Você está na página 1de 4

Celebração de Beltane / Belotenez

- Ocasião: Abertura das passagens entre os mundos, pagamento do tributo e o


início da temporada de guerras
- Divindade da Ocasião: Bandus
- Oferendas: A Bandus, cerveja de trigo e/ou miniatura de armas. Tributo aos
Bons Vizinhos, leite e/ou manteiga. Aos 3 Kindreds, cerveja de trigo e/ou
derivados de leite.
Extras: Ramo de margaridas, giesta, junípero ou prímula para os amuletos de
proteção (ramos ou guirlandas previamente feitas para os participantes e para
as portas da casa). Ramo de verbena (ou incenso de verbena) para purificação
(do lar e do local do rito). É auspicioso que o banquete seja feito com grãos
estocados desde a estação anterior.
Rito
(Se o rito for fora de casa, não esquecer de ofertar aos Espíritos Locais antes
de dar início)
 Pagamento do Tributo:
“Este tributo deixamos para que nada nem ninguém atente contra nós.” –
Deixar o leite/manteiga fora do perímetro do rito ou da casa (fora da porta,
parapeito de janela, etc).
 Purificação do ambiente (com o ramo ou incenso de verbena):
“Verbena dos campos, afaste todo o mal,
Verbena florida, conserve a nossa sorte.”
Purificação dos participantes com ramo ou incenso de verbena
“Verbena dos campos, afaste todo o mal,
Verbena florida, conserve a nossa sorte.”
 Meditação de centralização
 Acender o Fogo
 Estabelecer os 3 Centros:
“Diante da Árvore Sagrada nos erguemos,
Como ela enraizados na Terra firme,
Com a luz dos Céus a nos coroar,
E o encanto do Mar a nossa volta.
Aqui brota a Fonte da Sabedoria,
Guiando-nos na Tradição.
Aqui se ergue o Fogo Antigo,
Levando bênçãos entre os mundos.
As Três Espirais unem os Reinos,
E nos levam às Estirpes Imortais.”
 Abrir os Portais:
“Ó, Navia, três vezes divina,
Vinde a nós em tua barca,
Pelo fino véu de névoa,
Que ao teu leito, sagrado rio, cobre.
Envolve-nos, ó, Navia,
No encanto destes fluidos,
Do teu reino vindo,
Para que possamos
Entre os mundos navegar,
E com este rito proceder.
Nós rogamos que erga o véu.”
- Oferecer ao fogo
 Convite aos 3 Kindreds:
“Ó, Deuses Imortais, que a eternidade e a natureza habitam, nós os
convidamos a esta celebração. Venham e aceitem estes presentes.” – Oferecer
ao fogo.
“Ó, Dignos Ancestrais, que a eternidade e nosso sangue habitam, nós os
convidamos a esta celebração. Venham e aceitem estes presentes.” – Oferecer
ao fogo.
“Ó, Povo da Paz, que o nosso mundo hoje habita, nós os convidamos a esta
celebração. Venham e aceitem estes presentes.” – Oferecer ao fogo.
 Beltane
“Quarenta dias após o Equinócio, o véu entre os mundos se desfaz, e as
hostes feéricas nos visitam.”
“Neste dia reconhecemos a nobreza dos Bons Vizinhos, tendo presente em
nosso banquete aqueles que vêm em paz.”
“Que nossos laços se estreitem pela hospitalidade que oferecemos.”
“Neste dia tem início o Verão, a temporada de migrações e guerras. Clamamos
por Bandus, Campeão dos Deuses, que guarde nossa terra e nossas riquezas.
Guie-nos na estação por vir!”
“A Bandus reverenciamos e oferecemos estes presentes”: Oferecer ao fogo.
 Louvor e Pedido de bênçãos:
“Ó, Bandus valoroso,
Defensor dos castros,
Senhor dos laços,
Que ata aos guerreiros,
Com força e inspiração.
Do topo das montanhas,
Guarda nossa tribo,
E o nosso território.
Bandus, Campeão dos deuses,
Nós rogamos sua bênção,
De força e honra.”
 Leitura de Augúrios
 Receber as bênçãos:
O(a) portador(a) do cálice/chifre oferece a cada participante da celebração
dizendo:
“Força e honra estejam contigo nesta estação”
Os participantes bebem um gole e devolvem.
 Despedir-se dos 3 Kindreds:
“Agradecemos a presença dos deuses e não deuses, e por hora nos
despedimos. Sigam com nossa reverência e que nossos laços nunca se
rompam.”
 Fechar os portais:
“Agradecemos a Návia, e rogamos que os caminhos entre os mundos se
fechem atrás da névoa.”
 Dissolução do Centro e Encerramento:
“Pelo Céu sobre nós,
Pelo Mar ao nosso redor,
E pela Terra sob nós,
Que as três espirais se desfaçam.
O rito que iniciamos agora termina,
As sementes do novo ciclo germinam,
Seguimos com a verdade como escudo,
E a honra como caminho.”
Banquete