Você está na página 1de 3

Ministério RENOVO –

Lição Bíblica – Estudos em Neemias Capítulo 6


Tema: Em tempos de crise: Coragem e Integridade é o que conta

Texto: “Por isso enviei-lhes mensageiros para dizer: -Estou fazendo uma grande obra e não
posso descer até aí. Por que devo parar a obra para ir me encontrar com vocês?” Neemias
6:3

Objetivo de Aprendizagem: Os alunos aprenderão que nada pode impedir o trabalho de Deus.

Comentário 1
Deus está fazendo Sua obra em e através de cada crente. Os crentes estão construindo sua própria fé,
edificando outros crentes e compartilhando o Evangelho. Geralmente pessoas, distrações, oposições e o
próprio inimigo tenta paralisar esta obra, afim de desistirmos da Obra de Deus. Tem coisas tão pequenas e
efêmeras que estão afastando o crente do seu ministério. As vezes a Obra de Deus sofre porque não temos a
mesma visão e integridade de Neemias. “Estou fazendo uma grande obra...” Querido aluno(a), não importa
quão difíceis seja a oposição ou problemas da vida, a obra de Deus não pode ser detida.
O primeiro estratagema utilizado pelos inimigos de Neemias foi a diplomacia. Sambalate e Gesém
enviaram uma correspondência, convidando Neemias para que fosse até o Vale de Ono, localizado a 32 km
ao norte de Jerusalém, para se reunir com eles (v. 2). Este lugar foi escolhido porque tinha
uma distância igual tanto para quem vinha de Samaria (norte) como para quem vinha de Jerusalém
(sul). Mesmo assim, para ir a este lugar, Neemias gastaria mais de um dia de viagem. Além disto,
este local ficava próximo às fronteiras de Samaria e Asdode; portanto, em território do inimigo.
Contudo, este não foi o principal motivo para a recusa de Neemias. Neemias “sentiu no ar” o cheiro
da conspiração. (Discernimento) E mais, ele estava muito ocupado com a grande obra que Deus lhe tinha
encarregado (v. 3). Por que a interromperia? Neemias sabia das suas prioridades. Estava ciente do comentário
que andava sendo feito: “As suas mãos largarão a obra, e não se efetuará” – v. 9.

PERGUNTA PARA REFLEXÃO:


1) Que instrução nos dá Pedro, para não cairmos nas ciladas do adversário? Leia 1Pedro 5: 8 e 9

Satanás é quem está por detrás da tentativa do ímpio de fazer o justo se desviar do caminho de Deus. Por se
apresentar como “anjo de luz” (2 Co. 11:14), ele nos ataca com atrativos que sempre tem boa aparência, algo
agradável aos olhos (Gn. 3:6). Os encantos do mundo são a tentativa maligna de produzir desvios, distrações
no meio da igreja. Na explicação da parábola do semeador, Jesus diz que satanás tentou sufocar o ensino da
Palavra com os cuidados do mundo e a fascinação das riquezas (Mt. 13:22). Cuidado com aquilo que está
tirando o seu foco nas coisas de Deus.

Comentário 2:
Enfrentando a Calúnia - Essa foi uma das estratégias do inimigo para afastar Neemias do foco. Ele
enfrentou as calúnias de duas formas: em termos práticos, negou o rumor a Sambalate, que era a própria fonte
(v. 8); e orou a quem poderia fortalecê-lo: “Agora, pois, ó Deus, esforça as minhas mãos” (v. 9). Em outras
palavras, pediu a Deus que o capacitasse para ignorar a fofoca e o ajudasse a prosseguir como inspirador,
organizador e supervisor, até que a reconstrução fosse terminada. Ele entendeu que o real objetivo do inimigo
era desmoralizá-lo junto ao povo, provocando medo com relação ao que Artaxerxes poderia fazer se todos
fossem adiante e completassem os muros. Leia os versículos de 5 a 7. A estratégia foi enviar uma carta
aberta com insinuações para que todos lessem, assim se espalharia o boato para difamar Neemias.
Naqueles dias, a escrita era em papiro ou couro. A carta seria enrolada, amarrada com uma corda, e selada
com argila. Mas esta carta era diferente. Versículo cinco nos diz que Sambalate tinha propositadamente
Ministério RENOVO –
Lição Bíblica – Estudos em Neemias Capítulo 6
negligenciado para selá-lo para que todo que estava escrito pudesse ser lido. Seu objetivo era espalhar falsos
rumores sobre Neemias.

PERGUNTA PARA REFLEXÃO:


2) Leia Provérbios 10:18 e comente com a classe sobre esse assunto.

Em vez de correr atrás de rumores, Neemias voltou sua atenção para Deus e orou por força para continuar o
trabalho. Ele não parou o trabalho. Ele nem sequer abrandou o trabalho. Ele continuou indo na dependência
de Deus para lidar com os críticos. Não se distraia com as críticas.

A calúnia é um pecado muito sério. Assim como a sua prima fofoca, a calúnia é igualmente destrutiva. “As
mentiras são como ciladas para derramar sangue” (Provérbios 12:6), “destroem o próximo” (Provérbios
11:9), “e separa até os amigos mais chegados” (Provérbios 16:28). Embora a fofoca e a calúnia envolvam
comentários destrutivos, a calúnia tem um elemento a mais, a desonestidade.

Lembre-se, quando você estiver focado na Obra de Deus sempre aparecerá alguém para Tentar arruinar
sua reputação. Não caia nessa!

COMENTÁRIO 3:
O INIMIGO DISFARÇADO DE RELIGIOSIDADE.
As investidas continuavam. E desta vez a estratégia do inimigo se tornou mais sutil. O suborno é uma tática
antiga e ainda se mostra muito eficiente. Um profeta mercenário foi contratado para enganar Neemias (vv.
10-13). Sambalate e Tobias sabiam que Neemias era muito prudente e qualquer contato direto com ele ou
qualquer coisa que pudessem dizer não abalariam sua confiança. Então fizeram algo cruel e baixo. Pediram
a um “homem de Deus” para mentir.
Sob a orientação dos adversários, Semaías tentou ser o mais persuasivo possível. Ele convidou Neemias para
se esconder na Casa do Senhor, mais especificamente, para ficar no meio do Templo (possivelmente no Santo
dos Santos), pois a vida de Neemias estava em risco. Agora era um “profeta” que estava dizendo isso. Como
não confiar? A estratégia de Semaías foi muito forte,
porque ele se valeu dos elementos motivo grave e urgência: “porque virão matar-te; aliás, de noite
virão matar-te” (v. 10).
Entretanto, Neemias também não deixou se enganar. E isso pelas seguintes razões: primeiro, ele era um
homem humilde e comprometido com as normas de Deus. Ele sabia que não tinha permissão para entrar no
Templo, pois não era sacerdote: “E quem há, como eu, que entre no templo para que viva?” – v. 11. Segundo,
Neemias era comprometido com a obra de Deus. Terceiro, Ele sabia que não podia abandonar a obra para se
esconder. Isso seria a ruína da missão que lhe havia sido dada.
Neemias havia sido testado quanto a sua confiança. Agora, foi testado quanto ao seu caráter.
É de se lamentar o fato de um “profeta” ter vendido sua consciência e sua alma por algum dinheiro.
Neemias destaca também a participação de alguns profetas e da profetisa Noadia que procuravam atemorizá-
lo (v. 14).

O QUE NEEMIAS FAZ DIANTE DESTA SITUAÇÃO? Depois de recusar a proposta, Neemias mais
uma vez faz uma breve oração, confiando na justiça, na força e no poder de Deus (v. 14). E por que Neemias
ora? Porque ele sabia que sua vida estava nas mãos de Deus. Ele não poderia confiar em sua própria esperteza
e inteligência.

PERGUNTA PARA REFLEXÃO:


Ministério RENOVO –
Lição Bíblica – Estudos em Neemias Capítulo 6
3) Leia Mateus 7:15-20 e Isaías 8:20 e comente com a classe. Como podemos detectar um falso
profeta e uma falsa profecia?

Lei (Torá) e o Testemunho (Ensino da Palavra). Tudo que ouvirmos tem que ser avalizado, com firmado
pela Palavra de Deus, se não conferir com as Escrituras não vem de Deus.

COMENTÁRIO 4
A TÁTICA DO MAL VOLTA-SE PARA OS MAUS.
Mesmo em meio a oposição do inimigo eles levaram 52 dias para reconstruir as muralhas.

Pergunta para reflexão:


O que os inimigos fizeram quando souberam da conclusão das muralhas? (Ler versículos 15-16)
Percebe como o clima mudou de lado?

Verdade para os crentes: Deus deu a cada crente o trabalho a fazer (Efésios 2:10). Ele deu a cada
crente Seu Espírito Santo para capacitá-los a fazer Sua obra (Zacarias 4: 6). Ele dá a cada um de nós as
habilidades e talentos para fazer o trabalho (Romanos 12: 4-8). Por ser obra de Deus, o inimigo de Deus
atacará os crentes e tentará fazer com que parem de servir a Deus.
Se você e eu somos crentes, precisamos manter nossos olhos em Deus e lembrar que é obra Dele (Neemias
4:14). Nada pode parar o seu trabalho (Jó 42: 2). Você pode perguntar: e se eu pecar e parar de servir a Jesus,
isso impede a obra de Deus? Não. Ele pode usar qualquer um que queira para completar o Seu trabalho,
você perderá Sua bênção e recompensa se escolher parar de servir.

 Que nova verdade você aprendeu hoje?