Você está na página 1de 13

TRABALHO AVALIATIVO: ATIVIDADES REALIZADAS NO AMBIENTE VIRTUAL 2020/1

DISCIPLINA: CENTRO DE DISTRIBUIÇÃO, ESTRATÉGIA E LOCALIZAÇÃO


PROFª: JANNIELI MORAES
ALUNO(A): ______________________________________________________
TURNO: ______ SALA: _______

AULA 1
TEMA: OPERADOR LOGÍSTICO E PSL- UNIDADE 1 - Pág. 33 a 41

ATIVIDADE I: Após leitura do conteúdo, faça um pequeno resumo aqui no fórum sobre a
importância das atividades realizadas por um Operador Logístico na Cadeia de
Suprimentos. Pesquise na web e deixe um exemplo de um operador Logístico em
Manaus ou Brasil, tempo de mercado e quais serviços oferece.

Para se ter uma ideia de como o operador logístico é importante dentro de uma empresa, basta
levar em consideração sua presença em diferentes segmentos de administração. No segmento
do comércio, por exemplo, o serviço de logística realiza o armazenamento, planeja o
deslocamento, efetua o processamento de pedidos, coordena a administração de estoques e a
distribuição ordenada de mercadorias aptas a serem comercializados tanto no atacado quanto
no varejo. É preciso lembrar também que o operador logístico é importante, pois é graças a
atuação dele que os consumidores podem receber os produtos de um modo rápido, seguro e
eficiente, sem contar que o varejo terá uma reposição mais rápida de seus produtos na gôndola
de vendas. quando o assunto é o controle de estoque, o operador logístico está habilitado a
uma série de funções fundamentais, uma delas é estar ciente da quantidade disponível dos
itens existentes na empresa. Nesse caso, o operador logístico tem por função estar a par das
entradas e saídas de mercadorias mapeando o fluxo logístico, pois diante das informações
precisas a respeito do que está saindo, é possível que a empresa consiga efetuar o cálculo do
ciclo das mercadorias/materiais. E a gente lembra também que, diante de um maior controle,
você poderá ficar tranquilo e saber que os clientes estão a receber os produtos de maneira
correta e segura.

Exemplo de operador: Yusen Logistics, empresa fundada no Japão e presente no Brasil há


mais de dez anos, é hoje o maior operador logístico de Manaus. A empresa fornece serviços no
agenciamento de cargas a Yusen Logistics tem forte atuação na importação aérea e marítima
da Ásia (usando a estrutura da empresa que tem origem na região), bem como na cabotagem,
através de seu novo escritório no bairro do Aleixo, com atendimento operacional e comercial
aos clientes de Manaus através da equipe da filial Manaus.

ATIVIDADE 2

O Operador Logístico organiza o fluxo de informações, materiais e pessoas com o propósito de


atingir um objetivo com agilidade. O operador logístico fornece todo o processo logístico, desde
o planejamento, armazenamento, mão de obra e a execução de todas as áreas.
RESUMO DA AULA (Mínimo de 15 linhas)

Entende-se que na aula de hoje operador logístico representa uma empresa que presta
serviços especializados em gerenciar e executar as atividades logísticas. Tais atividades
podem estar nas várias fases da cadeia de abastecimento de seus clientes e podem agregar
valor aos produtos deles. Um operador logístico oferece serviços em três atividades básicas:
controle de estoque, armazenagem e gestão de transportes.

Um operador logístico pretende gerar tranquilidade e equilíbrio aos seus clientes, para que eles
possam focar em seu negócio e criar oportunidades de crescimento. Além disso, operadores
logísticos de alta tecnologia propõem aos clientes uma excelência operacional e um diferencial
competitivo pela agilidade na gestão e execução e têm o objetivo de superar as expectativas do
cliente, fazer alianças estratégicas com os fornecedores, executar serviços de valor.

Quando bem implementado o Operador Logístico pode ajudar a cumprir desafios como: reduzir
custo totais visando aumentar a margem de lucro, diminuir a complexidade e dos custos das
funções logísticas e melhorar os sistemas de informação logístico.

AULA 2

TEMA: PLATAFORMA LOGÍSTICA - UNIDADE 2

1ª) O que é uma Plataforma Logística?

Podemos dizer que uma plataforma logística seria um local onde se concentra tudo ou quase
tudo que está diretamente associado à eficácia logística.

2ª) A Plataforma divide-se em quantas e quais Zonas?

 Zona de serviços gerais


 Zona de serviços de transporte
 Zona de operações logísticas

3ª) Quais as atividades realizadas dentro da Zona de Transporte?

 transportes rodoviários;
 transportes ferroviários;
 transportes marítimos;
 transportes aéreos.

4ª) Quais as atividades realizadas dentro da Zona de Operações Logísticas?

 os serviços de fretamento e corretagem de cargas;


 serviços de assessoria comercial e de alfândega;
 possibilidade de locação de equipamentos;
 serviços de armazenagem de mercadorias;
 serviços de transporte de cargas;
 distribuição de produtos.

5ª Escreva duas vantagens da Plataforma Logística?

 Agrupamentos de pedidos das empresas atuantes, em que os pedidos são realizados


diretamente aos fornecedores. Dessa forma, elas podem conseguir uma condição mais
vantajosa, além de descontos sobre os volumes de compras das mercadorias.
 Os pedidos passam a ser realizados na plataforma logística junto aos fornecedores, o
que melhora o desempenho da cadeia de distribuição, uma vez que essas atividades
serão realizadas em conjunto, e não mais individualmente.

ATIVIDADE 2

A estruturação de plataformas logísticas visa aprimorar a concorrência entre empresas, fornece


alternativas que aumentem a eficiência do serviço, diminuir os custos logísticos, desenvolver a
economia em um cenário micro e macro e subsidiar ferramentas para personalização do
serviço como um todo. A função da plataforma em si, em todo o processo, ao fornecer as
alternativas de utilização de suas áreas, é prover estes serviços de interesse comum sem
favorecimento e/ou parcialidade, de modo a manter o nível de serviço para todos os seus
utilizadores.

RESUMO DA AULA (Mínimo de 15 linhas)

Esta aula teve como objetivo identificar os conceitos e características das plataformas
logísticas mundiais e sua analogia com terminais existentes no Brasil. Inicia-se apresentando
os diversos conceitos estabelecidos na literatura para operadores logísticos, abordando como a
fragmentação dos processos logísticos impulsionou a sua criação que, por conseguinte,
utilizam as plataformas logísticas como locais de operação. Também são descritas as relações
das plataformas logísticas com os conceitos de terminais intermodais, aeroportos e portos
hubs. Por fim, são dados exemplos de plataformas logísticas europeias e de terminais
brasileiros com potencial de se tornarem plataformas logísticas. Um conceito, mais complexo,
descreve uma plataforma logística como uma zona delimitada, no interior da qual se exercem,
por diferentes operadores, todas as atividades relativas ao transporte, à logística e à
distribuição de mercadorias, tanto para o trânsito nacional, como para o internacional. Estes
operadores podem ser proprietários, arrendatários dos edifícios, equipamentos, instalações
(armazéns, áreas de estocagem, oficinas) que estão construídos. Uma plataforma deve ter um
regime de livre concorrência para todas as empresas interessadas pelas atividades acima
descritas e compreender serviços comuns para as pessoas e para os veículos dos usuários.
AULA 03

TEMA: CANAIS DE DISTRIBUIÇÃO – UNIDADE 2

ATIVIDADE1

1ª) O que são canais de distribuição?

R: É a sequência de organização ou empresas que vão transferindo a posse de um produto


desde o fabricante até o consumidor final.

2ª) O que é um atacadista?

R: É um comércio que vende em grandes quantidades.

3ª) O que é um varejista?

R: É aquele que compra em pequena quantidade, normalmente para consumo próprio ou


revenda em pequenos estabelecimentos comerciais.

ATIVIDADE 2

A Focus Distribuidora possui tudo alinhado para proporcionar o melhor atendimento ao cliente,
e o trabalho não para, funciona 24 horas para que nada falta aos clientes. Possui palestras
para funcionários, e se organizam sempre para que ocorra a logística perfeita dentro do Centro
de Distribuição, incluindo verificação do prazo de validade das mercadorias, pois tem alimentos
perecíveis, produtos de higiene, e outros.

RESUMO DA AULA (Mínimo de 15 linhas)

Aprendeu-se que uma rede de distribuição eficiente é frequentemente arrogada como um dos
grandes trunfos de alguns líderes de mercado. As decisões correlatas a essa área são
estratégicas, de competência das instâncias mais altas das organizações. Ao mesmo tempo, é
comum que redes de distribuição sejam recursos altamente peculiares, de difícil reprodução
por concorrentes. Dentro desse panorama, esta aula faz com que o aluno entenda que os
canais de distribuição têm como objetivo de determinar se é sob que condições uma rede de
distribuição eficiente constitui um recurso capaz de gerar vantagem competitiva sustentável.
Utiliza-se, como modelo de análise, o modelo baseado em recursos da firma, em que a
vantagem competitiva pode ser atribuída à propriedade de um determinado recurso que a
habilita a executar certas atividades de forma melhor ou mais barata que seus concorrentes
AULA 04

TEMA: CONTINUAÇÃO DE CANAIS DE DISTRIBUIÇÃO – UNIDADE 2

ATIVIDADE 1

1ª) Dentro da moderna visão da cadeia de abastecimento, os canais de distribuição


desempenham quatro funções básicas. Quais são elas?

 Indução da Demanda;
 Satisfação da Demanda;
 Serviços de Pós-venda;
 Troca de Informações

2ª) O que são canais Verticais?

R: São canais de distribuição que eram tradicionalmente vistos como estruturas


mercadológicas verticais, onde a responsabilidade ia sendo transferida de um segmento da
cadeia de suprimento para o seguinte, da mesma forma que um bastão é passado numa
corrida de revezamento.

3ª) O que são Canais Híbridos?

R: Tipo de estrutura, uma parte das funções ao longo do canal é executada em paralelo por
dois ou mais elementos da cadeia de suprimento, quebrando o esquema vertical rígido descrito
anteriormente.

4ª) O que são Canais Múltiplos?

R: É a melhoraria do desempenho no gerenciamento da cadeia de suprimento é utilizar mais de


uma distribuição. Isso ocorre em função da diversidade de tipos de consumidor.

5ª) Em relação a amplitude do canal quais as três formas de distribuição?

 Distribuição exclusiva;
 Distribuição seletiva;
 Distribuição intensiva.

ATIVIDADE 2

Uma empresa bem estruturada e focada em seu ramo de negócios. É logico que para ela ter
esse sucesso todo, todos os envolvidos diretos ou indiretamente estão comprometidos com a
excelência e qualidade dos produtos oferecidos aos seus clientes.

RESUMO DA AULA (Mínimo de 15 linhas)

Conclui-se que Canal de Distribuição é um conjunto de unidades organizacionais, internas ou


externas ao produtor, as quais desempenham as funções envolvidas na comercialização de um
produto. Para fazer um produto chegar às mãos dos consumidores finais existe uma série de
funções ou fluxos que sempre estarão presentes no planejamento para escolha do canal de
distribuição adequado para tal ação. Foi abordado pela professora as 4 funções básicas de um
canal de distribuição explicando minuciosamente cada função para um bom entendimento do
tema abordado, tanto que no vídeo da atividade mostra um exemplo de empresa que possui
seus canais de distribuições bem estruturados para um melhor entendimento da aula.

AULA 5

TEMA: PROCESSOS DE DISTRIBUIÇÃO - UNIDADE 3

ATIVIDADE 1

1ª) O que é distribuição física de mercadorias?

É definida e formada por um único canal de distribuição, denominado canal de um nível, isto é,
entre quem fabrica e quem irá distribuir existe um único intermediário, neste caso, o varejista.
Ao definirmos os canais de distribuição, é necessário detalhar todo o processo logístico que
definirá o mercado selecionado.

2ª) Qual o objetivo geral da distribuição física?

Levar os produtos certos para os lugares certos, no momento certo e com o nível de serviço
desejado, pelo menor custo possível.

3ª) A distribuição física consiste basicamente em três elementos fundamentais, quais


são eles?

 Recebimento.
 Armazenagem
 Distribuição

4ª) Como ocorre o processo de recebimento?

Se inicia quando o veículo é liberado para descarregar um produto ou material que está
destinado ao armazém de uma empresa ou ao centro de distribuição.

5ª) Como ocorre o processo de armazenagem?

O processo de armazenagem ocorre quando algo é guardado para uso presente ou futuro.
Corresponde a retirar o produto da zona de recebimento, que podem ser docas ou plataformas
e transferi-lo para local apropriado, mantendo-o armazenado até que seja demandado.

6ª) Quais as atividades de expedição?

 Recebimento de pedidos.
 Consolidação de pedidos.
 Transporte.
 Separação dos produtos.
 Carregamento do veículo.
 Gerar documentos para transportar.
 Entrega do produto ao cliente.
 Instalação do produto.
 Fatura da mercadoria.

ATIVIDADE 2

A tecnologia da empresa preza o bem estar de seu cliente no recebimento de seu produto
sendo um dos pontos forte em relação a sua concorrente do mesmo segmento, com inovação e
adotando novas metodologias de sempre se manter a frente das outras empresas.

RESUMO DA AULA (Mínimo de 15 linhas)

Esta aula vem apresentar os processos que a distribuição a cada dia vem sendo analisada e
discutida, num certo modo e visão estratégica para redução de custos, mas vendo como a
operação e serviços, está atrelando os Processos com Qualidade e orientada num trabalho em
conjunto gerencial. Equilibrando a eficiência e a eficácia dos procedimentos realizados para
que tenhamos êxito em nossos resultados. Trabalhando com sinergia e integrando toda esta
cadeia revendo e explorando a interligação entre Qualidade em Serviços apresentada bem
como os processos da Tecnologia da Informação, mão-de-obra qualificada, Processos se
intercalam na Logística que é vista como procedimento de organização, planejamento e
controle nos fluxos de materiais e informações correlacionadas, sendo integrada desde a
produção da matéria-prima, transformação e distribuição até o consumidor ou cliente final.

AULA 06 – UNIDADE 3

TEMA: SISTEMA DE DISTRIBUIÇÃO UM PARA UM

ATIVIDADE 1

1)    O que é sistema de distribuição "Um para um"?

O veículo é totalmente carregado no depósito da fábrica ou num CD do varejista (lotação


completa) e transporta a carga para outro ponto de destino, podendo ser outro CD, uma loja ou
outra instalação qualquer.

2)    Como ocorre o carregamento na Distribuição "Um para Um"?

 Na distribuição “um para um”, o carregamento do veículo é realizado de forma a lotá-lo
completamente. Ao carregar o caminhão, vai se acomodando a carga nos espaços disponíveis,
visando ao melhor aproveitamento visando ao melhor aproveitamento possível de sua
capacidade.

3)    Escreva 5 elementos básicos da distribuição "um para um".


 A distância.
 A velocidade operacional.
 Tempo de carga e descarga
 O tempo porta a porta.
 A quantidade transportada

4)    O que significa Tempo de carga e descarga?

É o tempo total despendido na pesagem, conferência, emissão de documentos, bem como nas
operações de carga e descarga propriamente ditas.

5)    O que significa densidade da carga?

Afeta a escolha do tipo de veículo mais adequado ao serviço e, por consequência, tem impacto
no custo de transporte. Mercadorias de baixa transporte. Mercadorias de baixa densidade
acabam lotando o veículo por volume, e não por peso.

ATIVIDADE 2

A gestão do estoque de medicamentos e insumos hospitalares é um dos grandes desafios das


empresas do setor, pois são materiais altamente perecíveis e que exigem o manuseio correto
para que permaneçam aproveitáveis por mais tempo. Ambientes climatizados, com espaços
adequados para o armazenamento dos medicamentos e insumos são a base para que seu
centro de distribuição seja um fator facilitador para a logística hospitalar. Vale ressaltar aqui
uma questão que influencia diretamente na eficiência do sistema de armazenagem: a
distribuição dos insumos no estoque. Os mais usados devem ser colocados à frente, facilitando
assim a separação e a destinação ao usuário final.

RESUMO DA AULA (Mínimo de 15 linhas)

Comentou-se que na distribuição “um para um”, o carregamento do veículo é realizado de


forma a lotá-lo completamente. Que ao carregar o caminhão, vai se acomodando a carga nos
espaços disponíveis, visando ao melhor aproveitamento possível de sua capacidade. É
denominada a transferência de produtos, e influenciada por alguns fatores, quando encarada
sob o ponto de vista logístico. Elementos básicos como a distância, velocidade operacional, o
tempo de carga e descarga, o tempo de porta a porta e quantidade transportada, além do mais
importante a variação sazonal do volume transportado e em alguns casos, em que a demanda
por determinado tipo de produto aumenta apreciavelmente em certa época do ano (no natal,
por exemplo), a oferta de transporte muitas vezes se reduz de tal forma que a empresa se vê
na contingência de buscar os serviços de transportadoras menos qualificadas, com níveis de
desempenho abaixo do desejado.
AULA 07 – UNIDADE 3

TEMA: SISTEMA DE DISTRIBUIÇÃO UM PARA TODOS

ATIVIDADE 1

1) Como ocorre o processo de distribuição "Um para Muitos"?

R: Nesse tipo de distribuição, o veículo é carregado no CD do varejista com mercadorias


destinadas a diversas lojas ou clientes, e executa um roteiro de entrega predeterminado.

2) Escreva 5 elementos da distribuição "Um para Muitos"

1. Divisão da região a ser atendida em zonas ou bolsões de entrega.

2. Distância d entre o CD e o bolsão de entrega.

3. Velocidades operacionais médias Velocidades operacionais médias.

4. Tempo de parada em cada cliente.

5. Tempo de ciclo (necessário para completar um roteiro e voltar ao depósito).

3) Na distribuição "Um para Muitos" a escolha do tipo de veículo depende de vários


fatores escreva 5 deles.

 Distância do bolsão, ou zona de entrega, até o depósito ou CD.


 Densidade espacial, medida em número de pontos visitados por Km², no bolsão.
 Tempo médio de parada em cada cliente Tempo médio de parada em cada cliente
visitado.
 Quantidade média de mercadorias entregues em cada visita.
 Velocidade média de percurso.

4) Qual a distribuição ideal dentro da Distribuição um para Muitos?

A situação ideal é aquela que leva a um equilíbrio entre os dois fatores. Isto é, o veículo é
plenamente utilizado na sua capacidade, ao mesmo tempo em que trabalha durante todas as
horas úteis do dia. Nem sempre se pode chegar a essa solução ideal. Mas devemos buscar
uma configuração que se aproxima ao máximo dela.

ATIVIDADE 2

A gestão do estoque de medicamentos e insumos hospitalares é um dos grandes desafios das


empresas do setor, pois são materiais altamente perecíveis e que exigem o manuseio correto
para que permaneçam aproveitáveis por mais tempo. Ambientes climatizados, com espaços
adequados para o armazenamento dos medicamentos e insumos são a base para que seu
centro de distribuição seja um fator facilitador para a logística hospitalar. Vale ressaltar aqui
uma questão que influencia diretamente na eficiência do sistema de armazenagem: a
distribuição dos insumos no estoque. Os mais usados devem ser colocados à frente, facilitando
assim a separação e a destinação ao usuário final.

ATIVIDADE 3

RESUMO DA AULA (Mínimo de 15 linhas)

Aprendeu-se que nesse tipo de distribuição, o veículo é carregado no Centro de Distribuição do


varejista com mercadorias destinadas a diversas lojas ou clientes, e executa um roteiro de
entrega predeterminado. Seus elementos básicos são influenciados por 15 fatores, quando
encarada sob o ponto de vista logístico. Na escolha de um veículo no caso da distribuição “um
para muitos”, a escolha do tipo de veículo mais apropriado para um determinado serviço
depende de vários fatores, destacando-se os seguintes: a distância do bolsão, ou zona de
entrega, até o depósito ou CD. Densidade espacial, medida em número de pontos visitados por
Km², no bolsão. Tempo médio de parada em cada cliente visitado. Quantidade média de
mercadorias entregues em cada visita. Velocidade média de percurso. Nem sempre se pode
chegar a essa solução ideal. Mas devemos buscar uma configuração que se aproxima ao
máximo dela.

AULA 08 – UNIDADE 4

TEMA: TRANSPORTE PARA A DISTRIBUIÇÃO DE PRODUTOS

ATIVIDADE 1

1) Em países da Europa há uma grande flexibilidade na utilização dos modais de


transporte, isso devido a três aspectos. Quais são eles?

 malhas rodoviárias e ferroviárias à disposição;


 recursos tecnológicos;
 participação de governos e apoio aos transportadores aos transportadores.

2) No Brasil, essa indisponibilidade de opções de modais é influenciada por quais


aspectos?

 as ferrovias não formam uma rede com as ferrovias não formam uma rede com uma
boa cobertura do território nacional;
 as opções de transporte marítimo são reduzidas;
 o transporte de produtos manufaturados é realizado pelo transporte rodoviário é
realizado pelo transporte rodoviário.
3) O que é Lotação Completa e Carga Fracionada?

 Lotação completa – o veículo é totalmente carregado com um lote de totalmente


carregado com um lote de despacho.
 Carga fracionada – a capacidade do veículo é compartilhada com a carga de dois ou
mais embarcadores.

4) Escreva duas características da carga fracionada.

 apanha o lote no depósito do cliente;


 transporte do lote;

5) Escreva duas características da carga completa.

Carga homogênea, melhor Carga homogênea, melhor aproveitamento do espaço, reduz o


custo unitário.

Eliminam-se inúmeras operações intermediárias com expressiva redução dos custos de


movimentação da carga.

ATIVIDADE 2

Presente com mais de 23 lojas físicas e 3 centros de distribuição localizados em Manaus, Porto
Velho, Boa Vista e Rio Branco. Contamos com cerca de 3.300 colaboradores.

Seu site atende todo o Brasil e disponibiliza os produtos oferecidos em nossas lojas físicas e
diversos outros serviços.

Seu CD é dividido por grupos algumas ruas foram definidas para móveis, outras para
eletrônicos, e esta divisão é mais ou menos fixa.

ATIVIDADE 3

RESUMO DA AULA (Mínimo de 15 linhas)

Na aula de hoje abordou-se que em alguns países da Europa, bem como nos Estados Unidos,
há uma grande flexibilidade na utilização dos modais de transporte, influenciada por alguns
aspectos como: malhas rodoviárias e ferroviárias à disposição; recursos tecnológicos;
participação de governos e apoio aos transportadores. Já no Brasil, essa indisponibilidade de
opções de modais é influenciada por aspectos como: as ferrovias não formam uma rede com
uma boa cobertura do território nacional; as opções de transporte marítimo são reduzidas; o
transporte de produtos manufaturados é realizado pelo transporte rodoviário. No transporte de
mercadorias, utilizamos as seguintes situações: a lotação completa e a carga fracionada. O
vídeo da aula explica como funciona esses sistemas de cargas dentro da Bemol seu CD é
dividido por grupos algumas ruas foram definidas para móveis, outras para eletrônicos, e esta
divisão é mais ou menos fixa.
.

AULA 09 – UNIDADE 4

TEMA: TRANSPORTE FERROVIÁRIO, AQUAVIÁRIO E AÉREO

ATIVIDADE 1

1) Qual a definição de Modal Ferroviário?

O transporte ferroviário de cargas é uma modalidade de transporte que opera basicamente


sobre trilhos, sua capacidade de carga é maior e possui eficiência em termos de consumo de
combustível.

2) Por que os custos fixos são considerados altos no modal ferroviário?

Em função de seu alto custo e a falta de investimentos e interesses de empresas por esse meio
de transporte, as organizações o consideram inviável para o transporte de determinadas
mercadorias.

3) Quais os tipos de cargas transportadas no modal ferroviário?

O transporte ferroviário de cargas tem como característica o manuseio e transporte de cargas


como produtos a granel, neste caso, grãos, minérios, fertilizantes e combustíveis.

4) Qual a definição de Modal Aquaviário?

O transporte aquaviário de cargas envolve basicamente todo o tipo de transporte efetuado


sobre a água.

5) Explique como ocorre a pequena e a grande cabotagem?

A característica básica do transporte marítimo de cabotagem é que este é normalmente


regulamentado. Ou seja, o governo ou uma agência reguladora define a estrutura de fretes, faz
a concessão de linhas e controla a oferta de transportes. Isso ocorre porque, cobrindo linhas
dentro do território nacional e sendo um serviço de interesse público, é importante que haja o
monitoramento de suas operações.

6) Por que o Modal Aéreo tem se mostrado eficiente?

Esse meio de transporte tem-se mostrado eficiente por algumas razões, como: boa velocidade,
pequenos níveis de avaria, pequeno número de extravio de cargas. Dessa forma, o
transportador transmite segurança e confiança que sua mercadoria irá chegar conforme o
combinado. Por essa razão, não somente produtos de alto valor agregado, tais como eletrônico
e aparelhos de precisão, são transportados por avião, assim como uma série de produtos
sensíveis à ação do tempo, como alimentos perecíveis, flores, encomendas, correspondências
etc.
7) Quais os tipos e capacidades dos aviões cargueiros?

Os aviões exclusivos para transporte de carga foram dotados de portas amplas e rampas de
acesso para veículos e contêineres. A capacidade de carga desses aviões é desejável para
esse tipo de transporte. Um cargueiro MD-11, por exemplo, pode transportar até 92 toneladas
de carga, e o Boeing 747, até 112 toneladas. Já o Antonov 223, o maior cargueiro do mundo,
leva até 250 toneladas de carga.

ATIVIDADE 2- ASSISTA AO VÍDEO SOBRE A "INFRAERO CARGO" E DEIXE SEU


COMENTÁRIO.

Infraero, aeroportos e regulamentação Já a infraestrutura dos aeroportos é de responsabilidade


específica da Infraero - Aeroportos Brasileiros, uma empresa pública vinculada ao Ministério da
Defesa. Ela administra 67 aeroportos, 81 unidades de apoio à navegação aérea e 32 terminais
de logística de carga.

RESUMO DA AULA (Mínimo de 15 linhas)

O tema de transporte ferroviário por outro lado, apresenta como os custos fixos de uma ferrovia
são altos para se manter a conservação da via permanente; operação dos terminais de carga e
descarga; operação das estações; alimentação de energia no caso de via eletrificada etc. Sua
definição consiste numa modalidade de transporte que opera basicamente sobre trilhos, sua
capacidade de carga é maior e possui eficiência em termos de consumo de combustível. Esse
modal faz o transporte de cargas como produtos a granel, neste caso, grãos, minérios,
fertilizantes e combustíveis. O transporte aquaviário de cargas envolve basicamente todo o tipo
de transporte efetuado sobre a água. Incluindo os transportes fluvial e lacustre (aquaviário
interior). Transporte marítimo de longo curso, que envolve as linhas de navegação ligando o
Brasil a outros países mais distantes. Falando da característica básica do transporte marítimo
de cabotagem é que este é normalmente regulamentado. A expressão “transporte aéreo” nos
dá a ideia imediata do transporte de passageiros, tal é sua importância nos dias de hoje. O
cidadão comum não visualiza imediatamente que, no setor de transporte de carga,
principalmente internacional, a modalidade aérea ocupa um espaço muito importante e
apresenta forte tendência de crescimento no mundo todo. Como é dito no vídeo sobre a
Infraero