Você está na página 1de 4
PASSO A PASSO DO RSU PASSO A PASSO DO RSU (RESÍDUO SÓLIDO URBANO) (RESÍDUO SÓLIDO

PASSO A PASSO DO RSU

PASSO A PASSO DO RSU

(RESÍDUO SÓLIDO URBANO)

(RESÍDUO SÓLIDO URBANO)

1 COLETA REGULAR • O lixo é coletado nas residências. • O serviço é dever
1 COLETA REGULAR
• O lixo é coletado
nas residências.
• O serviço é dever do
município.

• Em alguns

municípios é feita também a coleta seletiva para

reciclagem. Saiba mais no cap. 6

TRANSPORTE 2 • O lixo é levado para USINA DE TRANSBORDO uma usina de transbordo
TRANSPORTE
2
• O lixo é levado para
USINA DE
TRANSBORDO
uma usina de
transbordo ou direto para
um aterro sanitário.
Em alguns
casos, o lixo é
• Na usina de
transbordo, o lixo é
transferido dos
caminhões de coleta
para carretas, e depois
levado para o aterro
levado para
lixões a céu
aberto sem
tratamento
Aterro irregular
É CRIME
3
ATERRO SANITÁRIO
• Depois que o lixo é
• Cada carreta tem capacidade
de transportar em média a carga
de três caminhões coletores
descarregado, um
trator espalha e alinha o
conteúdo em camadas de
cinco metros de altura.
• Cada camada é separada
por meio metro de terra.
• No aterro, tubos são
colocados para que os gases
emanados pelo lixo sejam
liberados. Depois é plantada
grama sobre a camada
PASSO A PASSO DO RSS PASSO A PASSO DO RSS (RESÍDUO SÓLIDO DE SAÚDE) (RESÍDUO

PASSO A PASSO DO RSS

PASSO A PASSO DO RSS

PASSO A PASSO DO RSS PASSO A PASSO DO RSS (RESÍDUO SÓLIDO DE SAÚDE) (RESÍDUO SÓLIDO

(RESÍDUO SÓLIDO DE SAÚDE)

(RESÍDUO SÓLIDO DE SAÚDE)

1 O QUE É • O RSS é um resíduo de periculosidade infectante, recolhido de
1 O QUE É
• O RSS é um resíduo
de periculosidade
infectante, recolhido de
prestadores de serviços de
saúde humana ou
veterinária, como hospitais,
clínicas, farmácias e postos
de saúde
como hospitais, clínicas, farmácias e postos de saúde Pode ser classificado em 4 grupos: • Grupo

Pode ser classificado em 4 grupos:

• Grupo A – Infectante esparadrapos, luvas, resíduos de • Grupo C – Radioativo resíduos
• Grupo A –
Infectante
esparadrapos, luvas,
resíduos de
• Grupo C –
Radioativo
resíduos de medicina
nuclear, cápsulas de
raio-X
• Grupo D –
Comum
alimentos, papéis,
jornais etc.
ambulatório
• Grupo B –
Químico
medicamentos
vencidos ou
contaminados,
reagentes de
laboratório
• Grupo E –
Perfurocortantes
lâminas de barbear,
agulhas, lâminas de
bisturi etc.
Para a CNEN
(Comissão Nacional
de Energia Nuclear)
Tratado como RSU
(Resíduos Sólidos
Urbanos, ver cap. 3)
2
O QUE É FEITO COM OS
RESÍDUOS DOS GRUPOS
A, B E E • São levados para uma estação de tratamento antes de ir
A, B E E
• São levados para uma estação de
tratamento antes de ir para o aterro
Autoclave
é
A
Ondas
• Aterro não licenciado É CRIME 3 DESTINO FINAL • Os resíduos dos grupos A,
Aterro não licenciado
É CRIME
3 DESTINO FINAL
• Os resíduos dos grupos A, B e E
são levados a um aterro classe 2
eletro-
eletro-
grupos A, B e E são levados a um aterro classe 2 eletro- Microondas O Resíduo

Microondas

O Resíduo do Grupo B

incinerado (o resíduo tipo

também pode ser incinerado)

A periculosidade do RSS é

reduzida ao mínimo possível

magnéticas

do RSS é reduzida ao mínimo possível magnéticas • O Resíduo do Grupo A passa por:

O Resíduo do

Grupo A passa por:

• Autoclave ou

• Microondas ou

• Ondas

Esses tratamentos de esterilização destroem os microorganismos por meio do calor, restando uma massa esterilizada

PASSO A PASSO DO RSI PASSO A PASSO DO RSI (RESÍDUO SÓLIDO INDUSTRIAL) (RESÍDUO SÓLIDO
PASSO A PASSO DO RSI PASSO A PASSO DO RSI (RESÍDUO SÓLIDO INDUSTRIAL) (RESÍDUO SÓLIDO
PASSO A PASSO DO RSI PASSO A PASSO DO RSI (RESÍDUO SÓLIDO INDUSTRIAL) (RESÍDUO SÓLIDO

PASSO A PASSO DO RSI

PASSO A PASSO DO RSI

(RESÍDUO SÓLIDO INDUSTRIAL)

(RESÍDUO SÓLIDO INDUSTRIAL)

1 O QUE É • A indústria produz dois tipos de resíduos: • RSI (Resíduos
1 O QUE É
• A indústria produz
dois tipos de resíduos:
RSI (Resíduos Sólidos
industriais)
• RSU (Resíduos Sólidos
Urbano)
O RSI tem origem durante o
processo de transformação,
podendo ter periculosidade
o processo de transformação, podendo ter periculosidade Pode ser classificado em 4 tipos: Apresenta perigo. Pode

Pode ser classificado em 4 tipos:

Apresenta perigo. Pode ser tóxico, inflamável, reativo ou corrosivo Não apresenta perigo e não é
Apresenta perigo. Pode
ser tóxico, inflamável,
reativo ou corrosivo
Não apresenta perigo
e não é inerte. Sem
cuidados, pode se
tornar perigoso
Transporte
2
especial
O DESTINO
CORRETO PARA
CADA CLASSE DE RSI
Aterro irregular
É CRIME
• Classe 1 é levado para uma
planta de tratamento classe 1
ou para um aterro classe 1
• Classe 2 A
é levado para o
aterro classe 2
Na planta de tratamento
ocorre a incineração. Dali,
os resíduos seguem para o
aterro classe 1 ou classe 2
os resíduos seguem para o aterro classe 1 ou classe 2 • Aterro classe 1: vala

• Aterro classe 1: vala forrada e protegida da chuva, com dutos que recolhem o chorume e os gases

• RSI Classe 2B • RSU Não apresenta perigo e é inerte LIxo comum jornais,
• RSI Classe 2B
• RSU
Não apresenta perigo
e é inerte
LIxo comum
jornais, etc.)
Tratado
• Classe 2B é
levado para
aterro de inertes

como RSU

(alimentos, papéis,
(alimentos, papéis,

RSI Classe 1

• RSI Classe 2A

• Aterro classe 2 • Aterro de inertes
• Aterro classe 2
• Aterro de inertes
PASSO A PASSO DA CSR PASSO A PASSO DA CSR (COLETA SELETIVA E RECICLAGEM) (COLETA

PASSO A PASSO DA CSR

PASSO A PASSO DA CSR

(COLETA SELETIVA E RECICLAGEM)

(COLETA SELETIVA E RECICLAGEM)

SELETIVA E RECICLAGEM) (COLETA SELETIVA E RECICLAGEM) DOMICILIAR • Os moradores separam o lixo da residência,
SELETIVA E RECICLAGEM) (COLETA SELETIVA E RECICLAGEM) DOMICILIAR • Os moradores separam o lixo da residência,
SELETIVA E RECICLAGEM) (COLETA SELETIVA E RECICLAGEM) DOMICILIAR • Os moradores separam o lixo da residência,

DOMICILIAR

• Os moradores separam o lixo da residência, e veículos de coleta passam em datas e horários específicos, diferentes dos da coleta normal.

e horários específicos, diferentes dos da coleta normal. 1 COLETA REGULAR • O lixo é coletado
e horários específicos, diferentes dos da coleta normal. 1 COLETA REGULAR • O lixo é coletado
1 COLETA REGULAR • O lixo é coletado nas residências. • O serviço é dever
1 COLETA REGULAR
• O lixo é coletado
nas residências.
• O serviço é dever do
município.
Plástico
Papel
Metal
Vidro
é dever do município. Plástico Papel Metal Vidro Lixo LIXO RECICLÁVEL Orgânico al al al POSTOS
é dever do município. Plástico Papel Metal Vidro Lixo LIXO RECICLÁVEL Orgânico al al al POSTOS
Lixo LIXO RECICLÁVEL Orgânico al al al POSTOS DE TROCA • O lixo reciclável é
Lixo
LIXO RECICLÁVEL
Orgânico
al
al
al
POSTOS DE
TROCA
• O lixo reciclável é
trocado por itens
como alimento ou vale
transporte.
PEV (POSTOS DE
ENTREGA
VOLUNTÁRIA)
LEV (LOCAIS DE
ENTREGA VOLUNTÁRIA)
• A população leva o lixo até pontos fixos de coleta, onde há
recipientes específicos para cada tipo de material.
• Catadores de rua,
autônomos ou em
cooperativas, fazem a
seleção, num sistema mais
informal.

• Nem sempre é necessário separar o material seguindo essas cores ou esse agrupamento. Pode-se também acondicionar todo material reciclável em um único recipiente. O importante é que esteja limpo e separado do lixo orgânico.

DESTINO • O material coletado é transportado para um local de triagem onde é feita a separação por tipo, composição, qualidade e cores. Nem tudo é considerado com qualidade para reciclagem ou com possibilidade de ser vendido

• O que é rejeitado vai para aterros sanitários.