Você está na página 1de 16

/ PABLO GARRIDO

INTRODUÇÃO
O Pontos de Umbanda é um site voltado
ao compartilhamento de cantigas celebradas
na religião Umbanda.

Também ensinamos os principais toques No PdU você poderá visualizar os vídeos


para os cânticos da religião. Fundado contendo o ÁUDIO e TOQUE dos pontos
em 2011 o PdU conta com milhares de e acompanhar pelo site a letra COMPLE-
seguidores assíduos em seu site e TA das cantigas. Nossos diferenciais
mídias sociais. são:

• Vídeos com as cantigas em ALTA


QUALIDADE de SOM e VÍDEO

Existem diversos sites que disponibili- • Letras de TODAS as cantigas


zam cantigas (letras e/ou áudios) na disponíveis no site
internet. Mas a grande maioria não
possui uma qualidade para que possa- • Dicas para os TOQUES de atabaque
mos utilizar o material disponível para dos ritmos de Umbanda
aprendizado. Identificando esta carência,
decidimos fundar o Pontos de Umbanda, • Notícias, eventos e informações sobre
com o objetivo de levar ao maior número a musicalidade dentro da Umbanda
de pessoas possíveis as mais belas
cantigas de Umbanda.

03
OGAN
Ogan é uma palavra de origem bantu, que significa: chefe. cargo de muito
respeito tanto na umbanda quanto no candomblé. na umbanda o cargo
de ogan vem logo abaixo da mãe ou pai de santo. os ogans não atuam
com a mediunidade de incorporação, logo quando o pai ou mãe de santo
estiverem incorporados, os demais médiuns devem respeitá-los tal como
respeitam seu pai ou mãe.

04
TIPOS
DE OGAN
Existem diversos tipos de ogans: Ogan
de Canto, Ogan de Toque, Ogan de
Toque e Canto, Ogan de Corte e Ogan
de Salão. Tem como principal função
TOCAR e CANTAR para que as entidades
possam se manifestar e trabalhar nas
diversas linhas de Umbanda.

Atuam também como um "fiscal", são


responsáveis por coordenador os rituais.
São os olhos dos dirigentes de terreiros.

Dentro da Umbanda, um ogan poderá


ser escolhido pela Mãe de Santo ou por
um orixá. A partir desse momento, ele
passará por um período de aprendizado
para que possa ser coroado.

05
OGAN OGAN
DE CANTO DE TOQUE
Responsável por cantar os pontos Responsável por conduzir os ritmos dos
nos terreiros. cânticos no atabaque.

OGAN DE OGAN
TOQUE/CANTO DE CORTE
Responsável por cantar os pontos Responsável pela execução sacrificial
dos animais votivos nos Terreiros de
Umbanda, considerados traçados com
nações africanas.

OGAN DE SALÃO
Responsável por ficar junto com os médiuns de incorporação coordenando os trabalhos
religiosos. Geralmente os ogans de salão auxiliam os ogans de toque e canto com cantigas na
incorporação dos médiuns

06
Tem como principal função TOCAR

PAPEL DO
e CANTAR para a manifestação

OGAN NA
UMBANDA Coordenador os trabalhos durante as
giras

Execução do sacrifício de animais

Zelar por toda a casa espiritual


e assentamento dos médiuns

07
ATABAQUES
O atabaque é um instrumento lendário com origem africana. Utilizado
nas giras de Umbanda junto com as cantigas para invocar os guias espirituais.
O ogan ao tocá-lo está em comunicação direta com o astral.

Os atabaques não são simplesmente caixas de madeira com um couro


para se batucar, eles são preparados e energizados para o trabalho logo
que são trazidos para o terreiro.

08
#1
APRENDER
OS PRINCIPAIS
TOQUES DE
UMBANDA
Existem vários tipos de toques para cantigas de
Umbanda, abaixo iremos listar os principais:

CABULA
Foi o primeiro toque a ser praticado no Brasil com
a chegada dos negros. Cabula é o nome de um
bairro em Salvador, o qual os negros praticavam
rituais religiosos ao som de ritmos de atabaques.
Clique aqui para aprender a tocar o Cabula

CONGO E CONGO DE OURO


O toque Congo é um dos ritmos executados no Candomblé,
na nação Angola. Na Umbanda o toque possui diversas
variações o que torna o ritmo popular.

Tablatura: TUM / TA TA TUM / TA TA TUM


Clique aqui para aprender a tocar o Congo

09
IJEXÁ
Conhecido por ser o toque de Oxum. Consiste em um
toque com 5(cinco) posições. A palavra Ijexá origi-
na-se do vocábulo Ijèsá, uma subdivisão da etnia
iorubá e o nome da cidade nigeriana que é consid-
erada o berço do grupo.

Tablatura: TA TA TUM TUM TA


Clique aqui para aprender a tocar o Ijexá

BARRA-VENTO
Trata-se de um toque mais rápido e quente. Segue
uma cadência por vezes acelerada e é cíclico, nã
existindo um ponto padrão de início e fim. Consider-
ado um dos toques mais difíceis de se tocar, pois
apresenta particularidades, diferentes dos demais.

Tablatura: TA TA TA TUM TUM TUM


Clique aqui para aprender a tocar o Barra-Vento

NAGÔ
Tablatura: TA TA TUM / TA TA / TUM TUM
Clique aqui para aprender a tocar o Nagô

Existem outros toques, mas considero esses os principais,


para que possa iniciar suas atividades no atabaque.

10
#2
APRENDER
MUITAS
CANTIGAS
Quando se está atrás de um atabaque em um
terreiro, não existe um limite de cantigas a serem
cantadas. Quanto mais cantigas você aprender
melhor será seu desempenho durante as giras.

Para facilitar o aprendizado, existem entidades


mais conhecidas do que outras. Por exemplo:
Quem nunca ouviu falar no Exú Tranca-Ruas?
Agora, já é difícil encontrar um Caboclo Águia
Branca, certo? Busque cantigas de fácil aprendizado,
com letras menores e depois evolua para cantigas
maiores e com melodias mais trabalhadas.

Para começar seu aprendizado clique abaixo no link


que você mais se interessa em aprender cantigas:

LISTA TODAS AS CATEGORIAS DO PDU

11
#3
PRATICAR
Seguindo a ideologia dessas grandes referências,
você pode chegar a uma conclusão:

Praticar é fundamental para conseguir experiência,


tanto no atabaque como na condução das giras
nos terreiros. Lembro como se fosse hoje, a
primeira vez que fiquei sozinho atrás de um
atabaque na condução de uma gira. O medo,
insegurança e outros sentimentos são constantes
e podem acabar comprometendo o trabalho que
está sendo realizado.

A prática nos traz confiança.

12
#4
CUIDADO
COM A VOZ
E MÃOS
CUIDADOS COM A VOZ
A voz é o elemento utilizado pelos ogans para
cantar os pontos durante as giras. Para mantê-la,
listamos alguns cuidados essenciais:

1. Evite forçar a voz durante as giras. Descubra o


limite da sua voz, forçá-la poderá lhe causar
fortes dores.

2. Beba bastante água (de preferência em temperatura


ambiente). A água hidrata a garganta.

3. Evite tomar café. Em excesso pode ser prejudicial


a voz.

4. Ar condicionado resseca o aparelho fonador

5. Se você gosta de maçã, abuse! Ela limpa a garganta.

13
#4
CUIDADO
COM A VOZ
E MÃOS
CUIDADOS COM AS MÃOS
Ao tocar o atabaque, o ogan também deverá ter cuidado
com as mãos. O esforço repetitivo poderá gerar problemas
musculares e comprometer a saúde do ogan.

1. Realize pequenas pausas durante as giras. Pequenos


intervalos são mais eficazes para a recuperação do que
um longo período de descanso.
2. Durante as pausas, faça alongamentos com as mãos.
3. Não realizar forças nem pressões exageradas
sobre as mãos.
4. Utilizar pó de pemba sobre o couro do atabaque pode
ajudar a suavizar as mãos durante os toques.
5. Remover qualquer tipo de anel ou acessório das
mãos. Os mesmos podem comprometer a circu-
lação sanguínea.

14
#5
VISITE
OUTROS
TERREIROS
Visitar outros terreiros é fundamental para aprimorar
sua experiência em giras. E também aprender novas
cantigas. Momento para conhecer outros ogans e
compartilhar conhecimento.

15
#6
ESTUDE
SOBRE A
ESPIRITUALIDADE
Sábio é aquele que a tudo compreende e nada
ignora. Deus não impôs aos ignorantes a obrigação
de aprender, sem antes ter tomado dos que
sabem o juramento de ensinar.

Nenhum mistério resiste à fragilidade da Luz.

Conhecer a Umbanda é conhecer a simplicidade


do Universo.

16
#7
SEJA
HUMILDE
A humildade é a única base sólida de todas as
virtudes.

Confúcio, filósofo chinês (551 a.C. - 479 a.C.)

17
P a b l o G a r r i d o