Você está na página 1de 5

PREFEITURA MUNICIPAL DE PACAJÁ

SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO


FICHA DE DESEMPENHO DO ALUNO – 4º ANO.
ESCOLA MUNICIPAL
ALUNO (A): NASCIMENTO: ANO:
ANO: PROFESSOR(A): TURNO:

1º BM 2º BM 3º BM 4º BM
FCHA 1 – LÍNGUA E LINGUAGEM
I A C I A C I A C I A C
Planejar intervenções orais em situações públicas: exposição oral, debate, contação
de história.
Produzir textos orais de diferentes gêneros, com diferentes propósitos, sobretudo
os mais formais comuns em instâncias públicas (debate, entrevista, exposição,
notícia, propaganda, relato de experiências orais, dentre outros).
Reconhecer a diversidade linguística, valorizando as diferenças culturais entre
ORALIDADE

variedades regionais, sociais, de faixa etária, de gênero, dentre outros.


Realizar, com pertinência, tarefas cujo desenvolvimento dependa da escuta atenta
e compreensão.
Relacionar fala e escrita, tendo em vista apropriação do sistema de escrita, as
variantes linguísticas e os diferentes gêneros textuais.
Participar de intervenções orais em sala de aula, questionando, sugerindo,
argumentando e respeitando os turnos de fala.
Valorizar os textos de tradição oral, reconhecendo-os como manifestações
culturais.
Ler textos (poemas, canções, tirinhas, textos de tradição oral, dentre outros), com
autonomia.
Identificar as letras, reconhecendo visual e graficamente as de traçado semelhante.
Ler com compreensão diferentes gêneros textuais.
Ler oralmente com fluência e expressividade (com ritmo, entonação adequada).
LEITURA

Localizar informações explícitas em textos de diferentes gêneros, temáticas, lidos


com autonomia.
Ler em voz alta, com fluência, em diferentes situações e reconhecer as finalidades
dos textos lidos.
Realizar inferências em textos de diferentes gêneros e temáticas, lidos com
autonomia.
Saber procurar no dicionário os significados das palavras e a acepção mais
adequada ao contexto de uso.
Planejar a escrita de textos considerando o contexto de produção: organizar
roteiros, planos gerais para atender a diferentes finalidades, com ajuda de escriba.
Planejar a escrita de textos considerando o contexto de produção: organizar
roteiros, planos gerais para atender a diferentes finalidades, com autonomia.
Produzir textos de diferentes gêneros, atendendo a diferentes finalidades, com
PRODUÇÃO DE TEXTOS ESCRITOS

ajuda de um escriba.
Produzir textos de diferentes gêneros, atendendo a diferentes finalidades, com
autonomia.
Compreender e produzir textos destinados à organização do saber escolar/científico
(textos didáticos, notas de enciclopédia, verbetes, resumos, resenhas, dentre
outros) e à organização do cotidiano escolar e não escolar (agendas, cronogramas,
calendários, cadernos de notas...).
Conhecer os usos das letras maiúsculas e minúsculas, observando a caligrafia e a
legibilidade.
Distinguir as consoantes homorgânicas e dominar seu uso. (consoantes
homorgânicas são aquelas cuja pronúncia se dá no mesmo ponto de articulação. A
diferença entre os pares está na sonoridade. (/f/ e /v/, p e b, t e d, q e g, (qu/gu).
Pontuar os textos, favorecendo a compreensão do leitor.
Utilizar vocabulário diversificado e adequado ao gênero e às finalidades propostas.
Revisar os textos após diferentes versões, reescrevendo-os de modo a aperfeiçoar
as estratégias discursivas.

Escreve o próprio nome.


Praticar o domínio das correspondências entre letras ou grupo de letras e seu valor
TEXTUALIDADE.ANÁLISE DIDÁTICA – SISTEMA DE ESCRITA ALFABÉTICA E DISCURSIVIDADE, NORMATIVIDADE, sonoro, de modo a ler e escrever palavras e textos.
Ler obras literárias adequadas à faixa etária como gosto e compreensão.
Identificar diferentes gêneros textuais, considerando sua função social, seu circuito
comunicativo e suas características linguístico-discursivas. (Vocabulário, nível de
linguagem, emprego de determinadas palavras, frases mais elaboradas, presença dos
conectores, entre outros)
Selecionar procedimentos de leitura adequados a diferentes objetivos e interesses (ler
para se divertir, para obter informações, para seguir instruções, etc) e às características
do gênero.
Analisar a adequação de um texto (lido, escrito ou escutado) aos interlocutores e à
formalidade do contexto ao qual se destina.
Conhecer e usar diferentes suportes textuais, tendo em vista suas características:
finalidades, esfera de circulação, tema, forma de composição, estilo, etc.
Reconhecer gêneros textuais e seus contextos de produção.
Conhecer e usar palavras ou expressões que estabelecem a coesão como: progressão
do tempo, marcação do espaço e relação de causalidades.
Usar adequadamente a concordância e reconhecer violações de concordância nominal
e verbal.
Conhecer e fazer uso das grafias de palavras com correspondências regulares diretas
entre letras e fonemas (P, T, D, F, V).
Conhecer e fazer uso das grafias de palavras com correspondências regulares
contextuais entre letras ou grupos de letras e seu valor sonoro: (C/QU; G/GU;
R/RR;SA/SO/SU em início de palavra: JÁ/JO/JU; Z inicial; O ou U/E ou I em sílaba final:
M e N nasalizando final de sílaba; NH; Ã e ÂO em final de substantivos e adjetivos).
Conhecer e fazer uso de palavras com correspondências irregulares, mas de uso
frequente.
Saber usar o dicionário, compreendendo sua função e organização e procurar a grafia
correta de palavras.
Identificar e fazer uso de letra maiúscula e minúscula nos textos produzidos, segundo
as convenções.
Pontuar o texto.
Identificar e fazer uso de letra maiúscula e minúscula nos textos produzidos, segundo
as convenções.
Usar diferentes tipos de letras em situações de escrita de palavras e textos.
Identificar semelhança sonoras em sílabas de palavras e em rimas.
Ler, ajustando a pauta sonora ao escrito.
Dominar as correspondências entre letras ou grupos de letras e seu valor sonoro, de
modo a ler e escrever palavras e textos.

1º BM 2º BM 3º BM 4º BM
FCHA 2 - MATEMÁTICA
I A C I A C I A C I A C
Identificar números nos diferentes contextos em que se encontram, em suas diferentes
funções, relacionando-os com adição e subtração.
NÚMEROS E OPERAÇÕES

Utilizar diferentes estratégias para qualificar e comunicar quantidade de elementos de


uma coleção, utilizando a linguagem oral, a notação numérica e/ou registros não
convencionais, nas brincadeiras e em situações nas quais as crianças reconhecem suas
necessidades (utilizar essas quantidades para enfatizar adição e subtração).
Resolver e elaborar problemas com os significados de juntar, acrescentar quantidades,
separar e retirar quantidades, utilizando estratégias próprias como desenhos,
decomposições numéricas e palavras.
Resolver e elaborar problemas de multiplicação em linguagem verbal (com o suporte de
imagens ou materiais de manipulação), envolvendo as ideias de adição de parcelas
iguais, elementos apresentados em disposição retangular, proporcionalidade e
combinatória.
Explicitar e/ou representar informalmente a posição de pessoas e objetos, dimensionar
espaços, utilizando vocabulário pertinente nos jogos, nas brincadeiras e nas diversas
situações nas quais as crianças considerarem necessário essa ação; (usando adição e
subtração para verificar noções de espaço).
GEOMETRIA

Construir e representar formas geométricas planas, reconhecendo e descrevendo


informalmente características como número de lados e de vértices.
Estabelecer comparações entre objetos do espaço físico e objetos geométricos sem uso
obrigatório de nomenclatura.

Construir e representar formas geométricas planas, reconhecendo e descrevendo


informalmente características como número de lados e de vértices (enfatizando a
multiplicação e divisão).
Selecionar e utilizar instrumentos de medida apropriados à grandeza a ser medida (por
GRANDEZAS E MEDIDAS exemplo: tempo, comprimento, massa, capacidade), com compreensão do processo de
mediação e das características do instrumento escolhido.
Comparar grandezas de mesma natureza, por meio de estratégias pessoais e uso de
instrumentos de medida conhecidos – fita métrica, balança, recipientes de um litro.
Estabelecer relações entre o horário de início e de término e/ou o intervalo da duração
de um evento ou acontecimento.
Estabelecer relações entre as unidades de medidas de tempo, isto é, hora/minuto,
minuto/segundo, dia/mês, dia/semana, outros e compreender as transformações do
tempo cronológico em situações do cotidiano
Reconhecer e interpretar datas e horas em relógio analógico e digital.
Resolver problemas significativos utilizando unidades de medida padronizadas como,
Kg/g/mg, l/ml.
INFORMAÇÃOTRATAMENTO DA

Ler, interpretar e transpor informações em diversas situações e diferentes


configurações (do tipo: anúncios, gráficos, tabelas, propagandas), utilizando-as na
compreensão de fenômenos sociais e na comunicação, agindo de forma efetiva na
realidade em que vive.
Interpretar e elaborar listas, tabelas simples, tabelas de dupla entrada, gráfico de barras
para comunicar a informação obtida, identificando diferentes categorias.
Coletar, organizar e registrar dados e informações;
Elaborar, em situações-problema e por meio de apresentação de dados, tabelas e
gráficos;

Transformar listas e tabelas em gráficos e vice-versa.

1º BM 2º BM 3º BM 4º BM
FCHA 3 – HISTÓRIA E GEOGRAFIA
I A C I A C I A C I A C
Apropriar-se de alguns instrumentos de marcação e datação do tempo e iniciar a
SUJEITOS HISTÓRICOS

sistematização de conceitos, tais como passado / presente / futuro, sucessão /


simultaneidade, mudanças permanências, diferenças / semelhanças.
Distinguir as semelhanças e as diferenças entre os modos de vida nas cidades e no
campo, relativas ao trabalho, às construções e moradias, aos hábitos cotidianos, às
expressões de lazer e de cultura.
Compreender a organização, o papel e a atuação dos Poderes Legislativo, Executivo e
Judiciário em defesa dos interesses do Município.
Entender o Estado de Minas Gerais como parte de uma realidade mais complexa – o
Brasil.
TEMPO HISTÓRICO

Observar, descrever, explicar, comparar e representar paisagens urbanas e rurais.


Diferenciar os períodos de tempo relativos a dia, semana, mês, ano.
Identificar alguns dos principais problemas ambientais associados ao crescimento das
cidades.
Localizar o município e a cidade onde mora, nos mapas do Brasil e do Pará
Perceber a evolução da população urbana e a diminuição da população rural no país.
Compreender o Conceito de escala e utilizá-la para representar aspectos da realidade.
Conhecer algumas das conseqüências das transformações da natureza causadas pelas
HISTÓRICOSFATOS

ações humanas, presentes em paisagens urbanas e rurais.


Compreender que os diferentes padrões de moradia são exemplos de transformação
histórica das sociedades.
Compreender as funções que o transporte assume nas relações entre as Cidades e o
Campo, observando seu papel na interdependência que existe entre ambas.

1º BM 2º BM 3º BM 4º BM
FCHA 4 - CIÊNCIAS I A C I A C I A C I A C
Identificar a Lua como satélite da Terra. Fases da Lua – Movimentos - Eclipses
COMPREENSÃO CONCEITUAL E
PROCEDIMENTAL DA CIÊNCIA

Reconhecer os alimentos como fonte de energia e materiais para crescimento e


manutenção do corpo saudável, valorizando a máxima utilização dos recursos
disponíveis na reorientação dos hábitos de alimentação
Ler e escrever textos em que o vocabulário da ciência é usado.
Possuir conhecimentos sobre os processos e ações que fazem das ciências um
modo peculiar de se construir conhecimento sobre o mundo.

Entender conceitos básicos das ciências.

Aprender a seriar, organizar e classificar informações.


Aprender como a ciência constrói conhecimento sobre os fenômenos naturais.

Elaborar perguntas e aprender como encontrar conhecimentos científicos já


produzidos sobre o tema em questão.

Saber diferenciar ciência de tecnologia.

Estabelecer relações entre a saúde do corpo e a existência de defesas naturais


(sistema imunológico) e estimuladas (vacinas).
COMPREENSÃO SOCIOCULTURAL, POLÍTICA

Perceber o papel das ciências e das tecnologias na vida cotidiana.


E ECONÔMICA DOS PROCESSOS E

Compreender que o saber científico é provisório, sujeito a mudanças.


PRODUTOS DA CIÊNCIA

Compreender a maneira como as ciências e as tecnologias foram produzidas.

Reconhecer os limites da utilidade das ciências e das tecnologias para a


COMPREENSÃO DAS RELAÇÕES ENTRE CIÊNCIA,

promoção do bem estar humano e para os impactos sobre o meio ambiente.


SOCIEDADE, TECNOLOGIA E MEIO AMBIENTE

Desenvolver posição crítica com o objetivo de indicar benefícios e malefícios


provenientes das inovações científicas e tecnológicas.

Utilizar o conhecimento científico para tomar decisões no dia a dia.

Perceber as relações existentes entre as informações e os experimentos


adquiridos e desenvolvidos por cientistas e o estabelecimento de conceitos e
teorias.
Participar de situações em que os conceitos e procedimentos científicos,
juntamente com as reflexões sobre a natureza ética da ciência são mobilizados
para direcionar tomadas de posição acerca de situações sociais atuais e
relevantes.
Considerar como a ciência e a tecnologia afetam o bem estar, o desenvolvimento
econômico e o progresso das sociedades.

1º BM 2º BM 3º BM 4º BM
FCHA 5 – ARTES
I A C I A C I A C I A C
Compreender a arte como um conhecimento produzido socialmente, em diferentes
contextos históricos e culturais da humanidade.
Conviver e acessar fontes vivas de produção de arte.
ARTES VISUAIS

Reconhecer em seres e objetos, em paisagens naturais e artificiais características


expressivas das artes visuais.
Experimentar, selecionar e utilizar diversos suportes, materiais e técnicas artísticas a
fim de se expressar e se comunicar em artes visuais.
Criar e recriar produções de artes visuais, a partir de estímulos diversos tais como: a
ação, a emoção, a observação de modelos naturais e artificiais e a apreciação de
obras de arte.
Perceber os sons ambiente (vozes, corpos e materiais sonoros) associando-os à fonte
Reconhecer a importância social da arte na sociedade e na vida dos indivíduos.
Vivenciar experiências educativas nas linguagens da música.
Perceber os sons ambiente (vozes, corpos materiais sonoros) associando-os à fonte.
Conhecer diferentes ritmos em músicas do repertório familiar, comunitário, regional
MÚSICA

e nacional.
Reconhecer diferentes gêneros musicais.
Criar diferentes gestos a partir das danças vivenciadas compreendendo as
possibilidades de transformação da expressão corporal.
Identificar as principais características das danças apreciadas e vivenciadas em
DANÇA

diferentes grupos socioculturais.


Compreender as diferentes possibilidades de movimento do corpo na dança.
Perceber e compreender a estrutura e o funcionamento do corpo humano, como
forma de expressão e comunicação.
Experimentar o teatro com o corpo, identificando as habilidades necessárias ao
desenvolvimento das expressões: facial, gestual e sua conjugação com vocalizações
TEATRO

e sons.
Compreender e apreciar as diversas possibilidades teatrais produzidas pelas
diferentes culturas.
Elaborar formas de registro pessoais para a sistematização das experiências
observadas e vivenciadas.