Você está na página 1de 2

SOLUÇÃO DA AP1 DE ÁLGEBRA I - 2014.

Questão 1 [2,0 pontos]

(a) [1,0 ponto] Utilizando os sinais de união e interseção represente a parte hachurada da figura
abaixo envolvendo os conjuntos A, B e C.

(b) [1,0 ponto] Sejam A = {2, 4} e B = {6, 8, 10}. Defina as relações R e S como:

∀ (x, y) ∈ A × B, xRy se, e somente se, x | y,


∀ (x, y) ∈ A × B, xSy se, e somente se, y − 4 = x.

Liste os pares ordenados que estão em A × B, R, S e R ∩ S.

Solução:
(a) A parte hachurada destacada na figura é dada por C ∩ (A ∪ B).

(b) Sabemos que o produto cartesiano de A e B, denotado por A × B, é o conjunto de todos os


pares ordenados (a, b), com a ∈ A e b ∈ B, veja a aula 1 página 8 do módulo. Dessa forma temos
que:
A × B = {(2, 6) , (2, 8) , (2, 10) , (4, 6) , (4, 8) , (4, 10)} .
Os pares (x, y) ∈ A × B que se relacionam segundo R são:

R = {(2, 6) , (2, 8) , (2, 10) , (4, 8)} .

Para S temos os pares:


S = {(2, 6) , (4, 8)} .
Fazendo a interseção de R com S obtemos

R ∩ S = {(2, 6) , (4, 8)} = S.

Questão 2 [2,0 pontos] Use o Teorema de Indução para verificar a identidade

xn+1 − 1
xn + · · · + x2 + x + 1 =
x−1
para todo número real x 6= 1 e todo número natural n.
ÁLGEBRA 1 AP1 2

Solução: Para n = 0, ambos os membros da igualdade são iguais a 1, portanto, a identidade é


valida neste caso. Supondo que a afirmação se verifique para um certo natural k queremos mostrar
que
k+1 2 xk+2 − 1
x + ··· + x + x + 1 = .
x−1
Comecemos com o primeiro membro da identidade acima e usemos a hipótese de indução para
obter o segundo:

xk+1 − 1 xk+2 − xk+1 + xk+1 − 1 xk+2 − 1


xk+1 + (xk + · · · + x2 + x + 1) = xk+1 + = = .
x−1 x−1 x−1

Questão 3 [2,0 pontos] Decida se as afirmações abaixo são verdadeiras ou falsas. Prove as
verdadeiras e apresente um contra-exemplo para as falsas.

(a) [0,4 ponto] Se um número natural é um quadrado perfeito, então possui uma quantidade par
de divisores naturais (Lembre-se que um número inteiro é um quadrado perfeito quando sua raiz
quadrada é um número inteiro).
(b) [0,6 ponto] Um número natural é um quadrado perfeito se, e somente se, possui uma quanti-
dade ı́mpar de divisores naturais.

(c) [1,0 ponto] Se nenhum dos números naturais q com 1 < q ≤ N divide N , então N é primo.

Solução:

(a) Falso. O número 4 é um quadrado perfeito, contudo seus divisores positivos são {1, 2, 4}.
(b) Verdadeiro. Se A1 é um divisor positivo de N , então existe um inteiro (positivo) A2 tal que
N = A1 A2 . Por definição, A2 também é um divisor de N . Assim os divisores de N aparecem
aos pares, a menos que A1 = A2 , neste caso N = A21 . Logo N possui uma quantidade ı́mpar
de divisores positivos se, e somente se, for um quadrado perfeito.

(c) Verdadeiro. Suponha que nenhum dos números
√ naturais q com 1 < q ≤ N divida N , assim
um divisor√A 6= 1 de N deve satisfazer N < A ≤ N . Mas então existe√ B satisfazendo
1 ≤ B ≤ N tal que N = AB. Ou seja, B é um divisor de N e 1 ≤ B ≤ N , logo B = 1
donde A = N . Portanto, os únicos divisores positivos de N são 1 e N , isto significa que N é
primo.

Questão 4 [2,0 pontos] Qual é o menor número natural positivo que devemos multiplicar a
493920 para que ele se torne um quadrado perfeito? Justifique detalhadamente a sua solução.
Sugestão: Use o Teorema Fundamental da Aritmética

Solução: A fatoração do número dado é 493.920 = 25 × 32 × 5 × 73 . Sabemos que um número é


um quadrado perfeito quando sua fatoração em primos apresenta apenas expoentes pares. Assim
precisamos multiplicar o menor número positivo para que o produto cumpra esta condição. Este
número é claramente 2 × 5 × 7 = 70.

Questão 5 [2,0 pontos] Prove que o conjunto dos números primos é infinito.

Solução: Esse exercı́cio é o Teorema 03 da aula 08, página 17 do módulo ou ainda o vı́deo com
o exemplo 03 que foi disponibilizado na plataforma junto com o material de estudo da semana 2.

Fundação CECIERJ Consórcio CEDERJ