Você está na página 1de 10

EDITAL 04/2018

SELEÇÃ O DE CANDIDATOS AO CURSO DE MESTRADO ACADÊMICO EM


EDUCAÇÃ O DO PPGEDUC - 2019

O Programa de Pós-Graduação em Educação, Contextos Contemporâneos e Demandas


Populares (PPGEduc) da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ) faz saber aos
interessados que estarão abertas de 17 de setembro a 02 de outubro 2018, as inscrições para
a seleção para o Curso de Doutorado em Educação, turma de 2019. Ver calendário no anexo
1.

Para conhecer a proposta do PPGEduc/UFRRJ, o perfil do corpo docente, disciplinas ofertadas,


linhas, grupos e núcleos de pesquisa, atividades desenvolvidas acesse o site:
http://cursos.ufrrj.br/posgraduacao/ppgeduc/linhas-de-pesquisa/.

VAGAS E CLIENTELA

Artigo 1º- Serão oferecidas vinte e quatro (24) vagas para o Curso de mestrado, destinadas
aos portadores de diploma de graduação outorgado por Curso credenciado pelo MEC.

Artigo 2º. Cada candidato se inscreverá em uma linha de pesquisa e concorrerá


exclusivamente às vagas do orientador escolhido no ato da inscrição. Ver anexo 2.

Artigo 3º. Em cumprimento ao prescrito na Portaria Normativa Nº 13, de 11 de maio de


2016 do Ministério da Educação; à Portaria Normativa Nº 4, de 6 de Abril De 2018 do MPOG
- Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão Para a seleção de candidato ao
Mestrado será utilizado um sistema de cotas assim distribuídas por linha de pesquisa. 5%
cento do total de vagas oferecidas a candidatos que se autodeclararem Pessoa com
Deficiência (PcD); 5% (cinco por cento) para candidatos que se declararem Transgêneros
(CT); 20% (vinte por cento) para candidatos que se autodeclararem preto, pardo ou indígena
(PPI). Ver anexo 2.

§ Parágrafo único. As vagas oferecidas aos servidores da UFRRJ, conforme portaria


046/PROAD de 04 de maio de 2018, não entram no cômputo geral das vagas oferecidas por
este edital.

Artigo 4º. As entrevistas com candidatos pardo ou indígena antecederão a quaisquer


outras etapas do processo seletivo. Ver anexo 2.

§ Único. A Comissão Examinadora será composta por todos os professores do


PPGEduc/UFRRJ à qual reserva-se o direito de não preencher o total de vagas oferecido.

DAS INSCRIÇÕES- de 17 de setembro a 02 de outubro 2018 até as 17 horas.


Artigo 5- A inscrição será online pelo no Sistema Integrado de Gestão de Atividades
Acadêmicas - SIGAA/UFRRJ com o preenchimento do formulário online disponível no:
https://sigaa.ufrrj.br/sigaa/public/processo_seletivo/lista.jsf?aba=p-processo&nivel=S

Artigo 6º. O pagamento da Inscrição, no valor de R$ 45,00 (quarenta e cinco reais), é feito
por meio de Guia de Recolhimento à União (GRU), obtida no portal SIAFI
(http://consulta.tesouro.fazenda.gov.br/gru_novosite/gru_simples.asp) e preenchida com
os seguintes dados:
Unidade Favorecida:
Código: 153166 – Unidade Gestora
Gestão: 15240
Recolhimento:
Código: 28830-6
Número de referência: 160204

§ Único – O boleto e o comprovante de pagamento devem ser anexados em campo


específico no formulário de inscrição online.

Artigo 7º. Candidatos/as inscritos/as no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo
Federal devem enviar a solicitação de isenção da taxa de inscrição para o endereço
eletrônico processoseletivoppegeducufrrj@gmail.com, anexando o documento
comprobatório do cadastro com data de averiguação dentro do prazo de 12 meses.

Artigo 8º. Para efetuar a inscrição serão necessárias cópias digitais dos seguintes
documentos:
1. Guia de Recolhimento da União (GRU) e comprovante de pagamento da inscrição, ou
documento de inscrição no Cadastro Único para os solicitantes de isenção da taxa de
inscrição;
2. Documento de identidade com foto ou passaporte, no caso de estrangeiros;
3. Diploma ou documento comprobatório de conclusão do curso de Graduação (até
fevereiro de 2019);
5. Histórico Escolar da graduação;
7. Candidatos que optarem pelo regime de cotas deverão anexar a ficha de inscrição e
documentos comprobatórios, conforme discriminado no anexo 2.
8. Curriculum Vitae, modelo Lattes/CNPq, atualizado. Não é necessária a comprovação das
atividades e publicações, mas esta poderá ser solicitada ao candidato por ocasião da
entrevista.
9. Projeto de pesquisa relacionado ao campo temático do PPGEduc/UFRRJ, demonstrando
conhecimento de questões teóricas e metodológicas envolvidas. Formatação do projeto
consta no anexo 3.
§ Único- Em caso de comprovação de informação falsa, o candidato será eliminado do
processo seletivo, sem prejuízo de outras eventuais sanções cabíveis.

ETAPAS DA SELEÇÃO

Artigo 9º. 1ª etapa- Prova escrita: A prova dissertativa versará sobre temas da educação com
enfoques na área de concentração do programa e nas perspectivas teórico-metodológicas das
linhas de pesquisa. A produção textual dos candidatos será avaliada segundo as características
do “gênero acadêmico”, a saber: coerência interna, objetividade e fundamentação teórica.

§ Parágrafo único: Local da prova: Instituto Multidisciplinar- Campus Nova Iguaçu-UFRRJ


Artigo 10º. 2ª etapa- Análise do pré-projeto de dissertação. Eliminatória: Avaliar: i) aspectos
formais da escrita acadêmica; ii) Relevância da temática para linha de pesquisa; iii) articulação
com os projetos de pesquisa do orientador e iv) consistência do referencial teórico-
metodológico. Ver anexo 3.

Artigo 11º. 2ª etapa- Defesa oral do projeto e do memorial acadêmico – Eliminatória: Avaliar
aspectos teóricos e metodológicos pertinentes ao Projeto de Tese e ao Currículo, levando em
consideração todos os itens examinados e analisados na 1ª etapa.

Artigo 12º. 3ª etapa- Análise do histórico acadêmico e do Currículo Lattes. Classificatória.


Verificar e avaliar: i) a produção bibliográfica e técnica do candidato; ii) experiência profissional;
iii) trajetória acadêmica e coerência com o projeto de tese; iv) disponibilidade para conclusão
do curso em tempo menor ou igual a 48 meses. Ver anexos 5. 5.1 para organização e pontuação
do currículo

DA CLASSIFICAÇÃO:
Artigo 13º. Os candidatos receberão notas de 0,0 (zero) a 10,0 (dez) em todas as
etapas eliminatórias do concurso, sendo a nota final composta da média aritmética
destas etapas. A classificação feita com base na nota final obtida e ligada ao
orientador conforme opção do (a) candidato(a). O preenchimento da(s) vaga(s) por
orientador obedecerá à classificação dos seus candidatos em ordem decrescente da
média final. Os critérios para desempate serão, em primeiro lugar, a nota da 2ª
etapa; em segundo lugar, a nota da 1ª etapa. Persistindo o empate análise do
Currículo Lattes.

CÁLCULO DA NOTA FINAL


NF = [ ( N1 + N2 ) . 0,8 ] + ( N3 . 0,2 )
2
N1 – Nota do pré-projeto de Pesquisa
N2 – Nota da Defesa Oral do pré-projeto de Pesquisa
N3 – Nota da Análise do Currículo Lates e do Histórico Acadêmico
NF – Nota Final

Artigo 14º. Será desclassificada/o e automaticamente excluída/o do processo seletivo a/o


candidata/o que: Prestar declarações ou apresentar documentos falsos em quaisquer das
etapas da seleção; Não apresentar toda a documentação requerida nos prazos e condições
estipuladas neste edital; Não comparecer à entrevista e à prova de proficiência nas datas e
horários previstos para seu início.

PROFICIÊNCIA EM LÍNGUA ESTRANGEIRA

Artigo 15º.: Escolher uma língua para realizar a prova. Opções: inglês, francês e espanhol.
Avaliação: Compreensão e Interpretação de textos na língua de opção do/a candidato/a.
Candidato/a que não for aprovado/a em até dois exames será desligado/a do Curso. A data do
exame de proficiência está prevista para 07 de dezembro, somente para os candidatos
selecionados.

AVALIAÇÃO E RESULTADOS FINAIS

Artigo 16º- a comissão de avaliação do processo seletivo para 2019 é formada por todos os
professores do colegiado do PPGEduc/UFRRJ
Artigo 17º. a nota mínima para aprovação em todas as etapas eliminatórias do processo seletivo
é 7,0 (sete). A nota final será definida pela fórmula: Commented [PB1]: Suprimir. Já consta do item 13º

DA PUBLICAÇÃO DO RESULTADO

Artigo 18º- Será publicado em ordem classificatória de acordo com o número de vagas ofertadas
por cada orientador e em conformidade com a opção de cada candidato (a). Acessar
http://cursos.ufrrj.br/posgraduacao/ppgeduc/processos-seletivos- /selecao_2019_ms_dr/

DA MATRÍCULA
Artigo 19º- Os candidatos selecionados (as) que não efetivarem a matrícula, nos meios
informados, conforme calendário serão considerados desistentes.

 Endereço UFRRJ/Instituto de Educação, Sala 12, secretaria do PPGEduc. BR 465, Km 07.


CEP 23897-000 – Seropédica – RJ – Brasil

DAS DISPOSIÇÕES GERAIS


Artigo 20º- A inscrição no processo seletivo 2019 implica a aceitação das normas e instruções
contidas neste Edital.

Artigo 21º. Recursos devem ser encaminhados por meio de requerimento à Coordenação do
PPGEduc até dois dias úteis após a publicação do resultado de cada etapa no Protocolo Geral da
UFRRJ, localizado no 1º andar do Pavilhão Central (P1) do Campus Seropédica.

Artigo 22º- Pessoas com necessidades especiais devem informar tal condição no ato da inscrição
e indicar o suporte necessário.

Artigo 23º- Em nenhuma hipótese haverá devolução de pagamento de taxa de inscrição.

Artigo 24º- Os casos omissos serão decididos pela Comissão de Seleção, com anuência do
Colegiado do PPGEduc.
ANEXO 1- CALENDÁRIO de SELEÇÃO - CURSO DE DOUTORADO EM EDUCAÇÃO DO PPGEDUC

FASES DA SELEÇÃO DATA

 Resultados publicados no site do PPGEduc INICIAL FINAL

Período de Divulgação do Edital 10/09/2018 02/10/2018

Período de inscrição 17/09/2018 02/10/2018

Reunião Informativa com Candidatos ( não é obrigatória) 26/09/2018 --

 Entrevista, perante uma Comissão de Heteroidentificação da 03/10/2018 08/10/2018


autodeclaração de cor ou raça.

 Homologação das inscrições 10/10/2018 --

1ª Etapa- Prova Escrita – 15/10/2018 -- Commented [PB2]: Prever datas para recurso após cada
etapa eliminatória.
 Resultado da Prova Escrita 26/10/2018 --

2º etapa - análise do pré-projeto mestrado 29/10/2018 06/11/2018

 Resultado da Análise do Pré-Projeto de dissertação 09/11/2018 --

3ª Etapa Defesa Oral do pré-projeto mestrado 12/11/2018 19/11/2018

 Resultado da Defesa Oral do Pré-Projeto 21/11/2018 --

4ª etapa- Análise de Histórico Acadêmico e Currículo Lattes mestrado 22/11/2018 26/11/2018

 Resultado da Análise de Histórico Acadêmico e Currículo 28/11/2018 --

 Resultado Final 03/12/2018 --

 Exame de Proficiência em Língua Estrangeira 07/12/2018 --

 Matrícula Fev/2019 --

OBSERVAÇÃO: A cada etapa caberá recurso observado o artigo 20º das disposições gerais.
ANEXO 2

•Em cumprimento ao prescrito na Portaria Normativa Nº 13, de 11 de maio de 2016 do


Ministério da Educação; à Portaria Normativa Nº 4, de 6 de Abril De 2018 do MPOG - Ministério
do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, bem como à decisão do Seminário Interno do
PPGEduc de março de 2018 que implantou o sistema de cotas em seus processos seletivos de
candidatos a partir do ano de 2018, o PPGEduc estabelece:

• Que, das vagas destinadas ao PPGEduc em seus editais, Mestrado e Doutorado, 5% (cinco por
cento) delas, por linha e curso, sejam destinadas a candidatos que se autodeclararem Pessoa
com Deficiência (PcD); 5% (cinco por cento) para candidatos que se declararem Transgêneros
(CT) e 20% (vinte por cento) para candidatos que se autodeclararem preto, pardo ou indígena
(PPI).

• No ato da inscrição, o candidato que optar por concorrer às vagas previstas no sistema de
cotas do PPGEduc preencherá campo no formulário de inscrição em que se autodeclare preto,
pardo ou indígena (PPI’s), Pessoa com Deficiência (PcD), ou transgêneros (CT). No caso dos PPI’s,
serão observados os quesitos de cor ou raça utilizados pela Fundação Instituto Brasileiro de
Geografia e Estatística (IBGE);

•Os candidatos Pessoa com Deficiência (PcD), transgêneros (CT) e os autodeclarados pretos,
pardos ou indígenas (PPI’s) concorrerão em igualdade de condições e concomitantemente com
os demais candidatos;

•Para concorrer a uma das vagas reservadas à Pessoa com Deficiência (PcD), o candidato deverá:
a) no ato da inscrição, declarar-se Pessoa com Deficiência (PcD); b) encaminhar cópia simples do
CPF e Laudo Médico (original ou cópia autenticada), emitido nos últimos 03 (três) meses por
médico especialista na deficiência apresentada, atestando a espécie e o grau ou nível da
deficiência, com expressa referência ao código correspondente da Classificação Internacional de
Doenças (CID-10), bem como à provável causa da deficiência;

•Consideram-se pessoas com deficiência aquelas que se enquadram nas categorias relacionadas
no Artigo 4º do Decreto Federal nº 3.298/99 e suas alterações, e a Súmula 377 do Superior
Tribunal de Justiça – STJ

•Para concorrer à vaga de reservada à transgênero (CT) o candidato deverá se autodeclarar


pessoa transgênera (o que inclui as categorias de mulheres e homens transexuais e ravestis).

•As vagas definidas para preto, pardo ou indígena (NI), para Pessoas com Deficiência (PcD) e
candidato transgênero (CT) que não forem preenchidas, por falta de candidatos ou de
aprovados, serão direcionadas para a Ampla Concorrência;

•O candidato autodeclarado preto, pardo ou indígena concorre em igualdade de condições


com os demais candidatos às vagas de ampla concorrência (AC) e, ainda, às vagas reservadas
preto, pardo ou indígena (NI). (Art.3º da LEI Nº 12.990, DE 9 DE JUNHO DE 2014);

•A classificação final dos aprovados respeitará os critérios de alternância e de


proporcionalidade, que consideram a relação entre o número total de vagas e o número de
vagas reservadas aos candidatos com deficiência, aos candidatos transgêneros e aos candidatos
preto, pardo ou indígena;

•Os candidatos que se autodeclararem preto, pardo ou indígena serão convocados para
entrevista, perante uma Comissão de Heteroidentificação da autodeclaração de cor ou raça, nos
termos estabelecidos pela Portaria Normativa Nº 4, de 6 de Abril de 2018 do MPOG - Ministério
do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão.

•As entrevistas com candidatos que se autodeclararem preto, pardo ou indígena antecederão
a quaisquer outras etapas do processo seletivo (M/D).

•A Comissão de Heteroidentificação da autodeclaração de cor ou raça, será composta por 5


(cinco) membros, servidores públicos, pesquisadores especialistas no campo compreendido
pela Educação das Relações Étnico_Raciais (ERER’s), membros do Neabi/UFRRJ, e distribuídos
por gênero e cor.

•Os pareceres emitidos por tal Comissão de Heteroidentificação da autodeclaração de cor ou


raça tomarão por base, obrigatoriamente, o prescrito na ORIENTAÇÃO NORMATIVA Nº 3, DE 1º
DE AGOSTO DE 2016 Publicado no DOU de 02/08/2016 e serão encaminhados sob sigilo, ao
Presidente da Banca de Seleção dos candidatos aos cursos M/D do PPGEduc.

•O candidato não enquadrado na condição de preto, pardo ou indígena poderá recorrer da


decisão, em até 48 horas após a divulgação do resultado.

• Em caso de comprovação de informação falsa o candidato será eliminado do processo seletivo,


sem prejuízo de outras eventuais sanções cabíveis.
Anexo 3

QUADRO DE OFERECIMENTO D
E vagas
LINHA 1
Docente Mestrado Doutorado Servidor
Mest. Dout
Aristóteles de Paula Berino 1 1 0 1
Edméa Oliveira dos Santos 1 2 1 0
Fabiane Frota da Rocha Morgado 2 0 0 0
José Henrique dos Santos 1 2 0 0
Marcelo de Almeida Bairral 1 1 1 0
Márcia Denise Pletsch 1 2 0 1
Mauro Guimarães 1 1 0 1
Patrícia Bastos de Azevedo 2 2 0 1
Sandra Regina Sales 1 2 0 1
TOTAL DE VAGAS 11 13 2 5
LINHA 2
Allan Rocha Damasceno 1 2 1 0
Anelise Monteiro do Nascimento 3 0 0 0
José dos Santos Souza 1 2 0 0
Maria Angélica da G. C. Coutinho 1 0 1 0
Máximo Augusto C. Masson 2 0 1 0
Ramofly Bicalho 0 2 0 1
Rodrigo de Azevedo Cruz Lamosa 3 2 1 0
TOTAL DE VAGAS 11 8 4 1
LINHA 3-
Jonas Alves da Silva Júnior 2 3 1 0
TOTAL DE VAGAS 2 3 1 0
As vagas dos servidores não entram no cômputo Geral das vagas ofertadas
ANEXO 4 - ORIENTAÇÕES PARA ELABORAÇÃO DO PROJETO DE TESE

O Projeto de tese (PDF) deverá estar devidamente articulado com a área de concentração do
PPGEduc e com à linha de pesquisa escolhida pelo candidato. Deve ser um texto claro e
consistente, que fundamente o campo problemático, delimite o objeto de investigação,
apresente de modo substantivo, discussão teórica e perspectivas metodológicas, bem como
diálogos com bibliografia de referência pertinente e atualizada.

O projeto de tese deve ter no mínimo 25.000 e no máximo 40.000 caracteres com espaço, 1,5
pt , fonte Times New Roman, folhas de papel tamanho A4, com margens esquerda e superior de
3,0 cm e direita e inferior de 2,5 com espaço e conter:

1. Folha de Rosto: título do anteprojeto ou do projeto de tese; nome do candidato e nome dos
orientadores e nome da linha de pesquisa.
2. Apresentação: apresentar o porquê da sua opção pelo tema, indicando os motivos geradores
da questão a ser estudada.
3. Questão: indicar o que pretende pesquisar, especificando a questão a ser investigada.
3.1. a formulação deve ser clara e explicitar a relação com área de concentração do programa e
com a linha de pesquisa escolhida.
4. Objetivos: explicitar os objetivos da pesquisa.
5. Referencial Teórico: explicitar e discutir o referencial teórico que norteará o trabalho.
6. Metodologia: indicar a metodologia e os procedimentos que pretende adotar, os prováveis
sujeitos, o lócus da pesquisa, os recursos necessários e o cronograma.
7. Referências Bibliográficas: listar as obras citadas no anteprojeto, normas da ABNT.

FICHA DE ORIENTAÇÃO DOS CANDIDATOS VALOR POR


PRODUTO
ITENS AVALIADOS
1 - Formação acadêmica (sem limite temporal)
1.1 - Certificado de especialização na área (Máximo 1) 12
1.2 - Certificado de especialização em áreas afins (Máximo 1) 08
total 20

2 - Formação Complementar (últimos cinco anos) VALOR POR


PRODUTO
2.1 - 1º Curso de formação (Mínimo 180 horas) (1) 5
2.2 - 2º Curso de formação (Mínimo 180 horas) (1) 3
2.3 - Cursos de curta duração (Mínimo 90h) (até 5 produtos) 2
total 10

3 - Atuação Profissional (sem limite temporal) VALOR POR


PRODUTO
3.1 - Disciplina ministrada na graduação e na pós-graduação (máximo 10 3
semestre)

Gestão do Ensino Superior (até 5 anos) 3

Docência educação básica (até 5 anos) 3


Gestão educação básica (até 5 anos) 3

total de pontos 20

4 - Projetos - Pesquisa e Extensão (sem limite temporal) VALOR POR


PRODUTO
4.1 - Coordenação de Projeto de Pesquisa e/ou de Extensão (Máximo 3) 5
4.2-Participação em Equipe ou Grupo de Pesquisa por projeto pesquisa e/ou 2,5
extensão (PIBID, Monitoria, bolsa de extensão, IC, TP, voluntário). (Máximo 4)
total 15

5 - Produção Bibliográfica com ISBN ou ISSN (últimos cinco anos) VALOR POR
PRODUTO

5.1 - Artigos Completos Publicados em Periódicos na área da Educação (Máximo 5,0


3)
5. 2 - Artigos Completos Publicados em Periódicos em outra área (Máximo 4) 1,25
5. 3 - Livros ou Capítulos de livros na área da Educação (Máximo 2) 1,5
5. 4 - Livros ou Capítulos de livros em outra área (Máximo 2) 1,0
5. 5 - Trabalhos Completos em Anais de Eventos na área de Educação (Máximo 3) 2,5
5. 6 -Trabalhos Completos em Anais de Eventos em outra área (Máximo 1) 2,5
5. 7 - Resumos Publicados em eventos na área de Educação (Máximo 5) 1,0
5. 8 -Resumos Publicados em eventos em outra área (Máximo 5) 0,5
5. 9 - Apresentações de Trabalhos na área de Educação (Máximo 5) 1,0
5. 10 - Apresentações de Trabalhos em outra área (Máximo 5) 0,5
total 25

6 - Produção Técnica (últimos cinco anos) VALOR POR


PRODUTO
6.1 - (Máximo 5) 1

total 5,0

7 - Orientação ou Participação em banca (sem limite temporal) VALOR POR


PRODUTO
7. 1 - Participação em bancas (Máximo 5) 0,8
7. 2 - Orientação de Trabalhos de Conclusão de Curso de Graduação ou Pós- 1,5
Graduação ou Iniciação Científica, PIBID, IC, TP, extensão. (Máximo 4)
total 5,0