução de Título Extrajudicial em: 03/09/2010 RÉU: ANIBAL ALVES NASCIMENTO AUTOR: COLEGIO GENTIL BITTENCOURT ADVOGADO: KLEVERSON GOMES ROCHA RÉU: MARIA DA CONCEICAO FERREIRA. I.SECRETARIA DA 2ª VARA CIVEL DE BELEM PROCESSO: 00085052620068140301 Ação: Busca e Apreensão em Alienação Fiduciária em: 03/09/2010 AUTOR: BANCO FINASA S/A ADVOGADO MAURA POLIANA SILVA RIBEIRO RÉU: WALDYLL A DOS REIS SCORALICK. do provimento 010/2009.Edição nº 4651/2010 . 1º. 1º. faço remessa dos presentes autos à UNAJ para elaboração da conta de custas finais pendentes. I. 1º. do provimento 010/2009. DESPACHO ORDINATÓRIO Nos moldes do art. do provimento 010/2009.TJ/PA . Belém 03/09 /2010. I. Belém 03/09 /2010. DESPACHO ORDINATÓRIO Nos moldes do art. DESPACHO ORDINATÓRIO Nos moldes do art. Maria do Socorro Belfort de Souza Diretora de Secretaria 127 . Belém 03/09 /2010.DIÁRIO DA JUSTIÇA . Maria do Socorro Belfort de Souza Diretora de Secretaria PROCESSO: 00083083320018140301 Ação: Execução de Título Extrajudicial em: 03/09/2010 AUTOR: COLEGIO GENTIL BITENCOURT ADVOGADO: JEAN CARLOS DIAS RÉU: LUCIRENE SILVA BRITO NUNES. Belém 03/09 /2010. I. Maria do Socorro Belfort de Souza Diretora de Secretaria PROCESSO: 00195146420108140301 Ação: Reintegração / Manutenção de Posse em: 03/09/2010 AUTOR: BANCO ITAULEASING S. faço remessa dos presentes autos à UNAJ para elaboração da conta de custas finais pendentes. Belém 03/09 /2010. do provimento 010/2009. Belém 03/09 /2010. faço remessa dos presentes autos à UNAJ para elaboração da conta de custas finais pendentes. Belém 03/09 /2010. do provimento 010/2009. 1º. Belém 03/09 /2010. Maria do Socorro Belfort de Souza Diretora de Secretaria PROCESSO: 00191475620108140301 Ação: Busca e Apreensão em Alienação Fiduciária em: 03/09/2010 AUTOR: BANCO FINASA S/A ADVOGADO ANA PAULA BARBOSA DA ROCHA ADVOGADO ALINE AMANAJAS RÉU: PAULO SERGIO DE SOUZA LIMA. Maria do Socorro Belfort de Souza Diretora de Secretaria PROCESSO: 00223885020108140301 Ação: Busca e Apreensão em Alienação Fiduciária em: 03/09/2010 RÉU: CLAYTON DE NAZARE SANTOS DA SILVA AUTOR: HSBC BANK BRASIL S/A-BANCO MULTIPLO ADVOGADO THIAGO GLAYSON RODRIGUES DOS PASSOS ADVOGADO ANA PAULA BARBOSA DA ROCHA. Belém 03/09 /2010. DESPACHO ORDINATÓRIO Nos moldes do art. DESPACHO ORDINATÓRIO Nos moldes do art. do provimento 010/2009. I. Belém 03/09 /2010. Maria do Socorro Belfort de Souza Diretora de Secretaria PROCESSO: 00076254820108140301 Ação: Reintegração / Manutenção de Posse em: 03/09/2010 RÉU: ALEXANDRE DE SOUZA BAENA AUTOR: HSBC BANK BRASIL S/A . 1º. I. I. ARRENDAMENTO MERCANTIL ADVOGADO DOMINGOS PADILHA DA SILVA RÉU: SERGIO TAVARES RODRIGUES JR. 1º. faço remessa dos presentes autos à UNAJ para elaboração da conta de custas finais pendentes. do provimento 010/2009. 1º.A ADVOGADO ANA PAULA BARBOSA DA ROCHA RÉU: CARMEN MARIA CORTE LINS. faço remessa dos presentes autos à UNAJ para elaboração da conta de custas finais pendentes. 14 de Setembro de 2010 SECRETARIA DA 2ª VARA CÍVEL DA CAPITAL RESENHA: 03/09/2010 A 03/09/2010 . I.

portanto.. em favor do requerente. Raimundo das Chagas Filho Juiz de Direito PROCESSO: 00316738820108140301 Ação: Consignação em Pagamento em: 31/08/2010 RÉU: CIA.. verificou-se a presença do requerente. sendo. o requerido. 184). ADVOGADO AFONSO ARINOS DE A LINS FILHO AUTOR: ANTONIO FERREIRA MAFRA ADVOGADO DR. a fim de que. depositando-se o bem em mãos do requerente ou de quem indicar. também identificado. no prazo de 48 (quarenta e oito) horas. INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL ¿ INSS. 31 de agosto de 2. 269. com poderes nos autos. RAIMUNDO DAS CHAGAS FILHO. COR VERDE.. por intermédio de advogado legalmente constituído nos autos. deixou transcorrer in albis o referido prazo. 20101000792-5 Juízo de Direito da 4ª Vara Cível da Capital.Edição nº 4651/2010 .Citem-se os executados. Isento as partes do pagamento das custas processuais. 14 de Setembro de 2010 SECRETARIA DA 4ª VARA CÍVEL DA CAPITAL RESENHA: 31/08/2010 A 31/08/2010 . INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL ¿ INSS. Contudo. fim de que. PROCESSO: 00220176220108140301 Ação: Execução de Título Extrajudicial em: 31/08/2010 EXECUTADO: BIANCA LIMA PAMPLONA DE FREITAS EXEQUENTE: FREIRE. Juiz encerrar o presente termo que lido e achado conforme vai devidamente assinado. a teor do art. resolvo o seguinte: I . FLÁVIO HERMILIO CARDOSO ALBUQUERQUE. 2ª parte. Belém. 179 a 183. por cópia digitada. a de pagar pontualmente as parcelas ajustadas com o requerente. do Código de Processo Civil. Prédio do Fórum Cível. presente o Dr.Expeça-se o competente mandado liminar de reintegração na posse. para audiência de conciliação. bairro Comércio EXEQUENTE: FREIRE. 0022017-62.. 652-A do Código de Processo Civil). Juiz proferiu a seguinte decisão: Homologo o referido acordo a fim de que produza seus jurídicos e legais efeitos e. anexo I. acompanhado por seu advogado. 738 do mesmo Codex (com redação dada pela Lei nº. O requerido foi notificado extrajudicialmente conforme testifica o documento anexo.. VIII .. 297 do Código de Processo Civil.. 269.814. Anote-se como sentença do tipo ¿B¿ com mérito. FARIAS & VIANA ADVOGADOS ASSOCIADOS S/S ADVOGADO BERNARDO DE SOUZA MENDES EXECUTADO: JOAO VICTOR LIMA PAMPLONA DE FREITAS. a teor do art. Raimundo das Chagas Filho Juiz de Direito PROCESSO: 00005559020108140301 Ação: Busca e Apreensão em Alienação Fiduciária em: 31/08/2010 AUTOR: B.010 Dr. adiante nomeada. I. 11. A liminar deve ser deferida.009.19941003023-2 DESPACHO Considerando a respeitável sentença de mérito que julgou parcialmente procedente o pedido inicial e. PLACA JTA-1357. no prazo de 15 dias.CJRMB. VI . por mandado.DIÁRIO DA JUSTIÇA . Finaliza pleiteando. na sala de audiência da 4a Vara Cível da Capital. seja reintegrado liminarmente na posse do veículo descrito na exordial. 319. 31 de agosto de 2. ex vi. nos termos do Provimento nº 003/2009 .Intime-se.. sendo por isso constituído em mora por intermédio da notificação extrajudicial. anexo I. fizesse o pagamento das contraprestações e/ou as parcelas do valor residual garantido vencido. Alega que as partes celebraram contrato de arrendamento mercantil. sendo prova inconteste que descumpriu sua principal obrigação.. julgo extinto o processo com resolução de mérito. no prazo de 15 (quinze) dias.. no prazo estipulado. Feito o pregão.2010.SECRETARIA DA 4ª VARA CIVEL DE BELEM PROCESSO: 00199245120108140301 Ação: Petição em: 31/08/2010 AUTOR: FLAVIO HERMILIO CARDOSO ALBUQUERQUE ADVOGADO ARIOSVALDO OLIVEIRA BARROS RÉU: INSTITUTO NACIONAL DE SEGURIDADE SOCIAL . ficando.. às 11h00 (onze horas).Defiro o pedido de liminar de reintegração na posse do veículo arrendado. O RMP opinou favoravelmente a homologação do aludido acordo.. Dr.Diligencie sucessivamente. 926 do Código de Processo Civil. e art. Dr. Belém. Ante o exposto.. procedendo-se com a respectiva baixa na distribuição.2010..010 Dr. localizado na Praça Felipe Patroni s/n. FINANCEIRA S. por meio do qual entregou ao requerido o veículo MARCA FIAT.. arquivem-se os presentes autos. 652 do Código de Processo Civil ou. a fim de que. MOVIDO A GASOLINA. 652A. cite-se o requerido. V ¿ Cumpra-se na forma e sob as penas da lei. DECISÃO BANCO SANTANDER S/A. querendo.814. 0031673-88.TJ/PA ..A . MODELO PALIO WEEK TREKKING. registrada sob o nº 0031673-88. ofereça contestação à ação proposta.20101029729-5 AÇÃO DE RESTABELECIMENTO DE AUXÍLIO DOENÇA OU APOSENTADORIA POR INVALIDEZ REQUERENTE: FLÁVIO HERMILIO CARDOSO ALBUQUERQUE REQUERIDO: INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL . sendo que nesse período o requerente será colocado no programa de reabilitação profissional. Prédio do Fórum Cível. procedendo-se com a respectiva baixa na distribuição.382/06). 128 .010. III . consequentemente. NILTON GURJÃO DAS CHAGAS. neste último caso devidamente certificado. na pessoa der seu procurador federal. o que veio caracterizar o esbulho possessório. formalmente constituído em mora. nos termos do Provimento nº 003/2009 . no prazo de 03 (três) dias. VI ¿ Intimem-se. V . garantindo o aludido benefício por um período de 01 (um) ano. . contado de seu regular efetivação. resolvo o seguinte: I ¿ Determino o imediato arquivamento dos presentes autos. DENY DE OLIVEIRA SANTOS. As partes resolveram conciliar nos seguintes termos: o requerido. V. Em contrapartida não há que se falar em parcelas retroativas. FINANCIAMENTO E INVESTIMENTO ADVOGADO FABRICIO MACHADO DE MORAES RÉU: VALCICLEIA DOS SANTOS DE MENEZES. como mandado de citação. IV ¿ Servirá o presente.010 Dr. ambos do Código de Processo Civil. Belém. descrito na exordial. II .Cumprida a liminar. III .CJRMB. a conceder o auxílio-doença a partir do dia 19 de agosto de 2. do art. penhora e avaliação. Juiz de Direito.CREDITO. bem como a informação de que as partes transacionaram na fase de cumprimento do julgado (ler f. SANDRO ALEX DE SOUZA SIMÕES.Após voltemme conclusos.0301 DESPACHO I ¿ Apensem-se aos autos da ação de reintegração na posse . em razão dos fundamentos alinhados na inicial. Decisão publicada em audiência ciente os presentes. transitada em julgado (ler f. com fulcro do art. IV . 285. Dr. as parcelas acordadas nos termos do contrato de arrendamento mercantil. II ¿ Intime-se. obriga-se. 261). ITAULEASING ARRENDAMENTO MERCANTIL AUTOR: EDNEI OLIVEIRA SOUZA ADVOGADO JOAO VELOSO DE CARVALHO.0301 Juízo de Direito da 4ª Vara Cível da Capital. ut instrumento de substabelecimento anexo. Nada mais havendo mandou o MM.2010. enviando-se-lhe cópia da exordial. Belém. ANO/MODELO 2008/2008. instrução e julgamento. PROCESSO N ° 001. 736 e art. nada fazendo para resolver a pendência. VII . parágrafo único.Servirá o presente. Raimundo das Chagas Filho Juiz de Direito PROCESSO: 00316206220108140301 Ação: Reintegração / Manutenção de Posse em: 31/08/2010 AUTOR: BANCO SANTANDER S/A ADVOGADO ANA PAULA BARBOSA DA ROCHA RÉU: PABLO DANIEL PARGOLETTO. voltem-me conclusos. efetuem o pagamento da dívida.. o Dr. exarada à f. advertido que a ausência de contestação (defesa) implicará na decretação de revelia e na aplicação de pena de confesso quanto a matéria de fato. como mandado de reintegração na posse e citação. posto comprovado de plano o esbulho.. do art. FARIAS í VIANA ADVOGADOS ASSOCIADOS EXECUTADOS: BIANCA LIMA PAMPLONA FREITAS e JOÃO VICTOR LIMA PAMPLONA FREITAS SECRETARIA DO 4º OFÍCIO CÍVEL DA CAPITAL DESPACHO I .010.Terça-Feira.Decorrido o prazo legal.Intime-se. PABLO DANIEL PARGOLETTO. Registre-se e. Promotor de Justiça. o MM. por cópia digitada..0301 . datada do laudo pericial do juízo. sala nº 262. qual seja... localizado na Praça Felipe Patroni s/n. propôs AÇÃO DE REINTEGRAÇÃO NA POSSE em desfavor de PABLO DANIEL PARGOLETTO.010). depósito ou caução. após as anotações de praxe.814. 31 de agosto de 2. do Código de Processo Civil. a teor do art. independentemente de penhora.. II . ARIOSVALDO OLIVEIRA BARROS. devidamente qualificado na inicial. Cuida o caso em testilha de pedido de reintegração na posse de coisa móvel (veículo descrito acima) arrendado ao requerido e não pago. 001. declarou extinto o processo com resolução de mérito. BIANCA LIMA PAMPLONA FREITAS e JOÃO VICTOR LIMA PAMPLONA FREITAS. Eu. objeto do litígio. II ¿ Arbitro de plano os honorários do patrono do exequente na ordem de 10% (dez por cento) sobre o valor atribuído à causa (art. mediante as cautelas legais. 3 1 de agosto de 2.. III ¿ Advirto os executados acerca do benefício previsto no art. querendo. III. Diretora de Secretaria o subscrevi.INSS.. do Código Processo Civil. Em seguida. mediante as cautelas legais. a teor do art. comigo a Diretora de Secretaria. no prazo de 45 (quarenta e cinco) dias. Revela que o requerido deixou de efetuar o pagamento da contraprestação de nº 013 vencida no dia 30 outubro de 2. ex vi. admitindo-se como verdadeiros os fatos narrados na exordial. CHASSI Nº 9BD17350M94242745. com ou sem manifestação.Cumpra-se na forma e sob as penas da lei.INSS SECRETARIA DO QUARTO OFÍCIO CÍVEL DA CAPTAL TERMO DE AUDIÊNCIA Aos 31 (trinta e um) dias do mês de agosto do ano de dois mil e nove (2. apresentem embargos. desde logo. Raimundo das Chagas Filho Juiz de Direito PROCESSO: 00036718219948140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 31/08/2010 RÉU: AMAZONEX INDUSTRIAL EXPORTADORA S/A. noticiada na exordial. consequentemente.

determinando-lhe que promova a baixa da restrição judicial que porventura pesa sobre o bem objeto da lide. do Código Processo Civil. com ou sem manifestação. sem qualquer providência da parte interessada.Terça-Feira. Condeno o requerente.. Belém. aplicado analogicamente. 795 do mesmo Codex. Belém. com fulcro no art. na forma do art.. RITA DE CASSIA SOUZA MARTINS e LEONARDO SOUZA MARTINS . O requerido não efetuou o pagamento das prestações do financiamento do contrato de abertura de crédito direto ao consumidor objetivando a aquisição do veículo descrito na exordial.TJ/PA . PLACA JVC ¿ 5368. do Código Processo Civil. PUBLIQUE-SE. 001. no prazo legal. COR PRETA. bairro Comércio REQUERENTE: B. 18 a 23. por sentença. demonstrado a inadimplência contratual.Edição nº 4651/2010 . o pedido incluso de desistência. a teor do art. 267. O requerido. consequentemente. após as anotações de praxe. oferecesse defesa (ler auto de f. razão pela qual resolvo o seguinte: I . É o relatório. COM O TRANSITO EM JULGADO DESTA SENTENÇA. ROSANGELA MARTINS DE FARIAS. contado da regular publicação desta sentença no Diário de Justiça. MEDIANTE AS CAUTELAS LEGAIS. IV . PAULO SÉRGIO PEREIRA MARTINS. ambos do Código Processo Civil. após as anotações de praxe. Intime-se. também identificado. ROSEANE PEREIRA MARTINS. Pelo fato do requerido./2. Com a inicial juntou os documentos de f. VIII. embora legal e regularmente citado. Raimundo das Chagas Filho Juiz de Direito PROCESSO: 00251853320108140301 Ação: Processo de Execução em: 31/08/2010 EXEQUENTE: BANCO DO ESTADO DO PARA . III . 3 ° do Decreto-Lei nº 911/69. na forma do art. DECLARO RESCINDIDO O CONTRATO DE FINANCIAMENTO PARA AQUISIÇÃO DO VEÍCULO. impondo-lhe a pena de confissão quanto a matéria de fato e. II .010. INTIME-SE. 31 de agosto de 2. conforme decisão prolatada à f. TIPO PEUGEOT 206 HATCH PRESENCE 1. arquivem-se os presentes autos. por meio de notificação extrajudicial ¿ cartório de título e documento -. 43. CONSOANTE DECISÃO INCLUSA. sob pena de extinção do processo sem resolução de mérito e.Intime(m)se o(a)s herdeiro(s). Com o trânsito em julgado desta sentença. mediante as cautelas legais. FINANCIAMENTO E INVESTIMENTO REQUERIDO(A): VALCICLÉIA DOS SANTOS DE MENEZES SECRETARIA DO 4º OFÍCIO CÍVEL DA CAPITAL DECISÃO/OFÍCIO Nº .010. conforme testifica documento anexo. arquivem-se os presentes autos. Registre-se. neste caso devidamente certificado. FUNDAMENTAÇÃO. Anote-se como sentença do tipo ¿B¿ sem mérito. ao pagamento das custas processuais. 001. na forma do art. conforme testifica certidão de f. COM OS CONSECTÁRIOS LEGAIS. localizado na Praça Felipe Patroni s/ n. parágrafo único. REGISTRE-SE. na forma do art. a fim de que. como ofício. nos termos do Provimento nº 003/2009 . anexo I. por intermédio de advogado legalmente constituído. Prédio do Fórum Cível. RATIFICO A LIMINAR DE BUSCA E APREENSÃO ANTERIORMENTE CONCEDIDA. de igual forma. a revogação da liminar de busca e apreensão anteriormente concedida.20091037709-0 DECISÃO BANCO SANTANDER BRASIL S/A.DIÁRIO DA JUSTIÇA . 330. 3. no prazo de 48h00 (quarenta e oito horas).. Anote-se como sentença do tipo ¿B¿ sem mérito. 1. PROCEDENDO-SE COM A RESPECTIVA BAIXA NA DISTRIBUIÇÃO. ciente de que teria o veículo alienado fiduciariamente apreendido por ordem judicial. 31 de agosto de 2. CONDENO O REQUERIDO AO PAGAMENTO DAS CUSTAS PROCESSUAIS E AOS HONORÁRIOS ADVOCATÍCIOS QUE ESTABELEÇO EM 10% (DEZ POR CENTO) SOBRE O VALOR DADO À CAUSA.. 2. parágrafo único. III.. a fim de que produza seus jurídicos e legais efeitos e. O pedido de liminar de busca e apreensão foi deferido. HAROLDO PEREIRA MARTINS. 38 a 39. dando azo à apreensão do bem oferecido em garantia fiduciária. Homologo. consoante decisão exarada à f. propôs AÇÃO DE BUSCA E APREENSÃO em desfavor de DEYBSON SILVA PASSOS. NESTE CASO DEVIDAMENTE CERTIFICADO. 267. ut instrumento de mandato anexo. quedando-se inerte. sendo por isso foi constituído em mora. II ¿ Intime-se. Intime-se. com arrimo no art.010 Dr. DECLARO . 001. a fim de que produza seus jurídicos e legais efeitos e. neste caso devidamente certificado. Servirá esta sentença. DEVIDAMENTE ATUALIZADA ATÉ O EFETIVO PAGAMENTO.BANPARÁ EXECUTADOS: LUIZ AUGUSTO SOUZA DE LIMA. V.Servirá o presente. Juízo de Direito da 4ª Vara Cível da Capital. Raimundo das Chagas Filho Juiz de Direito PROCESSO: 00172035520098140301 Ação: Busca e Apreensão em Alienação Fiduciária em: 31/08/2010 AUTOR: BANCO SANTANDER BRASIL S/A ADVOGADO ANA PAULA BARBOSA DA ROCHA RÉU: DEYBSON SILVA PASSOS. Raimundo das Chagas Filho Juiz de Direito PROCESSO: 00084309720108140301 Ação: Processo Cautelar em: 31/08/2010 RÉU: CONSTRUTORA VILA DEL REY LTDA AUTOR: KEYLA CAMPOS ALMEIDA ADVOGADO MARILIA PIANCO YAMADA RÉU: LUNA EMPREENDIMENTOS IMOBILIARIOS LTDA. nos termos do Provimento nº 003/2009 ¿ CJRMB. NOS TERMOS DA FUNDAMENTAÇÃO AO NORTE. Dr.007. 14 de Setembro de 2010 sala nº 262. bairro Comércio EXEQUENTE: BANCO DO ESTADO DO PARÁ S/A . o pedido anexo de desistência. CELEBRADO ENTRE PARTES. fatos que se admitem como verdadeiros em face da ausência de contrariedade. Tem-se que o requerido foi constituído em mora. a renúncia do prazo recursal a fim de que produza seus jurídicos e legais efeitos. AS APÓS AS ANOTAÇÕES DE PRAXE.010 Dr. por cópia digitada. nesta última modalidade quando inexistir o CEP na exordial.. neste último caso devidamente certificado. conforme testifica documento anexo. como mandado ou carta de intimação. a fim de que.Decorrido o prazo legal. também. no prazo legal. Publique-se. 31 de agosto de 2. vez que devidamente instruído com o contrato de financiamento.. procedendo-se com a respectiva baixa na distribuição. Raimundo das Chagas Filho Juiz de Direito PROCESSO: 00092493119948140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 31/08/2010 AUTOR: HILTON ALVES MARTINS ADVOGADO JACI MONTEIRO COLARES RÉU: MONTEPIO PREVIDENCIA SAOEX ADVOGADO REYNALDO ANDRADE DA SILVEIRA ADVOGADO JOARA CHRISTINA BALCZAREK MUCELIN. Fluido o prazo de 30 (trinta) dias. Belém..010 Homologo. do Código do Processo Civil. por carta com aviso de recebimento (AR) ou por mandado. decreto-lhe a revelia.Cumpra-se na forma e sob as penas da lei. Belém. Oficie-se à direção do Departamento de Trânsito do Estado do Pará ¿ DETRAN-PA/CIRETRAN. 31 de agosto de 2. querendo.. II. ainda assim permaneceu em silêncio não apresentando qualquer manifestação no sentido de efetuar a quitação do débito. Noticia que injustificadamente o requerido deixou de efetuar o pagamento das parcelas do aludido financiamento.CJRMB. 31 de agosto de 2. do Código de Processo Civil. Belém. sala nº 262. manifestarem interesse no prosseguimento do feito. parágrafo único. como corolário desta sentença.010 Dr. SELMA RAIMUNDO MARTINS DOS SANTOS e ODETE SILVA DOS SANTOS SECRETARIA DO 4º OFÍCIO 129 . julgo extinto o processo sem resolução de mérito. 20101013537-0 DESPACHO I ¿ Cumpra-se primeiramente o despacho prolatado nos autos da ação de declaração de rescisão de contrato c/c restituição de valores (autos apensados). Publique-se.4 8V. passo ao julgamento antecipado da lide. JULGO TOTALMENTE PROCEDENTE O PEDIDO INICIAL. FINANCIAMENTO S/A ¿ CRÉDITO. ficando. DISPOSITIVO. entendo de total procedência o pedido inaugural. por meio da notificação extrajudicial. Isento o exequente do pagamento das custas processuais. 26. consequentemente. devidamente qualificado. a extinção deste processo de execução por quantia certa contra devedor solvente. 238. ANTE O EXPOSTO. não ter oferecido contestação. Raimundo das Chagas Filho Juiz de Direito PROCESSO: 00138441920028140301 Ação: Execução de Título Extrajudicial em: 31/08/2010 AUTOR: BANCO DA AMAZONIA S/A ADVOGADO ARNALDO HENRIQUE ANDRADE DA SILVA ADVOGADO DANIELLE DE JESUS OLIVEIRA DOS SANTOS ADVOGADO MARIA DEUSA ANDRADE DA SILVA ADVOGADO ANA COELI BASTOS LISBOA RÉU: LEUZIVAN MARCOS MOREIRA DO NASCIMENTO RÉU: LINDALVA OLIVEIRA COSTA FERREIRA RÉU: ORLANDO PEREIRA AMADOR NETO. Determino. consequentemente. Assiste inteira razão ao requerente.19941010474-2 REQUERENTE(S): ESPÓLIO DE HILTON ALVES MARTINS REQUERIDO(A)S: MONTEPIO PREVIDÊNCIA SAOEX SECRETARIA DO 4º OFÍCIO CÍVEL DA CAPITAL DESPACHO Ao examinar este caderno processual verifico que o presente feito encontra-se paralisado em secretaria por um hiato temporal considerável. Registre-se. na forma do art. voltem-me conclusos.BANPARA ADVOGADO HELGA OLIVEIRA DA COSTA EXECUTADO: LUIZ AUGUSTO SOUZA DE LIMA EXECUTADO: ODETE SILVA DOS SANTOS EXECUTADO: SELMA RAIMUNDO MARTINS DOS SANTOS. do mesmo Codex. O veículo descrito na exordial foi apreendido e o requerido regularmente citado. ANOTE-SE COMO SENTENÇA DO TIPO ¿A¿ COM MÉRITO. procedendo-se com a respectiva baixa na distribuição.20021016332-8 DECISÃO Homologo. mediante as cautelas legais. arquivamento dos autos. CONCLUSÃO. ANO 2. 23 a 24. CHASSIS Nº 9362AKFW98B024654. c/c o art. Dr. não apresentou contestação. ficando. ROSEMARY MARTINS SOUZA. Aduz que celebrou com o requerido contrato de financiamento por meio do qual este veio adquirir o veículo marca PEUGEOT. 158. por cópia digitada. conseqüentemente. ARQUIVEM-SE OS AUTOS. 158. Destarte. a teor do art. entretanto. 42). DESCRITO AO NORTE. do Código de Processo Civil. por intermédio de notificação extrajudicial. 569. no prazo legal.

14 de Setembro de 2010 CÍVEL DA CAPITAL DESPACHO I .. 277. apenas da taxa judiciária. sendo que nesse período o requerente será colocado no programa de reabilitação profissional. III. bairro Comércio REQUERENTE: EMERSON CONCEIÇÃO DA SILVA REQUERIDO(A): SEGURADORA LÍDER DOS CONSÓRCIOS DO SEGURO DPVAT S/A SECRETARIA DO 4º OFÍCIO CÍVEL DA CAPITAL DESPACHO I ¿ Defiro o pedido de concessão da Justiça Gratuita.. Diretora de Secretaria o subscrevi.010. IV ¿ Decorrido o prazo legal. § 3º. EMERSON CONCEIÇÃO DA SILVA.814. adiante nomeada. como mandado de citação. após as anotações de praxe.011. ficando. III ¿ Cite-se o(a) requerido(a)..Cumpra-se. 001. Juiz de Direito.010). O RMP opinou favoravelmente a homologação do aludido acordo.. ex vi. desde logo. às 11h00 (onze horas) . bairro Comércio REQUERENTE: MANOEL MESSIAS PEREIRA SANTOS REQUERIDO(A): BRADESCO SEGUROS SECRETARIA DO 4º OFÍCIO CÍVEL DA CAPITAL DESPACHO I ¿ Defiro o pedido de concessão da Justiça Gratuita. SELMA RAIMUNDO MARTINS DOS SANTOS e ODETE SILVA DOS SANTOS. INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL ¿ INSS. do Código de Processo Civil).2010.010 Dr. com ou sem manifestação. § 2º.011. observar o lapso de tempo de 10 (dez) dias entre a citação e o dia da referida audiência. instrução e julgamento para o dia 15 (quinze) do mês de março de 2. 652 do Código de Processo Civil ou.010 Dr. V ¿ Intime(m)-se o(a)s requerente(s).ITAULEASING DE ARRENDAMENTO MERCANTIL ADVOGADO IONE ARRAIS OLIVEIRA ADVOGADO ALESSANDRA CRISTINA MOURO ADVOGADO JOSE EDGARD DA CUNHA BUENO FILHO AUTOR: JOSE RAIMUNDO RIBEIRO SERRA ADVOGADO JOAO MARCELO VIEIRA SERRA. IV ? Servirá o presente.Citem-se os executados. julgo extinto o processo com resolução de mérito. do Código de Processo Civil.CJRMB. Defensor Público desta Comarca. Em seguida.INSTITUTO NACIONAL DE SEGURO SOCIAL. por não se fizer. Raimundo das Chagas Filho Juiz de Direito PROCESSO: 00177914620108140301 Ação: Petição em: 31/08/2010 AUTOR: CARLOS JOSE PEREIRA DA COSTA DEFENSOR JOSE ANIJAR FRAGOSO REI RÉU: INSS . a fim de que compareça à audiência designada. Prédio do Fórum Cível. II ¿ Depois de cumprido o item anterior. resolvo o seguinte: I ¿ Remetam-se os presentes autos ao Contador do Juízo para atualização do valor atribuído à causa. por mandado. na forma do art. arquivem-se os presentes autos.. entretanto. Promotor de Justiça. Eu. 001. na rede bancária. II . obriga-se. a teor do art. do Código de Processo Civil). do Código Processo Civil. Belém. VI . 236 do Código de Processo Civil. Raimundo das Chagas Filho Juiz de Direito PROCESSO: 00318555120108140301 Ação: Procedimento Sumário em: 31/08/2010 AUTOR: EMERSON CONCEIÇÃO DA SILVA ADVOGADO KRISTEN RORIZ DE CARVALHO RÉU: SEGURADORA LIDER DOS CONSORCIOS DO SEGURO DPVAT S/A. como mandado de citação. JOSÉ ANIJAR FRAGOSO REI.As partes poderão. instrução e julgamento para o dia 15 (quinze) do mês de março de 2. portanto. do art. da implantação da UNAJ. nos termos do Provimento nº 003/2009 .0301 Juízo de Direito da 4ª Vara Cível da Capital. com arrimo no art. depósito ou caução. II ¿ Designo audiência de conciliação. anexo I. inclusive.. III ¿ Em qualquer das hipóteses (positiva ou negativa). TERMO DE AUDIÊNCIA Aos 31 (trinta e um) dias do mês de agosto do ano de dois mil e dez (2. ex vi .INSS SECRETARIA DO QUARTO OFÍCIO CÍVEL DA CAPTAL. sob pena de baixa no sistema e arquivamento dos autos. acompanhar de advogado. 652-A do Código de Processo Civil). Dr.. ficando.. Belém.010. Feito o pregão. CARLOS JOSÉ PEREIRA DA COSTA. nos termos do Provimento nº 003/2009 . Juiz proferiu a seguinte decisão: Homologo o referido acordo a fim de que produza seus jurídicos e legais efeitos e.TJ/PA . o MM. 277 do Código de Processo Civil. a fim de que. do art.0301 Juízo de Direito da 4ª Vara Cível da Capital. presente o Dr. consequentemente. no prazo de 05 (cinco) dias. RAIMUNDO DAS CHAGAS FILHO. 267. antes. 0031855-51. no prazo de 03 (três) dias. Raimundo das Chagas Juiz de Direito PROCESSO: 00269332320108140301 Ação: Procedimento Sumário em: 31/08/2010 RÉU: BRADESCO SEGUROS AUTOR: MANOEL MESSIAS PEREIRA SANTOS ADVOGADO ANGELO HONORIO LEAL SANTOS.Intimem-se as partes litigantes.. advertido(a) de que não comparecendo. na forma do art. no sistema da UNAJ. LUIZ AUGUSTO SOUZA DE LIMA. 652-A.. VI. a fim de que compareça(m) à audiência no dia e hora designados. parágrafo único. INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL ¿ INSS. As partes resolveram conciliar nos seguintes termos: o requerido. entretanto.Edição nº 4651/2010 . Ante o exposto. verificou-se a presença do requerente. a fim de que compareça à audiência designada. salvo se contrário resultar da prova dos autos (art. III ? Advirto os executados acerca do benefício previsto no art.814. quando do cumprimento do mandado judicial. no prazo de 45 (quarenta e cinco) dias. penhora e avaliação. localizado na Praça Felipe Patroni s/n. Raimundo das Chagas Filho Juiz de Direito PROCESSO: 00139288420028140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 31/08/2010 AUTOR: MARCIA DE ARAUJO ASSUNCAO ADVOGADO MARCIA DE ARAUJO ASSUNCAO RÉU: ROBERTA DE OLIVEIRA MOREIRA ADVOGADO ISAIAS CABRAL ADVOGADO MICHELLE CRISTINA CORDEIRO XAVIER. independentemente de penhora.. na qual poderá defender-se.2010. caso não se realize acordo.Terça-Feira. .. PROCESSO N ° 001.20101026605-0 AÇÃO DE CONCESSÃO DO AUXÍLIO-DOENÇA REQUERENTE: CARLOS JOSÉ PEREIRA DA COSTA REQUERIDO: INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL . sala nº 262. 269. V .993. advertido(a) de que não comparecendo. V ¿ Cumpra-se. independentemente de novo despacho. 331 do Código de Processo Civil. 11. finalmente.. desde logo. não se defender. 736 e art.. NILTON GURJÃO DAS CHAGAS. até a audiência.. JOSÉ RAIMUNDO RIBEIRO SERRA. SANDRO ALEX DE SOUZA SIMÕES. Belém. Em contrapartida não há que se falar em parcelas retroativas. de modo que seja atualizado. apresentem embargos. a conceder o auxílio-doença a partir do dia 06 de julho de 2. 236 do Código de Processo Civil. voltem-me conclusos. mediante recibo. apresente em juízo o(s) comprovante(s) de pagamento das custas processuais de preparo. advertido(s) que a ausência injustificada a referida audiência implicará na extinção do processo sem resolução do mérito por falta de interesse processual. intime-se o requerente.. VII ¿ Cumpra-se na forma e sob as penas da lei. 31 de agosto de 2. Anote-se como sentença do tipo ¿B¿ com mérito. ou. a fim de que compareçam à audiência no dia e hora designados. IV . a teor do art. ou não se fizer representar por preposto com poderes para transigir (art. Dr. o pagamento das referidas despesas. no prazo de 15 dias. o Dr.20021016437-2 DESPACHO I . será ordenado o processo. Nada mais havendo mandou o MM. efetuem o pagamento da dívida. V ? Cumpra-se na forma e sob as penas da lei.Defiro o pedido de f. anexo I. 31 de agosto de 2. conforme a regra insculpida no art. VI ? Intime-se. desde que o faça por intermédio de advogado. sendo do conhecimento de todos que naquela época a parte Autora fazia o recolhimento. instrução e julgamento.. especificar provas e sugerir pontos controvertidos para fixação. remetam os presentes autos a UNAJ para atualização do pagamento das custas processuais ou expedição do boleto de pagamento das custas processuais de preparo ou porventura das custas processuais pendentes. Prédio do Fórum Cível. presumir-se-ão aceitos como verdadeiros os fatos alegados na inicial. ficando.. 0026933-23. 130 . entretanto. III ¿ Cite-se o(a) requerido(a). III . SEGURADORA LÍDER DOS CONSÓRCIOS DO SEGURO DPVAT S/A. comigo a Diretora de Secretaria. para audiência de conciliação. 195 e.010 Dr. Belém. procedendo-se com a respectiva baixa na distribuição. desde que o faça por intermédio de advogado. advertidas de que nessa audiência. 738 do mesmo Codex (com redação dada pela Lei nº. Decisão publicada em audiência ciente os presentes. Isento as partes do pagamento das custas processuais. a fim de que.. acompanhado por seu advogado. Dr.. por cópia digitada..Servirá o presente. 277. ficando. sala nº 262. por mandado. desde logo. Juiz encerrar o presente termo que lido e achado conforme vai devidamente assinado. neste último caso devidamente certificado. Registre-se e... mediante as cautelas legais. às 10h30 (dez horas e trinta minutos). contado de seu regular efetivação. às 09h30 (nove horas e trinta minutos). II ¿ Designo audiência de conciliação.. por mandado.CJRMB. localizado na Praça Felipe Patroni s/n. às 10h00 (dez horas).19931016773-9 DESPACHO Verifico que a presente ação fora ajuizada no ano de 1. e do requerido. na forma do art. datada do laudo pericial do juízo. na sala de audiência da 4ª Vara Cível da Capital. por cópia digitada.382/06). Intime-se. PROCESSO: 00205676819938140301 Ação: Procedimento Sumário em: 31/08/2010 RÉU: AILTON CARLOS SANTOS DA COSTA ADVOGADO FRANCISCO GOMES DA COSTA RÉU: CIA . querendo. 31 de agosto de 2. consequentemente. na pessoa de seu Procurador Federal. IV ¿ Deve o senhor oficial de justiça encarregado das diligências. na qual poderá defender-se. do Código de Processo Civil. II ? Arbitro de plano os honorários do patrono do exequente na ordem de 20% (vinte por cento) sobre o valor atribuído à causa (art. BRADESCO SEGUROS.DIÁRIO DA JUSTIÇA . determino o prosseguimento do feito. enquanto que as custas processuais de preparo eram pagas diretamente ao escrivão do feito. garantindo o aludido benefício por um período de 01 (um) ano.Designo audiência de conciliação e ordenação do procedimento para o dia 29 (vinte e nove) do mês setembro próximo. 31 de agosto de 2. 236 do Código de Processo Civil.

também identificado. INTIME-SE.Edição nº 4651/2010 . devidamente qualificado. CONDENO O REQUERIDO AO PAGAMENTO DAS CUSTAS PROCESSUAIS E AOS HONORÁRIOS ADVOCATÍCIOS QUE ESTABELEÇO EM 10% (DEZ POR CENTO) SOBRE O VALOR DADO À CAUSA. 36. DECLARO RESCINDIDO O CONTRATO DE FINANCIAMENTO PARA AQUISIÇÃO DO VEÍCULO. ficando. O requerido não efetuou o pagamento das prestações do financiamento do contrato de abertura de crédito direto ao consumidor objetivando a aquisição do veículo descrito na exordial. Destarte. como mandado de citação. por meio de notificação extrajudicial ¿ cartório de título e documento -. V. ANOTE-SE COMO SENTENÇA DO TIPO ¿A¿ COM MÉRITO. desde logo. embora legal e regularmente citado. O pedido de liminar de busca e apreensão foi deferido. do Código de Processo Civil). II. ANTE O EXPOSTO. querendo. dando azo à apreensão do bem oferecido em garantia fiduciária. MODELO 2. 2. 22 a 23. a teor do art.20091120034-9. impondo-lhe a pena de confissão quanto a matéria de fato e. não se defender. RATIFICO A LIMINAR DE BUSCA E APREENSÃO ANTERIORMENTE CONCEDIDA. ut instrumento de mandato anexo. 277. CONCLUSÃO. 1. 32). DESCRITO AO NORTE. anexo I. do mesmo Codex. a fim de que. O requerido. devidamente qualificado. FUNDAMENTAÇÃO. consequentemente. CONDENO O REQUERIDO AO PAGAMENTO DAS CUSTAS PROCESSUAIS E AOS HONORÁRIOS ADVOCATÍCIOS QUE ESTABELEÇO EM 10% (DEZ POR CENTO) SOBRE O VALOR DADO À CAUSA.999. § 3º.Servirá o presente.. 158. ainda assim permaneceu em silêncio não apresentando qualquer manifestação no sentido de efetuar a quitação do débito. conforme testifica certidão de f.. Com a inicial juntou os documentos de f. também. ANO 2. por cópia digitada.DIÁRIO DA JUSTIÇA . 330. do Código de Processo Civil.. nos termos do Provimento nº 003/2009 . oferecesse defesa (ler auto de f. V ¿ Intime(m)-se o(a)s requerente(s). Pelo fato do requerido. PROCEDENDO-SE COM A RESPECTIVA BAIXA NA DISTRIBUIÇÃO. É o relatório. FINANCEIRA S/A ¿ CRÉDITO. DEVIDAMENTE ATUALIZADA ATÉ O EFETIVO PAGAMENTO. Belém. não apresentou contestação. NESTE CASO DEVIDAMENTE CERTIFICADO. passo ao julgamento antecipado da lide. O veículo descrito na exordial foi apreendido e o requerido regularmente citado. observar o lapso de tempo de 10 (dez) dias entre a citação e o dia da referida audiência. entretanto. ficando. COM OS CONSECTÁRIOS LEGAIS. com fulcro no art. 277 do Código de Processo Civil. por não se fizer. PUBLIQUE-SE. ficando. Condeno o requerente ao pagamento das custas 131 . localizado na Praça Felipe Patroni s/n. AS APÓS AS ANOTAÇÕES DE PRAXE. Pelo fato do requerido. vez que devidamente instruído com o contrato de financiamento. COM OS CONSECTÁRIOS LEGAIS. DISPOSITIVO. RATIFICO A LIMINAR DE BUSCA E APREENSÃO ANTERIORMENTE CONCEDIDA. VI . PLACA JUM ¿ 9256. PLACA JTX ¿ 7214. no prazo legal. 11 a 16. II. demonstrado a inadimplência contratual. DESCRITO AO NORTE. finalmente. 14 de Setembro de 2010 ou não se fizer representar por preposto com poderes para transigir (art. 3. Assiste inteira razão ao requerente. parágrafo único. O requerido. oferecesse defesa (ler auto de f. presumir-se-ão aceitos como verdadeiros os fatos alegados na inicial. do Código Processo Civil. BANCO MULTIPLO ADVOGADO RAFAELA MALCHER PIMENTEL ADVOGADO DOMINGOS PADILHA DA SILVA ADVOGADO HAROLDO NEY M CUNHA JUNIOR RÉU: NICOLAS ALEXANDRE VIANA GERHARDT. Tem-se que o requerido foi constituído em mora. por meio da notificação extrajudicial.A . É o relatório. Aduz que celebrou com o requerido contrato de financiamento por meio do qual este veio adquirir o veículo marca FIAT. não ter oferecido contestação. Raimundo das Chagas Filho Juiz de Direito PROCESSO: 00594879520098140301 Ação: Reintegração / Manutenção de Posse em: 31/08/2010 AUTOR: BANCO BFB LEASING S/A ARRENDAMENTO MERCANTIL ADVOGADO JOAO BRASIL BATISTA DE CASTRO RÉU: ODINEY DE SOUZA NOGUEIRA. DISPOSITIVO. CHASSIS Nº 9BD17164G72811606. 267.010 Dr. Belém. conforme testifica documento anexo. NESTE CASO DEVIDAMENTE CERTIFICADO. MEDIANTE AS CAUTELAS LEGAIS. conforme testifica documento anexo. NOS TERMOS DA FUNDAMENTAÇÃO AO NORTE. no prazo legal. não ter oferecido contestação.CJRMB. 3. ficando.20091134431-1 Juízo de Direito da 4ª Vara Cível da Capital. decreto-lhe a revelia. 33).CREDITO. CELEBRADO ENTRE PARTES. com arrimo no art. no prazo legal. consoante decisão exarada à f. 001. conforme a regra insculpida no art. O veículo descrito na exordial foi apreendido e o requerido regularmente citado. Raimundo das Chagas Filho Juiz de Direito PROCESSO: 00297496320088140301 Ação: Busca e Apreensão em Alienação Fiduciária em: 31/08/2010 AUTOR: BANCO HSBC BANK BRASIL S. MODELO 1. quedando-se inerte. propôs AÇÃO DE BUSCA E APREENSÃO em desfavor de MARCIA ADRIANE DE SOUZA ATHAYDE. ciente de que teria o veículo alienado fiduciariamente apreendido por ordem judicial. REGISTRE-SE. ou. não apresentou contestação. salvo se contrário resultar da prova dos autos (art. ANOTE-SE COMO SENTENÇA DO TIPO ¿A¿ COM MÉRITO. 1. consoante decisão exarada à f. REGISTRE-SE. DECISÃO B. advertido(s) que a ausência injustificada a referida audiência implicará na extinção do processo sem resolução do mérito por falta de interesse processual.999. 330. JULGO TOTALMENTE PROCEDENTE O PEDIDO INICIAL. 236 do Código de Processo Civil. 33./2. VII ¿ Cumpra-se na forma e sob as penas da lei. FINANCIAMENTO E INVESTIMENTO. Aduz que celebrou com o requerido contrato de financiamento por meio do qual este veio adquirir o veículo marca GENERAL MOTORS..A. CONCLUSÃO. COR AZUL. também. § 2º. dando azo à apreensão do bem oferecido em garantia fiduciária.20081086852-9 DECISÃO BANCO HSBC BANK BRASIL S/A ¿ BANCO MÚLTIPLO. querendo.. MANOEL MESSIAS PEREIRA SANTOS. IV ¿ Deve o senhor oficial de justiça encarregado das diligências. por intermédio de notificação extrajudicial. conforme testifica certidão de f. ANTE O EXPOSTO. conforme testifica documento anexo. 31 de agosto de 2.010 Dr. por intermédio de advogado legalmente constituído. ANO 1. fatos que se admitem como verdadeiros em face da ausência de contrariedade.. Noticia que injustificadamente o requerido deixou de efetuar o pagamento das parcelas do aludido financiamento. 001.010 Homologo. na forma do art. conseqüentemente. CELEBRADO ENTRE PARTES. vez que devidamente instruído com o contrato de financiamento. ciente de que teria o veículo alienado fiduciariamente apreendido por ordem judicial.. FINANCIAMENTO E INVESTIMENTO ADVOGADO FABRICIO MACHADO DE MORAES RÉU: MARCIA ADRIANE DE SOUZA ATHAYDE. DEVIDAMENTE ATUALIZADA ATÉ O EFETIVO PAGAMENTO. INTIME-SE. por meio de notificação extrajudicial ¿ cartório de título e documento -. do Código de Processo Civil. propôs AÇÃO DE BUSCA E APREENSÃO em desfavor de NICOLAS ALEXANDRE VIANA GERHARDT. o pedido anexo de desistência. Intime-se. do Código de Processo Civil). no prazo legal. julgo extinto o processo sem resolução de mérito. CHASSIS Nº 9BGSC68Z0XC730267.007. PROCEDENDO-SE COM A RESPECTIVA BAIXA NA DISTRIBUIÇÃO. na forma do art. do Código de Processo Civil. NOS TERMOS DA FUNDAMENTAÇÃO AO NORTE. TIPO PALIO FIRE ¿ CELEBRATI. a fim de que.006. ut instrumento de mandato anexo. TIPO CORSA WIND. na forma do art. a fim de que compareça(m) à audiência no dia e hora designados. O pedido de liminar de busca e apreensão foi deferido. CONSOANTE DECISÃO INCLUSA. por intermédio de notificação extrajudicial.010 Dr. 267. entretanto. entendo de total procedência o pedido inaugural. O requerido não efetuou o pagamento das prestações do financiamento do contrato de abertura de crédito direto ao consumidor objetivando a aquisição do veículo descrito na exordial. sendo por isso foi constituído em mora. fatos que se admitem como verdadeiros em face da ausência de contrariedade. Assiste inteira razão ao requerente. na forma do art. FINANCEIRA S.Terça-Feira. quando do cumprimento do mandado judicial. sala nº 262. Destarte. no prazo legal. VIII. Noticia que injustificadamente o requerido deixou de efetuar o pagamento das parcelas do aludido financiamento.TJ/PA . Com a inicial juntou os documentos de f. entendo de total procedência o pedido inaugural. com fulcro no art. demonstrado a inadimplência contratual. JULGO TOTALMENTE PROCEDENTE O PEDIDO INICIAL. conforme testifica documento anexo. COR PRETA. PUBLIQUE-SE. Raimundo das Chagas Juiz de Direito PROCESSO: 00521092820098140301 Ação: Busca e Apreensão em Alienação Fiduciária em: 31/08/2010 AUTOR: B. passo ao julgamento antecipado da lide. ARQUIVEM-SE OS AUTOS. 277. sendo por isso foi constituído em mora. 31 de agosto de 2. DECLARO RESCINDIDO O CONTRATO DE FINANCIAMENTO PARA AQUISIÇÃO DO VEÍCULO. CONSOANTE DECISÃO INCLUSA. VI. bairro Comércio REQUERENTE(S): BFB LEASING S/A ¿ ARRENDAMENTO MERCANTIL REQUERIDO(A)S: ODINEY DE SOUZA NOGUEIRA SECRETARIA DO 4º OFÍCIO CÍVEL DA CAPITAL DECISÃO/OFÍCIO Nº .. decreto-lhe a revelia. COM O TRANSITO EM JULGADO DESTA SENTENÇA. 3 ° do Decreto-Lei nº 911/69. AS APÓS AS ANOTAÇÕES DE PRAXE. por meio da notificação extrajudicial. Prédio do Fórum Cível. 2. inclusive. impondo-lhe a pena de confissão quanto a matéria de fato e. 28 a 29. acompanhar de advogado. embora legal e regularmente citado. 3 ° do Decreto-Lei nº 911/69. V. a fim de que produza seus jurídicos e legais efeitos e. também identificado. ainda assim permaneceu em silêncio não apresentando qualquer manifestação no sentido de efetuar a quitação do débito. Tem-se que o requerido foi constituído em mora. MEDIANTE AS CAUTELAS LEGAIS. COM O TRANSITO EM JULGADO DESTA SENTENÇA. Belém. quedando-se inerte. ARQUIVEM-SE OS AUTOS. 06 a 13. 31 de agosto de 2. FUNDAMENTAÇÃO. ficando. por intermédio de advogado legalmente constituído. 001. conseqüentemente. no prazo legal.

salvo se contrário resultar da prova dos autos (art. o Juiz. o desentranhamento dos documentos que instruem a exordial. fluido o prazo de 30 (trinta) dias. bairro Comércio REQUERENTE: HSBC BANK BRASIL S/A ¿ BANCO MÚLTIPLO REQUERIDO(A): MÁRCIA CRISTINA PANTOJA SILVA SECRETARIA DO 4º OFÍCIO CÍVEL DA CAPITAL DECISÃO/OFÍCIO Nº . Ademais é dever da parte manter o seu endereço atualizado. VII ¿ Cumpra-se na forma e sob as penas da lei. a fim de que.010 Homologo. do Código de Processo Civil. a fim de que compareça(m) à audiência no dia e hora designados. Ressalte-se. mediante as cautelas legais. após as anotações de praxe. § 3º. a fim de que produza seus jurídicos e legais efeitos e. II . 31 de agosto de 2.Cumpra-se na forma e sob as penas da lei. 138 a 159). 269. Raimundo das Chagas Filho Juiz de Direito PROCESSO: 00227289620108140301 Ação: Busca e Apreensão em Alienação Fiduciária em: 31/08/2010 AUTOR: BANCO HSBC BANK BRASIL S. 277. sob pena de arquivamento. BANCO MULTIPLO ADVOGADO KEILA WIRGINIA MALHEIRO VALE RÉU: MARCIA CRISTINA PANTOJA SILVA. como ofício.TJ/PA . sala nº 262. procedendo-se com a respectiva baixa na distribuição. ANOTE-SE COMO SENTENÇA DO TIPO ¿B¿ SEM MÉRITO. por cópia digitada.0301 Juízo de Direito da 4ª Vara Cível da Capital. III . com arrimo no art.010 Dr. o pagamento integral delas. DECLARO A EXTINÇÃO DO PRESENTE PROCESSO EM FACE DA MANIFESTA FALTA DE INTERESSE PROCESSUAL. Prédio do Fórum Cível. Raimundo das Chagas Filho Juiz de Direito PROCESSO: 00092231220108140301 Ação: Busca e Apreensão em Alienação Fiduciária em: 31/08/2010 AUTOR: BANCO RODOBENS S/ A ADVOGADO MANOEL EUDOXIO PEREIRA NETO ADVOGADO ALEX DOS SANTOS PONTE ADVOGADO ATENE PATRICIA BRITO DE ASSUNCAO RÉU: ETEC . localizado na Praça Felipe Patroni s/n. neste caso devidamente certificado. Belém. a fim de que compareça à audiência designada. após as anotações de praxe. Logo.. COM O TRÂNSITO EM JULGADO DESTA SENTENÇA. ou seja. neste caso devidamente certificado. Prédio do Fórum Cível. 267. Com o trânsito em julgado desta sentença. pela UNAJ. 31 de agosto de 2./2. § 2º do Código Processo Civil. entretanto. presumir-se-ão aceitos como verdadeiros os fatos alegados na inicial. Intime-se. pede a extinção do processo com resolução de mérito. conforme a regra insculpida no art. Raimundo das Chagas Filho Juiz de Direito PROCESSO: 00311622420108140301 Ação: Procedimento Sumário em: 31/08/2010 RÉU: BRADESCO SEGUROS AUTOR: MANOEL DE ARAUJO CHAVES ADVOGADO ANGELO HONORIO LEAL SANTOS. a revogação da liminar de busca e apreensão anteriormente concedida. como mandado de citação. VI . PROCEDENDO-SE COM A RESPECTIVA BAIXA NA DISTRIBUIÇÃO. ou não se fizer representar por preposto com poderes para transigir (art. 31 de agosto de 2. 267. sendo responsabilidade que deve ser atribuída a todos os integrantes a relação jurídica. processo este que se encontra paralisado em secretaria por um hiato temporal considerável. DESPACHO I .. estando em local incerto e não sabido. o que não foi observado pelo(a) interessado(a). Publique-se.Intime-se o requerente.Edição nº 4651/2010 . Publique-se. do Código Processo Civil. anexo I. Registre-se.A. Não podem assim os autos simplesmente permanecer indefinidamente em secretaria sem que a parte se manifeste. 44 a 48. ETEC ¿ EMPRESA TÉCNICA LTDA.Servirá o presente. acompanhar de advogado. homologo o aludido acordo a fim de que produza seus jurídicos e legais efeitos e. tomando rumo ignorado. nos termos do Provimento nº 003/2009 . do Código de Processo Civil). 158. determinando-lhe que promova a baixa da restrição judicial que porventura pesa sobre o bem objeto da lide.INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL ADVOGADO ALADIO COSTA FERREIRA AUTOR: JOSE MOACIR RIBEIRO MOREIRA.Intime-se. 238.. 267. do Código Processo Civil. III. instrução e julgamento para o dia 15 (quinze) do mês de março de 2. do Código do Processo Civil.Servirá o presente. sala nº 262. nos termos do Provimento nº 003/2009 ¿ CJRMB. CONCLUSÃO . a teor do art. vieram-me os autos conclusos. e o requerido. a renúncia do prazo recursal a fim de que produza seus jurídicos e legais efeitos. Anote-se como sentença do tipo ¿B¿ sem mérito. mediante as cautelas legais.010 Dr. o Promotor. por cópia digitada. a teor do art. consequentemente. voltem-me conclusos. parágrafo único. sem qualquer providência da parte interessada.CJRMB. do Código Processo Civil.. 001. Autorizo. não se defender.. ofereça manifestação acerca do perfil profissiográfico (ler f. de igual forma. Servirá esta sentença. DO CÓDIGO DE PROCESSO CIVIL. cujas partes encontram-se já devidamente qualificadas. em face da paralisação do presente feito. neste caso devidamente certificado. do Código Processo Civil. dês que efetuado o pagamento das custas processuais ou certificado. foi expedida intimação para manifestação de interesse no prosseguimento do feito. na qual poderá defender-se. por cópia digitada. ANTE O EXPOSTO. BRADESCO SEGUROS. tendo sido certificado que o requerente mudou-se do endereço indicado na exordial. III. Intime-se. finalmente. Intime-se. IV ¿ Deve o senhor oficial de justiça encarregado das diligências. Analisando os presentes autos.011. do Código Processo Civil. às 10h30 (dez horas e trinta minutos). por não se fizer. 14 de Setembro de 2010 processuais. determinando-lhe que promova 132 . bairro Comércio REQUERENTE: MANOEL DE ARAÚJO CHAVES REQUERIDO(A): BRADESCO SEGUROS SECRETARIA DO 4º OFÍCIO CÍVEL DA CAPITAL DESPACHO I ¿ Defiro o pedido de concessão da Justiça Gratuita. 26. 49 que a requerida cumpriu integralmente a obrigação assumida e. consequentemente. Assim. conforme se observa do documento anexo. Belém. observar o lapso de tempo de 10 (dez) dias entre a citação e o dia da referida audiência. resolveram conciliar nos termos do acordo de f.010 Dr.CJRMB. 277 do Código de Processo Civil. MANOEL DE ARAÚJO CHAVES. advertido(a) de que não comparecendo. contado da regular publicação desta sentença no Diário de Justiça. ficando. procedendo-se com a respectiva baixa na distribuição. mediante as cautelas legais. JOSÉ MOACIR RIBEIRO MOREIRA. do Código de Processo Civil). por mandado. V ¿ Intime(m)-se o(a)s requerente(s). NESTE CASO DEVIDAMENTE CERTIFICADO. Ante o exposto. 20101004109-2 Juízo de Direito da 4ª Vara Cível da Capital. na forma do art.Decorrido o prazo legal. Determino. anexo I. desde logo. VI. 31 de agosto de 2. Raimundo das Chagas Juiz de Direito PROCESSO: 00187465820078140301 Ação: Petição em: 31/08/2010 RÉU: INSS . DISPOSITIVO.DIÁRIO DA JUSTIÇA . Belém. ao pagamento das custas processuais. desde logo. REGISTRESE. inclusive.Terça-Feira.010 Dr. o(a) Coordenador(a) da Defensoria Pública desta Comarca.AMRO REAL S/A ADVOGADO MICHELLE FERRO RÉU: JOSE TRAJANO DOS SANTOS. Com o trânsito em julgado desta sentença.. nos termos do Provimento nº 003/2009 . o requerente. É o relatório. advertido(s) que a ausência injustificada a referida audiência implicará na extinção do processo sem resolução do mérito por falta de interesse processual.. a teor do art.2010. na sua falta. Oficiese à direção do Departamento de Trânsito do Estado do Pará ¿ DETRAN-PA. como mandado de intimação. julgo extinto o processo sem resolução de mérito. Homologo. quando do cumprimento do mandado judicial. arquivem os presentes autos. demonstrando o flagrante desinteresse processual. ficando. parágrafo único. . 236 do Código de Processo Civil. como corolário desta sentença. na forma do art. FUNDAMENTAÇÃO . ainda. O requerente informou por meio da petição de f. Em face da paralisação. 26.. ARQUIVEM-SE OS PRESENTES AUTOS MEDIANTE AS CAUTELAS LEGAIS.20101014479-3 DECISÃO As partes. V . INTIME-SE. Belém. as Partes e seus Procuradores. 0031162-24. A TEOR DO ART. com ou sem manifestação neste último caso devidamente certificado. constato que os mesmos encontram-se há anos paralisados sem qualquer manifestação da parte interessada. PUBLIQUE-SE. pessoalmente. APÓS AS ANOTAÇÕES DE PRAXE. com arrimo no art. desde que o faça por intermédio de advogado. arquivem-se os presentes autos. na forma do art. que após a expedição da intimação foi certificado que o(a) requerente mudou-se de endereço indicado na peça vestibular. conforme decisão prolatada à f. CONDENO O REQUERNETE AO PAGAMENTO DAS CUSTAS PROCESSUAIS. conforme documento anexo. com arrimo no art. VI.010 Dr. 277. III ¿ Cite-se o(a) requerido(a). BANCO RODOBENS S/A . o Defensor Público que acompanha o presente caso ou. ou. julgo extinto o processo com resolução de mérito. Registre-se. Custas processuais rateadas entre as partes. cujas clausulas e condições ficam fazendo parte integrante desta sentença para os devidos fins. localizado na Praça Felipe Patroni s/n. IV . no prazo de 05 (cinco) dias. § 2º. e considerando o princípio da razoável duração do processo. 26 do Código Processo Civil. o pedido anexo de desistência.. 269. Oficie-se à direção do Departamento de Trânsito do Estado do Pará ¿ DETRAN-PA/CIRETRAN.EMPRESA TECNICA LTDA. por isso. 18 a 19. os quais deverão ser substituídos por cópias quando então os originais poderão ser entregues o(a) advogado(a) do requerente regularmente habilitado(a). Raimundo das Chagas Filho Juiz de Direito PROCESSO: 00375902520078140301 Ação: Busca e Apreensão em Alienação Fiduciária em: 31/08/2010 AUTOR: BANCO ABN . uma vez que o impulso processual não compete somente ao Poder Judiciário.814. entendo que o feito deva ser arquivado por falta de interesse processual. 31 de agosto de 2. 001.20071116457-1 DECISÃO Cuidam os presentes autos de Ação de Busca e Apreensão de bem fiduciário (Decreto-Lei nº 911/69). Anote-se como sentença do tipo ¿B¿ com mérito. II ¿ Designo audiência de conciliação. VIII. aplicando-se ao caso vertente a regra prevista no art. Belém. Condeno o requerente.

constato que os mesmos encontram-se há anos paralisados sem qualquer manifestação da parte interessada. Belém. uma vez que o impulso processual não compete somente ao Poder Judiciário. o que não foi observado pelo(a) interessado(a).814. 31 de agosto de 2. conforme se observa do documento anexo. Belém. a suspensão desta demanda pelo prazo de 180 (cento e oitenta) dias.20101023957-8 133 . cujas clausulas e condições ficam fazendo parte integrante desta sentença para os devidos fins. registrada sob nº. 20051055022-8 DECISÃO Homologo. 001. julgo extinto o processo com resolução de mérito. BRADESCO SEGUROS S/A . e o requerido. arquivem-se os presentes autos. II . sem qualquer providência da parte interessada.Terça-Feira.010 Dr. ANOTE-SE COMO SENTENÇA DO TIPO ¿B¿ SEM MÉRITO.010. 31 de agosto de 2.DIÁRIO DA JUSTIÇA . Publique-se. após voltem-me conclusos. 001.se em secretaria o transcurso do referido prazo. contado da regular publicação desta sentença no Diário de Justiça. Dr. Servirá esta sentença. III ? Intime-se. 31 de agosto de 2. entendo que o feito deva ser arquivado por falta de interesse processual.010. 001. COM O TRÂNSITO EM JULGADO DESTA SENTENÇA. REGISTRESE. Anote-se como sentença do tipo ¿B¿ com mérito. após as anotações de praxe.TJ/PA . com arrimo no art. 569. Isento o exequente do pagamento das custas processuais. aplicando-se ao caso vertente a regra prevista no art. Intime-se. 269. Anote-se como sentença do tipo ¿B¿ sem mérito. homologo o aludido acordo a fim de que produza seus jurídicos e legais efeitos e.010. tendo sido certificado que o requerente mudou-se do endereço indicado na exordial. 6º da Lei nº. processo este que se encontra paralisado em secretaria por um hiato temporal considerável. Publique-se. arquivem-se os presentes autos. Ressalte-se. a suspensão desta demanda pelo prazo de 180 (cento e oitenta) dias. Raimundo das Chagas Filho Juiz de Direito PROCESSO: 00261499720078140301 Ação: Busca e Apreensão em Alienação Fiduciária em: 31/08/2010 AUTOR: BANCO ABN . 24 a 25. 001. 31 de agosto de 2. Assim. 158.2010. em face da paralisação do presente feito. Anote-se como sentença do tipo ¿B¿ sem mérito. Registre-se. II. Raimundo das Chagas Filho Juiz de Direito PROCESSO: 00505649020098140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 31/08/2010 RÉU: CONSTRUTORA VILA DEL REY LTDA ADVOGADO ROBERTA FREITAS NICOLAU ADVOGADO ROBERTO TAMER XERFAN JUNIOR ADVOGADO RAFAEL MAROJA BRAZAO E SILVA BRAGANCA AUTOR: KEYLA CAMPOS ALMEIDA ADVOGADO MARILIA PIANCO YAMADA ADVOGADO MAYANA BARROS JORGE JOAO RÉU: LUNA EMPREENDIMENTOS IMOBILIARIOS LTDA ADVOGADO ROBERTO TAMER XERFAN JUNIOR ADVOGADO ROBERTA FREITAS NICOLAU ADVOGADO RAFAEL MAROJA BRAZAO E SILVA BRAGANCA. Raimundo das Chagas Filho Juiz de Direito PROCESSO: 00203819420108140301 Ação: Procedimento Sumário em: 31/08/2010 RÉU: BRADESCO SEGUROS AUTOR: SIDNEY SOARES PIRES ADVOGADO ANGELO HONORIO LEAL SANTOS. procedendo-se com a respectiva baixa na distribuição.Aguarda. por cópia digitada. 6º da Lei nº. cujas partes encontram-se já devidamente qualificadas. após as anotações de praxe. Juízo de Direito da 9ª Vara Cível e Recuperação Judicial da capital. do Código Processo Civil. arquivem os presentes autos. Belém. Publique-se. DECLARO A EXTINÇÃO DO PRESENTE PROCESSO EM FACE DA MANIFESTA FALTA DE INTERESSE PROCESSUAL. o requerente. Logo.010 Dr. registrada sob nº. DECLARO . Ante o exposto. Isento as partes do pagamento das custas processuais. a fim de que produza seus jurídicos e legais efeitos e.se em secretaria o transcurso do referido prazo. Em face da paralisação. do Código de Processo Civil. o Promotor. FUNDAMENTAÇÃO . III ¿ Intime-se. em atenção a respeitável decisão exarada nos autos da ação de recuperação judicial. É o relatório. 31 de agosto de 2. após voltem-me conclusos. 0032515-49. II. 11. Belém. procedendo-se com a respectiva baixa na distribuição. em tramitação perante o MM. CONDENO O REQUERNETE AO PAGAMENTO DAS CUSTAS PROCESSUAIS. com arrimo no art. APÓS AS ANOTAÇÕES DE PRAXE. ANTE O EXPOSTO. II. Raimundo das Chagas Filho Juiz de Direito PROCESSO: 00160036220108140301 Ação: Petição em: 31/08/2010 AUTOR: CARLOS ALBERTO RODRIGUES GONCALVES ADVOGADO RICARDO BONASSER DE SA RÉU: INSTITUTO NACIONAL DE SEGURIDADE SOCIAL . DESPACHO I ? Determino.101/05. Analisando os presentes autos. 31 de agosto de 2.INSS. SIDNEY SOARES PIRES . Juízo de Direito da 9ª Vara Cível e Recuperação Judicial da capital. Não podem assim os autos simplesmente permanecer indefinidamente em secretaria sem que a parte se manifeste. Com o trânsito em julgado desta sentença. NESTE CASO DEVIDAMENTE CERTIFICADO. Com o trânsito em julgado desta sentença. tomando rumo ignorado. o Juiz. 6º da Lei nº. 14 de Setembro de 2010 a baixa da restrição judicial que porventura pesa sobre o bem objeto da lide. na forma do art.Aguarda. nos termos do Provimento nº 003/2009 ¿ CJRMB. que após a expedição da intimação foi certificado que o(a) requerente mudou-se de endereço indicado na peça vestibular. conforme documento anexo. 238. Belém.se em secretaria o transcurso do referido prazo. Fluido o prazo de 30 (trinta) dias. após as anotações de praxe. 267. mediante as cautelas legais. 11. procedendo-se com a respectiva baixa na distribuição. 001. ambos do Código Processo Civil.0301 DESPACHO I ¿ Determino. neste caso devidamente certificado.Edição nº 4651/2010 . Registre-se.010 Dr. resolveram conciliar nos termos do acordo de f. Registre-se. 20101036040-6 DESPACHO I ¿ Determino. neste caso devidamente certificado. PROCESSO N ° 001. Juízo de Direito da 9ª Vara Cível e Recuperação Judicial da capital. ainda. Intime-se. 795 do mesmo Codex. após voltem-me conclusos. mediante as cautelas legais. demonstrando o flagrante desinteresse processual. DISPOSITIVO. CONCLUSÃO . aplicado analogicamente. as Partes e seus Procuradores.101/05. por sentença. DESPACHO I ? Prestei a informação solicitada pela Douta Desembargadora Relatora do recurso de agravo de instrumento. em tramitação perante o MM. devendo a original ser apresentada no Protocolo Geral do TJE e cópia juntada aos autos para os devidos fins. como ofício. em atenção a respeitável decisão exarada nos autos da ação de recuperação judicial. VI.20101028532-3. neste caso devidamente certificado. Raimundo das Chagas Filho Juiz de Direito PROCESSO: 00325154920108140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 31/08/2010 RÉU: CONSTRUTORA VILLA DEL REY S/A RÉU: LUNA EMPREENDIMENTOS IMOBILIARIOS LTDA AUTOR: NILSINEIRE DE CASTRO FIGUEIREDO LIMA ADVOGADO KEISE PINHEIRO DOS SANTOS AUTOR: PAULO HERBERTH DOS SANTOS LIMA ADVOGADO KEISE PINHEIRO DOS SANTOS. Dr.010 Dr.101/05. parágrafo único. PUBLIQUE-SE. 31 de agosto de 2. Belém. Dr. com arrimo no art. DO CÓDIGO DE PROCESSO CIVIL. INTIME-SE. Ademais é dever da parte manter o seu endereço atualizado. Raimundo das Chagas Filho Juiz de Direito PROCESSO: 00174271520058140301 Ação: Execução de Título Extrajudicial em: 31/08/2010 EXEQUENTE: FABIO BRAGA CHAVES ADVOGADO TATIANA SERRA EXECUTADO: JOSE CLOVIS FERREIRA BASTOS EXECUTADO: JOSE JOACIR MENDES LOPES EXECUTADO: PROMEV-EDITORA E GRAFICA LTDA. consequentemente. ou seja. 001.20071081754-3 DECISÃO Cuidam os presentes autos de Ação de Busca e Apreensão de bem fiduciário (Decreto-Lei nº 911/69). com arrimo no art. ARQUIVEM-SE OS PRESENTES AUTOS MEDIANTE AS CAUTELAS LEGAIS. em atenção a respeitável decisão exarada nos autos da ação de recuperação judicial.20101028532-3.20101028532-3. III. Belém. 11. e considerando o princípio da razoável duração do processo. PROCEDENDO-SE COM A RESPECTIVA BAIXA NA DISTRIBUIÇÃO. sob pena de arquivamento. o pedido incluso de desistência. consequentemente. Belém. 31 de agosto de 2. c/c o art.20101030431-3 DECISÃO As partes.Aguarda.AMRO REAL S/A ADVOGADO MICHELLE FERRO RÉU: SILVIO CEZAR ARAUJO SILVA. a extinção deste processo de execução por quantia certa contra devedor solvente. estando em local incerto e não sabido.Cumpra-se.010 Dr. A TEOR DO ART. Intime-se. mediante as cautelas legais. sendo responsabilidade que deve ser atribuída a todos os integrantes a relação jurídica. em tramitação perante o MM. a suspensão desta demanda pelo prazo de 180 (cento e oitenta) dias. Raimundo das Chagas Filho Juiz de Direito PROCESSO: 00308560220108140301 Ação: Nunciação de Obra Nova em: 31/08/2010 AUTOR: FATIMA TROPICO E SILVA ADVOGADO JOAO BERNARDINO DRUMMOND MARTINS RÉU: JOSE SANTOS OLIVEIRA ADVOGADO GUSTAVO VAZ SALGADO RÉU: MARIA SANTOS OLIVEIRA ADVOGADO GUSTAVO VAZ SALGADO RÉU: SUPERMERCADO FORMOSA ADVOGADO GUSTAVO VAZ SALGADO. registrada sob nº. foi expedida intimação para manifestação de interesse no prosseguimento do feito. parágrafo único. vieram-me os autos conclusos. a teor do art. III ¿ Intime-se. Raimundo das Chagas Filho Juiz de Direito PROCESSO: 00238216320108140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 31/08/2010 AUTOR: LUCIANA RAMOS KRUGER ADVOGADO RODRIGO TEIXEIRA SALES ADVOGADO FABRICIO BARBALHO ANAISSI RÉU: LUNA EMPREENDIMENTOS IMOBILIARIOS LTDA.

SÚMULA 226/STJ.. ainda. determina que: Art. que 134 ..010 Homologo. sala nº 262. Condeno o requerente. Dr. datada do laudo pericial do juízo. 001.promover o inquérito civil e a ação civil pública. Decisão publicada em audiência ciente os presentes. do Código Processo Civil. por cópia digitada. porque a Carta Magna não lhe garante tal atribuição.010 Dr. os quais deverão ser entregues à parte interessada. e a outros interesses difusos. Juiz de Direito. para proteção de patrimônio público e social. que o órgão do Ministério Público possui atribuição de zelar pelos direitos individuais.. neste caso devidamente certificado. 31 de agosto de 2. Juiz proferiu a seguinte decisão: Homologo o referido acordo a fim de que produza seus jurídicos e legais efeitos e. sala nº 262..20041014483-2 DECISÃO JUVENAL DA SILVA LIMA. Precedentes. no prazo de 45 (quarenta e cinco) dias. Oficie-se à direção do Departamento de Trânsito do Estado do Pará ¿ DETRAN/PA. para audiência de conciliação. CUSTOS LEGIS. incumbe. Raimundo das Chagas Filho Juiz de Direito PROCESSO: 00623323220098140301 Ação: Reintegração / Manutenção de Posse em: 31/08/2010 RÉU: ALESSANDRA COSTA POFILHO AUTOR: BANCO ITAULEASING S/A ADVOGADO SERGIO RENATO FREITAS DE OLIVEIRA JUNIOR ADVOGADO BRUNO RAFAEL DE JESUS LOPES. aplicado analogicamente. do Código do Processo Civil. sem qualquer providência da parte interessada.. Deve-se ressaltar que Carta Magna. Servirá esta sentença.O Ministério Público não detém legitimidade para propor ação objetivando a concessão de benefício previdenciário ou acidentário. RAIMUNDO DAS CHAGAS FILHO.. então. Registre-se e. Registre-se.INSS SECRETARIA DO QUARTO OFÍCIO CÍVEL DA CAPTAL TERMO DE AUDIÊNCIA Aos 31 (trinta e um) dias do mês de agosto do ano de dois mil e dez (2. Dr. às 09h00 (nove horas).. mas apenas como patrono de um determinado cidadão. FUNDAMENTAÇÃO. anexo I... Anote-se como sentença do tipo ¿B¿ sem mérito..) IV . . o pedido anexo de desistência.. situação que não ocorre neste caso concreto. adiante nomeada. por cópia digitada.. neste caso devidamente certificado. no art. 39 a 40). nos termos do Provimento nº 003/2009 ¿ CJRMB. a ilegitimidade do órgão do Ministério Público para patrocinar esta demanda.. na forma do art. ao consumidor. Intime-se. Na audiência inaugural a proposta de conciliação resultou infrutífera. 134... II . RECURSO ESPECIAL. Refere-se à espécie de direito subjetivo. que é insuscetível de disposição ou transação por parte do seu detentor. localizado na Praça Felipe Patroni s/n. o pedido anexo de desistência.Edição nº 4651/2010 . como ofício. verificou-se a presença do requerente. julgo extinto o processo sem resolução de mérito. Publique-se. Entendo que o presente feito comporta o julgamento conforme o estado do processo. fazendo valer o primado da fiel aplicação da lei.INSS.. estabelece que a Defensoria Pública é a instituição incumbida de dá orientação e fazer a defesa judicial de qualquer cidadão que não disponha de recursos financeiros para ter acesso à Justiça.. e do requerido. ITAULEASING ARRENDAMENTO MERCANTIL ADVOGADO ALINE DA COSTA AMANAJAS ADVOGADO ANA PAULA DA ROCHA GOMES RÉU: SONIA EDLENE SILVA. instrução e julgamento. julgo extinto o processo com resolução de mérito. mediante as cautelas legais. aos bens e direitos de valor artístico.../2. porque neste caso não atua como guardião da lei. Juiz encerrar o presente termo que lido e achado conforme vai devidamente assinado. turístico e paisagístico. 25.010). 26. MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL. Além das funções previstas nas Constituições Federal e Estadual. na forma do art. do Código Processo Civil. 20091140476-9 Juízo de Direito da 4ª Vara Cível da Capital.. do meio ambiente e de outros interesses difusos e coletivos.625/93 (Lei Orgânica Nacional do Ministério Público). ILEGITIMIDADE. 267... Fluido o prazo de 30 (trinta) dias. objetivando concessão de auxílio-acidente e verbas cabíveis. Belém. Registre-se. determinando-lhe que promova a baixa da restrição judicial que porventura pesa sobre o bem objeto da lide. bairro Comércio REQUERENTE: BANCO ITAULEASING S/A REQUERIDO: ALESSANDRA COSTA PORFILHO SECRETARIA DO 4º OFÍCIO CÍVEL DA CAPITAL DECISÃO/OFÍCIO Nº . o artigo 25. procedendo-se com a respectiva baixa na distribuição. seguindo-se o feito com contestação escrita e a designação de perícia médica (ler f. 329 do Código Processo Civil. contado da regular publicação desta sentença no Diário de Justiça. consequentemente. contrapondo-se ao direito indisponível. Intime-se. ou seja. 31 de agosto de 2.DIÁRIO DA JUSTIÇA . dentre outras. prevê. a fim de que produza seus jurídicos e legais efeitos e. 158. após as anotações de praxe. inclusive. comigo a Diretora de Secretaria. a teor do art. Autorizo o desentranhamento dos documentos que instruem a exordial. na pessoa de seu Procurador Federal. É inquestionável que o órgão do Ministério Público tenha prerrogativa de ser ouvido nas ações acidentarias no uso de suas atribuições de custos legis. AUXÍLIO-ACIDENTE. Por sua vez. Fluido o prazo de 30 (trinta) dias. Oficie-se à direção do SERASA. mas na realidade como verdadeiro defensor do direito subjetivo do segurado. contado da regular publicação desta sentença no Diário de Justiça. arquivem-se os presentes autos. 26.010.. presente o Dr. arquivem-se os presentes autos. III. a fim de que produza seus jurídicos e legais efeitos e... mediante as cautelas legais. 267. Eu. Isento as partes do pagamento das custas processuais. ao Ministério Público: (. julgo extinto o processo sem resolução de mérito. SANDRO ALEX DE SOUZA SIMÕES. O RMP opinou favoravelmente a homologação do aludido acordo.. sem qualquer providência da parte interessada. após as anotações de praxe. inc. POSSIBILIDADE.. DIREITO INDIVIDUAL DISPONÍVEL ABDICAÇÃO TITULAR. mediante as cautelas legais. coletivos e individuais indisponíveis e homogêneos.. Prédio do Fórum Cível.. anexo I./2. VIII. Promotor de Justiça.Terça-Feira. Anote-se como sentença do tipo ¿B¿ com mérito. Prédio do Fórum Cível.. I .. É o relatório. 20101019920-1 Juízo de Direito da 4ª Vara Cível da Capital. De outra banda a Constituição Federal em seu artigo 129. 14 de Setembro de 2010 AÇÃO DE CONCESSÃO DO BENEFÍCIO AUXÍLIO-ACIDENTE REQUERENTE: CARLOS ALBERTO RODRIGUES GONÇALVES REQUERIDO: INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL . 269. NILTON GURJÃO DAS CHAGAS.. do Código de Processo Civil.. RECURSO PROVIDO. bairro Comércio REQUERENTE: CIA ITAULEASING ARRENDAMENTO MERCANTIL REQUERIDO (A) : SÔNIA EDILENE SILVA SECRETARIA DO 4º OFÍCIO CÍVEL DA CAPITAL DECISÃO/OFÍCIO Nº . parágrafo único. BENEFÍCIO ACIDENTÁRIO. histórico. na forma do art. procedendo-se com a respectiva baixa na distribuição. Sobre o tema destaco as seguintes jurisprudências do Superior Tribunal de Justiça: EMENTA: PREVIDENCIÁRIO. qualificado nos autos. Raimundo das Chagas Filho Juiz de Direito PROCESSO: 00042368620048140301 Ação: Petição em: 31/08/2010 REQUERIDO: INSTITUTO NACIONAL DE SEGURIDADE SOCIAL . ao pagamento das custas processuais. na forma da lei: a) para a proteção.010 Homologo..TJ/PA .. pode ser abdicado pelo respectivo titular. consequentemente. Em seguida. O objeto desta ação corresponde a um interesse individual disponível do qual a parte pode perfeitamente renunciar. Isto não ocorre neste caso concreto. Anote-se como sentença do tipo ¿B¿ sem mérito. estando. do Código do Processo Civil. propôs AÇÃO DE CONVERSÃO DE AUXÍLIO-ACIDENTE PARA AUXÍLIO-ACIDENTE em desfavor do INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL . determinando-lhe que promova a baixa da restrição de crédito porventura existente em nome do requerido relativo tão-somente ao débito reclamado na exordial. Diretora de Secretaria o subscrevi.INSS ADVOGADO ALADIO COSTA FERREIRA REQUERENTE: JUVENAL DA SILVA LIMA REQUERENTE: MINISTERIO PUBLICO ESTADUAL PROMOTOR NILTON GURJAO DAS CHAGAS. Servirá esta sentença. legitimado a interpor recurso adequado quando for necessário. do Código Processo Civil. como função institucional do Ministério Público: III . Nada mais havendo mandou o MM.. Condeno o requerente. O requerido na peça de contestação arguiu. CARLOS ALBERTO RODRIGUES GONÇALVES.. Tem-se. aplicado analogicamente. mediante as cautelas legais. por intermédio do órgão do Ministério Público. localizado na Praça Felipe Patroni s/n. Publique-se. o Dr. pois nesta ação o Parquet não estar atuando como substituto processual da coletividade ou da sociedade. 1.. ao pagamento das custas processuais. Belém. do Código Processo Civil.. estético. prevenção e reparação dos danos causados ao meio ambiente. determinando-lhe que promova a baixa da restrição judicial que porventura pesa sobre o bem objeto da lide.. 158. como ofício. III. o MM. na Lei Orgânica e em outras leis.. RICARDO BONASSER DE SÁ... PROCESSO: 00130841020108140301 Ação: Reintegração / Manutenção de Posse em: 31/08/2010 AUTOR: CIA. arquivem-se os presentes autos.promover o inquérito civil e a ação civil pública. preliminarmente. parágrafo único. Feito o pregão. consequentemente. após as anotações de praxe. a teor do art. IV da Lei 8. a conceder o auxílio-acidente a partir do dia 16 de junho de 2. eis que presente uma das hipóteses previstas no art. com poderes nos autos. Oficie-se à direção do Departamento de Trânsito do Estado do Pará ¿ DETRAN/PA.010 Dr. na sala de audiência da 4ª Vara Cível da Capital. acompanhado por seu advogado. INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL ¿ INSS. na forma do art. Entendo inviável a intervenção do órgão do Ministério Público no patrocínio desta causa. As partes resolveram conciliar nos seguintes termos: o requerido INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL ¿ INSS obriga-se. procedendo-se com a respectiva baixa na distribuição. destes que estes sejam indisponíveis e homogêneos. VIII. por se tratar de direito individual disponível da parte. nos termos do Provimento nº 003/2009 ¿ CJRMB.O beneficio previdenciário (acidentaria) traduz direito disponível. a teor do art..

Defiro o pedido de habilitação de novo patrono do requerente (ler f. COM O TRANSITO EM JULGADO DESTA SENTENÇA. embora legal e regularmente citado. REMETENDO-LHE CÓPIA DO INTEIRO TEOR DESTA SENTENÇA PARA OS DEVIDOS FINS. MEDIANTE AS CAUTELAS LEGAIS. por meio de notificação extrajudicial ¿ cartório de título e documento -. neste caso devidamente certificado. por meio da notificação extrajudicial. 2.2006) EMENTA: PREVIDENCIÁRIO. arquivem os presentes autos. NA PESSOA DE SEU PROCURADOR FEDERAL. ARQUIVEM-SE OS PRESENTES AUTOS. após as anotações de praxe. TIPO GOL 1. não constituindo. J. na forma do art.010 Dr. por intermédio de notificação extrajudicial. com arrimo no art. 127 da Carta Magna. a fim de que. mediante as cautelas legais.0. PUBLIQUE-SE. do mesmo Codex. MINISTÉRIO PÚBLICO. não ter oferecido contestação. Anote-se como sentença do tipo ¿B¿ sem mérito. de forma alguma. entretanto. CONCLUSÃO. arquivem-se os presentes autos.TJ/PA . passo ao julgamento antecipado da lide. 31 de agosto de 2.Recurso provido (REsp 770741/PA. 1. consoante decisão exarada à f. do Código Processo Civil. DISPOSITIVO. CHASSIS Nº 9BWCA15X5YP129298. no prazo legal. É o relatório. Precedente. REGISTRE-SE. 20101011467-1 DECISÃO Homologo. ACARRINO GROBERIO. II. conforme testifica documento anexo. 81. 3 ° do Decreto-Lei nº 911/69. DJ. mediante as cautelas legais. 001. Condeno o requerente ao pagamento das custas processuais. devendo. com fulcro no art. 20.Intime-se. 158. 15. ser acatada a preliminar de sua ilegitimidade ativa. 22 a 23. o Ministério Público não possui legitimidade ativa para propor a presente ação.010 Dr. Belém. não apresentou contestação. COM ARRIMO NO ART. a teor do art. 31 de agosto de 2. Belém.Terça-Feira. 269. IMPOSSIBILIDADE. impondo-lhe a pena de confissão quanto a matéria de fato e. Destarte. Ante o exposto.000. ANTE O EXPOSTO. II . NESTE CASO DEVIDAMENTE CERTIFICADO. PROCEDENDO-SE COM A RESPECTIVA BAIXA NA DISTRIBUIÇÃO. 55 a 57. 3. dando azo à apreensão do bem oferecido em garantia fiduciária. homologo o aludido acordo a fim de que produza seus jurídicos e legais efeitos e. nº 2005/0125569-8. Publique-se. 26 do Código Processo Civil. dos atos processuais. III .04.19901006623-3 DESPACHO Em atenção ao pedido de f. cujas clausulas e condições ficam fazendo parte integrante desta sentença para os devidos fins. Intime-se. Belém. Raimundo das Chagas Filho Juiz de Direito PROCESSO: 00070549020108140301 Ação: Despejo em: 31/08/2010 RÉU: OLIVALDO DE MELO BRITO AUTOR: RUI GUILHERME CARVALHO DE AQUINO ADVOGADO SOSTENES ALVES DE SOUZA JUNIOR ADVOGADO ADRIANA AQUINO DE M. ANOTE-SE COMO SENTENÇA DO TIPO ¿A¿ COM MÉRITO. oferecesse defesa (ler auto de f. Registre-se. COM O TRÂNSITO EM JULGADO DESTA SENTENÇA. Belém. sendo por isso foi constituído em mora. por se tratar de direito individual disponível da parte. PORQUE O REPRESENTANTE DO PARQUET NÃO TEM LEGITIMIDADE ATIVA PARA PROPOR A PRESENTE AÇÃO. CONCLUSÃO. Anote-se como sentença do tipo ¿B¿ com mérito. procedendo-se com a respectiva baixa na distribuição. ISENTO O REQUERENTE DO PAGAMENTO DAS CUSTAS PROCESSUAIS E HONORÁRIOS ADVOCATÍCIOS PORQUE O MESMO É BENEFÍCIÁRIO DA JUSTIÇA GRATUITA. POR MANDADO. 31 de agosto de 2. ARQUIVEM-SE OS AUTOS. Com a inicial juntou os documentos de f.A intervenção do Parquet nas ações acidentarias. Nas lides acidentarias. 001. COM OS CONSECTÁRIOS LEGAIS. 2. Recurso especial desprovido. consequentemente.05). vez que devidamente instruído com o contrato de financiamento. para efeito de publicação. o Ministério Público detém legitimidade para interpor recurso. conforme testifica certidão de f. o comprovante de pagamento das custas processuais e a respeitável sentença exarada à f. RECURSO ESPECIAL. por isso. 330. APÓS AS ANOTAÇÕES DE PRAXE. também identificado. restringe-se a sua atuação como custos legis. DECLARO RESCINDIDO O CONTRATO DE FINANCIAMENTO PARA AQUISIÇÃO DO VEÍCULO. querendo. ciente de que teria o veículo alienado fiduciariamente apreendido por ordem judicial.20091072002-5 DECISÃO BANCO RODOBENS S/A. mas não a tem para propor ação objetivando a concessão do beneficio previdenciário. III. a fim de que produza seus jurídicos e legais efeitos e. 30). REGISTRE-SE. 2. Belém. Ministro Relator Gilson Dipp. do Código de Processo Civil. e o requerido. Raimundo das Chagas Filho Juiz de Direito PROCESSO: 00332912820098140301 Ação: Busca e Apreensão em Alienação Fiduciária em: 31/08/2010 AUTOR: BANCO RODOBENS S/ A ADVOGADO ATENE PATRICIA BRITO DE ASSUNCAO RÉU: FRANCISCO DA CONCEICAO BARBOSA DA SILVA. POMBO ADVOGADO MAYLA MILHOMEN MALATO. Com o trânsito em julgado desta sentença. INTIME-SE.06. 001.Determino o imediato arquivamento dos presentes autos. 12 a 16. após as anotações de praxe. ROSEANA ROSY DE ARAÚJO GOMES . decreto-lhe a revelia. Intime-se. DISPOSITIVO. ainda assim permaneceu em silêncio não apresentando qualquer manifestação no sentido de efetuar a quitação do débito. 267.Edição nº 4651/2010 .03. Órgão Julgador T5 Quinta Turma. por se tratar apenas de direito puramente individual. conforme testifica documento anexo. Registre-se. O requerido. mediante as cautelas legais. NESTE CASO DEVIDAMENTE CERTIFICADO. Raimundo das Chagas Filho Juiz de Direito 135 . a teor do enunciado da Súmula 226/STJ. Ministra Relatora Laurita Vaz. por intermédio de advogado legalmente constituído. propôs AÇÃO DE BUSCA E APREENSÃO em desfavor de FRANCISCO DA CONCEIÇÃO BARBOSA DA SILVA. BRADESCO SEGUROS S/A .DIÁRIO DA JUSTIÇA .20101032963-4 DECISÃO As partes. atuando como fiscal da lei. Raimundo das Chagas Filho Juiz de Direito PROCESSO: 00218363120078140301 Ação: Consignação em Pagamento em: 31/08/2010 REQUERIDO: ANA MARIA DIAS SANTIAGO PEREIRA ADVOGADO RAIMUNDO NONATO PAIXAO TEIXEIRA ADVOGADO FRANCISCO POMPEU BRASIL FILHO REQUERENTE: BERNARDO ALVES DE PINHO JUNIOR ADVOGADO WALDIR F. PLACA JUE ¿ 2759. conseqüentemente. Raimundo das Chagas Filho Juiz de Direito PROCESSO: 00220737320108140301 Ação: Procedimento Sumário em: 31/08/2010 RÉU: BRADESCO SEGUROS AUTOR: ROSEANA ROSY DE ARAUJO GOMES ADVOGADO ANGELO HONORIO LEAL SANTOS. fatos que se admitem como verdadeiros em face da ausência de contrariedade.05. Publique-se. IV . 22. a requerente. Desse modo. interesse individual indisponível. Aduz que celebrou com o requerido contrato de financiamento por meio do qual este veio adquirir o veículo marca VOLKSWAGEN. INTIME-SE. PROPOSITURA. DEVIDAMENTE ATUALIZADA ATÉ O EFETIVO PAGAMENTO. quedando-se inerte. ANO 2. nº 20040161411-3. (Resp n° 700. ficando. DESCRITO AO NORTE. Assiste inteira razão ao requerente. 31 de agosto de 2. Não se configura. Noticia que injustificadamente o requerido deixou de efetuar o pagamento das parcelas do aludido financiamento. portanto. ANOTE-SE COMO SENTENÇA DO TIPO ¿A¿ SEM MÉRITO. Tem-se que o requerido foi constituído em mora. 31. 14 de Setembro de 2010 dele pode abdicar. 16). na forma do art. resolveram conciliar nos termos do acordo de f. NOS TERMOS DA FUNDAMENTAÇÃO AO NORTE. BENEFICIO PREVIDENCIÁRIO DE AUXÍLIOACIDENTE. julgo extinto o processo com resolução de mérito. Pelo fato do requerido. PUBLIQUE-SE. O pedido de liminar de busca e apreensão foi deferido. PROCEDENDO-SE COM A RESPECTIVA BAIXA NA DISTRIBUIÇÃO. no prazo legal. AS APÓS AS ANOTAÇÕES DE PRAXE. 31 de agosto de 2.Declaro quitado o valor das custas processuais. INTIME-SE. DIREITO INDIVIDUAL DISPONÍVEL 1. interesse social da coletividade. Isento as partes do pagamento das custas processuais. JULGO EXTINTO O PROCESSO SEM RESOLUÇÃO DE MÉRITO. a reclamar a participação do Parquet. DO CÓDIGO DE PROCESSO CIVIL. 3. COR BEGE. CONSOANTE DECISÃO INCLUSA. FUNDAMENTAÇÃO. RATIFICO A LIMINAR DE BUSCA E APREENSÃO ANTERIORMENTE CONCEDIDA.104 ¿ SP. do Código de Processo Civil. julgo extinto o processo sem resolução de mérito. devendo a senhora Diretora de Secretaria fazer as devidas retificações no registro e autuação. ficando. procedendose com a respectiva baixa na distribuição. demonstrado a inadimplência contratual.010 Dr. CONDENO O REQUERIDO AO PAGAMENTO DAS CUSTAS PROCESSUAIS E AOS HONORÁRIOS ADVOCATÍCIOS QUE ESTABELEÇO EM 10% (DEZ POR CENTO) SOBRE O VALOR DADO À CAUSA. AÇÃO ORDINÁRIA. J. III .010 Dr. no Diário de Justiça. que pode por ela ser abdicado. VI. O veículo descrito na exordial foi apreendido e o requerido regularmente citado. JULGO TOTALMENTE PROCEDENTE O PEDIDO INICIAL. ut instrumento de mandato anexo.000. neste caso devidamente certificado. consequentemente. MEDIANTE AS CAUTELAS LEGAIS. VIII. no prazo legal. também. CELEBRADO ENTRE PARTES. 267. O requerido não efetuou o pagamento das prestações do financiamento do contrato de abertura de crédito direto ao consumidor objetivando a aquisição do veículo descrito na exordial. a teor do art. devidamente qualificado. O REQUERIDO. Com o trânsito em julgado desta decisão.010 Dr. o pedido anexo de desistência. DÊ-SE CIÊNCIA AO ÓRGÃO DO MINISTÉRIO PÚBLICO. resolvo o seguinte: I . nos termos do art. 24 a 25. ANTE O EXPOSTO. MODELO 2. entendo de total procedência o pedido inaugural. parágrafo único.

AS APÓS AS ANOTAÇÕES DE PRAXE. na sala de audiência da 4ª Vara Cível da Capital. por meio de notificação extrajudicial ¿ cartório de título e documento -.INSS SECRETARIA DO QUARTO OFÍCIO CÍVEL DA CAPTAL TERMO DE AUDIÊNCIA Aos 31 (trinta e um) dias do mês de agosto do ano de dois mil e dez (2. querendo. VI. MEDIANTE AS CAUTELAS LEGAIS. 001. do Código de Processo Civil.DIÁRIO DA JUSTIÇA . em face da paralisação do presente feito. sob pena de arquivamento. 1. FUNDAMENTAÇÃO. Logo. TIPO CIVIC EX. que após a expedição da intimação foi certificado que o(a) requerente mudou-se de endereço indicado na peça vestibular. COM O TRANSITO EM JULGADO DESTA SENTENÇA. no prazo legal. RAIMUNDO DAS CHAGAS FILHO. NESTE CASO DEVIDAMENTE CERTIFICADO. O requerido. o Dr. impondo-lhe a pena de confissão quanto a matéria de fato e.20081005455-8 DECISÃO Cuidam os presentes autos de Ação de Busca e Apreensão de bem fiduciário (Decreto-Lei nº 911/69). CONDENO O REQUERNETE AO PAGAMENTO DAS CUSTAS PROCESSUAIS. Tem-se que o requerido foi constituído em mora. DECLARO A EXTINÇÃO DO PRESENTE PROCESSO EM FACE DA MANIFESTA FALTA DE INTERESSE PROCESSUAL. CONDENO O REQUERNETE AO PAGAMENTO DAS CUSTAS PROCESSUAIS. uma vez que o impulso processual não compete somente ao Poder Judiciário. aplicando-se ao caso vertente a regra prevista no art. propôs AÇÃO DE BUSCA E APREENSÃO em desfavor de BRENO CONDURU FERNANDES DA SILVA.Edição nº 4651/2010 . COM O TRÂNSITO EM JULGADO DESTA SENTENÇA. 238. REGISTRESE. Belém. COR PRETA. Raimundo das Chagas Filho Juiz de Direito PROCESSO: 00160036220108140301 Ação: Petição em: 31/08/2010 AUTOR: CARLOS ALBERTO RODRIGUES GONCALVES ADVOGADO RICARDO BONASSER DE SA RÉU: INSTITUTO NACIONAL DE SEGURIDADE SOCIAL . II. Belém. 14 de Setembro de 2010 PROCESSO: 00293140720088140301 Ação: Busca e Apreensão em Alienação Fiduciária em: 31/08/2010 AUTOR: BANCO PSA FINANCE BRASIL S. Destarte. ANOTE-SE COMO SENTENÇA DO TIPO ¿B¿ SEM MÉRITO. constato que os mesmos encontram-se há anos paralisados sem qualquer manifestação da parte interessada. 32 a 33. estando em local incerto e não sabido. adiante nomeada. não ter oferecido contestação. processo este que se encontra paralisado em secretaria por um hiato temporal considerável. Raimundo das Chagas Filho Juiz de Direito PROCESSO: 00017537220088140301 Ação: Busca e Apreensão em Alienação Fiduciária em: 31/08/2010 RÉU: AURILANE OLIVEIRA BARRETO AUTOR: BANCO ABN AMRO REAL S. É o relatório. 39. o Juiz. NESTE CASO DEVIDAMENTE CERTIFICADO. 15 a 24. aplicando-se ao caso vertente a regra prevista no art.Terça-Feira. demonstrando o flagrante desinteresse processual. entendo de total procedência o pedido inaugural. CELEBRADO ENTRE PARTES. 31 de agosto de 2. parágrafo único. Ademais é dever da parte manter o seu endereço atualizado. comigo a Diretora de Secretaria. DESCRITO AO NORTE. PROCEDENDO-SE COM A RESPECTIVA BAIXA NA DISTRIBUIÇÃO. APÓS AS ANOTAÇÕES DE PRAXE.010 Dr. 001. sob pena de arquivamento.TJ/PA . processo este que se encontra paralisado em secretaria por um hiato temporal considerável. DO CÓDIGO DE PROCESSO CIVIL. DISPOSITIVO. foi expedida intimação para manifestação de interesse no prosseguimento do feito. as Partes e seus Procuradores. conforme documento anexo. ainda. que após a expedição da intimação foi certificado que o(a) requerente mudou-se de endereço indicado na peça vestibular. por intermédio de advogado legalmente constituído. conseqüentemente. Analisando os presentes autos. ANTE O EXPOSTO.010). REGISTRE-SE. na forma do art.2503. o Promotor. o Promotor. as Partes e seus Procuradores. no prazo legal. demonstrado a inadimplência contratual. Não podem assim os autos simplesmente permanecer indefinidamente em secretaria sem que a parte se manifeste. consoante decisão exarada à f. Assiste inteira razão ao requerente. entendo que o feito deva ser arquivado por falta de interesse processual. no prazo legal. devidamente qualificado. embora legal e regularmente citado.A ADVOGADO MICHELLE FERRO RÉU: CLEIDE SANTANA DE AQUINO RIPARDO. Em face da paralisação. CONDENO O REQUERIDO AO PAGAMENTO DAS CUSTAS PROCESSUAIS E AOS HONORÁRIOS ADVOCATÍCIOS QUE ESTABELEÇO EM 10% (DEZ POR CENTO) SOBRE O VALOR DADO À CAUSA. É o relatório. ou seja. a fim de que. DECLARO A EXTINÇÃO DO PRESENTE PROCESSO EM FACE DA MANIFESTA FALTA DE INTERESSE PROCESSUAL. CONSOANTE DECISÃO INCLUSA. Assim. entendo que o feito deva ser arquivado por falta de interesse processual. Noticia que injustificadamente o requerido deixou de efetuar o pagamento das parcelas do aludido financiamento. cujas partes encontram-se já devidamente qualificadas. presente o Dr. demonstrando o flagrante desinteresse processual. Logo. ANTE O EXPOSTO. ainda. DO CÓDIGO DE PROCESSO CIVIL.A ADVOGADO MICHELLE FERRO.010 Dr. DEVIDAMENTE ATUALIZADA ATÉ O EFETIVO PAGAMENTO. não apresentou contestação. INTIME-SE. CONCLUSÃO . ANO 2.20081085882-7 DECISÃO Cuidam os presentes autos de Ação de Busca e Apreensão de bem fiduciário (Decreto-Lei nº 911/69). RATIFICO A LIMINAR DE BUSCA E APREENSÃO ANTERIORMENTE CONCEDIDA. COM O TRÂNSITO EM JULGADO DESTA SENTENÇA. REGISTRE-SE. CONCLUSÃO. INTIME-SE. decreto-lhe a revelia. com fulcro no art. 3 ° do Decreto-Lei nº 911/69. ARQUIVEM-SE OS PRESENTES AUTOS MEDIANTE AS CAUTELAS LEGAIS. NESTE CASO DEVIDAMENTE CERTIFICADO. 267. dando azo à apreensão do bem oferecido em garantia fiduciária. vieram-me os autos conclusos. tomando rumo ignorado. cujas partes encontram-se já devidamente qualificadas. DECLARO RESCINDIDO O CONTRATO DE FINANCIAMENTO PARA AQUISIÇÃO DO VEÍCULO. COM OS CONSECTÁRIOS LEGAIS. ARQUIVEM-SE OS PRESENTES AUTOS MEDIANTE AS CAUTELAS LEGAIS. sendo responsabilidade que deve ser atribuída a todos os integrantes a relação jurídica. NILTON GURJÃO 136 . PROCESSO N? 001. entretanto. 31 de agosto de 2. CONCLUSÃO . O requerido não efetuou o pagamento das prestações do financiamento do contrato de abertura de crédito direto ao consumidor objetivando a aquisição do veículo descrito na exordial. conforme se observa do documento anexo. NOS TERMOS DA FUNDAMENTAÇÃO AO NORTE.20101023957-8 AÇÃO DE CONCESSÃO DO BENEFÍCIO AUXÍLIO-ACIDENTE REQUERENTE: CARLOS ALBERTO RODRIGUES GONÇALVES REQUERIDO: INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL . em face da paralisação do presente feito. e considerando o princípio da razoável duração do processo. Com a inicial juntou os documentos de f. o que não foi observado pelo(a) interessado(a). estando em local incerto e não sabido. vez que devidamente instruído com o contrato de financiamento. A TEOR DO ART. Ressalte-se. conforme documento anexo. conforme testifica documento anexo. É o relatório. Pelo fato do requerido. ut instrumento de mandato anexo. Ademais é dever da parte manter o seu endereço atualizado. uma vez que o impulso processual não compete somente ao Poder Judiciário. DISPOSITIVO. por intermédio de notificação extrajudicial. 31 de agosto de 2. 3. PROCEDENDO-SE COM A RESPECTIVA BAIXA NA DISTRIBUIÇÃO. também. ficando. MOVIDO À GASOLINA.20091076328-1 DECISÃO BANCO FINASA S/A. PUBLIQUE-SE. DISPOSITIVO. vieram-me os autos conclusos. conforme se observa do documento anexo. INTIME-SE. ARQUIVEM-SE OS AUTOS. Raimundo das Chagas Filho Juiz de Direito PROCESSO: 00349136620098140301 Ação: Busca e Apreensão em Alienação Fiduciária em: 31/08/2010 AUTOR: BANCO FINASA S/ A ADVOGADO ADIB ALEXANDRE PENEIRAS ADVOGADO ISANA SILVA GUEDES RÉU: BRENO CONDURU FERNANDES DA SILVA. APÓS AS ANOTAÇÕES DE PRAXE. ANOTE-SE COMO SENTENÇA DO TIPO ¿A¿ COM MÉRITO. VI. FUNDAMENTAÇÃO . FUNDAMENTAÇÃO . conforme testifica certidão de f. conforme testifica documento anexo. Ressalte-se. e considerando o princípio da razoável duração do processo.INSS. Juiz de Direito. Aduz que celebrou com o requerido contrato de financiamento por meio do qual este veio adquirir o veículo marca HONDA. 238. 001. por meio da notificação extrajudicial. sendo responsabilidade que deve ser atribuída a todos os integrantes a relação jurídica. Assim. constato que os mesmos encontram-se há anos paralisados sem qualquer manifestação da parte interessada. PROCEDENDO-SE COM A RESPECTIVA BAIXA NA DISTRIBUIÇÃO. às 09h00 (nove horas). MODELO 2.000. ANTE O EXPOSTO. JULGO TOTALMENTE PROCEDENTE O PEDIDO INICIAL. 330. O pedido de liminar de busca e apreensão foi deferido. Analisando os presentes autos. tendo sido certificado que o requerente mudou-se do endereço indicado na exordial. 36). ou seja. parágrafo único. PUBLIQUE-SE. também identificado. tomando rumo ignorado. A TEOR DO ART. Em face da paralisação. PUBLIQUE-SE. do Código de Processo Civil. Não podem assim os autos simplesmente permanecer indefinidamente em secretaria sem que a parte se manifeste. 267. CHASSIS Nº 93HEJ8550YZ400966. ficando. oferecesse defesa (ler auto de f. o Juiz.000. ANOTE-SE COMO SENTENÇA DO TIPO ¿B¿ SEM MÉRITO.010 Dr. passo ao julgamento antecipado da lide. PLACA JUC . foi expedida intimação para manifestação de interesse no prosseguimento do feito. Belém. sendo por isso foi constituído em mora. quedando-se inerte. o que não foi observado pelo(a) interessado(a). ciente de que teria o veículo alienado fiduciariamente apreendido por ordem judicial. 2. do Código de Processo Civil. fatos que se admitem como verdadeiros em face da ausência de contrariedade. O veículo descrito na exordial foi apreendido e o requerido regularmente citado. ainda assim permaneceu em silêncio não apresentando qualquer manifestação no sentido de efetuar a quitação do débito. tendo sido certificado que o requerente mudou-se do endereço indicado na exordial.

o Dr.. JOSÉ ANIJAR FRAGOSO REI. Defensor Público desta Comarca. INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL ? INSS. o MM. 3. a cessação do benefício anterior por alta médica e o indeferimento daquele requerido em 2009. Diretora de Secretaria o subscrevi. contado de seu regular efetivação. 40 a 45.. Feito o pregão.. após analisar os autos. quanto ao pagamento das parcelas retroativas.. do Código de Processo Civil. e do requerido. Feito o pregão. na nova avaliação. para audiência de conciliação. com urgência. para audiência de conciliação.20101026605-0 AÇÃO DE CONCESSÃO DO AUXÍLIO-DOENÇA REQUERENTE: CARLOS JOSÉ PEREIRA DA COSTA REQUERIDO: INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL . SANDRO ALEX DE SOUZA SIMÕES. portanto.08. verificou-se a presença do requerente. CARLOS JOSÉ PEREIRA DA COSTA. Juiz proferiu a seguinte decisão: Homologo o referido acordo a fim de que produza seus jurídicos e legais efeitos e.. Nada mais havendo mandou o MM. instrução e julgamento. em avaliações médico-periciais posteriores realizadas pelo INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL . a conceder o auxílio-acidente a partir do dia 16 de junho de 2. o MM. comigo a Diretora de Secretaria. na pessoa der seu procurador federal. É de observar-se que mesmo o auxílio-doença já recebido em 2008 foi por um período curto de apenas dois meses. III ? Cumpra-se. 137 . nominado ao norte.. às 10h30 (dez horas e trinta minutos).. PROCESSO N? 001. são presumivelmente legais e regulares. As partes resolveram conciliar nos seguintes termos: o requerido INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL ? INSS obriga-se. para audiência de conciliação.. cujo requerimento data de 24.010). no prazo de 45 (quarenta e cinco) dias.INSTITUTO NACIONAL DE SEGURO SOCIAL. DELIBERAÇÃO EM AUDIÊNCIA: I ? Abra-se vista ao órgão do Ministério Público para os devidos fins. dado que o requerente se submeteu a duas avaliações médicas especializadas que são coincidentes com a conclusão de sua capacidade para o trabalho. Decisão publicada em audiência ciente os presentes..INSS SECRETARIA DO QUARTO OFÍCIO CÍVEL DA CAPTAL TERMO DE AUDIÊNCIA Aos 31 (trinta e um) dias do mês de agosto do ano de dois mil e dez (2.... Promotor de Justiça. verificou-se a presença do requerente. Diretora de Secretaria o subscrevi. Douto Magistrado. Juiz: O Requerido.. .INSS SECRETARIA DO QUARTO OFÍCIO CÍVEL DA CAPTAL TERMO DE AUDIÊNCIA Aos 31 (trinta e um) dias do mês de agosto do ano de dois mil e dez (2. Promotor de Justiça..010).. Eu. 21)..INSTITUTO NACIONAL DE SEGURO SOCIAL AUTOR: JOAO WILSON MARTINS PINTO DEFENSOR JOSE ANIJAR FRAGOSO REI... obriga-se. Isento as partes do pagamento das custas processuais. IV ? Cumpra-se.010. presente o Dr. cujas enfermidades apontadas possuem afinidade com o laudo pericial do juízo.. na pessoa der seu procurador federal. na pessoa de seu Procurador Federal. Diretora de Secretaria o subscrevi. Requer. impõe-se ao INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL . nem tampouco justificou a impossibilidade de fazê-lo. Anote-se como sentença do tipo ?B? com mérito. acompanhado por seu advogado... tal entendimento confronta a realidade fática do caso. Entendo que apenas agora. NILTON GURJÃO DAS CHAGAS. Defensor Público desta Comarca. sendo que nesse período o requerente será colocado no programa de reabilitação profissional. II ? Após voltemme conclusos.. SANDRO ALEX DE SOUZA SIMÕES. NILTON GURJÃO DAS CHAGAS. JOÃO WILSON MARTINS PINTO. presente o Dr. II ? Comunique-se esse fato ao Defensor Público Geral para as providências que entender necessárias e para designação de outro Defensor Público para atuar no caso. 25 a 27 dos auto. posto que a incapacidade do Autor para o trabalho se apresenta desde o indeferimento do pedido de renovação do benefício. mediante as cautelas legais..INSS. consequentemente. na pessoa de seu Procurador Federal. No entanto.. cabe-nos o oferecimento de acordo sem qualquer retroação por reputar legais e legítimos os atos administrativos anteriores realizados também por profissionais médicos da autarquia. acompanhado por seu advogado. Nada mais havendo mandou o MM. PROCESSO N? 001. Juiz de Direito. contudo não compareceu a audiência. verificou-se a presença do requerente. Dr. para audiência de conciliação. INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL ? INSS.. instrução e julgamento.... comigo a Diretora de Secretaria.. após as anotações de praxe.010). instrução e julgamento. julgo extinto o processo com resolução de mérito.. ao contrário. a despeito disso. o requerente havia apresentado recuperação. SANDRO ALEX DE SOUZA SIMÕES. RAIMUNDO DAS CHAGAS FILHO. INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL ? INSS. RAIMUNDO DAS CHAGAS FILHO. Juiz encerrar o presente termo que lido e achado conforme vai devidamente assinado. PROCESSO: 00177914620108140301 Ação: Petição em: 31/08/2010 AUTOR: CARLOS JOSE PEREIRA DA COSTA DEFENSOR JOSE ANIJAR FRAGOSO REI RÉU: INSS .010... A incapacidade laboral do Autor é contemporânea àquela época e se prova mediante os laudos médicos juntados ás fls. Juiz. Se em perícia judicial recente a incapacidade foi apontada como total... bem como protesta por todas as provas admissíveis em juízo. 14 de Setembro de 2010 DAS CHAGAS.. 4.. 269. Em seguida. A ausência injustificada do nobre Defensor Público prejudicou sobremaneira a marcha processual atravancando o andamento do processo. DELIBERAÇÃO EM AUDIÊNCIA: I ? Suspendo a presente audiência ante a ausência injustificada do Defensor Público nominado ao norte... Promotor de Justiça. Registre-se e. Dr.. requer-se que sejam pagos os proventos de auxílio-doença de forma retroativa ao mês de agosto de 2009.. JOSÉ ANIJAR FRAGOSO REI..... III ? Realizadas as diligências do item anterior. Pede Deferimento. JOSÉ ANIJAR FRAGOSO REI. ás fls. arquivem-se os presentes autos. INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL ? INSS. mas. procedendo-se com a respectiva baixa na distribuição.INSTITUTO NACIONAL DE SEGURO SOCIAL AUTOR: OZILO PEDRO MURIBECA DE AZEVEDO DEFENSOR JOSE ANIJAR FRAGOSO REI. às 09h30 (nove horas e trinta minutos).20101026484-8 AÇÃO DE CONCESSÃO DO AUXÍLIO-DOENÇA REQUERENTE: JOÃO WILSON MARTINS PINTO REQUERIDO: INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL .2009 (fl.. daí.. OZILO PEDRO MURIBECA DE AZEVEDO.. Eu. CARLOS ALBERTO RODRIGUES GONÇALVES. Concedo a palavra ao patrono do requerente para oferecer réplica à contestação o fazendo nos seguintes termos: MM. para designação de outra audiência inaugural. III. na sala de audiência da 4ª Vara Cível da Capital. diverge. PROCESSO N? 001. Feito o pregão. NILTON GURJÃO DAS CHAGAS. presente o Dr.Edição nº 4651/2010 . Dr. com poderes nos autos. a incapacidade retornou e. instrução e julgamento. e do requerido.... Promotor de Justiça. 32).. O RMP opinou favoravelmente a homologação do aludido acordo.Terça-Feira.. Em seguida.. Em contrapartida não há que se falar em parcelas retroativas. Dr. Juiz encerrar o presente termo que lido e achado conforme vai devidamente assinado.. O requerido INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL ? INSS reconhece que o requerente faz jus ao benefício do auxílio-doença a partir do laudo pericial realizado no dia 22 de julho de 2. consequentemente.. As partes resolveram conciliar nos seguintes termos: o requerido.010. comigo a Diretora de Secretaria.INSS reconheceu anteriormente o nexo entre o acidente de trabalho e a incapacidade apresentada pelo requerente. INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL ? INSS. Assim. às 10h00 (dez horas)..20101023975-0 AÇÃO DE CONCESSÃO DO AUXÍLIO-DOENÇA REQUERENTE: OZILO PEDRO MURIBECA DE AZEVEDO REQUERIDO: INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL . Dr. Feito o pregão. na sala de audiência da 4ª Vara Cível da Capital. presente o requerido. mas a ausência de seu advogado. em sua contestação. o indeferimento de qualquer pedido de retroação do benefício à data de requerimento.INSS SECRETARIA DO QUARTO OFÍCIO CÍVEL DA CAPTAL TERMO DE AUDIÊNCIA Aos 31 (trinta e um) dias do mês de agosto do ano de dois mil e dez (2. RICARDO BONASSER DE SÁ. adiante nomeada. PROCESSO: 00177163320108140301 Ação: Petição em: 31/08/2010 RÉU: INSS .INSS presumir que há relação entre o problema apresentado e o acidente anterior. Diante desta circunstância o MM. Dr. acompanhado por seu advogado... Juiz de Direito.. Dr. . O RMP opinou favoravelmente a homologação do aludido acordo. Defensor Público desta Comarca... PROCESSO: 00160150220108140301 Ação: Petição em: 31/08/2010 RÉU: INSS . 2. Ora... mas daí não decorre imediatamente que tal condição tenha-se mostrado da mesma forma desde a cessação do benefício em 2008 e novo requerimento e avaliação em 2009. .. na sala de audiência da 4ª Vara Cível da Capital. a conceder o auxílio-doença a partir do dia 06 de julho de 2. SANDRO ALEX DE SOUZA SIMÕES. mas temporária. e do requerido. Juiz proferiu a seguinte decisão: Homologo o referido acordo a fim de que produza seus jurídicos e legais efeitos e.TJ/PA . garantindo o aludido benefício por um período de 01 (um) ano. o Dr. foi regularmente intimado (ler f. verificou que o nobre Defensor Público. o Dr. datada do laudo pericial do juízo. adiante nomeada. Juiz de Direito. Eu. Nada mais havendo mandou o MM. datada do laudo pericial do juízo. Dr. adiante nomeada.. não havendo subsídios nos autos que possam caracterizar agravamento imediato da incapacidade.DIÁRIO DA JUSTIÇA . Juiz encerrar o presente termo que lido e achado conforme vai devidamente assinado... a teor do art. RAIMUNDO DAS CHAGAS FILHO. verificou-se a presença do requerente. O requerido ofereceu contestação oral nos seguintes termos: 1. no prazo de 45 (quarenta e cinco) dias. voltem-me conclusos. contudo. O INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL ... pois obrigou o Juízo a suspender a audiência e comunicar o fato ao Defensor Público Geral para providências e designação de outro Defensor Público para atuar no caso... pugna pelo pagamento do benefício de auxílio-doença a partir do laudo pericial em juízo..

. Juiz encerrar o presente termo que lido e achado conforme vai devidamente assinado.... KLEYDIR VALE COELHO. julgo extinto o processo com resolução de mérito.. ROSEANA ROSY DE ARAÚJO GOMES. o MM. na sala de audiência da 4a Vara Cível da Capital. Em contrapartida não há que se falar em parcelas retroativas.. II ? Abra-se vista ao Procurador Federal. Isento as partes do pagamento das custas processuais. 31 de agosto de 2.. 001. Com o trânsito em julgado desta sentença... adiante nomeada. 269. Promotor de Justiça. e o requerido. pelo prazo de 10 (dez) dias... III. INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL ? INSS. procedendo-se com a respectiva baixa na distribuição. IV ? Cumpra-se. homologo o aludido acordo a fim de que produza seus jurídicos e legais efeitos e.. 14 de Setembro de 2010 julgo extinto o processo com resolução de mérito.20101032963-4 DECISÃO As partes.. PROCESSO N? 001. Eu. PAULO NAZARENO DOS SANTOS ARAÚJO. após as anotações de praxe. na pessoa der seu procurador federal.. cujas clausulas e condições ficam fazendo parte integrante desta sentença para os devidos fins. o requerente.. RAIMUNDO DAS CHAGAS FILHO.Edição nº 4651/2010 . do Código Processo Civil. a conceder o auxílio-doença a partir do dia 19 de agosto de 2. O RMP opinou favoravelmente a homologação do aludido acordo. no prazo de 45 (quarenta e cinco) dias. neste último caso devidamente certificado. A senhora perita do Juízo não apresentou o respectivo laudo pericial. feito o pregão... As partes resolveram conciliar nos seguintes termos: o requerido. sendo que nesse período o requerente será colocado no programa de reabilitação profissional. SANDRO ALEX DE SOUZA SIMÕES.20101029729-5 AÇÃO DE RESTABELECIMENTO DE AUXÍLIO DOENÇA OU APOSENTADORIA POR INVALIDEZ REQUERENTE: FLÁVIO HERMILIO CARDOSO ALBUQUERQUE REQUERIDO: INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL . após as anotações de praxe. Ante o exposto.20101030088-2 AÇÃO DE RESTABELECIMENTO DO BENEFÍCIO AUXÍLIO-DOENÇA ? RITO SUMÁRIO REQUERENTE: PAULO NAZARENO DOS SANTOS ARAÚJO REQUERIDO: INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL . garantindo o aludido benefício por um período de 01 (um) ano.. com ou sem manifestação. Diretora de Secretaria o subscrevi. o Dr.. PROCESSO: 00201898420108140301 Ação: Petição em: 31/08/2010 RÉU: INSS . FLÁVIO HERMILIO CARDOSO ALBUQUERQUE. Dr.. consequentemente... Anote-se como sentença do tipo ?B? com mérito. procedendo-se com a respectiva baixa na distribuição.. Raimundo das Chagas Filho Juiz de Direito PROCESSO: 00220737320108140301 Ação: Procedimento Sumário em: 31/08/2010 RÉU: BRADESCO SEGUROS AUTOR: ROSEANA ROSY DE ARAUJO GOMES ADVOGADO ANGELO HONORIO LEAL SANTOS. do Código Processo Civil. Dr. a requerente. arquivem os presentes autos. Isento as partes do pagamento das custas processuais. Belém. às 11h30 (onze horas e trinta minutos). a teor do art. Isento as partes do pagamento das custas processuais....010 Dr..010. NILTON GURJÃO DAS CHAGAS. para audiência de conciliação. voltemme conclusos. SANDRO ALEX DE SOUZA SIMÕES. Juiz encerrar o presente termo que lido e achado conforme vai devidamente assinado. INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL ? INSS. Promotor de Justiça. Feito o pregão. Registre-se e.... julgo extinto o processo com resolução de mérito. 31 de agosto de 2. PROCESSO N? 001.. cujas clausulas e condições ficam fazendo parte integrante desta sentença para os devidos fins. III. Registre-se. III. resolveram conciliar nos termos do acordo de f. mediante as cautelas legais. na sala de audiência da 4ª Vara Cível da Capital. Anote-se como sentença do tipo ?B? com mérito. Juiz encerrar o presente termo que lido e achado conforme vai devidamente assinado... com poderes nos autos. e do requerido. comigo a Diretora de Secretaria. neste caso devidamente certificado.. 269..010 Dr.. com poderes nos autos.... adiante nomeada. procedendo-se com a respectiva baixa na distribuição..010).. Juiz de Direito. presente o Dr. Isento as partes do pagamento das custas processuais. a teor do art... o requerido.INSTITUTO NACIONAL DE SEGURO SOCIAL AUTOR: PAULO NAZARENO DOS SANTOS ARAUJO ADVOGADO KLEYDIR VALE COELHO. para audiência de conciliação.. 001.TJ/PA .Terça-Feira. Com o trânsito em julgado desta sentença. arquivem-se os presentes autos. constante da solicitação inclusa. Intime-se.. resolveram conciliar nos termos do acordo de f. presente o Dr. PROCESSO: 00203819420108140301 Ação: Procedimento Sumário em: 31/08/2010 RÉU: BRADESCO SEGUROS AUTOR: SIDNEY SOARES PIRES ADVOGADO ANGELO HONORIO LEAL SANTOS. mediante as cautelas legais. acompanhado por seu advogado. instrução e julgamento. contudo nos informou da necessidade de realização de exame complementar especifico. o Dr. contado de seu regular efetivação.. BRADESCO SEGUROS S/A. Juiz de Direito. NILTON GURJÃO DAS CHAGAS. na pessoa der seu procurador federal.. acompanhado por seu advogado. Decisão publicada em audiência ciente os presentes. procedendo-se com a respectiva baixa na distribuição. mediante as cautelas legais. verificou-se a presença do requerente. a teor do art. neste caso devidamente certificado. Registre-se. Raimundo das Chagas Filho Juiz de Direito 138 . homologo o aludido acordo a fim de que produza seus jurídicos e legais efeitos e. a teor do art. datada do laudo pericial do juízo.DIÁRIO DA JUSTIÇA . Intime-se.. Anote-se como sentença do tipo ?B? com mérito... Nada mais havendo mandou o MM.. arquivem os presentes autos. julgo extinto o processo com resolução de mérito. BRADESCO SEGUROS S/A. comigo a Diretora de Secretaria. obriga-se. Eu. Diretora de Secretaria o subscrevi.. consequentemente. ARIOSVALDO OLIVEIRA BARROS. Registre-se e.INSS SECRETARIA DO QUARTO OFÍCIO CÍVEL DA CAPTAL TERMO DE AUDIÊNCIA Aos 31 (trinta e um) dias do mês de agosto do ano de dois mil e nove (2. III ? Decorrido o prazo legal.INSS. consequentemente... a fim de que ofereça manifestação acerca do pedido de realização de exame complementar especifico ou indique o local onde o mesmo poderá ser realizado. Anote-se como sentença do tipo ?B? com mérito. . Nada mais havendo mandou o MM. Diretora de Secretaria o subscrevi. 24 a 25. do Código de Processo Civil. Em seguida. do Código de Processo Civil. SIDNEY SOARES PIRES.20101030431-3 DECISÃO As partes.... RAIMUNDO DAS CHAGAS FILHO.. . INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL ? INSS. Dr.. instrução e julgamento. às 11h00 (onze horas). Publique-se. Ante o exposto.. O Procurador Federal pede abertura de prazo a fim de oferecer manifestação a respeito ou de adotar providencias para atender a solicitação da senhora perita do Juízo.. 269. Juiz proferiu a seguinte decisão: Homologo o referido acordo a fim de que produza seus jurídicos e legais efeitos e. PROCESSO: 00199245120108140301 Ação: Petição em: 31/08/2010 AUTOR: FLAVIO HERMILIO CARDOSO ALBUQUERQUE ADVOGADO ARIOSVALDO OLIVEIRA BARROS RÉU: INSTITUTO NACIONAL DE SEGURIDADE SOCIAL . Dr.. e o requerido..INSS SECRETARIA DO QUARTO OFÍCIO CÍVEL CAPITAL TERMO DE AUDIÊNCIA Aos 31 (trinta e um) dias do mês de agosto do ano de dois mil e dez (2010). Belém. DELIBERAÇÃO EM AUDIÊNCIA: I ? Declaro prejudicada a presente audiência em face do motivo exposto ao norte. Nada mais havendo mandou o MM... Publique-se... Aberta a audiência.. mediante as cautelas legais. III.. 22 a 23. após as anotações de praxe. após as anotações de praxe. Eu.. Decisão publicada em audiência ciente os presentes... arquivem-se os presentes autos. 269. verificou-se a presença do requerente..

11/ 289. Janeiro/10 (fls. seus problemas de saúde não afetariam sua sanidade mental. LEGAL: ALUIZIO ROBERTO PAIVA DOS SANTOS ADVOGADO SANDRA DE FATIMA DA SILVA CASTRO ADVOGADO GIOVANNA DE GUADALUPE OLIVEIRA BRAGA ADVOGADO ELIDA MAMEDE DA COSTA AUTOR: AMALIA PAIVA DOS SANTOS AUTOR: ANA CRISTINA PAIVA DOS SANTOS ADVOGADO THIAGO AUGUSTO OLIVEIRA DE MESQUITA AUTOR: ANA LUCIA DOS SANTOS ALCANTARA AUTOR: ANTONIO CARLOS PAIVA DOS SANTOS RÉU: INDUSTRIA E COMERCIO SALSAR LTDA. 1096).461-5). restou designada Audiência Preliminar de Conciliação . indicando o nome do Sr. Setembro/09 (fls. representada por seu sócio majoritário . alegando não ser sua a assinatura no AR acostado aos autos à fl. que é elemento da personalidade. Novembro/09 (fls. Impende nesse momento explicitar que a presente lide se trata de autêntica intervenção na esfera privada. Argumentaram que o requerido não teria mais vigor físico e mental necessário para comandar a empresa ora em comento .) a continuidade da pessoa jurídica em grande parte interessa a terceiros. Maio/10 (fls. a nomeação de outro administrado r para a empresa supramencionada. 1265/1267). face a incapacidade do requerido. segundo o artigo 1º do Código Civil) e capacidade de fato ou de exercício (é aquela relacionada com o exercício próprio dos atos da vida civil). Alberto Athayde dos Santos. 1206/1208 ). Alberto Athayde dos Santos. Tal decisão interlocutória motivou a interposição pelo requerido do Agravo de Instrumento de fls. sendo portador da moléstia identificada como CID K40 . Como bem ensina o doutrinador Nestor Duarte (Código Civil Comentado. em trâmite pela 2ª Vara Cível da Capital. quando a pessoa jurídica em análise sofreu relevante perda financeira com a falência do Banco de Fortaleza ( Banfort ). bem c omo para evitar o agravamento de sua situação econômico-financeira. 390 /392). O douto r epresentante do Ministério Público exarou parecer às fls. Às fls. Outubro/09 (fls. 518/522 dos autos . Este juízo por considerar o presente processo suficientemente instruído. 353/380. 960/977 . bem como pelo fato do ajuizamento da Ação de Interdição em trâmite na 2ª Vara Cível da Capital (Proc. 1092/1093. toda pessoa tem capacidade de direito. representada por seu sócio majoritário Sr. Alberto Athayde dos Santos. principalmente . passo à aná lis e do mérito da causa . A liminar solicitada nos autos foi concedida às fls. ab riu prazo para que as partes apresentassem de m emoriais. Dezembro/09 (fls. foi acostado aos autos às informações provenientes do juízo supramencionado a cerca da tramitação processual d o processo em questão. Juntou documentos às fls. (. em ato contínuo. A luízio Roberto Paiva dos Santos. vindo o requerido a sofrer uma isquemia cerebral no ano de 1999. solicitando a reforma da decisão supramencion a da.TJ/PA . Sr. Março/10 (fls. Trata-se de Ação de Intervenção Judicial para a Nomeação de Administrador Provisório ajuizada p or Amália Paiva dos Santos e Outros cont ra Indústria e Comércio Salsar Ltda . os requerente s informaram que são sócios minoritários da empresa familiar em questão . 512 dos autos. 1358/1360). Aduziu a má fé dos requerentes desde o início da presente ação. pode lhe falar a consciência sã para o exercício dos atos de natureza privada. e m sede de contestação (fls. Juntaram documentos às fls. Informaram ainda que o requerido estaria com d e mais de 80 (oitenta) anos. 518/522 dos autos. é a medida jurídica da personalidade. Asseverou querer reverter à situação em que se encontra a empresa supramencionada com a sua reabertura e posterior inclusão de novos sócios. Juntou documentos às fls. 872/874). foi prolatada decisão interlocutória por este juízo às fls. possibilidade de conciliação. sendo ressaltado a inteira e exclusiva responsabilidade do administrador provisório nomeado pelo cumprimento da determinação judicial em questão. Nova decisão interlocutória foi proferida nos autos à fl. a nomeação de um administrador provisório para gerir a empresa Indústria e Comércio Salsar Ltda. AMÁLIA PAIVA DOS SANTOS E OUTROS . no sentido de que toda pessoa é capaz de direitos e deveres na ordem civil. Alberto Athayde dos Santos . ano 1998 conforme pedido dos requerentes de fl. 332/334. 987/989). Requereram liminar p a ra a nomeação de um administrador provisório para gerir a empresa supracitada . Julho/09 (fls. É o relatório.1005. a revogação da nomeação do administrador provisório . Arguiu ser o patrimônio da empresa suficiente para saldar os débitos existentes.461-5). o requerido . Tal a udiência restou realizada em 06/06/2010 (fl. Tipo A com mérito Vistos e etc. Aluízio Roberto Paiva dos Santos . O douto representante do Ministério Público que se fez presente a audiência supracitada reiterou os termos do parecer exarado às fls. pág. 526/528) . Abril/10 (fls. este juízo exerceu a retratação com base n o parágrafo 2º d o arti go 523 do Código de Processo Civil . a requerimento de qualquer interessado. agravado pelo fato da recusa em prestar contas da movimentação financeira aos demais sócios. 905/908).Edição nº 4651/2010 . O requerido atravessou petição às fls. 343/352 dos autos. a venda de alguns imóveis pertencentes à pessoa jurídica . estando alguns deles locados e outros em estado de total abandono. podendo ser classificada em capacidade de direito ou de gozo (é aquela comum a toda pessoa humana. 817/818 informações à Corregedoria de Justiça da Região Metropolitana de Belém sobre a tramitação processual da presente ação.). 19). ajuizaram AÇÃO DE INTERVENÇÃO JUDICIAL PARA A NOMEAÇÃO DE ADMINISTRADOR PROVISÓRIO contra INDÚSTRIA E COMÉRCI O SALSAR LTDA. devidamente qualificados nos autos. 422/423). 1244/1245 ) . Sr. Após regular citação. e que só se perde com a morte prevista no texto legal. a nulidade da citação. 824/846.. entre outras coisas. refutou os argumentos trazidos na inicial. juntando documentos às fls. ¿a capacidade. requerendo. Os requerentes atravessaram réplica às fls. 005. bem como a existência de diversos imóveis de propriedade da pessoa jurídica em questão . Considerando o princípio da função social da empresa. Restou acostado aos autos às fls. assim. Este juízo solicitou informações sobre a movimentação da Ação de Interdição (Nº 2008. ¿ (. Assevera 139 . determinando os autos conclusos para prolação de sentença. so licitando . Alegou que apesar de ser pessoa idosa co ntando com mais de 81 (oitenta e um) anos. nomear-lhe-á administrador provisório¿). 1343/1351 dos autos. tendo em face não possuir o Sr. De acordo com os ensinamentos do doutrinador Flávio Tartuce (Direito Civil. Nº 2008. Passo a fundamentar. ADVOGADO CLAUDIO MANOEL GOMES DA SILVA. publicada em 24/02/2010. Ed. bem como auto rizando a venda de uma Kombi. O administrador provisório judicialmente no meado prestou contas nos autos d a seguinte forma : Janeiro/09 (fls. concedendo poderes ao administrador provisório nomeado nos autos. determinando . Às fls. 772/ 811 . p elo Ministro do STF Cezar Peluso. 1021/1024). 02/10 ) .. inerente à personalidade. bem como a improcedência do pedido. Não h avendo preliminar es . filho do requerido. 1290/1292) e Junho/10 (fls. 847/848 dos autos. Método. Agosto/09 (fls. Manole. Fevereiro/09 (fls. 761/771) . estaria impossibilitado de administrar a empresa em questão tendo em face sua idade avançada e seu atual estado de saúde . o juiz.Terça-Feira. Sr. cujo objeto social seri a a exploração comercial no ramo de desinfetantes . que assinou o Termo de Nomeação de Administrador Provisório em juízo à s fl s . entretant o.1 .. restou solicitado pelos requerentes com fulcro no artigo 49 do Código Civil (¿Se a administração da pessoa jurídica vier a faltar. ora requerido na presente demanda. 337/338. 954 .SECRETARIA DA 5ª VARA CIVEL DE BELEM PROCESSO: 00296685920078140301 Ação: Petição em: 09/09/2010 RÉU: ALBERTO ATHAYDE DOS SANTOS ADVOGADO VICTOR JOSE LUZ BARBAS REP. 1099/ 1112 e o requerido às fls. 14 de Setembro de 2010 SECRETARIA DA 5ª VARA CÍVEL DA CAPITAL RESENHA: 10/09/2010 A 10/09/2010 . Fevereiro/10 (fls. informando que não teria sido regularmente citado para contestar a presente ação . 298. requerido na presente demanda. p. Março /09 . ora requerido na presente ação e devidamente qualificado nos autos. pois . ficando a entidade acéfala. Comentou a forma ilegítima em que se deu a nomeação do administrador provi sório. 395/ 421. Os requerentes apresentaram m emoriais às fls. Aduziram que o requerido teria de mo n strado sinais de desorganizaçã o na gestão da empresa. estando afastado da direção da referida empresa há algum tempo por problemas de saúde. mas . 701/703). por fim. publicada em 11/11/09. afirmando ser lúcido e com pleno controle do patrimônio da empresa em questão. 736/737). para o desempenho de tal função. efetivamente nomeando como administrador provisório para a pessoa jurídica supramencionada o Sr. p or sua idade avançada. c oord. contando com as partes e seus procuradores judiciais. Ed. tornando assim sem efeito o item que autorizou a venda de alguns bens imóveis e. Comentaram que os sinais de descontrole organizacional por parte do requerido teriam surgido a partir do fato ocorrido no ano de 1997. não devendo sofrer solução de continuidade. não somente em razão dos problemas de saúde que acumula . 381/394 dos autos . não havendo . Junho/09 (fls. Relat aram a existência de vários débitos fisc ais em nome da empresa . Explicitaram que a supramencionada pessoa jurídica se encontra va com sua s atividades produtivas paralisadas desde setembro do ano de 2005 . 146). 931/933). Cessa a atuação do administrador provisório tão logo seja outro indicado na forma do ato constitutivo¿. Por conseguinte. bem como a nulidade da liminar que nomeou o administrador provisório . Aluízio Roberto Paiva dos Santos qualquer participação na pessoa jurídica em questão. tendo por sócio fundador seu sócio majoritário. sendo silente o seu contrato social quanto à substituição de seu gestor. In casu.. mas não necessariamente a capacidade de fato. 669/670).DIÁRIO DA JUSTIÇA . sob a alegação de que seu sócio majoritário. Na petição inicial (fls. A falta de administração a que a lei se refere pode dar-se tanto por razões de ordem jurídica como de ordem material. Abril /09 e Maio /09 (fls.

p. o direito positivo a contemplar. devendo ser sempre encarada estritamente. I. 109 ). No caso ora em análise. assim. para alguém ser titular de direitos e obrigações. desobedecendo o que dispõe o inciso I do artigo supracitado. seria prematura a afirmação de incapacidade do requerido para os atos da vida civil e. Não provado nos autos que a interditanda não possua capacidade para os atos da vida civil. Esta só pode ocorrer se há uma doença mental. explicita o Código Civil vigente logo em seu artigo 1º que ¿t oda pessoa é capaz de direitos e deveres na ordem civil ¿ . in verbis que : Art. por ser absoluta. que são: Art. Partindo da idéia preliminar e fundamental de que a capacidade é a regra e a incapacidade a exceção. ensinando que ¿tal ônus é o encargo atribuído à parte e jamais uma obrigação. salvo se acometido o idoso de moléstia que o torna impossibilitado de mani festar o pensamento e gerir a si e a seus negócios (. Nº 70032857807. a plena capacidade jurídica corresponde à efetiva possibilidade concedida pela ordem jurídica de que o titular de um direito atue. os ébrios habituais e os viciados em tóxicos. quanto ao fato constitutivo do seu direito. bem como assegura especial proteção ao idoso. senão vejamos: Art. IV . INTERDIÇÃO. é que retiram a capacidade da pessoa humana. coerente e com raciocínio claro. Cezar Peluso. ¿ o art. senão vejamos: INTERDIÇÃO. afinal é a maior interessada no seu reconhecimento e acolhimento¿. qualquer pessoa humana pode ser titular de direitos e obrigações. quanto à existência de fato impeditivo. É aqui que incidirá a teoria das incapacidades. II ¿ ao réu. portanto. (. modificativo ou extintivo do direito do autor. uma vez que a presente ação tem um fundo patrimonial em que é clara a divergência entre os interesses dos requerentes frente aos interesses do requerido .os que.) ¿. por enfermidade ou deficiência mental. Compete. V . como bem ponderou o ilustre membro do Parquet. São imperativos do próprio interesse. Rel. 1096). demonstrar a existência dos fatos em que tal direito se alicerça. a cada uma das partes o ônus de fornecer os elementos de prova das alegações de fato que fizer. pertine à aptidão para praticar pessoalmente os atos da vida civil.. CAPACIDADE. não puderem exprimir sua vontade.. variação e gradação. Vol. Assim. ao contrário do que alegam os requerentes. Jus Podivm.005. no plano concreto. considerando-se mais uma vez que a idade avançada. em regra.. 72. não se desincumbindo. Assim sendo. mesmo por causa transitória. Entendo também importante trazer a colação jurisprudência pátria que mesmo tratando do tema interdição. não restou demonstrada em momento algum a incapacidade do requerido para os atos da vida civil. pode ndo titularizar relações jurídi cas. democrática e igualitária. sozinho. Vol. ao caso ora em análise. Em moderna doutrina. não restando provado em momento algum sua incapaci dade de administrar seus bens . Demonstrado que a interditanda. mantém-se a improcedência da ação (TJ/ RS. Conforme ensinamentos doutrinários de Ovídio Batista da Silva ( Curso de Processo Civil. Tal rigorismo se faz necessário. José S. podendo somente sofrer restrições quanto ao seu exercício. a existência de uma das hipóteses previstas no artigo 1.. Comporta verdadeira diversidade de graus. Por conseguinte. A idade avançada ou debilidade física pela senilidade. que é a capacidade. 19). IMPROCEDÊNCIA. não merecendo prosperar a presente ação interposta. Conforme todo o exposto alhures. a incapacidade consiste na restrição legal ao exercício dos atos da vida civil. E ntendo que os requerente s provocaram a jurisdição baseados em alegações desprovidas de comprovação. preceituando o artigo 3º do Código Civil . como a personalidade¿. balizando. mas também a obrigatória designação de interrogatório do interditando pelo magistrado. No caso concreto dos presentes autos. pelo Ministro do STF. como regra dominante de nosso sistema probatório.aqueles que.177 a 1. Trata-se de limitações ao exercício livre da plena capacidade jurídica e. A parte que alega deve buscar os meios necessários para convencer o juiz da veracidade do fato deduzido com base da sua pretensão/exceção. Estão sujeitos a curatela: I . incumbe o ônus de demonstrar sua existência. I mportante fato restou constatado pelo representante do Ministério Público Estadual em seu douto parecer sobre a alegada doença que o requerido seria porta dor . (. indicando algumas hipótes e s de falta de capacidade. por enfermidade ou deficiência mental. eis que não é possível gradar a capacidade de direito. motivo pelo qual se pode ter pessoas plenamente capazes e. o processo não vive apenas de alegações. Logo. de gestão da pessoa jurídica da qual é sócio majoritário. ¿a personalidade tem uma medida para a prática de atos determinados. por outra causa duradoura. Há que se ter em mente que. as hipóteses de restrição d a plena capacidade. sem cujo desempenho o sujeito se põe em situações de desvantagem perante o direito. pois a interdição é medida por demais séria e drástica. sendo capaz de exprimir sua vontade. por ter o requerido mais de 80 (oitenta ) anos. Nesses casos. sendo tal demanda ainda pendente de resolução de seu mérito.)¿. p. inclusive. Admite. quando assever a que ¿a senilidade não acarreta incapacidade. por conseguinte . uma vez que a CID 10 K40 seria tão somente Hérnia. o requerido não é pessoa desprovida de sua saúde mental. Resta novamente deixar consignado no presente momento que a idade avançada ou a debilidade física decorrente da senilidade não são causas para ser decretada a interdição de qualquer pessoa. porém. Des.767 do Código Civil. 3º do Código Civil limitou a aptidão genérica para praticar atos da vida civil pessoalmente .. doença esta que não impede qualquer pessoa de gerir seus negócios . a capacidade de direito não pode. Em resumo. de outra banda.os deficientes mentais. A plena capacidade é adquirida quando do implemento da maioridade e só pode ser afastada em situações extremas e por meio do processo judicial de interdição que dispõe de rito especial (artigos 1. pág. em que pese conte com mais de 80 (oitenta). 14 de Setembro de 2010 o supramencionado autor que ¿desse modo. nem toda pessoa praticará os atos da vida civil pessoalmente (somente aqueles que dispõem de plena capacidade) ¿ . Com propriedade. encargos. conforme bem acentua o doutrinador Nelson Rosenvald (Direito Civil. esclarece ser excepcional a limitação ao exercício dos atos civis. detém condições psicológicas de gerir seu patrimônio e o atos de sua vida civil. II .os pródigos. Faz-se mister nesse momento tran s crever os ensinamentos do doutrinador Nestor Duarte (Código Civil Comentado. questão médica por excelência. O ônus da prova incumbe: I ¿ ao autor. acrescendo-se a isso o fato de o idoso continuar tendo o necessário discernimento e controle de sua vida civil. de maneira alguma. a capacidade de fato.¿ Consta dos autos informação sobre a tramitação de uma Ação de Interdição ajuizada pelos requerentes contra o requerido em trâmite na 2ª Vara Cível da Capital (Processo Nº 2008. o processualista Fredie Didier Júnior (Curso de Direito Processual Civil. Impende ainda mencionar que em sede de Audiência de Conciliação realizada no dia 06/06/10 .Edição nº 4651/2010 . discriminatória. Sobre o tema. Distintam ente. GRIFO NOSSO. aquele que alega possuir um direito deve. em cumprimento com o que preceitua o artigo 333 do Código de Processo Civil. uma vez que não manifestaram interesse na produção de prova (fl. do ônus processual que lhes era imposto legalmente. entendo que os requerentes não demonstraram nos autos prova concreta acerca da incapacidade do requerido. sendo. considerando-se o princípio de que a capacidade é a regra e a incapacidade a exceção¿. sujeitando o interditado à curatela. de capacidade de exprimir sua vontade e a ausência de discernimento para os atos da vida civil. o requerido pessoa lúcida e com discernimento. apesar de idosa.DIÁRIO DA JUSTIÇA . ainda mais sob a frágil alegação de doença ou idade avançada.os que. o princípio segundo o qual à parte que alega a existência de determinado fato para dele derivar a existência de algum direito. à evidência que para sua decretação há que restar demonstrado. GRIFO NOSSO. uma correta decisão judicial. Publicação: 12/01/2010) DIREITO CIVIL. II . sendo. Ed. II. de modo expresso veda a discriminação em razão da idade. cabe-lhe o ônus de produzir a prova dos fatos por si mesmo alegados como existentes¿. improcede o pedido de interdição 140 . inexoravelmente.os menores de dezesseis anos. A ausência de elemento anímico.. não são causas de interdição.os excepcionais sem completo desenvolvimento mental. Manole. c oord.. Toda e qualquer pessoa natural dispõe.186 do Código de Processo Civil). antes de mais nada. q ualquer decisão judicial que retirasse prematuramente do requerido o poder de administrar livremente seus bens. Assim. admitidas em caráter excepcional. como se tais fatores fossem causas naturais de incapacidade civil. 3 o São absolutamente incapazes de exercer pessoalmente os atos da vida civil: I . III . pessoas absolutamente incapazes e pessoas relativamente incapazes. por si só. sem qualquer auxílio de terceiros. ilustra e respalda o entendimento exposto alhures sobre a capacidade civil do idoso.) traz a lição acerca do ônus da prova. estabelecer. não tiverem o necessário discernimento para a prática desses atos. antes mesmo deste juízo efetivamente considerar o presente processo suficientemente instruído e abrir prazo para a apresentação de memoriais pelas partes para posterior prolação de sentença .). ou seja. devem ser encaradas restritivamente (. A Constituição Federal de 1988. ser negada a qualquer pessoa. de modo inequívoco. ainda à luz d o doutrinador ora em comento. não se coadunaria com a justiç a. ninguém pode ser discriminado em função de sexo ou idade.1. O doutrinador supracitado assevera ainda que ¿ capacidade de direito é a própri a aptidão genérica reconhecida universalmente. 191). Teoria Geral. torna-se indispensável não só a realização de perícia. Por conseguinte. III .) sendo a possibilidade de ser sujeito de direitos.aqueles que. não tiverem o necessário discernimento para os atos da vida civil. 1. afastados os problemas familiares constatados com a análise dos autos. Pode-se. mas de prova s que o sustente.461-5). p. Trindade. possui ndo pensamento organizado. ¿como todo direito sustenta-se em fatos. objetivamente. em conseqüência.TJ/PA . 333. Em face do direito à igualdade e à liberdade.Terça-Feira. uma vez que retirará da pessoa a administração da sua vida e seus bens. Por conseguinte. não é causa de incapacidade. . assim. que incumbe à competente perícia esclarecer. não puderem exprimir a sua vontade. os requere ntes desistiram de qualquer forma de instrução processual.767. Ed. criando uma verdadeira gradação ao exercício da capacidade de fato. de personalidade jurídica.

nomeada perita contábil para o caso (fl. após a observância de todos os procedimentos legais . Nº 70000245530. sem qualquer efeito retroativo. 09 de setembro de 2010 . 102/118 . de caráter complementar e organizado de forma autônoma em relação ao regime geral de previdência social. como expressão da universalização do exercício da cidadania. A Audiência Preliminar de Conciliação foi realizada no dia 01/06/2005 (fl. por si só.139). percebe-se que a senectude (velhice). A empresa requerida se manifestou sobre a perícia às fls. in verbis: Art. O regime de previdência privad a .). Os benefícios da justiça gratuita foram concedidos à fl. (TJ/DF.. Nesse prisma.31 (duzentos e quarenta e nove reais e trinta e um centavos). qualquer ofensa ao direito adquirido ou ao princípio da irretroatividade das leis. danos morais. o requerente informou ser participante e filiado da empresa requerida. obtenha da entidade benefícios pecuniários ou prestação de serviços. Cabe ressaltar que o idoso. por fim. p. a empresa requerida alegou. cujo patrimônio é exclusivo à concessão e manutenção dos benefícios previdenciários.03 (noventa e seis reais e três centavos) a cada mês até o mês de abril do ano de 2000. cuidar dos seus negócios. é pessoa presumivelmente capaz. quinhentos e cinqüenta e um reais e noventa centavos). impedindo a pessoa de se manifestar seu pensamento. Passo a fundamentar. Julgamento: 09/08/2006) INTERDIÇÃO. Sr..005070-0 Des. Arguiu que sua atitude se revestiu da mais correta legalidade. assim. a empresa requerida iniciou o processo de redução dos proventos de suplementação de aposentadoria por invalidez (suplementação de aposentadoria e abono aposentadoria) a que estava obrigada a pagar mediante corte/redução de R$ 96. na conceituação de José Geraldo Júnior. VERA ARAÚJO DE SOUZA Juíza de Direito Titular da 5ª Vara Cível da Capital PROCESSO: 00101831220038140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 10/09/2010 ADVOGADO: ANTONIO CLAUDIO PINTO FLORES AUTOR: BENEDITO LUZ DOS SANTOS ADVOGADO ANTONIO CARLOS BERNARDES FILHO INTERESSADO: ELVIRA DOS SANTOS PINHEIRO RÉU: PORTUS INSTITUTO DE SEGURANCA SOCIAL.. quando o valor da complementação teria se estabilizado no montante de R$ 249. a improcedência do pedido . a ilustre relatora expendeu as seguintes considerações. A obrigação da entidade previdenciária. empresa também qualifica da nos autos. Explicitou que tal corte/redução da suplementação de aposentadoria seria ilegal e descumpridor das cláusulas contratuais . quatrocentos e setenta e cinco reais e vinte e quatro centavos). para atender à necessidade própria. ser entidade fechada de previdência complementar sem fins lucrativos . send o deferidas as provas solicitadas pelas partes . Refutou as alegaç ões de danos morais e materiais . São entidades facultativas e independentes do Regime Geral de Previdência Social. PESSOA OCTOGENÁRIA. DESCABIMENTO. para quem deverão ser pagos os aluguéis dos imóveis localizados no Ed. Inicialmente. criam fundações sem fins lucrativos. é pessoa plenamente capaz de agir e atuar na vida civil. Apelação Cível Nº 2005. 191). Em sede de contestação (fls. Tipo A com mérito BENEDITO LUZ DOS SANTOS . Dom Alberto. a caracterização do participante de plano de previdência privada fechada como consumidor não oferece obstáculos. 129 ) . Afirmou que os benefícios do requerente não teriam sido reduzidos. afirma ndo ter contribuído por vários anos. gratuidade no acesso aos transportes públicos.82 (um mil. Afirmou ser obrigado a proceder aos ajustes nas suplementações que há muito estavam sendo pagas em valor superior ao devido. Somente quando há efetivo comprometimento dessa faculdade. (. 306. ocorrendo determinada situação prevista contratualmente. em face da compreensão restritiva do rol limitador da plena capacidade jurídica mencionado alhures. que é presumivelmente incapaz na definição da lei civil. Des. embora haja uma tendência natural de reduzir a resistência orgânica e ate as faculdades mentais. não pode gerar incapacidade. 11/70. 71 dos autos .074/03 (Estatuto do Idoso). e que enseja a interdição.42 (trezentos e trinta e sete reais e quarenta e dois centavos). 202.. b em como os benefícios da justiça gratuita.. a fim de que. O doutrinador Nelson Rosenvald (Direito Civil.1. LÚCIDA E CAPAZ. tendo o requerente aderido voluntariamente as cláusulas contratuais . Publicação: 03/11/1999) Nesse passo. Waldir Leôncio Júnior. Requereu. extinguindo o processo com resolução de mérito com fulcro no inciso I do artigo 269 do Código de Processo Civil . independente de sua classe social ou produtividade econômica (. interessados em seu patrimônio. ou seja. com abono aposentadoria de R$ 337. o idoso merece tratamento diferenciado (prioridade de atendimento.00 (três mil reais). Às fls. totalizando R $ 1. Mesmo antes do advento da Lei Nº 10. passo ao mérito da causa. ao contrário do menor. Aduziu que a partir do mês de julho d o ano de 1999. O idoso. na realidade.I. 03/10 ).475. De fato. Através deste negócio jurídico o participante transfere à entidade certos riscos sociais ou previdenciários. nº 193 (lojas 04.000. propôs AÇÃO ORDINÁRIA DE REVISÃO DE PROVENTOS DE COMPLEMENTAÇÃO DE APOSENTADORIA C/C PRECEITO COMINATÓRIO em face da PORTUS INSTITUTO DE SEGURANÇA SOCIAL . 196. Na exordial (fls. Em nível constitucional.). enfim reger sua pessoa e seus bens. Sérgio Fernandes Vasconcelos Chaves. 87 / 101 ) .).Edição nº 4651/2010 . 141 . Passo a decidir. sua suplementação de aposentadoria alcançou em 06/99 o total de R$ 1.03 (noventa e seis reais e tr ês centavos). 321/344 e o requerente às fls. Trata-se de AÇÃO ORDINÁRIA DE REVISÃO DE PROVENTOS DE COMPLEMENTAÇÃO DE APOSENTADORIA C/C PRECEITO COMINATÓRIO interposta por BENEDITO LUZ DOS SANTOS . mas proporcionalmente corrigidos e acertados na forma da lei e por ordem d o Conselho de Curadores e dos órgãos fiscalizadores responsáveis . sob a alegação de descumprimento de cláusulas contratuais pactuadas entre as partes no que tange a legalidade da aplicação do valor do cálculo aplicado pela empresa requerida nos proventos recebidos pelo requerente.DIÁRIO DA JUSTIÇA . determinando que a administração da pessoa jurídica em questão retorne ao comando de seu sócio majoritário. despesas processuais e honorários advocatícios no valor de R$ 3. 14 de Setembro de 2010 formulado por seus familiares. Comentou que por meio do contrato ajustado entre as partes. teve assegurado o direito de perceber suplementação de aposentadoria até o limite do salário real de benefício. em ato contínuo. ora requerido na presente ação. aposentaria por idade. (TJ/RS. não restando frutífera a tentativa de conciliação .TJ/PA . u ma vez que não restou comprovado nos autos a incapacidade do requerido para gerir a Indústria e Comércio Salsar Ltda . Na oportunidade. alegando que a cada mês reduzia-se a complementação de aposentadoria em cerca de R$ 96.Terça-Feira. é atividade de natureza securitária. pois certamente trata-se de pessoa que adquire prestação de serviço como destinatário final. já devidamente qualificad o nos autos. as quais. 169/175 restou acostado aos autos o fício enviado pelo INSS . JULGO IMPROCEDENTE o pedido de nomeação de administrador provisório por não faltar administração à pessoa jurídica em questão. 120_verso que o requerente não se manifestou sobre a contestação. INTERDIÇÃO PARCIAL. Em ato contínuo.. equivalente a suplem entação de aposentadoria (R$ 1. tendo em face a não expedi ção de ofício ao INSS sendo. Juntou documentos às fls. etc. a previdência privada está prevista no artigo 202 e seus parágrafos . Belém/PA. Comentou que c om os reajustes legais e previstos em regulamento.)¿.95) e abono aposentadoria (R$ 354. Alberto Athayde dos Santos. Nancy Andrighi. inexistindo. mormente pela sua grande experiência de vida. com lucidez ensina que ¿ a Lei Nº 10. Pelo princípio da sucumbência. possuindo ademais. fazendo jus ao percebimento de complementação de aposentadoria pago pela supracitada empresa. Restou certificado nos autos pela Diretora de Secretaria da 5ª Vara Cível da Capital à fl.94 (trezentos e setenta e três reais e noventa e quatro centavos). será facultativo. visando propiciar padrão mais digno de vida a seus participantes da quando da inatividade. sua complementação teria sido fixada em R$ 1. É o relatório. situado à Rua Carlos Gomes . No julgamento do Recurso Especial Nº. Juntou documentos às fls. o legislador pátrio e a doutrina sempre foram unânimes em dizer que a mera senilidade não era causa de incapacidade. A perícia contábil foi juntada aos autos às fls. restou estabelecido que as normas consumeristas são aplicáveis à relação existente entre as entidades de previdência privada e os seus participantes. Rel. contando com a s partes e seus procuradores judiciais. in verbis: A participação no plano oferecido pela previdência privada ocorre com a celebração do contrato previdenciário.01. 189/ 316.31 (duzentos e quarenta e nove reais e trinta e um centavos) .137. tendo se aposentado por invalidez em 22/03/95. predicados que lhe dão realce no contexto social.551. bem como asseverou que o valor total dos proventos teriam permanecidos inalterados. cento e trinta e sete reais e oitenta e dois centavos). nos termos do Regulamento do Plano de Benefícios da empresa requerida. mediante o pagamento de contribuições. em suma síntese. estabelece especial proteção para a pessoa maior de sessenta anos. Relatou que inicialmente. A Audiência de Instrução e Julgamento marcada para o dia 29/08/05 foi suspensa . condeno os requerentes no pagamento das custas.155¿MG de relatoria da Min. Requereu . 345/352.90 (um mil. visando unicamente corrigir o valor do benefício de seus participantes ao seu patamar correto. com tais razões de decidir.. 06 e 07). Teoria Geral. Rel. destituo o administrador provisório outrora nomeado nos autos às fls. (.. como expressão do reconhecimento de sua dignidade. É a fundamentação. 05. por fim.741/03 (Estatuto do Idoso). tendo como finalidade a sua complementação. P. . 332/334 da função de comando da empresa Indústria e Comércio Salsar Ltda.95 ). cumpre esclarecer que as entidades fechadas de previdência complementar são frutos de iniciativas de empresas. portanto. nesta cidade. e regulado na lei complementar . A velhice não induz necessariamente a incapacidade. Isso posto.24 (um mil. contra PORTUS INSTITUTO DE SEGURANÇA SOCIAL . informando que o valor de R$ 249.R. por mais idosa que seja a pessoa. Não havendo preliminares . a procedência do pedido . acrescida do abono aposentadoria de R$ 373.. baseado na constituição de reservas que garantam o beneficio contratado.

sentença que seja capaz de pôr termo ao processo com resolução do mérito. Discorrendo sobre o tema. sendo que.. Neste sentido. 186.078/90 (Código de Defesa do Consumidor). pública ou privada. É fornecedor de serviços aquele que os presta no mercado de consumo. É a fundamentação. a vida privada. Presentes. oriundas da natural dificuldade de avaliação da extensão do dano. Rel. Com efeito. criação. 3. e o nexo de causalidade entre o dano e o efetivo comportamento censurável do agente. principalmente no que tange a análise dos itens 3.. os princípios e regras do Código de Defesa do Consumidor. como a vida. violar direito. o Poder Judiciário não pode ser complacente com os abusos cometidos pelas empresas que exploram esse seguimento de mercado. 4. nota-se facilmente a posição economicamente mais fraca do contribuinte em relação à entidade de previdência privada. impossível a tarifação pecuniária desse sentimento íntimo. assegurado o direito de indenização pelo dano material ou moral decorrente de sua violação. INCIDÊNCIA (. de forma que só o fato lesivo intencional ou imputável ao agente por omissão de dever autoriza a reparação. (STJ.938¿RO. Ed. em seus artigos 2º e 3º: Art.d (fl. 78. pois objetiva.. X . violando de forma acentuada o princípio da dignidade da pessoa humana. Parágrafo único: (. decorrendo este dever de indenizar do preceito insculpido no artigo 186 do Código Civil c/c com a norma elevada à categoria de garantia constitucional.)" (Reparação Civil por Danos Morais. deixando de atender aos reclamos dos consumidores que têm de ingressar em juízo para fazer jus ao regular cumprimento do outrora pactuado. A situação vulnerável do participante é acentuada ainda pelo fato de que os contratos previdenciários celebrados com a entidade privada são de adesão. 41). GRIFO NOSSO. assim. São. III. 410) (. (STJ. como anteriormente exposto. isto é.). Min. desta forma . bem como os entes despersonalizados. tal prestação pecuniária vem somente a suavizar a lesão provocada à dignidade da vítima. a conduta irregular da empresa requerida. Neste esteio. Dispõe a Lei Nº.. onde restou confirmada que houve redução dos valores mensais pagos ao requerente em termos nominais . Dessa forma.12. e. CÓDIGO DE DEFESA DO CONSUMIDOR. desta forma.b. sendo que. apoiada no disposto no artigo 269.TJ/PA . importação. segundo aquele autor.) . que desenvolvem atividade de produção. sendo proceden tes. não há como afastá-la. aplicando-se. Trata-se. quais sejam. ensina do doutrinador Alexandre Freitas Câmara (Lições de Direito Processual Civil.).Com a edição da Súmula 321 desta Corte.). nem se apresentar irrisório. necessitam de atenção. buscando. in verbis: Art. qualquer das hipóteses arroladas no artigo 330. ou o da própria valoração da pessoa no meio em que vive e atua (o da reputação ou da consideração social). 189/316 . 8. assim. pág. do CDC. restou expressamente confirmado através da perícia que o valor do suplemento do requerido sem redução e sem atualização é de R$ 163. 169/175 bem como com a perícia contábil de fls. Impende nesse momento mencionar que em resposta ao quesito 7. deve o juiz estar atento a todas as circunstâncias que envolvem o caso concreto. cito o entendimento já pacifi cado pelo Tribunal da Cidadania : Súmula 321: O Código de Defesa do Consumidor é aplicável à relação jurídica entre a entidade de previdência privada e seus participantes. uma vez que mantinha com a empresa requerida um pacto de complementação de aposentadoria.. Corroborando com o exposto. 14 de Setembro de 2010 Ademais. Assim.530. Na verdade. Conflito de Competência Nº. No que pertine ao dano moral.. não houver necessidade de produzir prova em audiência¿. temos um caso de responsabilidade civil decorrente de contrato. no que tange ao pedido do requerente de condenação em danos morais. reduzir seu sofrimento.Edição nº 4651/2010 . preocupação e desamparo. I. no fundo. pois. de caso de extinção do processo com resolução do mérito. Art. (. nacional ou estrangeira. devendo se levar em consideração que este valor não deve ser excessivo a ponto de constituir fonte de enriquecimento do ofendido. não restam dúvidas que tais acontecimentos impuseram ao requerente sofrimento muito superior a meros aborrecimentos e dissabores. o vínculo jurídico entre o participante e a entidade de previdência privada é relação de consumo. 194) .938/RO. quando a participação no plano é limitada a uma categoria de pessoas. Lumen Júris. Essa entidade (fechada. ou causar dano a outrem. são consabidas as dificuldades relativas à sua liquidação. o dano. 192) . Depreende-se. RESP Nº.DIÁRIO DA JUSTIÇA .b (fl. Ainda . para que a compensação por dano moral possa cumprir adequadamente sua função pedagógica e punitiva. do CDC. assim dispõe a jurisprudência pátria: PREVIDÊNCIA PRIVADA (. 2° Consumidor é toda pessoa física ou jurídica que adquire ou utiliza produto ou serviço como destinatário final. como lesão provocada ao patrimônio ou à honra da vítima. tendo por base o entendimento do Colendo Superior Tribunal de Justiça quanto à aplicação da lei ora em comento a relação estabelecida entre participantes de planos de previdência privada. tem-se que ¿q uanto à incidência do Código de Defesa do Consumidor no contrato.são invioláveis a intimidade. negligência ou imprudência. restou demonstrado tanto por meio da análise do ofício enviado pelo INSS juntado aos autos às fls. pág. ¿quando a questão de mérito for unicamente de direito. ou do plano valorativo da pessoa na sociedade. angústia. distribuição ou comercialização de produtos ou prestação de serviços. a culpa. que as partes integrantes da presente lide se encaixam nos conceitos supra transcritos. constante do inciso X do artigo 5º da Carta Magna. reações na personalidade do lesado a agressões ou a estímulos negativos recebidos do meio ambiente através da ação de terceiros. frustrando.. determinando que a empresa requerida restabeleça a título de suplementação de aposentadoria os valores/parâmetros que vinham s endo pagos ao requerente até jun ho do 142 . que preceitua que deverá o juiz julgar antecipadamente o mérito proferindo sentença.. são inquestionáveis o sofrimento e a alteração emocional por que passou o requerente. uma vez que tal relação é classificada como relação de consumo. a temática dos danos morais na teoria da responsabilidade civil. Sidnei Beneti. assim. também. CÓDIGO DE DEFESA DO CONSUMIDOR. transformação.. que se subordina. As regras do Código de Defesa do Consumidor são aplicáveis à relação jurídica existente entre as entidades de previdência privada e os seus participantes (. construção. Por conseguinte. In casu. Com a análise detida do caso . na exata medida da consideração da pessoa em si.. bem como do s ite ns 4. ao menos.b (fl. ou aberta. I. não resta mais dúvida de que "o Código de Defesa do Consumidor é aplicável à relação jurídica entre a entidade de previdência privada e seus participantes" (DJ 5. não se paga a dor. comete ato ilícito. como a extensão dos danos causados. seja porque equiparada a recorrente à instituição financeira. I . Vol.c (¿Quanto seria a diferença devida até a presente data se fosse mantido o valor da complementação de aposentadoria do autor anteriormente à revisão efetuada pelo requerido?¿) . cumpre asseverar que a doutrina e a jurisprudência têm estabelecido parâmetros para o arbitramento do dano moral que devem ser observados quando de sua imposição. em que o aderente não tem qualquer possibilidade de participar da estipulação das cláusulas. que atinjam seus bens vitais. Passo a decidir . individualizando-se aqueles nas lesões às sedes assinaladas. Rel. bem como a vedação à obtenção de lucro fácil pela vítima. a honra e a imagem das pessoas. montagem. o doutrinador Carlos Alberto Bittar. exportação. ainda que inviável uma reparação propriamente dita. § 2º. a realização de atividade securitária. pois. De outro lado. Castro Filho). 3º.05.). ensina que "qualificam-se como morais os danos em razão da esfera da subjetividade. Sobre o julgamento antecipado do mérito. todas as expectativas de segurança que havia depositado na empresa requerida. Publicação: 07/04/08) PREVIDÊNCIA PRIVADA.). (. No caso em tela.c e 3. 567.a . a possibilidade econômico-financeira das partes envolvidas. Castro Fil ho. JULGO PROCEDENTE o pedido do requerente. Em face do exposto. também pode-se enquadrar a entidade de previdência privada no conceito de fornecedor de serviços do art. ou em suas projeções sociais. em que repercute o fato violador. sendo cabível a aplicação dos princípios e reg r as do Código de Defesa do Consumidor para a tutela dos direitos em tela. assim. ainda que exclusivamente moral. portanto. que ¿o legislador constatou a possibilidade de o prosseguimento do feito ser desnecessário. p. a vulnerabilidade econômica é um traço do consumidor. uma vez que todos os elementos necessários para que se proceda à apreciação do objeto do processo já se encontram nos autos.. Publicação : 01 /0 7 / 04) Entendo que ao presente processo cabe o julgamento antecipado da lide d e acordo com o que preceitua o inciso I do artigo 330 do Código de Processo Civil. a ponto de não se prestar ao caráter punitivo e compensatório que deve ter tal reparação.. Aquele que. ou. havendo-se.. seja porque existe inegável relação de consumo na atividade das entidades de previdência privada¿ (Recurso Especial Nº. no caso em exame. pois. Revista dos Tribunais. quando acessível a qualquer interessado) presta o serviço mencionado no art. restaurar o equilíbrio anterior das coisas. Localiza-se. Nesta senda. Ed. Rel. ou. agravadas pela necessidade de sua tradução em termos monetários. as alegações do requerente no que tange à ilegalidade da redução da suplementação de sua aposentadoria efetuado s pela empresa requerida em sua complementação de aposentadoria .. a irregular redução da suplementação de aposentadoria que recebia ocasionou-lhe. o aludido instituto tem como pressupostos básicos três elementos fundamentais.a e 7. APLICABILIDADE (. ao contrário do que alega a empresa requerida. no momento em que direitos fundamentais. pois. 3° Fornecedor é toda pessoa física ou jurídica. os requisitos necessários à configuração do seu dever de compensar-lhe moralmente estão devidamente caracterizados. como tais aqueles que atingem os aspectos mais íntimos da personalidade humana (o da intimidade e da consideração pessoal).) Art. aquele diploma nos termos da Súmula 297¿STJ. Min. 361). 567.. Min. sem dúvida. por ação ou omissão voluntária.97 (cento e sessenta e três mil. quinhentos e trinta r eais e noventa e sete centavos). sendo de direito e de fato. confirmando. do Código de Processo Civil¿.765/ SP. o caráter pedagógico da condenação. 3º. apreciando o pedido do autor o acolher ou rejeitar. 5º. com base no inciso I do artigo 269 do Código de Processo Civil. 193) e 7..Terça-Feira. deverá o juiz proferir sentença definitiva.

247. TOTAL OU PARCIALMENTE. a ser apurado em sede de liquidação de sentença . O JUIZ PODERÁ. que depois de lido e achado conforme. § 2º. 10 de setembro de 2010. para fins de determinar que seja retirada a restrição cadastral no nome do Autor realizada pela empresa Requerida junto ao SERASA. AUTORIZAR OU VEDAR A PRÁTICA DE DETERMINADOS ATOS. SENDO CITADO. Passo a decidir. do Provimento 006/2006-CJRMB. sob pena de multa diária de R$1. Diretora de Secretaria da 5ª Vara Cível PROCESSO: 00245244020108140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 10/09/2010 RÉU: AYMORE CREDITO.1. E para constar. FINANCIAMENTO E INVESTIMENTO S/A AUTOR: JOAO CORREA RODRIGUES AUTOR: LIDER SUPERMERCADOS E MAGAZINE LTDA ADVOGADO FABRIZIO BORDALLO ADVOGADO MOISES DE OLIVEIRA WANGHON RÉU: LLJ REPRESENTACOES E SERVICOS LTDA. p.. onde se encontravam presentes: MM (a) JUIZ (a) DE DIREITO: Dr. os autores pleitearam antecipação dos efeitos da tutela com a finalidade de retirar o nome do autor do SERASA. na sala de audiências da 5ª Vara Cível da Comarca da Capital. ficando ciente de que não sendo contestada. OU (INCLUÍDO PELA LEI Nº 8. SEM OUVIR O RÉU. Roseli Couto. RECÁLCULO DO VALOR DO SALDO DEVEDOR. Em cumprimento ao disposto no art.1973) É a fundamentação. DE 13. o qual possibilita ao magistrado que solicite caução ao Requerente para fins de conceder a liminar pleiteada em sede de ação cautelar se vislumbrar que tal decisão possa gera lesão grave e de difícil reparação a parte contrária. 10 de setembro de 2008 . no prazo de lei. o art. com base nos seguintes precedentes: RESP Nº. 1º.. alegando que tal dívida já foi quitada).) com um sistema jurídico cuja natureza formalista é inadequada à dinâmica da sociedade à qual se relaciona (.000.. DE 1º. 726. ficam intimadas as partes a apresentarem manifestação sobre a planilha de cálculo juntada às fls. como verdadeiros. ADVOGADA: ALINE SALDANHA RODRIGUES DANIEL. senão vejamos: ART. apregoadas as partes. REQUERENTE: LIDER SUPERMERCADOS E MAGAZINE LTDA. Quanto à correção monetária. OAB/ PA 15770-B.000. às 12h00min. 1º.12. DESDE QUE. ANTECIPAR. nos termos do artigo 475-A do Código de Processo Civil. TERMO DE AUDIÊNCIA DE CONCILIAÇÃO (ART. compareceram a parte autora representado por seu preposto. 2000. determino a incidência da regra da Súmula 362 do Superior Tribunal de Justiça (¿A correção monetária do valor da indenização do dano moral incide desde a data do arbitramento¿). lavrei o presente Termo. adiante nomeado. Em cumprimento ao disposto no art. Fábio. 277. 34/40 dos autos. Belém-PA. REQUERIDO (A): NILSON ALBERTO LOPES DA SILVA. JOÃO CORREA RODRIGUES e LÍDER SUPERMERCADOS E MAGAZINE LTDA. PARA EVITAR O DANO. os fatos articulados pela parte autora na petição inicial. 36). o fato de o valor cobrado pela requerida ultrapassar o valor médio do serviço de montagem. o autor carreou aos autos o comprovante de sua inscrição no SERASA. Tutela Antecipada. no prazo de 05 (cinco) dias. Além disso.Edição nº 4651/2010 . ART. faço vistas à parte autora para que apresente manifestação sobre a carta precatória juntada às fls. I. nos moldes como pleiteado na exordial. 117/123) Os autos vieram-me conclusos.HAJA FUNDADO RECEIO DE DANO IRREPARÁVEL OU DE DIFÍCIL REPARAÇÃO. Quanto aos juros moratórios. SE CONVENÇA DA VEROSSIMILHANÇA DA ALEGAÇÃO E: (REDAÇÃO DADA PELA LEI Nº 8. Defiro a gratuidade processual por amparo legal. DELIBERAÇÃO EM AUDIÊNCIA: Considerando que o mandado de citação/intimação até o presente momento não foi devolvido para a secretaria. Pelo princípio da sucumbência. CONSIGNAÇÃO EM PAGAMENTO COM PEDIDO DE TUTELA ANTECIPADA contra AYMORÉ FINANCIAMENTOS e LLJ REPRESENTAÇÕES E SERVIÇOS LTDA. INTIME-SE. I) determino que o Sr.. ORDENAR A GUARDA JUDICIAL DE PESSOAS E DEPÓSITO DE BENS E IMPOR A PRESTAÇÃO DE CAUÇÃO. condeno ainda a requerida no pagamento de custas e despesas processuais e honorários advocatícios no montante de R$ 2.00 (dez mil reais). visto que não pôde mais realizar negócios jurídicos através da obtenção de créditos).060-6 AÇÃO DE COBRANÇA DE PROCEDIMENTO SUMÁRIO Aos 10 dias do mês de setembro de 2010. a antecipação de tutela ?traz em seu bojo pragmático uma noção mais social de combatividade a uma situação de declarada injustiça. 14 de Setembro de 2010 ano de 1999 . vai devidamente assinado. 273. podendo ser real ou fidejussória. oficie-se ao órgão de proteção ao crédito da decisão ora prolatada. 273.12. qual seja.952. a revelar a verossimilhança das alegações.00 (dois mil reais) ao patrono do requerente. PODERÁ O JUIZ. Belém-PA.00 (um mil reais) para o caso de inadimplemento. 143 . do CPC permite ao juízo que defira tutela antecipada. TERMO DE AUDIÊNCIA DE CONCILIAÇÃO (ART. EXISTINDO PROVA INEQUÍVOCA. a de prolongamento da relação processual pelo uso da combinação de uma situação de vantagem econômica (. É LÍCITO AO JUIZ CONCEDER LIMINARMENTE OU APÓS JUSTIFICAÇÃO PRÉVIA A MEDIDA CAUTELAR.952. Apontou como dano irreparável ou de difícil reparação o abalo de crédito sofrido em virtude de sua inscrição no SERASA. VERA ARAÚJO DE SOUZA Juíza de Direito Titular da 5ª Vara Cível da Capital PROCESSO: 00174129820108140301 Ação: Procedimento Sumário em: 10/09/2010 AUTOR: LIDER SUPERMERCADOS E MAGAZINE LTDA ADVOGADO ISIS KRISHINA REZENDE SADECK RÉU: NILSON ALBERTO LOPES DA SILVA. CASO EM QUE PODERÁ DETERMINAR QUE O REQUERENTE PRESTE CAUÇÃO REAL OU FIDEJUSSÓRIA DE RESSARCIR OS DANOS QUE O REQUERIDO POSSA VIR A SOFRER. PODERÁ TORNÁ-LA INEFICAZ.1994) Para COSTA (COSTA.10. considerando presentes a prova inequívoca (o fato de que a cobrança que gerou a inscrição no SERASA seria indevida. 799 c/c 804. Passo a fundamentar. São Paulo: Juarez de Oliveira. RESP Nº. A REQUERIMENTO DA PARTE.1994) I . Condeno também a empresa requerida no pagamento de indenização a título de danos morais no montante de R$ 10 . RESP Nº. do Provimento 006/2006-CJRMB. Belém. 10 de setembro de 2010. senão vejamos: ART. (Fls. CUMPRA-SE. para fins de evitar dano irreparável e difícil reparação à parte. QUANDO VERIFICAR QUE ESTE. 20/113) Determinada a emenda à inicial.Terça-Feira. (Fls. Isso posto.R. 03/19. Oficial de Justiça justifique se realizou ou não o ato citatório e o porquê não entregou o mandado junto a secretaria desta Vara. Aberta a audiência. 287/296 dos autos. neste ato representada por seu preposto ABEL PEREIRA KAHWAGE. para que. Vistos e etc. servindo esta decisão como mandado (Provimento nº. 003/2009 ? CGJRMB/TJE/PA). P.382/RJ.º 2010. CITE-SE O (A) REQUERIDO (A) no endereço informado na exordial ou onde for encontrado (a). bem como que efetue a restituição dos valo res irregularmente descontados com atualização monetária prevista nos índices legais e contratuais. sendo aplicada à orientação daquela Corte no sentido de que. inaplicável a Súmula 54 do Superior Tribunal de Justiça. 799. 804.TJ/PA . (REDAÇÃO DADA PELA LEI Nº 5.939/RJ. VERA ARAÚJO DE SOUZA Juíza de Direito da 5ª Vara Cível da Capital PROCESSO: 00139314019968140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 10/09/2010 AUTOR: CARLOS ANDRE CORREA DE MATTOS ADVOGADO MARCIO GUILHON ADVOGADO: JOSE RAIMUNDO FARIAS CANTO ADVOGADO: MARCIO MARQUES GUILHON ADVOGADO: MARCUS ALEXANDRE FONTEL DE OLIVEIRA RÉU: MARKO ENGENHARIA E COM. apresente contestação. OS EFEITOS DA TUTELA PRETENDIDA NO PEDIDO INICIAL. inciso VI. ajuizaram AÇÃO DE ANULAÇÃO DE CLÁUSULAS CONTRATUAIS. ambos do CPC. § 2º. Indicou como prova inequívoca. Juntou documentos às fls.I. INDENIZAÇÃO POR DANO MORAL. Na petição inicial. CONCEDO A TUTELA ANTECIPADA. Comigo Secretário de Audiência de seu cargo. inciso I. no prazo de 05 (cinco) dias. no prazo de 72 (setenta e duas) horas. Após a comprovação da caução prestada pelo Requerente. havendo responsabilidade contratual. Diretora de Secretaria da 5ª Vara Cível PROCESSO: 00529043020098140301 Ação: Busca e Apreensão em Alienação Fiduciária em: 10/09/2010 RÉU: ANTONIA DOMINGAS LUZ DE MENDONCA AUTOR: BANCO FINASA S/A ADVOGADO ADIB ALEXANDRE PENEIRAS. 10 de setembro de 2010.. Intime-se a parte Autora para que preste caução no valor da dívida objeto da controvérsia. utilizo analogicamente o disposto no art. II) designo a audiência para o dia 21 de janeiro de 2011. por não se tratar de responsabilidade extracontratual. O Requerente provou serem relevantes os seus fundamentos. ALEXANDRE JOSÉ CHAVES TRINDADE. presumir-se-ão aceitos pela parte ré. querendo.266/SP e RESP Nº. para que realize o cancelamento da inscrição descrita acima. IMOBILIARIO LTDA ADVOGADO THEO SALES REDIG.) à satisfação de quem tem razão na lide?. Além disso. portador do RG nº 4354003 SEGUP/PA. bem como o fato de que o prosseguimento da inscrição no SERASA poderia lhe causar grave dano de difícil ou incerta reparação.DIÁRIO DA JUSTIÇA . Belém/PA. Desse modo. Roseli Couto. DE 13. PROCESSO: 00187205720108140301 Ação: Procedimento Sumário em: 10/09/2010 AUTOR: LIDER SUPERMERCADOS E MAGAZINE LTDA ADVOGADO ISIS KRISHINA REZENDE SADECK RÉU: MARIA EMILIA SIMOES NOGUEIRA. todos qualificados nos autos. CPC) Processo n. e o risco de dano irreparável ou de difícil reparação (o prejuízo em relação às suas finanças. os juros moratórios correm a partir da citação . 327.376/RJ.026. da referida ação. NO CASO DO ARTIGO ANTERIOR. 131.000. É o relatório.925. verifica-se ser cabível a concessão da antecipação de tutela.

462/ES (Publicação: 04/02/02 ). por fim. podendo posteriormente. Assim. no perímetro compreendido entre a Avenida José Bonifácio e Avenida Almirante Barroso (em frente ao Hotel Sagres). 246). argumentando. " (TJ/RS.TJ/PA . bem como considerando o teor do que dispõe o inciso I do artigo 330 do Código de Processo Civil "(O juiz conhecerá diretamente do pedido. estando os referidos valores inclusos no montante da dívida. OAB/ PA 15770-B. Não havendo mais preliminares. 128/137 dos autos. Juiz de Direito. Agravo Nº 70030235410. causar dano a outrem. P. REsp Nº. necessitando de 02 (duas) intervenções cirúrgicas e vários meses de tratamento. Presentes..Terça-Feira. que depois de lido e achado conforme. imperiosa a constatação de que a 2ª requerida é responsável solidário e. o presente acordo de vontade firmado no presente ato processual. passo à análise do mérito da causa. 120 dos autos. 204/208 dos autos. a improcedência do pedido. por fim. Relatou que foi conduzida até o Hospital Adventista de Belém para os primeiros atendimentos. compromete-se a pagar em 10(dez) parcelas iguais e sucessivas de R$206. O 1º requerido atravessou petição às fls. Em sede de contestação (fls. Aberta a audiência. 33. pois por sua própria natureza.055/RJ (Publicação: 05/09/94). Tais riscos necessariamente devem ser absorvidos pela própria empresa.DIÁRIO DA JUSTIÇA . o 1º requerido atravessou peça contestatória às fls. 927. TIPO A COM MÉRITO Vistos. conduzidos por pessoas cuja habilidade para dirigir é apenas presumida pelo fato de possuírem carteira de habilitação. ainda na época em que tais questões chegavam até aquele tribunal superior. 492/STF. Em seguida o MM Juiz passou a prolatar a sentença: ¿Vistos. ALEXANDRE JOSÉ CHAVES TRINDADE. no sentido dos veículos. ADVOGADA: ALINE SALDANHA RODRIGUES DANIEL.143/ PR (Publicação: 21/02/00) e REsp Nº. proferindo sentença: I quando a questão de mérito for unicamente de direito.060. senão vejamos: INDENIZAÇÃO. diante do teor da cláusula geral de responsabilidade prevista no artigo 927 do Código Civil. João Otávio de Noronha. frente aos quais deve se precaver com a celebração de seguro. nos termos do artigo 269. MATERIAIS E ESTÉTICOS em face de WAGNER AUGUSTO VIEIRA ARAGÃO. também qualificados nos autos. LOCADORA DE VEÍCULOS. a ilegitimidade passiva para figurar como parte na presente ação. sinistro este ocorrido na Avenida Governador José Malcher. na sala de audiências da 5ª Vara Cível da Comarca da Capital. Sobre o julgamento antecipado do mérito. por ocasião do fato relatado. "a empresa locadora de veículos responde. Lumen Júris. Dr. informou à requerente em suma síntese que. Em réplica à peça contestatória apresentada pelo 1º requerido (fls." e ainda considerando presentes as condições da ação e os pressupostos processuais. juntando documentos às fls. Juntou provas do alegado às fls. doravante denominado de 1º requerido e LOCALIZA RENT A CAR. Em caso de inadimplemento em qualquer uma das parcelas será aplicada multa de 10%(dez) por cento do valor total do débito. requerendo. sendo de direito e de fato.REPUBLICAÇÃO PROCESSO: 00167745820048140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 24/06/2010 AUTOR: EDILENA DO AMARAL COSTA ADVOGADO MARIA TEREZA SOEIRO FONSECA RÉU: LOCALIZA RENT A CAR ADVOGADO GUSTAVO FREIRE DA FONSECA ADVOGADO CARLOS ROBERTO SIQUEIRA CASTRO RÉU: WAGNER AUGUSTO VIEIRA ARAGAO ADVOGADO VANDERLEI JOSE VIANNA . Efetivamente citado. pelos danos por este causados a terceiro. 164/169 dos autos. doravante denominada de 2ª requerida. Por não ter sido encontrado para efetiva citação (fl. ou. arguiu em síntese.Aplicação da Súmula n. Com o novo Código Civil." " " Assim sendo. Ed. o curador de ausentes. no uso do carro locado. sendo. 182/193. bem como a ilegalidade da Súmula 492 do STF e. por sentença. tal crítica não mais merece prosperar. 14 de Setembro de 2010 277. a inexistência de culpa. "1. para que produza seus efeitos legais e jurídicos. 150/163). juntou contestação por negativa geral às fls. Juntou documentos às fls. passo a analisá-la. Extingo o processo com resolução de mérito. nesta cidade. uma vez que. 302. 15/39. com vistas a retirada do nome da requerida de seus cadastros no prazo máximo de até 72(setenta e duas horas). pois. Juntou documentos às fls. nos termos da aludida súmula e de reiterada jurisprudência desta pátria. Rel. Os benefícios da justiça gratuita foram concedidos à requerente nos autos à fl. por fim. 202/203 e a 2ª requerida às fls. nos termos da Súmula 492 do STF e da jurisprudência pacífica deste Tribunal. dando-se baixa na distribuição como sentença tipo A com mérito. houve críticas ao seu teor. Passo a fundamentar. Homologo a renuncia ao prazo recursal diante da manifestação das partes. portanto. E para constar. quando foi arremessada ao chão. mesmo tendo locado o veículo para o 1º requerido. 194/200 dos autos.027892-2 AÇÃO DE COBRANÇA DE PROCEDIMENTO SUMÁRIO Aos 10 dias do mês de setembro de 2010. o qual se envolveu em acidente de trânsito. 115/116. vindo a sofrer fratura grave no pulso esquerdo. Aquele que. se o desejar.1. requerendo. pelos danos advindos do abalroamento. materiais e estéticos. 10 de setembro de 2010. restando inviável a possibilidade de conciliação. vencendo-se a primeira no dia 10/10/2010 e as demais de 30 (trinta) em 30 (trinta) dias. Rel. 138/140. agir regressivamente contra o condutor do veículo (1º requerido) causador dos danos. a improcedência do pedido. 64/78. permanece solidariamente responsável pelos danos causados pelo locatário no uso daquele bem móvel. preliminarmente. EDILENA DO AMARAL DA COSTA. por ato ilícito (arts. 186 e 187). 143/144). alegou a 2ª requerida. RESPONSABILIDADE SOLIDÁRIA DA LOCADORA DE VÉICULOS. implica ela risco para os direitos de outrem. porém. É o relatório. a culpa exclusiva da vítima pelo sinistro ocorrido ou culpa concorrente pelo acidente em questão. Na época em que foi editada tal súmula. Após o pagamento da primeira parcela ¿ dia 10/10/2010 a autora se compromete a informar os órgãos de proteção ao crédito quanto ao pagamento efetuado. desde que o Supremo Tribunal Federal. vai devidamente assinado. 41/63). A Audiência de Instrução e Julgamento foi realizada em 08/02/2010 (fl. Publicação: 18/05/09) "" Com o mesmo entendimento ora exposto. ACIDENTE DETRÂNSITO. assim vazado: "Art. às 10h30min. LEGITIMIDADE PASSIVA. Arquive-se.Edição nº 4651/2010 . sem advogado. Havendo questão preliminar. 121). responde solidariamente com o condutor (locatário). adiante nomeado. " (AgRg no REsp 1050663/MG. A 2ª requerida interpôs Agravo Retido às fls. Apresentou também réplica à peça contestatória interposta pela 2ª requerida às fls. RESENHA: 28/06/2010 A 28/06/2010 . A requerida se compromete a efetuar a juntada de procuração no prazo de 05 (cinco) dias. já devidamente qualificada nos autos. As partes resolveram conciliar o que fizeram nos seguintes termos: ¿A requerida reconhece a dívida no montante de R$2. SÚMULA N. parte legítima nesse processo. segundo o entendimento consolidado na Súmula 492 do Supremo Tribunal Federal. onde se encontravam presentes: MM (a) JUIZ (a) DE DIREITO: Dr. uma vez que todos os elementos necessários para que se proceda à apreciação do objeto do processo já se encontram nos autos. REQUERENTE: LIDER SUPERMERCADOS E MAGAZINE LTDA. À fl. bem como a condenação dos requeridos em danos morais. I. senão vejamos: RESPONSABILIDADE CIVIL EM ACIDENTE DE TRÂNSITO. 03/14). a empresa em questão. sendo surpreendida com a abertura da porta do veículo de propriedade da 2ª requerida que estava estacionado. 171/181 dos autos. A responsabilidade solidária da locadora do veículo se encontra há várias décadas consolidada em nossa jurisprudência. Umberto Guaspari Sudbrack. no mérito. uma vez que não haveria base legal explícita para tal entendimento. ALEXANDRE JOSÉ CHAVES TRINDADE. estando como condutor do veículo. compareceram a parte autora e o requerido. Des. editou o enunciado da súmula supramencionada. Publicação: 04/06/09) "" Não é outro o entendimento do Superior Tribunal de Justiça. REQUERIDO (A): MARIA EMÍLIA SIMÕES NOGUEIRA Comigo Secretário de Audiência de seu cargo. apregoadas as partes." "" Não há dúvidas de que a atividade da locadora de veículos insere-se em tal previsão. 40. vencendo-se antecipadamente o restante do débito¿. por conseguinte. etc. a requerente reiterou as teses da exordial. o 1º requerido. através da Defensoria Pública Estadual. etc. ensina do doutrinador Alexandre Freitas Câmara " " "(Lições de Direito Processual Civil. Com relação à preliminar de ilegitimidade passiva argüida pela 2ª requerida. 105). há sempre o risco no sentido de que eventualmente venham a ocorrer acidentes com seus veículos. Na exordial (fls. Isso porque sua atividade resulta em colocar veículos automotores em circulação. Min. colaciono os seguintes precedentes jurisprudenciais: REsp Nº. 361). 90.R. Vol. III do CPC.SECRETARIA DA 5ª VARA CIVEL DE BELEM.I. Empresa locadora de veículos responde solidariamente por danoscausados a terceiros por locatário no uso de automóvel locado. REsp 302462/ES (Publicação: 15/10/01). 492/STF.¿. A Audiência Preliminar de Conciliação foi realizada em 09/07/09 (fls. civil e solidariamente com o locatário. " A locadora de veículo. portador do RG nº 4354003 SEGUP/PA. Os honorários advocatícios e as custas processuais por conta da demandada.00 (dois mil e sessenta reais). pág. os benefícios da justiça gratuita. Belém. juntando documentos às fls.00(duzentos e seis reais) cada. fica obrigado a repará-lo. . qualquer das hipóteses arroladas no artigo 144 . CPC) Processo n. sinteticamente. propôs AÇÃO DE RESPONSABILIDADE CIVIL C/C DANOS MORAIS. neste ato representada por seu preposto ABEL PEREIRA KAHWAGE." que "o legislador constatou a possibilidade de o prosseguimento do feito ser desnecessário. Requereu.º 2010. não houver necessidade de produzir prova em audiência). tenho por bem indeferi-la. por volta das 13 horas do dia 14/09/03 sofreu acidente automobilístico. Homologo. lavrei o presente Termo. a 2ª requerida informou o endereço do 1º requerido e foi deferida a expedição do mandado de citação (fl.

." Desta forma. 70010604593. 41). do Código de Processo Civil. proporcionalmente ao grau de culpa. pág. como lesão provocada ao patrimônio ou à honra da vítima. na exata medida da consideração da pessoa em si. bem como as razões determinantes da decisão. ou causar dano a outrem.. na fixação da indenização a esse título. CERCEAMENTO DE DEFESA. é a ocorrência de efetiva e permanente transformação física na vítima. é o entendimento jurisprudencial em nosso país: RESPONSABILIDADE CIVIL. Cumpre neste momento esclarecer que danos estéticos são aqueles que determinam uma transformação na pessoa. 241.). apoiada no disposto no artigo 269. sentença que seja capaz de pôr termo ao processo com resolução do mérito. Des. ainda. agravadas pela necessidade de sua tradução em termos monetários. O Superior Tribunal de Justiça tem entendimento firmado no sentido de que ""quanto ao dano moral. evitando nova conduta ilícita. decorre o dever de indenizar os danos sofridos pela parte demandante (. reduzir seu sofrimento.). isto é. restaurar o equilíbrio anterior das coisas. "A tutela jurisdicional deve ser prestada de modo a conter todos os elementos que possibilitem a compreensão da controvérsia. Dálvio Leite Dias Teixeira.). VALOR PROBANTE. PUBLICAÇÃO: 15/09/97) JULGAMENTO ANTECIPADO DA LIDE.são invioláveis a intimidade." " " (TJ/RS. DANOS MORAIS. a reprovabilidade da conduta ilícita praticada e por fim. PUBLICAÇÃO: 04/12/91) Nesse sentido." Discorrendo sobre o tema. Malheiros). ou. a reparabilidade do dano deve servir também como um desestímulo ao lesante. conforme ensinamentos doutrinários e com respaldo jurisprudencial sobre o tema conforme demonstrado alhures. assim. Data do Julgamento:23/06/05). materiais e estéticos advindos do sinistro automobilístico sofrido quando trafegava de bicicleta em uma das ruas de nossa cidade. entendo adequada a aplicação da Teoria da Indenização Punitiva. ou do plano valorativo da pessoa na sociedade.). ao contrário do que alegam os requeridos.TJ/PA . Nesse sentido. decorrente da redução da sua capacidade laborativa a atriz não mais pode exercer sua profissão -.. " "X . a culpa. por exemplo. que deve formá-lo com base em qualquer dos meios de prova admitidos em direito material. Ed. "in verbis:" "Art. " "(Programa de Responsabilidade Civil. 145 . atento à realidade da vida e às peculiaridades de cada caso. dano moral vexame. deverá o juiz proferir sentença definitiva. (. um desequilíbrio entre o passado e o presente.. 6ª Ed. Rel.." (RESP Nº.. " é inquestionável o abalo a moral da requerente.). " (RESP Nº.. Apelação Cível Nº. 186. não restam dúvidas que tais acontecimentos impuseram à requerente sofrimento muito superior àquele naturalmente decorrente de seu estado de debilidade pós-acidente. Nas indenizações por danos morais. " Assim. o sofrimento. que atinjam seus bens vitais. ou seja. sim. SÁLVIO DE FIGUEIREDO TEIXEIRA. No que pertine ao dano moral. Aliado a estes critérios de julgamento. Trata-se de Ação de Responsabilidade Civil c/c Danos Morais.. contra Wagner Augusto Vieira Aragão e Localiza Rent a Car. noutra senda. Localiza-se. INOCORRÊNCIA DE CERCEAMENTO DE DEFESA. É este o entendimento jurisprudencial do Superior Tribunal de justiça. individualizando-se aqueles nas lesões às sedes assinaladas. São.). "A condição sine qua non à caracterização do dano estético. " (TA/MG. os requisitos necessários à configuração do dever de compensar-lhe moralmente estão devidamente caracterizados. que o ressarcimento do dano não se transforme em ganho desmesurado importando em enriquecimento ilícito.. ao constatar que o acervo documental acostado aos autos possui suficiente força probante para nortear e instruir seu entendimento. (. Trata-se. GRIFO NOSSO. ou em suas projeções sociais. ainda.. deve o seu valor ser fixado prudentemente pelo julgador. quais sejam. uma vez que estando presentes os elementos probatórios necessários à solução da lide. o dano.. 5º. humilhação. causando desagrado e repulsa. a legislação não estabeleceu critérios para a fixação do "quantum" devido. receber quantia que lhe compense a dor e a humilhação sofrida. pertencente ao foro íntimo. com razoabilidade. Sua fixação deve observar a capacidade econômica do causador do dano. Provado o fato. havendo-se. de forma que só o fato lesivo intencional ou imputável ao agente por omissão de dever autoriza a reparação.. a vida privada. manequim ou ator (. I.. Aquele que. buscando. a capacidade econômica do ofensor. ser fonte de enriquecimento nem ser estabelecida em caráter inexpressivo. Não se pode desconsiderar. há que se levar em conta o princípio da proporcionalidade. a vida. VICENTE LEAL.DIÁRIO DA JUSTIÇA . negligência ou imprudência.). 132039/PE. deve-se. " devendo a vítima de lesão a esse direito de natureza não patrimonial. "1. pois esta constitui um patrimônio subjetivo seu que tem valor moral e econômico.. tal prestação pecuniária vem somente a suavizar a lesão provocada à dignidade da vítima. " ( AGRAVO REGIMENTAL NO AGRAVO DE INSTRUMENTO Nº. (. por ação ou omissão voluntária. REL.). a temática dos danos morais na teoria da responsabilidade civil.Edição nº 4651/2010 . Juiz Rel. Data da Publicação: 07/08/00) "In casu. Um é de ordem puramente psíquica. decorrendo este dever de indenizar do preceito insculpido no artigo 186 do Código Civil c/c com a norma elevada à categoria de garantia constitucional. como. O primeiro é objetivo. visível.. O magistrado tem o poderdever de julgar antecipadamente a lide. Segundo tal teoria.Terça-Feira. No tocante ao valor arbitrado a título de indenização por danos morais. apreciando o pedido do autor para o acolher ou rejeitar. recomendandose que.. impõe-se a condenação " "(RESP Nº. não há que se falar em prova. (. correspondendo o primeiro a uma alteração morfológica de formação corporal que agride à visão. pois. Da ofensa ao bem jurídico de maior importância. Rel.764-MG. a exeqüibilidade do encargo pelo agente responsável. relegando tal atribuição apenas ao prudente arbítrio do juiz da causa.. porém. MIN. 14. e o nexo de causalidade entre o dano e o efetivo comportamento censurável do agente. Revista dos Tribunais. deve-se sempre buscar no bom senso e na razoabilidade esteios para o arbitramento desta medida. ensina que ""qualificam-se como morais os danos em razão da esfera da subjetividade. "Danos morais. outro é visível. Ed. o julgamento antecipado caracteriza-se como poder-dever. ao porte econômico da ré.. oriundas da natural dificuldade de avaliação da extensão do dano.469/RJ).. cicatriz no rosto da atriz. o julgamento antecipado não ofende os princípios constitucionalmente garantidos. aos poucos. orientando-se o juiz pelos critérios sugeridos pela doutrina e pela jurisprudência. tendo-se assim que as provas carreadas aos autos são necessárias e suficientes para o julgamento da questão ora posta em juízo.. o doutrinador Carlos Alberto Bittar. PRINCÍPIO DO LIVRE CONVENCIMENTO DO JUIZ. são consabidas as dificuldades relativas à sua liquidação. ao nível sócioeconômico da parte autora e. em que repercute o fato violador. desde que o magistrado considere as provas acostadas aos autos suficientes ao esclarecimento dos fatos argüidos pelas partes. a honra e a imagem das pessoas. são inquestionáveis o sofrimento e a alteração emocional por que passou após o sinistro relatado nos autos. Prevaleceu na Corte Superior de Justiça o entendimento de que o dano estético é algo distinto do dano moral. sentimentos íntimos que o ensejam. Na verdade. violar direito. " Sobre o assunto. Min. (. valendo-se de sua experiência e do bom senso. inocorre cerceamento de defesa se julgada antecipadamente a controvérsia. constante do inciso X do artigo 5º da Carta Magna. Inexistindo um parâmetro objetivo na fixação do quantum da reparação por dano moral. porque concretizado na deformidade. senão vejamos: ACIDENTE DE TRÂNSITO. MIN.). ainda que inviável uma reparação propriamente dita. superando o patamar dos meros aborrecimentos e dissabores.. o Colendo Superior Tribunal de Justiça também já se manifestou: JULGAMENTO ANTECIPADO DA LIDE. ao menos. de forma que não caracterize o enriquecimento sem causa do ofendido. não tendo mais aquela aparência que tinha. REL. ensina o doutrinador de "Sérgio Cavalieri Filho" .. não se paga a dor. Sálvio Teixeira. passou-se a admitir o dano estético também nos casos de marcas e outros defeitos físicos que causem à vítima desgosto ou complexo de inferioridade como.. a mesma aparência que tinha. que "inicialmente ligado às deformidades físicas que provocam aleijão e repugnância. O aleijão ou deformidade pode acarretar para a vítima dano patrimonial. 575. Em que pese a indenização por dano moral ter caráter precipuamente compensatório no Brasil. como tais aqueles que atingem os aspectos mais íntimos da personalidade humana (o da intimidade e da consideração pessoal).. a posição social do ofendido e a extensão e efeitos do prejuízo causado. mas também que não seja aviltante.952/DF. desprezando a realização de audiência para a produção de prova testemunhal. pois. LAUDO PERICIAL. hipótese em que não há se falar em cerceamento de defesa pelo julgamento antecipado da lide. uma modificação para pior. visando à compensação por danos morais. Com efeito. Data da Publicação: 09/08/00) Sobre o tema. pois. não devendo tal indenização.)"" " (Reparação Civil por Danos Morais. reações na personalidade do lesado a agressões ou a estímulos negativos recebidos do meio ambiente através da ação de terceiros. sendo que. Apelação Cível Nº. assegurado o direito de indenização pelo dano material ou moral decorrente de sua violação..).. e o segundo ao sofrimento mental (. Materiais e Estéticos ajuizada por Edilena do Amaral da Costa. impossível a tarifação pecuniária desse sentimento íntimo. o arbitramento seja feito com moderação. ACIDENTE DE TRÂNSITO (." "Art. comprovar o fato que gerou a dor. já não tendo. no fundo.717-0. o aludido instituto tem como pressupostos básicos três elementos fundamentais.). INEXISTÊNCIA. Constantes dos autos elementos de prova documental suficientes para formar o convencimento do julgado. 14 de Setembro de 2010 330. 248. comete ato ilícito. ou o da própria valoração da pessoa no meio em que vive e atua (o da reputação ou da consideração social). de caso de extinção do processo com resolução do mérito. hoje. o dano estético e o moral são distintos e cumuláveis. como limites ao livre convencimento do juiz.). Lauro Bracarense. DANOS ESTÉTICOS (. "IV O valor da indenização por dano moral se sujeita ao controle do Superior Tribunal de Justiça. (. portanto. senão vejamos: DIREITO CIVIL E PROCESSUAL CIVIL (. (. sendo que. ainda que exclusivamente moral.

24 de junho de 2010." P.400.400. por se tratar de responsabilidade extracontratual. a cada uma das partes o ônus de fornecer os elementos de prova das alegações de fato que fizer. RESP Nº." a parte requerente efetivou a juntada de recibos comprobatórios de gastos suportados com o pagamento de táxi (fls. 49. ACIDENTE DE TRABALHO. sem adotar as cautelas concernentes à direção defensiva conforme preceitua o artigo 28 do Código de Trânsito Brasileiro "(O condutor deverá. 33. a deformidade estética em si. Rel. encargos. tem-se que a requerente provocou a jurisdição baseada em alegações desprovidas de adequação jurídica. ensinando que "tal ônus é o encargo atribuído à parte e jamais uma obrigação. afinal é a maior interessada no seu reconhecimento e acolhimento" ". para o atingimento de uma justa quantificação da verba indenizatória. No caso em análise. 333. tenho que resta plenamente configurada a obrigação de indenizar a requerente pelo sinistro relatado nos autos.Terça-Feira. a verba indenizatória deve corresponder ao efetivo prejuízo suportado pela vítima. 03/14) para demonstrar o dano estético alegado. João Otávio de Noronha.00 (cinco mil reais). Na demanda em análise ". " com tais razões de decidir. 26. 27 e 28). ainda que decorrentes do mesmo fato.)." É a fundamentação. que no caso ora em análise. assegurado o direito autônomo do advogado à execução do saldo sem excluir a legitimidade da própria parte). considerando os benefícios da justiça gratuita concedida nos autos à fl. Danos materiais: no montante de R$ 1. No que pertine à indenização requerida a título de danos materiais. JULGO PARCIALMENTE PROCEDENTE o pedido . o dano estético. determino a incidência da regra da Súmula 362 do Superior Tribunal de Justiça "(A correção monetária do valor da indenização do dano moral incide desde a data do arbitramento). a requerente não se desincumbiu do ônus de provar os fatos constitutivos do seu direito.. aplicável a Súmula 54 do Superior Tribunal de Justiça "(Os juros moratórios fluem a partir do evento danoso. modificativo ou extintivo do direito do autor. a requerente não cumpriu o ônus processual que lhe era cabível. emcaso de responsabilidade extracontratual). " "A parte que alega deve buscar os meios necessários para convencer o juiz da veracidade do fato deduzido com base da sua pretensão/exceção. Jus Podivm. Compete. uma vez que o documento citado não possui homologação judicial da transação efetuada para que possa refletir os efeitos legais almejados pelos requeridos. pois tal montante há de equivaler ao efetivo prejuízo causado. CABIMENTO (. o processualista Fredie Didier Júnior "(Curso de Direito Processual Civil. Em outras palavras. ao passo que o segundo é de caráter subjetivo. modificativo ou extintivo do direito da requerente (inciso II do artigo 333 do Código de Processo Civil). 14 de Setembro de 2010 decorre da alteração corporal sofrida pela vítima.00 (um mil e quatrocentos reais). 38 e 39 dos autos. Passo a decidir . DANO MORAL. uma vez que desobedeceu ao que preceitua o inciso I do artigo 333 do Código de Processo Civil. sendo. " GRIFO NOSSO. senão vejamos: "Art. deixá-la aberta ou descer do veículo sem antes se certificarem de que isso não constitui perigo para eles e para outros usuários da via. Com relação ao documento de fl. Ante todo o contexto acima e tendo em face que os requeridos não se desincumbiram do ônus de provar o fato impeditivo. devendo os requeridos indenizar a requerente da seguinte forma: 1.. valor este correspondente ao que foi efetivamente comprovado nos autos como perda patrimonial. condeno os requeridos no pagamento de 50% das custas e despesas processuais.R. Com relação à alegação da 2ª requerente de falta de culpa no sinistro ocorrido.TJ/PA ." deu causa ao acidente em análise. conforme exposto alhures. Por conseguinte. Daí porque as indenizações são autônomas e passíveis de serem cumuladas ainda quando derivados de um mesmo fato. senão vejamos: "Art. São imperativos do próprio interesse. 31. incapaz de impedir que a requerente venha a juízo solicitar a indenização ora em análise. Ed. embora seja direito da parte constitucionalmente assegurado a produção de provas a fim de efetivar o princípio da ampla defesa. não merecendo prosperar o pedido de dano estético e os lucros cessantes. sem cujo desempenho o sujeito se põe em situações de desvantagem perante o direito.I. O ônus da prova incumbe:" "I ao autor. uma vez que é direito constitucionalmente amparado a busca de proteção judicial. a todo momento. ao autor incumbe provar os fatos constitutivos de seu direito. CUMULAÇÃO COM DANOS ESTÉTICOS. valor este devido a título da indenização ora analisada." "" Por conseguinte. ao conduzir o veículo locado pela 2ª requerida. 70 dos autos. ter domínio de seu veículo. 34. são passíveis de identificação em separado. tenho que os documentos de fls.5. 72. "(. Danos morais: arbitrados no montante de R$ 5. perfazendo o montante de R$ 1. tenho que não assiste razão tal escusa. deve demonstrar a ocorrência dos requisitos caracterizadores da responsabilidade civil sem o que não obterá o efeito jurídico pretendido. É o entendimento do Colendo Superior Tribunal de Justiça: PROCESSUAL CIVIL E CIVIL. de foro íntimo e ordem psíquica.Edição nº 4651/2010 . quanto ao fato constitutivo do seu direito. ou seja. pág. Quanto à correção monetária. GRIFO NOSSO. 40.000. a decepção e o vexame que decorrem da deformidade corporal e. AÇÃO DE INDENIZAÇÃO. este juízo considera a presente lide perfeitamente instruída e suficientes as provas já acostadas aos autos. conforme explicitado alhures. É cabível a cumulação de danos morais com danos estéticos quando. Min. na casuística apresentada. bem como. 29. pois não carreou qualquer prova documental com a peça inicial (fls. extinguindo o processo com resolução de mérito com fulcro no inciso I do artigo 269 do Código de Processo Civil. O condutor e os passageiros não deverão abrir a porta do veículo. De acordo com artigo da lei processual civil ora em análise.DIÁRIO DA JUSTIÇA . Belém. 2. porém. 2. dispõe expressamente sobre o dever de cuidado que deve reger as condutas no trânsito. 30. em regra.). condenando também a requerente a arcar com o mesmo percentual citado. Cabe neste momento explicitar que. fixando o percentual de 10% sobre o valor da condenação a título de honorários advocatícios para o advogado da requerente." "II ao réu. Considerando a sucumbência recíproca. não fundamentam o pedido de lucros cessantes. observando-se o que dispõe a Súmula 306 do STJ "(Os honorários advocatícios devem ser compensados quando houver sucumbência recíproca. VERA ARAÚJO DE SOUZA "Juíza de Direito Titular da 5ª Vara Cível da Capital" 146 .. constata-se que foi a imprudência do 1º requerido que." (STJ. 36. 717425/SP. 32. ao não efetivar a juntada de qualquer meio de prova em sede de exordial para demonstrar a alteração estética sofrida com o sinistro em questão. Data da Publicação:31/03/08) " " "" Tem-se.)" traz a lição acerca do ônus da prova. II. tenho que tal transação efetuada pela partes nada influi no âmbito da responsabilização em questão. contudo.03/97). O dano moral é a dor. independendo das condições econômicas das partes. dirigindo-o com atenção e cuidados indispensáveis à segurança do trânsito).00 (um mil e quatrocentos reais). "Ex positis. uma vez que tais documentos não se adequam a modalidade indenizatória solicitada. conforme preceitua o inciso XXXV do artigo 5º da Constituição Federal de 1988 "(a lei não excluirá da apreciação do Poder Judiciário lesão ou ameaça a direito). ARBITRAMENTO MODERADO. quanto à existência de fato impeditivo. " tendo.. sua exigibilidade suspensa com relação à requerente." Em moderna doutrina. " Quanto aos juros moratórios. Vol. uma vez que o artigo 49 do Código Brasileiro de Trânsito (Lei Nº 9. 35. desta forma. porém.

Esclareço finalmente. em seu artigo 6º. R. 1 TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO PARÁ PODER JUDICIÁRIO GABINETE DA 6ª VARA CÍVEL DA CAPITAL Processo n. 17 dos autos. Fica determinado o encaminhamento dos autos ao Ministério Público.H. Belém. P. IV ? Cumprida as determinações do item III. sob pena de extinção do processo e arquivamento. o parágrafo único do artigo 2º da lei supra. determino que sejam desconsideradas as Notificações realizadas fora da Comarca do destinatário. 14 de Setembro de 2010 SECRETARIA DA 6ª VARA CÍVEL DA CAPITAL RESENHA: 10/09/2010 A 10/09/2010 . ISTO POSTO. Por outro lado. II ? Intime-se. I do CPC e art. PROCESSO: 00041420320108140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 10/09/2010 RÉU: MARIA DO SOCORRO FERREIRA PEREIRA ADVOGADO GABRIEL SILVA MALHEIROS DO NASCIMENTO ADVOGADO RAPHAEL LIMA PINHEIRO AUTOR: VANDERLEI FERREIRA DA SILVA ADVOGADO HERMENEGILDO ANTONIO CRISPINO. Dra.I ? Defiro o pedido de fls. mas precisamente no inciso V. 467 do Código Civil Brasileiro. Através do ato ordinatório disciplinado no Provimento 006/2006 . sob pena de em caso de descumprimento. com fundamento no art. PROCESSO: 00346846820108140301 Ação: Retificação ou Suprimento ou Restauração de Registro Civil em: 09/09/2010 AUTOR: CRIS GOMES BRICIO DEFENSOR SELMA NOGUEIRA DE FREITAS. 20021047007-7. para que. §2. 318. sem caráter decisório: Fica intimado o advogado Hermenegildo Antônio Crispino OAB nº 1. verifico que o caso em análise. Fica determinado o encaminhamento dos autos ao Ministério Público. 29 dos autos. Após. alínea ?c? do Código de Processo Civil. deve ser encaminhado à Defensoria Pública do Estado. VI ? Cumpra-se. por este motivo indefiro o pedido de Justiça Gratuita.1007117-8. que delega poderes a este Diretor de Secretaria. juntando aos autos a notificação do requerido por um dos Cartórios de Títulos e Documentos desta Comarca. CONDENO a parte requerida ao pagamento das custas e despesas judiciais e honorários advocatícios na base de 20%(vinte por cento) sobre o valor da causa. III ? Cumpra-se. Desembargadora Corregedora Geral da Região Metropolitana. PROCESSO: 00342149020108140301 Ação: Retificação ou Suprimento ou Restauração de Registro Civil em: 09/09/2010 AUTOR: ROSELÂNE DO SOCORRO DA SILVA EL GAMIL ADVOGADO DOMINGOS ANTONIO FEITOSA RIBEIRO ADVOGADO ANDRÉ LUÍS LOPES PEREIRA. em 10 (dez) dias. Fica determinado o encaminhamento dos autos ao Ministério Público.H.A. o que deverá ser certificado pelo Senhor Diretor de Secretaria. 10 de setembro de 2010. PROCESSO: 00338906120108140301 Ação: Regularização de Registro Civil em: 09/09/2010 AUTOR: JOSE AUGUSTO GAMA RODRIGUES ADVOGADO ALEXANDRE MARTINS BASTOS ADVOGADO ANDERSON SERRAO PINTO. voltem-me conclusos.060/50. II . se a parte quer gozar dos benefícios da Gratuidade.Cumprindo com o Provimento da Exma. (grifo nosso). confirmando a liminar anteriormente concedida. I.H. por não está caracterizado o estado de necessidade. que é o órgão mantido pelo Estado para atender os necessitados. JULGO TOTALMENTE PROCEDENTE a AÇÃO DECLARATORIA DE NULIDADE DE TITULO DE CREDITO interposta por CONSTRUTORA OAS LTDA contra METAMONT MONTAGENS LTDA. Processo nº 2010. III ? Cumpra-se PROCESSO: 00350232220108140301 Ação: Reintegração / Manutenção de Posse em: 10/09/2010 AUTOR: B. no prazo de 10 (dez) dias. é que determino que a parte requerente emende a inicial. Fica determinado o encaminhamento dos autos ao Ministério Público. Fica determinado o encaminhamento dos autos ao Ministério Público. arquive-se os autos. PROCESSO: 00348463420108140301 Ação: Retificação ou Suprimento ou Restauração de Registro Civil em: 09/09/2010 AUTOR: RICHARDJUNIO BARRETO CONCALVES ADVOGADO EDJANE MIRANDA CORRÊA. estabelece quais as isenções. Sra.643 para restituir em 24 (vinte quatro) horas. III ? Intime-se a parte requerente. PROCESSO: 00350793320108140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 10/09/2010 RÉU: BANCO DO BRASIL S/A AUTOR: MARCIO AUGUSTO LISBOA DOS SANTOS ADVOGADO MARCIO AUGUSTO LISBOA DOS SANTOS JUNIOR. § 3º.Edição nº 4651/2010 . PROCESSO: 00324536820108140301 Ação: Retificação ou Suprimento ou Restauração de Registro Civil em: 09/09/2010 AUTOR: SIMONE CRISTINA SOARES FREIRE DEFENSOR RAIMUNDO AUGUSTO RIOS BRITO. 333. Transitada em julgado. para declarar a nulidade do titulo de credito protestado. e mais o que dos autos consta.Intime-se. com base no art.I . I ? Quanto ao pedido de Justiça Gratuita. ADVOGADO MAURICIO COIMBRA GUILHERME FERREIRA EMBARGANTE: EDNA MARIA DE LACERDA ROCHA ADVOGADO AGNALDO BORGES RAMOS JUNIOR. R. Edmilton Pinto Sampaio Diretor de Secretaria PROCESSO: 00316672120108140301 Ação: Reintegração / Manutenção de Posse em: 10/09/2010 AUTOR: ITAUBANK LEASING S/A ARRENDAMENTO MERCANTIL ADVOGADO ANA PAULA BARBOSA DA ROCHA RÉU: MARIA DE NAZARE CAVALEIRO DE M D SILVA. nos termos do artigo 20.SECRETARIA DA 6ª VARA CIVEL DE BELEM PROCESSO: 00409376320028140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 12/08/2010 AUTOR: CONSTRUTORA OAS LTDA ADVOGADO ISAAC RAMIRO BENTES ADVOGADO KELMA S. II ? Intime-se. eis que este Juiz entende que não basta a simples alegação de pobreza para que se conceda a gratuidade. FINANCEIRA S/A ADVOGADO KEILA WIRGINIA MALHEIRO VALE RÉU: ROBNEY DE SENA LUZ. III ? Cumpra-se.H. H. Contudo. sem prejuízo do sustento próprio ou da família?. II ? Intime-se. para praticar atos de administração e expediente. V.º 147 . PROCESSO: 00340646420108140301 Ação: Busca e Apreensão em Alienação Fiduciária em: 10/09/2010 AUTOR: HSBC BANK BRASIL S.III ? Cumpra-se.CRMB. PROCESSO: 00340684420108140301 Ação: Reintegração / Manutenção de Posse em: 10/09/2010 AUTOR: HSBC BANK BRASIL S/A ADVOGADO KEILA WIRGINIA MALHEIRO VALE RÉU: RAIMUNDO NONATO PAES MARQUES. consoante determina o parágrafo 1º do artigo 5º da mencionada Lei.A peça exordial é subscrita por advogado particular e o artigo 3º da Lei nº. 1. inciso XXIV. 15 dos autos. estabelece quais os que são necessitados: ?todo aquele cuja situação econômica não lhe permita pagar as custas do processo e os honorários de advogado. Traslade-se cópia desta decisão ao processo cautelar nº. a parte possui qualificação que não se coaduna à realidade da Lei invocada. retirado no dia 01 de junho do corrente ano. sob pena de indeferimento da exordial. este Juiz não irá colocar obstáculo à Tutela Jurisdicional pretendida pelo requerente. R. que se a parte não tem condições de arcar com as custas processuais. II . devendo a parte comprovar este estado. o que não é o caso dos autos. DE OLIVEIRA REUTER COUTINHO ADVOGADO: ISAAC RAMIRO BENTES RÉU: METAMONT MONTAGENS LTDA. Fica determinado o encaminhamento dos autos ao Ministério Público. R.DIÁRIO DA JUSTIÇA .TJ/PA . recolha as custas processuais devidas junto à UNAJ. I ? Defiro o pedido de fls. R. I ? Defiro o pedido de fls. R. através do Provimento nº 003/2006 ? CRMB. PROCESSO: 00338915620108140301 Ação: Retificação ou Suprimento ou Restauração de Registro Civil em: 09/09/2010 AUTOR: MARIA ADELINA MEIRELES FERREIRA ADVOGADO ALEXANDRE MARTINS BASTOS ADVOGADO ANDERSON SERRAO PINTO. PROCESSO: 00194452120108140301 Ação: Embargos à Execução em: 10/09/2010 EMBARGADO: BANCO ITAU S.Terça-Feira. V ? Intime-se.A BANCO MULTIPLO ADVOGADO KEILA WIRGINIA MALHEIRO VALE RÉU: RAIMUNDO NONATO GOMES CAMPBELL. o fato ser comunicado ao Juízo do feito para as providências cabíveis. a qual. Em sendo assim julgo improcedente a reconvenção. objeto da presente demanda.

267 . Em terceira preliminar a embargante argüiu ilegitimidade passiva ad causam. na data de 27.Edição nº 4651/2010 . com fulcro no art.Cumprindo com o Provimento da Exma.05). Assim. nunca. não havendo razão legal para que a ação seja direcionada para embargante como suposta sócia da empresa. uma vez que no contrato existe clausula que indica com foro competente para qualquer ação seria o São Paulo ou o local em que o proponente da ação for domiciliado.H. § 5º do Código Civil. Ao final requer eu a procedência dos embargos. 14 de Setembro de 2010 20101029091-8. Embargante: EDNA MARIA DE LACERDA ROCHA. No mesmo sentido manifestação a jurisprudência. Des. Embargada: BANCO ITAU S. foi passado uma procuração particular com poderes limitados e com prazo determinado. ¿ AI nº 44566-0/180 ¿ Rel. 267. de forma indiscriminada. e não reconhece qualquer divida realizada em seu nome. 278/279).01. o foro do domicílio.. 206.2004. III ? Cumpra-se. cujo vencimento de deu em 04. julgo totalmente procedente os Embargos a Execução. conforme o próprio exeqüente informa. 148 . uma vez que jamais se obrigou solidariamente ao pagamento de debito pertencente a empresa executada. 62. com vencimento também estipulado no contrato para o dia 01. Aduz ainda. haja vista que esta foi a data do vencimento da obrigação assumida pela empresa. inexiste qualquer óbice. também. assim com não foi coligada ou sequer exerceu função de diretoria. a embargante considera que a empresa executada possui bens suficientes para garantir o adimplemento da divida. porque não traz prejuízos à parte adversa. 740 do CPC. A preliminar deve ser rejeitada. A embargante juntou documentos às fls. conforme estabelecido no art.05. I . e também em face do ora embargante. Em síntese foi alegado pela parte embargante que o Banco Itaú S.DIÁRIO DA JUSTIÇA . Carlos Alberto França ¿ j. É o relatório. sem lhe ter sido atribuído efeito suspensivo.05. por se tratar de competência relativa. Informa a embargante. PROCESSO: 00349966020108140301 Ação: Busca e Apreensão em Alienação Fiduciária em: 10/09/2010 RÉU: DANIEL COSTA DA SILVA AUTOR: HSBC BANK BRASIL S/A ADVOGADO KEILA WIRGINIA MALHEIRO VALE. portanto.08. nos termos do art.2004. que permite modificação e.A. II ? Intime-se. comprometendo-se a obrigações referente ao valor estipulado no contrato. aqui. com fundamento nos art.. objeto da execução. Vieram-me os autos conclusos para apreciação dos embargos a execução. como a possibilidade jurídica. passo a analise das preliminares. uma vez que se verifica nos autos. pleiteando uma suposta divida referente a um contrato de abertura de credito em conta corrente. Às fls.000. 739-A do CPC. por ocasião do exercício de sua função na empresa. para que pudesse ser celebrado o contrato em questão. nem pelo fato de existir. Em segunda preliminar.quando não concorrer qualquer das condições da ação. Cumpra-se. (. não pode ficar eternamente a mercê da empresa executada. Vistos etc. Em segunda preliminar foi alegado pela embargante ausência de título idôneo. Ainda. uma vez que a clausula que supostamente obrigaria a embargante solidariamente não contém assinatura da mesma. 23 dos autos. EDNA MARIA DE LACERDA ROCHA interpôs EMBARGOS À EXECUÇÃO contra BANCO ITAU S. Aduz a embargante que não possui legitimidade para atuar no pólo passivo da referida execução.05. O foro de eleição é um foro a mais. Certificado foi.000. Sendo assim a preliminar de incompetência em razão do lugar não deve prosperar. uma vez que a espécie da presente ação é de ser contra devedor solvente. A preliminar vai rejeitada.00.. não fica uma das partes inibida de propor ação no domicílio da outra.05. que por ocasião da celebração do contrato entre a empresa e o banco. e mais o que dos autos consta. p. podendo. bem como a condenação do embargado para pagar em dobro a quantia indevidamente cobrada na presente ação. Condeno a parte embargada ao pagamento custas processuais e honorários advocatícios em 20% sobre o valor da causa. que o débito configurou-se apenas no ano de 2007. Arruda Alvim esclarece tal situação: "Mesmo havendo cláusula de eleição de foro. ao invés de o ser no foro de eleição.H. O referido valor foi devidamente pago. a legitimidade das partes e o interesse processual Isto exposto.000. desta forma. ou seja.05. Transitada em julgado e observadas as formalidades legais. 25.01. 736 do CPC. Cív. porém jamais houve qualquer clausula que obrigasse ou co-obrigasse a ora embargante pelos negócios efetuados pela ITIQUIRA TURISMO. poder-se-ia falar na existência de foros concorrentes. Em sede de preliminar a embargante alegou incompetência em razão do lugar.2004. em face da empresa ITIQUIRA TURISMO LTDA. sem resolução de mérito: VI . PRI. vejamos: "Se a empresa credora renuncia ao foro de sua sede e de eleição. chega-se a conclusão de que o foro de eleição não possui atributo de rigidez. com base no art.05. R. Bem como informa que a divida somente se perfez após a demissão da embargante. III ? Cumpra-se. não enseja o oferecimento por parte do réu de exceção de incompetência ratione loci. as demais obrigações contraídas pela empresa executada. I ? Defiro o pedido de fls.A. devedor que possui bens suficientes para garantir o adimplemento da divida. 39 dos autos. Em primeira preliminar foi alegado incompetência em razão do lugar. mesmo havendo foro de eleição. II ? Intime-se. e data para vencimento da divida era 01.05.H. Assim. optando pelo foro do domicílio do devedor para a promoção de ações judiciais. VI do CPC. A embargante afirma ainda que foi empregada da empresa executada no período de 01. uma vez que a divida foi contraída após a sua demissão da empresa executada. com base no art. MAIRTON MARQUES CARNEIRO Juiz de Direito PROCESSO: 00234174620108140301 Ação: Execução de Título Extrajudicial em: 10/09/2010 EXECUTADO: ESTACON ENGENHARIA S/A EXEQUENTE: PRO-TEGER FOMENTO COMERCIAL LTDA EPP ADVOGADO JANINE SILVA RIBEIRO DA CUNHA ADVOGADO FELIPE DE SOUSA FERREIRA. não tendo como prosperar a alegação da embargante de que não houve assinatura no contrato. Desta forma. I ? Defiro o pedido de fls. em que pese a embargante ter assinado como devedora solidaria. 267.2004 e foi devidamente quitado. O referido artigo evidencia que a eleição de foro somente é permitida quando se trata de competência relativa. uma vez que a clausula que supostamente obrigaria a embargante solidariamente não contém assinatura da mesma. que jamais foi sócia proprietária da empresa executada. devendo prosseguir em relação a empresa executada ITIQUIRA TURISMO LTDA. possui as assinaturas devidas. tendo em vista que a competência territorial está classificada como relativa. R. É legítima a propositura da ação no domicílio do réu. Dra. VI do CPC: Art. um ano após a demissão da embargante. inclusive. que a embargante somente se responsabilizou pela abertura do credito. R$ 80. no prazo de 15 dias. Tal obrigação foi devidamente adimplida. Ainda no mérito. R. cujo vencimento para quitação se daria em 04. qual seja. dado que o réu não será prejudicado. Ação: EMBARGOS À EXECUÇÃO.2004.00. o requerente poderá propor a demanda no domicilio do requerido. Conforme se verifica dos autos a embargante assinou o contrato como devedora solidaria.1994 a 30.2006. os embargos foram recebidos apenas para discussão.00. face a eleição de foro contratual. a embargante aduz que a sua obrigação exauriu-se na data de 04. Em terceira preliminar a embargante argüiu ilegitimidade passiva ad causam. PROCESSO: 00318250720108140301 Ação: Reintegração / Manutenção de Posse em: 10/09/2010 AUTOR: CIA ITAULEASING DE ARRENDAMENTO MERCANTIL ADVOGADO THIAGO GLAYSON RODRIGUES DOS PASSOS RÉU: TEOTINA CELESTE TAKASE. 111 do CPC. mas que. não podem acarretar responsabilidade também a embargante..Terça-Feira.A. com base no art. em beneficio da empresa executada. 10 de SETEMBRO de 2010. ou seja. em prejudicial de mérito a embargante alega prescrição do direito do exeqüente de propor a ação de execução. sobretudo. uma vez que o contrato.TJ/PA . Alega a embargante que o banco embargado firmou contrato com a empresa acima mencionada. desta forma. para determinar que a mesma não possuir legitimidade para atuar no pólo passivo da ação de execução. que a embargante assinou como devedora solidária em 27. (. a eleição de foro não elimina. 61. Belém.2004. Assim. Tendo sido determinado que a parte embargada apresentasse manifestação. que a parte embargada não apresentou manifestação. foi alegado ausência de titulo idôneo. EDNA MARIA DE LACERDA ROCHA interpôs EMBARGOS À EXECUÇÃO contra BANCO ITAU S. para a embargante. e assumida solidariamente pela embargante.). a preliminar de ilegitimidade passiva da embargante é acolhida. tanto isso é verdadeiro que inobstante a existência de regra de foro de eleição. Em sendo assim. contrato este que possuía o valor de R$ 80. não há como responsabilizar solidariamente a embargante. verificando que a parte exeqüente/embargada não apresentou manifestação.2004. No mérito a embargante alega que jamais efetuou qualquer negocio em seu nome ou em nome da empresa executada que lhe rogasse obrigação de pagamento. Razão pela qual.A. 22/51. mesmo após a sua demissão. devendo portanto ser extinto o processo em relação a embargante. para efeito de constituição da filial daquela empresa na cidade de Belém/PA. determino a extinção da ação de execução com relação a embargante. às fls. que poderá. Decido. Segundo a embargante a ação de execução padece de vicio insanável. Sra.) a opção pelo foro do domicílio. Esta preliminar deve ser acolhida. para que fosse disponibilizado o valor de R$ 80. e ainda ser responsabilizada pela inadimplência da mesma. ser objeto de livre disposição entre as partes.Extingue-se o processo. litigar em seu domicilio" (TJGO ¿ 4ª Câm. sendo assim. conforme determinado. uma vez que a divida foi contraída após a sua demissão da empresa executada. ajuizou ação de execução de titulo extrajudicial. esclarecendo ainda. transmuda o foro domiciliar em foro incompetente" (Obra citada. arquive-se os autos.

TJ/PA . R. está provado a existência de um direito. juntando aos autos a notificação do requerido por um dos Cartórios de Títulos e Documentos desta Comarca. em seu artigo 6º. I . IV ? Cumpra-se. até que se dê o provimento jurisdicional final. TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO PARÁ PODER JUDICIÁRIO GABINETE DA 6ª VARA CÍVEL DA CAPITAL Processo nº. Desembargadora Corregedora Geral da Região Metropolitana. que tem como finalidade concessão de liminar para que a requerida se abstenha de proceder todo e qualquer ato judicial ou extrajudicial de constrição contra o requerente e seus familiares.Edição nº 4651/2010 . posto que fundada em título que não reflete integralmente a realidade do negócio que o originou. para evitar que a duração do processo resulte em uma alteração de equilíbrio inicial de força entre as partes¿. III ? Cumpra-se. por ser este o Juízo competente para apreciar o feito. Requerente: MARCIO NORONHA SEABRA." O direito processual. Verifica-se a possibilidade do direito através de sua aparência.DIÁRIO DA JUSTIÇA . III . Expeça-se o competente mandado de intimação a requerida. dação do imóvel em pagamento ou garantia judicial ou extrajudicial em favor de terceiros. III ? Cumpra-se. objeto da lide. Ação: CAUTELAR. na opinão desses autores. ingressou perante este Juízo com Ação Cautelar. relacionado com o imóvel. o seu alegado débito. cuja tutela se pede no processo principal. II ? Determino que o valor da causa seja retificado para o valor total do contrato. antes mesmo que possa questionar os juros que estão incidindo sobre o referido valor. I ? Indefiro o pedido de fls. II . 14 de Setembro de 2010 Desembargadora Corregedora Geral da Região Metropolitana.Intime-se. Pois. sob pena de extinção.. essa intimidação é ilegal. verifico a presença incontestável dos pressupostos ¿fumus boni iuris¿ e ¿periculum in mora¿. I . arredamento residencial. (Hoff. como ensina Carnelutti. Desembargadora Corregedora Geral da Região Metropolitana. uma vez que o mesmo pode ver seu direito sobre o imóvel obstruído. Desembargadora Corregedora Geral da Região Metropolitana. além de ter pago os valores referente as parcelas intermediarias. que segundo suas alegações não foram pagas na ocasião. ¿Ex Positis¿. 20101025777-8. verifico que a parte requerente adimpliu a sua obrigação com relação as parcelas intermediarias. sob pena de indeferimento da exordial. n. com fulcro no artigo 798 c/c artigo 804. e o perigo da demora. Verifica-se a possibilidade do dano. sendo abusivo o protesto.R. em 10 (dez) dias. através do Provimento nº 003/2006 ? CRMB. Dra. será o caso de sustar esse protesto¿. ao ponto de Rui Barbosa. juntando aos autos a notificação do requerido por um dos Cartórios de Títulos e Documentos desta Comarca. em 10 (dez) dias. É esse. 3ª ed. contra LAJE CONSTRUÇÕES LTDA.. é que determino que a parte requerente emende a inicial. sob pena de indeferimento da exordial. que possui as mesmas partes e objeto o mesmo da presente ação. R. LEGAL: WALDEMAR DUARTE DAMASCENO FILHO. Considerando que existe uma ação de reintegração de posse.H. Instituições de Direito Processual Civil. Sra. PROCESSO: 00325820520108140301 Ação: Reintegração / Manutenção de Posse em: 10/09/2010 RÉU: MÁRIO F. objeto da lide. é que determino que a parte requerente emende a inicial. após a formação do contraditório. ambos do Código de Processo Civil. sob pena de indeferimento da exordial. sem delongas. em seu artigo 6º.. 10 de setembro de 2010. vol. Sustação de protesto. uma proteção prévia que assegure a restauração provisória da ordem jurídica quebrantada. determino que sejam desconsideradas as Notificações realizadas fora da Comarca do destinatário. que permitem a concessão da liminar ora pleiteada.000. já à sua época. P. levando em consideração que o processo vem se caracterizando como instrumento moroso.lamentável que. 27 dos autos. LEGAL: MARCELO GIL CASTELO BRANCO AUTOR: MARCIO NORONHA SEABRA ADVOGADO LUCIANA PINTO PASSOS REP. relacionado com o imóvel. representado por MARCELO GIL CASTELO BRANCO E WALDEMAR DUARTE DAMASCENO FILHO . arredamento residencial. duas condições: a possibilidade do direito e a possibilidade do dano. 4ª ed. sob pena de multa diária no valor de R$ 1. 149 . sob pena de indeferimento da exordial. a qual. existe a fumaça do bom direito. devendo a parte requerente recolher a diferença das custas. inábil à prestação de uma justiça célere e eficaz. Dra. teoria e prática. senão injustiça qualificada e manifesta. devido ao atraso na entrega do imóvel pela requerida. R. trata de uma AÇÃO CAUTELAR INOMINADA. Requeridos: LAJE CONSTRUÇÕES LTDA. no prazo de 05 (cinco) dias.H. é que determino que a parte requerente emende a inicial. comodato. em 10 (dez) dias.Intime-se. para que a requerida se abstenha de proceder todo e qualquer ato judicial ou extrajudicial de constrição contra o requerente e seus familiares. até a resolução do mérito em questão. celebrizar a frase: "A justiça atrasada não é Justiça. enquanto se espera aquela tutela. concorrem. em seu artigo 6º. dação do imóvel em pagamento ou garantia judicial ou extrajudicial em favor de terceiros. para que o referido processo seja encaminhado ao Juízo da 6ª Vara Cível. III ? Intime-se. o objetivo principal do protesto: intimidar o sacado para que pague. MAIRTON MARQUES CARNEIRO Juiz de Direito Titular da 6ª Vara Cível da Capital PROCESSO: 00349661620108140301 Ação: Reintegração / Manutenção de Posse em: 10/09/2010 AUTOR: CIA ITAULEASING DE ARRENDAMENTO MERCANTIL ADVOGADO ANA PAULA BARBOSA DA ROCHA RÉU: JAIME FERREIRA DA SILVA. através do Provimento nº 003/2006 ? CRMB. Com bem ensina Chiovenda e Liebman.H. MARCIO NORONHA SEABRA . Belém. Manuale di Diritto Processuale Civile. SIMÕES SANTOS JR AUTOR: SAFRA LEASING ARRENDAMENTO MERCANTIL S/A ADVOGADO ANA PAULA BARBOSA DA ROCHA. juntando aos autos a notificação do requerido por um dos Cartórios de Títulos e Documentos desta Comarca. em 10 (dez) dias. a qual. Então. não raro.24) Analisando o contexto que envolve as partes litigantes. através do Provimento nº 003/2006 ? CRMB. Analisando mais detidamente os autos. da analise dos autos. capazes de conceder ao titular do direito lesado ou ameaçado de lesão. III ? Cumpra-se. pois. com base no instituto da prevenção. determino que seja oficiado aquele juízo. objeto da lide. DEFIRO a liminar pleiteada em favor do requerente. é que determino que a parte requerente emende a inicial.Intime-se. PROCESSO: 00172170620108140301 Ação: Processo Cautelar em: 10/09/2010 RÉU: LAJE CONSTRUCOES LTDA ADVOGADO EVANDRO CARLOS FERREIRA MONTEIRO REP. determino que sejam desconsideradas as Notificações realizadas fora da Comarca do destinatário. determino que sejam desconsideradas as Notificações realizadas fora da Comarca do destinatário. O caso em apreço. tramitando na 13ª Vara Cível. de simples meio de prova de apresentação da letra e recusa por parte do sacado do aceite ou do pagamento. bem como que se abstenha de praticar qualquer ato que vise a alienação.Intime-se. p. Rio de Janeiro. através do Provimento nº 003/2006 ? CRMB. a qual. solucionador do conflito de interesses. decisão que inicialmente indeferiu a tutela pleiteada.º 83. II . não para assegurar a um dos litigantes uma posição mais favorável. venha falhar aquelas circunstâncias de fatos favoráveis à própria tutela. Assim. R. para que não se adentre no mérito da causa. Dra.H. Sra. a qual. dentre as quais a antecipação da tutela e as medidas cautelares. ¿Para concessão de medida cautelar. restando para o total cumprimento de sua obrigação. em ¿summaria cognítio¿. Assim. desta forma. II ? Cumpra-se o autor o despacho de fls. Aide. o mesmo de fls.I.00 (hum mil reais). 51/53.194) ¿. juntando aos autos a notificação do requerido por um dos Cartórios de Títulos e Documentos desta Comarca. se devido ou não.Cumprindo com o Provimento da Exma.Cumprindo com o Provimento da Exma. PROCESSO: 00351088220108140301 Ação: Busca e Apreensão em Alienação Fiduciária em: 10/09/2010 AUTOR: BANCO ITAUCARD S/A ADVOGADO SERGIO RENATO FREITAS DE OLIVEIRA JUNIOR RÉU: CARLOS FERNANDO COSTA BROTAS. representado por MARCELO GIL CASTELO BRANCO E WALDEMAR DUARTE DAMASCENO FILHO. Vistos etc. Luiz Alberto. I . bem como que se abstenha de praticar qualquer ato que vise a alienação. II . o qual pretende questionar em juízo. antes. em seu artigo 6º. Cumpra-se. que também apresenta as suas razões para o referido atraso. 1980. Ocorre que. bem como as alegações de ambas as partes do litígio. ate resolução do mérito em questão. no prazo de 10 (dez) dias. o protesto se tenha convertido em meio violento de cobrança e intimidação. (Chiovenda. adoto como relatório. faculta uma gama variada de medidas de urgência. e ainda o fundado temor de que.I. Sendo assim. p. constata-se que o requerente encontrase residindo no imóvel. Liebman. Cumprida a liminar. Vieram-me os autos conclusos para re-apreciação do pedido liminar. para amenizar os efeitos nocivos da eternização dos processos. determino que sejam desconsideradas as Notificações realizadas fora da Comarca do destinatário. o valor referente as chaves do imóvel. 24. comodato. Passo a re-analise do pedido liminar.Terça-Feira. embora este exame seja. estando inadimplente com relação ao valor das chaves. PROCESSO: 00349842320108140301 Ação: Busca e Apreensão em Alienação Fiduciária em: 10/09/2010 AUTOR: BANCO ITAUCARD S/A ADVOGADO ANA PAULA BARBOSA DA ROCHA RÉU: ELEZANDRA MARQUES.Cumprindo com o Provimento da Exma.I. o requerente terá o prazo de 30 dias para ingressar com a ação principal. Sra. observando-se em tudo as cautelas de estilo. que discutirá o valor que esta sendo cobrado. Desta forma. vol.

R. o parágrafo único do artigo 2º da lei supra. este Juiz não irá colocar obstáculo à Tutela Jurisdicional pretendida pelo requerente. Após.TJ/PA . estabelece quais as isenções. V ? Intime-se. 1. que se a parte não tem condições de arcar com as custas processuais. voltem-me conclusos. por este motivo indefiro o pedido de Justiça Gratuita. mas precisamente no inciso V.DIÁRIO DA JUSTIÇA . 14 de Setembro de 2010 PROCESSO: 00350926520108140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 10/09/2010 RÉU: CONSTRUTORA VILA DEL REY LTDA AUTOR: HIRAN COSTA MESQUITA AUTOR: KARLENE BETANIA FREITAS SILVA MESQUITA ADVOGADO EDGAR DE SOUZA SANTOS ADVOGADO MARCO AURELIO FERREIRA DE MIRANDA. deve ser encaminhado à Defensoria Pública do Estado.Terça-Feira. Esclareço finalmente. III ? Intime-se a parte requerente. VI ? Cumpra-se. se a parte quer gozar dos benefícios da Gratuidade. a parte possui qualificação que não se coaduna à realidade da Lei invocada. consoante determina o parágrafo 1º do artigo 5º da mencionada Lei. 150 . sem prejuízo do sustento próprio ou da família?. estabelece quais os que são necessitados: ?todo aquele cuja situação econômica não lhe permita pagar as custas do processo e os honorários de advogado. (grifo nosso).A peça exordial é subscrita por advogado particular e o artigo 3º da Lei nº. Por outro lado. IV ? Cumprida as determinações do item III. devendo a parte comprovar este estado. o que deverá ser certificado pelo Senhor Diretor de Secretaria. I ? Quanto ao pedido de Justiça Gratuita. o que não é o caso dos autos.060/50. para que. H. por não está caracterizado o estado de necessidade. Contudo. que é o órgão mantido pelo Estado para atender os necessitados.Edição nº 4651/2010 . verifico que o caso em análise. recolha as custas processuais devidas junto à UNAJ. eis que este Juiz entende que não basta a simples alegação de pobreza para que se conceda a gratuidade. sob pena de extinção do processo e arquivamento. II . no prazo de 10 (dez) dias.

expeça-se Certidão para inscrição na Divida Ativa do Estado... CGJ. Diante do não pagamento 151 . Após. PROCESSO: 00111284820088140301 Ação: Execução de Título Extrajudicial em: 09/09/2010 EXECUTADO: JOSE MOACYR CHAGAS EXEQUENTE: UNIBANCO . arquivem-se os autos. PROCESSO: 00053320919988140301 Ação: Busca e Apreensão em Alienação Fiduciária em: 09/09/2010 AUTOR: BANCO FORD S/A ADVOGADO DR. CGJ. Após. expeça-se Certidão para inscrição na Divida Ativa do Estado... Diante do não pagamento das custas finais.Edição nº 4651/2010 .(Provimento nº 005/2002. Diante do não pagamento das custas finais. conforme informado às fls. expeça-se Certidão para inscrição na Divida Ativa do Estado. conforme informado às fls.. Após. Intimar e Cumprir. art. arquivem-se os autos. CASTILHO.. 11). de 11/09/2002. Diante do não pagamento das custas finais. com remessa à Procuradoria-Geral do Estado e comunicação à Coordenadoria Geral de Arrecadação do TJE/PA. 14 de Setembro de 2010 SECRETARIA DA 8ª VARA CÍVEL DA CAPITAL RESENHA: 14/09/2010 A 14/09/2010 . art. conforme informado às fls... Após. Diante do não pagamento das custas finais. com remessa à Procuradoria-Geral do Estado e comunicação à Coordenadoria Geral de Arrecadação do TJE/PA. 11). 11).. CGJ. de 11/09/2002.. CGJ. art. Intimar e Cumprir. arquivem-se os autos. com remessa à Procuradoria-Geral do Estado e comunicação à Coordenadoria Geral de Arrecadação do TJE/PA.(Provimento nº 005/2002. de 11/09/2002. Diante do não pagamento das custas finais. art. conforme informado às fls. com remessa à Procuradoria-Geral do Estado e comunicação à Coordenadoria Geral de Arrecadação do TJE/PA. conforme informado às fls. 11). PROCESSO: 00228088920018140301 Ação: Inventário em: 09/09/2010 INVENTARIADO: OSVALDO AUGUSTO OLIVEIRA ENVOLVIDO: RAILECE SANTOS VILHENA ADVOGADO: SIMONE PECK DE BARROS. arquivem-se os autos. com remessa à Procuradoria-Geral do Estado e comunicação à Coordenadoria Geral de Arrecadação do TJE/PA. de 11/09/2002. conforme informado às fls. 11). de 11/09/2002.(Provimento nº 005/2002.TJ/PA . Intimar e Cumprir. 11). Intimar e Cumprir. art.. arquivem-se os autos. com remessa à Procuradoria-Geral do Estado e comunicação à Coordenadoria Geral de Arrecadação do TJE/PA. de 11/09/2002. de 11/09/2002.. Intimar e Cumprir. PROCESSO: 00388013120008140301 Ação: Reintegração / Manutenção de Posse em: 09/09/2010 ADVOGADO: CARLOS FERRO RÉU: CLEIDE CILENE ABUD FERREIRA AUTOR: SAFRA LEASING S/A ARRENDAMENTO MERCANTIL. art.. expeça-se Certidão para inscrição na Divida Ativa do Estado. 11).(Provimento nº 005/2002. expeça-se Certidão para inscrição na Divida Ativa do Estado.. arquivem-se os autos. art. de 11/09/2002. Intimar e Cumprir. art. conforme informado às fls. de 11/09/2002.(Provimento nº 005/2002.SECRETARIA DA 8ª VARA CIVEL DE BELEM PROCESSO: 00056656919978140301 Ação: Despejo por Falta de Pagamento em: 09/09/2010 RÉU: ANTONIO DE PADUA SOUTELLO BECHARA RÉU: EDUARDO BECHARA FILHO RÉU: JORGE LUIZ MORAES CRAVO ADVOGADO: JOSE MARIA VIANNA OLIVEIRA AUTOR: NILTON AKIRA MOROISHI ADVOGADO JOSE MARIA VIANNA OLIVEIRA. de 11/09/2002. 11). arquivem-se os autos. PROCESSO: 00254033620028140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 09/09/2010 ADVOGADO: BENEDITO MARQUES DA ROCHA AUTOR: JOAO CARLOS CASTRO COIMBRA AUTOR: PAULO SERGIO LOPES PINTO ADVOGADO: SANDRO AUGUSTO CONTENTE FERNANDEZ RÉU: SOCIEDADE RESIDENCIAL ALTO DE PINHEIRO. com remessa à Procuradoria-Geral do Estado e comunicação à Coordenadoria Geral de Arrecadação do TJE/PA. 11). art. Após. CGJ..(Provimento nº 005/2002. Após. AUTOR: AUYOLATINA LEASING S/A ADVOGADO PRISCILA GOMES ARAUJO. arquivem-se os autos. ALMYR CARLOS DE MORAIS FAVACHO RÉU: PAULO INACIO DE LOIOLA LOPES. Após. com remessa à Procuradoria-Geral do Estado e comunicação à Coordenadoria Geral de Arrecadação do TJE/PA. Intimar e Cumprir.. Diante do não pagamento das custas finais.. Diante do não pagamento das custas finais. Intimar e Cumprir.. Diante do não pagamento das custas finais. CGJ. Intimar e Cumprir. 11). PROCESSO: 00187288520048140301 Ação: Processo Cautelar em: 09/09/2010 RÉU: ALCINETE DO SOCORRO LIMA DA COSTA RÉU: ANTONIO MARIA ALVES TOMAS AUTOR: LEIDA DO SOCORRO DOS SANTOS FERREIRA ADVOGADO DARLYN K F MIRALHA DE MATOS RÉU: LINCOLN CAMPOS RÉU: LUCIVAL ALMEIDA PESTANA ADVOGADO LENEWTON DAS GRACAS MORAES ATHAYDE RÉU: OCIMAR CORREA CASTELO BRANCO DE LIMA RÉU: OSMARINA SANTIAGO REBELO RÉU: PAULO GETULIO ANGELIN DE OLIVEIRA RÉU: TELMA SUELI YAMAGUTH.DIÁRIO DA JUSTIÇA . 11). PROCESSO: 00005201319988140301 Ação: Procedimento Sumário em: 09/09/2010 AUTOR: CONDOMINIO DO RESIDENCIAL ALTER DO CHAO RÉU: FLORISVALDO BENTES M FILHO ADVOGADO: JOSE MARIA C.. Diante do não pagamento das custas finais. arquivem-se os autos. com remessa à Procuradoria-Geral do Estado e comunicação à Coordenadoria Geral de Arrecadação do TJE/PA. Após. CGJ. arquivem-se os autos. com remessa à Procuradoria-Geral do Estado e comunicação à Coordenadoria Geral de Arrecadação do TJE/PA.. Intimar e Cumprir.. Após. conforme informado às fls. conforme informado às fls. de 11/09/2002. conforme informado às fls. PROCESSO: 00156564819968140301 Ação: Execução de Título Extrajudicial em: 09/09/2010 RÉU: AMAZONIA FISH E COMERCIO LTDA ADVOGADO: ANA MARIA CRISPINO RÉU: ANTONINO RODRIGUES AUTOR: ASSOCIACAO CULTURAL ITALO BRASILEIRA ADVOGADO ANA MARIA CRISPINO. Após. PROCESSO: 00328567420008140301 Ação: Inventário em: 09/09/2010 INVENTARIADO: ALEX DA SILVA CARVALHO ADVOGADO: GISELE DE SOUZA CRUZ DA COSTA ENVOLVIDO: RAIMUNDO ALVES CARVALHO. Intimar e Cumprir. CGJ.(Provimento nº 005/2002.(Provimento nº 005/2002. art. com remessa à Procuradoria-Geral do Estado e comunicação à Coordenadoria Geral de Arrecadação do TJE/PA. de 11/09/2002. expeça-se Certidão para inscrição na Divida Ativa do Estado. PROCESSO: 00159058519978140301 Ação: Busca e Apreensão em Alienação Fiduciária em: 09/09/2010 AUTOR: BANCO MERCANTIL DE SAO PAULO S/A ADVOGADO: CARLOS FERRO RÉU: JOAO VENANCIO DA SILVA SOUZA. art. Diante do não pagamento das custas finais. art. 11)..Terça-Feira. arquivem-se os autos.UNIAO DE BANCOS BRASILEIROS S/A ADVOGADO LUIS GALEANO ARAUJO BRASIL. de 11/09/2002. com remessa à Procuradoria-Geral do Estado e comunicação à Coordenadoria Geral de Arrecadação do TJE/PA.(Provimento nº 005/2002. expeça-se Certidão para inscrição na Divida Ativa do Estado.(Provimento nº 005/2002. Intimar e Cumprir.(Provimento nº 005/2002. Diante do não pagamento das custas finais.(Provimento nº 005/2002. Após. PROCESSO: 00518887120008140301 Ação: Reintegração / Manutenção de Posse em: 09/09/2010 RÉU: AURORA LTDA. Após. Diante do não pagamento das custas finais. CGJ. CGJ. expeça-se Certidão para inscrição na Divida Ativa do Estado. art. expeça-se Certidão para inscrição na Divida Ativa do Estado. 11). arquivem-se os autos. expeça-se Certidão para inscrição na Divida Ativa do Estado. CGJ. arquivem-se os autos.. conforme informado às fls. conforme informado às fls. CGJ. PROCESSO: 00054405920038140301 Ação: Busca e Apreensão em Alienação Fiduciária em: 09/09/2010 AUTOR: BANCO ABN AMRO REAL S/A ADVOGADO MICHELLE FERRO RÉU: JOAO BOSCO SANTOS SILVA. expeça-se Certidão para inscrição na Divida Ativa do Estado. CGJ. expeça-se Certidão para inscrição na Divida Ativa do Estado. Intimar e Cumprir.(Provimento nº 005/2002. Diante do não pagamento das custas finais. conforme informado às fls.. com remessa à Procuradoria-Geral do Estado e comunicação à Coordenadoria Geral de Arrecadação do TJE/PA. expeça-se Certidão para inscrição na Divida Ativa do Estado. PROCESSO: 00224730520058140301 Ação: Reintegração / Manutenção de Posse em: 09/09/2010 AUTOR: ITAULEASING DE ARRENDAMENTO MERCANTIL ADVOGADO CRISTIANO J DOS SANTOS PAIVA RÉU: JORGE COSTA LISBOA JUNIOR... Após.

. com remessa à Procuradoria-Geral do Estado e comunicação à Coordenadoria Geral de Arrecadação do TJE/PA. LTDA. expeça-se Certidão para inscrição na Divida Ativa do Estado.TJ/PA . de 11/09/2002.(Provimento nº 005/2002. 11). Intimar e Cumprir. expeçase Certidão para inscrição na Divida Ativa do Estado. Após. Após. expeça-se Certidão para inscrição na Divida Ativa do Estado. arquivem-se os autos. Diante do não pagamento das custas finais. conforme informado às fls. com remessa à Procuradoria-Geral do Estado e comunicação à Coordenadoria Geral de Arrecadação do TJE/PA. de 11/09/2002.(Provimento nº 005/2002.(Provimento nº 005/2002. 11). Diante do não pagamento das custas finais. CGJ. CGJ... 11).. PROCESSO: 00347527420088140301 Ação: Notificação em: 10/09/2010 AUTOR: DEUSARINA L.(Provimento nº 005/2002. Diante do não pagamento das custas finais. Diante do não pagamento das custas finais. conforme informado às fls. PROCESSO: 00103092419928140301 Ação: Execução de Título Extrajudicial em: 10/09/2010 ADVOGADO: ADELMIRA CARNEIRO MAIA AUTOR: FRIGOREAL . CGJ. art.(Provimento nº 005/2002. Intimar e Cumprir. 11). com remessa à Procuradoria-Geral do Estado e comunicação à Coordenadoria Geral de Arrecadação do TJE/PA.. expeça-se Certidão para inscrição na Divida Ativa do Estado. 11).. PROCESSO: 00090360320028140301 Ação: Busca e Apreensão em Alienação Fiduciária em: 10/09/2010 AUTOR: BANCO DIBENS S/A ADVOGADO: JOAO APARECIDO DE SOUZA RÉU: VICENTE DE PAULO CARDOSO RODRIGUES.. Intimar e Cumprir. art. arquivem-se os autos. expeça-se Certidão para inscrição na Divida Ativa do Estado. de 11/09/2002. expeça-se Certidão para inscrição na Divida Ativa do Estado. com remessa à Procuradoria-Geral do Estado e comunicação à Coordenadoria Geral de Arrecadação do TJE/PA.(Provimento nº 005/2002. PROCESSO: 00067907820028140301 Ação: Petição em: 10/09/2010 ENVOLVIDO: JOSE FARIAS DA SILVA AUTOR: JULIA TAVARES DA SILVA ADVOGADO: WILCINELY NAZARE SANTOS DE OLIVEIRA. Intimar e Cumprir. PROCESSO: 00139247519968140301 Ação: Despejo por Falta de Pagamento em: 10/09/2010 RÉU: SAMUEL LIMA DE CARVALHO AUTOR: SILVIA REGINA PINA MACHADO ADVOGADO JOSE MARIA VIANNA OLIVEIRA ADVOGADO MARIA ROSA SOARES TELES ADVOGADO BETHANIA DO SOCORRO GUIMARAES BASTOS OAB 11. de 11/09/2002. CGJ. PROCESSO: 00518849120008140301 Ação: Reintegração / Manutenção de Posse em: 10/09/2010 ADVOGADO: JOAO B FARIA JUNIOR RÉU: OSWALDO ALMEIDA COIMBRA JUNIOR AUTOR: VOLKSWAGEN LEASING S/A. RÉU: JOSE DE JESUS C. arquivem-se os autos.. Intimar e Cumprir. PROCESSO: 00002189419908140301 Ação: Processo Cautelar em: 10/09/2010 REQUERENTE: ANTONIO RONALDO CAMACHO BAENA REQUERIDO: ATREU CIRIACO BAENA JUNIOR. art. de 11/09/2002.. expeça-se Certidão para inscrição na Divida Ativa do Estado. 11). Intimar e Cumprir.. Intimar e Cumprir.. de 11/09/2002. Intimar e Cumprir.. Diante do não pagamento das custas finais.Edição nº 4651/2010 .. Intimar e Cumprir. arquivem-se os autos. art. conforme informado às fls. arquivem-se os autos.DIÁRIO DA JUSTIÇA . conforme informado às fls. Após. CGJ.. Após. Após.. com remessa à Procuradoria-Geral do Estado e comunicação à Coordenadoria Geral de Arrecadação do TJE/PA. Diante do não pagamento das custas finais. Após. 11). com remessa à Procuradoria-Geral do Estado e comunicação 152 . CGJ. CGJ. DA SILVA ME AUTOR: DEUSARINA LOBATO DA SILVA ADVOGADO ANTONIO CARVALHO LOBO RÉU: REAL LEASING S/A ARRENDAMENTO MERCANTIL ADVOGADO CRISTINE GOUVEA DE ARAUJO. art. art. Após. Após. conforme informado às fls. de 11/09/2002. com remessa à Procuradoria-Geral do Estado e comunicação à Coordenadoria Geral de Arrecadação do TJE/PA. 11). expeça-se Certidão para inscrição na Divida Ativa do Estado. de 11/09/2002. conforme informado às fls. com remessa à Procuradoria-Geral do Estado e comunicação à Coordenadoria Geral de Arrecadação do TJE/PA. art. com remessa à Procuradoria-Geral do Estado e comunicação à Coordenadoria Geral de Arrecadação do TJE/PA. PROCESSO: 00023243519998140301 Ação: Petição em: 10/09/2010 AUTOR: FORD COMERCIO E SERVICOS LTDA ADVOGADO MANOEL EUDOXIO PEREIRA NETO ADVOGADO NELSON PASCHOALOTTO RÉU: MARIA JOSE NUNES CARNEIRO ADVOGADO ADELMIRA CARNEIRO MAIA.. Diante do não pagamento das custas finais. 11). expeça-se Certidão para inscrição na Divida Ativa do Estado... art.SANTOS. expeça-se Certidão para inscrição na Divida Ativa do Estado.. arquivem-se os autos. de 11/09/2002. art.. conforme informado às fls. com remessa à Procuradoria-Geral do Estado e comunicação à Coordenadoria Geral de Arrecadação do TJE/PA.(Provimento nº 005/2002.FRIGORIFICO REAL LTDA. art. PROCESSO: 00372563820028140301 Ação: Arrolamento de Bens em: 10/09/2010 ADVOGADO: FATIMA DE NAZARE PEREIRA GOBITSCH RÉU: GERALDO GOBITSCH NETO AUTOR: NILDA MARIA SARMENTO GOBITSCH ADVOGADO MARIA RUTE MARQUES LIMA. de 11/09/2002. 11). Após. de 11/09/2002.. PROCESSO: 00085384720018140301 Ação: Petição em: 10/09/2010 RÉU: BANCO SUDAMERIS SA ADVOGADO: CARLOS FERRO AUTOR: CONSORCIO NACIONAL GM LTDA ADVOGADO RONDINELLI FERREIRA PINTO ADVOGADO JOSE RAIMUNDO CANTO ADVOGADO: ELMANO MARTINS FERREIRA ADVOGADO: HILDEMAN ROMERO COLMENARES RÉU: JOSE DE RIBAMAR SILVA ALBUQUERQUE. A. Após. CGJ.. Diante do não pagamento das custas finais. art.(Provimento nº 005/2002. Diante do não pagamento das custas finais. expeça-se Certidão para inscrição na Divida Ativa do Estado.084. Intimar e Cumprir.(Provimento nº 005/2002. Após. arquivem-se os autos. art. expeça-se Certidão para inscrição na Divida Ativa do Estado. conforme informado às fls.. com remessa à Procuradoria-Geral do Estado e comunicação à Coordenadoria Geral de Arrecadação do TJE/PA. conforme informado às fls.(Provimento nº 005/2002.. Intimar e Cumprir. CGJ. expeçase Certidão para inscrição na Divida Ativa do Estado. 11). arquivem-se os autos... Intimar e Cumprir. conforme informado às fls. Intimar e Cumprir. CGJ. com remessa à Procuradoria-Geral do Estado e comunicação à Coordenadoria Geral de Arrecadação do TJE/PA. MARTINS MONTEIRO RÉU: PARAGAS DISTRIB. Diante do não pagamento das custas finais.. expeça-se Certidão para inscrição na Divida Ativa do Estado..(Provimento nº 005/2002.. 11). arquivem-se os autos. conforme informado às fls. PROCESSO: 00220718820018140301 Ação: Reintegração / Manutenção de Posse em: 10/09/2010 AUTOR: ANA MARIA CRUZ DA SILVA RÉU: JOSE FERNANDES DOS REIS NETTO ADVOGADO: MARIO FREITS JR. Após. arquivem-se os autos. Diante do não pagamento das custas finais. art. arquivem-se os autos. CGJ. 11). de 11/09/2002. arquivem-se os autos. Diante do não pagamento das custas finais.Terça-Feira. arquivem-se os autos. Diante do não pagamento das custas finais.(Provimento nº 005/2002.. com remessa à Procuradoria-Geral do Estado e comunicação à Coordenadoria Geral de Arrecadação do TJE/PA. conforme informado às fls. PROCESSO: 00324235820078140301 Ação: Inventário em: 10/09/2010 INTERESSADO: FRANCISCA DAS GRACAS BAHIA DE SOUZA ADVOGADO CRISTOVINA PINHEIRO DE MACEDO INVENTARIADO: PAULINA LOPES MAIA INVENTARIANTE: TELMA DE NAZARE COSTA DOS SANTOS ADVOGADO FRANCISCO HELDER FERREIRA DE SOUSA. com remessa à Procuradoria-Geral do Estado e comunicação à Coordenadoria Geral de Arrecadação do TJE/PA. Intimar e Cumprir. expeça-se Certidão para inscrição na Divida Ativa do Estado. arquivem-se os autos. de 11/09/2002. CGJ. art. PROCESSO: 00007468920008140301 Ação: Processo Cautelar em: 10/09/2010 ADVOGADO: FERNANDO DA SILVA GONCALVES ADVOGADO: FRANCISCO TADEU CARACAS DE CASTRO AUTOR: N. 11)..(Provimento nº 005/2002. Após. CGJ.(Provimento nº 005/2002. conforme informado às fls. CGJ. de 11/09/2002. Após. PROCESSO: 00203584120028140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 10/09/2010 RÉU: A A COMERCIO DE INFORMATICA LTDA AUTOR: VOLKSWAGEN LEASING S/A ADVOGADO PRISCILA GOMES ARAUJO. 14 de Setembro de 2010 das custas finais. conforme informado às fls. conforme informado às fls. com remessa à Procuradoria-Geral do Estado e comunicação à Coordenadoria Geral de Arrecadação do TJE/PA. Diante do não pagamento das custas finais.

PROCESSO: 00194578420028140301 Ação: Alvará Judicial em: 10/09/2010 AUTOR: ALINE LIMA BARROSO ADVOGADO: FREDERICO JOSE SOARES BEZERRA AUTOR: MARIA DE FATIMA LIMA BARROSO. art. Expeça-se mandado de busca e apreensão. art. CGJ. 14 de Setembro de 2010 à Coordenadoria Geral de Arrecadação do TJE/PA.(Provimento nº 005/2002. Belém.. CGJ. Após.Edição nº 4651/2010 . arquivem-se os autos. Dou fé. devendo sair mandado para intimar o requerido no endereço fornecido às fls. com remessa à Procuradoria-Geral do Estado e comunicação à Coordenadoria Geral de Arrecadação do TJE/PA. a mesma fica remarcada para o dia 18/10/2010. PROCESSO: 00107964319988140301 Ação: Busca e Apreensão em Alienação Fiduciária em: 10/09/2010 AUTOR: FIAT ADMINISTRADORA DE CONSORCIOS LTDA RÉU: JOSIMAR FERREIRA DOS SANTOS ADVOGADO: PATRICIA RAIOL. às 9.(Provimento nº 005/2002. Após. que a audiência prevista para data de hoje nestes autos não se realizou em virtude de que a petição informando o endereço do requerido chegou muito próxima à data marcada. JOÃO BATISTA LOPES DO NASCIMENTO Juiz de Direito 153 . arquivem-se os autos. CGJ. de 11/09/2002. expeça-se Certidão para inscrição na Divida Ativa do Estado. conforme informado às fls.. PROCESSO: 00102265420068140301 Ação: Reintegração / Manutenção de Posse em: 13/09/2010 AUTOR: DALVA GOMES SANTIAGO ADVOGADO MARIA CRISTINA FONSECA CARVALHO ADVOGADO BRUNO BRASIL DE CARVALHO RÉU: JUNIOR GOMES SANTIAGO ADVOGADO AYLTON DA SILVA PINHEIRO. expeça-se Certidão para inscrição na Divida Ativa do Estado. de 11/09/2002. Juiz. de 11/09/2002.TJ/PA . conforme informado às fls. ficando ciente a autora. Por ordem do MM.. Intimar e Cumprir. Intimar e Cumprir. 11). Intimar e Cumprir. com remessa à Procuradoria-Geral do Estado e comunicação à Coordenadoria Geral de Arrecadação do TJE/PA.00 horas. 11). 11). PROCESSO: 00493286220098140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 13/09/2010 RÉU: SETRANS BEL . Após.. Diante do não pagamento das custas finais. 86 dos autos. Intimar e Cumprir. arquivem-se os autos. ficando esta Secretaria impossibilitada para expedir o mandado de intimação. 13 de setembro de 2010.Terça-Feira.SINDICATO DAS EMPRESAS DE TRANSPORTES E PASSAGEIROS DE BELEM ADVOGADO FREDERICO COELHO DE SOUZA ADVOGADO ANDRESA DA CUNHA MENDES ADVOGADO KAUE OSORIO AROUCK AUTOR: TRANSPORTE AMAZONAS LTDA ADVOGADO CAIO ROGERIO BRANDAO. Diante do não pagamento das custas finais.DIÁRIO DA JUSTIÇA . CERTIFICO. art.(Provimento nº 005/2002.

09. que a autora requereu na inicial Ação de Indenização por Danos Morais.Edição nº 4651/2010 . modelo CELTA HATCH SUPER 1. Vê-se que é caso de acatar a preliminar de prescrição. advertindo-o de que no prazo de cinco dias após a execução da liminar. 109/110.000. 10/12. com base no art. poderá pagar a integralidade da dívida pendente. nos prazos a que aludem os arts. Com a entrada do novo Código Civil. P. SOSA. Art. nasce para o titular a pretensão. Passo a julgar. sendo o autor às fls. fls. em síntese. a princípio. linha Distrito Industrial/Iguatemi. E. A audiência de conciliação restou infrutífera. Sem custas e honorários em face da gratuidade processual. Em audiência de instrução. sobre contestação de fls. propôs perante este Juízo. ano de fabricação 2001. aduzindo. chassi nº 9BGRD08Z02G123123. Aduz em inicial. 205 e 206. Pelo exposto determino que os presentes autos fiquem aguardando a manifestação da parte interessada a quando do trânsito em julgado da sentença da Ação Declaratória de União estável.028. do CPC. 09 de julho de 2010. não purgou a mora. placa JTS 2883. sobre a qual a autora impugnada atribuiu o valor de R$ 1. pois o valor da causa nessas ações não está balizado pelo dispositivo. fl. Sucintamente relatado. Os fatos aconteceram em 22 de dezembro de 2001. e fundamentação supra. e se. 112/113. Juíza da 11ª Vara Cível. 206. Maria do Céo Maciel Coutinho.TJ/PA . Com manifestação da autora às fls. somente. só havia transcorrido pouco mais de um ano quando do início da vigência do novo Código Civil. entendendo a ré impugnante que o valor deve ser de R$50.) V .000. Serão os da lei anterior os prazos. já houver transcorrido mais da metade do tempo estabelecido na lei revogada. vigênte a partir de 11 de janeiro de 2003 ¿ art. é genérico. É o relatório. fls. no prazo de 5 (cinco) dias. com a redação dada pela Lei nº 10. através de advogado legalmente constituído. mais de cinco anos depois dos fatos. Trata-se de ação de danos materiais e morais em que litigam Laurinda Santos contra Tranposrtes Marituba Ltda e o denunciado a seguradora Sula America Seguros. estando dependendo de seu trânsito em julgado. passou por cima de seu pé. com fixação de pontos controvertidos. contando os três anos de 12/01/2003 o prazo alcança seu limite em 11/01/2006. a qual se extingue. apresentar resposta. Em. Diz o Código Civil a respeito da prescrição.931/04). Belém/Pa. Prescreve: § 3o Em três anos: (. Art. 2. Expeça-se o que for necessário. cor PRETA. 124/125 e réu às fls. no prazo de quinze dias.11. uma vez que o filho da impugnada retratado no jornal Amazônia Hoje.DIÁRIO DA JUSTIÇA . Intime-se. Republique-se com o número destes autos a decisão interlocutória de fls. A mora ou o inadimplemento.044 do CC -.1.12/14. valendo para o caso o novo prazo prescricional. eis que dependente 154 . Lei 911/69. se houver. pela prescrição.a pretensão de reparação civil. na qual pleiteia pagamento de R$1. 269. 34/39. ouviu-se a parte autora.Processo no 2007. causando trauma. PROCESSO: 00296347720098140301 Ação: Impugnação ao Valor da Causa em: 31/08/2010 IMPUGNANTE: DELTA PUBLICIDADE S/A ADVOGADO JORGE BORBA ADVOGADO LIVIA FLAVIA SILVA DA SILVA IMPUGNADO: RAIMUNDA NONATA FONSECA DOS SANTOS ADVOGADO WALCIRNEY S. Violado o direito.000. Analisando detidamente a matéria. PROCESSO: 00144628320098140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 31/08/2010 RÉU: DELTA PUBLICIDADE S/A AUTOR: RAIMUNDA NONATA FONSECA DOS SANTOS ADVOGADO WALCIRNEY S. segundo os valores apresentados pelo credor fiduciário na inicial. placa JVY6410. Posto isso. enquanto o inventario que tramita nesta vara se encontra suspenso em razão da medida liminar deferida na medida cautelar apensa a estes autos.017181-6 Sentença A Vistos. 2. DELTA PUBLICIDADE S/A. 126/133. que em 22 de dezembro de 2001 foi vítima de acidente em frente ao Shopping Iguatemi. já que o valor almejado em tais ações. Citado o réu contestou o pedido.R. hipótese na qual o bem lhe será restituído livre de ônus (art. quando reduzidos por este Código. PROCESSO: 00056620320078140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 02/09/2010 AUTOR: LAURINDA ARAUJO SANTOS ADVOGADO ONEIDE DA SILVA PEREIRA RÉU: MARITUBA LTDA ADVOGADO RAFAEL DE ATAIDE AIRES DENUNCIADO: SUL AMERICA CIA NACIONAL DE SEGUROS ADVOGADO MARCELO MEIRA MATOS. razão pela qual.0 VHC 8V 2P.028. 189. Vistos. por não haver nem conexão e nem continência entre as ações. decido. Resta. o denunciado Sul América Cia Nacional de Seguros citado contestou o pedido. SOSA. mas pelo contido no artigo 258 do mesmo diploma legal. Manifeste-se a autora. Juntou documentos. quando o ônibus pertencente ao réu. requisitos legais exigidos pelo artigo supracitado para o deferimento da medida liminar encontram-se nos autos pela notificação oficial do devedor que. fls. era pessoa anônima e por isso a contestada não teria sofrido grave dano. fato que não trará nenhum prejuízo a parte. A ação foi distribuída em 15 de março de 2007. 14 de Setembro de 2010 SECRETARIA DA 11ª VARA CÍVEL DA CAPITAL RESENHA: 09/09/2010 A 09/09/2010 . PODER JUDICIÁRIO JUÍZO DA 11ª VARA CÍVEL DA COMARCA DA CAPITAL MUTIRÃO/2010. 03/06. Art. Instada a autora a se manifestar sobre a impugnação.44/60. com o ingresso da ação se deu somente em 15/03/2007 esta já se encontrava prescrita desde o seu intento. cite-se o requerido para. Cynthia Beatriz Zanlochi Vieira Juíza de Direito Juíza de Direito Cynthia Beatriz Zanlochi Vieira PROCESSO: 00296347720098140301 Ação: Impugnação ao Valor da Causa em: 08/09/2010 IMPUGNANTE: DELTA PUBLICIDADE S/A ADVOGADO JORGE BORBA ADVOGADO LIVIA FLAVIA SILVA DA SILVA IMPUGNADO: RAIMUNDA NONATA FONSECA DOS SANTOS ADVOGADO WALCIRNEY S.00 (um milhão de reais). Apresentou-se memorial final. etc. por não se encontrarem as ações nas hipóteses dos artigos 103 e 104 do CPC. Com a execução da medida liminar.000. assim. IV. Juntou documentos. entende este Juízo que as disposições do artigo 259 do Código de Processo Civil não se aplicam às ações de indenização por dano moral. fls.. 02 de setembro de 2010. Versam os presentes autos sobre Impugnação ao Valor da Causa em Ação de Indenização por Danos Morais. Conforme verificado no sistema de acompanhamento de ações. fls. etc. se não vejamos. considerando o art. 15/28. Laurinda Araújo Santos ingressou com ação de indenização por perdas e danos morais e estético cumulada com pensão alimentícia em face de Transportes Marituba Ltda.. a ação que tramita na 4ª Vara da Família já foi sentenciada. o prazo prescricional teve seu início em 12 de janeiro de 2003. PROCESSO: 00269532020108140301 Ação: Busca e Apreensão em Alienação Fiduciária em: 01/09/2010 AUTOR: HSBC BANK BRASIL S/A . Deferida a denunciação da lide. Cientifiquem-se os avalistas. 119/121. DEFIRO a medida liminar e determino que se proceda a busca e apreensão do veículo marca CHEVROLET.I. com manifestação do autor às fls.00 (cinquenta mil reais). Como o fato ocorreu em 22/12/2001.00 (um milhão de reais). fls. de apenas 03 (três) anos. esta não o fez como se vê através da certidão à fl. Republicação Determino o desarquivamento dos presentes autos. Entendo não se tratar de caso de ser o juízo da 4ª Vara Cível prevento. julgo extinta o pedido do autor. valor considerado excessivo pela impugnante. 2. SOSA. do CC. conforme atestado médico de fl.000. 64/72. 74/107. IMPUGNAÇÃO AO VALOR DADO À CAUSA PELO AUTOR. não sendo possível apuração imediata.BANCO MULTIPLO ADVOGADO KEILA WIRGINIA MALHEIRO VALE RÉU: WESDRINO ALEX DE SOUSA SANTOS. acatar a preliminar de prescrição da pretensão do autor. na data de sua entrada em vigor.Terça-Feira. Sirva a presente decisão como mandado.SECRETARIA DA 11ª VARA CIVEL DE BELEM PROCESSO: 00364204720028140301 Ação: Inventário em: 09/07/2010 INTERESSADO: ANA REGINA SALES DE SOUZA ADVOGADO: FERNANDO DE MORAES VAZ ENVOLVIDO: NEURA GUIZARDE DE LEAO ADVOGADO JOSÉ MILTON DE LIMA SAMPAIO NETO INVENTARIADO: RUBENS QUEIROZ DE LEAO. embora notificado. 3º do Dec.

Recurso conhecido e improvido. No caso dos presentes autos.2005. Determino o encaminhamento dos autos à UNAJ para que apure custas finais. a pagar o valor de 40 (quarenta) salários mínimos. atendidas as alíneas A. portanto a coisa julgada.7. são os mesmos da ação que já foi sentenciada e transitou livremente em julgado. Às fls.DE P. Decisão unânime. O Colendo Superior Tribunal de Justiça pacificou tal entedimento em seus julgados. que se houverem serão rateadas entre as partes. 1. PUBLICO ADVOGADO HILDENIR HELCKER DE AGUIAR FRANCO LITISDENUNCIADO: SUL AMERICA . VALOR ESTIMATIVO. 2009. através de representante legal. Carmencin Marques Cavalcante. em momento anterior. de 31-08-1982). V do CPC. Agravo Regimental improvido. Nesse sentido. condenando a seguradora. Publicado no DJe 24/03/2009) Assim sendo. rejeito a presente Impugnação ao Valor Dado à Causa pelo Autor proposta por Delta Publicidade S/A e em conseqüência.036 do CPC em a redação da Lei n. RECURSO IMPROVIDO. tais como. Às fls. foi designado audiência de conciliação. Às fls.DIÁRIO DA JUSTIÇA . É necessária. é cabível a indicação de valor da causa meramente estimativo quando o autor da ação de indenização por danos morais deixa ao arbítrio do juiz a especificação do quantum ndenizatório.Edição nº 4651/2010 . processo que se encontra em fase de execução.tomo I (arts. 14 de Setembro de 2010 do arbítrio do magistrado. PROCESSO: 00101722020108140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 09/09/2010 AUTOR: BOLIVAR DA COSTA BRITO ADVOGADO ALICE TRINDADE MONTEIRO RÉU: EDIFICIO CONEGO JERONIMO PIMENTEL ADVOGADO KATIA REGINA PEREIRA AMERICO. 269. em razão de ter o autor ajuizado ação idêntica no Juízo Especial Cível de Acidentes de Trânsito.Decisão unânime.019. observado o disposto no artigo 993 do Código de Processo Civil e o esboço de partilha amig á vel na forma do artigo 1. Conforme precedente desta Corte. sob o número do processo 2009. certidão de registro de imóv eis. MATTOS E ADVOGADO: MARIA DO SOCORRO M. pelo que o autor requereu a complementação da indenização securitária. a ré informou que a parte autora promoveu ação idêntica a esta. a requerida se manifestou alegando que recebeu o mandado de citação e intimação um dia antes da audiência. § 5º. a requerida efetuou o pagamento. foram apresentados documentos referentes ao processo anterior. desrespeitou a legislação pátria. O requerido alega ainda em preliminar a litigância de má-fé por parte do autor. 2ª Câmara Cível Isolada.I. não há responsabilidade civil que enseje a reparação do suposto evento danoso.019/82. Verifica-se ainda que as partes litigantes. caracterizando a alteração da verdade dos fatos. tendo em vista que o processo em trâmite no Juizado Especial Cível de Acidentes de Trânsito encontra-se em fase de execução. PROCESSO: 00249369320098140301 Ação: Procedimento Sumário em: 09/09/2010 RÉU: BRADESCO SEGUROS S/A ADVOGADO MANUELLE LINS CAVALCANTI BRAGA AUTOR: ELIELSON ARRUDA COSTA ADVOGADO ALESSANDRO DOS SANTOS COSTA. (AgRg no Ag 639979/RJAgravo Regimental no Agravo de Instrumento2004/0111030-9. 9). StarWriter PROCESSO Nº: 2008.1. Bradesco Seguros S/A. Mérito julgada improcedente a causa os honorários advocatícios devem ser arbitrados conforme apreciação eqüitativa do juiz. ambos qualificados na exordial de fls. referente à invalidez permanente sofrida pelo autor. e Intime-se.09.1. P. De fato. restando configurada. impossibilitando a sua plena defesa. p. a quantia referente a 40 (quarenta) salários mínimos. a qual dispõe que o valor a ser pago em caso de invalidez permanente é o integral de 40 (quarenta) salários mínimos. B e C do § 3º. Custas na forma da lei.R. conforme certidão de fls. no entanto. Às fls. requerendo a condenação do suplicante na forma do art. a qual deixou de ser realizada por conta da ausência das partes. Vistos etc. e por conta disto. atribuição de valor aos bens do espólio.06/11. Rio de Janeiro: Forense. impossibilitando-o de levar uma vida social como outrora. e o objeto desta lide. 42/45. Decido. 18/19. com fundamento no art. (Acórdão nº 58.DEF. o qual proferiu sentença nos autos nº. cad.001817-3. Intime-se o Defensor da autora e o patrono da empresa requerida para.: Desa. Assim sendo. por ter este ajuizado duas ações e alterado a verdade dos fatos. alegando que sofreu grave acidente de trânsito.806 do CPC.1. Mérito ausente algum dos requisitos necessários à configuração do dano moral. juntar aos autos instrumento de mandato com poderes para transigir. no prazo de 5 (cinco) dias. com a redação da Lei n. P. em sua obra Comentários ao Código de Processo Civil: volume II .338.TJ/PA .268/270. distribuída no Juizado Especial Cível de Acidentes de Trânsito. a prova de quitação de tributos relativos aos bens do espólio (certidões municipais e negativa federal) e de suas rendas (Código de Processo Civil. Apelação do réu preliminar do agravo retido impugnação ao valor da causa não havendo conteúdo econômico o valor da causa na ação de indenização por dano moral obedece ao art. sendo perfeitamente aceitável que o autor atribua voluntariamente o valor da causa. alega ainda que a parte autora agiu de má-fé ao ajuizar duas ações e escolher qual o Juízo que sentencia primeiro. com a inicial. DANOS MORAIS. tendo inclusive a decisão transitado em julgado. com o fim de conseguir 155 . Apelação do autor preliminar de intempestividade rejeitada à unanimidade. 17. PROCESSO: 00105046919998140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 09/09/2010 ADVOGADO: BERNADETE DE MELO E SILVA ADVOGADO: MARCELO MARINHO M. Belém. o demandado requereu extinção do processo sem resolução do mérito. 02/05. nos termos do artigo 1. 1º a 269). R. artigo 1. de relação de bens e herdeiros. sendo improvido o agravo retido à unanimidade. O Egrégio Tribunal de Justiça do Estado já firmou seu entendimento acerca desse tema. assiste razão ao contestante. 28 de junho de 2010 Maria do Céo Maciel Coutinho Juíza de Direito da 11ª Vara Cível PROCESSO: 00323861520108140301 Ação: Inventário em: 09/09/2010 INVENTARIANTE: ELIETE SIGNORELLI DE DEUS ADVOGADO SEBASTIANA APARECIDA SERPA SOUZA SAMPAIO INVENTARIADO: JOÃO FRANCISCO DE DEUS NETO. Recurso conhecido e parcialmente provido. 46/65. do CPC e não sobre o valor dado à causa. extingue o processo com resolução de mérito. o nexo de causalidade e a culpa. III. documento que comprove a propriedade dos bens imóveis descritos na declaração de renda do ¿de cujus¿. POSSIBILIDADE. como decidido. o qual resultou em sequelas de caráter permanente. Vistos e etc.7. PRECEDENTES. NEVES E OUTROS AUTOR: RAIMUNDA PEREIRA BUENO ADVOGADO ALCIDES ALEXANDRE FERREIRA DA SILVA .: Ministro Sidnei Beneti. do CPC. 18 do CPC. IMPUGNAÇÃO AO VALOR DA CAUSA. o dano. em razão disto pleiteou administrativamente junto à seguradora o recebimento do prêmio. requerendo a redesignação da audiência. tendo inclusive a decisão transitado em julgado. ajuizada por Raimunda Nonata Fonseca dos Santos.ou seja . atendendo às exigências legais supra-enumeradas junte a inventariante. Elielson Arruda Costa.001817-3.036. mantenho o valor da causa na ação de Indenização por Danos Morais. As partes dispensam o prazo recursal. Terceira Turma. Julgado em 05/03/2009. 1987 entende por litigância de má-fé: Diz-se litigante de má fé não só o que tiver deduzido pretensão ou oposição cuja falta de fundamento não ignorava como também o que tiver conscientemente alterado a verdade dos fatos ou omitido fatos essenciais e o que tiver feito do processo ou dos meios processuais um uso manifestamente reprovável. Apelação Cível nº 200130012505. também. ingressou neste Juízo com Ação Sumária contra Bradesco Seguros S/A. 12. 267.. As partes tomaram ciência em audiência. Rel. Preliminar rejeitada. sendo improcedente a ação. leciona o jurista Edson Prata. 259 do mesmo diploma legal. no prazo de 10 (dez) dias . conforme se observa em consulta feita no Sistema de Acompanhamento de Processos deste Tribunal. Rel. do art.Terça-Feira.100796-0 REQUERENTE: ELIELSON ARRUDA COSTA REQUERIDO: BRADESCO SEGUROS S/A. conforme julgado abaixo transcrito: Ementa: Apelação cível direito civil e processual civil ação ordinária de indenização por danos morais. Este juízo homologa por sentença para que produza seus jurídicos e legais efeitos o acordo celebrado entre as partes e na forma do art. 20. É o relatório.CIA NACIONAL DE SEGUROS RÉU: TRANPORTES BELEM LISBOA LTDA. bem como a certidão de nascimento das demais herdeiras e o termo de renúncia. a fim de que seja homologado o acordo de fls. Antes de apreciar o mérito e julgar a ação. dos quais constam a petição inicial distribuída perante o Juízo Especial Cível de Acidentes de Trânsito. bem como decisão que condenou a empresa/ré a pagar ao reclamante. 258 do CPC e não ao disposto no art. deve o Juízo avaliar as preliminares.. O rito do arrolamento pressupõe a vinda. o requerido alega inicialmente em preliminar a coisa julgada. Publicado no DJ de 13. A inicial veio acompanhada dos documentos de fls. uma vez que o requerente não poderia ter ingressado com a presente Ação de Cobrança Integral de Seguro DPVAT. Vejamos: AGRAVO REGIMENTAL EM AGRAVO DE INSTRUMENTO.

I. A ré se compromete a realizar uma assembleia extraordinária dando ciência da presente questão e do gasto.C. Condeno o autor ao pagamento de multa de 1% (um por cento) sobre o valor da causa. na forma do que dispõe o art.nos termos da lei 1.Edição nº 4651/2010 . Maria do Céo Maciel Coutinho Juíza Titular da 11ª Vara Cível PROCESSO: 00345173020108140301 Ação: Exibição em: 09/09/2010 AUTOR: AZAMOR FAVACHO DA SILVA ADVOGADO ROSA KEILLA SOUSA DE SOUZA RÉU: BANCO BRADESCO S/A. Cite-se o requerido. Belém. 72/78) e da impugnação ao valor da causa.500. II. 267. com prazo de 15 (quinze) dias. V do CPC.C. em nome de AZAMOR FAVACHO DA SILVA. 72/78) e da impugnação ao valor da causa. Aberta a audiência.000. anotando-se no mandado que. PROCESSO: 00333875420108140301 Ação: Monitória em: 09/09/2010 RÉU: ANA CAROLINA GONÇALVES DE ALMEIDA AUTOR: BANCO DA AMAZONIA SOCIEDADE ANONIMA ADVOGADO FABRICIO DOS REIS BRANDAO RÉU: BEL VIAGENS E TURISMOS LTDA RÉU: DENISE DO SOCORRO BARRETO. acolho a preliminar de coisa julgada.Terça-Feira. Diante da intimação do autor conforme se verifica dos autos às fls. querendo. Após o transito em julgado arquive-se. Tendo em vista o pleito de fls. Este juízo homologa por sentença para que produza seus jurídicos e legais efeitos o acordo celebrado entre as partes e na forma do art. arguida pelo requerido. Junte-se cópia desta sentença à Impugnação ao Valor da Causa em apenso para constar as extinções de ambos os feitos. conforme supramencionado. Intime-se e cumpra-se. através de seu representante legal. na forma do que dispõe o art. Belém.00 (dois mil e quinhentos reais). Cada uma das partes arcará com os honorários de seus advogados e as custas serão rateadas. PROCESSO: 00188907220058140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 09/09/2010 RÉU: COMERCIO E REPRESENTACAO DE MATERIAIS CIRURGICOS E HOSPITALAR LTDA ADVOGADO PATRICIA DE NAZARETH DA COSTA E SILVA ADVOGADO DEUSDEDITH FREIRE BRASIL AUTOR: UNIVERSAL INFORMATICA LTDA EPP ADVOGADO MARIA AMELIA FERREIRA LOPES ADVOGADO LUIS CARLOS SILVA MENDONCA. o não interesse do réu no prosseguimento da reconvenção (fls. oficiando-se aos cartório Moura Palha e Vale Veiga.R. a ser pago diretamente ao autor mediante recibo. nos termos dos artigos 802 e 803 do Código de Processo Civil. Ante o exposto.000. 31 de agosto de 2010. 22/23 dos autos. nesse prazo. extingue o processo com resolução de mérito.397.00 (cem reais) por dia em caso de descumprimento.DIÁRIO DA JUSTIÇA . e ainda ao Serasa. do Código de Processo Civil. 67 e 70 e seu desinteresse no prosseguimento do feito e. o não interesse do réu no prosseguimento da reconvenção (fls. II. Procedase a citação do litisdenunciado. 14 de Setembro de 2010 um objetivo ilegal ou de entorpecer a ação da justiça ou de impedir a descoberta da verdade. PROCESSO: 00188907220058140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 09/09/2010 RÉU: COMERCIO E REPRESENTACAO DE MATERIAIS CIRURGICOS E HOSPITALAR LTDA ADVOGADO PATRICIA DE NAZARETH DA COSTA E SILVA ADVOGADO DEUSDEDITH FREIRE BRASIL AUTOR: UNIVERSAL INFORMATICA LTDA EPP ADVOGADO MARIA AMELIA FERREIRA LOPES ADVOGADO LUIS CARLOS SILVA MENDONCA. PROCESSO: 00030249820078140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 09/09/2010 RÉU: CONSORCIO NACIONAL GM LTDA ADVOGADO RONDINELI FERREIRA PINTO E OUTROS RÉU: IMPORTADORA DE FERRAGENS S/A ADVOGADO CLAUDIA DOCE SILVA COELHO DE SOUZA AUTOR: JAIME ALVES BEZERRA ADVOGADO SAVIO BARRETO LACERDA LIMA ADVOGADO ARLEN PINTO MOREIRA.102. R. através de Oficial de Justiça. as partes aceitaram a proposta do Juízo no sentido de que a ré pague ao autor a quantia de R$2. 13142-8 (depósito 84/683. o Juízo defere a juntada requerida pela ré e lhe concede o prazo de cinco dias para a juntada de substabelecimento.I e Cumpra-se. Deliberação: Vistos e etc. P. e mais que dos autos consta. Vistos e etc. P. do CPC. presentes os requisitos da plausibilidade do direito (fumus boni iuris) e do perigo da demora na obtenção do provimento (periculum in mora). e com fundamento no artigo 267. Desta forma. sob pena de revelia e confissão quanto à matéria de fato. DELIBERAÇÃO: Vistos e etc. sob pena de multa de R$100. da mesma forma. 18 do CPC. P. constituir-se-á de pleno direito título executivo judicial. e a terceira no valor de R$500. 09 de setembro de 2010 Maria do Céo Maciel Coutinho Juíza de Direito Titular da 11ª Vara Cível. nesta oportunidade arcado pelo condomínio devido a conduta dos condôminos. tendo este declarado a desistência do feito. Custas e honorários pelo autor. As partes tomaram ciência em audiência. sob pena de multa diária no valor de R$500. entendo que o feito deve ser extinto por falta de interesse processual. As partes dispensam o prazo recursal. Outrossim. nos termos da inicial. JULGO EXTINTO o processo sem resolução do mérito. contestar a presente ação. do CPC. Após o transito em julgado arquive-se. 156 . entendo que o feito deve ser extinto por falta de interesse processual. a ré poderá oferecer embargos e em caso de não haver cumprimento da obrigação ou oferecimento de embargo. a segunda no valor de R$1. Junte-se cópia desta sentença à Impugnação ao Valor da Causa em apenso para constar as extinções de ambos os feitos. Outrossim. do CPC. para no prazo de lei. conste ainda do mandado que. P. na conformidade do artigo 804 do Código de Processo Civil. para informações quanto a esta decisão. nos termos do art. Custas e honorários pelo autor. determinando: a imediata exibição dos extratos da conta bancária nº. PROCESSO: 00101722020108140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 09/09/2010 AUTOR: BOLIVAR DA COSTA BRITO ADVOGADO ALICE TRINDADE MONTEIRO RÉU: EDIFICIO CONEGO JERONIMO PIMENTEL ADVOGADO KATIA REGINA PEREIRA AMERICO. Sem custas e sem honorários advocatícios em virtude do autor ser beneficiário da justiça gratuita. conforme supramencionado. que se houverem serão rateadas entre as partes. sucedido pelo Banco Bradesco S.R. Determino o encaminhamento dos autos à UNAJ para que apure custas finais. Pelo exposto. revogo a liminar proferida às fls. 269.060/50. 22/23 dos autos. feita a tentativa de conciliação.00 (quinhentos reais) até o dia 30 de novembro de 2010.00 (mil reais) até 30 de setembro de 2010. extingo o feito sem a resolução do mérito. extingo o feito sem a resolução do mérito. caso a ré o cumpra ficará isento de custas e honorários advocatícios. oficiando-se aos cartório Moura Palha e Vale Veiga. Aberta a audiência.R. 267. Diante da intimação do autor conforme se verifica dos autos às fls. 67 e 70 e seu desinteresse no prosseguimento do feito e. conforme determina o artigo 1.A). da mesma forma.00 (mil reais) até dia 30 do mês de outubro de 2010. Expeça-se mandado. antigo Banco Credireal. da seguinte forma: a primeira parcela no valor de R$1. para informações quanto a esta decisão.R. Concedo a Liminar.00 (quinhentos reais) ao dia em caso de descumprimento da medida. III. no endereço informado pela empresa requerida às fls. e ainda ao Serasa. P. 72/78 (Reconvenção) foi oportunizada manifestação do réu presente nesta audiência quanto ao prosseguimento do feito. Intimem-se. Pelo exposto. B. revogo a liminar proferida às fls.TJ/PA .

Belém. proceda-se o arquivamento dos autos. desentranhe-se a documentação que instrui o pedido e restitua-se ao Autor. Se tempestiva a presente Exceção. 14 de Setembro de 2010 SECRETARIA DA 12ª VARA CÍVEL DA CAPITAL RESENHA: 13/09/2010 A 13/09/2010 . por meio de seu Procurador.UNESPA ADVOGADO CLAUDIA DOCE COELHO DE SOUZA. por meio de seu Procurador. ÁLVARO JOSÉ NORAT DE VASCONCELOS Juiz de Direito da 12ª Vara Cível da Capital PROCESSO: 00108979420068140301 Ação: Execução de Título Extrajudicial em: 10/09/2010 EXEQUENTE: BANCO HSBC BANK BRASIL S. julgo extinto o feito em face da renúnicia do crédito.H Nos termos do que dispõe o art.ESPECIALIDADES MEDICAS COM. Belém.1. 10 de setembro de 2010 ÁLVARO JOSÉ NORAT DE VASCONCELOS Juiz de Direito Titular da 12ª Vara Cível da Capital PROCESSO: 00180339720108140301 Ação: Despejo em: 10/09/2010 RÉU: BISMARK TEIXEIRA DE LIMA AUTOR: DEUZARINA PEREIRA DA SILVA ADVOGADO KLEBER CICERO FARIAS SANTOS ADVOGADO MAURO AUGUSTO RIOS BRITO RÉU: ORLANDO BANDEIRA DOS REIS. para dar total cumprimento ao despacho exarado às fls. Desentranhese a documentação que institui o pedido e restitua-se ao Autor.deve o Exequente diligenciar. 16/19 dos autos. E DISTRIB. 17/19 nos autos. se manifestar sobre Certidão de fls. Citem-se os Réus. etc. para se manifestar. Intime-se o Requerente.H.uma vez que trata-se de pessoa jurídica. ÁLVARO JOSÉ NORAT DE VASCONCELOS Juiz de Direito Titular da 12ª Vara Cível da Capital PROCESSO: 00076906920088140301 Ação: Monitória em: 10/09/2010 AUTOR: ESPECIALMED . ÁLVARO JOSÉ NORAT DE VASCONCELOS Juiz de Direito da 12ª Vara Cível da Capital PROCESSO: 00249837320108140301 Ação: Execução de Título Extrajudicial em: 10/09/2010 EXEQUENTE: BMA COMERCIAL LTDA ADVOGADO ALEX FABIAN COIMBRA CASADO EXECUTADO: FOTOFILMES COMERCIO E SERVICOS FOTOGRAFICOS LTDA. BANCO MULTIPLO ADVOGADO VANILDO DE SOUZA LEAO FILHO EXECUTADO: HAROLDO TOSHIO KATO EXECUTADO: HELENILCE NAZARE L CORREA KATO EXECUTADO: KATO E CORREA LTDA ME. homologo por sentença. pessoalmente. para no prazo de 10 (dez) dias. Processo nº 20081024221-0 DESPACHO R. 10 de setembro de 2010. 10 de setembro de 2010.H. Respaldado no que preceitua o art. R. II do CPC. 29 dos autos. procedendo-se à seguir. 10 de setembro 2010. 10 de setembro de 2010. ÁLVARO JOSÉ NORAT DE VASCONCELOS Juiz de Direito da 12ª Vara Cível da Capital PROCESSO: 00067467820108140301 Ação: Execução de Título Extrajudicial em: 10/09/2010 EXEQUENTE: BANCO DO BRASIL S. Processo nº 20101037947-3 DESPACHO R. Em atenção ao pedido formulado às fls. pagar o montante da condenação. Respaldado no que preceitua o art. Processo nº 20101002004-2 DESPACHO R. ÁLVARO JOSÉ NORAT DE VASCONCELOS Juiz de Direito Titular da 12ª Vara Cível da Capital PROCESSO: 00200049420088140301 Ação: Monitória em: 10/09/2010 RÉU: DANIEL BORGES PINTO ADVOGADO DANIEL BORGES PINTO AUTOR: UNIAO DE ENSINO SUPERIOR DO PARA . LTDA .C Belém. ÁLVARO JOSÉ NORAT DE VASCONCELOS Juiz de Direito da 12ª Vara Cível da Capital PROCESSO: 00242162820108140301 Ação: Execução de Título Extrajudicial em: 10/09/2010 EXEQUENTE: BANCO ITAU S/A ADVOGADO MAURICIO COIMBRA GUILHERME FERREIRA EXECUTADO: MARCELO LIMA COLARES EXECUTADO: MEDNORTE COMERCIO DE MEDICAMENTOS LTDA. 10 de setembro de 2010 DR. 19 dos autos. cujo valor está disposto às fls.H. Intime-se. III do CPC. ÁLVARO JOSÉ NORAT DE VASCONCELOS Juiz de Direito da 12ª Vara Cível da Capital 157 . no prazo de 10 (dez) dias. 18. 45/47. para no prazo de 10 (dez) dias. por Oficial de Justiça. Processo nº 2010.EPP ADVOGADO RAIMUNDO ROLIM DE MENDONCA JUNIOR RÉU: HOSPITAL DA VENERAVEL ORDEM TERCEIRA DE SAO FRANCISCO DE ASSIS. comunicada às fls. ÁLVARO JOSÉ NORAT DE VASCONCELOS Juiz de Direito da 12ª Vara Cível da Capital PROCESSO: 00014184320108140301 Ação: Procedimento Sumário em: 10/09/2010 AUTOR: LIDER SUPERMERCADOS E MAGAZINE LTDA ADVOGADO ISIS KRISHINA REZENDE SADECK RÉU: TELMA MARIA DE MIRANDA. devendo o feito ficar sobrestado pelo prazo de 60 dias (sessenta dias). para que no prazo de 10 (dez) se manifeste sobre certidão de fls.2010. por meio de seu Procurador. 34 dos autos.C Belém. E REP.42 sua devolução ao Oficial de Justiça para dar integral cumprimento nos endereços informados pelo TER e pela Receita Federal.1.814. Defiro o pedido formulado pelo Autor às fls. Intime-se o Requerente.o que deverá ser certificado pelo Diretor de Secretaria. Belém. R. se manifestar sobre certidão de fls.H.I. Transitada esta em julgado. 10 de setembro de 2010 DR.DIÁRIO DA JUSTIÇA . no sentido de localizar seu atual endereço. 31. 475-J do CPC. por meio de seu Procurador. tudo após a Requerente recolher as devidas custas judiciais. na conformidade do que dispõe o art. Belém.I. LTDA. para no prazo de 15 (quinze) dias.039825-9 SENTENÇA Vistos. 10 de setembro 2010.R. Processo nº 20101026998-9 DESPACHO R.SECRETARIA DA 12ª VARA CIVEL DE BELEM PROCESSO: 00017954019988140301 Ação: Execução de Título Extrajudicial em: 09/09/2010 RÉU: AUXILIADORA ANJOS SANTOS LIMA AUTOR: COLEGIO SANTA ROSA ADVOGADO CARLOS ALBERTO BARBOSA PINHEIRO ADVOGADO ELIZABETH GARCIA CAVALLEIRO DE MACÊDO FERRAZ RÉU: RAIMUNDO DO CARMO MENDES ADVOGADO: RAIMUNDO DO CARMO MENDES. por meio de se Procurador. se manifestar sobre os Embargos Monitórios de fls. Processo nº 20081062123-2 DESPACHO R. Processo nº 0032097-05. Belém.determino o desentranhamento do mandado constante às fls. no prazo de 10 (dez) dias.H. para que produza seus jurídicos e legais efeitos o pedido de desistência formulado pelo Requerente às fls.R. Intime-se o Requerente.A. em anexo.614. 10 de setembro 2010. intime-se a Requerida. por meio de seu Procurador. Intime-se o Excepto. proceda-se o arquivamento dos autos. Relativamente ao primeiro Executado. no prazo de 10 (dez) dias. Belém. para trazer à colação mídia eletrônica compatível com a publicação do edital. advertindo-o de que caso a obrigação não seja cumprida no prazo determinado.Edição nº 4651/2010 .TJ/PA .H. Kato e Corrêa LTDA ME. Intime-se o Requerente-Embargado. Intime-se o Requerente. para no prazo de 10 (dez) dias. Belém. 27 nos autos.H. 794. sob pena de extinção.0301 DESPACHO R.036683-4 DESPACHO R. P. 10 de setembro 2010. ÁLVARO JOSÉ NORAT DE VASCONCELOS Juiz de Direito da 12ª Vara Cível da Capital PROCESSO: 00009628420058140301 Ação: Execução de Título Extrajudicial em: 10/09/2010 EXECUTADO: AUGUSTO PEREIRA DA SILVA EXEQUENTE: BANCO SAFRA S/A ADVOGADO CARLOS FERRO EXECUTADO: FIGUEIREDO COM. 10 de setembro 2010. dando-se a posteriori a devida baixa junto à Distribuidora do Juízo P.H. 10 de setembro de 2010. Processo nº 20051003311-7 DESPACHO R. ALVARO JOSÉ NORAT VASCONCELOS Juiz de Direito Titular da 12ª Vara Cível da Capital PROCESSO: 00320970520108140301 Ação: Busca e Apreensão em: 10/09/2010 AUTOR: BANCO GMAC S/A ADVOGADO MAURICIO PEREIRA DE LIMA RÉU: JOSÉ GUILHERME DE SOUZA BRAGA. 267. Belém.Terça-Feira. Belém. Vistos.H. dando-se a posteriori a devida baixa junto à Distribuidora do Juízo.A ADVOGADO KARINA DE ALMEIDA BATISTUCI EXECUTADO: BIG FOTO LTDA EXECUTADO: JOSE OLIVA ADVOGADO ELIZABETH BRITO MORAES EXECUTADO: ZELIA MARIA MELEM OLIVA ADVOGADO ELIZABETH BRITO MORAES.48 pelo Exequente. suspendendo-se o feito até que a Exceção seja definitivamente julgada. Belém. ÁLVARO JOSÉ NORAT DE VASCONCELOS Juiz de Direito da 12ª Vara Cível da Capital PROCESSO: 00260421620108140301 Ação: Reintegração / Manutenção de Posse em: 10/09/2010 AUTOR: BANCO GMAC S/A ADVOGADO MAURICIO PEREIRA DE LIMA RÉU: FERNANDO SOARES RODRIGUES. o valor será acrescido de multa na ordem de 10% sobre o débito. Transitada esta em julgado. VIII do CPC. Processo nº 2010. etc.

25 dos autos. 65 dos autos e converto . Defiro o pedido formulado pelo Autor às fls. cujo valor está disposto às fls. 10 de setembro 2010. ADVOGADO VERENA DE NOVOA MERGULHAO RÉU: JOSE WILLIAMS ANGELO GODOT.Terça-Feira. para dar total cumprimento ao despacho exarado às fls.TJ/PA . 902 do CPC para em cinco dias entregar o bem. 10 de setembro de 2010. para no prazo de 15 (quinze) dias. Belém.DIÁRIO DA JUSTIÇA . o valor será acrescido de multa na ordem de 10% sobre o débito.H Nos termos do que dispõe o art. ÁLVARO JOSÉ NORAT DE VASCONCELOS Juiz de Direito da 12ª Vara Cível da Capital PROCESSO: 00186954320088140301 Ação: Busca e Apreensão em Alienação Fiduciária em: 10/09/2010 AUTOR: BANCO BMG S/ A. devendo o feito ficar sobrestado pelo prazo de 60 dias (sessenta dias).H. Belém. 14 de Setembro de 2010 PROCESSO: 00260478820108140301 Ação: Reintegração / Manutenção de Posse em: 10/09/2010 AUTOR: BANCO GMAC S/A ADVOGADO MAURICIO PEREIRA DE LIMA RÉU: LINCOLN CAMPOS PEREIRA. Efetuemse as necessárias anotações e retificação. pagar o montante da condenação.H. na conformidade do que dispõe o art. Cite-se o devedor na forma do art. intime-se o Requerente. advertindo-o de que caso a obrigação não seja cumprida no prazo determinado. II do CPC.a Ação de Busca e Apreensão em Depósito. Processo nº 2010. Processo nº 20081057916-8 DECISÃO INTERLOCUTÓRIA R. Processo nº 20081025636-0 DESPACHO R.1. 24.039833-2 DESPACHO R. 10 de setembro 2010. ÁLVARO JOSÉ NORAT DE VASCONCELOS Juiz de Direito da 12ª Vara Cível da Capital PROCESSO: 00083411520088140301 Ação: Reintegração / Manutenção de Posse em: 10/09/2010 AUTOR: HSBC AUTO FINANCE LSG ADVOGADO JOAO BRASIL BATISTA DE CASTRO ADVOGADO VANESSA SANTOS LAMARAO ADVOGADO ANA PAULA DA ROCHA GOMES RÉU: MARIA PERPETUO SOCORRO NOBRE CARVALHO.na forma da lei . 475J do CPC. procedendo-se à seguir.614. Belém. 03 nos autos. pessoalmente. depositando-o em juízo ou consignar-lhe o equivalente em dinheiro.Edição nº 4651/2010 . ÁLVARO JOSÉ NORAT DE VASCONCELOS Juiz de Direito da 12ª Vara Cível da Capital 158 . Defiro o requerido às fls.

o prosseguimento do feito em relação à conversão da separação.Entendo que a matéria se posta como unicamente de direito. 16/2010-CNMP. sob pena de indeferimento. 7. Da Inépcia da Inicial A inicial é a peça de ingresso da Autora quanto à busca da prestação jurisdicional visando à definição da lide que elege. 06.O casamento civil pode ser dissolvido pelo divórcio. Ante ao exposto e por tudo o que nos autos consta.. eis o mesmo estar litigando sob o manto da gratuidade processual. Dizia o artigo 226. devendo. LEGAL: LUCILENE VIEIRA DA SILVA ADVOGADO ANA MARIA VALENTE FERREIRA . proceda aos descontos devidos.MARGUI GASPAR BITTENCOURT JUÍZA DE DIREITO PROCESSO: 00355928720108140301 Ação: Homologação de Transação Extrajudicial em: 13/09/2010 AUTOR: ANA LAURA MOREIRA PINTO XAVIER DEFENSOR LUIZ PAULO DE ALBUQUERQUE FRANCO AUTOR: FRANCISCO CLEBER ALMEIDA ASSIS ENVOLVIDO: MARCOS GABRIEL PINTO ASSIS. 282. tem especial proteção do Estado §6. eis o regramento estipulado no artigo 226. 13 de setembro de 2010 . não vejo nenhuma causa para indeferimento da inicial.Assim sendo. prescindindo da produção dos demais meios probatórios. as provas delineadas e o requerimento para integração da parte adversa na lide são pontos obrigatórios da inicial. ambos qualificados. nesta compreendida honorários advocatícios.o requerimento para a citação do réu. 27/30 reconheceu juridicamente o pedido. às 10:00 horas para a audiência de conciliação e julgamento.Hoje 1.. 4. passo a analisar e julgar o mérito. Acostou documentos de fls..De outro norte. verifica-se a possibilidade do decreto divorcista.Cientes Ministério Público e Advogado.Oficie-se à fonte pagadora para que. III . não mais subsiste no Ordenamento Jurídico a figura da separação judicial . argumentando. 16/2010-CNMP.os nomes. a qual o impõe como única causa extintiva da sociedade conjugal. voltem-me conclusos para sentença. processo 734/2010 R.o pedido. o qual é colocado como medida potestativa.º 5. o Requerido apresentou contestação cujo teor requer a dissolução da sociedade conjugal.478/68).478/68 em: 13/09/2010 AUTOR: GIOVANA DANTAS ROCHA REPRESENTANTE: MARIA JACKELINE DANTAS FEITOSA ADVOGADO IGOR FERNANDES MORAES RÉU: PAULO ROBERTO DA SILVA ROCHA.MARGUI GASPAR BITTENCOURT JUÍZA DE DIREITO PROCESSO: 00354235920108140301 Ação: Alvará Judicial em: 13/09/2010 AUTOR: LUANY EVELYN DA SILVA JARDIM REP. 41. Juntou documentos de fls. nesta compreendida honorários advocatícios. cuja ausência de alguns dos aspectos processuais acima delineados ou a sua irregularidade ensejará a emenda ou retificação da exordial.R. DRA. processo 683/2010 R. como bem afirma o artigo 284 de igual Estatuto Processual Civil. ao Ministério Público para conhecimento e parecer. eis entender ser este. excluir a participação do Ministério Público Estadual da lide. 13 de Setembro de 2010. A petição inicial indicará: I . Ora.. ser devido a medida eis a inconstância da vida em comum. desde que satisfeito o requisito único temporal preconizado em sede constitucional. cumulado com a Recomendação nº. ainda. 01(um) ano após a separação judicial ou mais de 02(dois) anos a contar da separação fática. 3. somado aos termos da Recomendação nº. domicílio e residência do autor e do réu. 8º da Lei n. Era o seu único e exclusivo fundamento legal! Atualmente.MARGUI GASPAR BITTENCOURT JUÍZA DE DIREITO PROCESSO: 00204570520108140301 Ação: Conversão de Separação Judicial em Divórcio em: 13/09/2010 RÉU: ROSINALDO MENDES DOS SANTOS AUTOR: SUE ELEN DIAS LIMA ADVOGADO GUILHERME ROBERTO FERREIRA VIANA FILHO. 5. §6º. pelo menos inicialmente. Por fim. segue-se sentença em separado.I e certificado o trânsito em julgado. além de confissão quanto à matéria de fato (art. contados do recebimento do expediente. permitindo a objetividade. 2. por não restarem presentes os requisitos e pressupostos do artigo 282 do Código de Processo Civil. com as suas especificações. anteriormente o pressuposto de admissão do pedido se centrava no decurso de tempo.o juiz ou tribunal. JULGO PROCEDENTE O PEDIDO INICIAL para assim decretar o divórcio entre ROSINALDO MENDES DOS SANTOS e SUE ELEN DIAS LIMA eis a satisfação dos requisitos legais.. advertindo-os de que deverão comparecer acompanhados de seus advogados e testemunhas (art. P.Em seguida.o fato e os fundamentos jurídicos do pedido. 32/39. tenho que receber o pedido como divórcio.Terça-Feira. obedecer as regras impostas pelo artigo 282 e seguintes do Código de Processo Civil. anotando-se. (processo 737/2010) R. a causa de pedir.Concedo à Autora os benefícios da 159 . a saber. IV . base da sociedade.571 e seguintes do Código Civil . 3. prenomes. Às fls.. o reconhecimento jurídico do pedido impõe o acolhimento da inicial em todos os seus termos. a qualificação completa dos litigantes.TJ/PA .GABINETE DA 1ª VARA DE FAMILIA DE BELEM PROCESSO: 00204570520108140301 Ação: Conversão de Separação Judicial em Divórcio em: 13/09/2010 RÉU: ROSINALDO MENDES DOS SANTOS AUTOR: SUE ELEN DIAS LIMA ADVOGADO GUILHERME ROBERTO FERREIRA VIANA FILHO. a melhor forma de delimitação da verba alimentar. em síntese.581 e todos c/ c o artigo 226. 7º da Lei n. cujo importe será depositado na conta bancária estipulada às fls. nesta compreendida honorários advocatícios. Assim sendo.O pedido emana convergência de vontades. gerais e específico de admissibilidade da dissolução da sociedade conjugal. 3. a que é dirigida.º 5. vale dizer. 2. ou comprovada separação de fato por mais de dois anos _______ Frisa-se muito bem.Edição nº 4651/2010 . desde agora. o pedido especificado. em análise aos termos constantes nos autos. como dito noutro lugar. expedindo-se o competente mandado de averbação. com exclusão. DRA. Ultrapassada esta consideração inicial. RELATADO EM APERTADA SÍNTESE DECIDO Antes de adentar na análise da questão. dizendo (textuais) que: _______________ Requer. 6. deve a respectiva fonte pagadora. encaminhar a este Juízo o ganho real do Demandado. Pois bem.Lei Especial Nº 5. não havendo mais falar em conversão da separação judicial em divórcio.Concedo aos Autores os benefícios da gratuidade processual. no mandado que caso não haja acordo o(a) réu(é) poderá apresentar contestação. consta determinação para exclusão da participação ministerial eis a ausência dos requisitos e pressupostos de admissão emanados no artigo 82 do Código de Processo Civil. da Carta Magna. do Estatuto Processual Civil. arquivem-se os autos com todas as cautelas legais. c/c o artigo 1. da Carta Magna e todos c/c o artigo 268. o qual me permite. isto porque a argumentação acerca dos alimentos apenas serviu como base para o almejo sem. V . expeça-se e. Processo 429/2010 R. com a devida DECRETAÇÃO DO DIVÓRCIO.Cite-se o(a) réu(é) e intime-se o (a) autor (a). interferir em seu cerne. observo a ausência dos requisitos e pressupostos agendados no artigo 82 do CPC. não há falar em condenação da parte contrária em custas e demais despesas processuais.Hoje 1. À Secretaria da Vara expedir o que necessário for para a mais eficácia da decisão.478/68) e de que a ausência do (a) autor (a) importará em arquivamento do processo e a do(a) réu(é) em revelia.MARGUI GASPAR BITTENCOURT JUÍZA DE DIREITO PROCESSO: 00332525020108140301 Ação: Alimentos . item "h" 4. 09/19. profissão. StarWriter PROCESSO 429/2010 SENTENÇA SUE ELEN DIAS LIMA propôs Ação de Conversão de Separação em Divórcio em desfavor de ROSINALDO MENDES DOS SANTOS. DRA.Hoje 1. _______ Art. Por outro lado.Designo o dia 14 de outubro de 2010. após prévia separação judicial por mais de um ano nos casos expressos em lei. Do Divórcio O divórcio propõe término da sociedade conjugal. O processo segue seu trâmite normal. a partir do recebimento do expediente. decido a questão preliminar arguida pela parte adversa. II . mantendo-se a Autora seu nome de solteira. §6º.Hoje 1. §6º. Belém-Pará. estado civil. o valor atribuído à questão.por sua representante legal. contudo. No caso em tela. para comparecerem à sobredita audiência. VI .o valor da causa. razão pela qual requer a procedência integral da pretensão eleita. em detalhes. em 10(dez) dias. elegendo a jurisdição voluntária. tão-somente. dos descontos obrigatórios. 2. arguindo preliminar. vez não mais haver possibilidade para o retorno da vida conjugal. o divórcio. com base no artigo 1.as provas com que o autor pretende demonstrar a verdade dos fatos alegados. permitindo um novo enlace matrimonial entre os divorciandos. Belém-Pará. Belém-Pará. prescindindo da anuência da parte adversa. hei por bem rejeitar os levantes preliminares diante da mais completa ausência de manejo legal. desde que o faça por meio de advogado. _______ Atente-se: O endereçamento.Assim sendo. por conseguinte. ainda.Ainda. O Reconhecimento Jurídico do Pedido Em sua contestação. 13 de setembro de 2010 DRA. inciso I.Defiro pedido de justiça gratuita. qual seja: inépcia da inicial. ________________ Como se vê. VII . 13 de Setembro de 2010. estipulo o pagamento da verba alimentar em 20%(vinte por cento) dos vencimentos e vantagens do Requerido. Citado. o Demandado às fls. em seguida. Belém-Pará. 14 de Setembro de 2010 SECRETARIA DA 1ª VARA DE FAMÍLIA DA CAPITAL RESENHA: 13/09/2010 A 13/09/2010 .DIÁRIO DA JUSTIÇA . sendo o único fim existente para a busca da dissolução da sociedade conjugal . Diante disso.Fixo alimentos provisórios de modo percentual. da Carta Magna: _________ A família.

informe acerca da existência de valores em nome do Alimentante. dos descontos obrigatórios. (Habeas Corpus Nº 70027720978. Acostou documentos às fls. (Habeas Corpus Nº 70027908623. CONVERSÃO DO RITO PROCESSUAL. reputo frágil a alegação do Executado de que seu desemprego é óbice ao inadimplemento de seu dever de PAI. Logo. às 10:00 horas para a audiência de conciliação e julgamento. Relator: Rui Portanova. EXECUÇÃO DE ALIMENTOS PELO RITO DO ARTIGO 733 DO CPC. bem como das regras máximas da experiência. além de confissão quanto à matéria de fato (art. 14 de Setembro de 2010 gratuidade processual. pois indubitável o descumprimento da obrigação do devedor de pagar a integralidade dos alimentos.Após.Lei Especial Nº 5.DEF. somada à desculpa. Vejamos: 1-EXISTÊNCIA DE TÍTULO EXECUTIVO Pressupõe a execução a existência anterior de título executivo judicial a qual define o quantum relativo à obrigação alimentar. talvez. de que seus pais o sustentam. repisa-se. 39v. JUSTIFICATIVA. 2. por exemplo. 13 de Setembro de 2010. 3. consta um Termo de Acordo ajustado judicialmente onde o Executado.Cientes Ministério Público e Advogado. 8. Julgado em 18/12/2008) EMENTA: HABEAS CORPUS. porquanto passa por dificuldades econômicas. frisa-se. 7. nem se escusar.Intime-se.º 5. Na execução de sentença ou de decisão. 8º da Lei n. estipulo o pagamento da verba alimentar em 20%(vinte por cento) dos vencimentos e vantagens do Requerido. Citado. na execução pelo rito do artigo 733 do CPC. Pensionamento fixado em valor certo para o caso de desemprego do alimentante. sem prejuízo das vincendas. 6. à luz da prudência. 06/11. em 10(dez) dias. ora Executado. StarWriter Processo 11/2010 DECISÃO INTERLOCUTÓRIA L. AUSÊNCIA DE QUALQUER ILEGALIDADE OU ABUSIVIDADE NA DECISÃO QUE DETERMINOU A PRISÃO CIVIL DO DEVEDOR.Oficiese à Caixa Econômica Federal para que. §3º. em síntese. Julgado em 18/12/2008) _________ No caso em tela. 5. em detalhes. proceda aos descontos devidos. satisfeito está um dos pressupostos objetivos da Execução de Alimentos. Se não pode pagar. consta parecer ministerial acolhendo o pedido de prisão civil. Barros Monteiro). Vejamos. STJ. inequivocadamente. permitindo o seguimento constritivo. Entender o contrário. julgado em 06/08/2008.Cite-se o(a) réu(é) e intime-se o (a) autor (a). a partir do recebimento do expediente.478/68 em: 13/09/2010 REPRESENTANTE: ANAGLEYCE CALIXTO DE SOUZA ADVOGADO ISANA SILVA GUEDES AUTOR: NYCOLE VITORIA CALIXTO RODRIGUES RÉU: RUBENS CHAVES RODRIGUES. Oitava Câmara Cível. DRA. de livre e espontânea vontade. 6. pelo menos inicialmente. restam provados os requisitos e pressupostos de admissão à prisão civil do Alimentante. ALEGAÇÃO DE DESEMPREGO.(20080020038160HBC. Relator: Ricardo Raupp Ruschel.TJ/PA . DENEGAÇÃO DA ORDEM. 7. §1º.DIÁRIO DA JUSTIÇA . Nesse sentido.R.F. voltem-me conclusos para decisão. RELATADO EM APERTADA SÍNTESE DECIDO A prisão civil encontra fundamento legal nos termos do artigo 733 do CPC: _________ Art. Belém-Pará. que embora explique. vez que. a mera alegação de desemprego não se avulta suficiente para arredar o devedor do pagamento das prestações alimentícias devidas (RHC 13799PR.Ainda. à luz do artigo 733 do CPC.C. processo 735/2010 R. nesta compreendida honorários advocatícios. todos qualificados.Oficie-se à fonte pagadora para que. a qual detém poder para a execução das três últimas parcelas em débito. ser credor da parte adversa na importância inicial de R$ 861. a melhor forma de delimitação da verba alimentar. Informe a Interessada quanto à existência de débito alimentar. ____________ É dizer. tanto é assim que.Em seguida. ainda. Em suma.O cumprimento da pena não exime o devedor do pagamento das prestações vencidas e vincendas. porquanto a alegação de impossibilidade do alimentante não veio cabalmente demonstrada. alimentar e educar. visando a aplicabilidade do dispositivo 733 do CPC. observa-se que muitos Executados optam pelo silêncio. advertindo-os de que deverão comparecer acompanhados de seus advogados e testemunhas (art. em caso hipotético. 2. o juiz suspenderá o cumprimento da ordem de prisão.Edição nº 4651/2010 . INCONSISTÊNCIA. satisfeitas 160 . a insistência do Executado em não pagar os alimentos à sua filha.À Secretaria da Vara apensar este processo nos autos originais. (Habeas Corpus Nº 70024401614.478/68) e de que a ausência do (a) autor (a) importará em arquivamento do processo e a do(a) réu(é) em revelia. anotando-se. encaminhem-se os autos ao Ministério Público para conhecimento e parecer. com exclusão. de que a obrigação alimentar será resolvida pela tal circunstância. 4. à revelia da ordenamento jurídico constitucional. 07. bastará aos Devedores de pensão alimentícia a alegação de DESEMPREGO e tudo estará resolvido. contados do recebimento do expediente. em 72(setenta e duas) horas. nesta compreendida honorários advocatícios. E . a título de FGTS. havendo um inequícovo e indiscutível título judicial. há meio legal para ajustar o pensionamento de acordo com suas possibilidades. Relator: José Ataídes Siqueira Trindade. Rejeitada a justificativa e existindo o débito alimentar. tirocínio indispensável a função judicante. efetuar o pagamento. não justifica o descumprimento de um dever JURÍDICO e MORAL de alimentar seus filhos. não serve como justificativa para o inadimplemento. fls. 733 para o do art. 2ª Turma Cível. deve a respectiva fonte pagadora. Rel. argumentando. 56) _______ De outra banda.733. numa flagrante inversão de papéis. por sua vez. Assim sendo. o da dignidade da pessoa humana. 08. muito embora citado para fins do artigo 733 do CPC. cujo importe será depositado na conta bancária estipulada às fls. REJEIÇÃO. decidiu pensionar à Alimentante a importância de 20%(vinte por cento) nos primeiros seis meses. que fixa os alimentos provisionais. encaminhar a este Juízo o ganho real do Demandado. Tribunal de Justiça do RS. a prisão civil é meio instrumentador para que o Executado pague o que deve a seus filhos que. Sétima Câmara Cível. frisa-se muito bem. Atente-se: A prisão civil protege ou tutela os alimentos provisórios. representada por sua genitora ROSIANE DO ESPÍRITO SANTO COELHO propôs a competente Ação de Execução de Alimentos em desfavor de IVO PANTOJA FURO. FIGUEIREDO . 4ª Turma. a prisão civil age como meio coercitivo para que o devedor pague o crédito tido como especial e sensível . como bem lembrado pelo Ministério Público. por isso mesmo. Se o devedor não pagar. Min. Oitava Câmara Cível. exemplificando. a quem a Ordem Jurídica confere especial proteção. Tribunal de Justiça do RS. em 03(três) dias. seguindo-se da apresentação de planilha. necessitando de cuidados especiais. razão pela qual requer a adoção das medidas legais cabíveis à satisfação do respectivo crédito. Julgado em 11/09/2008) EXECUÇÃO DE ALIMENTOS. item "e" 4. eis a natureza jurídica da verba exigir seu fiel e imediato cumprimento. DÉBITO ALIMENTAR. sob a frágil alegação de que está desempregado.J. eis estarem na condição atual de desempregado. senão o amor de seu pai. 732 do CPC. o juiz mandará citar o devedor para.º 5. 7º da Lei n. Descabe postular mudança de rito do art.Terça-Feira. desde que o faça por meio de advogado. Ora. Adequada a rejeição da justificativa.MARGUI GASPAR BITTENCOURT JUÍZA DE DIREITO PROCESSO: 00003419320108140301 Ação: Execução de Alimentos em: 13/09/2010 EXECUTADO: IVO PANTOJA FURO EXEQUENTE: LUANNY RENEE COELHO FURO REP. hei por bem tecer algumas considerações. HABEAS CORPUS.MARGUI GASPAR BITTENCOURT JUÍZA DE DIREITO PROCESSO: 00355481620108140301 Ação: Alimentos . se esta é a postura do Executado. seguindo-se do percentual de 15%(quinze por cento) sobre os vencimentos e vantagens nos demais meses. 2-INADIMPLEMENTO VOLUNTÁRIO E INESCUSÁVEL Às fls. Ordem denegada. 3. eis entender ser este.27(oitocentos e sessenta e um reais e vinte e sete centavos) em face da inadimplência relativa à obrigação alimentar. às fls. Desemprego superveniente que. Tribunal de Justiça do RS. Ordem denegada. vejamos o que definiu a jurisprudência advinda do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul: _________ EMENTA: HABEAS CORPUS. Belém-Pará. 39v. EXECUÇÃO DE ALIMENTOS. Há quem apoie o uso da coerção civil. PUBLICA. 13 de setembro de 2010 DRA. em detrimento do Alimentante. 5. regra geral. Atente-se: DESEMPREGO PRESENTE OU SUPERVENIENTE NÃO É CAUSA PARA JUSTIFICATIVA DO INADIMPLEMENTO ALIMENTAR! Diz a jurisprudência: _________ EMENTA: HABEAS CORPUS. o Executado optou pelo silêncio numa demonstração de indiferença às necessidades da menor. Às fls. cujo teor foi efetivamente homologado por sentença . provar que o fez ou justificar a impossibilidade de efetualo. LEGAL: ROSIANE DO ESPIRITO SANTO COELHO ADVOGADO ODOLDIRA A. no mandado que caso não haja acordo o(a) réu(é) poderá apresentar contestação. da escusa voluntária e inescusável do Executado. DENEGARAM A ORDEM. para comparecerem à sobredita audiência. o juiz decretar-lhe-á a prisão pelo prazo de 1(um) a 3(três) meses. Segundo entendimento oriundo do e. Nesse sentido. alegação aliás. não há qualquer abuso ou ilegalidade na decisão que decretou a prisão civil.Hoje 1. INADIMPLENTO DO DEVEDOR. da razoabilidade. Necessidade de buscar a via ordinária. o qual está sendo exigido pela outra parte diante. Ledo engano! Todavia. merecem se vestir. §2º. PRISÃO CIVIL. COSTA CARVALHO. Relator J. EXECUÇÃO DE ALIMENTOS. Ordem denegada. Paga a prestação alimentícia. tão-somente. Entretanto. DJ 03/09/2008 p. o mesmo optou pelo silêncio. a obrigação deste em custear suas necessidades materiais. CASO NÃO QUITADO O DÉBITO ALIMENTAR. acreditando equivocadamente. À Secretaria da Vara apensar este processo nos autos originais.por sua representante legal. 42/44. O desemprego jamais será causa excludente e tampouco extintiva da obrigação alimentar eis que presentes estão direitos fundamentais constitucionais como. quiçá os definitivos e provisionais.Defiro pedido de justiça gratuita.Fixo alimentos provisórios de modo percentual. máxime quando se trata de uma criança. revelado está a indiferença do Executado quanto às necessidades de sua filha. Não se vislumbra qualquer ilegalidade ou abuso de poder na decretação da prisão do devedor de alimentos.478/68).Designo o dia 01 de novembro de 2010.

seguindo-se da expedição do competente mandado de averbação à finalidade de direito. 05/13. em caráter imediato proceda a inclusão dos seguintes dados ao nome do menor nas fls. À Secretaria da Vara para que grafe no expediente a "Assistência Judiciária". consta parecer ministerial se posicionando quanto ao deferimento do pedido. todos qualificados. eis a satisfação dos requisitos legais gerais e específico de admissibilidade. a saber. se outro Estabelecimento Penal não for mais conveniente. 01(um) ano após a separação judicial ou mais de 02(dois) anos a contar da separação fática. motivo pelo qual almejam o acolhimento integral do pedido ora eleito. com base e fundamento no artigo 269. 03: 1. ao menos. somado aos termos da recomendação nº. Isto posto. Entretanto. o importe será entregue diretamente à representante legal do menor. 04/08. propuseram a presente Homologação de Acordo realizado perante a Defensoria Pública do Estado cujo teor revela o reconhecimento da paternidade do Autor em relação ao menor K. propuseram a Ação de Conversão da Separação Judicial em Divórcio argumentando.I e certificado o trânsito em julgado. nº. 389. do Código de Processo Civil. o pressupostos de admissão do pedido se centrava no decurso de tempo. processo 650/2010 SENTENÇA ALDO NATALINO CONCEIÇÃO DE SOUZA e KARLA KATIANY PINHEIRO CASTRO . o PLANTÃO.MARGUI GASPAR BITTENCOURT JUÍZA DE DIREITO PROCESSO: 00169370620088140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 13/09/2010 RÉU: ADEMAR ATAIDE GONCALVES ADVOGADO MARCO ANTONIO GOMES DE CARVALHO REP. PUBLICA AUTOR: DEUSDETH DA SILVA MORAES. consta parecer ministerial se posicionando por sua exclusão. observando-se os seguintes dados. 13 de Setembro de 2010. 08/11.Terça-Feira. restando ao Juízo homologá-lo. nada discorrendo acerca da obrigação alimentar. autorizando desde já. desde que presentes os requisitos delineados no artigo 104 do CPC. da Carta Magna. desde que satisfeito o requisito único temporal preconizado em sede constitucional. respeitando-se a data limite do 5º(quinto) dia útil mensal.R.977. No caso em epígrafe. Acostou documentos de fls.S. DRA. Às fls. Citado. seja sócio-afetivamente seus genitores ou um de seus formadores. 44/49. nº. Ante ao exposto e por tudo o que nos autos consta. entretanto. na conta bancária a ser indicada pela Autora oportunamente. para que. como as posteriores. licitude e disponibilidade do bem. Como se vê. em síntese. . § 6ª. com base no artigo 1. ambos qualificados. haja vista a necessidade de se impor a estabilidade familiar e a proteção de 161 . extinguindo-se o processo com resolução de mérito. homologo por sentença os termos do acordo de fls. RELATADO EM APERTADA SÍNTESE DECIDO O divórcio propõe o término da sociedade conjugal. 16/17. para que. StarWriter SENTENÇA DEUSDETH DA SILVA MORAES e ADRIANA LAMEIRA PINTO.O casamento civil pode ser dissolvido pelo divórcio. não havendo. os autores formularam suas pretensões nos seguintes termos: 1. DRA. tem especial proteção do Estado §6. razão pela qual requerem a procedência integral do pedido. o qual deve exercer o encargo alimentar decorrente do vínculo consanguíneo havido entre as partes . No que tange à verba alimentar. à juízo da Superintendência do Sistema Penal(SUSIPE). Diz o artigo 226. livro 367-A. Às fls. RELATADO EM APERTADA SÍNTESE DECIDO A transação efetivada entre os envolvidos anuncia convergência de vontades. não havendo oposição quanto a seu resultado.MARGUI GASPAR BITTENCOURT JUÍZA DE DIREITO PROCESSO: 00257150220108140301 Ação: Conversão de Separação Judicial em Divórcio em: 13/09/2010 AUTOR: ADRIANA LAMEIRA PINTO ADVOGADO ROSANA MARIA GOMES MOREIRA .DIÁRIO DA JUSTIÇA . respeitando-se a data limite do 5º(quinto) dia útil mensal. Às fls. eis cingir-se de legalidade. consta decisão não recorrida cujo teor concedeu o pedido de antecipação de tutela. Belém-Pará. Publiquese. 337. argumentando. reajustado de acordo com a política governamental. DRA. Registre-se. ou comprovada separação de fato por mais de dois anos _______ Frisa-se muito bem. do Estatuto Processual Civil. Sem custas e honorários advocatícios. mediante recibo. após prévia separação judicial por mais de um ano nos casos expressos em lei. não havendo nenhum óbice à medida. da Carta Magna: _________ A família. 36/40. em síntese. da Carta Magna e todos c/c o artigo 268. meros indícios de futuro adimplemento. O processo seguiu seu trâmite normal. O processo seguiu seu trâmite normal. base da sociedade. entendo que a dissolução da sociedade conjugal deve ser imposta eis o consenso dos Autores. Belém-Pará. No que tange à verba alimentar. a recente Súmula 04 do Tribunal de Justiça do Estado do Pará: __________ A prisão civil de inadimplente de pensão alimentícia somente pode ser decretada tomando como base as três prestações em atraso anteriores ao ajuizamento da execução e as que forem devidas no decorrer do processo instaurado para esse fim. Intime-se.TJ/PA . Belém-Pará. permanecendo a Autora com seu nome de solteira. Diante do reconhecimento voluntário da paternidade do primeiro acordante em relação à criança. ser devido a medida eis a certeza da paternidade da parte adversa. DECRETO A PRISÃO DO EXECUTADO IVO PANTOJA FURO.V. representada por sua genitora LÍCIA VALÉRIA SOUZA RODRIGUES propôs Ação de Investigação de Paternidade c/c Alimentos movida contra ADEMAR ATAÍDE GONÇALVES . terem satisfeitos os requisitos legais para a dissolução definitiva do vínculo marital. Ora. LEGAL: LICIA VALERIA SOUZA RODRIGUES ADVOGADO GUILHERME ROBERTO FERREIRA VIANA FILHO ADVOGADO MARCIA VALERIA DE MELO E SILVA ROLO AUTOR: TATIANE VALENA SOUZA RODRIGUES. vale dizer. ambos devidamente qualificados. iniciando-se no dia 05 de maio de 2010. à luz do artigo 226. seguindo-se da quantificação do quantul alimentar. o importe será entregue diretamente à representante legal do menor. processo 288/2008 SENTENÇA T. hei por bem determinar a expedição do mandado de averbação ao Cartório do 2º Ofício de Notas e Registros desta Comarca.MARGUI GASPAR BITTENCOURT JUÍZA DE DIREITO PROCESSO: 00320989720108140301 Ação: Homologação de Transação Extrajudicial em: 13/09/2010 AUTOR: ALDO NATALINO CONCEICAO DE SOUZA REPRESENTANTE: KARLA KATIANY PINHEIRO CASTRO DEFENSOR RAIMUNDO ELIAS DE SOUZA MENDES AUTOR: KEVIN DELANEY PINHEIRO CASTRO. Juntaram documentos de fls. ______________ Isto posto. permitindose um novo enlace matrimonial entre os divorciandos. mediante recibo. a fim de que não sejam cobradas custas indevidas aos Autores eis estarem sob o manto da gratuidade processual. 13 de Setembro de 2010. como muito bem exposto na inicial. o Executado não só deixou de pagar as três prestações anteriores à execução. na conta bancária a ser indicada pela Autora oportunamente. vez não haver os requisitos e pressupostos do artigo 82 do CPC. Às fls.R. limitando-se a sentença apenas a consagrar tal manifestação volitiva. iniciando-se no dia 05 de maio de 2010. RELATADO EM APERTADA SÍNTESE DECIDO Rege o princípio da filiação o direito da Autora em ver reconhecida seja registralmente. expeça-se e arquivem-se os autos com as cautelas legais. não há óbice ao acolhimento do pedido. consta laudo pericial cujo teor concluiu pela paternidade do Requerido em relação à infante.K. a parte adversa apresentou contestação cujo teor apenas se deteve em manifestação sua concordância ao exame pericial relativo ao DNA. 11/12. inciso III. 14 de Setembro de 2010 as exigências legais. além de não ser prescrito em lei. c/c o artigo 5º. Entretanto. 389. Com a palavra. quando não informada.I e certificado o trânsito em julgado. §6º. Acostou como documento apenas o Instrumento de Procuração. P.C. inciso LXVII. fixo o importe no valor de 30%(trinta por cento) do salário mínimo mensal. Era o seu único e exclusivo fundamento legal. À Secretaria da Vara expedir o necessário à eficácia plena da sentença.DEF. Acostaram documentos às fls. extinguindo-se o processo com resolução de mérito. arquivem-se os autos com todas as cautelas legais. reajustado de acordo com a política governamental. pelo período de 30 (trinta) dias.Edição nº 4651/2010 . fixo o importe no valor de 30%(trinta por cento) do salário mínimo mensal. Avós Paternos: ALDO XAVIER DE SOUZA e NORMA CONCEIÇÃO DE SOUZA e nome do genitor: ALDO NATALINO CONCEIÇÃO DE SOUZA e 2. Diante do reconhecimento voluntário da paternidade do primeiro acordante em relação à criança.R.. §6º. 16/2010. quando não informada. Cumpra-se. O processo seguiu seu trâmite normal. observando-se os seguintes dados. a saber: 1) Nome do menor: KEVIN DELANEY CASTRO DE SOUZA. Expeça-se Mandado de Prisão. inciso I. capacidade legal. seguindo-se do registro civil da infante. não mais se fala em lapso temporal diante do novo regramento estipulado por nossa Carta Magna. a ser cumprida no Centro de Recuperação de Americano I. Gerando seus respectivos efeitos legais. com ressalvas acerca da verba alimentar. Avós Paternos: ALDO XAVIER DE SOUZA e NORMA CONCEIÇÃO DE SOUZA e nome do genitor: ALDO NATALINO CONCEIÇÃO DE SOUZA e 2.P. 337. em caráter imediato proceda a inclusão dos seguintes dados ao nome do menor nas fls. bem como fixando-se a verba alimentar nos termos convergentes. caso necessário. hei por bem determinar a expedição do mandado de averbação ao Cartório do 2º Ofício de Notas e Registros desta Comarca. 77/80. bem como adotando a Secretaria da Vara outras medidas cabíveis ao fiel cumprimento desta decisão.571 e seguintes do Código Civil e todos c/c o artigo 226. 13 de setembro de 2010. JULGO INTEGRALMENTE PROCEDENTE O PEDIDO INICIAL para decretar o divórcio consensual entre DEUSDETH DA SILVA MORAES e ADRIANA LAMEIRA PINTO. com base e fundamentos no artigo 733 do Código de Processo Civil. livro 367-A. Às fls. razão pela qual requer a procedência integral da pretensão eleita em todos os seus termos. P. Sem custas e honorários advocatícios. a saber: 1) Nome do menor: KEVIN DELANEY CASTRO DE SOUZA. consta parecer do Ministério Público opinando pelo deferimento do pedido.977.

cujo teor conclusivo assim exarou: __________ O que signfica queb o suposto pai. a saber.596 e seguintes do Código Civil Pátrio e todos c/c o artigo 269. Tribunal de Justiça do RS. AÇÃO DE INVESTIGAÇÃO DE PATERNIDADE CUMULADA COM ALIMENTOS.723 e seguintes do Código Civil Pátrio e todos combinados com o artigo 269. impõe-se manter a procedência do pedido. ___________ Como se vê. Ademar Ataíde Gonçalves tem uma probabilidade de 99. nesta compreendida honorários advocatícios. FIXAÇÃO DOS ALIMENTOS. Os alimentos devem ser fixados observando-se o binômio necessidade/possibilidade. pois não demonstrada a incapacidade do autor em pagar os alimentos fixados na sentença. 36/40. concretizada mediante prova pericial conhecida como DNA. Recurso desprovido. de acordo com as necessidades do alimentando e as possibilidades do alimentante. em especial. prova de sua relação consanguínea com o infante. Os alimentos são devidos em favor da Alimentanda eis a prova inequívoca da paternidade da parte adversa. 2.R. 2. a previsão legal quanto ao uso da via comum ordinária à definição da paternidade na eleição da verdade real. com entrega direta do importe à representante legal da menor.MARGUI GASPAR BITTENCOURT JUÍZA DE DIREITO PROCESSO: 00219767320108140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 13/09/2010 AUTOR: AUDINA RITA ALVES MARTINS ADVOGADO MARIA DE NAZARE RUSSO RAMOS RÉU: ROSENILDO SOUZA DA SILVA ADVOGADO ROSINEI RODRIGUES DA SILVA CASTRO . com base e fundamento no artigo 333. AGRAVO RETIDO E APELO NÃO PROVIDOS. Inobstante.Intimem-se. À Secretaria da Vara desentranhar a petição de fls. a necessidade da Alimentanda deve estar em conformidade com a real possibilidade do Alimentante. inciso I. logo. Concluise que o Sr.018. paternidade do Requerido. Ante ao exposto. cujo pagamento será efetivado até o 5º(quinto) dia útil mensal. em tudo visando o equilíbrio entre as partes diante de uma obrigação imposta judicialmente. Pois bem. Ainda. insurge a obrigação ante à prova da filiação. frisa-se. Ademar Ataíde Gonçalves é pai biológico de Tatiane valena Souza Rodrigues. AGRAVO RETIDO. não apontada nenhuma irregularidade na perícia.Ultimada a diligência. que tem por mãe a Sra.829. O exame de DNA realizado pelo Hospital de Clínicas em convênio com o Departamento Médico Judiciário concluiu pela probabilidade superior a 99. nesse momento. junte-se o mandado ora expedido às fls. Relator: Claudir Fidelis Faccenda. DRA. Atente-se: A prova da filiação em Ações de Investigação de Paternidade exige seu seguimento no rito comum ordinário . e extensivo a todos os ascendentes. seguindo-se da relação de parentesco natural ou por afinidade.Concedo à Demandada os benefícios da gratuidade processual. evidentemente não se poderá jamais obrigar o pólo passivo a assunção de um encargo sem. vez a desatenção da Requerida quanto aos termos do artigo 307 e seguintes do CPC. do Estatuto Processual Civil. limitando-se à regra da ordem de vocação hereditária delineada no artigo 1. 14 de Setembro de 2010 seus efeitos. expeça-se e determino que os autos sejam arquivados com todas as cautelas legais. documento este imprescindível à prova da filiação. PEDIDO DE REDUÇÃO DOS ALIMENTOS FIXADOS NA SENTENÇA. recaindo a obrigação nos mais próximos em grau. com a submissão do Demandado ao exame pericial de DNA. no caso em especial.A competência resta prorrogada. para audiência preliminar do artigo 331 do CPC. Belém-Pará. a qual. do Código de Processo Civil. inciso I. Belém-Pará. o encargo quanto à obrigação alimentar pressupõe a existência de vínculo consanguíneo entre os envolvidos. Oitava Câmara Cível. PROCESSO: 00212188020108140301 Ação: Alimentos . Belém-Pará. no que se refere à paternidade anunciada. (Apelação Cível Nº 70023864358.Terça-Feira. imposição tal muita mais exigida quando o pleiteante anuncia vínculo familiar em primeiro grau. EXAME DNA CONFIRMATÓRIO DA PATERNIDADE. quando consegue fazer bom manejo de seu corpo de provas. 6. Daí.Hoje 1. Assim.Hoje(processo 451/2010) 1. P.MARGUI GASPAR BITTENCOURT JUÍZA DE DIREITO. A possibilidade de redução dos alimentos exige a demonstração cabal da impossibilidade financeira daquele que os presta. TATIANE VALENA RODRIGUES GONÇALVES. eis atender os vetores interdependentes do direito alimentar.99999%. cumpre ressaltar que o ônus probandi pertence a quem alega fatos. c/c o artigo 1.DIÁRIO DA JUSTIÇA . inciso I. se não consta seu nome no registro. em primeiro nível.Designo a data de 13 de Outubro de 2010. o quantum dispensados aos alimentos é dominado por seu princípio basilar. Vale dizer. DRA. Assim sendo. . Defensoria Pública e Advogado. torno definitivo a obrigação alimentar do Alimentante em 01(um) salário mínimo vigente. PEDIDO DE NULIDADE EM VIRTUDE DA SUA NÃO APRECIAÇÃO PELO MAGISTRADO ¿A QUO¿. também . Sétima Câmara Cível.V. CPC: __________ O direito à prestação de alimentos é recíproco entre pais e filhos. Relator: Ricardo Raupp Ruschel.MARGUI GASPAR BITTENCOURT JUÍZA DE DIREITO Fórum PROCESSO: 00023437420108140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 13/09/2010 REP. insurge sua obrigação alimentar. eis o vínculo consanguíneo que os envolve. a fixação dos alimentos. do Estatuto Processual Civil.DEFENSORA PUBLICA RÉU: THAMILA BRITO DOS REIS LACERDA. JULGO INTEGRALMENTE PROCEDENTE O PEDIDO 162 . 08 de Setembro de 2010. ART. do Estatuto Processual Civil. a saber: Nome da registranda. BINÔMIO ALIMENTAR DAS PARTES. inexigível será.DEF. coloca-se na posição de Alimentante. o que. ATENDIMENTO DO BINÔMIO NECESSIDADE/ POSSIBILIDADE. Se negativo. que as partes serçao apresentadas por seus patronos no ato processual acima designado. a procedência da investigatória de paternidade se impõe. mediante recibo. a fim de que sejam procedidas as seguintes averbações na certidão de assento de nascimento da menor constante às fls. 44/49.(grifei).Edição nº 4651/2010 . observando-se.Lei Especial Nº 5. merece o menor ver cumprido sue direito legal diante da mais pura indicação ou elemento concreto da relação parental. o DNA. livro 90-A. às 09:30 horas. PUBLICA. E. voltem-me conclusos. (Apelação Cível Nº 70025145640. pai é aquele inequivocadamente revelado na Certidão de Assento de Nascimento do menor. à Requerente. Lícia Valéria Souza Rodrigues. nesta compreendida honorários advocatícios. o direcionamento dado à paternidade da Demandante em relação ao Demandado concretizou-se quando do resultado técnico da prova pericial acostada às fls.999% da paternidade. DA OBRIGAÇÃO ALIMENTAR É dizer. há falar em acolhimento do pedido inicial ante a sustentação forte dos argumentos sustentados pelos meios de prova.. eis conceder ao Requerido os benefícios da gratuidade processual. Diante da probabilidade de 99.99% de ser o pai biológico de Tatiane Valena Souza Rodrigues.R. Nesse sentido. O exame de DNA é o meio mais preciso e seguro para se verificar a paternidade biológica. Sem condenação em custas. Tribunal de Justiça do RS. reajustado de acordo com a política governamental. Vale dizer. para haver a obrigação. 13 de setembro de 2010. 1. qual seja. 5. DRA. com base e fundamento no artigo 333. . proporcionalidade-necessidade-possibilidade. R. entendo por bem tornar definitivo o quantum alimentar exarado em sede de antecipação de tutela. A fixação dos alimentos resulta da análise das possibilidades do alimentante e das necessidades de quem pede os alimentos. entregando-a a seu advogado subscritor a fim de que adeque seu pedido para haver a distribuição por dependência. Avós Paternos: HILÁRIO DA SILVA GONÇALVES e CARMITA ATAÍDE GONÇALVES e nome do genitor. Julgado em 25/06/2008) __________ Ora.TJ/PA .694 CCB. determino que seja expedido o competente mandado ao Cartório de Registro Civil do 2º Ofício.696. 13 de Setembro de 2010. c/c o artigo 1. o exame de DNA foi conclusivo à lide eis a inequívoca prova da paternidade do Requerido em relação à menor. uns em falta de outros. 106.G. Por outro lado. LEGAL: ADALBERTO GUIMARAES CORREA DE MELO NETO ADVOGADO JANDIRA PINHEIRO DA CARVALHO AUTOR: ADAN ARTHUR MATHIAS DE CASTRO CORREA DE MELO RÉU: SILVIA JORDANA SANTOS DE CASTRO ADVOGADO NEOMIZIO LOBO NOBRE ADVOGADO LUDMILA CARDOSO LOBAO . 3. Julgado em 04/09/2008) EMENTA: APELAÇÃO CÍVEL. Ante ao exposto e por tudo o que nos autos consta.Manifeste-se o Autor quanto aos argumentos inseridos em sede de contestação. JULGO PARCIALMENTE PROCEDENTE O PEDIDO INICIAL por declarar ADEMAR ATAÍDE GONÇALVES genitor da menor T. isto é. CPC.. intercalando e associando os fundamentos legais e fáticos com os meios probatórios. até que a mesma indique conta bancária para os sucessivos depósitos. Todavia. AFASTAMENTO. Hipótese inocorrente nos autos. eis ser este pressuposto de admissibilidade e validador do pedido exordial. quanto ao fato constitutivo do seu direito ___________ Logo. diante da postura adotada pela parte contrária. imprescindível e necessário é que haja prova do parentesco consanguíneo ou afim.478/68 em: 13/09/2010 REPRESENTANTE: LUZINETE BRITO DOS REIS ADVOGADO JOSE OTAVIO NUNES MONTEIRO AUTOR: PAULO FREDERICO LACERDA ADVOGADO MARIA ZENEIDE DE ALMEIDA GAMA . AÇÃO DE INVESTIGAÇÃO DE PATERNIDADE. alcançada pelo exame técnico. número 91.. inequivocadamente comprovado pelo meio de prova pericial em anexo.DEF. Por outro lado. PUBLICA. _______ Ora. se positivo.Cientes Ministério Público. 123v.I e certificado o trânsito em julgado. haja vista formular circunstâncias fáticas constitutivas do direito alegado. logicamente. inciso I. quando há o reconhecimento expresso do pedido inicial. aduz a jurisprudência advinda do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul: ________ EMENTA: APELAÇÃO CÍVEL. 4. PROCESSO 52/2010 R. Note os termos do artigo 1. ADEMAR ATAÍDE GONÇALVES. 3. 125/157. caso não tenha sido cumprida os termos da decisão de fls. por sua vez. notadamente. independente de intimação. pois assim dispõe o artigo 333 do Estatuto Processual Civil: _________ O ônus da prova incumbe: I-ao autor. o Sr.

DECLARO A UNIÃO ESTÁVEL ENTRE OS CONVIVENTES.Defiro o pedido de fls. 2. adicionais e outras vantagens.M. cao a cujos moldes serão obedecidos quando a menor estiver em idade escolar.A verba alimentar resta definida em 20%(vinte por cento) dos vencimentos e vantagens do Autor. os autores formularam suas pretensões nos seguintes termos: 1.S. O processo seguiu seu trâmite normal.A verba alimentar resta definida em 20%(vinte por cento) dos vencimentos e vantagens do Autor.S. permanecerá com a Autora. permanecerá com a Autora. 13 de Setembro de 2010. cujo direito de visitação paterna está delineado nos seguintes moldes. 13 de Setembro de 2010.A verba alimentar resta definida em 10%( dez por cento) do salário mínimo vitente. P. até que a mesma anuncie conta bancária para os sucessivos depósitos. todavia. cao a cujos moldes serão obedecidos quando a menor estiver em idade escolar.R. capacidade legal. c) festas de final de ano alternados e d) férias da menor com prazo quinzenal para cada genitor. b)no dia dos pais e aniversário. perfazendo o período de 11 (onze) anos. Belém-Pará. propuseram a presente Homologação de Acordo cujo teor exara acerca de direito de guarda. b)no dia dos pais e aniversário.TJ/PA . hoje levada a efeito não ferem quaisquer princípios de ordem pública. deve ser repartido em 50% (cinquenta por cento) para cada parte. Às fls. Gerando seus respectivos efeitos legais. para que produza seus jurídicos efeitos à transação ora realizada. fundamentada no artigo 269. P. Considerando que as cláusulas da transação. Gerando seus respectivos efeitos legais. cujo direito de visitação paterna está delineado nos seguintes moldes. licitude e disponibilidade do bem. Fica estabelecido ainda que o produto da alienação do bem objeto da partilha. determino que os autos sejam arquivados com todas as cautelas legais. além de não ser prescrito em lei. homologo. entre Passagens São Jorge e Santo Antônio. nº. extinguindose o processo com resolução de mérito. acautelem-se os autos na Secretaria da Vara no aguardo da realização do ato processual de fls. A guarda da menor K. PUBLICA AUTOR: LUIZ OTAVIO DE SOUSA 163 . Isto posto. permanecerá com a Autora. LEGAL: LINDALVA MARIA DE SOUSA PINHEIRO ADVOGADO ODOLDIRA A.S. A guarda da menor V. até que a mesma anuncie conta bancária para os sucessivos depósitos. S. verbas de rescisão laboral. 13 de Setembro de 2010. conforme os termos acima pactuados. com a primeira metade destinada ao Autor. Belém-Pará. b)no dia dos pais e aniversário. PROCESSO: 00332049620108140301 Ação: Homologação de Transação Extrajudicial em: 13/09/2010 AUTOR: ALEX SEBASTIAO MACHADO SANTOS AUTOR: GLAUCIA RAIOL DE LIMA ENVOLVIDO: VIVIAN MARIA DE LIMA SANTOS ADVOGADO MARIA DAS GRACAS GOMES PAVAO. por conseguinte. com base e fundamento no artigo 269. a menor estará na conmpanhia de seu homenageado.Lei Especial Nº 5. gratificações.MARGUI GASPAR BITTENCOURT JUÍZA DE DIREITO PROCESSO: 00222059220108140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 13/09/2010 RÉU: EDNALDO DA SILVA DE JESUS REP.14/15. a saber. Cuida-se de ação de ALIMENTOS. limitando-se a sentença apenas a consagrar tal manifestação volitiva.11. Às fls. o direito de visitação será delineado conforme o consenso entre os Autores. bairro Marambaia. 2. DENTRO DO PERÍODO DO ANO DE 1995 AO ANO DE 2006. Sem custas e honorários advocatícios. Adote a Secretaria da Vara o que necessário for para a eficácia dos termos sentenciais. respeitando-se a meação da Autora. PROCESSO: 00323852020108140301 Ação: Homologação de Transação Extrajudicial em: 13/09/2010 AUTOR: DEYSE DE NAZARÉ DA SILVA TEIXEIRA DEFENSOR ROSINEI RODRIGUES DA SILVA CASTRO AUTOR: JOSÉ GUILHERME GRANDE SOARES. cujo direito de visitação paterna está delineado nos seguintes moldes. III do Código de Processo Civil. consta parecer do Ministério Público opinando pelo deferimento do pedido. 05/08.Hoje 1. a saber: a) finais de semana alternados. mediante recibo. Vistos etc. c) festas de final de ano alternados e d) férias da menor com prazo quinzenal para cada genitor.L. face as partes estarem sob o manto da Justiça Gratuita. ambos devidamente qualificados. S. com julgamento do mérito. FIGUEIREDO . ambos devidamente qualificados. extensivo às férias. com base e fundamento no artigo 269. permanecerá com a Autora. 04: 1.Edição nº 4651/2010 . em virtude de ainda estar na terna infância. eis cingir-se de legalidade. desde que presentes os requisitos delineados no artigo 104 do CPC. PROCESSO 266/09 R. não há óbice ao acolhimento do pedido. 6-A. Isto posto. arquivem-se os autos com as cautelas legais. do Código de Processo Civil.S. mediante recibo. com a primeira metade destinada ao Autor. DRA. a menor estará na conmpanhia de seu homenageado. nesta data. eis cingir-se de legalidade. No caso em epígrafe. todavia. Acostaram documentos de fls.DIÁRIO DA JUSTIÇA . a saber: a) finais de semana alternados. limitando-se a sentença apenas a consagrar tal manifestação volitiva. propuseram a presente Homologação de Acordo cujo teor exara acerca de direito de guarda. restando ao Juízo homologá-lo. adicionais e outras vantagens.I. reajustado de acordo com a política governamental. 13º(décimo terceiro) salário. homologo por sentença os termos do acordo de fls. o direito de visitação será delineado conforme o consenso entre os Autores. arquivem-se os autos com as cautelas legais. inciso III. A guarda da menor V. DRA. nesta cidade. além de não ser prescrito em lei. a saber: a) finais de semana alternados. visitação paterna e alimentos. com a primeira metade destinada ao Autor. a menor estará na conmpanhia de seu homenageado. P. 14 de Setembro de 2010 INICIAL eis existirem nos autos a clarividência dos pressupostos objetivos e o subjetivo da alegada União Estável e. 2.478/68 em: 13/09/2010 RÉU: BENEDITO JORGE SILVA DE BRITO JUNIOR ADVOGADO JOSE OPONCIO DE OLIVEIRA FILHO AUTOR: GLEISE LUCIA SANTOS NAZARE ADVOGADO TELMA SUELI LEAO RODRIGUES. cujo direito de visitação paterna está delineado nos seguintes moldes. na residência materna. Sem Custas. Deixo de condenar as partes em custas e demais emolumentos processuais eis estarem ambas sob o manto da gratuidade processual. extinguindo-se o processo com resolução de mérito. extensivo às férias.MARGUI GASPAR BITTENCOURT JUÍZA DE DIREITO PROCESSO: 00214373120098140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 13/09/2010 AUTOR: ADRIANA CHADA CHAVES ADVOGADO ALMERINDO TRINDADE RÉU: MARCELO JOSE CUNHA ARBAGE ADVOGADO MARCIO ROGERIO CUNHA VINAGRE ADVOGADO SANDRA SUELY MACHADO DA LUZ CARVALHO. os autores formularam suas pretensões nos seguintes termos: 1. Adote a Secretaria da Vara o que necessário for para a eficácia dos termos sentenciais. 166 nos termos ora postulados. DRA.I e certificado o trânsito em julgado. nesta compreendida honorários advocatícios. Acostaram documentos de fls. com a primeira metade destinada ao Autor.L. na residência materna. excluindo-se apenas os descontos obrigatórios. em virtude de ainda estar na terna infância.S. Como se vê. observando-se o parecer ministerial. razão pela qual requerem o acolhimento integral da convergência de vontades ora emanada. Estabeleço o prazo de 06 (seis) meses para venda do referido bem objeto da partilha pelas partes. 2.M.I e certificado o trânsito em julgado. consta parecer do Ministério Público opinando pelo deferimento do pedido. Passagem Lontra.S. 04/05: 1. A guarda da menor K. com a efetivação respectiva venda na melhor proposta.Terça-Feira. c) festas de final de ano alternados e d) férias da menor com prazo quinzenal para cada genitor. Belém-Pará.R. RELATADO EM APERTADA SÍNTESE DECIDO. Como se vê. Sem custas e honorários advocatícios. a saber.A verba alimentar resta definida em 10%( dez por cento) do salário mínimo vitente. capacidade legal. observando-se o parecer ministerial. devendo o produto da alienação do bem localizado na Rua da Mata. 06/11. 165. a menor estará na conmpanhia de seu homenageado. cujo pagamento far-se-á na data limite do 5º(quinto) dia útil mensal. Publicada em audiência. no sentido de oficiar à fonta pagadora para proceder aos respectivos depósitos na conta bancária ora indicada. 13º(décimo terceiro) salário. na qual. processo 682/2010 SENTENÇA ALEX SEBASTIÃO MACHADO SANTOS e GLÁUCIA RAIOL DE LIMA . O processo seguiu seu trâmite normal.R. desde que presentes os requisitos delineados no artigo 104 do CPC. ser devidamente partilhado. não há óbice ao acolhimento do pedido. A transação efetivada entre os envolvidos anuncia convergência de vontades. do Código de Processo Civil. restando ao Juízo homologálo. 2. gratificações. reajustado de acordo com a política governamental.Em seguida. visitação paterna e alimentos. verbas de rescisão laboral. A transação efetivada entre os envolvidos anuncia convergência de vontades. homologo por sentença os termos do acordo de fls. a saber: a) finais de semana alternados. foi ajustado avença para por fim ao litígio. excluindo-se apenas os descontos obrigatórios. b)no dia dos pais e aniversário. E .DEF. caso inexista pedido quanto o cumprimento de sentença. processo 657/2010 SENTENÇA JOSÉ GUILHERME GRANDE SOARES e DEYSE DE NAZARÉ DA SILVA TEIXEIRA.MARGUI GASPAR BITTENCOURT JUÍZA DE DIREITO PROCESSO: 00154368420108140301 Ação: Alimentos . e certificado o trânsito em julgado. licitude e disponibilidade do bem. No caso em epígrafe. cujo pagamento far-se-á na data limite do 5º(quinto) dia útil mensal. extinguindo o processo. razão pela qual requerem o acolhimento integral da convergência de vontades ora emanada. c) festas de final de ano alternados e d) férias da menor com prazo quinzenal para cada genitor. RELATADO EM APERTADA SÍNTESE DECIDO. inciso III. devendo o requerido permitir o livre acesso da parte autora no imóvel para fins de avaliação e alienação às pessoas interessadas.

a princípio. para garantia do pagamento de verba alimentícia. DESEMPREGO. ora Alimentante. descabido se mostra o pedido de alvará judicial. BLOQUEIO DE FGTS. FGTS. . SEJA DESTINADA AO ALIMENTANDO.Hoje A citação editalícia se efetiva apenas em nível excepcionalíssimo eis os efeitos decorrentes de sua prática. Recurso provido. em sede de direot de família. consta oferta de contestação pelo Alimentante.I e certificado o trânsito em julgado. 59.R. Vejamos. 30/36. Tribunal de Justiça do RS. DRA. provado o inadimplemento da obrigação alimentar do genitor em relação á sua folha. À primeira vista. 6ª Turma Cível. admite-se o bloqueio. o qual. 14 de Setembro de 2010 PINHEIRO REP. segundo os argumentos do Alimentante diante de sua delicada condições econômico-financeira.S. eis a natureza jurídica do valor almejado. não tendo a alimentada alegado que o genitor deixou de cumprir com a sua obrigação alimentar e não tendo as partes acordado no sentido de que o FGTS constitui base de incidência para a pensão alimentícia. vez a natureza dos direitos ora envolvidos. DRA. 2. Negaram provimento. determinando a expedição do competente Alvará Judicial em favor e em nome da representante da menor S. (Apelação Cível Nº 70028973295. DJ 24/05/2007 p. em princípio. Acordado o valor dos alimentos sobre o FGTS. Relator: Maria Berenice Dias.Manifeste-se a Exequente quanto ao teor de fls. expeça-se e em seguida. o Autor exaurir todas as buscas necessárias ao encontro 164 . Sétima Câmara Cível. os descontos relativos à prestação de alimentos não incidem sobre verba indenizatória. ser necessário a emissão do expediente para que possa receber junto à Caixa Econômica Federal o valor correspondente a 25%(vinte e cinco por cento) do FGTS do Alimentante. a medida que se impõe é a concessão do alvará para seu levantamento. 57/60. não depositou mais devido as suas condições não serem das melhores . DESEMPREGO. neste conceito incluindo-se o FGTS. Belém-Pará. Estando o percentual devido do FGTS já bloqueado pela instituição financeira. 3. FGTS. incabível a liberação de FGTS em prol de menor. o que. no mês de setembro de 2009 não foi possível fazer o depósito. INDEFERIMENTO DO PEDIDO. INDEFERIMENTO DO PEDIDO.S. devendo. julgado em 09/05/2007. 103) APELAÇÃO CÍVEL. Unânime. no mês de novembro de 2009 depositou R$ 100. EXCEPCIONALIDADE. LEGAL: MARCIA REGINA BRITO SOARES ADVOGADO DALIEVANNY SOUZA DE OLIVEIRA ENVOLVIDO: NOBERTO VILHENA BALBINO ADVOGADO NILTES NEVES RIBEIRO AUTOR: SENDY HELEN SOARES BALBINO. se tal determinação não se anuiu em sede sentencial. JUÍZA DE DIREITO PROCESSO: 00355243920108140301 Ação: Divórcio Litigioso em: 13/09/2010 RÉU: MARIA REGINA BATISTA PAIVA AUTOR: RAIMUNDO CARLOS LOPES PAIVA ADVOGADO PAULO OLIVEIRA. 13 de setembro de 2010.350. No caso em tela.00. quando da existência de dívida alimentar. sobre ela não incidindo.o requerido fez os depósitos nos seguintes meses: R$ 150. arquivem-se os autos com as cautelas legais. senhora MÁRCIA REGINA BRITO SOARES para que receba o percentual de 25%(vinte e cinco por cento) do montante depositado.00. ambos qualificados.TJ/PA . em hipóteses excepcionais.00. Sétima Câmara Cível. hei por bem decretar a revelia da parte adversa. ao todo o requerido depositou o valor de R$ 1. Unânime. em princípio. em hipóteses excepcionais. Afirma o Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul em recentes julgados: _________ EMENTA: FAMÍLIA. verifica-se a concretude do direito exposto pela interessada. tal regramento se decai quando existente débito alimentar. possível é a liberação a título de pagamento de verba alimentar. observando-se o constante nos ofícios de fls. Recurso provido. para garantia do pagamento de verba alimentícia. O processo seguiu seu trâmite normal. BLOQUEIO DE FGTS. eis sua simplicidade e destituição de complexidade nos argumentos expostos. descontos a título de prestação alimentícia. ALVARÁ JUDICIAL.B. Belém-Pará. _______ Ora. representada por sua genitora MÁRCIA REGINA BRITO SOARES . processo 623/2009 SENTENÇA S. EXCEPCIONALIDADE. 2. Ante ao exposto e por tudo o que nos autos consta. R$ 150. 3. VALORES DE FGTS DEPOSITADOS NA CEF.(20060910107262APC. ou seja. notadamente. ALIMENTOS. Julgado em 06/09/2006) _______ De outro norte. desde que. Julgado em 15/06/2004) __________ Diante disso. O bloqueio do FGTS é cabível como forma de assegurar o adimplemento da pensão alimentícia.Terça-Feira. julgado em 09/05/2007. Relator OTÁVIO AUGUSTO. 3.Intime-se. colaciono algumas decisões emanadas por nossos Tribunais: ________ APELAÇÃO CÍVEL. 57/60.00 no mês de abril de 2009.H. 29. 2.MARGUI GASPAR BITTENCOURT JUÍZA DE DIREITO PROCESSO: 00391769120098140301 Ação: Alvará Judicial em: 13/09/2010 REP. em sede do direito de família. A título de conhecimento. ALVARÁ JUDICIAL. ALIMENTOS. DEFIRO INTEGRALMENTE o pedido exordial. Recurso provido. BLOQUEIO DE FGTS. não há como afastar tal avença. cujo silêncio importará na extinção do processo por cumprimento da respectiva obrigação. a medida que se impõe é a concessão do alvará para seu levantamento. o qual retido na Caixa Econômica Federal.MARGUI GASPAR BITTENCOURT.00 no mês de julho de 2009. 13 de Setembro de 2010. Entretanto. (SEGREDO DE JUSTIÇA) (Apelação Cível Nº 70015709579. POSSIBILIDADE. ante ao caráter da lide ora eleita. ALIMENTOS. ao final. Embora a verba do FGTS tenha caráter indenizatório.(20060910107262APC. fundamentando-se nos artigos 319 e 320 ambos do CPC.Nos termos da certidão de fls. admite-se o bloqueio. Relator: José Conrado de Souza Júnior. 103) EMENTA: ALVARÁ JUDICIAL. julgado em 09/05/2007. 3. RELATADO EM APERTADA SÍNTESE DECIDO Antes de adentrar no mérito. 94/96 e 99. processo 478/2010 R. sobre ela não incidindo. 74/80. 6ª Turma Cível. o requerido depositava na conta bancária da mãe da requerente. Sem custas e honorários. 4. DESEMPREGO. especifique a Autora quais meios de prova almeja produção. Às fls.Edição nº 4651/2010 . 1.00. em princípio.H. Relator OTÁVIO AUGUSTO. Embora a verba do FGTS tenha caráter indenizatório. (Apelação Cível Nº 70008850331.Em havendo débito alimentar.00 no mês de agosto de 2009.Com base no artigo 324 do CPC. Tribunal de Justiça do RS. Estando o percentual devido do FGTS já bloqueado pela instituição financeira. em síntese. o que coorre no caso em tela. Unânime. 1. admite-se o bloqueio. inequivocadamente. ALVARÁ JUDICIAL. no mês de fevereiro de 2010 depositou o valor de R$ 150. DRA.DIÁRIO DA JUSTIÇA . vejamos o que pregam os nossos Tribunais. Julgado em 15/04/2009) EMENTA: ALVARÁ JUDICIAL. o pedido de alvará judicial emana a voluntariedade da jurisdição. Embora a verba do FGTS tenha caráter indenizatório. no mês de janeiro de 2010 depositou R$ 150. 3. Acostou documentos de fls.Decorrido o prazo.00. ainda a mesma cessou. hei por be tecer algumas considerações aos levantes apresentados pelo Alimentante às fls. motivo pelo qual almeja o acolhimento integral do pedido ora eleito. Relator OTÁVIO AUGUSTO.B. EXCEPCIONALIDADE. esteja comprovado o inadimplemento da obrigação alimentar do responsável.. DJ 24/05/2007 p. todavia. a título de FGTS. disse(textuais) que: __________ Porém. P. 103) __________ Atente-se: O percentual relativo ao FGTS somente será liberado à Alimentanda desde que haja prova inequívoca do inadimplemento alimentar diante da natureza jurídica do importe. 13 de setembro de 2010. DJ 24/05/2007 p.00. com a destituição de seus efeitos. Acostou documentos de fls. mesmo assim. às fls.Hoje 1. em caráter excepcionalíssimo. descontos a título de prestação alimentícia. NÃO HAVENDO JUSTIFICATIVA PARA QUE TAL QUANTIA. sobre ela não incidindo.10/21. cujo parecer se posicionou pelo acolhimento do pedido em todos os seus termos. APELAÇÃO DESPROVIDA. Sétima Câmara Cível. afirma o Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios: __________ APELAÇÃO CÍVEL. 61/64.00 no mês de junho de 2009. por conseguinte. R$ 150. 1.MARGUI GASPAR BITTENCOURT JUÍZA DE DIREITO PROCESSO: 00227432120108140301 Ação: Execução de Alimentos em: 13/09/2010 REP. descontos a título de prestação alimentícia.. 2. em nome do Alimentante. propôs Ação de Alvará Judicial arguindo. Estando o percentual devido do FGTS já bloqueado pela instituição financeira. Repisa-se muito bem. afastando.. por sua total improcedência.. De outra banda. assim. Negado seguimento.Hoje 1. haja vista o claro reconhecimento da dívida alimentar pelo genitor Noberto Vilhena Balbino decorrente de seu desemprego. entretanto. Nesse sentido. Às fls. Processo 736/2010 R. INDEFERIMENTO DO PEDIDO. LEGAL: PAULA FRANCINETE DE SOUSA PINHEIRO. Relator: Maria Berenice Dias. ALIMENTOS. Belém-Pará.Decorrido o prazo. o expediente pode ser manuseado pelos Interessados para liberação de valores retidos a título de FGTS. porém depositou no mês de outubro de 2009 R$ 200. 6ª Turma Cível. POSSIBILIDADE. Tribunal de Justiça do RS. além da obrigação alimentar ser irregular. a medida que se impõe é a concessão do alvará para seu levantamento. no mês de dezembro de 2009 depositou R$ 150. ALVARÁ JUDICIAL. PROCESSO 494/2010 R. É dizer. ALIMENTANTE QUE NÃO SE FAZ INADIMPLENTE. para garantia do pagamento de verba alimentícia. R$ 150. 2. ACORDO QUE NÃO PREVIU OS VALORES REFERENTES AO FGTS NA BASE DE CÁLCULO DOS ALIMENTOS. jamais será causa excludente da liberação do valor depositado a título de FGTS.. o risco de o alimentante deixar os filhos sem auxílio financeiro. acoste-se a planilha respectiva. cujo teor rechaçou os argumentos iniciais pugnando. em hipóteses excepcionais. uma vez se tratar de jurisdição voluntária. LEGAL: ANA PAULA SARMANTO MOTA ADVOGADO ANTONIO SARMENTO GUEDES EXECUTADO: CARLOS ANTENOR FERREIRA EXEQUENTE: DANIEL SARMENTO MOTA ADVOGADO ANTONIO SARMENTO GUEDES. Unânime.(20060910107262APC. POSSIBILIDADE. voltem-me conclusos. hei por bem acolher o almejo em todos os seus termos.. ALIMENTOS. voltem-me conclusos. DE CARÁTER INDENIZATÓRIO.

além de não ser prescrito em lei. com base e fundamento no artigo 269. de forma efetiva. 2.56. a fim de que não sejam cobradas custas indevidas aos Autores eis estarem sob o manto da gratuidade processual. 4. mediante recibo. então.R. que não pode ser ratificada. 1ª Turma Cível. PUBLICA REP. 91 . No que tange à verba alimentar. EMBARGOS À EXECUÇÃO. Belém-Pará. Intime-se. 1. mediante recibo. hei por bem determinar a expedição do mandado de averbação ao Cartório do 2º Ofício de Notas e Registros desta Comarca. DRA. a meu ver. Diante do reconhecimento voluntário da paternidade do primeiro acordante em relação à criança. Pacífica é a nossa jurisprudência: ______ PROCESSO CIVIL.B. concedo ao Autor os benefícios da gratuidade processual. DRA. do CPC. sob pena de indeferimento. mantendose o ato processual ora designado para a realização da audiência preliminar do artigo 331 do CPC. eis que a guarda da infante será da Autora. porque mitiga o direito fundamental de defesa em sua plenitude. em caráter imediato proceda a inclusão dos seguintes dados ao nome do menor nas fls. seguindo-se da expedição do competente mandado de averbação à finalidade de direito. P. 589. Entretanto. iniciando-se no mês de agosto de 2010. 2.Hoje 1. Entretanto. para que. como acima dito.TJDFT). torna mister a desconstituição da sentença.Terça-Feira. EDITAL. LEGAL: SIMONE CHRISTIANE BARATA BARROS. A regular citação da parte.693. Às fls. o que ocorre no caso em tela. 589. a saber: 1) Nome do menor: MELYNA VICTÓRIA BULHÕES MARTINS . vez o contido às fls. 13 de Setembro de 2010.MARGUI GASPAR BITTENCOURT JUÍZA DE DIREITO 165 . Relator FLAVIO ROSTIROLA. No caso em epígrafe. . não há falar em citação por hora certa ou editalícia. c/c o artigo 284 ambos do CPC. o contraditório e a ampla defesa com os meios e recursos a eles inerentes. RELATADO EM APERTADA SÍNTESE DECIDO A transação efetivada entre os envolvidos anuncia convergência de vontades.TJ/PA . . extinguindo-se o processo com resolução de mérito. Relator: Judith dos Santos Mottecy. DRA. Diante do reconhecimento voluntário da paternidade do primeiro acordante em relação à criança. quando direitos indisponíveis estão sendo discutivos. 05/12. À Secretaria da Vara para que grafe no expediente a "Assistência Judiciária". DJ 16/08/2007 p. inciso III. Como se vê. quando não informada. 03/04: 1. Avós Paternos: OLEGÁRIO RODRIGUES MARTINS e IVONE MARIA DA COSTA MORAES e nome do genitor: IVANILSON MORAES MARTINS. o importe será entregue diretamente à representante legal do menor. BelémPará. consta parecer do Ministério Público opinando pelo deferimento do pedido. observando-se os seguintes dados. Belém-Pará.. seja por correio. limitando-se a sentença apenas a consagrar tal manifestação volitiva. CITAÇÃO POR EDITAL. fixo o importe no valor de 30%(trinta por cento) do salário mínimo mensal. torno sem efeito o teor de fls. uma vez indeferido o pedido quanto à citação editalícia. SENTENÇA DESCONSTITUÍDA. o que permite a mantença do curador especial para o atendimento dos interesses ora envolvidos. merecendo a inicial emenda. desde que presentes os requisitos delineados no artigo 104 do CPC. A tentativa frustrada de citação dos réus no endereço do imóvel objeto do contrato de financiamento realizado não é suficiente para autorizar a citação editalícia. O processo seguiu seu trâmite normal. Gerando seus respectivos efeitos legais. No que tange à verba alimentar. Tribunal de Justiça do RS. Apelo provido para anular a citação por edital e seus ulteriores atos. por oficial de justiça ou por edital. A citação por edital é admitida tão-somente de forma excepcional em nosso ordenamento jurídico. propuseram a presente Homologação de Acordo realizado perante a Defensoria Pública do Estado cujo teor revela o reconhecimento da paternidade do Autor em relação à menor M. tal modalidade de citação somente deve se proceder após o esgotamento de todos os meios possíveis para a localização do réu. De fato. não há óbice ao acolhimento do pedido. A citação por edital é medida excepcional. julgado em 01/08/2007. sob pena de acarretar cerceamento de defesa. independemente de intimação. O direito de livre visitação paterna ocorrerá conforme escala de descanso trabalhista.DEF. razão da necessidade de diligências prévias para o seu cabimento. 14 de Setembro de 2010 na localização da parte adversa. o importe será entregue diretamente à representante legal do menor.(20050110389203APC. 3. Assim sendo. capacidade legal. ambos devidamente qualificados. o regramento decai diante da circunstância envolta na lide. Por agora. eis que a guarda da infante será da Autora.146. 4. incerto ou inacessível o lugar em que se encontrar o réu. 5. observando-se os seguintes dados. A despeito de o Diploma Processo Civil possibilitar a realização de citação pela via editalícia quando ignorado. 15/16.Cientes Ministério Público. reajustado de acordo com a política governamental.MARGUI GASPAR BITTENCOURT JUÍZA DE DIREITO PROCESSO: 00347900220098140301 Ação: Regulamentação de Visitas em: 13/09/2010 RÉU: ANDERSON CHRISTIAN BARROS PINTO AUTOR: ANTONIO DOS SANTOS PINTO ADVOGADO SUZY SOUZA DE OLIVEIRA . motivo pelo qual almejam o acolhimento integral do pedido ora eleito.I e certificado o trânsito em julgado. na conta bancária a ser indicada pela Autora oportunamente. 49v. homologo por sentença os termos do acordo de fls. todavia.Edição nº 4651/2010 . item 01. apresentar o endereço novo e correto da demandada ou.146. nº. conforme exegese dos artigos 213 e 214 do CPC. respeitando-se a data limite do 8º( oitavo) dia útil mensal e 3. respeitando-se a data limite do 8º( oitavo) dia útil mensal e 3.Ainda.. os pressupostos para atuação do curador especial estão delineados no artigo 9º.LUIZ HELENO SANTOS DO VALE. livro A-1126. processo 632/2010 SENTENÇA IVANILSON MORAES MARTINS e EDILEUZA FERREIRA BULHÕES. reajustado de acordo com a política governamental. ESGOTAMENTO DOS MEIOS DE LOCALIZAÇÃO DO RÉU. bem como fixando-se a verba alimentar nos termos convergentes. A não-realização de diligências ordinárias quando da citação por edital. 2. RECURSO PREJUDICADO. quando não informada. Décima Segunda Câmara Cível. hei por bem determinar a expedição do mandado de averbação ao Cartório do 2º Ofício de Notas e Registros desta Comarca. podendo os representantes da Defensoria Pública apresentarem os litigantes. 2. na conta bancária a ser indicada pela Autora oportunamente. eis cingir-se de legalidade. Julgado em 08/05/2008) ___________ Ora. O direito de livre visitação paterna ocorrerá conforme escala de descanso trabalhista. nos termos do artigo 282.693. EMENTA: APELAÇÃO CÍVEL. nº. 3. a mera alegação de requerer a citação editalícia não tem condão de prosperar. sob pena de afronta ao sobreprincípio do devido processo legal. a saber: 1) Nome do menor: MELYNA VICTÓRIA BULHÕES MARTINS . livro A-1126. do Código de Processo Civil. Sem custas e honorários advocatícios. expeça-se e arquivem-se os autos com as cautelas legais. fixo o importe no valor de 30%(trinta por cento) do salário mínimo mensal. imprescindível e necessário é que o Requerente esgote todos os meios fáticos e legais na tentativa de localizar a parte adversa. restando ao Juízo homologá-lo. Isto posto.A presença das partes se posta como facultativa. licitude e disponibilidade do bem. para que. em caráter imediato proceda a inclusão dos seguintes dados ao nome do menor nas fls. inciso II. Juntaram documentos de fls.F.V.DIÁRIO DA JUSTIÇA . NULIDADE. 13 de setembro de 2010.MARGUI GASPAR BITTENCOURT JUÍZA DE DIREITO PROCESSO: 00315055520108140301 Ação: Homologação de Transação Extrajudicial em: 13/09/2010 AUTOR: EDILEUZA FERREIRA BULHOES AUTOR: IVANILSON MORAES MARTINS ENVOLVIDO: MELYNA VICTORIA FERREIRA BULHOES ADVOGADO DEFENSORIA PUBLICA . Defensoria Pública e Curador Especial. NULIDADE DA CITAÇÃO. devendo ser priorizada a citação pessoal que propicia. (Apelação Cível Nº 70022984728. (processo 560/2009) R. Diante disso. com ressalvas acerca da verba alimentar. constitui pressuposto de validade da relação processual. iniciando-se no mês de agosto de 2010. os autores formularam suas pretensões nos seguintes termos: 1. em 10(dez) dias. a saber. DIREITO PRIVADO NÃO ESPECIFICADO. 13 de Setembro de 2010. nesta compreendida honorários advocatícios. AÇÃO DECLARATÓRIA DE NULIDADE DE TÍTULO CUMULADA COM PEDIDO INDENIZATÓRIO. mormente porque as providências posteriores foram incompletas. requeira diligências ao Juízo na tentativa de encontrá-la. Avós Paternos: OLEGÁRIO RODRIGUES MARTINS e IVONE MARIA DA COSTA MORAES e nome do genitor: IVANILSON MORAES MARTINS. pois. bem como a ausência de identificação adequada de uma das empresas que constam no pólo passivo. faculto ao Autor a emenda da inicial para.

Relator OTÁVIO AUGUSTO. Aduz em sua peça inicial que o investigado é funcionário do Comando Aeronáutico (1ª COMAR). é o reconhecimento da família. A parte autora.SECRETARIA DA 7ª VARA DE FAMILIA DE BELEM PROCESSO: 00255314920108140301 Ação: Homologação de Transação Extrajudicial em: 01/09/2010 AUTOR: RICARDO DOS SANTOS VELOSO JUNIOR AUTOR: RICARDO RESQUE VELOSO AUTOR: RODRIGO EDUARDO DOS SANTOS VELOSO REP. Com relação ao arbitramento de alimentos em ação investigatória. 349).. os alimentos são devidos a partir da citação" (Súmula n. fazer comprovação de suas alegações. nos termos do art. Unânime. PROCESSO: 00291407220028140301 Ação: Alimentos .Lei Especial Nº 5. indisponível e imprescritível. aduzindo a ilegitimidade dos documentos acostados pela autora. DJ 02/06/2006 p. dê-se baixa nos autos e arquive-se. requerendo. Tratam os presentes autos de AÇÃO DE HOMOLOGAÇÃO DE ACORDO ajuizada por R. LEGAL: SUELY SANTANA DE LIMA ADVOGADO TELMA SUELI LEAO RODRIGUES ADVOGADO RENILDE DA SILVA O. FLUÊNCIA A PARTIR DA CITAÇÃO. 03/06. Oitava Câmara Cível. OLIVEIRA COSTA. a pensão alimentícia fixada em sentença condenatória é devida desde a data da citação do investigado. face ao deferimento da justiça gratuita. Decido. para evidenciar a possibilidade deste pagar o quantum pedido. Agravo improvido. Sem custas. LEGAL: ROSANGELA DOS SANTOS CONCEICAO ADVOGADO CARLA DO SOCORRO RODRIGUES ALVES ADVOGADO DANIELA NAZARE MOTA DE OLIVEIRA. SITUAÇÃO ECONÔMICA E FAMILIAR DO RÉU. que.. Ciência ao representante do Ministério Público. confere ao interessado o direito ao uso do nome e o direito aos alimentos. C. FIXAÇÃO. a título de exemplo. O i. Na questão dos alimentos. representante do Ministério Público exarou parecer favorável à homologação (fl. I do Código de Processo Civil. para todos os fins de direito. podem-se citar. uma vez que já teria constituído nova família.. ? "Julgada procedente a investigação de paternidade. as seguintes decisões: INVESTIGAÇÃO DE PATERNIDADE. observando sempre o binômio necessidade x possibilidade determinado no §1º do art. ANTE O EXPOSTO. ANTE O EXPOSTO. após a devida instrução. não informou o valor das despesas tidas com a menor. presente às fls..478/68 em: 01/09/2010 AUTOR: CLAUDIA GALVAO DO COUTO ADVOGADO LIDIANNE NAZARE PEREIRA CAMPOS CARDOSO RÉU: MIGUEL BRAZ MAGNO RIBEIRO ADVOGADO KARINA ALVES MOURA.5 salários mínimos deve ser mantida. HOMOLOGO. conforme entendimento Jurisprudencial: INVESTIGAÇÃO DE PATERNIDADE. 51). Julgado em 09/11/2006). devidamente qualificadas na inicial e sob patrocínio da Defensoria Pública do Estado do Pará. omissis. O primeiro deles insere-se no conceito do princípio da dignidade humana.694 do Código Civil. Após certificado o trânsito em julgado.. 14 de Setembro de 2010 SECRETARIA DA 7ª VARA DE FAMÍLIA DA CAPITAL RESENHA: 10/09/2010 A 10/09/2010 . fossem os alimentos arbitrados no percentual de 15% de sua remuneração. HOMOLOGO. as pretensões do demandante constantes na exordial são justamente ver reconhecida a paternidade pelo requerido e o arbitramento de pensão alimentícia e para tanto. por meio de advogado regularmente habilitado. acordando sobre regularização de guarda. Sem custas. nos termos do art. quanto à eficácia da fixação dos alimentos. III do CPC. Os alimentos devem ser fixados de acordo com as necessidades do alimentado e possibilidades do alimentante. por sua vez. Os alimentos devem ser fixados com observância do binômio necessidade/possibilidade. e R. sobre o que somente a autora manifestou-se (fl. registre-se e intimem-se. nem juntou documentos que demonstrem a condição financeira do réu. O nome. representada por sua genitora. Ciência ao representante do Ministério Público. do CPC. PROPORÇÃO DAS NECESSIDADES DO ALIMENTANDO E DOS RECURSOS DO ALIMENTANTE. Publique-se. contudo. representante do Ministério Público favoravelmente à homologação do acordo celebrado.TJ/PA . 277-STJ). 21). PROCESSO: 00249951320108140301 Ação: Homologação de Transação Extrajudicial em: 01/09/2010 AUTOR: DILMARA ROSIANE COSTA CALDAS ADVOGADO LUIS PAULO A. julgando extinto o presente processo com resolução do mérito. Publique-se. o réu apresentou defesa.Terça-Feira. Em regra. Comprovada a possibilidade do alimentante e sendo presumíveis as necessidades do alimentado. presente às fls. registre-se e intimem-se. 333. ALIMENTOS. III. face ao deferimento da justiça gratuita. dê-se baixa nos autos e arquive-se. 2003/0196529-9. O i. ambos devidamente qualificados na inicial e sob patrocínio da Defensoria Pública do Estado do Pará. o que não fez. deve a requerente juntar provas aos autos conforme preceitua o art. Sem custas.. o acordo firmado entre as partes. com a genitora do investigante. requeridos por A. em desfavor de M.. Reconhecida a paternidade.. No presente caso. as partes convencionaram proposta de pagamento da dívida. caso julgada procedente. Requereu os benefícios da justiça gratuita. Tratam os presentes autos de INVESTIGAÇÃO DE PATERNIDADE c/c ALIMENTOS. 269. caso julgada procedente ação. instruindo a inicial com cópia de procuração e documentos. Remetidos os autos ao Ministério Público. Durante o trâmite regular do feito. S. HOMOLOGO. (20020110766308APC. e D. 2. portanto. 1. acordando sobre alimentos destinados aos menores R. registre-se e intimem-se. este declarou que assumiria o sustento do futuro filho.Edição nº 4651/2010 . No presente caso. Alega a investigante que é fruto de um relacionamento de 2 (dois) entre sua genitora e o requerido. Data do Julgamento: 02/02/2006. O laudo do exame pericial coligido aos autos concluiu que existe a probabilidade de 99. manifestando-se a i. 57/58. Relator Min.DIÁRIO DA JUSTIÇA . para todos os fins de direito. ainda que breve. 51). Recurso provido parcialmente. É o relatório. Por fim. 4ª Turma. III do CPC. elevado a fundamento da República Federativa do Brasil constante no inciso III do art. No entanto. a sentença que fixou a pensão alimentícia em 1. observa-se que o réu não negou ter mantido um relacionamento. direito da personalidade. ambos devidamente qualificados na inicial. o reconhecimento voluntário de paternidade ou sua declaração por sentença. o acordo firmado entre as partes. tendo outro filho sob sua dependência. Tribunal de Justiça do RS. Após certificado o trânsito em julgado. Regularmente citado. representada por sua genitora. Tratam os presentes autos de AÇÃO DE HOMOLOGAÇÃO DE ACORDO ajuizada por M. segura para determinação da paternidade. com a fixação de alimentos em favor do requerente. face ao deferimento da justiça gratuita. igualmente protegida pela Constituição Federal. 47/48) -. opinando pela procedência do pedido. dado o avanço tecnológico que a envolve. 74/75 dos autos. o réu propôs que. 13). julgando extinto o presente processo com resolução do mérito. seu ilustre representante exarou parecer conclusivo às fls. Seguiu-se determinação judicial para a realização de prova pericial ? exame de DNA (fl. Não fora produzida nenhuma outra prova. Ciência ao representante do Ministério Público. Após certificado o trânsito em julgado. Tratam os presentes autos de AÇÃO DE ALIMENTOS ajuizada por M. Aduz que quando o requerido foi cientificado da gravidez em questão. APELAÇÃO E RECURSO ADESIVO IMPROVIDOS (Apelação Cível Nº 70016916215. 1. deve o juiz arbitrar os alimentos. dê-se baixa nos autos e arquive-se. reconhecida a paternidade. 1º da CF/88. a títulos de alimentos. BARROS MONTEIRO. bem como a fixação de alimentos na base de 10% (trinta por cento) dos vencimentos e vantagens do réu (às fls. Em se tratando de ação investigatória de paternidade. representante do Ministério Público exarou parecer favorável à homologação (fl. relativos à menor D. Publique-se. não demonstrou qual sua condição financeira. 6ª Turma Cível. com a aplicação de multa. julgado em 15/05/2006. 269. às fls. não restam dúvidas que o exame de DNA é a prova mais robusta e eficiente para dirimir a lide. Relator: Claudir Fidelis Faccenda.99% de o requerido ser o pai biológico do investigante. referendados por seus advogados. a improcedência da ação. sendo esta margem considera. a procedência da ação. por exemplo). fossem os alimentos arbitrados no percentual de 15% de sua remuneração. 04/05. PROCESSO: 00227552920048140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 01/09/2010 AUTOR: ADRIAN VITORIA SANTANA DE LIMA RÉU: ORLANDO RAMOS LOPES ADVOGADO TANIA CRISTINA ALVES DOS REIS DIAS REP. intimando-se o requerido a cumprir os termos do avençado. iniciado quando esta ainda contava 13 (treze) anos de idade. muito embora se tenha entendido que a paternidade possa ser declarada sem sua realização conforme as peculiaridades de cada caso concreto (recusa pelo réu a submeter-se ao exame de DNA. nos termos do artigo 269. 166 . FRANCO AUTOR: MARCO ANTONIO ALMEIDA. ANÁLISE DO BINÔMIO NECESSIDADEPOSSIBILIDADE. pacificamente. direito de visitas e alimentos. o qual comprovou a paternidade com margem irrisória de erro. o acordo firmado entre as partes.(AgRg no REsp 605236 / DF . a citação do requerido. ANTE O EXPOSTO. uma vez que já teria constituído nova família. contudo. e R. tendo outro filho sob sua dependência. AÇÃO DE INVESTIGAÇÃO DE PATERNIDADE C/C ALIMENTOS. ALIMENTOS. em desfavor de O. sem. e permite a identificação da pessoa diante da sociedade. o que foi aceito pela parte requerente. Resta que não consta nos autos qualquer referência ou comprovação de quanto o investigado aufere de vencimentos e vantagens. para todos os fins de direito.

O i. ajuizada pelos menores impúberes P. O requerente. nos termos do art. Conste do Mandado as advertências dos artigos 285 e 319 do CPC. peticionou comunicando este juízo o pagamento total do débito em execução. Remetidos os autos ao Ministério Público (fl. que a execução será extinta quando o devedor satisfaz a obrigação. representante do Ministério Público exarou parecer favorável à homologação (fl. ANTE O EXPOSTO. inciso I do Código de Processo Civil. SALA 152. resolvo o mérito do pedido para DECLARAR o Requerido O. PROCESSO: 00156958420078140301 Ação: Alimentos . Cite-se o requerido na forma do art. Neste sentido. determinou a citação do réu (fl. conforme petição às fls. 155. realizar-se-ia sua prisão civil. do Código de Processo Civil. Decido.03. Após certificado o trânsito em julgado. 17) para que efetuasse o pagamento das três prestações da pensão alimentícia anteriores ao ajuizamento da ação. uma vez que comprovada a quitação do débito exequendo. 14 de Setembro de 2010 Data da Publicação/Fonte: DJ 20. III do CPC. porquanto ocorra a perda de seu objeto. em desfavor de N. contestação ou embargos. O exequentes intentaram a ação para ver satisfeita a obrigação a alimentos estabelecida em investigação de paternidade. oferecendo resistência em reconhecer a filiação que lhe e atribuída e os alimentos reclamados. Felipe Patroni. para todos os fins de direito. às 9:15h. registre-se e intimem-se. através de advogado regularmente constituído. pelo que fora revogada sua prisão civil. representante do Ministério Público exarou parecer favorável à homologação (fl. preclusa a via impugnativa. inclusive o patronímico do suplicado. 36 da Lei do Divórcio para. com fulcro no art. Presumem-se válidas as comunicações e intimações dirigidas ao endereço residencial ou profissional declinado na inicial. 153 dos autos.. Processe-se em segredo de justiça (art. observadas as cautelas legais. às fls. para que o autor apresente no prazo de 10 (dez) dias. II do CPC) e com gratuidade processual. Publique-se. São devidos alimentos desde a data da citação.. registre-se e intimem-se. não se caracteriza em prova do direito pleiteado (só cabível em fase de instrução). Fórum Cível da Capital. devida desde a citação. (No mesmo sentido: AgRg no Ag 640126/STJ 4ª Turma.. Intimado na forma do §1º do art. e P. G. O i. Tratam os presentes autos de AÇÃO DE EXECUÇÃO DE ALIMENTOS. 269. proceda-se as averbações referentes a filiação paterna no registro da menor reconhecida judicialmente. o acordo firmado entre as partes. Decorrido o prazo legal. 155. 267 do CPC fl. referendados por seus advogados. para todos os fins de direito. devidamente qualificados na inicial. JULGADO EM 25/05/2000). a qual será realizada na Sala de Audiências da 7ª Vara de Família. representado por sua mãe I. seu representante exarou parecer opinando pela extinção da execução. constantes dos autos daquela primeira ação. todos devidamente qualificados na Exordial. Cumpre ressaltar que a simples apresentação de documento pessoal da parte. indispensável para a inclusão de dados referentes a filiação paterna. juntando comprovantes de depósito. registre-se e intimem-se..122 do CPC. voto vencido. acompanhado parecer do Ministério Público. deve o Juiz. face ao deferimento da justiça gratuita. nos termos do art. I do Código de Processo Civil pátrio.. 269. PROCESSO: 00245082320108140301 Ação: Homologação de Transação Extrajudicial em: 01/09/2010 AUTOR: AMAURY DE SOUZA ALVES ADVOGADO VALENA JACOB CHAVES AUTOR: MAURO DE SOUZA ALVES. o mesmo ocorre com os alimentos. 75). Sem custas. por seu turno. com ou sem manifestação. mas sim. ALIMENTOS. neste último caso devidamente certificado.) (APELAÇÃO CÍVEL Nº 598285138. Ciência ao Ministério Público e. ambos devidamente qualificados na inicial e sob patrocínio da Defensoria Pública do Estado do Pará.2006 p. 150/152. determinar as providências que assegurem o resultado prático do direito provido na sentença. acordando sobre reconhecimento voluntário de paternidade. consoante Súmula 277 do STJ. adiante. CPC). AgRg no Ag 548572 / SC/STJ 4ª Turma. bem como intimadas as partes exequentes para que se manifestassem acerca de eventual saldo remanescente. juntando os comprovantes de depósito (fl. Designo o dia 09/12/2010. PROCESSO: 00314028520108140301 Ação: Divórcio Consensual em: 03/09/2010 AUTOR: GLENDA DOS SANTOS SANTANA ADVOGADO JAYME PIRES DE MEDEIROS NETTO AUTOR: JORGE ISSE BRITO JUNIOR. Ciência ao representante do Ministério Público. (5FLS. expeça-se o competente Mandado de Intimação. para audiência de ratificação. dispondo o parágrafo único do art. A pensão deverá ser. sob patrocínio da Defensoria Pública do Estado do Pará. 165). O juízo. 269. HOMOLOGO. Cumprida a providência. em face de M. Isto posto. Processe-se em segredo de justiça (art. ser depositada em conta bancária a ser informada pela autora. M. o acordo firmado entre as partes. PROCESSO: 00265100420108140301 Ação: Homologação de Transação Extrajudicial em: 01/09/2010 AUTOR: AILSON DO ESPIRITO SANTO E SILVA AUTOR: DEJANDIRA BATISTA FURTADO ENVOLVIDO: JESSICA BATISTA FURTADO ADVOGADO LUIZ HELENO SANTOS DO VALE. e A. 152). que passará a se chamar A. inciso I. nos termos do art. julgando extinto o presente processo com resolução do mérito. 280). julgo extinta a execução. a parte autora quedou-se inerte. conforme preleciona a inteligência do artigo 461. Ciência ao representante do Ministério Público. de ofício ou a requerimento da parte.Lei Especial Nº 5. RELATOR: ANTÔNIO CARLOS STANGLER PEREIRA. ANTE O EXPOSTO. e D. devidamente certificada. LEGAL: JOICE DE NAZARE ESTELA LISBOA ADVOGADO JORGE LUIZ COSTA EXECUTADO: MARCOS VINICIUS PEREIRA SILVA ADVOGADO DIANE CRISTINA PEREIRA GOMES ADVOGADO JESE FELIPE DE PAULA BASTOS JR EXEQUENTE: PAMELA CRISTINA ESTELA LISBOA SILVA ADVOGADO JORGE LUIZ COSTA EXEQUENTE: PEDRO HENRIQUE LISBOA SILVA. reconhecido judicialmente) à inclusão de todos os dados referentes à filiação paterna.DIÁRIO DA JUSTIÇA . guarda. PROCESSO: 00234149520078140301 Ação: Execução de Alimentos em: 02/09/2010 REP.478/68 em: 03/09/2010 REP. julgando extinto o presente processo com resolução do mérito. § 5º do CPC. 794. informando-se às partes abaixo identificadas que a ausência injustificada ensejará o arquivamento dos autos nos termos do §2º do art. Do contrário. Dispõe o art. e mais das que se vencessem no seu curso (conforme o pedido pela requerente.. ocasião em que o réu tomou conhecimento da pretensão do autor. presente às fls. contestar no prazo de 15 (quinze) dias. dê-se baixa nos autos e arquive-se. representados por J.Edição nº 4651/2010 . 18/21. Tratam os presentes autos de AÇÃO DE HOMOLOGAÇÃO DE ACORDO ajuizada por M. ambos devidamente qualificados na inicial. 733 do CPC. A parte exequente. 16). declarado filho na investigatória. 03/04. S/N ? Cidade Velha. PROCESSO: 00318469620108140301 Ação: Conversão de Separação Judicial em Divórcio em: 01/09/2010 AUTOR: IDERALDO BELLINI GOMES DE OLIVEIRA ADVOGADO ROSA FERNANDA SOUZA COHEN DE BRITO RÉU: TELMA DO SOCORRO ALVES DUARTE. voltem-me conclusos. Concedo os benefícios da justiça gratuita. bem como para CONDENÁ-LO A PAGAR PENSÃO ALIMENTÍCIA. arquivem-se os autos. entre outros) INVESTIGATORIA DE PATERNIDADE. V. ensejando a extinção da execução. DE L. Sem custas por estar o requerente sob a égide da Justiça Gratuita.. OITAVA CÂMARA CÍVEL. Publique-se. Para a consecução das necessárias averbações. arquivem-se os autos. É o relatório. presente às fls. dê-se baixa nos autos e arquive-se.TJ/PA . instruindo-a com mandado de averbação no registro de nascimento dos requerentes.. Sem custas. reconhecida judicialmente. Cientifiquese o representante do Ministério Público. 733 do CPC. Publique-se. assim. os documentos necessários (certidão de nascimento/casamento do pai biológico do menor. 1. registre-se e intimem-se. face ao deferimento da justiça gratuita. além de que deverão apresentar-se à audiência acompanhadas de prova testemunhal ou documental que comprove o lapso temporal exigido por Lei. não manifestou-se acerca de tal petição. às fls. em procedimento acessório. direito de visitas em relação à menor J. ANTE O EXPOSTO. III do CPC. 794. 23). com fundamento no art. sito no 1º Andar do Prédio Anexo I. como para efeito de herança retroage no tempo o direito do autor. regularmente processado o feito. na base de 20% de seus vencimentos e vantagens.Terça-Feira. pai biológico de A. HOMOLOGO. necessário para dar a efetividade aos direitos decorrentes da sentença de reconhecimento. até o 5º dia útil de cada mês. 150/152. 28. 238 do CPC: Parágrafo único. Após certificado o trânsito em julgado. cumprindo às partes atualizar o respectivo endereço sempre que houver modificação temporária 167 . Intimemse. na Pça.. LEGAL: IVONE FERREIRA DE SOUSA ADVOGADO MARIA DE NAZARE RUSSO E RAMOS AUTOR: MARCELO DE SOUSA OLIVEIRA RÉU: NIVELDO DO CARMO OLIVEIRA ADVOGADO FRANCISCO ANTONIO TEIXEIRA SANTOS E OUTROS. Sem custas. acordando sobre alimentos destinados ao sr. ao nome da menor. querendo. silenciando quanto a eventual valores remanescentes a receber. Tratam os presentes autos de AÇÃO DE HOMOLOGAÇÃO DE ACORDO ajuizada por M. II. recebendo a presente demanda pelo rito do art. Tratam os presentes autos de AÇÃO DE HOMOLOGAÇÃO DE ACORDO ajuizada por A. Verifica-se nos autos que o executado peticionou comunicando este juízo o pagamento total do débito. devidamente certificada. resta-se obstado o prosseguimento do processo. devidos a partir da citação.. Preclusa a via impugnativa. aos termos do despacho de fl. a fim de garantir a efetividade da prestação jurisdicional. Publique-se. TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO RS.

Registre-se. inciso III do Código de Processo Civil. II. fora perturbada a partir do dia em que esta realizara viajem para Buenos Aires ? Argentina ? onde cursaria doutorado e manteria relacionamento amoroso extraconjugal com U. As testemunhas serão apresentadas independentemente de expedição de intimação.. II do Prov. É imperioso. na forma recomendada pelo § 1º do art. O requerente alega em resumo que está separado de fato da requerida desde o dia em que esta teria abandonado espontaneamente o lar conjugal.. § 2º. Ressalte-se serem estas provas desacompanhadas de negativos. da presença dos requisitos da prova inequívoca com a qual seja possível aferir a verossimilhança das alegações. ocasião em que. com Boletim de ocorrência sobre o alegado abandono pela requerida do lar conjugal (fls. 46/50) e comprovantes de despesas que teria com a menor . ALIMENTOS E REGULAMENTAÇÃO DE VISITAS ajuizada por N. arquive-se com as cautelas da lei. com fundamento no art. LEGAL DEJANE CALDAS BARROS RÉU: PAULA ADRIANA BARROS DA CRUZ ADVOGADO PAULO SERGIO FERREIRA DE SOUZA REP. E. devidamente qualificado na inicial e através de advogado regularmente habilitado. 168 . De ordem. 1º.. na ocasião em que fora estudar doutorado (fls. Processe-se em segredo de justiça (art. 26/28 e 46/50 demonstrarem convívio harmonioso da menor com o pai e os comprovantes de despesas e atendimento médico indicarem a responsabilidade deste com a infante. dê-se baixa nos autos e arquive-se. Em que pesem as fotografias às fls.08. ambos devidamente qualificados na inicial e sob patrocínio da Defensoria Pública do Estado do Pará. fotografias que demonstrariam a estada desta. portanto. CANDIDO RANGEL DINAMARCO. 308). SALA 152.952 de 13/12/1994 inseriu a antecipação da tutela jurisdicional no artigo 273 do CPC. Forense. a requerida e suia patrona. pelo que. às 9:30h.TJ/PA . da existência de um direito violado e da irreparabilidade dos interesses atingidos pelo possível dano. Após. naquele momento. registre-se e intimem-se. em _____/_____/2010 PROCESSO: 00220860820108140301 Ação: Alimentos . 267. para a expedição de uma ordem que atinge a parte adversa. nos termos do art. Assim. ao contrário. igualmente qualificada nos autos. (. Da leitura da exordial. FIGUEIREDO . pugnou o requerente pelo divórcio direto. É o necessário relatório. 74 e seguintes. pg. desde que se convença da verossimilhança da alegação. LEGAL DEJANE CALDAS BARROS AUTOR: REGINA MARIA ARAUJO DA CRUZ ADVOGADO MARIA EMIDIA REBELO DE OLIVEIRA. Conforme leciona Humberto Theodoro Júnior: ?Diante do sistema do impulso oficial do processo (art. quando teria declarado expressamente não mais desejar continuar casada com o requerente. Ciência ao representante do Ministério Público.2010. G. julgo extinto o processo sem resolução de mérito. sem elementos concretos que lhe permitam aferir um mínimo de convencimento acerca do que lhe é alegado. ANTE O EXPOSTO. no endereço indicado à f. apresentando comportamento ausente do vínculo familiar. além de que deverão apresentar-se à audiência acompanhadas de prova testemunhal ou documental que comprove o lapso temporal exigido por Lei. (residente em Belo Horizonte). Ficam desde já cientes e intimadas da audiência ora designada. Decido. às 10h45min. 26/28). em princípio. de forma indispensável. 03 dos autos. não poderia significar mais do que imbuir-se do sentimento de que a realidade fática pode ser como descreve o autor? (A Reforma do Código de Processo Civil. 1. II do CPC) e com gratuidade processual. Tratam os presentes autos de AÇÃO DE HOMOLOGAÇÃO DE ACORDO ajuizada por B.122 do CPC. estava retirando-se do lar. 262). Manifeste-se a requerida sobre os documentos de fls.478/68 em: 10/09/2010 RÉU: ANDREY BARROS DA CRUZ ADVOGADO PAULO SERGIO FERREIRA DE SOUZA REP. e.. não sanada a falta. 155. Em réplica manifeste-se o(a) autor(a). (Art. iniciada em 14 de junho de 2008. Acrescentou.DEF. Destarte. não constitui faculdade nem discricionariedade do Juiz. entre outros documentos. (. bem como o relativo fixação de alimentos para depois de realizada a citação da requerida. Após certificado o trânsito em julgado.? (in Curso de direito processual civil. Designo o dia 09/12/2010. Após. que o Juiz se persuada. que os divorciandos não possuem bens (aquestos) a partilhar. 15ª Ed. mesmo sem postulação do interessado ou do Ministério Público. Afirma que sua convivência harmônica com a requerida. a defensora do autor. VI do Prov. Tratam os presentes autos de AÇÃO DE DIVÓRCIO (DIRETO) CUMULADA COM PEDIDOS DE GUARDA UNILATERAL. nos termos do art. Acerca do pedido de antecipação dos efeitos da tutela. SP. Verificada a paralisação por culpa dos litigantes. intimando pessoalmente. junto à pessoa com quem manteria relacionamento extraconjugal. O i. p. 16). 269. guarda. Cite-se a requerida. presente às fls. somente aos cuidados e responsabilidade do pai. 802 do CPC. conclusos. (Art. instruindo a Exordial. S/N ? Cidade Velha. 155. É o sucinto relatório. na Pça. senão definitivamente. A concessão da medida. Fórum Cível da Capital. CPC). em tutela antecipada. Intime-se. Processe-se em segredo de justiça (art. e T. ainda. julgando extinto o presente processo com resolução do mérito. ) DELIBERAÇÃO EM AUDIÊNCIA: Defiro a Justiça Gratuita á parte requerida. à concessão do pleito. com o alegado abandono da menor. 03/05. mas seu dever concedê-la se presentes seus pressupostos legais. PROCESSO: 00276776520098140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 10/09/2010 AUTOR: RICARDO HENRIQUE SOUZA RIBEIRO ADVOGADO BRENDA DA SILVA ASSIS ARAUJO RÉU: RICHARD ADOLFO LEAL BITTENCOURT RIBEIRO DEFENSOR ANA MARIA VALENTE FERREIRA . 1996. cujo deferimento depende. o acordo firmado entre as partes. encontram-se alegações que conduziriam. representante do Ministério Público exarou parecer favorável à homologação (fl. em 19. quando o autor abandonar a causa por mais de trinta dias. no prazo de 5 (cinco) dias.. para todos os fins de direito. 3ª Ed. destinados às menores I. ainda que não requerida pela parte. informando-se às partes abaixo identificadas que a ausência injustificada ensejará o arquivamento dos autos nos termos do §2º do art.Terça-Feira. também abandonara a única filha menor L. PROCESSO: 00320124220108140301 Ação: Divórcio Consensual em: 09/09/2010 AUTOR: RAFAEL DIAS DA CUNHA ADVOGADO WILCINELY NAZARE SANTOS DE OLIVEIRA AUTOR: TATIANA BRASIL GAMA DA CUNHA. reservo a apreciação de tal pedido. PUBLICA.Lei Especial Nº 5. pela guarda unilateral provisória da infante e pela fixação de alimentos em favor da menor.Edição nº 4651/2010 . pela regulamentação do direito de visitas e. ) PROCESSO: 00251663120108140301 Ação: Homologação de Transação Extrajudicial em: 10/09/2010 ENVOLVIDO: ADRIA GIOVANA DE MENEZES BORDALLO ADVOGADO LUIZ HELENO SANTOS DO VALE AUTOR: BRUNO SANTOS BORDALLO ENVOLVIDO: IASMIN DE MENEZES BORDALLO AUTOR: TALITA JENNIFER SANTOS DE MENEZES. não suprir a falta em 48 (quarenta e oito) horas. Malheiros. Felipe Patroni. acordando sobre reconhecimento voluntário de paternidade. .DIÁRIO DA JUSTIÇA . auxiliado pessoal e financeiramente pela tia paterna deste. 006/2006 da CJRMB). § 2º. desamparando a menor adoentada ? que conta com pouco mais de um ano e meio de idade ? somente aos cuidados do pai. para audiência de ratificação. considero que: A Lei 8. por Oficial de Justiça. face ao deferimento da justiça gratuita.. E . Deste modo. é bom que se ressalte. direito de visitas e alimentos. Expeça-se mandado de intimação ao autor. inciso III. sito no 1º Andar do Prédio Anexo I. Intimemse. em desfavor de G. ANTE O EXPOSTO. Entretanto. diante do desinteresse da parte autora no prosseguimento do feito. do Código de Processo Civil.. principalmente em juízo de cognição sumária. para o endereço constante na peça inicial. Dispõe o art. 14 de Setembro de 2010 ou definitiva.farmácia e supermercado ? (52/60). de ofício. 1º. a serem concedidos pela requerida. teria demonstrado desinteresse em manter-se próxima da filha. HOMOLOGO.. III do CPC. afirma que: ?Convencer-se da verossimilhança. portanto. e A. determinar a extinção e arquivamento do processo. no prazo legal. a qual será realizada na Sala de Audiências da 7ª Vara de Família. o Juiz não está jungido a aguardar a provocação de interessado para extinguir a relação processual abandonada pela parte. Publique-se.. E não havendo preliminares. tais inferências não são provas inequívocas das alegações do autor. Designo audiência de instrução e julgamento para o dia 20 de outubro de 2010. PROCESSO: 00345600920108140301 Ação: Divórcio Litigioso em: 09/09/2010 RÉU: GISELE AZEVEDO SALOMÃO AUTOR: NAZIR SALOMÃO ANTONIO NETO ADVOGADO LEONARDO AMARAL PINHEIRO DA SILVA ADVOGADO RODOLPHO PEDRO DE CASTRO SOUZA FILHO.. conceder tal medida. visto que a genitora da menor em questão. Sem custas.. decretará a extinção. deferindo as provas especificadas neste ato. em Buenos Aires. de ofício será determinada a intimação pessoal da parte (ou partes). ao menos para tranqüilizá-lo. Intime-se via Diário da Justiça e Cumpra-se. 267. após as providências legais. PROCESSO: 00055989520108140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 10/09/2010 RÉU: MARIA MADALENA AZEVEDO AMARAL ADVOGADO JULIANA FRANCO TENAN AUTOR: PEDRO WILSON DA SILVEIRA ADVOGADO ODOLDIRA A. 006/2006 da CJRMB).145). deve o Juiz. Ciente a RMP. não pode o julgador. dou o presente por saneado. Publique-se. 267. que em 03/08/2010. a requerida teria retornado a Belém. que o processo será extinto sem julgamento do mérito.

em ___/___/2010 Resenhado em ___/___/2010 Publicado em ___/___/2010 PROCESSO: 00493828320098140301 Ação: Execução de Alimentos em: 10/09/2010 EXEQUENTE: AMMY LEE EDUARDA MIRANDA SAMPAIO EXECUTADO: JUCELIO MIRANDA SAMPAIO REP. (Art.Terça-Feira. expedindo-se citação aos Requeridos e intimação ao autor. às 09h15min. (. às 10h45min. 172 Parágrafo Primeiro do CPC.DEF. para os endereços constantes na peça inicial. em.) Face a certidão supra. Expeça-se mandado de intimação ao requerido com urgência. De ordem. § 2°. sobre os termos da Certidão do Sr.) 1 1 PROCESSO: 00179493220108140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 10/09/2010 REP.122 do CPC.TJ/PA .Lei Especial Nº 5. De ordem. LEGAL: JOSELENE AMARAL CARVALHO ADVOGADO NACHARA PALMEIRA SADALLA RÉU: ROGERIO FERREIRA DOS SANTOS. tendo em vista os autos tramitarem inseridos na meta 2 do CNJ. 1º. I do Prov. Ficam desde já cientes e intimadas da audiência ora redesignada a representante legal do autor e sua patrona. sobre os termos da Certidão do Sr.) DELIBERAÇÃO EM AUDIÊNCIA : Defiro o pedido de Gratuidade requerida pelo autor.DIÁRIO DA JUSTIÇA . ___/ ___/2010 Resenhado em ___/___/2010 Publicado em ___/___/2010 PROCESSO: 00325575920028140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 10/09/2010 RÉU: CARLOS DE SOUSA ARCANJO ADVOGADO ANTONIO VILLAR PANTOJA ADVOGADO: ELOI FERNANDES NUNES AUTOR: ENRICO OLEGARIO DE OLIVEIRA ADVOGADO ANTONIO PITA MOREIRA ADVOGADO JACQUELINE DA COSTA PAES E SILVA ADVOGADO RENATA LOUSA DE OLIVEIRA. Intime-se o Ministério Público. em ___/___/2010 Resenhado em ___/___/2010 Publicado em ___/___/2010 PROCESSO: 00322739520108140301 Ação: Divórcio Consensual em: 09/10/2010 AUTOR: ANDERSON LUIZ DE SOUZA LISBOA AUTOR: GLEICE ALBUQUERQUE MACEDO LISBOA ADVOGADO DANILO LISBOA CARDOSO. § 2º. 169 .478/68 em: 10/09/2010 REP. Redesigno audiência para o dia 27 de Outubro de 2010. em 5 (cinco) dias. XXIV do Provimento 006/2006 da CJRMB). determino que sejam cumpridas as diligências determinadas em fls.478/68 em: 10/09/2010 AUTOR: GEOVANA CARVALHO DOS SANTOS REP. PROCESSO: 00155652120108140301 Ação: Alimentos . LEGAL: MARIA RAIMUNDA LOBO MIRANDA ADVOGADO LUDMILA CARDOSO LOBAO . 26 por Oficial de Justiça. Processe-se em segredo de justiça (art. Ciente a RMP. Dra.. (. Ciente a RMP. § 2º. 1°. a qual será realizada na Sala de Audiências da 7ª Vara de Família. PUBLICA. X do provimento 006/2006 da Corregedoria de Justiça da Região Metropolitana de Belém.Edição nº 4651/2010 ... Redesino audiência para o dia 05 de Outubro de 2010. 155.. seus advogados. sito no 1º Andar do Prédio Anexo I. Manifeste-se a parte autora. Belém. Oficial de Justiça de fls. 10/09/2010. Oficial de Justiça de fls. (Art. 1. LEGAL: EDINA MARIA DOS SANTOS RODRIGUES ADVOGADO MARIA ZENEIDE DE ALMEIDA GAMA . Felipe Patroni. SALA 152. De ordem. autorizando que a diligência seja cumprida e obediência ao disposto no art. às 10:30h para audiência de ratificação. 1º. 006/20006 da CJRMB). Fórum Cível da Capital. em 5 (cinco) dias. 006/20006 da CJRMB). I do Prov.Lei Especial Nº 5. 14 de Setembro de 2010 PROCESSO: 00194499820108140301 Ação: Alimentos . StarWriter Em cumprimento ao disposto no Art. S/N ? Cidade Velha. 1º. Intimemse. na Pça. LEGAL: ALCIONEIDE MARIA ALMEIDA DA SILVA AUTOR: ANTONIO CARLOS BESSA MARTINS ADVOGADO ADALBERTO GUIMARAES NETO RÉU: KARLA CAROLINA SILVA MARTINS RÉU: NUNO LUCAS SILVA MARTINS. § 2º. que a ausência injustificada ensejará o arquivamento dos autos nos termos do §2º do art.DEFENSORA PUBLICA RÉU: MARCOS PEREIRA DA SILVA AUTOR: TAMIRIS DOS SANTOS RODRIGUES. Manifeste-se a parte autora. LAILCE ANA MARRON DA SILVA CARDOSO.. Juíza de Direito em exercício da 7ª Vara Família PROCESSO: 00103948720068140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 10/09/2010 RÉU: EVANDRO DA SILVA BRITO ADVOGADO GERSON DE OLIVEIRA SOUZA ADVOGADO WALDO MARIA DE LIMA E SILVA AUTOR: ROSANGELA MARIA DE OLIVEIRA BARBOSA ADVOGADO RUI GUILHERME CARVALHO DE AQUINO ADVOGADO VIVIAN RUTH VIRGOLINO MOREIRA. Intime-se o(a) Advogado(a) do Requer ido a restituir os autos no prazo de 24 (vinte e quatro) horas (Art. Designo o dia 20/10/2010. II do CPC) e com gratuidade processual. informando-se às partes. (.. remeto os presentes autos ao Ministério Público para manifestação de seu Representante.

Terça-Feira. intimem-se a CTBEL e para prestar as devidas informações necessárias sobre o pedido do autor no prazo judicial de 10 ( dez ) dias. FABIANO BASTOS. 1º. 14 de Setembro de 2010 SECRETARIA DA 1ª VARA DE FAZENDA DA CAPITAL RESENHA: 10/09/2010 A 10/09/2010 . como MANDADO DE CITAÇÃO. Vistas ao Órgão Ministerial. Nos termos do art. MARCO ANTONIO LOBO CASTELO BRANCO. nos termos do Prov.CTBEL ADVOGADO JOSE RONALDO MARTINS DE JESUS AUTOR: JOEL GUILHERME DA SILVA SOBRAL ADVOGADO ANA CRISTINA LOUCHARD PIRES.TJE/PA. com fundamentos no art. 10 de setembro de 2010.PA.PA. Nº. sob pena de revelia. 03/2009 da CJRMB . NOTIFIQUE-SE a autoridade coatora para que prestem as devidas informações no prazo legal de 10 (dez) dias. nos termos do Prov. para. em 02 de agosto de 2010. Int. 03/2009 da CJRMB . Nº. na pessoa de seu Procurador Geral. MARIA DE FÁTIMA ALVES DE LEÃO Diretora de Secretaria da 1ª Vara de Fazenda da Capital PROCESSO: 00258023120098140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 10/09/2010 RÉU: COMPANHIA DE TRANSPORTES DO MUNICIPIO DE BELEM . Nº. na pessoa de seu Representante Legal. da lei nº 12. 7º. Int. como MANDADO DE NOTIFICAÇÃO.TJE/PA.INSTITUTO DE GESTAO PREVIDENCIARIA DO ESTADO DO PARA. Declaro a ilegitimidade passiva da PETROBRÁS. Diante disso. serão especificadas as provas e o processo será saneado na forma do artigo 278 do Diploma Processual Pátrio. PROCESSO: 00266184620108140301 Ação: Mandado de Segurança em: 10/09/2010 IMPETRANTE: MARIA DE FATIMA VIANA VIEIRA IMPETRANTE: MARIA MARQUES DE BRITO IMPETRANTE: SONIA MARIA MATA DE CASTRO ADVOGADO MARCIO AUGUSTO MOURA DE MORAES IMPETRADO: PRESIDENTE DO IGEPREV . manifeste acerca do presente writ constitucional. como MANDADO DE CITAÇÃO.CTBEL AUTOR: LINOELSON DA SILVEIRA SOUSA ADVOGADO EDINETH DE CASTRO PIRES. 1º. do art. Belém. com a redação que lhe deu o Prov.016/09. em 10 de setembro de 2010. por cópia digitalizada. em 10 de setembro de 2010. PROCESSO: 00310032220098140301 Ação: Desapropriação em: 10/09/2010 RÉU: DELTA TRANSPORTES LTDA ADVOGADO PAULO CEZAR DE OLIVEIRA SILVA AUTOR: ESTADO DO PARA ADVOGADO ADRIANA FRANCO BORGES ADVOGADO: FLAVIO LUIZ RABELO MANSOS NETO. encaminho os presentes autos ao Ministério Público. parágrafo 2º. Intimem-se as partes. Nos termos do parágrafo 2º. Servirá o presente despacho. por cópia digitalizada. MARCO ANTONIO LOBO CASTELO BRANCO . 10 de setembro de 2010. com a redação que lhe deu o Prov. do art. enviando-lhe cópia da inicial. no prazo de 10 dias.CTBEL AUTOR: RAIMUNDO WILSON ARAUJO DE AZEVEDO ADVOGADO AURORA CRISTINA SILVA LOPES. às 10:00 horas. parágrafo 2º.SECRETARIA DA 1ª VARA DE FAZENDA DE BELEM PROCESSO: 00240888620108140301 Ação: Mandado de Segurança em: 02/08/2010 IMPETRANTE: ADALTO CARNEIRO LIRA IMPETRANTE: ADEMAR MENDES BARATA IMPETRANTE: ALFREDO DA TRINDADE FERREIRA DE MELO IMPETRANTE: ANA NERY PAZ ALMEIDA IMPETRANTE: ANGELA MARIA COSTA PARAENSE IMPETRANTE: JORGE ARAUJO PINHEIRO IMPETRANTE: MARIA BERNADETE SANTANA DA SILVA IMPETRANTE: MARIO MENEZES DAS MERCES IMPETRANTE: MOISES MENDES DA SILVA IMPETRANTE: ROSIVALDO RAMOS LIMA ADVOGADO ROSANE BAGLIOLI DAMMSKI IMPETRADO: COMANDANTE GERAL DA POLICIA MILITAR DO ESTADO DO PARA. Servirá o presente despacho. Belém. querendo. Juiz de Direito Titular da 2 ª Vara de Fazenda Pública da Comarca de Belém Respondendo pela 1 ª Vara de Fazenda 1 PROCESSO: 00313581420108140301 Ação: Procedimento Sumário em: 10/09/2010 RÉU: A FAZENDA PUBLICA DO ESTADO DO PARA AUTOR: PAULA JHENNIFER PANTOJA DA COSTA ADVOGADO DEUSARINA LOBATO CORREA. 011/2009 daquele órgão correcional.PA. Gabinete do Juiz na cidade de Belém . Belém (PA). 03/2009 da CJRMB . Nos termos do art. 188 do CPC). 170 . Nº. Belém. defiro o levantamento de 80% do valor depositado pelo Estado do Pará em favor da expropriada Delta Transportes Ltda. 10 de setembro de 2010. em face do exposto. Nos termos do parágrafo 2º.DIÁRIO DA JUSTIÇA . manifeste-se a parte autora sobre a contestação. do CPC. para. Nº. Int. Cumpra-se na forma e sob as penas da lei. se não houver conciliação. Intimem-se. 10 de setembro de 2010. Isto posto. II. MARIA DE FÁTIMA ALVES DE LEÃO Diretora de Secretaria da 1ª Vara de Fazenda da Capital PROCESSO: 00062227920108140301 Ação: Mandado de Segurança em: 10/09/2010 IMPETRADO: ESTADO DO PARA . a comparecer à audiência. Int. Ciência ao Ministério Público Estadual. Belém. MARIA DE FÁTIMA ALVES DE LEÃO Diretora de Secretaria da 1ª Vara de Fazenda da Capital PROCESSO: 00185025920098140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 10/09/2010 RÉU: COMPANHIA DE TRANSPORTE DE BELEM CTBEL ADVOGADO JOSE RONALDO MARTINS DE JESUS E OUTROS AUTOR: ZOZIMO RODRIGUES GONCALVES ADVOGADO EDINETH DE CASTRO PIRES. por cópia digitalizada. ELDER LISBOA FERREIRA DA COSTA. 1º do Provimento nº 006/006 da Corregedoria da Região Metropolitana de Belém. respondendo pela 1ª Vara de Fazenda da Capital. com a redação que lhe deu o Prov. Isto posto. Nº. manifeste-se a parte autora sobre a contestação. Servirá o presente despacho. 08 de Setembro de 2010. 277. II. designo audiência de conciliação aos 28 dias do mês de setembro de 2010. nos termos do Prov. IV) Servirá o presente despacho. no prazo de 10 dias. por cópia digitalizada. I) Reservo-me para apreciar o pedido de liminar após prestadas as devidas informações. PROCESSO: 00006232020098140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 10/09/2010 RÉU: COMPANHIA DE TRANSPORTES DO MUNICIPIO DE BELEM .Edição nº 4651/2010 . Juiz de Direito Titular da 1ª Vara de Fazenda Pública da Comarca de Belém. Cumpra-se na forma e sob as penas da lei.CTBEL AUTOR: HOZIANE GOMES RIBEIRO ADVOGADO ANA CRISTINA LOUCHARD PIRES.LITISCONSORTE: PETROBRAS DISTRIBUIDORA S/A ADVOGADO CARLOS ANDRE VIANA COUTINHO ADVOGADO NAMIR ROSANE DE FREITAS PICANCO E OUTROS. Nos termos do parágrafo 2º. 011/2009 daquele órgão correcional. Belém. nos termos do Prov. para que. 011/2009 daquele órgão correcional. manifeste-se a parte autora sobre a contestação. Juiz de Direito Titular da 2ª Vara de Fazenda Pública da Comarca de Belém Respondendo pela 1 ª Vara de Fazenda. Belém. III) Dê ciência ao Estado do Pará. II. II. Cumpra-se na forma e sob as penas da lei. 1º do Provimento nº 006/006 da Corregedoria da Região Metropolitana de Belém. item X do Provimento nº 006/006 da Corregedoria da Região Metropolitana de Belém. 03/2009 da CJRMB ? TJE/ PA. na pessoa de seus representantes legais. 1º do Provimento nº 006/006 da Corregedoria da Região Metropolitana de Belém. ingresse no feito nos termos do art. Gabinete do juiz na cidade de Belém . como MANDADO DE NOTIFICAÇÃO. 011/2009 daquele órgão correcional. Nº.TJ/PA . com a redação que lhe deu o Prov. Int.SEDUC ADVOGADO ROLAND RAAD MASSOUD IMPETRANTE: GILBERTO CRISTENSEN ADVOGADO DR. CITE-SE a CTBEL. MARCO ANTONIO LOBO CASTELO BRANCO Juiz de Direito Titular da 2ª Vara de Fazenda da Capital. II) Notifique-se a autoridade apontada como coatora para prestar as informações de estilo no prazo judicial de 10 (dez) dias. do art. Cumpra-se na forma e sob as penas da lei. Nº.TJE/PA. apresentar resposta no prazo legal de 60 (sessenta) dias (art. encaminho os presentes autos ao Ministério Público. item X do Provimento nº 006/006 da Corregedoria da Região Metropolitana de Belém. ficando certo que. querendo. Gabinete do juiz na cidade de Belém . querendo. MARIA DE FÁTIMA ALVES DE LEÃO Diretora de Secretaria da 1ª Vara de Fazenda da Capital PROCESSO: 00342025320108140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 10/09/2010 RÉU: COMPANHIA DE TRANSPORTES DO MUNICIPIO DE BELEM . Satisfeitos os requisitos previstos em lei. 10 de setembro de 2010. no prazo de 10 dias. 10 de setembro de 2010. MARCO ANTÔNIO LOBO CASTELO BRANCO Juiz de Direito Respondendo pela 1ª Vara de Fazenda PROCESSO: 00421504120088140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 10/09/2010 RÉU: COMPANHIA DE TRANSPORTES DO MUNICIPIO DE BELEM .

188 do CPC). 1º do Provimento nº 006/006 da Corregedoria da Região Metropolitana de Belém. Belém. 1º do Provimento nº 006/006 da Corregedoria da Região Metropolitana de Belém. 10 de setembro de 2010. Cumpra-se na forma e sob as penas da lei. 10 de setembro de 2010. do Código de Processo Civil. do art. Nos termos do parágrafo 2º. item X do Provimento nº 006/006 da Corregedoria da Região Metropolitana de Belém. no prazo de 10 dias. MARIA DE FÁTIMA ALVES DE LEÃO Diretora de Secretaria da 1ª Vara de Fazenda da Capital PROCESSO: 00012967120108140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 10/09/2010 RÉU: CTBEL-COMPANHIA DE TRANSPORTES DE BELEM AUTOR: JOSE SALES DA COSTA FILHO ADVOGADO MAURICIO MIRANDA FERREIRA ADVOGADO CARLOS AUGUSTO PINHEIRO LOBATO DOS SANTOS. MARIA DE FÁTIMA ALVES DE LEÃO Diretora de Secretaria da 1ª Vara de Fazenda da Capital PROCESSO: 00459773620098140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 10/09/2010 RÉU: COMPANHIA DE TRANSPORTES DO MUNICIPIO DE BELEM-CTBEL AUTOR: SERGIO CAVALCANTE CORDEIRO ADVOGADO WALFREDO ANTONIO DOS SANTOS DANTAS. Nos termos do art. do art. MARIA DE FÁTIMA ALVES DE LEÃO Diretora de Secretaria da 1ª Vara de Fazenda da Capital PROCESSO: 00119921720098140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 10/09/2010 RÉU: COMPANHIA DE TRANSPORTES DE BELEM CTBEL AUTOR: JOSE CARLOS FRAGOSO DA SILVA ADVOGADO EDINETH DE CASTRO PIRES. em 10 de setembro de 2010. do art. DE SEGUROS ADVOGADO: JORGE CLAUDIO M. como MANDADO DE CITAÇÃO. Nos termos do parágrafo 2º. 1º. respondendo pela 1ª Vara de Fazenda Pública da Comarca da Capital. 10 de setembro de 2010. Int. na pessoa de seu Procurador Geral. MARIA DE FÁTIMA ALVES DE LEÃO Diretora de Secretaria da 1ª Vara de Fazenda da Capital PROCESSO: 00209608820098140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 10/09/2010 AUTOR: MOZANIEL FERREIRA DO NASCIMENTO ADVOGADO EDINETH DE CASTRO PIRES RÉU: MUNICIPIO DE BELEM COMPANHIA DE TRANSPORTES DE BELEM . 1º. manifeste-se a parte autora sobre a contestação. Servirá o presente despacho. Int. do art. do art. WANDERLEY ADVOGADO: MARCELO MEIRA MATTOS. 1º do Provimento nº 006/006 da Corregedoria da Região Metropolitana de Belém. II. Nos termos do parágrafo 2º. Int. III do Provimento nº 10/009 da Corregedoria da Região Metropolitana de Belém. 1º do Provimento nº 006/006 da Corregedoria da Região Metropolitana de Belém. nos termos do Prov. Marco Antonio Lobo Castelo Branco Juiz de Direito Titular da 2ª Vara de Fazenda Pública da Capital Respondendo pela 1ª Vara de Fazenda. II. II. Nº. Int. INTIME171 . Belém. sob pena de revelia. para. 10 de setembro de 2010. Nº. 10 de setembro de 2010. no prazo de 10 dias. MARIA DE FÁTIMA ALVES DE LEÃO Diretora de Secretaria da 1ª Vara de Fazenda da Capital PROCESSO: 00268883320098140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 10/09/2010 AUTOR: CLAUDIO DE SOUZA PAIVA ADVOGADO ANA CRISTINA LOUCHARD PIRES RÉU: COMPANHIA DE TRANSPORTES DO MUNICIPIO DE BELEM . 1º do Provimento nº 006/006 da Corregedoria da Região Metropolitana de Belém. Int. Nos termos do parágrafo 2º. Int. Gabinete do juiz na cidade de Belém .CTBEL. 10 de setembro de 2010. MARIA DE FÁTIMA ALVES DE LEÃO Diretora de Secretaria da 1ª Vara de Fazenda da Capital PROCESSO: 00163545320108140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 10/09/2010 RÉU: GOVERNO DO ESTADO PARA AUTOR: LAURO PIEDADE ARAUJO AUTOR: MARIA DE FATIMA FERREIRA RAMOS ADVOGADO PAOLA SUELI PINHEIRO TAVARES AUTOR: SIMONE MOUTA DE OLIVEIRA. no prazo de 10 dias. em 10 de setembro de 2010. manifeste-se a parte autora sobre a contestação. Nos termos do art. manifeste-se a parte autora sobre a contestação. manifeste-se a parte autora sobre a contestação. 14 de Setembro de 2010 PROCESSO: 00370978620088140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 10/09/2010 RÉU: CTBEL AUTOR: EUDES COSTA SOUSA JUNIOR ADVOGADO ANA CRISTINA LOUCHARD PIRES. para no prazo de 15(quinze) dias procederem aos requerimentos pertinentes. no prazo de 10 dias. do art. do art. 011/2009 daquele órgão correcional. manifeste-se o réu. Gabinete do Juiz na cidade de Belém .TJE/PA. Belém.PA. Belém. PROCESSO: 00114244420098140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 10/09/2010 RÉU: CTBEL AUTOR: JAQUELINE BRAGA PACHECO ADVOGADO ANA CRISTINA LOUCHARD PIRES. no prazo de 10 dias. MARIA DE FÁTIMA ALVES DE LEÃO Diretora de Secretaria da 1ª Vara de Fazenda da Capital PROCESSO: 00430129620088140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 10/09/2010 AUTOR: CELSO SOUSA PEREIRA AUTOR: REGINALDO NASCIMENTO DA TRINDADE ADVOGADO LORENA TYANA DA SILVA COELHO RÉU: GOVERNO DO ESTADO DO PARA ADVOGADO DIOGO TRINDADE. Int. 03/2009 da CJRMB . Nos termos do parágrafo 2º. II. Int. no prazo de 10 dias. item X do Provimento nº 006/006 da Corregedoria da Região Metropolitana de Belém. 10 de setembro de 2010. 1º do Provimento nº 006/006 da Corregedoria da Região Metropolitana de Belém. no prazo de 05 (cinco) dias. manifeste-se a parte autora sobre a contestação. MARIA DE FÁTIMA ALVES DE LEÃO Diretora de Secretaria da 1ª Vara de Fazenda da Capital PROCESSO: 00091042520108140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 10/09/2010 RÉU: ESTADO DO PARA AUTOR: MARIA DO CARMO CABRAL MASCARENHAS ADVOGADO CAIO ROGERIO BRANDAO. tendo em vista o Trânsito em julgado da Decisão Monocrática de fls. querendo. 177 e 185.CTBEL. XXII. 10 de setembro de 2010.RÉU: COHAB COMPANHIA DE HABITACAO DO ESTADO DO PARA ADVOGADO JOSYNELIA TAVARES RAIOL RÉU: ESTADO DO PARA. Belém. INTIMEM-SE as partes. por cópia digitalizada. MARIA DE FÁTIMA ALVES DE LEÃO Diretora de Secretaria da 1ª Vara de Fazenda da Capital PROCESSO: 00404091620088140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 10/09/2010 AUTOR: ARISTEU XIMENDES DE ALBUQUERQUE ADVOGADO EDINETH DE CASTRO PIRES RÉU: COMPANHIA DE TRANSPORTES DO MUNICIPIO DE BELEM .TJ/PA . Belém. CITE-SE o Estado do Pará. 1º. PROCESSO: 00234739120078140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 10/09/2010 AUTOR: CIC CONSTRUTORA E INCORPORADORA CASA S/A AUTOR: TROPICAL .DIÁRIO DA JUSTIÇA . Cumpra-se na forma e sob as penas da lei. manifeste-se a parte autora sobre a contestação. II. 829/840 dos autos. 1º do Provimento nº 006/006 da Corregedoria da Região Metropolitana de Belém. Nos termos do parágrafo 2º.CTBEL ADVOGADO JOSE RONALDO MARTINS DE JESUS. no prazo de 10 dias. Nos termos do art. Int. do art. 10 de setembro de 2010. II. 10 de setembro de 2010. encaminho os presentes autos ao Ministério Público. Int.Terça-Feira. no prazo de 10 dias. parágrafo 2º. 10 de setembro de 2010.PA. apresentar resposta no prazo legal de 60 (sessenta) dias (art. II. MARIA DE FÁTIMA ALVES DE LEÃO Diretora de Secretaria da 1ª Vara de Fazenda da Capital PROCESSO: 00270485620028140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 10/09/2010 RÉU: ESTADO DO PARA ADVOGADO MARIA ELISA BRITO LOPES AUTOR: SUL AMERICA COMPANHIA NAC.COMPANHIA DE CREDITO IMOBILIARIO ADVOGADO CARLOS MAIA DE MELO PORTO. 1º do Provimento nº 006/006 da Corregedoria da Região Metropolitana de Belém. Nos termos do parágrafo 2º. Belém. 1º do Provimento nº 006/006 da Corregedoria da Região Metropolitana de Belém. Belém. 429/433. manifeste-se a parte autora sobre a contestação. Nos termos do parágrafo 2º. Belém. Int. Juiz de Direito Titular da 2 ª Vara de Fazenda Pública. Marco Antônio Lobo Castelo Branco. II. sobre os documentos juntados às fls. com a redação que lhe deu o Prov. encaminho os presentes autos ao Ministério Público. manifeste-se a parte autora sobre a contestação. Belém. parágrafo 2º.Edição nº 4651/2010 . do art. Nos termos do parágrafo 2º. MARIA DE FÁTIMA ALVES DE LEÃO Diretora de Secretaria da 1ª Vara de Fazenda da Capital PROCESSO: 00094325219978140301 Ação: Execução de Título Judicial em: 10/09/2010 Autor: LUCILA FERREIRA MARGALHO E OUTROS ADVOGADO OSWALDO POJUCAN TAVARES JR REU: PRESIDENTE DO IPASEP ADVOGADO: CARLOS ALBERTO NOURA REU: IGEPREV ADVOGADO DEIVISON CAVALCANTE PEREIRA Conforme previsão nos arts. Belém. int.

14 de Setembro de 2010 SE a parte autora.TJ/PA .Int. nos termos do art. do art. INTIMEM-SE as partes.Edição nº 4651/2010 . MARIA DE FÁTIMA ALVES DE LEÃO Diretora de Secretaria da 1ª Vara de Fazenda da Capital 172 . 93/98. manifestar sobre o prosseguimento do feito. inciso III do CPC.Terça-Feira. para no prazo de 48 horas. Belém. Belém. MARIA DE FÁTIMA ALVES DE LEÃO Diretora de Secretaria da 1ª Vara de Fazenda da Capital PROCESSO: 00103358320018140301 Ação: Procedimento Ordinário em: 10/09/2010 RÉU: ESTADO DO PARA (POLICIA MILITAR) ADVOGADO CAIO DE AZEVEDO TRINDADE ADVOGADO ZUNILDE LIRA DE OLIVEIRA AUTOR: JOAO CARLOS BERINA MELO ADVOGADO: MARIA APARECIDA DA SILVA FARIAS ADVOGADO: RITA SIMONE LOPES LUCAS. 10 de setembro de 2010. sob pena de arquivamento. XXII. .07. Devendo recolher as custas pendentes no valor de R$226. para no prazo de 15(quinze) dias procederem aos requerimentos pertinentes. 267. int. Nos termos do parágrafo 2º.DIÁRIO DA JUSTIÇA . tendo em vista o Trânsito em julgado da Decisão Monocrática de fls. 10 de setembro de 2010. 1º do Provimento nº 006/006 da Corregedoria da Região Metropolitana de Belém.

ante a inexistência de ilegalidade ou arbitrariedade que atentem ao direito líquido e certo dos impetrantes. 31 de agosto de 2010.INSTITUTO DE GESTAO PREVIDENCIARIA DO ESTADO DO PARA.016/09). vencida a autoridade impetrada. denego a segurança pleiteada. ROSILEIDE MARIA DA COSTA CUNHA Juíza de Direito da 3ª Vara de Fazenda da Capital PROCESSO: 00250396320098140301 Ação: Mandado de Segurança em: 31/08/2010 IMPETRADO: COMANDANTE GERAL DA POLICIA MILITAR DO ESTADO DO PARA IMPETRANTE: GESIEL LEAL PEREIRA ADVOGADO LUIS CARLOS DO NASCIMENTO RODRIGUES. concluo. Registrese. Publique-se.R.PA IMPETRANTE: EDIVALDO LIMA DE MORAES ADVOGADO MARIA ELISA BESSA DE CASTRO. vencida a autoridade impetrada. Isto posto. Vistos. vencida a autoridade impetrada. JULGO PROCEDENTE a AÇÃO MANDAMENTAL que CELIA CLÁUDIA PASSINHO DA SILVA.) Dessa forma. etc.I.R. HELIO ANTONIO DOS SANTOS E MARIA ELIANA FERREIRA CAVALCANTE movem contra ATO do PRESIDENTE DO INSTITUTO DE GESTÃO PREVIDENCIARIA DO ESTADO DO PARÁ ? IGEPREV para que seja incorporado definitivamente aos seus proventos o Adicional de Interiorização de acordo com o tempo de serviço prestado. Publique-se. ROSILEIDE MARIA DA COSTA CUNHA Juíza de Direito da 3ª Vara de Fazenda da Capital PROCESSO: 00632338620098140301 Ação: Mandado de Segurança em: 30/08/2010 IMPETRANTE: CELIA CLAUDIA PASSINHO DA SILVA IMPETRANTE: DAGOBERTO COSTA MONTEIRO E OUTROS ADVOGADO RENATA DINIZ MONTEIRO CAMARGOS IMPETRANTE: FRANCISCO JORGE SIQUEIRA GOMES IMPETRADO: PRESIDENTE DO IGEPREV . integrante da Fazenda Pública. ROSILEIDE MARIA DA COSTA CUNHA Juíza de Direito da 3ª Vara de Fazenda da Capital PROCESSO: 00639309320098140301 Ação: Mandado de Segurança em: 30/08/2010 IMPETRANTE: CLOVIS RAIMUNDO DA SILVA IMPETRANTE: EDILSON DE SOUZA CAMPOS E OUTROS ADVOGADO RENATA DINIZ MONTEIRO CAMARGOS IMPETRADO: INSTITUTO DE GESTAO PREVIDENCIARIA DO ESTADO DO PARA . remetam-se os autos ao TJE/PA para sujeição da presente ao duplo grau de jurisdição (art.016/09).R.Terça-Feira. 30 de agosto de 2010. Vistos etc. Vistos.) Isto posto. JULGO PROCEDENTE a AÇÃO MANDAMENTAL que CLOVIS RAIMUNDO DA SILVA.. Sem honorários. ORIVALDO BRAGA FREIRE. ROSILEIDE MARIA DA COSTA CUNHA Juíza de Direito da 3ª Vara de Fazenda da Capital PROCESSO: 00246088420098140301 Ação: Mandado de Segurança em: 31/08/2010 IMPETRADO: COMANDANTE GERAL DA POLICIA MILITAR . 31 de agosto de 2010.. não vislumbro direito líquido e certo. confirmando em todos os seus termos a liminar anteriormente concedida e cumprida nestes autos.016/09). DAGOBERTO COSTA MONTEIRO. e considerando o que mais constam dos autos. Sem custas. Belém.SECRETARIA DA 3ª VARA DE FAZENDA DE BELEM PROCESSO: 00237938520098140301 Ação: Mandado de Segurança em: 30/08/2010 IMPETRANTE: BENEDITO DA SILVA FILHO IMPETRADO: CORONEL COMANDANTE GERAL DA POLICIA MILITAR DO ESTADO DO PARA IMPETRANTE: IZIDIO WANZELER DE OLIVEIRA NETO IMPETRANTE: JONATY DE SOUSA FURTADO ADVOGADO ALEXANDRE RIZZI IMPETRANTE: NILO RAFAEL FERREIRA REIS IMPETRANTE: VICTOR SANTANA BRASIL. ARMANDO CANTÉ TAVARES. Sem honorários (Súmula nº 512/STF).. Sem honorários.) Posto isso. e muito menos ato coator abusivo ou ilegal..) Isto posto.. (. MACDOLE SOUZA FAVACHO. (. (. Publique-se.) Isto posto. Belém. Intimem-se. § 1º da Lei nº 12. consoante a Súmula 512 do STF. ROSILEIDE MARIA DA COSTA CUNHA Juíza de Direito da 3ª Vara de Fazenda da Capital PROCESSO: 00242455620098140301 Ação: Mandado de Segurança em: 31/08/2010 IMPETRANTE: ANDERSON JOSE DE SOUZA MONTEIRO IMPETRADO: COMANDANTE GERAL DA POLICIA MILITAR . LUIZ ANTONIO SILVA RAMOS. FRANCISCO JORGE SIQUEIRA GOMES. § 1º da Lei nº 12. ROSILEIDE MARIA DA COSTA CUNHA Juíza de Direito da 3ª Vara de Fazenda da Capital PROCESSO: 00104468420098140301 Ação: Mandado de Segurança em: 31/08/2010 IMPETRANTE: LORENE DE FATIMA MONTEIRO DO CARMO ADVOGADO HELIO PESSOA OLIVEIRA IMPETRADO: PRESIDENTE DO IGEPREV . 31 de agosto de 2010.. denego a segurança pleiteada. confirmando em todos os seus termos a liminar anteriormente concedida nestes autos. Decorrido o prazo do recurso voluntário.. Sem honorários (Súmula nº 512/STF). Poder Judiciário Tribunal de Justiça do Estado do Pará BELÉM GABINETE DA 3ª VARA DE FAZENDA DE BELEM 00250396320098140301 20100137685355 Vistos. Vistos etc. 14. integrante da Fazenda Pública. etc. Publique-se. remetam-se os autos ao TJE/PA para sujeição da presente ao duplo grau de jurisdição (art. Vistos etc. Belém. ROSILEIDE MARIA DA COSTA CUNHA Juíza de Direito da 3ª Vara de Fazenda da Capital 173 . Intimem-se. Belém. denego a segurança pleiteada. remetam-se os autos ao TJE/PA para sujeição da presente ao duplo grau de jurisdição (art.) Posto isso..TJ/PA . Decorrido o prazo do recurso voluntário. e considerando o que mais constam dos autos. 14.IGEPREV ADVOGADO VAGNER ANDREI TEIXEIRA LIMA IMPETRANTE: JOSE LUIZ BALTAZAR DE OLIVEIRA. LUIZ HENRIQUE LOBATO MIRANDA E EDSON COSTA DOS SANTOS movem contra ATO do PRESIDENTE DO INSTITUTO DE GESTÃO PREVIDENCIARIA DO ESTADO DO PARÁ ? IGEPREV para que seja incorporado definitivamente aos seus proventos o Adicional de Interiorização de acordo com o tempo de serviço prestado. concluo. 31 de agosto de 2010. (. FRANCISCO FERREIRA ALVES. e considerando o que mais constam dos autos. Intimem-se... Cumpra-se. CONCEDO A SEGURANÇA pleiteada pela impetrante.) Posto isso.. concluo. (. Decorrido o prazo do recurso voluntário. (. ante a inexistência de ilegalidade ou arbitrariedade que atentem ao direito líquido e certo dos impetrantes. consoante a Súmula 512 do STF. confirmando em todos os seus termos a liminar anteriormente concedida e cumprida nestes autos.IGEPREV ADVOGADO MARTA NASSAR CRUZ ADVOGADO GILSON ROCHA PIRES.R. Vistos etc. Belém. denego a segurança pleiteada.I. Sem custas. remetam-se os autos ao TJE/PA para sujeição da presente ao duplo grau de jurisdição (art. Sem honorários (Súmula nº 512/STF).Edição nº 4651/2010 . vencida a autoridade impetrada.) Posto isso. P. 14. JOSÉ MARIA SOUZA RIBEIRO. concluo.DIÁRIO DA JUSTIÇA . integrante da Fazenda Pública. JOSÉ PEDRO DA SILVA.. Registre-se. Belém. P. ante a inexistência de ilegalidade ou arbitrariedade que atentem ao direito líquido e certo dos impetrantes. § 1º da Lei nº 12. consoante a Súmula 512 do STF. etc. 14. Belém. Sem custas. Sem honorários. P.. (. confirmando em todos os seus termos a liminar anteriormente concedida e cumprida nestes autos. integrante da Fazenda Pública. JULGO PROCEDENTE a AÇÃO MANDAMENTAL que BENEDITO OSMARINO COSTA RUIZ e JOSÉ CARDOSO NUNES movem contra ATO do PRESIDENTE DO INSTITUTO DE GESTÃO PREVIDENCIARIA DO ESTADO DO PARÁ ? IGEPREV para que seja incorporado definitivamente aos seus proventos o Adicional de Interiorização de acordo com o tempo de serviço prestado. e considerando o que mais constam dos autos. JOSÉ LUIZ BALTAZAR DE OLIVEIRA. 30 de agosto de 2010. Belém. Sem honorários. ROSILEIDE MARIA DA COSTA CUNHA Juíza de Direito da 3ª Vara de Fazenda da Capital PROCESSO: 00026661120108140301 Ação: Mandado de Segurança em: 30/08/2010 IMPETRANTE: BENEDITO OSMARINO COSTA RUIZ IMPETRADO: ESTADO DO PARA IMPETRANTE: JOSE CARDOSO NUNES ADVOGADO PAULO SERGIO GOMES MAGNO IMPETRADO: PRESIDENTE DO INSTITUTO DE GESTAO PREVIDENCIARIA DO ESTADO DO PARA . Decorrido o prazo do recurso voluntário. 30 de agosto de 2010. JOÃO LAMEIRA GAMA FILHO. 30 de agosto de 2010.INSTITUTO DE GESTAO PREVIDENCIARIA DO ESTADO DO PARA ADVOGADO CAMILA BUSARELO DISARZ. § 1º da Lei nº 12. P.PA LITISCONSORTE: ESTADO DO PARA ADVOGADO DENNIS VERBICARO SOARES IMPETRANTE: HAROLDO ALVES DE OLIVEIRA IMPETRANTE: LEANDERSON COSTA DE SOUZA ADVOGADO DENILSON FERREIRA DA CRUZ. Sem custas. Registre-se. EDILSON DE SOUZA CAMPOS. etc. JOÃO DA COSTA ALCANTARA. Vistos. Intimem-se. Registre-se. consoante a Súmula 512 do STF.I.. (. 14 de Setembro de 2010 SECRETARIA DA 3ª VARA DE FAZENDA DA CAPITAL RESENHA: 09/09/2010 A 09/09/2010 . na medida em que as inaptidões ocorreram baseadas em critérios definidos na Lex.016/09)..I.. ante a inexistência de ilegalidade ou arbitrariedade que atentem ao direito líquido e certo do impetrante. Sem honorários (Súmula nº 512/STF). JAIME NONATO GOMES DE SOUZA.

I. ADVOGADO ALLAN F. P. 267. 01 de setembro de 2010. Belém.I.. determinando o envio dos autos a uma das Varas Cíveis desta Capital competentes.) ANTE O EXPOSTO. nos termos da Resolução nº 23/07. nos termos da Resolução nº 23/07.) ANTE O EXPOSTO. 01 de setembro de 2010. ROSILEIDE MARIA DA COSTA CUNHA Juíza de Direito da 3ª Vara de Fazenda da Capital PROCESSO: 00228447720098140301 Ação: Mandado de Segurança em: 31/08/2010 IMPETRADO: COMANDANTE GERAL DA POLICIA MILITAR DO ESTADO DO PARA LITISCONSORTE: ESTADO DO PARA ADVOGADO RENATA DE CASSIA C DE MAGALHAES . ROSILEIDE MARIA DA COSTA CUNHA Juíza de Direito da 3ª Vara de Fazenda da Capital PROCESSO: 00090722520078140301 Ação: Execução de Título Extrajudicial em: 01/09/2010 EXECUTADO: ALDA MARIA BRANDAO SAIFE EXEQUENTE: BANCO DO ESTADO DO PARA S/A.. ante a inexistência de ilegalidade ou arbitrariedade que atentem ao direito líquido e certo do impetrante. consoante a Súmula 512 do STF. (. Redistribuase.) Isto posto. Vistos. para regular processamento do presente feito. Redistribua-se. nos termos da Resolução nº 23/07. ROSILEIDE MARIA DA COSTA CUNHA Juíza de Direito da 3ª Vara de Fazenda da Capital PROCESSO: 00260752420098140301 Ação: Mandado de Segurança em: 31/08/2010 IMPETRADO: COMANDANTE GERAL DA POLICIA MILITAR DO ESTADO DO PARA IMPETRANTE: MARCOS VINICIUS VIEIRA DO ROSARIO ADVOGADO JOSE ANIJAR FRAGOSO REI. Belém. Vistos.BANCO DO ESTADO DO PARA ADVOGADO ANA CRISTINA S. ROSILEIDE MARIA DA COSTA CUNHA Juíza de Direito da 3ª Vara de Fazenda da Capital PROCESSO: 00032224119968140301 Ação: Execução de Título Extrajudicial em: 01/09/2010 RÉU: AMELIA BORBA GONCALVES BARROS AUTOR: BANCO DO ESTADO DO PARA . consoante a Súmula 512 do STF. determinando o envio dos autos a uma das Varas Cíveis desta Capital competentes. Vistos. consoante a Súmula 512 do STF. CPC. PEREIRA ADVOGADO ALLAN F DA S PINGARILHO. para regular processamento do presente feito. declaro este Juízo ABSOLUTAMENTE INCOMPETENTE para processar e julgar o presente feito. P. §2º. ROSILEIDE MARIA DA COSTA CUNHA Juíza de Direito da 3ª Vara de Fazenda da Capital PROCESSO: 00101383519988140301 Ação: Execução de Título Extrajudicial em: 01/09/2010 AUTOR: BANCO DO ESTADO DO PARA S/A ADVOGADO: CONCEICAO BARBOSA RÉU: LUIZ CALROS DE SOUZA CRAVO ADVOGADO: ROSEANA DOS SANTOS RODRIGUES.A.A.DIÁRIO DA JUSTIÇA . Vistos. ante a inexistência de ilegalidade ou arbitrariedade que atentem ao direito líquido e certo do impetrante. ROSILEIDE MARIA DA COSTA CUNHA Juíza de Direito da 3ª Vara de Fazenda da Capital PROCESSO: 00238499620098140301 Ação: Mandado de Segurança em: 31/08/2010 IMPETRADO: COMANDANTE GERAL DA POLICIA MILITAR DO ESTADO DO PARA IMPETRANTE: OZEIAS DE SOUZA RIBEIRO ADVOGADO LOYS DENIZE ARAGAO.) Isto posto. CPC. nos termos da Resolução nº 23/07.. Vistos.I.. nos termos da Resolução nº 23/07. 31 de agosto de 2010.BANPARA RÉU: IRAN NONATO GONCALVES BARROS ADVOGADO: ROSEANA DOS SANTOS RODRIGUES. CPC. Belém. (. Registre-se. denego a segurança pleiteada. c/c o artigo 113. 01 de setembro de 2010. Belém. determinando o envio dos autos a uma das Varas Cíveis desta Capital competentes. §2º. RÉU: FATIMA COSTA LEITAO RÉU: SEBASTIAO JOSE DOS ANJOS LEITAO ADVOGADO: SUENON SOUZA. nos termos da Resolução nº 23/07. Belém. para regular processamento do presente feito. (.. Sem honorários... Sem honorários. Sem honorários. (. e considerando o que mais constam dos autos. Vistos. §2º. nos termos da Resolução nº 23/07.. (. CPC. Intimem-se. c/c o artigo 113.) ANTE O EXPOSTO. ROSILEIDE MARIA DA COSTA CUNHA Juíza de Direito da 3ª Vara de Fazenda da Capital PROCESSO: 00238528120098140301 Ação: Mandado de Segurança em: 31/08/2010 IMPETRADO: COMANDANTE GERAL DA POLICIA MILITAR DO ESTADO DO PARA LITISCONSORTE: ESTADO DO PARA ADVOGADO SIMONE SANTANA FERNANDES DE BASTOS . §2º. etc. etc. Vistos..) ANTE O EXPOSTO. ROSILEIDE MARIA DA COSTA CUNHA Juíza de Direito da 3ª Vara de Fazenda da Capital PROCESSO: 00160237719978140301 Ação: Execução de Título Extrajudicial em: 01/09/2010 AUTOR: BANCO DO ESTADO DO PARA S. declaro este Juízo ABSOLUTAMENTE INCOMPETENTE para processar e julgar o presente feito. 31 de agosto de 2010. etc.) ANTE O EXPOSTO.I..PROC IMPETRANTE: JAIRO PEREIRA LEITE ADVOGADO JOAQUIM DIAS DE CARVALHO. Vistos. c/c o artigo 113. Redistribuase. (. P. JULGO EXTINTO o processo. ROSILEIDE MARIA DA COSTA CUNHA Juíza de Direito da 3ª Vara de Fazenda da Capital PROCESSO: 00109531319978140301 Ação: Monitória em: 01/09/2010 RÉU: ANY DE OLIVEIRA SANTOS AUTOR: BANPARA . c/c o artigo 113. Vistos etc. denego a segurança pleiteada. declaro este Juízo ABSOLUTAMENTE INCOMPETENTE para processar e julgar o presente feito.. 14 de Setembro de 2010 PROCESSO: 00246449820098140301 Ação: Mandado de Segurança em: 31/08/2010 IMPETRANTE: ANTONIO ROGERIO GAIA DE SOUSA ADVOGADO HERLICH LEMES ZAFRED IMPETRADO: ESTADO DO PARA. ante a inexistência de ilegalidade ou arbitrariedade que atentem ao direito líquido e certo do impetrante..Terça-Feira. Belém. 24 de agosto de 2010. determinando o envio dos autos a uma das Varas Cíveis desta Capital competentes. ROSILEIDE MARIA DA COSTA CUNHA Juíza de Direito da 3ª Vara de Fazenda da Capital PROCESSO: 00102600719988140301 Ação: Execução de Título Extrajudicial em: 01/09/2010 AUTOR: BANCO DO ESTADO DO PARA S/ A ADVOGADO RASEANA DOS SANTOS RODRIGUES ADVOGADO ROSA MARIA LOURINHO RÉU: MARIA DE NAZARE MENDEIROS MENDES RÉU: RAIMUNDO OTAVIO VIANA MENDES ADVOGADO: RASEANA DOS SANTOS RODRIGUES. Sem Custas. sem resolução de mérito. declaro este Juízo ABSOLUTAMENTE INCOMPETENTE para processar e julgar o presente feito. declaro este Juízo ABSOLUTAMENTE INCOMPETENTE para processar e julgar o presente feito. determinando o envio dos autos a uma das Varas Cíveis desta Capital competentes. determinando o envio dos autos a uma das Varas Cíveis desta Capital competentes.) ANTE O EXPOSTO.. etc. determinando o envio dos autos a uma das Varas Cíveis desta Capital competentes. ADVOGADO MARIA ROSA LOURINHO. Redistribua-se. para regular processamento do presente feito. para regular processamento do presente feito. 01 de setembro de 2010. (. Belém. (?) Isto posto. 24 de agosto de 2010. para regular processamento do presente feito. Sem honorários. Vistos.) Isto posto. proclamando a perda do objeto da ação.. BANPARA ADVOGADO: ROSEANA DOS SANTOS RODRIGUES RÉU: ULEDENIRA PEREIRA CUNHA. 31 de agosto de 2010. Redistribua-se. inciso IV. ante a inexistência de ilegalidade ou arbitrariedade que atentem ao direito líquido e certo do impetrante. CPC. declaro este Juízo ABSOLUTAMENTE INCOMPETENTE para processar e julgar o presente feito. Publique-se.. para regular processamento do presente feito. (. Belém.R. declaro este Juízo ABSOLUTAMENTE INCOMPETENTE para processar e julgar o presente feito. do CPC.. (.PROC.. 31 de agosto de 2010... §2º. 01 de setembro de 2010. PINGARILHO ADVOGADO: CINTHYA MIRANDA LOBATO MARTINS RÉU: COMERCIO E IND. Belém(PA). Sem honorários. ROSILEIDE MARIA DA COSTA CUNHA Juíza de Direito da 3ª Vara de Fazenda da Capital PROCESSO: 00037156419998140301 Ação: Processo de Execução em: 01/09/2010 AUTOR: BANCO DO ESTADO DO PARA S.TJ/PA . denego a segurança pleiteada. (.Edição nº 4651/2010 .. Belém. 30 de agosto de 2010. Vistos.. §2º. P. Redistribua-se. c/c o artigo 113. Redistribua-se.R.R. ATLANTICO LTDA. denego a segurança pleiteada. na forma do art. e considerando o que mais constam dos autos. Belém. (.R. autor beneficiário da Justiça Gratuita. CPC. CPC. e considerando o que mais constam dos autos. consoante a Súmula 512 do STF.. c/c o Fórum de: BELÉM Endereço: CEP: Bairro: Fone: Poder Judiciário Tribunal de Justiça do Estado do Pará BELÉM GABINETE DA 3ª VARA DE FAZENDA DE BELEM 00160237719978140301 20100137947740 artigo 113.) Posto isso. Belém. IMPETRANTE: JURACI BARROS DA SILVA ADVOGADO LOYS DENIZE ARAGAO. §2º. ROSILEIDE MARIA DA COSTA CUNHA Juíza de Direito da 3ª Vara de Fazenda da Capital 174 . e considerando o que mais constam dos autos. c/c o artigo 113. DA S. Vistos.) ANTE O EXPOSTO.

009459-1 (Ação de Execução Hipotecária) que determinou a redistribuição dos autos por absoluta incompetência deste Juízo. para regular processamento do presente feito. ADVOGADO ALEXANDRE DIAS FONTENELE ADVOGADO WALCIMARA SAMPAIO CARDOSO RÉU: JOSE ORLANDO DA SILVA VENTURA ADVOGADO A. 02 de setembro de 2010.A. Redistribua-se. §2º.. Vistos. Processo nº 2009... Redistribua-se. Processo nº 2010.) ANTE O EXPOSTO.. Belém. Belém... CPC.1. (. AUTOR: BANCO DO ESTADO DO PARA S. 02 de setembro de 2010.) ANTE O EXPOSTO. (.BANPARA ADVOGADO ERON CAMPOS SILVA AUTOR: JOAO CONSTANCIO DE OLIVEIRA RIBEIRO FILHO ADVOGADO FERNANDO DA SILVA GONCALVES. c/c artigo 113. c/c o artigo 113.008699-5 Vistos.) ANTE O EXPOSTO. determinando o envio dos autos a uma das Varas Cíveis desta Capital competentes.1.. determinando o envio dos autos a uma das Varas Cíveis desta Capital competentes. Vistos. nos termos da Resolução nº 23/07..TJ/PA . (. 01 de setembro de 2010. Redistribua-se. 02 de setembro de 2010. 14 de Setembro de 2010 PROCESSO: 00172317219988140301 Ação: Execução de Título Extrajudicial em: 01/09/2010 AUTOR: BANCO DO ESTADO DO PARA S/A ADVOGADO PAULO GIROUX ADVOGADO MARIA ROSA LOURINHO ADVOGADO: JOSE RAIMUNDO COSTA DA SILVA RÉU: MIGUEL DE CARVALHO FEIO ADVOGADO: MURILO MOURA DE MELLO E SILVA ADVOGADO: PAULO GIROUX.. declaro este Juízo ABSOLUTAMENTE INCOMPETENTE para processar e julgar o presente feito. ROSILEIDE MARIA DA COSTA CUNHA Juíza de Direito da 3ª Vara de Fazenda da Capital PROCESSO: 00464975520098140301 Ação: Petição em: 02/09/2010 AUTOR: ARCANGELA RODRIGUES DA SILVA ADVOGADO JOAO PERES DE ANDRADE FILHO . (. declaro este Juízo ABSOLUTAMENTE INCOMPETENTE para 175 . Belém. determinando o envio dos autos a uma das Varas Cíveis desta Capital competentes. ROSILEIDE MARIA DA COSTA CUNHA Juíza de Direito da 3ª Vara de Fazenda da Capital PROCESSO: 00001017920038140301 Ação: Monitória em: 02/09/2010 RÉU: ANA MARIA WANZELER AUTOR: BANCO DO ESTADO DO PARA S. 02 de setembro de 2010.) ANTE O EXPOSTO.008841-7 Vistos. ROSILEIDE MARIA DA COSTA CUNHA Juíza de Direito da 3ª Vara de Fazenda da Capital PROCESSO: 00445937420008140301 Ação: Embargos à Execução em: 02/09/2010 RÉU: BANCO DO ESTADO DO PARA S/A . Belém. ROSILEIDE MARIA DA COSTA CUNHA Juíza de Direito da 3ª Vara de Fazenda da Capital PROCESSO: 00057519020008140301 Ação: Processo de Execução em: 02/09/2010 AUTOR: BANPARA S/A ADVOGADO ORLANDO WALLACE DA SILVA E MOTA RÉU: LUIS AUGUSTO DOS SANTOS TEIXEIRA ADVOGADO: ORLANDO WALLACE DA SILVA E MOTA. EDSON MARINHO JR. §2º. para regular processamento do presente feito. ROSILEIDE MARIA DA COSTA CUNHA Juíza de Direito da 3ª Vara de Fazenda da Capital PROCESSO: 00163821020108140301 Ação: Processo de Execução em: 02/09/2010 EXEQUENTE: BANCO DO ESTADO DO PARA S/A BANPARA ADVOGADO ALLAN FABIO DA SILVA PINGARILHO EXECUTADO: CLEITON RIBEIRO PANTOJA. Belém. nos termos da Resolução nº 23/07. Processo nº 2003.018473-6 Vistos. BRASIL CUNHA ADVOGADO LULIENA ANTONIO HABER RÉU: ESPOLIO DE PINHEIRO FILHO. declaro este Juízo ABSOLUTAMENTE INCOMPETENTE para processar e julgar o presente feito. §2º. DE BARROS ADVOGADO: ROSEANA DOS SANTOS RODRIGUES AUTOR: RUTH HELENA DE LIMA FREITAS. para regular processamento do presente feito. do qual fala o Representante do Ministério Público ás fls. §2º.) ANTE O EXPOSTO. para regular processamento do presente feito. declaro este Juízo ABSOLUTAMENTE INCOMPETENTE para processar e julgar o presente feito.DIÁRIO DA JUSTIÇA . ROSILEIDE MARIA DA COSTA CUNHA Juíza de Direito da 3ª Vara de Fazenda da Capital PROCESSO: 00031346720048140301 Ação: Ação Popular em: 02/09/2010 RÉU: COMPANHIA VALE DO RIO DOCE ADVOGADO MARCIO AUGUSTO MAIA MEDEIROS ADVOGADO CAMILA DAVID DE SOUZA CHANG ADVOGADO SEBASTIAO BOTTO DE BARROS TOJAL ADVOGADO FLAVIO CROCCE CAETANO RÉU: GOVERNO DO ESTADO DO PARA ADVOGADO LILIAN MENDES HABER AUTOR: PARAGUASSU ELERES ADVOGADO MARIA DE SANT ANNA FILIZOLA GOMIDE LITISCONSORTE: PREFEITURA MUNICIPAL DE PARAGOMINAS. 01 de setembro de 2010. Belém. §2º. declaro este Juízo ABSOLUTAMENTE INCOMPETENTE para processar e julgar o presente feito. EDSON MARINHO JR.1. CPC. 02 de setembro de 2010. c/c o artigo 113. Processo nº 2009.A ADVOGADO VERA LUCIA F ARAUJO ADVOGADO WALCIMARA ALINE MOREIRA CARDOSO EXECUTA