Você está na página 1de 79

OMBRO

PROF. DIEGO NAVA


FACULDADE DE MEDICINA DE ITAJUBÁ – FMIT
1º ANO – 2018
• Posição ereta: membros superiores
deixaram de ter a incumbência da
sustentação, locomoção e do equilíbrio
→ membros inferiores.
INTRODUÇÃ • Sistema de articulações e alavancas
O para permitir variado posicionamento
da mão
• Sofisticadas tarefas de exploração,
manipulação e trabalho
O ombro é uma Crianças e
articulação adolescentes:
instável clavícula

Traumas são
INTRODUÇÃ comuns durante 3ª e 4ª décadas:
toda a vida → luxações
O local / idade

História + exame
Idosos: fraturas do
físico +
úmero proximal
radiografias
CONSIDERAÇÕES
ANATOMORRADIOLÓGICAS

• Componentes ósseos: úmero proximal + escápula + clavícula


• Articulações: glenoumeral e acromioclavicular
• Ligamentos, músculos e tendões
• Parte posterior da cintura escapular
• Osso plano triangular, com duas superfícies, três
bordas e três ângulos

• Entremeada à musculatura – sem fixação direta no


ESCÁPULA esqueleto axial
• Fixação indireta através da clavícula →
MOBILIDADE

• Duas formações salientes: a espinha e o processo


coracoide
ESCÁPULA – VISTA
ESCÁPULA – VISTA
ESCÁPULA – VISTA
• Forma o ápice do ombro
• Processo grande, achatado de trás para a frente,
projetando-se primeiro lateralmente e depois curvando-se
para frente e para cima → projeta-se sobre a cavidade
glenoidal
• Superfícies:
• Superior – convexa e áspera; dá ligação a algumas
ACRÔMIO fibras do deltoide
• Inferior – lisa e côncava
• Lateral – irregular; apresenta três ou quatro
tubérculos para as origens tendíneas do deltoide
• Medial – côncava; dá fixação a uma porção do
trapézio e apresenta em seu centro uma pequena
superfície ovalada para articulação com a
extremidade acromial da clavícula
ESCÁPULA – VISTA
ESCÁPULA – VISTA
• Porção anterior cintura escapular.
• Osso longo, curvado um pouco como a letra f em
itálico, e colocado quase horizontalmente na parte
superior e anterior do tórax, imediatamente acima
da primeira costela.

• Articulações: CLAVÍCULA
• Medial – manúbrio do esterno
• Lateral – acrômio da escápula
• Terço lateral achatado de cima para baixo,
enquanto seus dois terços mediais são de forma
arredondada ou prismática.
CLAVÍCULA – VISTA
CLAVÍCULA – VISTA
ÚMERO
• Maior e mais longo osso da extremidade superior
• Conecta a escápula e o antebraço (consistindo do rádio e da ulna) e
consiste em três seções:
• Superior - cabeça arredondada, um colo estreito e dois processos
curtos (tubérculos, às vezes chamados de tuberosidades)
• Corpo - cilíndrico em sua parte superior e mais prismático abaixo
• Inferior - composta por 2 epicôndilos, 2 processos (tróclea e capítulo) e
3 fossas (fossa radial, fossa coronoide e fossa olecraniana)
• Constrição abaixo dos tubérculos maior e menor do úmero: colo cirúrgico
• Comumente fraturada → foco dos cirurgiões
ÚMERO – VISTA
ÚMERO – VISTA
CONSIDERAÇÕES
ANATOMORRADIOLÓGICAS

• Músculos essenciais: manguito rotador


• Circundam a articulação glenoumeral
• Mantém a cabeça do úmero na fossa glenoide
MANGUITO ROTADOR

• Quatro músculos que ligam os


tendões ao úmero proximal
• Supra-espinhal
• Infra-espinhal
• Redondo menor
• Subescapular
SAMPLE FOOTER TEXT 8/13/18 29
FACE ANTERIOR

• Supraespinhal
• Subescapular
• Tendão da cabeça longa do
bíceps braquial
• Bursa subacromial-subdeltoide
sobrepõe o manguito rotador
FACE POSTERIOR

• Supraespinhal
• Infraespinhal
• Redondo menor
• Bursa subacromial-subdeltoide
sobrepõe o manguito rotador
ANEL
OSTEOLIGAMENTAR
• Processo glenoide
• Processo acromial
• Cápsula articular
acromioclavicular
• Clavícula distal
• Ligamentos coracoclaviculares
• Processo coracoide
TENDÃO DA CABEÇA LONGA DO BÍCEPS

• Origem junto ao lábio e margem superior


da glenoide
• Relação com os tendões do
supraespinhal e subescapular
• Localizado na região do intervalo dos
rotadores
RADIOLOGIA DO OMBRO
INCIDÊNCIA
ANTEROPOSTERI
OR

• Decúbito dorsal

• Posição neutra

• A cabeça umeral superpõe-


se à glenoide
INCIDÊNCIA
ANTEROPOSTERI
OR

• Tuberosidade maior (linha


branca)

• Tuberosidade menor (linha


marrom)
INCIDÊNCIA
DE
GRASHEY
• Demonstra a glenoide em
perfil

• Decúbito dorsal

• Rotação de 40º em sentido


posterior
INCIDÊNCIA
GRASHEY
• Processo glenoide da
escápula: fossa glenoide +
gargalo glenoidal

• Colo anatômico (cabeças de


seta pretas)

• Colo cirúrgico (ponta de flecha


branca)

• Processo coracoide
INCIDÊNCIA
AXILAR
• Paciente sentado ao lado da
mesa

• Axila posicionada sobre o


filme

• Tubo angulado de 5 a 10º em


relação ao cotovelo

• Demonstra a relação exata


entre a cabeça umeral e a
glenoide e entre o acrômio e a
clavícula
• Processo coracoide (contorno
de ouro)
• Processo glenoide da escápula
INCIDÊNCIA
ACROMIOCLAVICUL
AR (ZANCA)

• Paciente ereto

• Feixe dirigido 15º cefálico

• Articulação acromioclavicular
INCIDÊNCIA
TRANSESCAPUL
AR
• Paciente ereto

• Lado lesado contra a mesa

• Rotação do tronco 20º em


relação à mesa

• Braço abduzido e cotovelo


flexionado

• Imagem lateral da escápula


INCIDÊNCIA DE ROCKWOOD
AVALIAR O ESPORÃO ANTEROINFERIOR NA SÍNDROME DO IMPACTO
CORRELAÇÕES CLÍNICO-RADIOLÓGICAS
TIPO DO ACRÔMIO

• Tipo I: reto (A)


• Tipo II: discretamente curvo (B)
• Tipo III: ganchoso (C)
• Tipo IV: convexo (D)
ARCO CORACOACROMIAL

• Superfície inferior do acrômio


+ Ligamento coracoacromial
+ Processo coracoide
ARCO
CORACOACROMIAL

• Localizados no espaço formado


entre o arco e a cabeça umeral
• Supraespinhal
• Cabeça longa do bíceps
• Subescapular
IMPACTO SUBACROMIAL

1 2 3 4 5

Mais comum Redução do espaço Compressão dos A partir da idade adulta Dor mais evidente
entre o arco tendões superiores do e aumenta com a faixa durante a flexão
coracoacromial e o manguito rotador etária anterior e abdução do
tubérculo maior do (supraespinhal), a bolsa ombro, entre 60 e 120°
úmero subacromial-
subdeltóidea, a porção
intra-articular do
tendão da cabeça
longa do bíceps
OSSO
• Ossificação acessória localizada na porção mais
ACROMIAL distal do acrômio que não se fundiu após os 25

(OS anos

ACROMIAL Quatro tipos, sendo os tipos mais comuns são o
meso e o meta-acrômio
E)
OS TIPOS DE OS
ACROMIALE

• Pré-acrômio
• Meso-acrômio
• Meta-acrômio
• Basi-acrômio
OS ACROMIALE DO TIPO MESO-
ACRÔMIO
FRATURA DO TERÇO DISTAL DA
CLAVÍCULA
FRATURA DO TERÇO MÉDIO DA
CLAVÍCULA
FRATURA DO TERÇO PROXIMAL DA
CLAVÍCULA
ACROMIOCLAVICUL
AR
CORACOCLAVICUL
ACROMIOUMER 0,7 a 1,1 cm AR
AL

0,3 a 0,6 cm GLENOID


E
Luxação / subluxação acromioclavicular +
coracoclavicular
Trauma direto sobre o ombro com o braço em adução
Reabsorção (osteólise) da clavícula distal esquerda
Hiperparatireoidismo / Artrite reumatoide / Esclerodermia / Osteomielite /
Trauma
LUXAÇÃO
ANTERIOR
OSTEOARTRO
SE
FRATURA DO COLO CIRÚRGICO DO
ÚMERO
OBRIGADO!

•diegolnmartins@gmail.com
•(11)98580-8228