Você está na página 1de 172

Disjuntores e interruptores

BT de forte intensidade

Masterpact NT e NW
Índice geral

Apresentação __________________________ 2

Funções e características _______________ 9

Recomendações de instalação _________ 65

Dimensões, atravancamentos __________ 89

Esquemas eléctricos _________________ 127

Complementos técnicos ______________ 161

Nota de encomenda __________________ 165

Masterpact 1
Nada
a ser
voltará
comodantes
O Masterpact Merlin Gerin impôs-se como a referência dos disjuntores
de forte intensidade em todo o mundo. Hoje em dia todos os fabricantes
aplicam as suas principais inovações :
b princípio de corte e concepção modular.
Prosseguindo no caminho da inovação, a Schneider Electric
desenvolveu os novos Masterpact NT e NW Merlin Gerin.
Às vantagens tradicionais dos disjuntores de potência, possibilidade de
extracção, selectividade e facilidade de manutenção, adicionam-se
funções integradas de comunicação e medida em tamanhos
optimizados.
Os Masterpact NT e NW Merlin Gerin integram todos os progressos
tecnológicos que permitem melhorar os desempenhos em condições de
exploração ainda mais seguras. A facilidade de instalação e operação,
as funcionalidades conviviais e intuitivas e a concepção pensada para
respeitar o meio ambiente fazem deles os disjuntores dos nossos dias.

2 Masterpact
Um concentrado
de potência Masterpact,
novos desempenhos
5 níveis de desempenho
N1: desempenho destinado a aplicações correntes, com baixo nível de
curto-circuito.
H1: disjuntor utilizado em instalações industriais com níveis de
curto-circuito elevados. É igualmente adequado para instalações com 2
transformadores em paralelo.
H2: disjuntor de elevado desempenho utilizado na grande indústria, onde
existem riscos de curto-circuitos muito fortes.
H3: aparelho para entrada de instalação de muito elevado desempenho,
utilizado em aplicações críticas necessitando de altos níveis de
desempenho aliados a selectividade elevada.
L1: disjuntor limitador que associa um forte poder de limitação a um
nível de selectividade (37 kA) sem igual até hoje neste tipo de aparelhos.
Destina-se à protecção das saídas por cabo. Utiliza-se igualmente para
protecção de quadros com desempenhos limitados quando de um
aumento de potência do transformador.

Integração numa rede


de comunicação
O Masterpact integra-se num sistema geral de
supervisão para optimizar a exploração e a
manutenção das instalações.
A arquitectura de comunicação é aberta e evolutiva para se poder ligar a
todos os protocolos.

Versão interruptores
Derivam directamente dos disjuntores e possuem as mesmas qualidades
e desempenhos. Existem nas versões HA, NA e HF, conforme os
modelos.
A versão HF possui uma protecção instantânea que é activada em caso
de fecho em curto-circuito. No estado fechado, esta protecção é
desactivada e o aparelho comporta-se como um interruptor clássico. É
frequentemente utilizado para ligação de barramentos.

Aplicações específicas
b oferta 1000 V CA:
v disjuntor ou interruptor Masterpact NW H10, 800 a 4000 A, 3P ou 4P,
versão extraível com 1 nível de desempenho H10.
b oferta corrente contínua.
v disjuntor ou interruptor Masterpact NW CC, 1000 a 4000 A, versão fixa
e extraível com 2 níveis de desempenho, N e H.
b oferta neutro à direita:
v disjuntor ou interruptor Masterpact NT 800 a 1600 A e NW 800 a 6300 A,
4P, versão fixa e extraível com 2 níveis de desempenho H1 e H2.
b oferta para ambientes poluídos (norma IEC 721-3-3):
v disjuntor Masterpact com protecção anticorrosão NW 800 a 4000 A,
versão extraível e 1 nível de desempenho H2
b oferta colocação à terra das instalações:
v interruptor Masterpact NW de colocação à terra das fases, compatível
com os NW 800 a 4000 A 3P ou 4P em versão extraível com um níveis
de desempenho N1, H1, NA e HA.

Masterpact 3
Nada voltará a ser
como dantes

3 tamanhos, 2 famílias
As novas gamas Masterpact declinam-se em
duas famílias:
c o Masterpact NT é o mais pequeno disjuntor
de potência de 800 a 1600 A, do mundo
c o Masterpact NW apresenta-se em dois
tamanhos, um para os disjuntores de 800 a
4000 A, outro para os disjuntores de 5000 a
6300 A.
Masterpact NT
De 800 a 1600 A

Masterpact NW
De 800 a 4000 A

De 5000 a 6300 A

4 Masterpact
Nenhuma outra gama
lhes fará sombra…

Optimização
dos volumes
O disjuntor mais pequeno do
mundo
A grande inovação do Masterpact NT, é o de
ter o desempenho de um disjuntor de potência
num volume extremamente reduzido.
O passo de ligação de 70 mm por pólo permite
instalar um aparelho tripolar extraível numa
coluna de 400 mm de largura por 400 mm de
profundidade.

Soluções de instalação práticas


A nova gama Masterpact NW melhora todas as
soluções que fizeram o sucesso do Masterpact:
foi concebida com o objectivo de normalizar os
quadros, optimizar os volumes e simplificar a
instalação:
c alimentação a montante ou a jusante
c perímetro de segurança nulo, seja qual for a
configuração
c ligações:
v tomadas atrás, horizontais ou verticais
v tomadas à frente de dimensões reduzidas
v mistas, ligações atrás e à frente
c entre-eixo de ligação único de 115 mm
c sem desclassificação em calibre até 55 °C
e 4000 A.

Tamanhos optimizados
Até 4000 A, a gama Masterpact NW tem um
tamanho único, igual ao das antigas gamas
M08 a M32.
De 5000 A a 6300 A, todos os disjuntores são
de tamanho idêntico, muito menor do que
anteriormente.

Uma gama «Retrofit»


Existem soluções de ligação específicas que
permitem substituir um Masterpact M08 a M32
fixo ou extraível por um Masterpact NW sem
modificar o barramento do quadro nem o recorte
da porta.

Masterpact 5
Enquadra-se na perfeição

Facilidade de
instalação
Paralelamente à optimização dos tamanhos,
a gama Masterpact NT ou NW
facilita a concepção e normalização
da instalação no quadro:
c 1 plano de ligação dos Masterpact NT
c 3 planos de ligação dos Masterpact NW:
v 1 plano de 800 a 3200 A
v 1 plano para 4000 A
v 1 plano de 5000 a 6300 A
E58879

c uma só dimensão das placas de ligação de


800 a 6300 A (Masterpact NW)
c ligação por tomadas à frente de dimensões
reduzidas graças à integração das ligações no
Ligação de um Masterpact NW fixo volume do aparelho
com tomadas à frente verticais. c os aparelhos com tomadas atrás ligam-se a
um barramento horizontal ou vertical por
simples rotação de um quarto de volta dos
ligadores.

Ligação de um Masterpact NW fixo


com tomadas atrás horizontais e verticais.

Ligação ao barramento

6 Masterpact
A mais curta distância
entre dois pontos

Inovação
Mais segurança…
Corte filtrado
Foi patenteado um novo conceito de câmaras de corte: as peças
consistem numa montagem de filtros de aço inoxidável.
Este dispositivo absorve a energia libertada durante o corte, limitando os
esforços na instalação. Filtra e arrefece os gases emitidos, diminuindo
assim as manifestações exteriores.

Desembraiagem do mecanismo
Desencravando automaticamente o mecanismo do disjuntor, a
desembraiagem permite desempenhos excepcionais até 150 kA.
Provoca um disparo ultra-rápido em caso de curto-circuitos superiores a
37 kA (L1) e 65 kA (H3). Quando o curto-circuito é inferior a estes
Corte filtrado valores, o sistema não reage, permitindo que a unidade de controlo
assegure a selectividade total com os aparelhos a jusante.

Disparadores mais inteligentes…


Hoje em dia, a velocidade de cálculo, o volume das memórias e a
miniaturização enriquecem as funções dos disparadores:
o disparador torna-se uma verdadeira unidade de controlo do disjuntor.
Mede com precisão os parâmetros da rede, calcula
instantaneamente valores, memoriza, fixa níveis, sinaliza, comunica,
actua … A nova gama Masterpact equipada com unidades de controlo
Micrologic proporciona simultaneamente um órgão de protecção
extremamente fiável e um instrumento de medida preciso.

Mais convivialidade…
Utilização intuitiva…
As unidades de controlo Micrologic possuem um ecrã de cristais líquidos
associado a teclas de navegação simples. O utilizador pode assim
aceder directamente aos parâmetros e regulações pretendidos. A
navegação entre os ecrãs é intuitiva e as regulações são extremamente
simplificadas pela leitura imediata no ecrã. Os textos são visualizados na
língua escolhida.

… aliada a uma segurança intransigente


As funções de protecção são geradas por um componente electrónico
ASIC e são independentes das medidas. Esta independência garante
Teclas de navegação de uma unidade imunidade às perturbações conduzidas ou irradiadas e uma grande
de controlo Micrologic P
fiabilidade.
Um sistema patenteado de "dupla regulação" das protecções impõe:
c um primeiro nível a não ultrapassar, pela regulação de comutadores
c uma regulação mais fina, por teclado ou à distância. Esta regulação
fina dos níveis (com precisão de um ampére) e as temporizações (com
precisão de fracções de segundo) é lida directamente no ecrã.
Uma tampa selável encrava o acesso aos comutadores e interdita a
modificação das regulações.

Masterpact 7
Quantos disjuntores verdes
existem?

Antecipação
ao futuro
Respeito pelo
meio ambiente
A Schneider Electric tem a preocupação de
respeitar o meio ambiente, desde a concepção dos
aparelhos até ao fim do seu tempo de vida:
c O Masterpact é fabricado com materiais sem
perigo potencial para o meio ambiente,
c as unidades concebidas para fabricar os
aparelhos são não poluentes, em conformidade
com a norma ISO 14001,
c o corte filtrado suprime a poluição no quadro,
c a potência dissipada por pólo é fiável e as perdas
em energia insignificantes,
c no fim do tempo de vida, a marcação simplifica a
triagem dos materiais utilizados para a sua
reciclagem.

Modernização e evolução
simples das instalações
As instalações evoluem, as potências aumentam, os
equipamentos transformam-se, o quadro cresce ...
O Masterpact foi concebido para se adaptar a estas
evoluções:
c todas as unidades de controlo são permutáveis
no local,
c a comunicação com um sistema de supervisão
é opcional e está sempre disponível,
c um chassis guardado como reserva pode ser
adicionado e a parametrização da instalação não é
modificada pela instalação posterior de um aparelho
extraível,
c todas as evoluções da gama são desenvolvidas
coerentemente com a gama actual e na sua
continuidade, simplificando assim a modernização
das instalações…

8 Masterpact
Índice
Funções e características

Panorama geral
Resumo _____________________________________________________________ 10

Disjuntores e interruptores
NT08 a NT16 _________________________________________________________ 12
NW08 a NW63 ________________________________________________________ 14

Unidades de controlo Micrologic


Panorama das funções _______________________________________________ 16
Micrologic A “Amperímetro” __________________________________________ 18
Micrologic P “Potência” ______________________________________________ 20
Micrologic H “Harmónicas” ___________________________________________ 24
Acessórios e teste ____________________________________________________ 26

Comunicação
A comunicação nos Masterpact _______________________________________ 28
Panorama das funções _______________________________________________ 29
Masterpact na rede de comunicação __________________________________ 30
Masterpact e o Micro Power Server MPS100 ___________________________ 32

Ligações
Panorama das soluções ______________________________________________ 34
Acessórios em opção _________________________________________________ 35

Encravamentos
Aparelho _____________________________________________________________ 39
Chassis ______________________________________________________________ 40

Contactos de sinalização
Contactos de sinalização _____________________________________________ 41

Comando à distância
Telecomando ________________________________________________________ 43

Comando de abertura de segurança


Comando de abertura de segurança ___________________________________ 46

Acessórios
Acessórios ___________________________________________________________ 47

Inversores de rede
Apresentação ________________________________________________________ 48
Características gerais Inversor automático _____________________________ 49
Panorama das soluções ______________________________________________ 50
Possíveis associações ________________________________________________ 52
Encravamento mecânico ______________________________________________ 53
Encravamento eléctrico _______________________________________________ 54
Configurações _______________________________________________________ 55
Escolha do automatismo ______________________________________________ 56
Instalação dos automatismos _________________________________________ 57
Automatismo UA e BA ________________________________________________ 58
Diagrama de funcionamento __________________________________________ 59
Opção Comunicações COM ___________________________________________ 61

Centrais de visualização
Centrais de visualização ______________________________________________ 62
Masterpact 9
Funções Panorama geral
e características Resumo

Este capítulo descreve as funções dos Disjuntores ou interruptores pág. 12


Masterpact NT e NW. Estas duas famílias c calibres:
de produtos possuem funções idênticas v Masterpact NT 800 a 1600 A
asseguradas por componentes comuns ou v Masterpact NW 800 a 6300 A
c disjuntores tipo N1, H1, H2, H3, L1
diferenciados, conforme os casos.
c interruptores tipo NA, HA, HF
c 3 ou 4 pólos
c fixos ou extraíveis
c opção neutro à direita
c calibre da protecção

Unidades de controlo Micrologic pág. 16


Amperímetro A
2.0 A protecção de base
5.0 A protecção selectiva
6.0 A protecção selectiva + terra 100 %

7.0 A protecção selectiva + diferencial 40 %

Potência P menu

5.0 P protecção selectiva


6.0 P protecção selectiva + terra
7.0 P protecção selectiva + diferencial
Harmónicas H
5.0 H protecção selectiva
6.0 H protecção selectiva + terra
7.0 H protecção selectiva + diferencial
c transformador de corrente para protecção de terra
c toro somador para protecção diferencial
c opções de regulação (regulador longo retardamento):
v baixa: 0,4 a 0,8 Ir
v alta: 0,8 a 1 Ir
v sem protecção longo retardamento
c módulo de alimentação externo
c módulo bateria

Comunicação pág. 29
c Digipact
c Modbus, Jbus

Ligações pág. 34
c tomadas atrás horizontais ou verticais
c tomadas à frente
c tomadas mistas
c acessórios opcionais:
v terminais e respectiva tampa
v tampa para as ligações
v ligadores adicionais verticais
v placas de ligação para cabos
v separadores de fases
v espaçadores adicionais
v acessórios para tomadas extraíveis
v persianas isolantes, peça de encravamento das
persianas, indicador de posição e encravamento
das persianas

10 Masterpact
Funções Panorama geral
e características

Encravamentos pág. 39
c encravamento dos botões de pressão
por ecrã transparente com cadeado
c encravamento do aparelho na posição “aberto”
por cadeado ou fechadura
c encravamento do chassis na posição “extraído”
por fechadura
c encravamento do chassis na posição “encaixado”,
“extraído” e “teste”
c encravamento da porta aparelho encaixado
c encravamento de encaixe porta aberta
c encravamento botão de abertura-acesso
à manivela
c abertura automática no momento da extracção
c identificador.

Contactos de sinalização pág. 41


c contactos standard ou baixo nível:

E47302
v aberto / fechado OF
v sinal defeito eléctrico SDE
v posição chassis CE, CD, CT
“encaixado”, “extraído”, “teste”
c contactos programáveis:
v 2 contactos M2C
v 6 contactos M6C.

Contactos M2C Contactos OF

Comando à distância pág. 43


c comando eléctrico:
v moto-redutor
v disparador voltimétrico de fecho XF ou
de abertura MX
v pronto a fechar PF
v opções:
- rearme à distância mecânico RAR
ou eléctrico Res
- botão de pressão de fecho eléctrico BPFE
c função abertura de segurança:
v disparador voltimétrico MN
- versão base
- retardamento regulável ou não regulável Moto-redutor
v ou 2º disparador voltimétrico MX.

Disparadores MX, XF e MN

Acessórios pág. 47
c tampa para placa de terminais fios finos
c contador de manobras
c moldura de porta
9
c tampa transparente para moldura de porta 0039
c obturador para moldura de porta.

Masterpact 11
Funções Disjuntores e interruptores
e características NT08 a NT16

características comuns
número de pólos 3/4
tensão estipulada de isolamento (V) Ui 1000
tensão de resistência aos choques (kV) Uimp 12
tensão estipulada de emprego (V CA 50/60 Hz) Ue 690
aptidão ao seccionamento IEC 60947-2
grau de poluição IEC 60664-1 3

características dos disjuntores segundo IEC 60947-2


corrente estipulada (A) In a 40 °C / 50º C (1)
calibre do 4º pólo (A)
calibre dos captores (A)

tipo de disjuntor
poder de corte último (kA ef) Icu 220/415 V
V CA 50/60 Hz 440 V
525 V
690 V
poder estipulado de corte de serviço (kA ef) Ics % Icu
categoria de emprego
corrente estipulada de curta duração admissível (kA ef) Icw 0,5 s
V CA 50/60 Hz 3s
protecção instantânea integrada (kA crista ±10%)
poder estipulado de fecho (kA crista) Icm 220/415 V
V CA 50/60 H 440 V
525 V
690 V
tempo de corte (ms)
tempo de fecho (ms)
características dos disjuntores segundo NEMA AB1
poder de corte (kA) 240 V
V CA 50/60 Hz 480 V
600 V
características dos interruptores segundo IEC 60947-3
tipo de interruptor
poder estipulado de fecho (kA crista) Icm 220/415 V
V CA 50/60 Hz 440 V
500/690 V
corrente estipulada de curta duração admissível (kA ef) Icw 0,5 s
V CA 50/60 Hz 3s
poder de corte Icu (kA ef) com um relé de protecção externo 690 V
temporização máxima: 350 ms
instalação, ligações e manutenção
duração de vida mecânica com manutenção
ciclos F/A x 1000 sem manutenção
eléctrica sem manutenção 440 V
690 V
comando motor (AC3-947-4) 690 V
ligações extraível TAF
TAT
fixo TAF
TAT
dimensões (mm) extraível 3P
AxLxP 4P
fixo 3P
4P
pesos (kg) extraível 3P/4P
(valores aproximados) fixo 3P/4P
(1) 50º C . Com tomadas atrás verticais. Ver tabela de desclassificação
em temperatura para outros tipos de ligações.
(2) cf curvas de limitação no capítulo “Complementos técnicos”
(3) sistema SELLIM

12 Masterpact
Funções Disjuntores e interruptores
e características NT08 a NT16

NT08 NT10 NT12 NT16


800 1000 1250 1600
800 1000 1250 1600
250 250 630 800
a 800 a 1000 a 1250 a 1600
H1 L1(2) H1
42 150 42
42 130 42
42 100 42
42 25 42
100 % 100 %
B A B
42 10 42
20 - 20
- 1(3) -
88 330 88
88 286 88
88 220 88
88 52 88
25 9 25
< 50 < 50

42 150 42
42 100 42
42 25 42

HA HA
75 75
75 75
75 75
42 42
20 20
35 35

25 25 25
12,5 12,5 12,5
6 3 6 (NT16 : 3)
3 2 2 (NT16 : 1)
3 2 2 (NT16 : 1)
c c c
c c c
c c c
c c c
322 x 288 x 277
322 x 358 x 277
301 x 276 x 196
301 x 346 x 196
30/39
14/18

escolha dos captores


calibre do captor (A) 250 400 630 800 1000 1250 1600
regulação do nível Ir (A) 100 a 250 160 a 400 250 a 630 320 a 800 400 a 1000 500 a 1250 640 a 1600

Masterpact 13
Funções Disjuntores e interruptores
e características NW08 a NW63

características comuns
número de pólos 3/4
tensão estipulada de isolamento (V) Ui 1000/1250
tensão de resistência aos choques (kV) Uimp 12
tensão estipulada de emprego (V CA 50/60 Hz) Ue 690/1150
aptidão ao seccionamento IEC 60947-2
grau de poluição IEC 60664-1 4 (1000) / 3 (1250)

características dos disjuntores segundo IEC 60947-2


corrente estipulada (A) In a 40 °C / 50º C (1)
calibre do 4º pólo (A)
calibre dos captores (A)

tipo de disjuntor
poder de corte último (kA ef) Icu 220/415 V
V CA 50/60 Hz 440 V
525 V
690 V
1150 V
poder estipulado de corte de serviço (kA ef) Ics % Icu
categoria de emprego
corrente estipulada de curta duração admissível (kA ef) Icw 1s
V CA 50/60 Hz 3s
protecção instantânea integrada (kA crista ±10 %)
poder estipulado de fecho (kA crista) Icm 220/415 V
V CA 50/60 Hz 440 V
525 V
690 V
1150 V
tempo de corte (ms)
tempo de fecho (ms)
características dos disjuntores segundo NEMA AB1
poder de corte (kA) 240 V
V CA 50/60 Hz 480 V
600 V
características dos disjuntores sem protecção:
disparo por shunt do disparador segundo IEC 60947-2
tipo de disjuntor
poder de corte último (kA ef) Icu 220/690 V
V CA 50/60 Hz
poder estipulado de corte de serviço (kA ef) Ics % Icu
corrente estipulada de curta duração admissível (kA ef) Icw 1s
V AC 50/60 Hz 3s
protecção contra sobrecargas e curto-circuito através de relé de protecção externa:
temporização máxima da protecção contra curto-circuito: 350 ms(4)
poder estipulado de fecho (kA crista) Icm 220/690 V
V AC 50/60 Hz
características dos interruptores segundo IEC 60947-3
tipo de interruptor
poder estipulado de fecho (kA crista) Icm 220/690 V
V CA 50/60 Hz Categoria AC3
poder estipulado de fecho (kA crista) Icm 220/690 V
V CA 50/60 Hz Categoria AC23-A 1150 V
corrente estipulada de curta duração admissível (kA ef) Icw 1s
V AC 50/60 Hz Categorias AC23 e AC23-A 3s
instalação, ligações e manutenção
duração de vida mecânica com manutenção
ciclos F/A x 1000 sem manutenção
eléctrica sem manutenção 440 V
690 V
1150 V
(1) 50º C . Com tomadas atrás verticais. Ver tabela de
comando motor (AC3-947-4) 690 V
desclassificação em temperatura para outros tipos de
ligações. ligações extraível TAF
(2) cf curvas de limitação no capítulo “Complementos TAT
técnicos” fixo TAF
(3) Equipado com um disparador com corrente de fecho de TAT
90 kA de crista. dimensões (mm) extraível 3P
(4) A protecção externa deve respeitar as constantes térmicas AxLxP 4P
admissíveis pelo disjuntor (consultar-nos). fixo 3P
Sem indicação para o SDE ou para o botão de Reset em
4P
caso de abertura por defeito.
(5) Excepto 4000 A. pesos (kg) extraível 3P/4P
(valores aproximados) fixo 3P/4P

14 Masterpact
Funções Disjuntores e interruptores
e características NW08 a NW63

escolha dos captores


calibre do captor (A) 250 400 630 800 1000 1250 1600 2000 2500 3200 4000 5000 6300
regulação do 160 250 320 400 500 630 800 1000 1250 1600 2000 2500
nível Ir (A) a 400 a 630 a 800 a 1000 a 1250 a 1600 a 2000 a 2500 a 3200 a 4000 a 5000 a 6300

NW08 NW10 NW12 NW16 NW20 NW25 NW32 NW40 NW50 NW63
800 1000 1250 1600 2000 2500 3200 4000 5000 6300
800 1000 1250 1600 2000 2500 3200 4000 5000 6300
250 250 630 800 1000 1250 1600 2000 2500 3200
a 800 a 1000 a 1250 a 1600 a 2000 a 2500 a 3200 a 4000 a 5000 a 6300
N1 H1 H2 L1(2) H10 H1 H2 H3 L1(2) H10 H1 H2 H3 H10 H1 H2
42 65 100 150 - 65 100 150 150 - 65 100 150 - 100 150
42 65 100 150 - 65 100 150 150 - 65 100 150 - 100 150
42 65 85 130 - 65 85 130 130 - 65 85 130 - 100 130
42 65 85 100 - 65 85 100 100 - 65 85 100 - 100 100
- - - - 50 - - - - 50 - - - 50 - -
100 % 100 % 100 % 100 %
B B B B
42 65 85 30 50 65 85 65 30 50 65 85 65 50 100 100
22 36 50 30 50 36 75 65 30 50 65 75 65 50 100 100
sem sem 190 80 sem sem 190 150 80 sem sem 190 150 sem sem 270
88 143 220 330 - 143 220 330 330 - 143 220 330 - 220 330
88 143 220 330 - 143 220 330 330 - 143 220 330 - 220 330
88 143 187 286 - 143 187 286 286 - 143 187 286 - 220 286
88 143 187 220 - 143 187 220 220 - 143 187 220 - 220 220
- - - - 105 - - - - 105 - - - 105 - -
25 25 25 10 25 25 25 25 10 25 25 25 25 25 25 25
< 70 < 70 < 70 < 80

42 65 100 150 - 65 100 150 150 - 65 100 150 - 100 150


42 65 100 150 - 65 100 150 150 - 65 100 150 - 100 150
42 65 85 100 - 65 85 100 100 - 65 85 100 - 100 100

HA HF (3) HA HF (3) HA HF (3) HA


50 85 50 85 55 85 85

100 % 100 % 100 % 100 %


50 85 50 85 55 85 85
36 50 36 75 55 75 85
sem sem sem sem sem sem sem

105 187 105 187 121 187 187

NA HA HF (3) HA10 HA HF (3) HA10 HA HF (3) HA10 HA


88 105 187 - 105 187 - - - - -

88 105 187 - 105 187 - 121 187 - 187


- - - 105 - - 105 - - 105 -
42 50 85 50 50 85 50 55 85 50 85
- 36 50 50 36 75 50 55 75 50 85

25 20 20 10
12,5 10 10 5
10 10 10 3 - 8 8 2 3 - 5 5 1,25 - 1,5 1,5
10 10 10 3 - 6 6 2 3 - 2,5 2,5 1,25 - 1,5 1,5
- - - - 0,5 - - - - 0,5 - - - 0,5 - -
10 10 10 - - 6 6 6 - - 2,5 2,5 2,5 - - -
c c c c - c c c c - c (5) c (5) c (5) - - -
c c c c c c c c c c c c c c c c
c c c - - c c - - - c (5) c (5) - - - -
c c c - - c c - - - c c - - c c
439 x 441 x 395 479 x 786 x 395
439 x 556 x 395 479 x 1016 x 395
352 x 422x 297 352 x 767x 297
352 x 537x 297 352 x 997x 297
90/120 225/300
60/80 120/160

Masterpact 15
Funções e Unidades de controlo Micrologic
características Panorama das funções

Todos os disjuntores Masterpact estão Segurança de funcionamento


equipados com uma unidade de controlo A integração das funções de protecção num componente electrónico ASIC
Micrologic intermutável no local. comum a todas as unidades de controlo garante uma grande fiabilidade e uma
imunidade às perturbações conduzidas ou irradiadas.
As unidades de controlo estão concebidas
Na Micrologic A, P e H as funções evoluídas são geradas por um
para assegurar a protecção dos circuitos microprocessador independente.
de potência e dos receptores.
Os alarmes são programáveis para uma
sinalização à distância.
As medidas de corrente, tensão,
frequência, potência, e qualidade da
energia optimizam a continuidade de
serviço e a gestão da energia.

Denominação das Micrologic Protecções em corrente


Micrologic 2: protecção de base

2.0 A t

X Y Z

X : tipo de protecção
c 2 para protecção de base
c 5 para protecção selectiva
c 6 para protecção selectiva + terra
Protecções:
c 7 para protecção selectiva + diferencial. 0 Ir Isd I Longo Retardamento + Instantâneo
Y : geração da unidade de controlo
Identificação das diferentes gerações.
Micrologic 5: protecção selectiva
0 para a 1ª.
Z : tipo de medida t
c A para “amperímetro”
c P para “potência”
c H para “harmónica”.

Protecções:
0 Ir Isd Ii I Longo Retardamento + Curto Retardamento + Instantâneo

Micrologic 6: protecção selectiva + terra

Protecções:
Longo Retardamento
+ Curto Retardamento
+ instantâneo
0 Ir Isd Ii I 0 Ig I + terra

Micrologic 7: protecção selectiva + diferencial

Protecções:
Longo Retardamento
+ Curto Retardamento
+ instantânea
0 Ir Isd Ii I 0 I∆n I + diferencial

16 Masterpact
Funções e Unidades de controlo Micrologic
características Panorama das funções

Medidas e outras protecções


A: amperímetro
c I1, I2, I3, IN, Iterra, Idiferencial e seus indicadores de máximos
c sinalização dos defeitos
c valores das regulações em ampére e segundo.

P: A + potência + protecções parametrizáveis


c medidas V, A, W, VAR, VA, Wh, VARh, VAh, Hz, Vcrista,Acrista,cosf e seus indicadores de máximos
e de mínimos
c protecções longo retardamento em IDMTL, mínimo e máximo em tensão e frequência,
desequilíbrios de tensão e corrente, sentido de rotação das fases, retorno de potência
c deslastragem/relastragem em função da potência ou da corrente
c medidas das correntes cortadas, sinalização diferenciada de defeito, indicadores de
manutenção, datação e histórico de acontecimentos…
H: P + harmónicas
c qualidade da energia: fundamentais, taxa de distorção, amplitude e fase das harmónicas
até à classe 31
c captação de ondas em defeito, alarme ou a pedido
c alarmes programáveis: níveis e acções programáveis conforme as necessidades ...

2.0 A

100 %

40 %

menu

5.0 A 5.0 P 5.0 H

100 %

40 %

menu

6.0 A 6.0 P 6.0 H

100 %

40 %

menu

7.0 A 7.0 P 7.0 H

100 %

40 %

menu

Masterpact 17
Funções Unidades de controlo
e características Micrologic A «amperímetro»

As unidades de controlo Micrologic A Regulação das protecções....................................................


protegem os circuitos de potência. As protecções são reguláveis em nível e em temporização por comutadores.
Disponibilizam a visualização de medidas, Os valores escolhidos são indicados temporariamente no ecrã em ampére e em
segundos.
a indicação dos valores máximos da
Protecção contra sobrecargas
corrente e comunicação. A versão 6 Protecção longo retardamento do tipo eficaz (RMS).
integra protecção de terra, a versão 7 Memória térmica: imagem térmica antes e após disparo.
protecção diferencial. A precisão das regulações pode ser aumentada pela limitação da zona de
regulação, substituindo o calibrador longo retardamento.
≤ Un calibrador «longo retardamento off» permite inibir a protecção longo
Micrologic 6.0 A retardamento.
Protecção curto-circuitos
9
Protecções retardamento (RMS) e instantânea.
10 Escolha do tipo I2t (On ou Off) com temporização curto retardamento.
Protecção contra defeitos terra
∆t= I∆n=
tsd= tr= MAX Protecção do tipo «residual» ou «ligação à terra» SGR (Source Ground Return).
Isd=
Ii= Ir=
s Escolha do tipo I2t (On ou Off) com temporização.
kA
Ig= Protecção diferencial residual (Vigi)
tg= 11
Funciona sem alimentação exterior.
d Imune contra os riscos de disparos intempestivos.
k Resistência às componentes contínuas classe A até 10 A.
Protecção do neutro
Nos disjuntores tripolares não existe protecção do neutro.
100 % Nos disjuntores tetrapolares, a regulação da protecção do neutro é feita por
comutador com 3 posições: neutro não protegido (4P 3d), neutro meio protegido
(4P 3d + N/2), neutro totalmente protegido (4P 4d).
12
40 % Selectividade lógica ZSI
Um borne (ZSI) permite a ligação de várias unidades de controlo para se obter
uma selectividade total em protecções curto retardamento e terra sem
13 temporização do disparo.
menu
Medidas «Amperímetro»......................................................
menu
As unidades de controlo Micrologic A medem o valor eficaz (RMS) das correntes.
Um ecrã LCD numérico dá permanentemente a indicação da fase mais carregada
long time
2 (Imáx) e permite, pressionando sucessivamente uma tecla, a leitura de I1, I2, I3, IN,
Ir tr alarm
.8 8
.7 .9 (s) 4 12 Ig,I∆n, das correntes memorizadas (valores máximos) e das regulações.
.6 .95 2 16
1 .5 .98 1 20
7 A alimentação externa, opcional, permite a visualização das correntes < 20 % In.
.4 1 .5 24
x In @ 6 Ir

short time instantaneous Opção de comunicação


Isd tsd Ii
3
4
5 (s) .4 .4 .3 6 8 10 Associada à opção de comunicação COM, a unidade de controlo transmite os
3 2.5 6 .3 .2 4 12 4
2 8 .2 .1 3 15 parâmetros de acordo com:
.1 0 2 off
1.5
x Ir
10
on
2
I t off x In c leitura das regulações
setting delay
test c conjunto das medidas «amperímetro»
Ig tg 6
D
E
F (s) .4 .4 .3 c sinalização das causas de disparo
5 C G .3 .2
B H .2 .1 8 c colocação a zero dos indicadores de máximos..
A J .1 2 0
on I t off
ground fault

1 nível e temporização de disparo longo retardamento


2 sinalizador luminoso de sobrecarga
3 nível e temporização de disparo curto retardamento
4 nível de disparo Instantâneo
5 nível e temporização de disparo Vigi ou Terra
6 botão teste Vigi ou Terra
7 parafuso de fixação do calibrador longo retardamento
8 tomada teste
9 teste lâmpada , «reset» e estado da pilha
10 sinalização das causas de disparo
11 visualização digital
12 amperímetro e gráfico de barras trifásico
13 teclas de navegação

Nota:
As unidades de controlo Micrologic A são equipadas, de
origem, com uma tampa de selagem transparente.

18 Masterpact
Funções Unidades de controlo
e características Micrologic A «amperímetro»

Protecções Micrologic 2.0 A


longo retardamento
nível (A) Ir = In x … 0,4 0,5 0,6 0,7 0,8 0,9 0,95 0,98 1 t
Ir
disparo entre 1,05 a 1,20 Ir outras gamas ou inibição por mudança de regulador
regulação temporização tr(s) 0,5 1 2 4 8 12 16 20 24
(s) precisão: 0 a -30 % 1,5 x Ir 12,5 25 50 100 200 300 400 500 600
precisão: 0 a -20 % 6 x Ir 0,7 (1) 1 2 4 8 12 16 20 24 tr
precisão: 0 a -20 % 7,2 x Ir 0,7 (2) 0,69 1,38 2,7 5,5 8,3 11 13,8 16,6
memória térmica 20 min antes e depois do disparo
(1) 0 a -40%; (2) 0 a -60% Isd
instantânea 0 I
nível (A) Isd = Ir x … 1,5 2 2,5 3 4 5 6 8 10
precisão: ±10 %
temporização fixa: 20 ms
tempo máximo de corte: 80 ms

menu
Amperímetro Micrologic 2.0 A
medida permanente das correntes
medidas de 20 a 200 % de In I1 I2 I3 IN
precisão: 1,5 % (captores incluídos) alimentação por corrente própria (para I > 20 % In)
indicadores de máximos I1 máx. I2 máx. I3 máx. IN máx.

Protecções Micrologic 5.0 / 6.0 / 7.0 A


longo retardamento Micrologic 5.0 / 6.0 / 7.0 A
nível (A) Ir = In x … 0,4 0,5 0,6 0,7 0,8 0,9 0,95 0,98 1 t
Ir 2
I t on
disparo entre 1,05 a 1,20 Ir outras gamas ou inibição por mudança de regulador
regulação temporização tr(s) 0,5 1 2 4 8 12 16 20 24 tr 2
I t off
(s) precisão: 0 a -30 % 1,5 x Ir 12,5 25 50 100 200 300 400 500 600
precisão: 0 a -20 % 6 x Ir 0,7 (1) 1 2 4 8 12 16 20 24
Isd
precisão: 0 a -20 % 7,2 x Ir 0,7 (2) 0,69 1,38 2,7 5,5 8,3 11 13,8 16,6
tsd
memória térmica 20 min antes e depois do disparo
(1) 0 a -40%; (2) 0 a -60% Ii
curto retardamento
0 I
nível(A) Isd = Ir x … 1,5 2 2,5 3 4 5 6 8 10
precisão: ±10 %
regulação temp. tsd (s) regulações I2t Off 0 0,1 0,2 0,3 0,4 - - - -
I2t On - 0,1 0,2 0,3 0,4 - - - -
temporização (ms) a 10 Ir tsd (sem disparo) 20 80 140 230 350 - - - -
tsd (máx. de corte) 80 140 200 320 500 - - - -
instantânea
nível (A) Ii = In x … 2 3 4 6 8 10 12 15 off
precisão: ±10 %
temporização fixa: 20 ms
tempo máximo de corte: 50 ms
terra Micrologic 6.0 A
nível (A) Ig = In x … A B C D E F G H J
t
precisão: ±10 % In i 400 A 0,3 0,3 0,4 0,5 0,6 0,7 0,8 0,9 1 2
I t on
400 A < In i 1200 A 0,2 0,3 0,4 0,5 0,6 0,7 0,8 0,9 1 Ig
In > 1200 A 500 640 720 800 880 960 1040 1120 1200 2
I t off
regulação temp. tg (s) regulações I2t Off 0 0,1 0,2 0,3 0,4 - - - - tg
I2t On - 0,1 0,2 0,3 0,4 - - - -
temporização (ms) tg (sem disparo) 20 80 140 230 350 - - - -
a In ou 1200 A (I2t Off ou I2t On) tg (máx. de corte) 80 140 200 320 500 - - - - 0 I
diferencial residual (Vigi) Micrologic 7.0 A
sensibilidade (A) I∆n 0,5 1 2 3 5 7 10 20 30 t
I∆n
precisão: 0 a -20 %
temporização ∆t (ms) regulações 60 140 230 350 800 - - - - t∆n
∆tn (sem disparo) 60 140 230 350 800 - - - -
∆tn (máx. de corte) 140 200 320 500 1000 - - - -
0 I
menu
Amperímetro Micrologic 5.0 / 6.0 / 7.0 A
medida permanente das correntes
medidas de 20 a 200 % de In I1 I2 I3 IN Ig I∆n
precisão: 1,5 % (captores incluídos) alimentação por corrente própria (para I > 20 % In)
indicadores de máximos I1 máx. I2 máx. I3 máx. IN máx. Ig máx. I∆n máx.

Nota:
Todas as funções de protecção baseadas na corrente funcionam com corrente própria
Um «reset» permite a colocação a zero dos defeitos, indicadores de máximos e correntes
cortadas memorizadas.

Masterpact 19
Funções Unidades de controlo
e características Micrologic P «potência»

As unidades de controlo Micrologic P Regulações das protecções.................................. +


integram todas as funções das Micrologic As protecções reguláveis por comutadores são idênticas às da Micrologic A:
A, a medida das tensões e calculam as sobrecargas, curto-circuitos, defeitos terra ou diferencial.
potências e energias. Regulação dupla
Na gama imposta pela regulação do comutador, a regulação fina dos níveis (com
Novas protecções baseadas nas correntes, precisão de 1 ampére) e das temporizações (com precisão de 1 segundo) é feita
tensões, frequência e potências reforçam a por teclado, ou à distância com a opção COM.
protecção dos receptores. Regulação IDMTL
A coordenação com as protecções média tensão ou fusível é optimizada pela
regulação da inclinação da curva de protecção contra as sobrecargas. Esta
Micrologic 6.0 P regulação permite também uma melhor adaptação da protecção a alguns
receptores.
9
Protecção do neutro
10 Nos disjuntores tripolares, a regulação da protecção do neutro é feita por teclado
ou à distância com a opção COM. Existem 4 posições: neutro não protegido (4P
3d), neutro meio protegido (4P 3d + N/2), neutro totalmente protegido (4P 4d) e
I (A) neutro sobredimensionado protegido (4P 3d + 1,6N). A protecção do neutro é
Trip utilizada quando a secção do neutro é o dobro da secção das fases (forte
desequilíbrio de carga, elevada taxa de harmónicas de classe 3).
2000A
11 Nos disjuntores tetrapolares, a regulação da protecção do neutro é feita por
24s
comutador com 3 posições e por teclado: neutro não protegido (4P 3d), neutro
meio protegido (4P 3d + N/2), neutro totalmente protegido (4P 4d). A protecção do
20 kA neutro é inoperante se a curva longo retardamento estiver regulada para uma das
0.4s protecções IDMTL.
Off
Parametrização de alarmes e outras protecções...............
13 A Micrologic P vigia, em função de níveis e temporizações reguláveis com o teclado
ou à distância com a opção COM, as correntes e tensões, a potência, a frequência
e o sentido de rotação das fases. Todas as ultrapassagens de nível são sinalizadas
12 14 à distância com a opção COM. Cada ultrapassagem de nível pode ser associada, à
15 escolha, a um disparo (protecção) ou a uma sinalização feita por um contacto
programável M2C ou M6C opcional (alarme) ou aos dois (alarme e protecção).

Deslastragem-relastragem....................................................
A deslastragem-relastragem de uma carga é parametrizável em função da
Ir
long time
tr alarm
2
.7
.8
.9 (s) 4
8
12
potência ou da corrente que percorre o disjuntor. A acção de deslastragem é
1 .6 .95 2 16 7 assegurada por um supervisor com a opção COM ou por um contacto
.5 .98 1 20
.4
x In
1 .5 24
@ 6 Ir
programável M2C ou M6C.
short time instantaneous
Isd
3
4
5
tsd
(s) .4 .4 .3
Ii
6 8 10
Medidas..................................................................................
3 2.5 6 .3 .2 4 12 4
2 8 .2 .1 3 15
A Micrologic P calcula em tempo real todas as grandezas eléctricas (V, A, W, Var,
1.5 10 .1 2 0 2 off VA, Wh, VARh, VAh, Hz), os factores de potência e os factores de crista.
x Ir on I t off x In
16 setting delay
test A Micrologic P calcula também as médias de corrente e potência durante um
Ig tg 6
D
E
F (s) .4 .4 .3 tempo regulável. Cada medida é associada a um indicador de mínimos e
5 C G .3 .2
B H .2 .1 8 máximos.
A J .1 0
on
2
I t off Quando se verifica um disparo por defeito, a corrente cortada é memorizada. A
ground fault
alimentação externa, opcional, permite visualizar se o disjuntor está aberto ou
sem alimentação.

Históricos e indicadores de manutenção .......................


1 nível e temporização de disparo longo retardamento Os últimos 10 disparos e alarmes são registados em 2 históricos separados. Os
2 sinalizador luminoso de sobrecarga indicadores de manutenção (desgaste dos contactos, número de manobras…)
3 nível e temporização de disparo curto retardamento são registados num mapa acessível localmente.
4 nível de disparo instantâneo
5 nível e temporização de disparo Vigi ou Terra
6 botão teste Vigi ou Terra Opção de sinalização por contactos programáveis
7 parafuso de fixação do calibrador longo retardamento Os contactos auxiliares M2C (2 contactos) e M6C (6 contactos) assinalam
8 tomada teste ultrapassagens de níveis ou mudanças de estados. São programados pela
9 teste lâmpada + pilha e «reset» das sinalizações Micrologic P por teclado, ou à distância com a opção COM.
10 sinalização das causas de disparo
11 ecrã alta definição
12 visualização das medidas Opção de comunicação
13 indicadores de manutenção A opção de comunicação COM permite:
14 parametrização das protecções c leitura e parametrização à distância das protecções e dos alarmes
15 teclas de navegação
c transmissão de todas as medidas e indicadores calculados
16 encravamento das regulações tampa fechada (pino)
c sinalização das causas de disparo e dos alarmes
c consulta dos históricos e dos indicadores de manutenção
c colocação a zero dos indicadores de máximos.
Nota: A opção COM permite igualmente aceder a um diário de ocorrências e um registo
As unidades de controlo Micrologic P são equipadas, de
de manutenção, memorizados na unidade de controlo mas não disponíveis
origem, com uma tampa de selagem opaca.
localmente.

20 Masterpact
Funções Unidades de controlo
e características Micrologic P «potência»

Protecções Micrologic 5.0 / 6.0 / 7.0 P +


longo retardamento (RMS) Micrologic 5.0 / 6.0 / 7.0 P
nível (A) Ir = In x … 0,4 0,5 0,6 0,7 0,8 0,9 0,95 0,98 1 t Ir
disparo entre 1,05 a 1,20 Ir outras gamas ou inibição por mudança de regulador
regulação temporização tr(s) 0,5 1 2 4 8 12 16 20 24
(s) precisão: 0 a -30 % 1,5 x Ir 12,5 25 50 100 200 300 400 500 600 tr
precisão: 0 a -20 % 6 x Ir 0,7 (1) 1 2 4 8 12 16 20 24
precisão: 0 a -20 % 7,2 x Ir 0,7 (2) 0,69 1,38 2,7 5,5 8,3 11 13,8 16,6 Isd
IDMTL
regulação IDMTL inclinação da curva SIT VIT EIT HVFuse DT tsd
memória térmica 20 min antes e depois do disparo Ii
(1) 0 a -40%; (2) 0 a -60%
0 I
curto retardamento (RMS)
nível (A) Isd = Ir x … 1,5 2 2,5 3 4 5 6 8 10
precisão: ±10 %
regulação temp. tsd (s) regulações I2t Off 0 0,1 0,2 0,3 0,4
I2t On - 0,1 0,2 0,3 0,4
temporização (ms) a 10 Ir tsd (sem disparo) 20 80 140 230 350
(I2t OFF ou I2t ON) tsd (máx. de corte) 80 140 200 320 500
instantânea
nível (A) Ii = In x … 2 3 4 6 8 10 12 15 OFF
precisão: ±10 %
temporização fixa: 20 ms
tempo máximo de corte: 50 ms
terra Micrologic 6.0 P
nível (A) Ig = In x … A B C D E F G H J t 2
precisão: ±10 % In i 400 A 0,3 0,3 0,4 0,5 0,6 0,7 0,8 0,9 1 I t on
400 A < In i 1200 A 0,2 0,3 0,4 0,5 0,6 0,7 0,8 0,9 1 Ig
2
In > 1200 A 500 640 720 800 880 960 1040 1120 1200 I t off
tg
regulação temp. tg (s) regulações I2t Off 0 0,1 0,2 0,3 0,4
I2t On - 0,1 0,2 0,3 0,4
temporização (ms) tg (sem disparo) 20 80 140 230 350
0 I
a In ou 1200 A (I2t Off ou I2t On) tg (máx. de corte) 80 140 200 320 500
diferencial residual (Vigi) Micrologic 7.0 P
sensibilidade (A) I∆n 0,5 1 2 3 5 7 10 20 30 t
I∆n
precisão: 0 a -20 %
temporização ∆t (ms) regulações 60 140 230 350 800 t∆n
∆t (não disparo) 60 140 230 350 800
∆t (máx. de corte) 140 200 320 500 1000
0 I

Alarmes e outras protecções Micrologic 5.0 / 6.0 / 7.0 P


corrente nível temporização
desequilíbrio de corrente Idesequilíbrio 0,05 a 0,6 x Imédia 1 a 40 s.
máx. de corrente média Imáx. média: I1, I2, I3, IN 0,2 In a In 15 a 1500 s. t
alarme defeito de terra
It 20 A a 1200 A 1 a 10 s. nível
seuil
tensão nível
seuil
desequilíbrio de tensão Udesequilíbrio 2 a 30% x Umédia 1 a 40 s.
mín. de tensão Umín 100 a Umáx. 1,2 a 5 s.
máx. de tensão Umáx Umín. a 1200 1,2 a 5 s. tempo
potência tempo
retorno de potência rP 5 a 500 kW 0,2 a 20 s.
0 I/U/P/F
frequência
mín. de frequência Fmín 45 a Fmáx. 1,2 a 5 s.
máx. de frequência Fmáx Fmín. a 440 Hz 1,2 a 5 s.
sentido de rotação das fases
sentido ∆Ø Ø1/2/3 ou Ø1/3/2 0,3 s

Deslastragem, relastragem Micrologic 5.0 / 6.0 / 7.0 P


valor medido nível temporização t
corrente I 0,5 a 1 Ir por fases 20 % tr a 80 % tr.
potência P 200 kW a 10 MW 10 a 3600 s.
nível
seuil nível
seuil

tempo tempo

Nota :
Todas as funções de protecção baseadas na corrente funcionam com corrente própria. 0 I/P
As funções de protecção baseadas na tensão são ligadas à rede por uma tomada de tensão
interna do disjuntor.

Masterpact 21
Funções Unidades de controlo
e características Micrologic P «potência»

A navegação entre os ecrãs é intuitiva. Os 6 botões do teclado permitem


3850A Imax visualizar os menus e seleccionar simplesmente os valores. Quando a tampa dos
instant. comutadores está fechada, o teclado não permite o acesso às regulações das
N 1 2 3 I1 = 4800A
protecções mas autoriza a leitura dos ecrãs de medidas, históricos, indicadores…
I2 = 4600A
100
Medidas..................................................................................
I3 = 4000A
Valores instantâneos
IN = 200A O valor visualizado no ecrã é actualizado a cada segundo.
50 I = 13A Os valores máximos e mínimos das medidas são memorizados (indicadores de
máximos e mínimos).
Reset ( + / - )
0 correntes
I RMS A 1 2 3 N
Ecrã inicial Visualização das correntes A terra diferencial
máximas I máx RMS A 1 2 3 N
A terra diferencial
tensões
U RMS V 12 23 31
U inst. Pinst. V RMS V 1N 2N 3N
U média RMS V (U12 + U23 + U31) / 3
U desequilíbrio %
U12 = 400V P (kW)
U23 = 404V +2180 potências, energias
U31 = 401V P activa, Q reactiva, S aparente W, Var, VA totais
Q (kVAR) E activa, E reactiva, E aparente Wh, VARh, VAh totais consumidas - restituídas
U1N = 230V -650 totais consumidas
U2N = 229V totais restituídas
S (kVA)
U3N = 233V +2280 factor de potência PF total
frequências
F Hz

Visualização das tensões Visualização das potências Valores médios (pedidos)


O valor médio é calculado à escolha numa janela fixa ou deslizante com duração
programável de 5 a 60 minutos. Este valor médio chama-se «pedido».
Um indicador calculado em função do contrato assinado com o distribuidor de
energia e associado a uma deslastragem/relastragem permite evitar ou minimizar
F (Hz) P
Pdemand
demande
as facturações de ultrapassagens da potência contratada. Os valores máximos
dos pedidos são sistematicamente memorizados e datados (indicadores de
PActive P (kW) máximos).
2180 kW +2180 correntes
I pedido A 1 2 3 N
QRéactive (kVAR)
60.0 Q
- 650 kVAR -650
A terra diferencial
I máx pedido A 1 2 3 N
S (kVA) A terra diferencial
Apparente+2280
S
2280 kVA potências
P, Q, S pedido W, Var, VA totais
P, Q, S máx pedido W, Var, VA totais

Visualização de uma Visualização das potências Indicadores de máximos e mínimos


frequência médias Só estão disponíveis no ecrã os indicadores de máximos de corrente e potência.

Históricos............................................................................
Os 10 últimos disparos e os 10 últimos alarmes são registados em 2 históricos
disponíveis no ecrã:
Trip Trip c histórico dos disparos:
history v tipo de defeito
03/08/1999
12:02:36
v data e hora
Ir v valores medidos no momento do defeito (corrente cortada…)
03/08/1999 Ir = 1000A c histórico dos alarmes:
I1 = 1200A v tipo de alarme
Isd
27/07/1999 I2 = 1430A v data e hora
I3 = 1060A v valores medidos no momento de activação do alarme.
Umax
30/06/1999 IN = 53A
Indicadores de manutenção.................................................
Os indicadores de manutenção podem ser visualizados no ecrã, a pedido:
Visualização de um histórico Visualização após corte
c desgaste dos contactos
dos disparos c contador de manobras:
v acumuladas
v desde a última colocação a zero.

22 Masterpact
Funções Unidades de controlo
e características Micrologic P «potência»

POWERLOGIC System Manager Demo


File Edit View Setup Control Display Reports Tools Window Help
Com a opção de comunicação
Sampling Mode : MANUAL 5 seconds
Medidas complementares, indicadores de máximos e mínimos
Alguns valores medidos ou calculados só são acessíveis com a opção de
Time Event Module
04/21/98 08:49:06 Net Server Shutdown User : master Level : 1 PowerLogic Network…
comunicação COM:
04/21/98 08:49:01 User Log Out User : master User level : 1 SMS-3000 Client
04/21/98
04/21/98
04/21/98
08:48:38
08:48:30
08:46:16
DB Table Change
DB Table Change
DB Table Change
User : master
User : master
User : master
TOD Event Tasks
Tasks
TOD Events
Alarm Setup
Alarm Setup
Alarm Setup
c I crista / r, (I1 + I2 + I3)/3, I desequilíbrio
04/21/98
04/21/98
04/21/98
08:39:19
08:39:06
08:39:06
User Log In
Security Check
Net Server Started
User : master
Key Status : Key Found
User : master
User level : 1

Level : 1
SMS-3000 Client
PowerLogic Network…
PowerLogic Network…
c taxa de carga em % Ir
04/21/98
04/21/98
04/21/98
08:38:57
08:30:44
08:24:31
User Log In
Net Server Shutdown
Security Check
User : master
Key Status : Key Found
Level : 1
Event/Alarm/Network…
PowerLogic Network…
PowerLogic Network…
c cos f total.
04/21/98 08:24:30 Net server Started User : master Level : 1 PowerLogic Network…
04/21/98
04/21/98
08:24:15
08:18:07
User Log IN
IPC Error User : NA Err : 109
Event/Alarm/Network…
SMS-3000 Client
Todos os indicadores de máximos e mínimos estão disponíveis unicamente com a
04/21/98 07:54:05 DB Table Change User : -1 Logger Template Devices Logger Setup
04/21/98
04/21/98
07:53:55
07:53:54
DB Table Change
DB Table Change
User : -1
User : -1
Logger Template Topics Logger Setup
Logger Templates Logger Setup opção COM e exploração com supervisor.
04/21/98 07:51:46 DB Table Change User : master Analog Levels Assigned Alarm Setup
04/21/98 07:51:33 DB Table Change User : master Analog Levels Template Alarm Setup
04/21/98
04/21/98
07:51:29
07:50:17
DB Table Change
DB Table Change
User : master
User : master
Functions
Digital Levels Assigned
Alarm Setup
Alarm Setup Diário de ocorrências
04/21/98 07:50:17 DB Table Change User : master Analog Levels Assigned Alarm Setup
04/21/98
04/21/98
04/21/98
07:49:13
07:48:57
07:48:38
Setup: Device Name Change
Setup: Device Added
Setup: Device Name Change
Device : MicroLogic Breaker User :master
Device : MicroLogic Breaker User :master
Device : Transformer Temp User : master
Device Setup
Device Setup
Device Setup
Todas as ocorrências são datadas:
04/21/98
04/21/98
04/21/98
07:48:22
07:46:54
07:44:59
Setup: Device Added
User Log In
Security Check
Device : Transformer Temp User :master
User : master
Key Status : Key Found
User Level : 1
Device Setup
SMS-3000 Client
PowerLogic Network…
c disparos
04/21/98 07:44:59 Net Server Started User :master Level : 1 PowerLogic Network…
c aparecimento e apagamento de alarmes
ONLINE: DEMO No working system 9:30
Ready
c modificações das regulações e parametrizações
Visualização num supervisor de um diário de ocorrências c colocações a zero de contadores
c defeitos do sistema:
v posição de repouso
v autoprotecção térmica
c perda da hora
c ultrapassagem dos indicadores de desgaste
c ligações às ferramentas de teste…
Registo de manutenção
Permite afinar um diagnóstico e planificar melhor as operações de manutenção do
aparelho:
c medida da corrente mais elevada
c contador de manobras
c número de ligações das ferramentas de teste
c número de disparos em modo exploração e em modo teste
c indicador de desgaste dos contactos.

Características técnicas complementares


Parametrização da língua
As mensagens podem ser visualizadas em 6 línguas diferentes. A escolha da língua é feita
com o teclado.
Funções de protecção
Todas as funções de protecção baseadas na corrente funcionam com corrente própria. As
funções de protecção baseadas na tensão são ligadas à rede por uma tomada de tensão
interna do disjuntor.
Funções de medida
A medida é independente das protecções:
o módulo de medida fina funciona independentemente do módulo de protecção, estando
sincronizado com as ocorrências da protecção.
Modo de cálculo das medidas
A medida aplica o novo conceito de «zero blind time» que corresponde a uma medida
contínua dos sinais de frequência de amostragem elevada: não existe a janela «cega»,
tradicionalmente ocupada pelo tratamento das amostras. Este método garante a precisão do
cálculo das energias mesmo para cargas com fortes variações (máquinas de soldar, robots…).
As energias são acumuladas a partir do valor instantâneo das potências de 2 modos:
c o modo tradicional, segundo o qual só as energias positivas (consumidas) são acumuladas,
c o modo diferenciado, segundo o qual as energias positivas (consumidas) e negativas
(fornecidas) são acumuladas separadamente.
Precisão das medidas, incluindo os dados das sondas:
c tensão (V): 1 %
c corrente (A): 1,5 %
c frequência (Hz): 0,1 Hz
c potência (W) e energia (Wh): 2,5 % .
Memorização
As regulações finas, as 100 últimas ocorrências e o registo de manutenção ficam
memorizados na unidade de controlo em caso de perda das alimentações.
Datação
A horodatação só é activada com um módulo de alimentação externo (precisão 1 hora num
ano).
Colocações a zero
Um «reset» individualizado por funções permite a colocação a zero, com o teclado ou à
distância, dos defeitos, mínimos, máximos e cristas, assim como dos contadores e
indicadores.

Masterpact 23
Funções Unidades de controlo
e características Micrologic H «harmónicas»

A Micrologic H possui todas as funções da A Micrologic H disponibiliza, para além das funções da Micrologic P:
Micrologic P. Dotada de uma capacidade c análise fina da qualidade da energia com cálculo das harmónicas e das
fundamentais
de cálculo e de memória bastante maior, a c ajuda ao diagnóstico e à análise de uma ocorrência com a captação de ondas
Micrologic H permite a análise fina da c programação de alarmes personalizados para analisar e detectar uma
qualidade da energia e o diagnóstico perturbação na rede.
detalhado das ocorrências.
Medidas...................................................................................
Destina-se a exploração com supervisor.
A Micrologic H disponibiliza todas as medidas da Micrologic P e ainda:
c medida fase por fase:
v das potências e energias
Micrologic 7.0 H v dos factores de potência.
c cálculo:
v das taxas de distorsão harmónica totais THD de corrente e tensão
v das fundamentais das correntes, tensões e potências
v das harmónicas de correntes e tensões até ao nível 31.
Valores instantâneos visualizados no ecrã
I (A) correntes
I RMS A 1 2 3 N
U (V) A terra diferencial
I máx RMS A 1 2 3 N
P (kW) A terra diferencial
tensões
E (kWh) U RMS V 12 23 31
V RMS V 1N 2N 3N
U média RMS V (U12 + U23 + U31) / 3
Harmonics U desequilíbrio %
potências, energias
P activa, Q reactiva, S aparente W, Var, VA totais 1 2 3
E activa, E reactiva, E aparente Wh, VARh, VAh totais consumidas - restituídas
totais consumidas
totais restituídas
factor de potência PF total 1 2 3
frequências
F Hz

Ir
long time
tr alarm
indicadores de qualidade da energia
.8 (s) 4
8
.7 .9 12 fundamentais totais U I P Q S
.6 .95 2 16
.5 .98 1 20 THD % U I
.4 1 .5 24
x In @ 6 Ir harmónicas de U e I amplitudes 3 5 7 9 11 13
short time instantaneous As harmónicas de classe 3, 5, 7, 9, 11 e 13, vigiadas pelos distribuidores de energia, são
Isd tsd Ii
3
4
5 (s) .4 .4 .3 6 8 10 visualizadas no ecrã da unidade de controlo.
2.5 6 .3 .2 4 12
2 8 .2 .1 3 15
Valores médios (pedidos)
1.5 10 .1 2
0 2 off Como na Micrologic P, os valores médios (pedidos) são calculados à escolha
x Ir on I t off x In
setting delay
test numa janela fixa ou deslizante com duração programável de 5 a 60 minutos.
I∆n ∆t
(A) 5 (ms)
3 7 230 350 correntes
2 10
1 20
140 I pedido A 1 2 3 N
.5 30 60 800 A terra diferencial
earth leakage I máx pedido A 1 2 3 N
A terra diferencial
potências
P, Q, S pedido W, Var, VA totais
P, Q, S máx pedido W, Var, VA totais
Indicadores de máximos
Só os indicadores de máximos de corrente e potência estão disponíveis no ecrã.

Históricos e indicadores de manutenção


Estas funções são idênticas às da Micrologic P.

Nota:
As unidades de controlo Micrologic H estão equipadas, de
origem, com uma tampa de selagem opaca.

24 Masterpact
Funções Unidades de controlo
e características Micrologic H «harmónicas»

POWERLOGIC System Manager Demo


File Edit View Setup Control Display Reports Tools Window Help
Com a opção de comunicação
Sampling Mode : MANUAL 5 seconds
Medidas complementares, indicadores de máximos e mínimos
Alguns dos valores medidos ou calculados só são acessíveis com a opção de
Time Event Module
Phase A-N Voltage - Harmonics Analysis
comunicação COM:
1,20
Phase 1-N c I crista / r, (I1 + I2 + I3)/3, I desequilíbrio
Fundamental:
Harmonics(RMS)

H1: 118.09
c taxa de carga e taxa de carga crista em % Ir
1,00
RMS:
H2: 0.01
H3: 0.45
H4: 0.03
H5: 0.45
c cos f total e por fases
RMS-H:

0,80 Peak:
H6: 0.04
H7: 1.27
H8: 0.05
c thd de tensões e correntes
H9: 0.42
% Fundamental

CF:
THD:
H10: 0.01
H11: 1.03
H12: 0.07
c factores K das correntes e factor K médio
0,60
OK
c factores crista das correntes e tensões
0,40 c todas as fundamentais por fase
c desfasagem das fundamentais de correntes e tensões
0,20
c potência e factor de distorsão fase por fase
0,00 c amplitude e desfasagem das harmónicas de classe 3 a 31 das correntes e
H2 H3 H4 H5 H6 H7 H8 H9 H10 H11 H12
Harmonics tensões…
Ready ONLINE: DEMO No working system 9:30
Todos os indicadores de máximos e mínimos estão disponíveis com a opção
COM em exploração com supervisor.
Visualização das harmónicas até à classe 12
Captura de ondas
POWERLOGIC System Manager Demo A Micrologic H memoriza em permanência os 4 últimos ciclos dos valores
File Edit View Setup Control Display Reports Tools Window Help
Sampling Mode : MANUAL 5 seconds
instantâneos das correntes e tensões. A pedido ou automaticamente para
ocorrências programadas, a Micrologic H regista essas ondas num mapa.
A captura de ondas é visualizada sob a forma de oscilogramas num supervisor,
Phase A-N Voltage Phase A Current com a opção COM. A definição é de 64 pontos por ciclo.
167
83
642
321
Programação de alarmes personalizáveis
0 0 Cada valor instantâneo pode ser comparado a um nível baixo e a um nível alto
17 33 50 66 17 33 50 66
-83 -321
Your Specific Device - Phase A-N Voltage
parametrizáveis. Uma ultrapassagem de nível gera um alarme. Cada alarme pode
-167 -642

Harmonics(RMS)
ser associado a uma ou a várias acções programáveis: abertura do disjuntor,
Fundamental: 118.08 H1: 118.09
H2: 0.01
activação de um contacto auxiliar M2C, M6C, registo selectivo dos alarmes num
Phase B-N Voltage RMS: 118.11 H3: 0.45
H4: 0.03
H5: 0.45
diário, captura de ondas…
RMS-H: 2.38 H6: 0.04
167
Peak: 166.86
H7: 1.27
H8: 0.05 Diário de ocorrências e registo de manutenção
83 H9: 0.42

0
CF: 1.41 H10: 0.01
H11: 1.03
H12: 0.07
A Micrologic H edita um diário e um registo de manutenção idênticos aos da
17 33 50 THD: 2.02
-83
Micrologic P.
-167
OK

Ready ONLINE: DEMO No working system 9:30

Captação de uma onda de corrente

POWERLOGIC System Manager Demo


Características técnicas complementares
FileEdit View Setup Control Display Reports Tools Window Help
Parametrização da língua
Sampling Mode : MANUAL 5 seconds
As mensagens podem ser visualizadas em 6 línguas diferentes. A escolha da língua é feita
através do teclado.
Time Event Module
04/21/98 08:49:06 Net Server Shutdown User : master Level : 1 PowerLogic Network… Funções de protecção
04/21/98 08:49:01 User Log Out User : master User level : 1 SMS-3000 Client
04/21/98
04/21/98
08:48:38
08:48:30
DB Table Change
DB Table Change
User : master
User : master
TOD Event Tasks
Tasks
Alarm Setup
Alarm Setup
Todas as funções de protecção baseadas na corrente funcionam com corrente própria. As
04/21/98
04/21/98
04/21/98
08:46:16
08:39:19
08:39:06
DB Table Change
User Log In
Security Check
User : master
User : master
Key Status : Key Found
TOD Events
User level : 1
Alarm Setup
SMS-3000 Client
PowerLogic Network…
funções de protecção baseadas na tensão são ligadas à rede por uma tomada de tensão
04/21/98
04/21/98
08:39:06
08:38:57
Net Server Started
User Log In
User : master Level : 1 PowerLogic Network…
Event/Alarm/Network… interna do disjuntor.
04/21/98 08:30:44 Net Server Shutdown User : master Level : 1 PowerLogic Network…
04/21/98 08:24:31 Security Check Key Status : Key Found PowerLogic Network…
04/21/98
04/21/98
08:24:30
08:24:15
Net server Started
User Log IN
User : master Level : 1 PowerLogic Network…
Event/Alarm/Network…
Funções de medida
04/21/98
04/21/98
08:18:07
07:54:05
IPC Error
DB Table Change
User : NA
User : -1
Err : 109 SMS-3000 Client
Logger Template Devices Logger Setup A medida é independente das protecções:
04/21/98 07:53:55 DB Table Change User : -1 Logger Template Topics Logger Setup
04/21/98
04/21/98
07:53:54
07:51:46
DB Table Change
DB Table Change
User : -1
User : master
Logger Templates Logger Setup
Analog Levels Assigned Alarm Setup
o módulo de medida fina funciona independentemente do módulo de protecção, estando
04/21/98 07:51:33 DB Table Change User : master Analog Levels Template Alarm Setup
04/21/98
04/21/98
07:51:29
07:50:17
DB Table Change
DB Table Change
User : master
User : master
Functions
Digital Levels Assigned
Alarm Setup
Alarm Setup
sincronizado com as ocorrências da protecção.
04/21/98 07:50:17 DB Table Change User : master Analog Levels Assigned Alarm Setup
04/21/98
04/21/98
07:49:13
07:48:57
Setup: Device Name Change
Setup: Device Added
Device : MicroLogic Breaker User :master
Device : MicroLogic Breaker User :master
Device Setup
Device Setup Modo de cálculo das medidas
04/21/98 07:48:38 Setup: Device Name Change Device : Transformer Temp User : master Device Setup
04/21/98
04/21/98
07:48:22
07:46:54
Setup: Device Added
User Log In
Device : Transformer Temp User :master
User : master User Level : 1
Device Setup
SMS-3000 Client
Uma cadeia analógica específica de medida permite aumentar a precisão do cálculo das
04/21/98
04/21/98
07:44:59
07:44:59
Security Check
Net Server Started
Key Status : Key Found
User :master Level : 1
PowerLogic Network…
PowerLogic Network… harmónicas e dos indicadores de qualidade da energia. As grandezas eléctricas são
Ready ONLINE: DEMO No working system 9:30
calculadas pela Micrologic H com uma dinâmica de 1,5 In (20 In para a Micrologic P).
A medida aplica o novo conceito de «zero blind time».
Edição de um diário
As energias são acumuladas a partir do valor instantâneo das potências, segundo os modos
tradicional e diferenciado.
As componentes harmónicas são calculadas por Transformada de Fourrier Discreta (TFD).
Precisão das medidas, incluindo os dados das sondas:
c tensão (V): 1 %
c corrente (A): 1,5 %
c frequência (Hz): 0,1 Hz
c potência (W) e energia (Wh): 2,5 %
c taxa de distorsão das harmónicas (THD): 1 %.
Memorização
As regulações finas, as 100 últimas ocorrências e o registo de manutenção ficam
memorizados na unidade de controlo em caso de perda das alimentações.
Datação
A horodatação só é activada com um módulo de alimentação externa (precisão 1 hora num
ano).
Colocações a zero
Um «reset» permite a colocação a zero, através do teclado ou à distância, dos defeitos,
mínimos e máximos e cristas, assim como dos contadores e indicadores.

Masterpact 25
Funções Unidades de controlo Micrologic
e caractéristicas Acessórios e teste

Toro para protecção de terra Captores exteriores


SGR (Source Ground
Return) Transformador de corrente para protecção de terra e do neutro
Utiliza-se com os disjuntores 3P e instala-se no condutor neutro nos seguintes casos:
c protecção do neutro (com Micrologic P e H)
c protecção de terra do tipo residual (com Micrologic A, P e H).
O calibre do TC deve ser compatível com o calibre nominal do disjuntor:
c NT08 a NT16: TC 400/1600
c NW08 a NW20: TC 400/2000
c NW25 a NW40: TC 1000/4000
c NW50 a NW63: TC 2000/6300.
Transformador
de corrente
Para protecção de neutro sobredimensionado, o calibre do TC deve ser
compatível com a dinâmica de medida: 1,6 x IN.
A oferta neutro sobredimensionado está disponível nas gamas NT e NW (até 4000 A)
Toro somador para protecção diferencial
Instala-se no barramento (fases + neutro) para detectar a corrente homopolar
necessária para a protecção diferencial. Existem 2 tamanhos de toros disponíveis.
Dimensões (mm) da janela interior:
c 280 x 115 até 1600 A para Masterpact NT
c 470 x 160 até 4000 A para Masterpact NW.
Transformador de corrente para protecção de terra (SGR)
Instala-se na ligação do ponto neutro do transformador à terra e liga-se à unidade
de controlo Micrologic 6.0 atravérs de uma caixa «MDGF summer» para assegurar
a protecção de terra do tipo «Source Ground Return».
Tomadas de tensão
As tomadas de tensão são necessárias para as medidas de potência (Micrologic P
e H) e para a protecção diferencial (Micrologic 7...).
De origem, a unidade de controlo é alimentada por tomadas de tensão internas
situadas a jusante do pólo, para tensões compreendidas entre 100 e 690 V CA. A
pedido, as tomadas de tensão internas podem ser suprimidas e substituídas por
um ligador exterior (opção PTE). Este ligador permite que a unidade de controlo
seja alimentada directamente pela rede de potência a montante do disjuntor.
Uma cablagem de 3 m com ferrite está disponível com a opção PTE.

Calibrador longo retardamento


4 calibradores permutáveis permitem limitar a gama de regulação do nível de
retardamento longo e aumentar a precisão. Os tempos de abertura são dados por
uma sobrecarga de 6 Ir.
De origem, as unidades de controlo são equipadas com o calibrador 0,4 a 1.
gamas de regulação
de origem Ir = In x… 0,4 0,5 0,6 0,7 0,8 0,9 0,95 0,98 1
inferior Ir = In x… 0,4 0,45 0,50 0,55 0,60 0,65 0,70 0,75 0,8
superior Ir = In x… 0,80 0,82 0,85 0,88 0,90 0,92 0,95 0,98 1
sem calibrador sem protecção longo retardamento (Ir = In para a regulação de ISde)
Atenção. Os testes de isolamento e comportamento dieléctrico são feitos com o calibrador
fora da unidade Micrologic.

Módulo de alimentação externa


A alimentação externa permite a visualização caso o disjuntor esteja aberto ou
sem alimentação (ver parte «esquemas eléctricos» deste catálogo para as
condições de utilização).
Este módulo permite alimentar simultaneamente uma unidade de controlo
(consumo 100mA) e os contactos programáveis M2C ou M6C (consumo 100mA).
Com a Micrologic A, é possível visualizar correntes inferiores a 20% de In .
Com as Micrologic P e H, é possível manter a visualização das correntes de
defeito após o disparo e horodatar as ocorrências (alarmes e disparos).
Características:
c alimentação:
v 110/130, 200/240, 380/415 V CA 50/60Hz (+10 % -15 %), consumo 10 VA
v 24/30, 48/60, 100/125V CC (+20 % -20 %), consumo 10 W
c tensão de saída: 24 V CC, potência fornecida: 5W/5VA
c taxa de ondulação < 5%
c isolamento classe 2.
v comportamento dieléctrico 3,5 kV entre entrada / saída.

Módulo bateria
O módulo bateria permite manter a visualização e continuar a comunicar com o
supervisor em caso de corte da alimentação da unidade de controlo Micrologic.
Características:
c autonomia: cerca de 12 horas
c fixação em placa vertical ou calha simétrica.

26 Masterpact
Funções Unidades de controlo Micrologic
e caractéristicas Acessórios e teste

Peças de reserva
Tampas de selagem
O acesso aos comutadores de regulação é protegido por uma tampa de selagem.
Quando a tampa está fechada:
c impossibilidade de regulação por teclado, que pode ser desinibida por um pino
c acesso à tomada de teste
c acesso ao botão de teste da função protecção de terra ou diferencial.
Características:
c tampa transparente nas unidades de controlo Micrologic de base e Micrologic A
c tampa opaca nas unidades de controlo Micrologic P e H.
Pilha de reserva
Tampa de selagem Uma pilha alimenta os «LED”s» que identificam as causas de disparo. A sua
duração de vida é de cerca de 10 anos.
Um botão de teste na face frontal da unidade de controlo permite verificar o
estado da pilha que, quando está descarregada, pode ser substituída no local.

Contactos programáveis M2C, M6C


Estes contactos são opções associadas aos Micrologic P e H.
São propostos com os contactos de sinalização dos disjuntores.
características M2C/M6C
carga mínima 10mA/24V
poder V CA 240 5
de corte (A) 380 3
cos f : 0,7 V CC 24 1,8
48 1,5
125 0,4
M2C M6C
250 0,15

M2C: alimentação pela unidade de controlo 24 V CC, consumo 100 mA.


M6C: alimentação exterior 24 V CC, consumo 100 mA.

Equipamentos de teste
Caixa de teste
Este caixa autónoma e portátil permite:
c verificar o bom funcionamento da unidade de controlo e da cadeia de disparo e
abertura dos pólos por injecção de um sinal simulando um curto-circuito
c alimentar as unidades de controlo para fazer regulações com o teclado com o
aparelho sem tensão (Micrologic P e H).
Alimentação: pilha normalizada LR6-AA.
Mala de teste
A mala existe em 2 versões:
c versão autónoma, com teclado e visualização integrados
c versão completa, sendo a mala comandada por um PC.
A mala autónoma permite verificar:
c o bom funcionamento mecânico do disjuntor
c a continuidade eléctrica da ligação entre o disjuntor e a unidade de controlo
c o bom funcionamento da unidade de controlo:
v visualização das regulações
v testes automáticos ou manuais das protecções
v teste da função ZSI
v inibição da protecção terra
v inibição da memória térmica.
Mala de teste A mala comandada por um PC permite ainda:
c comparação da curva de disparo real com as curvas de catálogo disponíveis no PC
c colocação a zero das sinalizações e contactos M2C, M6C
c leitura e modificações das parametrizações e contadores
c consulta dos históricos e dos diários
c captura de ondas
c análise das harmónicas.

Masterpact 27
Funções Comunicação
e características A comunicação nos Masterpact

Para integrar o disjuntor ou o interruptor Opção de comunicação COM


num sistema de supervisão, é necessária a No caso dos aparelhos fixos, consiste:
opção de comunicação COM. c num módulo de comunicação instalado no aparelho, fornecido com um grupo
O Masterpact integra-se perfeitamente no de sondas (micro-contactos OF, SDE, PF, CH) e um conjunto de ligação aos
disparadores voltimétricos XF e MX comunicantes.
sistema de gestão da instalação eléctrica
No caso dos aparelhos extraíveis, consiste:
e SMS Powerlogic, comunicando através c num módulo de comunicação instalado no aparelho, fornecido com um grupo
dos protocolos BatiBUS ou Modbus. de sondas (micro-contactos OF, SDE, PF, CH) e um conjunto de ligação aos
Uma «gateway» exterior permite a disparadores voltimétricos XF e MX comunicantes
comunicação com outras redes: c num módulo de comunicação instalado no chassis, fornecido com um grupo de
sondas (contactos CE, CD, CT).
c Profibus
A sinalização de estados utilizada pela COM é independente dos contactos de
c Ethernet ... sinalização do aparelho. Estes contactos ficam disponíveis para a utilização
A “COM éco” é limitada à transmissão de tradicional.
dados de medida. Não permite controlo e Módulo de comunicação «aparelhos» Digipact ou Modbus
comando do aparelho, Este módulo é independente da unidade de controlo. É instalado por detrás da
unidade de controlo, no aparelho, e transmite e recebe informações provenientes
da rede de comunicação. Uma ligação por infra-vermelhos transmite os dados
entre a unidade de controlo e o módulo de comunicação.
Módulo de comunicação Consumo: 30 mA, 24 V.
“aparelhos” Digipact.
Módulo de comunicação «chassis» Digipact ou Modbus
Este módulo é independente da unidade Micrologic e instalado no chassis,
permite endereçar o chassis conservar este endereço quando o disjuntor está
extraído.
Consumo: 30 mA, 24 V.
Disparadores voltimétricos MX e XF comunicantes
Os disparadores comunicantes MX e XF possuem ligadores para ligação ao
módulo de comunicação «aparelho».
Os comandos de abertura de segurança (2º MX ou MN) são independantes da
comunicação.

Arquitectura de comunicação
Módulo de comunicação
“chassis” Digipact.
2 CCM
++

modb
us

Bus de +
CE
CD
CT

comunicação

CE
C 4
CT
C
OF CD
C
SDE 5
PF MX
CH XF
6
Módulo de comunicação
“aparelhos” Modbus.
1

Módulo
COM

1 módulo de comunicação «aparelho»


2 módulo de comunicação «chassis»
3 contactos «aparelho” OF, SDE, PF, CH
Módulo de comunicação 4 contactos «chassis” CE, CD, CT
“chassis” Modbus. 5 disparadores voltimétricos MX e XF
6 bus de comunicação Digipact
: cablagem
: bus de comunicação

28 Masterpact
Funções Comunicação
e características Panorama das funções

POWERLOGIC System Manager Demo


File Edit View Setup Control Display Reports Tools Window Help
Comunicação Masterpact
Sampling Mode : MANUAL 5 seconds
A opção de comunicação COM Digipact ou Modbus é compatível com todos os
interruptores e disjuntores Masterpact.
Time Event Module
Phase A-N Voltage - Harmonics Analysis Permite, para todas as unidades de controlo:
1,20
Phase 1-N
c identificação do aparelho
Fundamental:
Harmonics(RMS)

H1: 118.09
c sinalização de estados
H2: 0.01
1,00
RMS:
RMS-H:
H3: 0.45
H4: 0.03
H5: 0.45
c comando.
H6: 0.04
H7: 1.27
0,80 Peak: H8: 0.05
H9: 0.42 Conforme as unidades de controlo Micrologic (A, P, H), a opção COM também permite:
% Fundamental

CF: H10: 0.01


H11: 1.03

0,60
THD: H12: 0.07
c parametrizar as protecções
OK c analisar os parâmetros da rede, para a ajuda à exploração e à manutenção.
0,40

0,20 interruptor com disjuntor com


0,00 bus de comunicação bus de comunicação
H2 H3 H4 H5 H6 H7 H8 H9 H10 H11 H12
Harmonics Digipact Modbus Digipact Modbus
Ready ONLINE: DEMO No working system 9:30 identificação do aparelho
endereço c c A P H A P H
calibre - - A P H A P H
tipo de aparelho - - P H
tipo de unidade de controlo - - A P H A P H
tipo calibrador longo retardamento - - A P H A P H
sinalização de estados
aberto/fechado OF c c A P H A P H
mola armada CH c c A P H A P H
pronto a fechar PF c c A P H A P H
disparado após defeito SDE - - A P H A P H
encaixado/extraído/teste c c A P H A P H
CE/CD/CT
comandos
abertura/fecho MX/XF c c A P H A P H
mola armada - -
rearme do sinalizador - -
mecânico «reset»
parametrização das protecções e alarmes
leitura das regulações das protecções A P H A P H
regulações finas da gama imposta pelos comutadores P H
programação dos alarmes (deslastragem, relastragem, M2C...) P H
programação de alarmes personalizados P H
ajuda à exploração e à manutenção
leitura das medidas:
de correntes A P H A P H
de tensões, frequências, potências... P H P H
de qualidade de energia: fundamentais, harmónicas… H
programação valor médio P H
leitura dos defeitos:
tipo de defeito A P H
correntes cortadas P H
captações de ondas
após defeito H
a pedido ou programada H
históricos e diários:
históricos dos disparos P H
históricos dos alarmes P H
diários de ocorrências P H
indicadores:
contador de manobras A P H A P H
desgaste dos contactos P H
registo de manutenção P H
Nota:
consultar as descrições das unidades de controlo Micrologic para informações mais
pormenorizadas sobre as protecções e alarmes, medidas, captura de ondas, históricos, diários
e indicadores de manutenção.

Masterpact 29
Funções Comunicação
e características Masterpact na rede
de comunicação

Aparelhagem
Os disjuntores equipados com uma unidade de controlo Micrologic podem ser
ligados indiferentemente a um bus de comunicação Digipact ou Modbus. As
informações disponíveis são função do tipo de Micrologic (A, P ou H) e do bus de
comunicação (Modbus ou Digipact).
Os interruptores só podem ser ligados a bus de comunicação Digipact.

Bus de comunicação
Digipact
O bus Digipact é o bus interno do quadro de Baixa Tensão em que se encontram
instalados aparelhos comunicantes Digipact (Compact com COM Digipact,
SC150, UA150…). Com este bus é necessário instalar o concentrador de dados
DC150 (catálogo Sistema Powerlogic).
Endereçamento
O endereçamento é feito pelo concentrador de dados DC150.
Número de aparelhos
O número máximo de aparelhos comunicantes a ligar ao bus Digipact é calculado
em pontos de comunicação. Estes pontos de comunicação correspondem a uma
taxa de ocupação do bus. A soma total dos pontos de comunicação não deve
ultrapassar 100. Se este número for atingido, será necessário prever um segundo
bus interno Digipact.
Aparelhagem Pontos de comunicação
DC150 4
Micrologic + COM Digipact 4
SC150 4
UA150 4

Comprimento do bus
O comprimento máximo aconselhado para o bus interno Digipact é de 200 m.
Alimentação do bus
A alimentação é fornecida pelo DC150 (24 V).

30 Masterpact
Funções Comunicação
e características Masterpact na rede
de comunicação

Modbus
O bus Modbus RS485 (JBus) é um bus aberto em que são instalados aparelhos
comunicantes Modbus (Compact com COM Modbus, PMppp, Sepam,
Vigilohm…). Este bus permite a ligação a todos os tipos de autómatos e
computadores.
Endereçamento
A parte "programa" do protocolo Modbus permite gerir até 255 endereços
(1 a 255).
O módulo de comunicação "aparelho" contém 3 endereços que correspondem a:
c gestor disjuntor
c gestor medidas
c gestor protecções.
O módulo de comunicação "chassis" contém 1 endereço que corresponde a:
c gestor chassis.
A separação em 4 gestores torna mais seguras as permutas com o sistema de
supervisão e com os accionadores do disjuntor.
Os endereços dos gestores são automaticamente deduzidas do endereço do
disjuntor @xx introduzido na unidade de controlo Micrologic (endereço por defeito 47).
endereço programa
@xx Gestor disjuntor (1 a 47)
@xx + 50 Gestor chassis (51 a 97)
@xx + 200 Gestor medidas (201 a 247)
@xx + 100 Gestor protecções (101 a 147)

Número de aparelhos
O número máximo de aparelhos comunicantes a ligar ao bus Modbus é função do
tipo (Compact com COM Modbus, PMppp, Sepam, Vigilohm), da velocidade de
transmissão (19200 bauds aconselhados), do volume das permutas e do tempo
de resposta pretendido. A camada física RS485 permite até 32 pontos de ligação
no bus, ou seja 1 mestre e 31 escravos.
Um aparelho fixo utiliza um único ponto de ligação (módulo de comunicação
aparelho).
Um aparelho extraível utiliza dois pontos de ligação (módulo de comunicação
aparelho + módulo de comunicação chassis).
O número de aparelhos não deve nunca ser superior a 31 aparelhos fixos ou 15
aparelhos extraíveis.
Comprimentos do bus
O comprimento máximo aconselhado para o bus Modbus é de 1200 m.
Alimentação do bus
É necessária uma alimentação 24 V CC (taxa ondulação < 20%, isolamento classe II).

Interface de comunicação
A ligação do bus Modbus ao órgão de tratamento central pode ser feito de um
dos três modos a seguir indicados:
c ligação directa a um autómato. O interface de comunicação não é necessária se
o autómato possuir uma porta Modbus.
c ligação directa com um computador. O interface de comunicação Modbus
(RS485) / Porta série (RS232C) é necessária.
c ligação a rede TCP/IP (Ethernet). O interface de comunicação Modbus (RS485) /
TCP/IP (Ethernet) é necessária.

Programa
Para explorar as informações dos aparelhos comunicantes, é necessário utilizar
um programa com driver Modbus.

Utilitários Micrologic
É um conjunto de "driver" Modbus para permitir, com o auxílio de um PC:
c visualização das variáveis (I, U, P, E…): aplicação RDU (Remote Display Utility)
c leitura/escrita das regulações: aplicação RSU (Remote Setting Utility)
c comando à distância (abertura/fecho): aplicação RCU (Remote Control Utility).
Estes programas são fornecidos mediante pedido.

SMS (System Manager Software)


O SMS é um programa de controlo e vigilância da energia eléctrica em BT e/ou MT.
A família SMS inclui vários modelos, segundo as aplicações e as funcionalidades.
O SMS pode dialogar com todos os aparelhos inteligentes da rede eléctrica:
c Power Meter e Circuit Monitor
c aparelhos BT
c gama Sepam.

Masterpact 31
Funções Comunicação
e características Masterpact e o Micro Power
Server MPS100

O Micro Power Server MPS100 : MPS100 simplifica a aquisição de informações de supervisão


b informa o pessoal encarregue pela provenientes dos disjuntores Masterpact/Compact
manutenção, dos alarmes ou dos disparos Hoje em dia, no sector da indústria e do grande terciário é indispensável
supervisionar as instalações eléctricas. Para gerir cada equipamento, optimizar os
activados pelas unidades de controlo rendimentos, reduzir os custos e aumentar a disponibilidade dos mesmos, é
Micrologic, através do envio automático de necessário possuir ferramentas adaptadas.
e-mail's e/ou SMS. O servidor MPS100 foi concebido para fornecer um fluxo de informações
b envio periódico de históricos de dados, coerentes e fáceis de interpretar, nos ambientes eléctricos mais severos.
por e-mail.
b o envio é feito através de uma rede local MPS100 informa à distância, qualquer anomalia de
(LAN) ou à distância através de modem. funcionamento ao nível do Quadro Geral de Baixa Tensão
O MPS100 é um servidor autónomo que disponibila à distância, informação
relativa à instalação eléctrica.
Estas informações são armazenadas em páginas Web que podem ser
transmitidas através de uma rede local Ethernet ou à distância por modem,
permitindo assim, supervisionar a instalação a partir de um PC com uma ligação
Ethernet e com um software de navegação Web standard.
Independentemente da ligação utilizada, o MPS100 funciona como um servidor
Web associado a unidades de controlo Micrologic e a centrais de medida PMppp.
Este previne automaticamente (por envio de e-mail e/ou SMS), o pessoal
encarregue pela manutenção da instalação, assim que é ultrapassado um nível de
alarme pré-regulado ou assim que ocorre um disparo activado por uma unidade
de controlo Micrologic.

Vantagens
Micro Power Server MPS100 b visualização do QGBT sem necessiade de um PC local destinado e sem
necessidade de um software específico para o PC que se encontra à distância
b supervisão centralizada suprimindo as perdas de tempo que ocorrem quando
da recolha de dados localmente
b visualização à distância do QGBT através de ligação Modem (GSM ou RTC)
sem necessidade de existir uma rede local.
b notificação automática do pessoal encarregue pela manutenção da instalação,
dispensando uma presença permanente diante de um ecrã de supervisão.
b difusão periódica do histórico de dados por e-mail, a todos aqueles que estão
encarregues pela manutenção e supervisão da instalação, etc., evitando assim a
busca de informações que são necessárias.
b possibilidade de visualizar/notificar seis eventos exteriores (fim de curso,
contactos auxiliares...)
b salvaguarda das regulações das unidades de controlo Micrologic na memória
do MPS100 com possibilidade de restauração dos dados em caso de perda.

Quadro QGBT

Supervisão do quadro QGBT através de um software de


navegação Web standard

32 Masterpact
Funções Comunicação
e características Compact NS e o Micro Power
Server MPS100

Arquitectura tipo

É possível combinar diferentes tipos de arquitectura.

Aparelhos de supervisão
b unidade de controlo Micrologic
b central de medida Power Meter (PMppp).
É recomendado, limitar o número de aparelhos de supervisão a 10.

Funcionalidades
b acesso a todas as informações através de um PC com um software de
navegação Web standard
Unidade de controlo Central de medida PM500
b visualização dos dados em tempo real através de uma interface intuitiva e fácil
Micrologic de utilizar (quadro de visualização)
b ligação directa Ethernet Modbus TCP/IP a uma rede local ou através de um
modem (serviços do Protocolo Ponto a Ponto)
b cliente SMTP (Simple Mail Transfer Protocol) para o envio de e-mail
b consignação local de dados, tais como consumo, potência, corrente...
b parametrização e configuração do sistema por páginas HTML residentes no
MPS100
b possibilidade de tradução da interface do utilizador; de fábrica está disponível
em francês ou inglês
b 6 entradas/saídas (contacto livre de potencial)
b cliente DHCP (Dynamic Host Configuration Protocol).

Características técnicas
Alimentação 24 V CC ±15 %,consumo =250 mA
Temperatura de funcionamento 0 a +50 °C
Caixa metálica compacta e robusta 35 x 218 x 115 mm (A x L x P)
Informações complementares disponíveis no endereço:
http://194.2.245.4/mkt/microser.nsf
Introduza os seguintes identificadores:
Nome de utilizador: MPS. Password: MPS100
Serviço de mensagens (SMS)

Referências
Micro Power Server MPS100 (33507)
Alimentação 24 V CC PS080

Masterpact 33
Funções Ligações
e características panorama das soluções

Possibilidade de 3 tipos de ligação: Tomadas atrás


c por tomadas atrás horizontais ou horizontais verticais
verticais.
c por tomadas à frente
c por tomadas mistas.
As soluções apresentadas são idênticas
quanto ao princípio em versões fixa e
extraível para Masterpact NT e NW.

Uma tomada atrás horizontal transforma-se numa tomada atrás vertical por
rotação de um quarto de volta (até 3200 A). Para 6300 A apenas são permitidas
tomadas verticais.

Tomadas à frente

As tomadas à frente só estão disponíveis até 3200 A, para as versões fixa ou


extraível.

Tomadas mistas

Nota:
as placas de ligação dos disjuntores Masterpact recebem indiferentemente condutores de
cobre nú, cobre estanhado ou alumínio estanhado, sem tratamento especial.

34 Masterpact
Funções Ligações
e características Acessórios em opção

Tipo de acessórios Masterpact NT08 a NT16 Masterpact NW08 a NW63


fixo extraível fixo extraível
TAF TAT TAF TAT TAF TAT TAF TAT

Ligadores adicionais
verticais

Placas
complementares
para cabos

Separadores de
fases

Espaçadores
adicionais
E46431

Acessório
para tomadas à frente
extraíveis

Persianas isolantes
com encravamento
por cadeado

Indicador de posição
e encravamento
das persianas

Ecrã de protecção

Montagem no fundo do quadro por esquadrias


Os disjuntores Masterpact NT e NW em versão fixa com tomadas à frente podem
ser instalados num painel no fundo do quadro.
Para o Masterpact NW, é necessário juntar ao aparelho um jogo de esquadrias
para a instalação no fundo do quadro.

Masterpact 35
Funções Retrofit
e características Acessórios em opção

Conjunto de substituição da gama Masterpact M (Retrofit)


Um conjunto de peças de ligação permite substituir um Masterpact M08 a M32
por um Masterpact NW, sem modificar o barramento (consultar-nos).

Masterpact fixo com tomadas atrás horizontais

Calibre e poder 800-1200 800-1200 2000-2500 3200


de corte N1-NI H1-H2-HI-HF H1-H2-HI-HF H1-H2
1600 N1-NI HI-HF
Nº de pólos H1-H2-HI-HF-NI-NF
3P superior 3 x (1 Peça) 3 x (1 Peça) 3 x (1 Peça) 1 x (3 Peças)
inferior 3 x (1 Peça) 3 x (1 Peça) 3 x (1 Peça) 1 x (3 Peças)
4P superior 4 x (1 Peça) 4 x (1 Peça) 4 x (1 Peça) 2 x (4 Peças)
inferior 4 x (1 Peça) 4 x (1 Peça) 4 x (1 Peça)

Masterpact extraível com tomadas atrás horizontais

Calibre e poder 800-1200 800-1200 2000-2500 3200


de corte N1-NI H1-H2-HI-HF H1-H2-HI-HF H1-H2
1600 N1-NI HI-HF
Nº de pólos H1-H2-HI-HF-NI-NF
3P superior 3 x (1 Peça) 3 x (1 Peça) 3 x (1 Peça) 2 x (3 Peças)
inferior 3 x (1 Peça) 3 x (1 Peça) 3 x (1 Peça) 2 x (3 Peças)
4P superior 4 x (1 Peça) 4 x (1 Peça) 4 x (1 Peça) 1 x (4 Peças)
inferior 4 x (1 Peça) 4 x (1 Peça) 4 x (1 Peça) 1 x (4 Peças)

Masterpact extraível com tomadas atrás verticais

Calibre e poder 800-1200 800-1200 2000-2500 3200


de corte N1-NI H1-H2-HI-HF H1-H2-HI-HF H1-H2
1600 N1-NI HI-HF
Nº de pólos H1-H2-HI-HF-NI-NF
3P superior 6 x (1 Peça) 6 x (1 Peça) 6 x (1 Peça) 2 x (3 Peças)
inferior
4P superior 8 x (1 Peça) 8 x (1 Peça) 8 x (1 Peça) 2 x (4 Peças)
inferior

36 Masterpact
Funções Ligações
e características Acessórios em opção

Ligadores adicionais verticais


Montados no aparelho ou no chassis com tomadas à frente, facilitam a ligação de
um barramento vertical.

Placas para cabos


As placas complementares para cabos são associadas às tomadas atrás verticais
ou às placas adicionais verticais.
Permitem a ligação de vários cabos com terminais de olhal.
Permitem a ligação de vários cabos com ligadores.
Por razões de comportamento mecânico, é necessário soldar estas entre si e com
os entre-eixos.

Separadores de fases
Estes separadores são divisórias flexíveis e isolantes que permitem reforçar o
isolamento dos pontos de ligação, em instalações com barramentos isolados ou não.
Estas divisórias instalam-se verticalmente entre as placas de ligação das tomadas
atrás dos Masterpact NT e Masterpact NW (até NW40).

Espaçadores adicionais
Montados nas tomadas à frente ou atrás, os espaçadores adicionais permitem,
em determinadas configurações de instalação, aumentar a distância entre as
barras.

Ecrã de protecção
Para o Masterpact NT fixo com tomadas à frente, em caso de utilização de
ligadores adicionais verticais orientados para a frente é obrigatório instalar um
ecrã de protecção de modo a respeitar o perímetro de segurança.

Masterpact 37
Funções Ligações
e características Acessórios em opção

Acessório extraível para tomadas à frente


Montado no aparelho fixo, com tomadas à frente, este acessório simplifica a
substituição de um aparelho fixo, permitindo a desconexão rápida unicamente por
acesso frontal.

Persianas isolantes
Montadas no chassis, as persianas isolantes encraváveis tapam
automaticamente o acesso à pinças de encaixe quando o aparelho se encontra
na posição «extraído» ou «teste» (grau de protecção: IP 20). Quando o aparelho
está extraído do seu chassis, nenhuma peça sob tensão fica acessível.
O encravamento das persianas é constituído por uma peça móvel, que pode ser
encravada por cadeado (cadeado não fornecido), que permite:
c impedir o encaixe do aparelho
c encravar as persianas na posição «fechado».
Para Masterpact NW08 a NW63
Um suporte no fundo do chassis destina-se a receber as peças, quando estas
não são utilizadas:
c 2 peças para Masterpact NW08 a 40
c 4 peças para Masterpact NW50 a 63.

Indicador de posição e encravamento


das persianas na face frontal
Esta opção, localizada no espelho do chassis, indica que as persianas estão
fechadas. É possível encravar as 2 persianas, independente ou
simultaneamente, por cadeado (1 a 3 cadeados não fornecidos).

38 Masterpact
Funções Encravamentos
e características No aparelho

1 «reset» da sinalização
mecânica de
disparo
3
2 botão de abertura
3 encravamento na posição
NW
H1
1250 12kV
Uimp «aberto»
1
0V
Ui 100
8kV
Uimp

4
Icu
Ue
(V)
220/240
480/690
(kA)
100
85 4 botão de fecho
70
gic
Microlo

Ir Ii
Ig
Isd I ∆n
Ap
rese
t

I ON
5 eléctrico
push
O OFF
5 botão de fecho
6
push

disc
harg
ed 6 indicador de posição das
2 O OFF
molas
7 7 interdição de acesso aos
Icu
100%
Ics =

IEC
947-2
UTE VDE
BS CEI UNE
NEMA
8 botões de pressão
8 indicador de posição dos
53
012

contactos
9 9 contador de manobras

Interdição de acesso aos Interdição de acesso aos botões de pressão


botões de pressão por ecrã
transparente Este ecrã transparente interdita o acesso aos botões de pressão de abertura e de
fecho do aparelho.
O dispositivo permite encravar independentemente o botão de abertura e o de
fecho. É frequentemente associado a um comando eléctrico.
O encravamento pode ser feito por:
c 3 cadeados não fornecidos
c selagem
c 2 parafusos.
Interdição de acesso aos
botões de pressão por
cadeado
Encravamento do aparelho na posição «aberto»
O disjuntor é encravado na posição «aberto» por bloqueio na posição premido do
botão de pressão de abertura:
c por cadeado: 1 a 3 cadeados não fornecidos
c por fechaduras: 1 ou 2 fechaduras diferentes, fornecidas.
As fechaduras são do tipo «chave encravada libertada após encravamento», do
tipo Profalux ou Ronis, e são propostas nas opções:
c 1 fechadura simples
c 1 fechadura simples montada no aparelho + 1 idêntica fornecida
separadamente para encravamento com outro aparelho
Encravamento na posição c 2 fechaduras diferentes para duplo encravamento.
“aberto” por cadeado As fechaduras Profalux e Ronis são compatíveis.
Um kit de adaptação permite a instalação de 1 ou 2 fechaduras (Ronis, Profalux,
Castell ou Kirk), não fornecidas.
Compatibilidade dos acessórios
Para Masterpact NT: 3 cadeados ou 1 fechadura
Para Masterpact NW: 3 cadeados e/ou 2 fechaduras.

Encravamento entre a porta do quadro e o aparelho


Esta opção mantem a porta encravada quando o aparelho está fechado e impede
o fecho do disjuntor quando a porta está aberta.
Este encravamento consiste numa platina fixada no lado direito do aparelho
Encravamento na posição
associada a um parafuso e a um cabo.
“aberto” por fechaduras Impossibilita a montagem das platinas para inversor de rede.

Masterpact 39
Funções Encravamentos
e características No chassis

1 identificador
2 encravamento da porta
com o aparelho
«encaixado»
3 encravamento de encaixe
3 com a porta aberta
4 encravamento por
4 fechaduras
5 encravamento por
5 cadeado
6 indicador de posição
6 7 espelho do chassis
7 acessível com a porta da
8 cela fechada
1
9 8 encaixe da manivela
9 botão de «reset»
10 10 alojamento da
2 manivela

Encravamentos na posição «extraído»


Montados no chassis e acessíveis com a porta fechada, estes dispositivos
permitem o encravamento do disjuntor na posição «extraído» em 2 variantes :
c de origem, por cadeado: 1 a 3 cadeados não fornecidos
c em opção, por fechaduras: 1 ou 2 fechaduras diferentes.
As fechaduras do tipo Profalux ou Ronis são propostas em várias opções:
c 1 fechadura
c 2 fechaduras diferentes para duplo encravamento
c 1 (ou 2) fechadura montada no chassis + 1 (ou 2) idêntica fornecida
separadamente para encravamento com outro aparelho.
Um kit de adaptação permite a instalação de 1 ou 2 fechaduras (Ronis, Profalux,
Castell ou Kirk), não fornecidas.

Encravamento na posição Encravamento na posição Encravamento em posição «encaixado», «extraído», «teste»


“extraído” por cadeado “extraído” por fechadura
As posições “encaixado”, “extraído” e “teste” são indicadas por um sinalizador. A
posição exacta é atingida quando a manivela fica bloqueada. Um botão de reset
permite desbloqueá-la.
Encravamento da porta
com o aparelho encaixado A pedido, os encravamentos na posição “extraído” podem ser modificados para
encravar o disjuntor nas 3 posições: «encaixado», «extraído» e «teste».

Encravamento da porta com o aparelho encaixado


Montado no lado direito ou esquerdo do chassis, este encravamento impede a
abertura da porta da cela quando o disjuntor está encaixado ou na posição teste.
Se o encaixe do aparelho tiver sido feito com a porta aberta, é impossível voltar a
fechá-la sem extrair o aparelho.

Encravamento de encaixe com a porta aberta


Este encravamento impede a inserção da manivela enquanto a porta da cela
Encravamento de encaixe
com a porta aberta estiver aberta.

Encravamento entre a porta do quadro e o aparelho


Esta opção é idêntica tanto para os aparelhos fixos como para os extraíveis.

Interencravamento BPO - acesso à manivela


Esta opção obriga a premir o botão pressão de abertura para inserir a manivela e
mantem o aparelho aberto com a manivela inserida.

Desarme automático com a extracção


Identificador
Esta opção descarrega a energia das molas quando o aparelho é extraído para
fora do chassis.

Identificador
O identificador só permite a introdução do disjuntor num chassis que possua
características compatíveis. É constituído por 2 peças (1 para o chassis e 1 para o
disjuntor) que permitem 20 combinações diferentes, à escolha do utilizador.

40 Masterpact
Funções Contactos de sinalização
e características

Os contactos de sinalização são Contactos de posição «aberto/fechado» OF do aparelho


propostos: 2 variantes de contactos sinalizam a posição aberto ou fechado do disjuntor:
c em versão base, para aplicações com c contactos inversores do tipo microinterruptor para Masterpact NT
c contactos inversores do tipo rotativo com accionamento directo pelo
comando intermédio mecanismo para Masterpact NW. Mudam de estado quando é atingida a distância
c em versão baixo nível, para comando de mínima de seccionamento dos contactos principais.
autómatos ou de circuitos electrónicos. OF NT NW
Os contactos M2C e M6C podem ser fornecido de origem 4 4
programados pelas unidades de controlo quantidade máx. 4 12
poder de corte (A) base carga mín.: 100mA/24V
Micrologic P e H. cos f : 0,3 V CA 240/380 6 10/6*
CA12/CC12 480 6 10/6*
690 6 6
Contactos de posição OF
V CC 24/48 2,5 10/6*
tipo microinterruptor
125 0,5 10/6*
250 0,3 3
baixo nível carga mín.: 2mA/15V CC
V CA 24/48 5 6
240 5 6
380 5 3
V CC 24/48 5/2,5 6
125 0,5 6
250 0,3 3
* contactos standard: 10 A, contactos opcionais: 6 A

Contactos «sinal de defeito eléctrico» SDE


Qualquer disparo após defeito é sinalizado por:
c 1 sinalizador mecânico vermelho de sinalização de defeito (reset)
c 1 contacto inversor (SDE).
Após o disparo, o rearme do sinalizador mecânico é obrigatório para permitir o
fecho do disjuntor.
Contactos de posição OF SDE NT/NW
tipo rotativo fornecido de origem 1
quantidade máx. 2
poder de corte (A) base carga mín.: 100mA/24V
cos f : 0,3 V CA 240/380 5
CA12/CC12 480 5
690 3
V CC 24/48 3
125 0,3
250 0,15
baixo nível carga mín.: 2mA/15V CC
Contactos “sinal de defeito V CA 24/48 3
eléctrico” SDE 240 3
suplementares
380 3
V CC 24/48 3
125 0,3
250 0,15

Contactos combinados «encaixado/fechado» EF


O contacto combinado associa a informação «aparelho encaixado» e «aparelho
fechado» que dá a informação «circuito fechado».
Fornecido em opção para o Masterpact NW, deve ser associado a um contacto
OF suplementar e substitui o seu ligador.
EF NW
Contactos combinados quantidade máx. 8
poder de corte (A) base carga mín.: 100mA/24V
cos f : 0,3 V CA 240/380 6
CA12/CC12 480 6
690 6
V CC 24/48 2,5
125 0,8
250 0,3
baixo nível carga mín.: 2mA/15V CC
V CA 24/48 5
240 5
380 5
V CC 24/48 2,5
125 0,8
250 0,3

Masterpact 41
Funções Contactos de sinalização
e características

Contactos de chassis: Contactos «encaixado», «extraído» e «teste» do chassis


posição
“encaixado/extraído/teste” Os chassis podem ser equipados, em opção, com 3 séries de contactos auxiliares:
CE, CD, CT c contactos inversores para indicar a posição «encaixado» (CE)
c contactos inversores para indicar a posição «extraído» (CD). Esta posição é
sinalizada quando é atingida a distância mínima de seccionamento dos circuitos de
potência e auxiliares
c contactos inversores para indicar a posição «teste» (CT). Nesta posição, os
circuitos de potência estão desligados e os circuitos auxiliares estão ligados.
Accionadores suplementares
Um conjunto de accionadores suplementares pode ser instalado no chassis, para
modificar as funções dos contactos de posição.
NT NW
Contactos M2C : contactos CE/CD/CT CE/CD/CT
relé interno do disjuntor com quantidade máx. base 3 2 1 3 3 3
2 contactos. com accionadores suplementares 9 0 0
6 3 0
6 0 3
poder de corte (A) base carga mín.: 100mA/24V
cos f : 0,3 V CA 240 8 8
CA12/CC12 380 8 8
480 8 8
690 6 6
V CC 24/48 2,5 2,5
Contactos M6C : 125 0,8 0,8
relé externo ao disjuntor 250 0,3 0,3
com 6 contactos inversores
baixo nível carga mín.: 2mA/15V CC
independentes comandados
pelo disjuntor através de 3 V CA 24/48 5 5
condutores. 240 5 5
380 5 5
V CC 24/48 2,5 2,5
125 0,8 0,8
250 0,3 0,3

Contactos programáveis M2C, M6C


Estes contactos, que podem ser associados às unidades de controlo Micrologic
P e H, são programados pela unidade de controlo por teclado, ou a partir de um
posto de supervisão com a opção de comunicação COM. Necessitam de um
módulo de alimentação externa.
Sinalizam:
c o tipo de defeito
c as ultrapassagens de níveis instantâneos ou temporizados.
Estes contactos podem ser programados:
v com retorno instantâneo ao estado inicial
v sem retorno ao estado inicial
v com retorno ao estado incial com temporização.
características M2C/M6C
carga mínima 100mA/24V
poder V CA 240 5
de corte (A) 380 3
cos f : 0,7 V CC 24 1,8
48 1,5
125 0,4
250 0,15

42 Masterpact
Funções Comando à distância
e características Telecomando

Existem 2 soluções para realizar um O telecomando permite a abertura e o fecho à distância do disjuntor. É composto
por:
telecomando nos Masterpact: c um moto-redutor (MCH) equipado com um contacto fim de curso (CH) « molas
c solução «fio a fio» armadas»
c solução «bus» com a opção de c dois disparadores voltimétricos:
comunicação «COM». v um disparador de fecho (XF)
v um disparador de abertura (MX).
Em opção, pode ser completado por:
c um contacto «pronto a fechar» PF
c um botão de fecho eléctrico BPFE
c um rearme à distância após defeito (reset).
Um comando à distância é geralmente associado a:
c uma sinalização de posição O/F do aparelho
c uma sinalização de defeito eléctrico SDE.

Esquema de cablagem de um telecomando “fio a fio”

mola ordem ordem pronto a


carregada de abertura de fecho fechar defeito aberto fechado

B3 B2 C2 A2 252 254 82 84 12 14

MCH
PF OF1
SDE
MX XF
CH

B1 C1 A1 251 81 11

Esquema de cablagem de um telecomando “bus”

Nota:
A ordem de abertura é sempre prioritária sobre a ordem de botões de pressão
de abertura ou fecho
fecho. mola opcionais
Em caso de ordens simultâneas de abertura e fecho, o carregada
mecanismo descarrega-se em vazio sem accionamento dos
contactos principais. O aparelho fica na posição aberto. B3 B2 C2 C3 A2 A3
Em caso de ordens mantidas de abertura e fecho, o
telecomando executa, de origem, a função antibombagem,
bloqueando o aparelho na posição aberto.
MCH
Função antibombagem: após a abertura por defeito ou
voluntária por comando manual ou eléctrico, é necessário
interromper a ordem de fecho dado que para o reactivar é MXcom XFcom
necessário autorizar o fecho do disjuntor.
Com a opção de rearme automático após defeito (RAR), para CH
evitar a bombagem em defeito, o automatismo deve ter em
conta as diferentes informações fornecidas pelo disjuntor,
B1 C1 A1
antes de dar uma nova ordem de fecho ou de bloquear o
aparelho em posição aberta (informação do tipo de defeito:
sobrecarga, curto retardamento, defeito de terra, defeito Vigi
ou curto-circuito, etc.).
COM
Nota:
Os disparadores MX comunicantes são de acção fugitiva
unicamente, não podendo ser utilizados para um supervisor
encravamento do aparelho em posição «aberto». OF
ordem
Para efectuar um encravamento, deve utilizar o comando de PF de abertura
abertura de segurança (utilizando um segundo disparador MX ou fecho
ou MN). SDE
CH

Masterpact 43
Funções Comando à distância
e características Telecomando

Moto-redutor (MCH)
O moto-redutor executa o rearme automático das molas de acumulação de
energia quando o disjuntor fecha. Este mecanismo permite voltar a fechar
instantaneamente o aparelho após a abertura. A alavanca de rearme serve apenas
de comando de socorro em caso de ausência de tensão auxiliar.
O moto-redutor MCH é equipado de origem com um contacto «fim de curso» CH .
Este contacto sinaliza a posição «armado» do mecanismo (molas armadas).
características
alimentação V CA 50/60 Hz 48/60 - 100/130 - 200/240 - 277- 380/415 - 400/440 - 480
V CC 24/30 - 48/60 - 100/125 - 200/250
nível de funcionamento 0,85 a 1,1 Un
consumo (VA ou W) 180
sobreintensidade motor 2 a 3 In durante 0,1 s
tempo de rearme 3 s. máx. para Masterpact NT
4 s. máx. para Masterpact NW
cadência de manobras 3 ciclos máx. por minuto
contacto CH 10 A a 240 V

Disparadores voltimétricos (XF e MX)


Podem ser alimentados em permanência ou de modo impulsional.
Moto-redutor MCH para Moto-redutor MCH para
Masterpact NT Masterpact NW Disparador de fecho (XF)
Provoca o fecho à distância do disjuntor quando o comando está armado.
Disparador de abertura (MX)
Provoca a abertura instantânea do disjuntor quando alimentado.
ordem de 1
Efectua o encravamento na posição «aberto» se a ordem for mantida (excepto MX
comando 0
«comunicante»).
Nota: Qualquer que seja a ordem de comando (impulsional ou permanente), os
acção do disparadores XF ou MX «comunicante» são por ordem impulsional.
disparador
XF ou MX 1 características XF MX
“clássico” 0 alimentação V CA 50/60 Hz 24 - 48 - 100/130 - 200/250 - 277 - 380/480
V CC 12 - 24/30 - 48/60 - 100/130 - 200/250
acção do nível de funcionamento 0,85 a 1,1 Un 0,7 a 1,1 Un
disparador consumo (VA ou W) chamada: 200 (durante 200 ms) chamada: 200 (durante 200 ms)
XF ou MX 1
“comunicante” 0 manutenção: 4,5 manutenção: 4,5
tempo de resposta do 55 ms ± 10 (Masterpact NT) 50 ms ± 10
disjuntor a Un 70 ms ± 10 (NW i 4000A)
Disparadores 80 ms ± 10 (NW > 4000A)
voltimétricos
XF e MX Contacto «pronto a fechar» (PF)
A posição “pronto a fechar” do disjuntor é indicada por um sinalizador mecânico e
um contacto inversor PF. Esta informação indica simultaneamente que:
c o disjuntor está aberto
c as molas de acumulação estão armadas
c não há ordem permanente de abertura:
v MX alimentada
v disparo após defeito
v comando de abertura de segurança (2ª MX ou MN)
v aparelho não completamente encaixado
Contactos “pronto a fechar”
v aparelho encravado na posição aberto
PF
v aparelho encravado com outro.
características NT/NW
quantidade máx. 1
poder de corte base carga mín.: 100mA/24V
cos f : 0,3 V CA 240/380 5
CA12/CC12 480 5
690 3
V CC 24/48 3
125 0,3
250 0,15
baixo nível carga mín.: 2mA/15V CC
V CA 24/48 3
240 3
380 3
V CC 24/48 3
125 0,3
250 0,15

44 Masterpact
Funções Comando à distância
e características Telecomando (cont.)

Botão de pressão de fecho eléctrico (BPFE)


Localizado no espelho, este botão de pressão assegura o fecho eléctrico do
disjuntor. É geralmente associado ao ecrã transparente de interdição de acesso
ao botão de pressão de fecho.
O fecho eléctrico feito com o BPFE tem em conta todas as seguranças ligadas ao
esquema de controlo-comando da instalação.
O BPFE liga-se ao disparador XF em vez do módulo de comunicação COM.

ordem
de fecho
à distância

Botão de pressão de fecho BPFE

A2 A3
BPFE

XF com

A1

Rearme à distância após defeito


Rearme eléctrico após defeito (Res)
Após o disparo, o rearme eléctrico permite o rearme dos contactos “sinal de
defeito eléctrico” SDE, o rearme do sinalizador mecânico (reset) e permite o
fecho do disjuntor.
Alimentação: 110/130 V CA e 200/240 V CA.

ordem
de rearme

K2

SDE 2

K1

Rearme automático após defeito (RAR)


Após o disparo, o rearme do sinalizador mecânico (reset) deixa de ser
obrigatório para permitir o fecho do disjuntor. As sinalizações mecânicas (reset)
e eléctricas (SDE) mantêm-se em posição defeito. O botão «reset» permite
anulá-las.

Masterpact 45
Funções Comando de abertura
e características de segurança

Este comando provoca a abertura do disjuntor através de uma ordem eléctrica.


É executada por:
c um disparador de emissão de corrente (2ª MX)
c um disparador de mínimo de tensão (MN)
c um disparador de mínimo de tensão retardado (MN + retardador)
O retardador, situado no exterior do disjuntor, pode ser inibido por um botão de
paragem de emergência, para se obter a abertura instantânea do disjuntor.

Esquema de cablagem de um comando de abertura de segurança

ordem ordem ordem de


de de disparo
disparo disparo retardado
10 12

3 6

Disparadores voltimétricos
MX ou MN C12 D2 ordem de
disparo D2
instantâneo

MX2 MN MN

C11 D1 D1

Disparador voltimétrico (2ª MX)


Provoca a abertura instantânea do disjuntor quando é alimentado. A alimentação
permanente da 2ª MX encrava o disjuntor na posição “aberto”.
características
alimentação V CA 50/60Hz 24 - 48 - 100/130 - 200/250 - 277- 380/480
V CC 12 - 24/30 - 48/60 - 100/130 - 200/250
nível de funcionamento 0,7 a 1,1 Un
funções de encravamento 0,85 a 1,1 Un
permanente
consumo (VA ou W) chamada: 200 (durante 200 ms) manutenção: 4,5
tempo de resposta do 50 ms ± 10
disjuntor a Un

Disparador voltimétrico instantâneo (MN)


Este disparador provoca a abertura intantânea do disjuntor quando a sua tensão
de alimentação desce para um valor compreendido entre 35 e 70 % da sua
tensão nominal. Se o disparador não estiver alimentado, o fecho (manual ou
eléctrico) do disjuntor é impossível. Qualquer tentativa de fecho não provoca
nenhum movimento dos contactos principais. O fecho volta a ser possível quando
a tensão de alimentação do disparador atinge 85 % da sua tensão nominal.
características
alimentação V CA 50/60 Hz 24 - 48 - 100/130 - 200/250 - 380/480
V CC 24/30 - 48/60 - 100/130 - 200/250
nível de abertura 0,35 a 0,7 Un
funcion. fecho 0,85 Un
consumo (VA ou W) chamada: 200 (durante 200 ms) manutenção: 4,5
consumo MN com chamada: 200 (durante 200 ms) manutenção: 4,5
retardador (VA ou W)
tempo de resposta do 40 ms ± 5 para NT
disjuntor a Un 90 ms ± 5 para NW

Retardadores para MN
Para eliminar os disparos intempestivos do disjuntor quando se verificam
quedas de tensão fugidias (micro-cortes), a acção do MN é temporizada. Esta
função é obtida pela adjunção de um retardador externo ao circuito do
disparador voltimétrico MN (2 versões: regulável ou não regulável).
características
alimentação não regulável 100/130 - 200/250
V CA 50-60 Hz /CC regulável 48/60 - 100/130 - 200/250 - 380/480
nível de funcionamento abertura 0,35 a 0,7 Un
fecho 0,85 Un
consumo (VA ou W) chamada: 200 (durante 200 ms) manutenção: 4,5
tempo de resposta do não regulável 0,25 s
disjuntor a Un regulável 0,5 s - 0,9 s - 1,5 s - 3 s

46 Masterpact
Funções Acessórios
e características

Tampa para placa de terminais fios finos (CB)


Montada em opção no chassis, a tampa CB interdita o acesso à placa de
terminais de ligação dos auxiliares eléctricos.

Contador de manobras (CDM)


O contador de manobras é visível na face frontal. Totaliza o número de ciclos de
manobra do aparelho. É compatível com os aparelhos de comando manual ou
eléctrico.

Moldura de porta (CDP)


Montado em opção na porta da cela, a moldura de porta CDP permite obter um
grau de estanquecidade IP40 (só aparelho IP 30). Existe nas versões fixa e
extraível.

Obturador de porta (OP) para moldura de porta


Associado à moldura de porta, esta opção permite tapar o recorte da porta de
uma cela que esteja a aguardar um aparelho. Associa-se à moldura de porta, para
aparelhos fixos ou extraíveis.

Tampa transparente (CCP) para moldura de porta


Montada em opção na moldura de porta, possui dobradiças e fecho por
parafusos. Garante ao equipamento o grau de estanquecidade IP 55, IK10.
Pode ser utilizada em aparelhos fixos ou extraíveis.

Moldura de porta (CDP) com obturador

Tampa transparente (CCP)


para moldura de porta

Masterpact 47
Funções Inversores de rede
e características Apresentação

Inversor de rede manual


É o dispositivo mais simples. É necessária a intervenção de um agente de
exploração e por isso, o tempo de passagem da rede normal à rede de socorro é
maior.
Um inversor de rede manual é constituído por 2 ou 3 aparelhos comandados
manualmente (disjuntores ou interruptores) e encravados mecanicamente.
Os encravamentos impedem a ligação em paralelo, mesmo transitória, das duas
redes.

Inversor de rede telecomandado


Este é o sistema mais utilizado para aparelhos de altos calibres (a partir de 400 A).
Não é necessária a intervenção humana. A passagem da rede normal para o
socorro é comandada eléctricamente.
Um inversor de redes telecomandado é constituido por 2 ou 3 aparelhos, aos
quais é associado um encravamento eléctrico (disjuntores ou interruptores), que
pode ter diferentes esquemas. O comando dos aparelhos é seguro devido à
utilização de um encravamento mecânico que protege contra disfuncionamentos
eléctricos e impede manobras manuais erradas.

Inversor de rede automático


A associação de um automatismo a um inversor de rede telecomandado permite
Terciário: comandar automaticamente as redes, segundo vários modos programados.
b salas de operações dos hospitais Esta solução assegura uma gestão óptima da energia:
b dispositivos de segurança de prédios de grande altura
b basculamento para uma rede de socorro em função de imposições externas
b salas de informática (bancos, companhias de seguros etc.)
b sistemas de iluminação de centros comerciais… b gestão das alimentações
b regulação
b substituição por motivos de segurança...
Pode ser associda ao automatismo uma opção de comunicação por supervisor.

Indústria:
b linhas de produção contínua
b salas de máquinas de navios
b auxiliares essênciais de centrais térmicas…

Infraestruturas:
b instalações portuárias e ferroviárias
b sinalização luminosa de aeroportos
b orgãos de controlo de instalações militares…

Encravamento de 2 Masterpact NT e NW disjuntores por cabos

48
Funções e Inversores de rede
características Características gerais
Inversor automático

Gama Masterpact
Família NT08 a 16 NW08 a 63
Disjuntores N1 / H1 / H2 / H3 / L1 N1 / H1 / H2 / H3 / L1
Interruptores NA / HA / HF NA / HA / HF
Cruzamentos possíveis todas as possibilidades todas as possibilidades
(fixo, extraível ou fixo (fixo, extraível ou fixo
+ extraível) + extraível)
N1/H1/H2/H3/L1/NA/HA/HF N1/H1/H2/H3/L1/NA/HA/HF
Características eléctricas
Calibre 800 a 1600 A 800 a 6300 A
Tensão estipulada de isolamento Ui (V CA) 1000 1000
Seccionamento com corte plenamente aparente b b
Número de pólos 3, 4 3, 4
(aparelhos N e R devem ter o mesmo número de pólos)
Durabilidade eléctrica (ciclo N-R-N) a 440 V, tipo N 6 000 (NT08 a NT12) 10 000 (VW08 a NW16), 8 000 (NW20)
(p/ outro tipo ou outra tensão ver catálogo produto) 3 000 (NT16) 5 000 (NW25 a NW40), 1 500 (NW50 a NW63)
Temperatura de funcionamento –25 °C to +70 °C (50 °C for 440 V - 60 Hz)
Características de comando
Tensão de comando CA 48 a 415 V - 50/60 Hz
440V - 60 Hz
CC 24-250 V
Consumo máximo CA 180 VA 180 VA
CC 180 W 180 W
Tempo mínimo de permutação 800 ms 800 ms
Encravamento
Mecânico barras (sobrepostos) b b
cabos (lado a lado ou sobrepostos) b b
Eléctrico por esquema eléctrico (sem IVE) b b
com IVE apenas com UA ou BA apenas com UA ou BA
contactos auxiliares utilizados por disjuntor 1 OF + 1 CE + 1 PF 1 OF + 1 CE + 1 PF
Protecção e medida
Prot. contra sobrecargas longo retardamento b b
Prot. contra curto-circuitos curto retardamento b b
instantâneos b b
Prot. contra defeitos terra b b
Selectividade lógica (ZSI) b b
Protecção diferencial por unidade de controlo b b
por relé Vigirex b b
Medidas de corrente b b
Medidas de tensão, frequência, potência, etc. b b
Auxiliares de sinalização e comando
Contactos de sinalização disponíveis 2 OF + SD 2 OF + SD
Disparadores voltimétricos MX emissão de corrente b b
MN mínimo de tensão b b
Indicador presença de tensão b b
Bloco transformador de corrente b b
Bloco amperímetro b b
Bloco vigilância de isolamento b b
Automatismo
Com rede de substituição permanente b automatismo de base BA
Com gerador em espera b automatismo universal UA
Comunicação à distância por bus
Sinalização do estado dos aparelhos b b
Transmissão de regulações por comutadores b b
Sinalização e idêntificação das protecções e alarmes b b
Transmissão das medidas b b
Instalação e ligação
Fixo ligações à frente b b
Fixo ligações atrás b (vertical ou horizontal) b (vertical ou horizontal))
Extraíveis b (extraível) b (extraível)
Acessórios de instalação e ligação
Encravamento por cadeado b b
por fechadura b b
Molduras de porta b b

49
Funções Inversores de rede
e características Panorama das soluções
Inversores de rede manuais

Gamas Masterpact
Famílias NT08 a NT16 NW08 a NW63
Calibres (A) 630 a 1600 800 a 6300
Tipo de aparelho H1/L1 disjuntor N1/H1/H2/H3/L1 disjuntor
HA interruptor NA/HA/HF interruptor
Inversores de rede manuais
Encravamento com comando rotativo

2 aparelhos lado a lado

Encravamentos com chave prisioneira

I ON
push
O OFF
push

discharged

O OFF

I ON
push
O OFF
push

II
discharged
masterpact

O OFF
GERIN
MERLIN

Várias possibilidades
II
masterpact

GERIN
MERLIN

Encravamento mecânico por barras

O
FFO
hsup

NO h
I
sup

FFO
O
d e gr
ahcs
id

O
FFO
hsup

NO h
I
sup

2 aparelhos sobrepostos
FFO
O
d e gr
ahcs
id

Encravamento mecânico por cabos

FFO
O
hsup

NO h
I
sup

FFO
O
d e gr
ahcs
id

2 ou 3 aparelhos sobrepostos (1)

FFO
O
hsup

NO h
I
sup

FFO
O
de gr
a h cs
id

2 ou 3 aparelhos lado a lado (1)

(1) Apenas para três aparelhos Masterpact NW

50
Funções Inversores de rede
e características Panorama das soluções
Inversores automáticos

Gama Masterpact
Família NT08 a NT16 NW08 a NW63
Calibres (A) 800 a 1600 800 a 6300
Tipo de aparelho H1/L1 disjuntores N1/H1/H2/H3/L1 disjuntores
HA interruptores NA/HA/HF interruptores
Inversor de rede automático
Encravamento mecânico por barras + encravamento eléctrico

FFO
O
hsup

NO h
I
sup

FFO
O
d e gr
ahcs
id

FFO
O
hsup

NO h
I
sup

FFO
O
d e gr
ahcs
id

2 aparelhos motorizados sobrepostos, associados a um


dispositivo de encravamento eléctrico

Encravamento mecânico por cabos + encravamento eléctrico

O
FFO
hsup

NO h
I
sup

FFO
O
d e gr
ahcs
id

2 ou 3 aparelhos motorizados sobrepostos, associados a um O


FFO

FFO
hsup

O
NO h
sup
I

dispositivo de encravamento eléctrico (1)


d e gr
ahcs
id

2 ou 3 aparelhos motorizados lado a lado, associados a um


dispositivo de encravamento eléctrico (1)

Inversor de rede automático


Inversor de rede combinado com automatismo

O automatismo controla os
aparelhos que dependem LIN GER
IN
UN =
O
t1 (s)

MERNS N

de parâmetros externos.
compact

UR
R
UN
N t2 (s) R
ON 1
UN =
ON OFF

OFF
fault

fault
auto

BA: Automatismo simples


stop
manu
R

que gere o basculamento do


Automatismo BA
inversor.

UA: Automatismo que pode


também gerir os parâmetros LIN GER
IN
UN =
O
com

t1 (s)

MERNS N t3 (s)

do gerador .
compact
t4 (s)
UR
R
UN
N ON t2 (s) R
1
UN =
ON OFF

OFF
fault t5 (s)
ator
gener
fault stop
auto

test

UA150: Automatismo UA
stop
manu
R

com opção de
Automatismo UA e UA150
comunicação.

(1) Apenas para três aparelhos Masterpact NW.

51
Funções Inversores de rede
e características Possíveis associações

Inversor de rede manual - Um sistema de Inversores manuais


inversor de rede manual pode ser instalado
com dois ou três disjuntores ou Todas as possibilidades para inversores de rede manuais

interruptores operados manualmente e Tipo de aparelho


INS40 a INS80 monobloco
encravados mecanicamente. INS100 a INS160 comando manual
Os encravamentos evitam a ligação de INS250 (calibres 100 a 250) fechadura
ambas as fontes ao mesmo tempo, mesmo INV100 a INV250 (1) comando rotativo
momentaneamente. INS320 a INS630 platina
INV320 a INV630 (1)
INS800 a 2500 b b b
Inversor de rede automático - INV800 a 2500 b b b cabos / 2 lado a lado
b b
Encravamento eléctrico de dois ou três NS100 a NS250 b b
b b
cabos / 3 lado a lado
NS400 a NS630 b b cabos / 2 sobrepostos
aparelhos permite a realização de b
b bbb
misto NS100 a NS630 (2) b cabos / 3 sobrepostos
inversores de rede automáticos. A NS800 a NS1600 b bbb barras /2 sobrepostos
b
associação de um encravamento mecânico NT08 a NT16 b b
b b
de base assegura o funcionamento do NW08 a NW63
inversor. b
(1) função corte visível b b
b b
(2) com encravamento do comando b b
b
rotativo para NS400/630 b b
b

Inversores automáticos
Encravamento mecânico

Encravamento por barras de dois Masterpact NT e NW


Esta função impõe a instalação dos aparelhos sobrepostos.
Instalação
Esta função é feita por associação:
b uma adaptação lateral à direita de cada disjuntor ou interruptor
b um jogo de barras ajustáveis com regulação permanente.
As adaptações, o jogo de barras e os aparelhos são fornecidos em separado,
prontos para associação.
A distância máxima na vertical entre-eixos de fixação é de 900 mm.

Associação de disjuntores “Normal” e “Substituição”

“Normal” N “Substituição” R
NS800 a NS1600 NS800 a NS1600
NT08 a NT16 NT08 a NT16
NW08 a NW40 c NW08 a NW40
NW50 a NW63 c NW50 a NW63
c c
c c c
c c
c
Encravamento por barras de dois Masterpact NT e NW
A associação de Compact NS800 a 1600 com Masterpact NT ou NW não é possível.
A associação de Masterpact NT e Masterpact NW é possível.
Os aparelhos devem ser ambos fixos ou extraíveis para manter o alinhamento dos
mecanismos.

52
Função Inversores de rede
e características Encravamento mecânico

Encravamento por cabos de dois Masterpact NT/NW e três


Masterpact NW
Esta função permite o encravamento de aparelhos sobrepostos ou lado a lado.
O encravamento pode ser feito entre aparelhos fixos ou extraíveis, tripolares ou
tetrapolares, de calibres e tamanhos diferentes.
Encravamento entre dois (Masterpact NT e NW)
Esta função é feita por associação:
b uma adaptação lateral à direita de cada disjuntor ou interruptor
b um jogo de cabos ajustáveis com regulação permanente.
A distância máxima entre-eixos de fixação (vertical ou horizontal) é 2000 mm.
Encravamento entre três aparelhos (apenas Masterpact NW)
Esta função é feita por associação:
b uma adaptação específica para cada tipo de encravamento, à direita de cada
disjuntor ou interruptor
b dois ou três jogos de cabos ajustáveis com regulação permanente.
Ecravamento por cabos de dois Masterpact
A distância máxima de entre-eixos de fixação(vertical ou horizontal) é 1000 mm.
Instalação
As adaptações laterais, jogo de cabos e os aparelhos são fornecidos em
separado prontos para associação.

Associações Compact e Masterpact “Normal” e “Substituição”


“Normal” N “Substituição” R
NS800 a NS1600 NS800 a NS1600
NT08 a NT16 NT08 a NT16
NW08 a NW40 NW08 a NW40
c
NW50 a NW63 NW50 a NW63
c
c c
c c c
c c
c

Associação de Compact NS800 a 1600 com Masterpact NT ou NW não é possível.


Todas as combinações de dois Masterpact NT e NW são possíveis, independentemente do
calibre e atravancamento dos aparelhos.

Associação de três aparelhos


“Normal” N “Substituição” R
NS800 a NS1600 NS800 a NS1600
NT08 a NT16 NT08 a NT16
NW08 a NW40 NW08 a NW40
NW50 a NW63 NW50 a NW63
c
c c
c

Só é possivel associar três aparelhos Masterpact NW.

53
Funções Inversores de rede
e características Encravamento eléctrico

O encravamento eléctrico associa-se ao O encravamento eléctrico é composto por um dispositivo de comando eléctrico.
encravamento mecânico. Encrava
Características do IVE
electricamente os dois aparelhos e
b bornes de ligação externa:
assegura as temporizações necessárias ao v entradas: comando dos aparelhos
bom funcionamento do sistema. v saídas: estado dos contactos SDE da rede “Normal” e “Substituição”
Este dispositivo pode ser associado a um b 2 ligadores para as duas redes “Normal” e “Substituição”
v entradas:
automatismo para ter em conta as
- estado dos contactos OF de cada aparelho (aberto ou fechado)
informações da rede de distribuição. - estado dos contactos SDE das redes “Normal” e “Substituição”
v saídas: alimentação de motorização
b tensão de comando:
v 24 a 250 V CC
v 48 a 415 V 50/60 Hz - 440 V 60 Hz.
É obrigatório a utilização da mesma tensão de comando para o IVE e todo o
sistema de comando eléctrico.

IVE

Equipamento necessário
Para Masterpact NT e NW, cada aparelho deve ser equipado com:
b motorização:
v MCH moto-redutor
v MX ou MN disparador voltimétrico (abertura)
v XF disparador voltimétrico (fecho)
v PF “pronto a fechar”
b um contacto OF disponível
b um a três contactos CE (contacto de posição encaixado) na versão extraível
e dependendo do esquema utilizado.

54
Funções Inversores de rede
e características Configurações

Masterpact NT e NW
tipos de encravamento mecânico associações esquemas eléctricos referência
2 aparelhos
QN QR Masterpact NT e NW:
0 0 b encravamento eléctrico com bloqueio após defeito:
QN QR 1 0 v rede de substituição permanente(sem IVE) 51201139
0 1 v c/paragem de emergência p/ MN(sem IVE) 51201140
v c/paragem de emergência p/ MX(sem IVE) 51201141
v rede de substituição permanente(com IVE) 51201142
v c/paragem de emergência p/ MN(com IVE) 51201143
v c/paragem de emergência p/ MX(com IVE) 51201144
b automático sem bloqueio após defeito:
v rede de substituição permanente (sem IVE) 51156226
v grupo gerador de emergência(sem IVE) 51156227
b automático com bloqueio após defeito:
v rede de substituição permanente(com IVE) 51156904
v grupo gerador de emergência(com IVE) 51156905
b automatismo BA/UA (com IVE) 51156903

Só para Masterpact NW
tipos de encravamento mecânico associações esquemas eléctricos referências
3 aparelhos: 2 redes “Normal” e 1 rede “Substituição”
QN1 QN2 QR b encravamento eléctrico:
0 0 0 v sem bloqueio após defeito 51156906
QN1 QN2 QR 1 1 0 v com bloqueio após defeito 51156907
0 0 1

3 aparelhos: 2 redes “Normal” e 1 rede “Substituição” com escolha de rede


QN1 QN2 QR b automático com grupo de emergência :
0 0 0 v sem bloqueio após defeito(com MN) 51156908
QN1 QN2 QR 1 0 0 v com bloqueio após defeito(com MN) 51156909
0 0 1
1 1 0
0 1 0

3 aparelhos: 3 redes, 1 aparelho fechado


QS1 QS2 QS3 b encravamento eléctrico:
0 0 0 v sem bloqueio após defeito 51156910
QS1 QS2 QS3 1 0 0 v com bloqueio após defeito 51156911
0 1 0
0 0 1

3 aparelhos: 2 redes + 1 interbarras


QS1 QC QS2 b encravamento eléctrico:
0 0 0 v sem bloqueio após defeito 51156912
QS1 QC QS2 1 0 1 v com bloqueio após defeito 51156913
1 1 0 b automático com bloqueio após defeito 51156914
0 1 1
1 0 0 (*)
0 0 1 (*)
(*) possibilidade em marcha forçada
Opção “bloqueio após defeito”: com esta opção, no caso de disparo por defeito, é necessário rearmar o disjuntor manualmente.

55
Funções Inversores de rede
e características Escolha do automatismo

A associação ao inversor telecomandado Automatismo BA UA


de um automatismo integrado BA ou UA aplica-se com aparelhos Todos os Masterpact NT e NW
permite comandar automaticamente a Comutador 4 posições
permuta das redes de acordo com Funcionamento automático b b
Marcha forçada da rede “Normal” (N) b b
sequências parametrizáveis. Marcha forçada da rede “Substituição” (R) b b
Estes automatismos funcionam com Paragem «Stop» (abertura das redes“Normal”e“Substituição”) b b
inversores de dois aparelhos. Funcionamento automático
No caso de três aparelhos, o esquema de Vigilância da rede “Normal” b b
e passagem automática para rede “Substituição”
automatismo deve ser instalado segundo Comando de arranque do grupo electrogénio b
os esquemas que constam deste catálogo Paragem temporizada do grupo electrogénio (regulável) b
no capítulo «esquemas eléctricos». Deslastragem e relastragem de circuitos não prioritários b
Permuta para rede “Substituição” b
se uma das fases da rede falhar
Teste
Por abertura do disjuntor (P25M) de b b
alimentação do automatismo
Por botão de pressão teste na face frontal do automatismo b
Sinalização
Sinalização do estado dos aparelhos na face frontal do b b
automatismo: aberto, fechado, disparo após defeito
Contacto de sinalização de funcionamento b b
em modo automático
Funções suplementares
Selecção do tipo de rede “Normal” b
(monofásica ou trifásica) (1)
Ordem de permuta voluntária para rede “Substituição” b b
(exemplo sinal EJP)
Em funcionamento EJP, possibilidade de marcha forçada da b
rede “Normal” se a rede “Substituição” não estiver disponível
Contacto de controlo suplementar para b b
(externo ao automatismo)
transferência para rede “Substituição” se o contacto estiver
fechado (ex. controlo da frequência de UR)
Regulação do tempo máximo de arranque tolerado b
pelo grupo de emergência
Opções
Automatismo BA opção de comunicação b
Alimentação
tensão automatismo (2) 220 to 240 V 50/60 Hz b b
380 to 415 V 50/60 Hz b b
440 V 60 Hz b b
Limites de funcionamento
subtensão 0.35 Un i tensão i 0.7 Un b b
falha de fase 0.5 Un i tensão i 0.7 Un b
presença de tensão tensão u 0.85 Un b b
Características dos contactos de saída (3)
corrente térmica nominal (A) 8
carga mínima 10 mA a 12 V
AC DC
categoria de emprego (IEC 947-5-1) AC12 AC13 AC14 AC15 DC12 DC13
corrente operacional (A) 24 V 8 7 5 6 8 2
48 V 8 7 5 5 2 -
110 V 8 6 4 4 0.6 -
220/240 V 8 6 4 3 - -
250 V - - - - 0.4 -
380/415 V 5 - - - - -
440 V 4 - - - - -
Automatismo UA 660/690 V - - - - - -
(1) Por exemplo, 230 V monofásica ou 220 V trifásica.
(2) O automatismo é alimentado pelos auxiliares ACP. A mesma tensão tem de ser usada no
ACP, na unidade IVE e na motorização. Se a tensão de alimentação é idêntica à tensão da
rede, a alimentação pode ser feita directamente pela rede “Normal” ou “Substituição”.
Caso contrário deve ser utilizado um tranformador de isolamento do tipo BC ou equivalente.
(3) Contactos de saída (seco, livre de potencial):
b posição do interruptor Auto/Stop
b comando de deslastragem e relastragem
b ordem de arranque do grupo.

56
Funções Inversores de rede
e características Instalação dos automatismos

Platina de comando auxiliar ACP


A platina de comando auxiliar integra numa única unidade:
c protecção do automatismo BA ou UA com dois disjuntores P25M fortemente
limitadores (poder de corte infinito) para uma tomada de tensão na rede,
c comando da abertura e fecho dos disjuntores através de dois contactores,
c ligação dos disjuntores ao automatismo BA ou UA por um bloco de terminais
integrado.
Tensões de comando:
c 220 a 240 V 50/60 Hz
c 380 a 415 V 50/60 Hz
c 440 V 60 Hz.
A platina ACP, o automatismo e os mecanismos de comando dos disjuntores
devem utilizar a mesma tensão de alimentação.
Instalação
A ligação entre a platina de comando auxiliar ACP e o encravamento eléctrico IVE
pode ser feita:
c pelo instalador,
c por ligação pré-fabricada (opcional).

Instalação dos automatismos BA e UA


A instalação dos automatismos BA e UA pode ser feita de dois modos:
c montagem directa na platina de comando auxiliar ACP,
c montagem na face frontal do quadro.
O comprimento da ligação entre a platina ACP e o automatismo não deve exceder
dois metros. A cablagem deve ser feita pelo instalador.
Platina de comando auxiliar ACP

Montagem na platina ACP

Montagem na face frontal do quadro

57
Funções Inversores de rede
e características Automatismo UA e BA

Os automatismos BA e UA permitem Modos de funcionamento


construir um inversor de rede que integra Um conutador de quatro posições permite seleccionar:
as seguintes funções automáticas: b funcionamento automático,
b basculamento de uma rede para a outra b marcha forçada em rede “Normal”,
b marcha forçada em rede “Substituição”,
em função da presença de tensão Un na b paragem (abertura dos disjuntores “Normal” e “Substituição” e em seguida
rede “Normal”, funcionamento manual).
b arranque de um grupo electrogéneo (UA),
b deslastragem e relastragem de circuitos Regulação das temporizações
não prioritários (UA), A regulação das temporizações é feita na face frontal do automatismo.
b basculamento para a rede “Substituição” Automatismo UA/BA
t1. temporização entre detecção de falha da rede “Normal” e transmissão da
em caso de falha de uma das fases da ordem de abertura do disjuntor “Normal” (regulável de 0.1 a 30 segundos).
rede “Normal”. t2. temporização entre detecção do retorno da rede “Normal” e transmissão da
Os automatismos UA e BA permitem ordem de abertura do disjuntor “Substituição” (regulável de 0.1 a 240 segundos).
comandar aparelhos Compact NS Automatismo UA
e Masterpact NT/NW. t3. temporização após abertura de QN com deslastragem e antes do fecho de QR
(regulável de 0.5 a 30 segundos).
t4. temporização após abertura de QR com relastragem e antes do fecho de QN
(refulável de 0.5 a 30 segundos).
t5. temporização para confirmação da presença de UN antes de desligar o grupo
(regulável de 60 a 600 segundos).
t6. temporização antes do arranque do grupo (120 ou 180 segundos).

Comandos e sinalizações
Os estados dos disjuntores são indicados na face frontal do automatismo:
ON, OFF, defeito.
Um bloco de terminais integrado permite explorar os seguintes sinais:
b entradas:
v ordem de permuta voluntária para a rede R (p.ex., sinal EJP),
v contacto de comando suplementar (não pertencente ao automatismo). O
basculamento para a rede “Substituição” só pode ser feito se o contacto estiver
fechado (p.ex., utiliza-se para testar a frequência de UR, etc.)
b saídas:
v comando de um grupo electrogéneo (ON / OFF) - só para automatismo UA,
v deslastragem de circuitos não prioritários - só para automatismo UA,
MERLIN GERIN v indicação de funcionamento em modo automático por contactos inversores.
compact / masterpact

UA automatism
220/240 V 50/60 Hz
2 4 t1 Parametrização da rede
1 8 s
N UN R UR N UN = 0 0.5 15
Automatismo UA
0.1 30

t4 5 10 5 10 t3 São utilizados três interruptores para:


ON/I ON/I s 2 15 2 15 s
1 20 1 20 b escolher o tipo de rede “Normal”: monofásica ou trifásica (p.ex., monofásica de
OFF/O OFF/O 0.5 30 0.5 30
240 V ou trifásica de 240 V),
t2 15 30
s 8 60 b continuar (ou não) em rede “Normal” se a rede “Substituição” não estiver
fault fault 4 120
UN = I R
0.1 240 operacional nos períodos de funcionamento EJP,
reset
stop auto
240 300 t5 b escolher o tempo de arranque máximo permitido para o grupo durante o
manu s
test
160
120
360
480
funcionamento EJP (120 ou 180 segundos).
60 600

N R
generator
Teste
STOP

Automatismo UA
Um botão existente na face frontal do automatismo permite testar o
Face frontal do automatismo UA basculamento da rede “Normal” para a rede “Substituição” e regressar
seguidamente à rede “Normal”. O teste dura cerca de três minutos.
Automatismo BA
MERLIN GERIN É possível testar o funcionamento do automatismo BA, abrindo o disjuntor P25M
compact / masterpact

BA automatism
220/240 V 50/60 Hz de rede “Normal”, simulando assim uma falha de tensão Un.
2 4 t1
1 8 s
N UN R UR N UN = 0 15
0.5
0.1 30 Opção comunicações COM (UA150)
ON/I ON/I Utilizando o bus de protocolo interno, esta opção permite obter as seguintes
0.5s 0.5s
OFF/O OFF/O informações à distância:
t2 15 30 b estado do disjuntor (Fechado, aberto, disparo por defeito),
s 8 60
fault fault 4 120
UN = I R b presença das tensões “Normal” e “Substituição”,
0.1 240
reset b presença de uma ordem de marcha forçada (p.ex., EJP),
stop auto
manu b informações sobre regulações e configurações,
b estado dos circuitos não prioritários (deslastrados ou não),
N R
b posição do comutador (paragem, funcionamento automático, marcha forçada
em rede “Normal”, marcha forçada em rede “Substituição”).

Face frontal do automatismo BA

58
Funções Inversores de rede
e características Diagrama de funcionamento

Unidade IVE

I
ON
O
I
IN
O
>150 ms
I
OR
O
I
IR
O
>150 ms

I
QN
O
1s 500 ms
I
QR
O
temporização 500 ms temporização
IVE IVE
250 ms 250 ms
Símbolos:
FN : ordem de fecho do disjuntor QN
FR : ordem de fecho do disjuntor QR
QN : disjuntor Compact “Normal” equipado com
comando eléctrico
QR : disjuntor Compact “Substituição” equipado
com comando eléctrico
ON : ordem de abertura do disjuntor QN
OR : ordem de abertura do disjuntor QR
IN : ordem de fecho do disjuntor QN
IR : ordem de fecho do disjuntor QR
L1 : LED de sinalização de defeito rede “Normal”
L2 : LED de sinalização de defeito rede
“Substituição”

Legenda:
O OFF (circuito aberto) Nota:
I ON (circuito fechado) Sempre que houver um disparo (sobrecarga, curto-circuito, defeito à terra, disparo
: ON ou OFF. voluntário), é obrigatório fazer um rearme manual na face frontal do telecomando.

59
Funções Inversores de rede
e características Diagrama de funcionamento

Automatismo BA

I
UN ou KT
O
I
UR
O
I
KR
O

I
ON
O
I
OR
O
T1 500 ms temporização T2 500 ms temporização
0.1…30 s IVE 0.1…240 s IVE
250 ms 250 ms

Entradas
UN : tensão rede “Normal”
UR : tensão rede “Substituição”
KT : ordem de marcha forçada em R
KR : verificação suplementar antes do
basculamento

Saídas
QN : disjuntor “Normal”
QR : disjuntor “Substituição”

Automatismo UA

I
UN ou KT
O
I
UR
O
I
KR
O
I
KG
O

SH I
O
QN I
O
QR I
O
tempo de arranque temporização temporização
T1 do grupo T3 IVE T2 T4 IVE T2
0.1...30 s IVE († T6) 0.5...30 s 250 ms 10...240 s 0,5...30 s 250 ms 10...240 s

Entradas
UN : tensão rede “Normal”
UR : tensão rede “Substituição”
KT : ordem de marcha forçada em R
KR : verificação suplementar antes do
basculamento

Saídas
KG : comando grupo
SH : ordem de deslastragem
QN : disjuntor “Normal”
QR : disjuntor “Substituição”

Atenção:
Legenda:
Se UR não estiver ON quando a ordem de basculamento é dada (KT ou UN), a sequência não
O OFF (circuito aberto)
funciona.
I ON (circuito fechado)
Se o estado de KR não for ON quando a ordem de basculamento é dada (KT ouUN), o
: ON ou OFF.
basculamento é feito mais tarde quando o estado de KR passar a ser I.

60
Funções Inversores de rede
e características Opção comunicações COM

Opção comunicações para Masterpact NT/NW


A opção comunicação COM é compatível com todos os inversores de rede para
os disjuntores e interruptores Compact NS100 a 1600 e Masterpact NT/NW.
Permite obter à distância informações sobre estados. Não pode ser utilizada para
comandar os disjuntores (o que só é possível a partir da face frontal do
automatismo UA150).
Em função dos disparadores e dos mecanismos de comando utilizados, a opção
COM também pode permitir a análise dos parâmetros da rede necessários para o
auxílio ao funcionamento e à manutenção.

Comunicação disjuntor
interruptor disjuntor
Indicações de estado para Masterpact NT/NW
Fechado / Aberto b b
Disparo após defeito b
Encaixado / Extraído b b
Auxílio ao funcionamento e à manutenção
Unidade de controlo Micrologic para Masterpact NT/NW
Leitura de correntes
Correntes de fase e neutro em valor eficaz b
Corrente na fase mais carregada b
Leitura de alarmes
Sobrecarga b
Causa do disparo (sobrecarga, curto-circuito, etc.) b
Posições dos comutadores de regulação b
Automatismo para inversor de rede
Sinalizações de estados
Rede “Normal”
Fechado / Aberto b
Disjuntor fechado b
Disparo após defeito (SDE) b
Presença de tensão b
Rede “Substituição”
Disjuntor fechado b
Disparo após defeito (SDE) b
Presença de tensão b
Estado do contacto de tensão R b
Automatismo
Modo automático b
Modo “Normal” b
Modo “Substituição” b
Modo “Stop” b
Teste b
Grupo electrogéneo “Substituição”
Falha do grupo b
Paragem grupo b
Arranque grupo b
Deslastragem b
Relastragem b
Regulações
Temporização t1 para validação de ausência de UN b
Temporização t2 para validação de retorno de UN b
Temporização t3 para intervalo entre abertura de N e fecho de R b
Temporização t4 para intervalo entre abertura de R e fecho de N b
Temporização t5 para intervalo entre retorno de UN e ordem de paragem grupo b
Temporização t6 para intervalo antes de validar falha do grupo b
Penalizações aceites para EJP b

61
Funções Centrais de visualização
e características

Perfeitamente integrada nas gamas As centrais de visualização DMB300 e DMC300 utilizam as capacidades de
comunicação das unidades de controlo Micrologic para visualizar num só nível, as
Compact e Masterpact,concebidas para
grandezas eléctricas, os estados ou os alarmes de um ou mais disjuntores
serem associadas às unidades de controlo Compact ou Masterpact.
Micrologic, as centrais de visualização O sistema de montagem e de cablagem das centrais de visualização. permitem
permitem um acesso instantâneo e uma instalação rápida, simples e fiável.
A colocação em serviço é imediata não sendo necessária qualquer configuração
intuitivo a todas as informações fornecidas
ou programação.
pelos disjuntores : estado da aparelhagem, As centrais de visualização associam:
corrente, tensão, potência... b a simplicidade e a legibilidade de um indicador de ponteiro
b a precisão e a potência de um tratamento numérico
O tamanho reduzido e as suas capacidades de comunicação garantem uma
grande flexibilidade de instalação e utilização.

Central de visualização DMB300 DMC300


Disjuntores associados
Tipo Compact ou Masterpact equipados com
unidades de controlo Micrologic
Número de aparelhos 1a4 1 a 16
Ecrã de visualização
Ecrã Preto e branco Cores, táctil
Dimensão do ecrã 240 x 64 pixels 5 “,320 x 240 pixels
Botões 5 botões Ecrã táctil
Informações disponíveis no ecrã da central
Correntes (por fase)
Central de visualização DMB300: medidas de base e
Correntes I1,I2,I3,In A P H A P H
harmónicas
Corrente máxima A P H A P H
Corrente terra,Vigi A P H A P H
Corrente média P H P H
Corrente média máxima P H P H
Taxa de distorsão harmónica (THD) H H
Taxa de distorsão harmónica máxima H H
Amplitudes das harmónicas por escala H
Forma da onda H
Tensões
Tensões compostas (U1-2,U2-3,U3-1) P H P H
Tensões compostas mínima,máxima P H P H
Tensões simples (V1-N,V2-N,V3-N) P H P H
Tensões simples mínima,máxima P H
Frequência P H P H
Desequilíbrio em tensão (%/fase) P H P H
Taxa de distorsão harmónica (%/fase) H H
Taxa de distorsão harmónica máxima (%/fase) H H
Amplitudes das harmónicas por escala H H
Central de visualização DMC300: medidas, análises
harmónicas, diagnóstico Potências
Potências activa (P),reactiva (Q), aparente (S) P H P H
Factor de potência e cos f P H P H
Potências máximas (P,Q,S) P H P H
Potências médias (P,Q,S) P H P H
Potências médias máximas (P,Q,S) P H P H
Contagem
Energias activa, reactiva, aparente P H P H
Ajuda “online”
Uma ajuda “online” está associada a cada
tipo de informação fornecida pela central
Diagnóstico de aparelhos
Identificação das unidades de controlo A P H A P H
Leitura das protecções A P H A P H
Estado do disjuntor A P H A P H
Tipo de disparo A P H A P H
Alarmes presentes P H P H
Indicador de manutenção P H
Diagnóstico da instalação
Indicação dos aparelhos em defeito A P H
Relatório dos defeitos A P H
Unidade de controlo Micrologic associada
A : Micrologic A Instalação e colocação em serviço
P : Micrologic P Montagem Na porta, por 6 clips de fixação com mola
H : Micrologic H fornecidos com a central
Ligação Por conjunto de cabos pré-fabricado

62
Funções Centrais de visualização
e características

Sistema de cablagem: Ligação da central DMB300


O sistema de cablagem foi concebido para os
quadros BT de potência. Para a colocação em alimentação 24 V CC
serviço, não são necessárias quaisquer
ferramentas ou conhecimentos específicos.
O conjunto de cabos pré-fabricado assegura a
transferência das informações (protocolo
Modbus) e a distribuição da alimentação 24
VCC para a central de visualização e os
módulos de comunicação das unidades de CDM 303:
controlo Micrologic. Cabo de ligação
central de visualização /
bloco de junção

Bloco de junção CJB 306

Ligação da central DMC300 CCP 303:


Cabo de ligação
Distância máxima entre a central e o disjuntor: 1200 m. Masterpact ou Compact /
bloco de junção

CCR 301:
Rolo de cabo RS 485
(2 fios RS485 + 2 fios alim.)

CSD 309:
Ligador SubD 9 pontos
(ligação dos fios em terminal
com parafusos e segundo
um código de cores).

Disjuntores equipados com unidades de controlo Micrologic com opção COM Modbus.

63
64
Recomendações Índice
de instalação Recomendações de instalação

Condições de exploração
Condições de exploração _____________________________________________ 66

Instalação em quadro
Instalação em quadro _________________________________________________ 67

Acabamentos do quadro
Acabamentos do quadro ______________________________________________ 69
Encravamento de porta aparelho encaixado ____________________________ 70
Encravamento de porta quadro-aparelho, ligação dos disparadores
voltimétricos MN, MX, OF _____________________________________________ 71

Ligação de potência
Ligação de potência __________________________________________________ 72

Furação da barra aconselhada


Masterpact NT08 a NT16 ______________________________________________ 74
Masterpact NW08 a NW63 ____________________________________________ 75

Dimensionamento das barras


Dimensionamento das barras _________________________________________ 76

Desclassificação
Temperatura, potência dissipada, resistência ___________________________ 78
Do quadro ___________________________________________________________ 79
Conjunto de substituição (Retrofit) ____________________________________ 86

Masterpact 65
Recomendações Condições de exploração
de instalação

Temperatura ambiente
As características eléctricas e mecânicas são especificadas para uma
temperatura ambiente de -5 °C a + 70 °C
O fecho é garantido até -35 °C
As condições de armazenamento são as seguintes:
b -40 °C a +85 °C para Masterpact sem unidade de controlo
Test

b -25 °C a + 85 °C para a unidade de controlo.

Condições atmosféricas extremas


Os aparelhos Masterpact passaram com sucesso, em condições atmosféricas
extremas, os testes definidos pelas seguintes normas:
b IEC 68-2-1: frio em atmosfera seca a -55 °C
b IEC 68-2-2: calor em atmosfera seca a +85 °C
b IEC 68-2-30: calor em atmosfera com forte percentagem de humidade
(temperatura +55 °C, humidade relativa 95 %)
Test

b IEC 68-2-52 severidade 2: atmosfera salina.


Os aparelhos Masterpact são indicados para operar em atmosferas industriais
definidas pela norma IEC 60947 (grau de poluição inferior ou igual a 4).
No entanto, é aconselhável que os aparelhos sejam instalados em quadros
correctamente arrefecidos e sem poeira excessiva.

Vibrações
Os aparelhos Masterpact têm garantia contra níveis de vibrações
electromagnéticas ou mecânicas.
Os ensaios são realizados em conformidade com a norma IEC 68-2-6 para os
níveis exigidos pelos organismos de controlo da Marinha Mercante (Veritas,
Lloyd’s…) :
b 2 ➞ 13,2 Hz: amplitude ± 1 mm
b 13,2 ➞ 100 Hz: aceleração constante 0,7 g.
As vibrações excessivas podem provocar disparos, perdas de ligação ou
Test

eventuais rupturas de partes mecânicas.

Altitude
Acima de 2000 metros, as modificações das características do ar ambiente
(capacidade de resistência eléctrica, capacidade de arrefecimento) provocam a
diminuição das seguintes características:

Altitude (m) 2000 3000 4000 5000


Tensão de resistência 3500 3150 2500 2100
2000 m

dieléctrica (V)
Tensão média 1000 900 700 600
de isolamento (V)
Tensão máxima 690 590 520 460
de utilização (V)
Test

Corrente térmica 1 x In 0,99 x In 0,96 x In 0,94 x In


média (A) a 40 °C

Perturbações electromagnéticas
Os aparelhos Masterpact estão protegidos contra:
b sobretensões produzidas por um corte electromagnético
b sobretensões produzidas por perturbações atmosféricas ou por cortes de redes
eléctricas (ex: corte de iluminação)
b aparelhos emissores de ondas rádio (transmissor rádio, walkies-talkies, radares,
etc...)
b descargas electroestáticas produzidas directamente pelos utilizadores.
Para tanto, os aparelhos Masterpact foram submetidos a testes de
compatibilidade electromagnética (CEM) de acordo com as seguintes normas
internacionais:
b IEC 60947-2 anexo F
Test

b IEC 60947-2 anexo B (disparadores com função Vigi).


Os testes acima citados asseguram:
b ausência de disparo intempestivo
b respeito dos tempos de disparo.

66 Masterpact
Recomendações Instalação em quadro
de instalação

Posições possíveis

Alimentação
O Masterpact pode ser alimentado indiferentemente pela parte superior ou inferior
sem diminuição dos desempenhos, o que facilita a ligação em quadro.

Fixações dos disjuntores


É importante repartir uniformemente o peso do aparelho num plano de fixação
rígido como, por exemplo, ferragens transversais ou chão metálico.
Este plano de fixação deve ser perfeitamente plano (tolerância: 2 mm),
eliminando-se assim um risco de deformação que poderia comprometer o bom
funcionamento do disjuntor.

Instalação em ferragens transversais

Instalação num plano de fixação vertical com auxílio das


esquadrias de fixação.

Masterpact 67
Recomendações
de instalação

Divisórias
Devem ser previstas aberturas suficientes para
permitir uma boa circulação do ar à volta do disjuntor.
Qualquer divisória que separe os bornes a montante
e a jusante do aparelho deve ser feita em material
amagnético.
Para fortes intensidades, a partir de 2500A, os ecrãs
ou suportes metálicos situados nas proximidades
imediatas de condutores devem ser feitos de material
amagnético A.
Os ecrãs metálicos atravessados por condutores não
devem formar anel magnético.

Jogo de barras
Fixação mecânica que exclui a formação de anel
magnético à volta de um condutor.
a
Separadores de fases
A instalação com barras isoladas evita ter de isolar as
ligações do aparelho.
A instalação com barras não isoladas evita a
propagação ao chassis de um arco gerado nas
barras.

Dimensões e pesos

68
a
Instalação em quadro

A : material amagnético

fixo

Peso (kg)
Masterpact
extraível

fixo
material
amagnético

Dimensões principais (A x L x P)
Masterpact
extraível 3P
4P
3P
4P

3P
4P
3P
4P
A

NT08/12
322 x 288 x 277
322 x 358 x 277
301 x 276 x 196
301 x 346 x 196

NT08/12
30
39
14
18
351 (NT)
453 (NW)

NW08/40
439 x 441 x 395
439 x 556 x 395
352 x 422 x 297
352 x 537 x 297

NW08/40
90
120
60
80
NW50/63
479 x 786 x 395
479 x 1016 x 395
352 x 767 x 297
352 x 997 x 297

NW50/63
225
300
120
160

Masterpact
Recomendações Acabamentos do quadro
de instalação

Recortes da porta
O recorte das portas é diferente para as versões fixa e extraível

Grau de protecção
O grau de protecção do Masterpact depende principalmente do modo de
instalação:
b IP30-5 para um aparelho instalado ao ar livre (em painel ou ferragens)
b IP40-5 para um aparelho instalado em armário com acesso aos comandos
através da moldura da porta
b IP54-9 para um aparelho instalado em armário por detrás de uma porta
equipada com tampa de estanquecidade transparente.
Moldura de porta CDP
Garante uma estanquecidade IP40-5 a aparelhos fixo ou extraíveis.
Equipamento opcional: 1 CDP por aparelho

Tampa transparente CCP


Montada na moldura de porta CDP, garante uma estanquecidade IP54-9 a
aparelhos fixos ou extraíveis.
Equipamento opcional: 1 CCP por aparelho equipado com CDP

Masterpact 69
Recomendações Acabamentos do quadro
de instalação Encravamento de porta
Aparelho encaixado

Encravamento de porta Y
Montado à esquerda ou à direita do chassis, o
encravamento interdita qualquer abertura da porta da
cela enquanto o disjuntor estiver encaixado ou na
posição teste. Se o disjuntor foi encaixado com a
porta aberta é possível fechar a porta sem
desencaixar o aparelho.
X

15
(1) (2)
8
Acessório a executar
17
5

Dimensões (mm)
Tipo (1) (2)
NT08-16 (3P) 135 168
NT08-16 (4P) 205 168
NW08-40 (3P) 215 215
NW08-40 (4P) 330 215
NW50-63 (3P) 660 215
NW50-63 (4P) 775 215

Aparelho na posição "ligado" ou "teste"


Abertura da porta encravada

porta
porte

F Dimensões (mm)
(1) Tipo (1) (2)
(2) NT 5 23
NW 83 103

Aparelho na posição "desligado"


Abertura da porta não encravada

Nota:
O encravamento da porta pode ser montado no lado direito
ou esquerdo do aparelho.
F Referência de fixação

70 Masterpact
Recomendações Acabamentos do quadro
de instalação Encrav. de porta de quadro-aparelho
Ligação dos disparadores voltimétricos
MN, MX, XF
NT/NW
Encravamento da porta do quadro-aparelho
Esta opção mantem a porta encravada quando o aparelho está fechado e impede
o fecho do disjuntor quando a porta está aberta.
Este encravamento é realizado sobre uma platina fixa no lado direito do aparelho,
associado a um encravamento e a um cabo.
É interdita a montagem das platinas para inversores de rede.

Cablagem dos disparadores


Em regime de chamada, a potência consumida é de cerca de 150 a 200 VA.
Para tensões de alimentação fracas (12, 24, 48 V), há um comprimento máximo
de cabo que deve ser respeitado em função da tensão de alimentação e da
secção dos cabos.
Valores indicativos do comprimento máximo de cablagem (m)
12 V 24 V 48 V
2,5 mm2 1,5 mm2 2,5 mm2 1,5 mm2 2,5 mm2 1,5 mm2
MN U rede 100 % - - 58 35 280 165
U rede 85 % - - 16 10 75 45
MX-XF U rede 100 % 21 12 115 70 550 330
U rede 85 % 10 6 75 44 350 210
Nota: O comprimento mencionado é o de cada um dos dois fios de alimentação.

Masterpact 71
Recomendações
de instalação

Ligação dos cabos


No caso de uma ligação por cabos, evitar os
esforços mecânicos excessivos nas placas do
disjuntor.
Para isso, optar por placas verticais e respeitar as
seguintes instruções:
b os prolongadores devem ser feitos de barras cuja
escolha, concepção e instalação sejam idênticas às
das ligações:
v se o circuito tiver um só cabo, optar, por exemplo,

aa
pela solução indicada em B
v se o circuito tiver vários cabos, optar pela solução
indicada em C.
b em todos os casos, respeitar as mesmas regras
gerais das barras, ou seja:
v extremidades de cabos correctamente
posicionadas antes da colocação dos parafusos,
v cabos solidarizados e solidamente fixados à
estrutura E.

Ligação das barras


O ajustamento das barras deve ser feito com uma
precisão suficiente para que os pontos de ligação já
se encontrem convenientemente posicionados
nas placas, antes da colocação dos parafusos B
As ligações são mantidas por um suporte
solidamente fixado à estrutura do quadro, para que
as placas do disjuntor não tenham de suportar o
peso de C.

72
a
Ligação de potência

Esforços electrodinâmicos

do curto-circuito
Icc (kA)
distância A (mm)
B
B

B
C
E

A primeira placa de fixação das barras deverá estar situada a uma distância
C

máxima do ponto de ligação do aparelho. Esta distância deve ser respeitada para
que as barras de cada fase possam suportar os esforços electrodinâmicos
exercidos aquando de um curto-circuito.
Distância máxima «A» entre ligação disjuntor e a primeira
placa de fixação das barras a respeitar em função do valor

30
350
50
300
65
250
80
150
100
150
150
150
E

Masterpact
Recomendações Ligação de potência
de instalação

1 2 3 4 5 Encaixes
A qualidade dos encaixes das barras depende, entre outros factores, dos binários
de aperto adoptados para o bloqueio dos parafusos. De facto, um excesso de
aperto pode ter os mesmos inconvenientes que um aperto insuficiente.
Para a ligação das barras ao disjuntor, os valores dos binários
de aperto a ser respeitados estão indicados no quadro abaixo.
Estes valores entendem-se para utilização de barras de cobre e de parafusos de
aço classe 8.8. Utilizar os mesmos valores de binário para barras de alumínio
qualidade AGS-T52 (norma Francesa NFA 02-104 e American National Standard
H-35-1).

Exemplos

1 parafusos dos ligadores de ligação ao


aparelho: aperto de origem (16 Nm para NW e
13 Nm para NT) Binários de aperto das barras de ligação
2 ligador
Ø Ø Binário de aperto (Nm) Com anilha de
3 barras de ligação
Nominal (mm) Perfuração (mm) das placas contacto
4 parafuso
5 anilha 10 11 37,5 50
6 porca
Perfuração das barras
Exemplos

Distância isolamento

X
Dimensões (mm)
Ui X mín.
600 V 8 mm
1000 V 14 mm

Quinagem das barras


A quinagem das barras deve respeitar os raios de curvatura indicados
abaixo (um raio de curvatura inferior provocaria rachas).

r
e

Dimensões (mm)
e Raio de curvatura
Mín. Aconselhado
5 5 7,5
10 15 18 a 2

Masterpact 73
Recomendações Furação da barra aconselhada
de instalação Masterpact NT08 a NT16

Tomadas atrás Tomadas atrás com espaçador

Placa central esquerda Placa central para 3P Placa esquerda ou Placa esquerda ou
ou direita para 4P direita para 4P direita para 3P

Tomadas atrás verticais

Tomadas à frente Tomadas à frente com ligador vertical

Placa superior Placa inferior

74 Masterpact
Recomendações Furação da barra aconselhada
de instalação Masterpact NW08 a NW63

Tomadas atrás horizontais NW08 a NW32 NW50

Tomadas atrás verticais NW08 a NW32, NW50

Tomadas à frente com ligador vertical

Placa superior Placa inferior

Masterpact 75
Recomendações Dimensionamento das barras
de instalação

Parâmetro de estabelecimento das tabelas:


b temperatura máxima admissível das barras: 100 °C
b Ti: temperatura interna no quadro nas proximidades
do aparelho e das suas ligações.
b jogo de barras de cobre nú sem pintura.

Tomadas à frente ou atrás horizontais

Masterpact Intensidade Ti: 40 °C Ti: 50 °C Ti: 60 °C


máxima nº de barras nº de barras nº de barras
larg. de 5 larg. de 10 larg. de 5 larg. de 10 larg. de 5 larg. de 10
NT08 ou NW08 800 2b.50 x 5 1b.50 x 10 2b.50 x 5 1b.50 x 10 2b.50 x 5 1b.63 x 10
NT10 ou NW10 1000 3b.50 x 5 1b.63 x 10 3b.50 x 5 2b.50 x 10 3b.63 x 5 2b.50 x 10
NT12 ou NW12 1250 3b.50 x 5 2b.40 x 10 3b.50 x 5 2b.50 x 10 3b.63 x 5 2b.50 x 10
2b.80 x 5 2b.40 x 10 2b.80 x 5
NT16 ou NW16 1400 2b.80 x 5 2b.40 x 10 2b.80 x 5 2b.50 x 10 3b.80 x 5 2b.63 x 10
NT16 ou NW16 1600 3b.63 x 5 2b.63 x 10 3b.80 x 5 2b.63 x 10 3b.80 x 5 3b.50 x 10
NW20 1800 3b.80 x 5 2b.63 x 10 3b.80 x 5 2b.63 x 10 3b.100 x 5 2b.80 x 10
NW20 2000 3b.100 x 5 2b.80 x 10 3b.100 x 5 2b.80 x 10 3b.100 x 5 3b.63 x 10
NW25 2200 3b.100 x 5 2b.80 x 10 3b.100 x 5 2b.80 x 10 4b.80 x 5 2b.100 x 10
NW25 2500 4b.100 x 5 2b.100 x 10 4b.100 x 5 2b.100 x 10 4b.100 x 5 3b.80 x 10
NW32 2800 4b.100 x 5 3b.80 x 10 4b.100 x 5 3b.80 x 10 5b.100 x 5 3b.100 x 10
NW32 3000 5b.100 x 5 3b.80 x 10 6b.100 x 5 3b.100 x 10 8b.100 x 5 4b.80 x 10
NW32 3200 6b.100 x 5 3b.100 x 10 8b.100 x 5 3b.100 x 10 4b.100 x 10
NW40 3800 4b.100 x 10 5b.100 x 10 5b.100 x 10
NW40 4000 5b.100 x 10 5b.100 x 10 6b.100 x 10
NW50 4500 6b.100 x 10 6b.100 x 10 7b.100 x 10
NW50 5000 7b.100 x 10 7b.100 x 10

Exemplo
Dados:
b aparelho extraível
b jogo de barras horizontal
b Ti: 50 °C
b intensidade de serviço: 1800 A.
Solução:
Para 50 °C, utilizar um NW20 que possa ser ligado
com 3 barras de 80 x 5, ou com 2 barras de 63 x 10.

Nota:
os valores dados são o resultado de ensaios e cálculos teóricos efectuados a partir dos
parâmetros citados. Estas tabelas podem constituir um guia para a concepção de uma
ligação, mas não substituem a experiência adquirida num determinado tipo de ligação nem
evitam testes de verificação.

76 Masterpact
Recomendações Dimensionamento das barras
de instalação

Parâmetro de estabelecimento das tabelas:


b temperatura máxima admissível das barras: 100 °C
b Ti: temperatura interna no quadro nas proximidades
do aparelho e das suas ligações.
b jogo de barras de cobre nú sem pintura.

Tomadas atrás verticais

Masterpact Intensidade Ti: 40 °C Ti: 50 °C Ti: 60 °C


máxima nº de barras nº de barras nº de barras
larg. de 5 larg. de 10 larg. de 5 larg. de 10 larg. de 5 larg. de 10
NT08 ou NW08 800 2b.50 x 5 1b.50 x 10 2b.50 x 5 1b.50 x 10 2b.50 x 5 1b.50 x 10
NT10 ou NW10 1000 2b.50 x 5 1b.50 x 10 2b.50 x 5 1b.50 x 10 2b.63 x 5 1b.63 x 10
NT12 ou NW12 1250 2b.63 x 5 1b.63 x 10 3b.50 x 5 2b.40 x 10 3b.50 x 5 2b.40 x 10
NT16 ou NW16 1400 2b.80 x 5 1b.80 x 10 2b.80 x 5 2b.50 x 10 3b.63 x 5 2b.50 x 10
NT16 ou NW16 1600 3b.63 x 5 2b.50 x 10 3b.63 x 5 2b.50 x 10 3b.80 x 5 2b.63 x 10
NW20 1800 3b.63 x 5 2b.50 x 10 2b.80 x 5 2b.50 x 10 3b.80 x 5 2b.63 x 10
NW20 2000 2b.100 x 5 2b.63 x 10 2b.100 x 5 2b.63 x 10 3b.100 x 5 2b.80 x 10
NW25 2200 2b.100 x 5 2b.63 x 10 2b.100 x 5 2b.63 x 10 3b.100 x 5 2b.80 x 10
NW25 2500 4b.80 x 5 2b.80 x 10 4b.80 x 5 2b.80 x 10 4b.100 x 5 3b.80 x 10
NW32 2800 4b.100 x 5 2b.100 x 10 4b.100 x 5 2b.100 x 10 4b.100 x 5 3b.80 x 10
NW32 3000 5b.100 x 5 3b.80 x 10 6b.100 x 5 3b.100 x 10 5b.100 x 5 4b.80 x 10
NW32 3200 6b.100 x 5 3b.100 x 10 6b.100 x 5 3b.100 x 10 4b.100 x 10
NW40 3800 4b.100 x 10 4b.100 x 10 4b.100 x 10
NW40 4000 4b.100 x 10 4b.100 x 10 4b.100 x 10
NW50 4500 5b.100 x 10 5b.100 x 10 6b.100 x 10
NW50 5000 5b.100 x 10 6b.100 x 10 7b.100 x 10
NW63 5700 7b.100 x 10 7b.100 x 10 8b.100 x 10
NW63 6300 8b.100 x 10 8b.100 x 10

Exemplo
Dados:
b aparelho fixo
b jogo de barras vertical
b Ti: 40 °C
b intensidade de serviço:1100 A.
Solução:
Para 40 °C: utilizar um NT12 ou NW12 que possa ser
ligado com 2 barras de 63 x 5, ou com 1 barra de
63 x 10.

Nota:
os valores dados são o resultado de ensaios e cálculos teóricos efectuados a partir dos
parâmetros citados. Estas tabelas podem constituir um guia para a concepção de uma ligação,
mas não substituem a experiência adquirida num determinado tipo de ligação nem evitam
testes de verificação.

Masterpact 77
Recomendações Desclassificação
de instalação Temperatura, potência dissipada,
resistência

Desclassificação de temperatura
O quadro abaixo representado indica o valor máximo
da corrente nominal para cada tipo de ligação, em
função da temperatura.
Para uma ligação mista, considerar a mesma
desclassificação que para uma ligação na horizontal.
Para temperaturas superiores a 60 °C, consultar- nos.
Ti: Temperatura interna no quadro nas proximidades
do aparelho e das suas ligações.

versão aparelho extraível aparelho fixo


tipo de tomadas à frente ou atrás horizontais atrás verticais à frente ou atrás horizontais atrás verticais
temp. Ti 40 45 50 55 60
40 45 50 55 60 40 45 50 55 60 40 45 50 55 60
NT08 H1/L1 800 800 800 800
NT10 H1/L1 1000 1000 1000 1000
NT12 H1 1250 1250 1250 1250
NT16 H1 1600 1520 1480 1430 1600 1560 1510 1600 1550 1600
NW08 N/H/L 800 800 800 800
NW10 N/H/L 1000 1000 1000 1000
NW12 N/H/L 1250 1250 1250 1250
NW16 N/H/L 1600 1600 1600 1600
NW20 H1/H2/H3 2000 1980 1890 2000 2000 1920 2000
NW20 L1 2000 1900 1850 1800 2000 – – – – – – – – – –
NW25 H1/H2/H3 2500 2500 2500 2500
NW32 H1/H2/H3 3200 3100 3000 2900 3200 3200 3200
NW40 H1/H2/H3 4000 3900 3750 3650 4000 3850 4000 3900 3800 4000
NW50 H1/H2 5000 5000 5000 5000
NW63 H1/H2 - - - - - 6300 6200 - - - - - 6300

Potência dissipada, resistência


A potência total dissipada é o valor medido a IN,
50/60 Hz, para um aparelho tripolar ou tetrapolar
(valores superiores à potência P = 3RI2).
A resistência entrada/saída é o valor medido a frio
por pólo.

versão aparelho extraível aparelho fixo


potência dissipada (Watt) resistência entrada/saída (µohm) potência dissipada (Watt) resistência entrada/saída (µohm)
NT08 H1/L1 90/140 (H1/L1) 38/72 50/80 26/39
NT10 H1/L1 150/230 (H1/L1) 38/72 80/110 26/39
NT12 H1 250 36 130 26
NT16 H1 460 36 220 26
NW08 N1 137 42 62 19
NW08 H/L 100 30 42 13
NW10 N1 220 42 100 19
NW10 H/L 150 30 70 13
NW12 N1 330 42 150 19
NW12 H/L 230 27 100 13
NW16 N1 480 37 220 19
NW16 H/L 390 27 170 13
NW20 H/L 470 27 250 13
NW25 H1/H2/H3 600 19 260 8
NW32 H1/H2/H3 670 13 420 8
NW40 H1/H2/H3 900 11 650 8
NW50 H1/H2 590 7 660 5
NW63 H1/H2 1200 7 1050 5

78 Masterpact
Recomendações Desclassificação
de instalação Do quadro

Factores que influenciam a concepção Parâmetros de estabelecimento das tabelas


do quadro. b dimensões dos quadros
Temperatura em redor dos aparelhos e das suas b número de aparelhos instalados
ligações: b modo de ligação dos aparelhos
permite definir o tipo de disjuntor a utilizar, bem como b aparelhos versão extraível
a composição das ligações. b temperatura ambiente no exterior do quadro: Ta (IEC 60439-1).
A execução de aberturas de ventilação na parte
superior e na parte inferior:
permite reduzir sensivelmente a temperatura no
interior do quadro. Estas aberturas devem respeitar o
grau de estanquecidade do quadro. Para os quadros
estanques será por vezes necessário estudar um
sistema de ventilação forçado.
Potência dissipada para os aparelhos instalados
no quadro:
potência calculada para o valor da corrente de
emprego dos aparelhos.
Dimensões do invólucro:
determinam o volume de arrefecimento.
Tipo de instalação do invólucro:
mural, encastrado...
Separações horizontais:
têm influência na ciculação do ar.

Disjuntores Masterpact NT08/16 H1/L1 (armário 2000 x 400 x 400)


Tipo NT08 H1/L1 NT10 H1/L1 NT12 H1 NT16 H1
Configuração dos quadros
4
3
2
1

Modo de ligação

Dimensionamento 2b. 50x5 3b. 63x5 3b. 63x5 3b. 80x5


das barras 2b. 63x5 3b. 50x5 3b. 63x5
Quadro ventilado (➞ IP31) 4 H1 / L1 H1 / L1
3 800 800 1000/1000 1000/1000 1250 1250 1400 1520
Ta = 35°C 2
1
4
3 800 800 1000/950 1000/1000 1250 1250 1330 1440
2000 Ta = 45°C 2
1
4
3 800 800 1000/890 1000/960 1200 1250 1250 1340
Ta = 55°C 2
1
400 400

Quadro ventilado (➞ IP54) 4


3 800 800 1000/960 1000/1000 1250 1250 1330 1400
Ta = 35°C 2
1
4
3 800 800 1000/910 1000/980 1220 1250 1260 1330
2000 Ta = 45°C 2
1
4
3 800 800 1000/960 1000/930 1150 1230 1200 1260
Ta = 55°C 2
1
400 400

Atenção:
Os valores indicados nas tabelas são o resultado de ensaios e cáculos teóricos efectuados a
partir dos parâmetros citados. Estas tabelas podem constituir um guia para a concepção de
um quadro, mas não substituem a experiência adquirida num determinado tipo de quadro,
nem evitam testes de verificação.

Masterpact 79
Recomendações Desclassificação
de instalação Do quadro

Disjuntores Masterpact NT08 H1/L1 (armário 2300 x 1100 x 500)


Tipo NT08 H1/L1
Configuração dos quadros 5
4
3
2
1

Modo de ligação

Dimensionamento das barras 2b. 50x5

Quadro ventilado (➞ IP31) 5 800


4 800 800
3 800 800 800
Ta = 35°C
2 800 800 800 800 800
1
5 800
2300
4 800 800
Ta = 45°C 3 800 800 800
2 800 800 800 800 800
1
5 800
4 800 800
200
600 Ta = 55°C 3 800 800 800
300
500 2 800 800 800 800 800
1
Quadro não ventilado (➞ IP54) 5 800
4 800 800
3 800 800 800
Ta = 35°C
2 800 800 800 800 800
1
5 800
2300 4 800 800
3 800 800 800
Ta = 45°C
2 800 800 800 800 800
1
5 800
200 4 800 800
600
3 800 800 800
Ta = 55°C
300
500
2 800 800 800 800 800
1

Atenção:
Os valores indicados nas tabelas são o resultado de ensaios e cálculos teóricos efectuados a
partir dos parâmetros citados. Estas tabelas podem constituir um guia para a concepção de
um quadro, mas não substituem a experiência adquirida num determinado tipo de quadro,
nem evitam os testes de verificação.

80 Masterpact
Recomendações Desclassificação
de instalação Do quadro

Disjuntores Masterpact NT10-16 H1/L1 (armário 2300 x 1100 x 500)


Tipo NT10 H1/L1 NT12 H1 NT16 H1
Configuração dos quadros 5
4
3
2
1

Modo de ligação

Dimensionamento das barras 3b. 63x5 3b. 63x5 3b. 80x5


2b. 63x5 3b. 50x5 3b. 63x5
Quadro ventilado (➞ IP31) 5 H1/L1 H1/L1 H1/L1 H1/L1
4 1000/1000 1250
Ta = 35°C 3 1000/1000 1000/1000 1250 1250 1500
2 1000/1000 1000/1000 1000/1000 1000/1000 1250 1250 1250 1250 1460 1600 1550
1 1250
5
2300
4 1000/1000 1250
Ta = 45°C 3 1000/1000 1000/1000 1250 1250 1420
2 1000/960 1000/1000 1000/1000 1000/1000 1250 1250 1250 1250 1400 1500 1480
1 1250
5
4 1000/950 1250
200

300
600 Ta = 55°C 3 1000/1000 1000/960 1250 1250 1330
500 2 1000/900 1000/1000 1000/1000 1000/970 1250 1250 1250 1250 1300 1400 1370
1 1250
Quadro não ventilado (➞ IP54) 5
4 1000/950 1250
3 1000/1000 1000/960 1250 1250 1370
Ta = 35°C
2 1000/1000 1000/1000 1000/1000 1000/970 1250 1250 1250 1250 1400 1500 1400
1
5
2300 4 1000/900 1180
3 1000/950 1000/910 1250 1190 1300
Ta = 45°C
2 1000/950 1000/1000 1000/960 1000/930 1250 1250 1250 1220 1350 1430 1320
1
5
200 4 1000/850 1120
600
300
Ta = 55°C 3 1000/900 1000/860 1200 1130 1210
500
2 1000/880 1000/970 1000/910 1000/870 1210 1250 1210 1150 1250 1350 1250
1

Atenção:
Os valores indicados nas tabelas são o resultado de ensaios e cálculos teóricos efectuados a
partir dos parâmetros citados. Estas tabelas podem constituir um guia para a concepção de
um quadro, mas não substituem a experiência adquirida num determinado tipo de quadro,
nem evitam os testes de verificação.

Masterpact 81
Recomendações Desclassificação
de instalação Do quadro

Disjuntores Masterpact NW08-10 N/H/L (armário 2300 x 800x 900)


Tipo NW08 N/H/L NW10 N/H/L
Configuração dos quadros
4
3
2
1

Modo de ligação

Dimensionamento das barras 2b. 50x5 3b. 63x5


2b. 63x5
Quadro ventilado (➞ IP31) 4 800
3 800 800 1000
Ta = 35°C
2 800 800 800 1000 1000
1 800 800 800 800 800 1000 1000 1000 1000
4 800
3 800 800 1000
2300 Ta = 45°C
2 800 800 800 1000 1000
1 800 800 800 800 800 1000 1000 1000 1000
4 800
3 800 800 1000
Ta = 55°C
900
2 800 800 800 1000 1000
800
1 800 800 800 800 800 1000 1000 1000 1000
Quadro não ventilado (➞ IP54) 4 800
3 800 800 1000
Ta = 35°C
2 800 800 800 1000 1000
1 800 800 800 800 800 1000 1000 1000 1000
4 800
3 800 800 1000
2300 Ta = 45°C
2 800 800 800 1000 1000
1 800 800 800 800 800 1000 1000 1000 1000
4 800
3 800 800 1000
Ta = 55°C 2 800 800 800 1000 1000
900 800
1 800 800 800 800 800 1000 1000 1000 1000

Atenção:
Os valores indicados nas tabelas são o resultado de ensaios e cálculos teóricos efectuados a
partir dos parâmetros citados. Estas tabelas podem constituir um guia para a conceção de
um quadro, mas não substituem a experiência adquirida num determinado tipo de quadro,
nem evitam os testes de verificação.

82 Masterpact
Recomendações Desclassificação
de instalação Do quadro

Disjuntores Masterpact NW12-16 N/H/L (armário 2300 x 800x 900)


Tipo NW12 N1 NW12 H/L NW16 N1 NW16 H/L
Configuração dos quadros
4
3
2
1

Modo de ligação

Dimensionamento das barras 3b. 63x5 3b. 63x5 3b. 80x5 3b. 80x5
3b. 50x5 3b. 50x5 3b. 63x5 3b. 63x5
Quadro ventilado (➞ IP31) 4
3 1250 1250
Ta = 35°C
2 1250 1250 1250 1250 1600 1600
1 1250 1250 1250 1250 1250 1250 1250 1250 1550 1600 1600 1600 1600 1600
4
3 1250 1250
2300 Ta = 45°C
2 1250 1250 1250 1250 1500 1600
1 1250 1250 1250 1250 1250 1250 1250 1250 1470 1600 1600 1600 1600 1600
4
3 1250 1250
Ta = 55°C 2 1250 1250 1250 1250 1380 1470
900 800
1 1200 1250 1250 1250 1250 1250 1250 1250 1380 1500 1500 1520 1600 1600
Quadro não ventilado (➞ IP54) 4
Ta = 35°C 3 1240 1250
2 1250 1250 1250 1250 1425 1600
1 1250 1250 1250 1250 1250 1250 1250 1250 1440 1550 1550 1600 1600 1600
4
Ta = 45°C 3 1170 1250
2300
2 1210 1210 1250 1250 1360 1500
1 1200 1250 1250 1250 1250 1250 1250 1250 1360 1470 1470 1500 1600 1600
4
Ta = 55°C 3 1100 1250
2 1140 1170 1250 1250 1280 1400
900 800
1 1130 1200 1200 1200 1250 1250 1250 1250 1280 1380 1380 1400 1520 1520

Atenção:
Os valores indicados nas tabelas são o resultado de ensaios e cálculos teóricos efectuados a
partir dos parâmetros citados. Estas tabelas podem constituir um guia para a conceção de
um quadro, mas não substituem a experiência adquirida num determinado tipo de quadro,
nem evitam os testes de verificação.

Masterpact 83
Recomendações Desclassificação
de instalação Do quadro

Disjuntores Masterpact NW20-40 N/H/L (armário 2300 x 800x 900)


Tipo NW20 H1/H2/H3 NW20 L1 NW25 H1/2/3 NW32 H1/2/3 NW40 H1/2/3
Configuração dos quadros
4
3
2
1

Modo de ligação

Dimensionamento das barras 3b. 100x5 3b. 100x5 4b. 100x5 3b. 100x10 4b. 100x10

Quadro ventilado (➞ IP31) 4


3 2000 1830
Ta = 35°C
2 2000 2000 2000 2000 2000 2000 2375 2500 3040 3200 3320 3700
1
4
3 2000 1750
2300 Ta = 45°C
2 2000 2000 2000 1810 1960 1920 2250 2380 2880 3100 3160 3500
1
4
3 1880 1640
Ta = 55°C
2 2000 2000 2000 1700 1850 1800 2100 2250 2690 2900 2960 3280
900 800
1
Quadro não ventilado (➞ IP54) 4
Ta = 35°C 3 2000 1750
2 2000 2000 2000 1800 1900 1890 2125 2275 2650 2850 3040 3320
1
4

2300
Ta = 45°C 3 1900 1660
2 1900 1960 1960 1680 1810 1800 2000 2150 2550 2700 2880 3120
1
4
Ta = 55°C 3 1780 1550
900
2 1800 1920 1920 1590 1700 1700 1900 2020 2370 2530 2720 2960
800
1

Atenção:
Os valores indicados nas tabelas são o resultado de ensaios e cálculos teóricos efectuados a
partir dos parâmetros citados. Estas tabelas podem constituir um guia para a concepção de
um quadro, mas não substituem a experiência adquirida num determinado tipo de quadro,
nem evitam os testes de verificação.

84 Masterpact
Recomendações Desclassificação
de instalação Do quadro

Disjuntores Masterpact NW50-63 H2-H2 (armário 2300 x 1400 x 1500)


Tipo NW50 H1/H2 NW63 H1/H2
Configuração dos quadros
4
3
2
1

Modo de ligação

Dimensionamento das barras 7b. 100x10 8b. 100x10

Quadro ventilado (➞ IP31) 4


3
Ta = 35°C 2 4700 5000 5850
1
4
3
Ta = 45°C
2 4450 4850 5670
2300 1
4
3
Ta = 55°C
2 4200 4600 5350
1

1500
1400

Quadro não ventilado (➞ IP54) 4


3
Ta = 35°C 2 4350 4650 5000
1
4
3
Ta = 45°C 2 4100 4400 5040
2300 1
4
3
Ta = 55°C 2 3850 4150 4730
1

1500
1400

Atenção:
Os valores indicados nas tabelas são o resultado de ensaios e cálculos teóricos efectuados a
partir dos parâmetros citados. Estas tabelas podem constituir um guia para a concepção de
um quadro, mas não substituem a experiência adquirida num determinado tipo de quadro,
nem evitam os testes de verificação.

Masterpact 85
Recomendações Conjunto de substituição (Retrofit)
de instalação Aparelhos fixos / extraíveis
800 a 3200 A

É possível substituir um Masterpact M08 a M32 pelos novos Masterpact NW08


a NW32 do mesmo calibre.
Esta substituição aplica-se aos seguintes aparelhos:
b N1, H1, H2 em versão fixa e extraível
b L1 em versão extraível até 2000 A.

Detalhes de fixação
Versão fixa Versão extraível

Recorte da porta
b sem moldura de porta, o recorte é idêntico (270 x 325 mm)
b com a antiga moldura de porta, o recorte é idêntico (270 x 325 mm)
b com a nova moldura de porta, o recorte é diferente.

Versão fixa Versão extraível

Recorte da porta
Basta escolher um jogo de ligadores que permitam, uma vez aparafusados no lugar das placas de tomadas standard, recuperar os pontos
de ligação dos jogos de ligadores e barras (ver oferta Retrofit no capítulo funções e características).

Nota:
(1) Sem moldura
(2) Com moldura
As referências X e Y simbolizam os planos de simetria do aparelho de
3 pólos.

86 Masterpact
Recomendações
de instalação

Esquemas eléctricos
Correspondência do terminal Masterpact NW com Masterpact M

Potência Unidade de controlo Comando à distância

Central de sinalização Contactos chassis

Masterpact 87
Recomendações
de instalação

88 Masterpact
Dimensões, Índice
atravancamentos Dimensões, atravancamentos

Masterpact NT08 e NT16


Aparelho fixo 3/4 pólos _______________________________________________ 90
Aparelho extraível 3/4 pólos ___________________________________________ 94

Masterpact NW08 e NW32


Aparelho fixo 3/4 pólos _______________________________________________ 98
Aparelho extraível 3/4 pólos __________________________________________ 100

Masterpact NW40
Aparelho fixo 3/4 pólos ______________________________________________ 102
Aparelho extraível 3/4 pólos __________________________________________ 104

Masterpact NW50 e NW63


Aparelho fixo 3/4 pólos ______________________________________________ 106
Aparelho extraível 3/4 pólos __________________________________________ 108

Acessórios Masterpact NW
Acessórios NW ______________________________________________________ 110

Recortes de painel traseiro Masterpact NW


Recortes de painel traseiro __________________________________________ 111

Módulos exteriores Masterpact NT/NW


Módulos exteriores __________________________________________________ 112

Inversores de rede
Encravamento conforme o tipo de aparelho ___________________________ 117
Encravamento por barras ____________________________________________ 118
Encravamento por cabos ____________________________________________ 120
Encravamento eléctrico IVE e Automatismo UA e BA __________________ 125

Masterpact 89
Dimensões, Masterpact NT08 a NT16
atravancamentos Aparelho fixo 3/4 pólos

Aparelho
105 (3P) 105
175 (4P)
188
94

178
136
105

210
X X

123

125 (3P)
6,5 39 3 195 (4P) 125
15 150,5 13 13

Fixação horizontal (em platina ou em calha) Detalhe de fixação vertical


(em montante ou painel)
E47194A

Y Y
X 6 Ø6,5
E47192A

4 Ø6,5

25
100

X
125 154
39 100 62,5 77
18 mín. 136,5 F
39 máx. 125 (3P)
F 195 (4P) 125

125 (3P)
195 (4P) 125

Perímetro de segurança Recorte de porta Recorte de painel traseiro

A (*) A (*) 194 mín. (3P) 194 mín.


B B 264 mín. (4P) Y
Y
62
44

X 216 (1) X
266 (2)

40 130 62
108 (1)
F 133 (2) 106
100 (3P)
170 (4P) 100
194 (1) 97 (1)
244 (2) 122 (2)

Peças
isoladas metálicas sob tensão (1) Sem moldura
A 0 0 100 (2) Com moldura
B 0 0 60 Nota:
As referências X eY simbolizam os planos de simetria do aparelho 3 pólos.
A(*) Para extracção das câmaras de corte é necessário um espaço disponível de 50 mm.
F : Referência de fixação Para extracção dos bornes é necessário um espaço disponível de 20 mm.

90 Masterpact
Dimensões, Masterpact NT08 a NT16
atravancamentos Aparelho fixo 3/4 pólos

Ligações
Tomadas atrás horizontais Detalhe

43,5 70 70 70

15
123

67,5
N Y
X
67,5
44
123
25 9,5 12,5
15

167,5 60
12,5
F
2 Ø 11

Tomadas atrás verticais Detalhe

43,5 70 70 70
15

Vue
VistaAA
97

X N Y
97

60
12,5
167,5 12,5 9,5
F
44

25
2 Ø 11
Detalhe vista A

Tomadas à frente Detalhe


12
Vista
Vue A A
70 70 70

150
N Y
Placa superior Placa inferior
326
X
44 2 Ø 11
25 9,5
13
150

13 25
9,5
2 Ø 11 44
164 Detalhe vista A
F

Nota:
Parafusos de ligação aconselhados: M10 classe 8.8
Binário de aperto: 50 Nm com anilha de contacto

Masterpact 91
Dimensões, Masterpact NT08 a NT16
atravancamentos Aparelho fixo 3/4 pólos

Ligações
Tomadas à frente com espaçador

95 95 Vista
Vue AA
70 70

15
202

434
X 95 95 95
70 70 70 Vista
Vue AA

202 12,5 12,5

15

N Y
179
F

Tomadas atrás com espaçador

98 95 95
70 70

123
15
82,5

X 52,5
15
Y
123
95 95 95
70 70 70
219,5
234,5 12,5 12,5
F

N Y

Detalhe espaçador
Placa central esquerda ou direita Placa central para 3P Placa esquerda ou direita para 4P Placa esquerda ou direita para 3P
para 4P

77 77 77 77
38,5 38,5 38,5 38,5
13,5 13,5 13,5 13,5
25 = = 25 = = 25 = = 25 = =

30 30 30 30
82 52 82 52 15 82 52 15 82 52 15
15
5 Ø11 5 Ø11 5 Ø11 5 Ø11
25 25 25 25
52 52 52 52

Detalhe vista A

Nota:
F : Referência de fixação As referências X eY simbolizam os planos de simetria do aparelho 3 pólos.

92 Masterpact
Dimensões, Masterpact NT08 a NT16
atravancamentos Aparelho fixo 3/4 pólos

Ligações
Tomadas à frente com ligador vertical

116,5 70 70 70
15

Vue A
Vista A

21 221

N Y

472
X 89 12,5
25 = = 15

21 (1)
221
21 101 21
3 Ø11

15 20

Detalhe vista A
190,5
253
F

Tomadas à frente com ligador vertical associado às placas complementares para cabos

221 15 70 70 70
15

50

Vista
Vue A

271
21 221

N Y
15

184
572
X 17 50 50 50

80 50
221
21
271 5 Ø13 5 Ø11
Detalhe vista A

50

340,5 15
357,5
F

Nota:
Parafusos de ligação aconselhados: M10 classe 8.8
Binário de aperto: 50 Nm com anilha de contacto (1): nos ligadores verticais, 2 possibilidades de fixação (entre-eixo de 21 mm).

Masterpact 93
Dimensões, Masterpact NT08 a NT16
atravancamentos Aparelho extraível 3/4 pólos

Aparelho

127,5 (3P) 160,5


210 197,5 (4P)
mín. 188
94
Y
46(*)

199

X X
123
5

90 (3P)
60 mín. 45,5 160 (4P) 90
F

(*) Posição extraído.

Fixação horizontal (em platina ou em calha) Detalhe de fixação vertical


(em montante ou painel)

Y
Y
X
4 Ø 6,5

6 Ø 6,5
150
X
24 25 50
25 100
100
216
231
F 90 (3P) F
90 109 (3P)
160 (4P) 179 (4P) 109

Perímetro de segurança Recorte de porta Recorte de painel traseiro

B B 170 mín. (3P) 230 mín.


A 240 mín. (4P)
C C Y Y

X 259 (1) X
303 (2) 234
117

40 109 (1)
180 130,8 (2) 102,5 (3P)
161 (1) 102,5
F 183 (2) 172,5 (4P)
259 (1)
307 (2)
Peças
isoladas metálicas sob tensão
A 0 0 30
(1) Sem moldura
B 10 10 60 (2) Com moldura
C 0 0 30
Nota:
F : Referência de fixação As referências X eY simbolizam os planos de simetria do aparelho 3 pólos.

94 Masterpact
Dimensões, Masterpact NT08 a NT16
atravancamentos Aparelho extraível 3/4 pólos

Ligações
Tomadas atrás horizontais Detalhe

70 70 70
49
15

67,5
228
X N Y
67,5
114
44
25 9,5 12,5
267,5 15

F 60
12,5

2 Ø 11

Tomadas atrás verticais Detalhe

70 70 70
49 15

Vue AA
Vista

97

X
97 N Y
60
12,5
267,5 12,5 9,5
F
44

25
2 Ø 11
Detalhe vista A

Tomadas à frente Detalhe

15 12,5 Vista
VueAA
70 70 70

171

N Y
336
X Placa superior Placa inferior
140 44
9,5 25 2Ø 11 37,9 9,5

26
235 12,5 83 100
131 52
F
26 2Ø 11
25 9,5
Nota: 37,9 9,5 44
Parafusos de ligação aconselhados: M10 classe 8.8
Binário de aperto: 50 Nm com anilha de contacto Detalhe vista A

Masterpact 95
Dimensões, Masterpact NT08 a NT16
atravancamentos Aparelho extraível 3/4 pólos

Ligações
Tomadas à frente com espaçador

95 95
Vista
Vue A
70 70

238
223

Y
X
95 95 95
70 70 70
207 Vue A
Vista
192
12,5 12,5

250
F
N Y

Detalhe espaçador
Placa central esquerda ou direita Placa central para 3P Placa esquerda ou direita para 4P Placa esquerda ou direita para 3P
para 4P

77 77 77 77
38,5 38,5 38,5 38,5
13,5 13,5 13,5 13,5
25 = = 25 = = 25 = = 25 = =

30 30 30 30
82 52 82 52 15 82 52 15 82 52 15
15
5 Ø11 5 Ø11 5 Ø11 5 Ø11
25 25 25 25
52 52 52 52

Detalhe vista A

Nota:
F : Referência de fixação As referências X e Y simbolizam os planos de simetria do aparelho 3 pólos.

96 Masterpact
Dimensões, Masterpact NT08 a NT16
atravancamentos Aparelho extraível 3/4 pólos

Ligações
Tomadas à frente com ligador vertical associado às placas complementares para cabos

15 70 70 70
15 Vue A
Vista A
50

71
292

21
171
N Y 15

583 184
X 17 50 50 50

140
21 80 50
261

71 5 Ø13 5 Ø11
Detalhe vista A
50

193,5 15
F

Nota:
Parafusos de ligação aconselhados: M10 classe 8.8
Binário de aperto: 50 Nm com anilha de contacto

Masterpact 97
Dimensões, Masterpact NW08 a NW32
atravancamentos Aparelho fixo 3/4 pólos

Aparelho

189 (3P)
304 (4P) 189
308
154

191
150

260
X X

161
11

7 57 233 11 200 (3P) 200


315 (4P) 11

Fixação em platina ou em calha Detalhe de fixação

Y
X Ø9,5

25
124
162

72 38
15 mini 162
60 maxi F
218,5
F 200 (3P) 200 Ø9,5
315 (4P)

Perímetro de segurança Recorte de porta

295 mini (3P) 295 mini


A (*) A (*) 410 mini (4P)
B B
Y

X 270 (1)
316 (2)
135 (1)
158 (2)

15 205
F 162,5 (1)
182 (2)
325 (1)
364 (2)

Peças
isoladas metálicas sob tensão
A 0 0 100 Nota:
(1) Sem moldura
B 0 0 60
(2) Com moldura
As referências X e Y simbolizam os planos de simetria do aparelho 3 pólos.
A(*) Para extracção das câmaras é necessário um espaço disponível de 110 mm.
F : Referência de fixação Para extracção dos bornes é necessário um espaço disponível de 20 mm.

98 Masterpact
Dimensões, Masterpact NW08 a NW32
atravancamentos Aparelho fixo 3/4 pólos

Ligações
Tomadas atrás horizontais Detalhe

27 115 115 115

20
20 150
N Y
X 76
93
38 13
161
25 = = 12,5

20
47
233,5
3 Ø11,5 14,5
F

Tomadas atrás verticais Detalhe

27 115 115 115


20

Vista A

68
N Y
X
141 47
14,5 12,5
13

=
233,5 76
=
F 38

3 Ø11,5 25

Detalhe vista A

Tomadas à frente Detalhe

20 12,5 Vista A
115 115 115

N Y
230,5

Placa superior Placa inferior


76
475
X 25 25 13

12,5
219,5 3 Ø11,5
3 Ø11,5

12,5

219 12,5
Detalhe vista A 25 25 13
F

Nota:
Parafusos de ligação aconselhados: M10 classe 8.8
Binário de aperto: 50 Nm com anilha de contacto

Masterpact 99
Dimensões, Masterpact NW08 a NW32
atravancamentos Aparelho extraível 3/4 pólos

Aparelho

220,5 (3P)
335,5 (4P) 220,5
400 308
mín.
154
Y

56
(*)
238,5

X X

200,5

128
11 383,5 200
60 mín. 400

(*) posição extraído

Fixação em platina ou em calha Detalhe de fixação


E46354A

X Y

2 Ø11,5 x 22

Ø11,5
10

175
110
103 175
Ø10,5
283
F
F

167,5 (3P)
282,5 (4P) 162,5

Perímetro de segurança Recorte de porta


A
300 mín.(3P)
415 mín.(4P) 300 mín.

270 (1)
379 (2)
X 135 (1)
222 (2) 153,3 (1)

100
225
F
47 (1)
162,5 (1)
182 (2)
Peças 325 (1)
364 (2)
isoladas metálicas sob tensão
A 0 0 0 Nota:
B 0 0 60 (1) Sem moldura
(2) Com moldura
F : Referência de fixação As referências X e Y simbolizam os planos de simetria do aparelho 3 pólos.

100 Masterpact
Dimensões, Masterpact NW08 a NW32
atravancamentos Aparelho extraível 3/4 pólos

Ligações
Tomadas atrás horizontais Detalhe

115 115 115

27

20
20 N Y

76
X 296 38 13
93
25 = = 12,5
184
47
20

3 Ø11,5 14,5
298,5
F

Tomadas atrás verticais Detalhe

115 115 115


20

Vista
Vue A A
27

68 N Y

X 47

141 14,5 12,5


13

=
76
=
38

298,5 3 Ø11,5 25
F
Detalhe vista A

Tomadas à frente Detalhe

Vue A
Vista
20 115 115 115
12,5

151
N Y

Placa superior Placa inferior


76
X 400
25 25 13

224 12,5

3 Ø11,5
3 Ø11,5

284 12,5
12,5
F
25 25 13
Detalhe vista A
Nota:
Parafusos de ligação aconselhados: M10 classe 8.8
Binário de aperto: 50 Nm com anilha de contacto

Masterpact 101
Dimensões, Masterpact NW40
atravancamentos Aparelho fixo 3/4 pólos

Aparelho

189 (3P)
304 (4P) 189
308
154

191
150

260
X X

161
11

11 200 (3P) 200


7 57 233 315 (4P) 11

Fixação em platina ou em calha Detalhe de fixação

Y
X Ø9,5

25
124
162

72 38
15 mín. 162
60 máx. F
218,5
F 200 (3P) 200 Ø9,5
315 (4P)

Perímetro de segurança Recorte de porta

295 mín. (3P) 295 mín.


A (*) A (*) 410 mín. (4P)
B B
Y

X 270 (1)
316 (2)
135 (1)
158 (2)

15 205
F 162,5 (1)
182 (2)
325 (1)
364 (2)

Peças
isoladas metálicas sob tensão Nota:
A 0 0 100 (1) Sem moldura
B 0 0 60 (2) Com moldura
As referências X e Y simbolizam os planos de simetria do aparelho 3 pólos.
A(*) Para extracção das câmaras é necessário um espaço disponível de 110 mm.
F : Referência de fixação Para extracção dos bornes é necessário um espaço disponível de 20 mm.

102 Masterpact
Dimensões, Masterpact NW40
atravancamentos Aparelho fixo 3/4 pólos

Ligações
Tomadas atrás horizontais

27

20
20 150

X
93
161

20

233,5
F

Detalhe

150 150 150 135 12,5


115 115 115 12,5 25 25 25 14,5
52,5 52,5
17,5 17,5 47

4 Ø11,5

100 12,5
N 12,5 25 25 25 14,5
332,5 (4P) 217,5
Y 47

Tomadas atrás verticais

27

117,5

190,5

233,5
F

Detalhe

115 115 115 47


E46491A

20 14,5
12,5
Vue A 12,5

25
25
N Y 20
125
25
25

Nota:
Parafusos de ligação aconselhados: M10 classe 8.8 5 Ø11,5
Binário de aperto: 50 Nm com anilha de contacto

Masterpact 103
Dimensões, Masterpact NW40
atravancamentos Aparelho extraível 3/4 pólos

Aparelho

220,5 (3P)
335,5 (4P) 220,5
400 308
mín.
154
Y

56
(*)
238,5

X X

200,5

128
11 383,5 200
60 mín. 400

(*) posição extraído

Fixação em platina ou em calha Detalhe de fixação

Y
X
2 Ø11,5 x 22

Ø11,5
10

175

110 Ø10,5
103 175
283 F
F

167,5 (3P)
282,5 (4P) 162,5

Perímetro de segurança Recorte de porta


A
300 mín.(3P)
415 mín.(4P) 300 mín.

270 (1)
379 (2)
X 135 (1)
222 (2) 153,3 (1)
100
225
F
47 (1)
162,5 (1)
Peças 182 (2)
325 (1)
isoladas metálicas sob tensão Nota: 364 (2)
A 0 0 0 (1) Sem moldura
B 0 0 60 (2) Com moldura
As referências X e Y simbolizam os planos de simetria do aparelho 3 pólos.
O perímetro de segurança tem em conta o espaço necessário para a extracção das câmaras
F : Referência de fixação de corte.

104 Masterpact
Dimensões, Masterpact NW40
atravancamentos Aparelho extraível 3/4 pólos

Ligações
Tomadas atrás horizontais

27

20
20

X 296
93

184

20

298,5
F

Detalhe

150 150 150 135 12,5


115 115 115 12,5 25 25 25 14,5
52,5 52,5
17,5 17,5 47

4 Ø11,5

100 12,5
N Y 12,5 25 25 25 14,5
332,5 217,5

47

Tomadas atrás verticais

47
14,5
12,5
12,5
27
25
25
117,5 125
20 25
25
X
5 Ø11,5
190,5
Detalhe vista A

298,5
F

Detalhe

Nota:
Parafusos de ligação aconselhados: M10 classe 8.8
Binário de aperto: 50 Nm com anilha de contacto

Masterpact 105
Dimensões, Masterpact NW50 a NW63
atravancamentos Aparelho fixo 3/4 pólos

Aparelho
534 3P)
764 (4P) 189
308
154

191
150

260
X X

161

545 (3P) 200


7 57 233 11 775 (4P) 11

Fixação em platina ou em calha Detalhe de fixação

Y
X Ø9,5

25
124
162

72 38
15 mín. 162
60 máx. F
218,5
F 545 (6P) 200 Ø9,5
775 (8P)

Perímetro de segurança Recorte de porta

A (*) B A (*) B 639 mín. (3P) 295 mín.


839 mín. (4P)
Y

270 (1)
X 316 (2)
135 (1)
158 (2)

15 205
F 162,5 (1)
182 (2)
325 (1)
364 (2)

Peças
isoladas metálicas sob tensão Nota:
A 0 0 100 (1) Sem moldura
B 0 0 60 (2) Com moldura
As referências X e Y simbolizam os planos de simetria do aparelho 3 pólos.
A(*) Para extracção das câmaras é necessário um espaço disponível de 110 mm.
F : Referência de fixação Para extracção dos bornes é necessário um espaço disponível de 20 mm.

106 Masterpact
Dimensões, Masterpact NW50 a NW63
atravancamentos Aparelho fixo 3/4 pólos

Ligações
Tomadas atrás horizontais (NW50) Detalhe

47 230 230 230


115 115 115 115 115 115 115

20
20 150

X N
93 Y
161

20
76
253,5
38 13
F
25 = = 12,5

47

3 Ø11,5 14,5

Tomadas atrás verticais (NW50) Detalhe

47 230 230 230


115 115 115 115 115 115 115
20

Vista A

68

X
N
141 Y
47
14,5 12,5
253
253,5
13
F
=
76
=
38

3 Ø11,5 25
Detalhe Vista A

Tomadas atrás verticais (NW63) Detalhe

47 230 230 230


115 115 115 115 115 115 115
20

117,5 Vista A

190,5
N
Y
47
14,5
253
253,5 12,5
12,5
F
25
25
125
20 25
25

Nota:
Parafusos de ligação aconselhados: M10 inox classe A4 80 5 Ø11,5
Binário de aperto: 50 Nm com anilha de contacto Detalhe Vista A

Masterpact 107
Dimensões, Masterpact NW50 a NW63
atravancamentos Aparelho extraível 3/4 pólos

Aparelho
565,5 (3P)
795,5 (4P) 220,5
400 308
mín.
154
Y

56
(*)
238,5

X X

200,5

128 40

60 mín.
11 383,5 200
400
(*) posição extraído

Fixação em platina ou em calha Detalhe de fixação

X Y

250

53 250
333
23
F

6 Ø11 x 34
F

325 (3P) 174 (3P) 151 (3P)


450 (4P) 287,5 (4P) 162,5 (4P)

Perímetro de segurança Recorte de porta


A
B A B 646 mín. (3P)
876 mín. (4P) 300 mín.

270 (1)
379 (2)
X 135 (1)
222 (2) 153,3 (1)

100
225 47 (1)
F 162,5 (1)
182 (2)
325 (1)
Peças 364 (2)
isoladas metálicas sob tensão
A 0 0 0 Nota:
B 0 0 60 (1) Sem moldura
(2) Com moldura
F : Referência de fixação As referências X e Y simbolizam os planos de simetria do aparelho 3 pólos.

108 Masterpact
Dimensões, Masterpact NW50 a NW63
atravancamentos Aparelho extraível 3/4 pólos

Ligações
Tomadas atrás horizontais (NW50) Detalhe

115 115 115 115 115 115 115

27

20
20 N Y

X 291
93
179
76
38 13
20 25 = = 12,5

47
348,5
F 3 Ø11,5 14,5

Tomadas atrás verticais (NW50) Detalhe

115 115 115 115 115 115 115


20

Vista A
27

68 N Y

X
47
141 14,5 12,5
13

=
76
=
38
348,5
F 3 Ø11,5 25
Detalhe Vista A

Tomadas atrás verticais (NW63) Detalhe

115 115 115 115 115 115 115


20
27
Vista A

117,5
N Y
X
47
190,5 14,5
12,5
12,5

25
348,5 25
125
20 25
F
25

5Ø 11,5
Nota: Detalhe Vista A
Parafusos de ligação aconselhados: M10 inox classe A4 80
Binário de aperto: 50 Nm com anilha de contacto

Masterpact 109
Dimensões, Acessórios Masterpact NW
atravancamentos

Fixação esquadrias murais (Masterpact NW08 a 32 fixo)


429 (3P)
544 (4P)

4 Ø12

X X
159 125
96
113

218,5 4,5 11 203,5 11


F 407 (3P)
522 (4P)

Tomada extraível para placas tomada à frente (Masterpact NW08 a 32 fixo)


Placas horizontais Detalhe

67 115 115 115


20

183
N Y

76
38 13
X 25 = = 12,5

172 47

3 Ø11,5 14,5

20
253,5
F

Placas verticais Detalhe

67 115 115 115


20

Vista A

231

N Y

47
X
14,5 12,5
13

220 =
76
=
38

3 Ø11,5 25
Nota:
Parafusos de ligação aconselhados: M10 classe 8.8 253,5 Detalhe vista A
Binário de aperto: 50 Nm com anilha de contacto
F
F : Referência de fixação

110 Masterpact
Dimensões, Recortes de painel traseiro
atravancamentos Masterpact NW

Recorte fundo de armário


NW08 a NW40
Vista atrás

X
302 X

187

264
200,5 (3P)
200,5 315,5 (4P)
401 (3P) F
516 (4P)

NW50 a NW63
Vista atrás

X
297 X

182

314

200,5 545,5 (3P)


775,5 (4P)
746 (3P) F
976 (4P)

Moldura de porta
Masterpact NT
Aparelho fixo Aparelho extraível

Y
Y

X X 313
275

27 27

27 27 13 27
253 317

Masterpact NW
Aparelho fixo Aparelho extraível
Y Y

X X 387
324

25 18

45
25
372
25 25
372

F : Referência de fixação

Masterpact 111
Dimensões, Módulos exteriores
atravancamentos Masterpact NT/NW

Ligação fios finos em placa de terminais

S : 0,6 mm2

S : 2,5 mm2 2

8
Ø3,5

Um só condutor por ponto


de ligação

Módulo relé M6C

99
23 25
E47689A

21
19

7
9
11
13
15
17
81
1
3
5 S1
S2
S3 46 23 25
M6c S4 19
21
17
21 23
25 S5 11
13
15
17 19 9
9 11
com
. S6 5
7
S1
5 7 0V 3
1 3 24V 1
S1
S2
S5
S6
S2
22 24
S3
S4
18 20
S3 14 16
10 12
6 8
2 4
M6c S4
21 23
25 S5
17 19
9 11
com
. S6
5 7 0V
1 3 24V
S2 S6
S1 S5
S4 22 24
18 20

66 99 S3

2 4 6 8
10 12
14 16

46

Módulo de alimentação externa (AD)

60 2 Ø6

L4
73 60
L3 t
Inpu C
24VD

0A
ut
Outp C +
AD 22 24VD G2
G1

112
E47691A

75
L4
L3 t
Inpu C
24VD

220A
ut
Outp C +
AD 24VD G2
G1

Módulo bateria (BAT)


Fixação
60 2 Ø6

60
H3 t
H4
+
73
Inpu C
24VD

ut
24V Outp C
BAT + 24VD H1

H2
E47693A

112
75
H4
H3 t
Inpu C +
24VD

ut
24 V Outp C
BAT + 24VD H1
H2

112 Masterpact
Dimensões, Módulos exteriores
atravancamentos Masterpact NT/NW

Módulo retardador para disparador MN


MNR

2 Ø4,2
57
6
3 4 5
1 2

66
81 3 6
S

1
42
0.5
MN 1.5
3 MN
UVR r de R
dateu UV
Retardelay for
30 V Time
100/1C
AC/D
10 12 73
2 3
1

6
3 4 5
2
73,5 1

72
S
3 6
1
0.5
MN 1.5
3 MN
UVR r de R
dateu UV
Retardelay for
30 V Time
100/1C
AC/D
10 12

2 3
1

46

Módulo comunicação «chassis»


ModBUS BatiBUS

++ 90
Network
Réseau

CCM
modb
us
45
shield

A A

Fault
B B
A’ A’
B’ B’

Com.
Breaker
Disjoncteur

ss
Addre
.
sync
+
CE
CD
CT

58
54

Transformador de corrente para protecção de terra (SGR - Source Ground Return)


Transformador Módulo Somador “MGDF”

200
90
130

45

F
MDG

45 76
150
58
106

Masterpact 113
Dimensões, Módulos exteriores
atravancamentos Masterpact NT/NW

Transformador de corrente para neutro exterior


400/1600 A (NT08 a NT16) 400/2000 A (NW08 a NW20)
4Ø14
SHLD VN 4Ø14
GND VC H1 H2
VC
H1 H2 VN
GND
35 76 T4 44 102
T3
T4 T3 T1 T2 T1
T2
177
208
174
206

1000/4000 A (NW025 a NW40) 2000/6300 A (NW50 a NW63)

16 Ø14
8Ø14

H1 H2 H1 H2
VC VC
VN VN
GND GND 127
T4 44 127 T4 44
T3 T3
T1 T1
T2 T2

70
H1 H2
44 174 44
VC
295 VN
GND
T4 44
T3 127
T1
T2

44 174 44
295

Instalação

400/1600 A (NT08 a NT16) 400/2000 A (NW08 a NW20)

137 162

1000/4000 A (NW25 a NW40) 2000/6300 A (NW50 a NW63)

162 168

2 transformadores de corrente fornecidos separadamente.

114 Masterpact
Dimensões, Módulos exteriores
atravancamentos Masterpact NT/NW

Toro somador

Janela 280 x 115

Janela 470 x 160

Jogo de barras I i 1600 A I i 3200 A


janela 280 x 115 470 x 160
peso (kg) 14 18

Passagem de barras

Janela 280 x 115 Janela 470 x 160


Jogo de barras com passo de 70 Jogo de barras com passo de 115

2 barras de 50 x 10

4 barras de 100 x 5

2 barras de 100 x 5

4 barras de 125 x 5

Masterpact 115
Dimensões, Módulos exteriores
atravancamentos Masterpact NT/NW

Instalação e ligação Digipact DMB300


Atravancamentos e recorte da face frontal
5,8

93,4
111,3

202 12,1 7,1


64,8
110 (*)

R 3,5 máx. / 2 mín. ±0,4


99,2

190,9 ±0,4 1,5 ≤ e ≥ 6

(*) com sistema de cablagem Digipact

Instalação e ligação Digipact DMC300


Atravancamentos e recorte da face frontal
5.75

Digipact
DMC300

co
m

Alarm

147 135.5

197 5.75 7
85.6
(*) com sistema de cablagem Modbus Digipact 115 (*)

R 3,5 máx. / 2 mín.


±0,4
136,2

186,2 ±0,4 1,5 ≤ e ≥ 6

116 Masterpact
Dimensões, Inversores de rede
atravancamentos Encravamento conforme o tipo de
aparelho

Masterpact NT / NW
Tipo de aparelho rede"Substituição" R
Tipo de aparelho NT06 a NT16 NW08 a NW63
Tipo de encravamento rede "Normal" N fixo extraível fixo extraível
encravamento por fechadura fixo c c c c
extraível c c c c
aparelhos montados 2 aparelhos fixo c - c -
verticalmente, extraível - c - c
por barras 3 aparelhos fixo - - - -
extraível - - - -
aparelhos montados 2 aparelhos fixo c c c c
verticalmente, extraível c c c c
por cabos 3 aparelhos fixo - - c c
extraível - - c c
aparelhos montados 2 aparelhos fixo c c c c
horizontalmente , extraível c c c c
por cabos 3 aparelhos fixo - - c c
extraível - - c c
Nota: É possível combinar aparelhos Masterpact NT e NW num inversor de rede.

Masterpact 117
Dimensões, Inversores de rede
atravancamentos Encravamento por barras

2 aparelhos Masterpact NT sobrepostos


Aparelhos fixos Aparelhos extraíveis

X X
123 123
173 173 12

110

5 135 30 5 100 161 30


100 F
900
900 F máx.
máx.

184 X 184 X
114 114

10 153 182
110

2 aparelhos Masterpact NW sobrepostos


Aparelhos fixos Aparelhos extraíveis
Y

X X
161 203
211 253 43,6
93
F
F
7 100 216,5 30
30 217,5 30
F 100

900 máx. 900 máx.

240 240

X X
117 117

8 242
136,5 242

118 Masterpact
Dimensões, Inversores de rede
atravancamentos Encravamento por barras

2 aparelhos Masterpact NT e NW sobrepostos


Aparelhos fixos Aparelhos extraíveis

X X
161 203
211 253 43,6
93
F
F
7 100 216,5 30
30 217,5 30
F 100

900 máx. 900 máx.

Y
Y

184
184 X X
114 114

10 153
110 12 182
F 110
F

Masterpact 119
Dimensões, Inversores de rede
atravancamentos Encravamento por cabos

2 aparelhos Masterpact NT lado a lado


Aparelhos fixos Aparelhos extraíveis

Y Y

Y Y

X X

R100 mín.
R100 mín. 2000 máx.
2000 máx.

2 aparelhos Masterpact NW lado a lado


Aparelhos fixos Aparelhos extraíveis
E46039
E47729

Y Y

Y Y

X X

R100 mín. R100 mín.


2000 máx. 2000 máx.

120 Masterpact
Dimensões, Inversores de rede
atravancamentos Encravamento por cabos

2 aparelhos Masterpact NT e NW lado a lado


Aparelhos fixos Aparelhos extraíveis

Y
Y
Y
Y

X X
X X

R100 mín.
R100 mín. 2000 máx.
2000 máx.

3 aparelhos Masterpact NW lado a lado


Aparelhos fixos

Y Y Y

R100 mín.
1000 máx. 1000 máx.

Aparelhos extraíveis

Y Y Y

R100 mín.

1000 máx. 1000 máx.

Masterpact 121
Dimensões, Inversores de rede
atravancamentos Encravamento por cabos

2 aparelhos Masterpact NT sobrepostos


Aparelhos fixos Aparelhos extraíveis

Y
Y

X X
123 123

12

135 30 110 161 30


F
R100 mín. R100 mín.
2000
máx. 2000
máx.

184 X 184 X
114 114

R100 mín. R100 mín.


12 160 182
110

2 aparelhos Masterpact NW sobrepostos


Aparelhos fixos Aparelhos extraíveis

Y
Y

X X
161 203
43,6
93
F
F
216,5 30
217,5 30
R100 mín. R100 mín.
2000 máx. 2000 máx.

Y
Y

240 240

X X
117 117

R100 mín. R100 mín.


242 245
F

122 Masterpact
Dimensões, Inversores de rede
atravancamentos Encravamento por cabos

2 aparelhos Masterpact NT e NW sobrepostos


Aparelhos fixos Aparelhos extraíveis

Y
Y

X X
161
203
43,6
93
F
F
216,5 30
217,5 30
R100 mín.
2000 máx. R100 mín.
2000 máx.

Y
Y

240

184 X X
114 117

R100 mín. R100 mín.


12 160 245
110

Masterpact 123
Dimensões, Inversores de rede
atravancamentos Encravamento por cabos

3 aparelhos Masterpact NW sobrepostos


Aparelhos fixos Aparelhos extraíveis

Y
Y

X X
161
203

F
216,5 30 F
217,5 30
R100 mín.
1000 máx. R100 mín.
1000 máx.

Y
Y

240 240

X X
117 117

43,6
R100
136,5 mín. 242 93 R100
mín.
F F 256,5
R100 mín.
1000 máx.
1000 máx.

Y
Y

X X

R100 mín.
R100 mín.

124 Masterpact
Dimensões, Inversores de rede
atravancamentos Encravamento eléctrico IVE
Automatismos BA e UA

Encravamento eléctrico IVE


11 1 2 1 3 1 4 1 5 1 6

10
9
8
7

137
6
5

150
4
3
2
1

120 160
N

6 65
48 150 mín.
83

Platina para auxiliares de comando ACP e Recorte de porta para automatismo BA/UA
automatismo BA/UA

95

255 140

200

22 90 140
138 172

150 187

Masterpact 125
Dimensões,
atravancamentos

126 Masterpact
Índice
Esquemas eléctricos

Masterpact NT08 a NT16


Aparelhos fixos e extraíveis __________________________________________ 128

Masterpact NW08 a NW63


Aparelhos fixos e extraíveis __________________________________________ 130

Masterpact NT e NW
Opção de comunicação ______________________________________________ 132
Protecção de terra e diferencial, selectividade lógica __________________ 134

Inversores de rede
2 aparelhos Masterpact NT ou NW ____________________________________ 136
3 aparelhos Masterpact NW __________________________________________ 147
2 aparelhos Masterpact NT ou NW com automatismo __________________ 156

Masterpact 127
Esquemas eléctricos Masterpact NT08 a NT16
Aparelhos fixos e extraíveis

Os esquemas representam circuitos "fora de


tensão", todos os aparelhos "aberto, extraído,
armado" e os relés estão na posição "repouso"

Potência Unidade de controlo Comando à distância


potência disj. a montante disj. a jusante

a fechar

armado
(+)

defeito

defeito
(+) (+) (+)

pronto
N L1 L2 L3
Z1
Z2

Z3

Z4
Z5
Z1
Z2

Z3

Z4

Z5
AT BPF
M6C
BPO

474

484
Q1
Q2
Q3

C12

252
254
182

184
VN
V1
V2
V3

Z1
Z2
Z3
Z4
Z5

B3
B2
C2
C3
K2

A2
A3
82

84

D2
Q MCH

I S1 S2 MN MX2 MX1 XF
SDE2 SDE1 PF
Micrologic CH
U
M2C M6C Res
ou
ou ou
471

(-) (-) (-) (-)

D1

251
181

K1

B1
C11

C1
81

A1
F2+
M1
M2
M3

T1
T2
T3
T4
F1

24 V DC

Unidade de controlo Comando à distância


Marcação da placa de Com UC1 UC2 UC3 UC4 / M2C / M6C SDE2 / Res SDE1 MN / MX2 MX1 XF PF MCH
terminais
E5 E6 Z5 M1 M2 M3 F2+ V3 / 484 / Q3 184 / K2 84 D2 / C12 C2 A2 254 B2

E3 E4 Z3 Z4 T3 T4 VN V2 / 474 / Q2 182 82 C3 A3 252 B3

E1 E2 Z1 Z2 T1 T2 F1 – V1 / 471 / Q1 181 / K1 81 D1 / C11 C1 A1 251 B1

A P H Unidade de controlo Comando à distância

c c c Com: E1-E6 comunicação SDE2: Contacto sinal defeito eléctrico


ou
c c c UC1: Z1-Z5 selectividade lógica; Res: Rearme à distância
Z1 = ZSI OUT SOURCE
Z2 = ZSI OUT; Z3 = ZSI IN SOURCE SDE: Contacto sinal defeito eléctrico (fornecido de origem)
Z4 = ZSI IN ST (retardamento curto)
Z5 = ZSI IN GF (defeito terra) MN: Disparador de mínimo de tensão
c c c M1 = entrada bloco Vigi (Micrologic 7) ou
MX2: Disparador de emissão de corrente
c c c UC2: T1, T2, T3, T4 = neutro exterior;
c c c M2, M3 = entrada bloco Vigi MX1: Disparador de emissão de corrente
(Micrologic 7) (normal ou comunicante)

c c c UC3: F2+, F1– alimentação 24 V CC XF: Disparador de fecho


exterior (normal ou comunicante)
c c VN tomada de tensão neutro exterior
PF: Contacto pronto a fechar
c c UC4: V1, V2, V3 tomada de tensão externa
opcional MCH : Moto-redutor (*).
ou
c c M2C: 2 contactos programáveis (relé
interno) 24 V CC ext. necessário
ou Nota:
c c M6C: 6 contactos programáveis Caso sejam utilizados disparadores MX ou XF "comunicantes", o
(para ligação a módulo externo M6C) terceiro fio (C3, A3) deve ser cablado mesmo que o módulo
24 V CC ext. necessário comunicação não esteja instalado

A: Amperímetro numérico
P: A + potência + protecções parametrizáveis
H: P + harmónicas

128 Masterpact
Esquemas eléctricos Masterpact NT08 a NT16
Aparelhos fixos e extraíveis

Contactos de sinalização Contactos «chassis»

aberto
ouvert fechado
fermé extraído
débroché encaixado
embroché teste
Test

822
824
812
814

332
334
322

324
312

314

914
912
42

32

22

12
44

34

24

14

OF4 OF3 OF2 OF1 CT1


CD2 CD1 CE3 CE2 CE1

E47074A
E46134A
E47075A
E46141A

321
331
41

31

21

821

311
11

811

911
Contactos de sinalização Contactos «chassis»
OF4 OF3 OF2 OF1 CD2 CD1 CE3 CE2 CE1 CT1

44 34 24 14 824 814 334 324 314 914

42 32 22 12 822 812 332 322 312 912

41 31 21 11
821 811 331 321 311 911

Contactos de sinalização Contactos «chassis»


OF4 / OF3 / OF2 / OF: contactos de posição "aberto/fechado" «montagem CD2: Contactos CE3: Contactos CT1: Contactos
interior» CD1 de posição CE2 de posição de posição
"extraído" CE1 "encaixado" "teste"
(*) Motor de rearme 440/480 V CA
(motor 380 V + resistência adicional)
E47484

CN1 - 440/480 V

9 11
sinalizador
“armado“ R
440/480 V
B3 B2

MCH
380V

CH

Legenda:
B1
Unicamente aparelho extraível
CN2 - 440/480 V
XXX SDE1, OF1, OF2, OF3, OF4 fornecidos de origem

Interligações
(um só fio por ponto de ligação )

Masterpact 129
Esquemas eléctricos Masterpact NW08 a NW63
Aparelhos fixos e extraíveis

Os esquemas representam circuitos "fora de


tensão", todos os aparelhos "aberto, extraído,
armado" e os relés estão na posição "repouso"

Potência Unidade de controlo Comando à distância


potência

a fechar

armado
disj. a montante disj. a jusante (+)

defeito

defeito
(+) (+) (+)

pronto
N L1 L2 L3
Z1
Z2

Z3

Z4
Z5
Z1
Z2

Z3

Z4

Z5
AT BPF
M6C
BPO

C12
474

484

252
254
182

184
Q1
Q2
Q3

B3
B2
VN

C2
C3
K2

A2
A3
V1
V2
V3

82

84
Z1
Z2
Z3
Z4
Z5

D2
MCH
Q

I SDE2 SDE1 MN MX2 MX1 XF


S1 S2 PF CH
Micrologic
U
Res
M2C M6C ou
ou ou
E46132A

(-) (-) (-) (-)


471

D1

251
181

K1

B1
C11

C1
81

A1
F2+
M1
M2
M3

T1
T2
T3
T4
F1
SG1
SG2
X1

X2

24 V DC
E46555B

Unidade de controlo Comando à distância


Marcação da placa de Com UC1 UC2 UC3 UC4 M2C / M6C SDE2 / Res SDE1 MN / MX2 MX1 XF PF MCH
terminais
E5 E6 Z5 M1 M2 M3 F2+ V3 484 / Q3 184 / K2 84 D2 / C12 C2 A2 254 B2

E3 E4 Z3 Z4 T3 T4 VN V2 474 / Q2 182 82 C3 A3 252 B3

E1 E2 Z1 Z2 T1 T2 F1 – V1 471 / Q1 181 / K1 81 D1 / C11 C1 A1 251 B1

A P H Unidade de controlo Comando à distância

c c c Com: E1-E6 comunicação SDE2: Contacto sinal defeito eléctrico


ou
c c c UC1 : Z1-Z5 selectividade lógica; Res : Rearme à distância
Z1 = ZSI OUT SOURCE
Z2 = ZSI OUT; Z3 = ZSI IN SOURCE SDE1: Contacto sinal defeito eléctrico (fornecido de origem)
Z4 = ZSI IN ST (retardamento curto)
Z5 = ZSI IN GF (defeito terra) MN : Disparador de mínimo de tensão
c c c M1 = entrada bloco Vigi (Micrologic 7) ou
MX2 : Disparador de emissão de corrente
c c c UC2 : T1, T2, T3, T4 = neutro exterior;
c c c M2, M3 = entrada bloco Vigi MX1 : Disparador de emissão de corrente
(Micrologic 7) (normal ou comunicante)

c c c UC3 : F2+, F1– alimentação 24 V CC XF : Disparador de fecho


exterior (normal ou comunicante)
c c VN tomada de tensão neutro exterior
PF : Contacto pronto a fechar
c c UC4 : V1, V2, V3 tomada de tensão externa
opcional MCH : Moto-redutor.

c c M2C : 2 contactos programáveis (relé


interno) 24 V CC ext. necessário
ou Nota:
c c M6C : 6 contactos programáveis Caso sejam utilizados disparadores MX ou XF "comunicantes", o
(para ligação ao módulo externo M6C) terceiro fio (C3, A3) deve ser cablado mesmo que o módulo
24 V CC ext. necessário comunicação não esteja instalado.

A: Amperímetro numérico
P: A + potência + protecções parametrizáveis
H: P + harmónicas

130 Masterpact
Esquemas eléctricos Masterpact NW08 a NW63
Aparelhos fixos e extraíveis

Contactos de sinalização Contactos «chassis»

não
non
embroché
encaixado encaixado
ouvert
aberto fechado
fermé fermé
fechado ou
ou embroché
fechado débroché
extraído encaixado
embroché teste
Test
embroché fermé
encaixado
ouvert
aberto

832
834
822
824
812
814
332
334
322

324
312

314

934

924

914
932

922

912
..2

..4

..6
..8
42

32

22

12
44

34

24

14

EF . .
OF4 OF3 OF2 OF1 OF . . OF CT3 CT2 CT1
CD3 CD2 CD1 CE3 CE2 CE1

ou

CE
E46140A

E46142A
E46134A
E46141A

E46131A

321
331

311
41

31

21

11

831

821
..1

..5

911
811

931

921
Contactos de sinalização Contactos «chassis»
OF4 OF3 OF2 OF1 OF24 OF23 OF22 OF21 OF14 OF13 OF12 OF11 CD3 CD2 CD1 CE3 CE2 CE1 CT3 CT2 CT1

44 34 24 14 244 234 224 214 144 134 124 114 834 824 814 334 324 314 934 924 914

42 32 22 12 242 232 222 212 142 132 122 112 832 822 812 332 322 312 932 922 912

41 31 21 11 241 231 221 211 141 131 121 111 831 821 811 331 321 311 931 921 911
ou ou ou ou ou ou ou ou ou ou
EF24 EF23 EF22 EF21 EF14 EF13 EF12 EF11 CE6 CE5 CE4 CE9 CE8 CE7

248 238 228 218 148 138 128 118 364 354 344 394 384 374

246 236 226 216 146 136 126 116 362 352 342 392 382 372

245 235 225 215 145 135 125 115 361 351 341 391 381 371

Contactos de sinalização Contactos «chassis»

OF4 : Contactos de OF24 : Contactos de posição CD3 : Contactos CE3 : Contactos CT3 : Contactos
OF3 posição ou "aberto/fechado" «montagem interior» CD2 de posição CE2 de posição CT2 de posição
OF2 "aberto/fechado" EF24 Contacto combinado CD1 "extraído" CE1 "encaixado" CT1 "teste"
OF1 «montagem "extraído e fechado"
interior» OF23 ou ou ou
EF23
CE6 : Contactos CE9 : Contactos
OF22 ou CE5 de posição CE8 de posição
EF22 CE4 "encaixado" CE7 "encaixado"
OF21 ou
EF21 ou
OF14 ou CD6 : Contactos
EF14 Legenda: CD5 de posição
OF13 ou CD4 "extraído"
EF13 Unicamente aparelho extraível
OF12 ou XXX SDE1, OF1, OF2, OF3, OF4 fornecidos de origem
EF12
OF11 ou Interligações
EF11 (um só fio por ponto de ligação)

Masterpact 131
Esquemas eléctricos Masterpact NT e NW
Opção de comunicação

Ligação da opção de comunicação


914 812 314 912 812 312
N L1 L2 L3 micro-interruptores
integrados no
módulo COM
OF

SDE MX1
VN
V1
V2
V3

Z1
Z2
Z3
Z4
Z5
com
911 811 311 911 811 311
PF

CH XF
com CT CD CE CT CD CE
+ +
Q B
'A
COM chassis COM chassis
I módulo de 'B
Modbus Digipact
Micrologic comunicação A BB

blindagem
U aparelho BB
+

BB
BB
B A B A +
' '
(2)
F2+
M1
M2
M3

E1
E2
E3
E4
E5
E6
T1
T2
T3
T4
F1

CCP 303
5
H1 H2
4
módulo
BAT
3 bloco bloco
2 de junção de junção
(1)
H3 H4 Modbus Digipact
1 CJB 306
(2)
G1 G2 0
vermelho

castanho
amarelo
branco

24 V
preto

módulo
azul

0V
AD
L3 L4 E1 E2 E3 E4 E5 E6 0V 24 V
+ A B A B Modbus 24 VDC alimentação 24 VDC
+ / / '
BB ' + Digipact
BB 1A
Bus comunicação
DC 150

110/240 V CA E3 / E4 par entrançado


24/125 V CC E5 / E6 par entrançado

Todas as funções de protecção da unidade de controlo são alimentadas com corrente própria. No entanto, a alimentação 24 V CC
exterior (módulo AD) é necessária nalguns casos de exploração, conforme quadro abaixo:
disjuntor fechado aberto
tomadas de tensão alimentadas alimentadas não alimentdas
Opção contactos de sinalização programáveis M2C, M6C sim sim sim
Função protecção não não não
Função visualização não (1) não (2) sim
Função horodatador não não sim (3)
Sinalização de estado e comandos do disjuntor não não não
por bus de comunicação
Identificação, parametrização, ajuda à exploração e à não (1) não (2) sim
manutenção por bus de comunicação
(1) excepto para as unidades de controlo Micrologic A (se a corrente for < 20% In)
(2) excepto para as unidades de controlo Micrologic A
(3) o acerto da hora é manual. Pode ser feito automaticamente pelo supervisor via bus de comunicação.

O bus de comunicação necessita da sua própria alimentação 24 V CC (El,E2). Esta


alimentação é diferente do 24 V CC exterior (Fl-,F2+).
Em caso de utilizar o módulo AD, o comprimento do cabo entre os 24 V CC (G1, G2) e a
unidade Micrologic (F1-, F2+) não deve exceder os 10 metros.
O módulo bateria (BAT), montado em cascata por detrás do módulo AD, permite assegurar a
continuidade de alimentação em caso de perda da alimentação do módulo AD.
As tomadas de tensão estão integradas de origem nas ligações inferiores do disjuntor.
É possível fazer a ligação ao exterior do aparelho encomendando a opção tomada de tensão
externa PTE. Com a opção PTE, as tomadas de tensão internas são desligadas, ficando os
terminais VN, V1, V2, V3 exclusivamente ligados à unidade de controlo Micrologic (unicamente P
e H). A opção PTE é necessária com as tensões < 100 Volt e > 690 Volt (neste caso, prever um
transformador de potencial). No caso de um aparelho tripolar, o terminal VN é fornecido ligado
à unidade de controlo Micrologic (unicamente P e H).
Quando se utiliza a opção PTE é obrigatório proteger a tomada de tensão contra eventuais
curto-circuitos. Esta protecção, instalada o mais perto possível do jogo de barras, deve ser
feita por um disjuntor P25M (calibre 1A) associado a um contacto auxiliar (ref. 21104 + 21117).
Esta tomada de tensão é reservada exclusivamente à unidade de controlo e não deve em caso
algum ser utilizada para alimentar outros circuitos no exterior do quadro.

132 Masterpact
Esquemas eléctricos Masterpact NT e NW
Opção de comunicação

Exemplos de utilização da opção de comunicação COM

Ecrã de visualização de quadro CDM303 + CSD309


Esta arquitectura permite a visualização à distância d < 1 km
das variáveis geradas pela Micrologic equipada com DMB300 5 CCP303
o módulo COM ModBus Eco: 1
c I (Micrologic A) 4
2
c I, U, P, E (Micrologic P) 3
3
c I, U, P, E, THD (Micrologic H) 4 I U P ?

Não é necessária qualquer programação. ecrã de visualização 2


de quadro
Para unidades de controlo Micrologic A com 1
correntes < 20% é recomendável utilizar alimentação
0
exterior 24 V CC (módulo A).
24 V
0V
bloco disjuntor
de junção 24 VCC de potência
Modbus 1A
CJB 306 alimentação
Bus de comunicação

Quadro comunicante
Esta arquitectura permite a leitura e o comando à distância dos
Masterpact equipados com o módulo COM ModBUS ou Digipact.
É possível combinar o bus Digipact com o bus ModBUS.

Software PC base PC base


Utilitários Utilitários
Micrologic Micrologic
PLC SMS PLC SMS

TCP/IP

Interface de
comunicação
RS 232C Ethernet
RS 485 RS 485

Bus Modbus Bus Modbus

Bus de
comunicação
Concentrador
de dados DC150

Aparelho

UA150 SC150 Masterpact Masterpact Central


de Sepam Vigilohm Altivar
inversor de interface de COM Digipact COM Modbus medida
rede comando

Bus Digipact Bus Modbus

Masterpact 133
Esquemas eléctricos Masterpact NT e NW
Protecções de terra e diferencial
Selectividade lógica

Transformador exterior para protecção de terra tipo «residual»

Características da ligação do circuito secundário


do transformador de corrente para neutro exterior
Masterpact equipado com Micrologic 6 A/P/H:
c cabo blindado com 2 pares entrançados
c T1 entrançado com T2
c T3 entrançado com T4
c blindagem ligada de um só lado a GND
c comprimento máx.: 10 m
c secção do cabo: 0,4 a 1,5 mm2.
No caso de alimentação superior, ver esquema.
No caso de alimentação pela parte inferior, a
cablagem fios finos e potência são idênticas (H1 é
ligado do lado da rede, H2 é ligado do lado do
receptor).
Na versão tetrapolar, para fazer uma protecção de
terra do tipo residual o transformador de corrente
para neutro exterior não é necessário.
Em caso de utilização do TC2000/6300:
c os sinais T1 e T2 são cablados em série
c os sinais T3 e T4 são cablados em paralelo.
A ligação do sinal VN é necessária unicamente para a
medida de potência (3 Ø, 4 fios, 4TC).

Transformador exterior para protecção de terra tipo «Source Ground Return» (SGR)

Características da ligação do circuito secundário:


Masterpact equipado com Micrologic 6 A/P/H:
c cabo não blindado com 1 par entrançado
c comprimento máx.: 150 m
VN
V1
V2
V3

Z1
Z2
Z3
Z4
Z5
c secção do cabo: 0,4 a 1,5 mm2
c os terminais 5 e 6 são exclusivos
c utilizar o terminal 5 para disjuntores NW08 a 40
c utilizar o terminal 6 para disjuntores NW50 a 63.
c cabo previsto: Belden 9409 ou equivalente.

I
Micrologic 6
U
F2+
M1

M2
M3

T1
T2
T3
T4
F1

ou

H1 X1 12 5 6 7 10 11
1 MDGF module
Módulo MDGF 8
H2 X2 3 13 14 9
PE

134 Masterpact
Esquemas eléctricos Masterpact NT e NW
Protecções de terra e diferencial
Selectividade lógica

Protecção diferencial
N L1 L2 L3
Características da ligação do circuito secundário
do toro somador
Masterpact equipado com Micrologic 7 A/P/H:

VN
V1
V2
V3

Z1
Z2
Z3
Z4
Z5
Utilizar cabo fornecido com o toro somador.

I
Micrologic 7
U

F2+
M1

M2
M3

T1
T2
T3
T4
F1
M1
M2

M3

Protecção do neutro

b Aparelho tripolar:
v Masterpact equipado com Micrologic P ou H
v é necessário transformador de corrente para o
neutro exterior (o esquema de ligação é idêntico ao
da protecção de terra tipo «residual»).
b Aparelho tetrapolar:
v Masterpact equipado com Micrologic A, P ou H
v não é necessário utilizar um transformador de
corrente para o neutro exterior.

Selectividade lógica
Um fio piloto liga vários disjuntores equipados com
unidades de controlo Micrologic A/P/H, como ilustrado disjoncteur A Z1
pelo esquema acima. disjuntor
amont Z2 tsd = 0,3
A unidade de controlo que detecta um defeito emite um a montante
Z3
sinal para montante e verifica a presença do sinal
Z4
proveniente de um disjuntor a jusante. No caso de um sinal
Z5
a jusante, o disjuntor permanecerá fechado durante o
tempo total da sua temporização. Caso contrário, dispara defeito1 1
imediatamente seja qual for a regulação da temporização. défaut
Defeito 1:
só o disjuntor A detecta o defeito. Se não receber nenhum
sinal de jusante, dispara instantaneamente apesar da
temporização pré-regulada para 0,3. Z1
B
Defeito 2: Z2
os disjuntores A e B detectam o defeito. O disjuntor A, que Z3 tsd = 0,2
recebe um sinal do disjuntor B, respeita a temporização Z4
pré-regulada para 0,3. O disjuntor B, que não recebe Z5
nenhum sinal de jusante, dispara instantaneamente apesar
da temporização regulada para 0,2. defeito
défaut 22

Z1 disjoncteur
disjuntor Z1
Z2 aval
a jusante Z2
Z3 Z3
Nota: Z4 Z4
A distância máxima autorizada entre dois aparelhos Z5 Z5
é de 3000 m.
O número total de aparelhos é 100 (no máximo).

Masterpact 135
Esquemas eléctricos Inversores de rede
2 aparelhos Masterpact NT/NW

Encravamento eléctrico por IVE


Unidade de comando aconselhada

L1 L2

11 12 13 14 15 16

84 84
N
SDE"N SDE"R"
(2) (2) IVE
81 81
R

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10
ON OR FN FR

ordem de transferência para


a rede "substituição" (1)

ordem de retorno à
rede "normal" (1)

CN 1 + CN 1

CN 2 – CN 2 –

(1) : as ordens de basculamento “normal” e “substituição devem ser encravadas


electricamente
(2) : esquema de funcionamento: a sinalização "disparo após defeito" SDE “ é transmitida ao
IVE. Os contactos auxiliares SDE são montados nos disjuntores.

Legendas:
ON : ordem de abertura rede "Normal”
OR : ordem de abertura rede "Substituição”
FN : ordem de fecho rede"Normal”
FR : ordem de fecho rede “Substituição”
L1 : sinalização "disparo após defeito" rede “Normal”
L2 : sinalização "disparo após defeito" rede “Substituição” Nota:
N: ligador cablagem auxiliar rede “Normal” O esquema mostra os circuitos fora de tensão, os disjuntores
R : ligador cablagem auxiliar rede“Substituição” abertos e os relés na posição "normal".

136 Masterpact
Esquemas eléctricos Inversores de rede
2 aparelhos Masterpact NT ou NW
Esquema nº. 51201139

Encravamento eléctrico com bloqueio após defeito

Alimentação CN1 . CN1 +


auxiliar CN2 . CN2
N R Transferência para
a rede de Substituição
F1
ON FR

Tranferência para OR FN

a rede Normal

(1)
252
254

312
314
C2
B3

B2

A2

82
84
12
14
22
24
32
34
42
44
(1)

252
254

312
314
C2
B3

B2

A2

82
84
12
14
22
24
32
34
42
44
CE1

CE1

OF1 OF2 OF3 OF4


QN
SDE1

QR OF1 OF2 OF3 OF4


PF
SDE1

MCH
PF

CH
MX XF MCH

CH
MX XF
11

311
B1

C1

251

81

21

31

41
A1

(1)

11

311
B1

C1

251

81

21

31

41
A1

(1)

(1) Não ligar nos aparelhos fixos

Legendas:
QN : Masterpact NT ou NW “Normal”
QR : Masterpact NT ou NW “Substituição”
MCH : motor de recarga das molas
MX : disparador de abertura normal Estados permitidos pelo encravamento mecânico
XF : disparador de fecho normal Normal Substituição
OF...:contacto de sinalização disjuntor ON/OFF 0 0
SDE1: contacto de sinalização“disparo após defeito” 1 0
PF : contacto “pronto a fechar”
0 1
CE1 : contacto de sinalização“aparelho encaixado”
CH : contacto de sinalização“molas carregadas” Nota:
F1 : disjuntor de protecção da alimentação auxiliar O esquema mostra os disjuntores abertos, encaixados, em
ON : ordem de abertura “Normal” carga e prontos a fechar.
OR : ordem de abertura“Substituição” Alimentação auxiliar = tensão de alimentação dos relés
FN : ordem de fecho“Normal” (temporização 0.25 segundos) auxiliares (KA...) = tensão de alimentação dos auxiliares
FR : ordem de fecho“Substituição” (temporização 0.25 segundos) eléctricos (MCH, MX, MN...).

Masterpact 137
Esquenas eléctricos Inversores de rede
2 aparelhos Masterpact NT ou NW
Esquema nº. 51201140

Encravamento eléctrico com bloqueio após defeito e paragem de emergência por disparador de emissão de corrente
CN1 . CN1 +
Alimentação
auxiliar CN2 . CN2
N R Transferência para
a rede Substituição
F1
ON FR

Transferência para OR
KA3
a rede Normal KA3

C12 (1)
252
254

312
314
C2
B3

B2

A2

82
84
12
14
22
24
32
34
42
44
(1)

C12
252
254

312
314
C2
B3

B2

A2

82
84
12
14
22
24
32
34
42
44
CE1

CE1 BP

OF1 OF2 OF3 OF4


QN
SDE1
OF1 OF2 OF3 OF4
QR
PF
SDE1

MCH
PF

CH
MX XF MX2 MCH

CH
MX XF MX2
C11

11

311
B1

C1

251

81

21

31

41
A1

(1)
C11

11

311
B1

C1

251

81

21

31

41
A1

(1)

KA3

(1) Não ligar nos aparelhos fixos

Legendas:
QN : Masterpact NT ou NW“Normal”
QR : Masterpact NT ou NW “Substituição”
MCH : motor de recarga das molas
MX : disparador de abertura normal
XF : disparador de fecho normal
OF...:contacto de sinalização disjuntor ON/OFF
SDE1: contacto de sinalização“disparo após defeito”
PF : contacto “pronto a fechar”
CE1 : contacto de sinalização“aparelho encaixado”
Estados permitidos pelo encravamento mecânico
CH : contacto de sinalização“mola carregadas” Normal Substituição
F1 : disjuntor de protecção da alimentação auxiliar 0 0
MX2 : disparador de emissão de corrente 1 0
BP : botão de paragem de emergência com retenção 0 1
KA3 : temporização da ordem de arranque do grupo para evitar
arranques durante perturbações de tensão transitórias Nota:
S1 : comutadores O esquema mostra os disjuntores abertos, encaixados, em
ON : ordem de abertura “Normal” carga e prontos a fechar.
OR : ordem de abertura“Substituição” Alimentação auxiliar = tensão de alimentação dos relés
FN : ordem de fecho “Normal” (temporização 0.25 segundos) auxiliares (KA...) = tensão de alimentação dos auxiliares
FR : ordem de fecho “Substituição” (temporização 0.25 segundos) eléctricos (MCH, MX, MN...).

138 Masterpact
Esquemas eléctricos Inversores de rede
2 aparelhos Masterpact NT ou NW
Esquema nº. 51201141

Encravamento eléctrico com bloqueio após defeito e paragem de emergência por disparador de mínimo de tensão
CN1 . CN1 +
Alimentação
auxiliar CN2 . CN2
N R Transferência para
a rede Substituição F1
ON FR

Transferência para OR
KA3 KA3
a rede Normal

(1)
254
252

312
314
C2

D2
B3

B2

A2

82
84
12
14
22
24
32
34
42
44
(1)

254
252

312
314
C2

D2