Você está na página 1de 42

LC 840

Suzele Veloso
TABELA DE DIFERENÇAS ENTRE LODF, LEI 840 E LEI 8112
LODF LEI COMPLEMENTAR LEI 8112/90
840/11
Art. 19 (...) VII – a lei Art. 12 O edital de Art. 5o § 2o Às pessoas portadoras
reservará percentual de concurso público tem de deficiência é assegurado o
cargos e empregos públicos de reservar vinte por direito de se inscrever em
para portadores de cento das vagas para concurso público para provimento
deficiência, garantindo as serem preenchidas de cargo cujas atribuições sejam
adaptações necessárias a sua por pessoa com compatíveis com a deficiência de
participação em concursos deficiência, que são portadoras; para tais
públicos, bem como definirá desprezada a parte pessoas serão reservadas até 20%
critérios de sua admissão; decimal. (vinte por cento) das vagas
oferecidas no concurso.
Art. 19. § 3º Todo agente público, qualquer que seja sua Art. 18. Por ocasião da posse, é Art. 13. § 5o No ato da
categoria ou a natureza do cargo, emprego, função, é exigido do nomeado apresentar: posse, o servidor
obrigado a declarar seus bens na posse, exoneração ou I – os comprovantes de satisfação apresentará declaração de
aposentadoria; dos requisitos previstos no art. 7º bens e valores que
§ 3º 3º São obrigados a fazer declaração pública anual e nas normas específicas para a constituem seu patrimônio e
de seus bens, sem prejuízo do disposto no art. 97, os investidura no cargo; declaração quanto ao
exercício ou não de outro
seguintes agentes públicos: II – declaração:
cargo, emprego ou função
I – Governador; a) de bens e valores que
pública.
II – Vice-Governador; constituem seu patrimônio;
III – Secretários de Estado do Distrito Federal; b) sobre acumulação ou não de
IV – diretores de empresas públicas, sociedades de cargo ou emprego público, bem
economia mista, autarquias e fundações; como de proventos da
V – Administradores Regionais; aposentadoria de regime próprio
VI – Procurador-Geral do Distrito Federal; de previdência social;
VII – Conselheiros do Tribunal de Contas do Distrito c) sobre a existência ou não de
Federal; impedimento para o exercício de
VIII – Deputados Distritais; cargo público.
IX – Defensor Público-Geral do Distrito Federal
Art. 19. I – os cargos, os Art. 7º § 2º O Art. 5o § 3o As universidades e
empregos e as funções públicas provimento de cargo instituições de pesquisa científica e
são acessíveis aos brasileiros público por estrangeiro tecnológica federais poderão prover
que preencham os requisitos deve observar o seus cargos com professores,
estabelecidos em lei, assim disposto em lei técnicos e cientistas estrangeiros, de
como aos estrangeiros, na federal. acordo com as normas e os
procedimentos desta Lei.
forma da legislação;

Art. 19. § 2º É de cinco Art. 15. É de quinze dias o prazo


dias úteis o prazo para para o servidor empossado em
o servidor entrar em cargo público entrar em exercício,
exercício, contado da contados da data da posse
posse.
Art. 28. Durante o Art. 20. Ao entrar em exercício, o
estágio probatório, são servidor nomeado para cargo de
avaliadas a aptidão, a provimento efetivo ficará sujeito a
capacidade e a estágio probatório por período de
eficiência do servidor 24 (vinte e quatro) meses, durante
para o desempenho o qual a sua aptidão e capacidade
serão objeto de avaliação para o
do cargo, com a
desempenho do cargo, observados
observância dos
os seguinte fatores:
fatores: I - assiduidade;
I – assiduidade; II - disciplina;
II – pontualidade; III - capacidade de iniciativa;
III – disciplina; IV - produtividade;
IV – capacidade de V- responsabilidade.
iniciativa;
V – produtividade;
Art. 40. São estáveis após três anos de Art. 33. O servidor estável só Art. 22. O servidor estável só
efetivo exercício os servidores nomeados perde o cargo nas hipóteses perderá o cargo em virtude de
para cargo de provimento efetivo em previstas na Constituição sentença judicial transitada em
virtude de concurso público. Federal. julgado ou de processo
§ 1º O servidor público estável só perde administrativo disciplinar no qual
o cargo: lhe seja assegurada ampla defesa.
I – em virtude de sentença judicial
transitada em julgado;
II – mediante processo administrativo em
que lhe sejam assegurados o
contraditório e a ampla defesa;
III – mediante procedimento de avaliação
periódica de desempenho, na forma de
lei complementar, assegurado o
contraditório e a ampla defesa.
Art. 35. São direitos dos servidores Art. 44. O ocupante de Art. 38. Os servidores investidos em
públicos, sujeitos ao regime jurídico cargo ou função de cargo ou função de direção ou chefia e os
único, além dos assegurados no § direção ou chefia tem ocupantes de cargo de Natureza Especial
2º do art. 39 da Constituição substituto indicado no terão substitutos indicados no regimento
Federal, os seguintes: regimento interno ou, no interno ou, no caso de omissão,
I – gratificação do titular quando caso de omissão, previamente designados pelo dirigente
máximo do órgão ou entidade.
em substituição ou designado para previamente designado
§ 2o O substituto fará jus à retribuição
responder pelo expediente; pela autoridade
pelo exercício do cargo ou função de
competente.
direção ou chefia ou de cargo de
§ 2º O substituto faz jus Natureza Especial, nos casos dos
aos vencimentos ou afastamentos ou impedimentos legais do
subsídio pelo exercício do titular, superiores a trinta dias
cargo de direção ou consecutivos, paga na proporção dos dias
chefia, pagos na de efetiva substituição, que excederem o
proporção dos dias de referido período
efetiva substituição
Art. 8º São formas de Art. 8o São formas de provimento de cargo
provimento de cargo público: público:
I – nomeação; I - nomeação;
II – reversão; II - promoção;
III – aproveitamento; III - readaptação;
IV – reintegração; IV - reversão;
V - aproveitamento;
V – recondução.
VI - reintegração;
VI - recondução.

Art. 277. Ao servidor efetivo Art. 24. Readaptação é a investidura do servidor


que sofrer redução da em cargo de atribuições e responsabilidades
capacidade laboral, compatíveis com a limitação que tenha sofrido
comprovada em inspeção em sua capacidade física ou mental verificada
médica, devem ser em inspeção médica.
proporcionadas atividades
compatíveis com a limitação
sofrida, respeitada a
habilitação exigida no
concurso público
Art. 56. Salvo disposição legal
em contrário, a promoção é a
movimentação de servidor do
último padrão de uma classe
para o primeiro padrão da
classe imediatamente
superior.
Art. 50. A vacância do cargo Art. 33. A vacância do cargo público decorrerá
público decorre de: de:
I – exoneração; I - exoneração;
II – demissão; II - demissão;
III – destituição de cargo em III - promoção;
comissão; IV - readaptação;
V - aposentadoria;
IV – aposentadoria;
VI - posse em outro cargo inacumulável;
V – falecimento;
VII- falecimento.
VI – perda do cargo, nos
demais casos previstos na
Constituição Federal.
Art. 35, II – duração do Art. 57. Salvo Art. 19. Os servidores
trabalho normal não disposição legal em cumprirão jornada de trabalho
superior a oito horas contrário, o fixada em razão das
diárias e quarenta horas servidor efetivo fica atribuições pertinentes aos
semanais, facultado ao sujeito ao regime respectivos cargos, respeitada
Poder Público conceder a de trabalho de a duração máxima do trabalho
compensação de horários trinta horas semanal de quarenta horas e
e a redução da jornada, semanais. observados os limites mínimo
nos termos da lei; e máximo de seis horas e oito
horas diárias, respectivamente.
Art. 40. São estáveis após três anos de Art. 33. O servidor estável só Art. 22. O servidor estável só perderá o cargo
efetivo exercício os servidores perde o cargo nas hipóteses em virtude de sentença judicial transitada
nomeados para cargo de provimento previstas na Constituição em julgado ou de processo administrativo
efetivo em virtude de concurso Federal. disciplinar no qual lhe seja assegurada ampla
público. defesa.
§ 1º O servidor público estável só
perde o cargo:
I – em virtude de sentença judicial
transitada em julgado;
II – mediante processo administrativo
em que lhe sejam assegurados o
contraditório e a ampla defesa;
III – mediante procedimento de
avaliação periódica de desempenho, na
forma de lei complementar,
assegurado o contraditório e a ampla
defesa.
Art. 35. São direitos dos servidores Art. 44. O ocupante de Art. 38. Os servidores investidos em cargo
públicos, sujeitos ao regime jurídico cargo ou função de direção ou função de direção ou chefia e os
único, além dos assegurados no § 2º ou chefia tem substituto ocupantes de cargo de Natureza Especial
do art. 39 da Constituição Federal, os indicado no regimento terão substitutos indicados no regimento
seguintes: interno ou, no caso de interno ou, no caso de omissão,
I – gratificação do titular quando em omissão, previamente previamente designados pelo dirigente
máximo do órgão ou entidade.
substituição ou designado para designado pela autoridade
§ 2o O substituto fará jus à retribuição
responder pelo expediente; competente.
pelo exercício do cargo ou função de
§ 2º O substituto faz jus direção ou chefia ou de cargo de Natureza
aos vencimentos ou Especial, nos casos dos afastamentos ou
subsídio pelo exercício do impedimentos legais do titular, superiores
cargo de direção ou chefia, a trinta dias consecutivos, paga na
pagos na proporção dos proporção dos dias de efetiva substituição,
dias de efetiva substituição que excederem o referido período
Art. 8º São formas Art. 8o São formas de
de provimento de provimento de cargo público:
cargo público: I - nomeação;
I – nomeação; II - promoção;
II – reversão; III - readaptação;
III – IV - reversão;
V - aproveitamento;
aproveitamento;
VI - reintegração;
IV – reintegração;
VI - recondução.
V – recondução.
Art. 277. Ao servidor efetivo Art. 24. Readaptação é a investidura do
que sofrer redução da servidor em cargo de atribuições e
capacidade laboral, responsabilidades compatíveis com a limitação
comprovada em inspeção que tenha sofrido em sua capacidade física ou
médica, devem ser mental verificada em inspeção médica.
proporcionadas atividades
compatíveis com a limitação
sofrida, respeitada a
habilitação exigida no
concurso público

Art. 56. Salvo disposição legal


em contrário, a promoção é a
movimentação de servidor do
último padrão de uma classe
para o primeiro padrão da
classe imediatamente
superior.
Art. 50. A vacância do cargo Art. 33. A vacância do cargo público
público decorre de: decorrerá de:
I – exoneração; I - exoneração;
II – demissão; II - demissão;
III – destituição de cargo em III - promoção;
comissão; IV - readaptação;
V - aposentadoria;
IV – aposentadoria;
VI - posse em outro cargo inacumulável;
V – falecimento;
VII- falecimento.
VI – perda do cargo, nos
demais casos previstos na
Constituição Federal.
Art. 35, II – duração do trabalho normal Art. 57. Salvo disposição Art. 19. Os servidores cumprirão jornada de
não superior a oito horas diárias e legal em contrário, o servidor trabalho fixada em razão das atribuições
quarenta horas semanais, facultado ao efetivo fica sujeito ao regime pertinentes aos respectivos cargos, respeitada
Poder Público conceder a compensação de trabalho de trinta horas a duração máxima do trabalho semanal de
de horários e a redução da jornada, nos semanais. quarenta horas e observados os limites
termos da lei; mínimo e máximo de seis horas e oito horas
diárias, respectivamente.
Art. 19, X – para fins do disposto no art. Art. 70. A remuneração ou o Art. 42. Nenhum servidor poderá perceber,
37, XI, da Constituição da República subsídio dos ocupantes de mensalmente, a título de remuneração,
Federativa do Brasil, fica estabelecido cargos e funções públicos da importância superior à soma dos valores
que a remuneração e o subsídio dos administração direta, percebidos como remuneração, em espécie, a
ocupantes de cargos, funções e autárquica e fundacional, qualquer título, no âmbito dos respectivos
empregos públicos, dos membros de incluídos os cargos Poderes, pelos Ministros de Estado, por
qualquer dos Poderes e dos demais preenchidos por mandato membros do Congresso Nacional e Ministros do
agentes políticos do Distrito Federal, bem eletivo, e os proventos, as Supremo Tribunal Federal
como os proventos de aposentadorias e pensões ou outra espécie
pensões, não poderão exceder o subsídio remuneratória, percebidos
mensal, em espécie, dos cumulativamente ou não,
Desembargadores do Tribunal de Justiça incluídas as vantagens
do Distrito Federal e Territórios, na forma pessoais ou de qualquer outra
da lei, não se aplicando o disposto neste natureza, não podem exceder
inciso aos subsídios dos Deputados o subsídio mensal, em
Distritais; espécie, dos
Desembargadores do Tribunal
de Justiça do Distrito Federal
e Territórios
Art. § 6º É assegurada a contagem em Art. 142. Os períodos de Art. 87. Após cada qüinqüênio de efetivo
dobro dos períodos de licença-prêmio licença-prêmio adquiridos e exercício, o servidor poderá, no interesse da
não gozados, para efeito de não gozados são convertidos Administração, afastar-se do exercício do cargo
aposentadoria. em pecúnia, quando o efetivo, com a respectiva remuneração, por até
servidor for aposentado. três meses, para participar de curso de
capacitação profissiona
Art. 150. Pelo nascimento ou Art. 208. Pelo nascimento ou adoção de filhos, o
adoção de filhos, o servidor servidor terá direito à licença-paternidade de 5
tem direito a licença- (cinco) dias consecutivos.
paternidade de sete dias
consecutivos, incluído o dia da
ocorrência.
DECRETO 37669/106
Art. 2º A prorrogação da
licença-paternidade será
concedida ao servidor público
que requeira o benefício no
prazo de 2 dias úteis após o
nascimento ou a adoção e
terá duração de 23 dias.
Art. 43. Será concedida licença Art. 134. Pode ser Art. 83. Poderá ser concedida licença
para atendimento de filho, concedida licença ao ao servidor por motivo de doença do
genitor e cônjuge doente, a servidor por motivo de cônjuge ou companheiro, dos pais,
homem ou mulher, mediante doença do cônjuge ou dos filhos, do padrasto ou madrasta e
comprovação por atestado companheiro, padrasto enteado, ou dependente que viva a
médico da rede oficial de saúde ou madrasta, suas expensas e conste do seu
do Distrito Federal ascendente, assentamento funcional, mediante
descendente, enteado e comprovação por perícia médica
colateral consanguíneo oficial
ou afim até o segundo
grau civil, mediante
comprovação por junta
médica oficial.
Art. 43. É assegurado ao servidor público Art. 61. Pode ser concedido Art. 98 (...) § 2o Também será concedido horário
que tenha cônjuge ou dependente com horário especial ao servidor: especial ao servidor portador de deficiência,
deficiência horário especial de serviço, (Artigo com a redação da Lei quando comprovada a necessidade por junta
independentemente da compensação de Complementar nº 928, de médica oficial, independentemente de
horário, obedecido o disposto em lei. 26/7/2017.) compensação de horário.
(...) § 3o As disposições constantes do § 2o são
extensivas ao servidor que tenha cônjuge, filho
II – que tenha cônjuge ou
ou dependente com deficiência
dependente com deficiência
ou com doença falciforme;
§ 1º Nas hipóteses dos incisos
I e II, o horário especial
consiste na redução de até
20% da jornada de trabalho e
sua necessidade deve ser
atestada por junta médica
oficial.
Art. 105. O servidor Art. 59. O servidor que receber
que receber diária ou diárias e não se afastar da sede, por
passagem e não se qualquer motivo, fica obrigado a
afastar do Distrito restituí-las integralmente, no prazo
Federal, por qualquer de 5 (cinco) dias.
motivo, fica obrigado a
restituí-las
integralmente, no
prazo de setenta e duas
horas, contadas da data
em que deveria ter
viajado.
QUESTÕES MALDOSAS:
1. (FUNIVERSA – ADASA/DF – 2009) A LODF prevê um percentual de vagas para
portadores de deficiência.

2. (IADES – 2014 – SECULT Agente Administrativo) Salvo disposição legal em


contrario, conforme disposições do próprio regime jurídico único, os servidores
públicos efetivos do governo do Distrito D]Federal têm regime de trabalho
semanal de
a) 20 horas
b) 30 horas
c) 36 horas
d) 40 horas
e) 44 horas
3. (FUNIVERSA - 2012 - SES-DF – Técnico em Enfermagem) A lei orgânica do DF
garante aos servidores públicos, além daqueles assegurados no art. 39, §2º, da
CF, outros direitos. Acerca disso, assinale a alternativa que apresenta um dos
direitos garantidos ao servidor publico pela lei orgânica do DF.
a) Duração do trabalho não superior a seis horas diárias e trinta semanais.
b) Atendimento em creche e pré-escola a seus dependentes de até oito anos
incompletos.
c) Recebimento de vale-transporte, nos casos previstos em lei.
d) Promoção por merecimento, vedada a promoção por antiguidade.
e) Recebimento da remuneração até o sétimo dia útil do mês subsequente, sob
pena de atualização monetária, nos termos da lei.
4. (IADES – 2014 – SES Dentista) Com relação ao instituto da readaptação, previsto no
regime jurídico dos servidores civis do Distrito Federal é correto afirmar que a
readaptação:
a) é a investidura do servidor em cargo de atribuições e responsabilidade em cargo de
atribuições iguais ou assemelhadas compatíveis com a limitação que tenha sofrido em
sua capacidade física ou mental, verificada em inspeção médica.
b) é uma das formas expressas de provimento de cargo público.
c) será efetivada em cargo de atribuições a afins, respeitados a habilitação exigida, o
nível de escolaridade e a equivalência de vencimento e, na hipótese de inexistência de
cargo vago, o servidor exercerá suas atribuições como excedente até a ocorrência de
vaga.
d) consiste, exigidos os requisitos legais, em proporcionar ao servidor atividades
compatíveis com a limitação sofrida.
e) é uma das formas possível de vacância de cargo público.
5. (CESPE – 2011 – BRB - Escriturário) Para efeito de aposentadoria do servidor
público, a LODF assegura a contagem em dobro dos períodos de licença-prêmio
não gozados.

6. (CESPE – 2017 – SEDF - Conhecimentos Básicos - Cargos 27 a 35) Julgue o


próximo item, à luz da Lei Complementar n.º 840/2011, que dispõe acerca do
regime jurídico dos servidores públicos civis do Distrito Federal, das autarquias
e das fundações públicas distritais
Situação hipotética: Márcia, servidora pública efetiva distrital, deixou de gozar
um período de licença-prêmio por assiduidade. Assertiva: Nessa situação,
quando Márcia se aposentar terá direito a converter esse período de licença-
prêmio em pecúnia
7. (CESPE – 2014 - TC-DF - Técnico de Administração Pública) No que se refere
aos agentes públicos e aos dispositivos da Lei Complementar n.º 840/2011,
julgue os seguintes itens.
Em obediência ao princípio da soberania nacional, os estrangeiros somente
poderão ocupar funções públicas de caráter transitório e sem vínculo
estatutário.
8. (IADES – 2014 - SES-DF - Técnico de Laboratório - Patologia Clínica) A Lei Orgânica
do Distrito Federal dispõe que a remuneração e o subsídio dos ocupantes de cargos,
funções e empregos públicos, dos membros de qualquer dos Poderes e dos demais
agentes políticos do Distrito Federal, bem como os proventos de aposentadorias e
pensões, não poderão exceder o subsídio mensal, em espécie, dos desembargadores
do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios, na forma da lei. Acerca desse
assunto, assinale a alternativa correta.
a) Não existem exceções à sua aplicação.
b) Há dispositivo excepcionando sua aplicação aos subsídios do governador e dos
deputados distritais.
c) Há dispositivo excepcionando sua aplicação aos subsídios dos deputados distritais.
d) Há dispositivo excepcionando sua aplicação aos subsídios do governador, dos
deputados distritais e dos conselheiros do Tribunal de Contas do Distrito Federal.
e) É previsto que, se atingido o limite referido, é vedada a redução de salários que
implique a supressão das vantagens de caráter individual, adquiridas em razão de
tempo de serviço.
9. (IADES – 2014 - SEAP-DF - Técnico em Contabilidade) De acordo com
disposição expressa na Lei Orgânica do Distrito Federal, mediante comprovação
por atestado médico da rede oficial de saúde do Distrito Federal, será concedida
licença, a homem ou mulher, para atendimento de :
a) cônjuge, companheiro(a) e parentes até segundo grau doentes.
b) filho, genitor e cônjuge doentes.
c) cônjuge, companheiro(a) e parentes até terceiro grau doentes.
d) filho, cônjuge e companheiro(a) doentes.
e) filho, genitor, cônjuge e avós doentes.
10. (FUNIVERSA – 2015 - Secretaria da Criança – DF - Atendente de Reintegração
Socioeducativo) A respeito do regime dos servidores públicos na LODF, julgue o
item. Suponha-se que Maria, servidora pública do DF, tenha substituído sua
chefe imediata. Nesse caso, Maria somente terá direito a receber, durante o
período da substituição, a gratificação da servidora titular se essa substituição
for superior a trinta dias.
11. (CESPE – 2017 – SEDF - Conhecimentos Básicos - Cargos 1, 3 a 26) Com base
nas disposições da Constituição Federal de 1988 e da Lei Complementar n.º
840/2011 (Regime Jurídico dos Servidores Públicos Civis do Distrito Federal, das
Autarquias e das Fundações Públicas Distritais), julgue o item que se segue, a
respeito de agentes públicos.
Após tomar posse em cargo efetivo, o servidor público do DF terá cinco dias
úteis para efetivamente começar a desempenhar as atribuições do respectivo
cargo, contados da data da posse.
12. (CESPE – 2017 – SEDF - Conhecimentos Básicos - Cargo 38) Maurício, chefe
imediato de João (ambos servidores públicos distritais), determinou que este
participasse de reunião de trabalho em Fortaleza – CE nos dias nove e dez de
janeiro. João recebeu o valor das diárias. No dia oito de janeiro, João sofreu um
acidente de carro e, conforme atestado médico apresentado para Maurício,
teve de ficar de repouso por três dias, razão pela qual não pôde viajar. Essa foi a
primeira vez no bimestre que João teve de se afastar do serviço por motivo de
saúde.
Acerca dessa situação hipotética e de aspectos legais e doutrinários a ela
relacionados, julgue o item a seguir.
João deveria restituir integralmente o valor das diárias em cinco dias, contados
a partir do dia nove de janeiro.
13. (IADES – 2014 - SES-DF - Técnico de Laboratório - Patologia Clínica) O
regime jurídico dos servidores públicos civis do Distrito Federal prevê que,
durante o estágio probatório, são avaliadas a aptidão, a capacidade e a
eficiência do servidor para o desempenho do cargo. A esse respeito, assinale a
alternativa que apresenta todos os fatores a cuja observância deve obedecer o
referido estágio probatório, conforme disposição expressa desse estatuto.
a)Assiduidade; disciplina; capacidade de iniciativa; produtividade; e,
responsabilidade.
b)Pontualidade; disciplina; capacidade de iniciativa; e, produtividade.
c)Assiduidade; pontualidade; disciplina; capacidade de iniciativa; produtividade;
e, responsabilidade.
d)Assiduidade; pontualidade; disciplina; capacidade de iniciativa; e,
produtividade.
e)Pontualidade; disciplina; capacidade de iniciativa; e, responsabilidade.
QUESTÕES LC 840/11
1. (IADES - 2014 - TRE-PA - Analista Judiciário - Área Administrativa) De acordo com a Lei no
840/2011, no que se refere às disposições preliminares e ao provimento de cargos públicos,
assinale a alternativa correta.
a) Não é possível o provimento de cargos públicos senão em decorrência de prévia
aprovação e classificação em concurso público.
b) A referida lei veda o provimento de cargos públicos a estrangeiros, excepcionando tão
somente no caso de professores de universidades e de instituições de pesquisa científica e
tecnológica federais.
c) São requisitos para nomeação em cargo público a nacionalidade brasileira; o gozo de
direitos políticos; a quitação com as obrigações militares e eleitorais; o nível de escolaridade
exigido para o exercício do cargo; a idade mínima de dezoito anos e a aptidão física e mental,
sem prejuízo de outros requisitos que possam ser justificados conforme as atribuições do
cargo, mas desde que estabelecidos em lei.
d) Os ocupantes de cargos em comissão são considerados servidores públicos.
e) Ainda que previstas outras formas de provimento no seu texto originário, a referida lei foi
alterada para que somente por meio da nomeação sejam providos os cargos públicos.
2. (2015- FUNCAB- PC-AC-Perito Criminal - ADAPTADA) No que concerne às formas de
provimento derivado do servidor público, assinale a alternativa correta.
a) Reintegração é o retorno do servidor estável ao cargo anteriormente ocupado.
b)Extinto o cargo, o servidor estável será colocado em disponibilidade com proventos
proporcionais
c)A reintegração é o restabelecimento, por laudo médico, de servidor aposentado por
invalidez ou vício de legalidade no ato que concedeu a aposentadoria
d)A readaptação é o provimento derivado pelo qual se opera o retorno do servidor
posto em disponibilidade, tendo em vista sua extinção ou declaração desnecessária,
em cargo de natureza e nível de remuneração compatíveis com o anteriormente
ocupado
e)A reversão é a investidura do servidor, estável ou não, em cargo de atribuições e
responsabilidades, compatíveis com a limitação que tenha sofrido em sua capacidade
física ou mental, verificada em inspeção médica
3. (SUGEP - Analista de Tecnologia da Informação - Suporte e Rede – adaptada) No
concerne às licenças previstas pela Lei nº 840/11 e suas alterações, é correto afirmar
que:
a) A licença concedida dentro de noventa dias do término de outra da mesma espécie
é considerada como prorrogação.
b)Pode ser concedida licença ao servidor por motivo de doença do cônjuge ou
companheiro, padrasto ou madrasta, ascendente, descendente, enteado e colateral
consanguíneo ou afim até o segundo grau civil, mediante comprovação por junta
médica oficial.
c)após cada quinquênio de efetivo exercício, o servidor poderá afastar-se para licença
capacitação, sendo os períodos da licença acumuláveis.
d)a licença para o trato de assuntos particulares poderá ser concedida ao servidor em
estágio probatório.
e) Fica assegurado às servidoras públicas o direito de iniciar a fruição de licença-
prêmio por assiduidade logo após o término da licença-maternidade, desde o período
de aquisição for completado até trinta dias antes do término da licença-maternidade.
4. (IADES – 2014 – SES Dentista) Acerca das disposições constantes do Regime Jurídico dos servidores
públicos civis do Distrito Federal quanto ao afastamento para participar em programa de pós
graduação stricto sensu, assinale a alternativa correta:
a) O servidor poderá, no interesse da Administração, e desde que a participação não possa ocorrer
simultaneamente com o exercício do cargo ou mediante compensação de horário, afastar-se do
exercício do cargo efetivo, com a respectiva remuneração, para participar, desde que no País, de
programa de pós-graduação, stricto sensu em instituição de ensino superior.
b) Em caso de exoneração, demissão, aposentadoria voluntária, licença para tratar de interesse
particular ou vacância em razão de posse em outro cargo inacumulável, antes de decorrido período
igual ao do afastamento ou caso o servidor não obtenha o titulo ou grau que justificou seu
afastamento, deverá ressarcir integralmente o órgão público ou entidade dos gastos com o próprio
aperfeiçoamento, salvo, neste ultimo caso, na hipótese comprovada de força maior ou de caso
fortuito.
c) O afastamento poderá ocorrer para, atendidos os demais requisitos legais, o servidor estável
participar de programa de pós-graduação strictu sensu em instituição superior no exterior.
d) Não há vedação no sentido de que seja autorizado novo afastamento para curso do mesmo nível.
e) O afastamento é um direito do servidor, prescindindo, pois, de comprovação de que o curso seja no
interesse da Administração.
5. (DEPSEC – 2018 – UNIFAP - Administrador – ADAPTADA) Marque a alternativa
que NÃO corresponde a retribuições, gratificações e adicionais, previstas na Lei
Complementar 840/11:
a)gratificação pelo exercício de função de direção chefia e assessoramento e
décimo terceiro salário.
b)Adicional pelo exercício de atividade insalubre e perigosa.
c)Adicional pela prestação de serviço extraordinário e adicional noturno.
d)Gratificação por exercício temporário de poder de polícia.
e)Adicional de férias e outros relativos ao local ou à natureza do trabalho.
6. (SUGEP – UFRPE – 2018 - Analista de Tecnologia da Informação - Suporte e Rede –
ADAPTADA) Considerando a Lei nº 840/2011 e suas alterações, assinale a alternativa
correta.
a)A penalidade de advertência terá seu registro cancelado, após 5 (cinco) anos de
efetivo exercício, se o servidor não houver, nesse período, praticado nova infração
disciplinar.
b)A ação disciplinar prescreverá em 150 (cento e cinquenta dias), quanto à
advertência.
c) É aplicada multa ao servidor inativo que houver praticado na atividade infração
disciplinar punível com suspensão
d)Não há interrupção de prescrição com a abertura de sindicância ou a instauração de
processo disciplinar.
e) A demissão é a sanção pelas infrações disciplinares graves, pela qual se impõe ao
servidor efetivo a perda do cargo público por ele ocupado, não podendo ser cominada
com o impedimento de nova investidura em cargo público.
7. (FUNIVERSA - 2010 - SEJUS-DF - Especialista em Assistência Social - Ciências
Contábeis) Ana Maria, servidora pública, foi suspensa de suas atividades no ano
de 2003. Angélica, sua colega de trabalho, sofreu penalidade de advertência um
ano antes. Sabendo-se que as duas não cometeram nenhuma outra infração, é
correto afirmar que
a) as duas servidoras tiveram os registros das penalidades cancelados em 2008.
b) Ana Maria teve de esperar cinco anos de efetivo exercício para ver seu
registro cancelado.
c) os registros das penalidades não poderão ser cancelados.
d) Angélica não teve a sua penalidade registrada.
e) Ana Maria e Angélica tiveram de aguardar, respectivamente, três e cinco
de efetivo exercício até que o registro delas fosse cancelado.