Você está na página 1de 3

Sugestão de 2º encontro para grupo de gestantes

Primeiramente gostaria de pedir desculpas aos meus leitores, faz tempo que não consigo
publicar nada, fiquei de publicar dicas de encontros com gestantes, mas as tarefas do dia a dia
não me permitiram. Mas como o combinado, publico agora a sugestão para o segundo
encontro.

Atividades:

1- Discutir sobre os aspectos psicossociais da gravidez. Para realizar essa discussão é


importante que o condutor tenha conhecimentos sobre a psicologia da gravidez. Indico a
leitura dos livros: “Nove Meses na vida da Mulher: Uma abordagem psicanalítica da gravidez e
do nascimento” esse livro são dos autores: Myriam Szejer e Richard Stewart; “Psicologia da
gravidez, parto e puerpério” da autora Raquel Soifer; “Psicologia da gravidez” da autora: Maria
Tereza Maldonado e “Nós estamos grávidos” também da autora: Maria Tereza Maldonado e
Júlio Dickstein.

Informar que a gravidez, além de ser um momento especial nas vidas das mulheres, é também
um momento de mudanças que podem trazer conflitos psíquicos e sociais como:

· Conflitos com o corpo (o corpo muda, a mulher ganha peso, passa a comer mais ou
menos, pode não se sentir mais atraente, ou ao contrário, pode se sentir muito atraente, sua
pele fica mais bonita, com brilho etc).

· Conflitos psíquicos (gravidez não planejada, gravidez em um momento financeiro difícil,


gravidez não consentida, gravidez de um filho do sexo que não queria, gravidez de um filho
com deficiência, gravidez de um filho fora do casamento, mulher mãe já de muitos filhos, entre
outros).

· Conflitos sociais (gravidez na adolescência, gravidez fora do casamento, gravidez em um


momento inoportuno como quando a mulher acabou de conseguir um emprego, gravidez não
aceita pelo parceiro ou pela família, etc).

2- Sugestão de Dinâmica 1

Antes de iniciar as dinâmicas, lembrar o grupo do sigilo das informações ali trocadas.

Dinâmica 1: Pedir as gestantes que montem (elas mesmas) um teatro/encenação para


apresentar ali para o grupo, como as mulheres sentem seu corpo grávido. Deem a elas de 10 à
20 minutos para pensar e ensaiar para apresentação. Diga para que elas apresentem cenas de
mulheres felizes com seu corpo e tristes e explicar o porquê umas se sentem felizes e outras
tristes. Após a apresentação perguntar como elas se sentem em relação ao seu corpo grávido,
se alguma se identificou com alguma das personagens da encenação. Reflitam com elas á
respeito do assunto, diga que é natural se incomodar com o corpo no final da gestação,
principalmente porque o corpo já está mais cansado, pesado etc.

Sugestão de dinâmica 2

Dinâmica 2: Pedir para que as gestantes façam uma linha do tempo da gravidez e digam em
quais momentos da gravidez elas tiveram sentimentos ambivalentes pela gestação, momentos
que elas consideraram de conflitos, e atrás da folha dizer como conseguiram superar essas
dificuldades (pode não ser apenas nessa gestação, se ela quiser falar de outras gestações dela,
pode também). Caso ela ainda não tenha superado, pedir para que as outras gestantes possam
dar dicas de como ela pode superar a situação, ou pelo menos que as outras gestantes possam
se mostrar amigas nessa hora, mesmo que não tenham ideia de como ajudar, só o apoio já é
uma ajuda. Na hora em que ela apresentar levar a um processo de reflexão e discussão do
grupo para que o grupo fique estimulado a compartilhar suas experiências semelhantes e
como as superou.

Sugestão de Dinâmica 3

Dinâmica 3: Pedir para o grupo falar a respeito de como a sociedade enxerga a grávida, como
elas se enxergam e como enxergam outras grávidas. Para isso entregue uma folha de sulfite a
cada uma já com o quadro impresso e caneta e peça para preencherem o quadro.

Como a sociedade vê a gravida?

Como me vejo como grávida

Como vejo as outras grávidas


Peça para cada uma ler e promova a discussão observando que cada uma, pensa e age
diferente da outra, por tanto, não existe um modo de ser gestante, cada uma é uma pessoa
diferente, com desejos e necessidades diferentes. A grávida que a televisão (novelas)
apresenta, é uma visão falsa, construída pelos autores das novelas, a vida real é diferente,
atrás da barriga tem gente, mulheres com sonhos, desejos, idades, famílias, condições
financeiras bem diferentes, por isso não podemos julgar as pessoas, pois cada um sabe onde é
que aperta seu calo.

3- Finalizar o encontro

· Solicitar que as gestantes avaliem o encontro entregando a elas uma folha de avaliação

· Agradecer a participação de todas

· Fazer um resumão de tudo que foi aprendido nesse encontro

Pedir para que retornem no próximo encontro