Você está na página 1de 4
Fábrica de Software – Procedimentos Internos

Fábrica de Software – Procedimentos Internos

Versão 1.0

1. Controle de Versão em Fontes (SVN)

Para garantir maior segurança aos desenvolvimentos e aos clientes, utilizamos o controle de versão dos fontes.

Todos os dias ao iniciar as atividades devem ser feitas as cargas dos arquivos que estão sendo trabalhados, sendo eles rotinas, especificações, relatórios, CNABS, etc.

Exemplos:

Nova atividade:

Iniciou no dia o desenvolvimento de um relatório qualquer, criar um novo arquivo conforme o nosso padrão de arquivos e faça a carga no SVN, para reserva do nome. Ao final do dia faça a carga do arquivo no SVN novamente.

Continuação de atividade:

Carregar no SVN o arquivo que será trabalhado durante o dia. Ao final do dia faça a carga do arquivo no SVN novamente.

Caso o acesso ao SVN não esteja disponível no inicio dos trabalhos, salve uma cópia e suba posteriormente com a última revisão do dia, respeitando a ordem.

2. Padronização de Nomes para Arquivos e Funções

2.1. Novos Programas

XXXXXX

Identificador do Cliente

Y

A - Atualização

C - Consulta

R - Relatório

M- Miscelânea

ZZZ

FIN, FAT, TMS, etc e ESP para específicos

999

Seqüencial

Exemplo um relatório do personalizado do Financeiro. Nome do Arquivo:

FGVTN_RFIN001.PRX

Função:

User Function RFIN001

Return

Fábrica de Software – Procedimentos Internos

Fábrica de Software – Procedimentos Internos

2.2. Ponto de Entrada

XXX_PEMATA010.PRW

onde:

| |

| |---------------------Identificador de Ponto de Entrada |------------------------------Identicador do Cliente

|-----------------Rotina do Protheus

Todos os Pontos de Entrada de uma rotina devem ficar em um único arquivo.

Exemplo: Pontos de entrada no cadastro de Produto

Nome do Arquivo: XXX_PE_MATA010.PRW. *XXX – refere-se ao nome do cliente.

3. Cabeçalho dnte Programas e Comentários

Há padronização para os comentários De cabeçalho, sub-funções/funções auxiliares e comentários para linha de código.

3.1. Cabeçalho de programas:

/*

+----------------------------------------------------------------------------+

!

FICHA TECNICA DO PROGRAMA

!

+----------------------------------------------------------------------------+

! DADOS DO PROGRAMA

!

+------------------+---------------------------------------------------------+

!Tipo

! Atualização

!

+------------------+---------------------------------------------------------+

!Modulo

! Financeiro

!

+------------------+---------------------------------------------------------+

!Nome

! AFIN001

!

+------------------+---------------------------------------------------------+

!Descricao

! Cadastro Cobradores

!

+------------------+---------------------------------------------------------+

!Autor

! Nome do Desenvolvedor

!

+------------------+---------------------------------------------------------+

!Data de Criacao

! 19/11/04

!

+------------------+---------------------------------------------------------+

! ATUALIZACOES

!

+-------------------------------------------+-----------+-----------+--------+

!

Descricao detalhada da atualizacao

!Nome do

! Analista

!Data da !

!

!Solicitante! Respons. !Atualiz.!

+-------------------------------------------+-----------+-----------+--------+

!

Alterado o campo Bairro de 20 p 40

! Maria

! Antonio

!14/12/04!

!

! da Silva

!

!

!

+-------------------------------------------+-----------+-----------+--------+

!

!

!

!

!

!

!

!

!

!

+-------------------------------------------+-----------+-----------+--------+

*/

Fábrica de Software – Procedimentos Internos 3.2. Comentários:

Fábrica de Software – Procedimentos Internos

3.2. Comentários:

//+----------------------------------------------------------------------------+

//!Calcula custo médio.

//+----------------------------------------------------------------------------+

!

3.3. Cabeçalho de Sub-funções/Funções auxiliares

/*----------+-----------+-------+--------------------+------+----------------+

! Programa !MGPE008PROC! Autor !José da silva

! Data ! 25/04/2011

!

+-----------+-----------+-------+--------------------+------+----------------+

! Descricao ! Funcao auxiliar de processamento

!

! ! Calcula valor hora.

!

! !

!

! !

!

+----------------------------------------------------------------------------*/

4. Texto da Ordem de Serviço

O texto das Ordens de Serviço deve ser preenchido conforme o padrão abaixo:

Desenvolvimento de função para emissão de boleto em modo gráfico. ARQUIVO : XXXXX_RFIN001.PRW * REVISÃO INI : 1090 FIM : 1095**

Desenvolvido especificação de nova funcionalidade solicitada pelo cliente referente a Relatório de Saldos por Banco. ARQUIVO:MIT044- XXXXX -FIN-RELATORIO-DE-SALDOS-DE-BANCO.DOCX * REVISÃO INI : 1096 FIM : 1097**

Alterado programa responsável pela emissão de boletos, com inclusão de informações pertinentes ao Valor de Juro diário. Inclusão de Imagem para a logomarca do Banco. Ajuste no cálculo do nosso número, de acordo com a nova versão do lay-out do banco, encaminhado pelo cliente. ARQUIVO : XXXXX_RFIN001.PRW * REVISÃO INI : 1190 FIM : 1192**

Quando a atividade não estiver envolvida com um arquivo em específico, como num suporte pontual não é necessário utilizar o padrão acima, favor detalhar o máximo possível da atividade no corpo da OS.

* XXXXX deve ser substituído pelo nome do cliente. **A data da revisão constante na Ordem de Serviço deve ser compatível com a data da Ordem de Serviço e a do SVN.

5. Ordens de Serviço - Horários

5.1. Ordens de Serviço Fora do Horário ou Home Office:

Quando forem desenvolvidos trabalhos fora do horário comercial, seguir os procedimentos acima e gerar OS separadas para os trabalhos desenvolvidos fora da SOLVS (home Office).

5.2. Horário das Ordens de Serviço:

Fábrica de Software – Procedimentos Internos O horário apontado nas Ordens de Serviço deve respeitar

Fábrica de Software – Procedimentos Internos

O horário apontado nas Ordens de Serviço deve respeitar o horário real trabalhado, contemplando o horário de chegada no cliente como horário inicial e o horário de saída como horário final da Ordem de Serviço.

6. Assinatura de Ordem de Serviço

As ordens de serviços devem ser assinadas pelo cliente, exceto quando o atendimento ocorrer remotamente ou projeto Fechado, onde, o desenvolvimento se der internamente na SOLVS (TOTVS Unidade Curitiba). Para este último deverá ser utilizado o formulário de protocolo específico, conforme documento anexo “PROTOCOLO-OS-FABRICA.doc” e entregue a coordenação da fábrica para conferência e encaminhamento para protocolo, semanalmente, de preferência na sexta-feira de cada semana. Para identificar o motivo, na Ordem de Serviço consta o campo “Motivo”, conforme “anexo 01”. Onde, quando o motivo for “02-Projeto Horas Abertas com Valor Hora Diferenciado”, a ordem de serviço deverá ser assinada pelo cliente impreterivelmente. Para Ordens de Serviço assinadas pelo cliente, não é necessário que as mesmas passem pela coordenação da Fábrica de Software e devem ser entregues diretamente para protocolo com o preenchimento do protocolo, anexo “PROTOCOLO-OS- PADRAO.doc” solicitando a assinatura do responsável pelo protocolo.

7. Prazo para Apontamento

O Lançamento da Ordem de Serviço no “Portal PMS” deve ser diário, mesmo que exista o prazo de 48 horas para o lançamento, pois, este prazo é utilizado caso ocorra algum problema que não permita o lançamento da Ordem de Serviço no dia. Assim, há tempo hábil para resolução e geração da OS para que não interfira na bonificação mensal.

8. Horário de Trabalho

8.1. Para as agendas realizadas em cliente, o participante deve respeitar o horário de trabalho do cliente. Exemplo: Cliente inicia o trabalho as 08:30 e finaliza as 17:30. Deve respeitar o horário de chegada e saída do cliente.

8.2. Para as agendas realizadas na SOLVS (TOTVS Unidade Curitiba) o horário padrão de trabalho é das 08:00 às 18:00.

Anexos

horário padrão de trabalho é das 08:00 às 18:00. Anexos Anexo 01 – Motivo na Ordem

Anexo 01 – Motivo na Ordem de Serviço