Plano  Brasil  Maior   2011/2014  

Inovar  para  compe7r.  Compe7r  para  crescer.  

Geração  Distribuída  

Foco  e  Prioridades   Foco     Inovação  Tecnológica  e  Adensamento  Produ2vo   Prioridades     Criar  e  fortalecer  competências  crí2cas  da  economia  nacional     Aumentar  o  adensamento  produ2vo  e  tecnológico  das  
cadeias  de  valor    

  Ampliar  mercados  interno  e  externo  das  empresas  brasileiras       Garan2r  um  crescimento  socialmente  inclusivo  e  
ambientalmente  sustentável    

Dimensões  do  Plano  Brasil  Maior  -­‐  Quadro  Síntese    
Dimensão Estruturante: diretrizes setoriais
Fortalecimento  de  Cadeias   Produ7vas   Novas  Competências   Tecnológicas  e  de  Negócios   Cadeias  de  Suprimento  em   Energias   Diversificação  das   Exportações  e   Internacionalização   Competências  na  Economia   do  Conhecimento  Natural  

Dimensão Sistêmica: temas transversais
Comércio  Exterior   Inves7mento   Inovação   Formação  e  Qualificação   Profissional   Produção  Sustentável   Compe77vidade  de   Pequenos  Negócios   Ações  Especiais  em   Desenvolvimento  Regional  

Organização Setorial
Sistemas  da   Mecânica,   Eletroeletrônica     e  Saúde   Sistemas   Intensivos  em   Escala   Sistemas   Intensivos  em   Trabalho  

Bem-­‐estar  do  consumidor  

Sistemas  do   Agronegócio  

Comércio,   Logís7ca  e   Serviços   Pessoais  

Agenda Estratégica – Energias Renováveis
Obje7vo    Adequar o modelo do sistema elétrico à política industrial Medidas    Alterar a fórmula do Índice de Custo Benefício para ampliar fontes renováveis na matriz energética, em consonância com a política industrial e o planejamento energético

Obje7vo - Ampliar  o  uso  da  mini  e  microgeração  distribuída  
  Dar publicidade à resolução normativa ANEEL 482/2012   Dar publicidade aos produtos/instrumentos de crédito para aquisição e instalação de equipamento para uso em geração distribuída   Incorporar a energia distribuída no escopo do cartão BNDES   Incorporar a energia distribuída no escopo do Construcard   Financiar planos de negócios de empresas que prestem serviços de venda, aluguel ou leasing aos consumidores finais   Criar linhas de crédito do Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal para o financiamento de equipamentos e serviços em energia distribuída   Incluir no programa de etiquetagem equipamentos de geração eólica, biomassa e gás de resíduos de pequeno porte

Obje7vo    Ampliar participação da indústria nacional no fornecimento de componentes e na produção de equipamentos para geração de eletricidade Medidas    Criar mecanismo de certificação de conteúdo nacional  Definir critérios de conteúdo nacional a serem adotados no âmbito dos leilões de compra e venda de energia elétrica

Programas já existentes de apoio ao setor - PADIS
PADIS - Programa de Apoio ao Desenvolvimento Tecnológico da Indústria de Semicondutores e Displays.  Diversos benefícios para o setor:   Para a comercialização dos semicondutores e dos displays: •  Redução do PIS-PASEP, COFINS, IPI e IR para 0%   Para importação de máquinas, aparelhos, instrumentos equipamentos, softwares e insumos para fabricar semicondutores e displays: •  Redução do PIS-PASEP/COFINS, PIS-PASEP/COFINS-Importação e do IPI‫ ‏‬para 0%   Possibilidade de redução para 0% do Imposto de Importação (II).   Redução para 0% da Contribuição para Intervenção no Domínio Econômico (CIDE) destinada a financiar o Programa para o Fomento da Integração Universidade-Empresa para desenvolver a inovação.

Programas já existentes de apoio ao setor - PADIS Condições
1)

a empresa deve ser fabricante exclusiva dos produtos beneficiados pelo PADIS; 2) há contrapartida de investimento mínimo em P&D.

Programas já existentes de apoio ao setor – Lei de Informática
I) INCENTIVOS E BENEFÍCIOS
•Redução do IPI •Direito de preferência –comercialização para Administração Pública •Redução do ICMS –concedida pelos Estados •Suspensão do IPI na entrada

II) CONTRAPARTIDAS
•Investimentos em P&D •Produção com cumprimento do PPB •Implantação Sistema da Qualidade •Programa de participação dos trabalhadores nos lucros ou resultados da empresa

Proteção à indústria nacional
CAMEX - RESOLUÇÃO Nº 10 , DE 10 DE FEVEREIRO DE 2012. Artigos 20, 21 e 22, revogam os Ex-tarifários 8541.40.32 - Módulos fotovoltaicos Ex 002 - dimensões de 1.584 x 790 x 35mm,potência máxima de 175W, 72 células Ex 003 – dimensões de 1.586 x 1.056 x 35mm, potência máxima de 235W, 96 células Ex 004 – dimensões de 1.647 x 977 x 35mm, potência máxima de 235W, 60 células Ex 005 - dimensões de 1.209 x 548 x 35mm, potência máxima de 95W, 36 células Ex 006 - dimensões de 1.488 x 672 x 35mm, potência máxima de 140W, 36 células Ex 007 – dimensões de 1.500 x 990 x 46mm, potência máxima de 215W, 54 células Ex 008 – dimensões de 1.646 x 991 x 38mm, potência máxima de 240W, 60 células

Imposto de Importação: 02

12%

luciano.sousa@mdic.gov.br (61) 2027-7874

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful