Você está na página 1de 25

Clube dos Notebooks

Clube dos Notebooks Curso SMD www.escolatecnicaonline.com.br Página 1 / www.clubedosnotebooks.com.br (21) 2653-9047

Curso

SMD

Clube dos Notebooks Curso SMD www.escolatecnicaonline.com.br Página 1 / www.clubedosnotebooks.com.br (21) 2653-9047
Clube dos Notebooks Curso SMD www.escolatecnicaonline.com.br Página 1 / www.clubedosnotebooks.com.br (21) 2653-9047

www.escolatecnicaonline.com.br Página 1

/ www.clubedosnotebooks.com.br (21) 2653-9047

Clube dos Notebooks

Clube dos Notebooks Conteúdo 1. Introdução 5 2. Material Utilizado no conserto de notebooks 5 3.

Conteúdo

1. Introdução

5

2. Material Utilizado no conserto de notebooks

5

3. Apresentação da bancada de trabalho ideal para laboratório de manutenção de

notebook

7

4. Cuidados com a estática

8

5. Como fazer um bom aterramento

8

5.1. Materiais necessários

8

5.2. Primeiro passo: cavamento do solo

9

5.3. Segundo passo: instalação da caixa de inspeção

9

5.4. Terceiro passo

9

5.5. Quarto passo: cravamento da haste cobreada

9

5.6. Quinto passo: fixação do condutor de aterramento

10

5.7. Sexto passo: Acabamento

10

5.8. Sétimo passo: conexão à caixa de entrada

10

5.9. Oitavo passo: conexão à caixa de distribuição

10

5.10.

Nono passo: conexão às tomadas e soquetes

10

6. Limpeza do notebook

11

7. Gravador de EEPROM(modelo universal)

11

7.1. Memórias usadas atualmente:

11

7.2. O que vem a ser o gravador de EEPROM?

12

8. Regravando a EEPROM dos notebooks Aspire one da ACER

12

9. Identificando Componentes da placa mãe

14

9.1. Capacitores

14

9.2. Reguladores ou transistores:

15

 

9.3. Diodos

15

9.4. Bobinas

15

9.5. Resistores

16

 

9.6. Cristais

16

9.7. CIS

16

9.8. Circuitos reguladores de tensão da placa mãe

17

9.9. Chipsets

17

9.10.

Chip Super I/O

18

17 9.9. Chipsets 17 9.10. Chip Super I/O 18 www.escolatecnicaonline.com.br Página 2 /
17 9.9. Chipsets 17 9.10. Chip Super I/O 18 www.escolatecnicaonline.com.br Página 2 /

www.escolatecnicaonline.com.br Página 2

/ www.clubedosnotebooks.com.br (21) 2653-9047

Clube dos Notebooks

Clube dos Notebooks 9.11. Chip Gerador de Clocks 18 9.12. CI Controlador PWM 18 9.13. CI

9.11. Chip Gerador de Clocks

18

9.12. CI

Controlador PWM

18

9.13. CI Driver Acionador

18

10.

Limpando a placa mãe:

19

10.1. Material Utilizado:

19

10.2. Como Fazer:

19

11. Curso de remoção de componentes

19

12. CheckLIST de notebook que não liga

20

13. Erros e possíveis soluções

21

13.1. Tela Azul

21

13.2. Erro de arquivo do

22

13.3. LEDs acendem no notebook, porém não apresenta imagem no LCD ou monitor

Externo

22

13.4. Memória com mau contato ou queimada

22

13.5. Processador Queimado

23

13.6. Bateria com defeito

23

13.7. Problema na solda BGA CHIPSET ponte norte ou ponte sul:

23

13.8. Problema no Chip GPU:

23

13.9. Problema na solda SMD nos principais componentes da placa:

23

13.10. Problema de Sujeira no notebook:

23

13.11. Fonte do processador com problema:

23

13.12. Fonte da memória com problema:

23

13.13. Fonte 3,3v e 5v com problema:

23

13.14. Fonte do Chipset ponte norte com problema:

23

13.15. Fonte do GPU com problema:

23

13.16. Bios com problema:

23

13.17. Chip Gerador de Clocks

23

13.18. Chip Super IO com problema

23

13.19. Problema com capacitores e diodos:

23

13.20. Notebook não liga

24

13.21. Notebook travando ou desligando sozinho

24

13.22. Teclado e Touchpad travando:

24

13.23. Todas as USBs pararam:

24

13.24. Somente uma porta USB parou de funcionar:

24

13.25. Não carrega a bateria:

24

de funcionar: 24 13.25. Não carrega a bateria: 24 www.escolatecnicaonline.com.br Página 3 /
de funcionar: 24 13.25. Não carrega a bateria: 24 www.escolatecnicaonline.com.br Página 3 /

www.escolatecnicaonline.com.br Página 3

/ www.clubedosnotebooks.com.br (21) 2653-9047

Clube dos Notebooks

Clube dos Notebooks 14. Base de valores para consertos atuais em 2012 24 15. Dicas básicas

14. Base de valores para consertos atuais em 2012

24

15. Dicas básicas para quem está começando

25

24 15. Dicas básicas para quem está começando 25 www.escolatecnicaonline.com.br Página 4 /
24 15. Dicas básicas para quem está começando 25 www.escolatecnicaonline.com.br Página 4 /

www.escolatecnicaonline.com.br Página 4

/ www.clubedosnotebooks.com.br (21) 2653-9047

Clube dos Notebooks

Clube dos Notebooks 1. Introdução O presente curso foi elaborado com base nos conhecimentos do autor

1. Introdução

O presente curso foi elaborado com base nos conhecimentos do autor e pela compilação de informações disponíveis na internet e objetiva:

fornecer informações básicas para a montagem de um laboratório de manutenção de notebook;

orientar quanto aos procedimentos a adotar para a limpeza de um notebook;

fornecer conhecimentos básicos sobre os componentes de uma placa mãe e orientações sobre os defeitos mais comuns que ela pode apresentar;

transmitir dicas básicas para o iniciante no ofício de reparo de notebooks.

2. Material Utilizado no conserto de notebooks

Nome

Foto

Valor Médio:

Água deonizada Galão 5 Litros

Água deonizada Galão 5 Litros R$ 15,00

R$ 15,00

Álcool Isopropílico Galão 5 litros

Álcool Isopropílico Galão 5 litros R$ 80,00

R$ 80,00

Estação de retrabalho Toyo Ts-

Estação de retrabalho Toyo Ts- R$ 600,00

R$ 600,00

850

Estanho 05, mm 500g

Estanho 05, mm 500g R$ 30,00

R$ 30,00

Exploradora de Dentista

Exploradora de Dentista R$ 15,00

R$ 15,00

Extrator de Chip

Extrator de Chip R$ 15,00

R$ 15,00

Ferramenta para remoção de componentes (pode ser um alfinete adaptado na ponta de uma chave de fenda) Usado em diversas situações e neste curso de SMD, usado para remover componentes da placa mãe.

chave de fenda) Usado em diversas situações e neste curso de SMD, usado para remover componentes

R$ 5,00

Ferramenta de Dentista

Ferramenta de Dentista R$ 15,00

R$ 15,00

mãe. R$ 5,00 Ferramenta de Dentista R$ 15,00 www.escolatecnicaonline.com.br Página 5 /
mãe. R$ 5,00 Ferramenta de Dentista R$ 15,00 www.escolatecnicaonline.com.br Página 5 /

www.escolatecnicaonline.com.br Página 5

/ www.clubedosnotebooks.com.br (21) 2653-9047

Clube dos Notebooks

Clube dos Notebooks Ferro de soldar 60w   R$ 30,00 Fita Dessoldadora 1,5 m - 3,3mm

Ferro de soldar 60w

 
Ferro de soldar 60w   R$ 30,00

R$ 30,00

Fita Dessoldadora 1,5 m - 3,3mm

Fita Dessoldadora 1,5 m - 3,3mm R$ 10,00

R$ 10,00

Fluxo Líquido NoClean BGA 951 - 0,5 L

Fluxo Líquido NoClean BGA 951 - 0,5 L R$ 40,00

R$ 40,00

Fluxo Pastoso 20g

 
Fluxo Pastoso 20g   R$ 22 ,00

R$ 22 ,00

Fonte Universal 120 W

 
Fonte Universal 120 W   R$ 40,00

R$ 40,00

Gravador

de

EEPROM

Gravador de EEPROM R$ 350,00

R$ 350,00

universal

Jaleco Anti-Estático

 
Jaleco Anti-Estático   R$ 50,00

R$ 50,00

Kit de Ferramentas anti-estáticas

Kit de Ferramentas anti-estáticas R$ 25,00

R$ 25,00

Luminária + LUPA

 
Luminária + LUPA   R$ 180,00

R$ 180,00

Manta térmica de bancada 1m por

Manta térmica de bancada 1m por R$ 30,00

R$ 30,00

3mm

Multímetro analógico

 
Multímetro analógico   R$ 15,00

R$ 15,00

Multímetro digital

Multímetro digital R$ 30,00

R$ 30,00

  R$ 15,00 Multímetro digital R$ 30,00 www.escolatecnicaonline.com.br Página 6 /
  R$ 15,00 Multímetro digital R$ 30,00 www.escolatecnicaonline.com.br Página 6 /

www.escolatecnicaonline.com.br Página 6

/ www.clubedosnotebooks.com.br (21) 2653-9047

Clube dos Notebooks

Clube dos Notebooks Papel Toalha R$ 40,00 Pasta térmica(cobre/prata) 30g R$ 25,00 Peça de Testes em

Papel Toalha

Papel Toalha R$ 40,00

R$ 40,00

Pasta térmica(cobre/prata) 30g

Pasta térmica(cobre/prata) 30g R$ 25,00

R$ 25,00

Peça de Testes em geral

Processadores,

Bateriais

e

R$ 1000,00

memórias

Pinça Anti-Magnética

Pinça Anti-Magnética R$ 10,00

R$ 10,00

Pincél + Escova de dente anti- estática

Pincél + Escova de dente anti- estática R$ 29,00

R$ 29,00

Pulseira Anti-Estática

Pulseira Anti-Estática R$ 15,00

R$ 15,00

Sugador de Solda

Sugador de Solda R$ 10,00

R$ 10,00

Suporte para ferro de soldar

Suporte para ferro de soldar R$ 10,00

R$ 10,00

Vaporizador

Vaporizador R$ 80,00

R$ 80,00

Valor total dos materiais para consertos em placas: R$ 2811,00

O ideal é ter pelo menos um computador para pesquisas gerais, ligado a internet para que possa pesquisar os componentes SMD pelos códigos (custo aproximado de R$ 1000,00).

Considerando todos os itens levantados para uma bancada ideal, você precisará de cerca de R$ 3816,00 para a implantação de um laboratório.

3.

Apresentação da bancada de trabalho ideal para laboratório de manutenção de notebook

A apresentação da bancada é feita no vídeo que acompanha o presente texto.

Ver vídeo da pasta "aula0 Bancada"

presente texto. Ver vídeo da pasta "aula0 Bancada" www.escolatecnicaonline.com.br Página 7 /
presente texto. Ver vídeo da pasta "aula0 Bancada" www.escolatecnicaonline.com.br Página 7 /

www.escolatecnicaonline.com.br Página 7

/ www.clubedosnotebooks.com.br (21) 2653-9047

Clube dos Notebooks

Clube dos Notebooks 4. Cuidados com a estática A eletricidade estática, como seu próprio nome indica,

4. Cuidados com a estática

A eletricidade estática, como seu próprio nome indica, é

um tipo de eletricidade que fica armazenada nos corpos

em forma natural.

Quem não sem lembra da experiência de atritar uma caneta no cabelo e atrair pedacinhos de papel? Esta é exatamente uma demonstração da atuação da eletricidade estática.

uma demonstração da atuação da eletricidade estática. O problema é quando a peça em questão é

O problema é quando a peça em questão é um componente de um notebook ( placa mãe,

memória, HD, etc), pois ele pode ser danificado seriamente por esse tipo de energia.

Portanto, antes de manusear as peças de um computador, é necessário descarregar a eletricidade estática presente em seu corpo.

A primeira recomendação é que o assoalho do ambiente seja composto por algum material

condutor por natureza, como um piso pintado com tinta especial. Carpetes são péssimos, pois não eliminam energia.

Para garantir que você esteja descarregado eletricamente antes de tocar nas peças do PC, é possível usar uma pulseira anti-estática, como na foto ao lado.

Observação importante:

A pulseira deve estar conectada a uma placa aterrada, ou poderá usar ainda uma placa de cobre ligada a pulseira, porém terá de limpar esta placa de cobre de 3 em 3 horas.

5. Como fazer um bom aterramento

Na internet há farto material orientando a confecção de aterramento de instalações elétricas. Recomendamos que os responsáveis pelos laboratórios de manutenção busquem a orientação de técnicos em eletricidade, devidamente credenciados e / ou de engenheiros, em função da complexidade e do dimensionamento do laboratório.

5.1. Materiais necessários

caixa de inspeção

haste cobreada com diâmetro 5/8"(15 mm) e 2,40m de comprimento

conectores do tipo cabo haste ou tipo grampo

condutor na cor verde ou verde-amarela

terminal à pressão

balde com água

pedaço de caibro

marreta

chave de boca 13 mm

canivete

colher de pedreiro

cavadeira

13 mm  canivete  colher de pedreiro  cavadeira www.escolatecnicaonline.com.br Página 8 /
13 mm  canivete  colher de pedreiro  cavadeira www.escolatecnicaonline.com.br Página 8 /

www.escolatecnicaonline.com.br Página 8

/ www.clubedosnotebooks.com.br (21) 2653-9047

Clube dos Notebooks

Clube dos Notebooks  brita  EPI's (luvas, óculos e capacete) 5.2. Primeiro passo: cavamento do
Clube dos Notebooks  brita  EPI's (luvas, óculos e capacete) 5.2. Primeiro passo: cavamento do
Clube dos Notebooks  brita  EPI's (luvas, óculos e capacete) 5.2. Primeiro passo: cavamento do
Clube dos Notebooks  brita  EPI's (luvas, óculos e capacete) 5.2. Primeiro passo: cavamento do

brita

EPI's (luvas, óculos e capacete)

5.2. Primeiro passo: cavamento do solo

Com o auxílio da cavadeira, abra uma vala com diâmetro e profundidade suficientes para o encaixe da caixa de inspeção, lembrando que o solo deve ser anteriormente analisado com um terrômetro.

5.3. Segundo passo: instalação da caixa de inspeção

Acomode a caixa de inspeção no solo, aplicando terra ao seu redor de modo a deixá-la totalmente firme e encaixada no terreno.

5.4. Terceiro passo

Preencha a vala com água para umedecer o solo. Isso facilitará o cravamento da haste cobreada de 2,40m de comprimento.

o cravamento da haste cobreada de 2,40m de comprimento. 5.5. Quarto passo: cravamento da haste cobreada

5.5. Quarto passo: cravamento da haste cobreada

Utilizando a força necessária nas mãos, exerça a pressão necessária para cravar a haste cobreada no centro do diâmetro da caixa de inspeção.

cobreada no centro do diâmetro da caixa de inspeção. Retire a haste e repita os passos

Retire a haste e repita os passos 3 e 4 até conseguir introduzi-la quase por completo no solo. Complete a cravação com golpes de marreta, interpondo entre a marreta e a haste um pedaço de madeira.

A haste deverá ser cravada até a metade da altura da caixa de inspeção.

ser cravada até a metade da altura da caixa de inspeção. www.escolatecnicaonline.com.br Página 9 /
ser cravada até a metade da altura da caixa de inspeção. www.escolatecnicaonline.com.br Página 9 /

www.escolatecnicaonline.com.br Página 9

/ www.clubedosnotebooks.com.br (21) 2653-9047

Clube dos Notebooks

Clube dos Notebooks 5.6. Quinto passo: fixação do condutor de aterramento Passe o condutor de aterramento
Clube dos Notebooks 5.6. Quinto passo: fixação do condutor de aterramento Passe o condutor de aterramento
Clube dos Notebooks 5.6. Quinto passo: fixação do condutor de aterramento Passe o condutor de aterramento
Clube dos Notebooks 5.6. Quinto passo: fixação do condutor de aterramento Passe o condutor de aterramento

5.6. Quinto passo: fixação do condutor de aterramento

Passe o condutor de aterramento (fio terra) pelos tubos (eletrodutos) até chegar à caixa de inspeção.

Com uma chave de boca de 13 mm, faça a conexão do cabo à haste. Se necessário use i canivete para desencapar o condutor.

5.7. Sexto passo: Acabamento

Preencha a caixa de inspeção com brita até uma altura onde ainda seja possível visualizar o conector. O uso da brita evitará que alguém inadvertidamente jogue concreto dentro da caixa, tornando o acesso ao conector e à haste impossíveis. Além disso, a brita ajudará a manter a umidade do solo próximo à haste.

Finalize fechando a caixa de inspeção com a tampa.

5.8. Sétimo passo: conexão à caixa de entrada

Com o auxílio da chave de boca e do canivete faça a conexão do condutor de aterramento à caixa de entrada (caixa do medidor).

5.9. Oitavo passo: conexão à caixa de distribuição

A partir desse ponto, derive um novo condutor ( condutor de proteção) para ser conectado ao barramento do quadro de distribuição.

ser conectado ao barramento do quadro de distribuição. 5.10. Nono passo: conexão às tomadas e soquetes
ser conectado ao barramento do quadro de distribuição. 5.10. Nono passo: conexão às tomadas e soquetes

5.10. Nono passo: conexão às tomadas e soquetes

Com o auxílio da chave de boca, finalize o serviço conectando o fio terra no terminal de terra das tomadas e soquetes.

Importante:

Para um aterramento mais seguro você pode utilizar até 3 hastes em forma de triângulo, conforme o desenho abaixo.

3 hastes em forma de triângulo, conforme o desenho abaixo. www.escolatecnicaonline.com.br Página 10 /
3 hastes em forma de triângulo, conforme o desenho abaixo. www.escolatecnicaonline.com.br Página 10 /
3 hastes em forma de triângulo, conforme o desenho abaixo. www.escolatecnicaonline.com.br Página 10 /
3 hastes em forma de triângulo, conforme o desenho abaixo. www.escolatecnicaonline.com.br Página 10 /

www.escolatecnicaonline.com.br Página 10

/ www.clubedosnotebooks.com.br (21) 2653-9047

Clube dos Notebooks

Clube dos Notebooks 6. Limpeza do notebook ( Ver o curso de limpeza de notebook no
Clube dos Notebooks 6. Limpeza do notebook ( Ver o curso de limpeza de notebook no

6. Limpeza do notebook

( Ver o curso de limpeza de notebook no meu site www.NOTECURSOS.com)

A

limpeza do notebook é de extrema importância.

O

notebook deve ser aberto anualmente para a limpeza interna.

Hoje em dia o maior problema de solda conhecida é a solda BGA. Esse erro é o mais comum e o que mais gera problema em notebook no Brasil.

Esse erro se dá graças ao aquecimento interno e a falta de ventilação nos notebooks.

A sujeira acumulada contribui muito para o surgimento desse problema.

Existem notebooks que com apenas 01 ano de uso já apresentam esse problema de BGA.

Sempre avise ao seu cliente sobre a necessidade da utilização de bases de ventilação e da manutenção(limpeza) do notebook anualmente, bem como a troca das pastas térmicas dos processadores e CPUs.

No meu curso 03, disponível pelo site www.NOTECURSOS.com, ensino como realizar esta limpeza de forma correta, utilizando os materiais necessários para a limpeza.

7. Gravador de EEPROM(modelo universal)

(Ver a Pasta " Curso Gravador de EEprom ")

Existem diversos tipos de gravadores de EEPROM no mercado, porém irei utilizar como modelo o gravador universal Wilem Eprom Dual Power.

7.1. Memórias usadas atualmente:

7.1.1. EPROM - É a memória que mantém os dados quando a energia é desligada, não

volátil. Somente pode ser apagada quando exposta a uma forte luz ultravioleta.

7.1.2. EEPROM - É um chip de armazenamento não volátil usado em computadores e

diversos aparelhos eletrônicos. Pode ser apagada e programada diversas vezes.

7.1.3. Memória Flash - É uma memória que permite que diversos endereços sejam apagados ou escritos em uma só operação.

7.1.4. Flash Nor e Flash Nand:

em uma só operação. 7.1.4. Flash Nor e Flash Nand: www.escolatecnicaonline.com.br Página 11 /
em uma só operação. 7.1.4. Flash Nor e Flash Nand: www.escolatecnicaonline.com.br Página 11 /

www.escolatecnicaonline.com.br Página 11

/ www.clubedosnotebooks.com.br (21) 2653-9047

Clube dos Notebooks

Clube dos Notebooks 7.1.4.1 Flash Nor - Permite acessar dados em posições diferentes da memória de

7.1.4.1 Flash Nor - Permite acessar dados em posições diferentes da memória de maneira

rápida. Normalmente é usado em CHIP BIOS, telefones celulares e placas de redes especiais.

7.1.4.2 Flash Nand - Também trabalha em alta velocidade porém faz acesso sequencial às

celulas de memória, em blocos de células,ao invés de acessar de maneira individual.

7.2. O que vem a ser o gravador de EEPROM?

É um elemento destinado a leitura e gravação de informações em componentes eletrônicos.

8. Regravando a EEPROM dos notebooks Aspire one da ACER

Primeiro passo: Pegue um PEN DRIVE e formate-o em FAT e não como FAT32 ou NTFS.

Segundo Passo: Baixar o programa que regrava no FTP do fabricante:

Digite no seu navegador (Ex. Internet Explorer): ftp://ftp.acer-euro.com/netbook

Clique no modelo que precisa baixar:

Clique no modelo que precisa baixar: Terceiro passo: Abra a pasta BIOS
Terceiro passo: Abra a pasta BIOS
Terceiro passo: Abra a pasta BIOS

www.escolatecnicaonline.com.br Página 12

/ www.clubedosnotebooks.com.br (21) 2653-9047

Clube dos Notebooks

Clube dos Notebooks Quarto Passo: Clique no modelo que deseja baixar: Quinto passo: Extraia somente os
Clube dos Notebooks Quarto Passo: Clique no modelo que deseja baixar: Quinto passo: Extraia somente os

Quarto Passo: Clique no modelo que deseja baixar:

Notebooks Quarto Passo: Clique no modelo que deseja baixar: Quinto passo: Extraia somente os arquivos FLASHIT.EXE

Quinto passo: Extraia somente os arquivos FLASHIT.EXE e ZG5_3114.fd(Esse arquivo ".fd" muda o nome de acordo com a versão escolhida) para o diretório RAIZ do PEN DRIVE

com a versão escolhida) para o diretório RAIZ do PEN DRIVE Antigamente precisávamos renomear o arquivo

Antigamente precisávamos renomear o arquivo ".FD" para ZG5IA32.FD. Existem alguns modelos que ainda exigem tal procedimento, como a Versão 3309.FD, por exemplo. Logo, caso não de certo, renomeie o arquivo ".FD" para ZG5IA32.FD

Sexto Passo: Gravação na BIOS (Leia atentamente as instruções abaixo):

na BIOS (Leia atentamente as instruções abaixo): www.escolatecnicaonline.com.br Página 13 /
na BIOS (Leia atentamente as instruções abaixo): www.escolatecnicaonline.com.br Página 13 /

www.escolatecnicaonline.com.br Página 13

/ www.clubedosnotebooks.com.br (21) 2653-9047

Clube dos Notebooks

Clube dos Notebooks  Agora com o notebook desligado, porém conectado na tomada, faça o seguinte

Agora com o notebook desligado, porém conectado na tomada, faça o seguinte procedimento:

Coloque o Pen drive em uma das portas USBs.

Pressione e segure as teclas "fn + ESC" e aperte uma vez o botão do POWER, porém com as duas teclas ainda pressionadas.

Espere uns 05 segundos, até o LED acender e solte as teclas "fn + Esc".

O LED do Power começará a piscar.

A partir de agora, não faça mais nada, espere o notebook realizar toda a gravação na bios. Isso pode demorar alguns minutos.

O notebook vai reiniciar e voltará a dar Vídeo.

9. Identificando Componentes da placa mãe

Ver vídeo da pasta "aula4"

9.1. Capacitores

Normalmente são responsáveis por 95% dos problemas quando a causa é curto.

Os capacitores normalmente vem com a seguinte serigrafia na placa: "C" , "PC" ou "Cnº"

Exemplo de capacitor cerâmico:

Exemplo de capacitor Sólido:

/ www.clubedosnotebooks.com.br (21) 2653-9047
/ www.clubedosnotebooks.com.br (21) 2653-9047

www.escolatecnicaonline.com.br Página 14

Clube dos Notebooks

Clube dos Notebooks 9.2. Reguladores ou transistores:  Os reguladores ou transistores normalmente vem seguinte

9.2. Reguladores ou transistores:

Os

reguladores

ou

transistores

normalmente

vem

seguinte serigrafia na placa:

a

com

"Q" , "PQ" ou "Qnº"

na placa: a com "Q" , "PQ" ou "Qnº"  Normalmente possuem de 03 a oito

Normalmente possuem de 03 a oito pernas

Eles fazem a regulagem de tensão na placa

Exemplo de reguladores ou transistores:

de tensão na placa Exemplo de reguladores ou transistores: 9.3. Diodos Transistor MOSFET =>  Os

9.3. Diodos

na placa Exemplo de reguladores ou transistores: 9.3. Diodos Transistor MOSFET =>  Os DIODOS normalmente
na placa Exemplo de reguladores ou transistores: 9.3. Diodos Transistor MOSFET =>  Os DIODOS normalmente

Transistor MOSFET =>

ou transistores: 9.3. Diodos Transistor MOSFET =>  Os DIODOS normalmente vem com a seguinte serigrafia

Os DIODOS normalmente vem com a seguinte serigrafia na placa: "D" , "PD" ou "Dnº"

Possuem formatos diferentes

Exemplo de Diodos:

 Possuem formatos diferentes Exemplo de Diodos: 9.4. Bobinas  Quase não dão apresentam problemas. 

9.4. Bobinas

Quase não dão apresentam problemas.

Possuem diversos formatos.

As bobinas normalmente vem com a seguinte serigrafia na placa: "L" , "PL" ou "Lnº"

Exemplo de Bobinas:

, "PL" ou "Lnº" Exemplo de Bobinas: www.escolatecnicaonline.com.br Página 15 /
, "PL" ou "Lnº" Exemplo de Bobinas: www.escolatecnicaonline.com.br Página 15 /

www.escolatecnicaonline.com.br Página 15

/ www.clubedosnotebooks.com.br (21) 2653-9047

Clube dos Notebooks

Clube dos Notebooks 9.5. Resistores Os Resistores normalmente vem com a seguinte serigrafia na placa: "R"
Clube dos Notebooks 9.5. Resistores Os Resistores normalmente vem com a seguinte serigrafia na placa: "R"
Clube dos Notebooks 9.5. Resistores Os Resistores normalmente vem com a seguinte serigrafia na placa: "R"

9.5. Resistores

Os Resistores normalmente vem com a seguinte serigrafia na placa: "R" , "PR" ou "Rnº"

Exemplo de Resistores:

, "PR" ou "Rnº" Exemplo de Resistores: 9.6. Cristais  É medido com o frequencímetro 

9.6. Cristais

ou "Rnº" Exemplo de Resistores: 9.6. Cristais  É medido com o frequencímetro  Os Cristais

É medido com o frequencímetro

Os Cristais normalmente vem com a seguinte serigrafia na placa: "Y OU X" , "Ynº" ou "Xnº"

Exemplo de Cristais:

, "Ynº" ou "Xnº" Exemplo de Cristais: 9.7. CIS Os CIS normalmente vem com a seguinte

9.7. CIS

Os CIS normalmente vem com a seguinte serigrafia na placa: "U" , "PU" ou "Unº"

Exemplo de CIS: / www.clubedosnotebooks.com.br (21) 2653-9047
Exemplo de CIS:
/ www.clubedosnotebooks.com.br (21) 2653-9047

www.escolatecnicaonline.com.br Página 16

Clube dos Notebooks

Clube dos Notebooks 9.8. Circuitos reguladores de tensão da placa mãe No notebook, entram na placa

9.8. Circuitos reguladores de tensão da placa mãe

No notebook, entram na placa tensões diferentes como por exemplo:

19 V quando conectado na energia elétrica ou

12 V quando conectado somente na bateria.

As tensões em cada um dos componentes também são variadas:

5 V no HD, Drive Óptico, Usb, Fireware

3,3 V, por exemplo, no slot Mini PCI e numa variedade de CIS.

9.9. Chipsets

NB - Ponte Norte

SB - Ponte Sul

GPU - Chip gráfico

- Ponte Norte  SB - Ponte Sul  GPU - Chip gráfico 9.9.1. Chipset Ponte

9.9.1. Chipset Ponte Norte:

Interliga em alta velocidade o CPU, RAM e Vídeo. Normalmente possui um dissipador de calor em cima dele, pois esquenta demais. Problema que causa o BGA(Curso a parte).

9.9.2. Chipset Ponte Sul:

Integra todos os dispositivos que trabalham com velocidade menor e esquentam menos. Interliga o HD, Driver Óptico, USB, LPT, COM, Teclado, Touch PAD, Rede, Som, Fireware, barramentos em geral, Super I/O(ENE)

9.9.3. GPU(Graphics Processing Unit):

É o chip responsável pelo aumento do desempenho gráfico do notebook. Também tem o problema de super aquecimento e normalmente leva um dissipador. Também pode apresentar o problema de BGA devido a alta temperatura.

pode apresentar o problema de BGA devido a alta temperatura. www.escolatecnicaonline.com.br Página 17 /
pode apresentar o problema de BGA devido a alta temperatura. www.escolatecnicaonline.com.br Página 17 /

www.escolatecnicaonline.com.br Página 17

/ www.clubedosnotebooks.com.br (21) 2653-9047

Clube dos Notebooks

Clube dos Notebooks 9.10. Chip Super I/O É o controlador responsável pela entrada e saída de

9.10. Chip Super I/O

É o controlador responsável pela entrada e saída de vários dispositivos da placa. Depois

dos Chipsets e GPU é o mais importante da placa. Ele controla os Cooles, Start, ROM,

Teclado, Touch PAD, Cmos, portam em geral

Start, ROM, Teclado, Touch PAD, Cmos, portam em geral 9.11. Chip Gerador de Clocks É um
Start, ROM, Teclado, Touch PAD, Cmos, portam em geral 9.11. Chip Gerador de Clocks É um
Start, ROM, Teclado, Touch PAD, Cmos, portam em geral 9.11. Chip Gerador de Clocks É um

9.11. Chip Gerador de Clocks

É um chip que existe na

placa que gera os barramentos a partir de uma freqüência originada por um cristal. Este chip recebe a freqüência de 14,318 Mhz e a multiplica, transformando em outras feqüências. Normalmente tem como fabricante o ICS ou Realtek.

Normalmente tem como fabricante o ICS ou Realtek. 9.12. CI Controlador PWM Cada nível de tensão

9.12. CI Controlador PWM

Cada nível de tensão transformada é controlada

por um CI controlador PWM. Quando a tensão

de saída está errada, o PWM muda o ciclo de carga da forma de onda aplicada no transistor,

para corrigir a tensão.

de onda aplicada no transistor, para corrigir a tensão. 9.13. CI Driver Acionador É usado quando
9.13. CI Driver Acionador É usado quando o PWM não consegue fornecer corrente suficiente para
9.13. CI Driver Acionador
É usado quando o PWM não consegue
fornecer corrente suficiente para chavear o
Transistor do Cirtuito Regulador de Tensão.
A fim
de
baratear
a
placa,
alguns
fabricantes colocam um Transistor
tradicional fazendo função de driver.
/ www.clubedosnotebooks.com.br (21) 2653-9047

www.escolatecnicaonline.com.br Página 18

Clube dos Notebooks

Clube dos Notebooks 10. Limpando a placa mãe: A limpeza da placa mãe as vezes se

10. Limpando a placa mãe:

A limpeza da placa mãe as vezes se faz necessário:

Quando a placa apresenta uma sujeira excessiva.

Após realizar a ressolda de componentes em geral, pois o fluxo pode se espalhar pela placa e pode ser necessária a limpeza da mesma.

10.1. Material Utilizado:

Pincél + Escova de dente anti-estática

Material Utilizado: Pincél + Escova de dente anti-estática Vaporizador Água deonizada Galão 5 Litros Papel Toalha

Vaporizador

Pincél + Escova de dente anti-estática Vaporizador Água deonizada Galão 5 Litros Papel Toalha 10.2. Como

Água deonizada Galão 5 Litros

anti-estática Vaporizador Água deonizada Galão 5 Litros Papel Toalha 10.2. Como Fazer:  Remover todos os

Papel Toalha

Vaporizador Água deonizada Galão 5 Litros Papel Toalha 10.2. Como Fazer:  Remover todos os itens

10.2. Como Fazer:

Remover todos os itens da placa, bem como, memórias, processador, Bateria da CMOS, adesivos, placa Wireless e demais placas.

Com o vaporizador ligado, aplique a água deionizada na placa. Caso aplique em um local pequeno, pode limpar com o papel toalha. Caso limpe de forma geral a placa, deixe-a secando por pelo menos 05 horas em local bem ventilado.

Verifique se a placa está bem seca antes de montar a máquina novamente.

11. Curso de remoção de componentes

Na pasta "Remoção de componentes", estão disponíveis as instruções referentes a como dessoldar e ressoldar os componentes mais difíceis, como a Bios, SuperIO e pino da fonte.

mais difíceis, como a Bios, SuperIO e pino da fonte. www.escolatecnicaonline.com.br Página 19 /
mais difíceis, como a Bios, SuperIO e pino da fonte. www.escolatecnicaonline.com.br Página 19 /

www.escolatecnicaonline.com.br Página 19

/ www.clubedosnotebooks.com.br (21) 2653-9047

Clube dos Notebooks

Clube dos Notebooks Material usado nos na remoção de componentes: Álcool Isopropílico Galão 5 litros Estação

Material usado nos na remoção de componentes:

Álcool Isopropílico Galão 5 litros

Álcool Isopropílico Galão 5 litros

Estação de retrabalho Toyo Ts-850

Estação de retrabalho Toyo Ts-850

Estanho 05, mm 500g

Estanho 05, mm 500g

Ferramenta para remoção de componentes (pode ser um alfinete adaptado na ponta de uma chave de fenda) Usado em diversas situações e neste curso de SMD, usado para remover componentes da placa mãe.

de uma chave de fenda) Usado em diversas situações e neste curso de SMD, usado para

Ferro de soldar 60w

Ferro de soldar 60w

Fluxo Pastoso 20g

Fluxo Pastoso 20g

Papel Toalha

Papel Toalha

Pincél + Escova de dente anti-estática

Pincél + Escova de dente anti-estática

Pinça Anti-Magnética

Pinça Anti-Magnética

O material específico de cada componente está na pasta dos vídeos.

12. CheckLIST de notebook que não liga

Ver o vídeo da pasta "aula9"

Siga os passos abaixo a fim de descobrir onde reside o problema.

os passos abaixo a fim de descobrir onde reside o problema. www.escolatecnicaonline.com.br Página 20 /
os passos abaixo a fim de descobrir onde reside o problema. www.escolatecnicaonline.com.br Página 20 /

www.escolatecnicaonline.com.br Página 20

/ www.clubedosnotebooks.com.br (21) 2653-9047

Clube dos Notebooks

Clube dos Notebooks  Testar o carregador do notebook para ver se está liberando a tensão

Testar o carregador do notebook para ver se está liberando a tensão desejada (ex.

19v).

Remoção de uma das memórias, troca das memórias de slot (pois pode ser o slot de memória). Caso somente tenha uma memória, substitua por outra.

Remoção do HD, da placa Wireless e do Driver de DVD.

Abrir o notebook

com

site

para

testes

auxílio

dos

cursos

do

meu

www.notecursos.com.

Observar se está chegando 19v no DC in

Testar a fonte DCDC do processador (capacitores, CIS mosfets, bobinas)

Testar a fonte DCDC da memória (se está chegando por ex. 1,5 V no caso da

DDR3).

Testar o Super IO, com auxílio do allldatasheet e ressoldar o Super IO caso ele esteja apresentando problemas de tensão. Caso não resolva, substituir o SuperIO.

Ressolda dos principais componentes da placa: (PWMs, Super IO )

Por fim, tente refazer a ressolda dos CHIPS BGAS

Observações.

Após realizar todos os teste e procedimentos, se ainda assim a placa não voltar a funcionar, troque a placa.

Utilize sempre esse CheckList para guiá-lo

13. Erros e possíveis soluções

13.1. Tela Azul

Erro aonde o notebook reinicia constantemente, após emitir uma tela azul:

reinicia constantemente, após emitir uma tela azul: www.escolatecnicaonline.com.br Página 21 /
reinicia constantemente, após emitir uma tela azul: www.escolatecnicaonline.com.br Página 21 /

www.escolatecnicaonline.com.br Página 21

/ www.clubedosnotebooks.com.br (21) 2653-9047

Clube dos Notebooks

Clube dos Notebooks Solução: Trocar a memória e teste novamente. Caso ainda de o erro, poderá
Clube dos Notebooks Solução: Trocar a memória e teste novamente. Caso ainda de o erro, poderá

Solução: Trocar a memória e teste novamente. Caso ainda de o erro, poderá ser o processador ou até mesmo o HD.

13.2. Erro de arquivo do windows.

O erro de leitura de arquivo do windows pode apresentar tela semelhante ao erro de memória. Por isso vale a pena trocar o HD caso o erro persista e por fim o processador.

13.3. LEDs acendem no notebook, porém não apresenta imagem no LCD ou

monitor Externo

Erro GRAVE

Solução:

Antes de trocar a memória e o processador, de uma olhada nas fontes para saber se estão com as voltagens corretas.

Procure pelos passos:

Siga o CheckLIST(tópico 11).

13.4. Memória com mau contato ou queimada

Solução: Faça a limpeza na memória e teste com outra.

Solução: Faça a limpeza na memória e teste com outra. www.escolatecnicaonline.com.br Página 22 /
Solução: Faça a limpeza na memória e teste com outra. www.escolatecnicaonline.com.br Página 22 /

www.escolatecnicaonline.com.br Página 22

/ www.clubedosnotebooks.com.br (21) 2653-9047

Clube dos Notebooks

Clube dos Notebooks 13.5. Processador Queimado Solução: Após verificar que a voltagem está correta, troque o

13.5. Processador Queimado

Solução: Após verificar que a voltagem está correta, troque o processador.

13.6. Bateria com defeito

Solução: Se chega corrente na bateria e não carrega, somente trocando a bateria.

13.7. Problema na solda BGA CHIPSET ponte norte ou ponte sul:

Solução: Siga o meu curso BGA para ressoldar o Chip.

13.8. Problema no Chip GPU:

Solução: Erro de BGA, seguir o meu curso de BGA para ressoldar o chip.

13.9. Problema na solda SMD nos principais componentes da placa:

Solução: Faça a ressolda no componente que der defeito.

13.10. Problema de Sujeira no notebook:

Solução: Limpe a placa com a ajuda de álcool isopropilico

13.11. Fonte do processador com problema:

Solução: Faça medição nos componentes da fonte e no PWM.

13.12. Fonte da memória com problema:

Solução: Faça medição nos componentes da fonte e no PWM.

13.13. Fonte 3,3v e 5v com problema:

Solução: Faça medição nos componentes da fonte e no PWM.

13.14. Fonte do Chipset ponte norte com problema:

Solução: Faça medição nos componentes da fonte e no PWM.

13.15. Fonte do GPU com problema:

Solução: Faça medição nos componentes da fonte e no PWM.

13.16. Bios com problema:

Solução: Veja se a tensão está correta. Caso não esteja, faça a ressolda do chip e por fim a regravação na BIOS.

13.17. Chip Gerador de Clocks

Solução: Verifique se há freqüência sendo gerado no chip. Caso não haja, ressolde-o e se ainda persistir, troque o CHIP.

13.18. Chip Super IO com problema

Solução: Veja se a tensão correta no SUPER IO. Caso não haja, ressolde-o e se ainda persistir, troque o CHIP.

13.19. Problema com capacitores e diodos:

Solução: Caso encontre erro na medição do capacitor ou diodo, troque-o por outro da sucata. Sempre lembrando que terá de ter o mesmo tamanho.

sucata. Sempre lembrando que terá de ter o mesmo tamanho. www.escolatecnicaonline.com.br Página 23 /
sucata. Sempre lembrando que terá de ter o mesmo tamanho. www.escolatecnicaonline.com.br Página 23 /

www.escolatecnicaonline.com.br Página 23

/ www.clubedosnotebooks.com.br (21) 2653-9047

Clube dos Notebooks

Clube dos Notebooks 13.20. Notebook não liga Erro GRAVE Solução: Antes de trocar a memória e

13.20. Notebook não liga

Erro GRAVE

Solução:

Antes de trocar a memória e o processador, de uma olhada nas fontes para saber se estão com as voltagens corretas.

Procure pelos passos:

Siga o CheckLIST(tópico 11).

13.21. Notebook travando ou desligando sozinho

Erro GRAVE

13.21.1. Pasta térmica

Solução: Substitua a pasta térmica do processador, Chipsets e GPU. Troque por pastas de cobre ou prata.

13.21.2. Acúmulo de poeira

Solução:

www.NOTECURSOS.com

Fazer

a

limpeza

conforme

13.21.3. Cooler parado

meu

curso

03

de

Limpeza

do

meu

site

Solução: Limpe a sujeira que fica no cooler, procure se há tensão alimentando o cooler. Observe se o SUPERIO está com problemas.

Por fim, siga o CHECKLIST.

13.22. Teclado e Touchpad travando:

Solução: Verifique o SuperIO se está com problema. Caso não esteja, faça a ressolda e caso não resolva, faça o BGA da ponte sul.

13.23. Todas as USBs pararam:

Solução: Verifique o SuperIO se está com problema. Caso não esteja, faça a ressolda e caso não resolva, faça o BGA da ponte sul.

13.24. Somente uma porta USB parou de funcionar:

Solução: Verifique se os capacitores e bobinas perto da porta USB está funcionando. Verifique as tensões.

13.25. Não carrega a bateria:

Solução: Troque por outra que esteja boa, caso ainda não carregue o notebook, procure as tensões no circuito da bateria.

14. Base de valores para consertos atuais em 2012

Lembro que o valor do serviço está associado ao local aonde mora, condição social da população local, trabalho despendido, material utilizado e valor do notebook consertado.

Porém segue abaixo o valor médio para alguns consertos em notebooks:

abaixo o valor médio para alguns consertos em notebooks: www.escolatecnicaonline.com.br Página 24 /
abaixo o valor médio para alguns consertos em notebooks: www.escolatecnicaonline.com.br Página 24 /

www.escolatecnicaonline.com.br Página 24

/ www.clubedosnotebooks.com.br (21) 2653-9047

Clube dos Notebooks

Clube dos Notebooks Tipo de Serviço   Valor médio: Orçamento   Gratuito por lei, porém pode

Tipo de Serviço

 

Valor médio:

Orçamento

 

Gratuito por lei, porém pode ser cobrado caso o serviço não seja aprovado um valor de seguro do equipamento.

Curto em placa - Valor do conserto(fora se precisar trocar o componente)

R$ 200,00

Reparo geral em placa mãe(mais de um conserto)

R$ 300,00

Troca de Tela ou inverter (Fora o valor da tela e inverter)

R$ 150,00

Ressolda de componentes específicos

 

R$ 200,00

Troca de componentes básicos, memória,

R$ 50,00

HD, placa de rede Wireless valor do componente trocado)

(Fora o

BGA de placa

 

R$ 250,00

Formatação

 

R$ 150,00

Troca

de

teclado(Fora

o

valor

do

R$ 80,00

Teclado)

15. Dicas básicas para quem está começando

Mantenha sempre seu ambiente de trabalho bem seguro.

Lembre-se dos equipamentos de segurança.

Não se esqueça de eliminar a estática, para não danificar nenhum equipamento.

Mantenha sempre seu laboratório(bancada) sempre limpo, pois muitas vezes clientes poderão querer ver aonde o seu LAPTOP será deixado.

Sempre na hora de consertar um notebook, lembre-se de ter calma e atenção. Evite distrações.

Cuidado com a tela, cuidado para não arranhar o equipamento do cliente. Muitas das vezes poderá arranhar um equipamento e terá de dar outro, ou trocar a carcaça para o cliente.

Sempre na hora de realizar o orçamento, seja claro e específico. Nunca inclua defeitos que não apresentaram, pois o cliente poderá não aceitar e levar em outra assistência técnica.

Sempre seja profissional, cumpra o prazo estipulado para cada serviço.

O tempo do serviço é de no mínimo 48 horas. Caso saiba que irá precisar de mais tempo, avise ao cliente e de um prazo não maior do que 30 dias.

Evite laudo sobre laudo. Ou seja, evite dois orçamentos diferentes.

Caso haja mais de um técnico trabalhando com você, tenha mais de uma bancada de trabalho.

Guarde as peças do notebook dos clientes em recipientes de plástico fechados, a fim de evitar que as peças de notebooks diferentes se misturem.

Evite guardar notebooks prontos com notebooks ainda em reparo ou aguardando peças.

Evite tirar peças de notebooks de clientes para testar em outros notebooks.

Sempre tenha peça de teste(memórias,processadores,coolers )

tenha peça de teste(memórias,processadores,coolers ) www.escolatecnicaonline.com.br Página 25 /
tenha peça de teste(memórias,processadores,coolers ) www.escolatecnicaonline.com.br Página 25 /

www.escolatecnicaonline.com.br Página 25

/ www.clubedosnotebooks.com.br (21) 2653-9047