Você está na página 1de 16

Novena das Rosas

Santa Terezinha do Menino Jesus

“Santíssima Trindade, Pai, Filho e espírito Santo, eu Vos agradeço todos os favores e todas as
graças com que enriquecestes a alma de vossa serva Santa Terezinha do Menino Jesus,
durante os 24 anos que passou na terra. E pelos méritos de tão querida Santinha, concedei-me
a graça que ardentemente Vos peço (…faça aqui o pedido…) se for conforme a vossa
santíssima vontade e para a salvação de minha alma.”

Em seguida rezam-se 24 vezes “Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo, assim como era no
princípio, agora e sempre, por todos os séculos dos séculos. Amém!”. A cada “Glória ao Pai”
pode-se acrescentar “Santa Terezinha do Menino Jesus, rogai por nós!”.

Oração à Providência Santíssima

Providência Santíssima do Eterno, Onipotente e Misericordiosíssimo Deus, que tudo tendes


providenciado e providenciareis para o nosso bem; providenciai em todas as nossas
necessidades. Assim creio, assim espero. Seja sempre feita a vossa santíssima vontade.
Amém.

Santa Terezinha do Menino Jesus, rogai por nós!

Para finalizar: Pai-Nosso e Ave Maria.

Agradecimento.

VINTE E QUATRO ROSAS PARA SANTA TERESINHA


Ir. Adriana, OCD
1º DIA: A Rosa do Amor à Igreja

“Ó meu Jesus! Amo-te, amo a Igreja, minha Mãe, lembro-me que: ‘O menor movimento
de puro amor lhe é mais útil que todas as outras obras reunidas’. (...) A Igreja tem um
coração e esse coração arde de amor. Compreendi que só o Amor leva os membros da
Igreja a agir... No Coração da Igreja, eu serei o Amor!”
Concedei-nos, Senhor, a graça de um ardente amor à Igreja, a fim de que contribuamos
com nossas obras e orações para seu crescimento e santidade, a exemplo de Santa
Teresinha do Menino Jesus. Amém.

Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. Como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Santa Teresinha do Menino Jesus e da Sagrada Face, rogai por nós!

2º DIA: A Rosa da Amizade

Desde a infância, Teresinha tinha uma amiga muito querida: Celina Maudelonde. Por
ocasião do casamento desta amiga, ela escreveu: “Já se foram para nós os dias
abençoados da nossa infância! Estamos agora na seriedade da vida, o caminho que
seguimos é muito diferente, mas a meta é a mesma. Ambas devemos ter um mesmo
objetivo: santificarmo-nos pela via que Deus nos indicou”.

Senhor Jesus, Divino Amigo, abençoai todas as pessoas que colocastes em nossas
vidas; a fim de que a amizade que nos une, possa nos aproximar mais de Vós e nos
manter no caminho da perfeição. Amém.

Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. Como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Santa Teresinha do Menino Jesus e da Sagrada Face, rogai por nós!

3º DIA: A Rosa do Não Julgar

“Sinto que quando sou caridosa é só Jesus que age em mim. Quando tenho diante dos
olhos os defeitos de tal ou qual irmã que me é menos simpática, apresso-me em
procurar ver suas virtudes, seus bons desejos... Isso me impede de sentir vaidade
quando sou julgada favoravelmente, pois digo a mim mesma: se meus atos de virtude
são vistos como imperfeições, pode também haver engano e considerar-se como ato de
virtude o que não passa de imperfeição. Portanto, quero ter sempre pensamentos
caridosos, pois Jesus disse: Não julgueis e não sereis julgados”.

Senhor Jesus, abri nosso coração ao Amor! Dai-nos a graça de amar nossos irmãos e
irmãs como Vós os amais e tornai-nos indulgentes em relação às fraquezas dos outros,
assim como Vós sois paciente e compassivo para conosco. Amém.

Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. Como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Santa Teresinha do Menino Jesus e da Sagrada Face, rogai por nós!

4º DIA: A Rosa do Acolhimento

“...Quando pego a pena para escrever, eis que uma boa irmã passa perto de mim. Pensa
distrair-me conversando um pouco comigo. Feno, patos, galinhas, visita do médico, tudo
é assunto de conversa. Na verdade isso não se alonga, mas há mais de uma irmã
caridosa e, de repente, outra jardineira coloca flores no meu colo, pensando, talvez,
inspirar-me ideias poéticas. Enfim, cansada de abrir e fechar este famoso caderno, abro
um livro que não quer ficar aberto... Não sei se consegui escrever dez linhas sem ter
sido interrompida. Isso não deveria levar-me a rir, nem a me divertir, porém, pelo amor
de Deus e das minhas irmãs, tão caridosas para comigo, procuro assumir um ar de
contentamento e, sobretudo, ficar contente...”

Senhor Deus, nós vos pedimos que, inspirados por Santa Teresinha, saibamos acolher a
todas as pessoas que vêm a nós; a fim de que, por vossa graça, elas experimentem a
alegria e a ternura do vosso amor. Amém.

Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. Como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Santa Teresinha do Menino Jesus e da Sagrada Face, rogai por nós!

5º DIA: A Rosa do Esquecimento de Si

“Deus fazia-me sentir que a verdadeira glória é aquela que durará eternamente e que
para alcançá-la não são necessárias obras grandiosas, basta esconder-se e praticar a
virtude de forma que a mão esquerda ignore o que faz a mão direita...”

Senhor Deus, que vedes o que está escondido e não deixais de recompensar nenhum
gesto de bondade, feito por amor a vós; concedei-nos a graça do esquecimento de nós
mesmos, para que possamos, a exemplo de Santa Teresinha, buscar aquela glória que
não aparece aos olhos dos homens. Amém.

Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. Como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Santa Teresinha do Menino Jesus e da Sagrada Face, rogai por nós!

6º DIA: A Rosa do Amor à Virgem Maria

“Nossa Senhora nunca deixa de me proteger quando a invoco. Se me vem uma


inquietação, um problema, logo me dirijo a ela e sempre, como a mais terna das Mães,
ela toma conta dos meus interesses...”

Virgem Maria, Mãe de Ternura, olhai para as nossas necessidades e de nossos


familiares; olhai também para as necessidades de tantas pessoas que nós não
conhecemos: que passam fome, sede e frio; que vivem em campos de refugiados ou são
exilados de sua Pátria; tantos idosos abandonados e doentes sem assistência... Que
eles experimentem o conforto do vosso amor materno e a proximidade de nossas
orações. Amém.

Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. Como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Santa Teresinha do Menino Jesus e da Sagrada Face, rogai por nós!

7º DIA: A Rosa da Humildade

“Entregai-vos demasiado ao que fazeis, como se cada coisa fosse vosso fim último e
esperais sem cessar ter chegado a ele... O futuro preocupa-vos como se devêsseis
organizá-lo. Compreendo então vossa ansiedade; estais o tempo todo a pensar: Ó meu
Deus, isso tudo vai sair de minhas mãos! Todos procuram assim os sucessos, é a via
comum; os que não os buscam são unicamente os pobres de espírito”.

Senhor Deus, doador de todos os dons, nós vos pedimos pela intercessão de Santa
Teresinha, um coração pobre e humilde, capaz de reconhecer que tudo o que fazemos
vem de vós e deve ser para o vosso louvor. Livrai-nos, Senhor, de toda vã preocupação
com nosso futuro. Amém.

Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. Como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Santa Teresinha do Menino Jesus e da Sagrada Face, rogai por nós!

8º DIA: A Rosa da Caridade

“Deus deu-me a graça de compreender o que é a caridade. Compreendia antes, mas de


maneira imperfeita... Dedicava-me, sobretudo, a amar a Deus e foi amando-o que
compreendi que não devia deixar que meu amor se traduzisse apenas em palavras...
Compreendi como era imperfeito o meu amor para com minhas irmãs, pois não as amava
como Deus as ama. Ah! Compreendo agora que a caridade perfeita consiste em suportar
os defeitos dos outros, não se surpreender com suas fraquezas, edificar-se com os
menores atos de virtude que os vemos praticar...”

Senhor Deus, todo amoroso, dai-nos, pela intercessão de Santa Teresinha, a graça de
compreendermos o sentido da verdadeira caridade, traduzindo-a em gestos concretos
de amor ao próximo. Amém.

Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. Como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Santa Teresinha do Menino Jesus e da Sagrada Face, rogai por nós!

9º DIA: A Rosa da Oração pelos Sacerdotes

“Ah! Compreendi minha vocação na Itália... Durante um mês, vivi com muitos padres
santos e vi que, se sua sublime dignidade os eleva acima dos anjos, nem por isso
deixam de ser homens frágeis e fracos... Se padres santos, que Jesus denomina no seu
Evangelho ‘sal da terra’, mostram em sua conduta que precisam extremamente de
orações, o que dizer daqueles que são tíbios? Essa é a vocação do Carmelo: ser
apóstolo dos apóstolos, rezando para eles enquanto evangelizam as almas por suas
palavras e, sobretudo, por seus exemplos...”

Com Santa Teresinha, rezemos: “Divino Jesus, escutai a oração que vos dirijo pelos
sacerdotes, protegei-os no meio dos perigos do mundo, fazei que eles sintam, cada vez
mais, o nada e a vaidade das coisas passageiras e a felicidade de saber menosprezá-las
por vosso amor. Que seu sublime apostolado se exerça desde agora sobre os que os
cercam; que eles sejam apóstolos, dignos de vosso Sagrado Coração...” Amém.

Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. Como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Santa Teresinha do Menino Jesus e da Sagrada Face, rogai por nós!

10º DIA: A Rosa da Bondade

“Encontra-se na comunidade uma irmã que tem o dom de me desagradar em tudo, suas
maneiras, suas palavras, seu caráter... Não querendo entregar-me à antipatia natural que
sentia, disse a mim mesma que a caridade não deveria assentar-se nos sentimentos,
mas nas obras. Então, apliquei-me em fazer por esta irmã o que teria feito pela pessoa
que mais amo. Cada vez que a encontrava, rezava por ela, procurava prestar-lhe todos
os serviços possíveis. Quando estava tentada a responder-lhe de modo desagradável,
contentava-me em lhe dar meu mais agradável sorriso...”

Pai de Bondade, que fazeis nascer o sol sobre bons e maus e cair a chuva sobre justos e
injustos, inspirai nosso coração com vossa bondade, a fim de que façamos o bem sem
esperar recompensas. Amém.

Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. Como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Santa Teresinha do Menino Jesus e da Sagrada Face, rogai por nós!

11º DIA: A Rosa da Alegria

“Uma palavra, um sorriso amável são muitas vezes suficientes para alegrar uma pessoa
triste... Que banquete poderia uma carmelita oferecer às suas irmãs, a não ser uma
refeição espiritual composta de caridade amável e alegre? Pessoalmente não conheço
outro e quero imitar São Paulo, que se alegrava com quem estava alegre. Verdade que
também chorava com os aflitos e as lágrimas devem aparecer, às vezes, no banquete
que quero servir, mas sempre procurarei que essas lágrimas se transformem, no final,
em alegria; pois o Senhor ama quem dá com alegria”.
Senhor, Alegria Infinita, que quereis comunicar alegria a todos os homens e mulheres;
fazei de nós cristãos alegres e capazes de transmitir alegria e esperança por onde
passarmos. Amém.

Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. Como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Santa Teresinha do Menino Jesus e da Sagrada Face, rogai por nós!

12º DIA: A Rosa do Abandono à Vontade de Deus

“O abandono e a confiança em Deus alimentam-se de sacrifícios. É preciso fazer tudo


que está em vosso poder, dar sem medida, renunciar-se constantemente, numa palavra,
provar seu amor, por todas as obras a seu alcance. Mas, na verdade, como tudo isso é
pouca coisa... e quando tivermos feito tudo quanto cremos dever fazer, é necessário
confessar que somos ‘servos inúteis’, esperando, entretanto, que Deus nos dê de graça
tudo o que desejamos”.

Pai onipotente e misericordioso, queremos entregar-nos em vossas mãos para fazer


somente o que vós quereis. Olhai nossa fraqueza e dai-nos a força do vosso Santo
Espírito, a fim de que possamos nos abandonar corajosamente em vossas mãos,
sobretudo nos momentos mais difíceis, quando a vossa vontade não coincide com a
nossa. Amém.

Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. Como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Santa Teresinha do Menino Jesus e da Sagrada Face, rogai por nós!


13º DIA: A Rosa da Pobreza Voluntária

“Uma noite, depois das Completas, procurei em vão minha lamparina... entendi que
alguma irmã, acreditando ter pegado sua lâmpada, pegou a minha, da qual eu estava
muito necessitada; em vez de desgostar-me, fiquei feliz, sentindo que a pobreza consiste
em se ver privado não só de coisas agradáveis, mas ainda das indispensáveis. Portanto,
no meio das trevas exteriores, fui iluminada interiormente...”

Senhor, vós que dissestes: “Dá a todo aquele que te pede, e ao que leva o que é teu não
lho reclames”. Quantas vezes, Senhor, em nossa vida familiar criamos tantos problemas
e fazemos reclamações em relação às coisas que temos... Ajudai-nos, Senhor, a sermos
mais agradecidos e desapegados; a fim de que experimentemos aquela paz serena de
quem se eleva acima das coisas passageiras. Amém.

Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. Como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Santa Teresinha do Menino Jesus e da Sagrada Face, rogai por nós!

14º DIA: A Rosa do Amor a Jesus Eucarístico

“Pense que Jesus está lá no sacrário expressamente para você, só para você. Ele arde
pelo desejo de entrar no seu coração...”

Jesus, Pão Vivo da Fé, Alimento Celeste, que nos amais a ponto de fazer em nós vossa
morada, ficai em nosso coração para que possamos, ao longo deste dia, ficar também
em vossa presença. Amém.
Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. Como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Santa Teresinha do Menino Jesus e da Sagrada Face, rogai por nós!

15º DIA: A Rosa da Confiança no Amor Misericordioso

“O Amor me penetra, me cerca; a cada instante esse Amor Misericordioso me renova,


purifica minha alma e não deixa vestígio nenhum de pecado... Tenho certeza de que a
Misericórdia de Deus me acompanhará para sempre.”

Ó Deus de infinita misericórdia, que levais em conta as nossas fraquezas e conheceis a


fragilidade da nossa natureza humana; concedei-nos um sincero arrependimento de
nossos pecados e uma confiança sem limites no vosso Amor Misericordioso. Amém.

Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. Como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Santa Teresinha do Menino Jesus e da Sagrada Face, rogai por nós!

16º DIA: A Rosa do Silêncio

“Quando somos incompreendidas e julgadas de modo desfavorável, de que serve


defender-se, explicar-se? Larguemos de mão, não digamos nada; é tão doce não dizer
nada, deixar-se julgar seja como for! Ó bem-aventurado silêncio, que dá tanta paz à
alma!”

Senhor Jesus, que fostes ultrajado e condenado injustamente, dai-nos a graça de


aprender convosco o valor do silêncio diante das contrariedades da vida; silêncio este
que não é quietismo, mas abandono confiante nas mãos do Pai, que tudo vê e tudo
pode. Amém.

Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. Como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Santa Teresinha do Menino Jesus e da Sagrada Face, rogai por nós!

17º DIA: A Rosa da Simplicidade

“Mais nos aproximamos de Deus, mais simples ficamos. (...) Eu deveria ficar aflita por
dormir (há sete anos) durante minhas orações e minhas ações de graças, mas não, não
me aflijo... penso que as criancinhas agradam tanto seus pais quando dormem como
quando estão acordadas. O Senhor vê nossa fragilidade, Ele não perde de vista que
somos pó”.

Senhor, vós sois simples; nós, ao contrário, complicamos tanto a vida. Concedei-nos,
seguir Santa Teresinha em sua “pequena via” de amor e confiança, tornando-nos como
crianças, para alcançarmos a bem-aventurança do vosso Reino. Amém.

Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. Como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Santa Teresinha do Menino Jesus e da Sagrada Face, rogai por nós!

18º DIA: A Rosa da Gratidão

“A gratidão é o que mais atrai as graças de Deus. Se lhe agradecemos um benefício, ele
fica comovido e apressa-se em fazer-nos outros dez, e se lhe agradecemos ainda, com a
maior efusão, que multiplicação incalculável de graças! Tenho experiência disso,
experimentai e vede... Minha gratidão é sem limites por tudo o que ele me dá. Procuro
prová-la de mil maneiras”.

Nós vos agradecemos, Deus de bondade, por todos os benefício que vós nos dais. E vos
pedimos a graça de um coração atento e vigilante, capaz de reconhecer as delicadezas
diárias do vosso amor para conosco. Amém.

Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. Como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Santa Teresinha do Menino Jesus e da Sagrada Face, rogai por nós!

19º DIA: A Rosa da Santidade

“Não quero ser santa pela metade! Compreendi que para tornar-me santa era preciso
sofrer muito, procurar sempre o mais perfeito e esquecer-me de mim mesma”.

Senhor Deus, nós também não queremos ser “santos pela metade”; dai-nos a graça de,
como Santa Teresinha, entregamos a vós a nossa vontade e escolhermos tudo o que vós
quiserdes! Amém.

Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. Como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Santa Teresinha do Menino Jesus e da Sagrada Face, rogai por nós!

20º DIA: A Rosa do Bom Humor nas Contrariedades


“Deus concedeu-me a graça de não ter ilusões, nenhuma ilusão ao entrar no Carmelo.
Encontrei a vida religiosa tal como imaginara, nenhum sacrifício me surpreendeu... Meus
primeiros passos encontraram mais espinhos do que rosas!... Quando recordo o tempo
do meu noviciado, como percebo o quanto eu era imperfeita... Atormentava-me com tão
pouca coisa que hoje rio disso”.

Senhor Deus, quantas ilusões criamos em nossas vidas!... E quantas desavenças


criamos com as pessoas!... Ajudai-nos, Senhor, como fizestes com Santa Teresinha, a
não nos surpreendermos com as fraquezas, nossas e dos outros, e ensinai-nos a arte de
rirmos de nós mesmos! Amém.

Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. Como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Santa Teresinha do Menino Jesus e da Sagrada Face, rogai por nós!

21º DIA: A Rosa da Escuta da Palavra de Deus

“Quanto a mim, nada mais encontro nos livros, a não ser no Evangelho. Esse livro me
basta. É um deleite ouvir essa palavra de Jesus, que me diz tudo o que tenho de fazer:
‘Aprendei de mim, que sou manso e humilde de coração’; então, me sinto em paz,
segundo sua doce promessa: ...’e encontrareis repouso para vossas almas’.”.

Dai-nos, Jesus, um coração aberto e atendo à vossa Palavra. Que ela seja o alimento de
nossa caminhada de fé e a alegria do nosso coração! Amém.

Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. Como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Santa Teresinha do Menino Jesus e da Sagrada Face, rogai por nós!


22º DIA: A Rosa do Permanecer com Jesus

“Muitos servem Jesus, quando Ele os consola, mas poucos aceitam permanecer na
companhia de Jesus dormindo sobre as ondas ou sofrendo no jardim da agonia!...”

Senhor Jesus, com sua vida, Santa Teresinha nos ensinou que não nos devemos
apavorar com os problemas ou as dificuldades... Aumentai, Senhor, a nossa fé, para que
acreditemos que vós estais sempre ao nosso lado. Desta forma, nós vos daremos nosso
coração para que durmais nele, e descansaremos sobre o vosso Sagrado Coração, onde
depositaremos nossas angústias e experimentaremos a paz. Amém.

Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. Como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Santa Teresinha do Menino Jesus e da Sagrada Face, rogai por nós!

23º DIA: A Rosa da Fidelidade às Pequenas Coisas

“Quero ser santa pela fidelidade nas menores coisas. (...) Jesus não olha tanto para a
grandeza das nossas ações, mas para o amor que preside estes atos”.

Senhor Jesus, inspirai as ações do nosso dia-a-dia, de maneira que possamos fazer
todas as coisas, as menores coisas – como, por exemplo, os trabalhos domésticos – por
amor a vós. Amém.
Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. Como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Santa Teresinha do Menino Jesus e da Sagrada Face, rogai por nós!

24º DIA: A Rosa do Sofrimento

“Eu vos agradeço, ó Meu Deus! Por todas as graças que me concedestes, em particular
por me terdes feito passar pelo crisol do sofrimento. É com alegria que vos contemplarei
no último dia, levando o cetro da Cruz; como vos dignastes partilhar comigo esta Cruz
tão preciosa, espero ser semelhante a Vós, no céu, e ver brilhar em meu corpo
glorificado os sagrados estigmas de vossa Paixão...”

Senhor, o sofrimento é inevitável e constitui a realidade de nossa natureza humana. Dai-


nos, por intercessão de Santa Teresinha, a graça de seguir-vos de verdade, abraçando
nossa cruz de cada dia com amor e por amor. Amém.

Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. Como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Santa Teresinha do Menino Jesus e da Sagrada Face, rogai por nós!


Carmelo de Nazaré

Rodovia Governador José Sette, s/