P. 1
Trabalho sobre vidro

Trabalho sobre vidro

|Views: 1.174|Likes:
Publicado porMayur Givane
Vidro, ceramica, cimento
Vidro, ceramica, cimento

More info:

Categories:Types, School Work
Published by: Mayur Givane on Mar 14, 2012
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOC, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

09/03/2013

pdf

text

original

Introdução

Neste presente trabalho iremos abordar sobre o vidro, a cerâmica e o cimento. No tema sobre o vidro iremos falar da sua definição, a sua historia, a sua composição, sua fabricação, os seus tipos, as suas aplicações, as caracteristicas e os seus impactos ambientais. Sobre o cimento iremos falar da sua definição, a sua historia, a sua composição, sua fabricação, as suas aplicações, as caracteristicas e os seus impactos ambientais. No tema sobre o Cerâmica iremos falar da sua definição, a sua historia, a sua composição, sua fabricação, os seus tipos, as suas aplicações, as caracteristicas e os seus impactos ambientais.

1

pode-se concluir que o vidro já era conhecido pelo menos 4. acima de tudo. Houve diversos fornos para a produção vidreira em Portugal. Sua decomposição é de 4000 anos. 1. essencialmente inerte e biologicamente inactivo. homogenea. para a produção industrial foi lenta. obtido com o resfriamento de uma massa líquida à base de sílica. tornado acessível o que até então só era conhecido e usado pelos ricos. porém. durando até o século XVII. só no final do século XVIII.490. e especialmente com as iniciativas de Colbert. Julga-se que os egípcios começaram a soprar o vidro em 1. tomando a seu cargo em 1.2. A industria protegeu bastante os vidreiros. muitas vezes eram confundidos com belas pedras preciosas. a seguir à Inglaterra. que pode ser fabricado com superfícies muito lisas e impermeáveis. o primeiro país a fabricar o cristal. No século XVIII a industria tinha importante valor neste pais. o vidro apresenta características de um líquido em sua ordenação atômica. inundaram o mercado com objetos de vidro incontestável superioridade artística e a preços relativamente baixos.1. No entanto.400 A. C.2. de elevada dureza. quando então os venezianos começaram a introduzir artistas gregos em suas oficinas. Idade Media e Século XVIII O Baixo império conservou esse monopólio até o século XIII da era cristã. o vidro é um óxido metálico super esfriado transparente. Após a descoberta de objetos de vidro nas necrópoles egípcias. a industria vidreira passou para a Inglaterra durante o reinado de Isabel. sobretudo depois que se iniciou a fabricação do cristal branco. Estas propriedades desejáveis conduzem a um grande número de aplicações. A partir dessa época a industria vidreira espalhou-se pelo mundo inteiro. Considera-se o vidro um sólido amorfo.1. quando o conselho dos dez proibiu a saída de operários para a estrangeiro. Da França. a produção de pequenos objetos artísticos e decorativos. amorfa. Vidro 1.2. O vidro era obtido através da incineração de produtos naturais com carbonato de sódio (ervamaçaroca). o vidro geralmente é frágil. Em Portugal Foi só no século XVIII que se estabeleceu em Portugal a indústria vidreira — na Marinha Grande — e ainda hoje esta existe. Definição de vidro O vidro é uma substância inorganica.1. Desde o século XV. 2 . Essa proteção se transformou em desportismo.2.. A cada 1000 kg de vidro leva-se 1300 kg de areia. sem estrutura cristalina. A França já fabricava o vidro desde a época dos romanos. 1. foi que a indústria de facto prosperou. Em sua forma pura. muito limitada. Isso ocasionou uma grande prosperidade nessa industria. dedicando-se. Porém. A Real Fábrica de Vidros da Marinha Grande desenvolveu-se a ponto de ser Portugal. mas a passagem de uma produção artesanal. quebrando-se com facilidade.000 A/C. Historia do vidro Os povos que disputam a primazia da invenção do vidro são os egípcios e os fenícios. existiu alguns produtores artesanais de vidro. que revolucionou o comércio vidreiro. 1. mesmo em aparência de sólido. ou seja. Tanto a Bélgica como mais tarde o Novo Mundo.

assentaram-se as bases da aplicação do método científico à sua produção. matéria prima essencial. Fabricação de vidro O processo de vidro float foi desenvolvido pela Pilkington em 1952 e é padrão mundial para a fabricação de vidro plano de alta qualidade As etapas de fabricação de vidro são: 1. Mas. etc.3. e são compostos de óxido de sódio e óxido de potássio. Fibras ópticas. depois de instalada a industria na Boêmia. óxido de ferro (verde) e descorantes. Tempos Modernos Com a Revolução industrial. alumina (Al2O3). eletrodomésticos. apresenta-se sob a forma de areia. a quem o imperador Rodolfo II concedeu o título de gravador da corte em 1612. Composição São basicamente feitos por areia branca (SiO2). e são: óxido de cálcio. Os fundentes possuem a finalidade de facilitar a fusão da massa silícea.600ºC. Os estabilizantes têm a função de impedir que o vidro composto de silício e álcalis seja solúvel. Durante os recentes anos 50. Com temperatura de até 1. transformando-se numa massa pronta para ser conformada numa folha contínua.4. pequena Ilha próxima de Veneza. vidros com superfícies tratadas.ª Etapa (Forno de Fusão): A mistura de areia com os demais componentes do vidro é dirigida até o forno de fusão através de correias transportadoras. fibras para reforço de materiais plásticos e vidros de segurança. necessidade logo sentida em outras áreas como construção civil. veio a mecanização dos processos e a aparição da grande indústria moderna do Vidro. para onde tinham sido transferidas. Neste processo o vidro fundido corre para um banho de flutuação. Novos produtos apareceram com larga utilização em vidros cerâmicos.ª Etapa (Banho Float): 3 . As matérias primas que compõem o vidro são os vitrificantes. carbonato de Sodio (Na2CO3). seguida de um polimento a quente na superfície. que diziam ser invenção de Gaspar Lehman. calcário (CaCO3). 1. iniciou-se a fabricação do vidro cristal gravado. de pedra cinzenta. A Pilkington inventou o float. A sílica.Em 1490. em 1289. 1. Com o advento da industria automobilística apareceu a necessidade de vidros mais seguros. 1. O vidro esmaltado teve sua época de grandeza. anidrido bórico e anidrido fosfórico. Sob atmosfera devidamente controlada a faixa de vidro flutua num banho de estanho fundido. a composição é fundida.3. todas as oficinas e fábricas. o que lhe confere perfeita planimetria das faces. óxido de magnésio e óxido de zinco. as instalações de Murano. e encontrase no leito dos rios e das pedreiras.2. corantes que são: óxido de cobalto (azul). afinada e condidionada termicamente. fundentes e estabilizantes. visaram a ter maior vigilância sobre os trabalhadores. 2. Os vitrificantes são usados para dar maior característica à massa da madeira e são compostos de anidrido sílico.

5. conseqüentemente. que utiliza um feixe de raio laser para identificar eventuais falhas no produto. Produção de garrafas. ele será automaticamente refugado e reciclado. náutica e para fins especiais como prova de bala para edifícios e viaturas.ª Etapa (Recozimento): A folha de vidro entra no recozimento (resfriamento controlado). divisões. vidros para a industria automóvel. telescópio. preparada para o corte. através da acção do top roller e da velocidade da linha. Devido à diferanças de densidade entre os materiais. 4 . aramados e coloridos fabricados em vidro comum Produção de mantas. o vidro flutua sobre o estanho. laminados. Essa é a condição para que a qualidade óptica superior do vidro float seja atingida. sinais luminosos (semáforos). o conhecimento humano desconhecidas e a revolução científica talvez não tivesse acontecido. onde será resfriada controladamente até aproximadamente 120ºC e. copos. Produção de vidros planos lisos. em um processo contínuo chamado "Float Bath"( Banho Float). outros instrumentos fundamentais à civilização não existiriam e o progresso das técnicas teria ocorrido de forma mais lenta. frascos Produção de janelas. frascos e outros vasilhames fabricados em vidro comum nas cores branca. gases não teriam sido estudados e máquinas a vapor. não existiria instrumentos como barômetros e termômetros. automotivos. fios e outros produtos para aplicações de reforço ou de isolamento. Tipos de vidro e suas aplicações Vidro oco Vidro plano Vidros finos Vidro curvos Vidros domésticos Vidro para embalagens Vidro plano Fibras de vidro Vidros técnicos Produção de garrafas.6. As chapas de vidro são empilhadas automaticamente e pacotes prontos para serem expedidos e armazenados. a folha de vidro é inspecionada por um equipamento chamado "scanner". empilhamento e armazenagem): O recorte é realizado em processo automático e em dimensões pré-programadas. 3.ª Etapa (Recorte. então. 1. Quanto maior a velocidade da linha. tecidos.A massa é derramada em uma piscina de estanho líquido.ª Etapa (Inspeção/Controle de qualidade): Antes de ser recortada. tubos de TV. potes. pratos. vidros impressos. Caso haja algum defeito decorrente da produção do vidro. Produção de lâmpadas. aparelhos eletrônicos. ocorrendo um paralelismo entre as duas superfícies. • Usado na produção de recipientes para substâncias químicas e recipientes refractários. Produção de lâmpadas incandescentes ou fluorescentes. lâmpadas. temperados. tubos de televisões. 4. vidros cristais. usado sobretudo na Industria automobilística e de construção civil Produção de tigelas. televisêões. 1. menor a espessura resultante. 5. âmbar e verde. Importancias gerais do vidro As importancias do vidro são: • Sem o vidro. lentes ópticas. eletricidade e não existiriam lâmpadas e não existeria o microscópio. travessas. aeronáutica. portas. Utilizado por laboratórios e pela industria elétrica/eletrônica. panelas e produtos domésticos fabricados em diversos tipos de vidro. A partir desse ponto é determinada a espessura do vidro.

as indústrias utilizam gás natural. a poluição atmosférica não é um problema. É utilizado em pára-brisas de automóveis. Principais características • • • • • • • • • Reciclabilidade.1. e também não é nocivo diretamente ao meio ambiente. O vidro e o meio ambiente Ainda não se pode determinar o tempo que o vidro fica exposto no meio ambiente sem se degradar. prateleiras.Vidro laminado Vidros comuns decorados ou beneficiados vidros para laboratório. O vidro é um material que não se pode determinar o tempo de permanência no meio ambiente sem se degradar. Historia do cimento Ano 1786 1818 1824 1855 Descoberta Calcinação de calcários argilosos e moles. 2. visto que a maioria dos fornos funcionam com energia elétrica. Transparência (permeável à luz). vidros oftálmicos e isoladores elétricos. Durabilidade. 2. para garrafas térmicas. Queima de pedras de argila e calcário.8.2. Durante sua produção. por isso é um dos materiais mais recicláveis que existe no consumo humano. J. Cimento 2. clarabóias e vitrines. transformando-as num pó fino em homenagem à ilha britânica de Portland. Mistura de compostos de argila e calcário. aparadores. que provoca menor impacto no meio ambiente. Louis Lambot Cimento ou concreto armado (Paris). Dureza. Definição de cimento O cimento (derivada do latim cæmentu) é um material cerâmico quando em contato com a água. Não absorvência (impermeável à fluidos). Impermeável. Baixa condutividade térmica. Óptimo isolante elétrico. Descobertor John Smeaton Vicat Joseph Aspdin Cimento Portland: 5 .7. para ampolas. utilizados na fabricação de tampos de mesas. ganhando assim resistência mecânica. produz reação exotérmica de cristalização de produtos hidratados. bases e porta-retratos 1. Para minimizar as emissões gasosas dos fornos a gás. Recursos abundantes na natureza. 1.

elas são retomadas dos locais de armazenagem e transportadas para moinhos onde se produz o chamado "cru“ (mistura finamente moída). O material. O primeiro passo na produção de cimento é extrair as matérias-primas.4. O clinquer pode ser definido como cimento numa fase básica de fabrico. sendo necessário reduzir o seu tamanho a uma granulometria adequada. Composição O calcario.Cimento hidráulico produzido pela moagem de clínqueres constituídos essencialmente por silicatos de cálcio hidráulicos e uma pequena quantidade de uma ou mais formas de sulfato de cálcio. apresenta-se em blocos. As matérias-primas selecionadas são depois dosificadas. a argila. Fabricação do cimento Pode ser fabricada: Via Húmida A matéria prima é moída e homogeneizada dentro da água. após extração. • Britagem. Definida a proporção das matérias-primas. 2. 2. das pedreiras. A exploração de pedreiras é feita normalmente a céu aberto e a extração da pedra pode ser mecânico ou com explosivos. calcário e argila. • Moagem do “cru”. tendo em consideração a qualidade do produto a obter (clínquer). As etapas de fabricação do cimento são: • Extração da matéria-prima. Essa dosagem é efetuada com base em parâmetros químicos pré-estabelecidos.3. • Pré-homogeneização e Dosagem. Via Seca A homogeneização se realiza a seco. Essa armazenagem pode ser combinada com uma função de pré-homogeneização que consiste em colocar por camadas o calcário e a argila. o gesso e outros óxidos são componentes do cimento. a partir do qual se fabrica o cimento Portland. 6 . O material britado é transportado para a fábrica e armazenado em silos verticais ou armazéns horizontais.

Constituição do clinquer O clinquer de cimento Portland é constituído por: • Óxido de cálcio (CaO) . Após a moagem. cinzas de pirite (Fe2O3) e bauxite (Al2O3). A remessa do cimento ao mercado pode ser feita de duas maneiras: a granel ou em sacos. onde é iniciado a fase de pré-aquecimento. • Embalagem e Expedição. essenciais na fabricação do cimento. A mistura de “cru”. cisternas para transporte ferroviário ou para navios de transporte de cimento. Gesso e Aditivos (cinzas volantes. de forma a obter as quantidades pretendidas dos compostos que constituem o "cru": óxidos de cálcio.4. resultando no clinquer.Na forma de granel é transferido diretamente do silo de armazenagem para caminhões-cisterna.1. devidamente dosada e com a finura adequada. • Moagem e adições. 2. sílicio.20 a 25% • Alumina (Al2O3) .1. alumínio e ferro.2 a 9% • Óxido de ferro III (Fe2O3) . 2. a farinha desloca-se lentamente até ao fim deste passando por um processo de clinquerização (1300~1500ºC). A homogeneização é executada em silos verticais de grande porte. • Resfriamento. melhorando assim o rendimento térmico do processo.Simultaneamente à moagem ocorre um processo de adição de outros materiais: areia (SiO2).1 a 6% • Óxido de magnésio (MgO) . O calor transportado pelo clínquer é transferido para o ar que é recuperado.5. escórias de alto forno. • Produção do clínquer (forno rotativo a 1400ºC + arrefecimento rápido). este será aquecido ao passar pela torre de ciclones. • Moagem do clínquer e mistura com gesso. Uma vez cozido. margas e brita de rochas).0 a 2% 2. O cimento resulta da moagem do Clínquer.4. Ao entrar no forno. o cimento é embalado (através de máquinas ensacadeiras) e depositados em paletes. deve ter a sua homogeneização assegurada para permitir uma perfeita combinação dos elementos formadores do Clínquer. Processo de fabricação do cimento Portland A fabricação do cimento Portland basea-se em três etapas fundamentais: • Mistura e moagem da matéria-prima (calcários. Na torre dá-se a descarbonatação e inicia-se a pré-calcinação do material. filler calcário) que irão dar as características ao cimento. • Cozedura. Aplicações do cimento 7 .Na forma de saco. produto com aspecto de bolotas escuras. produto apto para entrar no forno. • Homogeneização.1. o "cru" dá lugar à farinha. Com as transformações físico-químicas ocorridas na torre de ciclones devido às variações térmicas. através de processos pneumáticos e por gravidade. Antes do “cru” entrar no forno. o cimento produzido é normalmente transportado por via pneumática ou mecânica e armazenado em silos ou armazéns horizontais.60 a 70% • Sílica (SiO2) . • Pré-aquecimento. o clínquer sai do forno e segue para o arrefecedor onde sofre uma diminuição brusca de temperatura que lhe confere características importantes do cimento.

C. 2. influenciando desta forma a resistência do material resultante. tubos de concreto ou telhados.500 a. outras peças de cerâmicas foram encontradas no Japão no período japonês Jomon (de 10 500 a 400 a.6 tonelada de CO2 no ar.É usado como aglomerante. • Nos lugares como na China e no Egito. causando. destruição da camada do ozono. Definição de cerâmica Cerâmica (do grego κέραμος — "matéria-prima queimada" ) é um material artificial mais antigo produzido pelo homem e é uma actividade ou a arte de produção de artefatos cerâmicos a partir de argilas. 3. são lançadas 0. • Peças também foram encontradas no Brasil na região da floresta Amazônica de 10 500 a 400 a.1. É o principal material de construção civil usado na construção de túneis. Historia do cerâmica • As peças de cerâmicas mais antigas foram encontradas na Tchecoslováquia datadas de 24. casas. o aumento de efeito de estufa.2. represas. O cimento portland pode ser empregado tanto em peças de mobiliário urbano como em grandes barragens. em pontes. na produção de cada tonelada de cimento.) . o aumento do aquecimento global. Caracteristicas do cimento • • água. Cimento e o meio ambiente Durante a produção do cimento é libertado cerca de 7% das emissões de CO2 no planeta. Não é bom condutor electrico. Tendo destaque especial o túmulo do imperador Qin Shihuang e seus soldados de terracota.C. 3. ou seja. Tem propriedades aglomerantes. servindo como indicador econômico. a cerâmica tem cerca de 5000 anos.C. É um dos principais produto de consumo mundial. Não é Reciclabilidade mas dois tipos de concretos podem ser reciclados. o derretimento dos gelos. • • • • É um pó fino. 2. torna-se uma pedra artificial. É duro após de secar. que endurece sob a acção de Na forma de concreto. aglutinantes ou ligantes.7. 8 . pontes. Pode até ser matéria-prima para a arte. viadutos. Neste mesmo processo é desperdiciado grandes quantidades de água potável que é destinado para o consumo pessoal. assim.6. Cerâmica 3. em estradas ou edificações. edificios. Aglomerante é um material que tem a finalidade a aglutinação de outros materiais (agregados).

Há dois estágios de cozimento. conduziu a 9 . houve um grande aumento da produção de revestimento cerâmico. Além destes três principais componentes tem o caulim. Preparação das matérias-primas. a arte de vidrar é datada em cerca de 3000 anos a. onde mistura do pó.  bicozeduras . A forma dos grãos ea humidade da massa afecta a uniformidade da pressionado.. 3.• No Egito. secagem. Colares de faianças vidradas apareceram entre as relíquias do 3o. com uma distribuição de tamanho de partícula e forma dos grãos adequados. e escolha. 3.C. vidros de queima. junto as estatuetas e amuletos. No primeiro caso. • A esmaltação industrial teve início por volta de 1830.). Fabricação de cerâmica 3.neste caso. Finalmente. secagem.é o sistema adoptado para a sanitária e tem um teor de água de 40% Tem lugar após a formação do processo de secagem e subsequentemente para cozinhar. O tamanho de partícula fina permite uma velocidade correcta de secagem e reactividade adequada durante o cozimento. E as cerâmicas podem apresentar aditivos para o incremento de seu processamento ou de suas propriedades finais. a indústria cerâmica se desenvolveu com grande rapidez. alumina e carbonetos. talco. Os sistemas de enformação são:  Pressionando .é usado principalmente para tijolos e carrega uma água 20%  casting .4. • Outras manifestações importantes na história da cerâmica foram os Babilônicos e os assírios (século VI a. Este produto químico -mecânico processo é feito em fornos a altas temperaturas . a mistura deve ter um conteúdo de água adequado para o sistema de formação que é escolhido. dos quais metade é vidrado. • Após a segunda Guerra Mundial. por consequência do desenvolvimento de novas técnicas de produção.4. na Europa Central. a sílica (areia). milênio. Em particular. Com o passar dos anos.3. Os materiais cerâmicos podem ser obtidos a partir de pós por meio de um processo chamado desinterização .afecta principalmente a indústria de revestimentos e envolve um 5-6% de água.  Extrusão .a matéria-prima é geralmente preparado com o processo de processo por via húmida e secagem é de pulverização. Dois terços da produção industrial italiana hoje são ocupados por Grés de porcelana. a preparação da matéria-prima é quase sempre segue um processo seco. Seguido por cozimento do esmalte . a sinterização do suporte. dando origem a materiais cerâmicos. O ciclo de produção industrial consiste nas seguintes fases: preparação de matérias-primas.1. a argila. cozedura O propósito da preparação de matérias-primas é a obtenção de uma mistura de composição homogénea. filitos.C. A produção industrial de cerâmica Os dois processos fundamentais são:  monocozedura . Composição Os componentes da cerâmica são o feldspato (particularmente os potássicos). o feldspato.

pensamentos. como os atuais condutores cerâmicos de energia. fixando os esmaltes das superfícies. para abaixar o ponto de cozimento e economizando dinheiro. Após submetida a uma secagem lenta à sombra para retirar a maior parte da água. juntamente com areia de quartzo e aos produtos de decomposição da argila. os principais são: • Cerâmica Tradicional inclui cerâmica de revestimentos. que confere uma maior resistência mecânica a artefatos e elimina a água residual que permanece após a secagem. • Na medicina: as cerâmicas empregadas no corpo humano podem ser divididas nas três classificações de biomateriais: inerte.5. formam um eutética . incluindo bijouterias e acessórios para adornos. 3. contando-nos os hábitos e as crenças dessa sociedade. e o imaginário do ser humano. que são excelentes fontes históricas. • Utilizada na fabricação de telhas. 10 . Importância da cerâmica A cerâmica tem muitas utilidades algumas delas são estas: • Sua importância deve-se as cenas pintadas nos mesmos. decorada e colorida o material cerâmico.2. E depois é moldada. vasos. como ladrilhos. tijolos e outros objetos. gosto estético. usa a vitrine sem chumbo e de recozimento a 1500 ° C. de equipamentos médicos e de alta tecnologia. azulejos e também potes. azulejos e louças sanitárias. O esmalte pode ser transparente ou colorido polonês o resultado final é a impermeabilização e isolamento térmico. • usado na indústria aeroespacial. que circunda as partes de fusão rimaneti. ou seja. Cerâmica.6. Tipos de cerâmica A cerâmica classifica-se em dois grupos principais e secudarios. que torna-se muito plástica e fácil de moldar quando humedecida. a cerâmica como a expressão da poética dos sujeitos. óxidos de chumbo são adicionados aos esmaltes. Os três principais tipos de resposta de tecidos. tijolos. Produção artesanal A cerâmica é fabricada apartir de argilas.4. Após secagem os produtos moldados normalmente sofrem o processo de cozedura. a industrialização ganhou força e a indústria cerâmica passou a atender um exigente mercado de construção civil. Esmaltação e recozimento A vidraça pode ser entre o cozimento primeira e segunda. 3. 3. • A produção cerâmica deu importância fundamental à estética. • Com o avanço da ciência e da técnica.altas temperaturas. a peça moldada é submetida no forno a altas temperaturas que lhe atribuem rigidez e resistência mediante a fusão de certos componentes da massa. A porcelana. biodegradável e bioactivo. O objetivo é duplo: primeira aparição. • Utilizada na criação de objetos decorativos e utilitários. outra prática. • Permite a expressão de subjetividades. ou apenas antes da cozedura.

3. o desgaste acelerado dos solos de onde é retirado o barro. além do desmatamento e da poluição do ar. Olaria é um tipo de vidrado feito a partir de minerais e óxidos donde uma vez levados à Vidrada cozedura após a sua aplicação nas peças dá-lhe uma aparência de vidro. 11 . ao desgaste . pintada. Principais características • • • • • • • • • • Bom isolante electrico e termico Plasticidade. é do tipo vidrado. Magnetismo. Branca apresentando cor branca. Resistentes à corrosão. ou de engenharia são materiais com solicitações maiores e obtidos a partir de matéria prima mais pura. Grês cerâmica vidrada. vermelha Terracota argila cozida no forno. Cerâmica São produtos cerâmicos obtidos através de argilas quase isentas de óxido de ferro. matéria prima para a produção dos materiais cermicos. Olaria é um tipo de cerâmica utilizada para uso doméstico. A cerâmica e o meio ambiente Constatam-se. embora. vários problemas socio ambientais gerados em decorrência da indústria ceramista gerados no decorrer do seu processo produtivo como. sem ser vidrada. produzida de uma pasta composta por caolino e um tipo de argila mais puras que é encontram na natureza Cerâmica é uma das mais conhecidas manifestações artísticas dessa civilização. às vezes pintada. Cerâmica de é uma mistura de argila e outras matérias-primas inorgânicas. decorrentes da queima de lenha para geração de energia. argila e areia Faiança É um tipo de cerâmica produzida altas temperaturas. às vezes. o tacho para cozer os alimentos. A ligação atômica em cerâmicas é do tipo mista: covalente + iônica. feita de pasta de quartzo. grega 3. Cerâmica Todos os materiais com coloração avermelhada utilizados na construção civil. feldspato.8. a sua pasta é porosa e envernizada ou revestida de esmalte sobre o qual pintam-se motivos decorativo Porcelana É do tipo de porcelana translúcida. Apresentam alto ponto de fusão.• Cerâmica "Avançada" criatura. sendo os objectos: o recipiente de transporte e depósito de água. Maior dureza e rigidez quando comparadas aos aços. A densidade é menor. ferramentas de corte para usinagem. tijolos refratários para fornos. rósea ou creme claro quando queimadas a altas temperaturas. Resistência térmica. queimadas em altas revestimento temperaturas.7. sendo exemplo mais conhecido é o azulejo. Plasticidade. são abstrados motivo.

• Os componentes do cimento são: o calcario. o cimento e cerâmica têm evoluido desde da pré-historia até hoje. talco. • Os componentes da cerâmica são: feldspato. filitos. 12 .Conclusão Após de fazermos este trabalho concluimos que: • O vidro. o cimento e cerâmica têm muitas e importantes utilidades na vida do Homem. carbonato de Sodio (Na2CO3). a sílica e outros óxidos. o gesso. a argila. alumina e carbonetos. • O vidro. a sílica (areia). o caulim. • E que cada um deles tem impactos no meio ambiente. • O vidro. a argila. alumina (Al2O3) e os corantes e descorantes. • Os componentes do vidro são: areia branca (SiO2). calcário (CaCO3). o cimento e cerâmica têm o seu processo de produção e a sua historia.

ipleiria.com/historia/a-importancia-do-vidro/ http://www.yahoo.wikipedia.Saber Química pt.org/wiki/Cimento pt.vidracariaizaglass.br/materiais-basicos/alvenaria/cimento-suas-caracteristicas Conhecimento pessoal: Mayur Sobre a cerâmica http://www.wikipedia.com.ppt http://matmec.arq.wikipedia.br/ovidro_processo.htm#INDUSTRIAL http://periodicos.ipleiria.html http://pt.br/lixo_recicle/vidro_sua_historia.com.ppt http://www.wikipedia.org/wiki/Ceramica http://pt.10.com.com.org/wiki/Cer%C3%A2mica_vermelha http://br.wikipedia.org/wiki/Cimento_Portland http://www.br/o-vidro-e-o-meio-ambiente.achetudoeregiao.pt/files/357442_P1Hist%20da%20Ce_467b99fb9ca48.obraweb.org/wiki/Vidro http://www.ppt#265.estg.saomateusvidros.ufsc.Novas Aplicações Cerâmicas http://pt.ceramistas-es.wikipedia.htm http://noticias.com/question/index?qid=20070211092036AAIP8K6 http://pt.wikipedia.org/wiki/Ceramica http://www.com.htm http://www.vidrado.uern.slideshare.cebrace.org/wiki/Cer%C3%A2mica_de_revestimento http://www.answers.pt/files/357442_P1Hist%20da%20Ce_467b99fb9ca48.wordpress.org/wiki/Cer%C3%A2mica_grega http://it.br/arq5661/Revestimentos2/virginia/ceramica.html Sobre o cimento: pt.br/v2 http://www.files.br/index.htm http://www.br/vidro.estg.org/wiki/Ceramica http://pt.com/2008/08/cap13.com.Bibliografia Sobre o vidro: Livro de Química.wikipedia.vidrosvillage.php/geotemas/article/view/122/113 13 .com.wikipedia.net/OMonitor/processo-de-produo-do-cimento http://www.br/ceramica/aplica.

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->