Você está na página 1de 14

Uma carga elétrica p untiforme Q fixa, por exemplo posit iva, (ou uma

distribuição de cargas elétricas fixas) modifica a região d o espaço que

a envolve. Dizemos

cargas) origina, ao elétrica puntiforme q

ação de uma força el étrica F e . Esta força se deve à inte ração entre o

campo elétrico e a ca rga elétrica q.

colocada num ponto P dessa re gião fica sob

Uma carga

que a carga elétrica Q (ou a di stribuição de

seu redor, um campo elétrico.

Q (ou a di stribuição de seu redor, um campo elétrico . A cada ponto P

A cada ponto P do ca mpo elétrico, para medir a ação d a carga Q ou

das cargas que criam

denominada vetor ca mpo elétrico.

o campo, associa-se uma grande za vetorial E

em P é dada

pelo produto do va lor da carga q pelo vetor camp o elétrico E

A força elétrica que

age na carga elétrica q colocada

associado ao ponto P.

que age na carga elétrica q colocada associado ao ponto P. Se q>0, F e tem

Se q>0, F e tem o me smo sentido de E. Se q<0, F e tem sentid o oposto ao de E. F e e E têm sempre a mesma direção.

ao de E . F e e E têm sempre a mesma direção. No SI a

No SI a unidade da (N/C).

intensidade de E (E = F/IqI) é new ton/coulomb

Para se determinar o vetor campo elétrico (E):

Para se determinar o vetor campo elétrico (E): Exercícios 01. Uma carga de 2 C, está

Exercícios

01. Uma carga de 2 C, está situada num ponto P, e nela atua uma força de 4N. Se esta carga de 2 C for substituída por uma de 3 C, qual será a intensidade da força sobre essa carga quando ela for colocada no ponto P.

força sobre essa carga quando ela for colocada no ponto P. Calculando o valor do campo

Calculando o valor do campo elétrico, através da carga q1

colocada no ponto P. Calculando o valor do campo elétrico, através da carga q1 Calculando a

Calculando a Força elétrica da carga q2

colocada no ponto P. Calculando o valor do campo elétrico, através da carga q1 Calculando a

02. Determine as características de um campo elétrico, cuja carga de prova é igual a -6 µC, sujeita a uma força cuja intensidade é de 12N.

a -6 µC, sujeita a uma força cuja intensidade é de 12N. Note que o campo
a -6 µC, sujeita a uma força cuja intensidade é de 12N. Note que o campo
a -6 µC, sujeita a uma força cuja intensidade é de 12N. Note que o campo

Note que o campo elétrico neste caso está em módulo, por isso o resultado positivo.

03. Numa certa região da Terra, nas proximidades da superfície, a aceleração da gravidade vale 9,8m/s² e o campo eletrostático do planeta (que possui carga negativa na região) vale 100 N/C. Determine a carga elétrica que uma bolinha de gude, de massa 50g, deveria ter para permanecer suspensa em repouso, acima do solo. Considere o campo elétrico praticamente uniforme no local e despreze qualquer outra força atuando sobre a bolinha.

solo. Considere o campo elétrico praticamente uniforme no local e despreze qualquer outra força atuando sobre
solo. Considere o campo elétrico praticamente uniforme no local e despreze qualquer outra força atuando sobre

Características

uma carga elétri ca puntiforme Q fixa

do vetor campo elétrico g erado por

No campo elétrico de

campo elétrico num p onto P, situado a uma distância d d a carga, tem

encontra, é

diretamente proporci onal ao valor absoluto da carga e i nversamente

proporcional ao qu adrado da distância do pont o à carga. Considerando o meio o vácuo, temos:

intensidade E que d epende do meio onde a carga se

uma carga elétrica puntiforme fix a Q, o vetor

a carga se uma carga elétrica puntiforme fix a Q, o vetor Se Q for positivo

Se Q for positivo o ve tor campo elétrico é de afastamen to. Se Q for negativo, o vetor cam po elétrico é de aproximação:

negativo, o vetor cam po elétrico é de aproximação : Campo elétrico g erado por duas

Campo elétrico g erado por duas cargas

A soma vetorial deste s dois campos vai nos dar o campo resultante.

vetorial deste s dois campos vai nos dar o campo resultante. Este campo result ante pode

Este campo result ante pode ser calculado pela lei dos cossenos.

campo result ante pode ser calculado pela lei dos cossenos. Esta é a equação qu e

Esta é a equação qu e nos permite calcular o campo r esultante em módulo para soma ve torial destes campos gerados por d uas cargas.

Campo elétrico puntiformes

gerado por várias cargas

elétricas

No caso do campo puntiformes, cada

originará, num pont o P, um vetor campo elétrico.

uma

gerado por

duas ou mais car gas elétricas

elétrico. uma gerado por duas ou mais car gas elétricas O vetor campo r esultante da

O vetor campo r esultante

da

diversos

vetores campos in dividuais no ponto P.

será obtido por adição vetorial dos

meio

Observação: tod as as

considerações feita s são válidas para um cam po elétrico no qual em cada ponto o vetor campo

elétrico não varia com

o tempo. É o chamado campo ele trostático.

Campo Elétrico Res ultante

ponto o vetor campo elétrico não varia com o tempo. É o chamado campo ele trostático
ponto o vetor campo elétrico não varia com o tempo. É o chamado campo ele trostático
ponto o vetor campo elétrico não varia com o tempo. É o chamado campo ele trostático

Linhas de força: re presentam o comportamento do vizinhanças da carga fonte.

campo nas

Direção do vetor c ampo elétrico: tangente às linhas cada ponto.

de força, em

Setas das linhas

intensidade tem a ve r com a densidade das linhas de for ça no local.

de

força: indicam o

sentido

d o

campo; a

for ça no local. de força: indicam o sentido d o campo; a Campo Elétrico Uni
for ça no local. de força: indicam o sentido d o campo; a Campo Elétrico Uni
for ça no local. de força: indicam o sentido d o campo; a Campo Elétrico Uni

Campo Elétrico Uni forme

Para produzi-lo, pre cisamos de duas placas paralelas, carregadas com sinai s opostos e bem próximas, de modo que a distânci a entre elas seja muito menor que o comprimento d as placas.

a entre elas seja muito menor que o comprimento d as placas. Se as placas forem

Se as placas forem gr andes e bem próximas, as linhas de campo serã o paralelas e igualmente espaçadas; teremos a ssim um campo elétrico uniforme.

Exercícios básicos

01. O campo elétrico criado por uma carga pontual, no vácuo, tem

intensidade igual a 9.10 -1 N/C. Calcule a que distância d se refere o

valor desse campo.

(dados: Q = -4 pC e ko = 9.10 9 unidades SI).

a) 0,02 m

b) 0,2 m

c) 0,4 m

d) 0,6 m

e) 0,002 m

SI). a) 0,02 m b) 0,2 m c) 0,4 m d) 0,6 m e) 0,002 m
SI). a) 0,02 m b) 0,2 m c) 0,4 m d) 0,6 m e) 0,002 m
SI). a) 0,02 m b) 0,2 m c) 0,4 m d) 0,6 m e) 0,002 m

SI). a) 0,02 m b) 0,2 m c) 0,4 m d) 0,6 m e) 0,002 m

02. Uma carga elétrica Q = -6 µC, fixa no vácuo, e um P a uma

distância de 20 cm da mesma. Considere a constante eletrostática no vácuo k 0 = 9 . 10 9 N.m 2 /C 2 .

a) Qual a intensidade do vetor campo elétrico criado pela carga Q

no ponto P.

b) Qual a intensidade da força elétrica que agirá numa carga elétrica q = +1 µC quando colocada no ponto P.

P. b) Qual a intensidade da força elétrica que agirá numa carga elétrica q = +1

a)

P. b) Qual a intensidade da força elétrica que agirá numa carga elétrica q = +1
Ex03. Seja E o vetor ca mpo elétrico em P, gerado por uma car ga
Ex03. Seja E o vetor ca mpo elétrico em P, gerado por uma car ga
Ex03. Seja E o vetor ca mpo elétrico em P, gerado por uma car ga
Ex03. Seja E o vetor ca mpo elétrico em P, gerado por uma car ga
Ex03. Seja E o vetor ca mpo elétrico em P, gerado por uma car ga

Ex03. Seja E o vetor ca mpo elétrico em P, gerado por uma car ga elétrica Q e

F e a força eletrostática q ue age numa carga elétrica q colocada sinais de Q e q nos caso s indicados abaixo?

em P. Quais os

sinais de Q e q nos caso s indicados abaixo? em P. Quais os Sabendo-se que

Sabendo-se que Q>0 ori gina campo de afastamento e Q<0, cam po de

aproximação e que F e q<0, resulta:

Respostas:

a) Q>0; q<0

b) Q<0; q<0

c) Q<0; q>0

d) Q>0; q>0

E tem o mesmo sentido se q>0 e sentido s opostos se

04. No esquema ab aixo as duas cargas possuem mó dulo igual a 2µC e a distância en tre o centro das cargas va le 20cm. Determinado o cam po elétrico resultante no centro da reta que separa as duas carg as.

resultante no centro da reta que separa as duas carg as. Como as duas carga s
resultante no centro da reta que separa as duas carg as. Como as duas carga s
resultante no centro da reta que separa as duas carg as. Como as duas carga s
resultante no centro da reta que separa as duas carg as. Como as duas carga s

Como as duas carga s são iguais e a distância das dua s até o ponto P são as mesmas , os dois campos vão ser igu ais, então a resultante é igual a z ero

distância das dua s até o ponto P são as mesmas , os dois campos vão
distância das dua s até o ponto P são as mesmas , os dois campos vão
distância das dua s até o ponto P são as mesmas , os dois campos vão
distância das dua s até o ponto P são as mesmas , os dois campos vão
distância das dua s até o ponto P são as mesmas , os dois campos vão
distância das dua s até o ponto P são as mesmas , os dois campos vão
distância das dua s até o ponto P são as mesmas , os dois campos vão
distância das dua s até o ponto P são as mesmas , os dois campos vão
distância das dua s até o ponto P são as mesmas , os dois campos vão
distância das dua s até o ponto P são as mesmas , os dois campos vão

05.Duas esferas idênticas, carregadas com cargas Q = 30 µC, estão suspensas a partir de um mesmo ponto por dois fios isolantes de mesmo comprimento, como mostra a figura. Em equilíbrio, o ângulo, formado pelos dois fios isolantes com a vertical, é 45º. Sabendo que a massa de cada esfera é de 1 kg, que a constante de Coulomb é k = 9 · 10 9 Nm 2 /C 2 e que a aceleração da gravidade é g = 10 m/s 2 , determine a distância entre as duas esferas quando em equilíbrio. Lembre-se de que µ = 10 -6 .

a) 1,0 m

b) 0,9 m

c) 0,8 m

d) 0,7 m

e) 0,6 m

= 10 - 6 . a) 1,0 m b) 0,9 m c) 0,8 m d) 0,7

As forças que atuam sobre uma das esferas estão representadas abaixo:

m e) 0,6 m As forças que atuam sobre uma das esferas estão representadas abaixo: No

No equilíbrio:

m e) 0,6 m As forças que atuam sobre uma das esferas estão representadas abaixo: No
m e) 0,6 m As forças que atuam sobre uma das esferas estão representadas abaixo: No
m e) 0,6 m As forças que atuam sobre uma das esferas estão representadas abaixo: No
m e) 0,6 m As forças que atuam sobre uma das esferas estão representadas abaixo: No
m e) 0,6 m As forças que atuam sobre uma das esferas estão representadas abaixo: No
m e) 0,6 m As forças que atuam sobre uma das esferas estão representadas abaixo: No
m e) 0,6 m As forças que atuam sobre uma das esferas estão representadas abaixo: No

Pela lei de coulomb:

m e) 0,6 m As forças que atuam sobre uma das esferas estão representadas abaixo: No
m e) 0,6 m As forças que atuam sobre uma das esferas estão representadas abaixo: No

Exercícios Fixação

01. Sobre uma carg a elétrica de 2,0.10 -6 C, colocada do espaço, age um a força de intensidade 0,80 N. ações gravitacionais . A intensidade do campo elétrico é:

em um ponto Despreze as nesse ponto

a)

1,6.10 -6 N/C

b)

1,3.10 -5 N/C

c)

2,0.10 3 N/C

d)

1,6.10 5 N/C

e)

4,0.10 5 N/C

02.

Na região entre

as longas placas uniformemente

carregadas,

mostradas na figura, existe um campo elétrico uniform e, de módulo

E = 100 N/C e s entido vertical para cima. A ac eleração da

gravidade local vale

e

carga negativa –10- 4 C colocada

nessa região sofre resultante:

força

Uma partícula de

10 m/s2.

massa

uma

1

resultante: força Uma partícula de 10 m/s2. massa uma 1 g a) de módulo 0,02 N

g

a)

de módulo 0,02 N e sentido vertical para baixo.

b)

de módulo 0,01 N e sentido vertical para baixo.

c)

nula.

d)

de módulo 0,01 N e sentido vertical para cima.

e)

de módulo 0,02 N e sentido vertical para cima.

03. Determine a inte nsidade do vetor campo elétrico r esultante no

µC; d = 0,3

m; k 0 = 9. 109 N.m 2 /C

ponto P, nos casos i ndicados abaixo. Considere Q = 3

2

µC; d = 0,3 m; k 0 = 9. 109 N.m 2 /C ponto P, nos

E = 3.10 5 N/C

Exercícios de Re visão

01.O módulo do ve tor campo elétrico produzido po r uma carga

elétrica Q em um po nto “P” é igual a “E”. Dobrando-s e a distância entre a carga e o p onto “P”, por meio do afastament o da carga e

dobrando-se também

elétrico, nesse ponto , muda para:

a)

b)

c)

d)

e) E/2

02.Duas cargas elétr icas, q 1 = -4 µC e q 2 = 4 µC são fixas nos vértic es A e B de um triângulo equilátero ABC de la dos 20 cm.

Sendo a constante

9.10 9 N.m 2 /C 2 , o mód ulo do vetor campo elétrico gerado pelas duas c argas no vértice C vale, em N/C:

eletrostática do meio k =

vetor campo

o valor da carga, o módulo do

8E

E/4

2E

4E

k = vetor campo o valor da carga, o módulo do 8E E/4 2E 4E a)

a)

1,8.10

b)

9,0.10

c)

4,5.10

d)

9,0.10

e)

zero

6

5

5

4

03. No campo elétric o formado por duas cargas de + 8 µC e +2 µC,

separadas por uma

a zero no ponto situa do a:

a) 2 m da carga de 2 µC.

b) 2 m da carga de 8 µC.

c) 6 m da carga de 2 µC.

d) 6 m da carga de 8 µC.

e) 3 m das duas carg as.

distância de 3 m, o vetor campo el étrico é igual

de 2 µ C. d) 6 m da carga de 8 µ C. e) 3 m

04.

A intensidade do campo elétrico, num ponto situado a 3,0 mm

de uma carga elétrica puntiforme Q = 2,7 µC no vácuo (k 0 = 9.10 9 N.m 2 /C 2 ) é:

a)

2,7 . 10 3 N/C

b)

8,1 . 10 3 N/C

c)

2,7 . 10 6 N/C

d)

8,1 . 10 6 N/C

e)

2,7 . 10 9 N/C

05. Um campo elétrico apresenta em um ponto P de uma região o

módulo de 6.105 N/C. Determinar o módulo da força elétrica que atua sobre uma carga puntiforme q, colocada no ponto P, nos seguintes casos:

a) q = 2µC

b) q = -3µC

a) F = 1,2N

b) F = 1,8N

6. Uma carga puntiforme Q, negativa, gera no espaço um campo elétrico. Num ponto P, a 0,5 m dela, o campo tem módulo E=14,4.106 N/C. Sendo o meio o vácuo, onde K0=9.109N.m2/C2, determine Q.

Q = 4.10 4 C

07. Considere uma carga puntiforme, fixa, de -5µC, no vácuo.

a) Determine o módulo do campo elétrico criado por essa carga

num ponto A localizado a 0,2m da carga;

b) Determine o módulo da força elétrica que atua sobre uma carga

de 4µC, colocada no ponto A.

a) E = 11,25 N/C

b) F = 4,48 N