Você está na página 1de 8

QUESTÕES DE GRAMÁTICA

NOME:________________________________DATA:___/___/____ SÉRIE:_______

a) Cite um adjetivo que possa descrever a atitude do personagem que fotografa.


__________________________________________________________________________________________

b) Dê um substantivo abstrato que descreva a reação do fotografado e explique o que a motiva.


___________________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________________

c) As expressões pessoas certas e certas pessoas não são formadas do mesmo modo. Em qual delas certas é um
adjetivo? Justifique.
___________________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________

d) Na expressão original, qual é o sentido de certas?


___________________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________________

e) A tira revela valores ideológicos de seu produtor. Quais são eles? Justifique sua resposta.
___________________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________________
QUESTÕES DE GRAMÁTICA
NOME:________________________________DATA:___/___/____ SÉRIE:_______

Imagem: Google

Documentário mostra crianças brasileiras que ainda brincam sem celular e eletrônicos

Tampinhas de garrafas, retalhos, pedras, cordas, galhos, barro. Tudo serve para criar e viajar na imaginação. É o
que mostra "Território do brincar", documentário de David Reeks e Renata Meirelles, em parceria com o
Instituto Alana.
Durante dois anos, os cineastas percorreram o Brasil para mostrar como brincam as crianças. Em grupos ou
sozinhas, elas labutam: são cozinheiras, motoristas, engenheiras, caçadoras, construtoras, cuidadoras.
Na tela, só meninos e meninas; adultos ficam de fora. A câmera acompanha a construção de caminhões com
restos de madeira e corda. Jangadas são feitas de isopor e pano. Casas de lençol abrigam cozinhas de bolos de
terra. Engenhocas surgem de peças achadas em entulhos.
[...]

LUCENA, Eleonora de. Publicada em: 3 jun. 2015. Disponível em:


<http://www1.folha.uol.com.br/ilustrada/2015

a) Qual é o substantivo abstrato que, associado a sequência de substantivos concretos que aparecem na
primeira frase do texto, cria a possibilidade do brincar.
___________________________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________________

b) Como se classificam, quanto à formação, os substantivos que indicam profissões no segundo parágrafo?
___________________________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________________

c) Por meio de que recurso linguístico o verbo brincar se torna um substantivo no título do documentário?
___________________________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________________________

d) Na sua opinião, que sentido tem o advérbio ainda presente no título? Ele expressa uma crítica dos autores à
condição das crianças? Justifique
___________________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________
QUESTÕES DE GRAMÁTICA
NOME:____________________________________DATA:___/___/____ SÉIRE:_______
Lavradores no rio Weichuan

O pôr do sol resplandece


na aldeia.
O gado chega,
de volta pela trilha.
O avô, de bengala,
junto ao portão da vinha,
perto dos espinheiros,
espera pelo menino pastor.
Os faisões chamam.
O trigo flameja.
Nas amoreiras nuas,
dormem os bichos-da-seda.
Com enxadas nos ombros
os lavradores retornam.
Alegres, reencontram-se,
e jogam conversa fora.
Atrás dessa vida tranquila,
um dia aqui cheguei;
e, suspirando, lhe digo:
se tudo vai de mal a pior,
venha e fique também.
(Wang Wei. Poemas clássicos chineses. Tradução de Wang Wei. Porto Alegre: L&PM, 2012. p. 235.)
1. O poema descreve o final de um dia no campo. Qual substantivo indica esse momento?
______________________________________________________________________________________
2. No cenário descrito no poema, destacam-se seres dos reinos animal e vegetal em situações relacionadas a
ações. Quais são os substantivos que designam esses seres?
___________________________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________________
3. O eu lírico também faz parte do cenário que descreve. Em que verso do poema isso fica evidenciado?
___________________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________________
4. A quem o eu lírico se dirige no poema? Com que finalidade?
___________________________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________________
5. Veja, no verso 9, o plural de faisão. A palavra portão, empregada no verso 6, é pluralizada da mesma
maneira? E as palavras mão e pão?
___________________________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________________
6. O plural de lavrador é lavradores. Então, qual é o plural de pastor e de pôr do sol?
________________________________________________________________________________________
7. O plural de bicho-da-seda é bichos-da-seda. E o plural das locuções pé de moleque e olho de sogra, qual é?
__________________________________________________________________________________________
8. No trecho do poema "O avô [...] espera pelo menino pastor", como ficaria a palavra avô se quem esperasse
pelo menino fossem o avô e a avó, juntos?
___________________________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________________
9. Responda: A afirmação de que os lavradores "jogam conversa fora" (verso 16) quer dizer que esses
trabalhadores:
a) conversam sem compromisso.
b) conversam seriamente.
c) tratam de assuntos da comunidade.
d) se agridem uns aos outros.

10. O eu lírico afirma que, ao chegar ao lugar que descreve, buscava a vida tranquila que ali encontrou.
a) Que adjetivo pode ser empregado para caracterizar a vida anterior do eu lírico?
_____________________________________________________________________________________
b) Que verso do poema faz referência a uma situação de vida que é o contrário de tranquilidade?
_______________________________________________________________________________________

Gabarito

1. Pôr do sol.
2. reino animal: avô, lavradores, gado, faisões, bichos-da-seda; reino vegetal: trigo.
3. um dia aqui cheguei (verso 18)
4. Ele se dirige ao leitor, com a finalidade de convidá-lo para ir ao lugar que descreve e ali permanecer.
5. A palavra portão é pluralizada da mesma maneira: portões. O mesmo não acontece com mão, cujo plural é mãos, e com
pão, cujo plural é pães.
6. Pastores e pores do sol.
7. Pés de moleque e olhos de sogra.
8. Os avós... esperam pelo menino pastor.
9. Alternativa A.
10.
a) intranquila
b) Se tudo vai de mal a pior
QUESTÕES DE GRAMÁTICA
NOME:_____________________________________DATA:____/___/___ SÉRIE:____

1. Leia o trecho abaixo e separe os substantivos em concretos e abstratos:


"Os índios foram muitas vezes considerados cruéis guerreiros, e as suas atitudes não raro causam pânico e
revolta. O seu conhecimento mais profundo, entretanto, revela o heroísmo de um povo que, de arcos e flechas,
se opõe tenazmente às máquinas que invadem seu território."
(Apoena Meireles, apud Edilson Martins, Nossos índios, Nossos Mortos, p. 14)
___________________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________________
concretos: índios, máquinas, guerreiros, flechas, território. abstratos: vezes, atitudes, pânico, revolta, conhecimento, heroísmo
2. Dê os substantivos abstratos correspondentes de: Exemplo: garimpeiro - garimpagem
tirano - __________________ rei - ___________________ mendigo - _________________
catequista -________________ viúvo - ________________ infrator __________________
sacerdote -_________________ herege-.___________________

3. Escreva as palavras que funcionam acidentalmente como substantivos.


a) A estrada rasgava o verde bruto da paisagem. _________________________________________________
b) Nas palavras amáveis de Venâncio percebi um quê de falsidade. ___________________________________
c) Súbito, ouvimos um leve ruflar de asas. _____________________________________________________

4. Forme substantivos compostos com as palavras abaixo, combinando-as corretamente.


água -vira - papel - ardente - rã - prima - volta - pé - alta - moeda - obra - relevo - busca - baixo - perna - homem .
___________________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________________
homem-rã obra-prima busca-pé papel-moeda baixo-relevo aguardente viravolta pernalta

5. Dê o coletivo dos substantivos abaixo.


canas - ____________________ bois - _____________________ vinha- ____________________
cafeeiros - ________________ aviões - ___________________ _ cães - _____________________
coqueiros - ________________ ramos - _____________________ teclas - __________________
tripulantes - _______________ parentes - ____________________ cordas - _________________
vasilhas -___________________ criados - ____________________ soldados -_______________

6. Escreva frases empregando substantivos abstratos que correspondam às palavras destacadas.


Exemplo: O menino, feliz, corria pelos campos. / A felicidade do menino contagiava a todos.
a) O pobre homem emocionou a todos.
_________________________________________________________________________________
b) Recordar a cena me trazia lágrimas aos olhos.
______________________________________________________________________________________
c) Atualizar os conhecimentos é uma exigência dos dias de hoje.
________________________________________________________________________________________
d) Conceder privilégios parece ser uma característica desse governo.
_______________________________________________________________________________________
e) Matar os pobres filhotes é crime que não tem perdão.
________________________________________________________________________________________
Leia este poema, de Ferreira Gullar:
Ocorrência
Aí outro homem sério respondeu: bom dia.
Aí o homem sério entrou e disse: bom dia.
Aí a mulher séria respondeu: bom dia.
Aí a menininha no chão respondeu: bom dia.
Aí todos riram de uma vez

Menos as duas cadeiras, a mesa, o jarro, as flores


as paredes, o relógio, a lâmpada, o retrato, os livros
o mata-borrão, os sapatos, as gravatas, as camisas, os lenços.
(Melhores poemas de Ferreiro Gullar. 7. ed. Seleção de Alfredo Bosi. São Paulo: Global, 2004. p. 54.)

7. Os substantivos utilizados no poema ajudam na construção dos efeitos de sentido e do cenário em que a
situação narrada ocorre. Levante hipóteses:
a) Qual fato narrado fez com que todos rissem de uma vez? Por que esse fato é engraçado?
___________________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________________________

b) Em que lugar se passa a cena? Justifique sua resposta com substantivos do texto.
___________________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________________

c) Por que não riram os seres nomeados do sexto verso em diante?


___________________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________________

d) Como se classificam os substantivos que nomeiam esses seres?


___________________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________________

8. Alguns substantivos têm uma forma para o masculino e outra para o feminino.
a) Identifique no poema um par de substantivos com formas diferentes no masculino e no feminino.
________________________________________________________________________________________
b) Como é formado o masculino do substantivo menina?
________________________________________________________________________________________
c) Nos três últimos versos, identifique três substantivos masculinos e três substantivos femininos.
________________________________________________________________________________________
d) Nesses substantivos, as terminações -a ou –o também podem ser associadas a gênero?
________________________________________________________________________________________
e) Com base nas respostas às perguntas anteriores, conclua: Em português, existe um único modo de formar o
feminino dos substantivos?
___________________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________________

9. No quarto verso, é empregado o substantivo menininha.


a) Qual sentido o acréscimo do sufixo -inha confere ao substantivo menina?
___________________________________________________________________________________________

b) O acréscimo do sufixo -inha ao substantivo mulher produz a mesma alteração de sentido que 'em menina?
___________________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________________________
Gabarito:
7. a) A menininha no chão ter respondido "bom dia", Porque tudo leva a crer que os adultos, sérios, ao dizer
"bom dia", estavam se cumprimentando apenas para cumprir uma formalidade.
b) Em um cômodo de uma casa, provavelmente uma sala, que tem os itens enumerados nos últimos versos:
cadeiras, mesa, jarro, flores, relógio, retrato, livros.
c) Porque são seres inanimados, sem vida.
d) Comuns, concretos, simples.

8. a) Homem, mulher
b) Por meio da troca da última vogal, -a, pela vogal –o.
c) Femininos: cadeiras, mesa, flores. Masculinos: jarro, relógio, retrato.
d) Não.
e) Não.

9. a) O sufixo –inha forma o diminutivo, indicando que se trata de uma menina pequena. Também é possível
considerar que menininha seja uma forma afetiva de se referir a uma menina.
b) Não. O acréscimo do sufixo –inha ao substantivo mulher resulta em mulherzinha, palavra que tem sentido
pejorativo.
4. A seguir, você lerá um texto expositivo sobre abolicionismo. Os operadores argumentativos foram
substituídos por números.

No decorrer do século XIX crescem as campanhas abolicionistas. Em 1850, a Lei Eusébio de Queirós proíbe o
tráfico de escravos. Em 1871 a Lei do Ventre Livre declara livres os filhos de mulher escrava que nascessem a
partir daquela data. Em 1885, a Lei dos Sexagenários concede a liberdade aos escravos com mais de 60 anos. (1)
escravos continuarem a chegar ao Brasil através de contrabando, e da Lei Sexagenária praticamente não
funcionar (2) um escravo raramente completava 60 anos, há uma queda vertiginosa na entrada de escravos no
país a partir de 1850 e aumenta gradativamente o número de negros livres.
Essas leis são fruto de uma forte pressão abolicionista. São negros, mestiços, ex-escravos sensíveis e solidários
aos escravos. São intelectuais que tinham como referencial as doutrinas liberais [...] e o exemplo internacional
(desde 1865, Brasil e Cuba são os únicos países a manter a escravidão na América). São, (3), industriais e
grandes comerciantes que consideravam mais vantajoso o trabalho assalariado. [...]
(4), podemos enquadrar a abolição dos escravos tendo como ponto de partida três princípios: as revoltas e
rebeliões negras, que marcaram todo o período escravocrata; fatores socioeconômicos que forçavam a troca do
trabalho escravo pelo trabalho assalariado; e, (5), as campanhas abolicionistas. Essas campanhas foram de duas
ordens: existia uma corrente moderada que queria que a abolição acontecesse através do debate parlamentar;
(6) uma corrente radical que defendia a abolição (7) através da insurreição popular e escrava.

OLIVEIRA, Nelson Silva. Vultos negros na história do Brasil. 2. ed. Brasília:


Ministério da Justiça, Secretaria de Estado dos Direitos Humanos, 2001. p. 34-35. (Fragmento).

a) Indique quais dos operadores argumentativos apresentados a seguir podem substituir cada número no texto.
porém - e - no mínimo - não só - mas - por fim - mesmo que - inclusive - porque - ainda - assim - apesar de

b) Agora, reescreva as frases em que esses operadores aparecem, substituindo-os por outros, mas mantendo
um sentido equivalente. Talvez seja necessário fazer adaptações.
___________________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________________________

Gabarito
a. (1) Apesar de, (2) porque, (3) ainda, (4) Assim, (5) por fim, (6) e (7) mesmo que.

Interesses relacionados