Você está na página 1de 74

CERTIFICAÇÃO

UMA VANTAGEM PARA O SEU NEGÓCIO. ABORDAGEM ÀS


NORMAS ISO 9001, ISO 22000, FSSC 22000, BRC, IFS

QS CONSULT

ALEXANDRE OLIVEIRA
AUDITOR | CONSULTOR SISTEMAS GESTÃO
TEMA : CERTIFICAÇÃO, UMA VANTAGEM PARA O
SEU NEGÓCIO. ABORDAGEM ÀS NORMAS ISO
9001, ISO 22000, FSSC 22000, BRC, IFS

• NORMAS VS LEGISLAÇÃO
• SISTEMA DE GESTÃO – O QUE É ISSO?
• VANTAGENS DE IMPLEMENTAÇÃO E/OU CERTIFICAÇÃO
• NORMAS ABRANGENTES E ESPECÍFICAS
• ALGUNS REQUISITOS ESPECÍFICOS GFSI
• ALGUNS CRITÉRIOS DE ESCOLHA PARA AS NORMAS
• PROCESSO DE IMPLEMENTAÇÃO E CERTIFICAÇÃO
NORMAS VS LEGISLAÇÃO

AUDITORIA VISTORIA / INSPECÇÃO


RELATÓRIO RELATÓRIO (OU NÃO)
PLANO DE ACÇÕES COIMA (OU NÃO)
CERTIFICADO
SISTEMAS DE GESTÃO
O QUE SÃO?
A Gestão (português europeu) é a ciência social que estuda e sistematiza
as práticas usadas para administrar.
O termo “gestão" significa direção, gerência. Ou seja, é o ato de
administrar ou gerir negócios, pessoas ou recursos, com o objetivo de
alcançar metas definidas.

2020, WIKIPEDIA
SISTEMAS DE GESTÃO
O QUE SÃO?
SISTEMAS DE GESTÃO
O QUE SÃO?

EXEMPLO: CONTROLO DE PRAGAS


ALGUMAS VANTAGENS
• Obriga a organizar-se
• Respeita regras internacionais reconhecidas
• É auditada por entidades especializadas
• Garante qualidade / segurança alimentar ao cliente
• Evidencia qualidade perante a concorrência
• Reduz as auditorias dos clientes
• Reduz os custos da não qualidade
• Abertura de mercados
NORMAS ABRANGENTES E ESPECÍFICAS
NORMAS ABRANGENTES MAIS COMUNS

QUALIDADE AMBIENTE SEG. TRABALHO ENERGIA

SEGURANÇA ALIMENTAR
NORMAS VS LEGISLAÇÃO
ISO9001

11
https://www.iso.org/the-iso-survey.html

12
https://www.iso.org/the-iso-survey.html

13
VANTAGENS OU DESVANTAGENS ?

• Sistema de Gestão • Genérica (Qualquer sector)


• Reconhecida
internacionalmente
• Foca-se no cumprimento dos
requisitos legais sendo uma
boa norma para se iniciar a
abordagem a certificações

14
ISO22000

16
FORMADOR: ALEXANDRE OLIVEIRA
https://www.iso.org/the-iso-survey.html

18
https://www.iso.org/the-iso-survey.html

19
http://www.ipac.pt/pesquisa/pesq_empcertif.asp

FORMADOR: ALEXANDRE OLIVEIRA


VANTAGENS OU DESVANTAGENS ?

• Sistema de Gestão específico • Não reconhecida pelo GFSI


para a segurança alimentar • Análise de perigos com base
• Reconhecida em PPRO e PCC, quando o
internacionalmente com vista CODEX apenas menciona PCC
a uniformizar (mais complexo)
• Na versão 2018 faz menção • Modelo certicado ou não
às ISO/TS certificado pois não funciona
• Integrável com outras por check-list
normas ISO
• Ciclos de 3 anos

21
FSSC
22000
23
FSSC22000 V5 ( 3 =1 )

24
25
FSSC22000 V5 ( 3 =1 )
ISO/TS 22002-1 - Food
ISO/TS 22002-2 - Catering
ISO/TS 22002-3 - Farming
ISO/TS 22002-4 - Packaging
ISO/TS 22002-5 - Storage
ISO/TS 22002-6 - Feed and animal food production

26
https://www.fssc22000.com/

27
VANTAGENS OU DESVANTAGENS ?
• Sistema de Gestão específico • Fraca aceitação na
para a segurança alimentar principalmente na Europa
com base na ISO22000 quando comparado com a BRC
ou IFS
• Reconhecida pelo GFSI
• Análise de perigos com base
• Requisitos específicos por em PPRO e PCC, quando o
setor (ISO/TS e site) CODEX apenas menciona PCC
• A única que obriga a 1 (mais complexo)
auditoria não anunciada por
ciclo • Modelo certicado ou não
certificado pois não funciona
• Integrável com outras por check-list
normas ISO
• Ciclos de 3 anos

28
https://www.fssc22000.com/

30
https://www.fssc22000.com/

31
32
IFS FOOD – Segurança alimentar
( Mercado Francês, Italiano e
principalmente o Alemão)

FORMADOR: ALEXANDRE OLIVEIRA


VERSÃO IFS FOOD EM VIGOR 6.1
VERSÃO 7 PREVISTA PARA 2020
VANTAGENS OU DESVANTAGENS ?

• Reconhecida pelo GFSI • Apesar de Sistema de gestão


fecha-se em Check-list
• Requisitos específicos e bem
definidos • Requisitos KO podem facilmente
levar a não certificação
• Certificado com pontuação
≥75 a ≤95 % – Nível Básico • Dispendiosa (poucos auditores)
≥95 % - Nível Superior • Ciclos de 1 ano
• Classificação das respostas
em 4 níveis (A, B, C, D)

35
CLASSIFICAÇÃO

36
CLASSIFICAÇÃO

• …..mais difícil a certificação

37
CLASSIFICAÇÃO

38
CLASSIFICAÇÃO

39
42
AGOSTO 2018
VANTAGENS OU DESVANTAGENS ?

• Reconhecida pelo GFSI • Apesar de Sistema de gestão


fecha-se em Check-list
• Requisitos específicos e bem
definidos • Requisitos “FUNDAMENTAL”
podem facilmente levar a não
• Certificado com classificação certificação em caso de NCM
em AA e D
• Muitas avaliações de risco
• Classificação das respostas durante a implementação
em 3 níveis (NCm, NCM ou
NCcrítica) • Ciclos de 1 ano

44
REQUISITOS FUNDAMENTAIS
https://brcdirectory.co.uk/ https://brcgs.com

49
REQUISITOS
ESPECÍFICOS

50
REQUISITOS ESPECÍFICOS GFSI

• FOOD FRAUD

• FOOD DEFENSE

• GESTÃO DE ALERGÉNIOS

• GESTÃO DE MATERIAIS ESTRANHOS E QUEBRÁVEIS


FOOD FRAUD

52
FOOD FRAUD

Food Fraud (FF) -Fraude alimentar é uma adulteração ou deturpação deliberada e


intencional dos alimentos, dos ingredientes ou do embalamento...procurando ganho
económico (Spink, 2011)
FOOD FRAUD
Exemplos:

• Azeite extra virgem diluído com outros óleos


• Melamina no leite, alimentos animais e fórmulas infantis
• Leite diluído
• Utilização de água não potável
• Re-embalamento não autorizado
• Produtos roubados e posteriormente vendidos
• Paloco vendido como bacalhau do atlântico
https://www.qsconsult.pt/blogger

55
56
57
58
FOOD DEFENSE

59
FOOD DEFENSE
Em resposta aos ataques terroristas nos EUA
em Setembro de 2001, a 23 de janeiro de
2002, o Congresso dos Estados Unidos da
América (EUA) aprovou ‘‘Public Health
Security and Bioterrorism Preparedness and
Response Act of 2002’’. ; promulgada em
junho daquele ano e estabelece disposições
que se expandem poderes do Food and Drug
Administration naquele país (FDA).
FOOD DEFENSE
FOOD DEFENSE

Food Defense Plan Builder


VISITANTE VISITANTE VISITANTE VISITANTE
Nº1 Nº2 Nº3 Nº4
FDA
GESTÃO DE ALERGÉNIOS

63
64
GESTÃO DE ALERGÉNIOS
SABEM QUE É?
NATASHA
Antes de entrar no voo de Londres rumo a Nice, Natasha Ednan-Laperouse, 15 anos, foi a uma loja
da Pret a Manger, no aeroporto, e comprou uma baguete. Na lista de ingredientes da sandes,
não constavam sementes de sésamo, ingrediente a que a jovem era alérgica.
Já no interior do avião, contudo, Natasha teve uma reação alérgica. Ao contrário do que pensara e
vinha escrito no rótulo, a baguete tinha mesmo sementes de sésamo.
O caso remonta a 17 de julho de 2016. Depois do incidente, Natasha foi levada para um hospital em
Nice, França, mas acabaria por morrer na sequência da reação alérgica.
GESTÃO DE MATERIASS
ESTRANHOS E QUEBRÁVEIS

66
GESTÃO DE MATERIAIS
ESTRANHOS E QUEBRÁVEIS
SELECÇÃO
NORMA

68
PROCESSO DE SELECÇÃO DA NORMA
ACEITE

NÃO
ACEITE
PROCESSO DE SELECÇÃO DA NORMA

MERCADO GLOBAL INGLÊS ALEMÃO, FRANCÊS E


ITALIANO
PROCESSO DE SELECÇÃO DA NORMA

HISTÓRICO ESPECIFICIDADE CLIENTE

PODER DO MONOPÓLIO MERCADO VALOR OC


STEP BY STEP
IMPLEMENTAÇÃO AUDITORIAS AUDITORIA DE
INTERNAS CERTIFICAÇÃO
MESES / ANOS
ALGUNS DIAS
(AUTOAVALIAÇÃO)

72
considerados nestas auditorias os relatórios
das auditorias internas.
Segue-se a decisão de certificação e/ou
a interna ou
atribuição de classificação.
ORGANISMOS DE CERTIFICAÇÃO
parcial
OBRIGADO CERTIFICAÇÃO
UMA VANTAGEM PARA O SEU NEGÓCIO. ABORDAGEM ÀS
NORMAS ISO 9001, ISO 22000, FSSC 22000, BRC, IFS

QS CONSULT

ALEXANDRE OLIVEIRA
AUDITOR | CONSULTOR SISTEMAS GESTÃO

APRESENTAÇÃO DISPONÍVEL EM WWW.QSCONSULT.PT


https://www.linkedin.com/company/qsconsult/
https://www.facebook.com/qsconsult.pt

74