Você está na página 1de 3

HYDAC FILTERTECHNIK GMBH

Postfach 1251, D-66273 Sulzbach/Saar


Industriegebiet , D-66280 Sulzbach/Saar
Telefon (0 68 97) 509-01, Telefax (0 68 97) 509-300
E-Mail: filter@hydac.com, Internet: www.hydac.com

Esclarecimentos gerais para o relatório de laboratório da HYDAC

1 Medição da distribuição de partículas


Tamanho, quantidade e composição de partículas, influenciam substancial-
mente o desgaste de componentes e sistemas hidráulicos. O tamanho e o
número de partículas são averiguados com contadores automáticos de partícu-
las de barreira ótica e classificados com base nas Normas Internacionais
ISO 4406 : 1999.

2 Análise de água
Percentagens mais elevadas de água no óleo acarretam desgaste de compo-
nentes e sistemas hidráulicos. Água no óleo favorece a oxidação do fluido
hidráulico operacional e o surgimento de produtos de reação e o crescimento
de micróbios; causando corrosão e cavitação. Concentrações de água de até
500 ppm (a temperatura de ambiente) de modo geral não são críticas para o
funcionamento de instalações hidráulicas e de lubrificação. Na ultrapassagem
de um teor de umidade de aprox. 500 ppm o sistema deveria ser protegido
contra penetração de umidade e medidas para a desidratação do óleo deveri-
am ser tomadas (p. ex. o emprego de elementos Aquamicron® da HYDAC para
a absorção de água ou o emprego da instalação de evaporação de camada
fina FluidAqua Mobil® da HYDAC).

3 Viscosidade
A escolha e a manutenção da correta viscosidade é uma condição prévia essenci-
al para assegurar as propriedades tribomecânicas exigidas do fluido hidráulico e a
obtenção de uma elevada vida útil dos componentes. Desvios da viscosidade são
atribuídos ao envelhecimento, alta carga hidromecânica ou a mistura do fluido
operacional com outro fluido estranho (p. ex. água). Havendo grandes alterações
da viscosidade recomenda-se uma análise química ou a troca do óleo.

4 Análise gravimétrica
A massa total de sujeira em mg/l é averiguada por meio de uma análise
gravimétrica (filtração de membrana).

5 Número de neutralização TAN


Com este processo pode-se averiguar alterações relativas que se manifestam
em um óleo durante funcionamento sob condições oxidantes. O número de
neutralização serve para determinar o percentual de parte componente ácida
ou alcalina de um óleo.
Ácidos, principalmente aqueles solúveis em água, podem atacar os materiais
com os quais o óleo mineral está em contato.

6 Análise de contaminação microscópica


Os materiais sólidos de uma amostra de fluido podem ser separados com a
ajuda do método de filtragem por membrana e em seguida podem ser avalia-
dos por microscópico. Para isto é succionado uma determinada quantidade de
amostra do fluido através de um filtro de membrana. O resíduo é lavado com
uma solução de solvente, é secado, e em seguida examinado quanto à
quantidade, tamanho e tipo de partículas.

7 Análise espectrométrica do óleo e pesquisas especiais


Para solucionar problemas técnicos de aplicação que se apresentarem, outros
métodos de análise podem ser empregados tais como p. ex. análise
espectrométrica do óleo para determinar os metais de desgaste, aditivos de
fluido e contaminações ou a espectroscopia infravermelha para determinar os
materiais orgânicos e o grau de envelhecimento do óleo.
Classes de contaminação (Nº de Código)
conforme ISO 4406 : 1999

Número de partículas Classe Número de partículas Classe


(quant. partículas/ml) (quant. partículas/ml)
de até Nº de até Nº
2 500 000 > 28 160 320 15
1 300 000 2 500 000 28 80 160 14
40 80 13
640 000 1 300 000 27
20 40 12
320 000 640 000 26
10 20 11
160 000 320 000 25 5 10 10
80 000 160 000 24 2,5 5 9
40 000 80 000 23 1,3 2,5 8
20 000 40 000 22 0,64 1,3 7
10 000 20 000 21 0,32 0,64 6
0,16 0,32 5
5 000 10 000 20
0,08 0,16 4
2 500 5 000 19
0,04 0,08 3
1 300 2 500 18 0,02 0,04 2
640 1 300 17 0,01 0,02 1
320 640 16 0,005 0,01 0

ISO 22/18/13 conforme ISO 4406 : 1999 significa:


20 000 até 40 000 partículas por 1 ml > 4 µm (c)
1 300 até 2 500 partículas por 1 ml > 6 µm (c)
40 até 80 partículas por 1 ml > 14 µm (c)

1.000.000,00
26
25
22 / 18 / 13 24
100.000,00 23
22 22
21
10.000,00 20
19
Partículas / ml > Tamanho de Partículas

18 18
Partikel / ml > Partikelgröße

17
1.000,00
16
ISO 4406 Classe

15
14
100,00 13 13
12
11
10,00 10
9
8

1,00 7
6
5
4
0,10
3
2
1
0,01 0
0 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16
Tamanho de partícula (µm)
HYDAC FILTERTECHNIK GMBH
Postfach 1251, D-66273 Sulzbach/Saar
Industriegebiet , D-66280 Sulzbach/Saar
Telefon (0 68 97) 509-01, Telefax (0 68 97) 509-300
E-Mail: filter@hydac.com, Internet: www.hydac.com

Recomendação de classe de pureza:


Para assegurar a segurança de funcionamento de sistemas hidráulicos e para
obter a melhor proteção possível contra desgaste de componentes,
recomenda-se a observância das classes de pureza relacionadas a seguir.
Filtros com uma característica de separação de partículas confiável, uma
concepção de filtração cuidadosamente escolhida e constante monitoramento
da pureza do óleo, asseguram a manutenção da classe de pureza requerida.

Tipo de sistema e faixa de aplicação Classe de pureza


recomendada

ISO 4406
Sistemas com servohidráulica sensíveis
à micro-contaminação ultrafina 15/13/10
Hidráulica industrial
- Técnica proporcional
- Sistemas de alta pressão 17/15/12
Hidráulica industrial e móbil
- técnica de válvulas de comando eletromagnéticas
- Sistemas de média e baixa pressão 19/17/14
Técnica de óleos lubrificantes 16/14/12
Aplicações de fluidos especiais Aumento da pureza de
sistema em aprox. 1 - 2 classes

Em caso de ultrapassar as classes de pureza recomendadas, é necessário melhorar


o sistema de filtração, eliminar influências de falhas, ou instalar uma filtração auxiliar
de fluxo secundário (p. ex. emprego de filtros Betamicron® da HYDAC ou filtros de
qualidade ECOmicron®, sistemas de cuidados do óleo e sistemas de diagnósticos)

Classes de contaminação conforme SAE AS 4059:2001


Número de particulas máx. (100 ml)
> 4 µm (c) > 6 µm (c) > 14 µm (c) > 21 µm (c) > 38 µm (c) > 70 µm (c)
SAE A B C D E F
Code
000 195 76 14 3 1 0
00 390 152 27 5 1 0
0 780 304 54 10 2 0
1 1.560 609 109 20 4 1
2 3.120 1.220 217 39 7 1
Classe

3 6.250 2.430 432 76 13 2


4 12.500 4.860 864 152 26 4
5 25.000 9.730 1.730 306 53 8
6 50.000 19.500 3.460 612 106 16
7 100.000 38.900 6.920 1.220 212 32
8 200.000 77.900 13.900 2.450 424 64
9 400.000 156.000 27.700 4.900 848 128
10 800.000 311.000 55.400 9.800 1.700 256
11 1.600.000 623.000 111.000 19.600 3.390 512
12 3.200.000 1.250.000 222.000 39.200 6.780 1.020

SAE Code 11A/8B/5C conforme SAE AS 4059:2001 significa:


800.001 até 1.600.000 partículas por 100 ml > 4 µm (c)
38.901 até 77.900 partículas por 100 ml > 6 µm (c)
865 até 1.730 partículas por 100 ml > 14 µm (c)