Você está na página 1de 3

SN DISCIPULADO INTENSIVO

O DISCIPULO, OS DÍZIMOS E AS OFERTAS


BASEADO NO LIVRO DE LUCIANO SUBIRÁ

BILLY GRAHAM
O PRINCÍPIO DA HONRA
“Se uma pessoa adquire a
“Honra ao Senhor com os teus bens e com as primícias de toda a
atitude correta em relação ao
tua renda; e se encherão fartamente os teus celeiros, e
dinheiro, isso ajudará a
transbordarão de vinho os teus lagares.” PV 3:9,10
endireitar quase todas as
outras áreas de sua vida.”
O que conta é a honra¹
O conselho que Deus nos dá é o de honrarmos com os nossos
bens. O que está em questão aqui é a manifestação da honra, e não
REFERÊNCIAS os bens em si. O uso dos bens é só um meio de expressarmos esta
honra. Deus não está interessado em nossas ofertas, e sim na
¹ 2 Coríntios 9:7 atitude que nos leva a entregarmos a Ele as nossas ofertas².
² 1 Samuel 2:30b Há crentes que dizimam com fidelidade, mas faltam com a
³ Marcos 12:41-44 honra quando sonegam os impostos, pisam nas pessoas com quem
4 Provérbios 3:9-10 negociam para ganhar dinheiro e exploram os necessitados.
5 Josué 6:18,19,24,7:1

Como Deus vê nossas ofertas³


Quem honrou mais a Deus com sua oferta?
Certamente foi a viúva, que deu tudo, e não os ricos. Ela
demonstrou um amor genuíno. Os outros só cumpriram a sua
obrigação!

Lei das primícias4


A entrega das primícias é uma forma de se reconhecer a Deus
em primeiro lugar. Exemplo Caim x Abel. Genesis 4.
Na verdade, a entrega das primícias é uma semente que dá
acesso às bênçãos de Deus.

Consequências Espirituais quando não honramos a Deus5


A consequência da quebra deste princípio foi que a bênção
para as demais conquistas foi retirada de sobre Israel. Eles foram
derrotados na próxima batalha, que exigia muito pouco deles, pois
a Lei das Primícias não havia sido obedecida.
Quando santificamos as primícias de alguma coisa ao Senhor,
também santificamos o restante daquilo de que foi tirada.
Portanto, inversamente, quando não damos a Deus os
primeiros frutos, também perdemos a Sua bênção no restante!
SN DISCIPULADO INTENSIVO
O DISCIPULO, OS DÍZIMOS E AS OFERTAS
BASEADO NO LIVRO DE LUCIANO SUBIRÁ

DAVID LIVINGSTONE
O SAQUITEL FURADO
“Não darei nenhum valor a
Como é triste contar com as suas reservas e descobrir que elas
qualquer coisa que eu tenha
já não existem! Este é um exemplo do que acontece com quem não
ou venha a possuir, a não ser
deixa Deus ser o Primeiro em sua vida.
que tenham valor para o Reino
Uma das principais razões da falta de prosperidade financeira
de Cristo.”
é abordada na Bíblia como tendo a sua raiz no egoísmo e na falta
de sensibilidade para com o que deve ser feito em prol da Casa e
do Reino do nosso Deus.
REFERÊNCIAS
Nos dias de Ageu1
¹ Ageu 1:2-8 Muitas pessoas passam toda a sua vida pensando unicamente
² Salmo 127:1-2 em si mesmas, sem se disporem a fazer nada para Deus.
³ Malaquias 3:10 Trabalham somente pelo seu conforto e fazem tudo para estarem
4 Ageu 2:15-19 em tranquilidade, mas não conseguem se dispor para servirem a
5 Josué 6:18,19,24,7:1 Deus.
Deus protestou contra a atitude do povo e demonstrou esperar
que eles se envolvessem em Sua obra. Ele revelou também que a
razão de não estarem prosperando era o fato de não se importarem
com a edificação da Sua Casa. Não eram apenas sintomas de um
momento de crise econômica2.

A Prosperidade não é fruto somente do esforço2


O desejo de Deus, no entanto, não é julgar o Seu povo com
maldição. É abençoá-lo com as Suas provisões3.
Precisamos entender que a prosperidade não é um mero
resultado do esforço humano, mas uma consequência da bênção
de Deus.
Voltando para Ageu, O estoque de grãos se dissipava antes de
ser consumido. Toda sorte de empecilhos à prosperidade instalou-
se, impedindo assim a bênção financeira.
Todo o esforço no trabalho era recompensado com perdas,
mas assim que o povo decidiu retomar a edificação da Casa de
Deus, a frutificação começou a acontecer de fato.4

Lei das primícias4


A entrega das primícias é uma forma de se reconhecer a Deus
em primeiro lugar. Exemplo Caim x Abel. Genesis 4.
Na verdade, a entrega das primícias é uma semente que dá
acesso às bênçãos de Deus.

Consequências Espirituais quando não honramos a Deus5


A consequência da quebra deste princípio foi que a bênção
para as demais conquistas foi retirada de sobre Israel. Eles foram
derrotados na próxima batalha, que exigia muito pouco deles, pois
a Lei das Primícias não havia sido obedecida.
Quando santificamos as primícias de alguma coisa ao Senhor,
também santificamos o restante daquilo de que foi tirada.
Portanto, inversamente, quando não damos a Deus os
primeiros frutos, também perdemos a Sua bênção no restante!