P. 1
BEHAVIORISMO definição e história

BEHAVIORISMO definição e história

|Views: 5.200|Likes:
Publicado porloroborges

More info:

Published by: loroborges on Sep 12, 2010
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PPT, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

06/19/2013

pdf

text

original

BEHAVIORISMO

Definição E História

Afirmação Central do Behaviorismo 

É possível uma ciência do comportamento 

Há vários behaviorismos, com definições próprias de ciência e comportamento, mas todos concordam com a possibilidade de uma ciência do comportamento.

Psicologia é ou não é ciência? 

Alguns behavioristas dizem que a Psicologia é a ciência do comportamento. Outros behavioristas dizem que a Psicologia é ciência, mas não do comportamento. Outros behavioristas dizem que a Psicologia não é ciência e nem a ciência do comportamento; que a ciência do comportamento é a Análise do Comportamento, um ramo da Biologia.  

mas as práticas em organizações profissionais dão identidade própria à área.  .Análise do Comportamento      Parte da Biologia? Independente da Biologia? Parte da Psicologia? O mesmo que Psicologia? Independente da Psicologia? Não há consenso.

Behaviorismo  Filosofia da ciência do comportamento ou Análise do Comportamento. e o que devemos ou não devemos fazer. Oposição à visão tradicional e/ou de senso comum sobre o por que fazemos o que fazemos.  .

Todas as ciências surgiram quando as pessoas começaram a entender os fenômenos por meio da observação.  .Da Filosofia para a Ciência  Todas as ciências tiveram origem na filosofia e se separaram dela.

a filosofia conclui a partir de suposições (dedução): ´Se isto fosse assim. e a que outras observações isto levaria?µ  . então aquilo seria assimµ. que verdade poderia levar a essa observação.Raciocínios  Em geral. A ciência segue direção oposta (indução): ´Isto foi observado.

Verdades  Filosofia: Filosofia: verdade é absoluta: se premissas forem enunciadas explicitamente e se o raciocínio for correto. as conclusões seguem necessariamente. Ciência: Ciência: verdade é provisória e relativa: relativa à observação e susceptível de não ser confirmada por novas observações.  .

Livre-arbítrio. etc. usadas na construção de teorias. Verdade. Mente. Ciência: Ciência: são idéias. LivreAlma. sobre o mundo natural e sua possível forma de organização. Curiosidade: Curiosidade: Newton era físico e teólogo e separava muito bem as maneiras de supor em cada atividade. como físico dizia ´Não faço hipótesesµ. muitas delas além do Universo natural: Deus.Suposições  Filosofia: Filosofia: são idéias abstratas.   . Ideologia.

.  Na Química..   . A ciência química só nasceu quando a matéria começou a ser observada.Você sabia que. acreditava-se que a matéria variava acreditavasuas propriedades por ter ´essênciasµ? As ´essênciasµ eram suposições de substâncias reais que se escondiam nas matérias.

 Na Biologia. alguns chamavam essa coisa de alma e outros de vis viva (força vital).Você sabia que. A ciência biológica só nasceu quando a matéria começou a ser observada.  ... acreditava-se que Deus havia dado acreditavaalgo às coisas vivas que não dera às demais.

antes de Watson?  Filósofos: migração da alma ou psyche (espírito) para a mente (um pouco menos especulativo). como um palco ou arena.   . A mente era estudada pela introspecção do que ocorre ´nelaµ. pessoais. Os psicólogos objetivistas e comparatistas não se contentaram com o problema central da introspecção: vulnerabilidade à distorções pessoais.Como foi o início.

4. 2. (1849- 1. Fechner (1801-1887): ´Escala de intensidade subjetiva da (1801sensaçãoµ Ebbinghaus (1850-1909): ´Medida de tempo de aprendizagem (1850e memóriaµ Pavlov (1849-1936): ´Medida de reflexos condicionadosµ. .Psicologia Objetiva  Ramo da Psicologia que usava métodos estritamente objetivos de medição. 3. Donders (1818-1889): pioneiro no estudo experimental de (1818laboratório em Psicologia com seres humanos (´tempo de reação ao estímuloµ).

O problema: se uma pessoa pode introspeccionar confiança e isto ser duvidoso.      . Geração do antropomorfismo: ´humanização dos animaisµ. Darwin foi o pioneiro da Psicologia Comparativa com o livro ´A expressão das emoções nos homens e nos animaisµ. antropomorfismo: Os primeiros psicólogos comparativos começaram a pesquisar as hipóteses vagas do antropomorfismo e substituí-las pela hipótese de que os animais teriam ´estados mentaisµ: ´Ratos substituítêm confiança ao vencer um labirintoµ. como confiar que um rato está confiante? Surge Watson. Influência da noção de continuidade entre as espécies: espécies compartilham histórias evolutivas ² espécies: idéia do ancestral comum.Psicologia Comparativa   Comportamentos compartilhados entre as espécies.

pela antropomorfismo. adoção do evolucionismo) evolucionismo) 1. 2. pela oposição ao antropomorfismo.A Primeira Versão do Behaviorismo  Influenciado pela: Psicologia Objetiva (influência direta) Psicologia Comparativa (influência indireta. . e direta.

por que a Psicologia não corrige sua falha?µ  .Ponto Central da Psicologia Objetiva em Watson  Método: ´A introspecção é falhaµ. ´Se a ciência se ergue em métodos melhores.

por que deveríamos inferir processos mentais do nosso animal?µ    . Inferência de um processo mental no animal a partir do comportamento estudado. ´Depois de explicar o que o animal faz. Resquício da introspecção.Ponto Central da Psicologia Comparativa em Watson  Analogia da consciência nos animais.

   . Não ao antropocentrismo e ao antropomorfismo: o comportamento humano é apenas um objeto de estudo da ciência do comportamento.O Manifesto de 1913  Tese defendida: Os psicólogos se embrenharam num esforço inútil ao definir a Psicologia como a ciência da consciência: métodos não confiáveis e especulações infundadas. Estudar o comportamento que pode ser objetivamente observado.

O Manifesto de 1913: problemas  O que será considerado como comportamento? O que é objetivo? Como garantir que algo está sendo objetivamente observado se a introspecção é falha?   .

O consensual limitava o comportamento ao que é externamente observável (afeta os sentido e pode ser contado e medido).Watson: problemas  A observação consensual definiu o comportamento.  .

.Um velho problema. Depois: Depois: o comportamento é instigado pela mente como uma expressão mental.  Antes: Antes: o comportamento é possível quando o corpo é instigado pela alma..   . Watson: Watson: o comportamento tem uma natureza e a mente. uma outra.

Os Behaviorismos  Após Watson. alguns behavioristas buscaram melhorar a proposta inicial. . rejeitando alguns dos argumentos do Manifesto de 1913.

1959) e o Behaviorismo Cognitivista ‡S=>O =>R (variáveis intervenientes) ‡Mecanicista ‡Observa fenômenos públicos ‡Dualista .Edward C. Tolman (1886 .

Clark Hull (1884 .1952) e o Behaviorismo Mediacional  S=>O =>R (variáveis fisiológicas) Mecanicista Observa fenômenos públicos Monista    .

B. F. Skinner (1904-1990) e o (1904Behaviorismo Radical  S: R => S Selecionista Considera os fenômenos públicos e privados Monista    .

Foi dualista. Exagerou nas afirmações sobre o papel do meio em detrimento do papel da genética.5 Críticas de Skinner a Watson 1. Explicou muita coisa sem ter as ferramentas certas: era um behaviorista S-R. 4. 5. 3. Foi um behaviorista metodológico e negou estudo aos comportamentos encobertos. 2. . SDisse que os humanos não tem características distintivas das outras espécies.

A aprendizagem é um incremento no repertório de atos de um organismo. Alguns comportamentos envolvem repetição de movimentos e o que é aprendido são movimentos e não comportamentos. Um comportamento aprendido é uma série de atos. Leva tempo para que movimentos se tornem atos. 1952). Movimentos se combinam formando atos. Guthrie (1886-1959) e a (1886Lei da Contigüidade A teoria de Guthrie        Uma combinação de estímulos que acompanharam um movimento tende a ser seguida pelo movimento (Guthrie. .Edwin R. Toda aprendizagem está baseada em movimentos que são relações entre essas combinações de estímulos e respostas.

é o objeto de estudo: específico. histórico. O Interbehaviorismo é compatível com o Behaviorismo Radical e juntos fornecem uma fundação sólida para uma Psicologia autenticamente comportamental.Jacob Robert Kantor (1888-1984) e o (1888Interbehaviorismo  O Interbehaviorismo de Kantor se caracteriza por uma ênfase no naturalismo. modificável e integrado. nas interações organismo-ambiente organismoe em eventos integrados em campos e fatores continuamente interrelacionados. também chamado de evento psicológico. variável. o comportamento.   . no pluralismo científico. No interbehaviorismo.

através da observação do comportamento dos outros e de suas conseqüências. (S-  .. há também o espaço cognitivo de cada indivíduo (S-O-R). o indivíduo é capaz de aprender também através de reforço vicário (ou aprendizagem vicariante). ou seja.. Entre o estímulo e a resposta. com contato indireto com o reforço.Albert Bandura (1925-.) e a (1925Aprendizagem Social  Teoria cognitiva Social Para Bandura.

 A atitude molar é holística e categorial..Howard Rachlin (1935-. ficar discutindo o que é público ou privado é perda de tempo. eu não sinto.. Se tudo o que eu sinto eu expresso. . mesmo que estes ocorram no privado. Rachlin aplica o argumento do filósofo Ryle à Psicologia: o mental sempre se expressa no comportamento: SENTIR É DEMONSTRAR. eu não posso sentir sem que isso não seja demonstrado. tornam-se públicos através dos comportamentos. Para Rachlin. preocupa-se com o conhecimento do todo e tenta agrupar o aparentemente estanque e separado em classes (categorias) através de suas características comuns. Todos os eventos. Está mais ligado ao estabelecimento de relações. criador da Economia Comportamental No Behavior and Mind: The Roots of Modern Mind: Psychology (1994). se eu não demonstro.) e o (1935Behaviorismo Molar  Professor da Universidade de Nova York. isto é.

Behaviorismo: História Denominação Autor Paradigma Modelo Causal Noção de Comportam ento Gland e Musc Fen Públicos Fen Públicos Fen Pub e Priv Fen Pub e Priv Visão de homem Metodológico Watson Tolman Bandura Hull S=>R Mec Dualista Cognitivista S=>O=>R Mec Dualista Mediacional S=>O=>R Mec Monista Radical Skinner S: R=> S Selec Monista Interbehav Kantor S<==>R Selec Monista Molar Rachlin S: R=> S Selec Demonstraç ão Monista .

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->