Você está na página 1de 31

Princípios de Modelagem Matemática

Aula 01

Prof. José Geraldo

DM  CEFET/MG
26 de fevereiro de 2019
PMM  O que é?
Avaliação

1 PMM  O que é?
Ementa
Pré-requisitos
Objetivos
Unidades
Bibliograa

2 Avaliação

Prof. José Geraldo Princípios de Modelagem Matemática Aula 01


Ementa
PMM  O que é? Pré-requisitos
Avaliação Objetivos
Unidades
Bibliograa

Ementa

Denições de modelo, modelo matemático, modelagem;

utilização dos modelos matemáticos;

características desejáveis de um modelo;

a modelagem matemática no contexto cientíco;

fases de um trabalho de modelagem;

modelagem das variáveis de um fenômeno;

tipos de modelos matemáticos;

classicação dos modelos matemáticos;

exemplos introdutórios de modelagem matemática.

Prof. José Geraldo Princípios de Modelagem Matemática Aula 01


Ementa
PMM  O que é? Pré-requisitos
Avaliação Objetivos
Unidades
Bibliograa

Pré-requisitos

Rudimentos de Cálculo Diferencial → derivadas totais e


parciais, e seu signicado.

Rudimentos da Teoria de Probabilidade → conceitos


estatísticos primários (média, amostragem).

Rudimentos de Álgebra Linear → manipulação e operações


com matrizes.

Rudimentos de Mecânica → aplicação das leis de Newton e de


alguns princípios da termodinâmica.

Interpretação de grácos.

Bom senso.

Prof. José Geraldo Princípios de Modelagem Matemática Aula 01


Ementa
PMM  O que é? Pré-requisitos
Avaliação Objetivos
Unidades
Bibliograa

Objetivos

São objetivos da disciplina

introduzir, de maneira panorâmica, os princípios e métodos da


modelagem matemática;
possibilitar que o estudante identique métodos de modelagem
matemática mais apropriados a um dado fenômeno;
possibilitar que o estudante interprete e identique a extensão
e os limites de um dado modelo matemático.
Não é objetivo da disciplina

apresentar métodos de resolução (analíticos, simulação


computacional) de problemas matemáticos (EDO, EDP, etc).

Prof. José Geraldo Princípios de Modelagem Matemática Aula 01


Ementa
PMM  O que é? Pré-requisitos
Avaliação Objetivos
Unidades
Bibliograa

Unidades

I. Fundamentos de modelagem matemática

II. Análise dimensional e escalabilidade

III. Aproximação e validação de modelos

IV. Métodos analíticos determinísiticos

V. Métodos analíticos estocásticos

VI. Métodos numéricos

Prof. José Geraldo Princípios de Modelagem Matemática Aula 01


Ementa
PMM  O que é? Pré-requisitos
Avaliação Objetivos
Unidades
Bibliograa

Bibliograa

1 C. L. Dym, Principles of Mathematical Modeling, 2nd ed.


(Elsevier, Amsterdam, 2004).

2 M. Mesterton-Gibbons, A Concrete Approach to Mathematical


Modelling (John Wiley et Sons, New York, 1995).

3 N. Gershenfeld, The Nature of Mathematical Modeling (CUP,


Cambridge, 1998).

4 E. van Groesen, and J. Molenaar, Continuum Modeling in the


Physical Sciences (SIAM, Philadelphia, PA, 2007).

Prof. José Geraldo Princípios de Modelagem Matemática Aula 01


PMM  O que é?
Avaliação

Avaliação

3 provas  20 pontos cada

Exercícios (a serem resolvidos nos trinta minutos nais de uma


aula, em dupla)  20 pontos no total

Trabalho em grupo (artigo + seminário)  20 pontos

Prof. José Geraldo Princípios de Modelagem Matemática Aula 01


Conceito  o que é modelagem matemática?

3 Conceito  o que é modelagem matemática?


Modelos que representam fenômenos
Modelos de dados
Modelos teóricos
Modelo matemático

Prof. José Geraldo Princípios de Modelagem Matemática Aula 01


Modelos que representam fenômenos
Conceito  o que é modelagem matemática? Modelos de dados
Modelos teóricos
Modelo matemático

Conceito

Modelo (s.m.) :
1

1
A. Houaiss, M. S. Villar, Dicionário Houaiss da Língua Portuguesa
(Objetiva, Rio de Janeiro, 2001).
Prof. José Geraldo Princípios de Modelagem Matemática Aula 01
Modelos que representam fenômenos
Conceito  o que é modelagem matemática? Modelos de dados
Modelos teóricos
Modelo matemático

Conceito

Modelo (s.m.) :
1
1. representação em escala reduzida de objeto, obra de arquitetura,
etc. a ser reproduzida em dimensões normais; maquete (...)

1
A. Houaiss, M. S. Villar, Dicionário Houaiss da Língua Portuguesa
(Objetiva, Rio de Janeiro, 2001).
Prof. José Geraldo Princípios de Modelagem Matemática Aula 01
Modelos que representam fenômenos
Conceito  o que é modelagem matemática? Modelos de dados
Modelos teóricos
Modelo matemático

Conceito

Modelo (s.m.) :
1
1. representação em escala reduzida de objeto, obra de arquitetura,
etc. a ser reproduzida em dimensões normais; maquete (...) 4.
reprodução tridimensional, ampliada ou reduzida, de qualquer coisa
real, usualmente como recurso didático (p. ex., partes do corpo
humano, do universo, etc.)

1
A. Houaiss, M. S. Villar, Dicionário Houaiss da Língua Portuguesa
(Objetiva, Rio de Janeiro, 2001).
Prof. José Geraldo Princípios de Modelagem Matemática Aula 01
Modelos que representam fenômenos
Conceito  o que é modelagem matemática? Modelos de dados
Modelos teóricos
Modelo matemático

Conceito

Modelo (s.m.) :
1
1. representação em escala reduzida de objeto, obra de arquitetura,
etc. a ser reproduzida em dimensões normais; maquete (...) 4.
reprodução tridimensional, ampliada ou reduzida, de qualquer coisa
real, usualmente como recurso didático (p. ex., partes do corpo
humano, do universo, etc.) 5. COM. INDÚS. protótipo de um
objeto destinado à fabricação industrial em série (...)

1
A. Houaiss, M. S. Villar, Dicionário Houaiss da Língua Portuguesa
(Objetiva, Rio de Janeiro, 2001).
Prof. José Geraldo Princípios de Modelagem Matemática Aula 01
Modelos que representam fenômenos
Conceito  o que é modelagem matemática? Modelos de dados
Modelos teóricos
Modelo matemático

Conceito

Modelo (s.m.) :
1
1. representação em escala reduzida de objeto, obra de arquitetura,
etc. a ser reproduzida em dimensões normais; maquete (...) 4.
reprodução tridimensional, ampliada ou reduzida, de qualquer coisa
real, usualmente como recurso didático (p. ex., partes do corpo
humano, do universo, etc.) 5. COM. INDÚS. protótipo de um
objeto destinado à fabricação industrial em série (...) 13. FÍS.
esquema que possibilita a representação de um fenômeno ou
conjunto de fenômenos físicos e eventualmente a previsão de novos
fenômenos ou propriedades, tomando como base um certo número
de leis físicas, em geral obtidas ou testadas experimentalmente.
1
A. Houaiss, M. S. Villar, Dicionário Houaiss da Língua Portuguesa
(Objetiva, Rio de Janeiro, 2001).
Prof. José Geraldo Princípios de Modelagem Matemática Aula 01
Modelos que representam fenômenos
Conceito  o que é modelagem matemática? Modelos de dados
Modelos teóricos
Modelo matemático

Conceito

Denição

Para um observador B , um objeto A


∗ é um modelo de um objeto A

na medida em B usa A
∗ para responder questões de seu interesse

sobre A.
a

a
M. L. Minsky, Matter, minds and models, Proceedings of the International
Federation for Information Processing (IFIP) Congress (Spartan Books,
Washington, DC, 1965).

Prof. José Geraldo Princípios de Modelagem Matemática Aula 01


Modelos que representam fenômenos
Conceito  o que é modelagem matemática? Modelos de dados
Modelos teóricos
Modelo matemático

Conceito2

Um modelo cientíco tem uma função representacional:

um modelo pode ser a representação de uma determinada parte


do mundo → modelos de fenômenos ou modelos de dados;
um modelo pode representar uma teoria como ferramenta
interpretativa das leis e axiomas desta teoria.
Estas duas funções não são mutuamente exclusivas.

2
Grande parte desta seção foi baseada em "Models in Science", Stanford
Encyclopedia of Philosophy, accessed February 21, 2017,
http://plato.stanford.edu/entries/models-science/#SemModRep.
Prof. José Geraldo Princípios de Modelagem Matemática Aula 01
Modelos que representam fenômenos
Conceito  o que é modelagem matemática? Modelos de dados
Modelos teóricos
Modelo matemático

Modelos que representam fenômenos

O termo fenômeno deve ser entendido como partes ou


caracteres do mundo que são interessantes do ponto de vista
cientíco.

Exemplos de modelos de fenômenos:

modelos em escala → maquetes;


modelos idealizados → simplicação deliberada de um
fenômeno mais complicado → aristotélico versus galilaico;
modelos analógicos → são inspirados em outros fenômenos;
modelos fenomenológicos ou empíricos → incorporam
princípios e leis associados a teorias, embora não se ajustem a
uma teoria ou que sejam dedutíveis de uma teoria.
Prof. José Geraldo Princípios de Modelagem Matemática Aula 01
Modelos que representam fenômenos
Conceito  o que é modelagem matemática? Modelos de dados
Modelos teóricos
Modelo matemático

Modelos em escala

Protótipos de dispositivos, como partes de um avião, aviões,


carros, etc. usados em teste em túnel de vento são modelos
em escala de tais dispositivos.

Prof. José Geraldo Princípios de Modelagem Matemática Aula 01


Modelos que representam fenômenos
Conceito  o que é modelagem matemática? Modelos de dados
Modelos teóricos
Modelo matemático

Modelos idealizados

Idealização aristotélica: Negligencia-se todas as propriedades


de um objeto que se acredita não serem relevantes ou
importantes para o problema. Ex.: modelos do sistema solar
em que os planetas e o sol são tomados como objetos com
forma e massa, sem levar em conta a estrutura interna → a
estrutura interna destes objetos pode ser desconsiderada para
descrever o movimento dentro de uma escala de tempo
apropriada.

Idealização galilaica: Distorce-se, deliberadamente, os objetos.


Ex.: corpos em movimento de translação são substituídos por
partículas pontuais; agentes econômicos são sujeitos
oniscientes, etc.

Prof. José Geraldo Princípios de Modelagem Matemática Aula 01


Modelos que representam fenômenos
Conceito  o que é modelagem matemática? Modelos de dados
Modelos teóricos
Modelo matemático

Modelos analógicos/empíricos

O modelo da gota líquida para núcleos atômicos é

analógico → usa as similaridades entre o núcleo atômico e a


gota de um líquido incompressível;
fenomenológico → não pode ser derivado ou deduzido de uma
teoria que descreva a gota de um líquido incompressível.

Prof. José Geraldo Princípios de Modelagem Matemática Aula 01


Modelos que representam fenômenos
Conceito  o que é modelagem matemática? Modelos de dados
Modelos teóricos
Modelo matemático

Modelos de dados

Um modelo de dados é uma versão corrigida, reticada, e/ou


idealizada de dados obtidos por observação direta → dados
crus precisam ser cozidos.

Exemplo: medidas realizadas pelo COBE da CMBR.

Prof. José Geraldo Princípios de Modelagem Matemática Aula 01


Modelos que representam fenômenos
Conceito  o que é modelagem matemática? Modelos de dados
Modelos teóricos
Modelo matemático

Modelos de dados

Figura: Mapas do céu produzidos pelo sistema DIRBE (Diuse Infrared


Background Experiment) estabelecido no satélite COBE nos
comprimentos de onda 1.25 e 2.2 µm como observado (topo), seguido da
subtração de um modelo detalhado da luz zodiacal (meio e abaixo). A
luz zodiacal é produzida pelo espalhamento da luz do sol por grãos de
poeira interplanetários (fonte: Nasa,
http://lambda.gsfc.nasa.gov/product/cobe/slide_captions.cfm).
Prof. José Geraldo Princípios de Modelagem Matemática Aula 01
Modelos que representam fenômenos
Conceito  o que é modelagem matemática? Modelos de dados
Modelos teóricos
Modelo matemático

Modelos de dados

Figura: Mapas baseados em observações na faixa de 53 GHz (comprimento de onda


de 5.7 mm) feitos com o DMR (Dierential Microwave Radiometer) ao longo de uma
missão de quatro anos sobre uma escala de 0 - 4 K, mostrando a quase uniformidade
da CMBR (esquerda). No meio, o mesmo mapa em uma escala que aumenta o
contraste devido à anisotropia dipolar e, à direita, o mapa após a subtração da
componente dipolar (fonte: Nasa,
http://lambda.gsfc.nasa.gov/product/cobe/slide_captions.cfm).
Prof. José Geraldo Princípios de Modelagem Matemática Aula 01
Modelos que representam fenômenos
Conceito  o que é modelagem matemática? Modelos de dados
Modelos teóricos
Modelo matemático

Modelos de dados

Figura: Após subtrair a anisotropia dipolar, e as componentes oriundas de emissões


térmicas, devido a poeira e grãos, emissões originadas em gases aquecidos, emissões
radiativas por partículas carregadas aceleradas por campos magnéticos na Via Láctea,
a anisotropia da radiação cósmica de fundo em microondas (CMBR) pode ser vista.
Esta imagem representa a anisotropia detectada em dados coletados durante os dois
primeiros anos de operação do DMR (Dierential Microwave Radiometer) instalado no
satélite COBE (fonte: Nasa,
Prof. José Geraldo Princípios de Modelagem Matemática Aula 01
Modelos que representam fenômenos
Conceito  o que é modelagem matemática? Modelos de dados
Modelos teóricos
Modelo matemático

Modelos teóricos

Um modelo é uma estrutura que torna todas as sentenças de


uma teoria verdadeiras → a estrutura é um modelo uma vez
que é aquilo que a teoria representa →
realização/interpretação.
A dinâmica clássica (teoria) aplicada a um sistema particular
(e.g., o pêndulo), levando-se em conta hipóteses e suposições
pertinentes, é uma interpretação ou realização de uma lei geral
 as leis de Newton do movimento. Em outras palavras, a
descrição do movimento do pêndulo, pela dinâmica
newtoniana, é um modelo teórico do pêndulo.

Prof. José Geraldo Princípios de Modelagem Matemática Aula 01


Modelos que representam fenômenos
Conceito  o que é modelagem matemática? Modelos de dados
Modelos teóricos
Modelo matemático

Exercício

1 O que é uma teoria cientíca? Estabeleça distinção entre


a) teoria e fato;
b) teoria e lei;
c) teoria e conjectura.

Prof. José Geraldo Princípios de Modelagem Matemática Aula 01


Modelos que representam fenômenos
Conceito  o que é modelagem matemática? Modelos de dados
Modelos teóricos
Modelo matemático

Modelo matemático

Modelos cientícos tem função representacional.

Um modelo matemático constitui uma representação, por meio


da linguagem matemática, de algum fenômeno, dispositivo,
dados ou teoria.

Os princípios que orientam a atividade de modelagem


matemática são baseados ou fundamentados nos mesmos
princípios do método cientíco.

Prof. José Geraldo Princípios de Modelagem Matemática Aula 01


Modelos que representam fenômenos
Conceito  o que é modelagem matemática? Modelos de dados
Modelos teóricos
Modelo matemático

Modelo matemático

O método cientíco constitui um modo diferenciado de


construção de um mundo conceitual.

O entendimento dos fenômenos do mundo real se dá em


etapas:

observação;
construção de modelos;
previsão.

Prof. José Geraldo Princípios de Modelagem Matemática Aula 01


Modelos que representam fenômenos
Conceito  o que é modelagem matemática? Modelos de dados
Modelos teóricos
Modelo matemático

Modelo matemático

É desejável que um modelo cumpra, pelo menos, uma das


seguintes funções:

descrever o que é observado;


explicar por que o que é observado ocorreu daquele modo;
prever novos fatos/fenômenos ainda não observados.

Prof. José Geraldo Princípios de Modelagem Matemática Aula 01


Modelos que representam fenômenos
Conceito  o que é modelagem matemática? Modelos de dados
Modelos teóricos
Modelo matemático

O método cientíco

Fases ou estágios do método cientíco:

Formular uma questão → pode ser motivada pela observação


ou experiência.
Formular uma hipótese → conjectura baseada em
conhecimento prévio.
Predição → determinar as consequências lógicas de uma
hipótese.
Teste → vericar se o mundo real valida as predições.
Análise → decidir as próximas ações (melhorar, corrigir,
descartar, etc.)

Prof. José Geraldo Princípios de Modelagem Matemática Aula 01


Modelos que representam fenômenos
Conceito  o que é modelagem matemática? Modelos de dados
Modelos teóricos
Modelo matemático

O método cientíco

Nem todas as fases do método cientíco acontecem ou tem a


mesma importância em uma investigação cientíca.

Se a evidência experimental conrma uma dada predição, a


conança na hipótese cresce, caso contrário, decresce.

Hipóteses não são imediatamente descartadas, caso um


experimento falhe
várias hipóteses estão envolvidas → radiação de corpo negro;
a metodologia não é adequada → óleos vegetais
interestericados afetam o nível de lipídeos;
o experimento não foi corretamente conduzido → o fantasma
do OPERA.
Se uma predição é conrmada por um experimento, isto não
implica na imediata aceitação da hipótese → teoria quântica.

Prof. José Geraldo Princípios de Modelagem Matemática Aula 01