Você está na página 1de 27

pOESIA

pOLÍTICA

dIVINITIS

tA

aMANDU

POESIA POLÍTCA DIVINITISTA DIVINITISMO É O MEU PARTIDO POLÍTICO. O MESMO QUE ANARQUIA MAIOR AINDA.

SER

DIVINO

FOLHA DE MEDO

SENHOR DO CÉU

AMOR DISSE EU O AVIÃO ATERROU E DEPOIS DESCEU DO CÉU OUTRO AVIÃO.

A VIA

A LIBERDADE

É O AMOR DE TUDO

O DEVEMOS CORRESPONDER

O MUNDO DO ENCANTO

JÁ AS VEJO COMO COLMEIAS NA SUPERFÍCIE LUNAR AS CAIXAS DA LIBERTAÇÃO. ÁRVORES VÃO PLANTAR NESTE MUNDO A ACABAR. VEJO ATRAVÉS DO VIDRO DESTE PC OU SÃO OS ROBOTS EM SENTIDO. TEATRO VEJO TEATRO ÁRVORES COM ESPINHOS OU RAMIFICADAS DESERTAS NOS APLAUSOS AFINAL AS CONTAS

NÃO SÃO ASSIM DEMAIS COMPLICADAS APENAS AS FIZERAM

E LEVARAM PARA CASA E O POVO ENCANTA.

DEUS E O FRUTO DO PORVIR

O MUNDO QUE ESTÁ PARA OUVIR.

O AMOR DE UM VERBO FADO

PORQUE NÃO GANHAM OS ARTISTAS NÃO SOMOS DIFERENTES DE TUDO. PORQUE NÃO RECEBEMOS O SALÁRIO SERIAMOS OS MESMOS E CALADOS POIS DISTO NÃO DUVIDES NÃO SERIA MESMO ESPÍRITO MORTO ENTERRADO

SABER DE UM CASO ASSIM

É

O MESMO DE UM CLARIM TOCA TOCA TOCA

E

O MESMO JÁ IMPLORA.

SOL SOL SOL E A NOVIDADE JÁ CHORA. VAGO QUE JÁ ESTOU EU DE SABER

O

MESMO QUE EU SABERIA

NEM ACONTECEU NO MUNDO

O

MESMO QUE DE OUTRA ERA.

O

TONTO DE UM SEGREDO

E

O MUNDO TONTO DE TUDO.

DEUS METADE EU IMPLORARA

E

DE NOVIDADE O MEDO

CASO QUE EU NÃO CASARIA

CONTIGO O MEU TER MEDO. SEMPRE SEMPRE DE VER

É

O

TONTO DE ANDAR À RODA

E

O CASTIGO DE EU RECEBER.

ASSIM NÃO QUEREMOS DEVER MAS O PURGANTE MAIS CEDO

POIS QUEM TANTO É INFANTE DEVERIA SER ELEGANTE

E

O MUNDO ACONTECER

E

NÃO O DEVER DE TUDO.

MAS O SABIDO ESTUDO

DO MUDO O NÃO DE VER. SABER ASSIM O DITADO ANDA O MUNDO DIFAMADO

E

E

O POVO TRISTE COITADO

DE TANTO RIR JÁ NÃO AGUENTA VADIO E VELHO MADURO QUEM NÃO TEM RAZÃO ESQUENTA.

AONDE PORTA MALDITA SERIA EU DESTINADO

A

VER OU A CORRER

SEM SE NADA SABER

QUE SERIA DELE ENTÃO

O

MESMO QUE UM CLARÃO

NÃO O VEJA MAS ESTUDA.

SOBRE O MESMO CASO ESTUDA

A

PORTA E O SEU SÉQUITO

NADA VÊ OU IMPORTA QUE CASO O JANOTA EXIJA SEJA FADO OU DERROTA

MAS QUE VER OU NÃO IMPORTA IMPORTAR É DE OUTRA NOTA

NÃO DE UMA NOTA JÁ TORTA. FACTO BICHO CIUMENTO NADA DEVO OU INVENTO MAS DE TRISTEZA LAMENTO

E

O

SABER QUE EU SUSTENTO

O

MUNDO CLARO CARO AUMENTO.

 

Deus

NADA DEVO OU INVENTO MAS DE TRISTEZA LAMENTO E O SABER QUE EU SUSTENTO O MUNDO
A UNIDADE OU O VERSO QUEM VER O SOL VÊ O QUÊ. NEM TUDO SABE

A UNIDADE OU O VERSO

QUEM VER O SOL VÊ O QUÊ. NEM TUDO SABE DE TUDO OU SABERÁ. QUE SERÁ A PRISÃO QUE SERÁ UMA DROGA.

O APRISIONAR DO PASSADO.

ENTÃO O PORQUÊ DE SERMOS TODOS INTELIGENTES. VOU VER O SOL

VOU VER A DEUS.

OLHA TODA ESTA LUZ

A ÚNICA PERFEITA.

ELE VEIO

A LUA TAMBÉM

A TERRA

NÃO O VÊS É DEUS. PEDES A DEUS TUDO MAS ISSO É DEUS.

DEUS É DIVINO APRENDE A CONHECER DEUS NÃO O PECADO. AMA A LIBERDADE

A TUA LIBERDADE.

PEDE A DEUS APENAS DEUS TE RESPONDE E SERVE. DEUS É MAIS. ORA POR ELE ENTÃO. DEUS.

DEUS NA SIMETRIA DE TUDO

DESENHAM-SE DOIS MONTES TUDO MUITO BEM FEITO UM SOL NO CIMO DE TUDO ASSIM COMO QUE A DIREITO

ESTE ANDASSE NO HORIZONTE POIS É UM SOL ELEGANTE

E DE NOITE O DIABO ESCONDE.

AGORA AMIGOS MEUS

O DO ABORTO MORREU

ENTÃO VAMOS À CAÇA

E NÃO O ABORREÇAMOS.

PASSA.

A VERDE VER O MUNDO O TER

SOU UM SONHO DE ABRIL

A REVOLUÇÃO PARTIU

A VERGONHA DESTITUIU.

AINDA ABRIL MAIS VIU QUE A VERGONHA QUE SAIU. AS VERDADES SÃO ASAS SOLTAS NÃO MORTAS AS MAROTAS

ASSIM ESTAMOS DE CHÃO

E POR VIR UM DIA O PÃO.

NÃO APENAS O PÃO MAS O TECTO E SEU IRMÃO. QUEM SERÁ O IRMÃO DO TECTO

O

BISNETO O AVÔ DELE

O

MUNDO E O SEU TECTO.

POIS NADA EXISTE TÃO CORRECTO COMO O VERMOS

E NÃO O DEFEITO DELE.

A POLÍTICA DO SER POLÍTICO DE NOVO O POVO É AMIGO AQUI FICA O MEU

A POLÍTICA DO SER POLÍTICO

DE NOVO O POVO É AMIGO AQUI FICA O MEU AVISO DE QUEM NADA FAZ DE TUDO SE TE RECORDAM DO MUDO.

POIS DAQUI TE DIGO FILHO DEUS É TÃO DIFERENTE

COMO CONFUNDIR CÃO COM GENTE

E PRESENTE É ASSIM O DIFERENTE.

SOU POETA É VERDADE MACACO NÃO SOU TRABALHANDO

OLHA BEM NA MINHA CARA POVO

É MAIS DESTE QUE EU SOU GENTE.

AO POVO QUE DEU OLHADO DE MEU TRABALHO TÃO AFINADO. NEM EU SOU O MEU TRABALHO MAS UM BURRO AQUI DESVIADO.

ASSIM DO MUNDO EU IMPLORO DEIXEM AS POBREZAS ENFIM

TOCAM MAIS ALTOS OS VOOS QUE DAS CERTEZAS NO SEU FIM.

É UMA FALTA TÃO GRAVE

HAVER UM POBRE NO MUNDO QUE NEM EU SEI AO QUE VIM COM TUDO RINDO E EU ENFIM.

COM MINHA PENA DENUNCIO DO MUNDO E SEU FASTIO POIS NÃO SOU EU O PREJUÍZO NEM DOS QUE SE AVIZINHA.

DA MULHER UM SER PARADO DE DEUS NEM UM BOCADO DE TUDO TÃO ACABADO NOS DESVIE SANTO MACACO.

RICO NEM EXISTE DISPARATE UM SANTO É UM POBRE TRABALHA UM POLÍTICO É UM SER DEMENTE NEM PODERIA SER DIFERENTE

O POVO ASSIM COMPREENDE

E DE SEU DEUS AUSENTE

POR LOUCURA DOS IGUAIS

AMBOS DADOS ANIMAIS.

COMPREENDE SE NADA TENS

POIS RECEBE OS MEUS VINTÉNS

A MULHER UM SER ESPERTO

UM HOMEM ROBOT DOS DOIS.

FACTO É ASSIM ACELERADO QUE DO MUNDO DESVIADO NEM EU SEI DO MUNDO DESPERTO MAS EU O SEI NO DESERTO.

A MINHA VINDA CONTAMINA

E COM TANTA VITAMINA

O MUNDO ANDA ARREDADO POIS DE CEGOS COMO VER.

NO FUTURO NÃO O PENSES FAZ TUA VIDA CONTENTE NO PASSADO O DEIXARAM FALAR QUE ESTAVA CANSADO.

A

LIBERDADE ESTÁ VINDO

E

DO RESTO QUE IMPORTA

AO MACACO O SEU VINHO E DO RESTO O IDIOTA.

ASSIM SERÁ FEITO MEU DEUS DE TANTO GRITAR ENGANO QUE MELHOR QUE ELE SABER DE SEU PASSADO DESENGANO.

UM POBRE UM SER INTELIGENTE POIS ASSIM NASCE MORRENDO MEU FILHO QUE NADA TENDO MERECE DESTE MUNDO O FUNDO

FOI ELE QUE CONSTRUIU O MUNDO E O PARIU QUEM NÃO ASSIM VÊ É BURRO VÁ NA VIDA QUE O LEVOU.

QUANTAS HORAS DE DESGASTE UM ESCRAVO DE UM POBRE QUANTO BURRO É ASSIM E NADA DESTE CONTÉM.

TUDO NO MUNDO PARIU EU SEI SUA INGENUIDADE MAS NO MUNDO DA METADE APENAS DE VER OUVIU.

O SONHO QUE EU TE ENSINO

ESTOU A VER AS COISAS MAS ESTAS APARECEM DE LADO OU POR OUTRA SE APROXIMAM SÃO TÃO PRÓXIMAS. SENDO DEUS QUE SERIA AS COISAS ASSIM SERIAM. E MAIS CONTA-ME MAIS DO DIVINO E DE SEUS MESTRES. OLHO-TE NOS OLHOS QUE VÊS COMO A UM VAGABUNDO. POBRE.

AS LIÇÕES NA POLÍTICA

PARA QUEM CONHECE O POVO O POVO QUE NUNCA MENTE O POBRE QUE SE HABITUA APENAS GOZA DA GENTE.

QUEM VAI DA ELEIÇÃO GANHAR NÃO ME ATREVO NÃO ME METO APENAS QUE DOS ESTUDOS UM EMPREGO É E PROMETO.

NADA VEJO DESTE MODO O POVO TÃO DESVIADO DESTE SEU LUGAR ATADO SAIBA DE DEUS O COITADO.

POIS DE UM POBRE NÃO PASSA QUEM QUISERA TER EM CASA UM POLÍTICO OU DIRIA UM PAPA OLHA BEM E NÃO SE ESFORÇA.

MAS O MUNDO DE PIRAÇA NEM O VEJO SE ASSIM NÃO TRAÇA O MUNDO DE OUTRA RAÇA QUE SE APROXIMA O DERRUBA.

NEM TÃO POBRE O DESEJO SEJA MAS VÁ LÁ POBRES COITADOS SEJAM LÁ DO PALHAÇOS LINDOS E CONSIGO MESMO EXIJIDOS.

O DEVER DE UM POLÍTCO PARA QUEM NÃO SABE SEU MISTER APENAS EXISTE UM DE SI O DE O POVO TER UMA COLHER.

ORA QUEM OS VÊ LÁ PENSOU FULANO SE EMPREGOU ANTES FOSSE UM VADIO QUE AO MUNDO NADA PEDIU.

EXISTE TANTO PALERMA NESTE MUNDO DESVIADO SABE-SE LÁ O MAIOR NABO QUE NEM FALANDO É OCUPADO.

E ASSIM O POVO É DIA E ASSIM O POVO A HAVER NÃO FORA EU DEUS PAI NEM CHOVIA DO MEU VER.

TANTA GANÃNCIA HAVIA TANTA FOME E CANSEIRA NUMA TERRA BENFAZEJA NÃO MERECE TANTA ASNEIRA.

O MUNDO NÃO É UM MAU DITADO EXISTEM BOMBAS DE MAIS PARA QUEM TANTO MAL FAZ POIS NO GELO É MUITO FRIO.

.

MAIS PARA QUEM TANTO MAL FAZ POIS NO GELO É MUITO FRIO. . O DIREITO DÓI

O DIREITO DÓI MEU POLÍTICO

ELES SÃO OS GRANDES BURROS QUE SE METEM A COITADOS QUANDO NA VERDADE SÃO OS ÚNICOS POBRES COITADOS.

NEM EU SEI TAMBÉM DIZENDO COMO SE O MUNDO ESQUECENDO DE SI MESMO COM TANTO BRUTO SE TIRAM LÁ FORA O JUÍZO.

UNIÃO POIS DEMENTES COMO SÃO NADA VEMOS POIS ENTÃO MAS VENDO EU E FAZENDO COMO NÃO SÃO ASSIM GUARDADOS.

É O DIREITO AO AMOR

POIS NÃO SE ESQUEÇA DOUTOR NADA EXISTE EM SI DE BOM NA CLARIDADE OU SUA NOVIDADE.

QUEM É BURRO CLARO ESTÁ NEM SABE DE SER POEMA MAS EU CREIO NESTE LEMA SER MELHOR O FRUTO SANTO.

ANDA ASSIM O POVO VISTO

E O MUNDO SEM EMPREGO

COM TANTO VADIO EMPREGADO

E SEM SABER DE SI O DIA

ANTES DISSESSEM A SINA

POIS DO MUNDO DA ADIVINHA

A PALAVRA É MAIS BARATA

QUE O SER DAQUELA ESTRADA

É MELHOR MELHORAR

POIS NADA DESTE LUGAR

É UM EMPREGO AVISADO

MAS O DIA CLARO VINHO.

O DIA DO TOSTÃO

É UM DIA BEM BONITO

DE ALDRABÃO EM ALDRABÃO VAI FALTANDO O SEU TRABALHO.

E ASSIM O POVO IMPLORA

MAS O VINHO ESTÁ MAIS CARO

E ESTE SEM SE IMPORTAR

APENAS A DERROTA ASSUME.

OLHA QUE GRANDE FOLIA PARA SER ASSIM TÃO POBRE NEM O DEVIDO RESPEITO QUE O MUNDO SEJA UM POBRE.

É ASSIM O SEU DEFEITO

NADA VÊ NADA O PERTURBA APENAS O VER A DIREITO

É COISA DE BURRO SABIDO.

ASSIM É O MUNDO DE RESPEITO GRANDE TOLO E GRANDE URSO POIS NADA DELE DE SÉRIO EXISTE APENAS DE ALDRABICE.

É O MUNDO ASSIM CORRECTO

É UM MANICÓMIO PERFEITO

COM TODO O POVO VENDO O CARNAVAL DESTE JEITO.

NA POLÍTICA E NO AMOR

O POVO NÃO ELEGE NADA

MAS DO PRESUNTO COM RECHEIO APENAS O MAIS PREMIADO QUE NA RUA NÃO TEM PALEIO.

É

UMA FORMA DE DIVERSÃO

E

DE SE SABER O POVO TEM

MAS NÃO TE ILUDAS MAGANÃO POIS É O POVO MEU IRMÃO.

O

POVO PAGOU A CEIA

O

POVO MAIS DESASTRADO

POIS O RESTO COITADO SENDO GENTE É DECEPADO.

ISSO DE SE FALAR EU SOU BOM EU SOU SINCERO NADA FAÇO DO GOVERNO EU SOU PRIMEIRO NEM É BOM MESMO LÁ SENDO.

AOS PARVOS E AOS MAIS TRISTES UM EXEMPLO JÁ FOI DADO NÃO SOU NO MUNDO INFORMADO MAS DO PARVO DO SEU LADO.

A POBREZA REINA POIS

E A ESTE MEUS VERSOS TONTOS

QUE SE RIMEM AMEM DOIS DE NOVO QUERO MAIS AA`S

EU SOU POLÍTICO É VERDADE DAS LETRAS GRANDES PRIMEIRO MAS OS AJUDO E ESTUDO

E NÃO SENDO O MAIS SORTUDO.

ISSO QUER DIZER O GÉNIO EU EMENDARIA O DEUS ASSIM A TERRA PROMETEU

E SABENDO DISSO ATEUS.

NÃO SE ESCONDAM POIS ENTÃO QUE SERIA SEM CONDÃO NUMA OFICINA DE BRUTOS SEM JUÍZO OU CORNUDOS.

OS MEUS VERSOS E TUDO EU FAÇO COMO SE NUM DESPIQUE FOSSE POIS NÃO SOU DEUS O QUE SOU APENAS DISTO O POVO PERGUNTOU.

NADA MAIS MAS O RESPEITO DE SER PAI E O CONHECER MUITO MAIS QUE O VENTO É DESTE MUNDO POR MEU PÉ.

FALAM DE BOCA CALADA INVENTAM NÃO SABEM NADA REZAM E TUDO ALTERAM MAS DA LUZ A CONTA ERRADA.

DESTA MINHA IGREJA FEITA

O AMOR COMPREENDIDO

NEM EU SOU NUM BANDIDO SABENDO QUE REINO ENCANTADO.

O ESTADO FICAVA TESO

DE TANTO A IGREJA ESBANJAR MAS OLHA LÁ Ó TEORIA QUE SE APRENDA AO POVO DAR.

A IGREJA A REINAR

MESMO SENDO DE POBREZA PÃO E VINHO SOBRE A MESA

E NÃO MAIS LUGAR NO CHÃO.

QUE SE ATREME BOM POVO POIS DAS GARRAS DO LOUCO

APENAS DE FALAR UM POUCO

O TESO SEREI EU O PADRE

QUANDO NINGUÉM É DE LÁ APENAS O POVO INVENTA DE TANTO ELE FALAR QUE SÓ TEM ESTE LUGAR.

ASSIM É NA REALIDADE

O

POVO NÃO SENDO COBARDE

O

AJUDOU SUA VIDA

AGORA DE VOLTA O QUERIA.

ASSIM É NA REALIDADE O POVO NÃO SENDO COBARDE O AJUDOU SUA VIDA AGORA DE VOLTA

O CASO DE UM LADRÃO

FOI UM POLÍTICO PASSADO

MAS NEM O ERIGI. O VIVI

APENAS DELE FUGI E VENCI

O MUNDO DELE SE RI EM SI.

POESIA É UMA ARMA AZUL

A

DEVEMOS ERIGIR SEMPRE

E

NO MUNDO NÃO CONFUNDIR

SER LADRÃO COM PEDIR.

DEUS ESTÁ TE OUVINDO

MAS NEM SEMPRE PROTEGENDO

É APANÁGIO DE TUDO

O MUNDO SER DE UMA LANÇA.

NÃO DIFICULTAR O MUNDO

NO SEU PARTIDO NASCER

NEM EU SEI O QUE MORRER

DESTE MUNDO PARA NASCER.

A FANTASIA DO NASCENTE

OLHA O RICO

OLHA O PÃO

OLHA A VIDA

MEU IRMÃO.

ACONSELHO O MEU AMIGO

MEUS VERSOS SÃO ASSIM NADA DE CLARIM EM FUNIL NASCEMOS DESTA CIDADE ESTÁVAMOS NO MATO IDADE.

DO ÚLTIMO NASCIMENTO

A PRISÃO ERA SUSTENTO

DE NOVO A VIDA É DURA

E UMA BRUXA MAIS ESCURA.

APARECE NO MEU VER SÚBITO AONDE A VOU DESENVOLVER SE NADA SABE FAZER AGORA MAS DE TUDO DEIXA PERDER.

O

SEU QUERER ERA OUTRO

E

EU DE NOVO FUTURO

AQUI ESCREVO E O DEIXO MAS MEU AMIGO O DESLEIXO.

AGORA SIM MIUDINHO

O TONTO DESTE CAMINHO

JÁ ME RIO JÁ ME SAIO

E DE NOVO O PAPAGAIO.

TRISTE É DE TRISTE MESMO

O VER E NÃO O ENCOSTO

MAS OLHA BEM O TEU POSTO NÃO VÃO TE MATAR DESGOSTO.

VER PARA CRER É SINAL MAS DE VER É CRER O SINAL

E

DE ALIMENTAR O TAL DE MAL

E

DEPOIS O MATAR GENIAL.

SEMPRE ASSIM ATÉ AO FIM NÃO FAÇAS CASO DE MIM APENAS ME ABSORVIA DE TANTA LITERATURA SIM.

E DEPOIS O MATAR GENIAL. SEMPRE ASSIM ATÉ AO FIM NÃO FAÇAS CASO DE MIM APENAS

DEUS AMA DEUS

A DIFERENÇA

ENTRE DEUS E O TEMPO

É

APENAS DE ESTUDO.

O

AMOR DE DEUS

E

A VERDADE DO MUNDO.

DEUS DE TUDO.

A LIÇÃO

A VIDA DE UM VINHO É BREVE

QUEM SE TOMA

É CALADO.

SONHO DE UM POLÍTICO

A VER NAVIOS

FICARAM NO MUNDO ASSIM

MAS AINDA ONTEM OS VI

ESTAVAM OS FADOS CANTADOS

MAS OS POVOS ADIADOS

ENTÃO OS BRUTOS EXCLAMAM

VENHA ESSA ANARQUIA

E

RIAM COMO A FOLIA

E

DE TANTO O OUVIREM

FIZERAM A MELHOR DO DIA

ASSIM OS NABOS SE CALARAM

E DE NOVO LÁ VOLTARAM

SEM SEREM MAIS OS BORREGOS

MAS OS FILHOS DO ZÉ PEDRO

ENTÃO O MUNDO AMANHÃ

É DEVERAS ANARQUISTA

DIZIAM OS POBRES COITADOS

E NÃO MAIS DE TANTA PISTA

APRENDERAM A LIÇÃO

E NÃO MAIS A SEREM O CÃO

POLÍTICA

POLÍTICA

MAS QUE COISA SEM ACERTO

DIRIA EU CONCERTEZA

PONHA-SE NO LUGAR DO POVO

E DEPOIS O QUERO NOVO

ASSIM APENAS É ISSO

E NÃO O FADO DE OUTRO LADO

POIS NÃO O SABIA

DESISTO

DE O CHAMAR DE GRANDE NABO

MAS APENAS O QUERO VER

NO DIA DE ISSO ACONTECER

E APENAS O POVO RI

POIS NÃO CHEIRA NO SEU NARIZ

MAS DE OUTRA COISA MAIS BELA

TER O REI À JANELA

E O FILHO NA OUTRA DELA.

CONTER

CONTER

AVES AMANHÃ

É DIFÍCIL DESILUDIR

QUANDO SE É UM DEUS POIS NÃO TEM NADA PARA FAZER MAS ENTENDER

ENTENDER A SUA FORMA

O

SEU VERBO

E

O SEU AMOR

PARA O SEU AMOR

E O SEU CORAÇÃO

POIS É ESCRITO

É

DEVIDO

O

SEU AMOR

DITADO

OU ASSIM É FRITO

NÃO É UMA DESILUSÃO

MAIOR

QUE O SERIA MEU IRMÃO POIS ESSE SIM

TEM UM CONDÃO SEM SER UM EXEMPLO

E SEM O TORMENTO

O REAL

SOFRI E SOFRO CALADO MAS QUERIA EU SER ASSIM O MEU FADO.

O DIVINO

AMO O DESPORTO MAS QUERIA TE VER OUTRO PORTO.

QUEM CALHOU O AMOR QUE EU FIZ.