Você está na página 1de 33

ORGANELAS

CITOPLASMÁTICAS

Profª. Gilmara Prado de Sousa


Escherichia coli
Tipos básicos de células
PROCARIONTES
• Nucleoide.
• Ausência de envoltório nuclear.
• Escassez de membranas.
• Parede celular – função protetora.
• Plasmídeos - moléculas de DNA circular.
• Estruturas especializadas - cílios e flagelos.
• Ribossomos - produção de proteínas.
• Divisão celular: Fissão binária.

• Ex: bactérias e cianobactérias.


Tipos básicos de células
EUCARIONTES
• Núcleo delimitado pelo envoltório nuclear.
• Nucleoide.
• Riqueza em membranas.
• Organelas citoplasmáticas.
• Possui citoesqueleto.
• Divisão celular: Mitose.

• Ex: plantas, animais, fungos.


• algas e protozoários.
Citoplasma
 Está presente em todas as células.
 Corresponde a todo o ambiente celular delimitado pela
membrana plasmática.
 É constituído por um fluido – Citosol, onde ocorrem muitas
reações químicas necessárias à vida da célula.
 Depósitos de substâncias – água, enzimas, grânulos de
glicogênio e gotículas lipídicas.
 Abriga as organelas citoplasmáticas.

4
Citoesqueleto
• Estabelecer, modificar e manter a forma da célula.
• Movimentos celulares – contração, formação de pseudópodos,
Deslocamentos de organelas, cromossomos, vesículas etc.

5
Citoesqueleto

• Microfilamentos
• Filamentos
intermediários
• Microtúbulos

Formado pelas proteínas Formado pela proteína Formado pela proteína


contráteis: actina e queratina. tubulina.
miosina. Sustentação celular Sustentação celular.
Movimentos celulares: Resistência da célula a Formam os centríolos.
fagocitose. tensões. Formação das fibras do fuso.
Tipos de organelas: Centríolos
Estrutura: formados por microtúbulos sempre aos
pares, próximo ao núcleo.

Obs.: os procariontes, fungos e


plantas não possuem centríolos.
7
Centríolos
Funções: formação das fibras do fuso - separação
dos cromossomos durante a divisão celular.

8
Centríolos
Funções: Originam os cílios e os flagelos – estruturas
cuja a função é a locomoção celular.
- Protozoários;
- Espermatozoide;
- Traqueia.

Paramecium caudatum

9
Núcleo
 Estrutura: possui envoltório duplo – Carioteca.
• Poros nucleares – controlam a entrada e saída de substâncias.
• Nucléolo – material genético DNA.
• Filamentos de cromatina.
• Nucleoplasma – conteúdo que preenche o núcleo.

 Função: Armazena a informação genética (DNA).


Determina as reações químicas celulares.
Obs.:
- Caracteriza os organismos eucariontes
- Monucleadas - maioria das células.
- Polinucleadas - células musculoesqueléticas.
- Anucleadas - hemácias.
Ribossomos
 Estrutura: Grânulos constituídos por duas subunidades
(maior e menor) onde ocorre a tradução do RNAm.
- Originam –se no nucléolo
- Podem estar livres no citosol ou aderidos à membrana do
Retículo Endoplasmático Rugoso.

Função: Síntese de proteínas.

Obs.: É a única organela


presente em todas as células.

11
Retículo Endoplasmático
 Estrutura: Conjunto de tubos e bolsas membranosas
responsáveis pela síntese e transporte de substâncias.
• Classificado em:
Retículo Endoplasmático Rugoso (RER)
Retículo Endoplasmático Liso (REL)

12
Retículo Endoplasmático Rugoso
Estrutura próxima ao núcleo.
• Função: síntese de proteínas e armazenamento de
substâncias
- Produção de enzimas lisossômicas - que atuam na
digestão intracelular.

13
Retículo Endoplasmático Liso
• Funções:
- Sintetiza lipídios - ácidos graxos, fosfolipídios e esteroides.
- Produção de hormônios sexuais - progesterona e
testosterona.
- Transporte e distribuição de substâncias.
- Desintoxicação celular - nas células hepáticas inativando
substâncias tóxicas - álcool e drogas.

14
Complexo de Golgi
 Estrutura: conjunto de bolsas achatadas denominadas cisternas.

• Função: Secreção e armazenamento celular.

 Recebe proteínas produzidas no RER, modifica quimicamente


essas proteínas, depois as empacotam em vesículas, secretando-as
para fora da célula por exocitose.

 Abundante em células secretoras


Ex: Pâncreas.

15
Complexo de Golgi – secreção celular

16
Complexo de Golgi
Funções:
- Formação dos lisossomos.
- Formação do acrossomo dos espermatozoides –
vesículas repleta de enzimas digestivas que perfura a
membrana do óvulo no momento da fecundação.

17
Lisossomos
Estrutura: Vesículas membranosas rica em enzimas digestivas
secretadas pelo RER.
Ex: nucleases – digerem ácidos nucléicos (DNA e RNA).
proteases – digerem proteínas.
 Função: digestão celular, renovação e metabolização celular.

18
Lisossomos
Processos digestivos
 Autofagia: digestão de partes da célula
 Heterofagia: digestão de partículas entram na célula
fagocitose e/ou pinocitose.
 Autólise: Processo de autodestruição celular – apoptose.
- Membrana entre os dedos;
- Regressão da cauda do girino.
- Doença pulmonar – silicose.

19
Peroxissomos
 Estrutura: Bolsas esféricas e membranosas compostas por
enzimas – Catalases
 Função: degradar o peróxido de hidrogênio/ água oxigenada
(H2O2 ) tóxico para as células.
• Abundantes nas células do fígado e rins – desintoxicação
celular.

20
Mitocôndrias
 Estrutura: constituído por um sistema duplo de membranas.
-Cristas mitocondriais
-Matriz mitocondrial – com enzimas
-DNA próprio e ribossomos.

21
Mitocôndrias
 Função: respiração celular – produção de energia (ATP).

C6H12O6 + 6O2  6CO2 + 6H20 + ATP = ENERGIA

Características
- Apresentam capacidade de autoduplicação.
- Origem exclusivamente materna - mitocôndrias dos gametas
masculinos são degradados após a fecundação.

22
Respiração celular

É o processo de conversão de energia das ligações químicas de


moléculas orgânicas que poderão ser usadas nos processos
vitais.

Pode ser: respiração anaeróbica


respiração aeróbica

É o processo de obtenção de energia mais utilizado pelos seres


vivos.

23
Membrana externa

LOCAIS DA RESPIRAÇÃO CELULAR


1a.
GLICÓLISE

HIALOPLASMA

3a. CADEIA
RESPIRATÓRIA

MITOCÔNDRIAS
2a. CICLO DE
KREBS
PRIMEIRA ETAPA - GLICÓLISE
Quebra da molécula glicose
GLICOSE AC.PIRUVICO IMPORTANTE

NAD/FAD-Moléculas Carregadora de H+
- Cada molécula carrega 2 átomos de H+

MITOCÔNDRIAS
CICLO KREBS – CADEIA
RESPIRATÓRIA

HIALOPLASMA
PRODUTOS DA GLICÓLISE

C 6H12O6 GLICÓLISE

4H - 2NAD + 2H2 = 2NADH2


+

(2) C3H4O3 -FORAM PRODUZIDOS


2 AC. PIRÚVICOS
ÁCIDO - SALDO DE 2 ATP NA REAÇÃO
PIRÚVICO

Glicose + 2 NAD+ + 2 ADP + 2 Pi -----------> 2 NADH + 2 piruvato + 2 ATP + 2 H2O


Segunda etapa – Ciclo de Krebs
• Também chamado de ciclo do ácido cítrico, é um conjunto
de reações que ocorrem na matriz mitocondrial.

• O ácido pirúvico, formado Na glicólise, penetra na


mitocôndria, perde CO2 e sob a ação das descarboxilases
(enzimas), converte-se em Acetil CoA, que combina-se com
o ácido oxalacético (oxaloacetato), formando ácido cítrico
e iniciando o ciclo.
Ciclo de Krebs

PRODUTOS FORMADOS NO CICLO


DE KREBS POR CADA ÁCIDO
PIRÚVICO

3 NADH2
1 FADH2

1 ATP

COMO SÃO 2 MOLÉCULAS DE ÁCIDO


PIRÚVICO, O RESULTADO FINAL É:

6 NADH2
2 FADH2
2 ATP
Cadeia Transportadora de Elétrons
BALANÇO ENERGÉTICO

CITOPLASMA

GLICÓLISE Acetil-CoA
Ácido MITOCÔNDRIA
pirúvico
2 NADH
CICLO DE
2 NADH
KREBS 2 ATP
2 ATP

6 NADH 2 FADH

CADEIA RESPIRATÓRIA

2 ATP 6 ATP 6 ATP 18 ATP 4 ATP


2 ATP
Exercício
O retículo endoplasmático geralmente tem suas porções classificadas em granular
e agranular. A porção do retículo chamada de granular ou rugosa está relacionada
com a produção de proteínas e recebe essa denominação em virtude da presença
de:

a) lisossomos aderidos.

b) mitocôndrias aderidas.

c) peroxissomos aderidos.

d) ribossomos aderidos.

e) vacúolos aderidos.

30
Exercício
Com base na figura apresentada, que ilustra uma célula eucarionte. Cite os
nomes das estruturas indicadas pelos números 1, 2 e 3.

31
Exercício
Relacione as informações da 1ªcoluna com a 2ª coluna e marque a sequência que
representa a correlação CORRETA entre as duas.

Organelas Funções
a) 1A, 2B, 3D, 4C, 5E

1 – Ribossomos A – Síntese de ATP


b) 1B, 2D, 3E, 4A, 5C

2 – Retículo B – Formação de grãos de


c) 1C, 2E, 3A, 4D, 5B endoplasmático secreção

d) 1C, 2B, 3A, 4D, 5E 3 – Mitocôndria C – Síntese de proteínas

e) 1E, 2D, 3A, 4B, 5C 4 – Lisossomos D – Digestão intracelular

E – Neutralização de
5 – Aparelho de Golgi
substâncias tóxicas
32
Obrigada pela atenção!
Email: gilmaraprado.sousa@gmail.com
Tel: (95)99172-2038

33