P. 1
Matemática PPT - Exercícios Resolvidos

Matemática PPT - Exercícios Resolvidos

4.5

|Views: 27.441|Likes:
Publicado porMatemática PPT

More info:

Published by: Matemática PPT on Jul 24, 2008
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PPT, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

12/07/2012

pdf

text

original

AULA DE MATEMÁTICA 1102

Prof. Fernando Padoin Figueiredo Alcunha: “Barney”

09) Determine a área, em metros quadrados, da parte preta da figura a seguir, composta por: • dois segmentos paralelos AH (contendo os pontos D e E) e BG (contendo os pontos C e F) medindo 6 metros cada um; • um retângulo CDEF de 2 metros de largura por 6 metros de comprimento; • dois arcos; um limitado entre os segmentos AD e BC e as semicircunferências AB e CD, de raio 3 m cada uma, e o outro formado entre os segmentos EH e FG e as semicircunferências EF e GH, de raio 3 m cada uma.

A=b.h=6.6=36 (O)36 m2. (P) 24 m2. (Q)36.p m2. (D) 24.p m2. (E) (14.p) m2.

10) Num determinado dia, três amigos resolveram fazer investimentos em compra de moedas estrangeiras, da seguinte forma: • O primeiro investirá, ao todo, R$ 2.900,00 na compra de: 1.000 ienes mais 400 dólares mais 900 euros. • O segundo investirá, ao todo, R$ 2.800,00 na compra de: 2.000 ienes mais 200 dólares mais 1.000 euros. • O terceiro investirá, ao todo, R$ 2.500,00 na compra de: 5.000 ienes mais 800 dólares mais 400 euros. Quanto exatamente gastará um quarto amigo na compra de 3.000 ienes mais 500 dólares mais 600 euros, nesse mesmo dia? 10 x + 4 y + 9 z = 29 (F) R$ 3.000,00.  10 x + 4 y + 9 z = 29 1000 x + 400 y + 900 z = 2900  (G)R$ 2.700,00.  10 x + 4.1,8 + 9.2,4 = 29 − 6 y − 8 z = −30    (H)R$ 2.600,00. 2000 x + 200 y + 1000 z = 2800 10 x + 7,2 + 21,6 = 29 − 25 z = −60   5000 x + 800 y + 400 z = 2500  (D) R$ 2.400,00. x = 0,02 60 (E) R$ 2.300,00. z=

x → ienes y → dólares z → euros

 10 x + 4 y + 9 z = 29  20 x + 2 y + 10 z = 28  50 x + 8 y + 4 z = 25 

25

z = 2,4
− 6 y − 8 z = −30
− 6 y − 8.2,4 = −30
− 6 y − 19,2 = −30

3000 x + 500 y + 600 z = ? 3000.0,02 + 500.1,8 + 600.2,4 60 + 900 + 1440

 10 x + 4 y + 9 z = 29  − 6 y − 8 z = −30   − 12 y − 41z = −120 

2400
Alternativa D

y = 1,8

11) Sabendo-se que um quadrado tem um de seus vértices na origem do sistema cartesiano e que as equações das retas suportes de dois de seus lados são 3x – y = 0 e 3x – y + 10 = 0, então a medida de sua diagonal é 2 a igual 5 s : 3 x − y + 10 = 0 r : 3x − y = 0 (A)2 2 a=3 (B)5 5 a=3   s = b = −1 (C)5 2 r = b = −1  c´= 10 (D) 2 c=0   (E)
d r ,s =
l=

c − c´ a2 + b2
0 − 10 3 2 + (−1) 2

Em um quadrado: d =l 2
d = 10 . 2

l=

− 10 9 +1

d = 20

d =2 5
10 10

l=

10 10

Alternativa A

l = 10

12) Um triângulo ABC tem área igual a 8 e dois de seus vértices são os pontos A = (3,1) e B = (1,–3). Sabendo-se que o vértice C está sobre a parte positiva do eixo das ordenadas, então é correto afirmar: (001) O coeficiente linear da reta que passa pelo segmento CA é igual a 3. 1 (002) O coeficiente angular da reta que passa pelos pontos A e B é igual a 2 . (004) A medida da altura do triângulo relativa ao lado AB é igual a . (008) A abscissa do ponto de intersecção da reta que passa pelos pontos C e B com o eixo x é igual a 4,5. (016) A medida do lado CB é igual a 9.

5

A=8
A = (3,1) e B = (1,−3)

C = (0, y ), pois está sobre o eixo das ordenadas ( y )

A=
8=

D 2
− 10 − 2 y

3 1 1 D = 1 −3 1 0 y 1
− 10 − 2 y = −16 y=3

Como y é positivo, logo:
D = −10 − 2 y

C = (0,3)

2 − 10 − 2 y = 16

− 10 − 2 y = 16 y = −13

(001) Equação de reta de CA 3 pontos colineares
3 1 1 0 3 1=0 x y 1
− 2x − 3y + 9 = 0

h=
h=

−c b
−9 =3 −3

(002) Só coeficiente angular reta que passa por A(3,1) e B(1,-3)?
m( x − x 0 ) = ( y − y 0 )
m(3 − 1) = (1 − (−3))

m.2 = 4

m=2

(004) C=(0,3) Equação da reta que passa por A − x0 m( xe B ) = ( y − y 0 )
2( x − 3) = ( y − 1) pegando o ponto A(3,1)

C h B A

r

2x − 6 = y − 1

2x − y − 5 = 0
h = d C ,r = a.x0 + b. y 0 + c a2 + b2

h=

2.0 + (−1).3 + (−5) (2) 2 + ( −1) 2

h=

−3−5 4 +1

h=

−8 5

h=

8 5

5 5

h=

8 5 5

(008) Ponto que passa por C e B e cruza abscissa (x,0). 3 pontos colineares
1 −3 1 0 x 3 0 1=0 1

x=

1 2

(016) Distância entre os pontos C=(0,3) e B=(1,-3)
d C , B = ( xC − x B ) 2 + ( y C − y B ) 2
d C , B = (0 − 1) 2 + (3 − (−3)) 2

d C , B = (−1) 2 + (6) 2

d C , B = 37

13) Um poliedro convexo, com 32 arestas, tem quantidades iguais de faces triangulares e pentagonais regulares, e 6 faces quadradas. Considerando as informações fornecidas, assinale a(s) proposição(ões) verdadeira(s). (001) A quantidade total de faces triangulares do referido poliedro é de 3. (002) A quantidade total de faces do referido poliedro é de 16. (004) A quantidade total de vértices do referido poliedro é de 18. (008) A soma dos ângulos internos das faces do referido poliedro é igual a 5760º. (016) O referido poliedro é um icosaedro. A = 32
T =P
Q=6
A= 3.T + 5.P + 4.Q 2
0 (008) S = 360 .(V − 2)

(001)T = 5 (002 F = 5 + 5 + 6 = 16 ) (004) V + F = A + 2
V + 16 = 32 + 2

3.T + 5.T + 4.6 32 = 2

S = 360 0.(18 − 2)
S = 360 0.16

64 = 3.T + 5.T + 24

S = 5760 0

40 = 8.T
T =5
P=5
Q=6

V = 18

(016) Hexadecaedro

14) Um trapézio isósceles de área igual a 0,54 m2 é tal que sua altura é 1,5 decímetros maior que sua base menor que, por sua vez, é a terça parte da sua base maior. Qual é a medida do seu perímetro em centímetros?

x
x + 15 3x

1,5dm = 15cm

45 x 45 60 135

A = 0,54m 2 = 5400cm 2

x 2 = 60 2 + 452 x 2 = 3600 + 2025 x 2 = 5625

( B + b ).h A=
2 5400 =

( 3x + x ).( x + 15)
2 x´= −60 x´´= 45

x = 5625 = 75

10800 = 4 x 2 + 60 x x 2 + 15 x − 2700 = 0

135 + 75 + 45 + 75

330

15) O polígono ABCDEF, nessa ordem, é um hexágono regular inscrito numa circunferência de diâmetro medindo 48 centímetros, como na figura a seguir. Tem-se ainda que P é o ponto de intersecção entre os segmentos AC e BF e Q é o ponto de intersecção entre ( n 3 ) segmentos CE e DF. Sendo a área do os quadrilátero PCQF igual a cm2, determine o valor de n.
d 2

24

30º

A=

D.d 2

d tg 30 0 = 2 24

A=

48.16 3 2

3 d = 3 48

d = 16 3

A = 384 3 cm 2

384

16) Qual é o volume máximo, em m3, de um silo composto por dois pedaços ligados; um, em forma de prisma, com 2 metros de altura, e o outro de pirâmide invertida, com 10 metros de altura e ambos com bases losangulares, com 10 metros de lado e com a maior das diagonais medindo 16 metros, como na figura a seguir. D.d Ab = 2 6 8

Ab =
d=12

16.12 2

Ab = 96 m 2

V = V1 + V2

V = Ab .h +

1 Ab .h 3

1 V = 96.2 + 96.10 3

V = 192 + 320

V = 512 m 3

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->