Você está na página 1de 5
QUESTÕES – PROTEÇÃO AO PATRIMÔNIO PÚBLICO 1- Analise as assertivas abaixo acerca das sanções aplicadas

QUESTÕES PROTEÇÃO AO PATRIMÔNIO PÚBLICO

1- Analise as assertivas abaixo acerca das sanções aplicadas no âmbito da ação de improbidade

administrativa, e assinale a alternativa CORRETA.

I Na hipótese de condenação pela prática de ato de improbidade administrativa que atenta

contra os princípios da administração pública, as penalidades de suspensão dos direitos políticos

e de proibição de contratar com o Poder Público ou receber benefícios ou incentivos fiscais ou

creditícios não podem ser fixadas aquém do mínimo previsto no art. 12, III, da Lei n. 8.429/1992.

II Não é possível, no âmbito de ação civil pública de improbidade administrativa, a condenação de membro do Ministério Público à pena de perda da função pública prevista no art. 12 da Lei

8.429/1992

III Se a conduta do agente se amoldar em mais de uma figura típica da LIA, é possível a sua

condenação, de forma cumulada, às sanções correspondentes a cada tipo incorrido pelo agente.

a)

Todas estão corretas.

b)

Apenas I e II estão corretas.

c)

Apenas I está correta.

d)

Apenas II e III estão corretas.

e)

Todas estão incorretas

2-

Analise as assertivas abaixo e assinale a alternativa CORRETA.

I Ao particular aplica-se o mesmo regime prescricional previsto na lei de improbidade administrativa para os agentes públicos.

II É possível a propositura de ação de improbidade exclusivamente contra o particular, sem a concomitante presença de agente público no polo passivo da demanda

III Sujeito ativo é a pessoa física ou jurídica que pratica o ato de improbidade administrativa;

concorre para a sua prática; ou dele se beneficia.

a) Todas estão corretas.

b) Apenas I e II estão corretas.

c) Apenas I e III estão corretas.

d) Apenas II e III estão corretas.

Facebook: CP IURIS Instagram: @cpiuris Email: contato@cpiuris.com.br www.cpiuris.com.br
Facebook: CP IURIS
Instagram: @cpiuris
Email: contato@cpiuris.com.br
www.cpiuris.com.br
e) Todas estão incorretas 3- Analise as assertivas abaixo sobre os atos de improbidade administrativa

e)

Todas estão incorretas

3-

Analise as assertivas abaixo sobre os atos de improbidade administrativa que causam Prejuízo

ao

Erário nos termos da LIA, e assinale a alternativa CORRETA.

I Facilitar ou concorrer por qualquer forma para a incorporação ao patrimônio particular, de pessoa física ou jurídica, de bens, rendas, verbas ou valores integrantes do acervo patrimonial das entidades mencionadas no art. 1º desta lei;

II Permitir que se utilize, em obra ou serviço particular, veículos, máquinas, equipamentos ou material de qualquer natureza, de propriedade ou à disposição de qualquer das entidades mencionadas no art. 1° desta lei, bem como o trabalho de servidor público, empregados ou terceiros contratados por essas entidades

III Doar à pessoa física ou jurídica bem como ao ente despersonalizado, ainda que de fins

educativos ou assistências, bens, rendas, verbas ou valores do patrimônio de qualquer das entidades mencionadas no art. 1º desta lei, sem observância das formalidades legais e

regulamentares aplicáveis à espécie

a) Todas estão corretas.

b) Apenas I e II estão corretas.

c) Apenas I e III estão corretas.

d) Apenas II e III estão corretas.

e) Todas estão incorretas

4- Nos exatos termos da Lei de Improbidade Administrativa, são atos de improbidade administrativa que causam enriquecimento ilícito, exceto.

a) Receber, para si ou para outrem, dinheiro, bem móvel ou imóvel, ou qualquer outra

vantagem econômica, direta ou indireta, a título de comissão, percentagem, gratificação ou presente de quem tenha interesse, direto ou indireto, que possa ser atingido ou amparado por

ação ou omissão decorrente das atribuições do agente público;

b) Utilizar, em obra ou serviço particular, veículos, máquinas, equipamentos ou material de

qualquer natureza, de propriedade ou à disposição de qualquer das entidades mencionadas no

art. 1° desta lei, bem como o trabalho de servidores públicos, empregados ou terceiros contratados por essas entidades;

c) Adquirir, para si ou para outrem, no exercício de mandato, cargo, emprego ou função pública, bens de qualquer natureza cujo valor seja desproporcional à evolução do patrimônio ou à renda

do

agente público;

d)

Aceitar emprego, comissão ou exercer atividade de consultoria ou assessoramento para

pessoa física ou jurídica que tenha interesse suscetível de ser atingido ou amparado por ação ou

omissão decorrente das atribuições do agente público, durante a atividade;

e) Permitir ou facilitar a alienação, permuta ou locação de bem integrante do patrimônio de

qualquer das entidades referidas no art. 1º desta lei, ou ainda a prestação de serviço por parte delas, por preço inferior ao de mercado.

5- À luz do quanto previsto na LIA, marque a alternativa incorreta. a) Ocorrendo lesão

5- À luz do quanto previsto na LIA, marque a alternativa incorreta.

a) Ocorrendo lesão ao patrimônio público por ação ou omissão, dolosa ou culposa, do agente ou

de terceiro, dar-se-á o ressarcimento proporcional do dano.

b) Será punido com a pena de demissão, a bem do serviço público, sem prejuízo de outras sanções

cabíveis, o agente público que se recusar a prestar declaração dos bens, dentro do prazo

determinado, ou que a prestar falsa.

c) Estão sujeitos às penalidades da LIA os atos de improbidade praticados contra o patrimônio de

entidade que receba subvenção, benefício ou incentivo, fiscal ou creditício, de órgão público bem como daquelas para cuja criação ou custeio o erário haja concorrido ou concorra com menos de cinquenta por cento do patrimônio ou da receita anual, limitando-se, nestes casos, a sanção patrimonial à repercussão do ilícito sobre a contribuição dos cofres públicos.

d) A posse e o exercício de agente público ficam condicionados à apresentação de declaração dos

bens e valores que compõem o seu patrimônio privado, a fim de ser arquivada no serviço de pessoal competente.

e) Acerca da declaração de bens deverá compreender imóveis, móveis, semoventes, dinheiro,

títulos, ações, e qualquer outra espécie de bens e valores patrimoniais, localizado no País ou no exterior, e, quando for o caso, abrangerá os bens e valores patrimoniais do cônjuge ou companheiro, dos filhos e de outras pessoas que vivam sob a dependência econômica do declarante, excluídos apenas os objetos e utensílios de uso doméstico.

6- Complete corretamente a lacuna nos termos da Lei de Improbidade Administrativa.

Independentemente das sanções penais, civis e administrativas previstas na legislação específica, está o responsável pelo ato de improbidade sujeito às seguintes cominações, que podem ser aplicadas isolada ou cumulativamente, de acordo com a gravidade do fato na hipótese do art. 9°, perda dos bens ou valores acrescidos ilicitamente ao patrimônio, ressarcimento integral do dano, quando houver, perda da função pública, suspensão dos direitos políticos de anos, pagamento de multa civil de até três vezes o valor do acréscimo patrimonial e proibição de contratar com o Poder Público ou receber benefícios ou incentivos fiscais ou creditícios, direta ou indiretamente, ainda que por intermédio de pessoa jurídica da qual seja sócio majoritário, pelo prazo de dez anos;

a) Cinco a oito anos.

b) Oito a dez anos.

c) Três a cinco anos.

d) Cinco a dez anos.

e) Três a oito anos.

7- Marque a alternativa incorreta.

a) Qualquer pessoa poderá representar à autoridade administrativa competente para que seja

instaurada investigação destinada a apurar a prática de ato de improbidade.

b) A ação principal, que terá o rito sumário, será proposta pelo Ministério Público ou pela pessoa

jurídica interessada, dentro de trinta dias da efetivação da medida cautelar.

c) A Fazenda Pública, quando for o caso, promoverá as ações necessárias à complementação do

c) A Fazenda Pública, quando for o caso, promoverá as ações necessárias à complementação do

ressarcimento do patrimônio público.

d) O Ministério Público, se não intervir no processo como parte, atuará obrigatoriamente, como

fiscal da lei, sob pena de nulidade.

e) Havendo fundados indícios de responsabilidade, a comissão representará ao Ministério Público

ou à procuradoria do órgão para que requeira ao juízo competente a decretação do sequestro dos bens do agente ou terceiro que tenha enriquecido ilicitamente ou causado dano ao patrimônio público, quando for o caso, o pedido incluirá a investigação, o exame e o bloqueio de bens, contas bancárias e aplicações financeiras mantidas pelo indiciado no exterior, nos termos da lei e dos tratados internacionais.

8- Analise as assertivas abaixo e assinale a alternativa CORRETA.

I - Existem atos de improbidade administrativa culposos que causam prejuízo ao erário.

II - São imprescritíveis as ações de ressarcimento ao erário fundadas na prática de ato doloso tipificado na Lei de Improbidade Administrativa.

III - É prescritível a ação de reparação de danos à Fazenda Pública decorrente de ilícito civil.

a) Todas estão corretas.

b) Apenas I e II estão corretas.

c) Apenas I e III estão corretas.

d) Apenas II e III estão corretas.

e) Todas estão incorretas

9- Marque a alternativa incorreta.

a) No caso da conduta de frustrar a licitude de processo licitatório ou de processo seletivo para

celebração de parcerias com entidades sem fins lucrativos, ou dispensá-los indevidamente não se exige a presença do efetivo dano ao erário, para a configuração dos atos de improbidade administrativa previstos no art. 10 da Lei nº 8.429/92.

b) Os atos de improbidade administrativa importarão a suspensão dos direitos políticos, a perda

da função pública, a indisponibilidade dos bens e o ressarcimento ao erário, na forma e gradação

previstas em lei, sem prejuízo da ação penal cabível.

c) Nas hipóteses dos Atos de Improbidade Administrativa que Causam Prejuízo ao Erário (art. 10),

caberá ao responsável o ressarcimento integral do dano, perda dos bens ou valores acrescidos ilicitamente ao patrimônio, se concorrer esta circunstância, perda da função pública, suspensão dos direitos políticos de oito a dez anos, pagamento de multa civil de até duas vezes o valor do dano e proibição de contratar com o Poder Público ou receber benefícios ou incentivos fiscais ou creditícios, direta ou indiretamente, ainda que por intermédio de pessoa jurídica da qual seja sócio majoritário, pelo prazo de cinco anos

d) Nas hipóteses dos Atos de Improbidade Administrativa que Atentam Contra os Princípios da Administração Pública (art. 11), caberá ao responsável o ressarcimento integral do dano, se houver, perda da função pública, suspensão dos direitos políticos de três a cinco anos, pagamento de multa civil de até cem vezes o valor da remuneração percebida pelo agente e proibição de contratar com o Poder Público ou receber benefícios ou incentivos fiscais ou creditícios, direta ou

indiretamente, ainda que por intermédio de pessoa jurídica da qual seja sócio majoritário, pelo prazo

indiretamente, ainda que por intermédio de pessoa jurídica da qual seja sócio majoritário, pelo prazo de três anos.

e) Nas hipóteses dos Atos de Improbidade Administrativa Decorrentes de Concessão ou Aplicação

Indevida de Benefício Financeiro ou Tributário prevista no art. 10-A, caberá ao responsável a perda da função pública, suspensão dos direitos políticos de 5 (cinco) a 8 (oito) anos e multa civil de até 3 (três) vezes o valor do benefício financeiro ou tributário concedido

10- Analise as assertivas abaixo e assinale a alternativa CORRETA.

I - Quando o ato de improbidade causar lesão ao patrimônio público ou ensejar enriquecimento ilícito, caberá a autoridade administrativa responsável pelo inquérito representar ao Ministério Público, para a indisponibilidade dos bens do indiciado.

II - A ausência da notificação do réu para a defesa prévia, prevista no art. 17, § 7º, da Lei de Improbidade Administrativa é causa de nulidade absoluta.

III - A presença de indícios de cometimento de atos ímprobos não autoriza o recebimento da petição inicial na ação de improbidade administrativa.

a) Todas estão corretas.

b) Apenas I e II estão incorretas.

c) Apenas I e III estão incorretas.

d) Apenas II e III estão incorretas.

e) Todas estão incorretas