P. 1
Reencontro - Reprodução

Reencontro - Reprodução

4.67

|Views: 19.962|Likes:
Publicado porLista Modelo dos 12

More info:

Published by: Lista Modelo dos 12 on May 24, 2007
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOC, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

12/08/2014

pdf

text

original

Reencontro – Programa e Palestras

(2) Tomar banho nos horários fora das ministrações. O asseio é indispensável,

TEMAS 1. A Responsabilidade do Cristão Diante do Mundo 2. O Que Cristo Faz em Mim 3. Os Traumas na Família 4. Os Traumas dos Sentimentos 5. Auto-imagem e auto-estima 6. Temperamentos 7. O que Cristo Fez Por Mim 7. Reino Espiritual 8. A Armadura 9. Identificando Ataduras e Maldições 10.Conquistando Cada área pela guerra espiritual 11.O que Cristo faz através de mim 12.Consagração 13.O LÍDER E A ÉTICA 14.Ética – comportamento 15.OS FRUTOS E OS DONS UNÇÃO COM ÓLEO
REGRAS Depois de instalados, os participantes devem dirigir-se ao local de reunião, onde o ambiente deve convidar a um encontro com Deus, através de música. Na falta de alguém que toque, pode ser usado um CD. PROGRAMA Ajuntamento - Um cântico enquanto os reencontristas vão chegando. Um apropriado é: Nesta noite feliz Neste santo lugar/ Um encontro com Deus eu marquei/ Seu amor é real Sua paz gozarei/ Um encontro com Deus eu marquei. 2. Boas vindas - Indicar que este será um tempo de reencontro com Deus e Sua palavra, não mais como novos crentes, mas como quem se prepara para exercer a liderança de uma célula. 3. Orientações (1) Observar a pontualidade em cada palestra, refeições, etc.
1.

mas o banho deve ser rápido, pensando no próximo (3) Respeitar as pessoas que estão trabalhando no reencontro e seguir suas determinações. (4) Guardar silêncio nas horas destinadas ao descanso, respeitando o direito do outro. (5) Não entrar na cozinha. (6) Evitar a proximidade de noivos e esposos, pois devem concentrar-se na busca de Deus. (7) Permanecer com os celulares desligados, (usá-los só em caso de real necessidade) pois toda distração deve ser evitada para melhor proveito espiritual desse tempo de imersão em Deus e Sua Palavra. (8) Não sair do local, para não perder nada. As ministrações são interligadas e fazem parte de um todo. (9) Não ministrar. Somente os líderes indicados podem fazê-lo. O reencontrista está ali para ser ministrado. (10)Cuidar para que as conversas sejam edificantes, em volta de temas espirituais. (11)Manter um relacionamento de amor e respeito com todos os reencontristas. (12)Estar atento e tomar nota de todas as palestras, consciente de que no futuro ele poderá ser o ministrador. Importante! Qualquer dúvida, inquietação ou problema, dirigir-se apenas aos líderes
4.

Apresentação das delegações – Rapidamente os discípulos serão apresentados: “Reencontristas das células de fulano (o líder de 12, 144...)

1

Palavra de incentivo – Falar sobre a mudança de vida que acontecerá nos dias do Reencontro. 6. Oração – Conduzir um curto período de oração, voltado a abrirem-se à presença de Deus, invocando a liderança do Espírito Santo.
5.

2

TEMA 1 - A Responsabilidade do Cristão Diante do Mundo devemos pagar um preço. Uma
INTRODUÇÃO Estamos todos aqui como discípulos de Jesus que tiveram um encontro real com Ele e se tornaram parte do Seu Corpo, isto é, dEle mesmo. "Mas, o que se une ao Senhor é um só espírito com ele." (1Co. 6:17). Mas porque somos um com Ele, passamos a conhecer Seu coração, a amar o que Ele ama e a identificar-nos com Suas visões. Quem vem a Cristo é chamado a identificar-se com Seu caráter e missão. Nosso grande desafio é ser como Ele é (Rm 8:29; 2 Co. 3:18) e fazer o que Ele fez: Destruir as obras do diabo (1 Jo 3:8b), buscando e salvando o perdido (Mt 18:11). Porque um dia ouvimos Sua voz dizendo-nos: "Vinde a mim, todos os que estai cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei. Tomai sobre vós o meu jugo, e aprendei de mim, que sou manso e humilde de coração; e achareis descanso para as vossas almas. Porque o meu jugo é suave, e o meu fardo é leve." (Mt. 11:28-30), pudemos ouvir depois: "Foi-me dada toda a autoridade no céu e na terra. Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo; ensinando-os a observar todas as coisas que eu vos tenho mandado; e eis que eu estou convosco todos os dias, até a consumação dos séculos." (Mt. 28:18-20). Jesus nos concede o mais elevado privilégio do universo, que os anjos gostariam de ter: Ser canais da mensagem de redenção a um mundo em trevas e perdição, levando-lhes a luz do Evangelho. Chamados a ser líderes no poderoso exército de Deus que saqueia o inferno e povoa o céu. Não temos que pagar nada pela salvação. Mas, para sermos líderes, liderança eficaz exige investimento. O mundo clama por líderes que marquem esta geração. Hoje você pode ser a resposta a esse clamor.

Você está neste reencontro para dar mais um passo no seu preparo como um líder que fará a diferença em multidões. Como reprodução de Jesus, Ele espera que sejamos de fato a extensão do Seu ministério de poder. "Em verdade, em verdade vos digo: Aquele que crê em mim, esse também fará as obras que eu faço, e as fará maiores do que estas; porque eu vou para o Pai;" (Jo. 14:12). Ele espera que nós façamos coisas até maiores do que as Ele fez: curou enfermos, libertou cativos, pregou o Evangelho... (At 10:38; Lc. 4:18-19). Não há desculpas, temos que ser líderes. "Se eu não viera e não lhes falara, não teriam pecado; agora, porém, não têm desculpa do seu pecado." (Jo. 15:22). "Aquele, pois, que sabe fazer o bem e não o faz, comete pecado." (Tg. 4:17). Nós somos responsáveis diante do mundo. Não somos mais novos crentes. O Espírito de Deus nos impele ao cumprimento de nossa responsabilidade diante do mundo. Todavia para compreender qual a sua responsabilidade algumas coisas precisam estar claras em sua mente e coração: A – QUEM É VOCÊ A primeira coisa a considerar é sua identidade como líder separado por Deus para fazer diferença em sua geração, no cumprimento da Grande Comissão. Saiba, portanto, que você é:
3

1.

Alguém escolhido pelo próprio Deus – "Vós sois as minhas testemunhas, do Senhor, e o meu servo, a quem escolhi..." (Is. 43:10). "Antes que eu te formasse no ventre te conheci, e antes que saísses da madre te santifiquei; às nações te dei por profeta. Então disse eu: Ah, Senhor Deus! Eis que não sei falar; porque sou um menino. Mas o Senhor me respondeu: Não digas: Eu sou um menino; porque a todos a quem eu te enviar, irás; e tudo quanto te mandar dirás." (Jr. 1:5-7). 2. Alguém escolhido por Jesus Cristo. "Vós não me escolhestes a mim mas eu vos escolhi a vós, e vos designei, para que vades e deis frutos, e o vosso fruto permaneça, a fim de que tudo quanto pedirdes ao Pai em meu nome, ele vo-lo conceda." (Jo. 15:16). "Disse-lhes, então, Jesus segunda vez: Paz seja convosco; assim como o Pai me enviou, também eu vos envio a vós." (Jo. 20:21). 3. Alguém escolhido pelo Espírito Santo. "Ou não sabeis que o vosso corpo é santuário do Espírito Santo, que habita em vós, o qual possuís da parte de Deus, e que não sois de vós mesmos? Porque fostes comprados por preço; glorificai pois a Deus no vosso corpo." (1Co. 6:19-20). O Espírito Santo o chamou para ser um líder, um ministro. Ele o escolheu para que possa viver em você, transformando-o em instrumento, canal, e possa viver e operar na terra através de você. a. “O Espírito Santo quer usar o seu corpo e sua vida para

mostrar como uma pessoa deve viver na terra. b. O Espírito Santo quer conformá-lo com a imagem de Cristo – para fazer de você um exemplo para o mundo, de como Deus quer que vivamos: em justiça e santidade. c. O Espírito Santo quer usá-lo para pregar e ensinar o glorioso evangelho de Jesus Cristo. Você recebeu o privilégio mais glorioso no mundo. Foi chamado e escolhido pelo Espírito Santo de Deus; foi chamado a viver exatamente como Cristo viveu – uma vida santa e justa – e você foi chamado a proclamar o Evangelho de Cristo ao mundo perdido.” (LMW)
4.

Um embaixador de Cristo. "Mas todas as coisas provêm de Deus, que nos reconciliou consigo mesmo por Cristo, e nos confiou o ministério da reconciliação; pois que Deus estava em Cristo reconciliando consigo o mundo, não imputando aos homens as suas transgressões; e nos encarregou da palavra da reconciliação. De sorte que somos embaixadores por Cristo, como se Deus por nós vos exortasse. Rogamo-vos, pois, por Cristo que vos reconcilieis com Deus." (2Co. 5:18-20). a. Você recebeu o maior título – Embaixador de Cristo b. Você recebeu a maior mensagem: “Reconciliai-vos com Deus”

B. QUAL A SUA RESPONSABILIDADE COMO LÍDER
4

1.

Ser um padrão da gloriosa verdade de que Deus salva os pecadores. "Exorta semelhantemente os moços a que sejam moderados. Em tudo te dá por exemplo de boas obras; na doutrina mostra integridade, sobriedade, linguagem sã e irrepreensível, para que o adversário se confunda, não tendo nenhum mal que dizer de nós." (Tt. 2:6-8). "Ninguém despreze a tua mocidade, mas sê um exemplo para os fiéis na palavra, no procedimento, no amor, na fé, na pureza." (1Tm. 4:12). Fazer discípulos de todas as nações (Mt 28:18-20) "e o que de mim ouviste de muitas testemunhas, transmite-o a homens fiéis, que sejam idôneos para também ensinarem os outros." (2 Tm. 2:2). Discipule outros: invista especialmente em doze. b. Ensine-lhes tudo quanto você sabe c. Libere-os para fazerem o mesmo que você.
a. 3.

b.

2.

c.

d.

Apresentar cada homem perfeito em Cristo "o qual nós anunciamos, admoestando a todo homem, e ensinando a todo homem em toda a sabedoria, para que apresentemos todo homem perfeito em Cristo;" (Cl. 1:28).

4. Ser testemunha de Jesus Cristo (At 1:8)
a.

Que não se envergonha "Falarei dos teus testemunhos perante os reis, e não

e.

me envergonharei." (Sl. 119:46). Ousada - "que se deu a si mesmo por nós para nos remir de toda a iniqüidade, e purificar para si um povo todo seu, zeloso de boas obras. Fala estas coisas, exorta e repreende com toda autoridade. Ninguém te despreze." (Tt. 2:14-15). "... Não temas, mas fala e não te cales; porque eu estou contigo e ninguém te acometerá para te fazer mal, pois tenho muito povo nesta cidade." (At. 18:9-10). Testemunha aos familiares e amigos "Jesus, porém, não lho permitiu, mas disse-lhe: Vai para tua casa, para os teus, e anuncia-lhes o quanto o Senhor te fez, e como teve misericórdia de ti." (Mc. 5:19). Obediente "Ide, apresentai-vos no templo, e falai ao povo todas as palavras desta vida. Ora, tendo eles ouvido isto, entraram de manhã cedo no templo e ensinavam. Chegando, porém o sumo sacerdote e os que estavam com ele, convocaram o sinédrio, com todos os anciãos dos filhos de Israel, e enviaram guardas ao cárcere para trazê-los." (At. 5:20-21). Cheia do Espírito "Quando vier o Ajudador, que eu vos enviarei da parte do Pai, o Espírito
5

da verdade, que do Pai procede, esse dará testemunho de mim; e também vós dareis testemunho, porque estais comigo desde o princípio." (Jo. 15:26-27).
5.

1.

Transformar uma nação inteira - "Pede-me, e eu te darei as nações por herança, e as extremidades da terra por possessão." (Sl. 2:8). (1) Você é responsável por esta geração de brasileiros (2) Sua visão da nação inteira revolucionará seu ministério. Quando Wesley passou a ver o mundo como sua paróquia, que tremendo! (3) A nação é transformada pela transformação de vidas. O canal para tanto somos nós, pela pregação ungida da Palavra de Deus. (4) A conquista da nação para Cristo é seu maior desafio. Deus nos tem feito entender que vamos conquistar a nossa nação e vamos ajudar outros a conquistarem as suas. (5) Tome sua posição para mudar sua nação. Tem que haver revolução. Revolução significa mover desde os alicerces. Entre em guerra para que haja mudança.

Uma vida de santidade "mas, como é santo aquele que vos chamou, sede vós também santos em todo o vosso procedimento;" (1Pe. 1:15). O líder precisa viver em santidade e vencer o pecado. Assumir a santidade e ensinar outros a viverem em santidade. Liderança requer maturidade crescente. Ex: Pedro era todo emocional, sacou a espada, cortou a orelha do soldado, no mar acabou olhado para as circunstâncias, mas, depois que Deus o sarou, libertou, fez dele um líder bem sucedido. Infelizmente, muitos líderes estão anos precisando de cura e libertação, de uma vida de santidade. Para cumprir o papel de conduzir uma nação e uma geração a Cristo é preciso que o líder desenvolva em seu caráter as marcas de santidade.
a.

Santidade no Corpo. O pecado apela para os membros do corpo como seu instrumento de impureza e rebelião contra Deus. Há que desenvolver-se uma consciência de guardá-los sob sujeição.
(1)

3. REQUISITOS PARA CUMPRIR SUA RESPONSABILIDADE

Apresente o corpo em sacrifício vivo "Rogovos pois, irmãos, pela compaixão de Deus, que apresenteis os vossos corpos como um sacrifício vivo, santo e agradável a Deus, que é o vosso culto racional. E não vos conformeis a este mundo, mas transformai-vos pela renovação da vossa mente, para que experimenteis qual seja
6

a boa, agradável, e perfeita vontade de Deus." (Rm. 12:1-2). (2) Saiba que seu corpo é o templo do Espírito Santo "Ou não sabeis que o vosso corpo é santuário do Espírito Santo, que habita em vós, o qual possuís da parte de Deus, e que não sois de vós mesmos? Porque fostes comprados por preço; glorificai pois a Deus no vosso corpo e em vosso espírito os quais pertencem a Deus." (1Co. 6:19-20). (3) Lute pelo controle de sua mente – data pensamento "derribando raciocínios e todo baluarte que se ergue contra o conhecimento de Deus, e levando cativo todo pensamento à obediência a Cristo;" (2Co. 10:5). "Quanto ao mais, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é honesto, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se há alguma virtude, e se há algum louvor, nisso pensai." (Fp. 4:8). (4) Discipline e sujeite o corpo a Cristo para não ser desqualificado "Antes subjugo o meu corpo, e o reduzo à submissão, para que, depois de pregar a outros, eu mesmo não venha a ficar reprovado." (1Co. 9:27). b. Santidade na Conduta

Leve uma vida de caráter santo "Fiel é esta palavra: Se alguém aspira ao episcopado, excelente obra deseja. É necessário, pois, que o bispo seja irrepreensível, marido de uma só mulher, temperante, sóbrio, ordeiro, hospitaleiro, apto para ensinar; não dado ao vinho, não espancador, mas moderado, inimigo de contendas, não ganancioso; que governe bem a sua própria casa, tendo seus filhos em sujeição, com todo o respeito (pois, se alguém não sabe governar a sua própria casa, como cuidará da igreja de Deus?); não neófito, para que não se ensoberbeça e venha a cair na condenação do Diabo. Também é necessário que tenha bom testemunho dos que estão de fora, para que não caia em opróbrio, e no laço do Diabo." (1Tm. 3:1-7). • Qualificações pessoais (v. 2 e 3) • Qualificações familiares (v. 2,4-5) • Qualificações espirituais (v. 7) • Qualificações sociais (comunidade) (v. 7) (2) Uma vida separada do mundo "Pelo que, saí vós do meio deles e separaivos, diz o Senhor; e não toqueis coisa imunda, e eu vos receberei; e eu serei para vós Pai, e vós sereis para mim filhos e filhas, diz o Senhor Todo-Poderoso." (2Co. 6:17-18). "Não ameis o mundo, nem o que há no
(1) 7

mundo. Se alguém ama o mundo, o amor do Pai não está nele. Porque tudo o que há no mundo, a concupiscência da carne, a concupiscência dos olhos e a soberba da vida, não vem do Pai, mas sim do mundo." (1Jo. 2:15-16). (3) Você deve ser um homem (mulher) de Deus "Mas tu, ó homem de Deus, foge destas coisas, e segue a justiça, a piedade, a fé, o amor, a constância, a mansidão. Peleja a boa peleja da fé, apodera-te da vida eterna, para a qual foste chamado, tendo já feito boa confissão diante de muitas testemunhas." (1Tm. 6:11-12). (4) Você deve ser fiel na tentação e na prova "são ministros de Cristo? falo como fora de mim, eu ainda mais; em trabalhos muito mais; em prisões muito mais; em açoites sem medida; em perigo de morte muitas vezes; dos judeus cinco vezes recebi quarenta açoites menos um. Três vezes fui açoitado com varas, uma vez fui apedrejado, três vezes sofri naufrágio, uma noite e um dia passei no abismo; em viagens muitas vezes, em perigos de rios, em perigos de salteadores, em perigos dos da minha raça, em perigos dos gentios, em perigos na cidade, em perigos no deserto, em perigos no mar, em perigos entre falsos irmãos; em trabalhos e fadiga, em vigílias muitas vezes, em fome e sede, em jejuns

muitas vezes, em frio e nudez. Além dessas coisas exteriores, há o que diariamente pesa sobre mim, o cuidado de todas as igrejas. Quem enfraquece, que eu também não enfraqueça? Quem se escandaliza, que eu me não abrase? Se é preciso gloriarme, gloriar-me-ei no que diz respeito à minha fraqueza." (2Co. 11:23-30). (5) Você deve fugir das paixões da mocidade "Foge também das paixões da mocidade, e segue a justiça, a fé, o amor, a paz com os que, de coração puro, invocam o Senhor. E rejeita as questões tolas e desassisadas, sabendo que geram contendas;" (2Tm. 2:22-23). (6) Saber que os tempos são perigoso e afastar-se de homens maus. "Sabe, porém, isto, que nos últimos dias sobrevirão tempos penosos; pois os homens serão amantes de si mesmos, gananciosos, presunçosos, soberbos, blasfemos, desobedientes a seus pais, ingratos, ímpios, sem afeição natural, implacáveis, caluniadores, incontinentes, cruéis, inimigos do bem, traidores, atrevidos, orgulhosos, mais amigos dos deleites do que amigos de Deus, tendo aparência de piedade, mas negando-lhe o poder. Afasta-te também desses." (2Tm. 3:1-5).
2.

Tem que ter uma cobertura espiritual, estar debaixo de uma liderança. Não é sair por
8

aí de qualquer jeito, tem que ter compromisso com a igreja local. 3. A Responsabilidade de ter permanentemente a presença de Deus dentro de nós. Muitas vezes a igreja fica técnica. Não se faz ministério sem a presença de Deus. Veja o que Moisés disse ao Senhor em Êxodo 33:12-17. "E Moisés disse ao Senhor: Eis que tu me dizes: Faze subir a este povo; porém não me fazes saber a quem hás de enviar comigo. Disseste também: Conheço-te por teu nome, e achaste graça aos meus olhos. Se eu, pois, tenho achado graça aos teus olhos, rogo-te que agora me mostres os teus caminhos, para que eu te conheça, a fim de que ache graça aos teus olhos; e considera que esta nação é teu povo. Respondeulhe o Senhor: Eu mesmo irei contigo, e eu te darei descanso. Então Moisés lhe disse: Se tu mesmo não fores conosco, não nos faças subir daqui. Como, pois, se saberá agora que tenho achado graça aos teus olhos, eu e o teu povo? acaso não é por andares tu conosco, de modo a sermos separados, eu e o teu povo, de todos os povos que há sobre a face da terra? Ao que disse o Senhor a Moisés: Farei também isto que tens dito; porquanto achaste graça aos meus olhos, e te conheço pelo teu nome." (Êx. 33:12-17). v. 15. Moisés queria dizer: “Senhor, sem tua presença não vou”. A presença de Deus não é opcional para um líder, pois o líder só será ouvido se tiver unção. I Co. 14 Charles Finney falava por 10 minutos, pregava e havia conversão, chegava numa cidade e as pessoas se convertiam. Buscava ao Senhor até sentir a Sua presença. (Oração – Cântico Teus Olhos Dizem Que Eu – Ministração voltada para a consciência da responsabilidade de cada um diante do mundo)
9

TEMA 2 – O que CristoRejeição -Mim 1. Faz em Jesus
O QUE CRISTO FAZ EM MIM Oração voltada para um clamor pela presença de Deus e um cântico que fale de busca e relacionamento com Deus INTRODUÇÃO Texto Is. 53:1-5 Quem deu crédito à nossa pregação? e a quem se manifestou o braço do Senhor? Pois foi crescendo como renovo perante ele, e como raiz que sai duma terra seca; não tinha formosura nem beleza; e quando olhávamos para ele, nenhuma beleza víamos, para que o desejássemos. Era desprezado, e rejeitado dos homens; homem de dores, e experimentado nos sofrimentos; e, como um de quem os homens escondiam o rosto, era desprezado, e não fizemos dele caso algum. Verdadeiramente ele tomou sobre si as nossas enfermidades, e carregou com as nossas dores; e nós o reputávamos por aflito, ferido de Deus, e oprimido. Mas ele foi ferido por causa das nossas transgressões, e esmagado por causa das nossas iniqüidades; o castigo que nos traz a paz estava sobre ele, e pelas suas pisaduras fomos sarados (Is. 53:1-5) Fundo histórico do povo de Israel e da necessidade de cura. (algo bem simples) Antes de sermos canais de cura para outros, antes que Deus nos use, é necessário que deixemos que Ele nos sare. Jo. 3:16 – Jesus foi entregue pelo Pai para que fossemos sarados.

foi oprimido, rejeitado, não aceito.

No ventre da mãe captávamos tudo que ela pensava e sentia, bem como tudo que

ocorria à sua volta; assim também Jesus no ventre de Maria. a) José intentou deixá-la (sentimento de abandono) b) Jesus, no momento do Seu nascimento, para onde teve que ir? Para um local onde colocavam animais; por quê? Porque não havia lugar na hospedaria. O que será que Sua mãe sentiu naquele momento? Rejeição! c) Seus pais tiveram que fugir para o Egito. Ele estava chegando ao mundo e o mundo não o aceitava. Sentimentos de fuga e rejeição! Ele pode compreender a sua rejeição. d) Herodes decretou morte para as crianças por Sua causa, e qual a influência que vinha sobre Ele por causa disso? Tudo à sua volta dizia: Crianças estão morrendo por causa da Sua vinda, sim por Sua causa. (Sentimentos de culpa e acusação). Jesus foi rejeitado, não aceito, e sabe o que você sente. Por isso, pode hoje ajudá-lo, sará-lo, mudar a sua vida. Uma mãe que rejeita o filho e o quer abortar deixa nessa criança uma marca inconscientemente, que a leva a dizer: “Se meus pais não me amam, por que eu os devo amar?” Uma pessoa que nasceu sendo menina mas que os pais queriam um rapaz, terá uma profunda raiz de rejeição. 2. Incompreensão - Escondiam o rosto, para não vê-lO
10

As pessoas não compreenderam a Jesus e terminaram matando-O. Muitos dos discípulos não O compreendiam (abordar a dor de querer ser compreendido e não ser). Temos sonhos, mas muitas vezes os nossos amigos, ao invés de ajudar, não nos compreendem, e não os ouvimos nos falar: Eu te compreendo. Mas, Jesus nos entende e realmente compreende nossas lutas internas. Quantas vezes seu coração quer Deus, você se converteu, mas ao chegar em casa ninguém compreende o que aconteceu com você, com a sua conversão. Heb. 4:15 – Ele sofreu. Jesus sofreu para compreender o que passamos. Quando Ele multiplicava os pães, todos O achavam maravilhoso, quando curava, libertava, operava milagres... mas nos últimos momentos de Sua vida ficou completamente só, ninguém O compreendia (Mt. 26: 36-40). “Então foi Jesus com eles a um lugar chamado Getsêmane, e disse aos discípulos: Sentai-vos aqui, enquanto eu vou ali orar. E levando consigo Pedro e os dois filhos de Zebedeu, começou a entristecer-se e a angustiar-se. Então lhes disse: A minha alma está triste até a morte; ficai aqui e vigiai comigo. E adiantando-se um pouco, prostrou-se com o rosto em terra e orou, dizendo: Meu Pai, se é possível, passa de mim este cálice; todavia, não seja como eu quero, mas como tu queres. Voltando para os discípulos, achou-os dormindo; e disse a Pedro: Assim nem uma hora pudestes vigiar comigo? (MT 26:36-40) Jesus esperava que alguém lhe dissesse: “Ânimo Jesus!” Tudo vai dar certo. Mas, isso não aconteceu. Ele não foi compreendido, teve que enfrentar tudo sozinho. Muitos hoje não choram e estão duros, sem quebrantamento por causa da

infância; muitas vezes chorou quando criança, mas ninguém vinha para saber o porquê. Crescem e dizem: “Para que chorar, ninguém vai me ouvir, ninguém vai me compreender”. E, acabam tornando-se pessoas duras. Quantas vezes há um vazio dentro das pessoas por causa da falta de atenção dos pais, dos familiares, o pai e a mãe não tomaram tempo para estar com o filho e este filho acaba sentindo-se só, trancado dentro de si e vai à igreja e muitos o perguntam: Como vai? E ele superficialmente responde: Vai tudo bem! Mas, isso não é verdade. 3. Humilhação Jesus sofreu humilhação a. Valor diminuído - Jesus teve seu valor diminuído diante das pessoas e, quantas vezes nós também sofremos humilhação. Os pais elogiam todos os filhos e diante dos outros dizem: “Este aqui, não serve para nada.” Ou, quantas vezes fomos humilhados diante dos colegas por não termos algum tipo de roupa. Ou, os pais ficam repetindo: “Você não serve para nada, é um grosso, é o problema da família.” Jesus também foi blasfemado pelo povo, pelos religiosos, pelas autoridades... Quantas vezes uma pessoa quando criança era rebelde por alguma questão familiar e, ao visitar parentes que moravam perto, nem abriam a porta e olhavam pela janela e diziam: Que queres? Ao crescer esta criança, falamos para ela, você será um líder! E, ela pensa: Será? Eu só dei trabalho! b. A vergonha da Falta - Outros foram humilhados por falta de finanças. Jesus sofreu muita humilhação e compreende. 4. Dor Física dores Jesus, varão de

11

A dor nos sentimentos traídos por Seu discípulo, negado por outro (Judas e Pedro). Você já imaginou a dor da traição? Quantos esposos traíram as esposas, trocaram por outras mulheres. Oh, é muito doloroso ter dedicado atenção, amor, carinho, atenção e ver o lar destruído por traição. A dor de perceber alguém com atitudes e até mesmo palavras dizendo: “Você já não serve!” Isto, é terrível. Pessoas como os familiares que deveriam valorizálo, seu pai, sua mãe, etc. e não o fizeram. Pelo contrário, disseram que você é a ovelha negra da família. Isto causa uma dor, um sentimento mau dentro de você, mas Jesus está aqui hoje para arrancar esta dor, este mal. b. A dor física - Jesus também foi golpeado fisicamente. Quantos estão aqui que foram golpeados, maltratados pelos pais ou tiveram que morar com parentes e foram maltratados, apanharam muito, que dor!
a.

isso. Mas, o Seu amor o levou a beber este cálice. Foi por amor, só por amor. Conclusão Olhe hoje para você. Localize seus problemas, Jesus viveu tudo o que você viveu e hoje Ele quer que você Lhe entregue todos os seus sentimento para que Ele o sare. Diga para Ele: “Senhor, isto dói muito, mas quero que me sares.” Ao orar você vai reviver algumas coisas, mas permita que Jesus leve tudo, pois Ele o entende. Clame pela Sua presença, para sarar o seu coração. Não há ninguém que não necessite de cura. Há pessoas aqui que se sentem culpadas pelo passado, mulheres que foram usadas por homens, pessoas que quando criança foram abusadas... Jesus veio ao mundo para salvá-lo e levou todas as coisas à cruz. Líderes que têm visto seus ministérios à morte, Jesus quer fazê-los reviver. Pessoas com sentimentos de inexistência, Jesus quer arrancar isso. * O exemplo do Jovem Rico – Mc. 10:21 - A Bíblia diz que Jesus olhou para ele e o amou, sim, do jeito que era, Jesus o amou. Jesus o ama também e hoje quer fazer algo diferente, curar-lhe do vazio e da solidão. Feche seus olhos e deixe que Ele o olhe e o ame e, com o Seus olhos sobre você hoje, Ele lhe dirá: “Eu creio em você! Eu o amo e cumprirei em você Meu propósito.” (Orar e liberar uma unção de amor, o amor que sara e preenche – Um cântico que fale do amor).

5. Dor e vergonha moral - Tiraram as vestes de Jesus Quantas crianças passaram a vergonha de terem sido violentadas. Jesus também sentiu-se violentado. Violentado em seus sentimentos, violentado no Seu físico, arrancaram Suas vestes. É por isso que pode compreendê-lo. 6. Abandono - Jesus morreu aqui e o Pai não estava com Ele A sensação do abandono. A dor de não ter uma pessoa tão amada por perto num momento de tanta vergonha, dor emocional e física, tanta humilhação, a dor do abandono é terrível e Ele a vivenciou em seu lugar. Simplesmente por amor. Ele não precisava passar por

12

Então, lhe disse TEMA 3 – Os Traumas na Família o SENHOR: Por que andas irado, e por que descaiu o teu semblante? Se procederes bem, não é certo que serás aceito? Se, todavia, procederes mal,

Através da Palavra de Deus observamos famílias que passaram por problemas e que necessitaram do auxílio divino para serem curadas. A família influi e impacta a cada um de nós, influenciando-nos para o bem ou para o mal, no nosso caráter, na nossa personalidade. Precisamos de amor, aceitação e compreensão. Se estes elementos não tiverem presentes teremos famílias traumáticas. DEUS ESTÁ INTERESSADO NA FAMÍLIA. Deus ama a família e quer remover todas as mazelas que tentam destruíla. Malaquias 4:6 – Deus enviará o profeta Elias “Ele converterá o coração dos pais aos filhos e o coração dos filhos a seus pais, para que eu não venha e fira a terra com maldição.” Vamos ver alguns exemplos bíblicos de homens de Deus, mas que em determinado momento da vida foram instrumentos para ferir a vida de seus próprios filhos. Suas preferências e desajustes acabavam por ofender aos seus filhos. 1. A família de Adão. Gn. 4:1-7 Caim e Abel eram diferentes. Caim era lavrador e Abel era pastor de ovelhas. Caim trouxe oferta ao Senhor do fruto da terra. Abel trouxe dos primogênitos das suas ovelhas. E da sua gordura. Gn 4: 5-7 ao passo que de Caim e de sua oferta não se agradou. Irou-se, pois, sobremaneira, Caim, e descaiu-lhe o semblante.

eis que o pecado jaz à porta; o seu desejo será contra ti, mas a ti cumpre dominá-lo. • A terra tinha se tornado maldita por causa da queda. Gn 3: 17 • Caim se irou fortemente (contra Deus e Contra Abel) e se desfigurouse. • Ira → abre a porta para o pecado → desejo é corrompido → vontade enfraquecida → gera a ação 2. A família de Noé. Abençoou Deus a Noé e a seus filhos, e disse-lhes: Frutificai e multiplicai-vos, e enchei a terra.(GN 9:1) O propósito de Deus em abençoar a família. Gn 9: 20-23 Sendo Noé lavrador, passou a plantar uma vinha. Bebendo do vinho, embriagou-se e se pôs nu dentro de sua tenda. Cão, pai de Canaã, vendo a nudez do pai, fê-lo saber, fora, a seus dois irmãos. 3. A família de Abraão. Abraão vai para o Egito e diz que Sara é sua irmã → Gera rejeição em Sara → Sara é rejeitada por Agar → Sara rejeita a Agar → Agar rejeita o filho → Ismael rejeitado → Uma nação inteira rejeitada.
13

Abraão preferiu Isaque → Isaque preferiu Jacó – Jacó preferiu José – José preferiu Manassés. Abraão e Ló tiveram que se apartar. Deus queria levar a Abraão a outro nível espiritual. Ele precisava renovar sua maneira de pensar e não pensar como sua família. E Ló estava ali para puxá-lo para baixo. 4. A família de Jacó. José era o filho da velhice de Jacó e filho da mulher que ele amava. José era preferido por seu pai, o que causava grande ciúme em seus irmãos. Jacó faz uma túnica para José – representava a autoridade e realeza que somente os primogênitos teriam direito de recebê-la. Como meio de vingança por ser amado mais que seus irmãos, estes o venderam a uma caravana que o levou para o Egito. Quando José foi vendido: 1. Trataram-no asperamente. (tirou-lhe a túnica e o lançou no poço) 2. Estava preso num poço por uma noite 3. Refeição - Sentaram-se para comer 4. José é vendido – barulho das moedas 5. Mentira – a túnica manchada de sangue de animal José como Governador do Egito: Ninguém conseguirá tirar o plano de Deus em nossas vidas. A posição de governador não apagou as suas feridas. O tempo e a posição não podem apagar uma ferida na alma. Elas precisam ser curadas. José levava a dor no coração e as feridas de rejeição que ainda carregava consigo. O primeiro filho Manassés foi chamado: “Deus me fez esquecer”. Esquecer de que? Do seu passado e dizia: “Eu me esqueço do que meus irmãos fizeram comigo.” E o segundo filho Efraim: “Deus me fez próspero na

terra da minha aflição”, isto é, “Aqui é o lugar em que eu estou, mas não o lugar onde eu gostaria de estar; eu queria estar na terra do meu Deus e do meu pai.” José levou 20 anos antes de voltar para a casa de seus pais. E neste tempo não os procurou. Quando José se depara com seus irmãos , prepara-se para uma pequena vingança: 1. Tratou seus irmãos asperamente Gn 42: 7 2. Os colocou na prisão por 3 dias 3. O dinheiro é devolvido – Ele lembra do barulho das moedas que seus irmãos receberam na noite em que ele foi vendido. 4. Mentira – Devolve o dinheiro e diz que eles é que roubaram 5. Prepara-lhes uma refeição José só se deixou ser tratado quando fez-se conhecido de seus irmãos. Quando encarou a realidade e enfrentou-a. Deste momento em diante ele chorou intensamente. O choro que estava engasgado há 20 anos. Chorou a dor da sua alma que não chorava há 20 anos. Depois do choro e do perdão ele entrou num processo de cura e aquela ferida foi sarada e ele pode ser canal de Deus para preservar a vida à sua família e abençoá-la . Para sermos sarados precisamos espremer a ferida, expurgar todos esses sentimentos de dor, rejeição, ódio, amargura. José era um homem que Deus usava; Deus sabia falar com José, mas José não sabia falar com seus irmãos. ( os sonhos) Os propósitos de Deus para a família:
14

Deus definiu a família para demonstrar amor – aceitação – compreensão, suprindo assim as necessidades e sentimentos. 2. Premiar sucesso por meio da família. A alegria da família pelas vitórias é importante. Quando enfrentamos problemas e queremos fugir é porque desde pequenos não fomos valorizados nas pequenas e grandes vitórias, daí nos fechamos, pois nunca nos sentimos valorizados, amados, reconhecidos. 3. Deus criou a família para que tivéssemos méritos. Há famílias que só recriminam e nunca dão estímulos. E isto gera a rebeldia. Pais que mentem para seus filhos. A ausência dos pais gera a insegurança. 4. Dar amor através dos pais. A ternura dos pais fala muito. Quando há ausência disto leva a insegurança: Será que sou amado, aceito?” Por que outras crianças tem pai e mãe que buscam suas notas na escola e eu não? Todo o tipo de comparação entre filhos é uma brecha para que sejam geradas dores ou situações constrangedoras. 5. Através da família venhamos a conhecer nossas imperfeições. Muitos pais exigem além do que os seus filhos podem dar, daí surgem as surras não merecidas e consequentemente as feridas são instaladas. Na família não deve haver máscara.
1.

quem alivia o jugo de sobre as suas queixadas e me inclinei para dar-lhes de comer. (OS 11:4) Ministração:

Por que alguém é amado? Porque se deixa amar. Há filhos que se aproximam mais dos pais do que outros. Atraí-os com cordas humanas, com laços de amor; fui para eles como
15

TEMA 4 - Os Traumas dos Sentimentos
presença de Deus, entregando-lhe o coração do jeito que ele está a fim de que seja curado e liberto. "Filho meu, dá-me o teu coração; e deleitem-se os teus olhos nos meus caminhos." (Pv. 23:26).etc.

LEITURAS: A realidade dos traumas: "Pois o inimigo me perseguiu; abateu-me até o chão; fez-me habitar em lugares escuros, como aqueles que morreram há muito." (Sl. 143:3). A promessa de Cura: "Pois te restaurarei a saúde e te sararei as feridas, diz o Senhor; porque te chamaram a repudiada, dizendo: É Sião, à qual já ninguém procura." (Jr. 30:17). O plano perfeito de Deus - "E o próprio Deus de paz vos santifique completamente; e o vosso espírito, e alma e corpo sejam plenamente conservados irrepreensíveis para a vinda de nosso Senhor Jesus Cristo." (1s. 5:23). INTRODUÇÃO Muitos líderes jamais desenvolveram seu potencial por causa dos sentimentos em desarmonia. Outros tantos têm caído por não tratarem dessa área tão sensível de sua vida. Ex. Jimmy Sweggart, Davi, Pedro, etc. Os problemas emocionais são os mais visíveis e mais dolorosos. Uma ferida nas emoções desencadeia uma série de dificuldades que se arrastam pela vida, até que seja alcançada uma cura permanente. Torna-se necessário sondar o coração e localizar as velhas feridas, os velhos traumas que, apesar de terem ocorrido às vezes num passdo tão remoto, são tão vivos hoje e causam toda sorte de dificuldades, impedindo o líder de deslanchar e alcançar seu potencial em Deus. O tempo não cura traumas e feridas. Por esta razão vamos lidar eles na

Um coração ferido é prisioneiro do passado e limita o fluir da unção de Deus. Se alguém deseja ser uma bênção plena na vida de muitos precisa primeiro provar a unção o liberta e cura também na área emocional. não pode extravasar a unção de Deus. Precisamos ser livres no nosso sentimento, para que sejamos uma bênção para outros.” A – ENTENDENDO ESTRUTURA NOSSA

1. Somos uma Tricotomia (1 Ts 5:23) • Somos um espírito – Com ele conhecemos a Deus – Reino espiritual • Possuímos uma alma – com ela conhecemos a nós mesmos – Reino psicológico • Habitamos em um corpo – Com ele conhecemos o mundo físico – Reino material
2.

Somos uma Personalidade. Temos capacidade de pensar, sentir e querer. Em outras palavras, temos • Pensamentos – Uma mente que pensa, raciocina, reflete, analisa • Sentimentos (coração em linguagem popular) – Emoções que expressam sentimentos de alegria, amor, paz, tristeza, saudade, amargura, angústia, etc.
16

Vontade – Poder de decisão, escolha. 3. Definição de Termos • Personalidade: É aquilo que a pessoa é, a expressão dos poderes de sua alma, que a Bíblia chama psiquê. “Caráter ou qualidade do que é pessoal. O elemento estável da conduta de uma pessoa; sua maneira habitual de ser; aquilo que o distingue da outra” (Dicionário de Aurélio). “É o reflexo das nossas heranças paternas, culturais, ambientais, etc. Todo ser humano nasce com uma personalidade, mas esta é altamente influenciada pelo meio. A personalidade é desenvolvida a partir do momento em que o ser humano passa a desenvolver suas tarefas existenciais. É a PERSONA de cada indivíduo.” (Manual de Reencontro do MIR). • Temperamento – Temperamentos são características que estabelecem a maneira de uma pessoa atuar. É algo nato, isto é, nascemos com ele. Nossa personalidade será influenciada por ele Alguns o classificam, em quatro temperamentos básicos: São eles: • Sangüíneo. • Colérico. • Fleumático. • Melancólico. Todos estes temperamentos têm suas qualidades e seus defeitos, seus pontos fortes e outros fracos.

Caráter: respeito

“O caráter diz aos valores

adquiridos, às características adquiridas. Envolve a formação da índole. O caráter é determinado em primeiro lugar pelo aspecto moral, ou seja, por aquilo que consideramos correto ou errado. Se uma pessoa aprova aquilo que definitivamente é errado, então se pode dizer que ela tem um mau caráter. É a soma de todas as qualidades positivas e negativas de uma pessoa. O caráter é manifesto através dos pensamentos, dos sentimentos, das motivações, das atitudes, das ações, e até mesmo da vontade. No grego a palavra “caráter” significa: marca, imagem, selar uma madeira, pedra ou metal. Todo ser humano, a partir do seu nascimento, começa a receber influências do meio em que vive. Essas influências são assimiladas, e com o tempo passam a fazer parte vital do caráter. Esse processo de aprendizagem é feito através de identificações, de imitações, das punições e recompensas. O modo como pensamos hoje é a soma de tudo que foi impresso no nosso caráter.. Podemos conhecer um pouco do caráter de um ser humano através das suas formas de pensar, de seu estilo de vida e da sua conduta (Mt 7:19-23). A vontade de Deus é que tenhamos o caráter de Cristo, a mente de Cristo. O caráter de Deus estava impresso em Jesus (Hb 1:3). ” (Manual de Reencontro do MIR). "Mas todos nós, com rosto descoberto, refletindo como um espelho a glória do Senhor, somos transformados de glória
17

em glória na mesma imagem, como pelo Espírito do Senhor." (2Co. 3:18). "Sendo ele o resplendor da sua glória e a expressa imagem do seu Ser, e sustentando todas as coisas pela palavra do seu poder, havendo ele mesmo feito a purificação dos pecados, assentou-se à direita da Majestade nas alturas," (Hb. 1:3). B - O MUNDO DOS SENTIMENTOS 1. Definição • Sentimento - O dicionário define como: “ato, efeito ou faculdade de sentir; aptidão para receber impressões; sensibilidade; manifestação do que se sente; compreensão; percepção; intuição; sensação interna, amor paixão, etc. São respostas internas a coisas externas que aconteceram a nós e que interiorizamos. Nossos sentimentos têm duas origens:  Nosso mundo interior (temperamento e caráter) e  As experiências do passado. . Estes elementos não podem ser observados separadamente. Em tudo o que fazemos apresentamos estes aspectos simultaneamente. Precisamos saber se estamos feridos nos sentimentos por causa do nosso temperamento e pelas atitudes de nosso caráter ou porque as circunstâncias realmente fizeram de tudo para nos trazer o mal. (MIR)

Trauma - Uma ferida no coração que foi feita de modo rápido e violento, deixando marcas e seqüelas que desequilibram

2. A influência dos Traumas nos Sentimentos. a. Danificam a personalidade. Eles afetam o coração, o intelecto e a vontade. b. Interrompem o crescimento emocional produzindo adultos imaturos. c. As reações diante do presente são determinadas pelas experiências do passado. d. A percepção do tempo presente é distorcida pelas feridas do passado e. Prisão ao passado f. Dificuldade de amar e receber amor g. Timidez e agressividade C - CAUSAS DOS FERIDOS SENTIMENTOS

1. Experiências pré natais: rejeição, tentativa de aborto, enfermidades, violência 2. Insegurança causada na infância por situações traumáticas. Quando a pessoa cresce torna-se acessível a feridas mais profundas 3. Falta de amor na vida: Sem amor a alma é lançada num sofrido vazio. 4. Toda forma de rejeição 5. Quando nós abrimos a porta. Ex. Sansão pôs os olhos em Dalila, ligou-se a alguém pouco confiável e pronta a feri-la. Ele escolheu alguém que o decepcionou. Não fique perto destas pessoas que estão causando dano. Não consinta.
18

6. Palavras que nos são dirigidas e que nos destoem. Ex. Você vai ao Encontro e alguém que você ama diz: Seu fanático. 7. Falta de Proteção - Devemos procurar não ferir as pessoas, Dalila não protegeu os sentimentos de Sansão e, Tudo isso gera timidez e indiferença Juizes 16:20 – Dalila brincou com os sentimentos de Sansão. Sansão perdeu sua visão e, sua tristeza era tão profunda que alimentou sentimentos de vingança, e morreu enterrando consigo o ministério. Quantas pessoas brincaram com os seus, trazendolhe infelicidade? D – ATITUDES QUE PROTEGEM OS SENTIMENTOS 1. Analisar nossos sentimentos – O que nos leva a dizer a alguém: “Você me feriu, me machucou. Isto é uma revanche ou é uma busca de cura? Nem sempre sabemos, pois nossos sentimentos, às vezes, estão confusos. “Se o nosso coração estiver na mão do Senhor, os nossos sentimentos estarão ajustados e a nossa personalidade refletirá um caráter controlado pelo Espírito Santo. Deus diz: “Filho meu, dá-me o teu coração...” (Pv. 23:26) Quando os nossos sentimentos estão presos, geralmente mascaramos algumas situações. Há muitas pessoas que usam máscaras e se escondem: colocam culpas sobre si ou nos outros e escondem-se” (MIR)

2. Confrontar Sentimentos

nossos

“Quando é que as máscaras são removidas e nossos sentimentos são tratados? Quando somos confrontados. É aí que podemos começar a experimentar a cura do nosso coração. Davi foi confrontado por Natã e Saul por Samuel. Pedro foi confrontado por Jesus, e isto para que fosse curado no seu caráter” (MIR) 3. Guardar Sentimentos • os Nossos

• •

“Nosso coração é um tesouro que foi preparado para reter a Palavra de Deus “Guardo no coração as tuas palavras, para não pecar contra ti”. (Sl. 119:11). Quando Davi não guardou o seu coração, nem guardou a Palavra no seu coração, , ficou vulnerável. Sendo tentado, gerou pecado de adultério e esse acabou terminando em um homicídio. Precisamos cuidar do que ouvimos e vemos. Nossa mente é como um prédio em construção. Leva-se muito tempo para construir, mas através da implosão, em poucos segundos tudo é destruído. Podemos imaginar o quanto já fomos prejudicados pelo que vimos e ouvimos, por quantas implosões nossa mente já passou. Não envolver os sentimentos com jugo desigual Recomendações importantes para que tenhamos cuidado, quanto ao caminho que trilhamos. "Jesus, prosseguindo, disse:
19

Um homem descia de Jerusalém a Jericó, e caiu nas mãos de salteadores, os quais o despojaram e espancando-o, se retiraram, deixando-o meio morto. Casualmente, descia pelo mesmo caminho certo sacerdote; e vendo-o, passou de largo. De igual modo também um levita chegou àquele lugar, viu-o, e passou de largo. Mas um samaritano, que ia de viagem, chegou perto dele e, vendo-o, encheuse de compaixão; e aproximando-se, atou-lhe as feridas, deitando nelas azeite e vinho; e pondo-o sobre a sua cavalgadura, levou-o para uma estalagem e cuidou dele. No dia seguinte tirou dois denários, deu-os ao hospedeiro e disse-lhe: Cuida dele; e tudo o que gastares a mais, eu to pagarei quando voltar." (Lc. 10:30-35). “Jesus relatou a história do bom samaritano que foi atacado no caminho. Por que este homem foi ferido? Por causa do caminho que seguia. Os ataques vêm por causa dos caminhos que escolhemos. Nossa alma é traumatizada quando andamos por caminhos errados. Nosso caminho tem que ser seguro e nele não pode existir comprometimentos. Que coisas podem comprometer? As seduções da carne (ânsia pelo prazer carnal). As atitudes indevidas. O descontrole do nosso temperamento (falta de paciência, ira, rancor, etc.). Os sentimentos negativos alimentados. As mágoas. A falta de perdão.

O ódio no coração. A insatisfação no ministério.” (MIR) E - PASSOS PARA A CURA
1.

2.

3.

4.

5. 6. 7. 8.
9.

Vontade - Querer ser sarado completamente e Reivindicar as promessas Localizar o problema - Pedir ao Espirito Santo que traga à memória onde os sentimentos foram danificados Ser sincero – Diga, expresse para Deus tudo o que está reprimido e que você nunca disse para ninguém, mas que está acumulado. Renunciar a esta dor e perdoar Entregar toda ferida a Jesus Aceitar o fato de que é amado Encontrar sua identidade em Cristo Aceitar-se a si mesmo Pedir ao Espirito Santo que venha como o bom samaritano para curar. Clame por libertação e receba a cura. Talvez você esteja tão arrasado que não consiga ver, localizar a dor profunda, mas o Espírito Santo a vê.

CONCLUSÃO - Uma palavra de advertência Sansão tinha tudo para ter um ministério glorioso, mas abriu o coração para a pessoa errada. Se você se envolve com a pessoa errada, perde o ministério, é tão ferido e morre por dentro. Seja radical com isso e não se envolva com a pessoa errada, é preferível romper com a pessoa errada do que ferir o coração de Deus e perder o chamado.

20

Para não sair da vontade de Deus, envolva-se primeiro com Ele, enamorese dEle e Ele lhe dará a pessoa certa. Satanás está trabalhando para levar líderes a queda, por tanto é necessário também que esposos e esposas cultivem um bom relacionamento “Precisamos aprender como nos livrar dos traumas. Todos os traumas nos levam a mendigar ou a recusar favores, amores, etc. Tantos mendigam nos bares, nos motéis, nas drogas, etc. Deus não quer que seus filhos vivam mendigando. Às vezes mendigamos prazer num filme pornográfico ou de violência. Mendigamos atenção em conversas tolas que despertam sensualidade. Os nossos sentimentos mais profundos não podem ser negociados. Vamos pedir que o Senhor tome os nossos sentimentos e que guarde o nosso coração. O que não serve para a nossa vida não pode nos amarrar. As mágoas destróem nosso ser e nossa vida ministerial, mas hoje Deus quer remover nossas dores e nos dar um novo coração. Ele nos dará um novo coração para que vivamos melhor, respiremos melhor, e, assim, possamos dar mais e melhores frutos. Deus nos dará um coração idôneo, autêntico e preparado. (Ez. 11:19) Oração – Pacto de fidelidade entre os casados. Oração pelos solteiros para que não se equivoquem e recebam a pessoa certa.

21

TEMA 5 – Auto-Imagem e Auto-Estima o anjo do Senhor e lhe disse: O
(Provérbios 23:7) - Porque, como ele pensa consigo mesmo, assim é. “Como imaginou em sua alma, assim é...” INTRODUÇÃO Quem sou eu? Qual o meu valor? A resposta a essas perguntas depende do nosso conceito pessoal, que é chamado de AUTO-ESQUEMA. A. COMPREENDENDO CONCEITOS 1. AUTO-IMAGEM OU AUTOCONCEITO – Que é auto imagem? É o conceito que tenho de mim mesmo, que vai sendo formado desde o ventre materno. Minha autoavaliação de minha aparência e capacidades físicas. O que penso, o que sinto a meu respeito. Minha atitude para comigo. 2. AUTO-ESTIMA Minha avaliação pessoal. Qual o meu valor. Pense em três qualidades positivas e três negativas que você tem. Quais vieram primeiro? Pesquisa demonstra que 95% das pessoas se sentem inferiores. Por que? Tu és o que tu vês e tu tens o que tu dizes. 3. EXEMPLOS BÍBLICOS a. Gideão • Vítima da circunstâncias (JZ 6:11) - Então o anjo do Senhor veio... Gideão estava malhando o trigo no lagar para o esconder dos midianitas. • Uma mensagem positiva (JZ 6:12) - Apareceu-lhe então nos sobreveio? e onde estão todas as suas maravilhas que nossos pais nos contaram, dizendo: Não nos fez o Senhor subir do Egito? Agora, porém, o Senhor nos desamparou, e nos entregou na mão de Midiã. (JZ 6:14) - Virou-se o Senhor para ele e lhe disse: Vai nesta tua força, e livra a Israel da mão de Midiã; porventura não te envio eu? • Complexo de inferioridade (JZ 6:15) - Replicou-lhe Gideão: Ai, senhor meu, com que livrarei a Israel? eis que a minha família é a mais pobre em Manassés, e eu o menor na casa de meu pai. • A Promessa (JZ 6:16) Tornou-lhe o Senhor: Porquanto eu hei de ser contigo, tu ferirás aos midianitas como a um só homem. Insegurança (JZ 6:17) - Prosseguiu Gideão: Se agora tenho achado graça aos teus olhos, dá-me um sinal de que és tu que falas comigo. • Medo da presença de Deus - (JZ 6:22) - Vendo Gideão que era o anjo do Senhor, disse: Ai de mim, Senhor Deus! pois eu vi o anjo do Senhor face a face. • A paz que brota da cura - JZ 6:23) - Porém o Senhor lhe
22 •

Senhor é contigo, ó homem valoroso. A cegueira - (JZ 6:13) Gideão lhe respondeu: Ai, senhor meu, se o Senhor é conosco, por que tudo

disse: Paz seja contigo, não temas; não morrerás. (JZ 6:24) - Então Gideão edificou ali um altar ao Senhor, e lhe chamou JeováSalom; e ainda até o dia de hoje está o altar em Ofra dos abiezritas. b. Moisés

Notícia alvissareira - (ÊX 3:7) - Então disse o Senhor(Jeová mesmo, o Grande Eu SOU O QUE SOU): Com efeito tenho visto a aflição do meu povo, que está no Egito, e tenho ouvido o seu clamor por causa dos seus exatores, porque conheço os seus sofrimentos; Mensagem de esperança (ÊX 3:8) - e desci para o livrar da mão dos egípcios, e para o fazer subir daquela terra para uma terra boa e espaçosa, para uma terra que mana leite e mel... O chamado (ÊX 3:10) Agora, pois, vem e eu te enviarei a Faraó, para que tires do Egito o meu povo, os filhos de Israel. Complexo de inferioridade – CRISE DE IDENTIDADE (ÊX 3:11) - Então Moisés disse a Deus: Quem sou eu, para que vá a Faraó e tire do Egito os filhos de Israel? Promessa (ÊX 3:12) Respondeu-lhe Deus: Certamente eu serei contigo; e isto te será por sinal de que eu te enviei: Quando houveres tirado do Egito o meu povo, servireis a Deus neste monte. Auto-imagem negativa – CRISE DE CREDIBILIDADE (ÊX 4:1) - Então respondeu Moisés: Mas eis que não me

crerão, nem ouvirão a minha voz, pois dirão: O Senhor não te apareceu. • Mudando a visão (ÊX 4:2) Ao que lhe perguntou o Senhor: Que é isso na tua mão? Disse Moisés: Uma vara. (ÊX 4:3) - Ordenou-lhe o Senhor: Lança-a no chão. Ele a lançou no chão, e ela se tornou em cobra; e Moisés fugiu dela. (ÊX 4:4) - Então disse o Senhor a Moisés: Estende a mão e pegalhe pela cauda (estendeu ele a mão e lhe pegou, e ela se tornou em vara na sua mão); (ÊX 4:5) - para que eles creiam que te apareceu o Senhor, o Deus de seus pais, o Deus de Abraão, o Deus de Isaque e o Deus de Jacó. (ÊX 4:6) - Disse-lhe mais o Senhor: Mete agora a mão no seio. E meteu a mão no seio. E quando a tirou, eis que a mão estava leprosa, branca como a neve. (ÊX 4:7) - Disse-lhe ainda: Torna a meter a mão no seio. (E tornou a meter a mão no seio; depois tirou-a do seio, e eis que se tornara como o restante da sua carne.) (ÊX 4:8) - E sucederá que, se eles não te crerem, nem atentarem para o primeiro sinal, crerão ao segundo sinal. (ÊX 4:9) - E se ainda não crerem a estes dois sinais, nem ouvirem a tua voz, então tomarás da água do rio, e a derramarás sobre a terra seca; e a água que tomares do rio tornar-se-á em sangue sobre a terra seca. • Auto-imagem baixa – CRISE DE HABILIDADE (ÊX 4:10) Então disse Moisés ao Senhor: Ah, Senhor! eu não sou eloqüente, nem o fui dantes, nem ainda depois que falaste ao teu servo; porque sou
23

pesado de boca e pesado de língua. • O Deus que chama capacita (ÊX 4:11) - Ao que lhe replicou o Senhor: Quem faz a boca do homem? ou quem faz o mudo, ou o surdo, ou o que vê, ou o cego? Não sou eu, o Senhor? (ÊX 4:12) - Vai, pois, agora, e eu serei com a tua boca e te ensinarei o que hás de falar. • Passividade da vontade gera indisponibiliade – CRISE DE DISPONIBILIDADE (ÊX 4:13) - Ele, porém, respondeu: Ah, Senhor! envia, peço-te, por mão daquele a quem tu hás de enviar. • Enfrentando a ira de Deus (ÊX 4:14) - Então se acendeu contra Moisés a ira do Senhor, e disse ele: Não é Arão, o levita, teu irmão? eu sei que ele pode falar bem. Eis que ele também te sai ao encontro, e vendo-te, se alegrará em seu coração. (ÊX 4:15) - Tu, pois, lhe falarás, e porás as palavras na sua boca; e eu serei com a tua boca e com a dele, e vos ensinarei o que haveis de fazer. (ÊX 4:16) - E ele falará por ti ao povo; assim ele te será por boca, e tu lhe serás por Deus.
c. •

Anaque. Os amalequitas habitam na terra do Negebe; os heteus, os jebuseus e os amorreus habitam nas montanhas; e os cananeus habitam junto do mar, e ao longo do rio Jordão. Visão adequada da circunstância - Então Calebe, fazendo calar o povo perante Moisés, disse: Subamos animosamente, e apoderemonos dela; porque bem poderemos prevalecer contra ela. Auto-imagem negativa Disseram, porém, os homens que subiram com ele: Não poderemos subir contra aquele povo, porque é mais forte do que nós. Assim, perante os filhos de Israel infamaram a terra que haviam espiado, dizendo: A terra, pela qual passamos para espiá-la, é terra que devora os seus habitantes; e todo o povo que vimos nela são homens de grande estatura. Também vimos ali os nefilins, isto é, os filhos de Anaque, que são descendentes dos nefilins; éramos aos nossos olhos como gafanhotos; e assim também éramos aos seus olhos.

Os espias – Números 13:28Comprovam a veracidade da promessa - E, dando conta a Moisés, disseram: Fomos à terra a que nos enviaste. Ela, em verdade, mana leite e mel; e este é o seu fruto. Mudança de foco - Contudo o povo que habita nessa terra é poderoso, e as cidades são fortificadas e mui grandes. Vimos também ali os filhos de Dano causado por uma liderança de auto-estima e auto-imagem negativa:

Desespero - (NM 14:1) - Então toda a congregação levantou a voz e gritou; e o povo chorou naquela noite. Murmuração (NM 14:2) - E todos os filhos de Israel murmuraram contra Moisés e Arão; Desânimo - e toda a congregação lhes disse: Antes tivéssemos
24

morrido na terra do Egito, ou tivéssemos morrido neste deserto! • Incredulidade e revolta contra Deus (NM 14:3) - Por que nos traz o Senhor a esta terra para cairmos à espada? Nossas mulheres e nossos pequeninos serão por presa. Não nos seria melhor voltarmos para o Egito? • Rebelião -(NM 14:4) - E diziam uns aos outros: Constituamos um por chefe e voltemos para o Egito. (NM 14:5) - Então Moisés e Arão caíram com os rostos por terra perante toda a assembléia da congregação dos filhos de Israel. (NM 14:6) - E Josué, filho de Num, e Calebe, filho de Jefoné, que eram dos que espiaram a terra, rasgaram as suas vestes; (NM 14:7) - e falaram a toda a congregação dos filhos de Israel, dizendo: A terra, pela qual passamos para a espiar, é terra muitíssimo boa. (NM 14:8) - Se o Senhor se agradar de nós, então nos introduzirá nesta terra e no-la dará; terra que mana leite e mel. (NM 14:9) - Tão somente não sejais rebeldes contra o Senhor, e não temais o povo desta terra, porquanto são eles nosso pão. Retirou-se deles a sua defesa, e o Senhor está conosco; não os temais. (NM 14:10) - Mas toda a congregação disse que fossem apedrejados. Nisso a glória do Senhor apareceu na tenda da revelação a todos os filhos de Israel. • Colheita de sua própria visão e confissão (NM 14:11) - Disse então o Senhor a Moisés: Até quando me desprezará este povo? e até quando não crerá em mim, apesar de todos os sinais que tenho feito no meio dele? (NM 14:12) - Com pestilência o ferirei, e o rejeitarei; e farei de ti uma nação maior e mais forte do que ele.

(NM 14:21) - tão certo, porém, como eu vivo, e como a glória do Senhor encherá toda a terra, (NM 14:22) - nenhum de todos os homens que viram a minha glória e os sinais que fiz no Egito e no deserto, e todavia me tentaram estas dez vezes, não obedecendo à minha voz, (NM 14:23) - nenhum deles verá a terra que com juramento prometi a seus pais; nenhum daqueles que me desprezaram a verá. (NM 14:27) - Até quando sofrerei esta má congregação, que murmura contra mim? tenho ouvido as murmurações dos filhos de Israel, que eles fazem contra mim. (NM 14:28) - Dize-lhes: Pela minha vida, diz o Senhor, certamente conforme o que vos ouvi falar, assim vos hei de fazer: (NM 14:29) - neste deserto cairão os vossos cadáveres; nenhum de todos vós que fostes contados, segundo toda a vossa conta, de vinte anos para cima, que contra mim murmurastes, (NM 14:30) - certamente nenhum de vós entrará na terra a respeito da qual jurei que vos faria habitar nela, salvo Calebe, filho de Jefoné, e Josué, filho de Num. (NM 14:31) - Mas aos vossos pequeninos, dos quais dissestes que seriam por presa, a estes introduzirei na terra, e eles conhecerão a terra que vós rejeitastes. (NM 14:32) - Quanto a vós, porém, os vossos cadáveres cairão neste deserto; (NM 14:33) - e vossos filhos serão pastores no deserto quarenta anos, e levarão sobre si as vossas infidelidades, até que os vossos cadáveres se consumam neste deserto. (NM 14:34) - Segundo o número dos dias em que espiastes a terra, a saber, quarenta dias, levareis sobre vós as vossas iniqüidades por quarenta anos, um ano por um dia, e conhecereis a minha oposição.
25

(NM 14:35) - Eu, o Senhor, tenho falado; certamente assim o farei a toda esta má congregação, aos que se sublevaram contra mim; neste deserto se consumirão, e aqui morrerão. (NM 14:36) - Ora, quanto aos homens que Moisés mandara a espiar a terra e que, voltando, fizeram murmurar toda a congregação contra ele, infamando a terra, (NM 14:37) - aqueles mesmos homens que infamaram a terra morreram de praga perante o Senhor. B – FONTES DA AUTO-IMAGEM 1. Relacionamento Defeituoso entre Pais e Filhos 2. Pensamentos Infundados 3. Influências da Sociedade 4. Expectativas irrealistas 5. O pecado 6. Interpretações erradas do ensino bíblico C – OS EFEITOS DA BAIXA AUTO-ESTIMA D – COMO LEVANTAR A AUTO-IMAGEM E AUTO-ESTIMA Os auto-conceitos negativos, que nos levam a comparar-nos com os outros e nos escravizam com complexos de inferioridade, esquecidos de nossa identidade em Cristo, levam-nos ao pecado da insatisfação e busca de encarnar a identidade de outra pessoa em vez de desenvolver o potencial de Deus em nós. Somos o produto da visão que alimentamos de nós mesmos. Qual a fonte que alimenta a visão que você faz de si mesmo? (1)Se for o eu, você se tornará orgulhoso, prepotente, vaidoso, soberbo. (2)Se for os conceitos que outros revelam ao seu respeito você se

tornará um joguete manipulado pelas opiniões alheias (3)Se forem as memórias de experiências negativas você será um escravo do passado e nunca desenvolverá seu potencial (4) Se for o que você é em Cristo entrará num processo de desenvolvimento de tudo quanto Deus projetou que você fosse em Cristo. E Ele diz a seu respeito: (GN 12:2) - Eu farei de ti uma grande nação; abençoar-te-ei, e engrandecerei o teu nome; e tu, sê uma bênção. • Deus disse: Sai-te da tua terra, da tua parentela, e da casa de teu pai, - ROMPE COM O PASSADO QUE TE SEPARA DO MEU PROJETO PARA TI • para a terra que eu te mostrarei. – ENTRA NA AVENTURA DO CAMINHO DA FÉ • Eu farei de ti uma grande nação; ENTRA NO CAMINHO DA MULTIPLICAÇÃO • abençoar-te-ei,; e tu. – ENTRA NO CAMINHO DA PROSPERIDADE • e engrandecerei o teu nome – ENTRA NA COMPAHIA DOS NOBRES • sê uma bênção – MARCA TUA GERAÇÃO • Abençoarei aos que te abençoarem, - ENTRA NO ESPÍRITO DA ALIANÇA • e amaldiçoarei àquele que te amaldiçoar; - IGNORA OS ADVERSÁRIOS • e em ti serão benditas todas as famílias da terra. – TOCA AS FUTURAS GERAÇÕES Abraão creu em Deus e isso lhe foi imputado como justiça (Rm. 4:3) (HB 11:8) - Pela fé Abraão, sendo chamado, obedeceu, saindo para um lugar que havia de receber por herança; e saiu, sem saber para onde ia.
26

(HB 11:9) - Pela fé peregrinou na terra da promessa, como em terra alheia, habitando em tendas com Isaque e Jacó, herdeiros com ele da mesma promessa; (HB 11:10) - porque esperava a cidade que tem os fundamentos, da qual o arquiteto e edificador é Deus . A BASE DE NOSSA AUTO-IMAGEM E AUTO-ESTIMA ESTÁ EM CRISTO.

27

TEMA 6 - Os Temperamentos 2. Melancólico
Texto: Cl. 3:13 INTRODUÇÃO Muitos não aceitam outras pessoas com temperamentos diferentes. A Bíblia fala de amor! Temperamentos são características que estabelecem a maneira de uma pessoa atuar. Nos temperamentos devemos melhorar as áreas fortes e fortalecer (restaurar) as fracas. Como cristão devo procurar ser o melhor principalmente se estiver em posição de liderança. Gostamos de elogios, mas não gostamos de confrontos com nossas debilidades e é o que Deus fará hoje. Não se esconda atrás da desculpa “eu nasci assim”. Nenhum temperamento é melhor que outro. Existem 4 tipos e todos têm qualidades e debilidades. 1. Sangüíneo Brinca, salta, não para, bate o pé, não fica quieto, é conversador, tem muito carisma, aonde chega grita: Estou aqui, sempre faz algo para anunciar que chegou. Debilidades do Sangüíneo É pouco confiável. Pedro era sangüíneo. “Sabe Jesus, darei a minha vida por Ti”. Pouco depois o nega. O sangüíneo fala muito. b. Inconstante. O sangüíneo é assim, Pedro lançou-se no mar e depois vacilou. O sangüíneo atua por emoções. c. Egocêntrico Quer ser o centro das atenções em tudo d. Impulsivo Atira-se sem pensar muitas vezes nas conseqüências.
a.

Chora por tudo e faz uma tempestade num copo de água, pois é muito sensível. Se é elogiado, chora, se não é elogiado, chora. Expressa todos os sentimentos. Reprime-se por qualquer coisa. Para o melancólico 100% é pouco, pois ele é detalhista e perfeccionista. Muito perfeccionista. É uma pessoa negativa, porém faz as coisas muito bem. Sempre planeja. Sempre tem métodos para agir e chegar a algum lugar. Dedica-se a tudo que faz. Debilidades do Melancólico Duro consigo mesmo. Ele mesmo se castiga. Jeremias era um profeta chorão. Moisés é outro exemplo de melancolismo, gostava de detalhes, e Deus lhe delegou algo bem detalhista. Moisés o fez “conforme o Senhor havia ordenado”. 2. Indeciso Tem dificuldades de decidir, pois quer a perfeição.
1.

3. Colérico Pessoa determinada, pensa e toma decisões, é independente, é prático. É feliz com tudo que funciona. É otimista. Perseverante. Ele crê muito nele mesmo, em sua capacidade. É muito independente. Debilidades do Colérico Pessoa cruel Dura, tem coração de pedra, insensível, dominante (faça o que eu mando). 2. Auto-suficiente Acha que pode tudo. Não demonstra o que sente, dá um de forte, diz que sabe tudo 3. Orgulhoso
1. 28

Paulo era colérico. 4. Fleumático É tranqüilo, suave, diplomático, caminha sossegado. Não se esquenta com nada. Debilidades do Fleumático Medo Teme empreender coisas, é espectador. 2. Carente de Motivações Espera estímulos externos Abraão era fleumático – Sara não podia ter filhos e ele pensava: que posso fazer? Deus o mandou sair e ele o fez de modo bem tranqüilo.
1.

Conclusões: Os temperamentos são diferentes. Mas não importa, temos que aprender a amar a todos e buscar de Deus o equilíbrio, buscando o caráter de Cristo. Nenhum temperamento é melhor do que o outro: O Sangüíneo – Pedro foi tremendo transformado pelo Espírito Santo. Pôde ser grandemente usado por Deus. O Melancólico – Planeja tudo O Colérico - Pega o plano e atira-se nele O Fleumático – É pacificador Uso da lista para descobrir o seu temperamento, rejeitar as debilidades e clamar ao Senhor para aperfeiçoar os pontos fortes e busca de aceitação de outras pessoas independente do temperamento.

29

TEMA 7 - O que Cristo Fez por Mim cabeça. Recebeu uma coroa na
INTRODUÇÃO Jo. 15:13 – Fala do amor de Deus por mim. Jo. 19:30 – Tudo está consumado. Mt. 26:36-38 Você pode imaginar a angústia do Filho de Deus ao receber os nossos pecados; pecados que Ele não cometeu, nem sequer eram conseqüências de algo que Ele fizera. Suou gotas de sangue, tudo por nossos pecados. Mt. 26:40-42 – A angústia de Jesus foi tão profunda, mas os discípulos não estavam compreendendo o quanto Lhe custaria a Jesus os nossos pecados. Ele sabia tudo que iria passar, ser crucificado, ferido, etc. E, até hoje, nós muitas vezes estamos como os discípulos, pois hoje quando pecamos ou permitimos sentimentos contrários à Palavra, novamente estamos crucificando-O. Todas as vezes que nós consentimos o pecado em nossas vidas, estamos crucificando-O novamente. Você pode compreender a profundidade disto? 1. Jesus Sentiu Tristeza e Angústia pelo Nosso Pecado – Dor Emocional Mt. 26:66 Quanta humilhação! Ele era Deus, mas quanta humilhação. Jesus suportou golpes em nosso lugar, e permaneceu em silêncio. 2. Jesus sofreu fisicamente em seu lugar – Dor Física Quando alguém lhe bate fisicamente, Jesus sofre em seu lugar. Ao ser maltratado estava sofrendo a violência que estava sentenciada para nós. Jesus guardou silêncio. Ele tomara nosso lugar.

A parte mais sensível do nosso corpo é o couro cabeludo. Quando batemos a cabeça em algum lugar, como dói.

Imagine a dor de Jesus com uma coroa de espinhos, e ainda bateram em Sua cabeça com um pedaço de pau. Açoitaram a Jesus. Imagine uma cabeça com uma coroa de espinhos levando pauladas. A cabeça de Jesus deve ter inchado muito. Que dor! Como se não bastasse, caçoavam dEle. E, quantos açoites. No mundo existem 39 enfermidades, as demais são conseqüências delas. Ele sofreu cada uma delas, para nos deixar livres. Mas, Jesus guardou silêncio para que você não mais vivesse com enfermidades. 3. Ele levou as nossas maldições – Dor Física/ Espiritual Colocaram-nO numa cruz. Imagine-O com as costas machucadas com tantos açoites, e ter ainda que colocá-la nas costas, a dor era tão profunda que na caminhada para a crucificação caía. Ele já não agüentava. Suas costas eram uma chaga só. E Ele estava indo em silêncio, pois estava tomando todas as nossas maldições. 4. Arrancaram Suas vestes – Dor Moral. A dor da Vergonha Suas vestes, suas roupas, estavam grudadas em Seus ferimentos e para desprendê-las do corpo só com anestesia, mas arrancaram-nas. Que dor! Ele estava em silêncio. Não era só dor que Ele sentia, mas com a pureza que tinha, ter que ficar quase nu diante de Sua mãe, diante de Seus discípulos... Que vergonha! Naquele momento Ele estava levando a dor dos nossos pecados sexuais, nossos pensamentos impuros.
30

5. Cravaram pregos em Suas mãos e em Seus pés Cada martelada eram as minhas rebeldias, meus pecados, minhas mentiras, minhas dores. Fizeram-no sem compaixão, foram tantas as marteladas. Que dor! 6. A Cruz sendo levantada Depois das marteladas, levantaram-no na cruz e, ao levantá-la, todo o peso da humilhação caiu sobre Ele. Ele simplesmente falou: “Pai, está consumado”... Sabe o que isso significa? “Sabe Pai, por eles, por amor a eles valeu a pena. Foi por amor, Pai, tudo isso por amor.” Estas palavras tão tremendas fizeram toda diferença: “Pai, está consumado! Pai eu estou indo hoje.” O pior é que foi você, o seu pecado que está traspassando e martelando Jesus. Ministração: Levar as pessoas a estarem diante da cruz e verem-se lá na cruz. (Música do sobre a cruz.) Eu e você merecíamos a morte, a ruína, a enfermidade, a morte estava contra nós, mas Jesus se deixou açoitar, Seus sangue foi derramado gota a gota pelo nosso pecado e agora rejeite todo o pecado, renuncie todo o pecado. Jesus preferiu morrer por você do que viver sem você!! Que sacrifício por você! Balança seus braços, seus pés e comece a lançar fora tudo que não presta.

31

TEMA 8 - Reino Espiritual
2 Reis 6:14 A. Que é o mundo? O mundo que não se percebe fisicamente, é o que percebemos espiritualmente. Eliseu teve que perceber espiritualmente. Deve-se compreender duas coisas no campo de batalha. O espiritual - Onde primeiro se conquista as coisas. Nesta atmosfera há duas equipes. 2. O Físico – A manifestação, o visível.
1.

(2)Potestades – são menores – dominam somente uma região (3)Dominadores da terra do mundo tenebroso– controlam situações, coisas ainda menores (4)Forças espirituais do mal – atuam nas famílias, destacados para destruir

(5)Espíritos de legiões – soldados comuns – Mc. 4:15 – Uma legião corresponde a 6.000 demônios 2. Deus – O Senhor dos senhores O Reino de Deus a) Pai, Filho e Espírito Santo Pai – Todo-Poderoso Jesus – Alfa, Ômega, Redentor, Salvador Deus é Todo-Presente, TodoPoderoso, Sabedor de todas as coisas b) Arcanjo – Anjo principal que executa ordem de Deus. Lc. 1:19 O arcanjo Miguel, Satanás tem muito ódio dele, pois ele (Miguel) gosta de guerra. c) Serafins – Is. 6:2 São adoradores independentemente das circunstâncias, proclamam a glória de Deus. Por isso, temos que ser adoradores. d) Querubins – Anjos guardiões – Cuidam da Presença de Deus Êx. 10:21,22 e) Anjos – Há uma quantidade tremenda, são servidores de Deus e nos guardam, nos defendem, nos guardam, mas não revelam nada, são mensageiros, a pregação é por nossa conta. Salmo 34:7

B. Há dois exércitos no Reino Espiritual (Ef. 6:12)
1.

A Embaixada de Satanás (pai da mentira, orgulhoso, rebelde, etc.). Ele tinha um grande privilégio, mas desejou ser Deus e jamais conseguiu. Acabou perdendo a presença do Senhor. Era um querubim bonito, cheio de luz, mas queria o louvor para si. Tinha domínio sobre a música. Estava bem perto de Deus e quis ser Deus, por isso a rebeldia entrou em seu coração, pois não quis sujeitar-se a Deus. Não quis dar glória a Deus. a. Satanás – O derrotado Três Defeitos de Satanás Não é todo-poderoso Não é presente em todo lugar Não sabe tudo Por não ter estas qualidades de Deus é limitado. b. Hierarquia de Satanás (1)Principados – estrelas das nações – Dn. 10:13

32

Eles não tem sexo. Estão no mundo espiritual e devemos pedir a Deus para enviá-los. Conclusão: Não existe um campo neutro, eu tenho que tomar minha posição no reino de Deus. Tomar também a posição adoração juntamente com os Serafins. Há uma guerra e devemos decidir de que campo somos. Nota: Consultar cap. 8 de Personalidades Restauradas (Valnice Milhomens) – Enfrentando o Inimigo

33

TEMA 9- A Armadura
Apoc. 12:17 Ef. 6:10-17 Há uma guerra, e devemos estar preparados para enfrentá-la na nossa vida diária, todos os dias temos que nos apropriar do que é de Deus para vencer no dia mau Ef. 6:10-17  v. 10 – Jesus é a minha força. O Espírito Santo é o Poder da minha força. Ex: Davi – Não temeu Golias, mas o enfrentou em nome de Jeová Sabaot. Pense na autoridade: Há um guarda na rua, não há força física, mas usa da autoridade que recebeu. Hoje você vai saber quem você é. Você tem autoridade de Deus, você tem o Espírito Santo  v. 11 – Leia Rm. 13:12 – Vista-se das armas da luz. Para que nos vestimos? Para estarmos firmes. Eu sei que Satanás está querendo destrui-lo, pois no seu dicionário, não há a palavra misericórdia e você hoje deve riscar do seu dicionário está palavra em relação ao Diabo. Quando Satanás o provoca, está provocando a Deus. Vista-se, pois, das armas da luz que Deus lhe dá. Satanás tem um terço dos anjos, mas nós temos dois terços (I Pe. 5:7) – Satanás quer embotar a nossa mente para que não entendamos quem somos. Não podemos tirar férias.

Cinco defensivas e uma ofensiva (você vai atacar).

ARMADURA:

1.

Verdade – Quando nos apropriamos da verdade de Deus rejeitamos toda a maldade. Jesus é a verdade, o cinturão é Cristo mesmo. Esta arma guarda muito a parte sexual. Couraça da Justiça pulmão. Pv. 4:23 – Peito e

2.

3.

Sapatos do Evangelho da Paz – Disposição para levar o Evangelho – Rm 10:14. Andai no Espírito... Escudo da Fé – Representa a proteção – O inimigo envia dardos e muitas vezes o líder crê nestes dardos. Rm. 10:17 – Tudo é possível ao que crê. Ao ir crendo o escudo vai se tornando forte. Capacete da Salvação – Fp. 4 – Tudo que é verdadeiro..., tens a mente de Cristo. Vença o ataque na mente. O Diabo trabalha para conquistar a mente, é uma verdadeira batalha, e na mente você deve vencer. A Espada do Espírito – A poder na Palavra – Jesus foi tentado e se defendeu com a Palavra. Esta é uma arma poderosa para atacar. O líder deve conhecer a Palavra para poder se defender.

4.

5.

6.

V. 13 – Tomai toda a armadura – Quando você decide ser um guerreiro, você será firmado na Rocha e na Rocha estará firme, aí, neste lugar, Satanás tem medo. V. 14 – Há 6 armas para nós batalharmos como guerreiros.

Ministração Judas 24 – Diga isso agora mesmo. Pare agora e pense como está pelejando a sua batalha? O Exército de Deus é superior. Levante-se agora, vamos nos vestir de Jesus. Quando nos vestimos dEle triunfamos. Tome hoje uma posição. Hoje vamos guerrear.
34

Mt. 12:29, se você quer conquistar sua família, ministério, etc. Tome posição e amarre o inimigo. Levante-se em Deus. Vamos nos vestir e vamos guerrear. Nota: Consulte Personalidades Restauradas (Valnice Milhomens) – Cap. 7 – A Armadura de Deus

35

TEMA 10 - Identificando Ataduras e Maldições
INTRODUÇÃO Oséias 4:1,2 Quando Deus criou a terra tinha o propósito de nos abençoar, mas neste texto fala que Deus contende com o povo da terra. Por quê? 1. Ele está lutando 2. Ele está clamando e dizendo: “Meu povo não tem conhecimento!” Há tantos lares destruídos, crianças, famílias, há tanta droga (Jo. 10:10). Satanás veio para matar, roubar e destruir. “Meu povo é destruído por falta de conhecimento”. É necessário conhecer o mundo espiritual. É necessário conhecer a Deus, a Sua Palavra e como Satanás atua. Lc. 4:18 – Jesus começa seu ministério. Ali Ele toma posse do Rhema. Neste texto, Jesus nos ensina 3 coisas:
1.

para nós. Devemos fazer uma análise das nossas vidas e buscar identificar as influências. A maldição sem causa não se cumpre. o II Parte Identificando os Problemas - Peça ao Espírito Santo para que revele o que o está impedindo de receber a bênção 1. Ataduras e Maldições sendo detectadas  Quando alguém tem problemas emocionais muito fortes e guarda amargura.  Fobias – um medo arraigado na área emocional - necessita de libertação  Auto-compaixão  Problemas mentais, indecisões extremas, problemas com pensamentos, muita dúvida, mente confusa  Enfermidades repetidas ou hereditárias  Esterilidade ou tendência ao aborto (é necessário quebrar toda maldição na área do aparelho reprodutor)  Distanciamento familiar, divórcio, separação  Contínua insuficiência econômica – Ganha e perde, ou o que ganha nunca dá para suprir as despesas  Propenso a acidente - pessoas que sempre estão se machucando e tendo feridas no físico.  Mortes prematuras e suicídios na família  Problemas sexuais – maus pensamentos nesta área, voltados a pornografia, masturbação, fornicação (tem que romper também as ligaduras de alma). Incesto, prostituição – venda do corpo ou ter uma relação sexual c/ prostituta, com ganho financeiro ou não. Bestialidade, homossexualismo.  Nicotina e drogas, cafeína (vício do café é uma atadura)
36

2.

3.

Pregar – Fazer conhecer, divulgar determinado assunto, liberdade aos cativos. Visão Deus, quando nos convertemos, tira-nos do vale, esta é a visão (tirar do vale da escuridão) Tirar-nos da maldição para a bênção. Liberdade – Sair da opressão

I Parte Como se manifesta a bênção e a maldição? Dt. 28 A obediência é igual à bênção A desobediência é igual a maldição Êx. 20:5 - Há maldições que são conseqüências de nossas desobediências ou dos nossos pais. Exemplo: O pai caiu em adultério, no passar dos anos o filho também. Pv. 6:22. Lv. 26:6 – Promessas de Deus de Paz, pois é o que Deus quer e tem

 Glutonaria  Música mundana – Pessoas que não conseguem se desvencilhar  Falsas religiões – idolatria  Filosofias – Controle da mente  Ocultismo, bruxaria, satanismo, sacrifícios  Espiritismo – invocações de espíritos malignos, sessões  Horóscopos – Leitura de cartas 2. Astrologia/mensagens subliminares  Parapsicologia  Ciências orientais – judô, karatê, é necessário compreender que muitas coisas orientais representam a adoração ao Dragão (Satanás)  Objetos em casa 3. A maldição entra pelo pecado que eu pratico, por pactos proferidos, palavras liberadas. 4. Há um poder espiritual nas pessoas de autoridade, no que falam sobre seus liderados. Ex: Os judeus são muito prósperos. Estão envolvidos em empresas, ciência em geral, negócios grandes no mundo. Por quê? Por causa do poder das bênçãos proferidas por seus pais, por seus antepassados. Pais que liberam palavras sobre os filhos. Pessoas que têm autoridade. Professores que dizem: “Você é um burro. Pastores que amaldiçoam outras igrejas. Que os pastores aqui possam perguntar: Por que não estamos crescendo? Pessoas o amaldiçoaram. Peça ao Espírito Santo – Que há em minha vida? 4. Maldições auto-proferidas Eu não sirvo para nada, etc. Aprenda a falar, cuide de cada palavra que sai dos seus lábios. Mude as

palavras. Da mesma fonte não pode sair água amarga e doce. 5. Pactos de Sangue Pactos com animais, coisas, plantas (Minha vida vai ser como esta árvore! Aí, se alguém cortar a árvore, sua vida decai). Não compare sua vida com coisas. Cartas de amor guardadas – queime-as. Ligação com objetos, CDs, discos mundanos. Tenha sabedoria – Compreenda que você ao chegar em casa só vai arrancar os seus objetos e não os do seus pais, para não haver problemas; não entre chutando as imagens deles. Ore para que Deus os inquiete. I Jo.3:8 – Temos que entender que quem vive na prática do pecado, é do diabo. Rompamos hoje com tudo que nos liga ao pecado. Deus nos fará prosperar, nos abençoará. 6. Comprar atadura a crédito é uma

7. Idolatria a animais Hoje é dia de destruir as cadeias que o prendem. (o palestrante deixou as pessoas tirarem dúvidas sobre o que pode e não pode, o que é ou não é maldição – isto levou muito tempo) Houve uma lista dada para preencher, localizando os pontos de maldições e práticas de pecado.

37

TEMA 11 - Conquistando CadaA conquista Guerra Espiritual Área pela das áreas
Há uma guerra espiritual diária, pois há dois reinos. Que devo fazer para agradar a Deus? Tem gente que não crê que o reino espiritual é real. Mas, verdade é que o inimigo fica o tempo todo tentando dominar áreas da nossa vida. Ez. 28 – O inimigo fica buscando como tomar território, tentando dominar, mas vamos tomar posição. Tomada de Posição Paulo explica a guerra – Rm. 7:15-25. A guerra espiritual começa com a tomada de posição interior. Não é o gritar e pular, em primeiro lugar é a tomada de posição. Paulo vivia uma guerra espiritual. Este texto mostra a guerra para viver em santidade, há uma guerra entre o Espirito Santo e o diabo para dominar a sua vida. Paulo falou: “todo dia morro”. Ele escreveu vários textos assim, o que demonstra que a guerra espiritual é constante. Santificação Josué 1 – Seis vezes Deus falou: “Esforça-te, sê corajoso”. No cap.5 – Santificação de Josué e do Povo. Se o líder e o povo não estiverem em santidade não podem envolver-se em guerra. O diabo sabe quem tem autoridade. Ex. Jericó é a representação de uma fortaleza. As fortalezas precisam ser derrubadas. Os problemas são nossas Jericós. Se você tem problemas com drogas, álcool, prostituição, ai está a sua Jericó que precisa ser demolida. O pior é quando as pessoas seguram-se em argumentos para pecar. É necessário renunciar sua Jericó e não segurar seus argumentos.

É indispensável saber que o pecado detém o desabrochar de um ministério. A libertação de todas as áreas de nossas vidas é um

processo. Hoje é uma área, amanhã é outra. Há várias áreas, mas à medida que vai havendo libertação, Deus vai dando tarefas e unção. Deus quer-nos totalmente livres com cada área da vida liberta, no entanto, você tem que tomar hoje uma decisão e ser bastante determinado. Quando o diabo ata alguma área de sua vida, você perde autoridade para ministrar. (começou a bater forte contra música não cristã) Hoje você tem que arrancar das mãos de Satanás a autoridade. Pois, quando um líder espiritual cai em pecado perde a autoridade e ninguém mais quer segui-lo. Tome conhecimento de duas coisas: • João 2:13-16 – O templo é a sua vida, os animais são os demônios e Jesus hoje vai entrar na casa e mandar os demônios embora. • Colossenses 2:13-15 – Você está com Cristo e nEle os principados e potestades são despojados.. Nota: A Parte II de Personalidades Restauradas (Valnice Milhomens) é toda sobre aspectos da batalha espiritual (Cap. 5,6,7,8)

38

TEMA 12 - O que Cristo Carrey – Era umamim faz Através de sapateiro
Texto – Mc. 6:12-13 Você não pode ver Deus pequeno, mas como Todo-Poderoso, cheio de glória e de autoridade. Portanto, “maior é Aquele que está em mim do que o que está no mundo”. I Parte I Co. 1:27, 28 – A escolha de Deus Quem era Mateus, Pedro, João? Pessoas comuns. Deus os escolheu, pessoas comuns como nós para usar.– Deus nos escolheu (Jo. 15:16). Por isso não temos que ter uma auto-estima baixa ou muito alta, mas algo equilibrado, pois foi Ele quem nos escolheu e não nós.. Escolheu-nos para ser luz. a) Escolheu-nos para sermos bênção Aonde quer que formos, Deus deseja que sejamos bênçãos como Abraão, que tinha uma mentalidade maravilhosa. Pensava: “Eu serei uma bênção para todas as nações”. Creia, confesse – Eu serei uma bênção! b) Deus quer impactar o mundo através de você O mais importante são os seus sonhos. Deus quer impactar o mundo através de você, mas para isso você tem que sonhar e crer. Falar a linguagem de Deus. c) Deus quer fluir através de você Pedro era tão inconstante, mas Deus o transformou e a igreja começou a ser edificada, e ele foi usado. As pessoas queriam ao menos colocar-se debaixo de sua sombra para serem curadas. Quem era Paulo? Sem entendimento do reino espiritual. Ao encontrar-se com Cristo teve sua vida transformada e pôde ser tremendamente usado.

e Deus o levantou. Finney - Era muito intelectual, mas se dispôs para Deus, levou uma vida de oração,

comunhão íntima e ao passar pelas cidades a unção de arrependimento, de salvação fluía e os pecadores entregavam-se a Jesus. Muitas, vezes sem palavras, as pessoas começavam a chorar, a ter uma convicção dos seus pecados. A unção de Deus não é para ficar em você e pronto, é para fluir através de você e alcançar outros. d) Deus busca vasos de barro Um vaso limpo, sem pecado, sem contaminação, para poder conter a glória de Deus. Ninguém pode tomar o seu chamado. O chamado é irrevogável, os dons são irrevogáveis e) Peça a Deus que faça Seu trabalho através de você Aquele que pede recebe. Deus quer sentir o que há no seu coração. Quer usá-lo, mas para isso é necessário que você se renda, que você queira, que você clame: “Senhor, usa-me!” Peça: “Senhor, usa-me!” Nosso País e o mundo necessitam de você. Peça a Deus. Clame agora. Você não pode mais ser indiferente à situação do mundo. Peça compaixão, não uma emoção que passa, mas um estilo de vida. Peça a Deus que o use. (O auditório foi tomado por uma comoção e um único clamor: “Deus, usa-me!!)

39

TEMA 13 - Consagração c) I Samuel
INTRODUÇÃO Há três coisas na área da consagração que devemos considerar: • Apartados (separados) para Deus • Dedicados para Deus • Santificados para Deus Deus o chama, Ele está buscando homens e mulheres que se consagrem a Ele, pois Ele quer usar-nos. Deus chamou Abraão, Sara, José, Ester, etc., homens e mulheres que creiam nEle de todo o coração. 1. Condições para consagrar-se I Samuel 1:1-3 Samuel é um exemplo maravilhoso de consagração – Exemplo de serviço ao Senhor desde a juventude. Elcana era um homem que tinha duas mulheres, uma chamava-se Ana e a outra Penina. Penina tinha filhos, mas Ana não. I Sm. 1:11 - Ana resolveu orar e fazer um voto ao Senhor de que se engravidasse e desse à luz a um varão, o consagraria ao Senhor por todos os dias de sua vida.

2:11 - Quando você se consagra a Deus não importa a idade que tenha, a unção faz a diferença. Quando o sacerdote ministra, leva outros à Presença de Deus, mas há um preço para a unção, o preço da consagração.

As bênçãos contidas em Isaías 61 pertencem somente aos consagrados. A unção de Deus é apenas para aqueles que se consagram. O que serve a você conhecer todo o modelo dos 12, tudo sobre consolidação, livros aqui e ali se não ten a unção? Que adianta ter título de doutor em divindade, ser um teólogo e não ter unção. Mas, a unção é apenas para os consagrados. Há crianças hoje que pregam com tanta unção, jovens que muitas vezes não têm tanto conhecimento da própria Palavra, porém têm unção, falam e transformam vidas. O conhecimento na mente não é unção. c) Vestes de Éfode de Linho - I Samuel – 2:18 Vestes de éfode de linho fala de vestidos unicamente para sacerdotes que o Senhor chamou, os que se consagram. Será que você já tem esta vestimenta? Não estou falando de uma vestimenta externa, na aparência. d) O crescimento espiritual – I Samuel – 2:26 Quando você se consagra a Deus, cresce. A consagração amadurece. Não adianta ter quinze anos de crente e não crescer. Só se cresce com consagração.

a) I

Samuel 1:28 - Quando você se compromete, consagra-se, é para toda a vida.

b) Samuel foi consagrado por todos os dias de sua vida. Ana o entregou ao serviço do Senhor porque lho prometera. Consagração significa entrega por todos os dias da vida. Não é hoje sim e amanhã não. Jeremias, quando chamado, disse: Senhor, ainda sou uma criança, e o Senhor lhe disse: Não diga isso.

40

O rebanho precisa de água fresca na igreja e na célula e, por isso você tem que se consagrar. Sou eu e você, consagrados como sacerdotes que, ungidos, vamos ganhar as vidas. Não é de teologia que você precisa. Samuel crescia em graça diante de Deus. Isso significa santidade, apartarse para Deus. Renovação da mente - Você tem que afetar o ambiente e não o ambiente a você, mas para isso tem que renovar a mente. Rm. 12:2 – “E não vos conformeis a este mundo, mas transformai-vos pela renovação da vossa mente, para que experimenteis qual seja a boa, agradável e perfeita vontade de Deus”. Muitos casamentos são destruídos por causa de conceitos errados na mente. É necessário renovar a mente com a Palavra, do contrário Deus não mandará a unção, pois sua mente tem que ser renovada. Purificação – II Co. 7:1 – “Ora, amados, visto que temos tais promessas, purifiquemo-nos de toda a imundície da carne e do espírito, aperfeiçoando a santidade no temor de Deus”. Um sacerdote de Deus não pode contaminar sua carne, seus olhos ou seus ouvidos, do contrário a unção se apartará dele. Um ministro de Deus não pode andar conforme os desejos da carne. Os ataques vêm e você tem que aprender uma coisa para hoje, para amanhã, depois, um mês, dois meses , um ano, para o resto da vida: É necessário ter domínio próprio para permanecer limpo, isso deve ser buscado na força do Senhor. Por si só é impossível vencer a tentação. Ao consagrar-se a Deus, o Espírito Santo começa a dar força para você ser limpo, santo.

“Sem santidade ninguém verá ao Senhor”. Se não houver santificação, jamais poderá entrar na presença de Deus, também se não viver a santidade prática e for dobrar seus joelhos, nada acontecerá, pois você está sendo apenas um religioso. Fortalezas fortalezas rompê-las. não há mundana, prisão. a romper - Muitas vezes há na mente, é necessário Pessoas que pensam que problemas ouvir música isto é uma fortaleza, uma

Se você quer pecar, saiba que “a amizade com o mundo é inimizade contra Deus”, mas se você quer ser amigo de Deus terá que romper totalmente com o mundo. Tomar uma posição radical. Renúncia - Todas as áreas da vida demandam santidade. Ser santo diante de Deus demanda renunciar o mundo, e muitas vezes não só o mundo; é necessário renunciar um sonho que esteja fora do plano de Deus. Hoje Deus vai lhe pedir uma renúncia para que você chegue ao lugar que Ele tem para você. Talvez você tenha desejado ser um executivo e Deus queira quebrar o seu orgulho. Um dia estaremos frente a frente com Deus. Pense hoje, pois você estará face a face com Ele. É necessário que se consagre. Não há outra forma. Quando você se consagra, Deus dá graça diante dos homens e, é maravilhoso receber a graça de Deus. 2. Deus chama e levanta sacerdotes, homens e mulheres fiéis Fidelidade – I Samuel 2:35 - Demanda compromisso
41

O que está no coração de Deus é que ninguém se perca, senão que todos se convertam. Deus quer homens e mulheres que queiram o que há no coração dEle. Radicais contra o pecado - I Samuel 3:1 – “Entretanto, o menino Samuel servia ao Senhor perante Eli. E a Palavra do Senhor era muito rara naqueles dias; as visões não eram freqüentes”. Quando numa igreja o pastor peca, vai haver escassez de Palavra. O sacerdote Eli permitiu que seus filhos pecassem; como conseqüência, morreram. Será que seus discípulos não estão morrendo por que você tem se calado diante do pecado? Você tem que ser radical com o pecado. Não há espaço para o pecado, pois ele atrai maldição. O respaldo do Senhor – I Samuel 3:20 Deus só respalda o homem que se consagra, pois vê o coração. A dimensão do ministério – I Samuel 3:20 - A dimensão do ministério não será pequena se você for consagrado. Conclusão Se você não quiser se consagrar Deus terá que chamar outro. Muitos se foram, e Jesus perguntou a seus discípulos: “Acaso também quereis ir?”. Hoje ele pergunta a você, que há em seu coração? Você quer hoje vestimentas sacerdotais? O que há em seu coração?

42

TEMA 14 – O Líder e a Ética Quando você não
Que é ética? Vem do grego taetica - fala de assuntos morais, deriva-se da palavra ethos – CARÁTER, postura, forma de ser, maneira de se portar, costumes, princípios para agir. De acordo com os princípios posso diferenciar o que é bom e o que é mau. Relacionar a forma de proceder. Um líder tem que influenciar para o bem, tem que ter bem claro sua conduta, seu modo de agir. Ser líder íntegro com princípios de santidade, consagração e dedicação. Tito – 2:6-10 = Paulo fala para Tito sobre os princípios de seriedade, sobre a maturidade que ele deve passar para os que estão em sua igreja. A ética requer motivação para fazer algo bom ou mau. Princípios para um Líder 1. Honestidade – Heb. 4:13 Nada está oculto. Muitos líderes usam de conveniência, no entanto, Deus vê todas as coisas. O líder tem debaixo de sua liderança um grupo de pessoas para influenciar, por isso devemos ser bem transparentes. Muitos escondem conflitos, os liderados muitas vezes são líderes e necessitam da ajuda de seu superior (seu líder), mas não buscam por falta da transparência. Pv. 13:3 – Existem líderes que não guardam a boca e murmuram e não buscam em primeiro lugar ajuda. Cuidado com o que você fala, pois todas as coisas estão patentes diante de Deus.

compreender algo, pergunte ao seu líder, mas não murmure, seja transparente. Há coisas no ministério que não cabe falar. Você tem que buscar ser honesto e fiel.

– Testemunho – Você como líder nunca pode deixar de ser um desafio para seus liderados. Ex. Você tem que cuidar para não cair no descrédito. O líder só é líder quando é transparente e fala a verdade. Quando começa a mentir, perde a autoridade.
1.1 1.2

– A família – Para ser um bom líder, tem que dar bom testemunho diante dos seus familiares, dentro de sua casa. Suprir a casa, tratar bem aos pais ou filhos. E, essa coisa de deixar a universidade para o ministério, não, você como jovem tem que estudar. A resposta a um chamado é um processo. Que testemunho você vai dar como líder se não estuda ou não trabalha?

2. Finanças – Pv. 22:26, 27 Não se envolva com o que não tem como pagar. Um líder não pode ter dívidas. Solucione primeiro os seus problemas financeiros para depois tornar-se um líder. Um líder nunca, nunca, nunca, nunca pode pedir dinheiro aos seus liderados. Se algum dia ele (seu liderado) estiver em rebeldia, você irá sentir-se sem autoridade, pois pensa “eu estou lhe devendo”. Já pensou ter que perder o ministério por problemas financeiros? Quando um líder endividar-se, deve perder o
43

ministério (quando quitar as dívidas o ministério, as células são devolvidas). 3. Aprender a manejar relações Os discípulos são diferentes, aprenda a lidar com cada um, mas tenha princípios básicos para com todos a nível de finanças, autoridade, organização. 3.1 – Não manipule o grupo para que não tenha medo de você. Você tem que cuidar sem gritar, sem impor, sem tratar mal aos seus discípulos. Seu amor vai infundir respeito. Quando você impõe crescimento e diz: “Não quero saber, você tem que crescer, abrir células, etc.,” está pressionando. Não pressione a seus discípulos, este não é o caminho. Não imponha medo. É Deus quem dá o crescimento. Você tem que tranqüilizar a seus discípulos e estar com eles e os apoiar e os compreender. 4. Conduta para com o sexo oposto – I Tm. 5:1,2 Paulo ensina a tratar os anciãos como pais, aos moços como irmãos, às mulheres como mães e às moças como irmãs, com pureza.

reprovável. Veja como um líder pode afetar negativamente. Se você é um líder, deve restaurar vidas com o seu estilo de vida. Cuidado com líderes que querem construir relacionamentos manipulando a Palavra, mas são enganadores, levando o relacionamento para o aliciamento sexual. Guarde o seu coração. 5. Ministério Filemom 14 – 17 Diante de uma pessoa nova, evite situações constrangedoras. Você não deve viver discutindo e brigando com outro líder de célula por alguma ovelha.
5.1

– Cuidado para não passar por cima de um colega no ministério - Paulo disse a Filemom sobre Onésimo: Ele é precioso para mim, mas o envio de volta, não o deixaria ficar comigo sem o seu consentimento. Seja diplomático, consulte seu líder, etc. Quando você quiser pegar ou convidar alguém para algo, primeiro fale com o líder dele para que não haja problemas. – Rebeldia - Se há alguém no ministério que é rebelde e passa tranqüilamente para o ministério de um colega seu, como se nada tivesse acontecendo, procure seu colega e converse sobre esta pessoa e mande seu colega averiguar a situação. – A aparência – A apresentação pessoal é importante, se está combinando e de acordo com a ocasião. Cuidado com a combinação da maquiagem. Observe seus costumes, mude a maneira de andar, de comer, cuidado com a postura. Não faça estas coisas de qualquer jeito.
44

5.2

Um jovem vai sentir atração por uma jovem. Quando você estiver gostando de alguém, em primeiro lugar deve ir ao seus líderes. As mulheres devem saber portar-se e não insinuar-se para os homens. O líder deve buscar amadurecer. Um rapaz que deixa quatro apaixonadas... Jesus, tem misericórdia. O homem é o que deve tomar a iniciativa. Se você gosta de alguém, tem que buscar conhecê-lo. Um líder que começa a alisar sua discípula e a elogiá-la... CUIDADO!!! O lííder que começa a orar e correr a mão no corpo das moça isso é terrível e

5.3

5.4

– Paciência e determinação – Lembre-se, os discípulos não chegam prontos; temos que formálos. Amá-los mas corrigi-los dignamente, não abatendo-os para

que não desfaleçam, mas formandoos com o espírito correto. Lembrese de que não chegam prontos, devem ser formados em todas as coisas.

45

INFORMAÇÕES DIVERSAS
1. Reencontro • Este roteiro e palestras são baseados no modelo de reencontro feito pela Rede de Jovens da MCI. As mensagens trabalhadas são elaboradas por nós a partir dos temas propostos. •

As mensagens não elaboradas são apenas anotações gerais feitas durante um reencontro. Precisam ser trabalhadas. No livro Personalidades Restauradas (Valnice Milhomens) há farto material que pode ser usado no Reencontro, nas áreas de Cura das Emoções e Cura Interior. Toda a Parte IV trata de Raízes de Rejeição. Um capítulo, o 18 trata do Perdão, que pode ser usado tanto no encontro quanto no Reencontro. O Reencontro foi projetado para três dias completos e uma noite, num fim de semana prolongado com feriado. Dado à nossa dificuldade com isso, podese fazer um novo reencontro para abordar temas não abordados no primeiro e ampliar de acordo com a necessidade da liderança. Uma ou duas vezes por ano é importante ter um retiro espiritual com a liderança para ministração mais intensa nas áreas de necessidade, conforme a liderança do Espírito. O Livro Personalidades Restauradas pode ser bastante usado para a área de alma (mente, emoções e vontade.) Tipos de Oração (Valnice Milhomens) pode ser usado para uma boa base nessa área. Poder da Intercessão (VM) pode ser usado para treinar os líderes nessa arte. O Jejum e a Redenção do Brasil (VM) pode ser usado em um retiro de jejum a fim de treinar os líderes nesse exercício espiritual. Unção e Crise de Identidade pode ser usado em um Reencontro para a área de Auto-imagem e Auto-estima. A apostila Batalha Espiritual (VM) apresenta bastante matéria na área, bem como acerca de maldições. Esta última parte pode ser usada tanto no Encontro quanto no Reencontro.

Roteiro Sugerido Com as Palestras Acima Apresentadas:
Sexta 1. A responsabilidade do cristão diante do mundo Sábado 2. O que Cristo faz em mim 3. Os traumas familiares 4. Os traumas dos sentimentos 5. Auto-imagem e auto-estima 6. Temperamentos Domingo 7. O que Cristo fez por mim
46

8. reino espiritual 9. A armadura 10.Identificando ataduras e maldições 11.Conquistando cada área pela guerra espiritual Ministração de Libertação Segunda 12. O que Cristo faz através de mim 13.Consagração 14.O Líder e a ética 15.Os frutos e dons do Espírito 16.O LÍDER E A ÉTICA 17.Ética – comportamento 18. OS FRUTOS E OS DONS

47

REENCONTRO – 22 – 25/12/2000
SEXTA 22:30 22:40 23:00 SÁBAD O 07:00 07:30 08:00 08:20 10:00 10:20 11:20 13:00 15:00 17:00 18:00 18:15 19:30 22:00
DOMING O

TEMA Regras do Reencontro Mensagem de Reflexão RECOLHER DESPERTAR Desjejum Louvor 1. A Responsabilidade do Cristão Diante do Mundo Intervalo 2. O Que Cristo Faz em Mim 3. Os Traumas na Família ALMOÇO E DESCANSO 4. Os Traumas dos Sentimentos 5. Temperamentos Adoração Jantar 6. Auto-imagem e auto-estima Recolher Despertar Desjejum Louvor 7. O que Cristo Fez Por Mim 8. Reino Espiritual INTERVALO 9. Identificando Ataduras e Maldições ALMOÇO 10. A Armadura Adoração Jantar 11. Conquistando Cada área pela guerra espiritual Despertar Oração Louvor 12. O que Cristo faz através de mim 13. Consagração

T EMP O

PRELETOR

07:00 07:30 08:00 08:30 09:45 10:45 11:00 13:00 16:00 18:00 18:15 19:30 SEGUN DA 07:00 07:30 08:00 08:30 09:45

48

11:00 11:20 12:30 13:30 15:00

18:00 18. 19.O LÍDER E A ÉTICA 20.Ética – comportamento 21.OS FRUTOS E OS DONS

INTERVALO 13. O Líder e a Ética Oração DESCANSO 14. Os Frutos e os Dons Unção Adoração final

49

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->