Você está na página 1de 18

1

ETB – ESCOLAS TÉCNICAS DO BRASIL

CURSO DE MECATRÔNICA

Laudemir Vieira Pereira

Elton José da Gama

Phelipi de Godoy Nogueira

ACIONADOR DE DISPARO PARA A


MÁQUINA DE RAIO-X
2

PIRACICABA

2015

ETB – ESCOLAS TÉCNICAS DO BRASIL

CURSO DE MECATRÔNICA

Laudemir Vieira Pereira

Phelipi Godoy

Elton José da Gama

ACIONADOR RF DE DISPARO PARA A


MÁQUINA DE RAIO-X

Trabalho
de Projeto Integrador apresentado à
Escola Técnica do Brasil, como parte
dos requisitos necessários à
conclusão do 1° Módulo de
Mecatrônica.
3

Orient
ador: Prof°

PIRACICABA

2015
4

AGRADECIMENTOS

Queremos agradecer a Deus, a nossos Professores


que nos ajudou com a construção do TCC, e pela força que tem nos dado
conforme estava ao seu alcance, e a Laudemir Vieira Pereira que colaborou com
seus conhecimentos e experiências de serviços, fazendo com que o nosso TCC
fosse menos trabalhoso. E a todos do grupo que colaboraram com ideias e
disposição deste trabalho.
5

RESUMO

O projeto trata-se de um equipamento que com


certeza vai melhorar o funcionamento de equipamentos de raio x, sendo nossa
ideia minimizar os danos a vida humana, já que em pesquisas cada vez mais
está sendo um desafio para milhares de empresas e pesquisadores que tentam
encontrar as soluções para esses equipamentos e danos que causam. O
mecanismo desenvolvido a seguir é voltado para consultórios odontológico,
podendo ser expandido para área hospitalar, com algumas melhorias de acordo
com a necessidade de cada local.
6

custo beneficio

lados positivos e negativos

SUMÁRIO

1.INTRODUÇÃO.........................................................
....................................................
081.1

2.
Objetivo..................................................................................................................
..... 09

3.Metodologia..............................................................
....................................................
10

4.Conclusão.................................................................
...................................................
11

5.Referência................................................................
....................................................
12
7
8

1. INTRODUÇÃO

1.1 EXPLANAÇÕES DO TRABALHO

Uma máquina de raio-x é um equipamento que


apresenta a estrutura óssea, ele faz isso utilizando-se de radiação sobre a parte
do corpo, onde atrás do corpo ficará um papel especial que mostrará a estrutura
óssea (pode citar como produz a radiação)

A radiação do equipamento funciona com o choque entre os elétrons e o


elemento de tungstênio que produz o feixe de radiação(fóton), essa radiação
possui uma força grande que é contida pelo chumbo do equipamento fazendo
com que ele saia apenas por uma fresta existente na caixa de chumbo, a forte
radiação dessas colisões que em contato com o corpo humano atravessa a pele
como se fosse transparente fazendo com que somente o osso se torne
9

resistente, é como em uma máquina de fotografia, é colocado uma placa que


capture a radiação, como o osso não deixa passar a radiação essa resistência
fica gravada no papel mostrando que esse lugar é o osso e como ele se encontra,
e assim temos um raio-x da perna, braço, etc.

O presente trabalho levou em consideração as máquinas de raio-x utilizadas


nos laboratórios de odontologia, onde para tirar uma radiografia bocal do
paciente o profissional conduzira o paciente a frente da máquina, direcionando
o aparelho ao local onde será feito o raio-x .
Após o posicionamento o profissional ligara o aparelho e levara o controle(o qual
possui um cabo conectado) e levará até o cômodo ao lado onde estará protegido,
após posicionar o aparelho de radiografia na parte da boca do paciente é levado
um cabo onde acionaram o equipamento, esse local é atrás de uma parede
revestida por elementos que os protejam da radiação.

1Os riscos da radiação são um problema por


que são uma forma de radiação ionizante. Quando a luz normal atinge um
átomo, ela não muda esse átomo de maneira significativa. Mas quando raios X
atingem um átomo, ele pode expulsar elétrons do átomo para criar um íon, um
átomo eletricamente carregado. Então, os elétrons livres colidem com outros
átomos para criar mais íons.

A carga elétrica de um íon pode gerar uma reação


química anormal dentro das células. Entre outras coisas, a carga pode quebrar
as cadeias de DNA. Uma célula com uma cadeia de DNA quebrada pode
morrer ou o DNA desenvolver uma mutação. Se várias células morrerem, o
corpo pode desenvolver várias doenças. Se o DNA sofrer mutação a célula
pode se tornar cancerígena - e este câncer pode se espalhar. Se a mutação é
em um espermatozoide ou em um óvulo, pode causar defeitos de nascença.
Por causa de todos esses riscos, atualmente os médicos usam os raios X
moderadamente.
10

O perigo da exposição é tanto que o profissional


operador de Raio-X dá direito à jornada de trabalho de 24 horas semanais, nos
termos do artigo 14 da Lei nº 7.394 /85. O que equivale a aproximadamente 4
horas diárias.

01.2 DESCRIÇÃO

Os profissionais da área de radiologia já possuem


proteção na lei para trabalharem menos horas por dia e conseguem
aposentadoria mais cedo, isso ocorre pois, a exposição à radiação é totalmente
prejudicial à saúde do trabalhador.

Conforme explanado no item acima, o trabalhador ao


utilizar uma máquina de raio-x, em nosso caso na clínica odontológica,
faz...........................(repetir a ideia do item acima) ..............................................

Conforme se pode observar através da foto abaixo, o


cabo preto em forma de espiral é o cabo que deve ser levado até um cômodo
onde terá proteção contra radiação e então acionado o exame com radiação.
11

1.5 OBJETIVO DO GRUPO

O objetivo principal é o acionamento a distancia,


fazendo a substituição do controle pelo AC 100 jfl.
1.3 DO PROJETO

O projeto visa a melhoria na parte do acionamento da


máquina de raio-x Spectro 70x, com isso conseguimos a redução do uso de fios
e cabos para acionamento da máquina, sendo assim a ideia trouxe as vantagens
de minimizar a degradação do meio ambiente, também a não dependência de
materiais desnecessários e com consequência a preservação da saúde do
profissional ao evitar sua exposição ao ambiente quando a máquina está ligada.

Vista também evitar o retrabalho do profissional.


Segundo o dicionário “re·tra·ba·lhar” - Trabalhar novamente. "retrabalho", in
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa, 2008-2013,
http://www.priberam.pt/dlpo/retrabalho [consultado em 18-08-2015]. O
retrabalho será evitado pois o operador não irá mais entrar e desligar a máquina
até o próximo entrar e ligar novamente a máquina, sendo assim com o acionador
ele apenas orientara o cliente a ficar na posição e ativara de um lugar seguro e
então desligara do lugar seguro mesmo o aparelho.

Ademais, como maior objetivo do nosso trabalho, a


eliminação do cabo de acionamento por um sistema de acionamento via rádio
almeja a preservação da saúde do profissional, sendo certo que sem a utilização
do cabo o profissional evitara entrar no consultório para guardar o controle

.6 IDEALIZAÇÃO

Veio da necessidade de criação de novos


equipamentos e recursos visando qualidade de vida

(Idealizamos uma melhora no ambiente de trabalho


assim como também uma modernização no ambiente e quem sabe incentivar
futuras melhoras). E com o sucesso do produto despertar melhoras no
12

equipamento quem sabe tornando essa uma atitude nossa atividade comercial
para quem, não quer comprar uma máquina que venha com isso e sim aproveitar
as que já estejam em seus consultórios.

1.7 LISTA DE MATERIAIS:

● AC100 jfl receptora


13

2. OBJETIVO

'

Temos como objetivo mostrar que é possível melhorar na proteção da saúde das
pessoas que mexem com radiação, e como coisas básicas podem ser muito uteis para
essa preservação!
14

3. METODOLOGIA

O projeto utilizou-se de fontes exploratórias de vídeos


do youtube, sites de referencia sobre o assunto, datasheet, conhecimentos sobre
eletronicas adquiridos em outros cursos, e principalmente de experiências com
serviços parecidos como instações de faceis execuções.
15

4. CONCLUSÃO

O trabalho despertou interesse do grupo em


desenvolver algo menos complexo, visando aproveitar o tempo do curso e as
pessoas nela envolvidas, e seus próprios conhecimentos.

4.1 ACERTOS
16
17

5. REFERÊNCIAS

Disponível em:
https://www.youtube.com/watch?v=d_YtlwQMEZs Acesso 11 jun 2014.

https://www.youtube.com/watch?v=jiAhiu6UqXQ

HARRIS. A. Kelly e M.J. Administração da


Manutenção Industrial. São Paulo: Atlas,1987.

AFFONSO, Luiz Otávio Amaral. Equipamentos


mecânicos: análise de falhas e solução de problemas. Rio de Janeiro:
Qualitymark, 2005.

Como funciona maquina de raio-x


http://ciencia.hsw.uol.com.br/raios-x2.htm

Vendedor da maquina de raio-x:


https://www.dabiatlante.com.br/depoimentos

Datashet do aparelho:
http://www.dentalspeedgraph.com.br/dbmanual/Manual%20Ion%2070X%20Pro
cion.pdf
18