Você está na página 1de 8

Resumo dos Parças 2.

0 (By: Vitória)

O que é arte?
• Arte é uma comunicação com a imaginação do artista
(uma mensagem);
• Produzir algo novo (ideia do novo);
• Retrata o tempo do artista;
• Produzir reflexos da sociedade;
• O artista sugere mais do que está mostrando.
• A arte esta ligada a estética, mas não necessariamente
ao belo e sim na percepção (por meio dos sentidos), ele
mexe com as emoções e com as ideia.

Conhece aquela velha frase? 1 imagem vale mais que 1000


palavras?

Não há algo que defina exatamente o que é arte, por isso coloquei vários tópicos pra tentar explicar
sobre o tema.

É recomendado você dá uma lida na primeira página do roteiro do prof, ele deixou algumas frases e
um texto.

Pré-história
Ela veio antes da escrita, pois nessa época não teve nenhum
registro escrito. Como a pré-história é extensa pra carai, os
arqueólogos e historiadores dividiram essa bagaça em partes.

Paleolítico (Pedra lascada) (25.000 a.C até 8.000 a.C)


• Pinturas rupestres (relativo a rocha) (pintura na paredes das cavernas);
• Nessas pinturas haviam: animais, figuras humanas, rituais
de caça e magia (o cotidiano);
• Características dos desenhos: naturalismo (retrata apenas o
que o artista vê), entooon não era para ser belo;
• Utilizavam pigmentos naturais: carvão vegetal (ahá),
sementes com forte pigmento, sangue, etc.
• Ausência de figuras masculinas em pinturas e esculturas.

• O estudiosos acham que quem pintavam era os caçadores, e


esses caras acreditavam que tinham o poder sobre o animal.
• Eles achavam que poderia matar o animal verdeiro Figura 1: Caverna de Lascaux
representando ele nas cavernas como morto ou algo assim. (deve ter alguma coisa de lascada
Tipo wtf. nisso aí)
• Eles colocavam diferentes traços nos animais que desenhavam. Uns eles colocam leveza e
fragilidade e em outros colocavam força e movimento.
• E como nóis sabe, esse povo vivia em cavernas e eram nômades (vulgo cigano), se acabava
os recursos na área em que estava, eles rapidinho se mudavam.
Essa escultura ao lado esquerdo é a Vênus de Willendorf.
Geralmente as figuras femininas eram retratas da seguinte
forma:
• Seios volumosos;
• Cabeça surge como prolongamento
• do pescoço (coitada n tem um pescoço);
• Ventre saltado;
• Grandes nádegas.

Essa porra do lado direito também é uma Vênus,


mas é de Savignano.

Neolítico (Pedra Polida) (5.000 a.C até 3.000


a.C)
• Inicio da agricultura, acabou a vida de vagabundo (de
nômades);
• Construção de armas e instrumentos com pedras
polidas;
• Aumento rápido da população;
• Surgimento das primeiras instituições;
• Desenvolvimento da cerâmica; Figura 2: Fazendinha, me lembra o
• Usavam roupinhas (aprenderam a tecer panos) ; jogo do Orkut KKKKKK
• Primeiras moradias;
• Aprenderam a usar o fogo e desse modo a criar armas, instrumentos e esculturas de metais.

• Poder de observação passar a ser de abstração e racionalização;


• Abandono do estilo Naturalista;
• Agora o estilo é outro, o de simplificador e geometrizante; (simetria e geometria)
• Representações da vida coletiva;
• Preocupação com o movimento nos desenhos;
• A partir desses desses desenhos surge a primeira forma de escrita. A PICTOGRÁFIA.
• Na cerâmica, começaram a se preocupar com a beleza e não apenas com a utilidade do
objeto;

• Arquitetura daquela época = Monumentos


megalíticos (construção com base em grandes
blocos de pedras);
• As primeiras intervenções arquitetônicas
tinham função de templos/ câmaras mortuárias.

Figura 4: Galerias abertas


que possibilitavam o acesso a
tumba. 2 pedras cravadas no Figura 3:
chão na vertical e 1 na Menires (Menir):
horizontal acima delas Pedras cravadas
no chão na
vertical.
Figura 5: Menires e Dólmens
organizados em círculo.
Egito (essa porra vai ser longa)
• Civilização complexa em quesitos de: organização social e
da sua rica cultura;
• A religião o Egito antigo (tudo continha o dedo da religião)
(a crença além da morte);
• ELES ERAM POLITEÍSTAS;
• Lembrar do Rio Nilo;
• Impressionantes construções arquitetônicas;

• Arte dedicada a morte; (ou seja, com a vida religiosa)


• A arte muito presente em túmulos, nas estatuetas e vasos
deixados junto com o morto;
• O que mais importava não era a beleza, mas a plenitude.
• Tarefa do artista consistia em preservar tudo com a maior
clareza e permanência possível.
• O estilo egípcio incorporou uma série de l eis bastante
rigorosas.
• As obras tinham a função de manter vivo.

Arquitetura
• A arquitetura egípcia se sobressaí nas construções
mortuárias;
• Utilizavam rampas para o transporte de grandes blocos
para as construções de piramides;
• Mão de obra escrava fazia o trabalho pesado;
• Colunas em formato de papiro;

As características gerais da arquitetura egípcia são:


- solidez e durabilidade;
- sentimento de eternidade;
- aspecto misterioso e impenetrável.

Pirâmide - túmulo real, destinado ao faraó;


Mastaba - túmulo para a nobreza;
Hipogeu - túmulo destinado ao povo.
Obelisco: marcar algum fato ou realização

ESFINGE AFASTAR MAUS ESPÍRITOS*

Pintura
• Grande partes das pinturas egípcias eram feitas nas
paredes das piramides;
• Retratavam a vida dos faraós, as ações dos deuses, a vida
após a morte, etc.
• Os egípcios desenhavam o “chefão” maior do que os seus
criados e até do que sua esposa.
• Preocupavam-se com o realismo;
• Os desenhos eram acompanhados de textos, feitos em escrita hieroglífica;
• Lei da frontalidade (peito de frente, membros de
perfil) (usada para destacar a imagem)
• As tintas eram obtidas na natureza (pó de
minérios, substâncias orgânicas, etc).

Escultura
• Acreditavam que um fiel imagem da pessoa fosse
preservada, ela iria continuar vivendo para
sempre;
• Esculpiam a cabeça em um duradouro granito e
colocavam na tumba (bem escondida por sinal), afim de preservar a alma para sempre
(pense na magia).

Arte cretense (2.700 1.400 a.C)


• Sul da grécia, mar jônico e egeu.
• CIDADE DE CRETAS

Pintura
• Menos rigidez e imobilidade que a pintura egípcia;
• Cores utilizadas eram vivas e contrastantes
(policromia): vermelho, azul, branco, marrom,
amarelo e verde.
• Mural afresco;
• Cenas do cotidiano, rituais, flores e animais;
• Realidade ou imaginação;
• Lei da Frontalidade;
• Distinção das cores → Homem: vermelho – Mulher: branco

• Esculturas eram pequenas e feitas de:


bronze, cerâmica e pedra;
• Artesanato em cerâmica, temas
naturalistas e abstratos (voltado para o
mar).

Arquitetura
• Arquitetura avançada para a época;
• Havia pavimentação;
• Coluna curta com fuste liso;
• Usavam de material nos palácios: pedra, barro liquido e
reforço de madeira;
• Rica decoração de palácios e templos;

Arte Micênica (1.600 a 1.150 a.C)


• Continente Europeu, atual Grécia
• Veio depois da arte minóica (cretense) em Creta;
• Destaque para arquitetura.
• Teve influencia da arte cretense
(por isso que é quaaaaase a
mesma coisa)

Pintura
• Mural afresco → cena de
batalhas, caças;
• Geometrização e abstração das formas.

Escultura
• Monumental;
• Material→ metal, ceramica e pedra;
• A mascara de megaron.

Arquitetura
• Colunas, muralhas.

Grécia (2.000 a.C)


• A figura humana era o principal objetivo na arte
grega;
• A arte e a arquitetura refletiam um respeito
semelhante pelo equilíbrio;
• As proporções ideais das estátuas representavam a
perfeição do corpo e da mente, síntese entre
paixão e razão;
• Muitas obras se perderam nos séculos seguintes
devido a sucessivos terremotos, incêndios,
demolições, guerras e saques;
• Reutilização do mármore em construções;
• Estátuas de ouro e bronze derretidas para
aproveitamento do metal.

Arquitetura
Templos
• Morada e abrigo das divindades;
• A construção do templo tinha por objetivo
abrigar as estátuas dos deuses do sol excessivo
e da chuva e não simplesmente para acomodar
os fiéis.
• O culto é feito ao ar livre em altares
preparados para cada evento;
• A característica mais evidente é a simetria entre o pórtico da
entrada e o dos fundos;
• O núcleo do templo era formado pelo naos (onde ficava a
imagem da divindade)
• Era construído sobre uma base de três degraus;
• As colunas sustentavam um entablamento horizontal;
• Os templos também costumavam ser pintados com cores vivas.
Figura 6: Frontão triangular

Figura 7: Frontão triangular

Uma Cariátide é uma figura feminina esculpida


servindo como um suporte de arquitetura tomando
Figura 8: Cariátides o lugar de uma coluna ou um pilar de sustentação
com um entablamento na cabeça.

Acropole (alto, cidade): Um conjunto de templos


localizados na parte mais alta da cidade.
A maior atração da Acrópole é o Partenon, o
templo dedicado à Deusa Atena. Um dos edifícios
mais famosos do mundo, Uma impressionante
estátua da Deusa Atena com 12m de altura, coberta
Figura 9: Cariátides de marfim e ouro.

Figura 10: Acropole


Figura 11: Partenon
Escultura
• A estatuária grega representa os mais altos padrões já atingidos pelo homem;
• Antropomorfismo;
• As estátuas adquiriram, além do equilíbrio e
perfeição das formas, o movimento.

Período Arcaico
• Os gregos começaram a esculpir, em
mármores, grandes figuras de homens;
• esculturas simétricas, em rigorosa posição
frontal;
• peso do corpo igualmente distribuído sobre
as duas pernas.
• Esse tipo de estátua é chamado Kouros
(palavra grega: homem jovem).

Período Clássico
• Passou-se a procurar movimento nas
estátuas;
• Se começou a usar o bronze que era
mais resistente do que o mármore,
podendo fixar o movimento sem se
quebrar;
• Surge o nu feminino, pois no período
arcaico, as figuras de mulher eram
esculpidas sempre vestidas.

Os principais mestres da escultura clássica grega são:


• Praxíteles, celebrado pela graça das suas esculturas, pela lânguida
pose em “S” (Hermes com Dionísio menino), foi o primeiro artista que esculpiu o nu
feminino.
• Fídias, talvez o mais famoso de todos, autor de Zeus Olímpico, sua obra-prima, e Atenéia.
Realizou toda a decoração em baixos-relevos do templo Partenon: as esculturas dos
frontões, métopas e frisos.
• Miron, autor do Discóbolo - homem arremessando o disco.

Diferenciação de características masculinas e femininas


HOMEM MULHER
Ombros estreitos;
Ombros largos; Cintura larga;
Cintura fina. E coberta.
Nu e musculatura.

(HOMENS) TINHAM A GENITÁLIA PEQUENA PARA NÃO SEXUALIZAR


Pintura
• A pintura grega encontra-se na arte cerâmica.

• Servir para rituais religiosos;

• Usados para armazenar, entre outras coisas, água,


vinho, azeite e mantimentos;
• As pinturas dos vasos representavam pessoas em suas
atividades diárias e cenas da mitologia grega.
A pintura grega se divide em três grupos:
1) figuras negras sobre o fundo vermelho
2) figuras vermelhas sobre o fundo negro
3) figuras vermelhas sobre o fundo branco

Teatros, que eram construídos em lugares abertos


(encosta) e que compunham de três partes: a skene ou
cena, para os atores; a konistra ou orquestra, para o coro;
o koilon ou arquibancada, para os espectadores. Um
exemplo típico é o Teatro de Epidauro, construído, no
séc. IV a.C., ao ar livre, composto por 55 degraus
divididos em duas ordens e calculados de acordo com
uma inclinação perfeita. Chegava a acomodar cerca de
14.000 espectadores e tornou-se famoso por sua acústica
perfeita.