Você está na página 1de 2

ÍNDIO GUARANÁ

Dizem os índios que, uma vez, há muito tempo atrás, vivia um casal que não conseguia
ter filhos.
Como eles queriam muito uma criancinha, rezaram para que Tupã, o deus supremo,
lhes fizesse a vontade. Tupã olhou nos corações do índio e da índia e viu que eles eram
bons e honestos. Assim, resolveu atender o desejo do casal e lhes deu de presente um
menino.
O indiozinho cresceu forte e bonito, trazendo muitas alegrias a seus pais e a toda a tribo.

Porém, o deus da escuridão, chamado Jurupari (você já reparou que há sempre um


malvado que vem estragar a alegria dos outros nas histórias de todos os povos?),
começou a ter inveja do menino, exatamente porque ele trazia felicidade e muita paz à
todos.

A inveja cresceu e cresceu, até que Jurupari resolveu acabar com aquilo de vez:
aproveitou um momento de distração da criança e, transformando-se em cobra, mordeu
o menino e matou-o com seu veneno.
-------------
Todos ficaram desesperados com a notícia da morte do indiozinho. Mas, de repente,
trovões estrondosos se ouviram nos céus. A mãe da criança morta percebeu que o
trovão era a voz de Tupã, dizendo: "Mulher! Planta na terra os olhos de teu filho tão
injustamente assassinado. Não posso fazer a criança voltar à vida, mas farei nascer dos
olhos dela uma fruta maravilhosa, que muitos prazeres trará ao teu povo!"

Assim a índia fez. Plantou os olhos do filho e, pouco depois, viu brotar da terra uma
planta que deu um fruto negro, com um aro ao redor, como se fossem... olhos!
Dessa forma, surgiu o guaraná, um fruto da Floresta Amazônica que é usado para dar
energia a quem o bebe.

Certamente você já tomou guaraná sob a forma de refrigerante. Mas existe também à
venda o pó para fazer refresco. Que tal experimentar um autêntico suco indígena esta
semana?
Retirado do site: http://www.mingaudigital.com.br/article.php3?id_article=743
XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX
1.1 Leitura da lenda

Entregue a lenda para as crianças e leia até a metade da história (fizemos uma marcação no texto para indicá-la). Em
seguida, solicite aos alunos que levantem hipóteses sobre o desfecho do enredo. Anote-as no quadro e, ao final da
leitura, peça que verifiquem se elas se confirmaram.

1.2 Releitura da lenda

Para essa intervenção, siga os seguintes procedimentos:

 Divida as crianças em grupos de seis.


 Distribua para cada membro do grupo uma folha de ofício com o título de uma parte da história. Um dos
membros deverá receber a folha com o título do texto.
 Peça aos alunos que ilustrem a parte da história que lhes coube.
 Em seguida, os grupos deverão ler o título de cada parte da história e observar as ilustrações para montar a
história na ordem correta, formando um livrinho.
 Os alunos poderão levar o livrinho para casa a fim de mostrá-lo aos familiares

Abaixo, sugerimos os títulos que cada membro do grupo deverá receber:

NOME DA HISTÓRIA Índio Guaraná

TÍTULO 1 Oração à Tupã

TÍTULO 2 O nascimento do indiozinho

TÍTULO 3 A maldade de Jurupari

TÍTULO 4 A ordem de Tupã

TÍTULO 5 O nascimento do Guaraná